CRAFT EDUCATION. portfólio #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CRAFT EDUCATION. portfólio 2015. #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare"

Transcrição

1 CRAFT EDUCATION portfólio 2015 #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare

2 ESCOLA immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 01 FAZEMOS educação de forma criativa, inovadora e artesanal

3 INTRO+ATIVO ESCOLA Imaginar é o primeiro passo para se criar. É a primeira ferramenta criativa que aprendemos quando criança e esquecemos quando nos tornamos adultos. É o ato primitivo que nos ajuda a formar nossas imagens, nossos sonhos, nossos padrões estéticos. É a palavra e as técnicas mais valorizadas atualmente no mercado. Sem a imaginação não se tem a criação. O conceito pedagógico principal da Immaginare é unir a criatividade ao saber criar. Hoje a inovação transforma os meios visuais, de comunicação de massa e os processos do design através da criatividade e de conteúdos baseados no pensamento expressivo e também por meios visuais. Somos mais que uma Escola que estimula a imaginação, somos uma escola criativa, uma verdadeira Escola de Criação. ESCOLA DE CRIAÇÃO A escola de criação orienta o aluno no preparo e desenvolvimento de ideias, de projetos artísticos e comunicação. O ato criativo, ao contrário do que todos pensam, integra os dois hemisférios do cérebro, isso significa que para criar temos que integrar razão e emoção, visão e percepção. Acreditamos que essa metodologia de integração estimula o surgimento de ideias inovadoras e de expressões criativas para serem aplicadas no mercado profissional e artístico, transformando o modo do aluno ver, comunicar e interagir com o mundo. A FORMAÇÃO Nosso objetivo é desenvolver as capacidades criativas e críticas de nossos alunos, é deixá-los mais livres e conscientes de suas responsabilidades como produtores artísticos, projetuais e comunicadores. É formar e orientar, é estimular ideias e des-cobertas, é torná-los profissionais, é transformar o mercado. É fazer com que eles expressem ao mundo uma nova imagem, um novo som, uma nova arte, um novo trabalho e projeto. Aqui incentivamos o aluno a formar e reconhecer suas habilidades e talentos individuais. A participar de competições, cons, exposições, eventos e workshops nacionais e internacionais. E também, incentivamos a dominar um amplo conteúdo cultural e acadêmico, transfomando-o em um profissional criativo, inovador e responsável. Nossos programas de pós-graduação, masters e s técnicos aprimoram e qualificam cada vez mais o aluno através de atividades específicas, programas extra-currirulares de pesquisas e intercâmbios culturais. Ao final de cada os alunos estarão aptos a exercer a função de designers comunicadores e de artistas visuais. FILOSOFIA EDUCACIONAL Aqui, ensinamos arte, design e criatividade de forma artesanal. Nosso método desenvolve a originalidade e conteúdos humanísticos, fatores que abastecem o potencial artístico e imaginativo de cada indivíduo, transformando o modo de como veem e se relacionam com o mundo, preparando-os para mergulharem no mercado de trabalho. Por isso, nossa escola é uma escola de criação, de ideias, de originalidade e conteúdo. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 02

4 ESCOLA immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 03

5 CRAFT FORMAMOS PROFISSIONAIS CRIATIVOS aos quais são ensinados os instrumentos, registros logísticos e expressivos, novas técnicas e tecnologias de projeto, transmissão e elaboração de imagens. Além disso, treinamos nossos alunos para atuar com competência nesta área de arte, design e comunicação. Isso significa possuir uma cultura eclética e transversal, adquirida através de um profundo conhecimento sócio-cultural e de novas tecnologias, percebendo assim o verdadeiro papel das imagens na comunicação e no mundo. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 04

6 INFRA+TECH A Escola Immaginare possui uma estrutura com capacidade para 300 alunos. O que mantém nosso princípio filosófico de trabalhar com 12 alunos por turma possibilitando o atendimento individual de cada aluno e o monitoramento do desenvolvimento criativo e cognitivo. SALAS DE AULAS Todos os ambientes foram desenvolvidos dentro da funcionalidade conceito-método. Cada sala de aula é equipada com materiais e tecnologia específica para cada tipo de aula. Possuímos dois Ateliês, duas Salas de Criação, dois Laboratórios com plataformas diferenciadas e específicas para cada um (MAC e WINDOWS), um Estúdio, Biblioteca e uma vasta área de convivência e interação. A BIBLIOTECA Contamos com mais de 950 títulos de livros referenciais, de pesquisas, acadêmicos e teóricos em que o aluno pode explorar e aumentar suas habilidades artísticas, culturais e projetuais. GALERIAS INTERATIVAS A Escola disponibiliza para alunos e professores uma galeria de arte interativa e um espaço para que ambos divulguem e expressem seus trabalhos e projetos. Além disso, a Immaginare encoraja o desenvolvimento de projetos para exposições OUT-DOORS como por exemplo em livrarias e restaurantes. IMMAGINARIUM Nossos professores estão em sintonia com o conceito da escola: a criatividade. Para isso selecionamos um conjunto de doutores, mestres, especialistas e profissionais ativos que fazem parte de diversos mercados. Essa mescla de cultura, experiência e criatividade é fundamental para o desenvolvimento cultural e estético dos alunos. Além disso, todo conteúdo de aula é monitorado em treinamentos pedagógicos semestralmente, aprimorando cada vez mais o conhecimento e talento de nossos professores. Immaginarium é como chamamos nossos docentes. Consideramos eles como um mecanismo de estímulo e motivação criativa para nossos alunos. ALUNOS E EDUCADORES CRAFT immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 05 STUDIO E CENTRO DE PESQUISA A Escola possui um programa de Estágio-Empresa em que o aluno pode aprender e entender o mundo dos projetos de design, comunicação e artísticos. Estimulamos e ensinamos métodos e habilidades que um escritório de design, uma agência e um ateliê desenvolvem em seus trabalhos cotidianos. A Immaginare possui um sistema interativo de notas, faltas e desempenho educacional desenhado especialmente para o método que utilizamos. Além disso, res pedagógicos e acadêmicos nos ajudam a ter uma melhor proximidade com nosso corpo docente e com os alunos.

7 MÉTODO+DC MÉTODO Gui Bonsiepe sempre falava que o projeto em Design é como se fosse a alquimia em comparação à química científica. Por isso, consideramos que a metodologia do design é diferenciada da metodologia aplicada em outras áreas pelo fato de que todos os métodos de análises e sínteses confluem em uma justificativa, problematização e as alternativas do projeto. O design sempre vai atender problemas como: - visualizar progressos tecnológicos; - priorizar a utilização e o fácil manejo de produtos (hard/software); - tornar transparente o contexto da produção, do consumo e da reutilização; - promover serviços e a comunicação destes; - evitar produtos sem sentido. A gestão do design, hoje, assim como previa o Bonsiepe, está sendo substituída por uma concepção mais abrangente, que é a gestão da inovação que inclui a dimensão do design. In this age of mass production when everything must be planned and designed, design has become the most powerful tool with which man shapes his tools and environments (and by extension, society and himself). Papanekv Na década de 90 foi desenvolvido um dos primeiros métodos de trabalho de design, onde era obedecido um cronograma de fases. Tinha-se o briefing, a análise de cenários, os desejos de inovação, a estrutura simbólica da expressão da marca até a parte de criação e aprovação. Hoje, com todo o estudo e o enfoque na inovação, o designer desenvolve seu próprio método conforme seu pro-blema ou seu cliente. É uma liberdade maior do que o da publicidade, embora as profissões não têm como serem comparadas. METODOLOGIA E DESENVOLVIMENTO CRIATIVO DA IMMAGINARE executives who better understand how to exploit creativity and manage innovation, creative specialists better able to apply their skills (and manage creative businesses) and more engineers and scientists destined for the boardroom. Sir George Cox s 2005 Review of Creativity in Business Nosso desafio é ajudar o aluno a descobrir uma maneira de destravar e abrir a porta de extraordinárias possibilidades artísticas que existe dentro de cada ser. Ao destravar "essas portas" o aluno entra em contato com seu lado de ideias e originalidade. Em sua metodologia, a Immaginare pesquisou e implantou métodos modernos e tradicionais do pensamento criativo (creative thinking) no dia a dia de seus s. A estrutura arquitetônica da Escola, tais como, salas de aula e equipamentos, foi pensada de maneira interativa e individualizada da mesma forma como era feito nas antigas Escolas de Design alemãs. Nosso ensino criativo é estruturado em um forte tripé conceitual: immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 06

