42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de Curitiba - PR 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1"

Transcrição

1 1 RAPHAEL CARDOSO CLIMACO¹, MAIRA SANTOS SEVERO CLIMACO 2, CAMILA CAROLINE CARLINI 3, WEMERSON DE SANTANA NERES 3, MORGANA OLIVEIRA EUGÊNIO 3 ¹Médico Veterinário, Centro Médico Veterinário Mr. Zoo, Aracaju, Sergipe ²Prof.ª Dr.ª em Medicina Veterinária, Universidade Federal de Sergipe ³Graduando (a) em Medicina Veterinária, Universidade Federal de Sergipe NEFROLITÍASE BILATERAL EM CÃO - RELATO DE CASO RESUMO: Urólitos ou cálculos urinários são concentrações formadas em qualquer parte do sistema urinário pela supersaturação de substancias na urina. Objetivou-se, com este trabalho, relatar um caso de nefrolitíase bilateral em um canino da raça Pit bull, de 9 anos de idade. O animal foi atendido apresentando apatia, dor abdominal e hematúria. Nos exames ultrassonográfico e radiográfico foi possível diagnosticar a presença de urólitos de 9 cm e 7 cm, em rim direito e esquerdo, respetivamente. Foi realizada nefrotomia bilateral para a remoção dos cálculos, sendo a recuperação do animal considerada satisfatória. A urolitíase é comumente relatada na clínica de pequenos animais, no entanto, nas dimensões e disposição encontradas, torna-se um achado raro. PALAVRAS-CHAVE: Canino; Nefrólito; Rim; Urolítiase BILATERAL NEFROLITHIASIS IN DOG - CASE REPORT 2047

2 2 Abstract: Uroliths or urinary calculi concentrations are concretions formed anywhere in the urinary system by supersaturation of urinary substances. The objective of this study was to report a case of bilateral nephrolithiasis in a canine breed Pit bull, 9 years old. The animal was attended presenting apathy, abdominal pain and hematuria. In ultrasound and radiographic examinations it was possible to diagnose the presence of uroliths of 9 cm and 7 cm, in left and right kidney, respectively. Bilateral nephrotomy was performed for removal of the calculi and the anemal recovery was considered satisfactory. The urolithiasis is commonly reported in the small animals clinic, however, the dimensions and provision found, becomes a rare finding. KEY-WORDS: Canine; Nephrolith; Kidney; Urolithiasis INTRODUÇÃO Urólitos ou cálculos urinários são concentrações formadas em qualquer parte do sistema urinário pela supersaturação de um ou maus substancias da urina (Lulich et al, 2004; Newman et al, 2009). São denominados, de acordo com sua localização, em nefrólitos (rins), ureterólitos (ureteres), urocistólitos (bexiga) e uretrólitos (uretra). A maioria dos urólitos em cães ((95%) são encontrados na vesícula urinária ou na uretra, assim somente 5% são localizados nos rins ou nos ureteres (Silva Filho et al., 2013). As raças de pequeno porte, como, Yorkishire, Schanauzer e Poodle, são as mais predispostas (Ariza, 2012). Quadros de hematúria, polaciúria e disúria são frequentes, devido à inflamação resultante da presença do cálculo no trato urinário (Quitzan et al., 2000). O diagnóstico da urolitíase baseia-se na anamnese, no exame físico e em exames complementares tais como radiografias, ultrassonografia abdominal e exames laboratoriais (Silva Filho et al., 2013). O tratamento clinico consistem em subsaturar a urina, modificar a 2048

3 3 dieta e tentar aumentar o volume urinário (Lulich et al., 2004). A cirurgia é indicada em caso onde os cálculos são grandes, onde não foi possível a dissolução médica, e/ou principalmente em casos de obstrução do fluxo urinário (Silva Filho et al., 2013). RELATO DO CASO Um canino, macho, da raça Pit bull, com 9 anos de idade, foi atendido apresentando apatia e hematúria. Ao exame físico o animal apresentou como única alteração, dor abdominal. Hemograma e bioquímica sérica foram realizados, sendo observado creatina elevada (4,0). Também foram solicitados exames ultrassonográficos e radiográficos, sendo diagnosticado nefrólito em rim direito (9 cm) e em rim esquerdo (7cm) (Figura 1). O paciente foi estabilizado, a dor abdominal controlada, sendo então realizada a nefrotomia bilateral para remoção dos cálculos (Figura 2). Figura 1: Imagens radiográficas nas projeções ventro-dorsal (VD) e latero-lateral (LL). Notar a presença dos nefrólitos bilaterais (setas). Dez dias após o procedimento cirúrgico o animal retornou para retirada dos pontos, mostrando-se em boas condições de recuperação. 2049

4 4 O animal foi acompanhado durante 60 dias, sendo realizados novos exames laboratoriais. O último exame bioquímico renal revelou creatinina de 1,5, que se manteve estável até a alta do paciente. Figura 2: Urólitos retirados após nefrotomia. DISCUSSÃO Nefrólitos e ureterólitos correspondem a 5% dos urólitos observados na clínica de pequenos animais, sendo assim considerado incomuns (Silva Filho et al., 2013). As raças de pequeno porte são consideradas as mais predispostas (Ariza, 2012), diferentemente observado neste relato. A hematúria é considerada um sintoma frequente em pacientes acometidos por urólitos, estando normalmente relacionada a inflamação associada a presença do cálculo (Quitzan et al., 2004). Além da anamnese e do exame físico, exames radiográficos e ultrassonográficos são considerados muito importantes para o diagnóstico da urolitíase (Silva Filho et al., 2013). Devido às dimensões dos nefrólitos, o 2050

5 5 tratamento de eleição foi o cirúrgico (Lulich et al., 2004), sendo realizada a nefrotomia bilateral. CONCLUSÃO A nefrolitíase é considerada uma afecção de baixa incidência na clínica de pequenos animais, sendo raramente diagnosticados nefrólitos de grandes dimensões. Mesmo diante do tamanho dos urólitos e da sua disposição bilateral, a nefrotomia mostrou excelentes resultados, possibilitando uma recuperação satisfatória do paciente, que recebeu alta após 60 dias de acompanhamento. REFERÊNCIAS ARIZA, P. C. Epidemiologia da urolitíase de cães e gatos f. Seminários (Pós-graduação em Ciência Animal) Escola de Veterinária e Zootecnia, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, LULICH, J. O.; OSBORNE, C.A.; BARTGES, J. W.; LEKCHAROENSUK, C. Distúrbios do trato urinário inferior dos caninos. In: ETTINGER, S. J.; FELDMAN, E. C. Tratado de medicina interna veterinária. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 2004, v.2, p NEWMAN S. J., CONFER, A. W. & PANCIERA R. J Sistema Urinário. In: McGavin M.D. & Zachary J. F. Bases da Patologia Veterinária. St Louis 4 th ed. Mosby-Elsevier, 2009, p QUITZAN, J. G. et al. Análise qualitativa de cálculos relacionada com idade, sexo, raça e localização no trato urinário de cães. Brazilian Journal os Veterinary Research and Animal Science, v. 41, p , SILVA FILHO, E. F. et al. Urolitíase canina. Enciclopédia Biosfera, Centro Cientifico Conhecer. Goiânia, v. 9, n. 17, p. 2517,

