Descobrindo os Sonhos. Liane Zink

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Descobrindo os Sonhos. Liane Zink"

Transcrição

1 Descobrindo os Sonhos

2 O que Significam os Nossos Sonhos? SÃO PROFECIAS? SÃO CURADORES? VÊM DE DEUS? SÃO VESTÍGIOS DE MEDOS MEDIEVAIS?

3 Como trabalham com Sonhos FREUD JUNG MORENO PERLS RON ROBBINS

4 Sonhos São muito diferentes do material onírico; Há o objeto de investigação dos sonhos e o sentido deles; Freud disse: die traunrdentung, o sonho e o sentido dele; Para Jung, os sonhos procuram regular e equilibrar as nossas energias físicas e mentais, além de indicar soluções criativas para problemas diários.

5 A Estrutura dos Sonhos Os sonhos: São fundamentados nas impressões deixadas pelos acontecimentos infantis; São retratos da dinâmica energética do sonhador; Têm uma linguagem universal de símbolos e metáforas; São a expressão máxima do desejo;

6 Espelho do Inconsciente Os sonhos são a nossa imagem no espelho; Ao reconstruir o espelho, podemos olhar para o nosso corpo e entender as peças que faltam nesta montagem; Os sonhos refletem estados emocionais, psicológicos e culturais; Harmoniza a vida interior com a vida exterior;

7 Os Símbolos Ao observar atentamente os símbolos dos sonhos, podemos entender os bloqueios corporais, os padrões caracterológicos e o significado do corpo durante as suas expressões no sonho.

8 Sonho Diurno Freud: enredo imaginado no estado de vigília; Devaneio e sonho; Também são realizações do desejo; Teatro privado da alma; Fantasias e imagens podem levar a material onírico;

9 O Relato do Sonho O material onírico corporificado desvenda significados, explicita desejos e torna-se íntimo de si mesmo, da sua fonte: o corpo Freud diz: o sonho foi o corpo materno deslocado que cometeu incesto com o corpo dos seus sonhos, penetrou no seu segredo e tornou-se conquistador e dono da terra incógnita...

10 O Relato do Sonho Olhar para o corpo e para como se comporta; O Sonho é distorcido pela própria interpretação; Articulação entre o que é relatado e o modo como o organismo se move, respira e flui no momento do relato; Organizar o sonho energeticamente; Os sonhos são o interior do corpo buscando um lugar para os seus símbolos; Os sonhos estão esfomeados para achar o corpo;

11 David Boadella O ÚTERO DO DIA A percepção da vigília; Emoção lembrada vivida no dia; Restos diurnos - sistema perceptivo; O momentâneo; Estímulos sensoriais; Temáticas relacionadas a múltiplos níveis;

12 Sonho no corpo Dormir é relaxar as tensões, aparecendo o conteúdo latente: o sonho em si - Freud; A barriga move-se suavemente e o peito sobe e desce; A energia é desbloqueada; Aparecem os conteúdos presos na memória corporal; Corpo em baixa posição de energia; Relaxamento e predisposição psicológica para que o sonho aconteça; O corpo é o lugar do objeto do sonho ou o sonho em si é um tipo particular de objeto; Insónia, pesadelos e sonhos recorrentes;

13 Tensões Processos fisiológicos: fome, sede, sexo, etc. Restrição do movimento espontâneo; Manutenção do ego; Profundas ou superficiais; Armazenadas no nosso inconsciente, na nossa memória corporal; Quanto mais relaxamos as tensões corporais, mais os sonhos aparecem;

14 David Boadella O ÚTERO DA NOITE - A PRODUÇÃO DO SONHO Entregar-se ao sono; O sonho em si; A criação do inconsciente para a expressão da realização do desejo; O processo do sonho, o setor reservado do sistema psíquico; Diferentes horários do sonho bem profundo (estado rem);

15 David Boadella Fora do útero da noite registar o sonho A escrita do sonho; O relato do sonho ao interlocutor; O material onírico; A associação de ideias; A biografia do sonho: colocar o sonho no contexto atual; Desenhar o sonho olhando para o futuro;

16 Trabalhos Práticos Construção do Contexto dos Sonhos Dança do útero da noite; Meditação da cura da pérola; Dança dos índios; Caixa das imagens; Trabalho em trios; Sonho do grupo;

17 Os Budistas despertam do Sonho. Chuang Tzu - despertar para o sonho - despertar para a vida. A vida é um sonho.

18 bibliografia CIRLOT, J. E. A Dictionary of Symbols. New York: Philosophical Library, CAMPBELL, Joseph. Myths, Dreams, and Religion. New York: E.P. Dutton, FREUD. Sigmund. A Interpretação dos Sonhos. In: Obras Completas. Edição Standard Brasileira, v. IV e V. Tradutores diversos. Rio de Janeiro: Imago, 1900 HALL, James A. Jung e a interpretação dos sonhos. Manual de Teoria e Prática. São Paulo, Editora Cultrix, 1992 HALL, James A. Sonhos, símbolos religiosos do inconsciente. São Paulo, Edições Loyola, 1994 KELSEY, Morton T. Deus, sonhos e revelação. Interpretação cristã dos sonhos. Coleção Amor e Psique. São Paulo: Paulus, 1996

19 bibliografia LEADBEATER, C. W. Os sonhos: O que são e quais as causas. São Paulo, Editora Pensamento, 2003 LINCOLN, J. S. The Dream In Primitive Cultures. New York: Johnson Reprint, 1970 ROBINSON, Stearn & CORBETT, Tom. Dicionário dos Sonhos. São Paulo: Editora Pensamento, 2001 TAYLOR, Jeremy. Dream work: Techniques for Discovering the Creative Power in Dreams. New York: Paulist Press, 1983 VON FRANZ, Marie-Louise. O caminho dos sonhos. São Paulo, Editora Cultrix, 1993 VON FRANZ, Marie-Louise. Os sonhos e a morte. Uma interpretação junguiana. São Paulo, Editora Cultrix, 1990

