Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social Regulamento

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social - 2013 Regulamento"

Transcrição

1 1. Do Conceito de Tecnologia Social 1.1 Tecnologia Social compreende produtos, técnicas ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representem efetivas soluções de transformação social. 2. Do Prêmio e seus Objetivos 2.1 O Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social, regido por este, é concedido a cada dois anos e tem por objetivo identificar, certificar, premiar e difundir tecnologias sociais já aplicadas, em âmbito local, regional ou nacional, e que ainda estejam em atividade, constituindo-se em efetivas soluções para questões relativas a: água, alimentação, educação, energia, habitação, meio ambiente, renda e saúde. 2.2 As tecnologias sociais certificadas pela Fundação Banco do Brasil passam a integrar o Banco de Tecnologias Sociais - BTS, base de dados on-line disponível no site contendo informações sobre as tecnologias sociais e instituições que as desenvolveram. O BTS é o principal instrumento utilizado pela Fundação Banco do Brasil para disseminar, promover e fomentar a reaplicação de tecnologias sociais. 2.3 A edição de 2013 do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social conta com a parceria do BNDES - Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, da KPMG Auditores Independentes, da PETROBRAS - Petróleo Brasileiro S.A. e da UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. 3. Das Inscrições 3.1 Prazo: a Quem pode participar: A participação é aberta às instituições sem fins lucrativos, legalmente constituídas no País, de direito público ou privado. 3.3 Forma de inscrição: As inscrições somente serão efetuadas pela internet, no site 3.4 Anexos à inscrição: documentos que ilustrem e comprovem a tecnologia inscrita deverão ser incluídos no site, em opção disponibilizada no formulário de inscrição Materiais ou documentos que não forem possíveis de serem incluídos no site deverão ser encaminhados à Fundação Banco do Brasil, identificados com o título da tecnologia e o número de inscrição obtido no site, com data de postagem até e aviso de recebimento, para o endereço abaixo: Fundação Banco do Brasil Prêmio Tecnologia Social SCN - Quadra 1 - Bloco A - Ed. Number One - 10º andar CEP Brasília (DF) Documentos e anexos referentes às inscrições recebidas pelo Prêmio não serão devolvidos Não há limite ao número de inscrições por instituição. 1

2 3.6. Ao formalizar a inscrição, os concorrentes acatam os termos do presente e reconhecem a soberania da Comissão Julgadora do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social, cujas deliberações terão caráter final e irrecorrível. 4. Das Categorias de Premiação: 4.1 A edição de 2013 do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social contará com as seguintes categorias de premiação: Comunidades Tradicionais (1), Agricultores Familiares e Assentados da Reforma Agrária Nesta categoria identificaremos tecnologias sociais que tenham proporcionado a inclusão socioprodutiva (2) de povos tradicionais, agricultores familiares e/ou assentados da reforma agrária, utilizando técnicas agroecológicas ou modelos de gestão e organização de agroindústria, visando agregação de valor à produção. Juventude (3) Nesta categoria identificaremos tecnologias sociais que promovam o protagonismo e o empoderamento da juventude. Mulheres Nesta categoria identificaremos tecnologias sociais que promovam o protagonismo e o empoderamento de mulheres. Gestores Públicos Nesta categoria identificaremos tecnologias sociais adotadas por gestores públicos que tenham se constituído, ou possam se constituir, em política pública para a melhoria da qualidade de vida da população urbana ou rural. Instituições de ensino, pesquisa e universidades Nesta categoria identificaremos tecnologias sociais desenvolvidas por instituições de ensino, pesquisa e universidades que tenham propiciado a inclusão socioprodutiva dos participantes. (1) Constituem-se comunidades e povos tradicionais os grupos culturalmente diferenciados e que se reconhecem como tais. Possuem formas próprias de organização social, ocupam e usam territórios tradicionais, além de recursos naturais, como condição para sua reprodução cultural, social, religiosa, ancestral e econômica. São comunidades tradicionais: povos indígenas, quilombolas, populações ribeirinhas, dentre outras. (Decreto nº 6.040, de , da Presidência da República) (2) A inclusão socioprodutiva tem como foco propiciar o acesso a oportunidades de trabalho e renda e contribuir para uma educação integrada e participativa. Tem como perspectivas a conquista de autonomia para uma vida digna sustentada e a emancipação social, política e produtiva dos indivíduos, potencializando os valores das comunidades e o saber-fazer local. (Plano Estratégico Trienal da Fundação Banco do Brasil) (3) Juventude: compreende a faixa etária entre 18 e 30 anos. (Plano Estratégico Trienal da Fundação Banco do Brasil) 5. Das Etapas de Premiação 2

