Manual. Corpus Brasileiro. Projeto: Buscas:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual. Corpus Brasileiro. Projeto: http://corpusbrasileiro.pucsp.br. Buscas: http://corpusbrasileiro.pucsp.br/x/"

Transcrição

1 Manual Corpus Brasileiro Projeto: Buscas: Pesquisador Responsável: Tony Berber Sardinha Instituição Sede: PUCSP Setor: CEPRIL, LAEL Equipe de pesquisa: Tony Berber Sardinha, José Lopes Moreira Filho, Eliane Alambert Período de Vigência do Projeto: 1/5/2008 a 30/4/2010 1

2 1 Composição do corpus A composição e extensão gerais do corpus são as seguintes: Componente Tokens Escrito % Falado % Total % Quadro 1: Composição e extensão do corpus em termos dos componentes falado e escrito O conteúdo do corpus está dividido em dois níveis, ou subcorpora. Em termos do primeiro nível, temos 13 subcorpora, com a seguinte distribuição: Subcorpus Tokens 1. Academia ,0% 2. Cinema e TV ,0% 3. Educação ,2% 4. Enciclopédia ,2% 5. Esporte ,0% 6. Informática ,1% 7. Jornalismo ,7% 8. Legislação ,8% 9. Literatura ,9% 10. Medicina ,0% 11. Política ,6% 12. Religião ,2% 13. Técnico ,3% Total Quadro 2: Composição do corpus de acordo com os subcorpora de primeiro nível Em termos da segunda divisão, temos 25 subcorpora: Código Subcorpus Subcorpus Tokens (1 a divisão) (2 a divisão) ei Academia Artigos ,76% ej Academia Teses e dissertações ,58% eq Academia Anais ,64% en Cinema e TV Roteiros ,03% ee/ef Educação Diversos ,22% et Enciclopédia Wikipédia ,22% fa Esporte Narração de jogos de futebol ,01% ek Informática Manuais ,07% ed Jornalismo Revistas ,05% eg Jornalismo Jornais ,32% eo Jornalismo Horóscopo ,00% fe Jornalismo Entrevistas ,37% em/ex Legislação Diversos ,84% eb Literatura Contos ,01% ec Literatura Crônicas ,01% 2

3 eh/ew Literatura Variados ,80% eu Literatura Biografias ,05% ea Medicina Bulas ,01% ep Política Atas de assembléia legislativa ,37% fb Política Debates de TV ,00% fc Política Pronunciamentos do presidente ,17% fd Política Sessões do congresso ,09% el Religião Diversos ,08% ev Religião Bíblia ,08% er/es Técnico Relatórios e manuais diversos ,26% Total ,00 Quadro 3: Composição do corpus de acordo com os subcorpora de segundo nível A coluna de códigos mostra os rótulos dos sub-corpora utilizados na página de busca. 2 Buscas Estão disponíveis as buscas: de uma única palavra com POS (do inglês part of speech, ou classe grammatical) e contexto (opcional), de uma até três palavras sem POS e contexto. A busca por contexto é específica a uma posição do horizonte (N+1, N-1, N+5...). A busca diferencia acentos, a não será igual a á. Abaixo aparece uma tela mostrando os resultados da busca por jus : Em seguida, recebe os resultados da busca, na forma da quantidade de ocorrências e de um display em forma de tag clouds (vide explicação na seção Error! Reference source not found. mais a seguir): Figura 1: Tela inicial de resultados Clicando na frequência (logo abaixo de ocorrência ), o usuário pode visualizar os resultados 3

4 tanto no formato KWIC simples (as ocorrências não estão alinhadas pela palavra central) quanto no formato KWIC tradicional (com as linhas organizadas pela palavra central): Figura 2: Listagem simples de linhas de concordância Figura 3: Listagem de linhas de concordância com a palavras de busca centralizada e os colocados imediatos (primeiro à esquerda e à direita) realçados com cores diferentes Em cada linha da concordância, aparece uma indicação na forma de código da seção do corpus sobre a seção do corpus em que o texto está inserido. As seções e os códigos correspondem 4

5 aos informados no Quadro 3, acima Ordenação das linhas de concordância Não há, no momento, sistema de reordenação das linhas na própria tela do navegador, que pretendemos implementar futuramente. Atualmente, para reordenar as linhas, o usuário deve baixar um arquivo em formato CSV (clicando no link Export ) referente à sua busca (100 ocorrências de cada vez), abri-lo numa planilha do tipo Excel, dividir as linhas por palavras (inserindo uma marca de tabulação onde há espaços em branco) e reordenar as linhas pelos colocados (primeiro à direita/esquerda, segundo à direita/esquerda, etc.) na própria planilha, por meio dos comandos Sort A-Z e Sort Z-A, conforme mostrado na figura a seguir: Figura 4: Parte de planilha em Excel com concordância de atores exportada pelo corpus e modificada pelo usuária, mostrando ordenação A-Z pelo primeiro colocado à direita (coluna O). No arquivo exportado o usuário não tem acesso à classe gramatical ou lema dos colocados esperamos proporcionar essa funcionalidade numa versão posterior do corpus. Para cada busca, na exibição de resultados, são exibidos também, em forma de tag clouds (pacotes lexicais, ou lexical bundles, mostrados com fontes de tamanhos relativos à frequência do conjunto no corpus, de tal modo que quanto maior a frequência, maior o tamanho da fonte exibida na tela), os 100 trigramas mais freqüentes da palavra de busca (caso haja) de todo o corpus, na ordem do mais freqüente para o menos frequente: 5

