ANÁLISE DE IMPUGNAÇÕES

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANÁLISE DE IMPUGNAÇÕES"

Transcrição

1 ANÁLISE DE IMPUGNAÇÕES PROCESSO: Processo Administrativo nº 017/2014 Pregão Presencial n 004/ Contratação de empresa para fornecimento e entrega de cartões alimentação e refeição na modalidade eletrônico. IMPUGNANTES: Planinvesti Administração e Serviços Ltda. Trivale Administração Ltda. O Pregoeiro e Pregoeiro Substituto do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo (CAU/SP), formalmente designados, ANALISA, com fulcro no Edital e nas Leis nº /02, 8.666/93 e demais dispositivos aplicáveis, as IMPUGNAÇÕES apresentadas pelas licitantes Trivale Administração Ltda. e Planinvesti Administração e Serviços Ltda., nos termos a seguir aduzidos: DAS FORMALIDADES LEGAIS Aos vinte e seis dias do mês de março do corrente ano, foi publicado no Diário Oficial da União, aviso de licitação deste CAU/SP, do Pregão Presencial nº 004/2014, para a contratação de empresa que forneça cartões alimentação e refeição aos servidores do Conselho, na modalidade eletrônico e que será realizado no dia oito de abril do corrente ano. O Edital do referido certame encontra-se disponível no sítio eletrônico do CAU/SP desde o dia da publicação, cumprindo-se o prazo estabelecido no artigo 4º, inciso V da Lei /02, concedendo aos licitantes oito dias de prazo entre a publicação do Edital e a data efetiva do recebimento das propostas. Na data de três de abril passada, a empresa Trivale Administração Ltda. apresentou sua impugnação ao Edital e na data de quatro de abril passada, a Planinvesti Administração e Serviços Ltda. apresentou sua impugnação ao Edital, ambas tempestivamente. Destarte, este Pregoeiro e Pregoeiro Substituto, atendendo as formalidades legais, vêm-se em condições de analisar as presentes impugnações. DAS ALEGAÇÕES DA IMPUGNANTE TRIVALE ADMINISTRAÇÃO LTDA. Em síntese, alega existir no edital exigência de cláusula restritiva, por requerer cartão magnético com chip. Alega ser condição absolutamente ilegal, pois esta exigência direciona a licitação somente a uma, no máximo a duas empresas do ramo.

2 Faz uma breve explanação em defesa dos cartões magnéticos, afirmando que o objeto constante do termo de referência é plenamente realizado através do cartão magnético com tarja. Afirma que a manutenção do pregão na forma apresentada fere de morte os princípios norteadores da licitação, mormente os princípios da igualdade e da competitividade. Requer seja modificado o Edital, retirando a exigência da utilização de cartão eletrônico com chip, ou que permita a participação de empresas que prestem o serviço com cartão com chip ou tarja magnética. DAS ALEGAÇÕES DA IMPUGNANTE PLANINVESTI ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA. Alega em síntese que considera que há exigência excessiva e desarrazoada no Edital, relacionada com a exigência de cartões magnéticos com chip, previsto no subitem 2.2. Afirma que a exigência é restritiva, que a tecnologia específica (cartões com chip) é inerente à apenas uma ou duas empresa do setor e que não há justificativa plausível que fundamente a exigência dos cartões eletrônicos serem dotados especificamente de chips de leitura. Também afirma que o cartão eletrônico ou magnético já é dotado de sistema de segurança que inviabiliza a sua utilização por quem não é o titular do documento, justamente por prescindir de senha pessoal. Requer a reformulação do presente edital, republicando-se um novo instrumento convocatório, de modo que os cartões sejam fornecidos tão somente na forma eletrônica ou magnética. DO MÉRITO As impugnações são tempestivas e perfazem os pressupostos de admissibilidade, eis que presente a tempestividade, legitimidade e o interesse patente. O âmago da questão das duas impugnações recai sobre o mesmo item do Edital, o item 2.2, por isso, a resposta deste Pregoeiro e Pregoeiro Substituto será a mesma para as duas impugnações, pelo princípio da economicidade processual. Diz o item 2.2 do Edital: Os cartões alimentação e refeição deverão conter chip, personalizados com o nome do usuário do CAU/SP, com senha

3 pessoal e intransferível para utilização dos cartões nos estabelecimentos, consulta de saldos e extratos. A exigência deste Conselho é legal e embasada por várias decisões dos Tribunais de Contas Estaduais, além da manifestação do Tribunal de Contas da União já publicada no informativo do TCU nº 138, favorável a exigência do emprego de cartão contendo microprocessador com chip, como veremos adiante. É de conhecimento geral, inclusive por diversas reportagens em diversas mídias, que a tecnologia de cartões com chip de segurança já existem há muito tempo no mercado, disseminada principalmente pelos bancos; possuem capacidade de armazenar dados de forma segura (criptografados); tem uma maior capacidade de memória e, graças à presença de um microprocessador interno, podem ser utilizados por múltiplas funções sendo que no mesmo cartão podem ser armazenados dados de vários serviços diferentes. Além disso, os cartões com chip não podem ser clonados, pelo menos não com meios simples, gerando maior segurança que os cartões convencionais por meios magnéticos. Por isso mesmo que as instituições bancárias rapidamente ao tomarem conhecimento da tecnologia do chip, substituíram seus cartões com tarja magnética pela nova tecnologia. Ademais, o próprio cartão com chip já é tecnologia superada! Os modelos sem contato, do tipo RFID e NFC, que não precisarão ser inseridos em terminal, trocando informações com máquinas de acesso remoto a alguns centímetros de distância é a tecnologia atual, que substituirá os hoje já tecnologicamente superados, que são os cartões com chips (fonte Porém, algumas empresas deste setor de fornecimento de cartões de serviços, como as impugnantes, não querem desenvolver sua tecnologia e querem obrigar a Administração Pública, direta ou indireta, a trabalharem como o que temos de quase pior em segurança em cartões. Aliás, pior que isso somente se as impugnantes quisessem que trabalhássemos com os antigos vales em papel! Não pode a Administração Pública ser tolhida em suas escolhas simplesmente pelo fato de que algumas empresas não adequaram seus serviços às tecnologias do mercado. Na rede mundial de computadores encontramos inúmeros textos ressaltando a segurança dos cartões com tecnologia de chip em comparação aos cartões com tarja magnética.

