Diog o l ucato PORTFOLIO 2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Diog o l ucato PORTFOLIO 2015"

Transcrição

1 Diog o l ucato PORTFOLIO 2015

2 tudo que me separava da árvore desapareceu I, cm x 60 cm a montagem

3 tudo que me separava da árvore desapareceu II, cm x 40 cm a montagem

4 tudo que me separava da árvore desapareceu III, cm x 40 cm a montagem

5 lua e venus, cm x 40 cm cada

6 universo de possibilidades, cm x 75 cm

7 aquilo que não tem forma, cm 40 x cm cada

8 as palavras são incompletas, cm x 90 cm

9 campo, cm x 20 cm cada

10 aquilo que se move, cm x 30 cm

11 movimento incessante, cm x 70 cm

12 a inquietude é inerente à matéria, cm x 40 cm / 30 cm x 20 cm

13 como é em cima assim é embaixo, cm x 30 cm / 45 cm x 60 cm

14 relações, cm x 30 cm cada

15 câmara de bolhas, cm x 66 cm

16 contorno, cm x 60 cm / 45 cm x 30 cm

17 ying yang, cm x 50 cm

18 árvore genealógica, cm x 25 cm

19 a massa é apenas uma unidade de energia, cm x 30 cm

20 camadas, cm x 54 cm

21 Devaneios sobre reprodutibilidade técnica, 2012 Impressão fine-art sobre papel algodão 40 x 60 cm

22 Mata Atlântica I, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 60 x 90 cm

23 Mata Atlântica II, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 66 x 100 cm

24 Mata Atlântica III, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 66 x 100 cm

25 Mata Atlântica IV, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 40 x 60 cm

26 Mata Atlântica V, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 110 x 110 cm

27 Mata Atlântica VI, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 90 x 90 cm

28 Mata Atlântica VII, 2012 da série Zona de Exclusão Impressão fine-art sobre papel Awagami 20 x 20 cm

29 Caleidoscópolis I, 2012 da série Caleidoscópolis Impressão fine-art em metacrilato 66 x 100 cm

30 Caleidoscópolis II, 2012 da série Caleidoscópolis Impressão fine-art em metacrilato 66 x 100 cm

31 Caleidoscópolis IV, 2012 da série Caleidoscópolis Impressão fine-art em metacrilato 66 x 100 cm

32 Caleidoscópolis VI, 2012 da série Caleidoscópolis Impressão fine-art em metacrilato 66 x 100 cm

33 Caleidoscópolis VII, 2012 da série Caleidoscópolis Impressão fine-art em metacrilato 66 x 100 cm

34 Mulher, 2009 da série URBI Impressão fine-art sobre papel algodão 20 x 30 cm

35 Sala de Embarque, 2009 da série URBI Impressão fine-art sobre papel algodão 20 x 30 cm

36 Sobre 0 artista [São Paulo, 1981] Jornalista e pós-graduado em fotografia documental pela Universidade Autônoma de Barcelona, Espanha. Encontrou na arte uma forma de dialogar com o que lhe toca a alma, revelar suas camadas. Tem na observação da natureza inspiração para suas reflexões e pesquisas. Exemplo supremo da interação harmônica entre os paradoxos. O movimento constante das coisas. Os ciclos e a repetição. Tensões de seu mundo interior projetadas no cotidiano, que se transforma em laboratório de representação. No campo documental, trabalhou em projetos como a vida social na ex-iugoslavia 20 anos após a traumática separação, e a problemática imigrante em solo europeu, representada nas ruelas do bairro do Raval, em Barcelona. É artista fundador do.aurora (ponto aurora), atelier e espaço cultural multi-disciplinar localizado na Rua Aurora, centro de São Paulo. Formação Pós-Graduação em Fotografia Documental pela Universitat Autónoma de Barcelona, Espanha Especialização em História da Arte e Fotojornalismo na OMICRON, escola de fotografia. Curitiba, Paraná Graduação em Comunicação Social pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Exposições Individuais 2014 Vênus, Ponto Aurora, São Paulo/SP 2010 UR-BI: Dicotomia Urbana, Espaço Quintana, Curitiba/PR Exposições Coletivas 2013.Aurora, Ponto Aurora, São Paulo/SP 2012 Mostra di Artisti Brasiliani, Castello di San Gallo, San Gallo/Itália 2012 Arte de Padova, Pádua/Itália 2011 Desplaziamentos, Universitat Autonoma, Barcelona/Espanha 2010 A cidade que eu vejo, Museu da Imagem e do Som, Campinas/SP

37 PONTO AURORA Rua Aurora, sala 11, República São Paulo - Brazil CEP

Artistas Convidados exposição 2014 30

Artistas Convidados exposição 2014 30 Artistas Convidados exposição 2014 30 Daniel Antunes Pinheiro Nascido em Moçambique, vive e trabalha em Lisboa. É professor auxiliar da Escola de Belas Artes da Universidade de Lisboa na graduação de arte

Leia mais

Graduação em Artes Plásticas - Habilitação em Artes Plástica - Gravura - Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte MG, Brasil

Graduação em Artes Plásticas - Habilitação em Artes Plástica - Gravura - Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte MG, Brasil Nasceu em Itanhém-BA, 1960 Vive e trabalha em Vitória-ES, Formação 1982-1987 Graduação em Artes Plásticas - Habilitação em Artes Plástica - Gravura - Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte

Leia mais

Paula Almozara «Paisagem-ficção»

