AVALIAÇÃO DE GESTÃO PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EM ABORDAGEM BPM

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AVALIAÇÃO DE GESTÃO PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EM ABORDAGEM BPM"

Transcrição

1 AVALIAÇÃO DE GESTÃO PARA AQUISIÇÃO DE SOLUÇÕES DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO EM ABORDAGEM BPM Jose Ricardo Menezes Oliveira (UNIT ) Jefferson Arlen Freitas (UNIT ) Carlos Alexandre Borges Garcia (UFS ) Helenice Leite Garcia (UFS ) A engenharia de processos de negócio, sob o prisma da modelagem de processos e informação, tem sido uma área primária com foco na pesquisa de desenvolvimento de requisitos. A dinâmica com que uma empresa atinge suas metas é proporcional à cconsistência e eficácia dos seus processos. Para garantir este ideal de gestão de processos, empresas entendem que à modelagem de processos orientada aos negócios, é capaz de agregar um conjunto de práticas e soluções que promovem a integração das pessoas e sistemas dentro de um fluxo transparente de informações. Por tal razão, esse estudo de caso em uma empresa da Administração Pública do Estado de Sergipe, avalia as proposições de uma ferramenta de gestão de processos de negócios, conhecida como BPM, surgindo então tal questionamento: Qual proposição de modelo que pode ser obtido utilizando esta metodologia? O trabalho teve como objetivo, representar os processos modelados de uma maneira clara e formal em diferentes níveis de abstração. Com base nesse tema, a revisão teórica levantou informações a respeito de sua aplicação e conceitos inseridos em um ambiente real de TI. Palavras-chaves: BPM, processos, negócios

2 1. Introdução A Tecnologia da Informação (TI) tornou-se indispensável nos diversos tipos de processos empresariais, sendo aplicada na automação de processos manuais, desenvolvimento do planejamento estratégico, combinação de soluções e técnicas gerenciais, além das mais variadas aplicabilidades que alavancam os negócios das empresas (GRAEML, 2003). Um dos principais aspectos que influenciam o nível de competitividade de uma empresa é a velocidade com que ela consegue responder às novas demandas, oportunidades e ameaças do mercado (BARBIERI, 2001). Problemas gerenciais são frequentes nas organizações e acarretam em falta de alinhamento, controle, e altos custos para adaptações às mudanças do negócio. Desse modo, torna-se difícil a implantação de inovações e soluções que são vitais para atender à volatilidade do mercado causada pela concorrência. A Gestão de Processos de Negócios (BPM), tem conseguido uma posição diferenciada na maioria das empresas para solucionar problemáticas de gestão e aperfeiçoar as aplicações de Sistemas de Informação (SI) voltados ao negócio (CRUZ, 2008). A questão fundamental desta pesquisa é a aplicação da metodologia BPM como critério de avaliação de gestão em cenários que envolvem sistemas de informação, processos organizacionais e de negócios, além do desdobramento das ferramentas existentes que apóiam esse processo. O estudo de caso desenvolve-se no setor de TI de uma empresa pública do estado de Sergipe, responsável pelo desenvolvimento e manutenção dos sistemas de informação que realiza as aquisições de soluções correlacionadas à tecnologia, e o macroprocesso de negócio volta-se para o segmento de fiscalização e arrecadação de tributos. 2. Gestão por processo Os processos possuem alta relevância para as empresas, pois é por meio deles que exercem suas atividades. Para a identificação de processos nas empresas, é preciso realizar uma análise em que se verifiquem quais são os processos essenciais e quais são os processos auxiliares ou operacionais, analisando como a empresa realiza sua função desde o primeiro contato com o cliente até a entrega e avaliação do produto/serviço (DREYFUSS, 1996). De acordo com Cruz (2000), nas organizações tradicionais, os processos são ignorados, pois baseiam-se no fato de que os funcionários têm foco restrito, enquanto a visão mais ampla relativa a empresa cabe aos gerentes. Por outro lado, quando os envolvidos passam a trabalhar com foco nos processos e não mais nas áreas da empresa que deixam de ser funcionais, a organização deixa o tradicionalismo estrutural e passa a seguir modelos processuais. Dois tipos de processos são essenciais para a gestão: os chamados processos operacionais referem-se aos processos de rotina, em contrapartida aos processos estratégicos, os quais são desempenhados exclusivamente pela alta administração (GONÇALVES, 2000 a) Conceito e finalidade da BPM A BPM se desenvolveu e evoluiu a partir especificamente de experiências de duas ondas anteriores (Gestão pela Qualidade Total e BPR) e pode ser auxiliada por ferramentas de TI com foco na otimização dos resultados das organizações através da melhoria dos processos de negócio e permite que as empresas visualizem a importância estratégica de seus processos e obtenham vantagens de negócio. Assim, conecta, controla e ajusta os processos por meio de uma série de índices de verificação de processos independentes (CRUZ, 2008: BALDAM, 2007: BALDAM 2008). 15

3 Davenport (2001), apresenta como principais benefícios do uso da BPM a melhoria na comunicação entre os profissionais da empresa, além de contribuir para a capacitação daqueles que participam das atividades de modelagem, o entendimento dos processos, e a identificação de problemas existentes na organização Ferramentas de modelagem de negócio Existe uma variedade de soluções BPM-S (sistemas - suite de processo de negócio), desde as de código livre até as licenciadas. Cada uma adota decisões que afetam não só a maneira de utilização, como também sua comunicação com outras ferramentas corporativas. (REIS, 2007). A BPMN (Business Process Modeling Notation) é uma notação visual utilizada para a representação de fluxos de processos que pode ser mapeada para várias configurações de execução e define um diagrama de processo (Business Process Diagram - BPD), possuindo elementos gráficos, como demonstra a figura 1 (REIS, 2008). Figura 1- Diagrama de processo Fonte: Adaptado de (REIS, 2008) Um Diagrama de Processos de Negócios (BPD) é formado de um conjunto de elementos visuais que facilitam o desenvolvimento de diagramas simples semelhantes aos de fluxo utilizados por analistas de negócio (REIS, 2007) Objetos de fluxo (Flow Objects) Um Diagrama de Processos de Negócios possui três elementos básicos, conhecidos como Objetos de Fluxo, para facilitar os trabalhos dos profissionais de modelagem. A figura 2 demonstra os tipos de objetos de fluxo: Figura 2 - Objetos de Fluxo Objetos de conexão Fonte: Adaptado de REIS,

4 Os objetos de fluxo são conectados em um diagrama para criar a estrutura básica do processo de negócio. De acordo com Reis (2008), existem três objetos de conexão que permitem esta função, conforme a Figura 3: Figura 3- Objetos de Conexão Raias (Swimlanes) Fonte: Adaptado de REIS, 2008 Segundo Reis, (2008) a Business Process Modeling Notation utiliza um conceito conhecido como swimlanes para auxiliar a dividir e organizar as atividades, como mostra a Figura 4: Figura 4 - Raias (Swimlanes) Artefatos Fonte: Adaptado de REIS, 2008 Conforme a Business Process Modeling Notation (metodologia) os artefatos são empregados para fornecer informações complementares sobre o processo. A figura 5 mostra um conjunto de artefatos: Figura 5- Artefatos Fonte: Adaptado de REIS, Abordagens para a modelagem de processos Existem diversas abordagens para modelagem de processos. Cada abordagem possui um objetivo específico: algumas focam na melhoria de processos (ELZINGA et al, 1995; apud CRUZ, 2005, 2006; apud SANTOS, 2002); e outras preocupam-se também com a derivação dos requisitos necessários ao desenvolvimento de software (SHARP e MCDERMOTT, et al, 2000; apud RUP, 2002; apud IDS SCHEER, 2003). Magalhães et al, apud Sharp e Mcdermott (2000) indica uma abordagem para aperfeiçoar os processos e consentir o desenvolvimento de aplicações estruturada em quatro etapas: 17

