Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 02 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 02 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas"

Transcrição

1 Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 02 Luiz Alberto Ferreira Gomes Ciência da Computação da PUC Minas

2 Refatorando a Aplicação Quote-O- 2 Matic Classe Quote 1 Baixa coesão 3 Está funcionando como um repositório. 2 Acoplada com a Classe Random desnecessaria mente. Qual é o problema com a modelagem acima?

3 Refatorando a Aplicação Quote-O- 3 Matic Classes Quote e Author 1 Aumentou um pouco a coesão 3 Está funcionando como um repositório. 2 Acoplada com a Classe Random desnecessaria mente. Qual é o problema com a modelagem acima?

4 Código da Classe Author 4 1. namespace QuoteOMatic.Dominio 2. { 3. public class Author 4. { 5. public string Name { get; private set; } 6. public Author(string name) 7. { 8. Name = name; 9. } 10. } 11. } Tornará a classe imutável!

5 A Classe Refatorada Quote 5 1. public class Quote 2. { 3. private static Random randomizer = new Random(); 4. private static List<Quote> FamousQuotes = new List<Quote> 5. { Linha alterada. 6. new Quote {Author = new Author("Guimarães Rosa ) 7., Contents = "Quando nada acontece, há um milagre que não estamos vendo."}, 8. new Quote {Author = new Author("Castro Alves ) Linha alterada. 9., Contents = "Bendito aquele que semeia livros e faz o povo pensar."} 10. }; 11. public string Contents { get; set; } 12. public Author Author { get; set; } 13. public static Quote ChooseRandomQuote() 14. { 15. int randomindex = randomizer.next(famousquotes.count()); 16. return FamousQuotes[randomIndex]; 17. } 18. }

6 A Classe Refatorada QuoteController 6 1. using System.Web.Mvc; 2. using QuoteOMatic.Dominio; 3. namespace QuoteOMatic.Controladores 4. { 5. public class QuoteController : Controller 6. { 7. public ActionResult Index() 8. { 9. var quote = Quote.ChooseRandomQuote(); 10. ViewData["Contents"] = quote.contents; 11. ViewData["Author"] quote.author.name; 12. return View(); 13. } 14. } 15. } Linha alterada.

7 O Código da Visão Quote/Index.aspx 7 Page Title="" Language="C#" MasterPageFile="~/Views/Shared/Site.Master" Inherits="System.Web.Mvc.ViewPage" %> <asp:content ID="Content1" ContentPlaceHolderID="TitleContent" runat="server"> Index </asp:content> <asp:content ID="Content2" ContentPlaceHolderID="MainContent" runat="server"> <h2>citação do Dia</h2> <h3><%=html.encode(viewdata["contents"])%></h3> <h4><%=html.encode(viewdata[ Author"])%></h4> </asp:content> Linha alterada.

8 Experimento 1 8 Codifique a classe Author. Ela deverá ser criada na camada QuoteOMatic.Dominio. Refatore a classe Quote para associá-la a classe a Classe Author. Altere o código da visão Quote/Index.aspx para apresentar o autor da citação. Isso implicará na alteração da classe QuoteController. Teste a aplicação. Ela deverá continuar funcionando.

9 A Camada de Serviços 9 Ponto de entrada para serviços da aplicação conhecida como Facade ou Fachada. Fornece para camada de visão classes View Models fortemente tipadas. View Models são classes fortemente tipadas que são otimazadas para visões específicas. Um View Model será criado por exemplo para a visão Quote/Index.aspx. Armazenará a citação e o nome do autor em maiúsculas.

10 10 Arquitetura da Quote-O-Matic

11 A Classe Refatorada Quote namespace QuoteOMatic.Dominio 2. { 3. public class Quote 4. { 5. public Quote(Author author, string contents) 6. { 7. Contents = contents; 8. Author = author; 9. } 10. public string Contents { get; private set; } 11. public Author Author { get; private set; } 12. } 13. }

12 A Classe QuoteService using System; 2. using System.Collections.Generic; 3. using System.Linq; 4. using QuoteOMatic.Dominio; 5. namespace QuoteOMatic.Servicos 6. { 7. public class QuoteService 8. { 9. private static readonly Random Randomizer = new Random(); 10. private static readonly List<Quote> FamousQuotes = new List<Quote> 11. { 12. new Quote(new Author("Guimarães Rosa") 13., "Quando nada acontece, há um milagre que não estamos vendo."), 14. new Quote(new Author("Castro Alves") 15., "Bendito aquele que semeia livros e faz o povo pensar.") 16. }; 17. public static Quote ChooseRandomQuote() 18. { 19. int randomindex = Randomizer.Next(FamousQuotes.Count()); 20. return FamousQuotes[randomIndex]; 21. } 22. } 23. }

13 A Classe Refatorada QuoteController using System.Web.Mvc; 2. using QuoteOMatic.Servicos; 3. namespace QuoteOMatic.Controladores 4. { 5. public class QuoteController : Controller 6. { 7. public ActionResult Index() 8. { 9. var quote = QuoteService.ChooseRandomQuote(); 10. ViewData["Contents"] = quote.contents; 11. ViewData["Author"] = quote.author.name; 12. return View(); 13. } 14. } 15. }

14 Experimento 2 14 Crie a camada QuoteOMatic.Servicos. Ela deverá fazer referência à QuoteOMatic.Dominio. Codifique a classe QuoteService. Ela deverá ser criada na camada QuoteOMatic.Servicos. Refatore a classe QuoteControler para associá-la à classe a Classe QuoteService. Teste a aplicação. Ela deverá continuar funcionando.