3 5.1 Certificação Critérios para certificação: Ter sido implementada há, pelo menos, 1 ano, estar ativa e possuir resultados comprovados de transformação social; Estar sistematizada de forma a permitir a reaplicação por outras comunidades; Ter envolvido a comunidade no seu desenvolvimento, implementação ou reaplicação; Contemplar, no mínimo, uma das seguintes dimensões: protagonismo social; respeito cultural; cuidado ambiental, solidariedade econômica Todas as inscrições recebidas até o dia participarão desta etapa. As tecnologias sociais que forem certificadas serão inseridas no Banco de Tecnologias Sociais, receberão um Certificado de Tecnologia Social e concorrerão à etapa de Seleção das Finalistas do Prêmio, exceto os casos que se enquadrem na situação descrita no item deste Tecnologia Social que venha a ser certificada pelo Prêmio e que tenha contado, em qualquer etapa de sua implementação (desenvolvimento, implantação ou reaplicação), com investimento financeiro da Fundação Banco do Brasil ou, ainda, aquelas que tenham sido desenvolvidas e/ou implementadas por instituições que tenham em seu corpo diretivo, dirigentes ou funcionários do Banco do Brasil, da Fundação Banco do Brasil e entidades parceiras na realização desta edição do Prêmio, serão cadastradas no BTS, porém não poderão concorrer às etapas de seleção das finalistas e julgamento das vencedoras do Prêmio As instituições responsáveis pelas tecnologias sociais certificadas assumem o compromisso de manterem atualizadas as informações disponíveis no Banco de Tecnologias Sociais. As tecnologias sociais que não forem atualizadas, em um período de 2 (dois) anos, poderão ser excluídas da base de dados do BTS, pela Fundação Banco do Brasil. 5.2 Seleção das Finalistas Critérios: As tecnologias sociais certificadas serão pontuadas segundo os seguintes critérios: Efetividade; Nível de sistematização da tecnologia; Resultados qualitativos e quantitativos. 3

4 5.2.2 Bonificação: As tecnologias sociais que tenham propiciado a inclusão socioprodutiva dos públicos participantes receberão um bônus de 3% na pontuação obtida As tecnologias sociais que utilizem técnicas ou metodologias voltadas à agroecologia, reciclagem de resíduos sólidos, uso sustentável da água ou educação para a inclusão socioprodutiva receberão um bônus de 2% na pontuação obtida As tecnologias sociais receberão uma bonificação máxima de 5%, caso contemplem o contido nos itens e Serão selecionadas 6 (seis) finalistas por categoria de premiação, da seguinte forma: A primeira colocada de cada região geográfica do País, totalizando 5 (cinco) finalistas, sendo uma por região; A 6ª finalista será aquela que obtiver maior pontuação dentre as que ficarem em segundo lugar, independente da região. 5.3 Julgamento das Vencedoras 6. Da Premiação Critérios: As tecnologias sociais finalistas serão pontuadas segundo os seguintes critérios: Inovação Nível de envolvimento da comunidade Transformação social proporcionada Potencial de reaplicabilidade As tecnologias sociais que obtiverem a maior pontuação, em cada categoria, serão declaradas vencedoras A Comissão Julgadora poderá decidir não conferir premiação, se nenhuma das inscrições recebidas atenderem aos objetivos ou não cumprirem os requisitos do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social. 6.1 As instituições finalistas receberão um ultrabook e um troféu, a ser entregue durante o evento de premiação. 6.2 Será concedida premiação aos 1º, 2º e 3º lugares de cada categoria, conforme segue: Primeiro lugar : R$ ,00 cada Segundo lugar : R$ ,00 cada Terceiro lugar : R$ ,00 cada 6.3 Estes recursos serão utilizados em projetos para aperfeiçoamento ou reaplicação da Tecnologia Social, segundo os normativos e modelos específicos da Fundação Banco do Brasil. Os modelos serão encaminhados aos vencedores, após o conhecimento destes. 4

5 7. Das Comissões de Certificação, Seleção e Julgamento 7.1 Na etapa de Certificação, a análise das tecnologias sociais será feita por equipe técnica indicada pela Fundação Banco do Brasil. Para concluir essa etapa, um representante do Banco do Brasil realizará visita à instituição e ao local de implementação da Tecnologia Social. 7.2 Na etapa de Seleção das Finalistas, as tecnologias sociais certificadas serão submetidas à Comissão de Seleção, composta por profissionais da Fundação Banco do Brasil, das instituições parceiras na realização do Prêmio e convidados. 7.3 Na etapa de Julgamento das Vencedoras, as tecnologias sociais serão submetidas à Comissão Julgadora, constituída pelo presidente da Fundação, que a presidirá, e por representantes das áreas privada, governamental e do terceiro setor, convidados pela Fundação Banco do Brasil. 7.4 A Comissão de Seleção e a Comissão Julgadora, cada qual ao seu tempo, se reunirão em dias, horários e locais previamente determinados. Em ambos os casos, não será permitida a presença de representantes de instituições concorrentes nas reuniões A pontuação conferida pelos membros da Comissão Julgadora será entregue a auditores da KPMG Auditores Independentes, presentes na reunião, que processarão o resultado, lacrando-o em envelope a ser aberto somente no momento da premiação. 8. Dos Direitos Autorais 8.1 Os direitos autorais e intelectuais das instituições participantes serão preservados. Nas peças de divulgação, constarão os respectivos créditos. 8.2 Com a inscrição, as instituições participantes afirmam-se titulares de Direitos de Autor, assumindo total responsabilidade por eventuais questões decorrentes. 8.3 Pelo ato da inscrição, as instituições participantes autorizam a Fundação Banco do Brasil a utilizar os dados ou informações de natureza técnica referentes às tecnologias sociais nas atividades de divulgação do Prêmio e na disseminação e promoção do Banco de Tecnologias Sociais. 8.4 O ato da certificação confere à Fundação Banco do Brasil o direito de cadastrar as tecnologias sociais no Banco de Tecnologias Sociais, disseminando-as, promovendo-as e fomentando sua reaplicação, sem fins comerciais. 8.5 A eventual articulação da Fundação Banco do Brasil para disseminação das tecnologias sociais que irão compor o Banco de Tecnologias Sociais não necessitará de prévia autorização das instituições participantes nem lhes dará direito a qualquer remuneração ou gratificação adicional. 5