5 Emoldurar o processo Compreender o processo como está (as-is) Projetar o processo desejado (to-be) Desenvolver cenários de casos de uso. Elzinga et al (1995) realizaram um survey durante quatro anos em organizações situadas na América do norte e observaram que a abordagem adotada para gestão de processos de negócio alterava-se em cada uma delas. Entretanto, esta variabilidade de métodos pode ser condensada em uma abordagem genérica que possui as etapas a seguir, inerentes aos processos (MAGALHÃES et al, apud ELZINGA et al., 1995). Preparação. Seleção do Processo. Descrição do Processo. Quantificação do Processo. Seleção das Melhorias no Processo. Implementação. Benchmarking Tecnologia da informação como habilitadora de processos A tecnologia aplicada aos negócios sugere algumas modificações e facilita o surgimento de outras como o uso de sistemas integrados de gestão empresarial, que determina que as pessoas passem a desenvolver suas tarefas de acordo com as rotinas e os procedimentos determinados pela tecnologia. (GRAEML, 2003). DAVENPORT et al. (2004) afirmam que a TI aperfeiçoa o desempenho organizacional, basicamente das seguintes maneiras: melhora a eficiência das operações empresariais; maximiza o controle operacional, aumenta a flexibilidade em relação aos clientes; e, adequa as comunicações eletrônicas de dados Aquisições de soluções no setor público A Lei federal n.º 8.666/93 estabelece normas gerais sobre licitações e contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, inclusive de publicidade, compras, alienações e locações no âmbito de órgãos da Administração Pública incluindo os fundos especiais, as autarquias, as fundações públicas, as empresas públicas, as sociedades de economia mista e demais entidades controladas direta ou indiretamente pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios. Os responsáveis pela aquisição na Administração Pública, encontram-se obrigados a executarem o processo de aquisição, considerando a compra do bem levando a escolha do tipo de projeto e de licitação mais adequada, bem como a criação de um Edital que deverá orientar os participantes do processo de aquisição, durante a realização de um certame. 3. Método Utilizou-se neste estudo a estratégia de estudo de caso, com o objetivo de avaliar a situação atual da organização e elucidar as principais necessidades para que fosse possível a proposição de um novo modelo de gestão. A pesquisa analisou o Processo de Aquisição de Soluções de Tecnologia da Informação (PRASTI) de uma instituição pública do estado de 18

6 Sergipe, visando identificar os processos de negócios e através destes, mapear e propor alterações no fluxo do processo e consequentemente nas suas atividades. A abordagem de dados foi de caráter qualitativo com obtenção de resultados, por meio de pesquisas descritivas, acerca do acompanhamento do processo durante o estudo (GIL, 2002) Coleta de dados Os dados da pesquisa foram coletados in loco, durante o desenvolvimento do processo de negócio no ambiente de TI, constituindo-se em observação de atividades do processo, variáveis de entrada e saída do processo, quantidade e tipos de procedimentos internos, tipos de documentos do processo, métodos e procedimentos e ferramentas. 4. Modelagem do processo de negócio de aquisição Após a operacionalização do processo, identificou-se as fronteiras do PRASTI, realizado e de acordo com as metas para a reengenharia. A análise (As Is) do diagrama de fluxo permitiu o conhecimento sobre as atividades realizadas por meio de subprocessos entre setores, com suas entradas e saídas. Em seguida deu-se a análise de diagnóstico de processo (pré-requisito do tobe), sob o foco do processo de negócio, ou seja, o Projeto Básico e sua relação com o sistema de TI, identificando a relação de fatores internos e externos em uma decisão. Além dos envolvidos e suas responsabilidades, foram descritas as recomendações à modelagem de um novo processo, bem como a identificação de existência de alinhamento do processo proposto com os objetivos estratégicos, e sua relação com o processo de negócio atual. Para ilustrar uma das etapas da aplicação da BPM, na análise do PRASTI no departamento de TI, apresenta-se o mapeamento do processo através de ferramenta gratuita (software BIZAGI) de modelagem de processos. O processo de negócio escolhido para esta transcrição foi o de Projeto Básico, por apresentar atividades que demandam em entradas e saídas correlacionadas com o SI da organização para sua operacionalização. Com base na coleta de dados feita no setor de TI, foram identificados os principais sistemas, aplicativos e base de dados necessários para o desenvolvimento da análise, ilustrada na figura 6: Figura 6- Principais sistemas que suportam o PRASTI Fonte: Autores da pesquisa O PRASTI é dependente de processos complementares e obrigatórios de outros setores e órgãos públicos. De uma forma macro, esse processo de aquisição (PRASTI) está dividido em três fases: Primária: referente a todo o processo desenvolvido dentro da área de tecnologia; Secundária: caracterizada por todo o processo desenvolvido fora área de tecnologia, porém dentro da mesma organização; Externa: atribuída a todo processo que é desenvolvido fora da organização e que depende da 19

7 conclusão de outros processos em outros órgãos públicos. Neste caso e como exemplo podese fazer referência aos pareceres jurídicos, que garantem conformidade às leis públicas. A figura 7 ilustra o campo de abrangência do PRASTI. Figura 7: Campo de abrangência do PRASTI Fonte: Autores da pesquisa A figura 8 mostra o fluxo do PRASTI, englobando os setores e organizações do setor público, que conferem ao processo as conformidades necessárias a sua conclusão. Além das fronteiras do PRASTI dentro do setor de TI. As entradas e saídas que compõem o fluxo do processo foram levantadas na fase de mapeamento, sendo identificadas e classificadas em: a) Entradas físicas: Solicitações; Propostas Comerciais; Produtos, e; Relatórios. b) Entradas lógicas: Trâmites de C.I (comunicação interna via sistema lótus notes); Arquivos (projetos, propostas, termo de referência, especificações técnicas, manuais). c) Saídas físicas: Formulários (documentação padrão); Projetos (impressão dos projetos); Soluções; Produtos; Empreendimentos. d) Saídas lógicas: s, Trâmites, Sistemas, Mídias, Impressões e Imagens. Figura 8: Visão macro do fluxo do PRASTI 20

8 Fonte: Autores da pesquisa 4.1. Identificação do processo de negócio de aquisição A identificação do processo de negócio foi realizada a partir da delimitação (acessado por meio de um fluxograma da organização disponibilizado pela equipe de processos da organização) de forma clara das fronteiras do PRASTI dentro do setor de TI, ou seja, qual é o processo de negócio que se desenvolve e suas atividades (entradas e saídas) correlacionadas com o SI dentro do setor de TI. A figura 9 descreve os resultados dessa identificação: Figura 9: Identificação do processo de negócio Fonte: Autores da pesquisa 4.2. Descrição do processo de negócio de aquisição O Projeto Básico em seu estado atual (As Is) pôde ser descrito conforme as etapas a seguir: A) O solicitante acessa o lótus notes e registra uma comunicação interna formalizando seu pedido de aquisição (aquisição relacionada à TI); 21

