LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E FLORESTAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E FLORESTAL"

Transcrição

1 LEGISLAÇÃO AMBIENTAL E FLORESTAL PROFESSORA ENG. FLORESTAL CIBELE ROSA GRACIOLI OUTUBRO, 2014.

2 OBJETIVOS DA DISCIPLINA DISCUTIR PRINCÍPIOS ÉTICOS QUESTÃO AMBIENTAL CONHECER A POLÍTICA E A LEGISLAÇÃO VOLTADAS AS QUESTÕES DO MEIO AMBIENTE

3 PROGRAMA DA DISCIPLINA Ementa 1. Política Nacional do Meio Ambiente; 2. Código Florestal Federal; Cadastro Ambiental Rural (CAR); Código Florestal do RS; 3. Crimes Ambientais; 4. Concessão de Florestas no Brasil; 5. Mata Atlântica; 6. Sistema Nacional de Unidades de Conservação.

4 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 1 - POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE (Lei 6.938/81) Sistema Nacional do Meio Ambiente (SISNAMA) Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) Instrumentos da Política Nacional do Meio Ambiente.

5 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 2 CÓDIGO FLORESTAL 2.1 Código Florestal Federal (Lei /2012) / Com alterações da Lei /2012 ; 2.2 Código Florestal Estadual (Lei 9.519/92) e Decreto /98 (Regras do Manejo Florestal de Nativas)

6 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 3 LEI DOS CRIMES AMBIENTAIS Lei 9.605/1998

7 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 4 LEI DA CONCESSÃO DE FLORESTAS NO BRASIL Lei /2006

8 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 5 BIOMA MATA ATLÂNTICA Lei /2006 Decreto 6.660/2008

9 PROGRAMA DA DISCIPLINA UNIDADE 6 SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO (SNUC) Lei 9.985/2000 Decreto 4.340/2002

10

11 CRONOGRAMA 01/10 aula1 - Prof. Victor 08/10 Aula 2 - Tarefa 15/10 Aula 3 - Tarefa 22/10 Aula 4 -Tarefa

12 LEGISLAÇÃO Brasil. Constituição Federal de Política Nacional do Meio Ambiente. Lei n.º de 31 de agosto de Política Nacional dos Recursos Hídricos. Lei n.º 9.433, de 8 de janeiro de Código Florestal. Lei , Crimes Ambientais. Lei n.º 9.605, de 12 de fevereiro de Rio Grande do Sul. Resoluções do Conselho Estadual do Meio Ambiente.. Resoluções do Conselho Estadual dos Recursos Hídricos.. Código Florestal. Lei n.º 9.519, de 21 de janeiro de Código Estadual do Meio Ambiente. Lei n.º , de 3 de agosto de Recursos Hídricos. Lei n.º10.350, de 30 de dezembro de 1994.

13 BIBLIOGRAFIA BÁSICA FIORILLO, C.A.P. Curso de Direito Ambiental Brasileiro. São Paulo, Saraiva, MACHADO, P.A.L. Direito Ambiental Brasileiro, São Paulo, Malheiros, SEGUIN, E. O direito Ambiental: Nossa Casa Planetária. Rio de Janeiro, Forense, TRENNEPOHL, T. D. Direito Ambiental. 4 ed. Revisada e atualizada. Editora Juspodium.

14 PREOCUPAÇÃO COM A NATUREZA OBTENÇÃO DE ÁGUA PRODUÇÃO DE ALIMENTOS MORADIA AVANÇOS TECNOLÓGICOS EXPECTATIVAS SOCIEDADE DE RISCO DEGRADAÇÕES

15 DIVISÃO PARA FINS DE ESTUDO DO MEIO AMBIENTE Meio ambiente natural Meio ambiente cultural Meio ambiente artificial Meio ambiente do trabalho

16 POLÍTICA AMBIENTAL NO BRASIL ÚLTIMOS 40 ANOS MOVIMENTOS SOCIAIS PRESSÕES EXTERNAS Do pós-guerra 1972 (CONFERÊNCIA DE ESTOCOLMO) FOMENTO A EXPLORAÇÃO DE RECURSOS NATURAIS DESBRAVAMENTO DO TERRITÓRIO SANEAMENTO RURAL EDUCAÇÃO SANITÁRIA EMBATES INTERESSE ECONOMICO AUSÊNCIA DE ENTIDADE GESTORA DA QUESTÃO AMBIENTAL LEGISLAÇÃO CÓDIGO DAS ÁGUAS (1934) CÓDIGO FLORESTAL (1965) CÓDIGO DE CAÇA E PESCA (1967)

17

18 POLÍTICA AMBIENTAL NO BRASIL CONFERÊNCIA DE ESTOCOLMO RELATÓRIO DO CLUBE DE ROMA (BASE) MEDIDAS PROPOSTAS - APENAS CORRETIVAS ASSISTENCIA TÉCNICA COMPROMISSO ENTRE NAÇÕES BRASIL SE OPÕE ASSISTENCIA FINANCEIRA PLANEJAMENTO, GERENCIAMENTO DE RECURSOS

19 POLÍTICA AMBIENTAL NO BRASIL AGOSTO DE 1981 LEI FEDERAL CRIA SISTEMA NACIONAL DE MEIO AMBIENTE (SISNAMA) MINISTÉRIOS ADMINISTRAÇÃO FEDERAL ORGÃOS AMBIENTAIS ESTADUAIS E MUNICIPAIS ENTIDADES DE CLASSE ORGANIZAÇÕES NÃO- GOVERNAMENTAIS (ONGS) CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

20 UNIDADE 1 A POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

21 SUMÁRIO 1 O que é a PNMA? 2 Objetivos da PNMA 3 - Princípios da PNMA 4 O Sistema Nacional do Meio Ambiente SISNAMA 5 Instrumentos da PNMA

22 1 POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Lei 6.938/81 Política Nacional do Meio Ambiente - PNMA SISNAMA Incorpora e aprimora Leis estaduais

23 1 POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Apresenta: Objetivos Instrumentos de PRESERVAÇÃO AMBIENTAL + DESENVOLVIMENTO SUSTENTADO DA SOCIEDADE Possui: PRINCÍPIOS ESPECÍFICOS

24 2 PRINCÍPIOS DA PNMA Segundo o artigo 2º da Lei 6.938/81 (ver Lei) PRINCÍPIOS: BUSCAM A PROTEÇÃO DO MEIO AMBIENTE Mens legis* (*intenção da lei)

25 Princípios Equilíbrio ecológico Racionalização do uso do solo, do subsolo, da água e do ar; Planejamento e fiscalização do uso dos recursos ambientais; Proteção dos ecossistemas; Controle e zoneamento das atividades potencial ou efetivamente poluidoras; Acompanhamento do estado da qualidade ambiental; Recuperação de áreas degradadas; Proteção de áreas ameaçadas de degradação; Educação ambiental em todos os níveis de ensino.