4 Para termos uma idéia, este Conselho de Arquitetura e Urbanismo de São Paulo mantêm até o dia 09 de abril de 2014, contrato com a empresa Bônus Alimentação para a entrega dos cartões de refeição e alimentação com tarja magnética. Porém a própria empresa manifestou seu interesse em não renovar o contrato de prestação de serviços, com a alegação de que encerrará suas atividades de fornecimento de benefícios em cartão, justificando que tal decisão se consolidou devido aos inúmeros casos de fraudes que tiveram ao longo do último ano com seus cartões de benefício, justamente porque os mesmo são com tecnologia de tarja magnética. Os funcionários deste Conselho tiveram inúmeros problemas devido a clonagem de seus cartões, pois ao tentarem utilizar seus cartões, supostamente com crédito suficiente, eram surpreendidos com a informação de que não havia saldo no cartão, sendo obrigados a utilizar outros recursos financeiros para pagar suas compras ou refeição, ou ainda, serem obrigados a deixar suas compras no supermercado, sendo submetidos ao constrangimento diante do estabelecimento comercial e demais pessoas presentes na ocasião. Ainda assim, após a constatação da fraude, os funcionários tinham que aguardar a confecção de novo cartão e ressarcimento do crédito, o que estendia de 5 (cinco) a 10 (dez) dias, ficando impossibilitado de usufruir do benefício durante esse período de tempo. Alguns funcionários se viram no direito de iniciar processo judicial contra a empresa fornecedora, alegando constrangimento público e danos morais. Em percentual, verificamos que dos cartões apresentados pela Bônus neste Conselho, 36% (trinta e seis por cento) dos cartões de modalidade alimentação apresentaram problemas de clonagem, tornando necessária a substituição de todos os cartões dos funcionários a fim de inibir novos casos. Na modalidade refeição, 20% (vinte por cento) dos cartões apresentaram problemas de fraude. Em ambos os cartões, todos os cuidados tomados pelos funcionários não foram suficientes para impossibilitar tais ocorrências. Essas situações além de gerar os transtornos aos usuários, também geraram sobrecarga de trabalho para a equipe de Recursos Humanos do Conselho, que incumbida de resolver os transtornos o mais breve possível, dedicavam seu tempo para ligações telefônicas, s ao fornecedor, comunicados internos, além de dedicar tempo exclusivo aos funcionários até a resolução dos problemas, tomando tempo necessário para o exercício de outras atribuições. As ocorrências também contribuíram de forma negativa para a imagem do CAU/SP perante seus funcionários, uma vez que nunca houve intenção desse Conselho em oferecer um benefício aos seus colaboradores que trouxessem tamanha insatisfação e transtorno.

5 Ademais, a alegação do aumento de custos para a implantação do cartão com chip não é verdadeira. Vários estudos constantes na rede mundial de computadores afirmam que um cartão com chip custaria em torno de R$ 4,50 (quatro reais e cinquenta centavos) a unidade e além disso, uma empresa pode substituir seus cartões de tarja magnética por chip em no máximo 30 (trinta) dias. O cartão com tarja tem um custo menor, em torno de R$ 1,00 (um real por cartão). Porém na rede mundial de computadores é possível comprar uma impressora com cartão de tarja e com isso a fraude é constante e devido a isso, a segurança destes cartões é mínima. Não é por esta pequena diferença no custo da emissão dos cartões que a Administração Pública será obrigado a suportar a insurgência das empresas que ficaram estagnadas no passado, que não evoluem, que não vão atrás de novas tecnologias, e que colocam seus clientes em situação de constante risco? Portanto, este Conselho ao exigir os cartões com chip, o fez principalmente em relação ao critério da segurança, pois os cartões com chip dificultam as fraudes por clonagem, o que não ocorre com os cartões sem essa tecnologia. Desta forma, inúmeras decisões dos Tribunais de Contas são favoráveis ao requerimento dos cartões com chip. Vejamos: Representação formulada por empresa acusou possíveis irregularidades no edital do Pregão Eletrônico 181/2012, realizado pela Câmara dos Deputados, que tem por objeto a prestação de serviços de abastecimento, com fornecimento de combustíveis, para veículos locados e/ou frota própria, incluindo administração com gerenciamento informatizado do abastecimento, por meio da utilização de cartão com microprocessador com chip. A autora da representação alegou, em síntese, que: a) a exigência de tal cartão teria direcionado a licitação para uma única empresa; b) outras firmas que não possuem tal sistema, seriam capazes realizar o serviço com segurança, por meio do emprego de cartões convencionais e utilização de senhas; c) o sistema pretendido é mais dispendioso, o que pode impactar o preço final do serviço. O titular da unidade técnica, ao divergir desse entendimento, anotou que a sistemática exigida pelo edital não se delineia exacerbada ou incompatível com o interesse público. O relator do feito, ao alinhar-se a esse entendimento, considerou que a utilização de cartão com chip não é desarrazoada nem prejudica a competitividade do certame. E mais: Na verdade, a tecnologia exigida dos licitantes tem como finalidade ampliar a segurança das transações, permitir o controle total do abastecimento dos veículos e dificultar a clonagem de cartões magnéticos, além de seguir procedimento utilizado com sucesso por bancos e operadoras de cartões de crédito. Anotou ainda que os esclarecimentos prestados pelo gestor indicam a existência de outros fornecedores capazes de prestar o serviço nos moldes demandados pelo edital do certame. O Tribunal, então, ao acolher a proposta do relator, decidiu considerar improcedente a representação. (Acórdão 112/2013-Plenário, TC 038/520/2012-5, relator Ministro José Múcio Monteiro, )

6 (...) É de conhecimento geral que a tecnologia de cartões com chip de segurança existe há muito tempo no mercado, disseminada principalmente pelos bancos. Assim, não me parece que a Câmara de Cotia tenha optado por formato extremamente restritivo, como querem fazer entender as representantes. É o mesmo que dizer que nenhum órgão público poderá escolher qualquer tecnologia mais segura enquanto a maioria das empresas de cartões refeição não decidir adotá-la. Penso que o procedimento é justamente o contrário. As empresas que querem contratar com a Administração devem se aperfeiçoar e não ditar o que pode ou não ser contratado. Não considero plausível que a Administração seja tolida em suas escolhas simplesmente pelo fato das representantes não trabalharem com o objeto licitado dentro de suas especificações sem apresentar qualquer documentação de suporte. Também não é o caso de depositar o ônus da prova à Administração, uma vez que as empresas do ramo de cartões, e contamos com quatro delas nesta oportunidade, têm condições de demonstrar documentalmente o alegado, mas, repito, não o fizeram. Nesse sentido, também não me parece despropositado exigir a comprovação da qualificação técnica nessa tecnologia, uma vez que atinente ao objeto licitado. Em razão do exposto, neste momento não é cabível a paralisação do certame com base no alegado na inicial nem na documentação que a acompanha com a finalidade de sustentar o reclamado. Todavia, nada impede que o reflexo da aplicação desse regramento seja melhor analisado no caso concreto. (...). (Processos , , e , Representantes: Verocheque Refeições Ltda, Sindplus Administradora de Cartões, Serviços de Cadastro e Cobrança Ltda., Planinvesti Administração e Serviços Ltda e Trivale Administração Ltda. Representado: Câmara Municipal de Cotia. Conselheiro: Alexandre Manir Figueiredo Sarquis). (...) Nesta conformidade, constata-se que aludida exigência, diante do escopo do objeto licitado, não está fornecendo indícios suficientes de afronta à lei de regência, na medida em que a utilização de chip de segurança é usualmente adotada no mercado, em face das vantagens conferidas aos usuários nas transações eletrônicas, como maior rapidez, e combate à fraude e à clonagem. Ademais, em todas as vertentes utilizadas para a prestação de serviços com cartões, quer por chip, quanto por tarja magnética, corre-se o risco de sua violabilidade, não sendo prerrogativa maior ou menor de um tipo de cartão. Deste modo, tal argumento não pode servir para que esta Corte intervenha com o fim de obstaculizar o prosseguimento da licitação. No que toca às assertivas de contrariedade à legislação do PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador), igualmente, não vejo como prosperar, tendo em vista que não há qualquer proibição acerca da utilização do modelo do cartão com chip. (...) INDEFIRO o requerimento de medida liminar de paralisação do procedimento licitatório. (...) DETERMINO o ARQUIVAMENTO deste processo.