8 MÉTODO+DC MÉTODO - FORMAÇÃO DE UMA IMAGINAÇÃO CRIATIVA MÓDULOS IMAGINATIVOS Desenvolvimento da capacidade de expressão pessoal e livre, através de leituras, exercícios de observação, de diálogos artísticos, discussões, avaliações de referências e exercícios de criatividade fazem com que nossos alunos encontrem as verdadeiras possibilidades criativas que existem dentro deles. Direcionamos essas potencialidades para o objetivo de cada. - CONCEITOS CULTURAIS MÓDULOS ACADÊMICOS O estímulo às habilidades técnicas, culturais e práticas forma e molda o senso estético e criativo de cada aluno. Essa integração proporciona a cada aluno uma modernização nas concepções artísticas, deixando-os mais originais e inventivos. - TREINAMENTO DAS HABILIDADES ARTÍSTICAS ASSOCIADO À PRÁTICA DIGITAL E INSTRUMENTAL MÓDULOS TÉCNICOS Aqui exploramos todo potencial criativo do aluno e incentivamos a expressá-lo através de ferramentas artísticas modernas e digitais. METODOLOGIA PROJETUAL Nosso método criativo aplicado nos masters é muito diferente e é reconhecido internacionalmente pela Associação Internacional de Design. Segundo Holtz, a indústria criativa pode ser classificada como organização que vive da imaginação. Empresas, como Cirque du Soleil, primam quase exclusivamente de fontes provedoras de criatividade. No conhecimento criativo econômico, todas as empresas precisam de criatividade e imaginação, visto que os consumidores mudam mais do que o próprio produto. O surgimento de masters ou especializações projetuais abordam e trabalham as mudanças de comportamento de consumo e aplicam no processo de criação a inovação, originalidade ao produto, à marca e ao próprio design da organização empresarial. As Especializações da Immaginare foram embasadas nas mais recentes pesquisas e trabalhos projetuais do mundo, seguindo uma metodologia eclética e de pesquisa. Além da aplicação das mais recentes teorias de estratégias culturais, o capacita e ensina o aluno a trabalhar o pensamento criativo ( creative thinking ) e as táticas de inovação ( tactical innovation ). Muitas empresas ficam presas no red ocean (competição sangrenta) e não conseguem inovar ou aumentar seus lucros mesmo aplicando as recentes teorias. Isso se deve ao fato do DNA de muitas ainda estarem presas em conceitos de marketing que não focam as mudanças e tendências de consumo, design e inovações. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 07

9 MÉTODO immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 08 O DESIGN obedece uma funcionalidade e uma linha subjetiva de raciocínio que não se aprende teoricamente, e sim na prática

10 CRAFT O PROCESSO PROJETUAL começou a ser estudado na década de 20 após o movimento da Bauhaus, onde o design industrial ganhou força com o desenvolvimento da Escola de Ulm na Alemanha. Este desenvolvimento projetual foi feito por profissionais da área e por estudantes de arte vindos de escolas de artcraft espalhadas pela Europa. Não se tinha uma academia na época e o ensino era feito por meio de experimentações realizadas dentro destas instituições e dentro das organizações. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 09

11 METODO+PJ MÉTODO O desenvolvimento de valores tangíveis, criativos e inovativos faz dos masters da Immaginare s que promovem experiências criativas, assim como o planejamento de perspectivas de inovação tanto para o aluno quanto para a empresa. A Criatividade é o que move a economia mundial, e ela não está presente apenas no design e nos projetos inovativos, mas sim, na administração, engenharia, informática e até dentro de nossas casas. O programa tem sido organizado por educadores e profissionais que experimentam ou já experimentaram a imaginação como peça transformadora da inovação. Várias Universidades, Colleges, Institutos e Escolas têm aplicado o método projetual e imaginativo em seus s. Países como a Itália, França, Inglaterra, Holanda, Austrália, Alemanha e Suíça são os principais pólos de concentração dessa arte que reúne criatividade, imaginação, economia e business. Com isso o programa é dividido em 4 estágios; os 3 primeiros obedecem a própria metodologia projetual já aplicada nos s de especializações da Immaginare e o quarto estágio é a exploração de experiências novas, onde o aluno tem a oportunidade de desenvolver um intercâmbio cultural de coleta de informações inovativa para seu trabalho de laboratório de tendências e mais tarde a aplicação em seu projeto. Os métodos projetuais, assim como, o processo de design e as disciplinas criativas foram ganhando força acadêmica de teóricos das áreas de psicologia e comunicação. Depois o método foi reconhecido pelas mudanças que estavam sendo provocadas no mercado. Bruce Archer, Brian Lawson, Stuart Pugh, Cooper e muitos outros desenvolveram os primeiros métodos projetuais aplicados ao design e as estratégias de mercado. Devemos a eles o surgimento do que chamamos de Branding, métodos proje-tuais e suas abordagens. Hoje os estudos de branding e design são aliados às técnicas de mercados mais elaboradas como, por exemplo, os estudos de tendências e comportamento de consumo são essenciais para o desenvolvimento de um projeto de Design. Segundo Holts o marketing está se transformando em táticas culturais de desenvolvimento de brandings, isto é: estratégias que grandes marcas, como: a Apple, Starbucks e Vitaminwater utilizam. A Estrutura Metodológica dos Masters da Immaginare são divididas em 4 fases, sendo a última opcional para o aluno, o qual poderá escolher aonde irá viver a experiência criativa e em qual área. Para isso, será orientado pela coordenação, a qual indicará as Escolas e Universidades conveniadas com a Immagi- nare. - INSPIRATION é a primeira fase da Especialização, a qual aborda teorias e estratégias de inovação. O fundamento crítico e as abordagens modernas inovativas são o combustível para a criatividade e o conhecimento. - CREATION é a segunda fase onde a expressão e os fundamentos do processo criativo e de design são abordados. Durante esta fase os participantes obtêm conhecimento de ferramentas cognitivas que irão transformar conceitos em immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 10

12 MÉTODO+PJ MÉTODO sistemas funcio-nais de expressão. O desenvolvimento de valores criativos assim como de inovações serão implantados nos projetos organizacionais em que cada participante irá trabalhar. - TRANSFORMATION é a fase em que os alunos vão colher os resultados de seu projeto. É o momento onde as análises de mercado assim como a exploração do Blue Ocean ocorrem. Todas manutenções ou mudanças serão realizadas nesta fase. O desenvolvimento de um projeto dissertativo é o pré-requisito para a conclusão da Especialização. - EXPLORATION é a fase em que o aluno pode participar do programa de intercâmbio cultural. Para esta fase é exigida certificações como TOELF (80 IBT) e IELTS com 6 mínimos scores pedidos pelas Universidades e Instituições Internacionais. Além do programa que será escolhido e orientado junto com a coordenação da Escola Immaginare, o aluno desenvolverá um projeto de design e de tendências durante o tempo que irá ficar no país escolhido, obedecendo sempre aos procedimentos de briefing da Immaginare. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 11

13 MÉTODO MÉTODOS todos anos introduzimos de 7 a 10 métodos de resolução de problemas, inovação e composição visual totalmente aplicáveis em nosso mercado. immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 12

14 CURSOS immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 13 CURSOS EMPRESARIAIS I TÉCNICOS I LIVRES I ESPECIALIZAÇÕES

