PROJETO CRESCE CAMPO DE FÉRIAS PARA CRIANÇAS COM DOENÇA RENAL ORGANIZAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROJETO CRESCE CAMPO DE FÉRIAS PARA CRIANÇAS COM DOENÇA RENAL ORGANIZAÇÃO"

Transcrição

1 PROJETO CRESCE CAMPO DE FÉRIAS PARA CRIANÇAS COM DOENÇA RENAL 2015 ORGANIZAÇÃO

2 O que é o PROJETO CRESCE O Projeto CRESCE, que será organizado pela APIR Associação Portuguesa de Insuficientes Renais pela primeira vez em Portugal em 2015, tem a sua origem no Proyecto CRECE, organizado pela ALCER - Federación Nacional de Asociaciones para la Lucha Contra las Enfermedades del Riñón, associação espanhola congénere. O Proyecto CRECE foi criado em 1981, com o sentido de promover um programa recreativo e educativo para crianças em hemodiálise durante as férias escolares e hoje em dia conta já com mais de 25 edições realizadas. O Projeto CRESCE tem como objetivos: ajudar as crianças e jovens a obterem ferramentas para melhorarem a sua qualidade de vida; fomentar a interação e a partilha de experiências com outras crianças e jovens com os mesmos problemas; melhorar a forma como as crianças e jovens encaram a sua própria doença; tornar as crianças e jovens com doença renal mais autónomas no seu dia a dia. Em 2015 o Projeto CRESCE irá realizar-se na Quinta da Fonte Quente, na Tocha, concelho de Cantanhede, entre os dias 31 de agosto e 5 de setembro. PROJETO CRESCE - 1 -

3 CRIANÇAS PORTUGUESAS PARTICIPANTES NO PROYECTO CRECE EM MÁLAGA 2014 PROJETO CRESCE - 2 -

4 Destinatários Este campo de férias destina-se a crianças e jovens entre os 7 e os 17 anos, nos diversos graus de insuficiência renal crónica, incluindo: crianças e jovens em pré-diálise crianças e jovens em diálise peritoneal crianças e jovens em hemodiálise crianças e jovens transplantados São aceites crianças que, para além da insuficiência renal, possuam outras patologias, desde que indicados pela equipa médica assistente e sujeitos a pré-aprovação por parte da APIR. Organização O campo de férias tem duração entre 5 a 7 dias e é organizado em estreita colaboração com o Hospital Pediátrico mais próximo do local do alojamento. Este hospital deverá disponibilizar apoio ao nível da Nefrologia, bem como possuir articulação com outras especialidades, deverá ter serviço de Urgência 24h. Também é importante a articulação com o Serviço Social, para disponibilização de apoios diversos à realização das atividades. De referir ainda que existe coordenação com a Lusotransplante para que, nos casos de crianças e jovens que estejam em lista de espera ativa, sejam rapidamente coordenados os meios para o transporte para o hospital, caso surja um órgão compatível durante a realização do campo de férias. PROJETO CRESCE - 3 -

5 Local de realização Em 2015 o local escolhido para a realização do 1º Projeto CRESCE em Portugal é a Quinta da Fonte Quente, na Tocha, concelho de Cantanhede, distrito de Coimbra. A Quinta da Fonte Quente é gerida pela Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental (APPACDM) de Coimbra, possui uma área verde superior a 100 hectares e localiza-se a 9 Km da praia. Possui quartos com tipologias variadas (entre 2 e 7 camas por quarto), todos com WC privativo, para além de equipamentos de apoio, como salas de convívio, cozinha com serviço de refeições, discoteca, salas de reuniões, piscinas e outros equipamentos para a prática de desporto ao ar livre. Todas estas infraestruturas estão adaptadas a pessoas com mobilidade reduzida. Data de realização Em 2015 o Projeto CRESCE irá realizar-se entre os dias 31/8 e 5/9. INSTALAÇÕES DA QUINTA DA FONTE QUENTE PROJETO CRESCE - 4 -

6 Participar A participação no Campo de Férias terá um custo de 25, para não sócios e 12,50 para sócios APIR, e inclui: Transporte para o local, a partir de Lisboa, Coimbra ou Porto. Alojamento em regime de pensão completa, incluindo pequeno-almoço, almoço, lanche e jantar. Refeições concebidas por nutricionista e adaptadas à realidade da doença renal. Participação em todas as atividades programadas, desde que não exista contraindicação por parte da equipa médica assistente. Transporte para todas as atividades realizadas no exterior. Assistência 24 horas por dia por parte de equipa de enfermagem e contacto permanente com a equipa de Nefrologia Pediátrica do Hospital Pediátrico de Coimbra. Transporte para as sessões de hemodiálise ou realização do tratamento de diálise peritoneal, quando aplicável. Material de enfermagem e medicação de urgência, desde que autorizada pela equipa médica assistente. Acompanhamento 24 horas por dia por parte de equipa de monitores. Seguro. Não inclui: Medicação habitual. Transporte entre a residência e os locais a designar em Lisboa, Coimbra e Porto. Cada participante será responsável por levar a sua própria bagagem com os seguintes itens: Mudas de roupa práticas e desportivas Roupa interior e pijama Fato de banho e toalha de praia Agasalho e/ou casaco impermeável Ténis de desporto e chinelos para duche e praia/piscina Chapéu Saco para roupa suja Bolsa de higiene com gel de banho, escova e pasta de dentes, champô, desodorizante, etc. Protetor solar com fator elevado Muita vontade de se divertir! PROJETO CRESCE - 5 -

7 Organização das equipas Para além da articulação com as entidades externas, a APIR garante a presença constante das seguintes equipas durante toda a realização do Campo de Férias: Equipa de enfermeiros voluntários, preferencialmente especialistas em Nefrologia Pediátrica Equipa de monitores e respetivo Coordenador Equipa técnica da APIR ENFERMEIRA COM CRIANÇAS À HORA DA REFEIÇÃO ENFERMEIRAS E MONITORA VOLUNTÁRIAS NO PROYECTO CRECE 2014 WORKSHOP DE PINTURA PROJETO CRESCE - 6 -