6 Figura 5: Tag clouds de busca por jus No momento, os tag clouds são apenas um recurso gráfico de visualização dos dados: ao clicar neles, o usuário não é levado a uma listagem de suas ocorrências no corpus. Esperamos implementar essa funcionalidade posteriormente Limite das buscas Por enquanto, cada busca é limitada a de ocorrências. Quando são atingidos de registros para uma palavra de busca, o sistema encerra a busca e traz os resultados Velocidade das buscas Segue abaixo um quadro demonstrativo com diversas buscas e seu tempo de execução. N palavra tag contexto posição seção resultados velocidade (segundos) 1 boa * * * todos ,85 2 barco * * * todos ,44 3 beber * * * todos 848 0,17 4 bonito * * * todos ,29 5 alto * * * todos ,37 6 boa * alma N+1 todos 47 2,44 7 alma * boa N+1 todos 18 1,951 8 avaliação * alunos N+2 todos 120 5,82 9 atuar [ver] * * todos , berro [nom] * * todos 352 0,07 MÉDIA 1,7033 Quadro 4: Tempo gasto em buscas Como se percebe, a média de tempo para execução das buscas é 1,7 segundo, o que julgamos ser aceitável tendo em vista a extensão do corpus e as limitações de hardware do servidor. Todas as buscas da tabela foram realizadas como primeira busca, sem recuperação de resultados. Em buscas posteriores, o sistema apenas verifica se já foi feita a busca e recupera os resultados. O tempo de recuperação é muito menor, não ultrapassando 0,009 segundo. 6

7 3 Listas de frequências As listas de frequência de palavras (unigramas) do corpus podem ser obtidas em: Componente falado: Componente escrito: 4 Referências 4.1. Sobre o corpus Berber Sardinha, T., Moreira Filho, J. L., & Alambert, E. (2008). O Corpus Brasileiro. Comunicação apresentada em VII Encontro de Lingüística de Corpus, Unesp, São José do Rio Preto, SP, 6 e 7 de novembro de Berber Sardinha, T., Moreira Filho, J. L., & Alambert, E. (2009). The Brazilian Corpus: A onebillion word online resource. Comunicação apresentada em 5th Corpus Linguistics Conference, Liverpool, UK, July 21-23, Berber Sardinha, T., Moreira Filho, J. L., & Alambert, E. (2009). The Brazilian Corpus. Comunicação apresentada em AACL American Association for Corpus Linguistics, Alberta, Canadá, October 8-11, Berber Sardinha, T., Moreira Filho, J. L., & Alambert, E. (2010). O Corpus Brasileiro. Comunicação apresentada em 13º Congresso Brasileiro De Língua Portuguesa e 4º Congresso Internacional De Lusofonia, PUCSP, São Paulo, SP, 30 de abril de Nas apresentações seguintes, enfocamos a aplicação do corpus, já com o intuito de auxiliar o estudo da padronização léxico-gramatical (BERBER SARDINHA, no prelo) e da linguagem como sistema probabilístico (BERBER SARDINHA, 2004; HALLIDAY, 1991): Berber Sardinha, T. (2008). Léxico-gramática e corpus. II Ebralc - Escola Brasileira de Linguística Computacional, Unesp, São José do Rio Preto, SP, 6 e 7 de novembro de Berber Sardinha, T. (2009). Applied Linguistics and Technology. Ames, Iowa State University, USA, January 20, Berber Sardinha, T. (2009). Metáfora. III Ebralc - Escola Brasileira de Linguística Computacional, 7

8 UERJ, Rio de Janeiro, RJ, 11 e 12 de novembro de Berber Sardinha, T. (2010). Corpus Linguistics and Metaphor. Conferência plenária apresentada em 2nd International Conference on Corpus Linguistics (CILC), A Coruña, Spain, May 13-15, Berber Sardinha, T. (2010). A Linguística de Corpus na Prática. Santiago de Compostela, Espanha: Universidade de Santiago de Compostela, Espanha, Berber Sardinha, T. (2010). Corpus Linguistics. Murcia, Espanha: Universidade de Murcia, Espanha, Sobre Linguística de Corpus BERBER SARDINHA, T. Lingüística de Corpus. São Paulo: Manole, p.. Lexicogrammar. In: CHAPELLE, C. (Org.) The Encyclopedia of Applied Linguistics. Malden, MA: Wiley-Blackwell, no prelo. BESEK, J. M. Copyright Issues Relevant to the Creation of a Digital Archive: A Preliminary Assessment. Council on Library and Information Resources, Library of Congress. Washington, DC, 21 p., 2003 DAVIES, M. Creating and using multimillion-word corpora from web-based newspapers. In: SIMPSON, R. C.; SWALES, J. M. (Orgs.). Corpus Linguistics in North America: Selections from the 1999 Symposium. Ann Arbor: University of Michigan, p The advantage of using relational databases for large corpora: Speed, advanced queries, and unlimited annotation. International Journal of Corpus Linguistics, v. 10, n. 3, p , 2005a.. Alternative architectures for examining related words, register variation, and historical change. Podcast. In: AHRC ICT Methods Network Expert Seminar on Linguistics, 2005b, Lancaster University (Reino Unido). Disponível em:<http://www.methodsnetwork.ac.uk/redist/audio/eseminars/es01/es1_03.mp3>.. The advantages of using relational databases for large historical corpora. Paper. In: Workshop on Historical Text Mining, 2006, Lancaster University. Disponível em:<http://ucrel.lancs.ac.uk/events/htm06/>.. Semantically-based queries with a joint BNC/WordNet database. In: FACCHINETTI, R. (Org.) Corpus Linguistics Twenty-Five Years On. Amsterdam: Rodopi, 2006a. p Word frequency in context: Alternative architectures for examining related words, register variation, and historical change. Palestra. In: AHRC ICT Methods Network Expert Seminar on Linguistics, 2006b, Lancaster University (Reino Unido). Disponível em:<http://www.methodsnetwork.ac.uk/redist/pdf/es1_03davies.pdf>. HALLIDAY, M. A. K. Corpus studies and probabilistic grammar. In: AIJMER, K.; ALTENBERG, B. (Orgs.). English Corpus Linguistics: Studies in Honour of Jan Svartvik. London: Longman, p

9 9

Departamento de Informática em Saúde Escola Paulista de Medicina Universidade Federal de São Paulo

Departamento de Informática em Saúde Escola Paulista de Medicina Universidade Federal de São Paulo 1 Departamento de Informática em Saúde Escola Paulista de Medicina Universidade Federal de São Paulo TABELA DE COMPOSIÇÃO QUÍMICA DOS ALIMENTOS Manual do Usuário 2014 São Paulo 2 Sumário Página inicial...

