MANUAL PARA REDAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO I

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MANUAL PARA REDAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO I"

Transcrição

1 Centro de Ensino Superior Rezende & Potrich Ltda. FACULDADE MINEIRENSE-FAMA TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO I MINEIROS - GO JANEIRO/2014

2 Centro de Ensino Superior Rezende & Potrich Ltda. FACULDADE MINEIRENSE-FAMA INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR REZENDE E POTRICH FACULDADE MINEIRENSE -FAMA NÚCLEO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Organizador: Elton Brás Camargo Júnior Colaboradores: Isabel Cristina Mallosto Emerich de Abreu Rodrigo Resende da Silva Braga Alessandro Rogério Giovani Beatriz Resende Freitas Ricardo Ferreira Nunes Ficha catalográfica Multidisciplinar Manual para redação de trabalhos de conclusão de curso I / Elton Brás Camargo Júnior, org. Colaboradores Isabel Cristina Mallosto Emerich de Abreu, Rodrigo Resende da Silva Braga, Alessandro Rogério Giovani, Beatriz Resende Freitas, Ricardo Ferreira Nunes Mineiros p. ISSN: Revista Saúde Núcleo de coordenação de trabalho de conclusão de curso

3 Centro de Ensino Superior Rezende & Potrich Ltda. FACULDADE MINEIRENSE-FAMA 1 APRESENTAÇÃO O Manual para redação do trabalho de conclusão de curso I (TCC I) do Centro Universitário Rezende & Potrich possui as informações necessárias para confecção do TCC I. O presente manual foi editado a partir da iniciativa do Núcleo de TCC da Faculdade Mineirense, onde verificou a necessidade de algumas atualizações no atual documento. As normas contribuem para o direcionamento e padronização dos trabalhos desenvolvidos na Instituição e possuem significativa importância para que haja uma coerência na apresentação do referido trabalho. Sendo assim, esse documento está baseado nas normas da Associação Brasileira de Normas e Técnicas (ABNT). Com esse manual, espera-se apresentar aos alunos de graduação e orientadores uma aproximação à normalização existente e organizada de modo a facilitar a redação do TCC I. Portanto, essa publicação é fonte de consulta obrigatória para aqueles que se preocupam com a eficácia e o sucesso na redação do trabalho de conclusão de curso. Elton Brás Camargo Júnior Coordenador Núcleo TCC

4 2 ESTRUTURA E FORMATAÇÂO DO TCC I 2.1 Orientações Gerais Compreende três partes fundamentais da redação do trabalho: elementos prétextuais, elementos textuais e elementos pós-textuais, conforme a NBR 14724/2011 Informação e documentação Trabalhos acadêmicos - Apresentação: - papel branco - formato A4 (21 X 29,7 cm) - impresso em um só lado da folha - digitado na cor preta - letra: Arial, tamanho 12 - letra em tinta preta - alinhamento do texto: Justificado - iniciar título sempre em nova página 2.2 Margem - Margens superior e esquerda: 3 cm - Margens inferior e direita: 2 cm 2.3 Espaçamento O texto deverá ser digitado em espaço 1,5; O parágrafo deverá apresentar um recuo na primeira linha a 1,25 cm da margem esquerda, obtido através da tecla TAB, não contendo espaçamento entre um parágrafo e outro. Devem ser digitados em espaços simples: as citações com mais de 3 linhas (citações longas), notas, resumo, referências, legendas de ilustração e de tabelas, bem como partes da capa e da folha de rosto. Não deve adicionar espaço antes e depois de parágrafo.

5 2.4 Paginação - fonte ARIAL - tamanho 11 - localizada na parte superior a direita da folha - deverão ser utilizados algarismos arábicos - a contagem do número de folhas deverá iniciar a partir da folha de rosto - somente a partir da introdução que a numeração deverá ser disposta EXEMPLO CAPA FOLHA DE ROSTO FOLHA DE APROVAÇ ÃO DEDICAT ÓRIA AGRADEC IMENTOS 8 9 EPÍGRAFE LISTAS SUMÁRIO INTRODU ÇÃO REVISÃO DA LITERAT URA

6 2.5 Indicativo de Seção/Numeração das Seções Seções são as partes em que se divide o texto de um documento, contendo as matérias consideradas afins na exposição ordenada do assunto. As seções devem ser redigidas da seguinte forma: - algarismos arábicos - alinhados à esquerda - numeração precede o título e/ou subtítulo separado deste por um espaço - dispensa qualquer tipo de caractere gráfico como traço, seta, pontos etc. (ex Análise de água) Elementos pré-textuais Os títulos, sem indicativo numérico errata, agradecimentos, lista de ilustrações, lista de abreviaturas e siglas, lista de símbolos, resumos, sumário, referências, glossário, apêndice(s), anexo(s) e índice(s) devem ser centralizados. Elementos textuais - Títulos - devem ser digitados em caixa alta - alinhadas à esquerda da margem - sem negrito, precedido de sua numeração - Subtítulos - somente com as iniciais em maiúsculo - alinhados à esquerda da margem - com negrito, precedido de sua numeração Títulos devem ser iniciados em nova folha (quebra de página), NÃO separar com folha em branco descrita com o título entre eles. Subtítulo no texto devem ser separados com 02 linhas acima e 1 linha abaixo.

7 EXEMPLO 2 HIPERTENSÃO ARTERIAL 2.1 Conceito 2.2 Classificação Hipertensão Idiopática Hipertensão Secundária 2.3 Diagnóstico 2.4 Tratamento 2.6 Notas de Rodapé Existem 2 tipos de nota de rodapé: Explicativa: quando é necessário prestar esclarecimentos, tecer comentários que não foi possível incluir no texto devido à interrupção da sequência lógica da leitura. Bibliográfica: são utilizadas para referenciar autores citados no texto, ou seja, em vez de utilizar o sistema de citações autor-data, utiliza-se a numeração que indica a nota localizando- se abaixo na página OBS.: NBR recomenda utilizar sistema numérico somente para notas explicativas. As notas de rodapé são numeradas consecutivamente dentro do capítulo com algarismos arábicos (não recomeça uma nova numeração a cada página) que se localizam na entrelinha superior entre parênteses, entre colchetes ou sozinho; O ponto final da frase vem após o número da entrelinha superior;

8 As notas de rodapé: - fonte tamanho 10 - obedecendo a margem da página, separadas do texto por um espaço simples de entrelinhas e por um filete (traço) de linha de 3 cm a partir da margem esquerda. - devem situar-se o mais próximo possível do texto em que é citada - quando a obra é citada pela primeira vez na nota de rodapé (bibliográfica) deve ser escrita a referência completa, já as subsequentes citações da mesma obra que estiverem em uma mesma página podem ser referenciadas de forma abreviada, utilizando-se expressões latinas como estas duas abaixo: - idem ou id : substitui o nome do autor, quando se tratar de citação de diferentes obras, mas que tenham o mesmo autor. - Ibidem : é utilizada quando são feitas várias citações de uma mesma obra, somente com o número de página diferente EXEMPLOS Xxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx xxxxxxxxxxx 1. ¹ ARANTES, 1999, p. 31. ² Idem, 2002, p ³ Idem, 2005, p FONTES, 2011, p OU ¹ FONTES, 2001, p ² Ibidem, p. 21. ³ Ibidem, p. 40.