9 B) O sistema (lótus lotes) encaminha a comunicação interna para a devida análise e providências da gerência de TI, que acessa (login no sistema). O lótus notes inicializa o aplicativo de comunicação interna. Analisa a solicitação, verifica existência de solicitação em aberto e com mesma finalidade, despacha no sistema a solicitação para análise e providências da equipe de apoio, responsável pelo desenvolvimento das atividades do projeto básico (procedimentos para a elaboração do termo de referência, de acordo com a lei nº 8.666/93); C) A equipe (apoio) responsável acessa o lótus notes, inicializa o aplicativo de comunicação interna e inicia as atividades para a elaboração do projeto básico como: Pesquisa técnica (Busca de produtos ou soluções que atendam a solicitação de aquisição). A equipe de apoio acessa o sistema de Internet e inicializa a pesquisa de informações técnicas a respeito da solução a ser adquirida. Todas as informações pesquisadas e úteis à elaboração do termo de referência são armazenadas na pasta de trabalho do servidor; Elaboração de termo de referência - Para a elaboração do termo de referência, a equipe de apoio acessa a pasta de trabalho, localizada no servidor e em seguida anexa as informações. Solicitação de proposta comercial - A equipe de apoio tem duas opções: por ou por telefone. Assim que ocorre o recebimento das propostas comerciais, faz-se a análise financeira e de acordo com o custo total da aquisição, providencia a modalidade de aquisição a ser tomada, ou seja, adesão a registro de preços, licitação ou dispensa de valor. Com esta definição, a equipe de apoio finaliza as especificações técnicas do termo de referência. Por fim, a equipe de apoio preenche um formulário de solicitação de parecer técnico; D) Com as atividades referentes ao projeto básico e apoiado pelos elementos de entrada e saída inerente ao tipo de solução a ser adquirida já concluídas, a equipe acessa o lótus notes e inicializa o aplicativo de comunicação interna, anexando os arquivos. Despacha a solicitação então pendente, para a análise e providência da gerência, que analisa e toma conhecimento do novo processo a ser despachado para análise e providências em outros setores Modelagem do processo de negócio de aquisição Para a modelagem do processo de negócio, utilizou-se a ferramenta BizAgi Process Modeler, desenvolvida pela empresa BizAgi. A figura 10 ilustra a modelagem realizada no estado atual (As Is) das tarefas de elaboração do projeto básico, como também o fluxo a partir da descrição do processo de negócio. Após a execução da modelagem do estado atual (As Is) e a coleta dos dados (in loco), as informações coletadas são diagnosticadas como os principais fatores críticos de sucesso que apóiam as tomadas de decisão inerentes a modelagem de um novo processo. Figura 10: Modelagem no estado atual (As Is) 22

10 Fonte: Autores da pesquisa Diagnóstico do processo de negócio de aquisição O processo de negócio vigente é do tipo administrativo, porque se observa durante a fase de desenvolvimento o apoio às áreas de produção e administrativas. Com relação à capacidade de unir valor, pode-se afirmar que é do tipo de suporte, ou seja, apóia o funcionamento dos processos primários do negócio em toda sua abrangência e sua execução depende exclusivamente do sistema de TI. A estrutura tecnológica (ambiente) favorece o desenvolvimento das atividades do processo, porém a cultura organizacional influencia de 23

11 forma negativa o andamento das atividades, devido à gestão do sistema lótus notes que apresenta indisponibilidade no decorrer do processo. Os fatores externos, como a influência dos mercados, participa e modifica de forma ativa o processo de negócio (projeto básico) por meio dos insumos que são necessários à decisão do processo, de modo a confundir qual tendência técnica é compatível com o cenário de TI e a ser seguida durante as atividades do processo de negócio. Essa grande oferta tecnológica com suas promessas de benefícios cria um atraso movido pela espera de definições, validações técnicas que dependem de outras equipes fazendo com que as atividades do processo de negócio fiquem pausadas a espera de outro processo. Os elementos como: metas, diretrizes, legislação, políticas públicas e estratégias de governos, influenciam diretamente no processo decisório, voltado ao processo de negócio da organização de uma forma abrangente e generalista. Por conseqüência, influencia o planejamento estratégico da área de TI no desenvolvimento de novos produtos (sistemas) e na manutenção de outros sistemas já implantados. Essas influências alteram as metas, gerando prioridades sintonizadas com as estratégias do governo. Além das influências tecnológicas, que por natureza própria, desfaz de decisões anteriores, em função de sua obsolescência tecnológica. A responsabilidade e controle dessas metas, voltam-se para o alinhamento do planejamento estratégico da organização, motivo pelo qual a organização se sustenta, atualiza e produz, atendendo as necessidades de seus clientes. Durante a análise, não foram encontradas no setor de TI ferramentas específicas que sinalizassem a existência de monitoramento em tempo real do PRASTI envolvendo toda sua abrangência, ou do processo de negócio inserido (projeto básico). Foram identificadas em uso ferramentas voltadas ao monitoramento dos sistemas. Ainda sob diagnóstico, detectou-se a inexistência de metas relacionadas ao processo de negócio que pudessem aferir sua eficiência e eficácia durante a fase de operacionalização. Apenas índices relativos à propriedade ou funcionamento do processo, conforme descrição da figura 11: Figura 11: Índices relativos à propriedade ou funcionamento do processo Fonte: Autores da pesquisa Propostas inerentes à modelagem de um novo processo (To- Be) Após o mapeamento (As Is) do processo de negócio (projeto básico) e diagnóstico das suas atividades atuais, tornou-se amplo o conhecimento do processo (de negócio) com seus respectivos fluxos e procedimentos de trabalho, além da sua interatividade, pontos de gargalos e oportunidades de proposição de melhorias, visando à priorização de ações voltadas a melhoria, por meio da modelagem de um novo processo, das quais e com base na análise de diagnóstico desse estudo pode-se sugerir: Melhoria do sistema lótus notes: Maior disponibilidade do sistema Deve-se adotar um modelo de gestão focada no cliente, no qual a equipe responsável se comprometa com a entrega do serviço, ou seja, uma maior disponibilidade dos serviços suportados por esse 24

12 sistema. O objetivo é que o aplicativo suportado por esse sistema, não esteja indisponível quando da ocorrência do fluxo das atividades inerentes ao projeto básico. Definir antes qual a tendência tecnológica a ser seguida: projetar um novo fluxo de processo voltado para as definições técnicas (competente ao departamento técnico), fazendo com que as definições baseadas nas influências tecnológicas de mercado estejam bem definidas e que sejam realmente insumos (entradas) válidos no fluxo de processo do projeto básico. Deve ser entendida como entrada no processo e não como elemento capaz de provocar um break. Estabelecimento de metas para o processo de aquisição: Promover no novo processo a inserção do planejamento e metas para as atividades do projeto básico. Isto objetiva a criação de um padrão de referência para o desempenho do processo, de modo a ser objetivo a necessidade estratégica da organização e em especifico ao setor de TI que, por sua constituição (objetivo-funcionalidade) deve suportar todo o ciclo do PRASTI com seus sistemas. Adoção de ferramentas indicadoras de processo: Inserir no novo processo, o fluxo de saídas para a alimentação de ferramentas que devem ser adquiridas por meio da disponibilidade tecnológica e de mercado, como o IBM Websphere Business MQ. Adoção de modelo de relatório operacional e analítico: Adotar um console de monitoramento que por meio da visualização das informações acerca do processo possa ser aferido o alinhamento do processo com os objetivos estratégicos do negócio (projeto básico processo de aquisição). Essas alternativas devem ser simuladas (na fase do To Be) e definidas junto ao objetivo estratégico do setor de TI promovendo a modelagem de um novo processo. 5 Conclusão Este trabalho demonstrou por meio de um estudo de caso o resultado de uma análise baseada em BPM objetivando elencar resultados positivos para a organização, em termos de consolidação de valor aos negócios, uma vez que a metodologia BPM é aplicada como recurso estratégico nas organizações para elevar o potencial competitivo. Apesar das valiosas contribuições da BPM, dos resultados de sucesso da TI e do aprimoramento do negócio, em busca de uma organização competitiva, não dependente apenas de ferramentas, tecnologias ou metodologias, isto, também está relacionado ao sistema da organização, porque quanto maior sua complexibilidade, sua amplitude e tendência à mudanças, mais a BPM poderá adicionar valor, devido ao seu grande potencial de melhoria nos processos. Algumas empresas se destacam no mercado por possuírem uma estratégia de conhecimento (como utilização de melhores práticas e metodologias) inserida em seus sistemas e armazenar conhecimentos valiosos em um sistema que pode ficar obsoleto e que inviabilize o seu acesso até ele é um risco. A BPM pode identificar e sinalizar os processos de forma que possam ser facilmente aproveitados e reaproveitados pela organização. Apresenta-se aqui uma gestão-modelo de processos de negócios que integra a modelagem de processos de negócios e a criação de serviços e propõem-se melhorias por meio de sua análise, tornando a gestão do processo de aquisição voltada aos processos de negócios, por meio da aproximação das ferramentas da área de TI. Realizou-se ainda o mapeamento, ou seja, a representação de um processo de negócio de uma organização que atua no setor público, através de uma metodologia de modelagem de estado atual (As Is). Pôde-se denotar 25