26 3 OBJETIVOS DA POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE OBJETIVOS GERAIS PRESERVAÇÃO MELHORIA RECUPERAÇÃO DA QUALIDADE AMBIENTAL PROPÍCIA A VIDA ASSEGURA CONDIÇÕES AO DESENVOLVIMENTO SÓCIO- ECONÔMICO, INTERESSES DA SEGURANÇA NACIONAL PROTEÇÃO DA DIGNIDADE DA VIDA

27 3 OBJETIVOS DA POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE OBJETIVOS ESPECÍFICOS Segundo artigo 4º da lei 6.938/81 (ver Lei) Os princípios do PNMA servem de critério na compreensão das normas ambientais

28 Objetivo 1 A compatibilização do desenvolvimento econômico-social, com a preservação da qualidade do meio ambiente e do equilíbrio ecológico; Artigo 4o., inciso I, da Lei 6.938/81

29 Objetivo 2 A definição de áreas prioritárias de ação governamental, relativa à qualidade e ao equilíbrio ecológico, atendendo aos interesses da União, dos Estados, do Distrito Federal, dos Territórios e dos Municípios; Artigo 4o., inciso II, da Lei 6.938/81

30 Objetivo 3 O estabelecimento de critérios e padrões de qualidade ambiental e de normas relativas ao uso e manejo dos recursos ambientais; Artigo 4o., inciso III, da Lei 6.938/81

31 Objetivo 4 O desenvolvimento de pesquisas e de tecnologias nacionais, orientadas para o uso racional dos recursos ambientais; Artigo 4o., inciso IV, da Lei 6.938/81

32 Objetivo 5 A difusão de tecnologia de manejo do meio ambiente, e à divulgação de dados e informações ambientais e à formação de uma consciência pública sobre a necessidade de preservação da qualidade ambiental e do equilíbrio ecológico; Artigo 4o., inciso V, da Lei 6.938/81

33 Objetivo 6 A preservação e a restauração dos recursos ambientais, com vistas à sua utilização racional e disponibilidade permanente, concorrendo para a manutenção do equilíbrio ecológico propício à vida. Artigo 4o., inciso VI, da Lei 6.938/81

34 Objetivo 7 A imposição, ao poluidor e ao predador da obrigação de recuperar e/ou indenizar os danos causados e, ao usuário, da contribuição pela utilização de recursos ambientais com fins econômicos. Artigo 4o., inciso VII, da Lei 6.938/81

35 INSTRUMENTOS DA PNMA

36 Instrumento 1 Estabelecimento de padrões de qualidade ambiental; Artigo 9o., inciso I, da Lei 6.938/81

37 Instrumento 2 Zoneamento ambiental; Artigo 9o., inciso II da Lei 6.938/81 Regulamentado pelo Decreto No /2002

38 Instrumento 3 Avaliação de impactos ambientais; Artigo 9o., inciso III, da Lei 6.938/81 Resolução CONAMA 01/86

39 Instrumento 4 Licenciamento e revisão de atividades efetiva ou potencialmente poluidoras; Artigo 9o., inciso IV, da Lei 6.938/81 Resolução CONAMA 237/97 Resolução CONSEMA 102/2005 *

40 Instrumento 5 Incentivos à produção e instalação de equipamentos e a criação ou absorção de tecnologia, voltados para a melhoria da qualidade ambiental; Artigo 9o., inciso V, da Lei 6.938/81

41 Instrumento 6 Criação de espaços territoriais especialmente protegidos pelo Poder Público Federal, estadual ou Municipal, tais como APA - Área de Proteção Ambiental, ARIE - Área de Relevante Interesse Ecológico e RESEX - Reservas Extrativistas; Artigo 9o., inciso VI, da Lei 6.938/81

42 Instrumento 7 Sistema nacional de informação sobre meio ambiente - CNIA; Artigo 9o., inciso VII, da Lei 6.938/81 Vide Lei No /2003

43 Instrumento 8 Cadastro Técnico Federal de atividades e instrumentos de defesa ambiental; Artigo 9o., inciso VIII, da Lei 6.938/81

44

45

46

47 Instrumento 9 Penalidades disciplinares ou compensatórias ao não cumprimento das medidas necessárias à preservação ou correção da degradação ambiental; Artigo 9o., inciso IX

48 Instrumentos 10 e 11 RQMA - Relatório de Qualidade do Meio Ambiente; Artigo 9o., inciso X, da Lei 6.938/81 Garantia de prestação de informações relativas ao meio ambiente; Artigo 9o., inciso XI, da Lei 6.938/81.

49

50 Instrumento 12 Cadastro Técnico Federal de atividades potencialmente poluidoras e/ou utilizadoras dos recursos ambientais. Artigo 9o., inciso XII, da Lei 6.938/81.

51

52 5 O SISTEMA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Origem do SISNAMA Decreto nº /73 Criação da SEMA* *Secretaria especial de Meio ambiente/ Pós Estocolmo

53 5 O SISTEMA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Estrutura do SISNAMA Político-administrativa / Governamental Aberta a participação de Instituições nãogovernamentais

54 5 O SISTEMA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Constituição do SISNAMA Órgãos ambientais e entidades da União, dos Estados, Distrito Federal e Municípios.

55 Órgão Superior: Conselho de Governo; Órgão Consultivo e Deliberativo: Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA); Órgão Central: Ministério do Meio Ambiente (MMA) Órgão Executor: IBAMA; ICMBIO Órgãos Seccionais: os dos estados responsáveis pela execução de programas. projetos e controle/fiscalização de atividades degradadoras do meio ambiente; Órgãos Locais: os órgãos ou entidades municipais responsáveis pelo controle e fiscalização destas atividades, nas suas respectivas jurisdições. Artigo. 6o., da Lei 6.938/81, com as alterações da Lei 8.028/90.

56 4.5 O SISTEMA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

57 ÕRGÃO CONSULTIVO E DELIBERATIVO De acordo com Decreto /90 (com alterações do Dec /01) Compete ao CONAMA (art. 7º) O CONAMA compõe-se de (art. 4º) (Ver decreto)

58 ORGAO CENTRAL Ministério do Meio ambiente e da Amazônia Central Lei 6.938/81 (art. 6º) O MMA é formado pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente, Conselho Nacional da Amazônia Legal, Comitê do Fundo Nacional de Meio Ambiente, Secretaria de Coordenação dos Assuntos da Amazônia Legal e Secretaria de Coordenação dos Assuntos do Meio Ambiente e do Conselho Nacional da Borracha.

59 ORGÃO EXECUTOR Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis- IBAMA

60 ORGÃO EXECUTOR O IBAMA é o órgão ambiental mais conhecido da população, em se tratando do meio ambiente. Sua criação se deu mediante a extinção do Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal- IBDF e da Superintendência da Borracha- SUDHEVEA, através da Lei 7732/89.

