Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação GEOGRAFIA. Área Básica GEOGRAFIA Instituição UFSE - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE (SE)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação GEOGRAFIA. Área Básica GEOGRAFIA 7.06.00.00-7. Instituição UFSE - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE (SE)"

Transcrição

1 Ano Base 1998 Área de Avaliação GEOGRAFIA Área Básica GEOGRAFIA Instituição UFSE - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE (SE) Programa GEOGRAFIA P-2 1 de 5 17/05/01 às 16:35

2 Serviços Técnicos [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do trabalho]; [ano de conclusão]; [natureza]; [finalidade]; [duração]; [número de páginas]; [disponibilidade]; [instituição financiadora]; [cidade]; [país]; [divulgação]; [URL]; [ 2 ] ELIANE (Docente): Orientação de estágio - Climatologia Geográfica; 1998; Assessoria; Orientar aluno estagiário em climatologia; 1; ; Restrita; CODISE/UFS; Aracaju-SE; BRASIL; Impresso; ; Relatório impresso mensalmente - CLIMASE. VERA FRANÇA (Docente): Avaliação do Plano de Qualificação Profissional; 1998; Assessoria; Analisar o plano Estadual de Qualificação Profissional; 6; 19; Restrita; SEASF; Aracaju; BRASIL; Impresso; ;. Cartas, Mapas ou similares [ 3 ] [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título]; [ano de apresentação]; [natureza]; [tema]; [técnica]; [finalidade]; [área representada]; [instituição financiadora]; [divulgação]; [URL]; MARIA AUGUSTA (Docente): Conjunto de cartogramas temáticos da região do Sertão do Baixo São Francisco sergipano; 1998; Carta; Cartogramas temáticos: população, aspectos culturais, aspectos econômicos, agropecuária, outros; Geoprocessamento informatizado; Subsidiar planejamento de uso de recursos hídricos; Região do Sertão do Baixo São Francisco sergipano; CODEVASF/UFS/SEPLANTEC-SE; Vários; ;. MARIA AUGUSTA (Docente); VERA FRANÇA (Docente): Conjunto de cartogramas síntese (segundo e terceiro) níveis; 1998; Carta; Cartogramas síntese: aspectos sociais e aspectos do meio natural; Superposição de cartogramas temáticos geoprocessamento informatizado; Elaboração de zoneamento geoambiental; Região do Sertão do Baixo São Francisco sergipano; CODEVASF/UFS/SEPLANTEC-SE; Vários; ;. MARIA AUGUSTA (Docente); VERA FRANÇA (Docente): Zoneamento Geoambiental do sertão do Baixo São Francisco Sergipano; 1998; Carta; Sistemas ambientais; Geoprocessamento informatizado; Zoneamento geoambiental para fins de planejamento de uso dos recursos hídricos; cinco sub-bacias do Baixo São Francisco sergipano; CODEVASF/UFS/FAPESE/SEPLANTEC-SE; Vários; ;. Curso de curta duração [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do curso]; [ano da realização]; [nível]; [participação dos autores]; [duração]; [instituição promotora]; [local]; [cidade]; [país]; [divulgação]; [URL]; [ 4 ] BÁRBARA CHRISTINE (Docente): Pesquisa Geográfica; 1998; Especialização; Docente; 1; Universidade Estadual de Feira de Santana-BA; Universidade Estadual de Feira de Santana-BA; Feira de Santana-BA; BRASIL; ; ; Curso de Especialização em Geografia do Semi-Árido. Duração uma semana.. BORZACCHIELLO (Docente): Geografia do Brasil; 1998; Especialização; Docente; 2; Faculdade filos Caruaru; Caruaru - Fafica; Caruaru - PE; BRASIL; Impresso; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Teoria Geográfica; 1998; Especialização; Docente; ; Universidade Estadual de Feira de Santana-BA; Universidade Estadual de Feira de Santana-BA; Feira de Santana; BRASIL; ; ; Curso de Especialização em Geografia do Semi-Árido. VERA FRANÇA (Docente): Introdução ao Desenvolvimento Regional; 1998; Especialização; Docente; 5; UFRN - Campus Caicó; UFRN - Caicó; Caicó - RN; BRASIL; Outro; ;. 2 de 5 17/05/01 às 16:35