15 O Padrão View Model 15 View Model QuoteViewModel Contents AuthorName Domínio Quote Contents Author Name

16 A Classe QuoteViewModel using QuoteOMatic.Dominio; 2. namespace QuoteOMatic.Servicos.ViewModels 3. { 4. public class QuoteViewModel 5. { 6. public QuoteViewModel(Quote quote) 7. { 8. Contents = quote.contents; 9. AuthorName = quote.author.name.toupper(); 10. } 11. public string Contents { get; private set; } 12. public string AuthorName { get; private set; } 13. } 14. }

17 A Classe Refatorada QuoteService using QuoteOMatic.Dominio; 3. using QuoteOMatic.Servicos.ViewModels; 4. namespace QuoteOMatic.Servicos 5. { 6. public class QuoteService 7. { public QuoteViewModel ChooseRandomQuote() 10. { 11. int randomindex = Randomizer.Next(FamousQuotes.Count()); 12. return new QuoteViewModel(FamousQuotes[randomIndex]); 13. } 14. } 15. } referência ao namespace QuoteOMa<c.Servicos.ViewsModels. o retorno do método agora é um ViewModel e ele não mais está<co. o método deverá retornar um ViewModel

18 A Classe Refatorada QuoteController using System.Web.Mvc; 2. using QuoteOMatic.Servicos; 3. namespace QuoteOMatic.Controladores 4. { 5. public class QuoteController : Controller 6. { 7. private readonly QuoteService _quoteservice; 8. public QuoteController() { _quoteservice = new QuoteService(); } 9. public ActionResult Index() 10. { 11. var quote = _quoteservice.chooserandomquote(); 12. ViewData["Contents"] = quote.contents; 13. ViewData["Author"] = quote.authorname; 14. return View(); 15. } 16. } 17. }

19 Experimento 3 19 Crie a pasta ViewModels conforme as intruções em ( Clique Aqui). Codifique a classe QuoteViewModel. Ela deverá ser criada na camada QuoteOMatic.Servicos na pasta ViewModels. Refatore a classe QuoteServive para que o método ChooseRandomQuote retorne um QuoteViewModel. Refatore a classe QuoteController para que o método Index receba um QuoteViewModel. Remova a referência QuoteOMatic.Dominio da Camada QuoteOMatic.Controllers (Clique Aqui). Ela não é mais necessária. Teste a aplicação. Ela deverá continuar funcionando.

20 Experimento Clique o BDM na camada QuoteOMatic. Services. 2. Escolha Add Ü New Folder 3. Renomeie a nova pasta para ViewModels.

21 Experimento 3: Clique o BDM na Referencia QuoteOMatic. Dominio na camada QuoteOMatic. Controllers. 2. Escolha Remove.

22 A Arquitetura da Quote-O-Matic 22 Onde está a visão na arquitetura?

23 Tornando a Visão Quote/Index.aspx 23 Fortemente Tipada 1. Page Title="" Language="C# MasterPageFile="~/Views/Shared/ Site.Master" 2. Inherits="System.Web.Mvc.ViewPage<QuoteOMatic.Servicos.ViewModels. QuoteViewModel>" %> 3. <asp:content ID="Content1" ContentPlaceHolderID="TitleContent" runat="server"> 4. Index 5. </asp:content> 6. <asp:content ID="Content2" ContentPlaceHolderID="MainContent" runat="server"> 7. <h2>citação do Dia</h2> 8. <h3><%=html.encode(model.contents)%></h3> 9. <h3><%=html.encode(model.authorname)%></h3> 10. </asp:content>

24 A Classe Refatorada QuoteController using System.Web.Mvc; 2. using QuoteOMatic.Servicos; 3. namespace QuoteOMatic.Controladores 4. { 5. public class QuoteController : Controller 6. { 7. private readonly QuoteService _quoteservice; 8. public QuoteController(){_quoteService = new QuoteService();} 9. public ActionResult Index() 10. { 11. return View(_quoteService.ChooseRandomQuote()); 12. } 13. } 14. }

25 A Aplicação Quote-O-Matic 25 A aplicação mostrará aleatoriamente ao visitante uma citação famosa a cada vez que a página for visitada. O mantenedor poderá criar citações e associá-las a um determinado autor. O mantenedor poderá modificar o texto e as citações criadas previamente. O mantenedor poderá remover uma citação quando desejar. Cada citação poderá ser avaliada pelo visitante que dará uma nota de 0 a 5. O mantenedor poderá extrair um relatório de citações avaliadas.

26 Experimento 4 26 Refatore visão Quote/Index.aspx para torná-la fortemente tipada com QuoteViewModel. Refatore a classe QuoteController para que o método Index enevir um QuoteViewModel para a visão Quote/Index.aspx. Teste a aplicação. Ela deverá continuar funcionando.

27 A Aplicação Quote-O-Matic 27 Agora caso de uso a ser desenvolvido é o Criar Citação. Descrição Resumida: o mantenedor deverá o texto da citação e o nome do autor que a fez. O sistema deverá confirmar que a citação foi criada conforme ele pediu.

28 Protótipo do Caso de Uso Criar 28 Citação

29 Criando a Visão Quote/Criar.aspx Clique o BDM na pasta Views/Quote. 2. Escolha Add Ü View.

30 Criando a Visão Quote/Criar Em View Name, digite Criar. 2. Escolha a opção Create a stringly-typed view. 3. Em View data class, selecione a classe QuoteViewMode l. 4. Em ViewContent, selecione Create. 5. Clique em Add.

31 Código da Visão Quote/Criar.aspx 31 Page Title="" Language="C#" MasterPageFile="~/Views/Shared/Site.Master" Inherits="System.Web.Mvc.ViewPage<QuoteOMatic.Servicos.ViewModels.QuoteViewModel>" %> <asp:content ID="Content1" ContentPlaceHolderID="TitleContent" runat="server">criar</asp:content> <asp:content ID="Content2" ContentPlaceHolderID="MainContent" runat="server"> <h2>criar Citação</h2> <h3><%=html.encode(viewdata["message"])%></h3> <% using (Html.BeginForm("Criar", "Quote")) {%> <%= Html.ValidationSummary(true) %> <fieldset> <legend>fields</legend> <div class="editor- label"><%= Html.LabelFor(model => model.contents) %></div> <div class="editor- field"> <%= Html.TextBoxFor(model => model.contents) %> <%= Html.ValidationMessageFor(model => model.contents) %> </div> <div class="editor- label"><%= Html.LabelFor(model => model.authorname) %></div> <div class="editor- field"> <%= Html.TextBoxFor(model => model.authorname) %> <%= Html.ValidationMessageFor(model => model.authorname) %> </div> <p><input type="submit" value="criar" /></p> </fieldset> <% } %> <div><%= Html.ActionLink("Retornar", "Index") %></div> </asp:content>

32 A Classe Refatorada QuoteController namespace QuoteOMatic.Controladores { public class QuoteController : Controller {... [HttpGet] public ActionResult Criar() { return View(_quoteService.ReturnEmptyQuote()); } [HttpPost] public ActionResult Criar(FormCollection form) { ViewData["Message"] = "Citação Criada Com Sucesso."; _quoteservice.createquote(form["authorname"], form[ Contents"]); return View(_quoteService.ReturnEmptyQuote()); } } }