61 ORGÃO EXECUTOR Trata-se de uma autarquia federal, de regime especial, dotada de personalidade jurídica de direito público, com autonomia administrativa e financeira. Artigo 11 da Lei 6.938/81.

62 ORGÃO SETORIAL Compreendem os órgãos da Administração Federal direta e indireta, além das fundações instituídas pelo Poder Publico, cujas atividades estejam ligadas à proteção da qualidade ambiental e o uso dos recursos ambientais.

63 ORGÃO SETORIAL São órgãos natos e estáveis, ainda que a estrutura políticoadministrativa federal seja completamente alterada. Dentre esses órgãos destacam-se: o Ministério da Agricultura, o Ministério da Fazenda, o Ministério da Marinha, o Ministério da Saúde, o Ministério das Minas e Energias, dentre outros.

64 ORGÃOS SECCIONAIS O Artigo 6º, VI da Lei 6.938/81 estabelece que: (Ver lei)

65 ORGÃOS SECCIONAIS Portanto: Os Órgãos Seccionais são responsáveis pela maior parte da atividade de controle ambiental. Então: cada Estado da Federação tem de organizar sua agência de controle ambiental, conforme suas necessidades e realidades, na medida de seus interesses peculiares.

66 ORGÃOS LOCAIS O Artigo 6º, VI da Lei 6.938/81...órgãos Locais: os órgãos ou entidades municipais, responsáveis pelo controle e fiscalização dessas atividades, nas suas respectivas jurisdições. Prefeituras, Secretarias Municipais de Meio ambiente.

67 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE Lei de agosto de Instituto cuja natureza jurídica é de autarquia federal, com personalidade jurídica de direito público, autonomia administrativa e financeira, vinculada ao MMA.

68 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE As atividades do ICMBIO estão na Lei de agosto de (Ver a lei)

69 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE Portanto: Ação supletiva do IBAMA Artigo 5º da Lei /07.

70 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE Divisão de receitas *Lei /06 (Concessão de Florestas Públicas) *Próximos capítulos

71 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC s)e Chico Mendes *Lei 9.985/2000 Lei /07 *Próximos capítulos

72 INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE *Órgão consultivo e deliberativo: CONAMA (acompanhar e suplementar o sistema) *Órgão central: MMA (coordena o sistema) *Órgãos executores: ICMBio e IBAMA (caráter supletivo), órgãos estaduais e municipais (ação nas respectivas esferas) *Redação dada pela Lei /2007

73 Tarefa para próxima aula Pesquise artigos e textos sobre PNMA e apresente o panorama atual face a Legislação Ambiental vigente e o termo Sustentabilidade. Poderá ser feito em dupla Entrega: 15/10/2014. Será discutido em aula!

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: Legislação Federal LEI N 7.804, de 18 de julho de 1989 Altera a Lei n 6.938 de 31 de agosto de 1981, que dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação

Leia mais

POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Com a edição da Lei nº 6.938/81 o país passou a ter formalmente uma Política Nacional do Meio Ambiente, uma espécie de marco legal para todas as políticas públicas de

Leia mais

POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Lei No. 6.938/81

POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Lei No. 6.938/81 POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Lei No. 6.938/81 ANTECEDENTES HISTÓRICOS CONCEITOS PRINCÍPIOS OBJETIVOS DIRETRIZES INSTRUMENTOS SISNAMA CONAMA PENALIDADES GENERALIDADES ANTECEDENTES HISTÓRICOS Liga

Leia mais

LEI Nº 6.938, DE 31 DE AGOSTO DE 1981

LEI Nº 6.938, DE 31 DE AGOSTO DE 1981 LEI Nº 6.938, DE 31 DE AGOSTO DE 1981 Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, faço saber

Leia mais

Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 6.938, DE 31 DE AGOSTO DE 1981 Texto Atualizado Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação

Leia mais

Legislação Pesqueira e Ambiental. Prof.: Thiago Pereira Alves

Legislação Pesqueira e Ambiental. Prof.: Thiago Pereira Alves Técnico em Aquicultura Legislação Pesqueira e Ambiental Prof.: Thiago Pereira Alves DIREITO AMBIENTAL NO BRASIL Política Nacional do Meio Ambiente Direito Ambiental Constitucional Direito Ambiental Constitucional

Leia mais

Política Nacional de Meio Ambiente

Política Nacional de Meio Ambiente Política Nacional de Meio Ambiente O Brasil, maior país da América Latina e quinto do mundo em área territorial, compreendendo 8.511.996 km 2, com zonas climáticas variando do trópico úmido a áreas temperadas

Leia mais

Introdução. Gestão Ambiental Prof. Carlos Henrique A. de Oliveira. Introdução à Legislação Ambiental e Política Nacional de Meio Ambiente - PNMA

Introdução. Gestão Ambiental Prof. Carlos Henrique A. de Oliveira. Introdução à Legislação Ambiental e Política Nacional de Meio Ambiente - PNMA Gestão Ambiental Prof. Carlos Henrique A. de Oliveira Introdução à Legislação Ambiental e Política Nacional de Meio Ambiente - PNMA O mar humildemente coloca-se abaixo do nível dos rios para receber, eternamente,

Leia mais

Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981. Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu a sanciono a seguinte Lei:

Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981. Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu a sanciono a seguinte Lei: Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. Faço saber

Leia mais

LEI FEDERAL Nº. 6.938 DE 31 DE AGOSTO DE 1981

LEI FEDERAL Nº. 6.938 DE 31 DE AGOSTO DE 1981 LEI FEDERAL Nº. 6.938 DE 31 DE AGOSTO DE 1981 Já alterada pela Lei nº 7804 de 18 de julho de 1989. O Presidente da Republica. Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de

Leia mais

IV - planejar, propor e coordenar a gestão ambiental integrada no Estado, com vistas à manutenção dos ecossistemas e do desenvolvimento sustentável;

IV - planejar, propor e coordenar a gestão ambiental integrada no Estado, com vistas à manutenção dos ecossistemas e do desenvolvimento sustentável; Lei Delegada nº 125, de 25 de janeiro de 2007. (Publicação Diário do Executivo Minas Gerais 26/01/2007) (Retificação Diário do Executivo Minas Gerais 30/01/2007) Dispõe sobre a estrutura orgânica básica

Leia mais

Bioindicadores Ambientais (BAM36AM) Sistema Nacional de Unidades de Conservação

Bioindicadores Ambientais (BAM36AM) Sistema Nacional de Unidades de Conservação Bioindicadores Ambientais (BAM36AM) Sistema Nacional de Unidades de Conservação Unidades de Conservação SNUC Sistema Nacional de Unidades de Conservação Sistema Nacional de Unidades de Conservação Lei

Leia mais

Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente. Disciplina de Legislação Ambiental. Professora Cibele Rosa Gracioli

Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente. Disciplina de Legislação Ambiental. Professora Cibele Rosa Gracioli Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente Disciplina de Legislação Ambiental Professora Cibele Rosa Gracioli SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO DA NATUREZA - SNUC Lei 9.985 de

Leia mais

PATRIMÔNIO AMBIENTAL

PATRIMÔNIO AMBIENTAL PATRIMÔNIO AMBIENTAL PATRIMÔNIO Conjunto de direitos e obrigações de uma pessoa PATRIMÔNIO Bem ou conjunto de bens culturais ou naturais valor reconhecido para determinada localidade, região, país, ou

Leia mais

Legislação e outros documentos sobre Educação Ambiental

Legislação e outros documentos sobre Educação Ambiental Legislação e outros documentos sobre Educação Ambiental 1981 Política Nacional de Meio Ambiente 1988 Constituição Brasileira 1992 Tratado de Educação Ambiental para Sociedades Sustentáveis e Responsabilidade

Leia mais

Legislação brasileira sobre meio ambiente - tópicos Fabricio Gomes Gonçalves

Legislação brasileira sobre meio ambiente - tópicos Fabricio Gomes Gonçalves Legislação brasileira sobre meio ambiente - tópicos Fabricio Gomes Gonçalves Contextualizando... Adaptação do produtor rural sem condições novos critérios de uso da terra impostos aleatoriamente sem alicerces

Leia mais

Regularização Fundiária de Unidades de Conservação Federais

Regularização Fundiária de Unidades de Conservação Federais Programa 0499 Parques do Brasil Objetivo Ampliar a conservação, no local, dos recursos genéticos e o manejo sustentável dos parques e áreas de proteção ambiental. Indicador(es) Taxa de proteção integral

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE POUSO REDONDO CNPJ 83.102.681/0001-26 Rua Antonio Carlos Thiesen, 74 89.172-000 Pouso Redondo Santa Catarina

PREFEITURA MUNICIPAL DE POUSO REDONDO CNPJ 83.102.681/0001-26 Rua Antonio Carlos Thiesen, 74 89.172-000 Pouso Redondo Santa Catarina PREFEITURA MUNICIPAL DE POUSO REDONDO CNPJ 83.102.681/0001-26 Rua Antonio Carlos Thiesen, 74 89.172-000 Pouso Redondo Santa Catarina LEI N. 1925/06 de 25.07.2006. Dispõe sobre a criação do Conselho Municipal

Leia mais

Minuta de Lei para criação do Sistema Municipal do Meio Ambiente

Minuta de Lei para criação do Sistema Municipal do Meio Ambiente Minuta de Lei para criação do Sistema Municipal do Meio Ambiente Faço saber que a Câmara Municipal de, Estado de Goiás, decreta e eu, Prefeito Municipal, sanciono a seguinte Lei: Art. 1.º - Esta lei, com

Leia mais

Introdução à gestão ambiental. Fernando Santiago dos Santos fernandoss@ifsp.edu.br www.fernandosantiago.com.br (13) 8822-5365

Introdução à gestão ambiental. Fernando Santiago dos Santos fernandoss@ifsp.edu.br www.fernandosantiago.com.br (13) 8822-5365 Introdução à gestão ambiental Fernando Santiago dos Santos fernandoss@ifsp.edu.br www.fernandosantiago.com.br (13) 8822-5365 Aula 2 Política Nacional de Meio Ambiente Ecodesenvolvimento, desenvolvimento

Leia mais

Legislação Pesqueira e Ambiental. Prof.: Thiago Pereira Alves

Legislação Pesqueira e Ambiental. Prof.: Thiago Pereira Alves Técnico em Aquicultura Legislação Pesqueira e Ambiental Prof.: Thiago Pereira Alves SNUC Conceito É o conjunto organizado de unidades de conservação protegidas (federais, estaduais, municipais) que, planejado,

Leia mais

SISNAMA Sistema Nacional de Meio Ambiente Rodrigo Agostinho SISNAMA Lei 6.938, de 31 de agosto de 1981, estabeleceu a Política nacional de meio ambiente e criou o SISNAMA; SISNAMA: Conjunto de órgãos e

Leia mais

Dúvidas e Esclarecimentos sobre a Proposta de Criação da RDS do Mato Verdinho/MT

Dúvidas e Esclarecimentos sobre a Proposta de Criação da RDS do Mato Verdinho/MT Dúvidas e Esclarecimentos sobre a Proposta de Criação da RDS do Mato Verdinho/MT Setembro/2013 PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A CRIAÇÃO DE UNIDADE DE CONSERVAÇÃO 1. O que são unidades de conservação (UC)?

Leia mais

Plataforma Ambiental para o Brasil

Plataforma Ambiental para o Brasil Plataforma Ambiental para o Brasil A Plataforma Ambiental para o Brasil é uma iniciativa da Fundação SOS Mata Atlântica e traz os princípios básicos e alguns dos temas que deverão ser enfrentados na próxima

Leia mais

L E I N.º 162/2002, de 28 de janeiro de 2003.

L E I N.º 162/2002, de 28 de janeiro de 2003. 1 L E I N.º 162/2002, de 28 de janeiro de 2003. Dispõe sobre a Organização do Sistema Municipal de Proteção Ambiental, a elaboração, implementação e controle da Política Ambiental do Município de Coqueiro

Leia mais

O Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) e o uso das ferramentas de geotecnologias como suporte à decisão

O Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) e o uso das ferramentas de geotecnologias como suporte à decisão O Zoneamento Ecológico-Econômico (ZEE) e o uso das ferramentas de geotecnologias como suporte à decisão MundoGEO#Connect LatinAmerica 2013 Seminário Gestores Públicos da Geoinformação São Paulo, 19 de

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO

SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO Previsão Legal Objetivos Categorias Finalidades Gestão do Sistema Quantitativos Outros Espaços Protegidos Distribuição Espacial Relevância O Brasil possui alguns

Leia mais

Art. 6 o O SNUC será gerido pelos seguintes órgãos, com as respectivas atribuições:

Art. 6 o O SNUC será gerido pelos seguintes órgãos, com as respectivas atribuições: SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO CF/88 art. 225. Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao

Leia mais

Dr. Luiz Carlos Aceti Júnior

Dr. Luiz Carlos Aceti Júnior Dr. Luiz Carlos Aceti Júnior Especialista em Direito Empresarial Ambiental Pós-graduado em Direito das Empresas Desenvolvimento Sustentável. Considera-se por desenvolvimento sustentável um conjunto complexo

Leia mais

Instrumentos Legais de Proteção Ambiental em Propriedades Rurais

Instrumentos Legais de Proteção Ambiental em Propriedades Rurais Instrumentos Legais de Proteção Ambiental em Propriedades Rurais Uberlândia Minas Gerais Abril de 2015 Índice Introdução... 2 Instrumentos de planejamento e gestão do uso do solo... 2 Zoneamento Ecológico-

Leia mais

Licenciamento Ambiental e Municipal

Licenciamento Ambiental e Municipal Curso de Treinamento - ABLP Licenciamento Ambiental e Municipal Simone Paschoal Nogueira 14 de outubro de 2008 Sede da ABLP Procedimento pelo qual o órgão ambiental competente permite a localização, instalação,

Leia mais

Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências.

Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. LEI Nº 6.938, DE 31 DE AGOSTO DE 1981 Dispõe sobre a Política Nacional do Meio Ambiente, seus fins e mecanismos de formulação e aplicação, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Faço saber

Leia mais

MBA em Direito Ambiental e Sustentabilidade

MBA em Direito Ambiental e Sustentabilidade CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO MBA em Direito Ambiental e Sustentabilidade Coordenação Acadêmica - Escola de Direito FGV DIREITO RIO MBA em Direito Ambiental e Sustentabilidade - FGV

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO - SNUC

SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVAÇÃO - SNUC - SNUC PREVISÃO LEGAL Art. 225. Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e àcoletividade

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DA MINERAÇÃO

DESENVOLVIMENTO DA MINERAÇÃO Ministério de Minas e Energia Secretaria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral UNIDADES DE CONSERVAÇÃO E O DESENVOLVIMENTO DA MINERAÇÃO II ENCONTRO DE GERENTES DE EXPLORAÇÃO MINERAL Desafios das

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE CONSELHO ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE - COEMA

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE CONSELHO ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE - COEMA GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE CONSELHO ESTADUAL DE MEIO AMBIENTE - COEMA RESOLUÇÃO COEMA N 116, DE 03 DE JULHO DE 2014. Dispõe sobre as atividades de impacto ambiental

Leia mais

Municipalização das atividades de licenciamento ambiental: Estrutura administrativa municipal

Municipalização das atividades de licenciamento ambiental: Estrutura administrativa municipal Municipalização das atividades de licenciamento ambiental: Estrutura administrativa municipal Cristiane Casini Coordenadora Jurídica Ambiental da Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente - Fujama Introdução

Leia mais

CAPÍTULO I Da Política Municipal do Meio Ambiente

CAPÍTULO I Da Política Municipal do Meio Ambiente LEI Nº 4366 DISPÕE SOBRE A POLÍTICA DE PROTEÇÃO, CONTROLE E CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE E DE MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA NO MUNICÍPIO DE CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM-ES. A Câmara Municipal de Cachoeiro de

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 9.795, DE 27 DE ABRIL DE 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: Ambiente, saúde e segurança CURSO: Curso Técnico em Meio Ambiente FORMA/GRAU: ( ) integrado ( X ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado ( ) licenciatura

Leia mais

a) Órgãos Superiores Conselho de governo, servindo para assessorar ao Presidente da República sobre assuntos que tratam do Meio Ambiente.

a) Órgãos Superiores Conselho de governo, servindo para assessorar ao Presidente da República sobre assuntos que tratam do Meio Ambiente. OAB MODULAR I - REPETIÇÃO Disciplina: Direito Ambiental Prof. : Juliana Lettière Data: 12/08/2009 Aula nº 01 TEMAS TRATADOS EM AULA ESPÉCIES DE MEIO AMBIENTE São quatro: - Meio ambiente natural/físico,

Leia mais

DIREITO AMBIENTAL CADERNO ADVOCACIA PÚBLICA

DIREITO AMBIENTAL CADERNO ADVOCACIA PÚBLICA DIREITO AMBIENTAL CADERNO ADVOCACIA PÚBLICA Baseado nas aulas Advocacia Pública CERS 2015 Prof. Frederico Amado Direito Ambiental Professor Frederico Amado CERS (Advocacia Pública) 2015 1. Definição e

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIAS DO AMBIENTE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIAS DO AMBIENTE UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE TECNOLOGIA E RECURSOS NATURAIS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIAS DO AMBIENTE Docência assistida: Prof.º Fábio Remy de Assunção Rios

Leia mais

DISPÕE SOBRE A POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE, SEUS FINS E MECANISMOS DE FORMULAÇÃO E APLICAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

DISPÕE SOBRE A POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE, SEUS FINS E MECANISMOS DE FORMULAÇÃO E APLICAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEI FEDERAL N 6.938, de 02 de setembro de 1981 DISPÕE SOBRE A POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE, SEUS FINS E MECANISMOS DE FORMULAÇÃO E APLICAÇÃO, E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA,

Leia mais

Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97 7/10/2010

Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97. Resolução Conama 237/97 7/10/2010 LICENCIAMENTO AMBIENTAL NA ATIVIDADE DE MINERAÇÃO: ASPECTOS LEGAIS E TÉCNICOS GEÓLOGO NILO SÉRGIO FERNANDES BARBOSA Art. 1º - Para efeito desta Resolução são adotadas as seguintes definições: I - Licenciamento

Leia mais

NOÇÕES DE LEGISLAÇÃO AMBIENTAL CURSO: ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIA DO AMBIENTE PROFESSOR: RAMON LAMAR PARTE III 05/11/2015

NOÇÕES DE LEGISLAÇÃO AMBIENTAL CURSO: ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIA DO AMBIENTE PROFESSOR: RAMON LAMAR PARTE III 05/11/2015 CURSO: ENGENHARIA CIVIL DISCIPLINA: CIÊNCIA DO AMBIENTE PROFESSOR: RAMON LAMAR PARTE III LEGISLAÇÃO AMBIENTAL NOÇÕES DE LEGISLAÇÃO AMBIENTAL Lei nº 6.938, de 31 de agosto de 1981, conhecida como Política

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Gabinete Civil da Governadoria

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Gabinete Civil da Governadoria DECRETO Nº 5.327, DE 06 DE DEZEMBRO DE 2000. Dispõe sobre o Conselho Estadual de Recursos Hídricos- CERH e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DE GOIÁS, no uso de suas atribuições constitucionais

Leia mais

PORTARIA MMA Nº 43, DE 31 DE JANEIRO DE 2014

PORTARIA MMA Nº 43, DE 31 DE JANEIRO DE 2014 PORTARIA MMA Nº 43, DE 31 DE JANEIRO DE 2014 A MINISTRA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE, no uso de suas atribuições, e tendo em vista o disposto na Lei nº 10.683, de 28 de maio de 2003, e no Decreto nº 6.101,

Leia mais

16/4/2010. Marcelo Orlandi Ribeiro Auditor Federal de Controle Externo - TCU Engenheiro Civil. Itens constantes do edital MPOG 2010

16/4/2010. Marcelo Orlandi Ribeiro Auditor Federal de Controle Externo - TCU Engenheiro Civil. Itens constantes do edital MPOG 2010 CONCURSO MPOG 2010 ANALISTA DE INFRA-ESTRUTURA ÁREA I Marcelo Orlandi Ribeiro Auditor Federal de Controle Externo - TCU Engenheiro Civil Aula 1 de 4 Itens constantes do edital MPOG 2010 Conhecimentos gerais

Leia mais

Projeto de Lei nº 11 /2012 Deputado(a) Altemir Tortelli

Projeto de Lei nº 11 /2012 Deputado(a) Altemir Tortelli Projeto de Lei nº 11 /2012 Deputado(a) Altemir Tortelli Institui a Política Estadual dos Serviços Ambientais e o Programa Estadual de Pagamento por Serviços Ambientais, e dá outras providências. CAPÍTULO

Leia mais

LEI Nº 13.558, de 17 de novembro de 2005. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental - PEEA - e adota outras providências.