Leia mais

Manual do Painel Administrativo

Manual do Painel Administrativo Manual do Painel Administrativo versão 1.0 Autores César A Miggiolaro Marcos J Lazarin Índice Índice... 2 Figuras... 3 Inicio... 5 Funcionalidades... 7 Analytics... 9 Cidades... 9 Conteúdo... 10 Referência...

Leia mais

LINGÜÍSTICA DE CORPUS UMA ENTREVISTA COM TONY BERBER SARDINHA

LINGÜÍSTICA DE CORPUS UMA ENTREVISTA COM TONY BERBER SARDINHA BERBER SARDINHA, Tony. Lingüística de Corpus: uma entrevista com Tony Berber Sardinha. Revista Virtual de Estudos da Linguagem - ReVEL. Vol. 2, n. 3, agosto de 2004. ISSN 1678-8931 [www.revel.inf.br].

Leia mais

Treinamento Portal de Periódicos CAPES 2007. Editores: ACM, Emerald, Oxford, Blackwell e Sage

Treinamento Portal de Periódicos CAPES 2007. Editores: ACM, Emerald, Oxford, Blackwell e Sage Treinamento Portal de Periódicos CAPES 2007 Editores: ACM, Emerald, Oxford, Blackwell e Sage ACM Association of Computing Machinery Página de Acesso http://portal.acm.org/portal ACM Digital Library Coleção

Leia mais

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO 1 Bem-vindo ao Oi Conta Empresa! A Oi tem o orgulho de lançar mais um produto para nossos clientes corporativos, o Oi Conta Empresa. Nele, nossos clientes poderão acessar

Leia mais

Codificar Sistemas Tecnológicos

Codificar Sistemas Tecnológicos Codificar Sistemas Tecnológicos Especificação dos Requisitos do Software Sistema de gestão para a Empresa Cliente SlimSys Autor: Equipe Codificar Belo Horizonte MG Especificação dos Requisitos do Software

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 2. Tela Inicial... 2 3. Abrindo uma nova Solicitação... 3 4. Acompanhando as solicitações abertas... 4 5. Exibindo Detalhes da Solicitação... 6 6.

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE X Consulta à Certidão de Registro VERSÃO 2015 Novembro de 2015 SIGFIS-Sistema

Leia mais

Arquitetura de Informação - 6

Arquitetura de Informação - 6 Arquitetura de Informação - 6 Ferramentas para Web Design Prof. Ricardo Ferramentas para Web Design 1 Objetivo do Sistema de Rotulação O sistema de rotulação é o componente da Arquitetura de Informação

Leia mais

Tecnologia da Informação Aplicada a Gerenciamento de Acervo Documental Histórico

Tecnologia da Informação Aplicada a Gerenciamento de Acervo Documental Histórico Tecnologia da Informação Aplicada a Gerenciamento de Acervo Documental Histórico Kayo Delgado Medeiros de Almeida¹, Elon Gomes Vieira 2, Carlos Vitor de Alencar Carvalho 3, Magno Fonseca Borges 4, José

Leia mais

Mídia Brasil Online Manual do Usuário

Mídia Brasil Online Manual do Usuário 1) Menu Principal O Menu Principal se estende no topo da tela do MBO, apresentando as seguintes opções: Clicar sobre cada uma dessas opções permite o acesso às diferentes seções do site. 2) Funções do

Leia mais

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO (exceto Administradores de Conta)

OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO (exceto Administradores de Conta) OI CONTA EMPRESA MANUAL DO USUÁRIO (exceto Administradores de Conta) 1 Bem-vindo ao Oi Conta Empresa! A Oi tem o orgulho de lançar mais um produto para nossos clientes corporativos, o Oi Conta Empresa.

Leia mais

Sistema de Rastreamento WEB. Manual do usuário AVANÇADO. para. empresas

Sistema de Rastreamento WEB. Manual do usuário AVANÇADO. para. empresas Sistema de Rastreamento WEB Manual do usuário AVANÇADO para empresas INTERFACE... 3 SUAS FUNCIONALIDADES... 3 GERAL... 4 Aba Sumário... 4 Aba Localização... 4 Aba Trajeto... 5 Aba Últimos Registros...

Leia mais

Manual do Usuário. Controle Financeiro. Copyright 2014 - ControleNaNet

Manual do Usuário. Controle Financeiro. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Controle Financeiro Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo Menu Principal...3 Clientes... 4 Consulta... 5 Inclusão...6 Alteração... 8 Exclusão...8 Fornecedores...9 Consulta... 10 Inclusão...