6 9. Da Comunicação dos Resultados 9.1 A relação das tecnologias sociais certificadas será disponibilizada no site da Fundação Banco do Brasil (www.fbb.org.br) na primeira semana de agosto de Na etapa de Seleção das Finalistas, a comunicação dos resultados será feita imediatamente após a conclusão dos trabalhos, por meio de instrumento específico enviado diretamente aos representantes das instituições finalistas. 9.3 A proclamação das tecnologias sociais vencedoras da edição 2013 do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social será feita durante a Cerimônia de Premiação, para a qual serão convidados representantes de todas as tecnologias finalistas. Os organizadores do evento de premiação arcarão com as despesas de transporte, hospedagem e alimentação de 2 representantes de cada instituição finalista. 10. Do Cronograma 10.1 Na edição 2013, o Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social obedecerá ao seguinte calendário: 11. Dos Casos Omissos Prazo de Inscrição: a Certificação: a Seleção das Finalistas: a Julgamento das Vencedoras: Cerimônia de Premiação: Os casos omissos serão resolvidos pelos Organizadores do Prêmio. 6

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO Objetivo: O Prêmio FINEP de Inovação foi criado para reconhecer e divulgar esforços inovadores realizados por empresas, Instituições Científicas e Tecnológicas - ICTs e inventores

Leia mais

Está vedada a participação das empresas e instituições que tenham sido vencedoras regionais e nacionais no Prêmio FINEP de Inovação 2009.

Está vedada a participação das empresas e instituições que tenham sido vencedoras regionais e nacionais no Prêmio FINEP de Inovação 2009. Regulamento O Prêmio FINEP de Inovação foi criado para reconhecer e divulgar esforços inovadores realizados por empresas, Instituições Científicas e Tecnológicas - ICTs e inventores brasileiros, desenvolvidos

Leia mais

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição

Leia mais

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO

PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO PRÊMIO FINEP DE INOVAÇÃO 15ª EDIÇÃO REGULAMENTO 1. Objetivo O Prêmio FINEP de Inovação foi criado para reconhecer e divulgar esforços inovadores realizados por empresas, instituições sem fins lucrativos

Leia mais

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015

Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Regulamento Prêmio Telecentros Brasil 2015 Seção I - Introdução Art. 1º O Prêmio Telecentros Brasil, criado pela Associação Telecentro de Informação e Negócios (ATN) em parceria com o SEBRAE, TICKET, Ministério

Leia mais

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 Curitiba, Fevereiro de 2014 Sumário 1. O PRÊMIO... 3 2. OBJETIVOS... 4 3. CATEGORIAS DE PREMIAÇÃO... 5 4. ETAPAS DE AVALIAÇÃO... 5 5. PREMIAÇÃO... 5 6. PARTICIPAÇÃO/INSCRIÇÃO...

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações.

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações. Art. 1º O Prêmio VIVALEITURA foi criado por meio da Portaria Interministerial nº 214, de 23 de novembro de 2005, publicado no D.O.U. de 28.11.2005, do Ministério da Cultura e do Ministério da Educação.

Leia mais

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses.

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses. REGULAMENTO APRESENTAÇÃO Art. 1º O Prêmio de Nacional de Inovação na Indústria, promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Movimento Brasil Competitivo (MBC), com o apoio da Financiadora

Leia mais

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS 2º CONCURSO UNIVERSITÁRIO DE PLANOS DE NEGÓCIO DO UNIS 2015 REALIZAÇÃO: UNIS/MG REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS Art. 1º O 2º Concurso Universitário de Planos de Negócio do Unis-MG é uma iniciativa

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 I OBJETIVO DA PREMIAÇÃO 1.1 - O PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 é uma iniciativa do SINEPE/PR

Leia mais

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014

1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1º Prêmio de Comunicação - Grupo SMS 2014 1 INTRODUÇÃO O 1º Prêmio de Comunicação Grupo SMS 2014, com o tema Mobilidade Urbana é uma iniciativa do Grupo SMS, formado pelas empresas Auto Viação Salineira,