13 que a metodologia permitiu uma visão que serviu como estrutura para uma análise de diagnóstico com uma proposição de melhorias voltadas para uma posterior modelagem e implantação na organização. REFERÊNCIAS BALDAM, R. Gerenciamento de processos de negócios. BPM Business Process Management. 1.ed. São Paulo: Érica, Gerenciamento de processos de negócios. BPM Business Process Management. 2.ed. São Paulo: Érica, BARBIERI, C. BI Business Intelligence Modelagem e Tecnologia. Axcel Books BRASIL. Decreto-lei nº 8.666/93, de 21 de junho de Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, Atualizada até a Lei nº , de 6 de Abril de 2005 D.O.U CRUZ, T. Workflow: A Tecnologia que vai Revolucionar Processos. 2ª Ed. São Paulo: Atlas Workflow II: A Tecnologia que Revolucionou Processos. 2ª ed. São Paulo: Atlas Business process management & business process management systems. Rio de Janeiro: Brasport, DAVENPORT, T.H.; MARCHAND, D.A.; DICKSON, T. Dominando a Gestão da Informação. Porto Alegre: Bookman, DREYFUSS, C. As redes e a gestão das organizações. Rio de Janeiro: Guide, ELZINGA, D.J. et al. Business Process Management: Survey and Methodology. IEEE Transactions on Engineering Management. v. 42, no. 2, Mai. 1995, p Disponível em:<http://ieeexplore.ieee.org> Acessado em 20 de outubro de GONÇALVES, J.E.L.. (2000a) As Empresas são Grandes Coleções de Processos. Revista de Administração de Empresas (RAE), v. 40, no. 1, São Paulo, p. Disponível em: <http://www.abeprojovem.ufjf.br/dnloads/empresas.pdf> Acessado em 20 de outubro de GIL, A.C. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 4. Ed. São Paulo: Atlas, GRAEML, A.R. Sistemas de Informação: o alinhamento da estratégia de TI com a estratégia corporativa. 2ª ed. São Paulo, Atlas MAGALHÃES, et al. Uma estratégia para gestão integrada de processos e tecnologia da informação através da modelagem de processos de negócio em organizações. Rio de Janeiro. Universidade Federal do Rio de Janeiro. SHARP, A.; MCDERMOTT, P. Workflow Modeling: Tools for Process Improvement and Application Development. Norwood: Artech House. Disponível em:<http://books.google.com.br> Acesso em 20 out REIS, G. Introdução ao BPMN. Revista Portal BPMN, São Paulo, v.1,n.1, ago./set Modelagem de Processos de Negócio com BPMN Curso Completo. São Paulo. Editor Portal BPM Ltda

UMA ESTRATÉGIA PARA GESTÃO INTEGRADA DE PROCESSOS E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ATRAVÉS DA MODELAGEM DE PROCESSOS DE NEGÓCIO EM ORGANIZAÇÕES

UMA ESTRATÉGIA PARA GESTÃO INTEGRADA DE PROCESSOS E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ATRAVÉS DA MODELAGEM DE PROCESSOS DE NEGÓCIO EM ORGANIZAÇÕES UMA ESTRATÉGIA PARA GESTÃO INTEGRADA DE PROCESSOS E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO ATRAVÉS DA MODELAGEM DE PROCESSOS DE NEGÓCIO EM ORGANIZAÇÕES Andréa Magalhães 1, Cláudia Cappelli 1, Fernanda Baião 1,2, Flávia

Leia mais

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva

Treinamento BPM e BPMN Apresentação Executiva Apresentação Executiva 1 O treinamento de BPM e BPMN tem como premissa capacitar o aluno a captar as atividades relativas a determinado processo da empresa, organizá-las, gerando um fluxograma de atividades/processos,

Leia mais

Gerenciamento de Processos de Negócio

Gerenciamento de Processos de Negócio Gestão por Processos By Alan Lopes +55 22-99202-0433 alopes.campos@mail.com http://prof-alan-lopes.weebly.com Gerenciamento de Processos de Negócio - Conceitos e fundamentos - Modelagem de processo - Análise

Leia mais

Conceitos de Processos & BPM

Conceitos de Processos & BPM http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Conceitos de Processos & BPM Parte I Rogério Araújo http://rogerioaraujo.wordpress.com Série Rações Semanais Conceitos de Processos & BPM Parte

Leia mais

INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS

INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS INOVANDO UM PROCESSO DE SERVIÇOS DE TI COM AS BOAS PRÁTICAS DO ITIL E USO DE BPMS Cilene Loisa Assmann (UNISC) cilenea@unisc.br Este estudo de caso tem como objetivo trazer a experiência de implantação

Leia mais

Gestão de Processos. Principais etapas, decisões e desafios da implantação de processos de TI com base no ITIL

Gestão de Processos. Principais etapas, decisões e desafios da implantação de processos de TI com base no ITIL Conhecimento em Tecnologia da Informação Gestão de Processos Principais etapas, decisões e desafios da implantação de processos de TI com base no ITIL 2011 Bridge Consulting Apresentação É comum que as

Leia mais

MANUAL DE GESTÃO POR PROCESSOS

MANUAL DE GESTÃO POR PROCESSOS TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO DIRETORIA-GERAL MANUAL DE GESTÃO POR PROCESSOS Coordenado pela Assessoria de Planejamento Estratégico Belo Horizonte Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região

Leia mais

BPMN (Business Process. George Valença gavs@cin.ufpe.br

BPMN (Business Process. George Valença gavs@cin.ufpe.br BPMN (Business Process Modeling Notation) George Valença gavs@cin.ufpe.br 31/10/2012 Introdução Modelagem de processos No ciclo de vida BPM, a etapa de modelagem de processos consiste em um conjunto de

Leia mais

Ciclo BPM: da Estratégia à Medição

Ciclo BPM: da Estratégia à Medição Treinamentos em Gestão por Processos Ciclo BPM: da Estratégia à Medição Da modelagem e análise ao monitoramento da execução de processos automatizados: tudo o que você precisa saber para fazer a Gestão

Leia mais

COMO MODELAR PROCESSOS DE NEGÓCIOS UTILIZANDO DIAGRAMA DE ATIVIDADES DA UNIFIED MODELING LANGUAGE (UML)

COMO MODELAR PROCESSOS DE NEGÓCIOS UTILIZANDO DIAGRAMA DE ATIVIDADES DA UNIFIED MODELING LANGUAGE (UML) COMO MODELAR PROCESSOS DE NEGÓCIOS UTILIZANDO DIAGRAMA DE ATIVIDADES DA UNIFIED MODELING LANGUAGE (UML) Ursulino Pereira Dias 1, Celso Luis. Z. Faria 2 RESUMO: Todo trabalho realizado nas empresas faz

Leia mais

Alessandro Almeida www.alessandroalmeida.com 21/05/2013. 1 Semestre de 2013

Alessandro Almeida www.alessandroalmeida.com 21/05/2013. 1 Semestre de 2013 Alessandro Almeida www.alessandroalmeida.com 21/05/2013 1 Semestre de 2013 1. Por favor, respondam o teste (4 perguntas) do site http://inspiira.org/ 2. Enviem seus resultados para o meu e-mail Possíveis

Leia mais

Introdução ao BPM e CBOK. Decanato de Planejamento e Orçamento DPO Diretoria de Processos Organizacionais - DPR

Introdução ao BPM e CBOK. Decanato de Planejamento e Orçamento DPO Diretoria de Processos Organizacionais - DPR Introdução ao BPM e CBOK Decanato de Planejamento e Orçamento DPO Diretoria de Processos Organizacionais - DPR BPM CBOK O Guia para o Gerenciamento de Processos de Negócio - Corpo Comum de Conhecimento

Leia mais

BPMN: Identificando vantagens e desvantagens do uso desta ferramenta para modelagem de processos.