6 6 2052

DOENÇA DE LEGG-CALVÉ- PERTHES EM HAMSTER SÍRIO (MESOCRICETUS AURATUS) - RELATO DE CASO

DOENÇA DE LEGG-CALVÉ- PERTHES EM HAMSTER SÍRIO (MESOCRICETUS AURATUS) - RELATO DE CASO 1 RAPHAEL DE CARVALHO CLÍMACO 1, MAÍRA SANTOS SEVERO CLÍMACO 2, JÉSSICA SOUZA DIAS 3, CAMILA CAROLINE CARLINI 3, WEMERSON DE SANTANA NERES 3, DANIELA DOS SANTOS 3 1 Médico Veterinário Autônomo, Centro

Leia mais

UROLITÍASE VESICAL E URETRAL EM UM CÃO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO. Tairon Pannunzio Dias e Silva 1, Francisco Lima Silva 2

UROLITÍASE VESICAL E URETRAL EM UM CÃO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO. Tairon Pannunzio Dias e Silva 1, Francisco Lima Silva 2 UROLITÍASE VESICAL E URETRAL EM UM CÃO: DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO Tairon Pannunzio Dias e Silva 1, Francisco Lima Silva 2 1. Graduando em Medicina Veterinária (tairon.mvet@gmail.com) Universidade Federal

Leia mais

XXIII CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA

XXIII CONGRESSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DA UFLA CONTRIBUIÇÃO DA ULTRASSONOGRAFIA NO DIAGNÓSTICO DE LITÍASES EM URETRA PENIANA EM UM SCHNAUZER: RELATO DE CASO NATHALIA BRANT MALTA SALGUEIRO 1, PATRÍCIA DE CASTRO STEHLING 2, PAULA LAISE RIBEIRO DE OLIVEIRA

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Neoplasias de glândulas perianais em cães Ciro José Sousa de Carvalho 1, Sâmmya Roberta Barbosa 2, Francisco Assis Lima Costa 3, Silvana Maria Medeiros

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 1 ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 CAIO FERNANDO GIMENEZ 1, TATIANE MORENO FERRARIAS 1, EDUARDO FERNANDES BONDAN 1 1 Universidade

Leia mais

UROLITÍASE CANINA RELATO DE CASO UROLITHIASIS DOG - CASE REPORT

UROLITÍASE CANINA RELATO DE CASO UROLITHIASIS DOG - CASE REPORT UROLITÍASE CANINA RELATO DE CASO UROLITHIASIS DOG - CASE REPORT MURAKAMI, Vanessa Yurika Acadêmica da FAMED Faculdade de Medicina Veterinária da ACEG Associação Cultural e Educacional de Garça Garça São

Leia mais

FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT

FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT 1 FIBROLEIOMIOMA EM UMA CADELA DA RAÇA PASTOR ALEMÃO - RELATO DE CASO FIBROLEIOMYOMAS IN ONE BITCH OF GERMAN SHEPHERD BREED CASE REPORT ¹JÉSSICA DO ROCIO RIBAS MACHADO, ¹KELLI CRISTINA GRACIANO, ¹CAROLINA

Leia mais

Urolitíase - Estruvita

Urolitíase - Estruvita V e t e r i n a r i a n D o c s Urolitíase - Estruvita Definição Urolitíase é definida como a formação de uma ou mais concreções policristalinas no interior do trato urinário, sendo os urólitos de estruvita

Leia mais

HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO

HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO 1 HIPERFLEXÃO DO CARPO EM CÃO ADULTO RELATO DE CASO JULIANO MORELLI MARANGONI¹, RICARDO LIMA SALOMAO 2, ELZYLENE LÉGA PALAZZO 3, PAULA FERREIRA DA COSTA 3, PATRICIA NADJA DE OLIVEIRA REY 4, MARINA LAUDARES

Leia mais

LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO

LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO LEUCEMIA LINFOCÍTICA CRÔNICA EM CÃO RELATO DE CASO LUCIANE CAMILA HISCHING 1, FABIOLA DALMOLIN 2, JOELMA LUCIOLI 3, THIAGO NEVES BATISTA 3, JOSÉ EDUARDO BASILIO DE OLIVEIRA GNEIDING 3. 1 Discente Medicina

Leia mais

UFPI PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL/ 2015-2018

UFPI PLANO DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL/ 2015-2018 Hospital de ensino, com funcionamento 24 horas, inaugurado em 09 de setembro de 2003. - Atende ao ensino de graduação em Medicina Veterinária - Pós-graduação - Execução das atividades dos Programas de

Leia mais

Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES. Traumatismos. Urolitíase. Neoplasias. Infecções do trato t urinário

Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES. Traumatismos. Urolitíase. Neoplasias. Infecções do trato t urinário CIRURGIAS DO OSS SISTEMA URINÁRIO Prof. Dr. João Moreira da Costa Neto Departamento de Patologia e Clínicas Escola de Medicina Vetrinária -UFBA Cirurgias do sistema urinário INDICAÇÕES Traumatismos Urolitíase

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Tratamento endodôntico em Gato Doméstico (Felis Catus): Relato de caso Jaime Sardá Aramburú Junior 1, Cristiano Gomes 2, Ney Luis Pippi 3, Paulo

Leia mais

INGESTÃO DE CORPO ESTRANHO EM CÃES RELATO DE CASO FOREIGN BODY INGESTION IN DOGS CASE REPORT

INGESTÃO DE CORPO ESTRANHO EM CÃES RELATO DE CASO FOREIGN BODY INGESTION IN DOGS CASE REPORT INGESTÃO DE CORPO ESTRANHO EM CÃES RELATO DE CASO FOREIGN BODY INGESTION IN DOGS CASE REPORT PARRA, Thaís Carvalho better_than you @hotmail.com BERNO, Matheus D. B. matheus-berno@hotmail.com GUIMARÃES,

