Vendas de imóveis novos aumentam em dezembro de 2014

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Vendas de imóveis novos aumentam em dezembro de 2014"

Transcrição

1 1 DEZEMBRO DE 2014 Vendas de imóveis novos aumentam em dezembro de 2014 Pesquisa do Mercado Imobiliário do Secovi-SP registra evolução posi va no volume comercializado pelo segundo mês consecu vo A comercialização de imóveis novos na cidade de São Paulo em dezembro de 2014 registrou crescimento tanto em relação ao mês de novembro e quanto a dezembro de 2013, conforme Pesquisa do Mercado Imobiliário do Secovi-SP (Sindicato da Habitação). Com esse comportamento, o úl mo mês do ano contribuiu para reduzir o resultado nega vo de Em dezembro, foram comercializadas unidades residenciais novas na cidade de São Paulo, resultado 8,9% superior ao de novembro, mês em que foram vendidas unidades. Compara vamente ao mesmo mês de 2013, cujas vendas totalizaram imóveis, o aumento foi de 16,5%. Os imóveis de 2 dormitórios foram os que mais venderam em dezembro de 2014, com unidades, seguidos das unidades de 1 dormitório, das 381 unidades de 3 dormitórios e das 92 unidades de 4 ou mais dormitórios. O VSO (Vendas Sobre Oferta) de 12 meses confirmou o bom desempenho de comercialização das unidades de 2 dormitórios, com 48% de representação sobre o total ofertado no período. Imóveis de 1 dormitório veram VSO de 41%. Em dezembro, o VGV (Valor Global de Vendas) correspondeu a R$ 1,62 bilhão, com alta de 4,3%, em relação a novembro e 11,6%, comparado a dezembro de Esse VGV já considera os valores atualizados pelo INCC (Índice Nacional de Custo de Construção). Lançamentos Segundo os dados da Embraesp (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), foram lançadas unidades residenciais no município de São Paulo em dezembro de Compara vamente aos resultados de novembro (6.301 unidades) e ao mês de dezembro de 2013 (4.523 unidades), houve, respec vamente, queda de 25,8% e aumento de 3,4%. No úl mo mês do ano passado, os imóveis de 2 dormitórios se destacaram, com unidades lançadas, seguidos pelos de 1 dormitório (2.015 unidades), de 3 dormitórios (458 unidades) e de 4 ou mais quartos (48 unidades). O município de São Paulo fechou o ano de 2014 com unidades ofertadas (estoque). O resultado foi 38,4% maior do que o registrado em dezembro de 2013.

2 2 DEZEMBRO DE 2014 Acumulado No acumulado do ano, foram comercializadas unidades residenciais novas, uma retração de 35,2% em relação a Os meses de novembro e dezembro de 2014 registraram os maiores volumes de vendas e contribuíram para amenizar o comportamento de queda verificado durante o ano. Em volume de lançamentos, a Embraesp contabilizou unidades residenciais novas durante o ano, resultado que representa queda de 7,3% em relação ao ano de 2013 ( unidades). Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) A Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) é composta por 39 municípios, sendo São Paulo o principal deles. Por esse mo vo, a Pesquisa Secovi do Mercado Imobiliário analisa a Capital isoladamente das demais cidades. Nos outros municípios da RMSP, foram comercializadas unidades em dezembro de 2014, volume 26,7% menor comparado ao mês anterior, que registrou a comercialização de unidades. Se a comparação for feita com as vendas registradas em dezembro de 2013, a queda passa para 28,8%. Mesmo com retração nas vendas de dezembro, o VSO de 12 meses dos outros municípios da RMSP, de 54,3%, con nua maior do que o da Capital (42,1%). O estoque nesses municípios encerrou o ano com unidades. Diferentemente do que aconteceu na cidade de São Paulo, a oferta da região apresentou queda de 11,8% em relação ao total ofertado em dezembro de 2013 ( unidades). Considerações finais Novembro e dezembro apresentaram bons resultados de vendas, mas que não foram suficientes para reverter o resultado nega vo do setor nos 12 meses de O ano terminou com 21,6 mil unidades comercializadas e 31,7 mil unidades lançadas, na cidade de São Paulo, demonstrando que, em 2015, o mercado concentrará esforços para comercializar as unidades em oferta, com provável redução no volume de lançamentos. A diferença entre as vendas e os lançamentos impactou os preços dos imóveis, cujo crescimento foi menor e, em algumas regiões, até houve variação anual menor do que a inflação. Tal fenômeno não se repe a desde Entretanto, esse comportamento logo será interrompido, pois, além do provável ajuste de mercado, o Plano Diretor Estratégico (PDE) da cidade de São Paulo trará um novo modelo de ocupação, com parâmetros mais restri vos e que irão pressionar os preços para cima. Diversos lançamentos de 2015 ainda serão privilegiados, uma vez que foram aprovados na an ga Lei do Plano Diretor, que vigorou até julho de Projetos aprovados com base na nova lei terão matriz de custo diferente, ainda não conhecida pelo mercado.

3 3 DEZEMBRO DE 2014 Com o ajuste de mercado e a implantação do novo Pano Diretor, a expecta va para este ano é de redução de 10% nos lançamentos residenciais no município de São Paulo, com lançamento de mil unidades novas. O comportamento das vendas deve variar em torno de 10% acima ou abaixo do total apurado em 2014, encerrando o ano com volume comercializado entre e unidades. Com estes resultados, o ano deve terminar com oferta (estoque) entre a unidades, equivalentes a alta de 4,5% a 20%.

4 4 VSO* mensal (em %) Média =10,5 4,0 8,7 9,0 12,5 11,4 12,9 12,4 5,2 5,0 8,2 9,8 9,4 4,8 3,4 7,7 11,1 3,9 10,1 10,7 17,8 16,0 16,0 18,3 17,7 15,6 VSO* Acumulado em 12 meses (em %) Média = 57,3 56,7 56,1 55,8 59,0 61,2 62,8 64,9 65,5 67,4 66,9 66,3 63,5 62,1 63,0 62,4 59,4 57,2 55,0 51,0 50,4 48,6 47,2 44,8 42,2 42,1

5 5 Segmentado por quantidade de dormitórios Em unidades 48% 20% % % DORM 2 DORM 3 DORM 4 DORM dez/13 dez/14 Segmentado em quantidade de dormitórios Participação (%) em unidades Dezembro/2013 Dezembro/ % 3% 12% 3% 38% 37% 37% 47% 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm

6 6 Segmentado por quantidade de dormitórios VGV* em milhões de (R$) 28% 584,4 47% 602,3 454,9 408,3 435,1-41% 257,8 14% 153,6 175,2 1 DORM 2 DORM 3 DORM 4 DORM dez/13 dez/14 *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14 Segmentado por quantidade de dormitórios Participação (%) VGV* Dezembro/2013 Dezembro/ % 11% 30% 16% 36% 31% 28% 37% 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14