BPMN: Identificando vantagens e desvantagens do uso desta ferramenta para modelagem de processos. BPMN: Identificando vantagens e desvantagens do uso desta ferramenta para modelagem de processos. Franciele da Costa Canello 1 RESUMO As organizações estão cada vez mais necessitando de sistemas que aliem

Leia mais

Figura 01: Mapa Estratégico da Previdência Social.

Figura 01: Mapa Estratégico da Previdência Social. PRÁTICA 1) TÍTULO Implementação do Gerenciamento de Riscos na Previdência Social: da estratégia ao desempenho institucional. 2) DESCRIÇÃO DA PRÁTICA - limite de 8 (oito) páginas: A Previdência Social em

Leia mais

Gestão de Pessoas CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. 5.Mapeamento e análise de processos organizacionais. Indicadores de Desempenho.

Gestão de Pessoas CONTEÚDO PROGRAMÁTICO. 5.Mapeamento e análise de processos organizacionais. Indicadores de Desempenho. Gestão de Pessoas CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 5.Mapeamento e análise de processos organizacionais. Indicadores de Desempenho. AULA 07 - ATPS Prof. Leonardo Ferreira 1 A Estrutura Funcional X Horizontal Visão

Leia mais

F.1 Gerenciamento da integração do projeto

F.1 Gerenciamento da integração do projeto Transcrição do Anexo F do PMBOK 4ª Edição Resumo das Áreas de Conhecimento em Gerenciamento de Projetos F.1 Gerenciamento da integração do projeto O gerenciamento da integração do projeto inclui os processos

Leia mais

BEM-VINDO!!! Apresentação Inicial. Por favor, descreva o seu atual conhecimento sobre Mapeamento de Processos

BEM-VINDO!!! Apresentação Inicial. Por favor, descreva o seu atual conhecimento sobre Mapeamento de Processos Apresentação Inicial BEM-VINDO!!! Por favor, descreva o seu atual conhecimento sobre Mapeamento de Processos 1 Mapeamento de Processos Mapeamento de Processos e Negócios com BPM 2 Ementa Introdução Definição

Leia mais

BPMN Business Process Modeling Notation

BPMN Business Process Modeling Notation BPMN Business Process Modeling Notation Business Process Modeling Notation Página 1 Objetivo O objetivo deste curso é apresentar os elementos da notação de modelagem de processos de negócio BPMN 1.1 (Business

Leia mais

1. OBJETIVO 2. DISPOSIÇÕES INICIAIS

1. OBJETIVO 2. DISPOSIÇÕES INICIAIS Superintendência de Padrões Operacionais SPO Manual de Procedimentos MPR provação: Portaria nº 1155, de 16 de maio de 2014, publicada no Boletim de Pessoal e Serviço v.9, nº 20, de 16 de maio de 2014.

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

BPM - Sem Processos, Sem Nada!

BPM - Sem Processos, Sem Nada! BPM - Sem Processos, Sem Nada! Márcio Teschima email: marcio@teschima.com Cientista da Informação, Pós Graduado em Qualidade, Processos e Projetos e com MBA em Gestão Empresarial, busco a oportunidade

Leia mais

METODOLOGIA DE GESTA O DE PROCESSOS

METODOLOGIA DE GESTA O DE PROCESSOS METODOLOGIA DE GESTA O DE PROCESSOS Guia de referência do sistema de Gestão de Pr ocessos do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região Versão 0.0 METODOLOGIA DE GESTÃO DE PROCESSOS Guia de referência

Leia mais

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Luís Rodolfo Vantagens e desvantagens de uma rede para a organização Maior agilidade com o uso intenso de redes de computadores; Grandes interações

Leia mais

MODELAGEM DE PROCESSOS

MODELAGEM DE PROCESSOS MODELAGEM DE PROCESSOS a a a PRODUZIDO POR CARLOS PORTELA csp3@cin.ufpe.br AGENDA Definição Objetivos e Vantagens Linguagens de Modelagem BPMN SPEM Ferramentas Considerações Finais Referências 2 DEFINIÇÃO:

Leia mais

GESTÃO E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS. Vanice Ferreira

GESTÃO E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS. Vanice Ferreira GESTÃO E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS Vanice Ferreira 12 de junho de 2012 GESTÃO E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS: conceitos iniciais DE QUE PROCESSOS ESTAMOS FALANDO? GESTÃO E OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS: conceitos iniciais

Leia mais

INTRODUÇÃO A MODELAGEM DE PROCESSOS UTILIZANDO BPMN 1 FÁBIO RODRIGUES CRUZ 2 2.1 CONCEITO DE MODELAGEM DE PROCESSOS UTILIZANDO BPMN

INTRODUÇÃO A MODELAGEM DE PROCESSOS UTILIZANDO BPMN 1 FÁBIO RODRIGUES CRUZ 2 2.1 CONCEITO DE MODELAGEM DE PROCESSOS UTILIZANDO BPMN INTRODUÇÃO A MODELAGEM DE PROCESSOS UTILIZANDO BPMN 1 FÁBIO RODRIGUES CRUZ 2 1 INTRODUÇÃO A Business Process Modeling Notation (BPMN), ou Notação de Modelagem de Processos de Negócio, é um conjunto de

Leia mais

Unidade: Pró-Reitoria de Desenvolvimento Institucional - PRDI Nº: MANUAL DE PROCEDIMENTOS. TÍTULO: Modelar Processos 1/17

Unidade: Pró-Reitoria de Desenvolvimento Institucional - PRDI Nº: MANUAL DE PROCEDIMENTOS. TÍTULO: Modelar Processos 1/17 1/17 ESTA FOLHA ÍNDICE INDICA EM QUE REVISÃO ESTÁ CADA FOLHA NA EMISSÃO CITADA R. 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 R. 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 FL. FL. 01 X 26 02 X 27 03 X 28 04 X 29 05 X 30 06 X

Leia mais

A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM

A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM FACULDADE DE LETRAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO A gestão de processos de negócio: conceitos e ferramentas BPM Trabalho realizado por: Ana Luisa Veiga Filipa Ramalho Doutora Maria Manuela Pinto GSI 2007 AGENDA:

Leia mais

UNIVERSIDADE FUMEC Faculdade de Ciências Empresariais Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento

UNIVERSIDADE FUMEC Faculdade de Ciências Empresariais Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento UNIVERSIDADE FUMEC Faculdade de Ciências Empresariais Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento Arquitetura de Dados: modelo conceitual e abordagem para criação e manutenção.

Leia mais

BPMN. Business Process Modeling Notation. Leandro C. López Agosto - 2015

BPMN. Business Process Modeling Notation. Leandro C. López Agosto - 2015 BPMN Business Process Modeling Notation Leandro C. López Agosto - 2015 Objetivos Conceitos Boas práticas de modelagem Elementos do BPMN Tipos de processos Apresentar os conceitos e elementos da notação

Leia mais

TECNOLOGIA E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UM ESTUDO DE CASO NA EMPRESA POSTO DOURADÃO LTDA RESUMO

TECNOLOGIA E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UM ESTUDO DE CASO NA EMPRESA POSTO DOURADÃO LTDA RESUMO TECNOLOGIA E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UM ESTUDO DE CASO NA EMPRESA POSTO DOURADÃO LTDA Hewerton Luis P. Santiago 1 Matheus Rabelo Costa 2 RESUMO Com o constante avanço tecnológico que vem ocorrendo nessa

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 3ª REGIÃO Controle de Versões Autor da Solicitação: Subseção de Governança de TIC Email:dtic.governanca@trt3.jus.br Ramal: 7966 Versão Data Notas da Revisão 1 03.02.2015 Versão atualizada de acordo com os novos