Conceitos Introdutórios

Conceitos Introdutórios Alexa B. Leirner Pintar aquilo que vemos diante de nós é uma arte diferente de pintar o que vemos dentro de nós. (Carl.Gustav Jung) 1 Objetivos Apresentar em linhas gerais os principais objetivos e o programa

Leia mais

A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES

A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES A NOÇAO DE TOTALIDADE NA TEORIA JUNGUIANA: BREVES CONSIDERAÇÕES Sheila Carla de Souza 1 (Mackenzie) Quem olha para fora sonha, quem olha para dentro desperta (C. G. Jung) RESUMO Este artigo tem o objetivo

Leia mais

"Sombra e luzes a partir da prática dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola". Alciane Basílio de Almeida

Sombra e luzes a partir da prática dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola. Alciane Basílio de Almeida "Sombra e luzes a partir da prática dos Exercícios Espirituais de Santo Inácio de Loyola". Alciane Basílio de Almeida (Mestre em Psicologia - UCP 2014) Este trabalho tem por objetivo mostrar a relação

Leia mais

LEITURA DOS SONHOS NO CORPO ONÍRICO

LEITURA DOS SONHOS NO CORPO ONÍRICO LEITURA DOS SONHOS NO CORPO ONÍRICO Juarez Francisco da Silva RESUMO A leitura psicológica dos sonhos pode ser relacionada de forma imediata ao corpo do sonhador, no instante em que conta seu sonho como

Leia mais

O consumo e a produção enquanto esquemas simbólicos

O consumo e a produção enquanto esquemas simbólicos O consumo e a produção enquanto esquemas simbólicos Entender o comportamento do consumidor não é tarefa fácil Consumidor: motivações internas (psiqué/personalidade) e externas (pressões sociais: família,

Leia mais

As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico

As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico As diferentes linguagens da criança: o jogo simbólico Mariana Antoniuk 1 Dêivid Marques 2 Maria Angela Barbato Carneiro ( orientação) 3 Abordando as diferentes linguagens da criança neste ano, dentro do

Leia mais

TÍTULO: HOMEM E SANTO: REFLEXÕES SOBRE O PROCESSO DE INDIVIDUAÇÃO EM SÃO FRANCISCO DE ASSIS1

TÍTULO: HOMEM E SANTO: REFLEXÕES SOBRE O PROCESSO DE INDIVIDUAÇÃO EM SÃO FRANCISCO DE ASSIS1 Anais do Conic-Semesp. Volume 1, 2013 - Faculdade Anhanguera de Campinas - Unidade 3. ISSN 2357-8904 TÍTULO: HOMEM E SANTO: REFLEXÕES SOBRE O PROCESSO DE INDIVIDUAÇÃO EM SÃO FRANCISCO DE ASSIS1 CATEGORIA:

Leia mais

Psicanálise: técnica para discernir e descobrir os processos psíquicos.

Psicanálise: técnica para discernir e descobrir os processos psíquicos. O conhecimento da psicanálise para o administrador, pode estar facilitando a compreensão das reações e comportamentos das pessoas com quem ele vai estar lidando no seu dia-dia. Temas discutidos nesta aula:

Leia mais

Judith Sonja Garbers, Psicóloga Jörg Garbers, Mestre de Teologia

Judith Sonja Garbers, Psicóloga Jörg Garbers, Mestre de Teologia Judith Sonja Garbers, Psicóloga Jörg Garbers, Mestre de Teologia C.G.Jung: Espiritualidade Conforme Jung o ser humano desenvolve primeiro uma identidade pessoal, descobre quem é, o que gosta, qual é seu

Leia mais

Núcleo 2.1 - Abordagem Junguiana: fundamentos teóricos e intervenção

Núcleo 2.1 - Abordagem Junguiana: fundamentos teóricos e intervenção Núcleo 2.1 - Abordagem Junguiana: fundamentos teóricos e intervenção Departamentos envolvidos: Psicodinâmica, Desenvolvimento, Psicologia Social e Métodos e Técnicas Professores: Eloisa Marques Damasco

Leia mais

A Psicologia Junguiana e o Processo. de Individuação. Individuação é um termo criado por Jung que

A Psicologia Junguiana e o Processo. de Individuação. Individuação é um termo criado por Jung que A Psicologia Junguiana e o Processo de Individuação 50 Individuação é um termo criado por Jung que significa a busca de uma realização plena de potencialidades inatas no ser humano; todo ser humano tem

Leia mais

Silvia Ivancko Gestalt-Terapeuta pelo Instituto Sedes Sapientiae 1983- SP Mestre em Psicossomática- PUC-SP Especialista em Psicologia Hospitalar-

Silvia Ivancko Gestalt-Terapeuta pelo Instituto Sedes Sapientiae 1983- SP Mestre em Psicossomática- PUC-SP Especialista em Psicologia Hospitalar- Silvia Ivancko Gestalt-Terapeuta pelo Instituto Sedes Sapientiae 1983- SP Mestre em Psicossomática- PUC-SP Especialista em Psicologia Hospitalar- HC.-USP Especialista em Stress e Psiconeuroimunologia I.P.S.P.