7 Segmentado por quantidade de dormitórios Em unidades acumuladas em 12 meses DORM 2 DORM 3 DORM 4 DORM Segmentado por faixa de m² de área útil Em unidades acumuladas em 12 meses Menos de 45 Entre 46 e 65 Entre 66 e 85 Entre 86 e 130 Entre 131 e 180 Mais de 180

8 8 Segmentado por faixa de m² de área útil 34% Em número de unidades 26% % % 223 6% -13% Menos de 45 Entre 46 e 65 Entre 66 e 85 Entre 86 e 130 Entre 131 e 180 Mais de 180 dez/13 dez/14 Segmentado por faixa de m² de área útil Participação (%) em unidades Dezembro/2013 Dezembro/ % 10% 2% 1% 8% 7% 2%1% 37% 34% 40% 45% a) Menos de 45 b) Entre 46 e 65 c) Entre 66 e 85 d) Entre 86 e 130 e) Entre 131 e 180 f) Mais de 180 a) Menos de 45 b) Entre 46 e 65 c) Entre 66 e 85 d) Entre 86 e 130 e) Entre 131 e 180 f) Mais de 180

9 9 23% Segmentado por faixa de m² de área útil 608,7 VGV* em milhões de (R$) 46% 506,4 494,8 345,7 205,7-29% % 223,8 171,6 23% -15% 88,0 107,9 93,9 80,1 Menos de 45 Entre 46 e 65 Entre 66 e 85 Entre 86 e 130 Entre 131 e 180 Mais de 180 dez/13 dez/14 *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14 Segmentado por faixa de m² de área útil Participação (%) VGV* Dezembro/2013 Dezembro/ % 6% 7% 11% 7% 5% 31% 14% 24% 9% 34% 37% a) Menos de 45 b) Entre 46 e 65 c) Entre 66 e 85 d) Entre 86 e 130 e) Entre 131 e 180 f) Mais de 180 a) Menos de 45 b) Entre 46 e 65 c) Entre 66 e 85 d) Entre 86 e 130 e) Entre 131 e 180 f) Mais de 180 *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14

10 10 Região Metropolitana de São Paulo VSO* mensal (em %) Média 10,7 16,4 5,4 8,2 14,7 12,1 17,8 14,7 8,7 13,9 13,9 12,4 15,5 13,9 5,9 5,3 8,3 7,5 8,5 8,3 4,4 7,0 11,2 8,2 12,8 11,5 Região Metropolitana de São Paulo VSO* Acumulado em 12 meses (em %) Média = 57,5 56,7 57,2 57,6 58,1 59,0 62,5 63,3 63,1 64,7 63,7 62,9 62,2 60,4 61,5 61,0 59,1 57,0 54,6 52,7 52,6 51,6 50,9 49,7 48,1 47,2

11 11 Região Metropolitana de São Paulo Segmentado por quantidade de dormitórios Em unidades 2% % % % dorm 2 dorms 3 dorms 4 dorms dez/13 dez/14 Região Metropolitana de São Paulo Segmentado por quantidade de dormitórios Participação (%) unidades Dezembro/2013 Dezembro/ % 3% 14% 3% 25% 26% 53% 58% 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm

12 12 Região Metropolitana de São Paulo Segmentado por quantidade de dormitórios VGV* em milhões de (R$) 6% 1.027, ,5 3% -27% 609,7 627,8 646,3 472,9-11% 253,8 226,2 1 dorm 2 dorms 3 dorms 4 dorms dez/13 dez/14 *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14 Região Metropolitana de São Paulo Segmentado por quantidade de dormitórios Dezembro/2013 Participação (%) VGV* Dezembro/ % 10% 9% 26% 24% 20% 41% 45% 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm 1 dorm 2 dorm 3 dorm 4 dorm *VGV ATUALIZADO PELO INCC DE DEZ/14

13 13 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NOVOS DESEMPENHO DO MERCADO - TOTAL CIDADE DE SÃO PAULO MÊS-BASE: dezembro/2014 OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 13,7 13,6 5,1 3,5 10,7 PMV Prazo Médio de Venda 1,9 4,7 5,7 10,6 4,1 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 584,4 602,3 257,8 175, ,7 Empreendimentos ELH Horizontal Lançados 0,0 0,0 0,0 1,0 1,0 ELV Vertical Lançados 12,7 15,8 3,6 1,0 33,0 EL Total Lançados 12,7 15,8 3,6 2,0 34,0 LANÇAMENTOS (ATÉ 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 21,1 24,8 11,6 8,0 20,2 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 568,7 537,4 211,3 91, ,1 PÓS-LANÇAMENTO (MAIS DE 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 0,8 3,0 1,4 2,1 1,9 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 15,7 64,9 46,5 83,5 210,6

14 14 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NOVOS CIDADE DE SÃO PAULO MÊS-BASE: dezembro/2014 DESEMPENHO DO MERCADO - TOTAL Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total VSO Venda sobre oferta (%) 14,7 13,2 5,8 5,4 4,7 3,0 10,7 PMV Prazo Médio de Venda VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 506,4 608,7 145,0 171,6 107,9 80, ,7 LANÇAMENTOS (ATÉ 180 DIAS) POR M² DE ÁREA ÚTIL Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total VSO Venda sobre oferta (%) 20,5 26,9 12,4 11,9 12,7 3,8 20,2 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 482,9 564,8 117,1 140,9 67,4 36, ,1 PÓS-LANÇAMENTO (MAIS DE 180 DIAS) POR M² DE ÁREA ÚTIL Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total OF Oferta - 30/11/ UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ Menos Entre Entre Entre Entre Mais de de e e e e Total VSO Venda sobre oferta (%) 2,6 1,8 1,8 1,4 2,3 2,5 1,9 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 23,5 43,8 27,9 30,7 40,5 44,2 210,6

15 15 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NOVOS OUTRAS CIDADES* MÊS-BASE: dezembro/2014 DESEMPENHO DO MERCADO - TOTAL OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 6,1 17,3 8,1 11,9 12,9 PMV Prazo Médio de Venda 4,3 2,9 6,9 7,1 4,1 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 43,4 484,2 215,1 51,0 793,7 LANÇAMENTOS (ATÉ 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 16,2 38,5 21,6 24,4 31,4 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 40,9 455,3 171,4 31,0 698,6 PÓS-LANÇAMENTO (MAIS DE 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 0,5 1,8 2,2 6,9 1,9 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 2,5 28,9 43,7 20,0 95,1

16 16 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NOVOS REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO MÊS-BASE: dezembro/2014 DESEMPENHO DO MERCADO - TOTAL OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 12,2 15,3 6,3 5,0 11,5 PMV Prazo Médio de Venda VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 627, ,5 472,9 226, ,4 Empreendimentos ELH Horizontal Lançados 0,0 4,1 0,3 1,0 5,4 ELV Vertical Lançados 13,7 23,6 7,4 2,0 46,6 EL Total Lançados 13,7 27,7 7,6 3,0 52,0 LANÇAMENTOS (ATÉ 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UL (+) Lançadas UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 20,5 30,5 15,2 11,3 23,6 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 609,6 992,7 382,7 122, ,7 PÓS-LANÇAMENTO (MAIS DE 180 DIAS) POR NÚMERO DE DORMITÓRIO OF Oferta - 30/11/ UV (-) Vendidas OF Oferta - 31/12/ VSO Venda sobre oferta (%) 0,7 2,4 1,7 2,9 1,9 VGV Valor Global de Venda (R$ milhões) 18,2 93,8 90,2 103,5 305,7