Leia mais

DIAGNÓSTICO DE DERMATOPATIAS EM EQUINOS ATRAVÉS DO MÉTODO DE TRICOGRAMA

DIAGNÓSTICO DE DERMATOPATIAS EM EQUINOS ATRAVÉS DO MÉTODO DE TRICOGRAMA 1 DIAGNÓSTICO DE DERMATOPATIAS EM EQUINOS ATRAVÉS DO MÉTODO DE TRICOGRAMA Victor Fernando Santana LIMA 1 ; Gabriela da Cruz PIEDADE 2 ; Taynar Lima BEZERRA 2 ; Anderson de Jesus SANTOS 2 ; Luana Regina

Leia mais

Urolitíase em 76 cães 1

Urolitíase em 76 cães 1 Urolitíase em 76 cães 1 Maria Andréia Inkelmann 2, Glaucia D. Kommers 3 *, Maria Elisa Trost 2, Claudio S.L. Barros 3, Rafael A. Fighera 3, Luiz Francisco Irigoyen 3 e Isadora P. Silveira 4 ABSTRACT.-

Leia mais

EPIDEMIOLOGIA DA UROLITÍASE DE CÃES E GATOS

EPIDEMIOLOGIA DA UROLITÍASE DE CÃES E GATOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS ESCOLA DE VETERINÁRIA E ZOOTECNIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL Disciplina: SEMINÁRIOS APLICADOS EPIDEMIOLOGIA DA UROLITÍASE DE CÃES E GATOS Paula Costa Ariza

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007.

ESTUDO RETROSPECTIVO DOS TUMORES MAMÁRIOS EM CANINOS E FELINOS ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FAMED ENTRE 2003 A 2007. REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA - ISSN 1679-7353 PUBLICAÇÃO CI ENTÍFICA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA DE GARÇA/FAMED ANO IV, NÚMERO, 08, JANEIRO DE 2007. PERIODICIDADE:

Leia mais

Serviço de Diagnóstico por Imagem serviço de ultrassonografia e radiologia

Serviço de Diagnóstico por Imagem serviço de ultrassonografia e radiologia TÍTULO Serviço de Diagnóstico por Imagem serviço de ultrassonografia e radiologia AUTORES NUNES, H.R. 1 ; BRAGATO, N. 2 ; PÁDUA, F.M.O².; BORGES, N.C.³. PALAVRAS-CHAVE Diagnóstico por imagem, exame complementar,

Leia mais

RADIOGRAFIA ABDOMINAL. Profª Drª Naida Cristina Borges

RADIOGRAFIA ABDOMINAL. Profª Drª Naida Cristina Borges RADIOGRAFIA ABDOMINAL Profª Drª Naida Cristina Borges Produção de Radiografias Diagnósticas Preparo adequado jejum/enema Pausa da inspiração evita o agrupamento das vísceras Indicações para a Radiologia

Leia mais

HIPERADRENOCORTICISMO EM CÃES

HIPERADRENOCORTICISMO EM CÃES 25 a 28 de Outubro de 2011 ISBN 978-85-8084-055-1 HIPERADRENOCORTICISMO EM CÃES Veruska Martins da Rosa 1, Caio Henrique de Oliveira Carniato 2, Geovana Campanerutti Cavalaro 3 RESUMO: O hiperadrenocorticismo

Leia mais

UROLITÍASE CAUSADA POR OXALATO DE CÁLCIO EM FELINOS

UROLITÍASE CAUSADA POR OXALATO DE CÁLCIO EM FELINOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO UROLITÍASE CAUSADA POR OXALATO DE CÁLCIO EM FELINOS Autora: Patrícia Pisoni da Rosa Porto Alegre

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Metástase de tumor venéreo transmissivo disseminado na pele de um cão: Relato de caso Catarina Rafaela Alves da Silva 1 ; Francisco Lima Silva 2

Leia mais

LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG

LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG LEVANTAMENTO DOS DADOS DOS ATENDIMENTOS ULTRASSONOGRÁFICOS DO SERVIÇO DE DIAGNÓSTICO POR IMAGEM DO HV/EVZ/UFG BRAGATO, Nathália. 1 ; PÁDUA, Fernanda Maria Ozelim de 1 ; COSTA, Ana Paula Araújo.; SILVA,

Leia mais

EDITAL Nº 01/COREMU/UFRA/2016 ANEXO III ROTEIRO DA PROVA PRÁTICA ESPECÍFICA POR ÁREA

EDITAL Nº 01/COREMU/UFRA/2016 ANEXO III ROTEIRO DA PROVA PRÁTICA ESPECÍFICA POR ÁREA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DA AMAZÔNIA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM ÁREA PROFISSIONAL DE SAÚDE EM MEDICINA VETERINÁRIA EDITAL Nº 01/COREMU/UFRA/2016

Leia mais

UROLITÍASE CANINA. Recebido em: 30/09/2013 Aprovado em: 08/11/2013 Publicado em: 01/12/2013

UROLITÍASE CANINA. Recebido em: 30/09/2013 Aprovado em: 08/11/2013 Publicado em: 01/12/2013 UROLITÍASE CANINA Edgar Ferreira da Silva Filho 1, Tales Dias do Prado 2, Rejane Guerra Ribeiro 3, Rogério Marques Fortes 4 1.Médico Veterinário Graduado em Medicina Veterinária na UniRV Universidade de

Leia mais

Área de concentração: CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS

Área de concentração: CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS Área de concentração: CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS 1. Terapêutica Clínica Geral: a. Equilíbrio ácido-básico e hidro-eletrolítico. b. Fluidoterapia. c. Terapêutica hematológica (transfusões). d. Utilização

Leia mais

ARTRITE REUMATOIDE CANINA RELATO DE CASO

ARTRITE REUMATOIDE CANINA RELATO DE CASO 1 ARTRITE REUMATOIDE CANINA RELATO DE CASO REBECA BACCHI-VILLANOVA 1, GUILHERME FERNANDO DE CAMPOS 2 ; POLIANA FREITAS 2 ; SABRINA MARIN RODIGHERI 3 ; PATRÍCIA MOSKO 1 ; ALYNE ARIELA 2 1 Doutoranda do

Leia mais

INFECÇÃO POR DIOCTOPHYMA RENALE COM LOCALIZAÇÃO LIVRE EM CAVIDADE ABDOMINAL DE LOBO-GUARÁ (CHRYSOCYON BRACHYURUS) - RELATO DE CASO