Leia mais

Maria Cândida Moraes 2

Maria Cândida Moraes 2 TEORIA E PRÁTICA EM HOLOMOVIMENTO 1 Maria Cândida Moraes 2 A relação teoria/prática evoca, como metáfora, a imagem do anel de Moebius que inspirou M.C. Escher a representá-lo como no desenho acima. Ela

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde Curso de Psicologia Núcleo 2.1 Jung (2014)

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde Curso de Psicologia Núcleo 2.1 Jung (2014) NÚCLEO 2.1- ABORDAGEM JUNGUIANA: FUNDAMENTOS TEÓRICOS E INTERVENÇÃO. Departamentos envolvidos: Psicodinâmica, Psicologia Social e Métodos e Técnicas Professores: Eloisa Marques Damasco Penna Heloisa Dias

Leia mais

Os sonhos e o inconsciente

Os sonhos e o inconsciente Os sonhos e o inconsciente Um fato conhecido de todos é que dormimos, em média, um terço de nossa vida. Portanto, quem vive 60 anos, dorme 20 anos e sonha cerca de cinco anos. Os 40 anos que vivemos acordados

Leia mais

E, algumas vezes, a pessoa que mais precisa do seu perdão é você mesmo. Devemos nos lembrar que, ao dormirmos, o corpo astral sai do corpo físico.

E, algumas vezes, a pessoa que mais precisa do seu perdão é você mesmo. Devemos nos lembrar que, ao dormirmos, o corpo astral sai do corpo físico. MEDITAÇÃO DO PERDÃO Jesus ensinou que devemos perdoar a alma de todas as pessoas, pedindo ao Criador que detenha o lado negativo dela. Não importa o grau de negatividade de alguém, precisamos sempre perdoar,

Leia mais

A ENERGIA DO BRINCAR: UMA ABORDAGEM BIOENERGÉTICA

A ENERGIA DO BRINCAR: UMA ABORDAGEM BIOENERGÉTICA 1 A ENERGIA DO BRINCAR: UMA ABORDAGEM BIOENERGÉTICA Dayane Pricila Rausisse Ruon Sandra Mara Volpi* RESUMO O brincar é um tema bastante discutido e de muita importância no desenvolvimento infantil. Esse

Leia mais

Título do trabalho. O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação. Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo.

Título do trabalho. O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação. Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo. Título do trabalho O Efeito da Música Sagrada no Processo de Individuação Andreia Valente Tarsitano Eugenia Cordeiro Curvêlo Resumo O presente trabalho vem investigar literatura especializada sobre individuação

Leia mais

O sonho e a psicanálise freudiana

O sonho e a psicanálise freudiana O sonho e a psicanálise freudiana Giovana Rodrigues da Silva 1 Resumo: O presente estudo aborda a psicanálise freudiana acerca dos sonhos, iniciada em 1890, aproximadamente. Para Freud, a essência do sonho

Leia mais

A Dança na Terceira Idade

A Dança na Terceira Idade A Dança na Terceira Idade Bárbara Costa Carolina Miguel Leonardo Delarete Pimenta Na terceira idade, geralmente, o ser humano sofre algumas alterações de um declínio geral no aspecto biopsicossocial. Como

Leia mais

O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica.

O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica. O papel do corpo na contemporaneidade, as novas patologias e a escuta analítica. Silvana Maria de Barros Santos Entre o século XVI a XIX, as transformações políticas, sociais, culturais e o advento da

Leia mais

A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA

A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA 1 A PSICOLOGIA CORPORAL NA SALA DE AULA Glória Maria Alves Ferreira Cristofolini RESUMO Sala de aula, lugar de construção do saber, de alegrias e sensibilidades. É assim que penso o verdadeiro sentido

Leia mais

para um estúdio terceirizado (Variety Artworks), responsável por todo o trabalho de arte. É por isso que os títulos não trazem créditos de roteirista

para um estúdio terceirizado (Variety Artworks), responsável por todo o trabalho de arte. É por isso que os títulos não trazem créditos de roteirista Clássicos adaptados em mangá Alexandre Boide* Com seus mais de cem títulos publicados, a coleção Manga de Dokuha (algo como Aprendendo em mangá ) é uma espécie de ponto fora da curva entre as coleções

Leia mais

TRAÇOS CARACTEROLÓGICOS: MARCAS E REGISTROS DAS ETAPAS DE DESENVOLVIMENTO EMOCIONAL

TRAÇOS CARACTEROLÓGICOS: MARCAS E REGISTROS DAS ETAPAS DE DESENVOLVIMENTO EMOCIONAL TRAÇOS CARACTEROLÓGICOS: MARCAS E REGISTROS DAS ETAPAS DE DESENVOLVIMENTO EMOCIONAL Christiano de Oliveira Pereira 1 RESUMO O caráter específico de cada indivíduo é resultante de todas as experiências

Leia mais

A Arte e as Crianças

A Arte e as Crianças A Arte e as Crianças A criança pequena consegue exteriorizar espontaneamente a sua personalidade e as suas experiências inter-individuais, graças aos diversos meios de expressão que estão à sua disposição.

Leia mais

MÓDULO 1: A INFÂNCIA. Como ocorre a cura no processo de O Grito Essencial? A menos que. você use toda sua. energia em seu próprio

MÓDULO 1: A INFÂNCIA. Como ocorre a cura no processo de O Grito Essencial? A menos que. você use toda sua. energia em seu próprio É um processo terapêutico, meditativo e espiritual que aborda as três etapas mais importantes de nossa vida: a infância, a adolescência e a idade adulta, integrando-as à consciência do ser interior. Dada

Leia mais

Aplicação Terapêutica das Imagens de Arte e Metáforas

Aplicação Terapêutica das Imagens de Arte e Metáforas Alexa B. Leirner A arte é uma mentira que nos ajuda a perceber a verdade. (Pablo Picasso) 1 Objetivos Conhecer os principais fundamentos que demonstram os benefícios da utilização de imagens de arte e

Leia mais

UM OLHAR PSICANALÍTICO SOBRE AS NOVAS BIOTECNOLOGIAS

UM OLHAR PSICANALÍTICO SOBRE AS NOVAS BIOTECNOLOGIAS 26 a 29 de outubro de 2010 ISBN 978-85-61091-69-9 UM OLHAR PSICANALÍTICO SOBRE AS NOVAS BIOTECNOLOGIAS Lorena Munhoz da Costa 1, Gilcinéia Rose da Silva Santos 2 RESUMO: Este trabalho buscou analisar,

Leia mais

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE

PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE PROJETO TERRA CHÃO - DANÇA E ARTE 1. JUSTIFICATIVA A região do Baixo Tocantins apresenta-se na área cultural e artística, é um grande celeiro de talentos, que vem enraizado culturalmente em nosso povo,

Leia mais

RESENHA. 1. Indentidade da Obra JUNG,C. G. Psicologia e religião oriental. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1991.