9 2.7 Equações e Fórmulas As equações para facilitar a leitura devem ser destacadas do parágrafo; Se forem muitas devem ser numeradas com algarismos arábicos entre parênteses alinhados à direita, conforme o exemplo abaixo; Quando por falta de espaço precisarem passar para a linha seguinte devem ser interrompidas antes do sinal de igualdade ou depois dos sinais de adição, subtração, multiplicação e divisão. EXEMPLO X² + Y² = Z 2...(1) (X2 +Y2)/5= n...(2) Onde, X = elemento um Y = elemento dois Z = resultado Números no Texto Utilização de números no decorrer do texto: Segundo França e Vasconcellos (2004) quanto à descrição de número 0 a 9, os números devem ser escritos por extenso a partir de 10 são utilizados algarismos arábicos. EXEMPO Cinco nutricionistas responderam...; 11 nutricionistas responderam...

10 3 ESTRUTURA DO TCC I O projeto de trabalho de conclusão de curso I deverá conter os seguintes itens: Estrutura Elemento Status Obra Capa Obrigatório Folha de Rosto Obrigatório Folha de Aprovação do projeto Obrigatório Pré-textuais Dedicatória Opcional Agradecimentos Opcional Epígrafe Opcional Listas de ilustrações Opcional Sumário Obrigatório Introdução Obrigatório Revisão da literatura (no mínimo 5 páginas) Obrigatório Textuais Hipótese Obrigatório Objetivos Obrigatório Materiais e Métodos Obrigatório Contribuição do estudo (Trabalho prático) Obrigatório Referências Obrigatório Pós-textuais Apêndice Opcional Anexo Opcional Cronograma Obrigatório 3.1 Elementos Pré-Textuais Composta por elementos que antecedem o texto principal do trabalho. São elementos pré-textuais: capa/lombada, folha de rosto, folha de aprovação, dedicatória, agradecimentos, epígrafe, lista de ilustrações, lista de tabelas, lista de abreviaturas e siglas, lista de símbolos e sumário.

11 3.1.1 Capa (elemento obrigatório) A capa adotada pela FAMA tem as seguintes características: - tamanho da fonte do nome do autor e título de trabalho devem ser 14 - demais informações em tamanho de fonte 12 - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo Deve conter todos os elementos necessários à sua identificação como: a) nome da instituição (CENTRO DE ENSINO SUPERIOR REZENDE & POTRICH) - alinhado ao centro, em caixa alta b) nome da faculdade (FACULDADE MINEIRENSE FAMA) - alinhado ao centro, em caixa alta c) nome do curso (CURSO DE...) - alinhado ao centro, em caixa alta d) título - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito O título não deve conter abreviações e devem conter menções sobre o assunto abordado. O título deve ser curto, porém esclarecedor. Títulos longos podem gerar ambiguidade, por isso deve ser escolhido com o máximo de cuidado, deve ser atrativo para chamar a atenção do público-alvo (SERRA NEGRA; SERRA NEGRA, 2004, p.38). e) subtítulo (se houver) - alinhado ao centro, em caixa alta f) número de volumes (se houver mais de um, deve constar em cada capa a especificação do respectivo volume) - alinhado ao centro, em caixa alta g) nome do autor alinhado a direita, em caixa alta h) local (MINEIROS - GOIÁS) - alinhado ao centro, em caixa alta i) ano de depósito (da entrega) - alinhado ao centro

12 EXEMPLO MODELO DE CAPA 3 cm Fonte Arial 12 MAIÚSCULO CENTRO DE ENSINO SUPERIOR REZENDE & POTRICH FACULDADE MINEIRENSE FAMA CURSO DE linhas Espaçamento 1,5 Fonte Arial 14 MAIÚSCULO Negrito TÍTULO DO TRABALHO SUBTÍTULO (SE HOUVER) 07 linhas Espaçamento 1,5 Fonte Arial 12 MAIÚSCULO Fonte Arial 14 MAIÚSCULO MINEIROS GO 2014 TATIANE BOMBASSARO 2 cm 07 linhas Espaçamento 1,5

13 3.1.2 Folha de Rosto (elemento obrigatório) A Folha de rosto é praticamente uma cópia da Capa. A diferença é que ela traz algumas informações obrigatórias que a capa não demanda. Para favorecer a correta identificação de autoria do trabalho, recomenda-se não usar o nome da Universidade e/ou Unidade Universitária encabeçando a folha de rosto. A folha de rosto adotada pela FAMA tem as seguintes características: - tamanho da fonte do nome do autor e título de trabalho devem ser 14 - demais informações em tamanho de fonte 12 - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo Deve conter todos os elementos necessários à sua identificação como: a) Nome do candidato alinhado ao centro, em caixa alta b) título - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito c) subtítulo (se houver) - alinhado ao centro, em caixa alta d) número de volumes (se houver mais de um, deve constar em cada capa a especificação do respectivo volume) - alinhado ao centro, em caixa alta e) natureza do trabalho (texto breve em que conste o tipo da apresentação - trabalho de conclusão de curso -, além do objetivo da realização do mesmo - como obtenção de grau -) caixa de texto com margem de 11 cm da esquerda e 2 cm, com parágrafo e justificada, em letra minúscula, exceto a primeira letra do parágrafo e inicio de nome próprio. f) nome do orientador com titulações e afiliações (Orientadora: Profª. Ma. Maria da Silva) - alinhado a direita, em caixa baixa g) nome do co-orientador (se houver) segue as mesmas configurações do item acima ( i) h) local (MINEIROS - GO) - alinhado ao centro, em caixa alta i) ano de depósito (da entrega) - alinhado ao centro