INFECÇÃO POR DIOCTOPHYMA RENALE COM LOCALIZAÇÃO LIVRE EM CAVIDADE ABDOMINAL DE LOBO-GUARÁ (CHRYSOCYON BRACHYURUS) - RELATO DE CASO INFECÇÃO POR DIOCTOPHYMA RENALE COM LOCALIZAÇÃO LIVRE EM CAVIDADE ABDOMINAL DE LOBO-GUARÁ (CHRYSOCYON BRACHYURUS) - RELATO DE CASO Elaine Gomes Vieira 1, Guilherme Vidigal Bello de Araújo 2, André Luiz

Leia mais

EXAMES DE FUNÇÃO RENAL UTILIZADOS NA MEDICINA VETERINÁRIA

EXAMES DE FUNÇÃO RENAL UTILIZADOS NA MEDICINA VETERINÁRIA EXAMES DE FUNÇÃO RENAL UTILIZADOS NA MEDICINA VETERINÁRIA BORGES, Karina Evaristo POLIZER, Kassiane Aparecida SILVÉRIO, Marianne Rodrigues GIMENES, Tiago Favarro BERMEJO, Vanessa Justiniano karina.evaristo@ig.com.br

Leia mais

Relato de caso: Hiperestrogenismo em cão decorrente de sertolioma

Relato de caso: Hiperestrogenismo em cão decorrente de sertolioma PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Relato de caso: Hiperestrogenismo em cão decorrente de sertolioma Amanda Furjan Rial 1 ; Scharla Walesca 1 ; Vanessa Satie Yamanaka 1 ; Lilian Helena

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde Bruno Barros TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (T.C.C.)

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde Bruno Barros TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (T.C.C.) UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ Faculdade de Ciências Biológicas e da Saúde Bruno Barros TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (T.C.C.) Curitiba 2012 TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (T.C.C.) Curitiba 2012 Bruno

Leia mais

PIELONEFRITE EM PEQUENOS ANIMAIS - REVISÃO DE LITERATURA PYELONEPHRITIS IN SMALL ANIMALS - REVISION OF LITERATURE

PIELONEFRITE EM PEQUENOS ANIMAIS - REVISÃO DE LITERATURA PYELONEPHRITIS IN SMALL ANIMALS - REVISION OF LITERATURE PIELONEFRITE EM PEQUENOS ANIMAIS - REVISÃO DE LITERATURA PYELONEPHRITIS IN SMALL ANIMALS - REVISION OF LITERATURE GALVÃO, André Luiz Baptista Médico Veterinário, Pós-graduando em Medicina Veterinária da

Leia mais

Qual o tamanho da próstata?

Qual o tamanho da próstata? É o aumento benigno do volume da próstata. A próstata é uma glândula situada na parte inferior da bexiga e anterior ao reto. No seu interior passa a uretra (o canal pelo qual a urina é eliminada do corpo).

Leia mais

Câncer de Próstata. Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho

Câncer de Próstata. Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho Câncer de Próstata Fernando Magioni Enfermeiro do Trabalho O que é próstata? A próstata é uma glândula que só o homem possui e que se localiza na parte baixa do abdômen. Ela é um órgão muito pequeno, tem

Leia mais

UROLITÍASE URETERAL FELINA

UROLITÍASE URETERAL FELINA CENTRO UNIVERSITÁRIO DA GRANDE DOURADOS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM CLÍNICA MÉDICA E CIRÚRGICA DE FELINOS CAROLINA MANENTI PERUCHI UROLITÍASE URETERAL FELINA FLORIANÓPOLIS 2011

Leia mais

DISCOESPONDILITE EM CÃO (Canis familiaris)

DISCOESPONDILITE EM CÃO (Canis familiaris) REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA - ISSN 1679-7353 P UBLICAÇÃO C IENTÍFICA DA F ACULDADE DE M EDICINA V ETERINÁRIA E Z OOTECNIA DE G ARÇA/FAMED A NO III, NÚMERO, 06, JANEIRO DE 2006.

Leia mais

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW

TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW TUMOR VENÉREO TRANSMISSÍVEL (TVT) - REVISÃO DE LITERATURA TRANSMISSIBLE VENERAL TUMOR (TVT) REVIEW SANTOS, Mariana Soares Pereira dos Acadêmica do curso de Medicina Veterinária da Faculdade de Medicina

Leia mais

RADIOLOGIA DO SISTEMA URINÁRIO

RADIOLOGIA DO SISTEMA URINÁRIO RADIOLOGIA DO SISTEMA URINÁRIO Aspectos Radiográficos Normais de Rins e Ureteres Visualização variável da imagem renal quanto ao número, forma, contorno, tamanho, posição e densidade (intermediária entre

Leia mais

MARCELA MALVINI Ocorrência de cálculo renal e/ou ureteral em gatos com doença renal

MARCELA MALVINI Ocorrência de cálculo renal e/ou ureteral em gatos com doença renal MARCELA MALVINI Ocorrência de cálculo renal e/ou ureteral em gatos com doença renal MESTRADO MARCELA MALVINI PIMENTA Ocorrência de cálculo renal e/ou ureteral em gatos com doença renal crônica atendidos

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de fisioterapia na síndrome do filhote nadador em felino doméstico

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de fisioterapia na síndrome do filhote nadador em felino doméstico PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Utilização de fisioterapia na síndrome do filhote nadador em felino doméstico David Baruc Cruvinel Lima 1, Hermínio José da Rocha Neto 2, Roseli

Leia mais

CISTOS DA RETE OVARII EM CADELAS E GATAS SUBMETIDAS A CASTRAÇÃO ELETIVA CYSTS OF RETE OVARII IN DOGS AND CATS UNDERGOING ELECTIVE CASTRATION

CISTOS DA RETE OVARII EM CADELAS E GATAS SUBMETIDAS A CASTRAÇÃO ELETIVA CYSTS OF RETE OVARII IN DOGS AND CATS UNDERGOING ELECTIVE CASTRATION 1 CISTOS DA RETE OVARII EM CADELAS E GATAS SUBMETIDAS A CASTRAÇÃO ELETIVA CYSTS OF RETE OVARII IN DOGS AND CATS UNDERGOING ELECTIVE CASTRATION LUCIEN ROBERTA VALENTE MIRANDA DE AGUIRRA, RENZO BRITO LOBATO,

Leia mais

Escherichia coli COM ELEVADO PERFIL DE RESISTÊNCIA AOS ANTIMICROBIANOS ISOLADA DA URINA DE UM CÃO COM CISTITE (RELATO DE CASO)