Leia mais

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos

Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos PROCESSO SELETIVO 2011 Ações de Adaptação de Comunidades e seus Ecossistemas aos Eventos Climáticos REGULAMENTO Prezado Gestor, Criado em 2006, o Instituto HSBC Solidariedade é responsável por gerenciar

Leia mais

I. Da Instituição e Objetivos:

I. Da Instituição e Objetivos: Regulamento I. Da Instituição e Objetivos: 1.1. O, abreviadamente CEME, é órgão integrante da FACIAP FEDERAÇÃO DAS ASSOCIAÇÕES COMERCIAIS E EMPRESARIAIS DO PARANÁ, subordinando-se ao seu estatuto e às

Leia mais

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II MOSTRA DE PROJETOS 2015 Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local REGULAMENTO Anexos I e II O Sesi Paraná, por meio do programa Sesi Indústria e Sociedade e do Movimento Nós Podemos

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA

REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA REGULAMENTO DO PRÊMIO MULHERES QUE FAZEM A DIFERENÇA O Prêmio Mulheres que Fazem a Diferença é uma realização do Núcleo Multissetorial da Mulher Empresária da Associação Comercial e Industrial de Florianópolis

Leia mais

DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES

DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES Porto Digital Recife, Maio de 2011 1. OBJETIVOS O DESAFIO PORTO DIGITAL PARA SUSTENTABILIDADE DAS CIDADES, promovido pelo Porto Digital, visa reconhecer

Leia mais

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 vai homenagear as empresas catarinenses que fazem da responsabilidade social o seu melhor exemplo,

Leia mais

EDITAL Nº 2, DE 01 DE AGOSTO DE 2012

EDITAL Nº 2, DE 01 DE AGOSTO DE 2012 EDITAL Nº 2, DE 01 DE AGOSTO DE 2012 A SECRETARIA DE ESTADO DE INCLUSÃO, ASSISTÊNCIA E DO, por meio da Comissão Intersetorial Estadual do Cadastro Único e do Programa Bolsa Família, criada pela Portaria

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE 2: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA

Leia mais

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010.

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. A Mostra ABMR&A de Comunicação em Marketing Rural e Agronegócio

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O Premiação para associações comunitárias, empreendedores sociais, institutos de pesquisa, micro e pequenas empresas, ONGs e universidades sobre Iniciativas Inovadoras em Sustentabilidade R E G U L A M E

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH-PB - Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Organização do Terceiro Setor tem o objetivo de reconhecer e premiar projetos desenvolvidos

Leia mais

Prêmio Miguel Arraes de Inovação Inclusiva

Prêmio Miguel Arraes de Inovação Inclusiva Edital SECTI/FACEPE nº 20/2015 Prêmio Miguel Arraes de Inovação Inclusiva Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de Pernambuco Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco

Leia mais

Grupo Educacional UNIS - MG

Grupo Educacional UNIS - MG 1º CONCURSO NEUNIS DE PLANOS DE NEGÓCIO PARA UNIVERSITÁRIOS 2014 1 REALIZAÇÃO: UNIS/MG REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS Art. 1º O Concurso NEUNIS de Planos de Negócio para Universitários é uma iniciativa

Leia mais

Importante: ABED e Adobe autorizaram a prorrogação do prazo de inscrição até 31 de julho de 2013.

Importante: ABED e Adobe autorizaram a prorrogação do prazo de inscrição até 31 de julho de 2013. 1 o Prêmio ABED Adobe de Conteúdos Educacionais Interativos para Tablets Importante: ABED e Adobe autorizaram a prorrogação do prazo de inscrição até 31 de julho de 2013. A Educação a Distância tem papel

Leia mais

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO

IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO IV Prêmio de Jornalismo AMRIGS Edição Especial REGULAMENTO 1. Considerações gerais 1.1 Conceitos O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quarta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul.

Leia mais

EDITAL Nº XXXX I PRÊMIO INOVAÇÃO DO TURISMO RS

EDITAL Nº XXXX I PRÊMIO INOVAÇÃO DO TURISMO RS EDITAL Nº XXXX I PRÊMIO INOVAÇÃO DO TURISMO RS A SECRETARIA DE TURISMO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, torna pública a Chamada para o I PRÊMIO INOVAÇÃO DO TURISMO RS, em conformidade com o disposto na

Leia mais

Edital Instituto Sabin - 01/2015

Edital Instituto Sabin - 01/2015 Edital Instituto Sabin - 01/2015 Seleção pública de iniciativas empreendedoras socioambientais inovadoras para parceria com o Instituto Sabin O Instituto Sabin, torna público o presente Edital e convoca

Leia mais

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 1. O PRÊMIO O Prêmio Talento em Sustentabilidade foi criado para reconhecer o trabalho de empregados, estagiários e terceiros do Grupo Votorantim que