15 NOSSOS CURSOS EMPRESARIAIS Há 8 anos a Immaginare vem trazendo inovação e as mais diferentes técnicas de ensinar e aprender o Design. Nossa forma artesanal de fazer educação pode ser vista desde um simples workshop de cores até um estudo de DESIGN THINKING e sua aplicação nas estratégias empresariais. Todo processo cognitivo começa pela primeira manifestação de pensamento que é Imaginar. Este ato é o primeiro passo para se criar. É a primeira ferramenta criativa que aprendemos quando criança e a esquecemos quando nos tornamos adultos. É o ato primitivo que nos ajuda a formar nossas imagens, nossos sonhos, nossos padrões estéticos. É a palavra e as técnicas mais valorizadas atualmente no mercado. Sem a imaginação não se tem a criação. Nossa ideologia de mercado é expressar este conceito metodológico onde o aluno deve passar por um processo de contato artístico e cognitivo para desenvolver habilidades que serão usadas no dia a dia profissional e que hoje faz toda a diferença. - DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO - COOL HUTING - ESCRITA CRIATIVA - CANVAS E DESIGN THINKING QUEM JÁ IMMAGINOU COM A GENTE! - Suave Comunicação - Unaerp - São Luiz de Jabotical - DPJ Arquitetura - Magazine Luiza - USP Ribeirão Preto - Jornal Cana EMPRESARIAL immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 12 Nossos s fazem sucesso tanto fora, quanto dentro de nossa instituição. Levamos nossos métodos, nosso carisma e esse jeito diferente de ensinar para qualquer lugar, pois queremos difundir novas ideias e métodos, queremos compartilhar valiosas informações neste mundo construído por elas. CURSOS + PROCURADOS PELAS EMPRESAS - MARKETING DIGITAL - STORYTELLING - PROCESSO DE CRIAÇÃO

16 EMPRESARIAL immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 13 CURSO NA MAGAZINE LUIZA 2014

17 ÁREA DE CONCENTRAÇÃO immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 14 IMMAGINE ARTES VISUAIS

18 ARTES VISUAIS A produção artística faz parte da necessidade básica do ser humano e é atemporal e universal. As formas pelas quais ela se manifesta, ou seja, os tipos de arte, tanto quanto ao tema, à técnica ou ao estilo, estão constantemente mudando, renovando-se no processo de criar a cada nova obra uma expressão pessoal. O de Artes Visuais da Immaginare trabalha todas as habilidades e manifestações artísticas, tais como: tipos, técnicas, conteúdos, teorias e inovações, além da expressividade, proporcionando ao aluno a aprendizagem desses meios visuais e a possibilidade da interação entre essas artes para o desenvolvimento de novos caminhos e meios visuais. A cada ano a Immaginare treina e prepara os docentes com as ferramentas mais modernas do desenvolvimento criativo para que os alunos tenham as mais recentes ferramentas de expressão e originalidade. O Campo de trabalho se estende a estúdios de artes visuais, departamentos de criação, direção de arte, para o ensino da arte e para projetos próprios voltados para o fomento das iniciativas em artes visuais. METODOLOGIA Desenvolvimento criativo e conceitual através de leituras, exercícios práticos, discussões e seminários. O aluno aprenderá de maneira prática a dominar a linguagem visual e a criar os seus próprios meios artístico e visuais. A experimentação da mistura de técnicas, a exploração dos meios visuais e a releitura de conteúdos artísticos fazem com que o aluno esteja conectado com seu repertório interior e com as inovações artísticas deste século. S METODOLÓGICOS Nosso método de ensino é dividido em 3 bases multidiciplinares que envolvem o estímulo cognitivo, as experiências culturais e o treinamento técnico. O Aluno vai ter disciplinas que serão divididas dentro da metodologia da Escola: - HABILIDADES IMMAGINATIVAS: Composição e Colagem, Estudo e Teoria das Cores, Construções, Produção e Reprodução, A Imagem, Desenho I e II, Estudos e Processos Criativos. - HABILIDADES ACADÊMICAS: Teoria e História da Arte Contemporânea, Teoria da Comunicação de Massa, A Estética x Cultura de Massa. - HABILIDADES TÉCNICAS: Aquarela, A Pintura, O Cartaz, Ilustração, Gravura, Caligrafia, Grafite e Cerâmica, A Fotografia, Artes Gráficas CURSOS E ABRANGÊNCIAS - Fotografia - Técnico em Artes Visuais - Processo de Criação - Master em Artes Visuais - Desenho Livre - Ilustração Digital - Teoria das Cores - Linguagem Visual ARTES VISUAIS immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 15

19 FOTOGRAFIA BASES METODOLÓGICAS: Cognitivo e Técnico O livre de fotografia tem como objetivo integrar conhecimentos básicos das técnicas de fotografar aos alunos. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO - Equipamento fotográfico - Linguagem Fotográfica - Fotometria - Fotografia Digital e Tratamento Básico de Imagem - Desenvolvimento de projeto - Saídas fotográficas TÉCNICO EM ARTES VISUAIS 2015 LFOT 2015 LFOT 36 3 meses BASES METODOLÓGICAS: Cognitivo e Técnico TÉCNICO EM ARTES VISUAIS JONAS GOLFETO professor 36 2 anos JONAS GOLFETO professor LIVRE LIVRE 2 un 2 un A produção artística faz parte da necessidade básica do ser humano e é atemporal e universal. As formas pelas quais ela se manifesta, ou seja, os tipos de arte tanto quanto o tema, a técnica ou o estilo, estão constantemente mudando, renovando-se no processo de criar a cada nova obra uma expressão pessoal. O de Artes Visuais trabalha todas as habilidades e manifestações artísticas, tais como: tipos, técnicas, conteúdos, teorias e inovações, proporcionando ao aluno a aprendizagem desses meios visuais e a possibilidade da interação entre essas artes para o desenvolvimento de novos caminhos e meios visuais. O campo de trabalho se estende a estúdios de artes visuais, departamentos de criação, direção de arte, para o ensino da arte e para projetos próprios voltados para o fomento das iniciativas em artes visuais, a criação, a crítica, as edições, a pesquisa, a experimentação, a circulação e preservação fotográfica e a difusão da produção. Formar profissionais criativos de Nível Técnico na área de artes visuais, capacitados em desenvolver projetos visuais integrando conhecimento, cultura, tecnologia e arte. Esse proporciona ao aluno o domínio das técnicas visuais de expressão artística e social, o conhecimento dos seus conteúdos teóricos, técnicos e práticos fazendo com que ele tenha um repertório visual próprio. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Primeiro Módulo - O início visual Estratégia Pedagógica: conceitos básicos, síntese e prática dos meios visuais de expressões artísticas, orientação e incentivo ao potencial criativo de cada aluno. O que antes era apenas imaginação, agora se torna real e visível. Formas, cores, técnicas, teorias e materiais diversos são abordados e transformados em processos criativos. - Teoria e História da Arte Contemporânea - Teoria da Comunicação de Massa - A Estética x Cultura de Massa - Desenho I e II - Aquarela - Composição e Colagem - Estudo e Teoria das Cores - Construções - Produção e Reprodução - A Imagem - A Pintura - O Cartaz ARTES VISUAIS immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 16