Leia mais

FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos

FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos FCT Faculdade de Ciências e Tecnologia Serviço Técnico de Informática STI SGCD Sistema Gerenciador de Conteúdos Dinâmicos Manual do Usuário Presidente Prudente, outubro de 2010 Índice 1. Introdução e Instruções

Leia mais

WORKSHOP Ferramenta OLAP IBM Cognos

WORKSHOP Ferramenta OLAP IBM Cognos WORKSHOP Ferramenta OLAP IBM Cognos O objetivo deste documento é orientar o usuário final na utilização das funcionalidades da ferramenta OLAP IBM Cognos, referente a licença de consumidor. Sumário 1 Query

Leia mais

43 11 Relatórios, Listagens e Exportações para Excel, TXT e HTML

43 11 Relatórios, Listagens e Exportações para Excel, TXT e HTML 43 11 Relatórios, Listagens e Exportações para Excel, TXT e HTML Aqui serão exemplificados os relatórios que podem ser definidos pelo usuário. Esses Relatórios podem ser impressos em Impressora Lazer,

Leia mais

Business Intelligence - BI Jurisprudência da 2ª Câmara de Coordenação e Revisão

Business Intelligence - BI Jurisprudência da 2ª Câmara de Coordenação e Revisão Business Intelligence - BI Jurisprudência da 2ª Câmara de Coordenação e Revisão MANUAL DE UTILIZAÇÃO Ministério Público Federal Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação Coordenadoria de Dados

Leia mais

Manual Email marketing v.240215

Manual Email marketing v.240215 1º Passo Acessar a página www.marketing.vardigital.com.br e fazer login com os seguintes dados: Usuário: email@dominio Senha: var@emkt 2º Passo A página seguinte é o painel geral de administração, sendo

Leia mais

SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS

SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS SISTEMA DE REGISTRO DE PREÇOS APRESENTAÇÃO O sistema abordado neste manual foi confeccionado pela IplanRio em parceria com a SMA de forma a atender o disposto no Art. 5º do Decreto Nº 30.539, que trata

Leia mais

Falando sobre RDA. O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação

Falando sobre RDA. O que é e o que podemos esperar do novo código de catalogação VII Seminário Brasileiro de Bibliotecas das Instituições da Rede de Educação Profissional Cientifica e Tecnológica III Encontro de Bibliotecários no IFSuldeMinas Falando sobre RDA O que é e o que podemos

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE I - INTRODUÇÃO VERSÃO 2014 Fevereiro de 2014 SIGFIS-Sistema Integrado

Leia mais

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência

Produto IV: ATU SAAP. Manual de Referência Produto IV: ATU SAAP Manual de Referência Pablo Nogueira Oliveira Termo de Referência nº 129275 Contrato Número 2008/000988 Brasília, 30 de outubro de 2008 1 Sistema de Apoio à Ativideade Parlamentar SAAP

Leia mais

M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r

M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r M a n u a l d o R e c u r s o Q m o n i t o r i t i l advanced Todos os direitos reservados à Constat. Uso autorizado mediante licenciamento Qualitor Porto Alegre RS Av. Ceará, 1652 São João 90240-512

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO

TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO FISCAL MÓDULO DELIBERAÇÃO 260/13 MANUAL DE UTILIZAÇÃO PARTE IX Envio das Informações e documentos para o TCE VERSÃO 2015 Novembro

Leia mais

Introdução ao Tableau Server 7.0

Introdução ao Tableau Server 7.0 Introdução ao Tableau Server 7.0 Bem-vindo ao Tableau Server; Este guia orientará você pelas etapas básicas de instalação e configuração do Tableau Server. Em seguida, usará alguns dados de exemplo para

Leia mais

SciVerse ScienceDirect. Guia do Usuário. SciVerse ScienceDirect. Acelere suas pesquisas

SciVerse ScienceDirect. Guia do Usuário. SciVerse ScienceDirect. Acelere suas pesquisas SciVerse ScienceDirect Guia do Usuário SciVerse ScienceDirect Acelere suas pesquisas Bem-vindo ao SciVerse ScienceDirect: como obter o máximo de sua assinatura O SciVerse ScienceDirect é o componente de

Leia mais

A Biblioteca Digital do Senado Federal. DSpace

A Biblioteca Digital do Senado Federal. DSpace A Biblioteca Digital do Senado Federal eo DSpace André Luiz Lopes de Alcântara Chefe do Serviço de Biblioteca Digital Simone Bastos Vieira Diretora da Biblioteca do Senado Federal BIBLIOTECA DO SENADO

Leia mais

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP

Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação Departamento de Ciências da Computação e Estatística Documentação do Sistema de Reserva de Salas da Intranet do ICMC-USP André

Leia mais

Portal Min@s: Uma Ferramenta de Apoio ao Processamento de Córpus de Propósito Geral

Portal Min@s: Uma Ferramenta de Apoio ao Processamento de Córpus de Propósito Geral Proceedings of Symposium in Information and Human Language Technology. Natal, RN, Brazil, November 4 7, 2015. c 2015 Sociedade Brasileira de Computação. Portal Min@s: Uma Ferramenta de Apoio ao Processamento

Leia mais

Câmara de Vereadores de Piracicaba Setor de Informática Dezembro/2015

Câmara de Vereadores de Piracicaba Setor de Informática Dezembro/2015 Seja bem vindo ao novo Portal da Transparência da Câmara de Vereadores de Piracicaba. Este manual lhe auxiliará a navegar pelo site, acessando diversas informações a respeito do Poder Legislativo Piracicabano.

Leia mais

Tarefas em Moodle (1.6.5+)

Tarefas em Moodle (1.6.5+) (1.6.5+) Ficha Técnica Título Tarefas em Moodle Autor Athail Rangel Pulino Filho Copyright Creative Commons Edição Agosto 2007 Athail Rangel Pulino 2 Índice Tarefas 4 Criando uma tarefa 4 Configuração

Leia mais

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. 2012 Copyright. Curso Agora Eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. A respeito dos ambientes Microsoft Office e BrOffice, julgue os itens seguintes. 1.( ) Arquivos criados e normalmente salvos

Leia mais

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3

ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3. A série... 3 WORD 2007 E 2010 ÍNDICE ÍNDICE... 2 INTRODUÇÃO... 3 A série... 3 01 CAPTURAS DE TELA WORD 2010... 3 02 IMAGENS 2007/2010... 5 03 NOTAS DE RODAPÉ... 13 04 NUMERAÇÃO DE PÁGINAS... 15 05 CONTAR PALAVRAS...