Escherichia coli COM ELEVADO PERFIL DE RESISTÊNCIA AOS ANTIMICROBIANOS ISOLADA DA URINA DE UM CÃO COM CISTITE (RELATO DE CASO) 1 Escherichia coli COM ELEVADO PERFIL DE RESISTÊNCIA AOS ANTIMICROBIANOS ISOLADA DA URINA DE UM CÃO COM CISTITE (RELATO DE CASO) DANILO MUNDIM SILVA 1, BRUNO CABRAL PIRES 1, LÍGIA PINHO CUCCATO 1, THAIS

Leia mais

Sistema Urinário. Profe. Cristiane Rangel 8º ano Ciências

Sistema Urinário. Profe. Cristiane Rangel 8º ano Ciências Sistema Urinário Profe. Cristiane Rangel 8º ano Ciências O sistema urinário ANTONIA REEVE / SCIENCE PHOTO LIBRARY O rim foi o primeiro órgão vital a ser transplantado com sucesso em pessoas. Qual a função

Leia mais

[PARVOVIROSE CANINA]

[PARVOVIROSE CANINA] [PARVOVIROSE CANINA] 2 Parvovirose Canina A Parvovirose é uma doença infecto-contagiosa causada por um vírus da família Parvoviridae. Acomete mais comumente animais jovens, geralmente com menos de 1 ano

Leia mais

disponibilidade do proprietário. Em geral, a melhor forma de profilaxia consiste na escovação dentária diária em animais de pequeno porte e, três

disponibilidade do proprietário. Em geral, a melhor forma de profilaxia consiste na escovação dentária diária em animais de pequeno porte e, três Perfil do proprietário de cães e gatos da cidade de Jataí GO em relação aos cuidados odontológicos de seus animais RESENDE, Lara Gisele¹; PAIVA, Jacqueline de Brito¹; ARAÚJO, Diego Pereira¹; CARVALHO,

Leia mais

POPULAÇÃO ALVO DOCUMENTO OFICIAL. Status Aprovado. Versão 1 DI.ASS.44.1. Data Aprovação 19/11/2014. Adriana Vada Souza Ferreira Adalberto Stape

POPULAÇÃO ALVO DOCUMENTO OFICIAL. Status Aprovado. Versão 1 DI.ASS.44.1. Data Aprovação 19/11/2014. Adriana Vada Souza Ferreira Adalberto Stape INTRODUÇÃO O cálculo é uma massa cristalina que se forma no interior do trato urinário, e, dependendo do seu tamanho e localização, pode provocar sintomas (cólica, dor abdominal inespecífica, hematúria)

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Animais recolhidos pelo centro de controle de zoonoses (CCZ): um estudo de casos no município de Mossoró-RN Ana Maria Fernandes de Sousa 1 ; Alexandro

Leia mais

RESUMO - ARTIGO ORIGINAL - 42º CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA VETERINÁRIA

RESUMO - ARTIGO ORIGINAL - 42º CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA VETERINÁRIA 1 RESUMO - ARTIGO ORIGINAL - 42º CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA VETERINÁRIA FREQUÊNCIA DE ARRITMIAS E ANÁLISE DE VARIABILIDADE DE FREQUÊNCIA CARDÍACA EM CÃES COM EHRLIQUIOSE MONOCÍTICA CRÔNICA FREQUENCY

Leia mais

EFICÁCIA DA INSULINA GLARGINA NO TRATAMENTO DA DIABETES MELLITUS TIPO I EM CÃES

EFICÁCIA DA INSULINA GLARGINA NO TRATAMENTO DA DIABETES MELLITUS TIPO I EM CÃES 26 a 29 de outubro de 2010 ISBN 978-85-61091-69-9 EFICÁCIA DA INSULINA GLARGINA NO TRATAMENTO DA DIABETES MELLITUS TIPO I EM CÃES Veruska Martins da Rosa Buchaim 1 ; Carlos Maia Bettini 2 RESUMO: A diabetes

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE PATOLOGIA LABORATÓRIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA PROJETO DE PESQUISA Programa de Pós-Graduação em Medicina Veterinária - Doutorado

Leia mais

CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL

CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL BUQUERA, Luiz Eduardo C. 1 COSTEIRA, Jessica A. 2 FERREIRA, Rafael de L. 3 BASTOS, Rodolfo M.

Leia mais

ANOMALIAS DO TRATO URINÁRIO UNIDADE DE NEFROLOGIA PEDIÁTRICA HC - UFMG BELO HORIZONTE - BRASIL

ANOMALIAS DO TRATO URINÁRIO UNIDADE DE NEFROLOGIA PEDIÁTRICA HC - UFMG BELO HORIZONTE - BRASIL ANOMALIAS DO TRATO URINÁRIO UNIDADE DE NEFROLOGIA PEDIÁTRICA HC - UFMG BELO HORIZONTE - BRASIL Investigação Imagens Anomalias obstrutivas do trato urinário Obstrução da junção ureteropélvica Obstrução

Leia mais

HIDROCEFALIA ASSOCIADA À CISTO ARACNÓIDE DA CISTERNA QUADRIGEMINAL EM CÃO RELATO DE CASO

HIDROCEFALIA ASSOCIADA À CISTO ARACNÓIDE DA CISTERNA QUADRIGEMINAL EM CÃO RELATO DE CASO 1 HIDROCEFALIA ASSOCIADA À CISTO ARACNÓIDE DA CISTERNA QUADRIGEMINAL EM CÃO RELATO DE CASO KAREN CRISTINA DE OLIVEIRA BASTOS 1, ADILSON DONIZETI DAMASCENO¹. 1 Programa de Pós-graduação em Ciência Animal

Leia mais

HIPERPLASIA DA GLÂNDULA DA CAUDA FELINA Relato de Caso

HIPERPLASIA DA GLÂNDULA DA CAUDA FELINA Relato de Caso ANAIS DA III SEPAVET SEMANA DE PATOLOGIA VETERINÁRIA E DO II SIMPÓSIO DE PATOLOGIA VETERINÁRIA DO CENTRO OESTE PAULISTA FAMED FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DA FAEF ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

Introdução. Graduanda do Curso de Medicina Veterinária UNIVIÇOSA. E-mail: isapvet@hotmail.com. 2

Introdução. Graduanda do Curso de Medicina Veterinária UNIVIÇOSA. E-mail: isapvet@hotmail.com. 2 HEMIVÉRTEBRA EM CÃES - REVISÃO Isabella de Paula Valeriano 1, Ronaldo Oliveira Silveira 2, João Paulo Machado 3, Waleska de Melo Ferreira Dantas 4, Paula Piccolo Miatan 5 Resumo: A hemivértebra é uma malformação,