8 Equipa de Enfermagem São responsáveis pelo cuidado geral das crianças, estando encarregues da realização das seguintes tarefas (entre outras): Controlo diário da tensão arterial Garantir que a medicação é tomada às horas certas Prestação de cuidados com cateteres dos participantes e mudanças de pensos Controlo nutricional Acompanhamento das crianças à unidade de hemodiálise Verificação e preparação da diálise peritoneal automatizada Prestação de cuidados de primeiros socorros em casos de doença súbita ou acidente ENFERMEIRAS PORTUGUESAS DO PROYECTO CRECE 2014 PROJETO CRESCE - 7 -

9 Equipa de Monitores São o ponto de referência das crianças e têm a tarefa de garantir o ensino, o divertimento e o entretenimento das crianças. Pretende-se que os monitores tenham algum conhecimento relativamente à doença renal, quer por experiência própria, quer contacto próximo prévio. As suas tarefas incluem: Preparação de workshops e atividades Vigilância dos quartos dos participantes Acompanhamento e assistência em todas as atividades e passeios a realizar MONITORES PARTICIPANTES DO PROYECTO CRECE 2014 PROJETO CRESCE - 8 -

10 Equipa Técnica da APIR Resolução de todas as questões que possam surgir durante o Campo de Férias, nomeadamente transporte para hospital, materiais para os workshops e de enfermagem, garantir suporte quando surgem problemas de saúde com os participantes, etc. Ajuda em todos os problemas que possam surgir e participação nas atividades e passeios Acompanhamento e supervisão de todo o Projeto, garantindo que tudo decorre sem incidentes Assistência às crianças e monitores Assistência à Comunicação Social Resolução de problemas pontuais EQUIPA TÉCNICA DA APIR PROJETO CRESCE - 9 -

11 Inscrições As inscrições deverão ser feitas através do Serviço de Nefrologia Pediátrica onde a criança ou jovem insuficiente renal é regularmente acompanhado, pois a sua participação no campo de férias carece de parecer médico. A inscrição deverá ser enviada para a APIR com os seguintes documentos: Ficha de inscrição preenchida Relatório médico atualizado Lista de medicação atualizada Cópia do cartão de saúde Comprovativo do pagamento do custo de participação PROJETO CRESCE

12 A A RAZÃO DESTE PROJETO, AS NOSSAS CRIANÇAS Cerca de 18 crianças participantes com doença renal, que têm muita vontade de aprender, brincar e, sobretudo, de se divertirem!!! Apoios: PROJETO CRESCE

CAMPUS DE JUDO 2014. Organização da Turma dos Judokinhas

CAMPUS DE JUDO 2014. Organização da Turma dos Judokinhas CAMPUS DE JUDO 2014 Organização da Turma dos Judokinhas 1 CAMPUS DE JUDO - TURMA DOS JUDOKINHAS (1ºTurno) 29/06/2014 a 04/07/2014 (2ºTurno) 06/07/2014 a 11/07/2014 (3ºTurno) 13/07/2014 a 18/07/2014 Quem

Leia mais

De forma a melhor adequar os objetivos das atividades às expectativas, necessidades e motivações dos jovens

De forma a melhor adequar os objetivos das atividades às expectativas, necessidades e motivações dos jovens O GO UP! Dão Lafões Summer Camp é um campo de férias, organizado pela CIMRDL Comunidade Intermunicipal da Região Dão Lafões, em regime residencial com a duração de 5 dias que pretende, de uma forma dinâmica

Leia mais

DATA DE NASCIMENTO INFORMAÇÕES ADICIONAIS:

DATA DE NASCIMENTO INFORMAÇÕES ADICIONAIS: FORMULÁRIO DE RESERVA JUNIOR 06/11 julho (7-12anos) MASTER 20/25 julho (10-16 16 anos) Depois de preencher este formulário poderá remetê-lo por e-mail e para pnoudar@edia.pt ou por fax (285 950 001) NOME

Leia mais

Normas de participação

Normas de participação Verão com desafios 2015 Normas de participação I. Apresentação e objetivos 1. Entidade promotora e organizadora - Município de Loures 1 a) O programa de Ocupação de Tempos Livres Verão com Desafios é promovido

Leia mais

Natal na desportiva NORMAS DE PARTICIPAÇÃO

Natal na desportiva NORMAS DE PARTICIPAÇÃO Natal na desportiva 2015 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO CML/DRIC/2015 Alvará 694 I. Apresentação e objetivos 1. Entidade Promotora e Organizadora - Município de Loures 1 a) O Programa de Ocupação de Tempos Livres

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015

REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015 REGULAMENTO DO PROGRAMA OLIVAIS EM FÉRIAS ANO 2015 Contactos da Junta de Freguesia Morada: Rua General Silva Freire, Lote C 1849-029 Lisboa Telefone: 21 854 06 90 Fax: 21 852 06 87 / 21 248 79 25 E-mail:

Leia mais

Programa Olivais em Férias

Programa Olivais em Férias Capítulo 90 Programa Olivais em Férias Ano 2015 MR.003.01.Vers.1.0.a Página 1 de 8 Conteúdo 1. Introdução... 3 2. Planeamento e Organização... 3 3. Inscrição... 3 3.1. Valor a pagar... 3 3.2. Fichas de

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Quinta da Escola CAMPOS DE FÉRIAS QUINTA DA ESCOLA. 1. Apresentação

CENTRO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Quinta da Escola CAMPOS DE FÉRIAS QUINTA DA ESCOLA. 1. Apresentação CAMPOS DE FÉRIAS QUINTA DA ESCOLA 1. Apresentação O Centro de Educação Ambiental Quinta da Escola é propriedade da Coopescola Cooperativa de Ensino da Penha de França, CRL, sediada em Lisboa e localiza-

Leia mais

Campo de Férias - FUBI

Campo de Férias - FUBI Campo de Férias - FUBI Regulamento Interno O presente regulamento dos campos de férias FUBI, pretende definir os direitos, deveres e regras a observar por todas as pessoas que envolvem as atividades, para