Leia mais

FICÇÃO, TRADUÇÃO, TERMINOGRAFIA E LINGUÍSTICA DE CORPUS: CONFLUÊNCIAS

FICÇÃO, TRADUÇÃO, TERMINOGRAFIA E LINGUÍSTICA DE CORPUS: CONFLUÊNCIAS FICÇÃO, TRADUÇÃO, TERMINOGRAFIA E LINGUÍSTICA DE CORPUS: CONFLUÊNCIAS Guilherme FROMM Universidade Federal de Uberlândia guifromm@ileel.ufu.br Resumo: o objetivo deste trabalho é mostrar como alunos de

Leia mais

Guia Básico de Utilização da Biblioteca Virtual da FAPESP. Thais Fernandes de Morais Fabiana Andrade Pereira

Guia Básico de Utilização da Biblioteca Virtual da FAPESP. Thais Fernandes de Morais Fabiana Andrade Pereira Guia Básico de Utilização da Biblioteca Virtual da FAPESP Thais Fernandes de Morais Fabiana Andrade Pereira Centro de Documentação e Informação da FAPESP São Paulo 2015 Sumário Introdução... 2 Objetivos...

Leia mais

WEB OF KNOWLEDGE NOTAS DA VERSÃO v5.11

WEB OF KNOWLEDGE NOTAS DA VERSÃO v5.11 WEB OF KNOWLEDGE NOTAS DA VERSÃO v5.11 Os recursos a seguir são planejados para a Web of Knowledge em 28 de julho de 2013. Este documento fornece informações sobre cada um dos recursos incluídos nessa

Leia mais

CURSO DE FORMAÇÃO. webqda - SOFTWARE DE APOIO À ANÁLISE QUALITATIVA. Entidade de formação credenciada e homologada

CURSO DE FORMAÇÃO. webqda - SOFTWARE DE APOIO À ANÁLISE QUALITATIVA. Entidade de formação credenciada e homologada CURSO DE FORMAÇÃO webqda - SOFTWARE DE APOIO À ANÁLISE QUALITATIVA Entidade de formação credenciada e homologada 1. Fundamentação A investigação nas ciências humanas e sociais tem passado nas últimas décadas

Leia mais

Instrução de Trabalho Registro de chamado no sistema OCOMON

Instrução de Trabalho Registro de chamado no sistema OCOMON Aprovado por Comitê da Qualidade Analisado Chefe do Departamento de Atendimento ao Usuário criticamente por 1. OBJETIVOS Orientar os atendentes que usam o sistema de controle e registro de ocorrências

Leia mais

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel

Software de gerenciamento do sistema Intel. Guia do usuário do Pacote de gerenciamento do servidor modular Intel Software de gerenciamento do sistema Intel do servidor modular Intel Declarações de Caráter Legal AS INFORMAÇÕES CONTIDAS NESTE DOCUMENTO SÃO RELACIONADAS AOS PRODUTOS INTEL, PARA FINS DE SUPORTE ÀS PLACAS

Leia mais

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09

ÍNDICE. Sobre o SabeTelemarketing 03. Contato. Ícones comuns à várias telas de gerenciamento. Verificar registros 09. Tela de relatórios 09 ÍNDICE Sobre o SabeTelemarketing 03 Ícones comuns à várias telas de gerenciamento Contato Verificar registros 09 Telas de cadastro e consultas 03 Menu Atalho Nova pessoa Incluir um novo cliente 06 Novo

Leia mais

SciVerse ScienceDirect Acrescente valor a sua pesquisa

SciVerse ScienceDirect Acrescente valor a sua pesquisa SciVerse ScienceDirect Acrescente valor a sua pesquisa Vagner Alves Instrutor treinamento@elsevier.com.br Tel.: (21) 3970-9311 www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil O que é SciVerse

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE MODERNIZAÇÃO E INFORMÁTICA SACI LIVRE SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DE CONTEÚDO INSTITUCIONAL

Leia mais

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Escritório de Gestão de Projetos em EAD Unisinos http://www.unisinos.br/ead 2 A partir de agora,

Leia mais

INTRANET BUSCA CADASTROS PRODUTOS/SERVIÇOS E FORNECEDORES Manual do Usuário

INTRANET BUSCA CADASTROS PRODUTOS/SERVIÇOS E FORNECEDORES Manual do Usuário INTRANET BUSCA CADASTROS PRODUTOS/SERVIÇOS E FORNECEDORES Manual do Usuário Página 2 de 55 1. OBJETIVO:... 3 2. PRÉ-REQUISITOS:... 3 3. ACESSOS AO AMBIENTE:... 3 3.1. ACESSO A INTRANET... 3 3.2. ESQUECI

Leia mais

Avaliação dos hábitos de estudos, culturais e nível de inclusão digital dos professores da UNIGRANRIO. Fevereiro/2012

Avaliação dos hábitos de estudos, culturais e nível de inclusão digital dos professores da UNIGRANRIO. Fevereiro/2012 Avaliação dos hábitos de estudos, culturais e nível de inclusão digital dos professores da UNIGRANRIO Fevereiro/2012 UM POUCO SOBRE O PROFESSOR Negro 1% Etnia segundo classificação do ENADE Pardo/Mulato

Leia mais

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa

Manual do Usuário. Sistema Financeiro e Caixa Manual do Usuário Sistema Financeiro e Caixa - Lançamento de receitas, despesas, gastos, depósitos. - Contas a pagar e receber. - Emissão de cheque e Autorização de pagamentos/recibos. - Controla um ou

Leia mais

Hierarquias de Conceitos para um Ambiente Virtual de Ensino Extraídas de um Corpus de Jornais Populares

Hierarquias de Conceitos para um Ambiente Virtual de Ensino Extraídas de um Corpus de Jornais Populares Hierarquias de Conceitos para um Ambiente Virtual de Ensino Extraídas de um Corpus de Jornais Populares Maria José Bocorny Finatto 1, Lucelene Lopes 2, Renata Vieira 2, Aline Evers 3 1,3 Programa de Pós-Graduação