RESENHA. 1. Indentidade da Obra JUNG,C. G. Psicologia e religião oriental. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1991. RESENHA AGOSTINHO, Márcio Roberto Mestre em Ciências da Religião MACKENZIE SÃO PAULO/SP BRASIL Coordenador do Curso de Psicologia - FASU/ACEG GARÇA/SP BRASIL e-mail: casteloagostinho@yahoo.com.br 1. Indentidade

Leia mais

02/04/2013. Glândula Pineal. Fernanda

02/04/2013. Glândula Pineal. Fernanda Fernanda 1 O PAPEL DA MENTE A mente permanece na base de todos os fenômenos mediúnicos. F.C.Xavier/André Luiz: Nos Domínios da Mediunidade, cap.1, p. 15-16) É o espelho da vida em toda a parte. Emmanuel

Leia mais

Mini Curso Terapia Amor em Movimento Uma jornada de liberação e descoberta interior Focalizador: Fabiano Lauser

Mini Curso Terapia Amor em Movimento Uma jornada de liberação e descoberta interior Focalizador: Fabiano Lauser Mini Curso Terapia Amor em Movimento Uma jornada de liberação e descoberta interior Focalizador: Fabiano Lauser 1. O que é? Mini-curso gratuito aberto a comunidade, com duração de 8 encontros no Projeto

Leia mais

TRABALHANDO COM OS SINTOMAS

TRABALHANDO COM OS SINTOMAS TRABALHANDO COM OS SINTOMAS A linguagem dos sintomas é uma das formas em que nosso corpo se expressa. Entendendo nossa existência como uma jornada onde cumprimos uma tarefa de vida, e temos a oportunidade

Leia mais

O CORPO EM ANÁLISE ..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..

O CORPO EM ANÁLISE ..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-..-.. 1 O CORPO EM ANÁLISE Rubens Marcondes Weber RESUMO A psicologia profunda se desenvolveu a partir do esforço para compreender o processo de representação simbólica, seu papel na formação da personalidade

Leia mais

Jörg Garbers, Mestre de Teologia

Jörg Garbers, Mestre de Teologia Jörg Garbers, Mestre de Teologia Introdução Pregação e prática Durante essa pregação uns vão pensar: Eu fiz e faço muitas coisas de maneira errada. Isso é normal. Cada um de nos falha e ficamos tristes.

Leia mais

Seminário: Mecanismos da Mediunidade

Seminário: Mecanismos da Mediunidade 1 Atividade Integrativa (1) (1)(2) (2) Aptidão para manter, inabalavelmente, percepção sobre um tema pelo tempo que a pessoa decidir. Pôr o pensamento acorde com o pensamento divino. Estado habitual da

Leia mais

unesp Faculdade de Ciências e Letras Campus de Araraquara - SP Idalires da Silva Almeida Márcia Raquel Camani Mayara Ferreira

unesp Faculdade de Ciências e Letras Campus de Araraquara - SP Idalires da Silva Almeida Márcia Raquel Camani Mayara Ferreira unesp UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO Faculdade de Ciências e Letras Campus de Araraquara - SP Idalires da Silva Almeida Márcia Raquel Camani Mayara Ferreira PSICOLOGIIA DA EDUCAÇÃO

Leia mais

Mandalas. A Busca do Equilíbrio

Mandalas. A Busca do Equilíbrio Mandalas A Busca do Equilíbrio Mandalas A Busca do Equilíbrio Maria Tereza Franchi 3 Índice O Interesse pelas Mandalas... 15 Tudo é Mandala... 20 As Mandalas da Natureza... 23 O Uso das Mandalas... 25

Leia mais

Em 1980, iniciei com a Dra. Nise da Silveira a realização de

Em 1980, iniciei com a Dra. Nise da Silveira a realização de Cinema O mundo das imagens Luiz Carlos Mello Em 1980, iniciei com a Dra. Nise da Silveira a realização de quinze documentários que sintetizam as principais pesquisas realizadas por ela e seus colaboradores.

Leia mais

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO CORPORAL NO TRATAMENTO DE DISTÚRBIOS DE IMAGEM CORPORAL NOS TRANSTORNOS ALIMENTARES

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO CORPORAL NO TRATAMENTO DE DISTÚRBIOS DE IMAGEM CORPORAL NOS TRANSTORNOS ALIMENTARES 1 PROPOSTA DE INTERVENÇÃO CORPORAL NO TRATAMENTO DE DISTÚRBIOS DE IMAGEM CORPORAL NOS TRANSTORNOS ALIMENTARES Alessandra de Camargo Costa Resumo Uma das características marcantes nos transtornos alimentares

Leia mais

Massagem de Relaxamento

Massagem de Relaxamento Massagem de Relaxamento Realizada com óleos essenciais, jasmim, alfazema ou ylang ylang, os seus movimentos são lentos, suaves e envolventes, com efeito relaxante, restabelecendo o equilíbrio da área psico-emocional,

Leia mais

1. IDENTIDADE Cristocêntrica Missional Multiplicadora

1. IDENTIDADE Cristocêntrica Missional Multiplicadora FUNDAMENTOS DA IGREJA EM PEQUENOS GRUPOS 1. IDENTIDADE Cristocêntrica Missional Multiplicadora 2. APRENDIZAGEM Responsabilidade Pessoal Aprendizagem Relacional Círculo de Aprendizagem FUNDAMENTOS DA IGREJA