17 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO DA CIDADE DE SÃO PAULO 17

18 18 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO DAS OUTRAS CIDADES** **Contem os municípios da RMSP com a exceção de São Paulo

19 19 PESQUISA DO MERCADO IMOBILIÁRIO DA RMSP

20 GLOSSÁRIO 20 DISTRATOS: é o número em unidades que foram devolvidos ao mercado. INCC-DI: Sigla de Índice Nacional de Custos da Construção Civil - Disponibilidade Interna, calculado pela Fundação Getúlio Vargas LANÇAMENTOS: número de unidades lançadas no mês de referência da pesquisa OFERTA INICIAL: é o número de unidades remanescentes ofertados ao mercado, no período que antecede o mês de referência da pesquisa até trinta e seis meses atrás. OFERTA FINAL: é a diferença em unidades da OFERTA TOTAL em relação as VENDAS OFERTA TOTAL: é a soma em unidades da OFERTA INICIAL com os LANÇAMENTOS PERIODO DE LANÇAMENTO: unidades à venda até seis meses desde o lançamento. Esse período é caracterizado por esforço de comercialização intensivo. PERIODO DE PÓS LANÇAMENTO: unidades à venda desde o sé mo mês até o trigésimo sexto mês. Depois desse período, ou seja, a par r de 37 meses após o lançamento, o estoque eventualmente existente é excluído da base de dados da pesquisa. PRAZO MÉDIO DE VENDA (PMV): número médio de meses em que as unidades vendidas es veram em oferta VALOR GLOBAL DE VENDAS (VGV): é o valor monetário em moeda corrente (R$) das unidades comercializadas em cada período. VALOR GLOBAL DE VENDAS atualizado pelo INCC-DI (VGV/INCC-DI): é o valor real (R$) das unidades comercializadas em cada período, a preços do mês de referência da pesquisa. VALOR REAL: Valor que tenha sido corrigido para compensar o efeito da inflação (correção monetária) VENDAS BRUTAS: número de unidades vendidas em cada período, sem considerar as unidades que foram distratadas. VENDAS LIQUIDAS (VENDAS): é a diferença em unidades das VENDAS BRUTAS em relação aos DISTRATOS VENDAS SOBRE OFERTA (VSO mensal) : é a relação em unidades das VENDAS no mês sobre a OFERTA TOTAL do mês, ou seja, mede o percentual (%) do estoque vendido no mês de referência da pesquisa. VENDAS SOBRE OFERTA (VSO 12 meses): mede o percentual (%) vendido acumulado nos úl mos 12 meses.

Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos

Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos FEVEREIRO DE 2014 Pesquisa Secovi-SP aponta recuo no mercado de imóveis novos Imóveis de 2 e 3 dormitórios foram destaques positivos em fevereiro, mês de variação negativa O mercado de imóveis novos residenciais

Leia mais

Vendas de imóveis residenciais novos crescem em São Paulo

Vendas de imóveis residenciais novos crescem em São Paulo Vendas de imóveis residenciais novos crescem em São Paulo De acordo com a Pesquisa do Mercado Imobiliário do Secovi-SP, em novembro de 2013 a comercialização de unidades foi 28,6% superior à do mês de

Leia mais

Mercado imobiliário apresenta bons resultados em abril

Mercado imobiliário apresenta bons resultados em abril 1 ABRIL DE 2015 Mercado imobiliário apresenta bons resultados em abril Pelo segundo mês consecu vo, melhora o desempenho de vendas de imóveis residenciais novos na cidade de São Paulo Abril foi o melhor

Leia mais

Mercado imobiliário reduz o número de lançamentos no mês de julho

Mercado imobiliário reduz o número de lançamentos no mês de julho 1 JULHO DE 2015 Mercado imobiliário reduz o número de lançamentos no mês de julho Foram lançadas 825 unidades na cidade de São Paulo, ante média de 2 mil unidades para o mês nos úl mos cincos anos. Redução

Leia mais

Vendas e lançamentos registram queda em setembro

Vendas e lançamentos registram queda em setembro 1 SETEMBRO DE 2015 Vendas e lançamentos registram queda em setembro Apesar da oscilação negativa nos dois indicadores, pesquisa do Secovi-SP registra volume de vendas superior ao de lançamentos A Pesquisa

Leia mais

Mercado imobiliário mantém estabilidade em maio

Mercado imobiliário mantém estabilidade em maio 1 MAIO DE 2015 Mercado imobiliário mantém estabilidade em maio Os resultados da Pesquisa do Mercado Imobiliário, realizada pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP, apresentaram relativa

Leia mais

Vendas de imóveis residenciais novos melhoram em abril

Vendas de imóveis residenciais novos melhoram em abril ABRIL DE 2014 Vendas de imóveis residenciais novos melhoram em abril Em comparação com o volume comercializado em março, o crescimento foi de 23,1% A comercialização de imóveis novos na cidade de São Paulo

Leia mais

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98 JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO FII CNPJ 17.216.625/0001-98 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR 1º SEMESTRE/2015 1 SUMÁRIO I. DESCRIÇÃO DOS NEGÓCIOS REALIZADOS NO SEMESTRE... 3 II. PROGRAMA DE INVESTIMENTOS

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º SEMESTRE DE 2013

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º SEMESTRE DE 2013 BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º SEMESTRE DE 2013 1 2 ÍNDICE ECONOMIA MERCADO IMOBILIÁRIO CIDADE SÃO PAULO Lançamentos Comercialização REGIÃO METROPOLITANA EMPREENDIMENTOS COMERCIAIS MERCADO NACIONAL

Leia mais

Abril/2016. Lançamentos e vendas na capital paulista atingem o menor nível desde 2004 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses

Abril/2016. Lançamentos e vendas na capital paulista atingem o menor nível desde 2004 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses Abril/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.182 unidades Lançamentos = 695 unidades Oferta Final = 24.961 unidades Lançamentos e vendas na capital paulista atingem o menor nível desde 2004

Leia mais

A Força do Grande ABC no Mercado Imobiliário de São Paulo. Flavio Amary Vice-Presidente do Secovi-SP

A Força do Grande ABC no Mercado Imobiliário de São Paulo. Flavio Amary Vice-Presidente do Secovi-SP A Força do Grande ABC no Mercado Imobiliário de São Paulo Flavio Amary Vice-Presidente do Secovi-SP Momento Econômico Atual Indicadores Econômicos Taxa de Desemprego (média) Medo Desemprego 11,5% 97,50

Leia mais

Panorama do Mercado Imobiliário. Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP

Panorama do Mercado Imobiliário. Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP Panorama do Mercado Imobiliário Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP Município de São Paulo Lançamentos Residenciais Mun. de São Paulo Mil Unidades Média = 31,7 22,6 24,9 25,7 39,0 34,5 31,6 38,2

Leia mais

Setembro/2016. Mercado imobiliário da cidade de São Paulo apresenta melhores indicadores em setembro CIDADE DE SÃO PAULO.