3 Desenvolvimento de material didático e instrucional [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do aplicativo]; [ano de produção]; [natureza]; [finalidade]; [divulgação]; [URL]; [ 1 ] BORZACCHIELLO (Docente): Geografia do Brasil através de imagens e textos; 1998; Textos de apoio; facilitar a aprendizagem; Impresso; ;. Editoria [ 5 ] [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título]; [ano de produção]; [tipo]; [natureza]; [idioma]; [número de paginas]; [instituição promotora]; [editora]; [cidade]; [país]; [divulgação]; [URL]; ALEXANDRE (Docente): Capítulos de Geografia Nordestina; 1998; Edição; Coletânea; Português; 487; UFS/NPGEO; NPGEO/UFS; Aracaju-SE; BRASIL; Impresso; ;. BÁRBARA CHRISTINE (Docente): Panorama Acadêmico; 1998; Outro; Periódico; Português; ; FFPJ-Universidade do Estado da Bahia; Universidade do Estado da Bahia; Jacobina-BA; BRASIL; Impresso; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Panorama Acadêmico; 1998; Outro; Periódico; Português; ; FFPJ - Universidade do Estado da Bahia; Universidade do Estado da Bahia; Jacobina-BA; BRASIL; Impresso; ;. VERA FRANÇA (Docente): Capítulos de Geografia Nordestina; 1998; Editoração; Coletânea; Português; 487; NPGEO/UFS; Editora Gráfica Triunfo; Aracaju; BRASIL; Impresso; ;. VERA FRANÇA (Docente): Capítulos de Geografia Nordestina; 1998; Editoração; Coletânea; Português; 487; UFS/NPGEO; NPGEO/UFS; Aracaju-SE; BRASIL; Impresso; ;. Organização de evento [ 12 ] [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título]; [ano do evento]; [tipo]; [natureza]; [instituição promotora]; [duração]; [itinerante]; [catálogo]; [local]; [cidade]; [país]; [divulgação]; [URL]; ADELCI (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; ALEXANDRE (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; ALEXANDRE (Docente): WORKSHOPO SOBRE O PROJETO ARQUEOLÓGICO XINGÓ.; 1998; Outro; Organização; ; 2; Não; Sim; Hotel Xingó - Canindé do São Francisco-SE; Canindé do São Francisco-SE; BRASIL; Impresso; ;. ANA VIRGÍNIA (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; ANA VIRGÍNIA (Docente): SEMINÁRIO: TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO; 1998; Outro; Organização; UFS; 2; Não; Sim; Aracaju; Aracaju-SE; BRASIL; Impresso; ;. ARACY (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; BORZACCHIELLO (Docente): Fortaleza, 272 anos; 1998; Congresso; Organização; UFC; 1; Não; Não; Fortaleza; Fortaleza-CE; BRASIL; Impresso; ;. ELIANE (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; Manoel Correia (Docente): O Mundo que o Português Criou; 1998; Outro; Outra; Fundação Joaquim Nabuco; 3; Não; Sim; Recife - Fundação Joaquim Nabuco; Recife - PE; BRASIL; Impresso; ;. Manoel Correia (Docente): Tempo dos Flamengos e outros Tempos; 1998; Outro; Outra; Fundação Joaquim Nabuco; 4; Não; Sim; FJN - Fundação Joaquim Nabuco; Recife-PE; BRASIL; Impresso; ; Anais. 3 de 5 17/05/01 às 16:35

4 Organização de evento [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título]; [ano do evento]; [tipo]; [natureza]; [instituição promotora]; [duração]; [itinerante]; [catálogo]; [local]; [cidade]; [país]; [divulgação]; [URL]; [ 12 ] SYLVIO BANDEIRA (Docente): Salvador e seus desafios urbanos; 1998; Outro; Organização; Goethe Institut, Mestrado em Geografia, Mestrado em Arquitetura, ABEBA; 2; Não; Não; Salvador-BA; Salvador-BA; BRASIL; Outro; ; 2-3 de setembro de VERA FRANÇA (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Congresso; Organização; NPGEO/UFS; 4; Não; Sim; Relatório de pesquisa [ 3 ] [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do trabalho]; [ano de apresentação]; [projeto de pesquisa]; [número de páginas]; [idioma]; [disponibilidade]; [instituição financiadora]; [divulgação]; [URL]; ELIANE (Docente); VANIA (Docente): Sertão do Baixo São Francisco Sergipano: Características gerais e evolução histórica; 1998; Sertão do Baixo São Francisco Sergipano - Bacia Hidrográfica como unidade de estudo; ; Português; Irrestrita; CODEVASF/CNPq; Impresso; ;. Manoel Correia (Docente): A Federação Brasileira: Aspectos Geopolíticos e Geosociais; 1998; A Federação Brasileiro: aspectos geopolíticos e Geosociais; 120; Português; Restrita; CNPq; Impresso; ;. VERA FRANÇA (Docente): Condições Agrícolas; 1998; Sertão do Baixo São Francisco - Bacia Hidrográfica como Unidade de Estudos; 4; Português; Restrita; CODEVASF/CNPq; Impresso; ;. Apresentação de trabalho [ 13 ] [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do trabalho]; [ano da apresentação]; [natureza]; [evento]; [instituição promotora]; [idioma]; [local do evento]; [cidade do evento]; [país do evento]; [divulgação]; [URL]; BÁRBARA CHRISTINE (Docente): Encontro Nacional Geografia 2001; 1998; Outra; Geografia 2001; NPGEO/UFS; Português; Hotel Parque dos Coqueiros; Aracaju-SE; BRASIL; ; ; Palestra na Mesa Redonda "Geografia 2001". BORZACCHIELLO (Docente): Michel Rochefor e a geografia brasileira; 1998; Seminário; Redes e sistemas - ensino sobre o urbano e a região; USP; Português; Departamento de Geografia - USP; São Paulo; BRASIL; Impresso; ;. ELIANE (Docente): Os reflexos da seca no Estado de Sergipe: as consequências para a Agricultura; 1998; Simpósio; III Simpósio brasileiro de Climatologia geográfica; UFBA; Português; Tropical Bahia Hotel; Salvador-BA; BRASIL; Impresso; ; Palestra em Mesa Redonda. ELIANE (Docente): Os reflexos da seca no Estado de Sergipe; 1998; Comunicação; XI Encontro Nacional dos Geógrafos; AGB; Português; Vitória da Conquista-BA - UESB; Vitória da Conquista; BRASIL; Impresso; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): A Pesquisa e a pós-graduação em Geografia no Brasil; 1998; Outra; XI Encontro Nacional de Geógrafos; AGB/UESB; Português; UESB; Vitória da Conquista-BA; BRASIL; Impresso; ; Palestra em Mesa Redonda. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Cidades, território e desenvolvimento; 1998; Outra; Encontro Nacional Geografia 2001; NPGEO/UFS; Português; SYLVIO BANDEIRA (Docente): Desenvolvimento e não-desenvolvimento; 1998; Conferência; Aula Inaugural; Núcleo de Pós-Graduação em Geografia e Núcleo de Pós-Graduação em Meio Ambiente da UFS; Português; UFS; Aracaju-SE; BRASIL; Outro; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Geógrafos profissionais: atuação e perspectivas; 1998; Outra; Comemoração do dia do Geógrafo; Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura-CREA-BA; Português; CREA-BA; Salvador-BA; BRASIL; ; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Por um espaço socialmente justo; 1998; Conferência; Semana dos Calouros do Curso de Geografia da UFBA; Instituto de Geociências/Dep. de Geografia; Português; Instituto de Geociências; Salvador; BRASIL; ; ;. 4 de 5 17/05/01 às 16:35