20 - Ilustração - Gravura - Mosaico - Caligrafia, grafite e cerâmica - A Fotografia - Artes Gráficas - O design e a arte como comércio Segundo Módulo - Vivendo a Linguagem Artística Estratégia Pedagógica: Além dos conceitos básicos e das práticas dos meios visuais aprendidos aqui, a criatividade, conceitos, técnicas artísticas começam a ser explorados. BASES METODOLÓGICAS: Cognitivo e Técnico 06/ mês RODRIGO GIANELLO professor TREINAMENTO 2,5 un ARTES VISUAIS - O Cinema - O Vídeo - A Animação - História em Quadrinhos - O Som - A Escultura - A Tridimensionalidade na Arte - Direção de Arte - Planejamento - Computação Gráfica - Produção e Edição - Liguagem Digital - Outras Técnicas Terceiro Módulo - A transformação criativa Estratégia Pedagógica: Mergulho na criatividade, exploração das imagens, das idéias e das cores. Criar e agregar valores visuais, políticos e sociais às imagens, aos vídeos, às animações e a toda produção artística. O aluno já tem capacidade de expressar de forma conceitual e artística suas criações, de organizar seu repertório visual e dominar técnicas de produção. - Orientação Artística do meio escolhido - Instalações - Montagem - Direção de Arte II - Projeto Final O de criatividade tem o objetivo ensinar técnicas de Problem&Solve para aplicação nas áreas empresarias e de comunicação, tais como; planejamento de eventos e projetos de comunicação. Além disso, fornece ferramentas para o desenvolvimento do raciocínio criativo através das técnicas corporais, intuitivas e expressivas. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO - A Criatividade na Resolução de Problemas - As Ferramentas do Desenvolvimento Mental - A Mente e os Bloqueios - Técnicas Criativas aplicadas em Projetos - O Posicionamento Pessoal e as Exigências Mundiais - As Inovações - Projeto Final MASTER EM ARTES VISUAIS CURSO ID: NÍVEL: PROFESSOR: PRÓXIMA TURMA: UNIDADES: BASES METODOLÓGICAS: DURAÇÃO: 20 meses immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 17 PROCESSO DE CRIAÇÃO ESTRUTURA METODOLÓGICA A Estrutura Metodológica dos Masters da Immaginare são divididas em 4 fases onde a última é opcional para o aluno e dependerá de onde ele irá viver a experiência criativa e em que área. Isso será orientado junto com a coordenação que irá mostrar as Escolas e Universidades conveniadas com a Immag-

21 inare. O de inglês será exigido para este módulo tais como: TOELF e IELTS. - Inspiration é a primeira fase da Especialização onde teoria e as estratégias de inovação são abordadas. O fundamento crítico e as abordagens modernas inovativas são o combustível para a criatividade e o conhecimento. - Creation é a segunda fase onde a expressão e os fundamentos do processo criativo e de design são abordados. Durante esta fase os participantes obtêm conhecimento de ferramentas cognitivas que irão transformar conceitos em sistemas funcionais de expressão. O desenvolvimento de valores criativos assim como de inovações serão implantados nos projetos organizacionais em que cada participante irá trabalhar. - Transformation é a fase onde os alunos vão colher os resultados de seu projeto. É o momento onde as análises de mercado assim como a exploração do Blue Ocean ocorrem. Todas manutenções ou mudanças serão realizadas nesta fase. O desenvolvimento de um projeto dissertativo é o pré-requisito para a conclusão da Especialização. - Exploration é a fase em que o aluno pode participar do programa de intercâmbio cultural. Para esta fase é exigida certificações como TOELF (80 IBT) e IELTS com 6 mínimo scores pedidos pelas Universidades e Instituições Internacio-nais. Além do programa que será escolhido e orientado junto com a coordenação da Escola Immaginare, o aluno desenvolverá um projeto de design e de tendências durante o tempo que irá ficar no país escolhido, obedecendo sempre aos procedimentos de briefing da Immaginare. ESPECIALIZAÇÃO TÉCNICA E PROJETUAL EM ARTES VISUAIS A especialização em Artes Visuais é um que proporciona conhecimento compreensivo e crítico a todas as expressões artísticas contemporâneas. Teoria e prática, complexidade e simplificação, métodos e conceitos, tecnologia e emoção. A interação das várias disciplinas e técnicas da produção artística atual têm nesse a função propulsora do desenvolvimento criativo e expressivo do artista. DESENHO LIVRE 21/01/2015 LDESOV 24 2 meses SAULO MICHELIN professor LIVRE BASE METODOLÓGICA: Cognitivo e Técnico 2,5 un DESENHO LIVRE O mercado exige profissionais flexíveis e que saibam pensar e expressar suas ideias de forma criativa e inusitada. Solte sua imaginação neste que ensina métodos de como abastecer-se de ideias e expressá-las criativamente. Desenvolver a capacidade projetiva do desenho para antecipar e elaborar um pensamento e partindo da essencialidade do desenho desenvolver a capacidade de simbolizar e construir sentido. CONTEÚDO -Desenho de memória / Desenho de observação; -Grafite: os tipos de lápis de grafite; -Mantendo a folha limpa. Folha de apoio e folha de rascunho; -Composição; -Ponto focal; -Desenhando objetos ao vivo; -Exercícios lúdicos de desenho; - Proporção; - Ampliação e redução; - Luz e Sombra. ARTES VISUAIS immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 18 Capacitar profissionais de criação e artistas no desenvolvimento de pesquisas e projetos visuais, na criação de novas formas e maneiras de representação e expressão artística através do enfoque interdisciplinar, integrando conhecimentos culturais, tecnológicos e artísticos. Formação avançada para profissionais que procuram atualização e aprimoramento. Currículo baseado na criação e desenvolvimento de projetos reais ligados ao mercado. PRÉ-REQUISITO Diploma do superior ou técnico em artes, comunicação, moda ou design. ILUSTRAÇÃO DIGITAL 02/02/2015 LILDG 36 3 meses SAULO MICHELIN professor LIVRE 3,0 un

22 BASE METODOLÓGICA: Técnico CURSO LIVRE EM ILUSTRAÇÃO Buscamos desenvolver em nossos s livres experiências e processos de criação visual para a atualização de profissionais ou interessados. Curso livre de ilustração tem como objetivo integrar conhecimentos iniciais e avançados de desenho e técnicas de coloração digital. Além de elementos sobre linguagens e a contemporaneidade de projetos ilustrativos, o propõe o desenvolvimento criativo através de técnicas cognitivas contemporâneas. 02/2015 LTCR 20 1 mês e meio LILIANE SENE professor LIVRE BASE METODOLÓGICA: Cognitivo e Técnico 1,5 un ARTES VISUAIS CONTEÚDO PROGRAMÁTICO - O que é Ilustração. Uma breve história da Ilustração. - Introdução as técnicas de desenho - Materiais, tipos de papel, lápis, réguas, canetas, lápis de Cor, lápis de cor aquarelável. - Técnicas de Observação. - Apresentando o material digital. - Composição. Chão céu. Equilíbrio da folha. - Ponto focal. Caminho do olhar. Regra dos terços na composição. - Fotografia X escâner. Abrindo a imagem no PS depois de escaneada para corrigir iluminação e limpar sujeiras. - Fazendo volumes com layer de ajuste. - Colorindo em 3 etapas com mesclagem de camadas. - Pincéis Customizados no PS. Como criar o seu. Editar e traba-lhar na pintura. - Como criar uma ilustração com criatividade e novas ideias. As fases do desenho. - Arte final no PS com paths. - Arte final no AI com a ferramenta Width Stroke Tool. - Como importar figuras do Ai no PS e como trabalhar com shape layers. - O que é vetor e suas vantagens. - Gradiente e caixa de cores. - Criando texturas vetoriais. - Criando e editando pincéis no AI - Criando uma ilustração através de um briefing - Troca de cor no AI. Ajuste de cor. - Gradient mesh no AI- Grade de perspectiva no AI e Painter. Explicação básica sobre perspectiva.- Render PB. Filtros de ajuste do PS.- Foto refeita com os novos pincéis de arte do PS. O objetivo do de Teoria das Cores é desenvolver junto com os participantes as principais leis de harmonia, mistura e aplicação das cores em projetos artíticos, gráficos e de multimeios. O aluno aprende a utilizar o círculo cromático e a pesquisar tendências de cores e suas simbologias. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO - A História das Cores - Simbologia das Cores - Croma, Pantone, Matizes e Harmonia - O Círculo Cromático - As Leis e Estruturação de Matizes - O Book Cromático - Projeto Final LINGUAGEM VISUAL 2015 LLIVISUAL 12 1 mês dispo online RODRIGO GIANELLO professor TREINAMENTO 2,0 un immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 19 TEORIA DAS CORES BASE METODOLÓGICA: Cognitivo e Técnico O mercado exige habilidades e conhecimentos específicos nas áreas da comunicação e design. Atualmente ter habilidades de escolher um tipo,