33 A Classe Refatorada QuoteService namespace QuoteOMatic.Servicos { public class QuoteService {... public QuoteViewModel ReturnEmptyQuote() { return new QuoteViewModel(new Quote(new Author(""), "")); } } } public void CreateQuote(string authorname, string contents) { FamousQuotes.Add(new Quote(new Author(authorName), contents)); }

34 Experimento 5 34 Crie a visão Quote/Criar.aspx fortemente tipada com QuoteViewModel. Refatore a classe QuoteController para suportar a visão Quote/Criar.aspx. Refatore a classe QuoteServices para suportar a visão Quote/Criar.aspx. C r i e u m a c i t a ç ã o d i g i t a n d o A nova citação deverá ser mostrada na visão Quote/ Index.aspx Teste a aplicação. Ela deverá continuar funcionando.

Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 03 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas

Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 03 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 03 Luiz Alberto Ferreira Gomes Ciência da Computação da PUC Minas 2 Camada responsável por armazenar em um repositório de dados e reconstituir objetos de

Leia mais

Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 01 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas

Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 01 Luiz Alberto Ferreira Gomes. Ciência da Computação da PUC Minas Construindo Aplicações com ASP.NET MVC 2.0 Aula 01 Luiz Alberto Ferreira Gomes Ciência da Computação da PUC Minas Microsoft Web Plataform 2 Código Dados IIS Express Hospedagem www.microsoft.com/web/downloads/platform.aspx

Leia mais

Programando com ASP.NET MVC. Aprenda a desenvolver aplicações web utilizando a arquitetura MVC. Alfredo Lotar. Novatec

Programando com ASP.NET MVC. Aprenda a desenvolver aplicações web utilizando a arquitetura MVC. Alfredo Lotar. Novatec Programando com ASP.NET MVC Aprenda a desenvolver aplicações web utilizando a arquitetura MVC Alfredo Lotar Novatec Copyright 2011 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela

Leia mais

Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC usando Code First

Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC usando Code First Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC usando Code First Visual Studio > File > New Project > (Visual C#, Web) ASP.NET MVC 4 Web Application Name: MvcApplication11 Project Template: View Engine: Internet

Leia mais

Bem vindos ao Curso de ASP.NET MVC 3 Razor e C#

Bem vindos ao Curso de ASP.NET MVC 3 Razor e C# Bem vindos ao Curso de ASP.NET MVC 3 Razor e C# Pré-requisitos: O curso de C# Csharp veja aqui e o curso de ASP.NET Básico veja aqui Valor R$129.00 compre aqui Veja o video do curso aqui Aprenda ASP.NET

Leia mais

Resumo Aplicação MVC Contoso University

Resumo Aplicação MVC Contoso University Resumo Aplicação MVC Contoso University Parte 1. New Project MVC4: ContosoUniversity Html.ActionLink(string linktext, string actionname, string controllername) Retorna MvcHtmlString, uma string com o código

Leia mais

Consulta de endereço através do Cep

Consulta de endereço através do Cep --------------------------------------------------------------------------------------------- Por: Giancarlo Fim giancarlo.fim@gmail.com Acesse: http://giancarlofim.wordpress.com/ ---------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Aula 06 Usando controles em ASP.NET

Aula 06 Usando controles em ASP.NET Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: Linguagem de Programação Plataforma.NET 2 Aula 06 Usando controles em ASP.NET Nas propriedades do FORM temos a opções EnableViewState. Esta

Leia mais

ASP.NET MVC. View Engine: linguagem usada para gerar código HTML. Duas opções: Razor View Engine ou ASPX View Engine. Selecionar Razor.

ASP.NET MVC. View Engine: linguagem usada para gerar código HTML. Duas opções: Razor View Engine ou ASPX View Engine. Selecionar Razor. ASP.NET MVC ASP.NET MVC é um framework para desenvolvimento de aplicações web que usa os padrões MVC (Model View Controller) e Convention over Configuration. O padrão MVC aplicado a aplicações web conduz

Leia mais

Login. Criar um novo website File > New > WebSite Framework 4.5 Visual C# ASP.NET Empty Web Site Nome do projeto: WebLogin

Login. Criar um novo website File > New > WebSite Framework 4.5 Visual C# ASP.NET Empty Web Site Nome do projeto: WebLogin Login Criar um novo website File > New > WebSite Framework 4.5 Visual C# ASP.NET Empty Web Site Nome do projeto: WebLogin Estrutura do projeto Criar pastas e deixar a estrutura do projeto conforme a figura.

Leia mais

Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC 4

Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC 4 Criação de uma aplicação Web ASP.NET MVC 4 usando Code First, com Roles (VS2012) Baseado no artigo de Scott Allen Roles in ASP.NET MVC4 : http://odetocode.com/blogs/scott/archive/2012/08/31/seeding membership

Leia mais

Prof. Jhonatan Fernando

Prof. Jhonatan Fernando Prof. Jhonatan Fernando Métodos Programação OO Instâncias de variáveis (objetos) Mensagens Classes Herança Polimorfismo Encapsulamento Abstração Programação Estruturada Procedimentos e funções Variáveis

Leia mais

Um Exemplo de Refatoração. Prof. Alberto Costa Neto DComp/UFS alberto@ufs.br

Um Exemplo de Refatoração. Prof. Alberto Costa Neto DComp/UFS alberto@ufs.br Um Exemplo de Refatoração Prof. Alberto Costa Neto DComp/UFS alberto@ufs.br Exemplo Programa para calcular e imprimir o valor devido por um cliente de uma vídeo locadora Filme códigopreço:int 1 * * 1 Locação

Leia mais

Connection String usada por uma Class Library

Connection String usada por uma Class Library Connection String usada por uma Class Library Vamos considerar uma Class Library com o modelo de dados e com acesso à base de dados através do Entity Framework. Aonde deve ser colocada a connection string

Leia mais

Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API

Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API http://www.asp.net/web-api/overview/advanced/calling-a-web-api-from-a-net-client Calling a Web API From a.net Client in ASP.NET Web API 2 (C#) 1. Criar

Leia mais

NetBeans. Conhecendo um pouco da IDE

NetBeans. Conhecendo um pouco da IDE NetBeans Conhecendo um pouco da IDE Professor: Edwar Saliba Júnior Sumário Apresentação:...1 Criando Um Novo Projeto de Software:...1 Depurando Um Código-fonte:...4 Entendendo o Código-fonte:...7 Dica

Leia mais

Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II

Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II Microsoft Visual Studio 2010 C# Volume II Apostila desenvolvida pelos Professores Ricardo Santos de Jesus e Rovilson de Freitas, para as Disciplinas de Desenvolvimento de Software I e II, nas Etecs de

Leia mais

AJAX no GASweb. Mas e afinal, para que usamos o AJAX?