7 Tomada de Contas nº /989/13-6, representante: VEROCHEQUE REFEIÇÕES LTDA; representada: DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO DE AMERICANA, Dimas Eduardo Ramalho, Conselheiro. (...) Em síntese, critica a tecnologia adotada para o objeto licitado, afirmando que a exigência de cartões eletrônicos com chip configura condição restritiva e vedada pela legislação de regência. Instruída com a documentação reclamada pelo 2º do artigo 220 do Regimento Interno deste Tribunal, requer a suspensão do certame e ulterior correção do instrumento. Delimitado pelo exame não exauriente do rito processual, não me convenço da suscitada restritividade do objeto, não bastando para tanto, com a devida vênia, a mera alegação do representante. Ao contrário e segundo me parece, a tecnologia eleita é compatível com a segurança almejada para operações eletrônicas de crédito, assemelhadas ou não, bem como decorre do exercício da competência discricionária do Administrador. Insubsistentes os argumentos deduzidos por Planinvesti Administração e Serviços Ltda., indefiro liminarmente o pedido, nego o processamento da matéria como Exame Prévio do Edital e determino o arquivamento do processo. É como decido, conforme me autoriza o art. 220, 1º, in fine, do Regimento Interno do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. (Relator Renato Martins da Costa, Processo , representante: Planinvest Administração e Serviços Ltda, representado: Fundação da Seguridade Social dos Servidores Municipais de Sorocaba). E mais, o Supremo Tribunal Federal, através da sua Comissão Permanente de Licitações, lançou pregão eletrônico objetivando a contratação de empresa para prestação de serviços de administração e gerenciamento informatizado do abastecimento de veículos oficiais do STF, requerendo cartões eletrônicos com chips, e ao serem questionados por uma licitante, assim responderam: 1. Trata-se de questionamento encaminhado pela empresa Tripar Bsb Administradora de Cartões Ltda., via , no uso do direito previsto na legislação vigente e na Seção XXIII do Edital, interessada em participar do Pregão Eletrônico nº. 13/2013, que tem por objeto a contratação de empresa para prestação de serviços de administração e gerenciamento informatizado do abastecimento dos veículos oficiais do STF, com tecnologia de cartão eletrônico, em rede de postos credenciados. 2. O pedido preenche os requisitos legais, pois foi apresentado por meio eletrônico e tempestivamente. 3. A citada empresa apresenta o seguinte questionamento: Consta na descrição do OBJETO a exigência de Cartão Eletrônico com CHIP, para prestação de serviços de administração e gerenciamento informatizado do abastecimento dos veículos oficiais do STF. Ocorre que a exigência de Tecnologia com Cartão Eletrônico com Chip, limita a participação de empresas no processo, partindo-se do principio da isonomia. Somente 02 empresas detém a tecnologia adequada de Cartão com CHIP. Alem disso, esta tecnologia não permite que os gestores tenham as informações On-Line por ser uma tecnologia que utiliza o sistema Off Line. Hoje 80% das empresas que operam o Produto de Administração e Gerenciamento informatizado para abastecimento de veículos em Postos de Combustível e de Gestão de

8 Frota operam COM O CARTÃO COM TARJA MAGNÉTICA E SENHA DE SEGURANÇA PARA AS TRANSAÇÕES, que são processadas em tempo real, permitindo a gestão e controle do processo e geração de relatórios On-line. Perguntamos: O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL aceitará propostas que apresentem Cartões Eletrônicos com tarja magnética para atender ao Objeto e exigências do termo de referência? 4. Em resposta ao pedido de esclarecimento acima, e subsidiado pela Seção de Transporte deste STF, informo que somente será aceita a proposta de preços que ofertar a prestação dos serviços com a utilização de cartões eletrônicos com chip. A exigência de cartões com chip na forma estabelecida pelo edital visa garantir maior segurança nas transações realizadas no abastecimento da frota de veículos deste Tribunal na vigência do contrato e não se afigura como restritiva visto que o uso de tal tecnologia já é praticada por algumas empresas no mercado. 5. Nesse sentido, o TCU já se manifestou, conforme o excerto a seguir extraído do Informativo do TCU nº 138: A exigência do emprego de cartão contendo microprocessador com chip, como ferramenta de controle na prestação de serviços de abastecimento com fornecimento de combustíveis, afigura-se razoável e não merece ser considerada restritiva ao caráter competitivo do certame. Representação formulada por empresa acusou possíveis irregularidades no edital do Pregão Eletrônico 181/2012, realizado pela Câmara dos Deputados, que tem por objeto a prestação de serviços de abastecimento, com fornecimento de combustíveis, para veículos locados e/ou frota própria, incluindo administração com gerenciamento informatizado do abastecimento, por meio da utilização de cartão com microprocessador com chip. A autora da representação alegou, em síntese, que: a) a exigência de tal cartão teria direcionado a licitação para uma única empresa; b) outras firmas que não possuem tal sistema, seriam capazes realizar o serviço com segurança, por meio do emprego de cartões convencionais e utilização de senhas; c) o sistema pretendido é mais dispendioso, o que pode impactar o preço final do serviço. O titular da unidade técnica, ao divergir desse entendimento, anotou que a sistemática exigida pelo edital não se delineia exacerbada ou incompatível com o interesse público. O relator do feito, ao alinhar-se a esse entendimento, considerou que a utilização de cartão com chip não é desarrazoada nem prejudica a competitividade do certame. E mais: Na verdade, a tecnologia exigida dos licitantes tem como finalidade ampliar a segurança das transações, permitir o controle total do abastecimento dos veículos e dificultar a clonagem de cartões magnéticos, além de seguir procedimento utilizado com sucesso por bancos e operadoras de cartões de crédito. Anotou ainda que os esclarecimentos prestados pelo gestor indicam a existência de outros fornecedores capazes de prestar o serviço nos moldes demandados pelo edital do certame. O Tribunal, então, ao acolher a proposta do relator, decidiu considerar improcedente a representação. Acórdão 112/2013-Plenário, TC 038/520/2012-5, relator Ministro José Múcio Monteiro,

9 CONCLUSÂO Considerando o exposto e a legislação aplicável, o Pregoeiro e Pregoeiro Substituto, resolvem julgar improcedente as impugnações das empresas Planinvesti Administração e Serviços Ltda. e Trivale Administração Ltda., de maneira a manter o objeto do instrumento convocatório nos mesmos termos. São Paulo, 07 de abril de ORIGINAL ASSINADO POR Maciel Luis dos Santos Silva Pregoeiro Marcus Augustus Moia Gama Pregoeiro Substituto

DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2014 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 034/2014

DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2014 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 034/2014 DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 04/2014 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 034/2014 Impugnação ao edital da licitação em epígrafe, proposta por PLANINVESTI ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA, mediante

Leia mais

São Paulo, 01/08/2014. À PLANINVEST ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA. A/C: Sr. ROBERTO JOSÉ REGINATO LOFRETA SÃO PAULO/SP