Leia mais

REGULAMENTO 1º CONCURSO INOVAÇÃO NO TCE-PE

REGULAMENTO 1º CONCURSO INOVAÇÃO NO TCE-PE 1 REGULAMENTO 1º CONCURSO INOVAÇÃO NO TCE-PE A Escola de Contas Públicas Professor Barreto Guimarães (ECPBG) torna público o regulamento do 1º Concurso Inovação no TCE-PE, que será regido de acordo com

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH PB - Modalidade Gestão de Pessoas - Profissional, premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados à projetos implantados pelo profissional,

Leia mais

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS A SECRETARIA DE ESTADO DO TURISMO DO RIO GRANDE DO SUL SETUR/RS, torna público o presente EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA, visando à seleção de projetos com práticas inovadoras e

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2012 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES Lançamento e Abertura das Inscrições Encerramento das Inscrições Anúncio Oficial dos Finalistas Cerimônia de Premiação dos Vencedores

Leia mais

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM

III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM III PRÊMIO PARAÍBA ABRAÇA ODM Faça parte desse abraço A Fundação Solidariedade ponto focal do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento,braço social do Sistema Correio de Comunicação, é uma Associação

Leia mais

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO RETIFICADO O PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA, é uma iniciativa do Laboratório de Geoiconografia

Leia mais

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração

Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração Prêmio Planeta Casa 2012 Regulamento categoria Produtos de decoração O Prêmio Planeta Casa 2012 busca valorizar empresas, organizações da sociedade civil e profissionais das áreas de arquitetura, design,

Leia mais

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação

Leia mais

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA

REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA REGULAMENTO 1º PRÊMIO SPORT INFRATECH DE INFRAESTRUTURA ESPORTIVA 1. OBJETIVOS O 1º Prêmio Sport Infratech de Infraestrutura Esportiva visa reconhecer o esforço de organizações e profissionais envolvidos

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

REGULAMENTO FESTIVAL SESI MÚSICA ETAPA ESTADUAL/2012

REGULAMENTO FESTIVAL SESI MÚSICA ETAPA ESTADUAL/2012 O SERVIÇO SOCIAL DA INDÚSTRIA, DEPARTAMENTO REGIONAL DA BAHIA - SESI/DR/BA, doravante denominado SESI/DR/BA, faz saber, para conhecimento dos trabalhadores da indústria e dependentes, e alunos da Rede

Leia mais

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO O PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD), EM PARCERIA COM A SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL DE EDUCAÇÃO FISCAL - 1ª EDIÇÃO 2012 1.0 DOS OBJETIVOS A 1ª. Edição do Prêmio Nacional de Educação Fiscal será realizada pela FEBRAFITE com o apoio das associações filiadas

Leia mais

PROMOÇÃO POR SELEÇÃO- CICLO 2013. Lei Complementar 640/12

PROMOÇÃO POR SELEÇÃO- CICLO 2013. Lei Complementar 640/12 PROMOÇÃO POR SELEÇÃO- CICLO 2013 Lei Complementar 640/12 O que é Promoção? É a passagem do servidor Público Efetivo de uma classe para a outra, em sentido vertical, na mesma referência, por meio de seleção.

Leia mais

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013 1ª edição 1 DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO 1.1 O Sinduscon Premium Etapa Litoral Norte 1ª edição instituído pelo SINDUSCON RS, Sindicato das Indústrias

Leia mais

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA A Rede Unida Norte vem por meio deste, tornar público o presente Edital da Mostra de Fotografia História e Memória

Leia mais

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento Regulamento A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos - Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição não governamental que dissemina conhecimento

Leia mais

Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 5º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União CGU para o ensino fundamental e médio

Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 5º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União CGU para o ensino fundamental e médio Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 5º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União CGU para o ensino fundamental e médio TEMA: A sociedade no acompanhamento da gestão pública: Todos

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS e 2) ESTUDANTES MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIA: EMPRESAS PRIVADAS E

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015.

1. APRESENTAÇÃO 2. OBJETIVO E FOCO TEMÁTICO INSCRIÇÕES 14º DIA DO VOLUNTARIADO 2015. REV.: 03 Pág.: 1 de 6 A Manaus Ambiental torna público que estão abertas as inscrições para a seleção de Instituições e Projetos Sociais para o 14º Dia do Voluntariado. A empresa realizará o processo de

Leia mais

Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 3º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União (CGU) para o ensino fundamental e médio

Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 3º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União (CGU) para o ensino fundamental e médio Programa Olho Vivo no Dinheiro Público 3º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União (CGU) para o ensino fundamental e médio TEMA Todos pela ética e cidadania: como posso contribuir

Leia mais

EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO

EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO EDITAL FLD 02/2015 - JUSTIÇA SOCIOAMBIENTAL SELEÇÃO DE PROJETOS PARA CONSERVAÇÃO DO BIOMA PAMPA E QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO O projeto deve ser elaborado no formulário em WORD, disponível para download

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE VÍDEO EU QUERO NADAR NO CAPIBARIBE, E VOCÊ?