Leia mais

silviaheld@usp.br Italiano, Isabel Cristina. Profa. Dra. - Têxtil e Moda - Escola de Artes, Ciências e RESUMO ABSTRACT

silviaheld@usp.br Italiano, Isabel Cristina. Profa. Dra. - Têxtil e Moda - Escola de Artes, Ciências e RESUMO ABSTRACT MAPEAMENTO DE PROCESSOS DE CONFECÇÃO PARA IDENTIFICAÇÃO DE PONTOS CRÍTICOS DA PRODUÇÃO Espinosa, Caroline Stagi - Bacharel em Têxtil e Moda - Escola de Artes, Ciências e Humanidades - Universidade de São

Leia mais

Adm. Vinicius Braga admviniciusbraga@gmail.com. Prof. Msc. Wilane Carlos da Silva Massarani wilane@cercomp.ufg.br

Adm. Vinicius Braga admviniciusbraga@gmail.com. Prof. Msc. Wilane Carlos da Silva Massarani wilane@cercomp.ufg.br Adm. Vinicius Braga admviniciusbraga@gmail.com Prof. Msc. Wilane Carlos da Silva Massarani wilane@cercomp.ufg.br Objetivos Contextualização Conceitos Boas práticas de modelagem Elementos do BPMN Tipos

Leia mais

UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA BPMS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROCESSOS ADERENTES AO MODELO DO MPS.BR

UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA BPMS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROCESSOS ADERENTES AO MODELO DO MPS.BR UTILIZAÇÃO DA TECNOLOGIA BPMS PARA IMPLEMENTAÇÃO DE PROCESSOS ADERENTES AO MODELO DO MPS.BR Karin Maria Sohnlein (UNISC) karin.sohnlein@gmail.com Rafael Bortolini (UNISC) rfbortolini@gmail.com Vinicius

Leia mais

Vice-Presidência de Tecnologia. Governança de TI Uma Jornada

Vice-Presidência de Tecnologia. Governança de TI Uma Jornada Vice-Presidência de Tecnologia Governança de TI Uma Jornada Contexto Conhecer-se é condição fundamental para evoluir Evolução da TI Governança de TI Contexto Evolução da TI Aumento de importância e complexidade

Leia mais

IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding

IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding IBM Cognos Business Intelligence Scorecarding Unindo a estratégia às operações com sucesso Visão Geral O Scorecarding oferece uma abordagem comprovada para comunicar a estratégia de negócios por toda a

Leia mais

Ricardo Paulino Gerente de Processos e Estratégia

Ricardo Paulino Gerente de Processos e Estratégia Ricardo Paulino Gerente de Processos e Estratégia Agenda Sobre a Ferrettigroup Brasil O Escritório de Processos Estratégia Adotada Operacionalização do Escritório de Processos Cenário Atual Próximos Desafios

Leia mais

Artigo de Conclusão de curso sobre BPM - Gestão de Processo de Negócio

Artigo de Conclusão de curso sobre BPM - Gestão de Processo de Negócio Artigo de Conclusão de curso sobre BPM - Gestão de Processo de Negócio Este é um artigo sobre BPM que merece destaque no Portal GSTI. No trabalho abaixo, de Francisco Sobreira Neto, é elaborado um apanhado

Leia mais

Governança Corporativa e a gestão dos processos

Governança Corporativa e a gestão dos processos Governança Corporativa e a gestão dos processos Governança Corporativa É o sistema pelo qual as sociedades são dirigidas, monitoradas, e incentivadas, envolvendo os relacionamentos entre acionistas/associados/cotistas,

Leia mais

Gestão Estratégica da Informação

Gestão Estratégica da Informação Valorizando o Rio de Janeiro Gestão Estratégica da Informação Visão e Aplicações Palestrante: Prof.: Marcelo Almeida Magalhães "Many of us underestimated just how fast business process modeling would become

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS

SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS SIMPLIFICAÇÃO DE PROCESSOS 1 FINALIDADE DO PROJETO ESTRATÉGICO Simplificar e padronizar os processos internos, incrementando o atendimento ao usuário. Especificamente o projeto tem o objetivo de: Permitir

Leia mais

Aula 7 Mapeamento de processos e Questionário de Diagnóstico Organizacional (QDO)

Aula 7 Mapeamento de processos e Questionário de Diagnóstico Organizacional (QDO) Aula 7 Mapeamento de processos e Questionário de Diagnóstico Organizacional (QDO) Profa. Ms. Daniela Cartoni daniela.cartoni@veris.edu.br QUESTIONÁRIO DE DIAGNÓSTICO ORGANIZACIONAL (QDO) QUESTIONÁRIO DE

Leia mais

GESTÃO POR PROCESSOS - ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DO BPM EM UMA AGROINDÚSTRIA DA REGIÃO SUDOESTE DO ESTADO DE GOIÁS

GESTÃO POR PROCESSOS - ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DO BPM EM UMA AGROINDÚSTRIA DA REGIÃO SUDOESTE DO ESTADO DE GOIÁS GESTÃO POR PROCESSOS - ANÁLISE DA IMPLANTAÇÃO DO BPM EM UMA AGROINDÚSTRIA DA REGIÃO SUDOESTE DO ESTADO DE GOIÁS Vinícius Gil de Oliveira 1 Jordania Louse Silva Alves 2 RESUMO Para melhorar a execução e

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI: Uma aplicação referenciada pelo COBIT

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI: Uma aplicação referenciada pelo COBIT Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação PETI: Uma aplicação referenciada pelo COBIT Universidade Federal de Santa Catarina Sistemas de Informação André Luiz Samistraro Santin asantin@inf.ufsc.br

Leia mais

O Escritório de Processos da Pró-reitoria de Gestão e Governança. Divisão de Gestão de Procedimentos e Normas

O Escritório de Processos da Pró-reitoria de Gestão e Governança. Divisão de Gestão de Procedimentos e Normas O Escritório de Processos da Pró-reitoria de Gestão e Governança Divisão de Gestão de Procedimentos e Normas SUMÁRIO Universidade: ensino, pesquisa, extensão e gestão Estrutura da UFRJ Conceito de escritório

Leia mais

SISTEMA DE SENSIBILIZAÇÃO, PROSPECÇÃO E QUALIFICAÇÃO: PROPOSIÇÃO DE UM CONJUNTO DE ELEMENTOS PARA GUIAR AÇÕES DE MELHORIAS EM UMA INCUBADORA POTIGUAR

SISTEMA DE SENSIBILIZAÇÃO, PROSPECÇÃO E QUALIFICAÇÃO: PROPOSIÇÃO DE UM CONJUNTO DE ELEMENTOS PARA GUIAR AÇÕES DE MELHORIAS EM UMA INCUBADORA POTIGUAR SISTEMA DE SENSIBILIZAÇÃO, PROSPECÇÃO E QUALIFICAÇÃO: PROPOSIÇÃO DE UM CONJUNTO DE ELEMENTOS PARA GUIAR AÇÕES DE MELHORIAS EM UMA INCUBADORA POTIGUAR RESUMO Maria Luiza Azevedo de Carvalho Anderson Paiva

Leia mais

Disciplina: GESTÃO DE PROCESSOS E QUALIDADE Prof. Afonso Celso M. Madeira

Disciplina: GESTÃO DE PROCESSOS E QUALIDADE Prof. Afonso Celso M. Madeira Disciplina: GESTÃO DE PROCESSOS E QUALIDADE Prof. Afonso Celso M. Madeira 3º semestre CONCEITOS CONCEITOS Atividade Ação executada que tem por finalidade dar suporte aos objetivos da organização. Correspondem

Leia mais

Módulo 6. Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor.