Leia mais

A DANÇA DO VENTRE COMO INSTRUMENTO NA PSICOTERAPIA CORPORAL PARA MULHERES Elizabeth Moro

A DANÇA DO VENTRE COMO INSTRUMENTO NA PSICOTERAPIA CORPORAL PARA MULHERES Elizabeth Moro 1 A DANÇA DO VENTRE COMO INSTRUMENTO NA PSICOTERAPIA CORPORAL PARA MULHERES Elizabeth Moro A busca por esse trabalho teve inicio, quando de alguma forma, eu procurava encontrar explicações psicológicas,

Leia mais

MECANISMOS DE DEFESA

MECANISMOS DE DEFESA 1 MECANISMOS DE DEFESA José Henrique Volpi O Ego protege a personalidade contra a ameaça ruim. Para isso, utilizase dos chamados mecanismos de defesa. Todos estes mecanismos podem ser encontrados em indivíduos

Leia mais

UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: PRATICAS NATURAIS E VIVENCIS EM SAÚDE II Prof.ª DANIELLA KOCH DE CARVALHO

UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: PRATICAS NATURAIS E VIVENCIS EM SAÚDE II Prof.ª DANIELLA KOCH DE CARVALHO UNIVERSIDADE DO SUL DE SANTA CATARINA CURSO DE ENFERMAGEM DISCIPLINA: PRATICAS NATURAIS E VIVENCIS EM SAÚDE II Prof.ª DANIELLA KOCH DE CARVALHO Segundo Barros (2004), Dhyana é a palavra em sânscrito que

Leia mais

TÍTULO: A MODA NO DIVÃ: OBSERVAÇÕES SOBRE INTERVENÇÃO DO INCONSCIENTE NO COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE MODA

TÍTULO: A MODA NO DIVÃ: OBSERVAÇÕES SOBRE INTERVENÇÃO DO INCONSCIENTE NO COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE MODA TÍTULO: A MODA NO DIVÃ: OBSERVAÇÕES SOBRE INTERVENÇÃO DO INCONSCIENTE NO COMPORTAMENTO DO CONSUMIDOR DE MODA CATEGORIA: EM ANDAMENTO ÁREA: CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS SUBÁREA: DESIGN INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE

Leia mais

INTERFERÊNCIAS ENERGÉTICAS NOCIVAS. Descubra quais são as forças invisíveis que atrapalham a sua vida

INTERFERÊNCIAS ENERGÉTICAS NOCIVAS. Descubra quais são as forças invisíveis que atrapalham a sua vida INTERFERÊNCIAS ENERGÉTICAS NOCIVAS Descubra quais são as forças invisíveis que atrapalham a sua vida VOCÊ APRENDERÁ ü Quais são as principais; ü Como removê-las da sua vida; ü Como criar a sua proteção

Leia mais

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA

Projeto. Pedagógico ÁGUIA SONHADORA Projeto Pedagógico ÁGUIA SONHADORA 1 Projeto Pedagógico Por Beatriz Tavares de Souza* Apresentação O livro narra a história de uma águia inquieta para alçar o primeiro voo; ainda criança, sai pela floresta

Leia mais

ICEB - INSTITUTO CORE ENERGETICS DO BRASIL www.brasil-coreenergetics.com.br E-mail: contato@brasil-coreenergetics.com.br Fone: (0xx11) 4418-1318

ICEB - INSTITUTO CORE ENERGETICS DO BRASIL www.brasil-coreenergetics.com.br E-mail: contato@brasil-coreenergetics.com.br Fone: (0xx11) 4418-1318 ANAIS DO I CONGRESSO EM PSICOLOGIA CORPORAL EM CORE ENERGETICS 2008 ATIBAIA SP BRASIL Atibaia São Paulo Brasil, 18 e 19 de Outubro de 2008. Centro de Convenções Victor Brecheret (Todo conteúdo escrito,

Leia mais

APRENDIZAGEM EMOCIONAL

APRENDIZAGEM EMOCIONAL APRENDIZAGEM EMOCIONAL Escrito por Mauricio Aguiar Saudações a você que vem acompanhando o trabalho do POINT DOS AMORES e com a sua participação e interesse contribui para o crescimento do POINT. Nesta

Leia mais

Por que há sonhos dos quais não nos esquecemos?

Por que há sonhos dos quais não nos esquecemos? Opção Lacaniana online nova série Ano 3 Número 8 julho 2012 ISSN 2177-2673 Por que há sonhos dos quais não nos esquecemos? Luciana Silviano Brandão Lopes Quem já não teve a sensação de ter tido muitos

Leia mais

Daniele Nunes Henrique Silva. Imaginação, criança {e escola

Daniele Nunes Henrique Silva. Imaginação, criança {e escola Daniele Nunes Henrique Silva Imaginação, criança {e escola IMAGINAÇÃO, CRIANÇA E ESCOLA Copyright 2012 by Daniele Nunes Henrique Silva Direitos desta edição reservados por Summus Editorial Editora executiva:

Leia mais

CORPOLINGUAGEM E MOVIMENTO: UMA PROPOSTA DE TRABALHO CORPORAL PARA CRIANÇAS À LUZ DA PSICANÁLISE

CORPOLINGUAGEM E MOVIMENTO: UMA PROPOSTA DE TRABALHO CORPORAL PARA CRIANÇAS À LUZ DA PSICANÁLISE CORPOLINGUAGEM E MOVIMENTO: UMA PROPOSTA DE TRABALHO CORPORAL PARA CRIANÇAS À LUZ DA PSICANÁLISE Nathalia Leite Gatto Nota-se que as disciplinas ligadas ao movimento na educação infantil, tanto curriculares