Leia mais

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal)

Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Manual de Utilização do PLONE (Gerenciador de página pessoal) Acessando o Sistema Para acessar a interface de colaboração de conteúdo, entre no endereço http://paginapessoal.utfpr.edu.br. No formulário

Leia mais

Visualização dos resultados de uma consulta

Visualização dos resultados de uma consulta (Query Builder View Data) Este guia apresenta instruções passo a passo para utilizar a tela de visualização dos resultados de uma consulta (Query Builder View Data). Ele ensina como: Ver os resultados

Leia mais

Banco de Dados BrOffice Base

Banco de Dados BrOffice Base Banco de Dados BrOffice Base Autor: Alessandro da Silva Almeida Disponível em: www.apostilando.com 27/02/2011 CURSO TÉCNICO EM SERVIÇO PÚBLICO Apostila de Informática Aplicada - Unidade VI Índice Apresentação...

Leia mais

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo

Instruções de uso do TABNET. Linha, Coluna e Conteúdo O Tabnet, aplicativo desenvolvido pelo Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (DATASUS), permite ao usuário fazer tabulações de bases de dados on-line e foi gentilmente cedido para disponibilização

Leia mais

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet

Vendas. Manual do Usuário. Copyright 2014 - ControleNaNet Manual do Usuário Copyright 2014 - ControleNaNet Conteúdo A Ficha de Vendas...3 Os Recibos...6 Como imprimir?...7 As Listagens...9 Clientes... 10 Consulta... 11 Inclusão... 13 Alteração... 14 Exclusão...

Leia mais

INSTITUTO TEOLÓGICO MONTE DAS OLIVEIRAS Site: www.itemol.com.br / E-mail: itemol@itemol.com.br

INSTITUTO TEOLÓGICO MONTE DAS OLIVEIRAS Site: www.itemol.com.br / E-mail: itemol@itemol.com.br INSTITUTO TEOLÓGICO MONTE DAS OLIVEIRAS Site: www.itemol.com.br / E-mail: itemol@itemol.com.br DEPARTAMENTO PEDAGÓGICO COORDENAÇÃO DE ENSINO A DISTÂNCIA ORIENTAÇÕES AOS ALUNOS PARA UTILIZAÇÃO DOS CAMPUS

Leia mais

Nova Central de Atendimento Logicorp

Nova Central de Atendimento Logicorp 1. INICIAR O NAVEGADOR DE INTERNET Acessar a página da Logicorp no link: http://www.logicorp.net.br/index.html 2. ACESSANDO A ÁREA DE ATENDIMENTO DO NOSSO SITE Na parte superior clique em Atendimento.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO MÓDULO LAPIG-DATABASE WANESSA CAMPOS SILVA Goiânia

Leia mais

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.2. Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 13/AGO/2012 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Roteiro 2: (Planilhas Eletrônicas) - Função procv / manipulação de formulários

Roteiro 2: (Planilhas Eletrônicas) - Função procv / manipulação de formulários Roteiro 2: (Planilhas Eletrônicas) - Função procv / manipulação de formulários Objetivos Explorar funções de procura e referência; Explorar ferramentas para controle de formulários em planilhas; Importar

Leia mais

UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem

UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem 2.1 Introdução Caro Pós-Graduando, Nesta unidade, abordaremos o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) que será utilizado no curso: o Moodle. Serão

Leia mais

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios

Portal Sindical. Manual Operacional Empresas/Escritórios Portal Sindical Manual Operacional Empresas/Escritórios Acesso ao Portal Inicialmente, para conseguir acesso ao Portal Sindical, nos controles administrativos, é necessário acessar a página principal da

Leia mais

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação. MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação. MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação ISSN - 0103-2569 MANUAL DE USO Sistema de Reserva de Salas INTRANET - ICMC-USP André Pimenta Freire Renata Pontin de M. Fortes N 0 213 RELATÓRIOS TÉCNICOS

Leia mais

Resumão Writer ( Broffice.org)

Resumão Writer ( Broffice.org) Resumão Writer ( Broffice.org) Resumo BrOffice.org Cespe O Broffice.org é um pacote de programas para escritório, do mesmo nível do pacote Microsoft Office. Os dois pacotes trazem programas parecidos e

Leia mais

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com

Gestão de T.I. GESTÃO DE T.I. ITIL. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com GESTÃO DE T.I. José Luís Padovan jlpadovan@gmail.com 1 Information Technology Infrastructure Library 2 O que é o? Information Technology Infrastructure Library é uma biblioteca composta por sete livros

Leia mais

APOSTILA LINUX EDUCACIONAL

APOSTILA LINUX EDUCACIONAL MUNICÍPIO DE NOVO HAMBURGO DIRETORIA DE INCLUSÃO DIGITAL DIRETORIA DE GOVERNO ELETRÔNICO APOSTILA LINUX EDUCACIONAL (Conteúdo fornecido pelo Ministério da Educação e pela Pró-Reitoria de Extensão da UNEB)

Leia mais

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3

SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 Atendente... 3 SUMÁRIO Acesso ao sistema... 2 1. Login no sistema... 2 Atendente... 3 1. Abrindo uma nova Solicitação... 3 1. Consultando Solicitações... 5 2. Fazendo uma Consulta Avançada... 6 3. Alterando dados da

Leia mais

ACESSO AO PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES APRESENTAÇÃO

ACESSO AO PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES APRESENTAÇÃO Tutorial de Pesquisa do Portal de Periódicos da CAPES Manaus 2014 ACESSO AO PORTAL DE PERIÓDICOS DA CAPES APRESENTAÇÃO A Biblioteca Aderson Dutra da Universidade Nilton Lins disponibiliza um moderno conjunto