LEI Nº 13.558, de 17 de novembro de 2005. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental - PEEA - e adota outras providências. LEI Nº 13.558, de 17 de novembro de 2005 Procedência: Governamental Natureza: PL. 332/05 DO. 17.762 de 17/11/05 Fonte: ALESC/Div. Documentação Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental - PEEA

Leia mais

ENQUADRAMENTO DE CORPOS COMO INSTRUMENTO DE PLANEJAMENTO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL REGIONAL

ENQUADRAMENTO DE CORPOS COMO INSTRUMENTO DE PLANEJAMENTO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL REGIONAL ENQUADRAMENTO DE CORPOS COMO INSTRUMENTO DE PLANEJAMENTO PARA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL REGIONAL EDMILSON COSTA TEIXEIRA LabGest GEARH / UFES (edmilson@npd.ufes.br) DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL? [COMISSÃO

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL - UniDF PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ACADÊMICA PRGA CENTRO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL CTE DIREITO AMBIENTAL

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO DISTRITO FEDERAL - UniDF PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ACADÊMICA PRGA CENTRO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL CTE DIREITO AMBIENTAL 1 CENTRO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL DIREITO AMBIENTAL Autoria: Ana Maria Benavides Kotlinski Desenho Instrucional: Fábia Pimentel Brasília DF 2007 2 CENTRO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Leia mais

Órgão de Coordenação: Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e do Meio Ambiente SECTMA

Órgão de Coordenação: Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e do Meio Ambiente SECTMA 12.4 SISTEMA DE GESTÃO PROPOSTO 12.4.1 ASPECTOS GERAIS O Sistema de Gestão proposto para o PERH-PB inclui órgãos da Administração Estadual, Administração Federal, Sociedade Civil e Usuários de Água, entre

Leia mais

03 de Dezembro de 2015

03 de Dezembro de 2015 Página 1 de 9 Marco Legal pertinente à área florestal no Brasil (1965 ao presente) Data de publicação Ato ou Lei Função 1 1965 Código Florestal Brasileiro Define diretrizes gerais para o uso e conservação

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.195, DE 2015 (Do Sr. Goulart)

PROJETO DE LEI N.º 1.195, DE 2015 (Do Sr. Goulart) *C0052659A* C0052659A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.195, DE 2015 (Do Sr. Goulart) Institui o ''Projeto nasce uma criança, planta-se uma árvore'' que dispõe sobre medidas para a promoção, preservação

Leia mais

13/10/2010 LICENCIAMENTO AMBIENTAL. CIESP de Indaiatuba AS IMPLICAÇÕES DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HÍDRICOS PARA OS USUÁRIOS

13/10/2010 LICENCIAMENTO AMBIENTAL. CIESP de Indaiatuba AS IMPLICAÇÕES DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HÍDRICOS PARA OS USUÁRIOS 13/10/ CIESP de Indaiatuba 08 de outubro de AS IMPLICAÇÕES DO SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE RECURSOS HÍDRICOS PARA OS USUÁRIOS COMITÊS DE BACIAS CIESP de Indaiatuba 08 de outubro de Organização ( Lei n 6938/81

Leia mais

Curso E-Learning Licenciamento Ambiental

Curso E-Learning Licenciamento Ambiental Curso E-Learning Licenciamento Ambiental Todos os direitos de cópia reservados. Não é permitida a distribuição física ou eletrônica deste material sem a permissão expressa do autor. Objetivos do Curso

Leia mais

MONITORAMENTO AMBIENTAL E O MONITORAMENTO DA AMBIÊNCIA

MONITORAMENTO AMBIENTAL E O MONITORAMENTO DA AMBIÊNCIA Universidade Federal do Ceará Centro de Ciências Agrárias Departamento de Engenharia Agrícola Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola MONITORAMENTO AMBIENTAL E O MONITORAMENTO DA AMBIÊNCIA Mariana

Leia mais

Legislação Ambiental. Carlos Marcelo Pedroso http://www.eletrica.ufpr.br/pedroso

Legislação Ambiental. Carlos Marcelo Pedroso http://www.eletrica.ufpr.br/pedroso Legislação Ambiental Carlos Marcelo Pedroso http://www.eletrica.ufpr.br/pedroso Introdução Agenda Porque devemos ter uma lei ambiental? Alguns casos famosos Terminologia Básica Constituição Brasileira

Leia mais

VI - ÏUJmRV /RFDLV RV yujmrv RX HQWLGDGHV PXQLFLSDLV UHVSRQViYHLV SHOR controle e fiscaliza o dessas atividades, nas suas respectivas jurisdi es;

VI - ÏUJmRV /RFDLV RV yujmrv RX HQWLGDGHV PXQLFLSDLV UHVSRQViYHLV SHOR controle e fiscaliza o dessas atividades, nas suas respectivas jurisdi es; /(,1'('(-8/+2'( $OWHUD D /HL Q GH GH DJRVWR GH TXH disp e sobre a Pol tica Nacional do Meio Ambiente, seus ILQV H PHFDQLVPRV GH IRUPXODomR H DSOLFDomR D /HL Q GHGHIHYHUHLURGHD/HLQGHGH julho de 1980, e

Leia mais

Sumário. Prefácio... 1 Introdução...,... Primeira parte Fundamentos do Direito Ambiental Constitucional

Sumário. Prefácio... 1 Introdução...,... Primeira parte Fundamentos do Direito Ambiental Constitucional Sumário Prefácio... 1 Introdução...,... 7 Curriculum dos autores 9 Primeira parte Fundamentos do Direito Ambiental Constitucional I. Noções gerais em matéria ambiental... 17 1.1. Conceito de Direito Ambiental

Leia mais

DECRETO N.º 21.120 DE 20 DE JUNHO DE 2000.