CRAFT EDUCATION. portfólio 2015. #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare

CRAFT EDUCATION. portfólio 2015. #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare CRAFT EDUCATION portfólio 2015 #viverdesign #amardesign #serdesign #respirardesign #inspirardesign #fazerdesign #immaginare ESCOLA immaginare.art.br I PORTIFÓLIO 2015 I 01 FAZEMOS educação de forma criativa,

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO 514502 INTRODUÇÃO AO DESIGN Conceituação e história do desenvolvimento do Design e sua influência nas sociedades contemporâneas no

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Publicitária Área de Comunicação Tecnologia em Produção Publicitária Curta Duração Tecnologia em Produção Publicitária CARREIRA EM PRODUÇÃO PUBLICITÁRIA Nos últimos anos, a globalização da economia e a estabilização

Leia mais

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia

Área de Comunicação. Tecnologia em. Produção Multimídia Área de Comunicação Produção Multimídia Curta Duração Produção Multimídia Carreira em Produção Multimídia O curso superior de Produção Multimídia da FIAM FAAM forma profissionais preparados para o mercado

Leia mais

Design Manual do curso

Design Manual do curso Design Manual do curso Informações gerais INFORMAÇÕES GERAIS Nome: curso de Design, bacharelado Código do currículo: 2130 Nível: curso superior de graduação Início: o curso de Design com habilitação em

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS

CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO SUPERIOR DE GRADUAÇÃO PUBLICIDADE E PROPAGANDA GRADE DETALHADA DO CURSO COM AS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Cultura Brasileira 1º PERÍODO O fenômeno cultural. Cultura(s) no Brasil. Cultura regional e

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2004/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2004/1 1 1 ACESSÓRIOS Fase: 5ª Carga Horária: 30h/a Créditos: 02 Concepção e desenvolvimento de desenho. Modelagem. Montagem. Técnicas de aprimoramento. Fichas técnicas. Processo de padronização. Mostruário.

Leia mais

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA 1 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) 2012 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 INTRODUÇÃO A PUBLICIDADE E PROPAGANDA... 4 02 HISTÓRIA DA ARTE... 4 03 COMUNICAÇÃO

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo

Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo CARREIRA EM ARQUITETURA E URBANISMO Os arquitetos recebem uma formação geral que lhes permite trabalhar em diversos campos: em projetos de construções, de

Leia mais

Tecnologia em. Design Gráfico

Tecnologia em. Design Gráfico Tecnologia em Design Gráfico Tecnologia em Design Gráfico CARREIRA O Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico oferece oportunidade para o trabalho profissional em diversas profissões relacionadas

Leia mais

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo

Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Formação Inicial e Continuada (Resolução CNE/CEB 5154/04) Lei Federal nº 11741/08) PLANO DE CURSO Área: Gráfica Qualificação

Leia mais

A importância do design nos negócios

A importância do design nos negócios A importância do design nos negócios SUMÁRIO Apresentação 4 A importância do Design 5 Design de Comunicação 13 A Escada do Design 6 Design Gráfico 14 O processo do Design 7 Logomarca 15 Design & Inovação

Leia mais

Universidade Anhembi Morumbi Especialização em Inovação em Tecnologias Educacionais Avaliação Encerramento 2/2014

Universidade Anhembi Morumbi Especialização em Inovação em Tecnologias Educacionais Avaliação Encerramento 2/2014 Universidade Anhembi Morumbi Especialização em Inovação em Tecnologias Educacionais Avaliação Encerramento 2/2014 Proposta Geral de Trabalho DESIGN THINKING PARA EDUCAÇÃO ALUNAS Paula Tauhata Ynemine RA

Leia mais

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

MODA. HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos MODA 1. TURNO: Noturno HABILITAÇÃO: Bacharelado em Moda - habilitação em modelagem e desenvolvimento de produto GRAU ACADÊMICO: Bacharel em Moda PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 7 anos 2.

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013

MATRIZ CURRICULAR CURRÍCULO PLENO/ 2013 Curso: Graduação: Habilitação: Regime: Duração: COMUNICAÇÃO SOCIAL BACHARELADO MATRIZ CURRICULAR PUBLICIDADE E PROPAGANDA SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: LICENCIATURA EM ARTES VISUAIS MISSÃO DO CURSO O Curso de Licenciatura em Artes Visuais busca formar profissionais habilitados para a produção, a pesquisa

Leia mais

Design gráfico: Programas de Disciplinas e Seus Componentes Pedagógicos.

Design gráfico: Programas de Disciplinas e Seus Componentes Pedagógicos. Design gráfico: Programas de Disciplinas e Seus Componentes Pedagógicos. 1º PERÍODO Área de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas DISCILINA: Metodologia Científica CARGA CÓDIGO CRÉDITOS HORÁRIA H11900 04

Leia mais

PIXEL - DO DESENHO À PINTURA DIGITAL

PIXEL - DO DESENHO À PINTURA DIGITAL F PIXEL - DO DESENHO À PINTURA DIGITAL Carga Horária: 96 horas/aulas Módulo 01: Desenho de observação DESCRIÇÃO: Neste módulo o você irá praticar sua percepção de linhas e formas, bem como a relação entre

Leia mais

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial.

http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial. www.cni.org.br http://www.portaldaindustria.com.br/senai/iniciativas/programas/senai-cetiqt/educacao/2014/07/1,40917/cursos-de-extensao-presencial.html Cursos de extensão presencial A Extensão é a ação

Leia mais

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA 1 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL PUBLICIDADE E PROPAGANDA EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) 2012 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 4 01 INTRODUÇÃO A PUBLICIDADE E PROPAGANDA... 4 02 HISTÓRIA DA ARTE... 4 03 COMUNICAÇÃO

Leia mais

Criar e desenvolver projetos grafico- visuais, utilizando tecnicas de desenho manual ou eletronico.

Criar e desenvolver projetos grafico- visuais, utilizando tecnicas de desenho manual ou eletronico. PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 000598 - DESIGN Nivel: Superior Area Profissional: 0009 - DESIGN Area de Atuacao: 0240 - ARTE PROJ.DESENHO/DESIGN Criar e desenvolver projetos

Leia mais

Design Estratégico e Inovação

Design Estratégico e Inovação Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Bacharelado em Moda Matriz Curricular 2010-1

Bacharelado em Moda Matriz Curricular 2010-1 CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA Bacharelado em Moda Matriz Curricular 2010-1 Fase Cod. Disciplina I II III IV Prérequisitos Carga Horária Teórica

Leia mais

CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1. ARQUITETURA DE INTERIORES 2. ARQUITETURA E CENOGRAFIA ARQUITETURA DE INTERIORES

CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1. ARQUITETURA DE INTERIORES 2. ARQUITETURA E CENOGRAFIA ARQUITETURA DE INTERIORES CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1. ARQUITETURA DE INTERIORES 2. ARQUITETURA E CENOGRAFIA ARQUITETURA DE INTERIORES APRESENTAÇÃO O curso oferece, a arquitetos e a profissionais de áreas afins, um perfil

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação MANUAL DO CANDIDATO Pós-graduação Prezado(a) Candidato(a), Agradecemos o interesse pelos nossos cursos. Este manual contém informações básicas pertinentes ao curso, tais como: objetivos do curso e das

Leia mais

GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/

GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/ GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/ ESTRUTURA CURRICULAR DO 1º CICLO Bacharelado interdisciplinar em Artes e Design 3 anos Componentes curriculares

Leia mais

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 14:54

DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Registros Acadêmicos da Graduação. Ementas por Curso 09/05/2011 14:54 Curso: DIVISÃO DE REGISTROS ACADÊMICOS Centro de Ciências Humanas e da Comunicação Comunicação Social (Noturno) Ano/Semestre: 011/1 09/05/011 1:5 COM.0000.0.000- COM.0001.0.001-0 COM.0019.01.001-7 FIL.0051.00.00-3

Leia mais

DESCRITIVO TÉCNICO DESIGN GRÁFICO

DESCRITIVO TÉCNICO DESIGN GRÁFICO DESCRITIVO TÉCNICO DESIGN GRÁFICO 40 A, por resolução do seu Comitê Técnico, em acordo com o Estatuto e as Regras da Competição, adotou as exigências mínimas que seguem no tocante a esta ocupação na Competição.