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO BOSCH SUMMER CAMPUS VERÃO 2015

REGULAMENTO INTERNO BOSCH SUMMER CAMPUS VERÃO 2015 REGULAMENTO INTERNO BOSCH SUMMER CAMPUS VERÃO 2015 CAPITULO I NATUREZA, FINS E OBJETIVOS A empresa de consultoria e assessoria de eventos PORMENOR MÁGICO, com sede em Guimarães juntamente com a empresa

Leia mais

REGULAMENTO MUNICIPAL DE CAMPOS DE FÉRIAS DE MANTEIGAS

REGULAMENTO MUNICIPAL DE CAMPOS DE FÉRIAS DE MANTEIGAS REGULAMENTO MUNICIPAL DE CAMPOS DE FÉRIAS DE MANTEIGAS Preâmbulo Considerando: As competências previstas nos artigos 112º e 241º da Constituição da República Portuguesa; O regime previsto no Decreto-Lei

Leia mais

Colónias de férias, que constituem uma excelente opção para os filhos dos vossos funcionários e ou para os vossos filhos.

Colónias de férias, que constituem uma excelente opção para os filhos dos vossos funcionários e ou para os vossos filhos. COLÓNIAS 2014 LOCALIZAÇÃO E HABITAT A Herdade das Parchanas Centro de Estudos Ambientais de Alcácer do Sal, situa-se A Herdade das Parchanas Centro de Estudos Ambientais de Alcácer do Sal, situa-se entre

Leia mais

ESCOLA DE VERÃO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO

ESCOLA DE VERÃO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO ESCOLA DE VERÃO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO 1) Objectivos a) A Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra (ESTeSC) realiza a 1ª Edição da Escola de Verão com uma semana de ocupação para jovens

Leia mais

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS EDP 2013

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS EDP 2013 REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS EDP 2013 ÍNDICE 1. Entidade responsável pela organização dos campos de férias (CF)......3 2. Objetivos os CF.... 3 3. Funcionamento dos CF...3 4. Processo de candidatura

Leia mais

SPORT CAMPUS 2015. Verão 2015/Tempos Livres AMARES REGULAMENTO INTERNO. Parceiros:

SPORT CAMPUS 2015. Verão 2015/Tempos Livres AMARES REGULAMENTO INTERNO. Parceiros: SPORT CAMPUS 2015 Verão 2015/Tempos Livres AMARES REGULAMENTO INTERNO Parceiros: Objectivo É objectivo dos campos de férias proporcionar iniciativas exclusivamente destinadas a crianças e jovens com idades

Leia mais

0.3 Turnos de Colónias de Férias de Verão 2012

0.3 Turnos de Colónias de Férias de Verão 2012 INFORMAÇÃO DETALHADA O Campo de férias de Verão dos Pupilos é um programa de férias escolares, repleto de emoções e atividades lúdico-pedagógicas, para jovens entre os 6 e os 15 anos de idade. Temos sempre

Leia mais

MUNICÍPIO DE PALMELA CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DE PALMELA CÂMARA MUNICIPAL MUNICÍPIO DE PALMELA CÂMARA MUNICIPAL EDITAL Nº 09/DAF-DAG/2009 ----- ANA TERESA VICENTE CUSTÓDIO DE SÁ, na qualidade de Presidente da Câmara Municipal de Palmela: --------------------------------------------------------------------------

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE CAMPOS DE FÉRIAS. Nota Justificativa

REGULAMENTO INTERNO DE CAMPOS DE FÉRIAS. Nota Justificativa REGULAMENTO INTERNO DE CAMPOS DE FÉRIAS Nota Justificativa A organização de campos de férias destinados a crianças e jovens é uma das actividades centrais da política do município da Moita na área da juventude

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO DO PROGRAMA DE FERIAS DESPORTIVAS E CULTURAIS

PROJETO PEDAGÓGICO DO PROGRAMA DE FERIAS DESPORTIVAS E CULTURAIS 1. APRESENTAÇÃO PRINCÍPIOS E VALORES Acreditamos pela força dos factos que o desenvolvimento desportivo de um Concelho ou de uma Freguesia, entendido na sua vertente quantitativa e qualitativa, exige uma

Leia mais

REGULAMENTO CAMPOS DE FÉRIAS 2015 OBJETIVO

REGULAMENTO CAMPOS DE FÉRIAS 2015 OBJETIVO REGULAMENTO CAMPOS DE FÉRIAS 2015 OBJETIVO É objetivo dos Campos de Férias do Pony Club do Porto proporcionar iniciativas exclusivamente destinadas a crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 12

Leia mais

STAF. Serviço de Apoio a Famílias

STAF. Serviço de Apoio a Famílias STAF Serviço de Apoio a Famílias O Serviço Temporário de Apoio a Famílias O Serviço Temporário de Apoio às Famílias é um serviço privado e destina-se a apoiar famílias de pessoas com deficiência ou incapacidade

Leia mais

Câmara Municipal de Vila Franca de Xira REGULAMENTO Nº 05/2005 REGULAMENTO DE CAMPOS DE FÉRIAS

Câmara Municipal de Vila Franca de Xira REGULAMENTO Nº 05/2005 REGULAMENTO DE CAMPOS DE FÉRIAS REGULAMENTO Nº 05/2005 REGULAMENTO DE CAMPOS DE FÉRIAS ARTIGO 1.º OBJECTIVO 1 O presente regulamento estabelece as regras gerais a observar nos Campos de Férias organizados pela Câmara Municipal de Vila

Leia mais

Star Wars. Programa de férias Dezembro 2013

Star Wars. Programa de férias Dezembro 2013 Star Wars Programa de férias Dezembro 2013 DATAS E HORÁRIOS De 17 a 21 de dezembro Rancho Ranieri São Lourenço da Serra Saída dia 17 de dezembro 3ª feira às 7h10 (saída às 7h40) Local de encontro: Restaurante

Leia mais

DATA E LOCAL 16 e 17 de Maio Piscinas Municipais de Odivelas.