AJAX no GASweb. Mas e afinal, para que usamos o AJAX? Nível - Avançado AJAX no GASweb Por: Pablo Hadler AJAX (Asynchronous Javascript and XML) foi criado com o princípio de ser uma maneira rápida e otimizada de podermos fazer requisições Web, sendo esta totalmente

Leia mais

Aplicações Web MVC. IFRN Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologias do Rio Grande do Norte.

Aplicações Web MVC. IFRN Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologias do Rio Grande do Norte. Aplicações Web MVC IFRN Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologias do Rio Grande do Norte. Aplicações Web ASP.NET MVC ASP.NET MVC fornece, por meio de design patterns, uma maneira poderosa e

Leia mais

Padrão Arquitetura em Camadas

Padrão Arquitetura em Camadas Padrão Arquitetura em Camadas Universidade Católica de Pernambuco Ciência da Computação Prof. Márcio Bueno poonoite@marciobueno.com Fonte: Material da Profª Karina Oliveira Definição Estimula a organização

Leia mais

Seguindo o modelo descrito nas Tabelas 1 e 2, crie os arquivos utilizando a versão doo Excel que você tiver disponível.

Seguindo o modelo descrito nas Tabelas 1 e 2, crie os arquivos utilizando a versão doo Excel que você tiver disponível. Atividade 4 2013 SSIS Atenção! A atividade 4 será apresentada para toda a turma. Cada aluno terá 10 minutos para apresentação. O dia da apresentação será posteriormente marcado. Montando o cenário Para

Leia mais

Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans.

Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans. 1 - Criando uma classe em Java Para desenvolver a atividade a atividade desta aula utilizaremos o ambiente de desenvolvimento integrado NetBeans. Antes de criarmos a(s) classe(s) é necessário criar o projeto

Leia mais

Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans

Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans Aula 3 Cap. 4 Trabalhando com Banco de Dados Prof.: Marcelo Ferreira Ortega Introdução O trabalho com banco de dados utilizando o NetBeans se desenvolveu ao longo

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE PARA INTERNET LABORATÓRIO 1 PROF. EMILIO PARMEGIANI

DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE PARA INTERNET LABORATÓRIO 1 PROF. EMILIO PARMEGIANI DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE PARA INTERNET LABORATÓRIO 1 PROF. EMILIO PARMEGIANI Exercício 1 Neste exercício trabalharemos com alguns web controls básicos e praticaremos os tipos de dados do C#. Vamos criar

Leia mais

Construindo uma ASP.Net MVC 4 Web Application usando Bootstrap no front-end

Construindo uma ASP.Net MVC 4 Web Application usando Bootstrap no front-end Construindo uma ASP.Net MVC 4 Web Application usando Bootstrap no front-end A partir de uma ASP.Net MVC 4 Web Application com o Project Template Basic, aprenda a incluir, "configurar" e "usar" alguns dos

Leia mais

Sobre o Professor Dr. Sylvio Barbon Junior

Sobre o Professor Dr. Sylvio Barbon Junior 5COP088 Laboratório de Programação Aula 1 Java Prof. Dr. Sylvio Barbon Junior Sylvio Barbon Jr barbon@uel.br 1 Sobre o Professor Dr. Sylvio Barbon Junior Formação: Ciência e Engenharia da Computação (2005

Leia mais

Guia do Usuário Windows

Guia do Usuário Windows Guia do Usuário Windows Manual Básico para contas Windows Acessando o Painel de Controle: URL: http://67.15.8.214 Entre com seu usuário e senha. Informações sobre sua conta: Verás no canto superior esquerdo

Leia mais

Profº. Enrique Pimentel Leite de Oliveira

Profº. Enrique Pimentel Leite de Oliveira Profº. Enrique Pimentel Leite de Oliveira O termo orientação a objetos significa organizar o mundo real como uma coleção de objetos que incorporam estrutura de dados e um conjunto de operações que manipulam

Leia mais

Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA

Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA META Curso: Desenvolvendo Jogos 2d Com C# E Microsoft XNA Conteudista: André Luiz Brazil Aula 5: INICIANDO O PROJETO DE UM JOGO NO VISUAL C# Criar e testar o código de um projeto de jogo produzido através

Leia mais

PRDS C#.Net Alexandre L. Silva

PRDS C#.Net Alexandre L. Silva PRDS 2011.1 C#.Net Alexandre L. Silva alexandre.silva@les.inf.puc-rio.br Programa 1. Introdução ao.net 2. Introdução ao ASP.Net 3. Introdução ao C#.Net 4. Primeiro programa 5. Métodos e Variáveis 6. Estruturas

Leia mais

ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO

ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO ESUS SAMU V. 1.3 - INSTRUÇÕES PARA INSTALAÇÃO O sistema Esus-SAMU, é o sistema que permite a regulação de solicitantes/pacientes, gravando históricos de procedimentos médicos tomados, veículos enviados

Leia mais

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 2 ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA EM C#

LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 2 ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA EM C# LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA CAPÍTULO 2 ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROGRAMA EM C# 2.1 Apresentação Já reconhecemos que um programa de computador nada mais é do que um conjunto de instruções escritas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ CURSO: Ciência da Computação DATA: / / 2013 PERÍODO: 4 o. PROFESSOR: Andrey DISCIPLINA: Técnicas Alternativas de Programação AULA: 05 APRESENTAÇÃO: Nesta aula vamos ver como se faz a criação de Métodos

Leia mais

ASP.NET MVC em Ação. Jeffrey Palermo Ben Scheirman Jimmy Bogard. Novatec. Prefácio de Phil Haack