Leia mais

CURSOS OFERECIDOS. seus objetivos e metas. E também seus elementos fundamentais de Administração, como: PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO E CONTROLE.

CURSOS OFERECIDOS. seus objetivos e metas. E também seus elementos fundamentais de Administração, como: PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO E CONTROLE. CURSOS OFERECIDOS Access 2007 Aproximadamente 20 horas O aluno aprenderá criar Banco de Dados de forma inteligente, trabalhar com estoques, número de funcionários, clientes etc. Conhecerá ferramentas aprimoradas

Leia mais

Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência

Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência Universidade Metodista de São Paulo Faculdade de Jornalismo e Relações Públicas Curso de Relações Públicas: 34 anos de tradição, ética e excelência Fábio França Maria Aparecida Ferrari Maio de 2006 1 Tradição

Leia mais

Curadoria e montagem de exposições de arte: um campo de diversas profissões

Curadoria e montagem de exposições de arte: um campo de diversas profissões Curadoria e montagem de exposições de arte: um campo de diversas profissões As oportunidades de trabalho e as novas profissões ligadas à arte contemporânea têm crescido muito nos últimos anos, impulsionadas

Leia mais

Fashion Marketing & Communication

Fashion Marketing & Communication Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE MATRIZ CURRICULAR 2016.1 EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) Consuni nº. 49/15, 2015 de 7 de outubro de 2015. SUMÁRIO 2 1ª FASE... 4 01 DESENHO DE MODA I... 4 02 HISTÓRIA: ARTE E INDUMENTÁRIA...

Leia mais

ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1

ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1 ANEXO AO MODELO DO PLANO DE AULA DO PROCESSO SELETIVO DOCENTE GERAL (PSD-G) 2015.1 ARQUITETURA E URBANISMO Graduar arquitetos e urbanistas com uma sólida formação humana, técnico-científica e profissional,

Leia mais

Design Gráfico DESCRITIVO TÉCNICO

Design Gráfico DESCRITIVO TÉCNICO 40 Design Gráfico DESCRITIVO TÉCNICO A AmericaSkills, por resolução do seu Comitê Técnico, em acordo com o Estatuto e as Regras da Competição, adotou as exigências mínimas que seguem no tocante a esta

Leia mais

Opção Profissional. Design Gráfico. Design Produto. Prof. Dr. João Gomes Filho... 2010

Opção Profissional. Design Gráfico. Design Produto. Prof. Dr. João Gomes Filho... 2010 Opção Profissional? Design Gráfico ou Design Produto Prof. Dr. João Gomes Filho... 2010 CURSO DE DESENHO INDUSTRIAL MEC Ensino Superior Desenho Industrial / Habilitações Projeto do Produto PP (Objetos

Leia mais

CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL

CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL CURSO DE POS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EM FOTOGRAFIA DIGITAL INFORMAÇÕES GERAIS: Em um mercado como o Brasil, país com um enorme potencial de profissionais criativos, fotógrafos sem uma formação adequada, além

Leia mais

REVIT ARQUITECTURE 2013

REVIT ARQUITECTURE 2013 REVIT ARQUITECTURE 2013 O Revit 2013 é um software de Tecnologia BIM, que em português significa Modelagem de Informação da Construção. Com ele, os dados inseridos em projeto alimentam também um banco

Leia mais

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO

APRESENTAÇÃO OBJETIVO DO CURSO 1 APRESENTAÇÃO Segundo Diretrizes Curriculares Nacionais dos Cursos de Graduação em Design (2004), o curso de graduação em Design deve ensejar, como perfil desejado do formando, capacitação para a apropriação

Leia mais

MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS

MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS MBA EM DESIGN DE INTERIORES COMERCIAIS O programa irá prepará-lo para ser um especialista em Design de Interiores Comerciais na elaboração de projetos comerciais ou de serviços. MBA EM DESIGN DE INTERIORES

Leia mais

Missão. Objetivo Geral

Missão. Objetivo Geral SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO Curso: CINEMA E AUDIOVISUAL Missão O Curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Estácio de Sá tem como missão formar um profissional humanista, com perfil técnico e artístico

Leia mais

Especialização em Comunicação Organizacional e Reputação Corporativa - NOVO

Especialização em Comunicação Organizacional e Reputação Corporativa - NOVO Especialização em Comunicação Organizacional e Reputação Corporativa - NOVO Apresentação Previsão de Início Julho/2013 Inscrições em Breve - Turma 01 - Campus Stiep O curso de Comunicação Organizacional

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 MISSÃO DO CURSO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: 4001 Publicidade e Propaganda MISSÃO DO CURSO O curso de Publicidade e Propaganda do Centro Universitário Estácio Radial de São Paulo tem como missão formar

Leia mais

Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno)

Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno) Ementa das disciplinas optativas 2011.1 (em ordem alfabética independente do curso e do turno) Disciplina Ementa Pré- requisito C.H. Curso Assessoria de Comunicação Conhecimento geral, reflexão e prática

Leia mais

DESIGN. 1. TURNO: Noturno GRAU ACADÊMICO: Bacharelado. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos

DESIGN. 1. TURNO: Noturno GRAU ACADÊMICO: Bacharelado. PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos DESIGN 1. TURNO: Noturno GRAU ACADÊMICO: Bacharelado HABILITAÇÃO: Projeto do Produto PRAZO PARA CONCLUSÃO: Mínimo = 4 anos Máximo = 7 anos 2. OBJETIVO/PERFIL DO PROFISSIONAL A SER FORMADO Objetivo: Proporcionar

Leia mais

Arch. Daniele Ravagni Studio di Architettura

Arch. Daniele Ravagni Studio di Architettura Arch. Daniele Ravagni Studio di Architettura www.ravagnistudio.it PROPOSIÇÃO Esta proposta destina-se a arquitetos, estudantes de arquitetura e também pessoas desejosas de aprender língua italiana, que

Leia mais

Especialização em Marketing Digital - NOVO

Especialização em Marketing Digital - NOVO Especialização em Marketing Digital - NOVO Apresentação Previsão de Início Agosto/2013 Inscrições em Breve - Turma 01 - Campus Stiep O ambiente de negócios tem sido modificado pelas Novas Tecnologias da

Leia mais

PROGRAMAÇÃO CURSOS DE FÉRIAS 2016/01

PROGRAMAÇÃO CURSOS DE FÉRIAS 2016/01 PROGRAMAÇÃO CURSOS DE FÉRIAS 2016/01 ÍNDICE A ESCOLA 3 INFRAESTRUTURA 4 METODOLOGIA 7 ATIVIDADE EXTRACLASSE 9 MONITORIA 10 EVENTOS 11 PHOTOSHOP 12 ILLUSTRATOR 13 INDESIGN 14 COREL DRAW 15 FUNDAMENTOS DO

Leia mais

QUADRO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA QUADRO ANTERIOR A 2001 ATÉ O CURRICULO VIGENTE NO PRÓPRIO CURSO - 3 primeiros períodos

QUADRO CURSO DE PUBLICIDADE E PROPAGANDA QUADRO ANTERIOR A 2001 ATÉ O CURRICULO VIGENTE NO PRÓPRIO CURSO - 3 primeiros períodos QUADRO CURSO D PUBLICIDAD PROPAGANDA QUADRO ANTRIOR A 2001 ATÉ O CURRICULO VIGNT NO PRÓPRIO CURSO - 3 primeiros períodos DISCIPLINA A DISCIPLINA B CÓDIGO DISCIPLINA - 2008 C/H CUR -SO DISCIPLINA C/H CÓDIGO

Leia mais

Eixo Tecnológico: DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E SOCIAL

Eixo Tecnológico: DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E SOCIAL Administração Central Unidade do Ensino Médio e Técnico GFAC Grupo de Formulação e Análises Curriculares Eixo Tecnológico: DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E SOCIAL CAPÍTULO 3 PERFIL PROFISSIONAL DE CONCLUSÃO

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO 1 CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM DESIGN GRÁFICO EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS BRUSQUE (SC) Consuni nº. 63/14, 2011 de 10 de dezembro de 2014. 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 3 01 INTRODUÇÃO AO CONHECIMENTO TECNOLÓGICO...