14 e) Natureza do trabalho - o texto deverá ser escrito da seguinte forma: Projeto de trabalho de conclusão de curso apresentado à Faculdade Mineirense, como parte das exigências do Curso de xxxxxxxx para conclusão do curso de graduação. f) Nome do orientador com titulações e afiliações o nome do professor orientador deverá ser precedido por sua titulação. Sendo assim, serão utilizadas as abreviaturas de acordo com o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa. Esp. especialista Me. mestre Ma. - mestra Dr. doutor Drs. doutores Dra. doutora Dras. - doutoras

15 EXEMPLO MODELO DE FOLHA DE ROSTO 3 CM Fonte Arial 14 MAIÚSCULO TATIANE BOMBASSARO 11 linhas Espaçamento 1,5 Fonte Arial 14 MAIÚSCULO Negrito TÍTULO DO TRABALHO SUBTÍTULO (SE HOUVER) 05 linhas Espaçamento 1,5 16 cm do topo da página Fonte Arial 12 Fonte Arial 12 Fonte Arial 12 MAIÚSCULO Projeto de trabalho de conclusão de curso apresentado à Faculdade Mineirense, como parte das exigências do Curso de xxxxxxxx para conclusão do curso de graduação. Monografia apresentada a Faculdade Mineirense, como parte das exigências do 03 Curso linhas de xxxxxxxx para Espaçamento 1,5 conclusão do curso de graduação. 19 cm do topo da página Orientadora: Profª. Ma. Maria da Silva MINEIROS GO linhas Espaçamento 1,5 2 cm

16 3.1.3 Folha de Aprovação (elemento obrigatório) A folha de aprovação adotada pela FAMA tem as seguintes características: - tamanho da fonte do nome do autor e título de trabalho devem ser 14 - demais informações em tamanho de fonte12 - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo A folha de aprovação deve conter: a) nome completo do autor, sem abreviaturas e na ordem direta - alinhado ao centro, em caixa alta b) título e subtítulo (se houver) - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito c) natureza do trabalho e data da defesa - dia, mês e ano (Ex. 10/11/2014) d) nome do orientador e) nome dos membros da banca examinadora, em ordem alfabética com respectivas titulações e afiliações, assinado pelos mesmos alinhado ao centro, em caixa baixa e) instituição (FACULDADE MINEIRENSE) - alinhado ao centro, em caixa alta f) ano de depósito (da entrega) - alinhado ao centro

17 EXEMPLO MODELO PÁGINA DE APROVAÇÃO 3 CM TATIANE BOMBASSARO 03 linhas TÍTULO DO TRABALHO SUBTÍTULO (SE HOUVER) 02 linhas Projeto de trabalho de conclusão de curso defendido e aprovado em XX/XX/ linhas BANCA EXAMINADORA: 16 cm do topo da página 02 linhas Profª. Ma. Maria da Silva Orientadora Monografia apresentada a Faculdade Mineirense, como parte das exigências do Curso de xxxxxxxx para conclusão do curso de graduação. Prof. Me. Felipe Augusto Dehn Benedetti Membro da banca examinadora Profª. Esp. Vanessa da Silva Ribeiro Membro da banca examinadora FACULDADE MINEIRENSE cm 02 linhas 02 linhas 03 linhas 19 cm do topo da página

18 3.1.4 Dedicatória (elemento opcional) Elemento não obrigatório, mas pode ser usado pelo autor caso queira dedicar o trabalho a alguém, deve ser transcrito na parte inferior do lado direito. Se o trabalho for escrito por mais de um autor, as dedicatórias devem ser escritas em folhas distintas para cada aluno, em ordem alfabética. As dedicatórias devem ser assinadas ao final dos textos e alinhadas à direita - letra ARIAL, tamanho de fonte 12 - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo - margem direita e inferior de 2 cm - caixa de texto 11 cm com margem da esquerda - caixa texto: largura 9 cm EXEMPLO MODELO DE FOLHA DE DEDICATÓRIA 11 cm Texto no qual o autor dedica seu trabalho ou presta uma homenagem a alguém de significado especial em vida pessoal ou profissional. 01 linha Tatiane Bombassaro 2 cm 2 cm

19 3.1.5 Agradecimentos (elemento opcional) Texto no qual o autor manifesta os agradecimentos a todas as pessoas e instituições que contribuíram de maneira relevante para a elaboração do trabalho. Deve ser transcrito na parte folha. Se o trabalho for escrito por mais de um autor, os agradecimentos devem ser escritos em folhas distintas para cada aluno, em ordem alfabética. Os agradecimentos devem ser assinados ao final dos textos e alinhados a direita. - título primário (AGRADECIMENTOS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - texto - tamanho de fonte 12 - alinhado justificado, em caixa baixa - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo - alinhamento justificado EXEMPLO MODELO DE FOLHA DE AGRADECIMENTO 3 cm AGRADECIMENTOS 3 cm 2 cm 02 linhas Texto no qual o autor manifesta os agradecimentos a todas as pessoas e instituições que contribuíram de maneira relevante para a elaboração do trabalho. Deve ser transcrito na parte folha... Tatiane Bombassaro 2 cm

20 3.1.6 Epígrafe (elemento opcional) Texto no qual o autor cita um pensamento que, de certa forma, está relacionado ao tema do trabalho. A autoria do texto deve ser identificada. Deve ser transcrita na direita da página na parte inferior do lado direito. - Letra ARIAL, tamanho de fonte 12 - espaçamento 1,5; sem adicionar espaço antes e depois do parágrafo - alinhamento justificado - a autoria do texto deve ser identificada em linha separada e alinhado a direita - margem direita e inferior de 2 cm - caixa de texto 11 cm da esquerda - caixa texto: largura 9 cm EXEMPLO MODELO DE FOLHA DE EPÍGRAFE 11 cm Texto no qual o autor cita um pensamento que, de certa forma, está relacionado ao tema do trabalho. A autoria do texto deve ser identificada. 02 linhas 2 cm Autor do texto 2 cm

21 3.1.7 Listas (elemento opcional) As listas devem ser abertas quando houver um número considerável de ilustrações, até 5 ilustrações não há necessidade; Recomenda-se a construção de uma lista distinta para cada tipo de ilustração (fotografias, mapas, desenhos, gráficos, quadros, plantas, esquemas, lâminas, organogramas, fluxogramas e outros) uma lista para tabelas, uma lista para abreviaturas e uma lista para símbolos; A ordem das listas deve ser: 1 Ilustrações 2 tabelas 3 abreviaturas e siglas 4 símbolos Figuras: Desenhos As figuras devem ser descritas em lista própria, mencionadas na mesma ordem em que são apresentadas no trabalho, com cada figura designada pelo n, seu título e página que é encontrada. - As figuras são numeradas em algarismos arábicos, com sequência própria; - No texto as figuras devem receber ser denominadas da seguinte forma: No início ou no meio da frase: A Figura 18 mostra o comportamento...; No final da frase: Após a revolução industrial, os empresários assinaram um acordo (Figura 10). - O título deve ser claro, breve e explicativo: - localizado na parte inferior da figura, na mesma margem desta - precedido da palavra Figura (sem abreviar) seguida de seu número correspondente, negrito. - título é escrito somente com a letra inicial em maiúsculo - fonte tamanho 10