DECRETO N.º 21.120 DE 20 DE JUNHO DE 2000. DECRETO N.º 21.120 DE 20 DE JUNHO DE 2000. Regulamenta a Lei N.º 4.335, de 16 de dezembro de 1981, modificada pela Lei 6.757, de 08 de julho de 1999, que dispõe sobre a prevenção e controle da poluição

Leia mais

Conselho Gestor APA DA VÁRZEA RIO TIETÊ GTPM

Conselho Gestor APA DA VÁRZEA RIO TIETÊ GTPM Conselho Gestor APA DA VÁRZEA RIO TIETÊ GTPM I.UNIDADE DE CONSERVAÇÃO Espaço territorial e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO VIII DA ORDEM SOCIAL CAPÍTULO VI DO MEIO AMBIENTE Art. 225. Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do

Leia mais

CONFLITOS LEGAIS ASSOCIADOS À PROBLEMÁTICA SÓCIO AMBIENTAL ORIGINADA COM O EMPREENDIMENTO DA USINA HIDRELÉTRICA DE TUCURUÍ

CONFLITOS LEGAIS ASSOCIADOS À PROBLEMÁTICA SÓCIO AMBIENTAL ORIGINADA COM O EMPREENDIMENTO DA USINA HIDRELÉTRICA DE TUCURUÍ CURSO DE MESTRADO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DISCIPLINA DE DIREITO ARTIGO: CONFLITOS LEGAIS ASSOCIADOS À PROBLEMÁTICA SÓCIO AMBIENTAL ORIGINADA COM O EMPREENDIMENTO DA USINA HIDRELÉTRICA DE TUCURUÍ Revisão:

Leia mais

RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176

RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176 RESOLUÇÃO CONAMA n o 379, de 19 de outubro de 2006 Publicada no DOU nº 202, de 20 de outubro de 2006, Seção 1, página 175 e 176 Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal

Leia mais

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS Instituto Estadual do Ambiente - INEA Diretoria de Biodiversidade e Áreas Protegidas - DIBAP Gerência do Serviço Florestal - GESEF ESTRUTURA DA APRESENTAÇÃO Conceitos /

Leia mais

Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES).

Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). MINISTÉRIO DA SAÚDE GABINETE DO MINISTRO DOU de 05/10/2015 (nº 190, Seção 1, pág. 669) Institui o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES). O MINISTRO DE ESTADO DA SAÚDE, no uso das atribuições

Leia mais

POLÍTICA NACIONAL PARA O MEIO AMBIENTE E SEUS INSTRUMENTOS. Lei nº 6.938/1981

POLÍTICA NACIONAL PARA O MEIO AMBIENTE E SEUS INSTRUMENTOS. Lei nº 6.938/1981 POLÍTICA NACIONAL PARA O MEIO AMBIENTE E SEUS INSTRUMENTOS Lei nº 6.938/1981 A estratégia de adoção de políticas públicas se fortalece com a passagem da ideologia de Estado Liberal para a de Estado Social.

Leia mais

Ministério do Meio Ambiente

Ministério do Meio Ambiente Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração Departamento de Gestão Estratégica Departamento de Articulação de Ações na Amazônia Departamento de Economia e Departamento de Fomento ao Desenvolvimento

Leia mais

Legislação Ambiental PNMA - POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE. Disciplina: Ciências do Ambiente Professora: Andréa Carla Lima Rodrigues

Legislação Ambiental PNMA - POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE. Disciplina: Ciências do Ambiente Professora: Andréa Carla Lima Rodrigues Legislação Ambiental PNMA - POLÍTICA NACIONAL DO MEIO AMBIENTE Disciplina: Ciências do Ambiente Professora: Andréa Carla Lima Rodrigues O QUE É GESTÃO AMBIENTAL? "O controle apropriado do meio ambiente

Leia mais

ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA. Declaração de trabalho, serviços e especificações

ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA. Declaração de trabalho, serviços e especificações ANEXO B TERMO DE REFERÊNCIA Declaração de trabalho, serviços e especificações A Contratada deverá executar o trabalho e realizar os serviços a seguir, indicados de acordo com as especificações e normas

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Fixa normas para a cooperação entre a União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, nas ações administrativas decorrentes do exercício da competência comum relativas

Leia mais

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Tocantins decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 1.374, DE 08 DE ABRIL DE 2003. Publicado no Diário Oficial nº 1.425. Dispõe sobre a Política Estadual de Educação Ambiental e adota outras providências. O Governador do Estado do Tocantins Faço

Leia mais

14/05/2010. Sistema Integrado de Gestão Ambiental SIGA-RS. Sistema Integrado de Gestão Ambiental SIGA-RS. Niro Afonso Pieper. Diretor Geral - SEMA

14/05/2010. Sistema Integrado de Gestão Ambiental SIGA-RS. Sistema Integrado de Gestão Ambiental SIGA-RS. Niro Afonso Pieper. Diretor Geral - SEMA 14/05/2010 Niro Afonso Pieper Diretor Geral - SEMA 1 O Sistema Integrado de Gestão Ambiental no Rio Grande do Sul Concepção e Histórico Requisitos para a Habilitação Princípio da Melhoria Contínua Enfoque

Leia mais

14º Congresso Brasileiro de Direito Ambiental do Instituto O Direito por um planeta verde

14º Congresso Brasileiro de Direito Ambiental do Instituto O Direito por um planeta verde 14º Congresso Brasileiro de Direito Ambiental do Instituto O Direito por um planeta verde O licenciamento ambiental e o licenciamento urbanístico no Projeto de Lei nº 3.057/2000 Lei de responsabilidade

Leia mais

COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL COMISSÃO DE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO N o 2.602, DE 2010 Susta os efeitos do Decreto nº 7.154, de 9 de abril de 2010. Autora: Deputado SARNEY FILHO Relator:

Leia mais

ASPECTOS INSTITUCIONAIS DA GESTÃO AMBIENTAL E DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL

ASPECTOS INSTITUCIONAIS DA GESTÃO AMBIENTAL E DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL ASPECTOS INSTITUCIONAIS DA GESTÃO AMBIENTAL E DE RECURSOS HÍDRICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL Giuliano Marcon* Departamento de Saúde Ambiental, Faculdade de Saúde Pública, Universidade de São Paulo

Leia mais

Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente. Disciplina de Legislação Ambiental. Professora Cibele Rosa Gracioli

Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente. Disciplina de Legislação Ambiental. Professora Cibele Rosa Gracioli Curso de Especialização de Gestão Pública e Meio Ambiente Disciplina de Legislação Ambiental Professora Cibele Rosa Gracioli LEI 11.284/2006 LEI DA CONCESSÃO DE FLORESTAS SUMÁRIO 1 Introdução 2 Serviço

Leia mais

FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10

FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10 FENASAN XXI Feira Nacional de Saneamento e Meio Ambiente XXI Encontro Técnico AESABESP 11.08.10 Gustavo Justino de Oliveira Pós Doutor em Direito Administrativo Universidade de Coimbra Professor de Direito

Leia mais

1. Objetivo geral da política nacional do meio ambiente

1. Objetivo geral da política nacional do meio ambiente Romeu Thomé e Leonardo de Medeiros Garcia entes da federação é justificada pela sobreposição de interesses acerca do tema. Cabe, portanto, à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios implementar

Leia mais

SUMÁRIO. Sumário. Coleção Sinopses para Concursos... 13 Guia de leitura da Coleção... 15

SUMÁRIO. Sumário. Coleção Sinopses para Concursos... 13 Guia de leitura da Coleção... 15 Sumário Coleção Sinopses para Concursos... 13 Guia de leitura da Coleção... 15 Capítulo 1 PROPEDÊUTICA DO DIREITO AMBIENTAL... 17 1. Conceito de Direito Ambiental... 17 2. Objetivo do Direito Ambiental...

Leia mais

Lei do ICMS São Paulo Lei 12.268 de 2006

Lei do ICMS São Paulo Lei 12.268 de 2006 Governo do Estado Institui o Programa de Ação Cultural - PAC, e dá providências correlatas. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte

Leia mais

O programa brasileiro de unidades de conservação

O programa brasileiro de unidades de conservação O programa brasileiro de unidades de conservação MARINA SILVA Ministério do Meio Ambiente, Esplanada dos Ministérios, Brasília, Distrito Federal, Brasil. e-mail: marina.silva@mma.gov.br INTRODUÇÃO A Convenção

Leia mais

Unidades de Conservação da Natureza

Unidades de Conservação da Natureza Unidades de Conservação da Natureza Emerson A. de Oliveira, MSc., Doutorando em Ciências Florestais/Conservação da Natureza - UFPR Técnico Especializado - DAP/SBF/MMA Rio do Sul - SC Julho, 2009 DEFINIÇÕES

Leia mais

Projeto de Fortalecimento e Intercâmbio de Mosaicos de Áreas Protegidas na Mata Atlântica

Projeto de Fortalecimento e Intercâmbio de Mosaicos de Áreas Protegidas na Mata Atlântica Documento de referência RBMA: Subsídios para Marco Regulatório de Mosaicos de Áreas Protegidas versão 1.0 agosto 2009 I Definição e base conceitual: 1 Os mosaicos foram definidos no SNUC a partir de: LEI

Leia mais

Introdução Metodológica + Conceitos de Política Ambiental e Instrumentos de Gestão + Implementação

Introdução Metodológica + Conceitos de Política Ambiental e Instrumentos de Gestão + Implementação Introdução Metodológica + Conceitos de Política Ambiental e Instrumentos de Gestão + Implementação Sequencia Tendências Conceitos de Política Ambiental Instrumentos Caso Brasileiro Implementação Caso Gestor

Leia mais

Aula 4. Legislação Florestal 2 - Aula 4

Aula 4. Legislação Florestal 2 - Aula 4 Legislação Florestal 2 - Terras Públicas P - Legislação Florestal 2 Terras Públicas Zoneamento Ambiental 2 1. Motivação: conservação em terras públicas 2. Sistema Nacional de Unidades de Conservação SNUC

Leia mais

Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA.

Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA. RESOLUÇÃO CONAMA Nº 379, de 19/10/2006 Cria e regulamenta sistema de dados e informações sobre a gestão florestal no âmbito do Sistema Nacional do Meio Ambiente - SISNAMA. CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE

Leia mais

O CORSAP - Consórcio Público de Manejo de Resíduos Sólidos e de Águas Pluviais

O CORSAP - Consórcio Público de Manejo de Resíduos Sólidos e de Águas Pluviais O CORSAP - Consórcio Público de Manejo de Resíduos Sólidos e de Águas Pluviais Eng. Marcos Montenegro Presidente da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental Seção DF CLÁUSULA 7ª. (Dos

Leia mais

Palácio dos Bandeirantes Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - CEP 05698-900 - Fone: 3745-3344 Nº 118 DOE de 24/06/06. Saúde GABINETE DO SECRETÁRIO

Palácio dos Bandeirantes Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - CEP 05698-900 - Fone: 3745-3344 Nº 118 DOE de 24/06/06. Saúde GABINETE DO SECRETÁRIO Diário Oficial Estado de São Paulo Poder Executivo Seção I Palácio dos Bandeirantes Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - CEP 05698-900 - Fone: 3745-3344 Nº 118 DOE de 24/06/06 Saúde GABINETE DO SECRETÁRIO Resolução

Leia mais

INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL

INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL INTRODUÇÃO AO DIREITO AMBIENTAL 1. NOMENCLATURA DA DISCIPLINA JURÍDICA Direito ambiental, direito do meio ambiente, direito do desenvolvimento sustentável, direito verde, direito ecológico, direito de

Leia mais

Curso Agenda 21. Sugestão de leitura: História das relações internacionais do Brasil

Curso Agenda 21. Sugestão de leitura: História das relações internacionais do Brasil Módulo 3 Gestão ambiental no Brasil 1. Introdução No encontro Rio +10, o Brasil, saiu fortalecido globalmente, assumindo definitivamente um papel de liderança regional dentro da ONU. No plano nacional,

Leia mais

PORTARIA N o 51, DE 7 DE OUTUBRO DE 2008. (publicada no DOU de 8/10/2008, seção I, página 57)

PORTARIA N o 51, DE 7 DE OUTUBRO DE 2008. (publicada no DOU de 8/10/2008, seção I, página 57) PORTARIA N o 51, DE 7 DE OUTUBRO DE 2008. (publicada no DOU de 8/10/2008, seção I, página 57) A SECRETÁRIA DE ORÇAMENTO FEDERAL, tendo em vista a autorização constante do art. 60, inciso III, da Lei n

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO III DA ORGANIZAÇÃO DO ESTADO CAPÍTULO II DA UNIÃO Art. 24. Compete à União, aos Estados e ao Distrito Federal legislar concorrentemente sobre:

Leia mais

Apoio a Programas de Conservação

Apoio a Programas de Conservação Apoio a Programas de Conservação OBJETIVOS Apoiar instituições para que desenvolvam ações de conservação em médio e longo prazo, na forma de programa, que resultem em medidas efetivas de conservação. As

Leia mais

Dimensão ambiental e atuação parlamentar. Consultoras Legislativas da Área XI

Dimensão ambiental e atuação parlamentar. Consultoras Legislativas da Área XI Dimensão ambiental e atuação parlamentar Ilidia Juras Suely Araújo Consultoras Legislativas da Área XI SUMÁRIO "Limites da Terra principais problemas ambientais: no mundo no Brasil A atuação parlamentar

Leia mais

MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009

MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009 DOU de 05/10/09 seção 01 nº 190 pág. 51 MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009 Estabelece orientações relativas à Política de Saneamento Básico e

Leia mais

LEGISLAÇÃO AMBIENTAL BRASILEIRA

LEGISLAÇÃO AMBIENTAL BRASILEIRA LEGISLAÇÃO AMBIENTAL BRASILEIRA No Brasil, as leis voltadas para a conservação ambiental começaram a partir de 1981, com a lei que criou a Política Nacional do Meio Ambiente. Posteriormente, novas leis

Leia mais