5 Apresentação de trabalho [autor1]; [autor2];...; [autorn]: [título do trabalho]; [ano da apresentação]; [natureza]; [evento]; [instituição promotora]; [idioma]; [local do evento]; [cidade do evento]; [país do evento]; [divulgação]; [URL]; SYLVIO BANDEIRA (Docente): Turismo e desenvolvimento local; 1998; Conferência; Seminário sobre Turismo e Desenvolvimento Local; SEBRAE/Associação Comercial e Industrial de St. Antonio de Jesus; Português; St. Antonio de Jesus-BA; St. Antonio de Jesus-BA; BRASIL; ; ;. SYLVIO BANDEIRA (Docente): Turismo e desenvolvimento local; 1998; Outra; II Encontro Nacional de Turismo; Universidade Estadual do Ceará; Português; Universidade Estadual do Ceará; Fortaleza; BRASIL; ; ; Palestra em Mesa Resonda. VERA FRANÇA (Docente): Avestruzes: Inovação e Modernização da Agricultura no Semi-Árido Sergipano; 1998; Comunicação; XIV ENGA; UNESP - Presidente Prudente; Português; UNESP - Presidente Prudente; Presidente Prudente - SP; BRASIL; Impresso; ;. Vera Salazar (Docente): Espaço rural e produção agrícola: transformações recentes e novas perspectivas da agricultura brasileira; 1998; Congresso; Encontro Nacional Geografia 2001; NPGEO/UFS; Português; Hotel Parque dos Coqueiros; Aracaju; BRASIL; Impresso; ;. [ 13 ] 5 de 5 17/05/01 às 16:35

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO Relatório Anual de Atividades e Produção Discente NOME: CURSO: ( ) Mestrado ( ) Doutorado BOLSISTA: ( ) Capes ( ) Fapesp ( ) CNPq ( ) Outra: PRODUÇÃO INTELECTUAL Caso

Leia mais

Referencial para Preenchimento PLATAFORMA LATTES. Augusto Takerissa Nishimura - USP Emerson Antonio Maccari - UNINOVE

Referencial para Preenchimento PLATAFORMA LATTES. Augusto Takerissa Nishimura - USP Emerson Antonio Maccari - UNINOVE Referencial para Preenchimento PLATAFORMA LATTES Augusto Takerissa Nishimura - USP Emerson Antonio Maccari - UNINOVE São Paulo, Setembro de 2009 ÍNDICE 1. DADOS GERAIS... 4 1.1. Identificação... 5 1.2.

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ARQUITETURA E URBANISMO. Área Básica ARQUITETURA E URBANISMO 6.04.00.00-5.

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ARQUITETURA E URBANISMO. Área Básica ARQUITETURA E URBANISMO 6.04.00.00-5. Ano Base 2001 Área de Avaliação ARQUITETURA E URBANISMO Área Básica ARQUITETURA E URBANISMO 6.04.00.00-5 Instituição USP/SC - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO/SÃO CARLOS (SP) Programa ARQUITETURA 33002045014P-7

Leia mais

Pós-Graduação e Ensino de Ciências e Matemática

Pós-Graduação e Ensino de Ciências e Matemática Anais do VIII ENEM Mesa Redonda 1 Pós-Graduação e Ensino de Ciências e Matemática Tânia Maria Mendonça Campos - tania@pucsp.br A Pós-Graduação é a Unidade Universitária responsável pela formação de recurso

Leia mais

. a d iza r to u a ia p ó C II

. a d iza r to u a ia p ó C II II Sugestões de avaliação Geografia 7 o ano Unidade 5 5 Unidade 5 Nome: Data: 1. Complete o quadro com as características dos tipos de clima da região Nordeste. Tipo de clima Área de ocorrência Características

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação PSICOLOGIA. Área Básica TRATAMENTO E PREVENÇÃO PSICOLÓGICA 7.07.10.00-7. Instituição

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação PSICOLOGIA. Área Básica TRATAMENTO E PREVENÇÃO PSICOLÓGICA 7.07.10.00-7. Instituição Ano Base 2003 Área de Avaliação PSICOLOGIA Área Básica TRATAMENTO E PREVENÇÃO PSICOLÓGICA 7.07.10.00-7 Instituição UNICAP - UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PERNAMBUCO (PE) Programa PSICOLOGIA CLÍNICA 25002015001P-3