Paula Almozara «Paisagem-ficção» Rua da Atalaia, 12 a 16 1200-041 Lisboa + (351) 21 346 0881 salgadeiras@sapo.pt www.salgadeiras.com Paula Almozara «Paisagem-ficção» No âmbito da sua estratégia internacional, a Galeria das Salgadeiras

Leia mais

Bel f alleiro s PORTFOLIO 2015

Bel f alleiro s PORTFOLIO 2015 Bel f alleiro s PORTFOLIO 2015 sul, 2013 painel da série Sobre Pedra e Água tinta Acrílica, grafite e giz pastel sobre algodão cru 2,4m x 4,6m Sobre pedra e água, 2013 instalação com os painéis Norte,

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 49 Discurso no encontro com grupo

Leia mais

ANEXO A Projeto básico para a Exposição

ANEXO A Projeto básico para a Exposição 95 1 IDENTIFICAÇÃO: ANEXO A Projeto básico para a Exposição 1.1 Título: Exposição FOTO-CINE CLUBE GAÚCHO MAIS DE 60 ANOS DE FOTOGRAFIA 1.2 Responsável: Margarete Ross Pereira Pacheco 1.3 Curadoria: Direção

Leia mais

BEM VINDO À UNIVERSIDADE POSITIVO www.up.com.br

BEM VINDO À UNIVERSIDADE POSITIVO www.up.com.br BEM VINDO À UNIVERSIDADE POSITIVO www.up.com.br SOBRE CURITIBA Curitiba é a capital e a maior cidade do Paraná, Brasil. De acordo com a revista americana Reader s Digest, Curitiba é o melhor local para

Leia mais

Aulas expositivas, interativas, e práticas.

Aulas expositivas, interativas, e práticas. Muito mais difícil do que aprender a manejar uma câmera é aprender a ver. Saber porque ideias e imagens não existem em separado, e como podemos produzir resultados expressivos e significativos através

Leia mais

32 SARP. Agosto / 2007 MARP15ANOS. Coordenadoria de Artes Visuais MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro

32 SARP. Agosto / 2007 MARP15ANOS. Coordenadoria de Artes Visuais MARP - Museu de Arte de Ribeirão Preto Pedro I n f o r m a t i v o Agosto / 2007 c 0í? RE \O^' 32 SARP Exposições / Bate-papo / Grupo de Estudos / Dança / Simpósio / Workshop MARP15ANOS Coordenadoria de Artes Visuais MARP - Museu de Arte de Ribeirão

Leia mais

Revista Gestão Pública em Curitiba MOMENTOS I ENCONTRO INTERNACIONAL DE CURITIBA EM GESTÃO PÚBLICA Pública Gestão Curitiba 2011 em I Encontro Internacional de Curitiba Gestão Pública para Resultados 44

Leia mais

Oficina Fotográfica Reflexos das Imagens

Oficina Fotográfica Reflexos das Imagens Universidade Federal de Campina Grande Unidade Acadêmica de Arte e Mídia Ilda Imperiano da Costa Oficina Fotográfica Reflexos das Imagens Campina Grande-PB, 2.012 Ilda Imperiano da Costa Oficina Fotográfica

Leia mais

A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar

A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar A Direção Municipal da Cultura dispõe de um conjunto de exposições e de apresentações multimédia, sobre diversos temas, que poderá disponibilizar através de empréstimo, a instituições, nomeadamente, de

Leia mais

Quando o Marajó é Museu: o percurso museológico do padre Giovanni Gallo

Quando o Marajó é Museu: o percurso museológico do padre Giovanni Gallo Quando o Marajó é Museu: o percurso museológico do padre Giovanni Gallo Projeto Tecendo a Museologia Local na Amazônia Paraense: mudanças, perspectivas e ações Autora: Lúcia Santana ULHT- Lisboa, Portugal

Leia mais

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio.

Os pequenos nadas. Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. Os pequenos nadas Uma criação de Anton Coimbra e Nuno Pinto. Produçao de Último Comboio. "Teatro artesanal (...) Tudo em vista: a máquina de cinema minúscula, que eles resgataram do desmantelamento, os

Leia mais

http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html

http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html http://www.clarin.com/br/buenos-aires-presenca-grandeimaginario_0_1360664321.html ENTREVISTA: VIK MUNIZ Buenos Aires tem uma presença muito grande no meu imaginário Gabriela Grosskopf Antunes Ele é um

Leia mais

O Amor. No Centro de Curitiba 1. Melvin QUARESMA 2 Leandro TAQUES 3 Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR

O Amor. No Centro de Curitiba 1. Melvin QUARESMA 2 Leandro TAQUES 3 Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR RESUMO O Amor. No Centro de Curitiba 1 Melvin QUARESMA 2 Leandro TAQUES 3 Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, PR O trabalho discorre sobre a fotografia intitulada O amor. No centro de

Leia mais

O Museu do índio jã tem sua estrutura, organização propria, alguns recursos e acervo rico mas sem local apropriado.