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM FOTOGRAFIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O presente

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 6, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 6, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 6, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 1 Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Arquitetura

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Habilitação Profissional

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu Mídias Digitais Apresentação A emergência de novas tecnologias de informação e comunicação e sua convergência exigem uma atuação de profissionais com visão

Leia mais

Modelagem de informações de. construçãocapítulo1: Capítulo. Objetivo do capítulo

Modelagem de informações de. construçãocapítulo1: Capítulo. Objetivo do capítulo construçãocapítulo1: Capítulo 1 Modelagem de informações de A modelagem de informações de construção (BIM) é um fluxo de trabalho integrado baseado em informações coordenadas e confiáveis sobre um empreendimento,

Leia mais

Universidade. Estácio de Sá. Artes, Design e Moda

Universidade. Estácio de Sá. Artes, Design e Moda Universidade Estácio de Sá Artes, Design e Moda A Estácio Hoje reconhecida como a maior instituição particular de ensino superior do país, a Universidade Estácio de Sá iniciou suas atividades em 1970,

Leia mais

A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA INTENSIVO

A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA INTENSIVO A MAIOR ESCOLA DE FOTOGRAFIA DA AMÉRICA LATINA CURSO COMPLETO BELO HORIZONTE INTENSIVO & RIO DE JANEIRO DE FOTOGRAFIA TODO FOTÓGRAFO EXPERIENTE UM DIA FOI INICIANTE. Vinícius Matos O Curso completo de

Leia mais

AUBR-83 Dicas e Truques. Objetivos:

AUBR-83 Dicas e Truques. Objetivos: [AUBR-83] BIM na Prática: Implementação de Revit em Escritórios de Arquitetura e Engenharia Paulo Henrique Giungi Galvão Revenda TECGRAF Consultor técnico Revit da Revenda TECGRAF AUBR-83 Dicas e Truques

Leia mais

FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL

FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL FACULDADES INTEGRADAS BARROS MELO PROCESSO SELETIVO PARA ALUNOS/ESTÁGIARIOS EDITAL A Profª. Ivânia Maria de Barros Melo dos Anjos Dias, Diretora Geral das Faculdades Integradas Barros Melo, no uso de suas

Leia mais

CURSO DE DESIGN DE MODA

CURSO DE DESIGN DE MODA 1 CURSO DE EMENTÁRIO DAS DISCIPLINAS 2011.1 BRUSQUE (SC) 2013 2 SUMÁRIO 1ª FASE... 3 01 CRIATIVIDADE... 3 02 HISTÓRIA DA ARTE E DO DESIGN... 3 03 INTRODUÇÃO AO... 3 04 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO... 3

Leia mais

CURSO ONLINE CORELDRAW ILUSTRAÇÃO DIGITAL PLANO DE CURSO

CURSO ONLINE CORELDRAW ILUSTRAÇÃO DIGITAL PLANO DE CURSO CURSO ONLINE CORELDRAW ILUSTRAÇÃO DIGITAL PLANO DE CURSO Objetivo: O Curso EAD - CorelDRAW - Ilustração digita tem por objetivo o desenvolvimento de competências relativas a criação de desenhos, logotipos

Leia mais

ampliação dos significados. conhecedor fruidor decodificador da obra de arte

ampliação dos significados. conhecedor fruidor decodificador da obra de arte Comunicação O ENSINO DAS ARTES VISUAIS NO CONTEXTO INTERDISCIPLINAR DA ESCOLA ALMEIDA, Maria Angélica Durães Mendes de VASONE, Tania Abrahão SARMENTO, Colégio Hugo Palavras-chave: Artes visuais Interdisciplinaridade

Leia mais

GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br

GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br GPEC FORMA Formação & Aperfeiçoamento www.gpecforma.com.br CURSO ON-LINE GESTÃO DE PROJETOS E ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA DESIGN DE INTERIORES INSCRIÇÕES ABERTAS! GESTÃO DE PROJETOS E ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA

Leia mais

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS

TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS Saída Profissional 03.01 TÉCNICO DE ARTES GRÁFICAS O Técnico de Artes Gráficas é um profissional qualificado, conhecedor do fluxo de produção gráfica, e apto para o exercício de profissões ligadas à composição,

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JARAGUÁ DO SUL PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN Matriz Curricular do Curso de Design Fase Cód. Disciplina Créditos Carga Horária 01

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 17 DE JUNHO DE 2010 (*)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 17 DE JUNHO DE 2010 (*) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO CÂMARA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 2, DE 17 DE JUNHO DE 2010 (*) Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de graduação em Arquitetura

Leia mais

Apresentação da FAMA

Apresentação da FAMA Pós-Graduação Lato Sensu CURSO DE ESPECIIALIIZAÇÃO 444 horras/aulla 1 Apresentação da FAMA A FAMA nasceu como conseqüência do espírito inovador e criador que há mais de 5 anos aflorou numa família de empreendedores

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO, BACHARELADO CURRÍCULO 1610 REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições

Leia mais

Design Estratégico e Inovação

Design Estratégico e Inovação Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA

PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING E COMUNICAÇÃO DE MODA Coordenadora: Gláucia Centeno 13/04/2015 > 09/2016 400 horas Idioma: Português Aulas: Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 PÚBLICO-ALVO Profissionais com

Leia mais

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking.

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking. Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Pós-Graduação em Marketing de Moda

Pós-Graduação em Marketing de Moda Pós-Graduação em Marketing de Moda Público alvo Indicado para profissionais com formação em Moda, Design, Marketing, Comunicação, Arquitetura, dentre outros, e que atuem ou desejem atuar na área de Moda,

Leia mais

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking.

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking. Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking.

Fase I - Contexto e Pesquisa - Alinhamento dos conceitos de Branding, análise do contexto atual e introdução ao Design Thinking. Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento europeu).

CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento europeu). 43 RELAÇÃO DE EMENTAS CURSO: ARTES VISUAIS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DISCIPLINA: Artes Visuais I CÓDIGO: APL008 Concepções e manifestações artísticas da pré-história ao início da idade moderna. (renascimento

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO CURSO DE DESIGN, BACHARELADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURRICULAR NÃO OBRIGATÓRIO Das Disposições Gerais O estágio não obrigatório,

Leia mais

1) A prática e o aprofundamento das habilidades comunicativas específicas que serão avaliadas nos exames.

1) A prática e o aprofundamento das habilidades comunicativas específicas que serão avaliadas nos exames. C U R S O S ESPECIAIS I n s t i t u t o C e r v a n t e s d e B r a s i l i a CURSOS ESPECIAIS O Instituto Cervantes de Brasília dispõe de uma ampla oferta de cursos especiais para se adaptar as necessidades

Leia mais

III. Formação Corporativa

III. Formação Corporativa I. O Instituto Atualmente, o Instituto Infnet oferece mais de 100 cursos intensivos, graduações, pós-graduações e formações corporativas, organizados em duas escolas: II. Clientes Sendo referência na formação

Leia mais

MANUAL DO CURSO. ESPM - Campus Vila Olímpia. Rua Gomes de Carvalho, 1195 Vila Olímpia São Paulo - SP. Informações

MANUAL DO CURSO. ESPM - Campus Vila Olímpia. Rua Gomes de Carvalho, 1195 Vila Olímpia São Paulo - SP. Informações MBA em Marketing ESPM MANUAL DO CURSO ESPM - Campus Vila Olímpia Rua Gomes de Carvalho, 1195 Vila Olímpia São Paulo - SP Informações Central de Candidatos: (11) 5081-8200 (opção 1) Segunda a sexta 9h às

Leia mais

RESOLUÇÃO. Artigo 3º - O Plano de Implantação, Conteúdo Programático e demais características do referido Curso constam do respectivo Processo.