Leia mais

PROJETO: TEATRO NA EDUCAÇÃO FÍSICA - MULTIPLICIDADE DE MOVIMENTOS E SUPERAÇÃO DAS DIFICULDADES. INTRODUÇÃO

PROJETO: TEATRO NA EDUCAÇÃO FÍSICA - MULTIPLICIDADE DE MOVIMENTOS E SUPERAÇÃO DAS DIFICULDADES. INTRODUÇÃO PROJETO: TEATRO NA EDUCAÇÃO FÍSICA - MULTIPLICIDADE DE MOVIMENTOS E SUPERAÇÃO DAS DIFICULDADES. Priscilla Gaiba INTRODUÇÃO Se em algumas áreas do conhecimento o corpo tem sido o principal instrumento de

Leia mais

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

ESPIRITUALIDADE E SAÚDE: UMA PERSPECTIVA BIOENERGÉTICA

ESPIRITUALIDADE E SAÚDE: UMA PERSPECTIVA BIOENERGÉTICA 1 ESPIRITUALIDADE E SAÚDE: UMA PERSPECTIVA BIOENERGÉTICA Périsson Dantas do Nascimento RESUMO O trabalho tem como objetivo principal elaborar um diálogo entre a Psicossomática e a Análise Bioenergética,

Leia mais

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS Constantemente, somos bombardeados por incontáveis conteúdos visuais. Imagens ilustram websites, redes sociais, folders,

Leia mais

A SIMBOLOGIA DA DOENÇA PSICOFÍSICA COMO UM CAMINHO POSSÍVEL PARA A INDIVIDUAÇÃO RESUMO

A SIMBOLOGIA DA DOENÇA PSICOFÍSICA COMO UM CAMINHO POSSÍVEL PARA A INDIVIDUAÇÃO RESUMO A SIMBOLOGIA DA DOENÇA PSICOFÍSICA COMO UM CAMINHO POSSÍVEL PARA A INDIVIDUAÇÃO Fany Patrícia Fabiano Peixoto Orientadora: Eugenia Cordeiro Curvêlo RESUMO O termo psicossomática esclarece a organização

Leia mais

A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO

A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO A DOENÇA O REAL PARA O SUJEITO 2014 Olga Cristina de Oliveira Vieira Graduada em Psicologia pela Universidade Presidente Antônio Carlos. Docente no Centro Técnico de Ensino Profissional (CENTEP). Especialização

Leia mais

CELD - 8 o EEJA. Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis. O cérebro triúno. A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade

CELD - 8 o EEJA. Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis. O cérebro triúno. A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade CELD - 8 o EEJA A Lei de Amor e a Consciência da Imortalidade Seção V O Mapa da Alma Segundo Joanna de Ângelis O cérebro triúno O conceito do cérebro triúno foi proposto pelo médico e cientista Paul MacLean.

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso ADMINISTRAÇÃO Disciplina

Leia mais

TEORIA ORGANÍSMICA - GOLDSTEIN

TEORIA ORGANÍSMICA - GOLDSTEIN TEORIA ORGANÍSMICA - GOLDSTEIN Precursor SMUTS 1926 EVOLUÇÃO E HOLISMO HOLISMO - GREGO HOLOS TOTAL COMPLETO - UNIFICAÇÃO Descartes séc. XVII Divisão do indivíduo em duas entidades separadas, mas inter-relacionadas:

Leia mais

INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS PERCEPÇÃO E NEUROSE

INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS PERCEPÇÃO E NEUROSE INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS PERCEPÇÃO E NEUROSE Maria Fernanda Guita Murad Freud ao estudar o mecanismo psíquico presente nos chistes, lapsos, sintomas e sonhos nos abre uma porta para o inconsciente da psicanálise.

Leia mais

Os sonhos e o Inconsciente

Os sonhos e o Inconsciente Fernanda G. Moreira Os sonhos e o Inconsciente A Natureza dos sonhos Sonhar é uma experiência humana universal, também presente em outros mamíferos. Todos nós sonhamos mais de uma vez por noite, especialmente,

Leia mais

A INDIVIDUAÇÃO E A MORTE PRESENTE - LIGAÇÃO ENTRE JUNG E A TRADIÇÃO BUDISTA NICHIREN

A INDIVIDUAÇÃO E A MORTE PRESENTE - LIGAÇÃO ENTRE JUNG E A TRADIÇÃO BUDISTA NICHIREN Anais do V Congresso da ANPTECRE Religião, Direitos Humanos e Laicidade ISSN:2175-9685 Licenciado sob uma Licença Creative Commons A INDIVIDUAÇÃO E A MORTE PRESENTE - LIGAÇÃO ENTRE JUNG E A TRADIÇÃO BUDISTA

Leia mais

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio

Plano de Trabalho Docente - 2014. Ensino Médio Plano de Trabalho Docente - 2014 Ensino Médio Código: 0262 ETEC ANHANQUERA Município: Santana de Parnaíba Área de Conhecimento: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Componente Curricular: Artes Série:

Leia mais

A TRANSFERÊNCIA NA SALA DE AULA

A TRANSFERÊNCIA NA SALA DE AULA A TRANSFERÊNCIA NA SALA DE AULA BUCK, Marina Bertone Discente do Curso de Psicologia da Faculdade de Ciências da Saúde FASU/ACEG GARÇA/SP BRASIL e-mail: marina.bertone@hotmail.com SANTOS, José Wellington

Leia mais

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves TEMA : BRINCANDO E APRENDENDO NA ESCOLA Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves Autora: Prof a Cássia de Fátima da S. Souza PÚBLICO ALVO Alunos de 04 anos TEMA: BRINCANDO E