REGULAMENTO CONCURSO DE VÍDEO EU QUERO NADAR NO CAPIBARIBE, E VOCÊ? REGULAMENTO CONCURSO DE VÍDEO EU QUERO NADAR NO CAPIBARIBE, E VOCÊ? 1. DISPOSIÇÕES GERAIS: 1.1. O concurso de vídeo EU QUERO NADAR NO CAPIBARIBE, E VOCÊ? é uma seletiva de filmes que integra a Janela Internacional

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMPANHIA DE SANEAMENTO DE SERGIPE DESO PRESIDÊNCIA ASSESSORIA DE MARKETING GESTÃO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Primeiro Concurso de Desenho, Poesia e Redação da DESO: Por uma cultura de Saneamento Ambiental

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010 PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010 A Prefeitura Municipal de Palmas torna pública a abertura

Leia mais

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 Categoria MPE Homenageia as Micro e Pequenas Empresas catarinenses

Leia mais

CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa)

CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa) CAMPANHA DE SUSTENTABILIDADE (mudança no título antes chamada de Campanha Indústria Farmacêutica & Iniciativas de Responsabilidade Corporativa) A categoria SUSTENTABILIDADE é a antiga categoria Indústria

Leia mais

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo

V Prêmio AMRIGS de Jornalismo 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS 1.1 Conceitos V Prêmio AMRIGS de Jornalismo REGULAMENTO O Prêmio AMRIGS de Jornalismo, quinta edição, é uma iniciativa da Associação Médica do Rio Grande do Sul, com o apoio do

Leia mais

REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS apoio: organização: CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS PRÊMIO NACIONAL DE CONSERVAÇÃO E USO RACIONAL DE ENERGIA EDIÇÃO 2009 1 O PRÊMIO Instituído

Leia mais

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE

Prêmio Socioambiental CHICO MENDES. PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE Prêmio Socioambiental CHICO MENDES PROCERT Programa de Certificação do Compromisso da Responsabilidade Socioambiental. Edição 2013 SELO VERDE REGULAMENTO 1 DO PROMOTOR E OBJETIVOS 1.1 - A realização da

Leia mais

Regulamento Prêmio Bom Design 2015

Regulamento Prêmio Bom Design 2015 Regulamento Prêmio Bom Design 2015 (Projetos de janeiro de 2014 até julho 2015) a. CARACTERIZAÇÃO O Prêmio Bom Design é uma premiação dos trabalhos de graduação e equivalentes das instituições de ensino

Leia mais

PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO

PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO PRÊMIO SETCESP DE SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO A palavra SUTENTABILIDADE, derivada de sustentável tem origem no latim "sustentare", que significa sustentar, apoiar, conservar. O conceito de sustentabilidade

Leia mais

Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar

Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar Regulamento da Categoria 1: Ação Social: Cuidado com o Meio Ambiente e Bem-Estar PARTICIPANTES Empresas ou organizações não-governamentais (ONGs) legalmente constituídas no Brasil. PRÉ-REQUISITOS Poderão

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano ABRH Amazonas, premia casos relacionados à Gestão de Pessoas, implantados, preferencialmente desenvolvidos por equipes, no âmbito da organização, seja ela de qualquer ramo

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA

REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA REGULAMENTO DESAFIO CRIATIVOS DA ESCOLA O Desafio Criativos da Escola é um concurso promovido pelo Instituto Alana com sede na Rua Fradique Coutinho, 50, 11 o. andar, Bairro Pinheiros São Paulo/SP, CEP

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR

PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS CATEGORIAS: 1) EMPRESAS PRIVADAS E ÓRGÃOS PÚBLICOS E 2) TERCEIRO SETOR MODALIDADE: Desenvolvimento Sustentável CATEGORIA: EMPRESA

Leia mais

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam

Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam Nota de Prorrogação do Prêmio UPB Educação: Iniciativas que transformam A UPB torna pública a prorrogação do prazo, até o dia 30/06/2014, das inscrições dos relatos de iniciativa para concorrerem ao Prêmio

Leia mais

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA REGULAMENTO A Universidade Comunitária da Região de Chapecó, em conjunto com a Caixa Econômica Federal, abre inscrições para 6º Prêmio Unochapecó/Caixa de Jornalismo Ambiental 2014 e dá outras providências.

Leia mais

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA 1. APRESENTAÇÃO Com base nos valores da economia solidária e da cultura livre, o Estúdio Gunga empresa de comunicação focada na criação de sites, editoração gráfica,

Leia mais

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE O Presidente da Fundação Nacional de Artes - Funarte, no uso das atribuições que lhe confere o inciso V artigo 14 do Estatuto aprovado pelo

Leia mais

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO REGULAMENTO Este Regulamento estabelece normas, condições e diretrizes para a realização da II Edição do Prêmio Mulher de Negócios de Caieiras, promovido pela Prefeitura Municipal de Caieiras, Secretaria

Leia mais

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES

Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES EDITAL Nº 056/2013 Prêmio Emerald/Capes 2013 de Pesquisa nas áreas de Ciência da Informação e Administração e Gestão A Fundação Coordenação