22 Se a figura não é de construção do autor do trabalho, deve ser colocada a fonte, ou seja, de onde retirou a figura logo abaixo do título: - sobrenome do autor - em caixa alta - data e a página - tamanho da fonte 10 As figuras devem ser posicionadas o mais próximo possível do trecho ao qual são citadas. Se forem muitas podem ser agrupadas no final do trabalho, como anexo, mantendo-se a sequência normal de sua numeração. Obedecem à margem da página, sendo centralizadas; no caso de desenhos, esquemas, fotos, gráficos devem possuir uma margem própria ao seu redor. Possuem moldura própria; Se necessário utilizar legenda explicativa abaixo do título e da fonte. Na lista: - título primário (LISTA DE FIGURAS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos das figuras separar o número da figura do seu título por um travessão - fonte 12 alinhado justificado, caixa baixa com exceção da primeira letra - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento 1,5 EXEMPLO Figura 1 - Sistema de captura dos compostos voláteis Fonte: MIYAZAWA, 2009, p. 32.

23 MODELO DE LISTA DE FIGURAS 3 cm 3 cm LISTA DE FIGURA 02 linhas Figura 1 - Idade gestacional Figura 2 - Aparelho genital feminino Figura 3 - Posição ortostática Figura 4 - Sistema circulatório Figura 5 - Hábitos alimentares cm 2 cm

24 Quadro Os quadros devem ser descritas em lista própria, mencionados na mesma ordem em que são apresentadas no trabalho, com cada quadro designado pelo n, seu título e página que é encontrada. própria. - Os quadros são numerados em algarismos arábicos, com sequência - apresentam informações textuais (escritas) agrupadas em colunas. - são mencionados no texto (em caixa baixa) seguido de seu número correspondente. No início ou no meio da frase: O Quadro 18 mostra o comportamento...; No final da frase: Após a revolução industrial, os empresários assinaram um acordo (Quadro 10). - O título deve ser claro, breve e explicativo: - localizado na parte inferior do quadro, na mesma margem desta - precedido da palavra Quadro seguida de seu número correspondente, negrito. - título é escrito somente com a letra inicial em maiúsculo - fonte tamanho 10 Se o quadro não é de construção do autor do trabalho, deve ser colocada a fonte, ou seja, de onde retirou o quadro logo abaixo do título: - sobrenome do autor - em caixa alta - data e a página - tamanho da fonte 10 Os quadros devem ser posicionadas o mais próximo possível do trecho ao qual são citados.

25 Se forem muitos podem ser agrupadas no final do trabalho, como anexo, mantendo-se a sequência normal de sua numeração. - Possuem moldura própria; - Se necessário utilizar legenda explicativa abaixo do título e da fonte; - Quando o quadro é mais largo do que a página, este poderá ser impresso no sentido vertical; Na lista: - título primário (LISTA DE QUADROS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos dos quadros - fonte 12 alinhado justificado, caixa baixa com exceção da primeira letra, negrito - separar o número da figura do seu título por um travessão - - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento 1,5 EXEMPLO Necessidades Psicobiológicas Oxigenação Hidratação Nutrição Eliminação Sono e Repouso Exercício e Atividades Físicas Sexualidade Outras Quadro 1 - Teoria das necessidades humanas básicas Fonte: HORTA, 1979, p.41. Necessidades Psicossociais Segurança Amor Liberdade Comunicaçã o Criatividade Recreação Lazer

26 MODELO DE LISTA DE QUADROS 3 cm 3 cm LISTA DE QUADROS 02 linhas Quadro 1- Idade gestacional Quadro 2- Aparelho genital feminino Quadro 3 - Posição ortostática Quadro 4 - Sistema circulatório Quadro 5 - Hábitos alimentares cm 2 cm

27 Gráficos Os gráficos são recursos visuais utilizados para facilitar a compreensão e dados e informações, além de deixar o trabalho visualmente apresentável. Os gráficos devem ser descritas em lista própria, mencionados na mesma ordem em que são apresentadas no trabalho, com cada quadro designado pelo n, seu título e página que é encontrada. Os gráficos coloridos são os mais atrativos. Podem ser compostos de linhas, colunas, barras e setores. própria; - Os gráficos são numerados em algarismos arábicos, com sequência - No texto as figuras devem receber a nomenclatura Gráfico. No início ou no meio da frase: O Gráfico18 mostra o comportamento...; No final da frase: Após a revolução industrial, os empresários assinaram um acordo (Gráfico 10). - Devem conter o título em sua margem inferior e seus eixos X e Y devem ser nomeados, ou seja, especificar se o eixo é percentagem, frequência ou nomes explicativos; - Não é necessário escrever o título dentro da moldura do gráfico, este deve vir abaixo do gráfico, em fonte tamanho 10; - As percentagens ou frequência devem ser claramente dispostas para que o gráfico seja auto-explicativo, e não devem sobrepor as colunas, barras ou setores; - A legenda é utilizada quando não está claro o entendimento dos dados, esta pode se localizar por ex. do lado direito do gráfico, próximo à margem inferior; - A letra dentro do gráfico, inclusive na legenda deve ser de tamanho 10. Se o gráfico não é de construção do autor do trabalho deve ser colocada a fonte, ou seja, de onde retirou a figura logo abaixo do título: - sobrenome do autor - em caixa alta - data e a página - tamanho da fonte 10

28 Na lista: - título primário (LISTA DE GRÁFICOS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos dos gráficos - fonte 12 alinhado justificado, caixa baixa com exceção da primeira letra - separar o número da figura do seu título por um travessão - - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento simples EXEMPLO Gráfico 1 Opinião dos usuários sobre o atendimento da ESF Leste.