Módulo 6. Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor. Módulo 6 Módulo 6 Desenvolvimento do projeto com foco no negócio BPM, Análise e desenvolvimento, Benefícios, Detalhamento da metodologia de modelagem do fluxo de trabalho EPMA. Todos os direitos de cópia

Leia mais

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2012 2015 Controle de Revisão Ver. Natureza Data Elaborador Revisor

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO MILLENA SILVA PAIVA ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO MILLENA SILVA PAIVA ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO MILLENA SILVA PAIVA ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO GOIÂNIA 2015 2 UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS DEPARTAMENTO

Leia mais

Curso BPM e Gestão por Processos de Negócios

Curso BPM e Gestão por Processos de Negócios Curso BPM e Gestão por Processos de Negócios Em um cenário mundial de grandes desafios, dada às rápidas mudanças que assistimos em quase todos os negócios, é cada vez mais importante para as organizações

Leia mais

Case APESC. Assessoria de Desenvolvimento Organizacional

Case APESC. Assessoria de Desenvolvimento Organizacional Case APESC Assessoria de Desenvolvimento Organizacional PROGRAMA Assessoria de Desenvolvimento Organizacional DO Gestão de Processos na APESC Metodologia Novo Olhar Benefícios e desafios Sistema de Gestão

Leia mais

Definições. BPM - Business Process Management. BPMN Business Process Modeling Notation. BPMS Business Process Management System

Definições. BPM - Business Process Management. BPMN Business Process Modeling Notation. BPMS Business Process Management System Definições BPM - Business Process Management BPMN Business Process Modeling Notation BPMS Business Process Management System Erros da Gestão de Processos / BPM 1. Fazer a Gestão sem Automação Desenho,

Leia mais

EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP

EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP GESTÃO DAS INFORMAÇÕES EVER SANTORO www.eversantoro.com.br DOCENCIA > UNIP CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PROGRAMAÇÃO EXPOSIÇÃO DA DISCIPLINA Cultura da informação Informação estratégica Conceito ampliado de informação

Leia mais

Manual de Processo Elaborar Relatório Anual de Governo - RAG

Manual de Processo Elaborar Relatório Anual de Governo - RAG Manual de Processo Elaborar Relatório Anual de Governo - RAG Versão 1.0 Setembro de 2015 Governo do Estado da Bahia Rui Costa Secretaria do Planejamento João Felipe de Souza Leão Gabinete do Secretário

Leia mais

Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa. Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions

Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa. Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions Qualidade de Software no Contexto Organizacional: Arquitetura Corporativa Atila Belloquim Gnosis IT Knowledge Solutions TI e Negócio 10 entre 10 CIOs hoje estão preocupados com: Alinhar TI ao Negócio;

Leia mais

Alavancando a segurança a partir da nuvem

Alavancando a segurança a partir da nuvem Serviços Globais de Tecnologia IBM White Paper de Liderança em Pensamento Serviços de Segurança IBM Alavancando a segurança a partir da nuvem O quem, o que, quando, por que e como dos serviços de segurança

Leia mais

Gestão por Processos

Gestão por Processos Gestão por Processos Ponta Grossa SC Setembro de 2011 Simone de Andrade Klober. Graduado em Psicologia - ACE/SC, Mestre em Gestão Estratégica ESAG/UDESC, Especialista em dinâmica dos Grupos SBDG, Formação

Leia mais

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO*

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* RESUMO Marilia Costa Machado - UEMG - Unidade Carangola Graciano Leal dos Santos

Leia mais

MAPEAMENTO DE PROCESSOS: O CASO DA MANUTENÇÃO DO SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO DO CAMPUS LABORATORIAL DO INMETRO

MAPEAMENTO DE PROCESSOS: O CASO DA MANUTENÇÃO DO SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO DO CAMPUS LABORATORIAL DO INMETRO MAPEAMENTO DE PROCESSOS: O CASO DA MANUTENÇÃO DO SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO DO CAMPUS LABORATORIAL DO INMETRO JOAO EVANY FERRAZ JUNIOR (Inmetro) jejunior@inmetro.gov.br Mara Telles Salles (UFF) mara@labceo.uff.br

Leia mais

Módulo 07 Gestão de Conhecimento

Módulo 07 Gestão de Conhecimento Módulo 07 Gestão de Conhecimento Por ser uma disciplina considerada nova dentro do campo da administração, a gestão de conhecimento ainda hoje tem várias definições e percepções, como mostro a seguir:

Leia mais

UM MODELO DE PROJETO DE PROCESSOS UTLIZANDO A MODELAGEM DE PROCESSOS COM BPMN

UM MODELO DE PROJETO DE PROCESSOS UTLIZANDO A MODELAGEM DE PROCESSOS COM BPMN UM MODELO DE PROJETO DE PROCESSOS UTLIZANDO A MODELAGEM DE PROCESSOS COM BPMN Jose Belo Torres (UFC ) belo@ufc.br Amanda Costa Azevedo (UFC ) amanda.c.a@alu.ufc.br Mateus Jatoba Dias (UFC ) mateusjatoba@hotmail.com

Leia mais

Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia

Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia Escritórios de Processos (BPM Office) e de Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia Introdução...2 Uniformizando o entendimento dos conceitos... 4 Entendendo as principais similaridades... 5 Entendendo

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 26/2011 ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO E CONDIÇÕES DE EXECUÇÃO

PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 26/2011 ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO E CONDIÇÕES DE EXECUÇÃO TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS Vinculada ao Ministério das Comunicações PREGÃO ELETRÔNICO SRP Nº 26/2011 ANEXO I ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO E CONDIÇÕES DE EXECUÇÃO 1 ESPECIFICAÇÃO DO OBJETO O objeto

Leia mais

PRIMAVERA PORTFOLIO MANAGEMENT DA ORACLE

PRIMAVERA PORTFOLIO MANAGEMENT DA ORACLE PRIMAVERA PORTFOLIO MANAGEMENT DA ORACLE RECURSOS GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO Entrega valor por meio de uma abordagem de estratégia em primeiro lugar para selecionar o conjunto ideal de investimentos Aproveita

Leia mais

Alinhamento entre Estratégia e Processos

Alinhamento entre Estratégia e Processos Fabíola Azevedo Grijó Superintendente Estratégia e Governança São Paulo, 05/06/13 Alinhamento entre Estratégia e Processos Agenda Seguros Unimed Modelo de Gestão Integrada Kaplan & Norton Sistema de Gestão

Leia mais

PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL. Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 01

PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL. Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 01 PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA INTERNACIONAL Diretrizes e Estratégias para Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil Projeto 914 BRA5065 - PRODOC-MTC/UNESCO DOCUMENTO TÉCNICO Nº 01 LEVANTAMENTO, MODELAGEM

Leia mais

Modelagem de Processos na ECT

Modelagem de Processos na ECT Modelagem de Processos na ECT BPM DAY - Brasília 2012 AGENDA Iniciativas de BPI Método para Gestão de Processos de TIC Criação da Gerencia de Modelagem (GMON) Planejamento Estratégico 2020 Diagnóstico

Leia mais

RELATÓRIO DE ENTREGA DO PROJETO DE BPM ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO-EMPREL

RELATÓRIO DE ENTREGA DO PROJETO DE BPM ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO-EMPREL Diretoria de Soluções em Tecnologia da Informação DSI Departamento Projetos, Processos e Requisitos - DEPR Unidade Operacional de Projetos e Processos UOPP RELATÓRIO DE ENTREGA DO PROJETO DE BPM ADMINISTRATIVO-FINANCEIRO-EMPREL

Leia mais

O desafio de uma visão mais ampla

O desafio de uma visão mais ampla com SAP NetWeaver BPM Descrição de Solução A competição acirrada tem levado as organizações a adotar novas disciplinas de gestão e empregar recursos tecnológicos avançados, a fim de atingir melhores índices

Leia mais

Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação

Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação Atuação da Auditoria Interna na Avaliação da Gestão de Tecnologia da Informação Emerson de Melo Brasília Novembro/2011 Principais Modelos de Referência para Auditoria de TI Como focar no negócio da Instituição

Leia mais

Aplicação do Método AHP na Seleção de Software para Modelagem de Processos de Negócios Amanda Alves 1, Thiago Depoi Stoll 1, Rafael Baldiati Parizi 1

Aplicação do Método AHP na Seleção de Software para Modelagem de Processos de Negócios Amanda Alves 1, Thiago Depoi Stoll 1, Rafael Baldiati Parizi 1 242 Aplicação do Método AHP na Seleção de Software para Modelagem de Processos de Negócios Amanda Alves 1, Thiago Depoi Stoll 1, Rafael Baldiati Parizi 1 1Instituto Federal Farroupilha Campus São Borja

Leia mais

Introdução à Bonita BPM

Introdução à Bonita BPM WHITE PAPER Introdução à Bonita BPM Como começar a usar o Bonita BPM para capturar um processo conceitual e transformá-lo em um diagrama de processo Charlotte Adams, Alexandre Bricout e Maria Picard, Bonitasoft

Leia mais

Gestão de Processos de Negócios

Gestão de Processos de Negócios Gestão Operacional da TI Gestão de Processos de Negócios Business Process Management (BPM) Professor: Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br Professor NOME: RÔMULO CÉSAR DIAS DE ANDRADE

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

ü Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação

ü Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação Curso - Bacharelado em Sistemas de Informação Nome e titulação do Coordenador: Coordenador: Prof. Wender A. Silva - Mestrado em Engenharia Elétrica (Ênfase em Processamento da Informação). Universidade

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Competências Analista 1. Administração de recursos de infra-estrutura de tecnologia da informação 2.