São Paulo, 01/08/2014. À PLANINVEST ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA. A/C: Sr. ROBERTO JOSÉ REGINATO LOFRETA SÃO PAULO/SP São Paulo, 01/08/2014 À PLANINVEST ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA. A/C: Sr. ROBERTO JOSÉ REGINATO LOFRETA SÃO PAULO/SP REF.: RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO - PLANINVEST PREGÃO ELETRÔNICO Nº 02/2014, PUBLICADO NO

Leia mais

ESTADO DO PARÁ M I N I S T É R I O P Ú B L I C O

ESTADO DO PARÁ M I N I S T É R I O P Ú B L I C O MANIFESTAÇÃO A IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 0065/2014-MP/PA PREGOEIRA: ANDRÉA MARA CICCIO EMPRESA IMPUGNANTE: EMPRESA BRASILEIRA DE TECNOLOGIA E ADMINISTRAÇÃO DE CONVÊNCIOS HAAG SA OBJETO:

Leia mais

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO. Referência: Pregão Presencial para Registro de Preço n 071/2013 Processo Administrativo de compras n 146/2013

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO. Referência: Pregão Presencial para Registro de Preço n 071/2013 Processo Administrativo de compras n 146/2013 Betim (MG), 27 de Fevereiro de 2014 JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO Referência: Pregão Presencial para Registro de Preço n 071/2013 Processo Administrativo de compras n 146/2013 Cuida-se de resposta do Pedido

Leia mais

(Referendo) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 07.05.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL

(Referendo) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 07.05.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL (Referendo) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 07.05.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL Processos: 1916.989.14-8 2037.989.14-2 2047.989.14-0 Representantes: Representada: Diretor Presidente: Assunto:

Leia mais

ESTADO DO PARÁ M I N I S T É R I O P Ú B L I C O

ESTADO DO PARÁ M I N I S T É R I O P Ú B L I C O MANIFESTAÇÃO A IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 065/2014-MP/PA PREGOEIRA: ANDRÉA MARA CICCIO IMPUGNANTE: TRIVALE ADMINISTRAÇÃO LTDA OBJETO: PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE INTERMEDIAÇÃO NO FORNECIMENTO

Leia mais

TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 05/11/2014 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL

TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 05/11/2014 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 05/11/2014 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL (M-003) EXPEDIENTE: TC - 005074.989.14-6. REPRESENTANTE: CONTE & CONTE COMÉRCIO E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA. REPRESENTADA: PREFEITURA

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRO DA AGÊNCIA BRASILEIRA GESTORA DE FUNDOS GARANTIDORES E GARANTIAS S.A. ABGF

ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRO DA AGÊNCIA BRASILEIRA GESTORA DE FUNDOS GARANTIDORES E GARANTIAS S.A. ABGF ILUSTRÍSSIMO PREGOEIRO DA AGÊNCIA BRASILEIRA GESTORA DE FUNDOS GARANTIDORES E GARANTIAS S.A. ABGF PREGÃO ELETRÔNICO Nº 002/20 14 PROCESSO N.º: 026/2015 TRIVALE ADMINISTRAÇÃO LTDA., pessoa jurídica de direito

Leia mais

TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 21/10/15 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL

TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 21/10/15 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL TRIBUNAL PLENO - SESSÃO: 21/10/15 EXAME PRÉVIO DE EDITAL SEÇÃO MUNICIPAL (M-016) Expediente: TC-008490/989/15-9 Representante: Crisciuma Companhia Comercial Ltda. Representada: Prefeitura Municipal de

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N. 35/2013

PREGÃO ELETRÔNICO N. 35/2013 PREGÃO ELETRÔNICO N. 35/2013 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO, PELO SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS, DE ACESSOS À INTERNET SEM FIO, 3G OU SUPERIOR, BANDA LARGA, COM FORNECIMENTO DE MINI-MODEMS USB COM RESPECTIVOS

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DE DIREITOS HUMANOS E PARTICIPAÇÃO POPULAR VIVA CIDADÃO

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DE DIREITOS HUMANOS E PARTICIPAÇÃO POPULAR VIVA CIDADÃO Folha nº Processo nº Rubrica: Matrícula: Processo n.º 148030/2015 Assunto: Análise do pedido de impugnação do Edital do Pregão nº 13/2015 referente à contratação de empresa especializada na aquisição e

Leia mais

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB

ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB ANEXO I T E R M O DE R E F E R Ê N C I A EDITAL DE PREGÃO Nº 05/2015 CREMEB 1 -DO OBJETO O objeto do Pregão Presencial é a contratação de empresa especializada para prestação de serviços de rádio-táxi

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS TRIBUNAL DE JUSTIÇA MILITAR DO ESTADO DE MINAS GERAIS Belo Horizonte, 19 de outubro de 2015. ASSUNTO: ENCAMINHAMENTO AO PRESIDENTE: DECISÃO DA PREGOEIRA EM RELAÇÃO AO RECURSO ADMINISTRATIVO APRESENTADO

Leia mais

RELATÓRIO. Adoto, como relatório, a instrução elaborada no âmbito da Secex/SP (peça 6), aprovada pelos dirigentes da unidade técnica.

RELATÓRIO. Adoto, como relatório, a instrução elaborada no âmbito da Secex/SP (peça 6), aprovada pelos dirigentes da unidade técnica. GRUPO II - CLASSE VII - Plenário TC-010.211/2014-4 Natureza: Representação Unidade: Conselho Regional de Enfermagem de São Paulo (Coren/SP) Interessada: Planinvesti Administração e Serviços Ltda. (CNPJ

Leia mais

2º Caderno de Perguntas e Respostas Pregão 373/2008-23

2º Caderno de Perguntas e Respostas Pregão 373/2008-23 2º Caderno de Perguntas e Respostas Pregão 373/2008-23 Pergunta n.º 01: Caso o DNIT/TO já possua este tipo de serviço, qual é o fornecedor atual e a taxa de administração que vem sendo aplicada? Resposta:

Leia mais

Ato Executivo nº 2.950/2003 RAD-DGLOG-041 07 1 de 14

Ato Executivo nº 2.950/2003 RAD-DGLOG-041 07 1 de 14 Proposto por: Diretor da Divisão de Infraestrutura de Transportes (DITRA) Analisado por: Diretor do Departamento de Transportes (DETRA) Aprovado por: Diretor da Diretoria Geral de Logística (DGLOG) 1 OBJETIVO

Leia mais

Decisão de Pregoeiro n 0039/2009-SLC/ANEEL. Em 4 de setembro de 2009.

Decisão de Pregoeiro n 0039/2009-SLC/ANEEL. Em 4 de setembro de 2009. Decisão de Pregoeiro n 0039/2009-SLC/ANEEL Em 4 de setembro de 2009. Processo nº: 48500.000496/2009-53 Licitação: Pregão Eletrônico nº 49/2009 Assunto: Análise do recurso interposto pela Ductbusters Engenharia

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO TOCANTINS RESPOSTA IMPUGNAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2014

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO TOCANTINS RESPOSTA IMPUGNAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2014 RESPOSTA IMPUGNAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL Nº 004/2014 Impugnante: TELEFONICA BRASIL S/A, CNPJ 02.558.157/0001-62. Assunto: Impugnação do Edital Pregão Presencial nº 04/2014 que trata da contratação de empresa

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 25/02/2015 EXAME PRÉVIO DE EDITAL - MUNICIPAL

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 25/02/2015 EXAME PRÉVIO DE EDITAL - MUNICIPAL TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 25/02/2015 EXAME PRÉVIO DE EDITAL - MUNICIPAL PROCESSO: 644.989.15-4 REPRESENTANTE: Trivale Administração Ltda. ADVOGADOS: Wanderley Romano Donadel (OAB/MG nº 78.870) e outros.