RESOLUÇÃO. Artigo 3º - O Plano de Implantação, Conteúdo Programático e demais características do referido Curso constam do respectivo Processo. RESOLUÇÃO CONSEPE 59/2001 ALTERA O CURRÍCULO DO CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO, DO CÂMPUS DE ITATIBA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão - CONSEPE,

Leia mais

em nosso primeiro projeto, veremos como utilizar as ferramentas do software gráfico para criar nossas pinturas

em nosso primeiro projeto, veremos como utilizar as ferramentas do software gráfico para criar nossas pinturas formação em pintura digital: A pintura digital abre as possibilidades para que artistas e desenhistas possam mostrar seu talento. Com a transição para o meio digital, os artistas clássicos se especializam

Leia mais

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO

LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Coordenador: Duração: Carga Horária: LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Victor Emanuel Corrêa Lima 6 semestres 2800 horas Situação Legal: Reconhecido pela Portaria MEC nº 503 de 15/02/2006 MATRIZ CURRICULAR Primeiro

Leia mais

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS

GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO APRESENTAÇÃO E GRADE CURRICULAR DOS CURSOS Graduação PROCESSOS GERENCIAIS 1.675 HORAS Prepara os estudantes para o empreendedorismo e para a gestão empresarial. Com foco nas tendências

Leia mais

Pós-Graduação em Marketing de Moda

Pós-Graduação em Marketing de Moda Marketing de Moda Pós-Graduação em Marketing de Moda Aula Inaugural - 29 de abril de 2015 Aulas as segundas e quartas, das 19h às 22h Valor do curso: R$ 16.482,00 À vista com desconto: R$ 15.657,00 Consultar

Leia mais

Integração Laser Scanner - BIM

Integração Laser Scanner - BIM Fernando Cesar Ribeiro Toppar Engenharia de Levantamentos Marcelo Nepomuceno Uso da nuvem de pontos geradas em levantamentos por Laser Scanner para modelagem de geometria e informações para construção

Leia mais

GUIA RÁPIDO DO CURSO TÉCNICO EM DESIGN DE INTERIORES

GUIA RÁPIDO DO CURSO TÉCNICO EM DESIGN DE INTERIORES UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI A Universidade Anhembi Morumbi foi criada em 1970 com o intuito de oferecer o primeiro curso superior de Turismo. Na década de 80, amplia sua oferta de cursos em diferentes

Leia mais

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1

Ementário do curso de Design de Moda Grade 2011/1 1 1 INTRODUÇÃO AO DESIGN DE MODA Terminologias e conceitos da área. Contextualização e processo de moda. Mercado. Ciência e. 2 LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO Leitura analítica e crítica. Gêneros textuais.

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO EM DESIGN 514502 INTRODUÇÃO AO DESIGN Conceituação e história do desenvolvimento do Design e sua influência nas sociedades contemporâneas no mundo e no Brasil.

Leia mais

Design Gráfico e Digital - Curso de Graduação

Design Gráfico e Digital - Curso de Graduação SOBRE O CURSO A graduação em Design Gráfico e Digital tem ênfase na convergência das plataformas da comunicação visual, gráficas e digitais, de forma a ampliar o campo de atuação do aluno. Oferece conteúdos

Leia mais

Universidade Federal do Espírito Santo. Desenho Industrial. Centro de Artes

Universidade Federal do Espírito Santo. Desenho Industrial. Centro de Artes Universidade Federal do Espírito Santo Desenho Industrial Centro de Artes Desenho Industrial técnico e criativo que utiliza imagens e textos para comunicar mensagens, ideias e conceitos. Batizado e amadurecido

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO 2015 Design de Interiores Contemporâneo

PÓS-GRADUAÇÃO 2015 Design de Interiores Contemporâneo Os programas de Pós-Graduação oferecidos pela Faculdade de Tecnologia do Istituto Europeo di Design estão em conformidade legal e atendem as Resoluções CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001 e nº 1, de 8

Leia mais

Marcos Bandeira de Oliveira. Novatec

Marcos Bandeira de Oliveira. Novatec Marcos Bandeira de Oliveira Novatec Copyright 2011 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida a reprodução desta obra, mesmo parcial, por

Leia mais

Plantas Industriais. Objetivo de aprendizado. Sobre o Palestrante. AutoCAD Plant 3D - Inovação em projetos de tubulação

Plantas Industriais. Objetivo de aprendizado. Sobre o Palestrante. AutoCAD Plant 3D - Inovação em projetos de tubulação Plantas Industriais Odair Maciel Dedini Indústrias de Base AutoCAD Plant 3D - Inovação em projetos de tubulação Objetivo de aprendizado Ao final desta palestra você terá condições de: Total conhecimento

Leia mais

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio

Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL. Ensino Médio Ensino Técnico Integrado ao Médio FORMAÇÃO GERAL Ensino Médio ETEC PROFª NAIR LUCCAS RIBEIRO Código: 156 Município: TEODORO SAMPAIO Área de conhecimento: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias Componente

Leia mais

COORDENAÇÃO Lorí Crízel

COORDENAÇÃO Lorí Crízel COORDENAÇÃO Lorí Crízel Arquiteto e Urbanista graduado pela Universidade Católica RS; Mestre em Conforto Ambiental pela Universidade Federal do Rio de Janeiro UFRJ; Professor Substituto do Curso de Arquitetura

Leia mais

EDITAL Nº 12/2011. Art. 1º O processo seletivo compreende o acesso de professores para ao quadro de docentes da Estácio FIC.

EDITAL Nº 12/2011. Art. 1º O processo seletivo compreende o acesso de professores para ao quadro de docentes da Estácio FIC. EDITAL Nº 12/21 Processo Seletivo de Docentes para os Cursos de Arquitetura e Urbanismo e Moda da Estácio FIC 21. A DIRETORA GERAL da Faculdade Estácio do Ceará - Estácio FIC, no uso de suas atribuições

Leia mais

PERFIL DO CURSO INFORMAÇÕES SOBRE AS ATRIBUIÇÕES DOS ARQUITETOS E URBANISTAS INFORMAÇÕES SOBRE O MERCADO DE TRABALHO

PERFIL DO CURSO INFORMAÇÕES SOBRE AS ATRIBUIÇÕES DOS ARQUITETOS E URBANISTAS INFORMAÇÕES SOBRE O MERCADO DE TRABALHO UNIÃO DE ENSINO E CULTURA DE GUARAPUAVA - UNIGUA FACULDADE GUARAPUAVA CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO PERFIL DO CURSO INFORMAÇÕES SOBRE AS ATRIBUIÇÕES DOS ARQUITETOS E URBANISTAS INFORMAÇÕES SOBRE O MERCADO

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MÜLLER-EXTENSÃO CLAUDEMIR FORATINI DE OLIVEIRA. INTEGRANDO AS TICs NO ENSINO DE MATEMÁTICA

ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MÜLLER-EXTENSÃO CLAUDEMIR FORATINI DE OLIVEIRA. INTEGRANDO AS TICs NO ENSINO DE MATEMÁTICA ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MÜLLER-EXTENSÃO CLAUDEMIR FORATINI DE OLIVEIRA INTEGRANDO AS TICs NO ENSINO DE MATEMÁTICA IVINHEMA MS MAIO DE 2010 ESCOLA ESTADUAL SENADOR FILINTO MÜLLER-EXTENSÃO CLAUDEMIR

Leia mais