DATA E LOCAL 16 e 17 de Maio Piscinas Municipais de Odivelas. [Type text] [Type text] [Type text] FPN FESTIVAL ESTRELAS DO MAR 16 E 17 DE MAIO 2015 CADERNO DE ENCARGOS FESTIVAL DE ESTRELAS 1 REGULAMENTO ÂMBITO O presente regulamento aplica-se ao 10º Festival de Estrelas,

Leia mais

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DO BARREIRO

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DO BARREIRO REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DO BARREIRO NOTA JUSTIFICATIVA A organização de campos de férias destinados a crianças e jovens tem apresentado um aumento significativo nos últimos tempos.

Leia mais

Regulamento Interno. Objectivo

Regulamento Interno. Objectivo Regulamento Interno Objectivo É objectivo dos campos de férias proporcionar iniciativas exclusivamente destinadas a crianças e jovens com idades compreendidas entre os 08 e os 18 anos, com a finalidade

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO FÉRIAS DESPORTIVAS DO ESTÁDIO UNIVERSITÁRIO DE LISBOA

REGULAMENTO INTERNO FÉRIAS DESPORTIVAS DO ESTÁDIO UNIVERSITÁRIO DE LISBOA REGULAMENTO INTERNO FÉRIAS DESPORTIVAS DO ESTÁDIO UNIVERSITÁRIO DE LISBOA REGULAMENTO INTERNO DAS FÉRIAS DESPORTIVAS O presente regulamento tem como objetivo dar a conhecer a todos os intervenientes e

Leia mais

Programas Lúdicos e de Aventura

Programas Lúdicos e de Aventura Programas Lúdicos e de Aventura 1. APRESENTAÇÃO O Centro de Educação Ambiental Quinta da Escola dispõe de infraestruturas para o desenvolvimento de atividades Lúdicas e de Aventura, acompanhadas por monitores

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FÉRIAS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FÉRIAS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE FÉRIAS Aprovado por deliberação da Assembleia Municipal de Azambuja de 19 de Setembro de 2012, publicada pelo Edital n.º 78/2012, de 26 de Outubro de 2012. Em vigor desde 10

Leia mais

Câmara Municipal de Estarreja PREÂMBULO

Câmara Municipal de Estarreja PREÂMBULO PREÂMBULO O projecto Estarreja COMpartilha surge da necessidade que se tem verificado, na sociedade actual, da falta de actividades e práticas de cidadania. Traduz-se numa relação solidária para com o

Leia mais

REGULAMENTO DO CAMPO DE FÉRIAS DO MUNICIPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR

REGULAMENTO DO CAMPO DE FÉRIAS DO MUNICIPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR REGULAMENTO DO CAMPO DE FÉRIAS DO MUNICIPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR O presente regulamento, tem como objetivo principal ocupar o tempo livre das crianças com idades compreendidas entre os 6 e os is anos,

Leia mais

Curriculum do Voluntário Universitário PROGRAMA

Curriculum do Voluntário Universitário PROGRAMA Curriculum do Voluntário Universitário PROGRAMA A frequência do ensino superior coincide, na maioria das situações, com uma fase de desenvolvimento psicológico e social muito significativa, especialmente,

Leia mais

Campos de Férias. Férias Escolares 2011

Campos de Férias. Férias Escolares 2011 Campos de Férias Férias Escolares 2011 1. A Praznik Somos uma empresa licenciada pelo Instituto Português da Juventude - alvará nº 319 - para organizar e dinamizar Campos de Férias, atribuições que incluem

Leia mais

Normas de Funcionamento do Projeto FÉRIAS ATIVAS OBJECTIVO E ÂMBITO DE APLICAÇÃO

Normas de Funcionamento do Projeto FÉRIAS ATIVAS OBJECTIVO E ÂMBITO DE APLICAÇÃO Normas de Funcionamento do Projeto FÉRIAS ATIVAS OBJECTIVO E ÂMBITO DE APLICAÇÃO As presentes Normas têm por objetivo regulamentar as questões de funcionamento das Atividades a realizar nos períodos de

Leia mais

Consulte nosso departamento comercial! 19 3255 3131 ou comercial@casadechocolate.com

Consulte nosso departamento comercial! 19 3255 3131 ou comercial@casadechocolate.com 1 INFORMATIVO Acampamento de Verão Temporada de Janeiro 2015 06 a 12 07 dias 13 a 19-07 dias 20 a 25 06 dias INCLUSO 5 refeições diárias (café da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar, chá noturno); Seguro

Leia mais

Praznik Foz do Arelho. Campos de férias 2015

Praznik Foz do Arelho. Campos de férias 2015 Praznik Foz do Arelho Campos de férias 2015 1. A Praznik A Praznik dedica-se, desde 2002, à organização e animação de eventos. As nossas áreas de actividade incluem festas infantis, baby sitting, espectáculos,

Leia mais

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR

REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DO MUNICÍPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR MUNICÍPIO DE REGULAMENTO DOS CAMPOS DE FÉRIAS ORGANIZADOS PELO MUNICÍPIO DE VILA POUCA DE AGUIAR PREÂMBULO A organização de campos

Leia mais

Caracterização do Serviço de Nefrologia e Transplantação Renal. Centro Hospital Lisboa Norte Hospital de Santa Maria

Caracterização do Serviço de Nefrologia e Transplantação Renal. Centro Hospital Lisboa Norte Hospital de Santa Maria ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE SÃO FRANCISCO DAS MISERICÓRDIAS 2ª Pós-Graduação em Enfermagem Nefrológica e Técnicas Dialíticas Caracterização do Serviço de Nefrologia e Transplantação Renal Centro Hospital

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DA LIPOR

REGULAMENTO INTERNO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DA LIPOR FÉRIAS DA LIPOR 1. Considerações Gerais A Lipor, Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto, com sede em Baguim do Monte, concelho de Gondomar, realiza atividades de promoção e organização