O Museu do índio jã tem sua estrutura, organização propria, alguns recursos e acervo rico mas sem local apropriado. A FUNDAÇÃO DO MUSEU DAS ORIGENS Deve-se compor de cinco museus: - Museu do índio - Museu de Arte Virgem (Museu do Inconsciente) - Museu de Arte Moderna - Museu do Negro - Museu de Artes Populares Os museus

Leia mais

História da Fotografia em Goiás. Prof. Ms. Déborah Rodrigues Borges

História da Fotografia em Goiás. Prof. Ms. Déborah Rodrigues Borges História da Fotografia em Goiás Prof. Ms. Déborah Rodrigues Borges Poucas referências bibliográficas; Fotógrafos pioneiros: registros de profissionais na cidade de Goiás no final do século XIX. Predominância

Leia mais

ENSAIO. L âme de fond. As impressionantes longas exposições de Philippe Mougin estimulam viagens muito além da imaginação

ENSAIO. L âme de fond. As impressionantes longas exposições de Philippe Mougin estimulam viagens muito além da imaginação ENSAIO L âme de fond As impressionantes longas exposições de Philippe Mougin estimulam viagens muito além da imaginação 48 Bola Teixeira Fotos: Philippe Mougin Philippe Mougin é um fotógrafo francês de

Leia mais

ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS

ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS ARTES DA INFÂNCIA 1/5 CABEÇAS 2 3 Artes da Infância infans Do latim, infans significa aquele que ainda não teve acesso à linguagem falada. Na infância adquirimos conhecimentos, acumulamos vivências e construímos

Leia mais

DOSSIER DE IMPRENSA. ICAL, 25 anos em imagens. Museu dos Transportes e Comunicações do Porto

DOSSIER DE IMPRENSA. ICAL, 25 anos em imagens. Museu dos Transportes e Comunicações do Porto DOSSIER DE IMPRENSA ICAL, 25 anos em imagens Museu dos Transportes e Comunicações do Porto De 1 ao 22 de Dezembro de 2014 DOSSIER DE IMPRENSA Índice 1. Apresentação da exposição 2. Ical, 25 anos contando

Leia mais

República de Moçambique Ministério das Finanças SISTAFE

República de Moçambique Ministério das Finanças SISTAFE República de Moçambique Ministério das Finanças SISTAFE Data de Geração: 01/10/2012 Orçamento do Estado para Ano de 2013 Código Designação 0101 Presidência da República 150,000.00 0.00 150,000.00 0105

Leia mais

Sustentabilidade MÍDIA KIT INCLUA SEU ANÚNCIO NA MAIS BELA E JORNALÍSTICA PUBLICAÇÃO BRASILEIRA SOBRE SUSTENTABILIDADE, TEMA QUE DESAFIA A

Sustentabilidade MÍDIA KIT INCLUA SEU ANÚNCIO NA MAIS BELA E JORNALÍSTICA PUBLICAÇÃO BRASILEIRA SOBRE SUSTENTABILIDADE, TEMA QUE DESAFIA A Sustentabilidade INCLUA SEU ANÚNCIO NA MAIS BELA E JORNALÍSTICA PUBLICAÇÃO BRASILEIRA SOBRE SUSTENTABILIDADE, TEMA QUE DESAFIA A HUMANIDADE E PODE SIGNIFICAR A SALVAÇÃO DO PLANETA. Meio Ambiente MAIS QUE

Leia mais

TERCEIRO CONCURSO FOTOGRÁFICO MOMENTO CULTURAL DO TCE-RJ ASTCERJ REGULAMENTO

TERCEIRO CONCURSO FOTOGRÁFICO MOMENTO CULTURAL DO TCE-RJ ASTCERJ REGULAMENTO TERCEIRO CONCURSO FOTOGRÁFICO MOMENTO CULTURAL DO TCE-RJ ASTCERJ REGULAMENTO ARTIGO 1º - APRESENTAÇÃO O Terceiro Concurso Fotográfico promovido pelo Momento Cultural do Tribunal de Contas do Estado do

Leia mais

C U R R I C U L U M V I T A E

C U R R I C U L U M V I T A E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada Luís Miguel Pereira Araújo da Rocha Rua do Teixeira, nº43, 1º 1200-390 Lisboa Telefone 96 252 74 53 Fax 21 342 97 82 Correio electrónico luisrocha.fotografia@gmail.com

Leia mais

POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR?

POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR? POR QUE SONHAR SE NÃO PARA REALIZAR? Como Encontrar a Verdadeira Felicidade Rosanne Martins Introdução Este livro foi escrito com o intuito de inspirar o leitor a seguir o sonho que traz em seu coração.

Leia mais

1970 - VI Salão de Arte Contemporânea de Campinas - Museu de Arte Contemporânea - Campinas - SP

1970 - VI Salão de Arte Contemporânea de Campinas - Museu de Arte Contemporânea - Campinas - SP Ana Vitória Mussi Ana Vitória Mussi nasceu em Laguna SC e vive no Rio de Janeiro. Estuda arte com Ivan Serpa de 1968 a 1971 e fotografia com Kaulino e Ricardo Holanda no SENAC (RJ) de 1972 a 1973. Trabalha

Leia mais

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: Transversalidades A Associação Riograndense de Artes plásticas Francisco Lisboa e o Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul apresentam o regulamento para seleção

Leia mais

Exposição Antônia Célia CONTRASTES

Exposição Antônia Célia CONTRASTES Exposição Antônia Célia CONTRASTES CONTRASTES PINTURAS DE ANTÔNIA CÉLIA GALERIA E ATELIÊ LOURENÇO DE BEM Antônia Célia expressa toda sua sensibilidade ao imprimir em seus trabalhos, todo um universo inconsciente

Leia mais

CURRICULUM EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS

CURRICULUM EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS SILVIA ZASTROW CURRICULUM EXPOSIÇÕES INDIVIDUAIS 2007 - Estudos translúcidos Imagens Organicas Teatro Municipal 2003 - Escultura Monumento instalação permanente na Rodovia BR-101 (Rio/Santos) Bairro Areal

