COMISSÃO DE LICITAÇÃO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COMISSÃO DE LICITAÇÃO"

Transcrição

1 A Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre Cotação Prévia de Preço N 002/2013. OBJETO: Aquisição de Equipamentos Médicos IMPORTANTE: ABERTURA DAS PROPOSTAS ATÉ: DATA: 27/03/2013 HORA: 9h30 CONSULTAS: Pregoeiro: Marisa Carneiro dos Santos

2 PROCESSO ADMINISTRATIVO DE COMPRAS Nº 002/2013. COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 002/2013. TIPO DE LICITAÇÃO: MENOR PREÇO A Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, ENTIDADE Privada Sem Fins Lucrativos,, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o número / o utilizando-se dos recursos de tecnologia da informação INTERNET, torna público por intermédio de sua Comissão Permanente de Licitações, para conhecimento do interessados, que está promovendo na data e horários previstos a Cotação Prévia de Preço nº 001/2013 no âmbito do Convênio nº 27524/2011, proposta SICONV /2011, celebrado com o Ministério da Saúde, para execução do referido convênio. A presente Cotação Prévia de Preço é regida pelo Decreto nº , de 25 de julho de 2007 e pela Portaria Interministerial nº. 507, de 24 de novembro de As propostas deverão ser entregues até às 17::00 horas do dia 26 de março de 2013,na Rua Annes Dias nº 295 na recepção de Setor de Compras da Santa Casa. O edital de Cotação Prévia poderá ser retirado também no site da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre: 1. DO OBJETO A presente cotação prévia de preços tem por objeto a seleção da melhor proposta, visando à Aquisição de Equipamentos Médico-Hospitalares, necessários à execução do objeto do referido Convênio. 2 - JUSTIFICATIVA DA CONTRATAÇÃO A presente contratação visa cumprir o objeto do referido convênio, conforme consta no Projeto Básico e Plano de Trabalho que acompanham o termo de Convênio nº /2009 celebrado entre o Ministério da Saúde e a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. 3 ESPECIFICAÇÃO DA AQUISIÇÃO As especificações dos equipamentos a serem adquiridos encontra-se nos Termos de Referência Anexo I 4. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO 4.1- Poderão participar da presente Cotação Prévia pessoa jurídica, devidamente habilitada a prestar os serviços do objeto desta licitação formalmente escolhida e convidada ou legitimamente interessada, na forma do que dispõe o 3º do art. 22 da Lei Nº 8666/93 e suas alterações posteriores.

3 5. DAS RESTRIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO COMISSÃO DE LICITAÇÃO 5.1- Não poderão participar da licitação a empresa que estejam cumprindo penalidade de Suspensão Temporária para licitar ou contratar imposta pôr órgão/ entidade deste Município ou declaradas Inidôneas pôr força da Lei de Licitações e suas alterações posteriores; Não será admitida a participação de empresa sob a forma de Consórcios ou grupo de empresas e com falência decretada; Não poderá participar do certame, a empresa que estiver sofrendo penalidades impostas por qualquer órgão /entidade da Administração Pública Municipal ou Federal, motivadas pelas hipóteses previstas no art.88 da Lei nº /93 e suas alterações posteriores. 6. DO PRAZO A proponente vencedora deverá entregar os objetos desta Cotação Prévia, até 45 dias a partir do recebimento da Autorização de Fornecimento. 7. DA PROPOSTA DE PREÇOS 7.1 As propostas de preços deverão ser enviadas ou entregues em envelope lacrado para o endereço Rua Annes Dias nº 295 CEP na recepção do Setor de Compras da Santa Casa de Porto Alegre, contendo as seguintes indicações: IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE PORTO ALEGRE-RS RECEPÇÃO DO SETOR DE COMPRAS ENVELOPE Nº 01 - PROPOSTA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 002/2013 NOME DA EMPRESA: XXXXX 7.2 As propostas deverão ser apresentadas em 1 (uma) via, rubricada em todas as folhas, carimbadas e assinadas na última folha pelo Titular ou pelo Representante Legal, sem rasuras, emendas, ressalvas ou entrelinhas, especificando o Objeto de forma clara e inequívoca, e ainda contendo: A razão social, o número do CNPJ; CPF do responsável pela proposta; Referências que bem indiquem o objeto contratado; O prazo de entrega O preço deverá ser cotado em moeda nacional, em algarismos e por extenso, com a inclusão de todas as despesas, tais como: impostos, fretes, taxas, seguro e quaisquer outras que forem devidas. Ocorrendo divergências entre os valores, prevalecerão os escritos por extenso; O prazo de validade da proposta não poderá será inferior a 60 (sessenta) dias corridos, a contar da data de sua entrega.

4 8. DA DOCUMENTAÇÃO IRMANDADE DA SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE PORTO ALEGRE-RS RECEPÇÃO DO SETOR DE COMPRAS ENVELOPE Nº 02 DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO COTAÇÃO PRÉVIA Nº 002/2013 NOME DA EMPRESA: XXXXX 8.1 A empresa vencedora deverá apresentar os seguintes documentos: I Contrato Social; II C.N.P.J. Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica; III Certidão de Regularidade para com as Fazendas Federal; a) Certidão de Quitação dos Tributos Federais; b) Certidão Quanto a Divida Ativa da União; IV INSS; V FGTS. 8.2 A apresentação do registro no Sistema de Cadastramento Unificação de Fornecedores SICAF substitui os documentos enumerados nos itens 8.1, II, III, IV e V. 8.3 Os documentos exigidos nesta Cotação Prévia deverão estar com o prazo de validade em vigor na data marcada para abertura, os documentos poderão ser apresentados no original ou por qualquer processo de cópia autenticada por cartório competente. 9. DO PROCESSAMENTO DA LICITAÇÃO 9.1- Será lavrada Ata circunstanciada e enviada a todos os participantes; 9.2- É facultada à Comissão de Licitação ou autoridade superior, em qualquer fase da licitação, a promoção de diligência destinada a esclarecer ou a complementar a instrução do processo, vedada a inclusão posterior de documento ou informação que deveria constar originariamente da proposta. 10. DO CRITÉRIO DE JULGAMENTO A presente licitação será julgada pelo critério, do MENOR PREÇO GLOBAL POR ITEM, conforme inciso I, 1o, do art. 45, da Lei das Licitações.

5 10.2- Serão desclassificadas as propostas: Que não atenderem as especificações desta COTAÇÃO; Que apresentarem preços irrisórios, de valor zero, ou preços excessivos, inexequíveis, ou preços incompatíveis com a realidade mercadológica; Não será considerada qualquer oferta de vantagem não prevista nesta COTAÇÃO, nem preço ou vantagem baseada nas ofertas dos demais licitantes, ressalvadas as exceções previstas no 3o do art.44, da Lei de Licitações; Se a proposta de menor valor não for aceitável, ou se o fornecedor não atender às exigências previstas neste documento, a Comissão Permanente Licitações e Compras da Santa Casa examinará a proposta subsequente, verificando a sua compatibilidade e a regularidade do participante, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta que atenda às exigências Havendo empate entre as propostas de menor preço, serão convocadas para sorteio Se a proposta de menor valor estiver acima do valor aprovado no projeto para o referido lote, a empresa será consultada, no ato da realização do certame, a reduzir o valor de sua proposta para o valor disponibilizado pelo projeto aprovado. Caso não aceite, a empresa será desclassificada e as demais consultadas na ordem de classificação. 11. DA DOTAÇÃO ORÇAMENTARIA E DOS RECURSOS As despesas decorrentes do contrato a ser celebrado com a empresa vencedora, correrá por conta do Convênio nº 27524/2011 Programa de Trabalho: Natureza Despesa: Fonte de Recursos: DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATANTE A Contratante se obriga a proporcionar à Contratada todas as condições necessárias ao pleno cumprimento das obrigações Fiscalizar e acompanhar o FORNECIMENTO DOS MATERIAIS desta cotação Comunicar à CONTRATADA toda e qualquer ocorrência relacionada com a entrega dos materiais do objeto, diligenciando nos casos que exigem providências corretivas Providenciar os pagamentos à CONTRATADA, à vista das Notas Fiscais/Faturas devidamente atestadas, pelo setor competente. 13. DAS OBRIGAÇÕES DA CONTRATADA São obrigações da Contratada:

6 a) entregar o objeto contratual de conformidade com as condições e prazos estabelecidos na proposta no local indicado pela contratante; b) atender às condições estabelecidas nesse edital e seus anexos; c) manter durante toda execução do contrato em compatibilidade com as obrigações assumidas, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na legislação; d) realizar de forma imediata e às suas expensas, qualquer troca de produtos que não estejam em conformidade com as especificações da Contratante. e) Arcar com eventuais prejuízos causados à CONTRATANTE, e/ou a terceiros, provocados pôr ineficiência ou irregularidade cometida pôr seus empregados ou prepostos envolvidos na execução do contrato; f) responder por quaisquer débitos relativos aos seus empregados ou subordinados no fornecimento dos produtos. 14. DAS SANÇÕES Pela inexecução total ou parcial das obrigações assumidas, garantida a prévia defesa, a Administração poderá aplicar à Contratada, as seguintes sanções: a) advertência; b) multa; c) O atraso injustificado na entrega dos materiais, correspondendo à 10% (dez por cento), calculada sobre o montante a ser pago ao(s) licitante(s) vencedor(es) Atraso na entrega será cobrado 10% de multa sobre valor total do objeto + juros de 0,5% por dia de atraso. 15 LOCAL DE ENTREGA E FORMA DE PAGAMENTO O pagamento do referido material será efetuado conforme estabelecido no plano de trabalho do convênio, mediante apresentação de nota fiscal, 20 dias (Vinte ) Após O ACEITE TÉCNICO DO EQUIPAMENTO. Será feito através de ordem bancária contra instituição bancária indicada pela Contratada. A Nota Fiscal do material fornecido deverá conter o seguinte: Número da Ordem de Compra e o do Convênio Nº 0217/ SICONV / Os produtos deverão ser entregues no recebimento Central da Santa Casa, situado na Rua José Otão S/N, no seguinte horário: das 8h às 17h sem fechar ao meio dia, de segunda a sexta-feira Sendo a nota fiscal/fatura devolvida para correção por parte da Contratada, o prazo para pagamento será de 03 (três) dias contados a partir da data de sua reapresentação O preço pelo qual será contratado o objeto da presente cotação não sofrerá reajuste. 16. DAS CONDIÇÕES DE RECEBIMENTO

7 16.1. A autorização oficial de compra e o prazo de entrega passam a correr a partir do recebimento da Autorização de Fornecimento A Contratada será responsável pelo pagamento dos encargos trabalhistas, fiscais e comerciais, resultantes dos compromissos assumidos na presente prestação de serviços O CONTRATANTE não assumirá responsabilidade pelo pagamento de tributos, encargos e impostos trabalhistas que sejam de competência da Contratada, como também não se obrigará a fazer restituições ou reembolso de valores principais ou acessórios que esta despender com esses fornecimentos A Empresa Contratada deverá adotar todas as medidas, precauções e cuidados tendentes a evitar danos materiais e pessoais a seus operários e terceiros, assim como todas as medidas relacionadas ao seguro de seus empregados contra tais danos, ficando sempre responsável pelas conseqüências originadas por acidentes que se verificarem na prestação do serviço. 17 DISPOSIÇÕES GERAIS As condições estabelecidas nesta Cotação Prévia de Preços consubstanciam-se no contrato e nas autorizações oficiais de serviço, independentemente de estarem nela transcritas A não observância de qualquer item desta Cotação Prévia implicará na desclassificação da empresa concorrente Fica a concorrente ciente de que a simples apresentação da proposta indica que esta tem pleno conhecimento dos elementos da presente cotação, bem como de todas as condições gerais, e da Legislação específica à matéria, não podendo invocar nenhum desconhecimento quanto aos mesmos, como elemento impeditivo de perfeito cumprimento da prestação de serviço. 18 ESCLARECIMENTOS Informações e esclarecimentos a respeito desta Cotação poderão ser obtidos junto ao Setor de Compras da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre, sito na Rua Professor Annes Dias, nº 295, CEP , Centro Porto Alegre RS, telefone: (51) ou através do Fica eleito o Fórum da Comarca de Porto Alegre RS para julgamento de quaisquer questões judiciais resultantes desta Cotação Prévia de Preço. Porto Alegre, RS, 11 de Março de Sergio Augusto Ribeiro Presidente da Comissão Permanente de Licitação e Compras da Santa de Misericórdia de Porto Alegre-RS

8 ANEXO II DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE EMPREGADO MENOR Ref.: (identificação da licitação)..., inscrito no CNPJ n..., por intermédio de seu representante legal o(a) Sr(a)..., portador(a) da Carteira de Identidade n o... e do CPF n o..., DECLARA, para fins do disposto no inciso V do art. 27 da Lei nº 8666, de 21 de junho de 1993, acrescido pela Lei n o 9.854, de 27 de outubro de 1999, que não emprega menor de dezoito anos em trabalho noturno, perigoso ou insalubre e não emprega menor de dezesseis anos. Ressalva: emprega menor, a partir de quatorze anos, na condição de aprendiz ( ).... (data)... (representante legal) (Observação: em caso afirmativo, assinalar a ressalva acima)

9 ANEXO III MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS Cotação Prévia de Preços nº 002/2013 Aquisição de Equipamentos Médicos Dados da empresa: Razão social CNPJ Endereço Dados do representante legal (ou procurador): Nome CPF Cargo Dados bancários: Nome e número do Banco Nome e número da Agência Número da Conta Corrente Lote 001 ITEM DESCRIÇÃO QUANT. UNIT. TOTAL 1.1 Aparelho de Ventilação não Invasiva Conforme Memorial Técnico Descritivo 01 Total R$ LOTE 002 ITEM DESCRIÇÃO QUANT. UNIT. TOTAL 2.1 Monitor de Sinais Vitais Conforme Memorial Técnico Descritivo Total R$ 01 LOTE 003 ITEM DESCRIÇÃO QUANT. UNIT. TOTAL 3.1 Ventilador Pulmonar Conforme Memorial Técnico Descritivo 02 Total R$

10 LOTE 004 ITEM DESCRIÇÃO QUANT. UNIT. TOTAL 4.1 Cama Elétrica com Balança Conforme Memorial Técnico Descritivo 01 Total R$ Pagamento: conforme Edital. Validade da Proposta: 60 dias. Observações: - Integram a presente proposta, para todos os fins e efeitos, independentemente de transcrição, todas as exigências constantes do edital. (Local, data, carimbo e assinatura do representante legal).

11 ANEXO VI TERMO DE REFERÊNCIA/DESCRIÇÃO TÉCNICA Proposta SICONV: Nº da proposta no SICONV /2009. Lote 001 Especificação Técnica Qtde Aparelho de Ventilação não Invasiva 1. Aparelho de ventilação não invasiva com a as seguintes características; 1.1. Com turbina interna para geração de pressão positiva; 1.2. Portátil e com peso máximo de 7 Kg; 1.3. Modos de ventilação mínimos: CPAP, PSV,ASSISTIDA/CONTROLADA; 1.4. Com alarmes sonoro/visual para circuito respiratório desconectado ou falha elétrica; 1.5. Controles das pressões de CPAP/EPAP/IPAP; 1.6. Ajuste de todas as funções diretamente pelo painel frontal; 1.7. Função de bloqueio do painel; 1.8. Controles de Rise Time ajustável entre 150 ms a 900ms (ou superior); 1.9. Pressões de 4 à 25 (ou superior) cm de H2O, Controle de frequência de Back-up ajustável na faixa aproximada de (ou superior) BPM; Controle de Rampa de pressão ajustável na faixa aproximada de 5-30 minutos; Sensibilidade inspiratória e expiratória ajustável; Pressão de suporte com volume garantido e pressão controlada; Monitorização de volume corrente expiratório, frequência respiratória; Capacidade de compensar vazamento automaticamente com o circuito aberto de fluxo contínuo; Captação e filtração do ar ambiente por meio de filtro de ar substituível; Operação do equipamento independente de fontes externas de ar comprimido e oxigênio; 2. Acessórios que devem acompanhar o aparelho: (seis) máscaras nasais para BIPAP em silicone com fixador, sendo 02(duas) tamanho P, 02(duas) tamanho M e 02(duas) tamanho G; (seis) máscaras oronasal para BIPAP em silicone com fixador, sendo 02(duas) tamanho P, 02(duas) tamanho M e 02(duas) tamanho G; (seis) circuitos invasivos completos para BIPAP (traqueia, conexão para 02, válvula exalatória, traqueinha com joelho rotatório); (seis) circuitos não invasivos completos para BIPAP (traqueia, conexão para O2, válvula exalatória); 2.5. Bateria interna com recarga na própria unidade para até duas horas de funcionamento contínuo; 01

12 2.6. Braço articulado e carro para transporte. Tensão de alimentação elétrica para todos equipamentos descritos: 127V 60 Hz ou 127/220 V 60 Hz com seleção de tensão automática e cabo de alimentação elétrica padrão brasileiro NBR O(s) equipamento(s) deverá(ão) possuir aterramento através do cabo de alimentação, sem alteração das características originais do equipamento ou produto; Incluir relatório de ensaio de interferência eletromagnética no momento da entrega das propostas; Fornecimento de todos os cabos, conexões, acessórios, e demais itens indispensáveis ao funcionamento solicitado; Catálogo detalhado que comprove o atendimento a todos os itens acima; Manuais técnicos e operacionais em português; Garantia de 12 meses ou superior; Assistência técnica local (Porto Alegre ou sua região metropolitana) autorizada pelo fabricante do equipamento, incluindo documento que comprove a representação autorizada em Porto Alegre pelo fabricante do equipamento. Indicar empresa(s), profissional(is) responsável(is) e respectivo(s) endereço(s) e telefone(s) para assistência durante e após a garantia; O(s) equipamento(s) deve(m) estar em acordo com a norma técnica NBR IEC : Equipamento Eletromédico. Parte 1 Prescrições Gerais Para Segurança e normas técnicas particulares brasileiras da série NBR IEC X, se houver, conforme a RESOLUÇÃO - RDC Nº 32, DE 29 DE MAIO DE 2007(*)(*) Republicada por ter saído no DOU n 103, de , Seção 1, pág. 92, com incorreção no original da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Ministério da Saúde; Apresentar para todos os equipamentos onde seja pertinente o Certificado de Registro do Produto emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ANVISA (cópia da publicação no Diário Oficial da União do Registro do produto), que deverá ser anexado à proposta. Não serão aceitos produtos com Autorização de Modelo, mesmo que com a validade em vigor; As peças de reposição e acessórios referentes ao(s) equipamento(s) devem ter produção continuada por no mínimo cinco anos, assim como, disponibilidade para aquisição e fornecimento à Engenharia da ISCMPA, para a realização de manutenções preventivas e corretivas, após período de garantia, de acordo com treinamento técnico fornecido; Deve contemplar: Treinamentos para usuários, em duas datas diferentes, abrangendo todos os turnos do setor (manhã, tarde e noite); Treinamentos técnicos para os funcionários habilitados da Engenharia Clínica; Verificação do material entregue em conjunto com equipe da Engenharia Clínica, montagem e instalação do equipamento no local; Os itens não informados serão considerados como não atendidos; Os itens indicados como opcional nas propostas serão considerados como não atendidos; O equipamento será aceito se todos os itens das especificações técnicas mínimas necessárias forem atendidos e estiver em pleno funcionamento na UGB/UGA solicitante; A proposta não pode ser cópia fiel desta especificação técnica.

13 LOTE 002 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Qtde. Monitor de Sinais Vitais de Transporte 2 -Monitor de ECG/SPO2/PNI/02PI e Temperatura. Estes parâmetros são necessários à monitorização de pacientes desde neonatos até adultos, com os seus respectivos acessórios 1.1. ECG o cabo deve permitir que seja efetuada uma análise simultânea multivias; Faixa de medida entre 20 e 300 bpm, Precisão de ± 2 bpm ou ± 1%, o que for maior, Alarmes limites máximos e mínimos selecionáveis pelo usuário, Detecção de marca passo derivações I, II ou III, Análise de arritmias básica: Assistolia, Taquicardia e Fibrilação Ventricular; 1.2. Oximetria sensor deve ser permanente, tipo clipe adulto. Visualização da curva pletismográfica e freqüência de pulso vistas pelo monitor, Faixa de medida entre %, Pulso entre bpm, Alarmes limites máximos e mínimos de SpO2 e pulso; 1.3. PNI deve permitir medir a pressão sanguínea por pelo menos duas formas: manual (medidas tomadas instantaneamente) ou automático (medidas em intervalos pré-determinados). Necessidade de auto-zero (referência de pressão zero estabelecida automaticamente antes de cada enchimento do manguito). Parâmetros medidos: Pressão sistólica, diastólica e média, Método de medida Oscilométrico, Neonatos a adultos; 1.4. Temperatura dois canais simultâneos, escala em graus Celsius. Faixa de temperatura: 0 a 45ºC. Precisão independente do sensor: de 1 o C (entre 0 a 15 o C) e 0.5 o C (entre 15 a 45 o C). Alarmes tipo sonoro e visual, com limites inferior e superior selecionáveis; 2 PI necessários dois canais de PI, com: 2.1. Canais independentes, com valores e visualização de onda de pressão invasiva; 2.2. Faixa de leitura de -50 a 300 (ou superior) mm Hg; 2.3. Possuir alarmes de máxima e mínima, ajustáveis pelo usuário; 2.4. Leituras mínimas de PAM, PIC, ART, PVE, AP, PVD, PVC e pressões invasivas genéricas; 3 Alarmes sinalizadores de limite inferior ou superior do valor do parâmetro monitorado; 4 Proteção contra descarga de desfibrilador e interferência de unidade eletrocirúrgica; 5 Tela de cristal líquido de matriz ativa colorida de no mínimo 12 polegadas (diagonal); 6 Baterias internas recarregáveis automaticamente com duração mínima de 2 horas; 7 04 curvas, no mínimo, simultaneamente na tela; 8 Software que possibilita o armazenamento de tendências numéricas e gráficas de, no mínimo, 24 horas; 9 Capaz de monitorar pacientes neonatos, pediátricos e adultos sem requisitar adição de software. Durante o transporte deverá suportar toda monitorização de todos os parâmetros invasivos e não invasivos que estiver sendo monitorada a beira leito, configuração de tela e alarmes, deverá ser mantida independente da localização do monitor. Adicionalmente, o monitor será capaz de funcionar como monitor de transporte e ir para qualquer lugar dentro do hospital com o paciente; 01

14 10 Peso Máximo de 7Kg (+/- 10%); 11 Alça ou suporte para transporte ; 12 Acessórios inclusos: Cabo de alimentação elétrica, Cabo de ECG de 5 vias, manguitos adulto, tamanhos P, M e G, Sensor de oximetria permanente tipo clipe adulto, Cabo extensor de Oximetria; Cabo e sensor de temperatura esofágico, Cabo e sensor de temperatura de pele, Cabos de pressão invasiva, Tensão de alimentação elétrica para todos equipamentos descritos 127 V 60Hz ou 127/220 V 60 Hz com seleção de tensão automática e cabo de alimentação elétrica padrão brasileiro NBR O(s) equipamento(s) deverá(ão) possuir aterramento através do cabo de alimentação, sem alteração das características originais do equipamento ou produto; Incluir relatório de ensaio de interferência eletromagnética no momento da entrega das propostas; Fornecimento de todos os cabos, conexões, acessórios, e demais itens indispensáveis ao funcionamento solicitado; Catálogo detalhado que comprove o atendimento a todos os itens acima; Manuais técnicos e operacionais em português; Garantia de 12 meses ou superior; Assistência técnica local (Porto Alegre ou sua região metropolitana), com registro no CREA,autorizada pelo fabricante do equipamento, incluindo documento que comprove a representação autorizada em Porto Alegre,ou sua região metropolitana, pelo fabricante do equipamento. Indicar empresa(s), profissional(is) responsável(is) e respectivo(s) endereço(s) e telefone(s) para assistência durante e após a garantia; O(s) equipamento(s) deve(m) estar em acordo com a norma técnica NBR IEC : Equipamento Eletromédico. Parte 1 Prescrições Gerais Para Segurança e normas técnicas particulares brasileiras da série NBR IEC X, se houver, conforme a RESOLUÇÃO - RDC Nº 32, DE 29 DE MAIO DE 2007(*)(*) Republicada por ter saído no DOU n 103, de , Seção 1, pág. 92, com incorreção no original da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Ministério da Saúde; Apresentar para todos os equipamentos onde seja pertinente o Certificado de Registro do Produto emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ANVISA (cópia da publicação no Diário Oficial da União do Registro do produto), que deverá ser anexado à proposta. Não serão aceitos produtos com Autorização de Modelo, mesmo que com a validade em vigor; As peças de reposição e acessórios referentes ao(s) equipamento(s) devem ter produção continuada por no mínimo cinco anos, assim como, disponibilidade para aquisição e fornecimento à Engenharia da ISCMPA, para a realização de manutenções preventivas e corretivas, após período de garantia, de acordo com treinamento técnico fornecido; Deve contemplar: Treinamentos para usuários, em duas datas diferentes, abrangendo todos os turnos do setor (manhã, tarde e noite); Treinamentos técnicos para os funcionários habilitados da Engenharia Clínica;

15 LOTE 003 COMISSÃO DE LICITAÇÃO Verificação do material entregue em conjunto com equipe da Engenharia Clínica, montagem e instalação do equipamento no local; Os itens não informados serão considerados como não atendidos; Os itens indicados como opcional nas propostas serão considerados como não atendidos; O equipamento será aceito se todos os itens das especificações técnicas mínimas necessárias forem atendidos e estiver em pleno funcionamento na UGB/UGA solicitante; A proposta não pode ser cópia fiel desta especificação técnica. ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Qtde. Ventilador Pulmonar 3 -Ventilador Pulmonar, com as seguintes características: a. Ventilador Microprocessado para uso no tratamento intensivo da insuficiência respiratória de pacientes adultos; b. Deve apresentar tela touch screen, colorida TFT LCD de no mínimo 12 polegadas. c. Com monitor gráfico de ventilação incorporado ao aparelho; d. Modos Ventilatórios Mínimos: Assistida/Controlada (A/C) a volume A/C a pressão; SIMV a volume + PSV; SIMV a pressão + PSV; SIMV a pressão regulada e volume corrente assegurado + PSV; CPAP; PSV; Pressão regulada e volume corrente assegurado; BIPAP; Ventilação Não Invasiva com compensação de fugas, com ajuste de alarme de tempo de desconexão de máscara. 4 PARÂMETROS VENTILATÓRIOS MÍNIMOS: a. Volume corrente ajustável dentro da faixa mínima de 100 a 2000 ml. b. Fluxo inspiratório espontâneo de no mínimo 6 L/min até 120 L/min; c. Tempo inspiratório de no mínimo 0,1 segundos a 5 segundos; d. Pausa manual inspiratória e expiratória; e. Back up de apnéia para modos espontâneos com garantia de Volume Minuto; f. Ajuste da porcentagem da queda do pico de fluxo em PSV (ciclagem); g. Nível de pressão inspiratória ajustável em vias aéreas de no mínimo 1 a 80 cm H20; h. Freqüência ventilatória em modos controlados de no mínimo 3 a 100 cpm; 5 MECÂNICA VENTILATÓRIA: a. Complacência pulmonar; b. Pressão de Plateau; c. Auto-peep d. Apresentar as curvas P x T, F x T e V x T simultaneamente e em tempo real; e. Apresentar os loops de P x V e F x V; 6 MONITORAÇÃO EM TEMPO REAL DE NO MÍNIMO: a. Freqüência ventilatória controlada; b. Freqüência ventilatória espontânea; c. Volume corrente inspirado e expirado controlado e espontâneo; d. Tempo inspiratório; e. Relação I:E; (1:10; 4:1) 7 FORNECIMENTO DE GASES: a. Entradas independentes para oxigênio e ar comprimido; b. Análise da porcentagem de O2 inspirado através de célula ou sensor de O2 internos; 02

16 c. FIO2 ajustável em escala linear de 1 em 1 %, com ajuste de 21 a 100 %; d. Fornecimento de O2 a 100% com retorno automático; 8 ALARMES AUDIOVISUAIS DE NO MÍNIMO: a. Alta e baixa pressão na via aérea (pressão de pico); b. Alarme de volume minuto mínimo e máximo; c. Ventilador inoperante; 9 Acessórios que devem acompanhar o equipamento: a. Base móvel com rodízios; b. Braço articulado com suporte para circuitos respiratórios; c. 02 Circuitos respiratórios completos reutilizáveis para pacientes adulto, 01 máscara oronasal adulto reutilizável, 01 máscara facial adulto reutilizável d. Bateria interna recarregável com autonomia de carga de no mínimo 30 minutos; 10 O display, deve indicar o estado da bateria, bem como se o equipamento está funcionando pela rede elétrica ou pela bateria; Tensão de alimentação elétrica para todos equipamentos descritos: 127V 60 Hz ou 127/220 V 60 Hz com seleção de tensão automática e cabo de alimentação elétrica padrão brasileiro NBR O(s) equipamento(s) deverá(ão) possuir aterramento através do cabo de alimentação, sem alteração das características originais do equipamento ou produto; Incluir relatório de ensaio de interferência eletromagnética no momento da entrega das propostas; Fornecimento de todos os cabos, conexões, acessórios, e demais itens indispensáveis ao funcionamento solicitado; Catálogo detalhado que comprove o atendimento a todos os itens acima; Manuais técnicos e operacionais em português; Garantia de 12 meses ou superior; Assistência técnica local (Porto Alegre ou sua região metropolitana) autorizada pelo fabricante do equipamento, incluindo documento que comprove a representação autorizada em Porto Alegre pelo fabricante do equipamento. Indicar empresa(s), profissional(is) responsável(is) e respectivo(s) endereço(s) e telefone(s) para assistência durante e após a garantia; O(s) equipamento(s) deve(m) estar em acordo com a norma técnica NBR IEC : Equipamento Eletromédico. Parte 1 Prescrições Gerais Para Segurança e normas técnicas particulares brasileiras da série NBR IEC X, se houver, conforme a RESOLUÇÃO - RDC Nº 32, DE 29 DE MAIO DE 2007(*)(*) Republicada por ter saído no DOU n 103, de , Seção 1, pág. 92, com incorreção no original da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Ministério da Saúde; Apresentar para todos os equipamentos onde seja pertinente o Certificado de Registro do Produto emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ANVISA (cópia da publicação no Diário Oficial da União do Registro do produto), que deverá ser anexado à proposta. Não serão aceitos produtos com Autorização de Modelo, mesmo que com a validade em vigor; As peças de reposição e acessórios referentes ao(s) equipamento(s) devem ter produção continuada por no mínimo cinco anos, assim como, disponibilidade para aquisição e fornecimento à Engenharia da ISCMPA, para a realização de manutenções preventivas e corretivas, após período de garantia, de acordo com treinamento técnico fornecido; Deve contemplar: Treinamentos para usuários, em duas datas diferentes, abrangendo todos os turnos do setor (manhã, tarde e noite); Treinamentos técnicos para os funcionários habilitados da Engenharia Clínica;

17 Verificação do material entregue em conjunto com equipe da Engenharia Clínica, montagem e instalação do equipamento no local; Os itens não informados serão considerados como não atendidos; Os itens indicados como opcional nas propostas serão considerados como não atendidos; O equipamento será aceito se todos os itens das especificações técnicas mínimas necessárias forem atendidos e estiver em pleno funcionamento na UGB/UGA solicitante; A proposta não pode ser cópia fiel desta especificação técnica. LOTE 004 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA Qtde. Cama Eletrônica com Balança 1. Cama eletrônica com balança integrada, com as seguintes características: 1.1. Movimentos fowler com elevação de pés e dorso e elevação de altura comandados por motores elétricos e controle remoto; 1.2. Trendelemburg por meio de sistema de amortecedor a gás ou por motores; 1.3. Sistema de atendimento de parada Cardiorespiratória (CPR), permitindo rápida movimentação do paciente para posição horizontal, com acionamento manual de fácil acesso; 1.4. Cabeceira e peseira removíveis confeccionadas em material termoplástico de alta resistência; 1.5. Leito em chapa de aço perfurada e estrutura em tubos; 1.6. Grades em termoplástico de alta resistência; 1.7. Pára-choque em toda volta da cama; 1.8. Pintura eletrostática a pó, com eficiência anticorrosiva por meio de fosfatização; 1.9. Capacidade máxima de peso do paciente de 220 kg, ou superior; Quatro pontos nas laterais para suporte de soro; Dois Suportes de soro em tubo de aço inoxidável com altura ajustável, sem parafusos com no mínimo 2 ganchos na extremidade superior; Rodízios de no mínimo 6 polegadas com sistema de movimento/freio direcional e total acionado por um único pedal, colocado nos dois lados da base da cama, permitindo o movimento livre dos 4 rodízios em todas as direções, podendo direcionar 2 rodízios para longos cursos e travar os 4 rodízios em todas as direções; Suporte para cilindro de oxigênio; Suporte nas laterais para bolsa de secreção; Bateria recarregável para no mínimo 2 horas; Colchão em espuma com no mínimo 33 de densidade, revestido em capa de poliuretano, sem costuras, sem aberturas, flexível, resistente a produtos químicos hospitalares; Balança integrada á cama, microprocessada que permita a inclusão e 01

18 exclusão de equipamentos, inclusão manual do peso do paciente com sensibilidade mínima de meio kilo O Leito deverá apresentar um calibrador de ângulo de Fowler e luz noturna foto sensora Possuir uma altura mínima menor ou igual a 50 cm, evitando-se assim a utilização de escadas; Dimensões máximas: a) Comprimento: 220 cm (+/-3%); b) Largura: 98 cm (+/-3%) Tensão de alimentação elétrica para todos equipamentos descritos: 127V 60 Hz ou 127/220 V 60 Hz com seleção de tensão automática e cabo de alimentação elétrica padrão brasileiro NBR O(s) equipamento(s) deverá(ão) possuir aterramento através do cabo de alimentação, sem alteração das características originais do equipamento ou produto; Incluir relatório de ensaio de interferência eletromagnética no momento da entrega das propostas; Fornecimento de todos os cabos, conexões, acessórios, e demais itens indispensáveis ao funcionamento solicitado; Catálogo detalhado que comprove o atendimento a todos os itens acima; Manuais técnicos e operacionais em português; Garantia de 12 meses ou superior; Assistência técnica local (Porto Alegre ou sua região metropolitana) autorizada pelo fabricante do equipamento, incluindo documento que comprove a representação autorizada em Porto Alegre pelo fabricante do equipamento. Indicar empresa(s), profissional(is) responsável(is) e respectivo(s) endereço(s) e telefone(s) para assistência durante e após a garantia; O(s) equipamento(s) deve(m) estar em acordo com a norma técnica NBR IEC : Equipamento Eletromédico. Parte 1 Prescrições Gerais Para Segurança e normas técnicas particulares brasileiras da série NBR IEC X, se houver, conforme a RESOLUÇÃO - RDC Nº 32, DE 29 DE MAIO DE 2007(*)(*) Republicada por ter saído no DOU n 103, de , Seção 1, pág. 92, com incorreção no original da Agência Nacional de Vigilância Sanitária Ministério da Saúde; Apresentar para todos os equipamentos onde seja pertinente o Certificado de Registro do Produto emitido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ANVISA (cópia da publicação no Diário Oficial da União do Registro do produto), que deverá ser anexado à proposta. Não serão aceitos produtos com Autorização de Modelo, mesmo que com a validade em vigor; As peças de reposição e acessórios referentes ao(s) equipamento(s) devem ter produção continuada por no mínimo cinco anos, assim como, disponibilidade para aquisição e fornecimento à Engenharia da ISCMPA, para a realização de manutenções preventivas e corretivas, após período de garantia, de acordo com treinamento técnico fornecido; Deve contemplar: Treinamentos para usuários, em duas datas diferentes, abrangendo todos os turnos do setor (manhã, tarde e noite); Treinamentos técnicos para os funcionários habilitados da Engenharia Clínica; Verificação do material entregue em conjunto com equipe da Engenharia Clínica, montagem e instalação do equipamento no local;

19 Os itens não informados serão considerados como não atendidos; Os itens indicados como opcional nas propostas serão considerados como não atendidos; O equipamento será aceito se todos os itens das especificações técnicas mínimas necessárias forem atendidos e estiver em pleno funcionamento na UGB/UGA solicitante; A proposta não pode ser cópia fiel desta especificação técnica.

COMISSÃO DE LICITAÇÃO

COMISSÃO DE LICITAÇÃO COMISSÃO DE LICITAÇÃO A Fundação Hospital Maternidade São Camilo Cotação Prévia de Preço N 001/2015. Convênio SICONV Nº 810303-2014 OBJETO: Aquisição de Poltronas Hospitalares IMPORTANTE: RECEBIMENTO DAS

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 008/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 008/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM TERMO DE REFERÊNCIA A UNIVERSIDADE REGIONAL INTEGRADA DO ALTO URUGUAI E DAS MISSÕES, entidade privada sem fins lucrativos, mantida pela Fundação Regional Integrada FURI, pessoa jurídica de direito privado,

Leia mais

COMISSÃO DE COMPRAS COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 002.02/2015. MENOR PREÇO UNITÁRIO

COMISSÃO DE COMPRAS COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 002.02/2015. MENOR PREÇO UNITÁRIO COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 002.02/2015. OBJETO: AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS E MATERIAL PERMANENTE PARA UNIDADE DE ATENÇÃO ESPECIALIZADA EM SAÚDE ENVIO DAS COTAÇÕES: Até dia 25/05/2015, às 23:59h RESPONSÁVEL

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO

COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO A Fundação Hospital Maternidade São Camilo Cotação Prévia de Preço N 010/2016 Convênio SICONV Nº 810303-2014 OBJETO: Aquisição de Equipamentos Hospitalares (CPAP, CARDIOVERSOR,

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL EDITAL DE LICITAÇÃO nº 002/2012 TOMADA DE PREÇOS PARA PRESTADORES DE SERVIÇOS E PRESTAÇÕES DE CONTAS NA GESTÃO DE PROJETOS A CBHb, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 02/2015

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 02/2015 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 02/2015 TIPO: Menor Preço A Sociedade Divina Providencia Hospital Santa Isabel, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 011/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 011/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM TERMO DE REFERÊNCIA TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM A UNIVERSIDADE REGIONAL INTEGRADA DO ALTO URUGUAI E DAS MISSÕES, entidade privada sem fins lucrativos, mantida pela Fundação Regional Integrada FURI, pessoa

Leia mais

Especificação Técnica

Especificação Técnica Divinolândia, 19 de Fevereiro de 2015 Prezados senhores interessados Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alterações feita no

Leia mais

SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE AVARÉ

SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE AVARÉ AVISO DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 002/2015 - PROCESSO Nº 002/2015 DIVULGAÇÃO ELETRÔNICA A Santa Casa de Misericórdia de Avaré torna público, que realizará a cotação prévia de preços nº 002/2015 - Processo

Leia mais

Divinolândia 19 de agosto de 2013

Divinolândia 19 de agosto de 2013 Divinolândia 19 de agosto de 2013 Prezados senhores interessados Esta comissão de Julgamento de Licitação do Conderg Hospital Regional de Divinolândia, esclarece através deste, alterações feita no Edital

Leia mais

Sistemas de Alimentação de Energia Elétrica de Emergência: Monitoramento dos Hospitais - SP

Sistemas de Alimentação de Energia Elétrica de Emergência: Monitoramento dos Hospitais - SP Sistemas de Alimentação de Energia Elétrica de Emergência: Monitoramento dos Hospitais - SP Experiências do Hospital das Clinicas da FMUSP Equipamentos Médicos Eng. Francisco Benetti 28/04/2010 Hospital

Leia mais

COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO

COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO COMISSÃO ESPECIAL DE JULGAMENTO A Fundação Hospital Maternidade São Camilo Cotação Prévia de Preço N 005/2015 PRIMEIRA REPETIÇÃO Convênio SICONV Nº 810303-2014 OBJETO: Aquisição de Equipamentos Permanentes

Leia mais

Av: Miguel Castro nº 1355 Dix-sept Rosado CEP: 59075-740 Fone: (084) 4009-7403 - Fax: (084) 4009-7402

Av: Miguel Castro nº 1355 Dix-sept Rosado CEP: 59075-740 Fone: (084) 4009-7403 - Fax: (084) 4009-7402 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 05/2013 TIPO DE LICITAÇÃO: Menor preço PREÂMBULO A LIGA NORTE RIOGRANDENSE CONTRA O CÂNCER torna público que no dia 07 de agosto de 2013, na sala de Reuniões do Centro Administrativo

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/CENTRAC Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 003/2015 CONVÊNIO MTE/SENAES/ Nº 782332/2013 TERMO DE REFERÊNCIA O Centro de Ação Cultural, organização civil de direito privado, sem fins lucrativos, situada à Rua Rodrigues

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº01/2014 TIPO: MENOR PREÇO

TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº01/2014 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº01/2014 TIPO: MENOR PREÇO A Comunidade Evangélica Luterana De Jaraguá Do Sul, CNPJ nº 84.433.945/0002-78, com sede na Rua Dos Motoristas De 1936, 120, torna

Leia mais

Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto Estado de São Paulo Secretaria da Administração. Edital de Retificação e Prorrogação

Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto Estado de São Paulo Secretaria da Administração. Edital de Retificação e Prorrogação Edital de Retificação e Prorrogação Pregão Eletrônico nº 021/2013 Processo nº 118/2013 Objeto: Registro de preços para aquisição de equipamentos hospitalares conforme descrito no Edital e seus anexos,

Leia mais

Termo de Homologação

Termo de Homologação Termo de Homologação PREGÃO ELETRÔNICO N 001 Após análise da documentação apresentada e julgados todos os recursos referentes aos lotes do edital de PREGÃO ELETRÔNICO N 001, a autoridade competente homologa

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N.º 5030005-01/2011

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N.º 5030005-01/2011 1 CONVITE N.º 5030005-01/2011 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA -, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59, realizará licitação por CONVITE, do tipo menor preço global, para a AQUISIÇÃO DE CERCA/MANGUEIRA

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº. 018 / 772836-2012 / 2014

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº. 018 / 772836-2012 / 2014 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº. 018 / 772836-2012 / 2014 A Associação de Combate ao Câncer do Brasil Central, entidade privada sem fins lucrativos da área da saúde, inscrita no CNPJ/MF sob o nº. 25.438.409/0001-15,

Leia mais

SANTA CASA DE MISERICORDIA DE PARAGUAÇU PAULISTA C.N.P.J. 53.638.649/0001-07

SANTA CASA DE MISERICORDIA DE PARAGUAÇU PAULISTA C.N.P.J. 53.638.649/0001-07 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO TIPO MENOR PREÇO Nº 05/2013 Convênio nº 00140/2010 SICONV nº 744850/2010 Processo nº 25000.097963/2010-29 Nota de Empenho nº 900036/2010 A Santa Casa de Misericórdia de Paraguaçu

Leia mais

CONVITE N.º 004-001/2013-CV

CONVITE N.º 004-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 004-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de hospedagem com local para realização de evento, destinado aos contratados e convidados

Leia mais

RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 I RELATÓRIO

RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 I RELATÓRIO JULGAMENTO DE RECURSO ADMINISTRATIVO RECURSO ADMINISTRATIVO REFERÊNCIA: PREGÃO PRESENCIAL Nº 022/2013 PROCESSO Nº 037/2013 RECORRENTE: OMNIMED LTDA. Vistos e etc... I RELATÓRIO A Recorrente ingressou com

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE MORRINHOS Estado de Goiás

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE MORRINHOS Estado de Goiás CONTRATO DE LOCAÇÃO Nº 325/2015 Contrato de Locação que, entre si, fazem, de um lado, com contratante, o Fundo Municipal de Saúde de Morrinhos, devidamente representada por seu Gestor, o Sr. André Luiz

Leia mais

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015

Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 Processo nº 0448.1511/15-9 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 066A/2015 DATA DA ABERTURA: 13/11/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015. Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus.

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015. Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus. COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015 Tipo: Menor preço total Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus. A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO - CBDU, entidade

Leia mais

CONVITE N.º 003-001/2013-CV

CONVITE N.º 003-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 003-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de fornecimento de alimentação no município de Santarém/Pará. A TERRA DE DIREITOS, entidade

Leia mais

MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS. Atender normas vigentes da ABNT Fabricante Garantia Marca Procedência Registro ANVISA/MS

MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS. Atender normas vigentes da ABNT Fabricante Garantia Marca Procedência Registro ANVISA/MS ESTADO DO PARANÁ Secretaria de Estado da Administração e da Previdência - SEAP Departamento de Administração de Material - DEAM Sistema GMS - GESTÃO DE MATERIAIS E SERVIÇOS MODELO DE PROPOSTA DE PREÇOS

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2011

CARTA CONVITE Nº 003/2011 CARTA CONVITE Nº 003/2011 O Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 10ª Região CREFITO-10, com jurisdição no Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitações,

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 007/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 007/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 007/2015 PROCESSO DE COMPRAS Nº: 007/2015 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM OBJETO: FORNECIMENTO DE NOVE (9) CAMAS HOSPITALARES TIPO FAWLER ELÉTRICA 1 PREÂMBULO O Hospital Imaculada

Leia mais

EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS

EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS EXECUÇÃO DE SERVIÇO DE FORNECIMENTO DE SINAL DE INTERNET COM VELOCIDADE MÍNIMA DE 05 MB DESTINADO ÀS ATIVIDADES DA EEEP FRANCISCA MAURA MARTINS POR UM PERÍODO DE 12 (DOZE) MESES CONVITE Nº 20150001 OBJETO:

Leia mais

Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO

Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO Carta Convite LICITAÇÃO PARA CONFECÇÃO DE MATERIAL GRÁFICO CARTA CONVITE Nº 001/2015 A Associação de Centro de Treinamento de Educação Física Especial CETEFE, situada em SAIS Área 2ª ED. ENAP Ginásio de

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015 Tipo: Menor preço COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015 A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO - CBDU, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46, com sede

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás CONTRATO DE FORNECIMENTO Nº 1.192 /2014 Contrato de Fornecimento que, entre si, fazem, de um lado, com contratante, o Fundo Municipal de Saúde de Morrinhos, devidamente representada por seu Gestor, o Sr.

Leia mais

CONVITE Nº 050A/2015

CONVITE Nº 050A/2015 Processo nº 0308.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 050A/2015 DATA DA ABERTURA: 19/08/2015 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

Processo nº 0438.1511/15-7 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 005A/2016

Processo nº 0438.1511/15-7 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 005A/2016 Processo nº 0438.1511/15-7 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 005A/2016 DATA DA ABERTURA: 16/02/2016 HORA DA ABERTURA: 09:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE

apresentação da fatura na Secretaria de Administração. Macapá-AP, 23 de julho de 2013. SALIM SANTIAGO LEITE COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO CONVIDADO: CARTA CONVITE REPETIÇÃO X Carta-Convite nº: 005/2013 Processo nº : 3003838/2013 TELEFONE/FAX ENDEREÇO CIDADE ESTADO AP O Ministério Público do Estado do Amapá

Leia mais

RESPOSTA A PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO ADMINISTRATIVO DE COMPRAS N 009/2015 EMPRESA SOLICITANTE: EQUIPAMED EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA.

RESPOSTA A PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO ADMINISTRATIVO DE COMPRAS N 009/2015 EMPRESA SOLICITANTE: EQUIPAMED EQUIPAMENTOS MÉDICOS LTDA. RESPOSTA A PEDIDO DE ESCLARECIMENTO PROCESSO ADMINISTRATIVO DE COMPRAS N 009/2015 PREGÃO ELETRÔNICO N 003/2015 OBJETO: LOCAÇÃO DE EQUIPAMENTO MÉDICO EMPRESA SOLICITANTE: EQUIPAMED EQUIPAMENTOS MÉDICOS

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N. º 95933-02/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência CONVITE N. º 95933-02/2010 CONVITE N. º 95933-02/2010 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59, realizará licitação por CONVITE, do tipo menor preço global, para a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 O Instituto Tribos Jovens, associação civil sem fins lucrativos, com sede em Porto Seguro/BA, na Rua Saldanha

Leia mais

CONVITE Nº 060E/2015

CONVITE Nº 060E/2015 Processo nº 0405.1511/15-3 DEVOLVER ESTE PROTOCOLO ASSINADO PROTOCOLO DE ENTREGA PROCESSO DE LICITAÇÃO CONVITE Nº 060E/2015 DATA DA ABERTURA: 16/10/2015 HORA DA ABERTURA: 10:00 Horas NOME DA EMPRESA: ORIGINAL

Leia mais

CONVITE n.º 6010004-01/2012

CONVITE n.º 6010004-01/2012 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS CONVITE n.º 6010004-01/2012 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59,

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 CONVÊNIO Nº: 812779/2014 SDH/PR PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 012/2015 TIPO: Cotação prévia de preços / Menor preço OBJETO: Contratação de Seguro contra Acidentes

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS N.º 3020014-05/2012

TOMADA DE PREÇOS N.º 3020014-05/2012 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Avenida Roraima, n 1000 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS TOMADA DE PREÇOS N.º 3020014-05/2012 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E

Leia mais

EDITAL DO CONVITE 2.0 - DO OBJETO

EDITAL DO CONVITE 2.0 - DO OBJETO EDITAL DO CONVITE PROCESSO Nº 09.04.0021/2012 MODALIDADE: Convite nº 09.04.002/2012 DATA DE EMISSÃO: 09/04/2012 DATA DA LICITAÇÃO: 16/04/2012 HORA DA LICITAÇÃO: 11:00 horas TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC CARTA CONVITE N 008/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Administração Regional

Leia mais

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 1 PREÂMBULO. O INSTITUTO DE COOPERAÇÃO E EDUCAÇÃO AO DESENVOLVIMENTO (INCED) é instituição qualificada como Organização da Sociedade

Leia mais

AVISO PROCESSO SELETIVO

AVISO PROCESSO SELETIVO Rio de Janeiro, 30 de julho de 2010. AVISO PROCESSO SELETIVO Objetivo: Contratação da locação de 01(um) gerador de 450 kva Silenciado, com fornecimento de mão de obra operacional especializada a serem

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES:

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES: EDITAL de LICITAÇÃO MODALIDADE: CARTA CONVITE N.º 17/2013 Data da abertura dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas Data limite para entrega dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas

Leia mais

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Aripuanã Comissão Permanente de Licitação

Estado de Mato Grosso Prefeitura Municipal de Aripuanã Comissão Permanente de Licitação EDITAL CARTA CONVITE 025/2010 1.0. DA LICITAÇÃO: 1.1. Licitação Carta Convite nº. 025/2010 1.2. Abertura às 08 horas do dia 21/09/2010 Local:PREFEITURA MUNICIPAL DE ARIPUANA. 1.3. A, através da Comissão

Leia mais

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais).

DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA: 41.20.02 MOBILIÁRIO EM GERAL - R$ 16.000,00 (Dezesseis mil reais). PROCESSO N.º 003/2013 LICITAÇÃO Nº 003/2013-CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE À EMPRESA: ENDEREÇO: O Conselho Regional de Administração-CRA, através de sua Comissão Permanente de Licitação, nos termos

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO TIPO MENOR PREÇO Nº 01/2014 Convênio SICONV nº 781422/2012 Processo nº 25000.226767/2012-30 Nota de Empenho nº 801617/2012

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO TIPO MENOR PREÇO Nº 01/2014 Convênio SICONV nº 781422/2012 Processo nº 25000.226767/2012-30 Nota de Empenho nº 801617/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO TIPO MENOR PREÇO Nº 01/2014 Convênio SICONV nº 781422/2012 Processo nº 25000.226767/2012-30 Nota de Empenho nº 801617/2012 O Hospital e Maternidade de Rancharia, entidade filantrópica

Leia mais

L I C I T A Ç Ã O: Convite: Compras e outros serviços, N.º 4/2014 Menor preço POR ITEM

L I C I T A Ç Ã O: Convite: Compras e outros serviços, N.º 4/2014 Menor preço POR ITEM Serviço Autônomo Municipal de Saneamento Básico SAMAE Travessa Theodoro Junctum, 124 - Bairro Centro RIO NEGRINHO - SC - Santa Catarina 85.908.309/0001-37 89.295-000 L I C I T A Ç Ã O: Convite: Compras

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS N 2015/6010003-02 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua Comissão de Licitações, torna público para conhecimento

Leia mais

E D I T A L Nº 2229/2013

E D I T A L Nº 2229/2013 E D I T A L Nº 2229/2013 MODALIDADE: Convite ABERTURA: Dia 12 de Setembro de 2013, às 10:00 horas TIPO: Menor preço por item LOCAL DE ABERTURA: Setor de Licitações, localizado na Rua Benjamin Constant,

Leia mais

ITEM QUANT. UNIDADE DESCRIÇÃO

ITEM QUANT. UNIDADE DESCRIÇÃO ANEXO I DO OJETO O objeto desta licitação é a Locação de Equipamentos Médicos, para utilização nos setores da UTI, Centro Cirúrgico e Berçário e outros que por ventura necessitarem dos referidos equipamentos,

Leia mais

2. ESPECIFICAÇÃO DO PRODUTO

2. ESPECIFICAÇÃO DO PRODUTO Cotação Prévia de Preço n 002/2011 Convênio Fundação Banco do Brasil / BNDES/ IMCA Projeto: Implantação de 200 unidades da tecnologia social Produção Agroecológica Integrada e Sustentável PAIS no estado

Leia mais

3. DA ABERTURA, DIA, HORA E LOCAL

3. DA ABERTURA, DIA, HORA E LOCAL Cotação Prévia de Preço n 003-2012 Convênio 11.778 FBB Maior percentual de desconto Cotação prévia de Preços na modalidade maior percentual de desconto para contratação de empresa para intermediação de

Leia mais

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO SELEÇÃO PÚBLICA Nº: 018/2015 PROCESSO Nº: 2259/2015/FAPEPE INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO DATA MÁXIMA PARA ENVIO DA PROPOSTA ELETRÔNICA: 04/03/2015 ás 09H:00 DATA SESSÃO DE

Leia mais

EDITAL PROCESSO Nº: 01.20.001/2015-CPSMIG.

EDITAL PROCESSO Nº: 01.20.001/2015-CPSMIG. EDITAL PROCESSO Nº: 01.20.001/2015-CPSMIG. MODALIDADE: CONVITE Nº 01.20.001/2015-CPSMIG DATA DE EMISSÃO: 27/01/2015 DATA DA LICITAÇÃO: 03/02/2015 HORA DA LICITAÇÃO: 09h00min TIPO DE LICITAÇÃO: Menor Preço

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY AVISO PROCESSO SELETIVO São Paulo, 23 de junho de 2014. PROCESSO SELETIVO Nº 001/2014 I. Proponente: Confederação Brasileira de Rugby CNPJ: 50.380.658/0001-44 E-mail: kaiza.cappi@brasilrugby.com.br Endereço:

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS n.º 2013/5040001-01

TOMADA DE PREÇOS n.º 2013/5040001-01 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS TOMADA DE PREÇOS n.º 2013/5040001-01 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE CONVITE Nº 006 / 2007 - DFEPAF ENCERRAMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS: Dia 27 de novembro de 2007 às 10:00 horas. TIPO: Menor preço global 1. OBJETO DO CONVITE Constitui objeto

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 5030008-01/2013 (SRP)

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 5030008-01/2013 (SRP) 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 5030008-01/2013 (SRP) A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia -, por meio de sua Comissão de Licitações, torna público para conhecimento

Leia mais

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO SELEÇÃO PÚBLICA Nº: 221/2015 PROCESSO Nº: 14418/2015FAPEPE INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO SELEÇÃO PÚBLICA TIPO: MENOR PREÇO DATA MÁXIMA PARA ENVIO DA PROPOSTA ELETRÔNICA: 04/11/2015 ás 10:00H DATA SESSÃO DE

Leia mais

AV. BRASÍLIA, 1057 FONE: 054-3356 1244. Edital de Licitação

AV. BRASÍLIA, 1057 FONE: 054-3356 1244. Edital de Licitação Edital de Licitação Modalidade.:Tomada de Preço Numero...:0006/15 DATA DA ABERTURA DA LICITAÇÃO: 11/02/2015 DATA ABERTURA DAS PROPOSTAS..: 04/03/2015 HORARIO...: 14:00 Fornecedor.: Endereço...: CGCMF...:

Leia mais

CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014.

CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014. CONVÊNIO: PROJETO PARA REALIZAÇÃO DA MARCHA DAS MULHERES NEGRAS, CONTRA A VIOLENCIA E PELO BEM VIVER SICONV 804898/2014. Licitação Cotação Prévia 001/2015 1) Preâmbulo A ASSOCIAÇÃO CULTURAL DE MULHERES

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

Departamento Regional Minas Gerais ERRATA Nº 01/2014

Departamento Regional Minas Gerais ERRATA Nº 01/2014 Serviço Social do Comércio Departamento Regional Minas Gerais Processo nº 14595/2012 Folha nº Informações e/ou despachos ERRATA Nº 01/2014 Nº do edital: Pregão Presencial nº 0054/2014 Área Técnica Responsável:

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO

SECRETARIA MUNICIPAL DA ADMINISTRAÇÃO CONVITE Nº 05/2015 Objeto: Contratação de Empresa para Serviços de Acesso à internet. O MUNICÍPIO DE SÃO VALENTIM DO SUL, através de seu Prefeito Municipal, torna público e para o conhecimento dos interessados,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ROMA DO SUL DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES E D I T A L

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA ROMA DO SUL DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES E D I T A L CONVITE Nº 06/2013 MANUTENÇÃO DE POÇOS ARTESIANOS E D I T A L O Prefeito Municipal de Nova Roma do Sul, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei Federal n 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA 1 DA CONVOCAÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA 1 DA CONVOCAÇÃO COTAÇÃO PRÉVIA N 0102/2015 PROCESSO N : 003002/2015 CV 004/2015-IDESQ-SPD TIPO DA LICITAÇÃO: Menor Preço ( Maior Desconto sobre a taxa de administração da contratada) DATA DA REALIZAÇÃO: 05/11/2015 Das

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO NºXX/20XX TIPO: MENOR PREÇO

TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO NºXX/20XX TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERENCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO NºXX/20XX TIPO: MENOR PREÇO A Sociedade Divina Providência - Hospital Sagrada Família, CNPJ nº 84.942.887/0001-27, com sede na Rua Henrique Schwarz, 10 Centro

Leia mais

CONVITE N o 5/2004 FIRMA : ENDEREÇO : CIDADE: CEP:

CONVITE N o 5/2004 FIRMA : ENDEREÇO : CIDADE: CEP: CONVITE N o 5/2004 REPARTIÇÃO: Gerência Administrativa SEÇÃO: Seção de Material e Patrimônio MODALIDADE: Convite. TIPO: Menor preço por item OBJETO: Prateleiras de aço para o almoxarifado DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA:

Leia mais

COLETA DE PREÇO IIRS N.º 010/09-CP ENCERRAMENTO: 07/04/09 às 10:00hs ABERTURA: 07/04/09 às 10:00hs

COLETA DE PREÇO IIRS N.º 010/09-CP ENCERRAMENTO: 07/04/09 às 10:00hs ABERTURA: 07/04/09 às 10:00hs COLETA DE PREÇO IIRS N.º 010/09-CP ENCERRAMENTO: 07/04/09 às 10:00hs 1. Encontra-se aberto no Instituto Israelita de Responsabilidade Social - Hospital Albert Einstein, na Rua Coronel Lisboa, 139 Centro

Leia mais

CPAP/OS - ventilação com pressão contínua em vias aéreas / Ventilação com Pressão de Suporte.

CPAP/OS - ventilação com pressão contínua em vias aéreas / Ventilação com Pressão de Suporte. SERVOVENTILADOR COLOR MS: 10229820103 OCP: TÜV Rheinland... DESCRITIVO Servoventilador pulmonar microprocessado eletrônico para insuficiência respiratória de paciente adulto a neonatal em UTI. Reúne ventilação

Leia mais

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 30 de setembro de 2013

CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO. DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO: 30 de setembro de 2013 ATO CONVOCATÓRIO 35/2013 Processo de Contratação de Empresa Prestadora de Serviços MODALIDADE: CONCORRÊNCIA ESPECIAL CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E QUALIDADE DO PRODUTO DATA LIMITE PARA ENTREGA

Leia mais

I Sala comercial nº 806, do oitavo pavimento do Centro Comercial Fuad Chequer, situado nesta cidade de Viçosa MG à rua Benjamin Araújo, nº 56,

I Sala comercial nº 806, do oitavo pavimento do Centro Comercial Fuad Chequer, situado nesta cidade de Viçosa MG à rua Benjamin Araújo, nº 56, EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA PROCESSO Nº 65/2015 CONCORRÊNCIA Nº 01/2015 OBJETO: Consiste na Concessão de Uso de Imóveis Públicos, mediante contrato, pelo período de 24 meses, dos espaços físicos localizados

Leia mais

SAAE Serviço Municipal de Saneamento Básico

SAAE Serviço Municipal de Saneamento Básico 1/14 COMISSÃO PERMAMENTE DE LICITAÇÃO (Portaria nº. 16, de 10 de fevereiro de 2012) CONVITE Nº. 001/2012 PROCESSO LICITATÓRIO Nº. 47/2012 DATA DA ABERTURA: 19/03/2012 HORÁRIO: 09:00 HORAS ENDEREÇO: AV.

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 2015/3010064-01 (SRP)

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 2015/3010064-01 (SRP) 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE CONCORRÊNCIA N 2015/3010064-01 (SRP) A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua Comissão de Licitações, torna público para

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS n.º 3110005-04/2011

TOMADA DE PREÇOS n.º 3110005-04/2011 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS TOMADA DE PREÇOS n.º 3110005-04/2011 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º

Leia mais

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 02/2014 EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 01/2014

COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 02/2014 EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 01/2014 COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 02/2014 EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 01/2014 Realização da Licitação: 05/02/2014 às 15h Protocolo das propostas até às 14h00min h do mesmo dia. Tipo:

Leia mais

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011-

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011- EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011- A ASSOCIAÇÃO PARAENSE DE APOIO ÀS COMUNIDADES CARENTES APACC torna público que fará realizar COTAÇÃO PRÉVIA, do tipo MENOR

Leia mais

EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL DE DISPENSA DE LICITAÇÃO N 004/2014 TIPO: MENOR PREÇO (PROCESSO N 2014/11/267) O Instituto de Previdência dos Servidores do Município de Paranaguá, por sua Comissão Permanente de Licitação, designada

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO VERA CRUZ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 01/2010 MODALIDADE CONVITE PROCESSO Nº 058/2010 Contratação de serviços

Leia mais

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO A FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério

Leia mais

CONVITE N.º 95971-01/2011

CONVITE N.º 95971-01/2011 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97.015-970 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS CONVITE N.º 95971-01/2011 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59,

Leia mais

Comissão de Licitação

Comissão de Licitação CARTA CONVITE: 2014.0010 19ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação A da EEEP RAIMUNDO SARAIVA COELHO JUAZEIRO DO NORTE CE comunica a V.Sª. que às 16h do dia 28 DE NOVEMBRO DE 2014, na Sede

Leia mais

CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas

CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas CONVITE N o 20/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 16/07/2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS n.º 3060004-01/2012

TOMADA DE PREÇOS n.º 3060004-01/2012 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Avenida Roraima, n 1000 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS TOMADA DE PREÇOS n.º 3060004-01/2012 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA

Leia mais

Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação / CREDE 12 Quixadá/CE E-mail: gerlania.oliveira@crede12.seduc.ce.gov.br

Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação / CREDE 12 Quixadá/CE E-mail: gerlania.oliveira@crede12.seduc.ce.gov.br Carta Convite Nº 0013/2015 Natureza da Despesa: Serviços de Hospedagem Fonte do Recurso: Função Programática nº 22100022.12.362.073.19509.0500000.33903900.10.0.40-13837 Data da Emissão: 28/05/15 Data da

Leia mais

GOVERNO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL FRANCISCA ROCHA SILVA JAGUARUANA CE

GOVERNO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL FRANCISCA ROCHA SILVA JAGUARUANA CE 1 CARTA CONVITE N o 2015.009 Natureza da Despesa: SERVIÇO DE IMPRESSÃO DE APOSTILAS Data da Emissão : 10/07/2015 Data da Licitação : 20/07/2015 Hora da Licitação : 9h. Tipo de Licitação : MENOR PREÇO.

Leia mais

SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE AVARÉ

SANTA CASA DE MISERICÓRDIA DE AVARÉ COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO DIVULGAÇÃO ELETRÔNICA TIPO MENOR PREÇO Nº 001/2015 - Processo nº 001/2015 Convênio nº 21.683/2011 - Proposta SICONV nº 757761/2011 A Santa Casa de Misericórdia de Avaré, entidade

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2013

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2013 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 001/2013 PARA AQUISIÇÃO DE GÊNEROS ALIMENTÍCIOS DA AGRICULTURA FAMILIAR PARA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR, CONFORME LEI Nº 11.947 DE 16/06/2009 E RESOLUÇÃO Nº 38 DO FNDE DE 16/07/2009.

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 05/2015 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIVRO DIGITAL

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 05/2015 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIVRO DIGITAL COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 05/2015 EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE LIVRO DIGITAL Tipo: Menor Preço O Instituto Brasileiro de Administração Municipal - IBAM, associação civil sem fins lucrativos

Leia mais

Av: Miguel Castro nº 1355 Dix-sept Rosado CEP: 59075-740 Natal RN Fone: (084) 4009-7403 - Fax: (084) 4009-7402

Av: Miguel Castro nº 1355 Dix-sept Rosado CEP: 59075-740 Natal RN Fone: (084) 4009-7403 - Fax: (084) 4009-7402 EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 01/2013 TIPO DE LICITAÇÃO: Menor preço PREÂMBULO A LIGA NORTE RIOGRANDENSE CONTRA O CÂNCER torna público que no dia 17 de julho de 2013 às 9:00h, na sala de Reuniões do Centro

Leia mais