Setembro/2016. Mercado imobiliário da cidade de São Paulo apresenta melhores indicadores em setembro CIDADE DE SÃO PAULO. Setembro/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.717 unidades Lançamentos = 2.165 unidades Mercado imobiliário da cidade de São Paulo apresenta melhores indicadores em setembro COMERCIALIZAÇÃO

Leia mais

Pesquisa Secovi SP registra aumento nas vendas em junho

Pesquisa Secovi SP registra aumento nas vendas em junho Pesquisa Secovi SP registra aumento nas vendas em junho Volume lançamentos também surpreendeu no mês, encerrando semestre com resultados positivos para o mercado na Capital A cidade de São Paulo encerrou

Leia mais

Junho/2016. Vendas e lançamentos de imóveis novos registram aumento em junho CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses.

Junho/2016. Vendas e lançamentos de imóveis novos registram aumento em junho CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Junho/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 2.097 unidades Lançamentos = 2.178 unidades Vendas e lançamentos de imóveis novos registram aumento em junho COMERCIALIZAÇÃO DE IMÓVEIS NOVOS CIDADE

Leia mais

Balanço do Mercado Imobiliário - Primeiro Semestre 2011. Mercado de Imóveis Novos Residenciais no Primeiro Semestre 2011

Balanço do Mercado Imobiliário - Primeiro Semestre 2011. Mercado de Imóveis Novos Residenciais no Primeiro Semestre 2011 Balanço do Mercado Imobiliário - Primeiro Semestre 2011 Mercado de Imóveis Novos Residenciais no Primeiro Semestre 2011 1 DIRETORIA Presidente João Crestana Economista-chefe Celso Petrucci Mercado de Imóveis

Leia mais

Novembro/2016. As vendas de imóveis em São Paulo aumentam em novembro de 2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses.

Novembro/2016. As vendas de imóveis em São Paulo aumentam em novembro de 2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Novembro/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.724 unidades Lançamentos = 3.214 unidades Oferta Final = 24.968 unidades As vendas de imóveis em São Paulo aumentam em novembro de 2016 COMERCIALIZAÇÃO

Leia mais

Cidades vizinhas à Capital alavancam as vendas de imóveis novos em janeiro

Cidades vizinhas à Capital alavancam as vendas de imóveis novos em janeiro Cidades vizinhas à Capital alavancam as vendas de imóveis novos em janeiro Região Metropolitana iniciou o ano com desempenho positivo em termos de comercialização e de lançamentos O mercado de vendas de

Leia mais

MAIO/2017. Mercado imobiliário apresenta bons resultados no mês de maio CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses.

MAIO/2017. Mercado imobiliário apresenta bons resultados no mês de maio CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. MAIO/2017 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 2.170 unidades Lançamentos = 2.300 unidades Oferta Final = 21.960 unidades Mercado imobiliário apresenta bons resultados no mês de maio COMERCIALIZAÇÃO

Leia mais

JUNHO/2017. Mercado imobiliário reaquece no primeiro semestre de 2017 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses.

JUNHO/2017. Mercado imobiliário reaquece no primeiro semestre de 2017 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. JUNHO/2017 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.853 unidades Lançamentos = 1.502 unidades Oferta Final = 21.043 unidades Mercado imobiliário reaquece no primeiro semestre de 2017 Comercialização

Leia mais

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11. Relatório Trimestral Gerencial

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11. Relatório Trimestral Gerencial JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11 (Codigo ISIN BRJPPCCTF001) Relatório Trimestral Gerencial 1º Trimestre de 2014 1 SUMÁRIO Informações gerais do

Leia mais

Celso Petrucci Economista pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP Iniciou as atividades em crédito imobiliário em 1976, na Diretoria

Celso Petrucci Economista pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP Iniciou as atividades em crédito imobiliário em 1976, na Diretoria Celso Petrucci Economista pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado FECAP Iniciou as atividades em crédito imobiliário em 1976, na Diretoria de Programas Habitacionais da Nossa Caixa/Nosso Banco;

Leia mais

ABRIL/2017. Vendas de imóveis novos registram ligeira queda em abril CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses.

ABRIL/2017. Vendas de imóveis novos registram ligeira queda em abril CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. ABRIL/2017 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.212unidades Lançamentos = 959 unidades Oferta Final = 22.528 unidades Vendas de imóveis novos registram ligeira queda em abril COMERCIALIZAÇÃO

Leia mais

Julho/2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Média do ano. Pesquisa do Mercado Imobiliário

Julho/2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Média do ano. Pesquisa do Mercado Imobiliário Julho/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 828 unidades Lançamentos = 1.099 unidades Oferta Final = 24.627 unidades Em julho, vendas e lançamentos são afetados pela sazonalidade Tradicionalmente,

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM 2012

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM 2012 BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO EM 2012 1 2 Índice Economia Mercado Imobiliário Lançamentos Comercialização RMSP Mercado Nacional Empreendimentos Comerciais Financiamento Imobiliário Previsões para 2013

Leia mais

Agosto/2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Média do ano. Pesquisa do Mercado Imobiliário

Agosto/2016 CIDADE DE SÃO PAULO. Números do mês: Acumulado 12 meses. Média do ano. Pesquisa do Mercado Imobiliário Agosto/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 1.078 unidades Lançamentos = 1.177 unidades Oferta Final = 24.411 unidades VSO Mensal = 4,2% VSO 12 Meses = 37,9% Vendas e lançamentos crescem em

Leia mais

Unidades lançadas caem e número de vendas permanece estável

Unidades lançadas caem e número de vendas permanece estável Unidades lançadas caem e número de vendas permanece estável Número de unidades vendidas supera lançamentos em 95% no trimestre terminado em julho Os Indicadores ainc/fipe, que acompanham o mercado nacional

Leia mais

Abrainc e Fipe divulgam novos indicadores para o mercado imobiliário

Abrainc e Fipe divulgam novos indicadores para o mercado imobiliário ainc e Fipe divulgam novos indicadores para o mercado imobiliário Números com abrangência nacional passam a ser alternativa para o acompanhamento do mercado de imóveis novos Em agosto de 2015 a Fipe, em

Leia mais

3T12 PRÉVIA OPERACIONAL COMUNICADO AO MERCADO DIRECIONAL ALCANÇA RECORDE DE R$ 543 MILHÕES DE LANÇAMENTOS E R$ 558 MILHÕES DE VENDAS NO 3T12.