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ENFERMAGEM. Área Básica ENFERMAGEM 4.04.00.00-0. Instituição USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (SP)

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ENFERMAGEM. Área Básica ENFERMAGEM 4.04.00.00-0. Instituição USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (SP) Ano Base 2002 Área de Avaliação ENFERMAGEM Área Básica ENFERMAGEM 4.04.00.00-0 Instituição USP - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (SP) Programa ENFERMAGEM NA SAÚDE DO ADULTO 33002010186P-6 1 de 7 Serviços Técnicos

Leia mais

É 14.16), 2016: 1 AGENDA ACADÊMICA

É 14.16), 2016: 1 AGENDA ACADÊMICA Com o Seminário Regional Nordeste, 60 anos depois: mudanças e permanências, realizado de 27 a 29 de maio deste ano, em Natal, a Arquidiocese natalense, o Observatório Social do Nordeste e seus parceiros

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ADMINISTRAÇÃO / TURISMO. Área Básica ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS 6.02.01.00-2.

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ADMINISTRAÇÃO / TURISMO. Área Básica ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS 6.02.01.00-2. Ano Base 2002 Área de Avaliação ADMINISTRAÇÃO / TURISMO Área Básica ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS 6.02.01.00-2 Instituição PUC-RIO - PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO DE JANEIRO (RJ) Programa ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

COMUNIC COMUNICAÇ COMUNIC

COMUNIC COMUNICAÇ COMUNIC OMUN 12. COMUNICAÇÃO 12.1 Ascom A Assessoria de Comunicação da Uesb Ascom, tem como principal objetivo divulgar e potencializar as questões referentes à Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia - UESB,

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ENSINO. Área Básica ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA 9.02.01.00-0. Instituição

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação ENSINO. Área Básica ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA 9.02.01.00-0. Instituição Ano Base 2012 Área de Avaliação ENSINO Área Básica ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA 9.02.01.00-0 Instituição UFSC - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA (SC) Programa EDUCAÇÃO CIENTIFICA E TECNOLÓGICA

Leia mais

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES O presente documento destina-se a reger as normas para registro acadêmico das atividades complementares do Curso de Graduação em

Leia mais

PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014.

PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014. PORTARIA CE Nº 26, de 30 de junho de 2014. Regulamenta o procedimento de concessão de créditos para as atividades complementares dos alunos dos Cursos de Graduação em Engenharia Industrial Madeireira ingressantes

Leia mais

Secretaria de Desenvolvimento Territorial - Notícias Territoriais Nº 35

Secretaria de Desenvolvimento Territorial - Notícias Territoriais Nº 35 Notícias em Destaque >> No domingo (13) teve início, no Rio de Janeiro (RJ), o seminário Construção do Sistema Nacional de Comércio Justo e Solidário. O evento foi promovido pela Articulação Nacional de

Leia mais

Observando os Rios. Programa de Educação Ambiental e Mobilização para Gestão em Recursos Hídricos, desenvolvido pela Fundação SOS Mata Atlântica

Observando os Rios. Programa de Educação Ambiental e Mobilização para Gestão em Recursos Hídricos, desenvolvido pela Fundação SOS Mata Atlântica Observando os Rios Programa de Educação Ambiental e Mobilização para Gestão em Recursos Hídricos, desenvolvido pela Fundação SOS Mata Atlântica OBJETIVO: Capacitar cidadãos, usuários de água, sociedade

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO (A) Dia Mês Ano Residência Celular DOCUMENTAÇÃO CARTEIRA DE IDENTIDADE /NÚMERO/ÓRGÃO EXPEDIDOR FORMAÇÃO UNIVERSITÁRIA

IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO (A) Dia Mês Ano Residência Celular DOCUMENTAÇÃO CARTEIRA DE IDENTIDADE /NÚMERO/ÓRGÃO EXPEDIDOR FORMAÇÃO UNIVERSITÁRIA CARIMBO E ASSINATURA DO RESPONÁVEL PELA MATRÍCULA GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ FICHA DE INSCRIÇÃO Nº: CHAMADA PÚBLICA DE SELEÇÃO Nº 06/2014 - CURSO DE DOUTORADO EM GEOGRAFIA/2015 IDENTIFICAÇÃO DO CANDIDATO

Leia mais

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação EDUCAÇÃO. Área Básica EDUCAÇÃO 7.08.00.00-6. Instituição

Produção Técnica. Ano Base. Área de Avaliação EDUCAÇÃO. Área Básica EDUCAÇÃO 7.08.00.00-6. Instituição Ano Base 2007 Área de Avaliação EDUCAÇÃO Área Básica EDUCAÇÃO 7.08.00.00-6 Instituição UNIOESTE - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ (PR) Programa EDUCAÇÃO 40015017008P-1 1 de 11 As Cinco melhores

Leia mais

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL

RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL RESUMO O HOMEM E O RIO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL PARA A SUSTENTABILIDADE DO RIO PARAÍBA DO SUL UNITAU - Universidade de Taubaté CBH-PS Comitê de Bacias Hidrográficas do Rio Paraíba do Sul Trabalho realizado

Leia mais

COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBJETIVO ATIVIDADES COMPLEMENTARES

COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBJETIVO ATIVIDADES COMPLEMENTARES OBJETIVO ESTIMULAR A PARTICIPAÇÃO DO ALUNO EM EXPERIÊNCIAS DIVERSIFICADAS QUE CONTRIBUAM PARA A SUA FORMAÇÃO PROFISSIONAL. O ACADÊMICO OBRIGATORIAMENTE DEVERÁ APRESENTAR A COMPROVAÇÃO DE 120 HORAS DE.