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO (MÉRITO) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 04.06.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL 2037.989.

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO (MÉRITO) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 04.06.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL 2037.989. (MÉRITO) TRIBUNAL PLENO SESSÃO DE 04.06.2014 SECÇÃO ESTADUAL EXAMES PRÉVIOS DE EDITAL Processos: 1916.989.14-8 2037.989.14-2 2047.989.14-0 Representantes: - Verocheque Refeições Ltda., por seu Sócio Nicolas

Leia mais

RAZOES DA SOLICITAÇÃO/IMPUGNAÇÃO

RAZOES DA SOLICITAÇÃO/IMPUGNAÇÃO RAZOES DA SOLICITAÇÃO/IMPUGNAÇÃO As solicitações das Declarações e Especificações Técnicas 01 DO OBJETO (pagina 01 do Edital) Locação de impressoras multifuncionais novas (comprovadamente, com o máximo

Leia mais

Tribunal de Contas da União

Tribunal de Contas da União Tribunal de Contas da União Dados Materiais: Decisão 470/93 - Plenário - Ata 53/93 Processo nº TC 014.861/93-3 Entidade: Ministério da Justiça Relator: Ministra Élvia L. Castello Branco Redator da Decisão

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO EXAME PRÉVIO DE EDITAL RELATOR CONSELHEIRO SIDNEY ESTANISLAU BERALDO TRIBUNAL PLENO - SESSÃO DE 02-12-2015 MUNICIPAL REFERENDO ======================================================================= Processos:

Leia mais

1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS

1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS Rio de Janeiro, 01 de julho de 2011 PREGÃO ELETRÔNICO AA 25/2011 ATA DE APRECIAÇÃO DE RECURSOS 1. RECEBIMENTO DOS RECURSOS Foram apresentados recursos pelas licitantes ALLEN RIO SERVIÇO E COMÉRCIO DE PRODUTOS

Leia mais

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso QUESTIONAMENTO 01 BRUNA APARECIDA SOUZA AO SR. PREGOEIRO RESPONSÁVEL PELO CERTAME DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO, PREGÃO ELETRÔNICO Nº 100/2015 - SRP, MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS. Prezados, bom dia! A

Leia mais

ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO

ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO ANÁLISE DE RECURSO ADMINISTRATIVO PROCESSO: Processo Administrativo nº 027/2014 Pregão Presencial n 006/2014 - Contratação de empresa especializada para fornecimento de seguro total para os veículos mini-van

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES. UNIDADE GESTORA: Prefeitura Municipal de Lages

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES. UNIDADE GESTORA: Prefeitura Municipal de Lages TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIRETORIA DE CONTROLE DE LICITAÇÕES E CONTRATAÇÕES PROCESSO Nº: REP-14/00239335 UNIDADE GESTORA: Prefeitura Municipal de Lages RESPONSÁVEL: Elizeu Mattos

Leia mais

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO DE EDITAL

JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO DE EDITAL PREGÃO PRESENCIAL: 063/2015 JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO DE EDITAL OBJETO: Aquisição de equipamentos, sistemas, serviços e outros itens necessários à implantação do gerenciamento eletrônico da freqüência dos

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Pregão Eletrônico nº 0154/2013-21 Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes (DNIT) Superintendência Regional no Estado de Sergipe. Impugnante: Vivo S/A A (o) Sr.(a) Pregoeiro

Leia mais

Número: 00190.012047/2013-59 Unidade Examinada: Instituto Benjamin Constant - RJ

Número: 00190.012047/2013-59 Unidade Examinada: Instituto Benjamin Constant - RJ Número: 00190.012047/2013-59 Unidade Examinada: Instituto Benjamin Constant - RJ Relatório de Demandas Externas n 00190.012047/2013-59 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União DESPACHO DESPACHO Referência: Protocolo SIC Petrobras n 01438/2013, Recurso de Terceira Instância e- SIC nº 00075.000729/2013-35 Assunto: Recurso contra decisão proferida pela Petróleo Brasileiro S.A. - Petrobras,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS Processo n.º 23000.013163/2010-38 Interessado: Coordenação-Geral de Compras e Contratos Assunto: Impugnação ao Edital

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria Executiva Diretoria de Administração PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS Nº 11/2015 PROCESSO Nº 03110.014908/2014 55 OBJETO: Contratação

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RESOLUÇÃO N. 20 DE 9 DE AGOSTO DE 2012. Dispõe sobre a certificação digital no Superior Tribunal de Justiça e dá outras providências. O PRESIDENTE DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA, usando da atribuição

Leia mais

FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Contratação de Empresa Especializada na Prestação de Serviços de Limpeza na Sede da FAPESP

FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Contratação de Empresa Especializada na Prestação de Serviços de Limpeza na Sede da FAPESP 1 Processo: A 06/018 Interessado: Assunto: Gerência Administrativa Contratação de Empresa Especializada na Prestação de Serviços de Limpeza na Sede da FAPESP Referência: Impugnação ao Edital do Pregão

Leia mais

EGRÉGIA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DA ASSEMBL[EIA

EGRÉGIA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DA ASSEMBL[EIA EGRÉGIA COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DA ASSEMBL[EIA LEGISLATIV A DO ESTADO DE TOCANTINS Processo Licitatório: Processo 776/2011 Pregão 0025/2011 DELPHOS ASSESSORIA EM SEGURANÇA LTDA, por seu representante

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS EDITAL PREGÃO PRESENCIAL 008/2015 ASSUNTO:

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS EDITAL PREGÃO PRESENCIAL 008/2015 ASSUNTO: SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS EDITAL PREGÃO PRESENCIAL 008/2015 ASSUNTO: Impugnação ao Edital oferecida pela empresa QATIVE TECNOLOGIA E EVENTOS LTDA. DECISÃO DA COMISSÃO PERMANENTE

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO. Processo: 00190.026783/2008-27 Assunto: Solução para telefonia VOIP Edifício Wagner - SBN.

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO. Processo: 00190.026783/2008-27 Assunto: Solução para telefonia VOIP Edifício Wagner - SBN. CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DESPACHO Processo: 00190.026783/2008-27 Assunto: Solução para telefonia VOIP Edifício Wagner - SBN. Sra. Coordenadora-Geral de Recursos Logísticos- Substituta, Tendo em vista

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.180/2012 PE 0266/2012 Trata-se de impugnações interpostas pelas licitantes abaixo relacionadas,

Leia mais

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Nota Técnica n.º 08/2006 Comentários sobre Auditoria do TCU nos gastos com Cartões Corporativos Núcleo Trabalho, Previdência e Assistência Social Elisangela M. S. Batista 15/Mar/2006 Endereço na Internet:

Leia mais

DECISÃO SOBRE A IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 019/2015-EMAP, APRESENTADA PELA EMPRESA HAPVIDA ASSISTÊNCIA MÉDICA LTDA.