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

Rogério Botelho Rio de Janeiro Firenze 2015

Rogério Botelho Rio de Janeiro Firenze 2015 Rogério Botelho Rio de Janeiro Firenze 2015 Nascido numa cidade pequena em uma das serras próximas ao Rio Paranaíba nas Minas Gerais. Nas proximidades de um de seus braços - o Quebranzol. Patrocínio foi

Leia mais

Laboratório analógico preto e branco

Laboratório analógico preto e branco Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida Laboratório analógico preto e branco por Amauri Fausto Fluxo Escola de Fotografia Expandida Fotografia analógica em preto e branco

Leia mais

RESENHA CRÍTICA A LEITURA DE IMAGENS FOTOGRÁFICAS: PRELIMINARES DA ANÁLISE DOCUMENTÁRIA DE FOTOGRAFIAS.

RESENHA CRÍTICA A LEITURA DE IMAGENS FOTOGRÁFICAS: PRELIMINARES DA ANÁLISE DOCUMENTÁRIA DE FOTOGRAFIAS. FACULDADE DE CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO ISRAEL ANTONIO MANOEL PEREIRA A LEITURA DE IMAGENS FOTOGRÁFICAS: PRELIMINARES DA ANÁLISE DOCUMENTÁRIA DE FOTOGRAFIAS.

Leia mais

Exercícios de desenho utilizando diferentes estratégias de construção de imagens, como transportes, ampliações e colagens.

Exercícios de desenho utilizando diferentes estratégias de construção de imagens, como transportes, ampliações e colagens. Edital SEDAC nº 11/2013 Desenvolvimento da Economia da Cultura FAC - Sociedade Civil Programa de Oficinas do Atelier Subterrânea: do desenho à arquitetura Flávio Gonçalves Oficina: Desenho como Estratégia

Leia mais

Assembleia Parlamentar da União para o Mediterrâneo. II Cimeira de Presidentes de Parlamentos. Lisboa, 11 de maio de 2015

Assembleia Parlamentar da União para o Mediterrâneo. II Cimeira de Presidentes de Parlamentos. Lisboa, 11 de maio de 2015 Assembleia Parlamentar da União para o Mediterrâneo II Cimeira de Presidentes de Parlamentos Lisboa, 11 de maio de 2015 Senhora Presidente da Assembleia da República, Senhores Presidentes, Senhores Embaixadores,

Leia mais

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino.

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Professor: Wiviane Knott Sá Oliveira Silva Forma de Apresentação: Painel Instituição: Colégio Londrinense A poética no olhar

Leia mais

University of Pretoria

University of Pretoria Universidade Cursos Convênio AFRICA DO SUL University of Pretoria Licenciatura ou Bacharelado Educação Física - Licenciatura ou Bacharelado Engenharia Química Fisioterapia Geografia - Licenciatura ou Bacharelado

Leia mais

Deborah Engel alegorias, maneiras de ver, por uma teoria da imagem

Deborah Engel alegorias, maneiras de ver, por uma teoria da imagem Deborah Engel alegorias, maneiras de ver, por uma teoria da imagem Fabiana de Moraes Ver não é apenas simples gesto orgânico, mas complexa operação, em que está em jogo a capacidade de cada um de se separar,

Leia mais

03 eixos de atuação: ENSINO PESQUISA - EXTENSÃO

03 eixos de atuação: ENSINO PESQUISA - EXTENSÃO A Universidade de Cruz Alta, possui uma área construída de 35.785,92m² em seu Campus Universitário, abrigando, nesse espaço, 26 cursos de graduação, cursos de especialização e mestrado, 119 laboratórios,

Leia mais

PROTEÇÃO INTERNACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS E GEOPOLÍTICA: a reinvenção da Cidadania

PROTEÇÃO INTERNACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS E GEOPOLÍTICA: a reinvenção da Cidadania PROTEÇÃO INTERNACIONAL DOS DIREITOS HUMANOS E GEOPOLÍTICA: a reinvenção da Cidadania Ingresso Julho 2014 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/cursosdeferias Proteção Internacional dos Direitos Humanos

Leia mais

EDITAL. A participação no concurso é destinada a fotógrafos amadores, maiores de 18 anos e dar se á na modalidade FOTO DIGITAL.

EDITAL. A participação no concurso é destinada a fotógrafos amadores, maiores de 18 anos e dar se á na modalidade FOTO DIGITAL. SEÇÃO JUDICIÁRIA DO RIO GRANDE DO SUL Rua Otávio Francisco Caruso da Rocha, 600 Bairro Praia de Belas CEP 90010 395 Porto Alegre RS www.jfrs.jus.br Direção do Foro 3 andar Ala Norte Rio Grande, nosso postal

Leia mais

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956).