Leia mais

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS FACULDADE DE ARACRUZ FAACZ CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FACULDADE DE ARACRUZ - FAACZ ARACRUZ 2010 CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES

Leia mais

Natália da Costa Souza. Ana Paula Camargo Larocca

Natália da Costa Souza. Ana Paula Camargo Larocca USO DE GEOTECNOLOGIAS APLICADO AO ESTUDO DA SUSCETIBILIDADE E ANÁLISE DE RISCO DE PROCESSOS EROSIVOS EM FAIXAS DE DOMÍNIO DE LINHAS FÉRREAS - SUBSÍDIO AOS PROCESSOS DE LICENCIAMENTO OPERACIONAL E AMBIENTAL

Leia mais

Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015.

Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015. PROGRAMA DE PRODUÇÃO CIENTÍFICA, CULTURAL, ARTÍSTICA E TECNOLÓGICA Aprovado na Reunião do CONASU em 21/01/2015. O Programa de Produção Científica, Cultural, Artística e Tecnológica visa fortalecer a relação

Leia mais

Colégio Estadual do Campo Professora Maria de Jesus Pacheco Guimarães E. F. e M. Uma História de Amor ao Guará

Colégio Estadual do Campo Professora Maria de Jesus Pacheco Guimarães E. F. e M. Uma História de Amor ao Guará Colégio Estadual do Campo Professora Maria de Jesus Pacheco Guimarães E. F. e M. Uma História de Amor ao Guará PLANO DE TRABALHO DOCENTE 2012 DISCIPLINA: GEOGRAFIA - PROFESSOR: ADEMIR REMPEL SÉRIE: 8º

Leia mais

Local: Mar Hotel Recife Data: 14 a 16 de dezembro de 2005

Local: Mar Hotel Recife Data: 14 a 16 de dezembro de 2005 Local: Mar Hotel Recife Data: 14 a 16 de dezembro de 2005 PROGRAMA Pré - Seminário HORÁRIO LOCAL ATIVIDADES 8h30 16h00 Encontro Regional do Centro de Referência da ABORDA Nordeste Encontro das Associações

Leia mais

Biblioteca 9. BIBLIOTECA

Biblioteca 9. BIBLIOTECA BIBLIOTECA Biblioteca 9. BIBLIOTECA Desde seu início, em dezembro de 1999, o Sistema de Bibliotecas da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, composto pelas bibliotecas dos Campi de Vitória da Conquista,

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009

RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA-UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual nº 9.996, de 02 de maio de 2006 CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO-CONSEPE RESOLUÇÃO CONSEPE Nº 58/2009

Leia mais

Inventar com a diferenca,

Inventar com a diferenca, Inventar com a diferenca, cinema e direitos humanos PATROCÍNIO APOIO REALIZAÇÃO Fundação Euclides da Cunha O que é Inventar com a diferença: cinema e direitos humanos O projeto visa oferecer formação e

Leia mais

Aprova o Regulamento das Atividades Complementares dos Cursos de Graduação da Faculdade Murialdo - FAMUR

Aprova o Regulamento das Atividades Complementares dos Cursos de Graduação da Faculdade Murialdo - FAMUR RESOLUÇÃO CONSUP Nº 25/2015 Aprova o Regulamento das Atividades Complementares dos Cursos de Graduação da Faculdade Murialdo - FAMUR O Presidente do Conselho Superior CONSUP, no uso de suas atribuições

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES CURRICULARES COMPLEMENTARES DO CURSO DE AGRONOMIA Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Diretoria de Ensino Curso de Agronomia - Câmpus Sertão

Leia mais

Resolução nº 2/2006 3/2/2006 RESOLUÇÃO CNE Nº 2, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 DOU 03.02.2006

Resolução nº 2/2006 3/2/2006 RESOLUÇÃO CNE Nº 2, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 DOU 03.02.2006 Resolução nº 2/2006 3/2/2006 RESOLUÇÃO CNE Nº 2, DE 2 DE FEVEREIRO DE 2006 DOU 03.02.2006 Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o curso de graduação em Engenharia Agrícola e dá outras providências.

Leia mais

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS. Faculdade Presidente Antônio Carlos De Governador Valadares. Núcleo De Investigação Cientifica e Extensão

FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS. Faculdade Presidente Antônio Carlos De Governador Valadares. Núcleo De Investigação Cientifica e Extensão REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA E EXTENSÃO NICE Governador Valadares 2011 FUNDAÇÃO PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS Faculdade Presidente Antônio Carlos De Governador Valadares Núcleo De Investigação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 15, DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014.