DECISÃO SOBRE A IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 019/2015-EMAP, APRESENTADA PELA EMPRESA HAPVIDA ASSISTÊNCIA MÉDICA LTDA. DECISÃO SOBRE A IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 019/2015-EMAP, APRESENTADA PELA EMPRESA HAPVIDA ASSISTÊNCIA MÉDICA LTDA. Impugnação: Trata-se de Impugnação a itens do Termo de Referência e

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO Pregão Presencial nº: 003/2009-UNEMAT. Processo Administrativo Unemat nº 007/2009-CPL. Processo Administrativo SAD Nº 340.148/2009/SAD. Referência: Pregão Presencial para a Locação

Leia mais

INTELIG TELECOMUNICAÇÕES LTDA

INTELIG TELECOMUNICAÇÕES LTDA ILMO (A). SR.(A) PREGOEIRO (A) DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO MINISTÉRIO DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE RE URSOS LOGÍSTICOS

Leia mais

Manual da Central de Compras

Manual da Central de Compras Sistema de Compras Eletrônicas - COE Manual da Central de Compras Portal Compras RS Portal Pregão On-Line Banrisul Portal Compras PROCERGS Governo do Estado do Rio Grande do Sul Secretaria de Administração

Leia mais

DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 05/2011

DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 05/2011 DECISÃO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 05/2011 Impugnação ao edital da licitação em epígrafe, proposta por NORTH SEGURANÇA LTDA, mediante protocolo nº 2011/004806, datado de 06/09/2011. 1

Leia mais

RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N 006/2009

RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N 006/2009 RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N 006/2009 Trata-se de procedimento licitatório, modalidade Concorrência, cujo objeto é a contratação de empresa do ramo da construção civil para execução

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 86/2008 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 23034.001954/2008-11 JULGAMENTO DE RECURSO Trata-se de contratação, mediante

Leia mais

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS. PREGÃO PRESENCIAL Edital de Licitação nº 037/2014

SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS. PREGÃO PRESENCIAL Edital de Licitação nº 037/2014 SERVIÇO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS DO TOCANTINS PREGÃO PRESENCIAL Edital de Licitação nº 037/2014 ASSUNTO: Impugnação ao Edital oferecida pela empresa CLARO/S.A. DECISÃO DA COMISSÃO ESPECIAL

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Pregão Eletrônico n. 327/2012 Superintendência Regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes no Estado do Tocantins SR- TO/DNIT. Impugnante: Vivo S/A A (o) Sr.(a)

Leia mais

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9

PARECER Nº 6906/2015. tms Pagina 1 de 9 PROCESSO Nº UNIDADE GESTORA : : 1513-0/2014 (AUTOS DIGITAIS) FUNDO MUNICIPAL DE PREVIDENCIA SOCIAL DOS SERVIDORES DO MUNICÍPIO DE RIBEIRÃOZINHO ASSUNTO : CONTAS ANUAIS DE GESTÃO EXERCÍCIO DE 2014 GESTOR

Leia mais

À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER

À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER À INSTANT SOLUTIONS TECNOLOGIA E INFORMÁTICA LTDA. A/C SR. PAULO HAROLDO MANNHEIMER Ref. Impugnação ao Edital de licitação Pregão presencial nº 021/2010 COMPANHIA DE INFORMATICA DE JUNDIAÍ CIJUN, neste

Leia mais

IMPUGNAÇÃO DE EDITAL DE LICITAÇÃO

IMPUGNAÇÃO DE EDITAL DE LICITAÇÃO São Paulo, 02 de abril de 2012 Ao Ministério do Trabalho e Emprego Senhor Pregoeiro Referência Assunto : Pregão Eletrônico N 10/2012 MTE : Impugnação IMPUGNAÇÃO DE EDITAL DE LICITAÇÃO PCS SERVIÇOS DE PROCESSAMENTO

Leia mais

JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO

JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO EMENTA: Edital 0259/2013-08, seleção de empresa especializada para prestação de serviços na área de condução de veículos oficiais da frota da Superintendência Regional

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE EMAIL

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE EMAIL CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE EMAIL De um lado, M&T Logística e Tecnologia Ltda, sediada na cidade de Belo Horizonte/MG na, denominada CONTRATADA e de outro lado, pessoa física ou jurídica, neste denominada

Leia mais

RELATOR - CONSELHEIRO ANTONIO ROQUE CITADINI 34ª SESSÃO ORDINÁRIA DO TRIBUNAL PLENO, DIA 09/12/2009 EXAME PRÉVIO MUNICIPAL VOTO

RELATOR - CONSELHEIRO ANTONIO ROQUE CITADINI 34ª SESSÃO ORDINÁRIA DO TRIBUNAL PLENO, DIA 09/12/2009 EXAME PRÉVIO MUNICIPAL VOTO RELATOR - CONSELHEIRO ANTONIO ROQUE CITADINI 34ª SESSÃO ORDINÁRIA DO TRIBUNAL PLENO, DIA 09/12/2009 EXAME PRÉVIO MUNICIPAL VOTO Processos: TC 34.895/026/09 e TC 35.380/026/09. Representantes: Cheiro Verde

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3

PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3 MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL Procuradoria da República na Paraíba PREGÃO PRESENCIAL N 07/2011-PR/PB PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 3 Referência: Processo n.º 1.24.000.001591/2011-14. Interessado: OMEGATI COMÉRCIO

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE MINAS GERAIS AUTARQUIA CRIADA PELA LEI Nº 4.769, DE 09/09/1965

CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE MINAS GERAIS AUTARQUIA CRIADA PELA LEI Nº 4.769, DE 09/09/1965 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Referência : Processo n.º 6/2014 Carta Convite nº 01/2014 Ementa: Análise do recurso administrativo apresentado pela licitante Borges 2 Borges Consultoria e Treinamento

Leia mais

ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS

ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS ILUSTRÍSSIMA SENHORA PREGOEIRA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS REF. Pregão Eletrônico Sistema de Registro de Preços 002/2012, sediada a Rua Vicentina Coutinho Camargos,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO PROCESSO Nº 009.707/2015 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 016/2013 OBJETO: Registro de preços para eventual contratação de empresa especializada na prestação de serviços de controle sanitário integrado no combate

Leia mais

P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União. Secretaria de Direitos Humanos SDH

P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União. Secretaria de Direitos Humanos SDH P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União Referência: 0008.000114/201-18 Assunto: Recorrente: Órgão ou entidade recorrido (a): Restrição de acesso: Recurso contra decisão denegatória

Leia mais

TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA ME

TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA ME ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO MARCOS RODRIGO LIMA DO NASCIMENTO GOMES DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2015 DO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2014 TUXON SOLUÇÕES EM TECNOLOGIA

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57 PRIMEIRA CÂMARA SESSÃO DE 11/03/2014 ITEM 57 TC-039329/026/12 Contratante: Empresa de Transporte Coletivo de Diadema ETCD. Contratada: Ipiranga Produtos de Petróleo S/A. Autoridade Responsável pela Abertura

Leia mais

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato.

h) CADASTRO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PROGRAMA DE FIDELIDADE inscrita no CNPJ/MF sob o n. 09.016.557/0001-95, com sede na Rua Dr. Sodré 122 Sala 53, Vila Nova Conceição, São Paulo SP - CEP: 04535-110,

Leia mais

P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União. Banco do Brasil S.A. BB