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956). 1. INTRODUÇÃO 1.1. MINHA RELAÇÃO COM A FOTOGRAFIA Meu pai tinha uma câmara fotográfica. Ele não era fotógrafo profissional, apenas gostava de fotografar a família e os amigos (vide Foto 1). Nunca estudou

Leia mais

Regulamento para Seleção de Exposições nos Espaços Expositivos Prefeitura Municipal de Santa Maria

Regulamento para Seleção de Exposições nos Espaços Expositivos Prefeitura Municipal de Santa Maria A Prefeitura Municipal de Santa Maria, Secretaria de Município da Cultura e o Museu de Arte de Santa Maria comunicam que estão abertas as inscrições aos produtores culturais, artistas plásticos e Visuais,

Leia mais

284 AUTORES palíndromo Teoria e História da arte 2010 / no3 285

284 AUTORES palíndromo Teoria e História da arte 2010 / no3 285 284 AUTORES apresentação dos autores Almerinda da Silva Lopes é doutora em Comunicação e Semiótica (1997, PUC/SP), com pós-doutorado (2002) na Université Paris 1 (Panthéon-Sorbonne), na área de Linguística,

Leia mais

CONTROL+EU. Marcelo Ferrari. 1 f i c i n a. 1ª edição - 1 de agosto de 2015. w w w. 1 f i c i n a. c o m. b r

CONTROL+EU. Marcelo Ferrari. 1 f i c i n a. 1ª edição - 1 de agosto de 2015. w w w. 1 f i c i n a. c o m. b r CONTROL+EU Marcelo Ferrari 1 f i c i n a 1ª edição - 1 de agosto de 2015 w w w. 1 f i c i n a. c o m. b r CONTROL+EU Você não sofre porque tem uma programação mental, você sofre porque sua programação

Leia mais

Antropologia da Face Gloriosa. Arthur Omar

Antropologia da Face Gloriosa. Arthur Omar Antropologia da Face Gloriosa Arthur Omar Arthur Omar é um artista brasileiro múltiplo, com presença de ponta em várias áreas da produção artística contemporânea. Formado em antropologia e etnografia,

Leia mais

SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental

SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental SERRO Regulamento 1º Concurso de Fotografia Ambiental Assim vejo minha comunidade O Programa PreservAÇÃO, em parceria com a Prefeitura Municipal de Serro, torna pública a abertura de inscrições e convida

Leia mais

REGULAMENTO DA MOSTRA DE FOTOGRAFIA E POESIA DA EXTENSÃO RURAL DA AMAZÔNIA Ver- ATER 2014

REGULAMENTO DA MOSTRA DE FOTOGRAFIA E POESIA DA EXTENSÃO RURAL DA AMAZÔNIA Ver- ATER 2014 REGULAMENTO DA MOSTRA DE FOTOGRAFIA E POESIA DA EXTENSÃO RURAL DA AMAZÔNIA Ver- ATER 2014 I. DA APRESENTAÇÃO E REALIZAÇÃO A Mostra de Fotografia e Poesia da Extensão Rural da Amazônia Legal, doravante

Leia mais

FORMAÇÃO ARTÍSTICA E CONSCIÊNCIA AMBIENTAL

FORMAÇÃO ARTÍSTICA E CONSCIÊNCIA AMBIENTAL ARTIGO FORMAÇÃO ARTÍSTICA E CONSCIÊNCIA AMBIENTAL RUSCHMANN, Carla Beatriz Franco Departamento de Arte UFPR carlaruschmann@ufpr.br / Carla@ugr.es A Educação Ambiental, considerada como uma educação em

Leia mais

Currículo DADOS PESSOAIS. Nome: Gustavo Stephan de Souza. Nascimento: 14/03/1967 .07403327-5 IFP 019148187-41 CPF LIVROS:

Currículo DADOS PESSOAIS. Nome: Gustavo Stephan de Souza. Nascimento: 14/03/1967 .07403327-5 IFP 019148187-41 CPF LIVROS: Currículo DADOS PESSOAIS Nome: Gustavo Stephan de Souza Nascimento: 14/03/1967 07403327-5 IFP 019148187-41 CPF LIVROS: Dias na Antártica, relato com texto e fotografias da viagem inaugural do veleiro do

Leia mais

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA

EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA EDITAL PARA EXPOSIÇÃO ARTE + ARTE: LIBERDADE CONTEMPORÂNEA A Associação Riograndense de Artes plásticas Francisco Lisboa e o Instituto Estadual de Artes Visuais apresentam o regulamento para seleção de

Leia mais

T E C N O LO G I A E D U C AC I O N A L LOUSA EDUCACIONAL INTERATIVA

T E C N O LO G I A E D U C AC I O N A L LOUSA EDUCACIONAL INTERATIVA T E C N O LO G I A E D U C AC I O N A L LOUSA EDUCACIONAL INTERATIVA w w w. h o m e l a b. c o m.b r APRESENTAÇÃO Nos últimos anos, o perfil dos alunos no mundo tem mudado em consequência dos estímulos

Leia mais

2014 O Guardião das coisas inúteis, MAMAM, Recife, Brasil. 2012 Chronos, Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil

2014 O Guardião das coisas inúteis, MAMAM, Recife, Brasil. 2012 Chronos, Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil marcelo silveira 1962 nasceu em gravatá vive e trabalha em recife exposições individuais O Guardião das coisas inúteis, MAMAM, Recife, Brasil 2012 Chronos, Galeria Nara Roesler, São Paulo, Brasil 2008

Leia mais

Museu da Vida. Espaços para crianças e adultos

Museu da Vida. Espaços para crianças e adultos Museu da Vida O Museu da Vida foi criado pela Pastoral da Criança com o objetivo de disseminar informação e reflexão relacionadas à saúde, nutrição, educação e cidadania por meio de exposições e ações

Leia mais

FICHA DE CADASTRO EMPRETEC. Município Data: / /

FICHA DE CADASTRO EMPRETEC. Município Data: / / FICHA DE CADASTRO EMPRETEC Município Data: / / Caro Empreendedor, Obrigado por seu interesse pelo Empretec, um dos principais programas de desenvolvimento de empreendedores no Brasil e no Mundo! As questões