29 MODELO DE LISTA DE GRÁFICOS 3 cm 3 cm LISTA DE GRÁFICOS 02 linhas Gráficos 1 - Idade gestacional Gráficos 2 - Aparelho genital feminino Gráficos 3 - Posição ortostática Gráficos 4 - Sistema circulatório Gráficos 5 - Hábitos alimentares cm 2 cm

30 Tabelas As tabelas apresentam informações tratadas estatisticamente, resultados numéricos e valores comparativos. Quando a tabela é mais larga do que a página poderá ser impressa no sentido vertical. As tabelas devem ser descritas em lista própria, mencionadas na mesma ordem em que são apresentadas no trabalho, com cada figura designada pelo n, seu título e página que é encontrada. - As tabelas são numeradas em algarismos arábicos, com sequência própria; - No texto as figuras devem receber a nomenclatura Tabela No início ou no meio da frase: A Tabela18 mostra o comportamento...; No final da frase: Após a revolução industrial, os empresários assinaram um acordo (Tabela 10). - O título deve ser claro, breve e explicativo: - localizado na parte superior da figura, na mesma margem desta - precedido da palavra Tabela seguida de seu número correspondente - separar o número da figura do seu título por um travessão - - título é escrito somente com a letra inicial em maiúsculo - fonte tamanho 10 De acordo com Serra negra e Serra Negra (2004) não se utilizam colunas, somente linhas horizontais no cabeçalho e em sua margem inferior; - Não são fechadas lateralmente; - O tamanho da letra dentro da tabela dependerá da quantidade de informações/conteúdo, pode ser letra 10 ou 12. Nenhuma casa da tabela deve ficar em branco, devem apresentar um número ou sinal: - (hífen), dado numérico igual a zero não resultante de arredondamento;..(dois pontos), não se aplica dado numérico;...(três pontos), dado numérico não disponível; x (letra x), dado numérico omitido a fim de evitar a individualização da informação;

31 0; 0,0; 0,00 etc...dado numérico igual a zero resultante de arredondamento de um dado numérico originalmente positivo; -0; -0,0; -0,00 etc... dado numérico igual a zero resultante de arredondamento de um dado numérico originalmente negativo Se a tabela não é de construção do autor do trabalho deve ser colocada a fonte, ou seja, de onde retirou a figura logo abaixo do título: - sobrenome do autor - em caixa alta - data e a página - tamanho da fonte 10 As tabelas devem ser posicionadas o mais próximo possível do trecho ao qual são citadas. Se forem muitas podem ser agrupadas no final do trabalho, como anexo, mantendo-se a sequência normal de sua numeração. Obedecem à margem da página, sendo centralizadas; Se necessário utilizar legenda explicativa abaixo do título e da fonte. Na lista: - título primário (LISTA DE TABELAS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos das tabelas - fonte 12 alinhado justificado, caixa baixa com exceção da primeira letra - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento 1,5 EXEMPLO

32 MODELO DE LISTA DE TABELAS 3 cm LISTA DE TABELAS 02 linhas 2 cm 3 cm Tabelas 1 - Idade gestacional Tabelas 2 - Aparelho genital feminino Tabelas 3 - Posição ortostática Tabelas 4 - Sistema circulatório Tabelas 5 - Hábitos alimentares cm Abreviaturas e Siglas São utilizadas para evitar repetição de palavras frequentemente usadas no texto; Quando a abreviatura for utilizada pela primeira vez dentro do texto - deve ser colocada entre parênteses - palavra deve precedê-la por extenso. - não é necessário colocar n de página, afinal uma abreviatura pode se repetir várias vezes no decorrer do texto; - a lista deve ser ordenada alfabeticamente, seguida do nome por extenso; - utilizar espacejamento simples (faz parte das pré-textuais);

33 EXEMPLO O acidente vascular cerebral (AVC) ocorre principalmente... Na lista: - título primário (LISTA DE ABREVIATURAS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos das abreviações - fonte 12 alinhado justificado, caixa baixa com exceção da primeira letra - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento simples EXEMPLO MODELO DE LISTA DE ABREVIATURAS 3 cm 3 cm LISTA DE ABREVIATURAS AVC Acidente vascular cerebral CV Cardiovascular MEC Ministério de Educação e Cultura PA Pressão arterial AVC Acidente vascular cerebral 02 linhas 2 cm 2 cm

34 Símbolos - Devem ser listados na mesma ordem de ocorrência no texto, seguidos do significado por extenso; - Devem ser alinhados à esquerda; - Não é necessário colocar n de página, afinal um símbolo pode se repetir várias vezes no decorrer do texto. Na lista: - título primário (LISTA DE SÍMBOLOS) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - os símbolos - fonte 12 alinhado a esquerda, caixa baixa com exceção da primeira letra - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento simples EXEMPLO MODELO DE LISTA DE SÍMBOLOS 3 cm LISTA DE SÍMBOLOS 02 linhas 3 cm 2 cm -OH Radical Álcool - Ligação Simples β Beta 2 cm

35 3.1.9 Sumário (elemento obrigatório) O sumário indica a subordinação das secções com os elementos pré e póstextuais, e contém a página inicial de cada seção. - título primário (SUMÁRIO) fonte 14 - alinhado ao centro, em caixa alta, negrito - títulos do sumário idênticos ao adotados no corpo do trabalho, seguidos de pontos até a numeração - fonte 12 alinhado a esquerda - margem esquerda e superior de 3 cm, direita e inferior de 2 cm - espaçamento 1,5 Os títulos e subtítulos devem ser apresentados da mesma forma que se encontram no texto. - Títulos: caixa alta, sem negrito. - Subtítulos: Somente a inicial em maiúsculo, negrito - O corpo do sumário é todo alinhado à esquerda - O tipo de preenchimento é a linha pontilhada - seguida do n de página correspondente ao título ou subtítulo - sem recuo

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Faculdade de Educação UAB/UnB Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA Parceria MEC/SECAD NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL)

Leia mais

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011 São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico As orientações abaixo estão de acordo com NBR 14724/2011 da Associação

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE DISSERTAÇÃO (FORMATO

Leia mais

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008)

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008) Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Curso de Sistemas de Informação Trabalho de Conclusão de Curso Prof. Dr. Luís Fernando Garcia - TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto

Leia mais

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e NORMAS PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor

Leia mais

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 Paula Carina de Araújo paulacarina@ufpr.br 2014 Pesquisa Pesquisa Atividade básica da ciência

Leia mais

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO 1 REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO Os seguintes padrões atendem às exigências da FTC Feira de Santana, em conformidade com a NBR 14724:2002/2005 da Associação Brasileira de Normas Técnicas

Leia mais

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS:

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS: MANUAL PARA TCC www.etecmonteaprazivel.com.br Estrada do Bacuri s/n Caixa Postal 145 Monte Aprazível SP CEP 15150-000 Tel.: (17) 3275.1522 Fax: (17) 3275.1841 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT

Leia mais

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS MONOGRAFIA Trata-se de uma construção intelectual do aluno-autor que revela sua leitura, reflexão e interpretação sobre o tema da realidade. Tem como base a escolha de uma unidade ou elemento social, sob

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ GESTÃO2010/2012 ESCOLASUPERIORDOMINISTÉRIOPÚBLICO(Art.1ºdaLei11.592/89) Credenciada pelo Parecer 559/2008, de 10/12/08, do CEC (Art. 10, IV da Lei Federal n.º 9.394, de 26/12/1996 - LDB) NORMAS PARA ELABORAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT. ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT. ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações 1ª edição Ilhéus BA 2012 SUMÁRIO SUMÁRIO... 2 APRESENTAÇÃO...

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA ANEXO da Norma 004/2008 CCQ Rev 1, 28/09/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Salvador 2009 2 1 Objetivo Estabelecer parâmetros para a apresentação gráfica

Leia mais

Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS 1 ESTRUTURA A estrutura e a disposição dos elementos de um trabalho acadêmico são as

Leia mais

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA 1 Prezado(a) aluno(a), Este roteiro foi preparado para auxiliá-lo na elaboração de sua monografia (TCC). Ele o apoiará na estruturação das etapas do seu trabalho de maneira

Leia mais

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Editoração do Trabalho Acadêmico 1 Formato 1.1. Os trabalhos devem ser digitados em papel A-4 (210 X297 mm) apenas no anverso (frente) da folha. 2 Tipo e tamanho

Leia mais

5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5.

5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5. 5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5.2 Capa... 48 5.3 Folha de rosto... 51 5.4 Errata... 53

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE 1 INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE INSTRUÇÕES GERAIS: papel branco A4, fonte Arial tamanho 12, com espaçamento de 1,5 cm entre as linhas,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO 1. INTRODUÇÃO A Dissertação é a apresentação escrita do trabalho de pesquisa desenvolvido no âmbito do Programa de

Leia mais

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Padrão FEAD de normalização Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Objetivo Visando padronizar os trabalhos científicos elaborados por alunos de nossa instituição Elaboramos este manual

Leia mais

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 1 Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 Pré-textuais Textuais Pós-textuais Estrutura Elemento OK Capa (obrigatório) Anexo A (2.1.1) Lombada (obrigatório) Anexo H Folha

Leia mais

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório.

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório. 1 - ESTRUTURA DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO O relatório do Estágio Supervisionado de todos os cursos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Minas Gerais Campus Formiga - irá mostrar

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA (ABNT - NBR 15287- válida a partir de 30.01.2006) 1 COMPONENTES DE UM PROJETO DE PESQUISA (itens em negrito são obrigatórios) ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS Capa

Leia mais

TRABALHO ACADÊMICO. Apresentação gráfica

TRABALHO ACADÊMICO. Apresentação gráfica 2012 2 Núcleo de Apoio à Pesquisa na Graduação- NAP/UNIMAR Projeto de Pesquisa; Apresentação gráfica TRABALHO ACADÊMICO Apresentação gráfica Segundo normas estabelecidas pela Associação Brasileira de Normas

Leia mais

universia.com.br/materia/img/tutoriais/ /01.jsp 1/1

universia.com.br/materia/img/tutoriais/ /01.jsp 1/1 5/12/2008 Monografias - Apresentação Fazer um trabalho acadêmico exige muito de qualquer pesquisador ou estudante. Além de todo esforço em torno do tema do trabalho, é fundamental ainda, adequá-lo às normas

Leia mais

PROJETO DE PESQUISA. Apresentação gráfica

PROJETO DE PESQUISA. Apresentação gráfica 2012 PROJETO DE PESQUISA Apresentação gráfica Revisto e atualizado segundo alterações ABNT: NBR 15287:2011 Projeto de Pesquisa; NBR 14724:2011 Trabalhos Acadêmicos. Profa. Dra. Wakiria Martinez Heinrich

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA Normas para elaboração de Dissertações do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais MODELO

Leia mais

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Maria Bernardete Martins Alves Marili I. Lopes Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Módulo 3 Apresentação

Leia mais

MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP

MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP MODELO DE PROJETO DE PESQUISA DA ADJETIVO CETEP REPRESENTAÇÕES GRÁFICAS DOS TRABALHOS Formato: A4 Cor preta Espaçamento entre linhas: 1,5cm Fonte texto: Times New Roman, 12 ou Arial, 11 Margem superior

Leia mais

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL AQUIDAUANA MS 2009 1. PAPEL E PROCESSO DE MULTIPLICAÇÃO O papel

Leia mais

NORMAS DA ABNT PARA TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS DA ABNT PARA TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS DA ABNT PARA TRABALHOS ACADÊMICOS O texto a seguir tratará das seguintes normalizações: A. NBR 14724:2001 Informação e documentação - Trabalhos acadêmicos - Apresentação Informações pré-textuais

Leia mais

PROJETO DE PESQUISA ABNT NBR 15287:2011. Especifica os princípios gerais para a elaboração de projetos de pesquisa

PROJETO DE PESQUISA ABNT NBR 15287:2011. Especifica os princípios gerais para a elaboração de projetos de pesquisa PROJETO DE PESQUISA ABNT NBR 15287:2011 Especifica os princípios gerais para a elaboração de projetos de pesquisa REFERÊNCIA NORMATIVA Documentos indispensáveis à aplicação deste documento ABNT NBR 6023

Leia mais

ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011]

ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011] ABNT NBR 14724 [terceira edição atualizada em 2011] Professora Alcione Mazur 25/07/11 Cancela e substitui a edição anterior. ABNT NBR 14724: 2005 Não houve alterações na estrutura do trabalho, mas em uma

Leia mais

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS F A C UL DA DE DE P R E S I DE N T E V E N C E S L A U REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS APRESENTAÇÃO GRÁFICA - CONFIGURAÇÃO DAS MARGENS Ir ao menu Arquivo, escolher a opção Configurar

Leia mais

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PONTA GROSSA 2011 LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA São Paulo 2014 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 1 ELEMENTOS EXTERNOS 1.1 CAPA 1.2 LOMBADA 2 ELEMENTOS INTERNOS PRÉ-TEXTUAIS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC ANEXO A TERMO DE COMPROMISSO DE ORIENTAÇÃO DO TRABALHO DE Nome do Aluno: Matricula: Título do TCC CONCLUSAO DE CURSO (TCC) Solicito que seja designado como meu Orientador do Trabalho de Conclusão de Curso

Leia mais

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA 1 DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho, ou seja, o que não consta no texto destas

Leia mais

PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ. Prof. Marat Guedes Barreiros

PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ. Prof. Marat Guedes Barreiros PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ Prof. Marat Guedes Barreiros GUARUJÁ 2º semestre de 2013 PROJETO MULDISCIPLINAR Curso superior de BACHAREL em

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E HUMANAS Programa de Pós-Graduação em Biotecnociência Título Santo André dd/mm/aaaa Normas para Dissertações Mestrado em Biotecnociência - UFABC.

Leia mais

Normas para Redação da Dissertação/Tese

Normas para Redação da Dissertação/Tese Normas para Redação da Dissertação/Tese Estrutura A estrutura de uma dissertação, tese ou monografia compreende três partes fundamentais, de acordo com a ABNT (NBR 14724): elementos prétextuais, elementos

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III

UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III Projeto Integrado Multidisciplinar Cursos Superiores Tecnológicos G. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Trabalho

Leia mais

Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura

Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura Iniciação à Pesquisa em Informática Profª MSc. Thelma E. C. Lopes e-mail: thelma@din.uem.br 2 Texto Científico: o que é? A elaboração do texto científico

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA A elaboração da monografia deve ter como referência a ABNT NBR 14724/ 2006, a qual destaca que um trabalho acadêmico compreende elementos pré-textuais,

Leia mais

FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS

FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS Baseado nas obras de Júnia Lessa França e Ana Cristina de Vasconcellos; Rosy Mara Oliveira. Atualizado

Leia mais

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo Objetivo ABNT Normas para elaboração de trabalhos científicos Esta Norma especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos, visando sua apresentação à instituição Estrutura Parte

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1,5 espaçamento entre as linhas CURSO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx Nome do Estagiário 2 espaços 1,5 Fonte 14 Fonte 14 RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Fonte 16 COLOCADO NO CENTRO DA FOLHA LOCAL ANO Fonte

Leia mais

(Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO. Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos

(Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO. Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos (Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos Revisto e atualizado de acordo com a NBR 15287/2011 Brasília 2011 1 APRESENTAÇÃO De acordo

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA 2014 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO CAMPINA GRANDE 2015 1 DISSERTAÇÃO A defesa pública da dissertação

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO 39 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO 1. MONOGRAFIA Monografias são exposições de um problema ou assunto específico, investigado cientificamente, assim, não exige originalidade,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (FTA) VITÓRIA DA CONQUISTA BA 2009

Leia mais

FACULDADE DOM BOSCO. Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO

FACULDADE DOM BOSCO. Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO FACULDADE DOM BOSCO Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO CORNÉLIO PROCÓPIO 2012 Como elaborar um TC 1 Introdução Objetiva-se

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O trabalho deve ser digitado e impresso em papel formato A4. O texto deve ser digitado, no anverso das folhas, em espaço 1,5, letra do tipo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá. Pró-Reitoria de Pós-Graduação Curso de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá. Pró-Reitoria de Pós-Graduação Curso de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pós-Graduação Curso de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISA Segundo a NBR 15287:2011

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS 2013 Jaciara-MT COMPOSIÇÃO DA MONOGRAFIA MONOGRAFIA Recebe nº página CAPA FOLHA DE ROSTO FOLHA DE APROVAÇÃO DEDICATÓRIA (OPCIONAL) AGRADECIMENTO (OPCIONAL) EPIGRAFE

Leia mais

MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF)

MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF) (Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF) 3ª edição Revisto e atualizado

Leia mais

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROF. DR. MARCOS FRANCISCO R. SOUSA PROF. Me. CELSO LUCAS COTRIM APRESENTAÇÃO

Leia mais

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT www.abnt.org.br Objetivos da normalização Comunicação Simplificação Níveis de normalização Menos exigente (Genérica) INTERNACIONAL REGIONAL

Leia mais

PIM I. Projeto Integrado Multidisciplinar

PIM I. Projeto Integrado Multidisciplinar PIM I Projeto Integrado Multidisciplinar PIM I - PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de Práticas de Gestão Organizacional em uma Empresa. OBJETIVOS: Favorecer aos alunos ingressantes

Leia mais

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Administração Biblioteca Normas para elaboração do TCC O que é um Trabalho de Conclusão de Curso? O TCC, é um trabalho acadêmico feito sob a coordenação

Leia mais

Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica:

Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica: Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica: Conforme NBR 6022:2003 Seção de atendimento ao usuário - SISBI Outubro 2013 Normas técnicas Norma técnica é um documento estabelecido

Leia mais

Quanto ao texto do corpo do projeto:

Quanto ao texto do corpo do projeto: MODELO DE PROJETO DE PESQUISA EM INICIAÇÃO CIENTÍFICA Quanto ao texto do corpo do projeto: Projeto deve ser redigido com no máximo 20 (vinte) páginas digitadas em papel tamanho A4 (210mm x 297mm), margem

Leia mais

OBRIGATÓRIO= + OPCIONAL= *

OBRIGATÓRIO= + OPCIONAL= * Lombada* UFRGS FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS BIBLIOTECA GLÁDIS W. DO AMARAL ORIENTAÇÃO SOBRE A ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO Elementos póstextuais INDICES * PARTE INTERNA ANEXOS * APENDICES * GLOSSARIO

Leia mais

NORMATIZAÇÃO TÉCNICA PARA ELABORAÇÃO DE TCC COM BASE NAS NBR S. Por: Edirlane Carvalho de Souza Freitas - Bibliotecária

NORMATIZAÇÃO TÉCNICA PARA ELABORAÇÃO DE TCC COM BASE NAS NBR S. Por: Edirlane Carvalho de Souza Freitas - Bibliotecária NORMATIZAÇÃO TÉCNICA PARA ELABORAÇÃO DE TCC COM BASE NAS NBR S. Quem define a normatização técnica? Normas mais comuns utilizadas em trabalhos acadêmicos: NBR 6023 Referências; NBR 6024 Numeração progressiva

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP 2011 ESTRUTURA 1 ELEMENTOS DE PRÉ-TEXTO 1.1 Capa 1.2 Lombada descendente 1.3 Folha de rosto 1.4 Folha de aprovação 1.5 Dedicatória 1.6 Agradecimentos 1.7 Epígrafe

Leia mais

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2 UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA COORDENAÇÃO ADJUNTA DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO

Leia mais

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO 1,5 espacejamento entre as linhas CURSO xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx 2 espaços 1,5 Fonte 14 Nome do Estagiário Fonte 14 RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Fonte 16 COLOCADO NO CENTRO DA FOLHA BAMBUÍ ANO Fonte

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 1 ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 1 APRESENTAÇÃO Tanto o artigo quanto a monografia são trabalhos monográficos, ou seja, trabalhos que apresentam resultados de pesquisa sobre um

Leia mais

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO

ORIENTAÇÕES GERAIS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO ORIENTAÇÕES GERAIS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO Prezado(a) Aluno(a): Esta pequena orientação e o modelo de relatório em anexo foram produzidos com o objetivo de facilitar a elaboração do Relatório

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE QUÍMICA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC 1 APRESENTAÇÃO As recomendações a seguir resumem os princípios para a elaboração

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS ARACAJU 2012 2 PREFÁCIO A apresentação dos trabalhos acadêmicos

Leia mais

NORMAS DE REDAÇÃO PARA QUALIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES

NORMAS DE REDAÇÃO PARA QUALIFICAÇÃO E APRESENTAÇÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES 1 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/ DE 30 DE MAIO DE 2011/ PRODEMA-UFS DE Estas normas de redação foram definidas como diretrizes básicas pelo Colegiado do Núcleo de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Meio Ambiente

Leia mais

ABNT NBR 15287 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação

ABNT NBR 15287 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação NORMA BRASILEIRA ABNT NBR 15287 Primeira edição 30.12.2005 Válida a partir de 30.01.2006 Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação Information and documentation Research project Presentation

Leia mais

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA FORMOSA/GO

Leia mais

Título do trabalho: subtítulo do trabalho

Título do trabalho: subtítulo do trabalho Título do trabalho: subtítulo do trabalho Resumo Este documento apresenta um modelo de formatação a ser utilizado em artigos e tem como objetivo esclarecer aos autores o formato a ser utilizado. Este documento

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS 0 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS MANUAL PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS PIRENÓPOLIS 2012 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE GRADUAÇÃO EM FARMÁCIA UFSJ

GUIA PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE GRADUAÇÃO EM FARMÁCIA UFSJ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO OESTE DONA LINDU GUIA PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CURSO DE GRADUAÇÃO EM FARMÁCIA UFSJ DIVINÓPOLIS MG 2009 O Trabalho de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado MANUAL DE DEFESA Exame de Qualificação: banca examinadora

Leia mais

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Este capítulo visa a orientar a elaboração de artigos científicos para os cursos de graduação e de pós-graduação da FSG. Conforme a NBR 6022 (2003, p. 2),

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Andersown Becher Paes de Barros * Ideraldo Bonafé ** RESUMO Este trabalho apresenta

Leia mais

GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS TRABALHOS NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES

GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS TRABALHOS NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS

Leia mais

Manual TCC Administração

Manual TCC Administração 1 Manual TCC Administração 2013 2 Faculdade Marista Diretor Geral Ir. Ailton dos Santos Arruda Diretora Administrativo-Financeiro Sra. Rafaella Nóbrega Coordenador do Curso de Administração e Gestão de

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO 1. APRESENTAÇÃO É essencial o uso de normas técnicas para uma boa apresentação e compreensão da leitura de um trabalho acadêmico-científico.

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA APRESENTAÇÃO NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS O trabalho deve ser digitado e impresso em papel

Leia mais

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL Estrutura formal do relatório Estrutura Elemento Capa Folha de Rosto Pré-textuais Folha de Identificação Sumário 1. Introdução Textuais 2. Atividades

Leia mais

TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5. Formatação do Texto

TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5. Formatação do Texto TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5 Antes de iniciar a digitação de seu trabalho acadêmico configure seu documento com as especificações a seguir, facilitando a visualização e sua

Leia mais

Guia de Orientação para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC)

Guia de Orientação para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) 1 Guia de Orientação para o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) Gepós Unidade de Gestão de Pós Graduação Como requisito obrigatório para a obtenção do certificado de pós-graduação, o TCC deve ser desenvolvido

Leia mais

REVISTA DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS / FAeCC / UFMT. NORMAS DE APRESENTAÇÃO DO ARTIGO CIENTÍFICO PARA A RCiC

REVISTA DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS / FAeCC / UFMT. NORMAS DE APRESENTAÇÃO DO ARTIGO CIENTÍFICO PARA A RCiC NORMAS DE APRESENTAÇÃO DO ARTIGO CIENTÍFICO PARA A 1 ARTIGO É o trabalho acadêmico que apresenta resultado de uma pesquisa, submetido ao exame de um corpo Editorial, que analisa as informações, os métodos

Leia mais

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002)

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002) NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002) DIRETOR: Profº. Daniel Jorge dos Santos Branco Borges COORDENADORA PEDAGÓGICA: Profª. Paloma Martinez Veiga Branco COORDENADORA

Leia mais

ESTRUTURA DE UM TRABALHO MONOGRÁFICO (NBR 14724/2005)

ESTRUTURA DE UM TRABALHO MONOGRÁFICO (NBR 14724/2005) Errata Folha de Rosto Capa ESTRUTURA DE UM TRABALHO MONOGRÁFICO (NBR 14724/2005) Epígrafe Resumo L. estrangeira Resumo Agradecimentos Dedicatória Folha de Aprovação Anexos Apêndices Glossário Referências

Leia mais

Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias.

Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias. Elaborado pelo Coordenador do curso de Gestão Empresarial Prof. Ms. Ricardo Resende Dias e pela professora Profª Drª Silvana de Brito Arrais Dias. Goiânia, 2010 SUMÁRIO SUMÁRIO...2 1. INTRODUÇÃO...3 1.1-

Leia mais

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE UM ARTIGO CIENTÍFICO Finalidade de um Artigo Científico Comunicar os resultados de pesquisas, idéias e debates de uma maneira clara, concisa e fidedigna. Servir de medida da produtividade

Leia mais

SEMINÁRIO . ORGANIZAÇÃO DO SEMINÁRIO.

SEMINÁRIO . ORGANIZAÇÃO DO SEMINÁRIO. SEMINÁRIO Seminário é um grupo de pessoas que se reúnem com o propósito de estudar um tema sob a direção de um professor ou autoridade na matéria. O nome desta técnica vem da palavra semente, indicando

Leia mais

AVA - AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

AVA - AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM Caro Aluno, Você produzirá, de acordo com as Normas da Educação a Distância, um Artigo Científico como Trabalho de Conclusão de Curso - TCC, para cumprimento dos requisitos necessários à aprovação nos

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1)

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) 1 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) SOBRENOME, Nome Aluno 1 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV SOBRENOME, Nome Aluno 2 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV RESUMO Este

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CAMPO GRANDE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO INTEGRADOR 2009.

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CAMPO GRANDE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO INTEGRADOR 2009. FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CAMPO GRANDE CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM PROCESSOS GERENCIAIS MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO INTEGRADOR 2009.2 Campo Grande, outubro de 2009. Versão 2/2009 1/18 SUMÁRIO:

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI GUIA PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS: diretrizes para normalização Rosemeire Zambini Bibliotecária CRB5018

Leia mais