Leia mais

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico

SGCD 2.0 Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Sistema Gerenciador de Conteúdo Dinâmico Atualizado em 24/08/2011 No final de 2007, o Serviço Técnico de Informática da UNESP Marília, disponibilizou para a comunidade acadêmica e administrativa o Sistema

Leia mais

Portal Educacional - Aluno Online

Portal Educacional - Aluno Online 1. ACESSO AO SISTEMA O acesso ao sistema pode ser realizado pelos seguintes sites: http://www.iplc.g12.br http://www.franciscanasalcantarinas.org.br/ INFORME SEU CÓDIGO DE USUÁRIO (MATRÍCULA). INFORME

Leia mais

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter

Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter Índice Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter............... 1 Sobre a Instalação do IBM SPSS Modeler Server Adapter................ 1 Requisitos de

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE LETRAS LÍVIA PRETTO MOTTIN

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE LETRAS LÍVIA PRETTO MOTTIN PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE LETRAS LÍVIA PRETTO MOTTIN ANÁLISE DA PRODUÇÃO METAFÓRICA NO BRAZILIAN ENGLISH LEARNER CORPUS PORTO ALEGRE 2012 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE

Leia mais

SUMÁRIO. 1. Sobre O SOAC. 2. Histórico. 3. Contato. 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências

SUMÁRIO. 1. Sobre O SOAC. 2. Histórico. 3. Contato. 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências SUMÁRIO 1. Sobre O SOAC 2. Histórico 3. Contato 4. Página Inicial Sistema Eletrônico de Administração de Conferências 4.1 Página Capa Localizada no Menu Horizontal Principal 4.2 Página Sobre Localizada

Leia mais

Características do jornalismo on-line

Características do jornalismo on-line Fragmentos do artigo de José Antonio Meira da Rocha professor de Jornalismo Gráfico no CESNORS/Universidade Federal de Santa Maria. Instantaneidade O grau de instantaneidade a capacidade de transmitir

Leia mais

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvedor Web Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção de páginas de internet e é responsável

Leia mais

MODELO DE INSTRUÇÕES PARA A PREPARAÇÃO E SUBMISSÃO DE TRABALHOS PARA CONGRESSOS BRASILEIROS

MODELO DE INSTRUÇÕES PARA A PREPARAÇÃO E SUBMISSÃO DE TRABALHOS PARA CONGRESSOS BRASILEIROS MODELO DE INSTRUÇÕES PARA A PREPARAÇÃO E SUBMISSÃO DE TRABALHOS PARA CONGRESSOS BRASILEIROS TÍTULO DO TRABALHO Primeiro Autor e-mail Instituição de Ensino Endereço CEP Cidade Estado Segundo Autor e-mail

Leia mais

Manual Comunica S_Line

Manual Comunica S_Line 1 Introdução O permite a comunicação de Arquivos padrão texto entre diferentes pontos, com segurança (dados criptografados e com autenticação) e rastreabilidade, isto é, um CLIENTE pode receber e enviar

Leia mais

Gravando uma Áudio Conferência

Gravando uma Áudio Conferência Gravando uma Áudio Conferência Para iniciar a gravação da áudio conferência, digite *2. Você ouvirá a seguinte mensagem: Para iniciar a gravação da conferência pressione 1, para cancelar pressione * Ao

Leia mais

1.2) Na tela seguinte, o primeiro item a ser selecionado é o Unidade Acumuladora1.

1.2) Na tela seguinte, o primeiro item a ser selecionado é o Unidade Acumuladora1. MANUAL DA NOVA VERSÃO DE ARQUIVAMENTO DO CPROD Na nova versão de Arquivamento que está sendo implementada no CPROD, antes de realizarmos o Arquivamento do Processo ou Documento em si, temos que criar no

Leia mais

M O D E L O E U R O P E U D E

M O D E L O E U R O P E U D E M O D E L O E U R O P E U D E C U R R I C U L U M V I T A E INFORMAÇÃO PESSOAL Nome Morada MANUEL DIAS FERREIRA LIMA, RUI 50, Rua José Maria Rodrigues, 4710-080 BRAGA, Gualtar, PORTUGAL Telefone +351 939741239

Leia mais

GENIALIS VERSÃO 8.2.7/8.2.8/8.2.9/8.3.0 O QUE MUDOU

GENIALIS VERSÃO 8.2.7/8.2.8/8.2.9/8.3.0 O QUE MUDOU GENIALIS VERSÃO 8.2.7/8.2.8/8.2.9/8.3.0 O QUE MUDOU PROCESSOS Número do Processo: Ao cadastrar o Número do Processo, poderá ser marcado, ao lado direito, o checkbox Numeração Única (CNJ). A partir desta

Leia mais

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil O que é ScienceDirect? ScienceDirect é a base de dados de textos completos revisados

Leia mais

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet

Livro Caixa. www.controlenanet.com.br. Copyright 2015 - ControleNaNet www.controlenanet.com.br Copyright 2015 - ControleNaNet Conteúdo Tela Principal... 3 Como imprimir?... 4 As Listagens nas Telas... 7 Clientes... 8 Consulta... 9 Inclusão... 11 Alteração... 13 Exclusão...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. AssetView FDT. AssetView FDT

MANUAL DO USUÁRIO. AssetView FDT. AssetView FDT MANUAL DO USUÁRIO AssetView FDT AssetView FDT A S T V W F D T M P www.smar.com.br Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta. Informações atualizadas dos endereços estão

Leia mais

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual

Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Este arquivo está disponível em: http://www.unesc.net/diario/manual Diário On-line Apresentação ----------------------------------------------------------------------------------------- 5 Requisitos Básicos

Leia mais

Manual de Sistema - DDMantra

Manual de Sistema - DDMantra Prezado Cliente Bysoft Você acaba de adquirir um sistema de recuperação e consulta de informações automáticas do Mantra Neste material, você encontrará explicações de todos os recursos oferecidos pelo

Leia mais

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil

SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA. @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil SCIENCEDIRECT ACRESCENTE VALOR A SUA PESQUISA @ElsevierLAS www.sciencedirect.com www.americalatina.elsevier.com/brasil O que é ScienceDirect? ScienceDirect é a base de dados de textos completos revisados

Leia mais

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7)

Manual de Instalação. SafeNet Authentication Client 8.2 SP1. (Para MAC OS 10.7) SafeNet Authentication Client 8.2 SP1 (Para MAC OS 10.7) 2/28 Sumário 1 Introdução... 3 2 Pré-Requisitos Para Instalação... 3 3 Ambientes Homologados... 4 4 Tokens Homologados... 4 5 Instruções de Instalação...

Leia mais

Criação de Consultas e Relatórios no Access CRIAÇÃO DE CONSULTAS E RELATÓRIOS NO ACCESS

Criação de Consultas e Relatórios no Access CRIAÇÃO DE CONSULTAS E RELATÓRIOS NO ACCESS Criação de Consultas e Relatórios no Access CRIAÇÃO DE CONSULTAS E RELATÓRIOS NO ACCESS Sumário Conceitos / Autores chave... 3 1. Introdução... 4 2. Consultas... 5 3. Relatórios... 8 4. Conclusões... 11

Leia mais

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes

Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Docente André Luiz Silva de Moraes Roteiro 2: Introdução a Linguagem HTML Desenvolvimento de Sites com PHP e Mysql Neste roteiro é explorada a linguagem HTML. A linguagem HTML (Hypertext Markup Language) é amplamente utilizada na construção

Leia mais

Acompanhamento e Execução de Projetos

Acompanhamento e Execução de Projetos Acompanhamento e Execução de Projetos Manual do Usuário Atualizado em: 28/11/2013 Página 1/24 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ABRANGÊNCIA DO SISTEMA... 3 3. DESCRIÇÃO DO SISTEMA... 3 4. COMO ACESSAR O SISTEMA...

Leia mais

Tutorial de Criação de Edições e Publicação. Bem-vindo ao tutorial para EDITORES do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER (versão 2)

Tutorial de Criação de Edições e Publicação. Bem-vindo ao tutorial para EDITORES do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER (versão 2) Tutorial de Criação de Edições e Publicação Bem-vindo ao tutorial para EDITORES do Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER (versão 2) Elaborado por: Fernanda Moreno Consultora Ibict Junho/

Leia mais

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007

Informática Básica. Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Informática Básica Microsoft Word XP, 2003 e 2007 Introdução O editor de textos Microsoft Word oferece um conjunto de recursos bastante completo, cobrindo todas as etapas de preparação, formatação e impressão

Leia mais

FONTES OU RECURSOS DE INFORMAÇÃO: CATEGORIAS E EVOLUÇÃO CONCEITUAL * 1. TENTANDO CLARIFICAR QUESTÕES CONCEITUAIS E DE TRADUÇÃO

FONTES OU RECURSOS DE INFORMAÇÃO: CATEGORIAS E EVOLUÇÃO CONCEITUAL * 1. TENTANDO CLARIFICAR QUESTÕES CONCEITUAIS E DE TRADUÇÃO 1 FONTES OU RECURSOS DE INFORMAÇÃO: CATEGORIAS E EVOLUÇÃO CONCEITUAL * Lena Vania Ribeiro Pinheiro, IBICT 1. TENTANDO CLARIFICAR QUESTÕES CONCEITUAIS E DE TRADUÇÃO Alguns termos técnicos de Ciência da

Leia mais

Manual de Utilização Chat Intercâmbio

Manual de Utilização Chat Intercâmbio Manual de Utilização Chat Intercâmbio 1 INDICE 1 Chat Intercâmbio... 6 1.1 Glossário de Termos Utilizados.... 6 1.2 Definições de uma Sala de Chat... 7 1.3 Como Acessar o Chat Intercâmbio... 8 1.4 Pré-requisitos

Leia mais

E3Suite. Estudo da Evolução de Eventos Científicos

E3Suite. Estudo da Evolução de Eventos Científicos E3Suite Estudo da Evolução de Eventos Científicos Manual do usuário Projeto: Redes Sociais de Pesquisa em Sistemas de Informação UNIRIO Conteúdo 1. Instalação... 3 2. Visão Geral... 4 Equivalência de Instituições...

Leia mais

Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow

Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow Um Simulador para Avaliação da Antecipação de Tarefas em Sistemas Gerenciadores de Workflow Resumo. A fim de flexibilizar o fluxo de controle e o fluxo de dados em Sistemas Gerenciadores de Workflow (SGWf),

Leia mais

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão.

1º No módulo de Gestão Contábil é possível acessar o relatório através do menu Relatórios Razão. Impairment Produto : TOTVS Gestão Contábil 12.1.1 Processo : Relatórios Subprocesso : Razão Data publicação da : 12/11/2014 O relatório razão tem a finalidade de demonstrar a movimentação analítica das

Leia mais

CAPÍTULO 2 METODOLOGIA

CAPÍTULO 2 METODOLOGIA CAPÍTULO 2 METODOLOGIA O presente capítulo tem o objetivo de apresentar e descrever os instrumentos e os procedimentos utilizados para coleta e análise dos dados, justificando o uso de tais instrumentos

Leia mais

Manual Drago Suporte

Manual Drago Suporte Manual Drago Suporte Copyright 2013 Dragotech Brasil Ltda.- Todos os Direitos Reservados 1 -Acessando o DragoSuporte Para acessar a página principal do sistema, digite http://www.dragotech.com.br/suporte

Leia mais

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0

G-Bar. Módulo Básico Versão 4.0 G-Bar Software para Gerenciamento de Centrais de Corte e Dobra de Aço Módulo Básico Versão 4.0 Pedidos de Vendas Manual do Usuário 1 As informações contidas neste documento, incluindo links, telas e funcionamento

Leia mais