Leia mais

Política da Qualidade

Política da Qualidade Política da Qualidade Atuar de forma eficaz e progressiva na execução de obras empresariais, oferecendo ao cliente soluções técnicas para a satisfação de suas expectativas. Pinheirinho Curitiba-PR CEP

Leia mais

As Múltiplas Faces De Um Prédio Histórico 1

As Múltiplas Faces De Um Prédio Histórico 1 As Múltiplas Faces De Um Prédio Histórico 1 Bruno Rafael dos SANTOS 2 Amanda Barbosa LEMES 3 Ana Cristina Herrero de MORAIS 4 Cezar Augusto MOREIRA 5 Debora Cristina dos SANTOS 6 Drieli Costa LOPES 7 Jéssica

Leia mais

GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/

GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/ GRADE CURRICULAR DO BACHARELADO INTERDISCIPLINAREM ARTES E DESIGN http://www.ufjf.br/biad/ ESTRUTURA CURRICULAR DO 1º CICLO Bacharelado interdisciplinar em Artes e Design 3 anos Componentes curriculares

Leia mais

ANÁLISE DE TAREFAS MATEMÁTICAS DOS ALUNOS DO 4 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL I

ANÁLISE DE TAREFAS MATEMÁTICAS DOS ALUNOS DO 4 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL I ANÁLISE DE TAREFAS MATEMÁTICAS DOS ALUNOS DO 4 o ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL I Diego Barboza Prestes 1 Universidade Estadual de Londrina diego_led@hotmail.com Tallys Yuri de Almeida Kanno 2 Universidade

Leia mais

PORTAFOLIO YASMINA GARCÍA AMIGO

PORTAFOLIO YASMINA GARCÍA AMIGO PORTAFOLIO YASMINA GARCÍA AMIGO Chamo-me Yasmina García, tenho 23 anos e actualmente estou no terceiro ano do curso de Arte e Design da Escola Massana. Ao longo do meu percurso por esta escola, pude experimentar

Leia mais

ANEXO I CRONOGRAMA DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO ATIVIDADE DATA LOCAL. Período de Inscrições 03/04/2015 em Comunicação e Política Homologação das

ANEXO I CRONOGRAMA DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO ATIVIDADE DATA LOCAL. Período de Inscrições 03/04/2015 em Comunicação e Política Homologação das ANEXO I CRONOGRAMA DE INSCRIÇÃO E SELEÇÃO ATIVIDADE DATA LOCAL De 23/03/2015 a Período de Inscrições 03/04/2015 Homologação das 07/04/2015 inscrições Análise do Currículo Lattes 10/04/2015 Análise do Pré-projeto

Leia mais

NÚCLEO DE ESTUDOS DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER NA CIDADE DE PONTA GROSSA

NÚCLEO DE ESTUDOS DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA E FAMILIAR CONTRA A MULHER NA CIDADE DE PONTA GROSSA 9. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( X ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO (

Leia mais

De 15 a 18 de julho de 2015 PUC-PR Curitiba/PR

De 15 a 18 de julho de 2015 PUC-PR Curitiba/PR EDITAL DE CHAMADA DE TRABALHOS A Associação Nacional de Educação Católica do Brasil (ANEC) realizará, no período de 15 a 18 de julho de 2015, o III Congresso Nacional de Educação Católica da ANEC. O evento

Leia mais

EDITAL N. 37/2012. 1.2. Coordenador Geral: Alberto Jorge Correia de Barros Lima 1.3. Modalidade: Presencial

EDITAL N. 37/2012. 1.2. Coordenador Geral: Alberto Jorge Correia de Barros Lima 1.3. Modalidade: Presencial EDITAL N. 37/2012 TREINAMENTO EM MEDIAÇÃO A Escola Superior da Magistratura do Estado de Alagoas ESMAL torna pública a abertura de inscrições para o Treinamento em Mediação, com o tema: O processo de mediação

Leia mais

SocialDB Social Digital Library

SocialDB Social Digital Library Social Digital Library Laboratório L3P NARRATIVA DO PROJETO SOCIALDB 06/2015 Gestor de uma coleção "Sou produtor cultural (ou fotógrafo) e quero criar um lugar na internet com uma seleção de obras artísticas

Leia mais

Direito constitucional: repercussão geral e súmulas vinculantes

Direito constitucional: repercussão geral e súmulas vinculantes Direito constitucional: repercussão geral e súmulas vinculantes IDP Veduca 40h Sobre o curso O curso visa o estudo do novo perfil da Jurisdição Constitucional no Brasil. Dois novos institutos foram inseridos

Leia mais

Instituto do Meio Ambiente

Instituto do Meio Ambiente Instituto do Meio Ambiente Instituto do Meio Ambiente Na busca da conscientização sobre a necessidade de zelar pelos recursos naturais para melhoria da qualidade de vida, o Instituto do Meio Ambiente (IMA),

Leia mais

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS

EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS EXPOSIÇÃO DE MOTIVOS A Comenda Pedro Weingärtner é conferida ao artista plástico cujo conjunto de sua obra e atividade tenha efetivamente contribuído para o desenvolvimento das artes plásticas. Nossa homenageada

Leia mais

Departamento de Enfermagem Básica (1 vaga) Processo nº 23071.004115/2009-81

Departamento de Enfermagem Básica (1 vaga) Processo nº 23071.004115/2009-81 Períodos de inscrições: no sítio http://www.concurso.ufjf.br a) Primeiro período: das 09h do dia 11/05/2009 até as 14h do dia 29/05/2009; b) Segundo período: das 09h do dia 22/06/2009 até as 14h do dia