3T12 PRÉVIA OPERACIONAL COMUNICADO AO MERCADO DIRECIONAL ALCANÇA RECORDE DE R$ 543 MILHÕES DE LANÇAMENTOS E R$ 558 MILHÕES DE VENDAS NO 3T12. Belo Horizonte, 02 de outubro de 2012 - A Direcional Engenharia S.A., uma das maiores incorporadoras e construtoras do Brasil, com foco no desenvolvimento de empreendimentos populares de grande porte e

Leia mais

Perspectivas para o Setor da Construção Civil em 2015. Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP

Perspectivas para o Setor da Construção Civil em 2015. Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP Perspectivas para o Setor da Construção Civil em 2015 Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP Mercado Imobiliário Brasileiro - VGL 2011-7% 2012 13% 2013 R$ 85,6 bilhões R$ 79,7 bilhões R$ 90,4 bilhões

Leia mais

Prévia Operacional 1º Trimestre de 2015

Prévia Operacional 1º Trimestre de 2015 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 1T15 No 1T15, lançamentos consolidados atingem R$313,6 milhões, com vendas brutas de R$604,5 milhões. Encerrando o 1T15 com vendas líquidas de R$423,3 milhões. PARA DIVULGAÇÃO

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO Acumulado Janeiro a Setembro de 2013. Balanço do Mercado Imobiliário 1

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO Acumulado Janeiro a Setembro de 2013. Balanço do Mercado Imobiliário 1 BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO Acumulado Janeiro a Setembro de 2013 Balanço do Mercado Imobiliário 1 Balanço do Mercado Imobiliário 2 Mercado de imóveis novos apresenta crescimento Em 2013, o mercado de

Leia mais

Por um Grande ABC melhor

Por um Grande ABC melhor Por um Grande ABC melhor Publicada em 06 de Agosto de 2015 Página 1 Publicada em 06 de Agosto de 2015 Página 2 Lançamentos - Geral - Publicada em 06 de Agosto de 2015 Página 3 Total geral de lançamentos

Leia mais

Por um Grande ABC melhor

Por um Grande ABC melhor Por um Grande ABC melhor Lançamentos Total Geral do ABCDM 3 Total geral de lançamentos do ABCDM no 1º Semestre de 2013 4 Total geral de lançamentos no ABCDM no 1º Semestre nos últimos 4 anos 5 Evolução

Leia mais

janeiro/2016 Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram em relação ao mesmo período de 2015 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Acumulado 12 meses

janeiro/2016 Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram em relação ao mesmo período de 2015 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Acumulado 12 meses janeiro/2016 CIDADE DE SÃO PAULO Números do mês: Vendas = 950 unidades Lançamentos = 956 unidades Oferta Final = 27.014 unidades VSO Mensal = 3,4% VSO 12 Meses = 42,0% Em janeiro, vendas de imóveis aumentaram

Leia mais

Aluguel residencial com aniversário em julho e reajuste pelo IGP-M subirá 5,59%.

Aluguel residencial com aniversário em julho e reajuste pelo IGP-M subirá 5,59%. + Boletim de Conjuntura Imobiliária 60ª Edição Comercial de 2012 Secovi-DF, Setor de Diversões Sul, Bloco A, nº44, Centro Comercial Boulevard,Salas422/424, (61)3321-4444, www.secovidf.com.br Econsult Consultoria

Leia mais

Prévia Operacional 3T14

Prévia Operacional 3T14 Estoque Concluído: 5 do estoque total, um dos menores patamares do setor Estoque MCMV: 22 do estoque total, queda de 11 p.p frente ao 2T14 Repasse/Desligamento: R$179 MM, 37 acima do 2T14 São Paulo, 15

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15 PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 3T15 No 3T15, lançamentos consolidados atingem R$606,8 milhões, com vendas brutas de R$682,0 milhões. As vendas líquidas encerraram o 3T15 em R$492,8 milhões, alcançando

Leia mais

Discussão dos Resultados 1T10. 07 de Maio de 2010

Discussão dos Resultados 1T10. 07 de Maio de 2010 Discussão dos Resultados 1T10 07 de Maio de 2010 0 Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas projeções

Leia mais

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR INTERIOR DE SÃO PAULO Flavio Amary Vice-presidente do Interior do Secovi-SP e Diretor Regional em Sorocaba e Região PARTICIPAÇÃO % DO

Leia mais

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012 Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012 O RISCO DOS DISTRATOS O impacto dos distratos no atual panorama do mercado imobiliário José Eduardo Rodrigues Varandas Júnior

Leia mais

Imóveis de dois dormitórios lideram os lançamentos e vendas em Bauru

Imóveis de dois dormitórios lideram os lançamentos e vendas em Bauru Imóveis de dois dormitórios lideram os lançamentos e vendas em Bauru O estudo do Mercado Imobiliário de Bauru elaborado pelo Departamento de Economia e Estatística do Secovi-SP, em parceria com a empresa

Leia mais

PIB 2014-0,1 2015-3,2 2016-2,0 2017-0,5 Desemprego (Jan/15 a Out/15)

PIB 2014-0,1 2015-3,2 2016-2,0 2017-0,5 Desemprego (Jan/15 a Out/15) Economia Geral PIB 2014-0,1 2015-3,2 2016-2,0 2017-0,5 Desemprego (Jan/15 a Out/15) - Geral = -898 mil - Construção = -256 mil Queda de Renda - 2014 = R$ 2.288-2015 = R$ 2.180 Recessão de 2015 a 2017 será

Leia mais

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 4T13

PRÉVIA DOS RESULTADOS OPERACIONAIS 4T13 Lançamentos consolidados atingem R$ 1,6 bilhão no trimestre, uma expansão de 9% ante o 4T12 Vendas Líquidas alcançam R$ 1,3 bilhão, reportando uma evolução de 45% em comparação ao ano anterior PARA DIVULGAÇÃO

Leia mais

Imóveis de 2 dormitórios lideram lançamentos e vendas na Baixada Santista

Imóveis de 2 dormitórios lideram lançamentos e vendas na Baixada Santista Imóveis de 2 dormitórios lideram lançamentos e vendas na Baixada Santista A Baixada Santista apresentou, nos últimos 12 meses, estabilidade no número de lançamentos de imóveis novos, segundo levantamento

Leia mais

Apartamentos econômicos são destaque em Bauru

Apartamentos econômicos são destaque em Bauru Apartamentos econômicos são destaque em Bauru Localizada em posição estratégica, no coração do Estado de São Paulo, a cidade de Bauru tem passado por grande desenvolvimento nos últimos anos. Para o setor

Leia mais

INDICADORES ABRAINC/FIPE DO MERCADO IMOBILIÁRIO

INDICADORES ABRAINC/FIPE DO MERCADO IMOBILIÁRIO INDICADORES ABRAINC/FIPE DO MERCADO IMOBILIÁRIO NOTAS METODOLÓGICAS SÃO PAULO AGOSTO/2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO 1 1. DADOS 3 2. METODOLOGIA 5 2.1 INDICADORES 5 2.1.1 Unidade Lançadas 5 2.1.2 VGV Lançado 5