Leia mais

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo

DIRETRIZES CURRICULARES Disciplina: Linguagem. Períodos: Infantil 4 1º, 2º, 3º. Conteúdo Linguagem Letras do alfabeto Nome próprio, nome da escola, histórias Nome das profissões, histórias, músicas Histórias, nome das plantas Histórias em quadrinho, brincadeiras, nome dos brinquedos Nome dos

Leia mais

CULTURA JOVEM E NARRATIVA PUBLICITÁRIA: UM ESTUDO SOBRE ANÚNCIOS DE CIGARRO DAS DÉCADAS DE 1960/1970

CULTURA JOVEM E NARRATIVA PUBLICITÁRIA: UM ESTUDO SOBRE ANÚNCIOS DE CIGARRO DAS DÉCADAS DE 1960/1970 Departamento de Comunicação Social CULTURA JOVEM E NARRATIVA PUBLICITÁRIA: UM ESTUDO SOBRE ANÚNCIOS DE CIGARRO DAS DÉCADAS DE 1960/1970 Aluno: Juliana Cintra Orientador: Everardo Rocha Introdução A publicidade

Leia mais

Decio Tenenbaum Vitória, 2012

Decio Tenenbaum Vitória, 2012 O diagnóstico psicodinâmico 1 Decio Tenenbaum Vitória, 2012 Roteiro 2 1- O que é diagnóstico? 2- O que é psicodinâmica? 3- Para que servem os diagnósticos? 4- A construção do diagnóstico psicodinâmico

Leia mais

A teoria da Matriz de Identidade e a Teoria dos Papéis. Cybele Ramalho (PROFINT)

A teoria da Matriz de Identidade e a Teoria dos Papéis. Cybele Ramalho (PROFINT) A teoria da Matriz de Identidade e a Teoria dos Papéis Cybele Ramalho (PROFINT) Matriz de Identidade A matriz de identidade é o lugar onde a criança se insere desde o nascimento, relacionando-se com outros

Leia mais

Os Quatros Elementos Ter, 02 de Dezembro de 2008 09:12

Os Quatros Elementos Ter, 02 de Dezembro de 2008 09:12 O estudo das forças ocultas da natureza presente nos quatro elementos e seus elementais, são comuns a todas as culturas por tratar-se de uma necessidade latente do ser humano. A Iniciação Hermética quase

Leia mais

CONSCIÊNCIA CORPORAL E AUTORREGULAÇÃO: UM CAMINHO PARA LIBERTAÇÃO

CONSCIÊNCIA CORPORAL E AUTORREGULAÇÃO: UM CAMINHO PARA LIBERTAÇÃO CONSCIÊNCIA CORPORAL E AUTORREGULAÇÃO: UM CAMINHO PARA LIBERTAÇÃO Bárbara Machuca Thon RESUMO A consciência corporal e autoconhecimento trazem elementos para se atingir a saúde e bem estar interior. O

Leia mais

Hebe Laghi de Souza. DARWIN e KARDEC

Hebe Laghi de Souza. DARWIN e KARDEC Hebe Laghi de Souza DARWIN e KARDEC U M D I Á L O G O P O S S Í V E L CAMPINAS SP 2007 Sumário prefácio...xvii Capítulo 1 novos conhecimentos... 1 Dois livros, duas teorias um novo rumo...1 Detonando o

Leia mais

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo:

DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I FORTALECENDO SABERES CIÊNCIAS NAT. CIÊNCIAS HUM. CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA. Conteúdo: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I Conteúdo: - Alguns aspectos que interferem na saúde das pessoas - Saúde como Direito Constitucional dos brasileiros

Leia mais

Afirmação do Perdão Para remover bloqueios energéticos e cordões nos chakras e no corpo energético

Afirmação do Perdão Para remover bloqueios energéticos e cordões nos chakras e no corpo energético 1 Afirmação do Perdão Para remover bloqueios energéticos e cordões nos chakras e no corpo energético Procedimento para a Afirmação do Perdão Os bloqueios energéticos e cordões nos chakras e no corpo energético

Leia mais

Questão Resposta Questão Resposta 1 21 2 22 3 23 4 24 5 25 6 26 7 27 8 28 9 29 10 30 11 31 12 32 13 33 14 34 15 35 16 36 17 37 18 38 19 39 20 40

Questão Resposta Questão Resposta 1 21 2 22 3 23 4 24 5 25 6 26 7 27 8 28 9 29 10 30 11 31 12 32 13 33 14 34 15 35 16 36 17 37 18 38 19 39 20 40 SIMULADO SOBRE TEORIAS DA PERSONALIDADE Aluno(a) A prova contém 40 questões de múltipla escolha. Utilize a folha de respostas abaixo para assinalar suas respostas. Ao final da prova, devolva apenas esta

Leia mais

A EXPRESSÃO GRÁFICA NAS MANDALAS EM ARTETERAPIA JUNTO A JOVENS USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS HOSPITALIZADOS 1

A EXPRESSÃO GRÁFICA NAS MANDALAS EM ARTETERAPIA JUNTO A JOVENS USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS HOSPITALIZADOS 1 A EXPRESSÃO GRÁFICA NAS MANDALAS EM ARTETERAPIA JUNTO A JOVENS USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS HOSPITALIZADOS 1 Maria Elyza de Oliveira Paula 2, Ana Cláudia Afonso Valladares 3 Faculdade de Enfermagem

Leia mais

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 0 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL 1 O PAPEL DA CONTAÇÃO DE HISTÓRIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL Renato da Guia Oliveira 2 FICHA CATALOGRÁFICA OLIVEIRA. Renato da Guia. O Papel da Contação

Leia mais

Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior

Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior Exercícios para estabelecer o contato com a nossa criança interior C omo este é o mês das crianças, decidi propor para aqueles que estão em busca de autoconhecimento, alguns exercícios que ajudam a entrar