Leia mais

EFEMÉRIDES: A CONSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE DESCONSTRUÇÃO POR MEIO DE RESÍDUOS DE MEMÓRIA. Comunicação: Relato de Pesquisa

EFEMÉRIDES: A CONSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE DESCONSTRUÇÃO POR MEIO DE RESÍDUOS DE MEMÓRIA. Comunicação: Relato de Pesquisa EFEMÉRIDES: A CONSTRUÇÃO DE UM PROCESSO DE DESCONSTRUÇÃO POR MEIO DE RESÍDUOS DE MEMÓRIA Amanda Cristina de Sousa 1 Alexandre França 2 Comunicação: Relato de Pesquisa Resumo: O seguinte trabalho trata

Leia mais

Amarílis Maria de Medeiros Chaves

Amarílis Maria de Medeiros Chaves Amarílis Maria de Medeiros Chaves Amarílis Chaves nasceu em Belo Horizonte, onde muito cedo despertou para as Artes Plásticas, nunca mais tendo parado este percurso, sempre na procura do traço certo, da

Leia mais

Programa ADAI Projetos Brasileiros

Programa ADAI Projetos Brasileiros Programa ADAI Projetos Brasileiros Brasil 1999 1ª Convocatória Arquivo Público da Cidade de Belo Horizonte: Conservação preventiva de acervo audiovisual. Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami:

Leia mais

Inovação e interatividade na exposição Pixel Park: SuperUber Arte e Tecnologia

Inovação e interatividade na exposição Pixel Park: SuperUber Arte e Tecnologia Inovação e interatividade na exposição Pixel Park: SuperUber Arte e Tecnologia PRIMEIRA MOSTRA DE TRABALHOS DA PRODUTORA TRAZ INSTALAÇÕES MULTIMÍDIA INÉDITAS E UMA RETROSPECTIVA. NO INSTITUTO DE ARTES

Leia mais

Design arquitetônico. Jeff Livingston. Sobre o autor

Design arquitetônico. Jeff Livingston. Sobre o autor Design arquitetônico Jeff Livingston Sobre o autor Jeff Livingston nasceu em Lompoc, Califórnia, em 1976. Um entusiasmado nadador com o sonho de se tornar arquiteto, Jeff entrou para a equipe masculina

Leia mais

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012

PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 PROGRAMA DE VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 VOLUNTARIADO SERRALVES EM FESTA 2012 Preparado para mais um Serralves em Festa? É já nos dias 2 e 3 de Junho que se realiza mais uma edição do Serralves

Leia mais

Como melhorar a Imagem do Ensino Superior?

Como melhorar a Imagem do Ensino Superior? Algumas reflexões e possibilidades. Brasília, 30 de agosto de 2010 Mekler Nunes www.universitybusiness.com Artigo: Todos nós temos públicos diferentes mas todo nós temos que enviar as mesmas mensagens

Leia mais

O DESENHO DESTE LADO

O DESENHO DESTE LADO exposiç ão O DESENHO DESTE LADO Março/2010 A mostra O DESENHO DESTE LADO apresenta as propostas gráficas de cinco artistas que tem em comum uma abordagem poética mediada pela figuração. O desenho, evocado

Leia mais

tecnologia estilo de vida reflexão esportividade

tecnologia estilo de vida reflexão esportividade tecnologia estilo de vida reflexão esportividade Revista Audi Audi Magazine não é uma revista sobre carros, por mais que seja editada por uma das mais prestigiadas montadoras do planeta, não dedica suas

Leia mais

Memorial do Imigrante

Memorial do Imigrante Memorial do Imigrante www.memorialdoimigrante.sp.gov.br Juca Martins/Olhar Imagem Localizado no edifício da antiga Hospedaria dos Imigrantes, construída entre 1886 e 1888 para receber os imigrantes recém-chegados

Leia mais

Nossa memória é nossa coerência, nossa razão, nossa ação, nosso sentimento. Sem ela, somos nada." Luis Buñuel, cineasta

Nossa memória é nossa coerência, nossa razão, nossa ação, nosso sentimento. Sem ela, somos nada. Luis Buñuel, cineasta Nossa memória é nossa coerência, nossa razão, nossa ação, nosso sentimento. Sem ela, somos nada." Luis Buñuel, cineasta O MUSEU DA PESSOA Todo ser humano, anônimo ou célebre, tem o direito de eternizar

Leia mais

III SEMANA DO MEIO AMBIENTE

III SEMANA DO MEIO AMBIENTE III SEMANA DO MEIO AMBIENTE Durante a Semana do Meio Ambiente de 2008, o CMJF procurou envolver todos os alunos na discussão e reflexão sobre questões relativas ao ambiente. Através dos coordenadores de

Leia mais

F r anc e s co D i Tillo PORTFOLIO 2015

F r anc e s co D i Tillo PORTFOLIO 2015 F r anc e s co D i Tillo PORTFOLIO 2015 iustitium, 2014 impressão jato de tinta P&B sobre folhas de papel a4 dispostas na parede 90 cm x 60 cm #housing, 2014 da série Master Plan colagem e transfer de

Leia mais

1» A revolução educacional e a educação em valores 11

1» A revolução educacional e a educação em valores 11 Sumário Introdução 9 1» A revolução educacional e a educação em valores 11 Introdução 12 As causas da revolução educacional 12 O triplo desafio pedagógico 14 Da transmissão à educação 15 O que pretende