Leia mais

Por um Grande ABC melhor

Por um Grande ABC melhor Por um Grande ABC melhor Publicada em 14 de Maio de 2015 Página 1 Publicada em 14 de Maio de 2015 Página 2 Lançamentos -Geral - Publicada em 14 de Maio de 2015 Página 3 Total geral de lançamentos 1º Trimestre

Leia mais

Mercado Imobiliário em São Paulo

Mercado Imobiliário em São Paulo Mercado Imobiliário em São Paulo Gráfico 1 Evolução dos preços dos imóveis residenciais Variações % anuais 3 Os preços dos imóveis aumentaram acentuadamente entre 2 e 211, conforme evidenciado no Gráfico

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 2001 2010 A DÉCADA DA RETOMADA CELSO PETRUCCI Diretor Executivo Economista chefe do Secovi SP Versão 1005133-20100617 CPE CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO - ACCB/JJA/MAB/RSO 1/37

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MAIO DE 2015

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MAIO DE 2015 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MAIO DE 2015 Os aluguéis das casas e apartamentos no mês de maio permaneceram estáveis em relação aos valores de abril. Em relação

Leia mais

Apartamentos econômicos de 2 dormitórios são destaque em Rio Preto

Apartamentos econômicos de 2 dormitórios são destaque em Rio Preto Apartamentos econômicos de 2 dormitórios são destaque em Rio Preto Nos últimos 12 meses, entre junho de 2011 e maio de 2012, foram lançados 2.044 imóveis residenciais verticais em condomínios na cidade

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 2011. CELSO PETRUCCI Diretor executivo Economista chefe do Secovi SP

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 2011. CELSO PETRUCCI Diretor executivo Economista chefe do Secovi SP BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 2011 0, CELSO PETRUCCI Diretor executivo Economista chefe do Secovi SP DEMANDA DO MERCADO IMOBILIÁRIO DEMANDA POR IMÓVEIS RESIDENCIAIS FATORES QUE INFLUENCIAM NAS COMPRAS

Leia mais

PMI Pesquisa do Mercado Imobiliário - RMSP

PMI Pesquisa do Mercado Imobiliário - RMSP PMI Pesquisa do Mercado Imobiliário - RMSP Março 2013 A Pesquisa do Mercado Imobiliário (PMI) é realizada mensalmente pelo departamento de economia e estatística do Secovi-SP com o objetivo de analisar

Leia mais

Novo fôlego para o mercado imobiliário

Novo fôlego para o mercado imobiliário + Boletim de Conjuntura Imobiliária 59ª Edição Comercial Maio de 2015 de 2012 Secovi-DF, Setor de Diversões Sul, Bloco A, nº44, Centro Comercial Boulevard,Salas422/424, (61)3321-4444, www.secovidf.com.br

Leia mais

Mercado imobiliário apresenta crescimento em Sorocaba

Mercado imobiliário apresenta crescimento em Sorocaba Mercado imobiliário apresenta crescimento em Sorocaba O município de Sorocaba apresentou, no último ano, um crescimento de quase 70% no número de lançamentos de imóveis em condomínios. Entre outubro de

Leia mais

Rossi Residencial S/A Reunião Apimec SP 23 de novembro de 2005. Praça Capital - Campinas

Rossi Residencial S/A Reunião Apimec SP 23 de novembro de 2005. Praça Capital - Campinas Rossi Residencial S/A Reunião Apimec SP 23 de novembro de 2005 Praça Capital - Campinas 1 Setor imobiliário Oportunidade de investimento Fator de Risco Crédito Renda Tendência Crescimento da oferta Crescimento

Leia mais

Mercado Imobiliário. Celso Petrucci. Economista-Chefe do SecoviSP. 16ª Conferência Internacional da LARES

Mercado Imobiliário. Celso Petrucci. Economista-Chefe do SecoviSP. 16ª Conferência Internacional da LARES Mercado Imobiliário Celso Petrucci Economista-Chefe do SecoviSP 16ª Conferência Internacional da LARES Economia 2 Atividade econômica - de crescimento do PIB no Brasil Impeachment da Presidente Dilma Roussef

Leia mais

Apresentação de Resultados do 2º trimestre de 2011. Agosto, 2011

Apresentação de Resultados do 2º trimestre de 2011. Agosto, 2011 Apresentação de Resultados do 2º trimestre de 2011 Agosto, 2011 2 Destaques Operacionais DESTAQUES OPERACIONAIS DO 2T11 & 1S11 2T11 LANÇAMENTOS PRO RATA PDG ALCANÇARAM R$2,05 BILHÕES NO 2T11, REPRESENTANDO

Leia mais

BRASIL BROKERS. Reunião Anual com Investidores APIMEC-Rio 2009

BRASIL BROKERS. Reunião Anual com Investidores APIMEC-Rio 2009 BRASIL BROKERS Reunião Anual com Investidores APIMEC-Rio 2009 2009 Brasil 2009 Brokers Brasil Todos Brokers os Direitos Todos os Reservados Direitos Reservados Esta apresentação não constitui uma oferta,

Leia mais

Resultados 2005 Resultados 2005

Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 1T06 Bovespa: RSID3 NYSE (ADR): RSR2Y Receita Líquida alcança R$ 85,2 milhões VGV totaliza R$ 94,3 milhões Vendas contratadas crescem 63% São Paulo, 11 de maio

Leia mais

Discussão da Prévia 3T08. 13 de outubro de 2008

Discussão da Prévia 3T08. 13 de outubro de 2008 Discussão da Prévia 3T08 13 de outubro de 2008 0 Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas projeções

Leia mais

ETR PROPERTIES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO FII CNPJ 18.259.637/0001-62 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR

ETR PROPERTIES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO FII CNPJ 18.259.637/0001-62 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR ETR PROPERTIES FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIARIO FII CNPJ 18.259.637/0001-62 RELATÓRIO DO ADMINISTRADOR 2º SEMESTRE/2014 1 SUMÁRIO I. DESCRIÇÃO DOS NEGÓCIOS REALIZADOS NO SEMESTRE... 3 II. PROGRAMA DE

Leia mais

Direcional Engenharia S.A.

Direcional Engenharia S.A. 1 Direcional Engenharia S.A. Relatório da Administração Exercício encerrado em 31 / 12 / 2007 Para a Direcional Engenharia S.A., o ano de 2007 foi marcado por recordes e fortes mudanças: registramos marcas

Leia mais

2T14 & 1S14 APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS

2T14 & 1S14 APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS & APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS INFORMAÇÃO IMPORTANTE Este documento conte m considerac o es futuras referentes a s perspectivas do nego cio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e a s perspectivas

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA SRF Nº 23, de 25.03.83.