Leia mais

TIPOS DE RELACIONAMENTOS

TIPOS DE RELACIONAMENTOS 68 Décima-Segunda Lição CONSTRUINDO RELACIONAMENTOS DE QUALIDADE Quando falamos de relacionamentos, certamente estamos falando da inter-relação de duas ou mais pessoas. Há muitas possibilidades de relacionamentos,

Leia mais

PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015

PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015 PLANEJAMENTO 1º TRIMESTRE/2015 TURMA: Nível 3 PERÍODO: 23/02 a 22/05 DISCIPLINA/PROFESSOR/A OBJETIVO CONTEÚDOS Maria Helena Walber Criar desenhos, pinturas, modelagens, colagens a partir do próprio repertório;

Leia mais

Diálogos entre Gestalt-terapia e dança: corpo, expressão e sentido

Diálogos entre Gestalt-terapia e dança: corpo, expressão e sentido Diálogos entre Gestalt-terapia e dança: corpo, expressão e sentido Carla do Eirado Silva carlaeirado@gmail.com 11º período Instituto de Psicologia Cintia Siqueira de Oliveira cintia_imjc@hotmail.com 10º

Leia mais

Olá, que bom que você está aqui no Relaxamento Presente.

Olá, que bom que você está aqui no Relaxamento Presente. Olá, que bom que você está aqui no Relaxamento Presente. Um dos grandes dilemas que os pais enfrentam atualmente é em relação à educação dos filhos, e se perguntam constantemente: "Como fazer meu filho

Leia mais

A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE

A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE 1 A PERCEPÇÃO DAS SENSAÇÕES DO CORPO NA FLEXIBILIDADE DA POSTURA E NO CONTATO COM O AMBIENTE RESUMO Luciana Gandolfo O objetivo da prática da eutonia é orientar a pessoa a focalizar a atenção em um segmento

Leia mais

CONVERSANDO SOBRE A ESPIRITUALIDADE DO CORPO

CONVERSANDO SOBRE A ESPIRITUALIDADE DO CORPO 1 Resumo CONVERSANDO SOBRE A ESPIRITUALIDADE DO CORPO Cristian G. Valeski de Alencar A base da espiritualidade é a harmonia entre o ego e o corpo. É um estado de graça que dificilmente é encontrado no

Leia mais

O valor do silêncio na vida do cristão

O valor do silêncio na vida do cristão O valor do silêncio na vida do cristão Salve Maria! Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo! Em nosso blog, temos muitas palavras de profecia sobre o silêncio. E, por Providência Divina, encontramos um

Leia mais

HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER.

HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER. 1 Resumo HEALING E DESENVOLVIMENTO HUMANO, UM CAMINHO PARA A EXPRESSÃO ESPIRITUAL DO SER. Cynthia Sampaio Healing e Desenvolvimento Humano constitui uma abordagem de auto desenvolvimento que envolve o

Leia mais

Aspectos da Consciência

Aspectos da Consciência Consciência Aspectos da Consciência Consciência Muitos livros definem a consciência como a percepção atual do indivíduo em relação a estímulos externos e internos isto é, de eventos do ambiente e de sensações

Leia mais

Corpo e Fala EMPRESAS

Corpo e Fala EMPRESAS Corpo e Fala EMPRESAS A Corpo e Fala Empresas é o braço de serviços voltado para o desenvolvimento das pessoas dentro das organizações. Embasado nos pilares institucionais do negócio, ele está estruturado

Leia mais

PNL Tecnologia, Metodologia e Atitude

PNL Tecnologia, Metodologia e Atitude 1 Dossiê Gilberto C. Cury Presidente da SBPNL - Sociedade Brasileira de Programação Neurolinguística Responsável por trazer a PNL ao Brasil, em 1981 gilberto@pnl.com.br PNL Tecnologia, Metodologia e Atitude

Leia mais

Tais mudanças podem ser biológicas, psicológicas e até social, todas inerentes a nossa condição humana.

Tais mudanças podem ser biológicas, psicológicas e até social, todas inerentes a nossa condição humana. I - A PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO 1.1. Caracterização O desenvolvimento humano (DH) enquanto área de estudo, preocupa-se em investigar e interpretar todos os processos de mudanças pelos quais o ser humano

Leia mais

1 A s L e i s d o U n i v e r s o R i c a r d o S a n t o s

1 A s L e i s d o U n i v e r s o R i c a r d o S a n t o s 1 A s L e i s d o U n i v e r s o R i c a r d o S a n t o s As Leis do Universo e Seus Princípios Ninguém esta destinado a viver uma vida infeliz consumida em medo em preocupação, sofrendo com doenças

Leia mais

UM JEITO DE AMAR A VIDA

UM JEITO DE AMAR A VIDA UM JEITO DE AMAR A VIDA Maria do Carmo Chaves CONSCIÊNCIA DO MUNDO FICHA TÉCNICA EDIÇÃO: Vírgula (Chancela Sítio do Livro) TÍTULO: Um jeito de amar a vida AUTORA: Maria do Carmo Chaves (escreve de acordo

Leia mais

Conteúdo Programático MEDITAÇÃO MULTIDIMENSIONAL

Conteúdo Programático MEDITAÇÃO MULTIDIMENSIONAL Conteúdo Programático MEDITAÇÃO MULTIDIMENSIONAL A Cura Celular CURSO DE MEDITAÇÃO MULTIDIMENSIONAL 1 Introdução: Somos seres de energia multidimensional, onde toda a matéria é energia. Se somos energia

Leia mais

Conceitos Fundamentais Freudianos

Conceitos Fundamentais Freudianos Conteúdo Programático 1º Semestre Conceitos Fundamentais Freudianos Inconsciente, Pré-consciente e Consciência Os Mecanismos de Defesa Da Terapia Catártica ao Tratamento Psicanalítico Narcisismo e as Identificações

Leia mais