Leia mais

TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL

TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL TURISMO NO ESPAÇO RURAL LEGISLAÇÃO MANUAL Índice 1. Turismo no espaço rural: tipologias.2 2. Exploração e funcionamento.... 5 3. Legislação aplicável.17 Bibliografia. 18 1 1.Turismo no espaço rural: tipologias

Leia mais

Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil

Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil Curso de Educação e Formação em Desenho Assistido por Computador / Construção Civil Saída Profissional: Operador CAD Certificação ao nível do 9º Ano / Nível II Laboral Bem-Vindo/a à FLAG! A FLAG é uma

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO SEMANAS DE ATIVIDADES ASSOCIAÇÃO SALVADOR

REGULAMENTO INTERNO SEMANAS DE ATIVIDADES ASSOCIAÇÃO SALVADOR REGULAMENTO INTERNO SEMANAS DE ATIVIDADES ASSOCIAÇÃO SALVADOR Artigo 1º - Disposições gerais 1. Promotores As Semanas de Atividades são promovidas pela ASSOCIAÇÃO SALVADOR, com o patrocínio do BPI Capacitar.

Leia mais

Despacho nº 9265-B/2013

Despacho nº 9265-B/2013 Regulamento Interno da Componente de Apoio à Família (CAF) dos Jardim-deinfância e das Escola Básica 1 (EB1) da União de Freguesias de Nogueiró e Tenões 444 Ano Letivo 2014/15 Enquadramento...Quando as

Leia mais

Para todas as idades!

Para todas as idades! POUSADAS DE JUVENTUDE Para todas as idades! Numa lógica de descentralização e de promoção da mobilidade juvenil, o Governo Regional da Madeira tem feito uma aposta crescente na criação e modernização de

Leia mais

O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento.

O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento. Conceito O GoKorfball nasceu de uma conversa entre amigos que procuravam dinamizar o corfebol português e juntar competição e diversão no mesmo evento. Da conversa passou-se à acção e o GoKorfball é hoje

Leia mais

Artigo 3º Princípio educacional do CISV

Artigo 3º Princípio educacional do CISV Regulamento interno para os Campos internacionais do CISV Portugal Preâmbulo As Aldeias Internacionais de Crianças em Portugal, adiante designada por CISV Portugal regese pelos estatutos e por um regulamento

Leia mais

agenda de novembro Feltros do mundo. Arquitecturas de cabeça

agenda de novembro Feltros do mundo. Arquitecturas de cabeça agenda de novembro Feltros do mundo. Arquitecturas de cabeça :: EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS Feltros do Mundo. Arquitecturas de Cabeça Inserida no âmbito das actividades promovidas em S. João da Madeira a propósito

Leia mais

NORMAS DE PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MINI FÉRIAS DE VERÃO - 2015

NORMAS DE PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MINI FÉRIAS DE VERÃO - 2015 NORMAS DE PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA DE MINI FÉRIAS DE VERÃO - 2015 A criação do Programa de Mini Férias de Verão 2015 foi pensada para o fortalecimento e melhoramento da qualidade de vida dos munícipes,

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO. Programa Viver Solidário/ Normas Página 1

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO. Programa Viver Solidário/ Normas Página 1 NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO Programa Viver Solidário/ Normas Página 1 PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO NORMAS DE FUNCIONAMENTO 1.INTRODUÇÃO A prática de actividades de animação regular e sistemática,

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DA LIPOR

REGULAMENTO INTERNO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DA LIPOR REGULAMENTO INTERNO DOS CAMPOS DE FÉRIAS DA LIPOR 1 1. Considerações Gerais A Lipor, Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto, com sede em Baguim do Monte, concelho de Gondomar,

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO 2007-2008

REGULAMENTO INTERNO 2007-2008 REGULAMENTO INTERNO 2007-2008 Regulamento Interno Ano Lectivo 2007/2008 1. Admissão 1.1. O colégio admite crianças com idades entre os 3 meses e os 6 anos. 1.2. No acto da inscrição são necessários os

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Entre PRIMEIRO OUTORGANTE..., portador do B.I. n.º.., emitido em. /. /. pelo Arquivo de Identificação de, contribuinte n.º...., residente em... SEGUNDO OUTORGANTE: Casa

Leia mais

Regulamento Interno Campo de Iniciação à Canoagem C.F.C. 2015

Regulamento Interno Campo de Iniciação à Canoagem C.F.C. 2015 Regulamento Interno Campo de Iniciação à Canoagem C.F.C. 2015 2 Regulamento Interno do Campo de Iniciação à Canoagem O presente regulamento tem como objectivo dar a conhecer a todos os intervenientes eparticipantes

Leia mais

INSTITUTO DE GESTÃO SOCIAL DO TERCEIRO SETOR

INSTITUTO DE GESTÃO SOCIAL DO TERCEIRO SETOR INSTITUTO DE GESTÃO SOCIAL DO TERCEIRO SETOR 1 Normas de Convivência e manual operacional Breve apresentação do IGES 2 IGES - é uma instituição sem fins lucrativos, certificada como OSCIP que tem por finalidade,

Leia mais

A nossa missão: Valorização dos tempos livres contribuindo para o desenvolvimento individual e social de uma forma educativa e cultural.

A nossa missão: Valorização dos tempos livres contribuindo para o desenvolvimento individual e social de uma forma educativa e cultural. O Campo de Férias DECOJovem é promovido pela DECO em colaboração com a UPAJE, enquanto entidade organizadora e creditada pelo Instituto Português do Desporto e Juventude para a organização de atividades

Leia mais

CENTRO JOVEM TEJO - IPSS REGULAMENTO INTERNO DA COMUNIDADE TERAPÊUTICA LUIS BARROS

CENTRO JOVEM TEJO - IPSS REGULAMENTO INTERNO DA COMUNIDADE TERAPÊUTICA LUIS BARROS CENTRO JOVEM TEJO - IPSS REGULAMENTO INTERNO DA COMUNIDADE TERAPÊUTICA LUIS BARROS REGULAMENTO INTERNO DE FUNCIONAMENTO COMUNIDADE TERAPÊUTICA LUÍS BARROS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS NORMA 1ª ÃMBITO