Leia mais

Dioctophyma renale em lobo-guará Relato de caso post mortem. Dioctophyma renale in guará wolf (Chrysocyon brachyurus) Post mortem case report

Dioctophyma renale em lobo-guará Relato de caso post mortem. Dioctophyma renale in guará wolf (Chrysocyon brachyurus) Post mortem case report Dioctophyma renale em lobo-guará Relato de caso post mortem Dioctophyma renale in guará wolf (Chrysocyon brachyurus) Post mortem case report Dioctophyma renale en el aguará guazú (Chrysocyon brachyurus)

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR. Patologia Clínica Veterinária

MATRIZ CURRICULAR. Patologia Clínica Veterinária MATRIZ CURRICULAR No Quadro II está apresentada a estrutura curricular do Curso de Medicina Veterinária da FATENE, distribuída de acordo com os conteúdos essenciais profissionais, definidos pelo Parecer

Leia mais

DOENÇA DO TRATO URINÁRIO INFERIOR DOS FELINOS ASSOCIADA AOS CRISTAIS DE ESTRUVITA

DOENÇA DO TRATO URINÁRIO INFERIOR DOS FELINOS ASSOCIADA AOS CRISTAIS DE ESTRUVITA DOENÇA DO TRATO URINÁRIO INFERIOR DOS FELINOS ASSOCIADA AOS CRISTAIS DE ESTRUVITA DISEASE OF THE LOWER URINARY TRACT OF THE FELINES ASSOCIATED TO THE STRUVIT CRYSTALS Joelsio José Lazzarotto 1 RESUMO O

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE VETERINÁRIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE VETERINÁRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE VETERINÁRIA UROLITÍASE EM CÃES FELIPE DO AMARAL MAGALHÃES PORTO ALEGRE 2013/2 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE VETERINÁRIA UROLITÍASE

Leia mais

MICOPLASMOSE EM CÃES RELATO DE 4 CASOS

MICOPLASMOSE EM CÃES RELATO DE 4 CASOS MICOPLASMOSE EM CÃES RELATO DE 4 CASOS Melissa Silva-Santos 1 ; Paulo Tojal Dantas Matos 1 ; Victor Fernando Santana Lima¹; Patrícia Oliveira Meira-Santos²; Leandro Branco Rocha². 1. Estudante de Medicina

Leia mais

INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA

INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 INCIDÊNCIA DE METÁSTASE PULMONAR EM CADELAS DIAGNOSTICADAS COM TUMORES DE GLÂNDULA MAMÁRIA Marcela Nunes Liberati

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL ASSESSMENT OF KNOWLEDGE OF OWNERS OF PETS ON ORAL HYGIENE Camila de Castro NEVES 1, Celso Sanches BRACCIALLI 2, Alexandre

Leia mais

Mal formações do trato urinário. Luciana Cabral Matulevic

Mal formações do trato urinário. Luciana Cabral Matulevic Mal formações do trato urinário Luciana Cabral Matulevic Refluxo Vésico-Ureteral Fluxo anormal de urina da bexiga para o trato urinário superior Achado isolado ou associado a outras malformações Causas

Leia mais

Aspectos Clínicos da Hemobartolenose Felina

Aspectos Clínicos da Hemobartolenose Felina GEAC UFV Grupo de Estudos de Animais de Companhia Aspectos Clínicos da Hemobartolenose Felina Cecilia Sartori Zarif, Graduanda do 9 período de Medicina Veterinária da UFV Etiologia Anemia Infecciosa Felina

Leia mais

Refluxo Vesicoureteral em Crianças

Refluxo Vesicoureteral em Crianças Refluxo Vesicoureteral em Crianças Refluxo Vesicoureteral em crianças O RVU (Refluxo vesicoureteral) é uma condição que se apresenta em crianças pequenas. Ao redor do 1% das crianças de todo o mundo tem

Leia mais

FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2

FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2 FLUXOGRAMA DO CURSO DE BACHARELADO EM MEDICINA VETERINÁRIA 2011.2 1 SEMESTRE DISCIPLINA TEORICA PRÁTICA C/H CR 1. Ecologia e Manejo Ambiental 60-60 04 2. Informática Básica 30-30 02 3. Sociologia Rural

Leia mais

Diagnóstico de endometriose

Diagnóstico de endometriose Diagnóstico de endometriose Endometriose se caracteriza pelo achado de glândulas e/ou estroma endometrial em locais anormais. Acomete aproximadamente 15% das mulheres em idade fértil tornando-se uma doença

Leia mais

O Câncer de Próstata. O que é a Próstata

O Câncer de Próstata. O que é a Próstata O Câncer de Próstata O câncer de próstata é o segundo tumor mais comum no sexo masculino, acometendo um em cada seis homens. Se descoberto no início, as chances de cura são de 95%. O que é a Próstata A

Leia mais

AVALIAÇÃO DO FÍGADO DE CÃES NECROPSIADOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNOESTE

AVALIAÇÃO DO FÍGADO DE CÃES NECROPSIADOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNOESTE 72 AVALIAÇÃO DO FÍGADO DE CÃES NECROPSIADOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNOESTE Osimar de Carvalho Sanches, Rogério Giuffrida, Poliana Cavaleti, Rafaela Vitória Marchini Souza, Vanessa Cristina Pereira

Leia mais

1º PERÍODO A: MEDICINA VETERINÁRIA HORA 2ª FEIRA 3ª FEIRA 4ª FEIRA 5ª FEIRA 6ª FEIRA. Citologia e Histologia

1º PERÍODO A: MEDICINA VETERINÁRIA HORA 2ª FEIRA 3ª FEIRA 4ª FEIRA 5ª FEIRA 6ª FEIRA. Citologia e Histologia 1 1º PERÍODO A: MEDCNA VETERNÁRA HORA 2ª FERA 3ª FERA 4ª FERA 5ª FERA 6ª FERA Anatomia descritiva Citologia e Histologia ntrod. à Med. Vet. e Ciências Humanas e Deontologia Sociais domésticos Anatomia

Leia mais

INTOXICAÇÃO POR ORGANOFOSFORADO EM CÃO RELATO DE CASO

INTOXICAÇÃO POR ORGANOFOSFORADO EM CÃO RELATO DE CASO REVISTA CIENTÍFICA ELETRÔNICA DE MEDICINA VETERINÁRIA - ISSN 1679-7353 PUBLICAÇÃO CI ENTÍFICA DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA DE GARÇA/FAMED ANO III, NÚMERO, 07, JUNHO DE 2006. PERIODICIDADE:

Leia mais

OBESIDADE ASSOCIADA À PANCREATITE CRÔNICA E UROLITÍASE EM CÃO DA RAÇA YORKSHIRE TERRIER RELATO DE CASO

OBESIDADE ASSOCIADA À PANCREATITE CRÔNICA E UROLITÍASE EM CÃO DA RAÇA YORKSHIRE TERRIER RELATO DE CASO OBESIDADE ASSOCIADA À PANCREATITE CRÔNICA E UROLITÍASE EM CÃO DA RAÇA YORKSHIRE TERRIER RELATO DE CASO Modalidade: ( ) Ensino (X) Pesquisa ( ) Extensão Nível: ( ) Médio (X) Superior ( ) Pós-graduação Área:

Leia mais

PRINCIPAIS ASPECTOS CIRÚRGICOS DA UROLITÍASE EM CÃES

PRINCIPAIS ASPECTOS CIRÚRGICOS DA UROLITÍASE EM CÃES ALINE SHIOYA TANAKA PRINCIPAIS ASPECTOS CIRÚRGICOS DA UROLITÍASE EM CÃES Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Botucatu, SP 2009 ALINE SHIOYA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CAMPUS ROLIM DE MOURA CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA CAMPUS ROLIM DE MOURA CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA 01. DADOS PROFESSOR: NAYCHE TORTATO VIEIRA ÁREA/DISCIPLINA (CÓDIGO): PATOLOGIA CLÍNICA VETERINÁRIA (VET30033) UNIDADE: ROLIM DE MOURA CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 80 HORAS CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 HORAS TURMA:

Leia mais

III EGEPUB/COPPE/UFRJ

III EGEPUB/COPPE/UFRJ Luiz Otávio Zahar III EGEPUB/COPPE/UFRJ 27/11/2014 O que é a próstata? A próstata é uma glândula pequena que fica abaixo da bexiga e envolve o tubo (chamado uretra) pelo qual passam a urina e o sêmen.

Leia mais

Hidronefrose por Obstrução de Ureter em Gato: Relato de Caso

Hidronefrose por Obstrução de Ureter em Gato: Relato de Caso Hidronefrose por Obstrução de Ureter em Gato: Relato de Caso Hydronephrosis Caused by Obstruction of the Ureter in Cat: Case Report Autores: Renata Souza Acadêmica do 9 período do curso de Med. Veterinária

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DE CIRURGIAS DESCOMPRESSIVAS DA COLUNA TORACOLOMBAR REALIZADAS APÓS RESSONÂNCIA MAGNÉTICA

ESTUDO RETROSPECTIVO DE CIRURGIAS DESCOMPRESSIVAS DA COLUNA TORACOLOMBAR REALIZADAS APÓS RESSONÂNCIA MAGNÉTICA ESTUDO RETROSPECTIVO DE CIRURGIAS DESCOMPRESSIVAS DA COLUNA TORACOLOMBAR REALIZADAS APÓS RESSONÂNCIA MAGNÉTICA JULIANY G. QUITZAN¹, NATÁLIA LEONEL FERREIRA¹, EMERSON GONÇALVES MARTINS SIQUEIRA¹, ISADORA

Leia mais

GASTROENTERITES EM CÃES: UM ESTUDO COM ANIMAIS ATENDIDOS EM HOSPITAL VETERINÁRIO

GASTROENTERITES EM CÃES: UM ESTUDO COM ANIMAIS ATENDIDOS EM HOSPITAL VETERINÁRIO PIBIC-UFU, CNPq & FAPEMIG Universidade Federal de Uberlândia Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação DIRETORIA DE PESQUISA GASTROENTERITES EM CÃES: UM ESTUDO COM ANIMAIS ATENDIDOS EM HOSPITAL VETERINÁRIO

Leia mais

Abordagem Diagnóstica e Terapêutica da Diabete Melito Não Complicada em Cães

Abordagem Diagnóstica e Terapêutica da Diabete Melito Não Complicada em Cães Abordagem Diagnóstica e Terapêutica da Diabete Melito Não Complicada em Cães Cecilia Sartori Zarif Residente em Clínica e Cirurgia de Pequenos Animais da UFV Distúrbio do Pâncreas Endócrino Diabete Melito

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 ESTRUTURAÇÃO DE UM BANCO DE DENTES CANINOS NO DEPARTAMENTO DE ANATOMIA DA UFPR PRODUCTION OF A CANINE TEETH BANK AT THE ANATOMY DEPARTMENT OF UFPR DORIE FERNANDA DE MORAES ZATTONI¹, MARIA FERNANDA TORRES¹,

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Cistite crônica relacionada a divertículo vesico-uracal em cão Relato de caso

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Cistite crônica relacionada a divertículo vesico-uracal em cão Relato de caso PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Cistite crônica relacionada a divertículo vesico-uracal em cão Relato de caso Bruno Pachiega Silveira 1 ; Ana Bárbara Freitas Rodrigues 2 ; Ana

Leia mais

Como escolher um método de imagem? - Dor abdominal. Aula Prá:ca Abdome 1

Como escolher um método de imagem? - Dor abdominal. Aula Prá:ca Abdome 1 Como escolher um método de imagem? - Dor abdominal Aula Prá:ca Abdome 1 Obje:vos Entender como decidir se exames de imagem são necessários e qual o método mais apropriado para avaliação de pacientes com

Leia mais

PREVALÊNCIA DE LEISHMANIOSE EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DE ANDRADINA SP

PREVALÊNCIA DE LEISHMANIOSE EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DE ANDRADINA SP 36 CIÊNCIAS AGRÁRIAS TRABALHO ORIGINAL PREVALÊNCIA DE LEISHMANIOSE EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS DE ANDRADINA SP PREVALENCE OF LEISHMANIASIS IN DOGS EXAMINED

Leia mais

Princípios Gerais de Anatomia Veterinária

Princípios Gerais de Anatomia Veterinária Princípios Gerais de Anatomia Veterinária Profa Juliana Normando Pinheiro Morfofuncional I juliana.pinheiro@kroton.com.br DEFINIÇÃO A anatomia é a ciência que estuda o corpo animal no que se refere á sua

Leia mais

TÍTULO: AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA TERAPÊUTICA E POSOLOGIA DO TRILOSTANO MANIPULADO EM CÃES COM HIPERADRENOCORTICISMO ESPONTÂNEO