RESOLUÇÃO Nº 15, DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014. RESOLUÇÃO Nº 15, DE 17 DE FEVEREIRO DE 2014. O COLEGIADO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL DA FACULDADE DE ENGENHARIAS, ARQUITETURA E URBANISMO E GEOGRAFIA da Fundação Universidade Federal de Mato

Leia mais

Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB

Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB Salvador, 21 de setembro de 2015 Carta Documento: pela construção e implementação de uma Política de Educação do Campo na UNEB Nos dias 19, 20 e 21 de agosto de 2015 realizou-se no Hotel Vila Velha, em

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL Curso de Especialização Convivência com o Semi-Árido na perspectiva da Segurança e Soberania Alimentar e da Agroecologia

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS COLEGIADO DO CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO ANEXO ÚNICO: LISTA DESCRITIVA DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Grupo 01 - Atividades de Ensino 1.01 Participação em programa de educação tutorial:

Leia mais

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA

XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA XX SNPTEE SEMINÁRIO NACIONAL DE PRODUÇÃO E TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA Versão 1.0 22 a 25 Novembro de 2009 Recife - PE GRUPO -GGH GRUPO DE ESTUDO DE GERAÇÃO HIDAÚLICA - GGH IMPACTOS NA GERAÇÃO DE ENERGIA,

Leia mais

Orientações para inserir Produção Técnica e Tecnológica no CV Lattes

Orientações para inserir Produção Técnica e Tecnológica no CV Lattes Orientações para inserir Produção Técnica e Tecnológica no CV Lattes O Programa de Pós-Graduação em Administração Universitária sugere que o docente permanente tenha uma pontuação de 50 pontos em média

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO ACADÊMICO DO AGRESTE NÚCLEO DE DESIGN CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 05, de 11 de fevereiro de 2014, publicado

Leia mais

Relatório Semestral de Atividade de Coordenação de Departamento do Curso de Graduação em Direito da Faculdade do Noroeste de Minas FINOM

Relatório Semestral de Atividade de Coordenação de Departamento do Curso de Graduação em Direito da Faculdade do Noroeste de Minas FINOM Relatório Semestral de Atividade de Coordenação de Departamento do Curso de Graduação em Direito da Faculdade do Noroeste de Minas FINOM Departamento: Núcleo de Prática Jurídica Prof. Nery dos Santos de

Leia mais

MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE

MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE 1 MANUAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA OS CURSOS DE BACHARELADO EM SAÚDE Olinda PE Agosto / 2014 2 Introdução As atividades complementares representam um conjunto de atividades extracurriculares que

Leia mais

CONTRIBUIÇÕES GEOMORFOLÓGICAS E HIDROGEOGRÁFICAS ÀS REFLEXÕES SOBRE A TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO

CONTRIBUIÇÕES GEOMORFOLÓGICAS E HIDROGEOGRÁFICAS ÀS REFLEXÕES SOBRE A TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO CONTRIBUIÇÕES GEOMORFOLÓGICAS E HIDROGEOGRÁFICAS ÀS REFLEXÕES SOBRE A TRANSPOSIÇÃO DO RIO SÃO FRANCISCO Fernando Souza Damasco 1 ; Caio Araujo Varela 2 fernandodamasco@hotmail.com 1 Universidade Federal

Leia mais

João José Ferreira Forni Palestras e Debates Participação como palestrante ou debatedor nos seguintes eventos:

João José Ferreira Forni Palestras e Debates Participação como palestrante ou debatedor nos seguintes eventos: João José Ferreira Forni Palestras e Debates Participação como palestrante ou debatedor nos seguintes eventos: 1997/1998 1. O relacionamento institucional da imprensa. - Palestra para Gerentes e executivos

Leia mais

Complexo regional do Nordeste

Complexo regional do Nordeste Antônio Cruz/ Abr Luiz C. Ribeiro/ Shutterstock gary yim/ Shutterstock Valter Campanato/ ABr Complexo regional do Nordeste Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, MA. Sertão de Pai Pedro, MG. O norte

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE

RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE RESOLUÇÃO Nº 10/05-CEPE Fixa a tabela de pontuação para avaliação de currículo para concurso público na carreira de Magistério Superior da UFPR. 1 O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, órgão normativo,

Leia mais

Atividades complementares Festival ou mostra de: Atividades complementares visita a:

Atividades complementares Festival ou mostra de: Atividades complementares visita a: A1 Atividades complementares visita a: ( ) ACERVO OU RESERVA TÉCNICA DE MUSEU ( ) GALERIA DE ARTE ( ) ESPAÇO CULTURAL : A2 Atividades complementares Festival ou mostra de: ( ) VÍDEO ( ) CINEMA ( ) PERFORMANCE

Leia mais

1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 2 DOCUMENTAÇÃO 3 FORMAÇÃO

1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 2 DOCUMENTAÇÃO 3 FORMAÇÃO 1 DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome: Josiel Barbacovi Endereço: Rua João Tormen, 85 - Bairro Cerâmica Erechim RS 99709-464 Data de Nascimento: 16/09/1992 Naturalidade: Campinas do Sul - RS Nacionalidade: Brasileiro

Leia mais

RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA

RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA RESOLUÇÃO FADISA Nº. 005/2006 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA O Presidente do CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO- FADISA, Professor Dr. ELTON DIAS

Leia mais

REPRESENTAÇÃO REGIONAL DO MCT NO NORDESTE ReNE ORIGEM E PRINCIPAIS AÇÕES

REPRESENTAÇÃO REGIONAL DO MCT NO NORDESTE ReNE ORIGEM E PRINCIPAIS AÇÕES REPRESENTAÇÃO REGIONAL DO MCT NO NORDESTE ReNE ORIGEM E PRINCIPAIS AÇÕES PROPOSTA DE CRIAÇÃO DE UM CONSELHO CONSULTIVO IVON FITTIPALDI CONSECTI, FORTALEZA AGOSTO 2010 1 ORIGEM DECRETO Nº 5.886 DE 06 DE

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES NO ÂMBITO DA FACET

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES NO ÂMBITO DA FACET REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES NO ÂMBITO DA FACET 1. DO CONCEITO E PRINCÍPIOS 1.1 As Atividades Complementares são componentes curriculares de caráter acadêmico, científico e cultural cujo foco

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR

ESTRUTURA CURRICULAR GESTÃO AMBIENTAL ESTRUTURA CURRICULAR Metodologia da Pesquisa Científica Gestão do Espaço Urbano Saúde e Ambiente Legislação Ambiental Gestão de Resíduos Sólidos e de Área Urbana Sistema Integrado de Gestão

Leia mais

Art. 1º - Aprovar o Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop FASIP, nos termos abaixo expostos.