Leia mais

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio

PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA. Regulamento do Prêmio PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA Regulamento do Prêmio O PRÊMIO CAERN DE FOTOGRAFIA é uma iniciativa da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) com o objetivo de premiar os melhores trabalhos

Leia mais

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO 1. Objetivos da Diplomação e Premiação A diplomação SINEPE-ES em Ação é uma iniciativa do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Estado do Espírito Santo SINEPE/ES,

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO. TEMA: Pequenas corrupções - Diga não

REGULAMENTO DO CONCURSO. TEMA: Pequenas corrupções - Diga não REGULAMENTO DO CONCURSO 7º Concurso de Desenho e Redação da Controladoria-Geral da União Ensino fundamental e médio TEMA: Pequenas corrupções - Diga não OBJETIVO O 7º Concurso de Desenho e Redação, promovido

Leia mais

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios

Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. R$ 90 mil em prêmios R$ 90 mil em prêmios Inscrições: 2 de julho a 27 de agosto, para trabalhos veiculados no período de 6 de setembro de 2011 a 27 de agosto de 2012. UM GRANDE PRÊMIO PARA GRANDES PROFISSIONAIS SUMÁRIO 1.

Leia mais

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social

REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social REGULAMENTO 10º Prêmio de Responsabilidade Social I DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO II DAS CATEGORIAS III DAS INSCRIÇÕES IV DOS PROJETOS V DO JULGAMENTO VI DAS DATAS VII DA COORDENAÇÃO I DA INSTITUIÇÃO DA

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS PARA CADASTRO DE INSTRUTORES DE CURSOS A DISTÂNCIA

PROCESSO SELETIVO DE SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS PARA CADASTRO DE INSTRUTORES DE CURSOS A DISTÂNCIA PROCESSO SELETIVO DE SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS PARA CADASTRO DE INSTRUTORES DE CURSOS A DISTÂNCIA O Presidente da FUNDAÇÃO ESCOLA NACIONAL DE ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA - ENAP, no uso de suas atribuições,

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO A Promotora do Prêmio Comigo de Jornalismo alterou os itens [1.1 e 1.2], tornando-se necessário ajustar o Regulamento do mesmo, que

Leia mais

A edição 2012 do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros terá três categorias:

A edição 2012 do Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros terá três categorias: Regulamento Uma das premissas do mercado segurador é prever riscos e proteger pessoas e patrimônios. A essência dessa atividade caminha em consonância com os princípios da sustentabilidade. Não é por acaso

Leia mais

II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009

II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009 II Concurso de Projetos Sociais Volkswagen na Comunidade 2009 Introdução Com os objetivos de: Promover, conhecer e prestar reconhecimento aos empregados e terceiros residentes que realizam trabalhos voluntários

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE RECURSOS HUMANOS SECCIONAL DO DISTRITO FEDERAL ABRH-DF PRÊMIO SER HUMANO BRASÍLIA EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO 1. DO OBJETIVO: Reconhecer, disseminar e premiar boas práticas e bons

Leia mais

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento

1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO. Regulamento 1º PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO Regulamento 1. OBJETIVO: O PRÊMIO SESCAP-PR DE JORNALISMO é uma iniciativa do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO

PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO - 1 - PROCESSO SELETIVO 2011 FUNDO DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE (FIA) REGULAMENTO Prezado Gestor, Criado em 2006, o Instituto HSBC Solidariedade é responsável por gerenciar o investimento social

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE AÇÕES INOVADORAS

REGULAMENTO DO CONCURSO DE AÇÕES INOVADORAS REGULAMENTO DO CONCURSO DE AÇÕES INOVADORAS A Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio do Governo de Alagoas torna público o VI CONCURSO DE AÇÕES INOVADORAS NA GESTÃO DO PODER EXECUTIVO

Leia mais

FAQ Edital SENAI SESI de inovação 2010 21 Edital SENAI SESI de inovação 2010

FAQ Edital SENAI SESI de inovação 2010 21 Edital SENAI SESI de inovação 2010 FAQ 21 Edital SENAI SESI de inovação 2010 1. Edital SENAI e SESI 1.1 O que é o Edital SENAI e SESI de Inovação? O Edital é uma iniciativa do SENAI e do SESI que visa despertar a cultura da inovação na

Leia mais

REGULAMENTO. CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos

REGULAMENTO. CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos REGULAMENTO CAPÍTULO I - SOBRE O CONCURSO DE FOTOGRAFIA DIGITAL VIVER RECIFE: o Centro que precisamos Art. 1º. Em conjunto, a CDL Recife, o Observatório do Recife e a Faculdade Joaquim Nabuco realizarão

Leia mais

Concurso de Redações e de Artigos Científicos na área das Relações de Gênero, Mulheres e Feminismos REGULAMENTO. CAPÍTULO I - Disposições Gerais

Concurso de Redações e de Artigos Científicos na área das Relações de Gênero, Mulheres e Feminismos REGULAMENTO. CAPÍTULO I - Disposições Gerais Concurso de Redações e de Artigos Científicos na área das Relações de Gênero, Mulheres e Feminismos REGULAMENTO CAPÍTULO I - Disposições Gerais Art. 1 o O 2º Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero -

Leia mais

REGULAMENTO. Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo

REGULAMENTO. Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo REGULAMENTO Prêmio INCA - Ary Frauzino de Jornalismo O Prêmio INCA Ary Frauzino de Jornalismo 2007 será regido pelo presente Regulamento que se encontra arquivado no Cartório de Registro de Títulos e Documentos

Leia mais

2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário

2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário 2ª Olimpíada de Empreendedorismo Universitário da Universidade Federal de Goiás CATEGORIA 1 EMPREENDEDORISMO DE NEGÓCIOS Agosto de 2015 REGULAMENTO CATEGORIA 1 EMPREENDEDORISMO DE NEGOCIOS 1. APRESENTAÇÃO

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES DATA Lançamento no site Encerramento das inscrições Anúncio oficial dos finalistas Cerimônia de premiação dos vencedores 03 de

Leia mais

BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO

BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO BOLSA DE ESTUDOS FGC REGULAMENTO Art. 1º - O Fundo Garantidor de Créditos FGC concederá, nos termos deste Regulamento, auxílio bolsa de estudos para os melhores projetos de monografia de conclusão de curso,

Leia mais

Regulamento do Green Project Awards

Regulamento do Green Project Awards Regulamento do Green Project Awards A GCI em parceria com a Agência Portuguesa do Ambiente e a Quercus Associação Nacional de Conservação da Natureza, institui um Prémio de reconhecimento de boas práticas

Leia mais

EDITAL 03/2012/COMUNICAÇÃO BOLSA VERDE TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATO POR PRODUTO

EDITAL 03/2012/COMUNICAÇÃO BOLSA VERDE TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATO POR PRODUTO EDITAL 03/2012/COMUNICAÇÃO BOLSA VERDE TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATO POR PRODUTO I. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO PROJETO BRA/11/021 - PROGRAMA DE PAGAMENTO POR SERVIÇOS AMBIENTAIS COM INCLUSÃO SOCIAL (PSA)

Leia mais

INSTITUTO PAULO MARTINS REGULAMENTO DO CONCURSO 400 ANOS DE ALIMENTAÇÃO EM BELÉM COM ENFOQUE NA CULINÁRIA E HÁBITOS CULTURAIS RELACIONADOS

INSTITUTO PAULO MARTINS REGULAMENTO DO CONCURSO 400 ANOS DE ALIMENTAÇÃO EM BELÉM COM ENFOQUE NA CULINÁRIA E HÁBITOS CULTURAIS RELACIONADOS INSTITUTO PAULO MARTINS REGULAMENTO DO CONCURSO 400 ANOS DE ALIMENTAÇÃO EM BELÉM COM ENFOQUE NA CULINÁRIA E HÁBITOS CULTURAIS RELACIONADOS EDITAL Nº 002 /2015 O Festival Ver-o-Peso da Cozinha Paraense

Leia mais

Brincar de ler e escrever

Brincar de ler e escrever I Edital FNA 2015 Brincar de ler e escrever A Fundação Negro Amor - FNA foi criada em 2008 e, desde então, desenvolve ações na área socioeducativa e cultural, com foco na promoção da educação infantil

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO

PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO PROCESSO SELETIVO 2012 GERAÇÃO DE RENDA (NEGÓCIOS INCLUSIVOS) REGULAMENTO Criado em 2006, o é responsável por gerenciar o investimento social do Grupo HSBC Brasil e tem como missão contribuir para o desenvolvimento

Leia mais

REGULAMENTO. Gestão de Micro e Pequenos Estratégia. Recursos Humanos Gestão Empresarial. Temas afins Contabilidade

REGULAMENTO. Gestão de Micro e Pequenos Estratégia. Recursos Humanos Gestão Empresarial. Temas afins Contabilidade REGULAMENTO 1. GERAL O Prêmio Excelência Acadêmica é conferido anualmente à melhor Monografia ou Trabalho de Conclusão de Curso, doravante denominada simplesmente TCC, produzido pelos alunos de Instituições

Leia mais

PRÊMIO IEL/CE- MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO/2013 REGULAMENTO

PRÊMIO IEL/CE- MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO/2013 REGULAMENTO PRÊMIO IEL/CE- MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO/2013 REGULAMENTO 2013 Prêmio IEL/CE- Melhores Práticas de Estágio 2013 1 de 16 Sumário 1. O PRÊMIO...2 2. OBJETIVOS...3 3. CATEGORIAS DA PREMIAÇÃO...3 4. FASES

Leia mais

12ª EDIÇÃO DO SELO AMBIENTAL DE GUARULHOS

12ª EDIÇÃO DO SELO AMBIENTAL DE GUARULHOS 12ª EDIÇÃO DO SELO AMBIENTAL DE GUARULHOS 1. APRESENTAÇÃO O Selo Ambiental de Guarulhos é uma premiação anual criada em 2002 pela Câmara Municipal de Guarulhos através do Decreto Legislativo 003/2002.

Leia mais