TÍTULO: AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA TERAPÊUTICA E POSOLOGIA DO TRILOSTANO MANIPULADO EM CÃES COM HIPERADRENOCORTICISMO ESPONTÂNEO TÍTULO: AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA TERAPÊUTICA E POSOLOGIA DO TRILOSTANO MANIPULADO EM CÃES COM HIPERADRENOCORTICISMO ESPONTÂNEO CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: MEDICINA VETERINÁRIA

Leia mais

TABELA DE EXAMES POSICIONAMENTOS RADIOGRÁFICOS PARA PEQUENOS ANIMAIS CÃES E GATOS

TABELA DE EXAMES POSICIONAMENTOS RADIOGRÁFICOS PARA PEQUENOS ANIMAIS CÃES E GATOS TABELA DE EXAMES E RADIOGRÁFICOS PARA PEQUENOS ANIMAIS CÃES E GATOS CA RL O L E ONAR D O GRI ECO F R A TOCC HI Fundação BIBLIOTECA NACIONAL MINISTÉRIO DA CULTURA Escritório de Direitos Autorais Certificado

Leia mais

Nefrolitotripsia Percutânea

Nefrolitotripsia Percutânea Nefrolitotripsia Percutânea A cirurgia renal percutânea é a forma menos agressiva de tratamento para cálculos renais grandes e que não podem ser tratados adequadamente pela fragmentação com os aparelhos

Leia mais

Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 54 TEÓRICA 36. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 36. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 18. Natureza - OBRIGATÓRIA TEÓRICA 36

Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 54 TEÓRICA 36. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 36. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 18. Natureza - OBRIGATÓRIA TEÓRICA 36 1 de 6 Nível:BACHARELADO 01 VET101 - Anatomia Veterinária I - Ativa VET102 - Biologia Celular - Ativa desde: VET103 - Bioquímica e Biofísica - Ativa VET104 - Técnica Hospitalar - Ativa desde: VET105 -

Leia mais

Métodos por Imagem no Diagnóstico da Displasia Coxofemoral Canina

Métodos por Imagem no Diagnóstico da Displasia Coxofemoral Canina Métodos por Imagem no Diagnóstico da Displasia Coxofemoral Canina Bruno Baessa Chagas 1, Daniela Patrícia Vaz 2 1 Aluno do Curso de Pós-graduação em Imaginologia da Faculdade Método de São Paulo. (e-mail:

Leia mais

PATOLOGIAS DA PRÓSTATA. Prostata

PATOLOGIAS DA PRÓSTATA. Prostata AULA PREPARADA POR: PATOLOGIAS DA PRÓSTATA Prostata A próstata é um órgão interno que só o homem possui; tem a forma de uma maçã muito pequena, e fica logo abaixo da bexiga. ANATOMIA Tem o tamanho aproximado

Leia mais

FUNÇÃO RENAL ACADÊMICO JOSÉ DE OLIVEIRA RODRIGUES

FUNÇÃO RENAL ACADÊMICO JOSÉ DE OLIVEIRA RODRIGUES ACADÊMICO JOSÉ DE OLIVEIRA RODRIGUES A função renal é formada por um conjunto de órgãos que filtram o sangue, produzem e excretam a urina. É constituída por um par de rins, um par de ureteres, pela bexiga

Leia mais

CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS.

CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS. Laura S. W ard CAMPANHA PELA INCLUSÃO DA ANÁLISE MOLECULAR DO GENE RET EM PACIENTES COM CARCINOMA MEDULAR E SEUS FAMILIARES PELO SUS. Nódulos da Tiróide e o Carcinoma Medular Nódulos da tiróide são um

Leia mais

OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO ESTEROIDAIS) SÃO FÁRMACOS DE PRIMEIRA ELEIÇÃO NO TRATAMENTO DE INFLAMAÇÕES CRÔNICAS OU AGUDAS

OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS NÃO ESTEROIDAIS) SÃO FÁRMACOS DE PRIMEIRA ELEIÇÃO NO TRATAMENTO DE INFLAMAÇÕES CRÔNICAS OU AGUDAS Firocoxibe - Últimos avanços no tratamento de neoplasias em cães e gatos Marta León Artozqui Doutora em Medicina Veterinária Gerente Técnica - Animais de Companhia Merial Espanha OS AINES (ANTIINFLAMATÓRIOS

Leia mais

COMPONENTE CURRICULAR - UROLOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA - CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PERÍODO: 8º - 2015.2 DIA ATIVIDADE/AULA PROFESSOR

COMPONENTE CURRICULAR - UROLOGIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA - CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PERÍODO: 8º - 2015.2 DIA ATIVIDADE/AULA PROFESSOR FUNDAÇÃO BENEDITO PEREIRA NUNES CNPJ 28.964.252/0001-50 005.104.008/17.169 C.A.P. FACULDADE DE MEDICINA DE CAMPOS Av. Alberto Torres, 217 Centro Campos dos Goytacazes-RJ CEP 28 035-581 Telefone/Fax (22)

Leia mais

SAÚDE E BEM ESTAR HUMANO E ANIMAL: AÇÕES EM COMUNIDADES CARENTES COMBATENDO A DESIGUALDADE SOCIAL

SAÚDE E BEM ESTAR HUMANO E ANIMAL: AÇÕES EM COMUNIDADES CARENTES COMBATENDO A DESIGUALDADE SOCIAL SAÚDE E BEM ESTAR HUMANO E ANIMAL: AÇÕES EM COMUNIDADES CARENTES COMBATENDO A DESIGUALDADE SOCIAL Área Temática: Saúde Marlete Brum Cleff 1 Tassiane Brasil de Moraes 2 Gabriela de Almeida Capella 2 Débora

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DO MÉDICO VETERINÁRIO NO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA

A IMPORTÂNCIA DO MÉDICO VETERINÁRIO NO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA 1 A IMPORTÂNCIA DO MÉDICO VETERINÁRIO NO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA ADAM CHRISTIAN SOBREIRA DE ALENCAR WIDMER 1, RODRIGO VIANA SEPÚLVEDA 1, ISABELE LIMA PEREIRA 1 PAULA DIAS BEVILACQUA 1, ANDRÉA PACHECO

Leia mais

CONSULTA EM UROLOGIA - GERAL CÓDIGO SIA/SUS: 03.01.01.007-2. Motivos para encaminhamento:

CONSULTA EM UROLOGIA - GERAL CÓDIGO SIA/SUS: 03.01.01.007-2. Motivos para encaminhamento: CONSULTA EM UROLOGIA - GERAL CÓDIGO SIA/SUS: 03.01.01.007-2 Motivos para encaminhamento: 1. Alterações no exame de urina (urinálise) 2. Infecção urinária de repetição 3. Litíase renal 4. Obstrução do trato

Leia mais