Art. 1º - Aprovar o Regulamento das Atividades Complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop FASIP, nos termos abaixo expostos. FACULDADE DE SINOP FASIP - Faculdade de SINOP Credenciada pela portaria: RESOLUÇÃO CAS Nº. 14/2007 DE 06/04/2007 Aprova o Regulamento das atividades complementares do Curso de Turismo da Faculdade de Sinop

Leia mais

I Fórum Municipal de Enfrentamento à Violência contra Adultos e 09/11/2011 3 h Correlato para a Assistente Social

I Fórum Municipal de Enfrentamento à Violência contra Adultos e 09/11/2011 3 h Correlato para a Assistente Social RELAÇÃO DE EVENTOS APRESENTADOS PARA ANÁLISE VISANDO A PROMOÇÃO 2012 (período: 01/01/2009 a 31/03/2012) DELIBERAÇÕES DO CONSELHO PARA ASSUNTOS DE RECURSOS HUMANOS - CARH IGCE - Câmpus de Rio Claro Evento

Leia mais

MAILING TVs PÚBLICAS

MAILING TVs PÚBLICAS MAILING TVs PÚBLICAS Associação Brasileira das Emissoras Públicas Educativas e Culturais ABEPEC foi criada oficialmente em abril de 1998, a entidade tem personalidade jurídica de direito privado, sem fins

Leia mais

Síntese Curriculum Vitae

Síntese Curriculum Vitae Síntese Curriculum Vitae Nome: Telma Lerner CREA: n º 1.839 - D Profissão: Arquiteta / Urbanista Endereço: Av. Sete de Setembro, 2.417 ap.803 (Vitória) CEP 40 080-003 Salvador / Ba Fones: (71) 336-0368

Leia mais

1º Seminário Catarinense sobre a Biodiversidade Vegetal

1º Seminário Catarinense sobre a Biodiversidade Vegetal 1º Seminário Catarinense sobre a Biodiversidade Vegetal Ações do Governo Federal Visando à Valorização e Conservação da Biodiversidade Vegetal João de Deus Medeiros joao.medeiros@mma.gov.br Departamento

Leia mais

Página 1 de 8 IPI - Jurisdição - Regiões fiscais 18 de Maio de 2012 Em face da publicação da Portaria MF nº 203/2012 - DOU 1 de 17.05.2012, este procedimento foi atualizado (novas disposições - tópico

Leia mais

As diferentes características físicas (clima, vegetação, quantidade de chuva, etc.) encontradas no

As diferentes características físicas (clima, vegetação, quantidade de chuva, etc.) encontradas no COLÉGIO NOSSA SENHORA DE SION Lições de Português e História - 4º ano Leia o texto abaixo para responder as questões de Língua Portuguesa da semana: Região Nordeste O Nordeste brasileiro ocupa uma área

Leia mais

I SEMINÁRIO DO GRUPO DE PESQUISA EM ESPAÇO, TURISMO E AMBIENTE (GETAM)E DO NÚCLEO DE PESQUISA EM ANÁLISE SOBRE O TERRITÓRIO (NUPAT)

I SEMINÁRIO DO GRUPO DE PESQUISA EM ESPAÇO, TURISMO E AMBIENTE (GETAM)E DO NÚCLEO DE PESQUISA EM ANÁLISE SOBRE O TERRITÓRIO (NUPAT) I SEMINÁRIO DO GRUPO DE PESQUISA EM ESPAÇO, TURISMO E AMBIENTE (GETAM)E DO NÚCLEO DE PESQUISA EM ANÁLISE SOBRE O TERRITÓRIO (NUPAT) 1º Seminário do Grupo de Pesquisa Espaço, Turismo e Ambiente (GETAM)

Leia mais

UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h. Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp)

UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h. Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Integral (Mat/Vesp) Cursos de medicina UF Universidade Turno Vagas Nota de corte em 21/1/2015, às 0h AC ACRE (Rio Branco) 40 748,49 AL UFAL ALAGOAS (Maceió) AM UFAM AMAZONAS (Manaus) AP UNIFAP AMAPÁ (Macapá) BA UFOB OESTE

Leia mais

www.rafaelpordeus.com.br

www.rafaelpordeus.com.br RAFAEL PORDEUS A D V O C A C I A E C O N S U L T O R I A www.rafaelpordeus.com.br APRESENTAÇÃO A Advocacia e Consultoria Rafael Pordeus iniciou suas atividades em Fortaleza no ano de 1983, através de seu

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Associação Teresinense de Ensino S/C Ltda ATE FACULDADE SANTO AGOSTINHO FSA Coordenação do Curso de Enfermagem MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Coordenação do Curso de Fisioterapia Prof. Dra,Silvana