ASP.NET MVC em Ação. Jeffrey Palermo Ben Scheirman Jimmy Bogard. Novatec. Prefácio de Phil Haack ASP.NET MVC em Ação Jeffrey Palermo Ben Scheirman Jimmy Bogard Prefácio de Phil Haack Novatec capítulo 1 Introdução ao ASP.NET MVC Framework Este capítulo aborda: Execução do projeto iniciador. Progressão

Leia mais

Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso. Prof. André Pereira, MSC, PMP

Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso. Prof. André Pereira, MSC, PMP Laboratório de ENGSOF Estudo de Caso Aula de Hoje: Desenvolver um sistema UML inteiro: Aplicação Banco Online. Nosso Estudo de Caso! RSA V7 O que será feito para o projeto? 1) Criando um Projeto UML: 1)

Leia mais

Frameworks - Grails. Aécio Costa

Frameworks - Grails. Aécio Costa Aécio Costa Abstração que une códigos comuns entre vários projetos de software provendo uma funcionalidade genérica. Framework é um conjunto de classes que colaboram para realizar uma responsabilidade

Leia mais

Faculdade Carlos Drummond de Andrade

Faculdade Carlos Drummond de Andrade Faculdade Carlos Drummond de Andrade Ciência da Computação Tópicos Avançados de Computação Trabalho entregue como Requisito parcial para avaliação Do 8 o Semestre do curso Ciência da Computação São Paulo,

Leia mais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Windows 2003 Server: Criando e Gerenciando Pastas Compartilhadas Fabricio Breve Fundamentos Ter um servidor em execução não significa que ele

Leia mais

Código do Sistema Ponto de Vendas

Código do Sistema Ponto de Vendas Código do Sistema Ponto de Vendas O sistema ponto de vendas, tem como finalidade implementar um pequeno sistema em WPF, que sirva de exemplo para a turma da disciplina Ambiente de Programação e Banco de

Leia mais

Para baixá-lo entre no site : http://www.netduino.com/; Selecione a aba Downloads ; Clique no link: Microsoft Visual C# Express 2010; Por meio desse

Para baixá-lo entre no site : http://www.netduino.com/; Selecione a aba Downloads ; Clique no link: Microsoft Visual C# Express 2010; Por meio desse Para baixá-lo entre no site : http://www.netduino.com/; Selecione a aba Downloads ; Clique no link: Microsoft Visual C# Express 2010; Por meio desse programa será possível conectar-se ao Netduíno. Execute

Leia mais

Programação Orientada a Objetos no C#.NET usando Padrões de Projeto MARCELO SANTOS DAIBERT E MARCO ANTÔNIO PEREIRA ARAÚJO

Programação Orientada a Objetos no C#.NET usando Padrões de Projeto MARCELO SANTOS DAIBERT E MARCO ANTÔNIO PEREIRA ARAÚJO POO Programação Orientada a Objetos no C#.NET usando Padrões de Projeto MARCELO SANTOS DAIBERT E MARCO ANTÔNIO PEREIRA ARAÚJO Marcelo Santos Daibert (marcelo@daibert.net) é professor do Curso de Bacharelado

Leia mais

Versão 0.1. Manual FoRc. Última Atualização: Maio/2007. Daniel Schmitz danieljfa@gmail.com

Versão 0.1. Manual FoRc. Última Atualização: Maio/2007. Daniel Schmitz danieljfa@gmail.com Versão 0.1 Manual FoRc Última Atualização: Maio/2007 Daniel Schmitz danieljfa@gmail.com Sumário 1. O que é FoRc?... 3 2. O que é Adobe Flex?... 3 3. O que é Ruby on Rails?... 3 4. Flex + Ruby on Rails?...

Leia mais

Criando um carrinho de compras

Criando um carrinho de compras Criando um carrinho de compras Um carrinho de compras feito em ASP.NET para você adaptar ao seu negócio e incluir no seu site. Além de aprender conceitos importantes relacionados a tecnologia ASP.NET vai

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 8

Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 8 Desenvolvimento de Aplicações para Internet Aula 8 Celso Olivete Júnior olivete@fct.unesp.br na aula passada Orientação a Objetos Classes Objetos Construtores Destrutores 2 na aula passada Construtores

Leia mais

Consultas a banco de dados no ArcView

Consultas a banco de dados no ArcView UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS INSTITUTO DE GEOCIÊNCIAS DEPARTAMENTO DE CARTOGRAFIA Laboratório de Geoprocessamento Grazielle Anjos Carvalho Belo Horizonte, 2007 A consulta ao banco de dados no Arcview

Leia mais

Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API (com Class Library)

Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API (com Class Library) Aplicação ASP.NET MVC Cliente de Aplicação Web API (com Class Library) http://www.asp.net/web-api/overview/advanced/calling-a-web-api-from-a-net-client Calling a Web API From a.net Client in ASP.NET Web

Leia mais

DWR DIRECTED WEB REMOTING

DWR DIRECTED WEB REMOTING DWR DIRECTED WEB REMOTING Vamos ver nesse artigo um pouco sobre o Frameworks Ajax para Java, o DWR. Vamos ver seus conceitos, utilidades, vantagens, algumas práticas e fazer o passo a passo para baixar,

Leia mais

INSTALANDO E CONFIGURANDO O ACTIVE DIRECTORY NO WINDOWS SERVER 2008

INSTALANDO E CONFIGURANDO O ACTIVE DIRECTORY NO WINDOWS SERVER 2008 INSTALANDO E CONFIGURANDO O ACTIVE DIRECTORY NO WINDOWS SERVER 2008 Objetivo Esse artigo tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o Active Directory no Windows Server 2008. Será também apresentado

Leia mais

AutoCAD Civil 3D Avançado. Ajustando estilos e propriedades de bandas

AutoCAD Civil 3D Avançado. Ajustando estilos e propriedades de bandas Ajustando estilos e propriedades de bandas Criar estilos bandas de leitura para cotas do terreno e cotas de projeto O procedimento listado a seguir tem por objetivo exemplificar os passos necessários para

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS FUNDAMENTOS DE Visão geral sobre o Active Directory Um diretório é uma estrutura hierárquica que armazena informações sobre objetos na rede. Um serviço de diretório,

Leia mais

Construindo portais com Plone. Módulo 3 Templates

Construindo portais com Plone. Módulo 3 Templates Construindo portais com Plone Módulo 3 Templates Templates l Quando o Plone vai mostrar uma página, duas perguntas precisam ser respondidas: Ø O que será mostrado? Isto é, quais conteúdos serão buscados

Leia mais

Módulo 5 JPATransaction Camadas Turma Turma TurmaBC .business @BusinessController TurmaBC TurmaBC TurmaBC

Módulo 5 JPATransaction Camadas Turma Turma TurmaBC .business @BusinessController TurmaBC TurmaBC TurmaBC Módulo 5 No módulo anterior adaptamos nosso projeto para persistir as informações no banco de dados utilizando as facilidades da extensão demoiselle-jpa. Experimentamos o controle transacional do Framework

Leia mais

Então vamos ao que interessa. 1. Introdução

Então vamos ao que interessa. 1. Introdução Tentarei ser o mais genérico possível. Nos exemplos irei utilizar ASP.Net 2.0 e acesso a dados através do ADO.NET, mas pode ter certeza que para outros casos a idéia não irá mudar muito, seja com LINQ,

Leia mais

Atividade JSP com Banco de Dados

Atividade JSP com Banco de Dados Instituto Federal de Santa Catarina - Campus Chapecó Engenharia de Controle e Automação Programação II Professor: Bruno Crestani Calegaro Atividade JSP com Banco de Dados Objetivos Elaborar um projeto

Leia mais

TREINAMENTOS. Desenvolvimento Web

TREINAMENTOS. Desenvolvimento Web TREINAMENTOS Desenvolvimento Web com ASP.NET MVC 4 Desenvolvimento Web com ASP.NET MVC 4 25 de abril de 2016 As apostilas atualizadas estão disponíveis em www.k19.com.br Esta apostila contém: 225 exercícios

Leia mais

Guia e Utilização do Visual Studio 6.0

Guia e Utilização do Visual Studio 6.0 Guia e Utilização do Visual Studio 6.0 Objectivo Este guia acompanha-o através do processo de criação de uma aplicação C++ utilizando o ambiente de desenvolvimento Visual Studio 6.0. Passo 1: Criação de

Leia mais

Trabalho Prático Nº1 Introdução ao C#.NET

Trabalho Prático Nº1 Introdução ao C#.NET Trabalho Prático Nº1 Introdução ao C#.NET 1. OBJECTIVOS - Entender o contexto da plataforma.net - Desenvolver programas simples em C#.NET - Saber efectuar entradas de dados em modo Consola e Windows Forms

Leia mais

IHttpAsyncHandler. Para além destas duas interfaces, existe ainda uma outra,

IHttpAsyncHandler. Para além destas duas interfaces, existe ainda uma outra, HANDLERS E MÓDULOS As handlers e os módulos são dois dos pontos de personalização e/ou extensão mais usados nas aplicações ASP.NET. O objetivo deste capítulo é apresentar algumas das principais particularidades

Leia mais

Programação Orientada a Objetos - 3º semestre AULA 08 Prof. André Moraes

Programação Orientada a Objetos - 3º semestre AULA 08 Prof. André Moraes Pág 50 Programação Orientada a Objetos - 3º semestre AULA 08 Prof. André Moraes 10 CORREÇÃO DE QUESTÕES DE AVALIAÇÃO 1 PARTE I - AVALIAÇÃO TEÓRICA 11 RESPONDA AS QUESTÕES ABAIXO: A) Qual a diferença entre

Leia mais

Padrão J2EE Data Access Object (DAO)

Padrão J2EE Data Access Object (DAO) Introdução CRUD DAO Exemplo Padrão J2EE Data Access Object (DAO) Prof. Enzo Seraphim Motivação para usar Componentes precisam acessar e armazenar informações em armazenamento persistente As APIs de armazenamento

Leia mais

Manual de Administração

Manual de Administração Gerência de Informática Repositório de Documentos do GHC Manual de Administração Versão 1.1 Novembro de 2015 Repositório de Documentos do GHC Manual de Administração Índice 1 Acesso ao Sistema...3 2 Adicionar

Leia mais

Atividades da aula 05 Usando XML

Atividades da aula 05 Usando XML Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: Linguagem de Programação Plataforma.NET 2 Atividades da aula 05 Usando XML Elabore os programas abaixo em ASP.NET utilizando C#. 1. Impelemente

Leia mais

Exemplo 01 Usando ASP.NET MVC 4

Exemplo 01 Usando ASP.NET MVC 4 Exemplo 01 Usando ASP.NET MVC 4 MVC Revisão Model View Controller: MVC é uma arquitetura de software, que separa a lógica da interface do usuário. Isto é conseguido através da separação da aplicação em

Leia mais

IMPLEMENTAÇÃO DE UM AGENTE TAC SCM EM LINGUAGEM AGENTSPEAK(L)

IMPLEMENTAÇÃO DE UM AGENTE TAC SCM EM LINGUAGEM AGENTSPEAK(L) IMPLEMENTAÇÃO DE UM AGENTE TAC SCM EM LINGUAGEM AGENTSPEAK(L) Roteiro TAC TAC SCM Especificação do agente Especificação da interface de comunicação Implementação da interface de comunicação Implementação

Leia mais

Implementando uma Classe e Criando Objetos a partir dela

Implementando uma Classe e Criando Objetos a partir dela Análise e Desenvolvimento de Sistemas ADS Programação Orientada a Obejeto POO 3º Semestre AULA 04 - INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETO (POO) Parte: 2 Prof. Cristóvão Cunha Implementando uma Classe

Leia mais

Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate

Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate Criando uma aplicação Web em C# usando o NHibernate Apresento neste artigo como criar uma aplicação web totalmente orientada a objetos usando o framework NHibernate e a linguagem C#. Nossa meta é construir

Leia mais

curso de ASP.NET MVC

curso de ASP.NET MVC Centro Universitário Luterano de Palmas curso de sistemas de informação linguagem de programação para web curso de ASP.NET MVC O conteúdo deste curso é baseado na documentação oficial da Microsoft sobre

Leia mais

Introdução ao C# . Visão geral do.net Framework

Introdução ao C# . Visão geral do.net Framework Introdução ao C# Microsoft.NET (comumente conhecido por.net Framework - em inglês: dotnet) é uma iniciativa da empresa Microsoft, que visa uma plataforma única para desenvolvimento e execução de sistemas

Leia mais

JSF e PrimeFaces. Professor: Ricardo Luis dos Santos IFSUL Campus Sapucaia do Sul

JSF e PrimeFaces. Professor: Ricardo Luis dos Santos IFSUL Campus Sapucaia do Sul JSF e PrimeFaces Professor: Ricardo Luis dos Santos IFSUL 2015 Agenda Introdução Desenvolvimento Web Java Server Faces Exercício 2 Introdução Ao longo dos anos diversas linguagens de programação foram

Leia mais

Encapsulamento de Dados

Encapsulamento de Dados Encapsulamento de Dados Universidade Católica de Pernambuco Ciência da Computação Prof. Márcio Bueno poonoite@marciobueno.com Fonte: Material da Profª Karina Oliveira Modificadores de Visibilidade Especificam

Leia mais

Projeto de sistemas em Java. Algoritmos e Programação I. Classe SimulacaoFuncionario. Classe SimulacaoFuncionario. Classe SimulacaoFuncionario

Projeto de sistemas em Java. Algoritmos e Programação I. Classe SimulacaoFuncionario. Classe SimulacaoFuncionario. Classe SimulacaoFuncionario Projeto de sistemas em Java Algoritmos e Programação I Aula 25 Profa. Márcia Cristina Moraes mmoraes@inf.pucrs.br Profa. Sílvia M. W. Moraes silvia@inf.pucrs.br Agora que já estamos manipulando com mais

Leia mais

Minicurso de C# por François Dantas Oliveira. Agosto de 2009

Minicurso de C# por François Dantas Oliveira. Agosto de 2009 Minicurso de C# por François Dantas Oliveira Agosto de 2009 Conteúdo SQL Server Express INSERT UPDATE DELETE SELECT Visual C# 2008 Express Edition Conhecendo a IDE O que é programação orientada a eventos

Leia mais

Padrões de Projeto e Persistência com DAO

Padrões de Projeto e Persistência com DAO Curso de Análise de Sistemas Análise de Sistemas II Padrões de Projeto e Persistência com DAO Prof. Giuliano Prado de Morais Giglio, M.Sc. Introdução a Padrões de Projeto Padrões de Projeto foram inicialmente

Leia mais

Web Services Novembro de 2011

Web Services Novembro de 2011 Web Services Novembro de 2011 1. Criação do Web Service Somar na plataforma.net. Colocação do serviço na máquina Dot. 2. Criação de uma aplicação de consola para teste deste serviço. 3. Criação de um Cliente

Leia mais

( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007

( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007 Tutorial JUDE ( JUDE Community 5.1 2006/2007 ) Por Denize Terra Pimenta Outubro/2007 Ferramenta CASE UML Índice Introdução... 2 Download e Instalação... 2 Apresentação da Ferramenta... 2 Salvando o Projeto...

Leia mais

Persistência de Dados

Persistência de Dados Persistência de s Universidade do Estado de Santa Catarina - Udesc Centro de Ciências Tecnológicas - CCT Departamento de Ciência da Computação Tecnologia de Sistemas de Informação Estrutura de s II - DAD

Leia mais

DEFINIÇÃO DE MÉTODOS

DEFINIÇÃO DE MÉTODOS Cursos: Análise, Ciência da Computação e Sistemas de Informação Programação I - Prof. Aníbal Notas de aula 2 DEFINIÇÃO DE MÉTODOS Todo o processamento que um programa Java faz está definido dentro dos

Leia mais

Modelagem e Implementação (Incremental de um Software para Controle) de Aquário de Peixes

Modelagem e Implementação (Incremental de um Software para Controle) de Aquário de Peixes Modelagem e Implementação de Aquário de Peixes- por Jorge Fernandes - Página 1 Modelagem e Implementação (Incremental de um Software para Controle) de Aquário de Peixes Jorge Fernandes Natal, Agosto de

Leia mais

Programação para Internet Avançada. 4. Web Services. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt

Programação para Internet Avançada. 4. Web Services. Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt Programação para Internet Avançada 4. Web Services Nuno Miguel Gil Fonseca nuno.fonseca@estgoh.ipc.pt São módulos de aplicações de negócios que expõem as regras do negócio como serviços na Internet através

Leia mais

A interface IDataSource retorna dados em formato tabular e disponibiliza apenas dois métodos: GetView e GetViewNames. O primeiro,

A interface IDataSource retorna dados em formato tabular e disponibiliza apenas dois métodos: GetView e GetViewNames. O primeiro, 3 1CONTROLOS DATA SOURCE A plataforma ASP.NET disponibiliza um conjunto de controlos, designados de data source, que são capazes de fornecer dados que podem ser consumidos por outros, designados por data

Leia mais

Informática para Gestão de Negócios Linguagem de Programação III. Prof. Me. Henrique Dezani dezani@fatecriopreto.edu.br. Agenda

Informática para Gestão de Negócios Linguagem de Programação III. Prof. Me. Henrique Dezani dezani@fatecriopreto.edu.br. Agenda Informática para Gestão de Negócios Linguagem de Programação III Prof. Me. Henrique Dezani dezani@fatecriopreto.edu.br Professor Apresentação Agenda Ementa, Objetivo, Conteúdo Programático, Bibliografia,

Leia mais

AMBIENTE. FORMULÁRIO: é a janela do aplicativo apresentada ao usuário. Considere o formulário como a sua prancheta de trabalho.

AMBIENTE. FORMULÁRIO: é a janela do aplicativo apresentada ao usuário. Considere o formulário como a sua prancheta de trabalho. DELPHI BÁSICO VANTAGENS Ambiente de desenvolvimento fácil de usar; 1. Grande Biblioteca de Componentes Visuais (VCL - Visual Component Library), que são botões, campos, gráficos, caixas de diálogo e acesso

Leia mais

Iniciando com Zend_Auth By Rob Allen, www.akrabat.com Document Revision 1.0.8 Copyright 2007

Iniciando com Zend_Auth By Rob Allen, www.akrabat.com Document Revision 1.0.8 Copyright 2007 Iniciando com Zend_Auth By Rob Allen, www.akrabat.com Document Revision 1.0.8 Copyright 2007 Este tutorial é destinado a oferecer uma bem básica introdução para o uso do componente Zend_Auth com o Zend

Leia mais

Criando & Consumindo um WebService com ASP.NET 2.0 Publicado em: 25 de Agosto de 2007 Por Herman Ferdinando Arais

Criando & Consumindo um WebService com ASP.NET 2.0 Publicado em: 25 de Agosto de 2007 Por Herman Ferdinando Arais ASP.NET > WebService herman_arais@yahoo.com.br Introdução Um WebService é um componente, ou unidade lógica de aplicação, acessível através de protocolos padrões de Internet. Como componentes, esses serviços

Leia mais

O que é um algoritmo? O que é um programa? Algoritmos. Programas. Aula 1 Tipo Abstrato de Dados

O que é um algoritmo? O que é um programa? Algoritmos. Programas. Aula 1 Tipo Abstrato de Dados Aula 1 Tipo Abstrato de Dados O que é um algoritmo? Luiz Chaimowicz e Raquel O. Prates Livro Projeto de Algoritmos Capítulo 1 O que é um programa? 2009-1 Algoritmos Sequência de ações executáveis para

Leia mais

Criando um Jogo de Ping Pong no Unity tipo 2D

Criando um Jogo de Ping Pong no Unity tipo 2D Criando um Jogo de Ping Pong no Unity tipo 2D Criação do Jogo Crie um novo projeto do tipo 2D com nome PingPong2D. File New Project. Escolha o diretório e nome para salvar e como do tipo 2D. Veja abaixo:

Leia mais

Android Binding. Implementando o padrão de projeto MVVM com MVVM_. Saiba como criar um projeto utilizando o padrão de projeto MVVM no Android

Android Binding. Implementando o padrão de projeto MVVM com MVVM_. Saiba como criar um projeto utilizando o padrão de projeto MVVM no Android MVVM_ Implementando o padrão de projeto MVVM com Android Binding Saiba como criar um projeto utilizando o padrão de projeto MVVM no Android O padrão de projeto MVVM O MVVM (Model-View-ViewModel) foi divulgado

Leia mais

!" # # # $ %!" " & ' ( 2

! # # # $ %!  & ' ( 2 !"# # #$ %!" "& ' ( 2 ) *+, - 3 . / 4 !" 0( # "!#. %! $""! # " #.- $ 111.&( ( 5 # # 0. " % * $(, 2 % $.& " 6 # #$ %% Modelo (Encapsula o estado da aplicação) Implementado como JavaBeans Responde a consulta

Leia mais

Tutorial RMI (Remote Method Invocation) por Alabê Duarte

Tutorial RMI (Remote Method Invocation) por Alabê Duarte Tutorial RMI (Remote Method Invocation) por Alabê Duarte Este tutorial explica basicamente como se implementa a API chamada RMI (Remote Method Invocation). O RMI nada mais é que a Invocação de Métodos

Leia mais

Estrutura em Camadas. Estrutura em Camadas. Alcides Pamplona alcides.pamplona@gmail.com. Alcides Pamplona Linguagem de Programação CESBD 2010

Estrutura em Camadas. Estrutura em Camadas. Alcides Pamplona alcides.pamplona@gmail.com. Alcides Pamplona Linguagem de Programação CESBD 2010 Alcides Pamplona Linguagem de Programação CESBD 2010 Alcides Pamplona alcides.pamplona@gmail.com Tópicos Componentes da Estrutura Estruturando Aplicações OO em Camadas 2 Arquitetura em 1 camada Todas as

Leia mais

Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser

Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser A1Criando um módulo de negócio Capítulo 27 Aplicação dividida em módulos - Introdução Como já foi muito bem detalhado no Capítulo IV, o jcompany Developer Suite pode ser compreendido como uma solução de

Leia mais

1 Criando um aplicativo visual em Java

1 Criando um aplicativo visual em Java 1 Criando um aplicativo visual em Java Inicie o Netbeans e nele crie um novo projeto, em categorias escolha Java e em projetos escolha Aplicativo Java, na próxima janela escreva o nome do projeto PrimeiroAplicativoVisual

Leia mais

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o

Veja abaixo um exemplo de como os dados são mostrados quando usamos o Objeto DataGridView O controle DataGridView é um dos objetos utilizados para exibir dados de tabelas de um banco de dados. Ele está disponível na guia de objetos Data na janela de objetos do vb.net. Será

Leia mais

Arquitetura de Aplicações JSP/Web. Padrão Arquitetural MVC

Arquitetura de Aplicações JSP/Web. Padrão Arquitetural MVC Arquitetura de Aplicações JSP/Web Padrão Arquitetural MVC Arquitetura de Aplicações JSP/Web Ao projetar uma aplicação Web, é importante considerála como sendo formada por três componentes lógicos: camada

Leia mais

AULA 11-12. Entidade-Relacionamento

AULA 11-12. Entidade-Relacionamento AULA 11-12 Modelo Conceitual, Lógico e Físico, Entidade-Relacionamento Curso: Técnico em Informática (Integrado) Disciplina: Banco de Dados Prof. Abrahão Lopes abrahao.lopes@ifrn.edu.br Modelos de banco

Leia mais

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda

Figura 1 Diagrama de Casos de Uso do Sistema de Venda Campus Cachoeiro de Itapemirim Curso Técnico em Informática Disciplina: Análise e Projeto de Sistemas Professor: Rafael Vargas Mesquita EXERCÍCIO 01 SOBRE DIAGRAMA DE SEQUENCIA Exercício 1: construa um

Leia mais

Repeater no GASweb. Regiões

Repeater no GASweb. Regiões Repeater no GASweb Por: Rodrigo Silva O controle de servidor Repeater é um container básico que permite a você criar uma lista de qualquer informação que deseja em uma página Web. Ele não tem uma aparência

Leia mais

Instrução para Instalação de Certificados Digitais de Servidor Web

Instrução para Instalação de Certificados Digitais de Servidor Web Instrução para Instalação de Certificados Digitais de Servidor Web Certificado Digital do tipo A1 Sistemas Operacionais: Windows 2000 Server Windows 2003 Server Dezembro/2010 Proibida a reprodução total

Leia mais

LP II Estrutura de Dados. Introdução e Linguagem C. Prof. José Honorato F. Nunes honorato.nunes@ifbaiano.bonfim.edu.br

LP II Estrutura de Dados. Introdução e Linguagem C. Prof. José Honorato F. Nunes honorato.nunes@ifbaiano.bonfim.edu.br LP II Estrutura de Dados Introdução e Linguagem C Prof. José Honorato F. Nunes honorato.nunes@ifbaiano.bonfim.edu.br Resumo da aula Considerações Gerais Introdução a Linguagem C Variáveis e C Tipos de

Leia mais