Leia mais

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BES/AMI 9ª Edição 2014

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BES/AMI 9ª Edição 2014 ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL BES/AMI 9ª Edição 2014 QUERES FAZER PARTE DESTA MISSÃO? Estágios Brasil Se queres chegar mais longe em experiência e vivência Pelo nono ano consecutivo o BES realiza

Leia mais

YA ENTREPRENEURSHIP SCHOOL

YA ENTREPRENEURSHIP SCHOOL YA ENTREPRENEURSHIP SCHOOL YA Entrepreneurship School é um projeto que pretende fomentar o empreendedorismo nos jovens dos 13 aos 18 anos. YA Entrepreneurship School pretende ser uma rampa de lançamento

Leia mais

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil APCOI lança 4ª edição do projeto que incentiva os alunos a comer mais fruta no lanche escolar Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil Depois do sucesso das edições anteriores

Leia mais

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016

ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 ESTÁGIOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL AMI/NBup 11ª Edição 2016 QUERES FAZER PARTE DESTA MISSÃO? Se queres chegar mais longe em experiência e vivência Pelo décimo primeiro ano consecutivo abrimos a possibilidade

Leia mais

INFORMAÇÃO Nº 010/2012 ASSUNTO: MAPA COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO ESTRUTURA RESIDENCIAL PARA PESSOAS IDOSAS

INFORMAÇÃO Nº 010/2012 ASSUNTO: MAPA COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO ESTRUTURA RESIDENCIAL PARA PESSOAS IDOSAS INFORMAÇÃO Nº 010/2012 ASSUNTO: MAPA COMPARATIVO DA LEGISLAÇÃO ESTRUTURA RESIDENCIAL PARA PESSOAS IDOSAS Exmas. Associadas, Na sequência da comunicação efetuada por esta União, no passado dia 21 de março,

Leia mais

COLÓQUIO MOBILIDADE DE DOENTES ALTERNATIVA OU INEVITÁVEL? Acesso aos cuidados de saúde transfronteiriços na perspetiva do setor público

COLÓQUIO MOBILIDADE DE DOENTES ALTERNATIVA OU INEVITÁVEL? Acesso aos cuidados de saúde transfronteiriços na perspetiva do setor público COLÓQUIO MOBILIDADE DE DOENTES ALTERNATIVA OU INEVITÁVEL? Acesso aos cuidados de saúde transfronteiriços na perspetiva do setor público Cláudio Correia Divisão da Mobilidade de Doentes MOBILIDADE DE DOENTES:

Leia mais

CREOULA APORVELA 2014 LISBOA CHERBOURG HARLINGEN FREDRIKSTAD ANTUÉRPIA AVILÉS

CREOULA APORVELA 2014 LISBOA CHERBOURG HARLINGEN FREDRIKSTAD ANTUÉRPIA AVILÉS CREOULA APORVELA 2014 LISBOA CHERBOURG HARLINGEN FREDRIKSTAD ANTUÉRPIA AVILÉS Kit do Tripulante 1º ETAPA Data de embarque: 21 de Junho de 2014 Local de embarque: Almada Base Naval do Alfeite Data de Desembarque:

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DA LOUSÃ. Regulamento das Férias Ativas

CÂMARA MUNICIPAL DA LOUSÃ. Regulamento das Férias Ativas CÂMARA MUNICIPAL DA LOUSÃ Regulamento das Férias Ativas PREÂMBULO No uso da competência prevista pelos artigos 112º, n.º 8, e 241º da Constituição da República Portuguesa, e conferida pela alínea a) do

Leia mais

ACAMPAMENTOS. Todos os monitores são formados ou estão cursando cursos de Educação Física e/ou Lazer.

ACAMPAMENTOS. Todos os monitores são formados ou estão cursando cursos de Educação Física e/ou Lazer. ACAMPAMENTOS Informações Importantes Especificações quanto à Saúde devem ser encaminhadas juntamente à ficha, caso falte alguma informação relevante especifica à pessoa/criança. Todos momentos de atividades

Leia mais

Uma Oportunidade única! Pela primeira vez em Portugal em 2016: Treino de Moon Mother Com a Autora e Professora Espiritual Miranda Gray

Uma Oportunidade única! Pela primeira vez em Portugal em 2016: Treino de Moon Mother Com a Autora e Professora Espiritual Miranda Gray Uma Oportunidade única! Pela primeira vez em Portugal em 2016: Treino de Moon Mother Com a Autora e Professora Espiritual Miranda Gray Nos dias 2 e 3 de Abril de 2016, Miranda estará em Portugal pela primeira

Leia mais

Cursos de Verão para Jovens - 2015. Aprender inglês divertindo-se

Cursos de Verão para Jovens - 2015. Aprender inglês divertindo-se Cursos de Verão para Jovens - 2015 Aprender inglês divertindo-se Colégios com tradição - Boas infra-estruturas desportivas Próximos de Londres ou de outras cidades de interesse Beechwood - Stowe - Queen

Leia mais

Acamp Carnaval 2014. Tema: Unidos

Acamp Carnaval 2014. Tema: Unidos Acamp Carnaval 2014 O Acamp Carnaval é um acampamento que o Conexão Alegria desenvolve em algumas instituições com o intuito de trabalhar o lado sócio emocional e espiritual de crianças e adolescentes.

Leia mais

- NORMAS DE FUNCIONAMENTO -

- NORMAS DE FUNCIONAMENTO - - NORMAS DE FUNCIONAMENTO - O Colégio Laranja e Meia destina-se a receber crianças dos 3 meses aos 6 anos. Horário - Abertura : 8.30 horas - Encerramento : 19 horas As actividades pedagógicas decorrem

Leia mais

FUNÇÕES DA AJUDANTE DE LAR E CENTRO DE DIA

FUNÇÕES DA AJUDANTE DE LAR E CENTRO DE DIA FUNÇÕES DA AJUDANTE DE LAR E CENTRO DE DIA COZINHA Colabora na tarefa da alimentação, nomeadamente na preparação de refeições ligeiras e distribuição de dietas do regime geral e terapêutico: Confecção

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO CRECHE. Ano lectivo 2013/14. Urbanização da Quinta do Prado, Lote 17, 3020-170 EIRAS COIMBRA. www.beija-flor.

REGULAMENTO INTERNO CRECHE. Ano lectivo 2013/14. Urbanização da Quinta do Prado, Lote 17, 3020-170 EIRAS COIMBRA. www.beija-flor. REGULAMENTO INTERNO CRECHE Ano lectivo 2013/14 Urbanização da Quinta do Prado, Lote 17, 3020-170 EIRAS COIMBRA www.beija-flor.pt Tel: 239439252 email: c.beijaflor2001@gmail.com CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

Leia mais

Associação de Apoio à Trissomia 21

Associação de Apoio à Trissomia 21 I- Instituição Promotora NOME: AMAR 21 Associação de Apoio à Trissomia 21 MORADA: Rua Tomé de Sousa, nº 19 Edifício Leal, Apt 403 4750-217Arcozelo Barcelos DISTRITO: Braga CONTATOS: 933852811 TIPO DE INSTITUIÇÃO:

Leia mais

GUIA PRÁTICO ACOLHIMENTO FAMILIAR CRIANÇAS E JOVENS

GUIA PRÁTICO ACOLHIMENTO FAMILIAR CRIANÇAS E JOVENS Manual de GUIA PRÁTICO ACOLHIMENTO FAMILIAR CRIANÇAS E JOVENS INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P ISS, I.P. Departamento/Gabinete Pág. 1/9 FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Acolhimento Familiar Crianças

Leia mais

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil

Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil APCOI lança 5ª edição do projeto que incentiva os alunos a comer mais fruta no lanche escolar Heróis da Fruta voltam às escolas para prevenir obesidade infantil Depois do sucesso das edições anteriores

Leia mais

25 ANOS A CRIAR SORRISOS

25 ANOS A CRIAR SORRISOS 25 ANOS A CRIAR SORRISOS APRESENTAÇÃO: ESTRUTURA: HORÁRIOS: Atividade pensada para a margem sul na zona da Costa da Caparica, com saídas esporádicas a locais de interesse pedagógico. O Ponto de encontro

Leia mais

Intercâmbio Juvenil Youth Outdoor II

Intercâmbio Juvenil Youth Outdoor II Intercâmbio Juvenil Youth Outdoor II Associação de Defesa do Património Cultural e Natural de Soure 21 a 29/julho/2015 adpcns@sapo.pt 1 Objetivo do Intercâmbio Youth Outdoor II! é um projeto de intercâmbio

Leia mais

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais:

PROGRAMA DE AÇÃO 2015. Respostas sociais: O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: PROGRAMA AÇÃO 2015 O GAS-SVP define, para 2015, como objectivos gerais: - Preservar a identidade da Instituição, de modo especial no que respeita a sua preferencial ação junto das pessoas, famílias e grupos

Leia mais

Jovens residentes ou estudantes no Município de Cascais e com idade compreendida entre os 15 e os 25 anos (à data de início do projeto).

Jovens residentes ou estudantes no Município de Cascais e com idade compreendida entre os 15 e os 25 anos (à data de início do projeto). 1. OBJECTIVOS Promover a ocupação saudável do tempo livre dos jovens no período de Verão, fomentando o seu desenvolvimento pessoal, pela aproximação com as realidades locais, o contato com o mundo do trabalho

Leia mais

JK INTEGRAL. Educação Infantil e Ensino Fundamental I

JK INTEGRAL. Educação Infantil e Ensino Fundamental I JK INTEGRAL Educação Infantil e Ensino Fundamental I 1- APRESENTAÇÃO O JK INTEGRAL foi pensado para atender os pais que precisam deixar seus filhos na escola o dia todo, pela necessidade de desempenhar

Leia mais

INATEL 2015 3* INATEL

INATEL 2015 3* INATEL Regulamento Turismo Júnior 2015 Colónias de Férias Residenciais INATEL Foz do Arelho Hotel 3* INATEL Luso INATEL Santa Maria da Feira INATEL Entre-os-Rios 1. O programa 1.1. Turismo Júnior 2015 Colónias

Leia mais

2 LOCAIS/ ÁREA/ VAGAS/ PERÍODO/ REQUISITOS/ ATIVIDADES

2 LOCAIS/ ÁREA/ VAGAS/ PERÍODO/ REQUISITOS/ ATIVIDADES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO VOLUNTÁRIO NO ÂMBITO DA UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL, NOS SEGUINTES LOCAIS: HOSPITAL GERAL (HG), AMBULATÓRIO CENTRAL (AMCE), INSTITUTO DE MEDICINA

Leia mais

Férias de Natal 2011. Entidade Promotora: Juventude Vidigalense Local: Estádio Municipal de Leiria Responsável: Nataniel Lopes

Férias de Natal 2011. Entidade Promotora: Juventude Vidigalense Local: Estádio Municipal de Leiria Responsável: Nataniel Lopes Férias de Natal 2011 Entidade Promotora: Juventude Vidigalense Local: Estádio Municipal de Leiria Responsável: Nataniel Lopes Programa de Ocupação em Férias Natal 2011 Introdução O Programa de Ocupação

Leia mais

UM CAMPUS DA ELITE DE FUTEBOL

UM CAMPUS DA ELITE DE FUTEBOL UM CAMPUS DA ELITE DE FUTEBOL É uma oportunidade que a Fundação Real Real Madrid oferece a crianças e jovens dos 7 aos 17 anos de idade, que querem viver a experiência que representa o melhor clube de

Leia mais

MANUAL DA IODOTERAPIA. Para cuidar de si!