Leia mais

Prof. Adm. José Ednaldo Ferreira Pedroza

Prof. Adm. José Ednaldo Ferreira Pedroza Prof. Adm. José Ednaldo Ferreira Pedroza Mestrando e Especialista em Gestão de Empresas; MBA em Gestão Pública Municipal; Graduado em Administração; Aperfeiçoamento Docente em EAD. Professor/Tutor do Curso

Leia mais

Da finalidade das atividades complementares

Da finalidade das atividades complementares Salvador, 28 de setembro de 2010. Da finalidade das atividades complementares Art. 1º A finalidade das atividades complementares é o enriquecimento da formação do aluno quanto ao seu curso de graduação,

Leia mais

de negócios na Amazônia (Versão 24/10/2011)

de negócios na Amazônia (Versão 24/10/2011) Seminário 4 Produção Orgânica: Organização produtiva versus Perspectiva de negócios na Amazônia (Versão 24/10/2011) Objetivo: Oferecer conhecimentos e informações para fortalecer as relações comerciais

Leia mais

ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS

ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS ANEXO I TREINAMENTOS MINISTRADOS - ABERTOS Consultor da Escola de Administração e Negócios - ESAD, de Brasília-DF, para a condução de vários treinamentos, sobre Celebração, Execução e Prestação de Contas

Leia mais

Endereço Físico para apresentação da documentação. IES/Unidade

Endereço Físico para apresentação da documentação. IES/Unidade MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO MESTRADO PROFISSIONAL EM LETRAS IES/Unidade Endereço Físico para apresentação da documentação 1 ES IFES

Leia mais

PESQUISA COMO RECURSO DE SUSTENTABILIDADE PARA A PROFISSÃO DE SECRETARIADO. Principais conquistas do Secretariado brasileiro

PESQUISA COMO RECURSO DE SUSTENTABILIDADE PARA A PROFISSÃO DE SECRETARIADO. Principais conquistas do Secretariado brasileiro PESQUISA COMO RECURSO DE SUSTENTABILIDADE PARA A PROFISSÃO DE SECRETARIADO Principais conquistas do Secretariado brasileiro 1931 Decreto Lei 20.158, organiza o ensino comercial, regulamenta a contador

Leia mais

DADOS DO INEP Instituto Nacional de estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Ministério da Educação UDESC/ 2005

DADOS DO INEP Instituto Nacional de estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Ministério da Educação UDESC/ 2005 DADOS DO INEP Instituto Nacional de estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Ministério da Educação UDESC/ 2005 Número total de Programas 1 e seus respectivos projetos vinculados, público atendido

Leia mais

Importância das caracterizações ambientais marinhas para gestão ambiental

Importância das caracterizações ambientais marinhas para gestão ambiental Importância das caracterizações ambientais marinhas para gestão ambiental Ana Paula C. Falcão Eduardo H. Marcon Maria Eulália R. Carneiro Maurício L. Fonseca Talita A. A. Pereira CENPES/PETROBRAS Márcia

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO O Memorial Descritivo é uma autobiografia que descreve, analisa e critica acontecimentos sobre a trajetória acadêmico-profissional e intelectual do candidato,

Leia mais

Regulamento das Atividades Complementares

Regulamento das Atividades Complementares Regulamento das Atividades Complementares Curso de Design de Moda FACULDADE DE PRESIDENTE PRUDENTE - FAPEPE I. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente regulamento tem por finalidade normatizar as Atividades

Leia mais

OFICINA PARA PREENCHIMENTO DO CURRÍCULO LATTES

OFICINA PARA PREENCHIMENTO DO CURRÍCULO LATTES 0 OFICINA PARA PREENCHIMENTO DO CURRÍCULO LATTES ROTEIRO DA OFICINA 1 SENSIBILIZAÇÃO A oficina se inicia apresentando o que é a Plataforma Lattes. Para sensibilizar os alunos dois pontos serão apresentados:

Leia mais

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE FISIOTERAPIA

MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE FISIOTERAPIA MANUAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE FISIOTERAPIA MONTES CLAROS - MG SUMÁRIO 1. Introdução 4 2. Obrigatoriedade das atividades complementares 5 3. Modalidades de Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA

REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA REGULAMENTO GERAL DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE ENGENHARIA AGRONÔMICA 2014 São Luís de Montes Belos Goiás Faculdade Montes Belos Curso de Engenharia Agronômica São Luis de Montes Belos - Goiás

Leia mais

Estudo da demanda turística internacional 2007-2013

Estudo da demanda turística internacional 2007-2013 Departamento de Estudos e Pesquisas Secretária Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Estudo da demanda turística internacional 2007-2013 Brasília, novembro de 2014 Sumário 1 Perfil da

Leia mais

Parceria com Universidades (federais, estaduais e privadas) Universidades federais

Parceria com Universidades (federais, estaduais e privadas) Universidades federais Rede Nacional de Treinamento de Atletismo está sendo estruturada pelo Ministério do Esporte (ME) em parceria com universidades, prefeituras, governos estaduais, Confederação Brasileira de Atletismo, federações

Leia mais

ANEXO I REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM EDUCAÇÃO FÍSICA

ANEXO I REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM EDUCAÇÃO FÍSICA ANEXO I REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA FLEXIBILIZAÇÃO CURRICULAR DO CURSO DE BACHARELADO EM EDUCAÇÃO FÍSICA Aprovado pelo Colegiado do Curso de Bacharelado em Educação Física, em reunião

Leia mais

VENHA COM A GENTE TRANSFORMAR O PAÍS PELA EDUCAÇÃO.

VENHA COM A GENTE TRANSFORMAR O PAