Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download ""

Transcrição

1 Separadores de gorduras e de féculas para montagem apoiada Aço inoxidável Polietileno

2 Grupo ACO. Uma forte família em que pode confiar. O líder mundial de drenagem de superfície no interior e exterior de edifícios ACO, está permanentemente desenvolvendo novas e eficientes soluções para drenagem e pré-tratamento das águas. A sua gama de separadores de gorduras e féculas, fruto da tecnologia ACO Passavant, corresponde à dupla exigência de inovação e eficiência necessárias para manutenção da qualidade da água um desejo prioritário da ACO. índice Separação gravítica de gorduras e féculas Generalidades Separadores de gorduras para montagem apoiada Gama disponível Separadores de gorduras biológicos Modo de funcionamento Separadores de gorduras biológicos Actuação das enzimas Separadores de gorduras biológicos Aço inoxidável Separadores de gorduras biológicos Polipropileno Separadores de gorduras Manutenção com esvaziamento total Separadores de gorduras Estágios de extensão Separadores de gorduras s Separadores de gorduras Manutenção com esvaziamento parcial Separadores de gorduras Manutenção com esvaziamento parcial Separadores de féculas Manutenção com esvaziamento total Estações elevatórias para montagem a jusante de separadores

3 SEPARAÇÃO GRAVÍTICA DE GORDURAS E FÉCULAS - Generalidades Os poluentes descarregados nos efluentes contaminam e aumentam a poluição nas águas potáveis e nos mares. Sem as necessárias medidas preventivas, a deterioração das águas poderá ter um impacto dramático na humanidade. A utilização de separadores é uma obrigatoriedade regulamentada O pré-tratamento de águas residuais antes de serem descarregadas nos sistemas de esgoto ou no meio aquático é uma obrigatoriedade regulamentada para infraestruturas profissionais e colectivas. Porque são necessários os separadores de gorduras? Indústrias geradoras de águas residuais devem assegurar, com a ajuda de equipamentos de pré-tratamento, que substâncias e líquidos que libertem vapores e cheiros nocivos não ataquem materiais do edifício e instalações de drenagem ou interfira com operações e não penetre na tubagem. Os separadores de gorduras de acordo com as normas DIN 4040 / DIN EN 1825 devem ser instalados em unidades que estejam expostas à incidência de águas residuais que contenham gorduras e óleos no sentido de assegurar que estas gorduras e óleos de origem orgânica sejam removidos da água residual. Isto aplica-se, por exemplo, a cozinhas e unidades de processamento de carnes. Os requerimentos individuais a serem encontrados pelos fabricantes considerando o desempenho dos separadores e estações elevatórias apela a produtos de diferentes dimensões e materiais. A ACO Passavant forneceu nas últimas décadas a mais variada gama de separadores de gorduras e estações elevatórias para instalação apoiada, em aço inoxidável e em polietileno. Os separadores de gorduras e de féculas aplicam-se em: - Talhos - Salsicharias - Unidades de processamento de carcaças de animais - Matadouros - Restaurantes - Hotéis - Estabelecimentos de Catering - Cantinas Universitárias - Cozinhas industriais - Cozinhas de hospitais - Fábricas de enlatados - Produtores de refeições pré-cozinhadas - Industrias agro-alimentares - Fábricas de batatas-fritas e similares 3

4 SEPARADORES DE GORDURAS PARA MONTAGEM APOIADA - Gama disponível AÇO INOXIDÁVEL AISI 316 POLIETILENO Em unidades móveis ou debaixo da bancada FSS FSP Manutenção com esvaziamento total Estágio de extensão Desenho standard 1 LIPUREX -O LIPUREX -R ECO-JET-O ECO-JET-R ECO-JET-G Estágio de extensão Com sucção directa 2 LIPUREX - OD LIPUREX - RD ECO-JET-OD ECO-JET-RD ECO-JET-GD Estágio de extensão 3 Com sucção directa, opcionalmente bomba de esvaziamento, limpeza interna a alta-pressão e controlo manual LIPURAT - OA LIPURAT - RS LIPURAT - OSE LIPURAT - RSE Estágio de extensão HIDROJET - OS HIDROJET - RS HIDROJET - OSE HIDROJET - RSE 4 Com sucção directa, opcionalmente bomba de esvaziamento, limpeza interna a alta-pressão e controlo automático LIPURAT - OA LIPURAT - RA LIPURAT - OAE LIPURAT - RAE HIDROJET - OA HIDROJET - RA HIDROJET - OAE HIDROJET - RAE Manutenção com esvaziamento parcial LIPATOR LIPATOMAT Legenda: - O = forma oval - R = forma circular - G = câmaras separadas - D = sucção directa - S = limpeza interna a alta pressão com operação manual - A = limpeza interna a alta pressão com operação automática - E = bomba de esvaziamento 4

5 SEPARADORES DE GORDURAS BIOLÓGICOS - Modo de funcionamento Aspectos gerais Todos os separadores de gorduras biológicos ACO trabalham sob o mesmo princípio: um activador biológico é periodicamente adicionado na tubagem a montante do separador. A mistura da água residual com o activador descarrega no separador através dum cesto retentor de inertes. Este cesto retem as partículas de maiores dimensões que possam estar presentes na água residual, devendo-se remover regularmente o cesto, antes que os sedimentos transbordem. A capacidade física do separador permite que na zona de separação as substâncias menos densas ascendam e flutuem à superfície e as mais densas decantem. As substâncias gordurosas que flutuam estão gradualmente a ser degradadas como descrito na actuação das enzimas. O líquido resultante é então descarregado no esgoto, não sendo prejudicial visto ser uma mistura de água com dióxido de carbono. Meio Físico Processo Águas residuais gordurosas Estágio 1 Injecção do agente biológico Unidade de doseamento Estágio 2 Filtragem dos maiores sedimentos Cesto retentor de inertes Estágio 3 Separação Óleos e gorduras de baixa densidade Água e emulsões gordurosas Estágio 4 Processo biológico Estágio 5 Descarga sifonada Para o esgoto Sólidos e particulas mais densas Variáveis de influência sobre as gorduras - Quantidade doseada - Frequência da dosagem - Tempo de dosagem - Número de separadores instalados - Regime de remoção do cesto - Regime de remoção dos sólidos decantados - Temperatura - Variáveis do estágio 1 - Acesso de vareta à tubagem de descarga Manutenções preventivas planeadas Manutenções de urgência não planeadas 5

6 SEPARADORES DE GORDURAS BIOLÓGICOS - Actuação das enzimas Activadores biológicos Ao contrário de fortes agentes de limpeza ácidos ou cáusticos, o activador biológico da ACO trabalha de uma forma segura, mas mais lentamente. Eles podem ser usados para desobstruir tubagens e para substituir estes agentes de limpeza agressivos. O activador biológico da ACO actua de dois modos distintos nas águas residuais gordurosas que através da tubagem chegam ao separador de gorduras: 1) O activador introduz uma enzima que auxilia o processo biológico natural de destruir a longa cadeia molecular de óleos e gorduras numa solução, que de uma forma segura é descarregada na tubagem. 2) O activador introduz outros micro-organismos que se alimentam activamente dos óleos e gorduras presentes na solução. Os activadores biológicos não dissolvem rapidamente os resíduos sólidos do processo de preparação de comida, por isso o cesto retentor de inertes requer remoção periódica para limpeza para assegurar uma operação eficiente. O activador biológico ACO está disponível em bidões de 5 ou 20 litros. Processo activador biológico ACO As enzimas transformam a longa cadeia molecular de óleos e gorduras numa solução fluída Micro-organismos activos alimentam-se dos grandes e dos pequenos componentes da cadeia. Dependendo da aplicação, espaço disponível e traçado da cozinha/área de processamento da comida, os separadores de gorduras podem ser instalados em paralelo para partilharem a carga hidráulica. Esquema de instalação tipo Instalar o separador o mais próximo possível da fonte geradora de águas gordurosas Doseador automático do activador biológico ACO Acessório em T para ligar mangueira do doseador à tubagem de admissão ao separador 6

7 SEPARADORES DE GORDURAS BIOLÓGICOS - Aço inoxidável FSS Compact D C 20mm A x B (vista A) FSS A x B (vista A) Artigo A B C D Peso Admissão Descarga Refeições Caudal Altura livre mínima requerida (mm) (mm) (mm) (mm) (Kg) Ø (mm) Ø (mm) por dia (l/s) acima do separador Compact FSS FSS FSS SEPARADORES DE GORDURAS BIOLÓGICOS - Polipropileno FSP D C 25mm D 20mm C A x B (vista A) Artigo A B C D Peso Admissão Descarga Refeições Caudal Altura livre mínima requerida (mm) (mm) (mm) (mm) (Kg) Ø (mm) Ø (mm) por dia (l/s) acima do separador FSP FSP FSP

8 SEPARADORES DE GORDURAS - Manutenção com esvaziamento total Princípios básicos de funcionamento Um separador de gorduras funciona de acordo com o princípio da gravidade, pela diferença de densidades, as substâncias mais densas decantam no fundo e as menos densas, tais como óleos e gorduras animais, ascendem e flutuam à superfície. Admissão Capacidade de retenção de gorduras minímo 40 lts x NG Superfície de gorduras 0,25 m 2 x NG Descarga Capacidade do decantador. 100 lts x NG (Em unidades de processamento de carne: 200 lts x NG) Zona de Separação Esvaziamento O decantador e o separador têm de ser completamente esvaziados e limpos pelo menos uma vez por mês, de preferência quinzenalmente. Visor para inspecção da camada de gorduras separadas Os sedimentos no decantador e a camada de gordura são destruídos e homogenizados pelos jactos de alta pressão (até 175 bar) da cabeça de limpeza orbital, para facilitar a bombagem. Dependendo da localização do separador, o contéudo deste pode ser esvaziado por sucção efectuada por um camião cisterna através de uma tubagem permanentemente instalada no edifício ou bombada por meio de uma bomba de esvaziamento opcional. Após a limpeza deve ser feito o reenchimento do separador com água. Diagrama do fluxo no separador Admissão Descarga Gorduras Separadas Sedimentos 8

9 Exemplo de instalação 1 Separador de Gorduras 2 Caixa de recolha de amostras 3 Estação elevatória 4 Tubagem para esvaziamento 5 Junta de ligação rápida 75 B 6 Tubagem pressurizada da estação elevatória 7 Quadro de controlo da estação elevatória 8 Bomba de esgoto do pavimento 9 Ventilação do separador de gorduras 10 Ventilação da estação elevatória e do separador 11 Passa-muros O visor e o quadro de controlo devem estar posicionados no painel lateral exterior no sentido (direito ou esquerdo) do fluxo. Nestes separadores de montagem apoiada recomenda-se que fique espaço acessível para operações de inspecção e manutenção. No sentido de se proteger o edifício, um dispositivo anti-refluxo deve ser instalado. Sempre que o separador de gorduras fique instalado abaixo do nível de refluxo (i.e, do colector de esgoto) deverá ser instalada uma estação elevatória préfabricada a jusante do mesmo. SEPARADORES DE GORDURAS - Estágios de extensão Estágio de extensão 1 Desenho Standard Estágio de extensão 2 Com sucção directa LIPUREX -O Estágio de extensão 3 Com sucção directa, opcionalmente bomba de esvaziamento, limpeza interna a alta pressão e controlo manual Opção: Bomba de esvaziamneto LIPUREX -OD Estágio de extensão 4 Com sucção directa, opcionalmente bomba de esvaziamento, limpeza interna a alta pressão e controlo automático Opção: Bomba de esvaziamneto LIPURAT -OSELIPURAT -OS LIPURAT -OAELIPURAT -OA 9

10 SEPARADORES DE GORDURAS - s ECO-JET-O ECO-JET-OD ECO-JET-R ECO-JET-RD ECO-JET-G ECO-JET-GD Extensão Forma Oval Circular Câmaras Separadas Sem sucção directa Com sucção directa DN65 Sem sucção directa Com sucção directa DN65 Sem sucção directa Com sucção directa DN65 POLIETILENO Vantagens do NG Visor de inspecção - opcional Dispositivo de enchimento - opcional compacto Fácil de transportar e de montar * * *Dispositivo de recolha de amostras integrado Visor de inspecção - opcional Dispositivo de enchimento - opcional segmentado Fácil de transportar e de montar Visor de inspecção - opcional Leve Fácil manuseamento graças ao design tripartido Extensão Forma LIPUREX -O LIPUREX -OD Oval LIPUREX -R LIPUREX -RD Circular Esquema dimensional geral Sem sucção directa Com sucção directa DN65 Sem sucção directa Com sucção directa DN65 DN DN AÇO INOXIDÁVEL Vantagens do NG Visor de inspecção - opcional Dispositivo de enchimento - opcional compacto Visor de inspecção - opcional Dispositivo de enchimento - opcional segmentado H1 L x W H2 HT * * *Dispositivo de recolha de amostras integrado 10

11 HIDROJET -OS HIDROJET -OA HIDROJET -RS HIDROJET -RA HIDROJET -OSEHIDROJET -OAE HIDROJET -RSEHIDROJET -RAE Oval Circular Oval Circular manual Automático manual Automático manual Automático manual Automático remoto (opcional) (Só - OA) remoto (opcional) (Só - RA) Com bomba de esvaziamento remoto (opcional) (Só - OAE) Com bomba de esvaziamento remoto (opcional) (Só - RAE) Limpeza interna a alta-pressão Limpeza interna a alta-pressão segmentado Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento segmentado / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / /72 LIPURAT -OS LIPURAT -OA LIPURAT -RS LIPURAT -RA LIPURAT -OSELIPURAT -OAE LIPURAT -RSELIPURAT -RAE Oval Circular Oval Circular manual Automático manual Automático manual Automático manual Automático remoto (opcional) (Só - OA) remoto (opcional) (Só - RA) Com bomba de esvaziamento remoto (opcional) (Só - OAE) Com bomba de esvaziamento remoto (opcional) (Só - RAE) Limpeza interna a alta-pressão Limpeza interna a alta-pressão segmentado Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento segmentado / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / / /52 11

12 POLIETILENO ECO-JET-O/-OD ECO-JET-R ECO-JET-RD ECO-JET-G/-GD HIDROJET -OS/OA HIDROJET -RS/-RA HIDROJET -OSE/-OAE HIDROJET -RSE/-RAE NG Volume Volume Volume H1 H2 HT LxW Peso Peso DN Decantador Gorduras Total (mm) (mm) (mm) (mm) vazio cheio (l) (l) (l) (Kgs) (Kgs) x x x x x x x x X X x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x x AÇO INOXIDÁVEL LIPUREX -O/-OD x x x x x x LIPUREX -R x x x x LIPUREX -RD x x x x LIPURAT -OS/-OA x x x x x x LIPURAT -RS/-RA x x x x LIPURAT -OSE/-OAE x x x x x x LIPURAT -RSE/-RAE x x x x Nota: s NG15 e NG20 medidas sob consulta 12

13 SEPARADORES DE GORDURAS - Manutenção com esvaziamento parcial Princípios básicos de funcionamento As gorduras ascendem e acumulam-se no cone superior e as substâncias mais densas decantam no fundo do cone inferior. No modelo automático (LIPATOMAT) as gorduras permanecem fluidas devido ao aquecimento do cone superior. As gorduras e lamas são drenadas para os contentores de 60 litros Principais benefícios - 90% do volume total fica no separador, o que vai reduzir consideravelmente os custos de manutenção - Não existe deposição de gorduras nas paredes interiores porque a gordura é rapidamente removida do separador - Operação de esvaziamento sem necessidade de camião cisterna nem paragem de operação do separador Diagrama do fluxo no separador Admissão Descarga Sedimentos Gorduras Exemplo de instalação 1 Separador de Gorduras 2 Caixa de recolha de amostras 3 Estação elevatória 4 Contentor para recolha de gorduras 5 Contentor para recolha de lamas 6 Tubagem pressurizada da estação elevatória 7 Quadro de controlo da estação elevatória 8 Bomba de esgoto do pavimento 9 Ventilação do separador de gorduras 10 Ventilação da estação elevatória 11 Passa-muros 13

14 SEPARADORES DE GORDURAS - Manutenção com esvaziamento parcial LIPATOR LIPATOMAT Extensão Parcial Extensão Parcial Forma segmentado Forma segmentado AÇO INOXIDÁVEL Vantagens do NG 2 Significante redução dos custos de esvaziamento Fácil transporte e instalação Operação manual Volume total (l) 220 Vantagens do NG 2 Significante redução dos custos de esvaziamento Extracção de gorduras e lamas controlada electricamente automático Volume total (l) SEPARADORES DE FÉCULAS - Manutenção com esvaziamento total FAPURAT -PE OAE FAPURAT -VA OAE Extensão Total Extensão Total Forma Oval Forma Oval POLIETILENO Vantagens do NG direita automático Com bomba de esvaziamento remoto opcional Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento esquerda Volume total (l) AÇO INOXIDÁVEL Vantagens do NG direita automático Com bomba de esvaziamento remoto opcional Limpeza interna a alta-pressão Bomba de esvaziamento esquerda Volume total (l)

15 ESTAÇÕES ELEVATÓRIAS PARA MONTAGEM A JUSANTE DE SEPARADORES Por razões de segurança, a ACO Passavant fornece todas as estações elevatórias, para instalar a jusante dos separadores de gorduras, com injecção de bolhas de ar. Injecções de bolhas de ar Medidor de nível Alarme AÇO INOXIDÁVEL Vantagens do produto Para separadores de produto Altura manométrica de... a... Capacidade efectiva do tanque de... a... Espaço requerido (incluído no fornecimento) MULI -PRO-VA DUO - até 4 possibilidades de admissão diferentes - maior segurança de operação por injecção de bolhas de ar - sistema modular NG 7-10 MULI -PRO-VA 1.1 a m MULI -PRO-VA 1.2 a m MULI -PRO-VA 1.3 a m MULI -PRO-VA 1.4 a m MULI -PRO-VA 1.1 a litros MULI -PRO-VA 2.1 a litros 1.60 x 1.40 m (LxW) Tanque em aço inox, bombas, tubagem bifurcada, válvula anti-retorno, quadro de controlo com sinalização, 2 interruptores protectores com injecção de bolhas de ar. Tubo de pressão2 Tubo de pressão1 Ar injectado Método de operação de injecção de bolhas de ar O ar está permanentemente a ser injectado no tubo de pressão com a ajuda de um compressor. As bolhas de ar que saem no final do tubo de pressão asseguram ujm movimento constante abaixo deste tubo, evitando que gorduras residuais do separador ou outras substâncias flutuantes se depositem no interior da tubagem. Isto assegura uma medição do nível de extrema confiança. MULI -PE duo MULI -PRO-PE DUO DUO POLIETILENO Vantagens do produto Para separadores de gorduras Altura manométrica de... a... Capacidade efectiva do tanque de... a possibilidades de admissão diferentes - maior segurança de operação por injecção de bolhas de ar - sistema modular NG 1-4 MULI -PE duo MULI -PE/1 duo MULI -PE/2 duo MULI -PE/3 duo Alt. de admissão 250mm Alt. de admissão 400mm ou pelo topo 2-5 m 8-12 m 8-16 m 8-18 m 80 litros 100 litros - até 4 possibilidades de admissão diferentes - maior segurança de operação por injecção de bolhas de ar - combinável em arranjo paralelo NG 7-20 MULI -PRO-PE V-15 até 40 MULI -PRO-PE K-15 até 75 Alt. de admissão 600mm Alt. de admissão 750mm Alt. de admissão 800mm ou pelo topo 3-15 m 3-18 m 240 litros 310 litros 335 litros Espaço requerido 1.50 x 1.50 (LxW) 1 unidade 2.10 x 1.40 m (LxW) 2 un. em paralelo 2.10 x 2.40 m (LxW) (incluído no fornecimento) Tanque em polietileno, bombas, tubagem bifurcada, válvula anti-retorno, quadro de controlo com sinalização, 2 interruptores protectores com injecção de bolhas de ar. Tanque em polietileno, bombas, tubagem bifurcada, válvula anti-retorno, quadro de controlo com sinalização, 2 interruptores protectores com injecção de bolhas de ar. 15

16 Separadores de gorduras e de féculas para montagem apoiada Aço inoxidável Polietileno Separadores de gorduras e féculas para montagem apoiada Aço inoxidável e Polietileno Esvaziamento total e Esvaziamento parcial Separadores de gorduras biológicos Lusitana ACO, Elementos de Construção, Lda. Av. D. Afonso Henriques, Sala Matosinhos - Portugal Tel Fax Grupo ACO. Uma forte família em que pode confiar.

INDICE. Pag.2. Pag.3. Pag.4. Pag.5-6. Pag.7. Acessórios complementares

INDICE. Pag.2. Pag.3. Pag.4. Pag.5-6. Pag.7. Acessórios complementares INDICE Separador de Gorduras em PEAD para montagem apoiada: modelo KESSEL Euro G para aspiração directa ou aspiração à distância Separador de Gorduras em PEAD para montagem apoiada: modelo KESSEL Euro

Leia mais

ROTM800GF ROTM1000GF ROTM1500G2F

ROTM800GF ROTM1000GF ROTM1500G2F Apresentação Os es de Gorduras e Féculas, tipo EcoAlcance são recipientes estanques, destinados à recepção de águas residuais gordurosas procedentes do uso doméstico ou industrial, originadas pelo manuseamento

Leia mais

SEPARADORES DE GORDURAS E FÉCULAS DE MONTAGEM ENTERRADA

SEPARADORES DE GORDURAS E FÉCULAS DE MONTAGEM ENTERRADA DE MONTAGEM ENTERRADA INDICE Separador de Gorduras em aço inoxidável para montagem enterrada Separador de Gorduras em PEAD para montagem enterrada, para aplicação directa no terreno receptor Zonas de tráfego

Leia mais

Sistemas de recuperação de águas pluviais

Sistemas de recuperação de águas pluviais Ambietel Tecnologias Ambientais, Lda UPTEC P.MAR Av. Liberdade, s/n 4450-718 Leça da Palmeira Telef: +351 225 096 087 Sistemas de recuperação de águas pluviais A água da chuva é um recurso natural que

Leia mais

Sistemas de recuperação de águas pluviais

Sistemas de recuperação de águas pluviais Ambietel Tecnologias Ambientais, Lda UPTEC P.MAR Av. Liberdade, s/n 4450-718 Leça da Palmeira Telef: +351 225 096 087 Sistemas de recuperação de águas pluviais A água da chuva é um recurso natural que

Leia mais

v1.8-060312 Separadores de Hidrocarbonetos, tipo ECODEPUR, Gama DEPUROIL Classe 1 de acordo com a Norma EN858

v1.8-060312 Separadores de Hidrocarbonetos, tipo ECODEPUR, Gama DEPUROIL Classe 1 de acordo com a Norma EN858 Separadores de Hidrocarbonetos, tipo ECODEPUR, Gama DEPUROIL Classe 1 de acordo com a Norma EN858 APRESENTAÇÃO Os Separadores de Hidrocarbonetos, tipo ECODEPUR, Gama DEPUROIL, são equipamentos destinados

Leia mais

TÉCNICAS DE SEPARAÇÃO DE HIDROCARBONETOS

TÉCNICAS DE SEPARAÇÃO DE HIDROCARBONETOS DE HIDROCARBONETOS INDICE Separador de hidrocarbonetos em PEAD Reforçado 3-15 l/s modelo KESSEL Acessórios para Separadores de hidrocarbonetos em PEAD Reforçado 3-15 l/s modelo KESSEL Separador de hidrocarbonetos

Leia mais

Centrais Elevatórias de Efluentes

Centrais Elevatórias de Efluentes Centrais Elevatórias de Efluentes Série Ambibox A P L I C A Ç Õ E S Elevação para a rede pública de colectores Indústria Povoações Loteamentos habitacionais Parques de Campismo Garagens Caves, etc... C

Leia mais

APROVEITAMENTO DE ÁGUAS PLUVIAIS

APROVEITAMENTO DE ÁGUAS PLUVIAIS APROVEITAMENTO DE ÁGUAS PLUVIAIS Pré-filtro com efeito vortex Bomba submersível Filtro flutuante de aspiração Sistema de adição de água da rede pública Entrada anti-turbulência Indicador de nível de água

Leia mais

Pág.2. Pag.3. Pág.4. Pág. 5. Pág.6. Pag.7. Pág.8. Pág.9

Pág.2. Pag.3. Pág.4. Pág. 5. Pág.6. Pag.7. Pág.8. Pág.9 INDICE Separador de Gorduras em aço inoxidável para montagem enterrada, para aplicação no interior de cozinhas comerciais Separador de Gorduras em PEAD para montagem enterrada com ou sem aspiração à distância

Leia mais

SEPARADOR DE GORDURAS ECODEPUR, GORTECH SELF CLEAN

SEPARADOR DE GORDURAS ECODEPUR, GORTECH SELF CLEAN Rev.1_14.10.15 SEPARADOR DE GORDURAS ECODEPUR, GORTECH SELF CLEAN APRESENTAÇÃO Os Separadores de Gorduras, tipo ECODEPUR, modelo GORTECH SELFCLEAN GS 1850-AST são recipientes estanques, destinados à recepção

Leia mais

SEPARADORES DE GORDURAS TUBOFURO NATUR-GREASE

SEPARADORES DE GORDURAS TUBOFURO NATUR-GREASE SEPARADORES DE GORDURAS TUBOFURO EN 109 Km 160,3 2425-737 Ortigosa Leiria ; Telf, 244616073 / Fax: 244616074 E-mail: geo@tubofuro,pt www.tubofuro.pt Apresentação Os Separadores de Gorduras são construídos

Leia mais

TOP 50, 65, 80, 100, 150. Estações elevatórias "chave na mão"

TOP 50, 65, 80, 100, 150. Estações elevatórias chave na mão FLYGT TOP 50, 65, 80, 100, 150 Estações elevatórias "chave na mão" Escolha TOP para fiabilidade, segurança e eficiência Soluções pré-fabricadas chave na mão A ITT Flygt oferece-lhe a melhor solução em

Leia mais

DE FERTILIZANTES E Outras características específicas da bomba:

DE FERTILIZANTES E Outras características específicas da bomba: BOMBAS INJECTORAS DE FERTILIZANTES E SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS As bombas injectoras de fertilizantes da Amiad não precisam de fonte externa de alimentação, dado que nelas está incorporado um motor hidráulico

Leia mais

Lavacontentores. Assim, na concepção e construção deste equipamento teve-se em consideração os seguintes elementos relevantes:

Lavacontentores. Assim, na concepção e construção deste equipamento teve-se em consideração os seguintes elementos relevantes: BASRIO Lavacontentores Introdução Memória descritiva Assunto: Cisterna e Câmara de Lavagem Aspecto geral do Lavacontentores Pontos de interesse especiais: Lavagem interna e externa através de jactos de

Leia mais

ETAR de Ermesinde e Alfena. Capacidade de Tratamento: Breve descrição do tratamento:

ETAR de Ermesinde e Alfena. Capacidade de Tratamento: Breve descrição do tratamento: ETAR de Ermesinde e Alfena A ETAR de Ermesinde foi projectada para tratar os efluentes urbanos provenientes da zona poente do Concelho de Valongo, abrangendo as freguesias de Ermesinde e Alfena. Esta ETAR

Leia mais

Oxigénio a essência da vida. Tratamento aeróbio de águas residuais com SOLVOX.

Oxigénio a essência da vida. Tratamento aeróbio de águas residuais com SOLVOX. Oxigénio a essência da vida. Tratamento aeróbio de águas residuais com SOLVOX. Redução da eficiência nas estações de tratamento de águas residuais? Corrosão nas tubagens sob pressão de águas residuais?

Leia mais

ELEVAÇÃO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS

ELEVAÇÃO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS ELEVAÇÃO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS Águas Negras Gama Ecolift - Montagem enterrada Figura Memória Descritiva KESSEL Ecolift 1 Com secção superior com tampa rebaixada e ralo sifonado (X) 2 - Com secção

Leia mais

Equipamento de manutenção de pressão e separação da Grundfos

Equipamento de manutenção de pressão e separação da Grundfos Equipamento de manutenção de pressão e separação da Grundfos Grundfos: Mais do que um Fornecedor de bombas Ao optimizar a eficiência dos seus sistemas de aquecimento e de refrigeração, a Grundfos disponibiliza

Leia mais

UNIDADE DE PRÉ-TRATAMENTO COMPACTA MOD. TSF

UNIDADE DE PRÉ-TRATAMENTO COMPACTA MOD. TSF COMPACTA MOD. DESCRIÇÃO A primeira fase da depuração de águas residuais, tanto urbanas como industriais, consiste em um pré-tratamento mecânico das mesmas. Este pré-tratamento inclui: o Tamisagem (a eliminação

Leia mais

Atlas Copco. Gestão de condensados. OSC e OSD. Separadores de óleo/água

Atlas Copco. Gestão de condensados. OSC e OSD. Separadores de óleo/água Atlas Copco Gestão de condensados OSC e OSD Separadores de óleo/água Capacidade total, responsabilidade total Com um papel fundamental no seu trabalho, a Atlas Copco fornece ar comprimido de qualidade

Leia mais

INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR LAT ENZIM PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO DE GORDURAS

INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR LAT ENZIM PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO DE GORDURAS INFORMAÇÃO COMPLEMENTAR LAT ENZIM PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO DE GORDURAS LAT - ENZIM é o produto indicado para o tratamento de todos os entupimentos de gordura orgânica em canalizações de esgoto e grelhas

Leia mais

Válvula da ilustração: MONOVAR DN2000 (80 )

Válvula da ilustração: MONOVAR DN2000 (80 ) SAPAG MONOVAR é a válvula de dissipação de energia. Características Design extremamente simples (patenteado) Características de cavitação excelentes Regulação de caudal ou de pressão muito precisos Controlo

Leia mais

Ventilação na Restauração

Ventilação na Restauração Ventilação na Restauração As deficiências na climatização e na exaustão de fumos dos Restaurantes são um problema frequente. Muitas vezes há deficiente extracção de fumos, com caudais de ar insuficientes,

Leia mais

Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem

Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem WASTE WATER Solutions Tratamento Descentralizado de Efluentes HUBER BioMem Solução HUBER para Tratamento Decentralizado de Efluentes Unidades móveis e fixas Uma variedade de opções de reutilização de efluentes

Leia mais

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS Os dosadores de produtos químicos MixRite são acionados unicamente por meio da água, sem outro requerimento adicional de energia. Dosadores Um passo adiante tubos

Leia mais

Válvula Redutora de Pressão Tipo 2422/2424. Instruções de Montagem e Operação EB 2547 PT

Válvula Redutora de Pressão Tipo 2422/2424. Instruções de Montagem e Operação EB 2547 PT Válvula Redutora de Pressão Tipo 2422/2424 Válvula Redutora de Pressão Tipo 2422/2424 Instruções de Montagem e Operação EB 2547 PT Edição de Outubro de 2006 Conteúdo Conteúdo Página 1 Concepção e princípio

Leia mais

Reabilitar Portugal, 12 de Fevereiro 2015

Reabilitar Portugal, 12 de Fevereiro 2015 Reabilitar Portugal, 12 de Fevereiro 2015 Quem somos Cultura de empresa enraizada e com 90 anos de história 2 300 Colaboradores em todo o mundo Facturação de 450 M de Euros Anuais Quem somos Estamos presentes

Leia mais

Manômetros, modelo 7 conforme a diretiva 94/9/CE (ATEX)

Manômetros, modelo 7 conforme a diretiva 94/9/CE (ATEX) Manual de instruções Manômetros, modelo 7 conforme a diretiva 94/9/CE (ATEX) II 2 GD c TX Modelo 732.51.100 conforme ATEX Modelo 732.14.100 conforme ATEX Manual de instruções, modelo 7 conforme ATEX ágina

Leia mais

Vacuflow. Tecnologia de esgotos por vazio Onde os métodos construtivos e o meio ambiente sairão beneficiados

Vacuflow. Tecnologia de esgotos por vazio Onde os métodos construtivos e o meio ambiente sairão beneficiados Vacuflow Tecnologia de esgotos por vazio Onde os métodos construtivos e o meio ambiente sairão beneficiados Sistema Vacuflow de Qua-Vac O método tradicional É frequente encontrarmos redes de esgotos com

Leia mais

MJK Automation O SEU PA RCEIRO DE INS T RU M EN TAÇ ÃO EM T R ATA M EN TO DA ÁGUA BROCHURE PT 1.00 PRODUKT BROCHURE 1401

MJK Automation O SEU PA RCEIRO DE INS T RU M EN TAÇ ÃO EM T R ATA M EN TO DA ÁGUA BROCHURE PT 1.00 PRODUKT BROCHURE 1401 A MJK tem 35 anos de experiência como fabricante e fornecedor de equipamentos de medição e controlo para estações de tratamento de água potável e de águas residuais. A nossa rede de vendas está espalhada

Leia mais

Reparação e Manutenção de Tubos

Reparação e Manutenção de Tubos Reparação e Manutenção de Tubos Vasta selecção a partir de uma fonte única. Concepções duradouras exclusivas. Desempenho rápido e fiável. Tipo de modelos Página Bombas de Teste de Pressão 2 9.2 Congeladores

Leia mais

ETAR de Valongo, Campo e Sobrado. Capacidade de Tratamento: Descrição do Tratamento

ETAR de Valongo, Campo e Sobrado. Capacidade de Tratamento: Descrição do Tratamento ETAR de Valongo, Campo e Sobrado A Estação de Tratamento de Águas Residuais de Valongo, Campo e Sobrado foi projectada para tratar os efluentes da zona nascente do Concelho de Valongo, abrangendo as freguesias

Leia mais

CATÁLOGO CATÁLOGO. 03/2011 Caldeiras a gás e tecnologia de condensação

CATÁLOGO CATÁLOGO. 03/2011 Caldeiras a gás e tecnologia de condensação CATALOGUE CATÁLOGO CATÁLOGO 03/2011 Caldeiras a gás e tecnologia de condensação ÍNDICE BOMBAS DE CALOR AUDAX bombas de calor ar/água, monofásicas, com inversão de ciclo NOVO p. 6 Integrador de sistemas,

Leia mais

Sector do Meio Ambiente. Armazenamento, transporte, tratamento e reutilização de águas

Sector do Meio Ambiente. Armazenamento, transporte, tratamento e reutilização de águas Sector do Meio Ambiente Armazenamento, transporte, tratamento e reutilização de águas Pág. 2 Introdução Rotomoldagem é um grupo de empresas que se dedica à transformação de polímeros. Estamos inseridos

Leia mais

NEOTECHA. Sistema de Amostragem de Tanque, para amostragem representativa sem interrupção do processo. Sistema de Amostragem de Tanque - Sapro

NEOTECHA. Sistema de Amostragem de Tanque, para amostragem representativa sem interrupção do processo. Sistema de Amostragem de Tanque - Sapro NEOTECHA Sistema de Amostragem de Tanque, para amostragem representativa sem interrupção do processo Características gerais com adaptador da seringa O sistema de amostragem garante sempre uma amostra verdadeiramente

Leia mais

Boletim da Engenharia 14

Boletim da Engenharia 14 Boletim da Engenharia 14 Como trocar o óleo dos compressores parafuso abertos e semi-herméticos 10/03 No boletim da engenharia nº13 comentamos sobre os procedimentos para troca de óleo dos compressores

Leia mais

DESDE. Catálogo de Produtos

DESDE. Catálogo de Produtos DESDE Catálogo de Produtos 2004 FILTROS PARA APROVEITAMENTO DA ÁGUA DA CHUVA Ciclo 250 Realiza a separação automática de até 99% dos resíduos sólidos; Filtra até 90% da água captada; Fácil manutenção,

Leia mais

Albicalor, Lda. Rua Comendador Martins Pereira 3850-089 Albergaria-a-Velha

Albicalor, Lda. Rua Comendador Martins Pereira 3850-089 Albergaria-a-Velha Para produzir a cerâmica Majolica são necessárias duas semanas. O resultado é um produto exclusivo que não desgasta e tem propriedades termo condutoras. As imperfeições minusculas, tais como as micro pepitas,

Leia mais

Sistemas Solares VELUX. Fevereiro 2009

Sistemas Solares VELUX. Fevereiro 2009 Sistemas Solares VELUX Fevereiro 2009 Racionalidade, benefícios e economia Porquê utilizar a energia solar? Racionalidade O sol produz uma quantidade de energia que nunca seremos capazes de consumir na

Leia mais

Sua solução - todos os dias

Sua solução - todos os dias Sua solução - todos os dias A produção de um leite de qualidade depende de diversos fatores, entre eles a higiene da ordenha e do tanque, a manutenção dos equipamentos, a disponibilidade de um ambiente

Leia mais

Instruções de montagem e de manutenção

Instruções de montagem e de manutenção Instruções de montagem e de manutenção Termoacumulador para água quente sanitária Logalux LT 35-300 Para os técnicos especializados Leia atentamente antes da montagem e da manutenção 630 337-0/000 PT/BR

Leia mais

Gestão da drenagem, gordura e resíduos para as cozinhas industriais

Gestão da drenagem, gordura e resíduos para as cozinhas industriais Gestão da drenagem, gordura e resíduos para as cozinhas industriais ACO. O futuro da drenagem. Índice Cadeia do sistema ACO 02 Sobre a ACO 04 HygieneFirst 06 A cadeia do sistema ACO oferece soluções de

Leia mais

E.S.T. Barreiro Barreiro, 15 de Dezembro 2014

E.S.T. Barreiro Barreiro, 15 de Dezembro 2014 E.S.T. Barreiro Barreiro, 15 de Dezembro 2014 Quem somos Cultura de empresa enraizada e com 90 anos de história 2 300 Colaboradores em todo o mundo Facturação de 450 M de Euros Anuais Quem somos Estamos

Leia mais

CALDEIRAS DE CHÃO DE CONDENSAÇÃO POWER HT

CALDEIRAS DE CHÃO DE CONDENSAÇÃO POWER HT CALDEIRAS DE CHÃO DE CONDENSAÇÃO POWER HT POWER HT MELHORAR A EFICIÊNCIA ENERGÉTICA É UMA DAS GRANDES METAS DA NOSSA SOCIEDADE NO SÉCULO XXI. A GAMA POWER HT, BASEADA NA TECNOLOGIA DA CONDENSAÇÃO É UM

Leia mais

AQUASTAR GREEN S O L U Ç Õ E S D E Á G U A Q U E N T E

AQUASTAR GREEN S O L U Ç Õ E S D E Á G U A Q U E N T E CALDEIRAS MURAIS DE CONDENSAÇÃO AQUASTAR GREEN S O L U Ç Õ E S D E Á G U A Q U E N T E Índice Gama Aquastar Green Condensação: Vantagens e características NOVO A nova caldeira mural de condensação Aquastar

Leia mais

Posição Quantid. Descrição Preço Unit.

Posição Quantid. Descrição Preço Unit. Posição Quantid. Descrição Preço Unit. 1 MAGNA 32-12 Preço a pedido Nota! Imagem do produto pode diferir do prod. real Código: 96513625 A bomba dispõe de um rotor encamisado, ou seja, a bomba e o motor

Leia mais

Regulador de Pressão Automotor Série 42 Regulador de Pressão Diferencial com actuador de abertura e válvula balanceada Tipo 2422 Tipo 42-20 Tipo 42-25

Regulador de Pressão Automotor Série 42 Regulador de Pressão Diferencial com actuador de abertura e válvula balanceada Tipo 2422 Tipo 42-20 Tipo 42-25 Regulador de Pressão Automotor Série 42 Regulador de Pressão Diferencial com actuador de abertura e válvula balanceada Tipo 2422 Tipo 42-20 Tipo 42-25 Aplicação Regulador de pressão diferencial para grandes

Leia mais

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona

Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies. Gianfranco Verona Depuração das aguas residuais provenientes da plantas de tratamento das superficies Gianfranco Verona DESCARTE ZERO NUMA CABINE DE PINTURA SKIMMERFLOT Para o tratamento e a reutilização de águas provenientes

Leia mais

Proteja a qualidade do seu leite Tanques resfriadores DeLaval

Proteja a qualidade do seu leite Tanques resfriadores DeLaval DeLaval Brasil Rodovia Campinas Mogi-Mirim - KM 133,10 - S/N Bairro Roseira - Jaguariúna/SP - CEP: 13820-000 Telefone: (19) 3514-8201 comunicacao@delaval.com www.delaval.com.br Sua revenda DeLaval Proteja

Leia mais

Fossas Sépticas, TIPO ECODEPUR De acordo com a Norma EN12566-1

Fossas Sépticas, TIPO ECODEPUR De acordo com a Norma EN12566-1 v1.4-300312 -281011 Fossas Sépticas, TIPO ECODEPUR De acordo com a Norma EN12566-1 APRESENTAÇÃO As Fossa Séptica, tipo ECODEPUR, são recipientes estanques, destinados ao armazenamento de águas residuais

Leia mais

TABELA DE PREÇOS 2014

TABELA DE PREÇOS 2014 TABELA DE PREÇOS 2014 ECODEPUR - Tecnologias de Protecção Ambiental, Lda Urbanização da Chã Av. 21 de Junho, n.º 103 Apartado 8 2435-087 Caxarias PORTUGAL T. +351 249 571 500 F. +351 249 571 501 geral@ecodepur.pt

Leia mais

Sistema de termosifão simples e eficaz Produção de água quente

Sistema de termosifão simples e eficaz Produção de água quente Sistema de termosifão simples e eficaz Produção de água quente Solar Keymark Solar Keymark Sistema de termosifão simples e eficaz Produção de água quente Um sistema solar para água quente que impressiona

Leia mais

CURSO SOBRE SISTEMAS DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA PLUVIAL

CURSO SOBRE SISTEMAS DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA PLUVIAL CURSO SOBRE SISTEMAS DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA PLUVIAL Elisabete Bertolo Eng.ª Civil, Mestre em Engenharia do Ambiente, especializada em Sistemas de Água da Chuva Vitor Simões Dr, Ecoágua Lda, Sistemas

Leia mais

Manual de Instruções de Serviço DIAMOND Rodding Robot Model 3080 T

Manual de Instruções de Serviço DIAMOND Rodding Robot Model 3080 T Manual de Instruções de Serviço DIAMOND Rodding Robot Model 3080 T Para a limpeza eficiente das entradas de ar das caldeiras de recuperação na industria da celulose e pasta de papel www.diamondpower.se

Leia mais

Muffin Monster. Família de trituradores Mini Monster. Características e Benefícios. Muffin Monster. Macho Monster. www.jwci.co.uk

Muffin Monster. Família de trituradores Mini Monster. Características e Benefícios. Muffin Monster. Macho Monster. www.jwci.co.uk Unidade em linha Unidade em canal Muffin Monster Família de trituradores Mini Monster Para baixos caudais, edifícios e pequenas estações de bombagem, a garantia de serviço no compacto Mini Monster. Os

Leia mais

SISTEMAS DE TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS ECODEPUR SBR (E.T.A.R. COMPACTA)

SISTEMAS DE TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS ECODEPUR SBR (E.T.A.R. COMPACTA) 0 SISTEMAS DE TRATAMENTO DE ÁGUAS RESIDUAIS DOMÉSTICAS ECODEPUR SBR (E.T.A.R. COMPACTA) ENQUADRAMENTO A ECODEPUR entende a Concepção/Construção de uma E.T.A.R. como um conjunto integrado de Operações Unitárias

Leia mais

ESQUENTADORES SENSOR GREEN

ESQUENTADORES SENSOR GREEN ESQUENTADORES SENSOR GREEN SOLUÇÕES DE ÁGUA QUENTE Índice A eficiência na produção de água quente em grandes quantidades 03 Aplicações e Utilizações 05 Benefícios para o Instalador 06 Líder em Tecnologia

Leia mais

Grupo de Trabalho de Controlo de Medicamentos e Inspecções

Grupo de Trabalho de Controlo de Medicamentos e Inspecções COMISSÃO EUROPEIA DIRECÇÃO GERAL DA EMPRESA Mercado único: gestão e legislação de bens de consumo Produtos farmacêuticos: quadro regulamentar e autorizações de introdução no mercado Bruxelas, Abril de

Leia mais

Inovação e qualidade em sistemas de filtração

Inovação e qualidade em sistemas de filtração Inovação e qualidade em sistemas de filtração A Vemag é uma empresa que atua com filtração e bombeamento de fluidos, em diversas áreas de aplicações. Através de uma equipe de técnicos capacitados, oferece

Leia mais

GETINGE 88 TURBO LIMPEZA E DESINFECÇÃO SUPERIORES NA METADE DO TEMPO

GETINGE 88 TURBO LIMPEZA E DESINFECÇÃO SUPERIORES NA METADE DO TEMPO GETINGE 88 TURBO LIMPEZA E DESINFECÇÃO SUPERIORES NA METADE DO TEMPO 2 Getinge 88 Turbo MENOR TEMPO DE PREPARAÇÃO - MAIOR TAXA DE PROCESSAMENTO Há uma razão simples pela qual a Getinge é líder mundial

Leia mais

Tirar o melhor partido da sua água de refrigeração com a ProMinent Soluções completas para o tratamento da água de refrigeração

Tirar o melhor partido da sua água de refrigeração com a ProMinent Soluções completas para o tratamento da água de refrigeração Tirar o melhor partido da sua água de refrigeração com a ProMinent Soluções completas para o tratamento da água de refrigeração Printed in Germany, PT PM 009 04/06 P MT23 0 04/06 P B Tratamento da água

Leia mais

Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência

Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência Solução de Aquecimento de Águas de Elevada Eficiência Gama 04 Gama de 2013 O que é Therma V? 06 O que é Therma V? Vantagens Therma V 08 Elevada Eficiência Energética 10 Programação Semanal 12 Instalação

Leia mais

Sistemas solares compactos Solar Easy AQS

Sistemas solares compactos Solar Easy AQS Solar Easy AQS Os sistemas SOLAR EASY AQS integram no mínimo espaço possível grupo hidráulico, vaso de expansão e central de regulação, totalmente ligados e cablados. A gama está composta por 14 sistemas

Leia mais

www.dancor.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS REV. - ABR/2010 Pág- 1

www.dancor.com.br CATÁLOGO DE PRODUTOS REV. - ABR/2010 Pág- 1 REV. - ABR/21 Pág- 1 Índice Vista Geral das Curvas de Desempenho...4-5 Série HBI(N) - Centrífugas Multi-estágios HBI(N) - 2...6-7 HBI(N) - 4...8-9 Série CB(I) - Centrífugas Multi-estágios CB(I) - 2...1-11

Leia mais

Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp

Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp Selos diafragma Selo diafragma com conexão higiênica Para aplicações sanitárias Modelos 990.22, 990.52 e 990.53, conexão tipo clamp WIKA folha de dados DS 99.41 outras aprovações veja página 3 Aplicações

Leia mais

Reservatórios de ar comprimido

Reservatórios de ar comprimido Reservatórios de ar Capacidades de 90 a 10 000 l www.kaeser.com Reservatórios de ar Segurança garantida: estanques por muito mais tempo! Completa eficiência Os reservatórios de ar desempenham funções importantes

Leia mais

Técnica de escoamento

Técnica de escoamento Catálogo 2011/2012 Técnica de escoamento Advantix Sumidouros 2 Código EAN O código EAN é composto pelo número do fabricante 4015211 e pelo número do artigo, como neste exemplo 305611. A alteração dos últimos

Leia mais

Compactos Fossas/Filtro, tipo ECODEPUR, Gama BIOFIX Digestores com Filtro Biológico (Fossa Biológicas)

Compactos Fossas/Filtro, tipo ECODEPUR, Gama BIOFIX Digestores com Filtro Biológico (Fossa Biológicas) Compactos Fossas/Filtro, tipo ECODEPUR, Gama BIOFIX Digestores com Filtro Biológico (Fossa Biológicas) APRESENTAÇÃO Os equipamentos Compactos Fossa/Filtro (Fossa Biológica), tipo ECODEPUR, Gama BIOFIX,

Leia mais

Separadores Água/Óleo

Separadores Água/Óleo Separador Água/Óleo Separadores Água/Óleo Tratamento de Água e Efluentes Folheto Técnico Separadores Água-Óleo (SAO) A poluição da água pela presença de hidrocarbonetos oleosos é especialmente danosa a

Leia mais

A NOSSA GAMA DE MOTO-BOMBAS TIPOS DE MOTO-BOMBAS ALTURA DE ELEVAÇÃO

A NOSSA GAMA DE MOTO-BOMBAS TIPOS DE MOTO-BOMBAS ALTURA DE ELEVAÇÃO Moto-Bombas 12 A NOSSA GAMA DE Das moto-bombas portáteis mais pequenas às grandes moto-bombas para resíduos, a Honda tem uma gama concebida para os mais diversos usos. Perfeitas para quem pretende um funcionamento

Leia mais

Operação Unitária de Centrifugação

Operação Unitária de Centrifugação UFPR Setor de Ciências da Saúde Curso de Farmácia Disciplina de Física Industrial Operação Unitária de Centrifugação Prof. Dr. Marco André Cardoso Centrifugação Operação unitária com a principal finalidade

Leia mais

É um Restaurante de Serviço Rápido? 900XP & 700XP

É um Restaurante de Serviço Rápido? 900XP & 700XP É um Restaurante de Serviço Rápido? 900XP & 700XP 2 Restaurante de Serviço Rápido Então XP é exactamente o que precisa. Novo Wok de Indução de alta potência com 5kW: velocidade máxima e eficiência energética

Leia mais

Dispositivos Médicos: Requisitos para a esterilização por óxido de etileno

Dispositivos Médicos: Requisitos para a esterilização por óxido de etileno Dispositivos Médicos: Requisitos para a esterilização por óxido de etileno A eficácia do processo de esterilização de um dispositivo médico é avaliada com base numa série de experiências e protocolos que

Leia mais

Compressores portáteis

Compressores portáteis Compressores portáteis Mobilair M 13 M 15 M 17 Compressores de parafuso portáteis com perfil Sigma Caudal: 0,75 a 1,6 m³/min. M13 M15 M17 Compactos e potentes O nível de desempenho não depende do tamanho,

Leia mais

INTRODUÇÃO INFORMAÇÕES ADICIONAIS NOTAS

INTRODUÇÃO INFORMAÇÕES ADICIONAIS NOTAS 1 INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas das linhas E e EP de nossa fabricação assim como seus acessórios e opcionais. Dele constam informações técnicas, desde a construção,

Leia mais

A maneira mais inteligente de aquecer água.

A maneira mais inteligente de aquecer água. A maneira mais inteligente de aquecer água. A JAMP O uso consciente de energia é um dos princípios que rege as atividades da JAMP, responsável pela introdução no País de soluções inovadoras no campo de

Leia mais

CAUDALÍMETROS ULTRA-SÓNICOS

CAUDALÍMETROS ULTRA-SÓNICOS EQUIPAMENTOS - SERVIÇOS - REFERÊNCIAS TUBAGENS PARCIALMENTE CHEIAS - TUBAGENS CHEIAS - RIOS - CANAIS Rua do Proletariado 15-B - 2795-648 CARNAXIDE tel. 214 203 900 fax 214 203 901 e-mail industria@contimetra.com

Leia mais

TABELA PREÇOS 2014 rev02 TABELA DE PREÇOS

TABELA PREÇOS 2014 rev02 TABELA DE PREÇOS TABELA DE PREÇOS DEPÓSITOS HORIZONTAIS HORIZONTAL DE PEQUENA CAPACIDADE Imagem Ref. Vol Diâm Comp Alt Tampa Preço Sup. Preço Ref. Lt mm mm mm mm DHS500 500 750 1250 830 300 192 239 DHS1000 1000 900 1550

Leia mais

Interruptor de Nível de Líquidos Ultrassónico Mobrey 003

Interruptor de Nível de Líquidos Ultrassónico Mobrey 003 Folha de Dados do Produto Interruptor de Nível de Líquidos Ultrassónico Mobrey 003 Alarme de nível de líquidos autónomo Fabricado em Sulfato de Polifenileno (PPS) para resistência à corrosão relativamente

Leia mais

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar

VIESMANN VITOSOLIC. Dados técnicos VITOSOLIC 100 VITOSOLIC 200. Controlador para sistemas de energia solar VIESMANN VITOSOLIC Controlador para sistemas de energia solar Nº de referência e preços: ver lista de preços VITOSOLIC 100 Controlador electrónico por diferença de temperatura Para sistemas com produção

Leia mais

Mezzo Compensação. cozinhas. Hottes > hottes tradicionais grande conforto. descrição técnica. p. 926. hotte de cozinha tradicional Conforto.

Mezzo Compensação. cozinhas. Hottes > hottes tradicionais grande conforto. descrição técnica. p. 926. hotte de cozinha tradicional Conforto. Hottes > hottes tradicionais grande conforto cozinhas Mezzo Compensação hotte de cozinha tradicional Conforto vantagens Compensação integrada. Filtros de choque montados de série. Iluminação encastrada

Leia mais

VÁLVULAS DE RETENÇÃO MANUAL DE INSTRUÇÕES E MANUTENÇÃO SÉRIE: R

VÁLVULAS DE RETENÇÃO MANUAL DE INSTRUÇÕES E MANUTENÇÃO SÉRIE: R 22/04/2013 MANUAL DE INSTRUÇÕES E MANUTENÇÃO SÉRIE: R cmo@cmo.es http://www.cmo.es pág. 1 MONTAGEM DESCRIÇÃO Directiva sobre máquinas: DIR 2006/42/CE (MÁQUINAS). Directiva sobre equipamentos sob pressão:

Leia mais

Grupo 09 Centrais de testes e limpeza

Grupo 09 Centrais de testes e limpeza Grupo 09 Centrais de testes e limpeza Fornecedor: Tipo Descrição Página CPR Central de teste para circuitos de refrigeração 01 Descrição 01-01 CPC Central de teste para circuitos de refrigeração 02 Descrição

Leia mais

Compressores de Ar, de Parafusos Rotativos, Refrigeração por Contato. Série R 37 160 kw (50 200 hp)

Compressores de Ar, de Parafusos Rotativos, Refrigeração por Contato. Série R 37 160 kw (50 200 hp) Compressores de Ar, de Parafusos Rotativos, Refrigeração por Contato Série R 37 160 kw (50 200 hp) Uma Tradição de Fiabilidade, Eficiência e Produtividade Comprovadas Mais de 100 Anos de Inovação em Ar

Leia mais

CONCEPÇÃO DE REDES INTERIORES DE ÁGUAS E ESGOTOS EM EDIFÍCIOS PRINCÍPIOS GERAIS ORIENTADORES NOTA TÉCNICA

CONCEPÇÃO DE REDES INTERIORES DE ÁGUAS E ESGOTOS EM EDIFÍCIOS PRINCÍPIOS GERAIS ORIENTADORES NOTA TÉCNICA CONCEPÇÃO DE REDES INTERIORES DE ÁGUAS E ESGOTOS EM EDIFÍCIOS PRINCÍPIOS GERAIS ORIENTADORES NOTA TÉCNICA 1. ÂMBITO DA NOTA TÉCNICA A presente nota técnica diz respeito aos princípios gerais orientadores

Leia mais

Gerenciamento e Tratamento de Águas Residuárias - GTAR

Gerenciamento e Tratamento de Águas Residuárias - GTAR Gerenciamento e Tratamento de Águas Residuárias - GTAR Segunda 15 às 17h IC III sala 16 Turma: 2015/1 Profª. Larissa Bertoldi larabertoldi@gmail.com Aula de hoje.. Tratamento Preliminar Gradeamento Desarenador

Leia mais

Salher Ibérica, S. L. Salher Guadalajara Salher Portugal Salher Polska Salher France Salher México S.A.c.v.

Salher Ibérica, S. L. Salher Guadalajara Salher Portugal Salher Polska Salher France Salher México S.A.c.v. www.salher.com Quem Somos -A SALHER é uma empresa de origem espanhola, fundada em 1980. -Por mais de 30 anos, a SALHER teve como principal objectivo o fabrico e desenvolvimento de sistemas de depuração

Leia mais

CAIXAS SEPARADORAS NUPI BRASIL - MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO -

CAIXAS SEPARADORAS NUPI BRASIL - MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO - CAIXAS SEPARADORAS NUPI BRASIL - MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO - INTRODUÇÃO Conforme a Resolução CONAMA 273 de 2000, postos de revenda e de consumo de combustíveis devem ser dotados de sistema de drenagem

Leia mais

PS200 PS600 PS1200 ETAPUMP Altura manométrica 0-50 0-180 0-240

PS200 PS600 PS1200 ETAPUMP Altura manométrica 0-50 0-180 0-240 SISTEMAS DE BOMBAS SOLARES Existe uma relação natural entre a disponibilidade de energia solar e as necessidades de água. A necessidade de água cresce em dias de radiação elevada de sol, por outro lado

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

EXISTIMOS... PARA O SERVIR

EXISTIMOS... PARA O SERVIR Laboratórios Técnicos de Produtos de Manutenção e Segurança, Lda Tel:271747070/78 Fax: 271747079 E-Mail: comercial@latecma.com Zona Industrial Apartado 20 6360 060 Celorico da Beira Ò www.latecma.com 03

Leia mais

Equipamentos primários. L. Roriz

Equipamentos primários. L. Roriz Equipamentos primários L. Roriz Unidades de Arrefecimento Unidades de Arrefecimento de Ar Unidades Produtoras de Água Refrigerada Sistemas de compressão de vapor Sistemas de expansão directa Sistemas utilizando

Leia mais

Sistemas de extracção de fumos DPX

Sistemas de extracção de fumos DPX Sistemas de extracção de fumos DPX Ar limpo máxima performance Extracção de fumos e partículas para equipamentos de codificação laser captação na origem Sistema de extracção de fumos DPX para codificadores

Leia mais

Série de medidores de vazão ultrassônicos Fuji

Série de medidores de vazão ultrassônicos Fuji Série de medidores de vazão ultrassônicos Fuji Medição de líquido em uma ampla faixa Medição não impedida pela entrada de bolhas e material sólido Linha de produtos diversificada 21A1-E-0008 Recursos do

Leia mais

BK 212. Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212

BK 212. Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212 BK 212 Instruções de Instalação 810769-00 Purgador BK 212 1 Índice Advertências Importantes Seite Instruções de segurança... 7 Perigo... 7 Notas Explicativas Conteúdo da embalagem... 8 Descrição... 8 Funcionamento...

Leia mais

Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES. Desenvolvido por:

Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES. Desenvolvido por: Manual de instruções RECICLADOR AUTOMOTIVO RECIGASES Desenvolvido por: Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. FUNÇÕES BÁSICAS... 4 3. PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 5 4. CONDIÇÕES DE SEGURANÇA... 7 5. COMPONENTES

Leia mais

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind.

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind. CONTEÚDO: Capítulo 4 Válvulas Industriais Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: 1 VÁLVULAS DEFINIÇÃO: DISPOSITIVOS DESTINADOS A ESTABELECER, CONTROLAR E INTERROMPER O FLUXO

Leia mais

COMPRESSORES ASPIRADORES LAVADORAS

COMPRESSORES ASPIRADORES LAVADORAS COMPRESSORES ASPIRADORES LAVADORAS ÍNDICE LINHA MICHELIN 2013 COMPRESSORES PISTÃO Pag. 3 COMPRESSORES PARAFUSO Pag. 8 ASPIRADORES Pag. 11 LAVADORAS ALTA PRESSÃO Pag. 15 ACESSÓRIOS Pag. 22 Cilindro completo

Leia mais