MANUAL DA IODOTERAPIA. Para cuidar de si! Para cuidar de si! TUDO O QUE PRECISA DE SABER SOBRE IDENTIFICAÇÃO DO DOENTE Vinheta do Doente FICHA TÉCNICA EDIÇÃO IPO-Porto PROPRIEDADE IPO-Porto TEXTOS IPO-Porto Versão 2 / Julho 2015 SERVIÇO DE MEDICINA

Leia mais

Regulamento Interno. Campos de Férias (não Residenciais)

Regulamento Interno. Campos de Férias (não Residenciais) Regulamento Interno Campos de Férias (não Residenciais) O presente Regulamento Interno dos Campos de Férias não Residenciais do Acro Clube da Maia visa definir com objetividade as Regras, os Direitos e

Leia mais

1. Podem participar pessoas de ambos os sexos com idade igual ou superior a 10 anos.

1. Podem participar pessoas de ambos os sexos com idade igual ou superior a 10 anos. Regulamento 5ª Edição ECOBIKETOUR Passeio da Família Organização 1. A organização deste passeio é da responsabilidade do Moto Clube da Figueira da Foz, em cooperação com a Câmara Municipal da Figueira

Leia mais

ALOJAMENTOS NA VILA DE CASTRO VERDE

ALOJAMENTOS NA VILA DE CASTRO VERDE ALOJAMENTOS NA VILA DE CASTRO VERDE HOTEL A ESTEVA *** Rua das Orquídeas, nº 1-7780 Castro Verde Telefone: 286 320 110 Fax: 286 320 119 URL: http://www.aesteva.pt//entrada.php?set_idi=1 32 quartos (1 quarto

Leia mais

SERVIÇO: ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL PARA PESSOAS ADULTAS

SERVIÇO: ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL PARA PESSOAS ADULTAS SERVIÇO: ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL PARA PESSOAS ADULTAS DESCRIÇÃO: Modalidade: Centro Dia para pessoa Idosa Serviço voltado para o atendimento, regime parcial, de pessoas idosas de 60 anos ou mais, de

Leia mais

MINISTÉRIO DA SOLIDARIEDADE, EMPREGO E SEGURANÇA SOCIAL

MINISTÉRIO DA SOLIDARIEDADE, EMPREGO E SEGURANÇA SOCIAL 1252 Diário da República, 1.ª série N.º 42 2 de março de 2015 ANEXO Montantes dos apoios a atribuir à «Manutenção e recuperação de galerias ripícolas» (a que se refere o n.º 1 do artigo 13.º) Escalões

Leia mais

Direitos da Entidade Organizadora/Promotora

Direitos da Entidade Organizadora/Promotora OBJECTIVOS GERAIS 1 Criação em todas as suas componentes estruturais, de um espaço físico com vista à realização de actividades de lazer e em contacto directo com a natureza, nomeadamente: a) Campos de

Leia mais

Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social

Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social Direcção-Geral da Solidariedade e Segurança Social Janeiro/2004 INTRODUÇÃO A experiência da acção social no âmbito da intervenção e acompanhamento das famílias em situação de grande vulnerabilidade social,

Leia mais

hospital de dia oncológico

hospital de dia oncológico guia do chtmad nota introdutória Sempre a pensar em si e para que possa beneficiar na totalidade de todos os nossos serviços, apresentam-se algumas informações que se consideram ser do seu interesse. Lembramos

Leia mais

REGULAMENTO DE CAMPOS DE FÉRIAS E OFICINAS DE TRABALHO

REGULAMENTO DE CAMPOS DE FÉRIAS E OFICINAS DE TRABALHO 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS O da Paisagem Protegida do Corno de Bico, adiante designado por CEIA, sediado em Chã de Lamas, Vascões, com regulamento próprio, é um equipamento pertencente e da responsabilidade

Leia mais

C O L É G I O D O A M O R D E D E U S

C O L É G I O D O A M O R D E D E U S C O L É G I O D O A M O R D E D E U S N.ª Ref.ª: 311/3 * 20.08.2015 Assunto: Informações diversas: Ano Escolar 2015/2016 A todos os Pais e Encarregados de Educação Exmo/a Senhor/a Encarregado/a Educação,

Leia mais

SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL

SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL SERVIÇOS DE AÇÃO SOCIAL INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA GABINETE DE AÇÃO SOCIAL 1 ESAC ESEC ESTGOH ESTSC ISCAC ISEC Serviços de Ação Social do IPC MISSÃO Os Serviços de Ação Social do Instituto Politécnico

Leia mais

Município de Pinhel. Projeto de Regulamento do Programa de Férias Desportivas do Município de Pinhel. Nota Justificativa

Município de Pinhel. Projeto de Regulamento do Programa de Férias Desportivas do Município de Pinhel. Nota Justificativa Município de Pinhel Projeto de Regulamento do Programa de Férias Desportivas do Município de Pinhel Nota Justificativa O programa de férias desportivas promovido pelo Município de Pinhel é, ao abrigo do

Leia mais

CALENDÁRIO DE ACTIVIDADES

CALENDÁRIO DE ACTIVIDADES DOSSIER DE PROJECTOS E ACTIVIDADES 2014 CALENDÁRIO DE ACTIVIDADES 2014 CALENDÁRIO DE ACTIVIDADES Mês Data Tipologia Actividade Local Inicio da Preparação do campo de férias, 2ª Semana Pediatria (CRECE).

Leia mais

CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS LAR DE IDOSOS REGULAMENTO

CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS LAR DE IDOSOS REGULAMENTO CENTRO SOCIAL PAROQUIAL DE OEIRAS LAR DE IDOSOS REGULAMENTO Artigo 1º CAPÍTULO I Disposições Gerais Âmbito O Centro Social Paroquial de Oeiras é uma Instituição Particular de Solidariedade Social com cariz

Leia mais

I Prémio Jovens Talentos. Regulamento

I Prémio Jovens Talentos. Regulamento 1 I Prémio Jovens Talentos Regulamento 1. Introdução O presente concurso tem como objectivo estimular o aparecimento e divulgação de novos talentos, no domínio cultural e artístico, dos jovens Bracarenses

Leia mais

Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira

Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira Projetos de Voluntariado no Concelho de Odemira Inscreva-se! Uma mão, um amigo Casa do Povo de Relíquias Através da realização de atividades lúdicas, visitas domiciliárias, apoio na alimentação e acompanhamento

Leia mais