P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União. Banco do Brasil S.A. BB P A R E C E R Controladoria-Geral da União Ouvidoria-Geral da União Referência: 99901.001114/201-11 Assunto: Recorrente: Órgão ou entidade recorrido (a): Restrição de acesso: Ementa: Recurso contra decisão

Leia mais

ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003

ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003 ANÁLISE DOS ATENDIMENTOS DE 2003 1 - ATENDIMENTOS DE 2.003 Foram atendidas 74.531 pessoas no ano de 2.003, pelas seguintes formas de atendimento: Pessoalmente...23.060 Telefone:...25.739 Carta:...101 Internet:...11.859

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO Pregão Presencial nº: 003/2009-UNEMAT. Processo Administrativo Unemat nº 007/2009-CPL. Processo Administrativo SAD Nº 340.148/2009/SAD. Referência: Pregão Presencial para a Locação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD;

RESOLUÇÃO Nº 2.747. II - endereços residencial e comercial completos; (NR) III - número do telefone e código DDD; RESOLUÇÃO Nº 2.747 Altera normas relativas à abertura e ao encerramento de contas de depósitos, a tarifas de serviços e ao cheque. O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31

Leia mais

Supremo Tribunal Federal Secretaria de Administração e Finanças Pregoeiro

Supremo Tribunal Federal Secretaria de Administração e Finanças Pregoeiro PREGÃO ELETRÔNICO Nº 118/2009 Processo nº 336.243 IMPUGNAÇÃO. TABELA PRÓPRIA PARA CONVÊNIOS E CREDENCIAMENTOS DO STF- MED. REGULARIDADE. UTILIZAÇÃO DA CODIFICAÇÃO EXISTENTE NA TABELA SIMPRO HOSPITALAR

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO COORDENADORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS I - ADMISSIBILIDADE

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO COORDENADORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS I - ADMISSIBILIDADE Ref.: PA Nº 3031/2014 PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO Manifestação da Pregoeira em face das Impugnações ao Edital do Pregão Eletrônico nº 033/2014 apresentadas pelas instituições CENTRO DE INTEGRAÇÃO EMPRESA-

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO PROCURADORIA-GERAL DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO Referência: Pregão nº 72/2007 Processo 1.00.000.006404/2007-36 Fase: Impugnação de Edital A Empresa TN INDÚSTRIAL SOLUÇÕES E SERVIÇOS LTDA. interpõe

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SUPERVISÃO DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO A Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo, por intermédio da Pregoeira Substituta designada pelo Ato da Mesa Diretora nº 923, publicado no Diário do Poder Legislativo de

Leia mais

IMPUGNAÇÃO Nº 3. Em síntese, a Impugnante alegou o que segue: 2. DA IRREGULARIDADE A SER CORRIGIDA:

IMPUGNAÇÃO Nº 3. Em síntese, a Impugnante alegou o que segue: 2. DA IRREGULARIDADE A SER CORRIGIDA: IMPUGNAÇÃO Nº 3 Considerando a apresentação, por parte da empresa CONFEDERAL VIGILÂNCIA E TRANSPORTE DE VALORES LTDA., da IMPUGNAÇÃO AO INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO referente ao Pregão Eletrônico nº 27/2010,

Leia mais

RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N.º 07/2014 PROCESSO N.º 23368.000296.2014-17

RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N.º 07/2014 PROCESSO N.º 23368.000296.2014-17 RESPOSTA A RECURSO ADMINISTRATIVO CONCORRÊNCIA N.º 07/2014 PROCESSO N.º 23368.000296.2014-17 DO OBJETO Trata-se de procedimento licitatório na modalidade Concorrência, cujo objeto é a contratação de empresa

Leia mais

Decisão do Pregoeiro n.º 25 /2007-SLC/ANEEL. Em 12 de dezembro de 2007.

Decisão do Pregoeiro n.º 25 /2007-SLC/ANEEL. Em 12 de dezembro de 2007. Decisão do Pregoeiro n.º 25 /2007-SLC/ANEEL Em 12 de dezembro de 2007. Processo: Processo nº 48500.006284/2007-18 Licitação: Pregão Eletrônico nº 77/2007 Ementa: Análise da IMPUGNAÇÃO AO EDITAL apresentada

Leia mais

Poder Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região

Poder Judiciário Justiça do Trabalho Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região AGRAVANTE(S): AGRAVADO(S): AGROPECUARIA NOVA TRES PONTAS LTDA. UNIAO FEDERAL (FAZENDA NACIONAL) EMENTA: AUTOS DE INFRAÇÃO LAVRADOS POR AUDITOR FISCAL DO TRABALHO. PRESUNÇÃO DE VERACIDADE. Os autos de infração,

Leia mais

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/IPA ANEXO I PROJETO BÁSICO

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/IPA ANEXO I PROJETO BÁSICO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CPL/IPA PROCESSO DE LICITAÇÃO N.º 21/ 2003. EDITAL DE CONCORRÊNCIA N.º 01/ 2003. ANEXO I PROJETO BÁSICO OBJETO: Contratação de uma empresa especializada na administração,

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE RONDÔNIA Porto Velho - Fórum Cível Av Lauro Sodré, 1728, São João Bosco, 76.803-686 e-mail:

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE RONDÔNIA Porto Velho - Fórum Cível Av Lauro Sodré, 1728, São João Bosco, 76.803-686 e-mail: Vara: 1ª Vara Cível Processo: 0002465-39.2013.8.22.0001 Classe: Procedimento Ordinário (Cível) Requerente: Shirlane Guillen dos Santos Requerido: Banco Bradesco S/A SENTENÇA Vistos, etc... RELATÓRIO. SHIRLANE

Leia mais

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras SUMÁRIO O Sistema de Registro de Preços do Governo do Estado

Leia mais

Aquisição de 500 (quinhentos) cartuchos de fita LTO4 em mídia regravável, conforme especificação constante do Anexo I: Memorial Descritivo.

Aquisição de 500 (quinhentos) cartuchos de fita LTO4 em mídia regravável, conforme especificação constante do Anexo I: Memorial Descritivo. Processo: A 09/078 Interessado: Assunto: Gerência Administrativa Aquisição de 500 (quinhentos) cartuchos de fita LTO4 em mídia regravável, conforme especificação constante do Anexo I: Memorial Descritivo.

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR REF.: Pregão Eletrônico nº 019/2015 A empresa Cabral Consultoria em Recursos Humanos Ltda,

Leia mais

A ILUSTRÍSSIMA SENHORA SHEILA BATISTA DOS SANTOS PREGOEIRA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO CENTRAL DE COMPRAS

A ILUSTRÍSSIMA SENHORA SHEILA BATISTA DOS SANTOS PREGOEIRA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO CENTRAL DE COMPRAS A ILUSTRÍSSIMA SENHORA SHEILA BATISTA DOS SANTOS PREGOEIRA DA PREFEITURA MUNICIPAL DE VILA VELHA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO CENTRAL DE COMPRAS C.C.P TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO ESPITIRO SANTO

Leia mais

ASSUNTO: RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO Nº 684/2009

ASSUNTO: RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO Nº 684/2009 PREGÃO ELETRÔNICO n.º 684/09-19 PROCESSO n.º 50619.000689/2009-29 À Empresa F. Rocha & Cia Ltda ASSUNTO: RESPOSTA À IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DO PREGÃO Nº 684/2009 Celso de Souza Simão, Pregoeiro Oficial do

Leia mais

Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC).

Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC). Pregão Eletrônico 07/2014 Processo: 23355.000130/2014-31 Objeto: Aquisição de gêneros alimentícios para IF Sudeste MG Campus Barbacena (SAN, Laboratório de nutrição, aulas práticas e PRONATEC). JULGAMENTO

Leia mais

DECISÃO DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DAS RAZÕES DO IMPUGNANTE

DECISÃO DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL DAS RAZÕES DO IMPUGNANTE Pregão Eletrônico 002/2012-SRP. DECISÃO DE JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Aos vinte dias do mês de agosto de 2012, horas, reuniram-se a Pregoeira, os Integrantes da Equipe de Apoio e o Responsável

Leia mais

RELATÓRIO DE JULGAMENTO

RELATÓRIO DE JULGAMENTO RELATÓRIO DE JULGAMENTO PROCESSO Nº 51402.000225/2011-35 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 009/2012 Trata o presente de Relatório de Julgamento relativo à licitação na modalidade de Pregão Eletrônico, Tipo Menor Preço

Leia mais

Qualificação técnica. A documentação relativa à qualificação técnica limita-se a:

Qualificação técnica. A documentação relativa à qualificação técnica limita-se a: Observe, quando da contratação de empresas para realização de obras e/ou prestação de serviços, o disposto na Lei 8.212/91, que determina a exigência da Certidão Negativa de Débito da empresa na contratação

Leia mais

III.b.2 Atestados de capacidade técnica

III.b.2 Atestados de capacidade técnica Licitante interessada em participar do pregão eletrônico Adpal nº 66/2014, que tem como objeto a contratação de empresa para a prestação de serviços de vigilância patrimonial ostensiva armada, por postos

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO DA LICITAÇÃO E EXIGÊNCIAS À EMPRESA VENCEDORA.

ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO DA LICITAÇÃO E EXIGÊNCIAS À EMPRESA VENCEDORA. Vacaria/RS, 15 de julho de 2015. Memorando nº 71/2015 De: Secretaria de Gestão e Finanças Para: Gabinete do Prefeito Vimos por meio deste, solicitar a realização de processo licitatório, o qual visa contratar

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO 1 Ref.: PA Nº 1255/2012 Manifestação da Pregoeira em face da Impugnação apresentada pela empresa EMPRESA BRASILEIRA DE TELECOMUNICAÇÕES S.A. - EMBRATEL, referentes ao Edital do Pregão Eletrônico nº 069/2012.

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF.

ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF. ILUSTRÍSSIMO SENHOR ELMO VAZ BASTOS DE MATOS, PRESIDENTE DA COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DOS VALES DO SÃO FRANCISCO E DO PARNAÍBA CODEVASF. PROCESSO Nº 59500.000938/2014-45 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 27/2014

Leia mais

ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO OFICIAL E DOUTA COMISSÃO JULGADORA PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU-SP

ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO OFICIAL E DOUTA COMISSÃO JULGADORA PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU-SP ILUSTRÍSSIMO SENHOR PREGOEIRO OFICIAL E DOUTA COMISSÃO JULGADORA PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU-SP SP. Ilustre Pregoeiro Oficial e Presidente da Comissão Permanente de Licitação. Ref.: Pregão Eletrônico

Leia mais

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO

RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO RESPOSTA AO PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 001/2015 APRESENTADO PELO ITAÚ UNIBANCO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 066/2015 PREGÃO PRESENCIAL Nº 050/2015 OBJETO: CONTRATAÇAO DE INSTITUIÇAO BANCARIA PARA OPERAR OS

Leia mais

PORTARIA CAU/SP Nº 063, DE 31 DE AGOSTO DE 2015.

PORTARIA CAU/SP Nº 063, DE 31 DE AGOSTO DE 2015. PORTARIA CAU/SP Nº 063, DE 31 DE AGOSTO DE 2015. Aprova a Instrução Normativa nº 06, de 31 de agosto de 2015, que regulamenta os trâmites administrativos dos Contratos no âmbito do Conselho de Arquitetura

Leia mais

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição.

TARIFAS BANCÁRIAS. Para abrir uma conta, os bancos exigem um depósito inicial, que varia conforme a instituição. TARIFAS BANCÁRIAS A utilização de bancos é praticamente indispensável aos cidadãos. Contas e impostos, salários e seguros-desemprego são exemplos de transferência de dinheiro normalmente intermediada por

Leia mais

COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR, MEIO AMBIENTE E MINORIAS PROJETO DE LEI Nº 1.809, DE 1999

COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR, MEIO AMBIENTE E MINORIAS PROJETO DE LEI Nº 1.809, DE 1999 COMISSÃO DE DEFESA DO CONSUMIDOR, MEIO AMBIENTE E MINORIAS PROJETO DE LEI Nº 1.809, DE 1999 (Apensado o Projeto de Lei nª 3.048, de 2000) Dispõe sobre a segurança nas transações bancárias efetuadas por

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA Processo 50618.000923/2008-47 1. OBJETO 01.01. Contratação de empresa para fornecimento de combustível para abastecimento dos veículos a serviço da Superintendência Regional

Leia mais

3. No dia 01/07/2009, a Digicert apresentou seu recurso.

3. No dia 01/07/2009, a Digicert apresentou seu recurso. Decisão de Pregoeiro n 0034/2009-SLC/ANEEL Em 20 de julho de 2009. Processo nº: 48500.004388/2008-79 Licitação: Pregão Eletrônico nº 05/2009 Assunto: Análise do recurso interposto pela empresa Digicert

Leia mais

Recorrente: Uzeda Comércio e Serviços Ltda CNPJ: 02.491.558/0001-42

Recorrente: Uzeda Comércio e Serviços Ltda CNPJ: 02.491.558/0001-42 São Paulo, 27 de janeiro de 2015. Resposta à Defesa Prévia Recorrente: Uzeda Comércio e Serviços Ltda CNPJ: 02.491.558/0001-42 Referente: Processo Administrativo nº 098/2014 Pregão Eletrônico nº 076/2014

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA ESTADUAL DE ADMINISTRAÇÃO SEAD CENTRAL DE LICITAÇÕES DO ESTADO - CEL

GOVERNO DO ESTADO DO PIAUÍ SECRETARIA ESTADUAL DE ADMINISTRAÇÃO SEAD CENTRAL DE LICITAÇÕES DO ESTADO - CEL PROCESSO 00.000.015/08 CEL/SEAD: PREGAO PRESENCIAL Nº 018/2008 OBJETO: LOCAÇÃO DE MÁQUINAS FOTOCOPIADORAS E MULTIFUNCIONAIS, E SERVIÇOS SIMILARES ANÁLISE DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL INTERESSADO (A): MDAT SERVIÇOS

Leia mais

h) TERMO DE ADESÃO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato.

h) TERMO DE ADESÃO Documento formal ao qual a EMPRESA CREDENCIADA adere ao PROGRAMA MAXXIMO FIDELIDADE nas condições do presente contrato. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE GESTÃO DE PROGRAMA DE FIDELIDADE inscrita no CNPJ/MF sob o n. 09.016.557/0001-95, com sede na Rua Dr. Sodré 122 Sala 53, Vila Nova Conceição, São Paulo SP - CEP: 04535-110,

Leia mais