INSTRUÇÃO NORMATIVA SRF Nº 23, de 25.03.83. INSTRUÇÃO NORMATIVA SRF Nº 23, de 25.03.83. Altera normas para a apuração e tributação do lucro nas atividades de compra e venda, loteamento, incorporação e construção de imóveis estabelecidas pela Instrução

Leia mais

Prezado(a) Concurseiro(a),

Prezado(a) Concurseiro(a), Prezado(a) Concurseiro(a), A prova do TCM/RJ foi realizada no último final de semana e vou aproveitar para resolver as questões de Contabilidade Geral de forma simplificada e objetiva (nos cursos online,

Leia mais

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11. Relatório Trimestral Gerencial

JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11. Relatório Trimestral Gerencial JPP CAPITAL FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO - FII CÓDIGO DE NEGOCIAÇÃO BM&FBOVESPA JPPC11 (Codigo ISIN BRJPPCCTF001) Relatório Trimestral Gerencial 4º Trimestre de 2015 1 Sumário INFORMAÇÕES GERAIS DO

Leia mais

CORINTHIANS 25% 32,88% SÃO PAULO 21% 22,00% PALMEIRAS 18% 14,63% SANTOS 5% 5,88% FLAMENGO 4% 2,25% NENHUM 24% 19,75%

CORINTHIANS 25% 32,88% SÃO PAULO 21% 22,00% PALMEIRAS 18% 14,63% SANTOS 5% 5,88% FLAMENGO 4% 2,25% NENHUM 24% 19,75% VILA LEOPOLDINA 1 CORINTHIANS 25% 32,88% SÃO PAULO 21% 22,00% PALMEIRAS 18% 14,63% SANTOS 5% 5,88% FLAMENGO 4% 2,25% NENHUM 24% 19,75% Fonte: DNA Paulistano Datafolha 2009. 2 Características Fonte: GeoSecovi

Leia mais

Agora, gostaríamos de passar a palavra ao Sr. Marcos Levy, Diretor Presidente, que iniciará a apresentação. Por favor, Sr. Levy, pode prosseguir.

Agora, gostaríamos de passar a palavra ao Sr. Marcos Levy, Diretor Presidente, que iniciará a apresentação. Por favor, Sr. Levy, pode prosseguir. Operadora: Bom dia e obrigada por aguardarem. Sejam bem vindos à teleconferência da Brascan para a discussão dos resultados referentes ao 1T07. Estão presentes hoje conosco o senhor Marcos Levy, Diretor

Leia mais

Presente ruim e futuro econômico desanimador para a construção civil

Presente ruim e futuro econômico desanimador para a construção civil CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS DA CONSTRUÇÃO E DO MOBILIÁRIO RECONHECIDA NOS TERMOS DA LEGISLAÇÃO VIGENTE EM 16 DE SETEMBRO DE 2010 Estudo técnico Edição nº 17 outubro de 2014 Organização:

Leia mais

A mudança do Plano Diretor de São Paulo e a visão urbana da indústria imobiliária RICARDO YAZBEK SECOVI-SP 29-08-2013

A mudança do Plano Diretor de São Paulo e a visão urbana da indústria imobiliária RICARDO YAZBEK SECOVI-SP 29-08-2013 A mudança do Plano Diretor de São Paulo e a visão urbana da indústria imobiliária RICARDO YAZBEK SECOVI-SP 29-08-2013 afunção da indústria imobiliária no contexto do desenvolvimento urbano 2 produção de

Leia mais

Baixada Santista: imóveis de 2 e 3 dormitórios lideram lançamentos

Baixada Santista: imóveis de 2 e 3 dormitórios lideram lançamentos Baixada Santista: imóveis de 2 e 3 dormitórios lideram lançamentos A Região Metropolitana da Baixada Santista tem uma extensão territorial de 2.422 km² e é a terceira maior do Estado em termos populacionais,

Leia mais

Resultados 3T10 e 9M10. 12/11/2010 > Relações com Investidores

Resultados 3T10 e 9M10. 12/11/2010 > Relações com Investidores Resultados 3T10 e 9M10 12/11/2010 > Relações com Investidores 1 Aviso Importante Nós fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base e

Leia mais

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 AVISO Nesta apresentação nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais

Pesquisa Ademi-Rio. A tabela abaixo mostra as unidades lançadas na cidade do Rio de Janeiro quanto à finalidade: residencial, comercial e hotel.

Pesquisa Ademi-Rio. A tabela abaixo mostra as unidades lançadas na cidade do Rio de Janeiro quanto à finalidade: residencial, comercial e hotel. Mercado Imobiliário da Cidade Rio de Janeiro no 1º trimestre de 2016 I - UNIDADES LANÇADAS Pesquisa Ademi-Rio A análise dos dados apurados pela Pesquisa ADEMI do Mercado Imobiliário no primeiro trimestre

Leia mais

Análise do Estoque Imobiliário das Principais Cidades Brasileiras 2014 URBAN SYSTEMS TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Análise do Estoque Imobiliário das Principais Cidades Brasileiras 2014 URBAN SYSTEMS TODOS OS DIREITOS RESERVADOS Análise do Estoque Imobiliário das Principais Cidades Brasileiras Hoje o Brasil vive um cenário de incertezas. A retração técnica do PIB, anunciada semanas atrás, e as especulações geradas pelas pesquisas

Leia mais

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO

PANORAMA DO SETOR EVOLUÇÃO EVOLUÇÃO A Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos apresentou um crescimento médio deflacionado composto de 10% nos últimos 16 anos, tendo passado de um faturamento "ExFactory",

Leia mais

1T14. Apresentação de Resultados

1T14. Apresentação de Resultados Apresentação de Resultados INFORMAÇÃO IMPORTANTE Este documento conte m considerac o es futuras referentes a s perspectivas do nego cio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e a s perspectivas

Leia mais

Clipping Vendas de imóveis caem 36,5%

Clipping Vendas de imóveis caem 36,5% Vendas de imóveis caem 36,5% 4438298 - DCI - SERVIÇOS - SÃO PAULO - SP - 16/07/2014 - Pág A8 O mercado imobiliário na capital paulista segue com queda nas vendas em 2014 na comparação com 2013, influenciado

Leia mais

Matemática Financeira. Aula 03 Taxa Real de Juros

Matemática Financeira. Aula 03 Taxa Real de Juros Matemática Financeira Aula 03 Taxa Real de Juros Inflação É o fenômeno conhecido como o aumento persistente dos preços de bens e serviços Fatores: Escassez de produtos, déficit orçamentário, emissão descontrolada

Leia mais

Boletim de Conjuntura Imobiliária. Clipping. Vantagens de casas e apartamentos em condomínios fechados. 35ª Edição Comercial - Maio de 2013 de 2012

Boletim de Conjuntura Imobiliária. Clipping. Vantagens de casas e apartamentos em condomínios fechados. 35ª Edição Comercial - Maio de 2013 de 2012 + Boletim de Conjuntura Imobiliária 35ª Edição Comercial - Maio de 2013 de 2012 Secovi-DF, Setor de Diversões Sul, Bloco A, nº44, Centro Comercial Boulevard,Salas 422/424, (61)3321-4444, www.secovidf.com.br

Leia mais

Apresentação de Resultados da Lopes 2008. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI

Apresentação de Resultados da Lopes 2008. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Apresentação de Resultados da Lopes 2008 Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Aviso importante Esta apresentação não constitui uma oferta, convite ou pedido de qualquer

Leia mais

Sciesp. Clipping 19.10. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1

Sciesp. Clipping 19.10. A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 Sciesp Clipping 19.10 A s s e s s o r i a d e I m p r e n s a i m p r e n s a @ s c i e s p. c o m. b r ( 1 1 ) 3 8 8 9-5 8 9 9 Página 1 INFO MONEY Vendas de imóveis usados sobem 13,53% em julho no estado

Leia mais

MÉTODO INVOLUTIVO: DESAFIOS E LIMITAÇÕES.