Leia mais

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br

PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO. ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br PROCESSOS PODEROSOS DE NEGÓCIO ideiaconsultoria.com.br 43 3322 2110 comercial@ideiaconsultoria.com.br POR QUE ESCREVEMOS ESTE E-BOOK? Nosso objetivo com este e-book é mostrar como a Gestão de Processos

Leia mais

MACROPROCESSOS É um conjunto de processos que correspondem a uma função da organização.

MACROPROCESSOS É um conjunto de processos que correspondem a uma função da organização. GESTÃO POR PROCESSOS Prof. WAGNER RABELLO JR PROCESSO Conjunto de recursos e atividades interrelacionadas que transforma insumos (entradas) em serviços ou produtos (saídas); GESTÃO DE PROCESSO OU GESTÃO

Leia mais

Gestão por Processos. Gestão por Processos Gestão por Projetos. Metodologias Aplicadas à Gestão de Processos

Gestão por Processos. Gestão por Processos Gestão por Projetos. Metodologias Aplicadas à Gestão de Processos Gestão por Processos Gestão por Projetos Gestão por Processos Gestão de Processos de Negócio ou Business Process Management (BPM) é um modelo de administração que une gestão de negócios à tecnologia da

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 4031 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº

TERMO DE REFERÊNCIA Nº 4031 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO DE SELEÇÃO - EDITAL Nº Impresso por: RAFAEL DE SOUZA RODRIGUES DOS SANTOS Data da impressão: 10/08/015-14:4:5 SIGOEI - Sistema de Informações Gerenciais da OEI TERMO DE REFERÊNCIA Nº 401 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA PROCESSO

Leia mais

Renata Alves Campos (CoInfo) Sandra Maria Peron de Lima (DP) Março/2012

Renata Alves Campos (CoInfo) Sandra Maria Peron de Lima (DP) Março/2012 Renata Alves Campos (CoInfo) Sandra Maria Peron de Lima (DP) Março/2012 O que é um processo? Um processo é um grupo de atividades realizadas numa seqüência lógica com o objetivo de produzir um bem ou um

Leia mais

Política de Logística de Suprimento

Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento 5 1. Objetivo Aumentar a eficiência e competitividade das empresas Eletrobras, através da integração

Leia mais

Curso de. Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI

Curso de. Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI Curso de Formação Executiva em Estratégia, Governança e Processos de TI Descrição da Ementa do Curso Como integrar negócio e tecnologia? Como maximizar o retorno sobre investimentos em projetos de Tecnologia

Leia mais

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br COBIT Governança de TI Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br Sobre mim Juvenal Santana Gerente de Projetos PMP; Cobit Certified; ITIL Certified; OOAD Certified; 9+ anos de experiência em TI; Especialista

Leia mais

Projeto BPM-DAF Julho/2014

Projeto BPM-DAF Julho/2014 Projeto BPM-DAF Julho/2014 O QUE VEREMOS? 1-1ª Etapa 1.1-ESCOPO 1.2-RESULTADOS OBTIDOS 2-2ª Etapa 2.1-ESCOPO 2.2-RESULTADOS OBTIDOS 3-APRENDIZADO 4-PRÓXIMA ETAPA (Gestão do desempenho e automação) 1.1-ESCOPO*

Leia mais

Roadmap para implantação de um Escritório de Processos

Roadmap para implantação de um Escritório de Processos - Promovendo a inovação organizacional e a governança de BPM - Introdução... 2 A necessidade de governança das ações de BPM... 3 O papel do Escritório de Processos como promotor da inovação organizacional

Leia mais

LEVANTAMENTO DAS ETAPAS E NORMAS

LEVANTAMENTO DAS ETAPAS E NORMAS CAPÍTULO 03 LEVANTAMENTO DAS ETAPAS E NORMAS Simplificação Administrativa Planejamento da Simplificação Pré-requisitos da Simplificação Administrativa Elaboração do Plano de Trabalho Mapeamento do Processo

Leia mais

Apresentação da Empresa

Apresentação da Empresa Apresentação da Empresa Somos uma empresa especializada em desenvolver e implementar soluções de alto impacto na gestão e competitividade empresarial. Nossa missão é agregar valor aos negócios de nossos

Leia mais

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro

Tecnologia da Informação e Comunicação. Douglas Farias Cordeiro Tecnologia da Informação e Comunicação Douglas Farias Cordeiro Algumas coisas que vimos até aqui Qual a diferença entre as funções do analista e do projetista? Como funciona o ciclo de vida de um projeto

Leia mais

Gestão estratégica de pessoas e planos de carreira

Gestão estratégica de pessoas e planos de carreira Gestão estratégica de pessoas e planos de carreira Módulo 3 Conceitos e Princípios Sobre Carreira e Remuneração Fundação Escola Nacional de Administração Pública Presidente Gleisson Rubin Diretor de Desenvolvimento

Leia mais

Seção I: Desenvolvimento de Soluções de e-business

Seção I: Desenvolvimento de Soluções de e-business CAPÍTULO 10.I Desenvolvimento de Soluções de e-business VISÃO GERAL DO CAPÍTULO A finalidade deste capítulo é apresentar as abordagens tradicionais a de prototipagem e a do usuário final para o desenvolvimento

Leia mais

Questionário - Proficiência Clínica

Questionário - Proficiência Clínica Tema: Elaborador: ENGENHARIA DE PROCESSOS NO LABORATÓRIO CLÍNICO Fernando de Almeida Berlitz. Farmacêutico-Bioquímico (UFRGS). MBA Gestão Empresarial e Marketing (ESPM). Lean Six Sigma Master Black Belt.

Leia mais

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People.

Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. Business Process Management [BPM] Get Control. Empower People. O SoftExpert BPM Suite é uma suíte abrangente de módulos e componentes perfeitamente integrados, projetados para gerenciar todo o ciclo de

Leia mais

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment

Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral da solução Forneça a próxima onda de inovações empresariais com o Open Network Environment Visão geral À medida que tecnologias como nuvem, mobilidade, mídias sociais e vídeo assumem papéis

Leia mais

Instituto de Computação, Universidade Federal do Amazonas (UFAM) Manaus-AM, Brasil

Instituto de Computação, Universidade Federal do Amazonas (UFAM) Manaus-AM, Brasil Elicitação de Requisitos a partir de Modelos de Processos de Negócio e Modelos Organizacionais: Uma pesquisa para definição de técnicas baseadas em heurísticas Marcos A. B. de Oliveira 1, Sérgio R. C.

Leia mais

Conceitos de Sistemas de Informação

Conceitos de Sistemas de Informação Conceitos de Sistemas de Informação Prof. Miguel Damasco AEDB 1 Objetivos da Unidade 1 Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a SISTEMAS INTEGRADOS Prof. Eduardo Oliveira Bibliografia adotada: COLANGELO FILHO, Lúcio. Implantação de Sistemas ERP. São Paulo: Atlas, 2001. ISBN: 8522429936 LAUDON, Kenneth C.; LAUDON, Jane Price. Sistemas

Leia mais