Leia mais

CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS

CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS CORPO DOCENTE DO CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL RELAÇÕES PÚBLICAS Alcyr de Morisson Faria Neto (Especialista) Regime de Trabalho: Área de conhecimento: Engenharia Qualificação profissional: Arquitetura e

Leia mais

SUGESTÕES DE ATIVIDADES PARA APLICAÇÃO DA METODOLOGIA DE ACOMPANHAMENTO DE ACADÊMICOS DO PROJETO COMUNITÁRIO DA PUCPR

SUGESTÕES DE ATIVIDADES PARA APLICAÇÃO DA METODOLOGIA DE ACOMPANHAMENTO DE ACADÊMICOS DO PROJETO COMUNITÁRIO DA PUCPR PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO PARANÁ PUCPR PRÓ-REITORIA COMUNITÁRIA DIRETORIA DE PASTORAL E IDENTIDADE INSTITUCIONAL NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS SUGESTÕES DE ATIVIDADES PARA APLICAÇÃO DA METODOLOGIA

Leia mais

Como os artistas passam a encarar a preservação de sua obra, no contexto do museu ou fora dele?

Como os artistas passam a encarar a preservação de sua obra, no contexto do museu ou fora dele? A RESPEITO DAS OBRAS QUE NÃO CABEM NO MUSEU DEPOIMENTO DE LUCAS BAMBOZZI A REGINA SILVEIRA, POR OCASIÃO DE SUA PARTICIPAÇÃO NO SEMINÁRIO TRANSMUSEU - PENSANDO A RESERVA TÉCNICA DE UM MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA

Leia mais

Manual de Identidade Visual e Aplicação da marca do Governo do Estado de Mato Grosso

Manual de Identidade Visual e Aplicação da marca do Governo do Estado de Mato Grosso Manual de Identidade Visual e Aplicação da marca do Governo do Estado de Mato Grosso Manual de Identidade Visual e Aplicação da Logomarca do Governo do Estado de Mato Grosso Este manual foi desenvolvido

Leia mais

Campos Carlos Luz. Dia 15 de setembro (manhã):

Campos Carlos Luz. Dia 15 de setembro (manhã): Campos Carlos Luz Dia 15 de setembro (manhã): Palestra: Erros essenciais no Direito Penal Convidado: Alexandre Victor de Carvalho Pós-graduado em Ciências Penais pela Universidade Gama Filho-RJ. Bacharel

Leia mais

personal cool brand anouk pappers & maarten schäfer

personal cool brand anouk pappers & maarten schäfer personal cool brand Os holandeses Anouk Pappers e Maarten Schäfer, da CoolBrands, trabalham há 12 anos fazendo storytelling para marcas, que se trata de extrair histórias sobre elas por meio de conversas

Leia mais

CURRICULUM VITAE. Nome: Edemar Antônio Zilio Junior. Atividade Profissional: Advogado/Professor

CURRICULUM VITAE. Nome: Edemar Antônio Zilio Junior. Atividade Profissional: Advogado/Professor 1 CURRICULUM VITAE Nome: Edemar Antônio Zilio Junior Atividade Profissional: Advogado/Professor 2 CURRICULUM VITAE IDENTIFICAÇÃO: Nome: Edemar Antônio Zilio Junior Atividade Profissional: Advogado/Professor

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO A Promotora do Prêmio Comigo de Jornalismo alterou os itens [1.1 e 1.2], tornando-se necessário ajustar o Regulamento do mesmo, que

Leia mais

INFORME UVV-ES Nº19 24-30/06 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional

INFORME UVV-ES Nº19 24-30/06 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional UVV POST Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional UVV POST ENTRA DE FÉRIAS Mais um semestre chega ao m e o UVV Post entra de férias junto com quem ele

Leia mais

Álbum Sanfonado. Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal

Álbum Sanfonado. Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal Álbum Sanfonado 1 Técnica utilizada: cartonagem com utilização de papel reciclado com sisal Materiais 2 Papel reciclado com sisal. Papelão Paraná. Papel color plus gramatura 180 g/m² ou cartolina. Lápis

Leia mais

M A. Projeto Exposições 2010. Museu Universitário de Arte

M A. Projeto Exposições 2010. Museu Universitário de Arte M A Museu Universitário de Arte Projeto Exposições 2010 Termos para inscrições de artistas, curadores e demais interessados em participar do calendário de exposições do ano de 2010/2011 do Museu Universitário

Leia mais

FOTOGRAFIA: Uma experiência entre arte e vida

FOTOGRAFIA: Uma experiência entre arte e vida FOTOGRAFIA: Uma experiência entre arte e vida Mariete Taschetto Uberti 1 Resumo: A proposição deste ensaio originou-se de um projeto desenvolvido junto a uma turma de 7º ano, de uma Escola Rural de Ensino

Leia mais

MOBILIDADE URBANA: OS MODAIS DE TRANSPORTE

MOBILIDADE URBANA: OS MODAIS DE TRANSPORTE Engº Emiliano Affonso Neto 20 de Setembro de 2013 Realização: ASPECTOS A SEREM ABORDADOS 1. A Escolha do Modo de Transporte 2. Modos de Transporte 3. Recomendações ASPECTOS A SEREM ABORDADOS 1. A Escolha

Leia mais

Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19

Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19 Sumário Introdução, 11 Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19 Vencendo os obstáculos, 27 Pau e pedra, 31 Fortalecendo os laços,

Leia mais