MÉTODO INVOLUTIVO: DESAFIOS E LIMITAÇÕES. MÉTODO INVOLUTIVO: DESAFIOS E LIMITAÇÕES. ENG. EDUARDO ROTTMANN, M.Sc. Membro Titular do IBAPE/SP, FRICS São Paulo, Fevereiro de 2015 PANO DE FUNDO Expansão urbana das cidades brasileiras: Ano População

Leia mais

RELEASE DE RESULTADOS 3T14 I 9M14

RELEASE DE RESULTADOS 3T14 I 9M14 RELEASE DE RESULTADOS 3T14 I 9M14 Contate RI: Adolpho Lindenberg Filho Diretor Financeiro e de Relações com Investidores Telefone: +55 (11) 3041-2700 ri@lindenberg.com.br www.grupoldi.com.br/relacao DIVULGAÇÃO

Leia mais

PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO

PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO Relatório de Fevereiro de 28 PESQUISA ADEMI DO MERCADO IMOBILIÁRIO RELATÓRIO DE FEVEREIRO DE 28 I INTRODUÇÃO O objetivo deste relatório é analisar os resultados da Pesquisa ADEMI no mês de fevereiro de

Leia mais

O Cenário Econômico e o Mercado Imobiliário de Campinas. Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP

O Cenário Econômico e o Mercado Imobiliário de Campinas. Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP O Cenário Econômico e o Mercado Imobiliário de Campinas Celso Petrucci Economista-chefe do Secovi-SP Mercado Imobiliário Brasileiro - VGL 2011-7% 2012 13% 2013 R$ 85,6 bilhões R$ 79,7 bilhões R$ 90,4 bilhões

Leia mais

FII Caixa Incorporação

FII Caixa Incorporação Apresentação Junho de 205 FII Caixa Incorporação Atualização das atividades do FII Caixa Incorporação Agenda Seção Seção 2 Seção 3 Seção 4 Seção 5 Seção 6 Sumário Executivo Evolução do Fundo Benefícios

Leia mais

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013. Versão CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37

BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013. Versão CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37 BALANÇO DO MERCADO IMOBILIÁRIO 1º TRIMESTRE/2013 Versão 1005133-20100617 CPE - ACCB/CCMA/JJA/MAB/RSO 1/37 1/39 1/74 1/6 INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO ECONOMIA PIB CRESCIMENTO NO ANO 8,0% 7,5% 7,0% 6,0% 5,0%

Leia mais

Carta Mensal do Gestor: Dezembro 2014

Carta Mensal do Gestor: Dezembro 2014 Carta Mensal do Gestor: Dezembro 2014 Prezados Investidores, O mês de Dezembro encerrou com baixa do Ibovespa de 8,62%. No acumulado do ano de 2014 o Índice Bovespa fechou em território negativo, acumulando

Leia mais

Apresentação dos resultados do 2T09 & 1S09. Agosto/2009

Apresentação dos resultados do 2T09 & 1S09. Agosto/2009 Apresentação dos resultados do 2T09 & 1S09 Agosto/2009 Destaques 2T09 & 1S09 DESTAQUES OPERACIONAIS 2T09 VENDAS CONTRATADAS LÍQUIDAS PRO RATA PDG REALTY DE R$710 MILHÕES, REPRESENTANDO UM CRESCIMENTO DE

Leia mais

COMUNICADO AO MERCADO

COMUNICADO AO MERCADO PRÉVIA OPERACIONAL Belo Horizonte, 06 de outubro de 2011 - A Direcional Engenharia S.A., uma das maiores incorporadoras e construtoras do Brasil, com foco no desenvolvimento de preendimentos populares

Leia mais

Censo do Mercado Imobiliário

Censo do Mercado Imobiliário Censo do Mercado Imobiliário de Porto Alegre Setembro/2011 INTRODUÇÃO O Sinduscon-RS, através da sua Comissão da Indústria Imobiliária (CII), vem desenvolvendo, desde 1998, o Censo do mercado imobiliário

Leia mais

Corretores de imóveis são mantidos como Microempreendedores Individuais

Corretores de imóveis são mantidos como Microempreendedores Individuais + Boletim de Conjuntura Imobiliária 62ª Edição Comercial de 2012 Secovi-DF, Setor de Diversões Sul, Bloco A, nº44, Centro Comercial Boulevard,Salas422/424, (61)3321-4444, www.secovidf.com.br Econsult Consultoria

Leia mais

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 2014 (R$) 949.176.907,56

ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 2014 (R$) 949.176.907,56 ANEXO II DESTINAÇÃO DO LUCRO LÍQUIDO ANEXO 9-1-II DA INSTRUÇÃO CVM Nº. 481/2009 1. Informar o lucro líquido do exercício. 949.176.907,56 2. Informar o montante global e o valor por ação dos dividendos,

Leia mais

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010

Apresentação da Companhia. Setembro de 2010 Apresentação da Companhia Setembro de 2010 Comprovada capacidade de execução Visão geral da Inpar Empreendimentos por segmento (1) Modelo de negócios integrado (incorporação, construção e venda) Comercial

Leia mais

Receita Líquida da EVEN aumentou 88,6% no 1T07 em relação ao mesmo período do ano anterior.

Receita Líquida da EVEN aumentou 88,6% no 1T07 em relação ao mesmo período do ano anterior. Receita Líquida da EVEN aumentou 88,6% no 1T07 em relação ao mesmo período do ano anterior. Margem Bruta atinge 37,9%, crescendo 9,9 p.p. em relação ao 1T06. São Paulo, 14 de maio de 2007 A Even Construtora

Leia mais

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2

ITR - Informações Trimestrais - 31/03/2012 - TECNISA S/A Versão : 1. Composição do Capital 1. Balanço Patrimonial Ativo 2 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 2 Balanço Patrimonial Passivo 3 Demonstração do Resultado 4 Demonstração do Resultado Abrangente 5 Demonstração

Leia mais

TEMA: A importância da Micro e Pequena Empresa para Goiás

TEMA: A importância da Micro e Pequena Empresa para Goiás TEMA: A importância da Micro e Pequena Empresa para Goiás O presente informe técnico tem o objetivo de mostrar a importância da micro e pequena empresa para o Estado de Goiás, em termos de geração de emprego

Leia mais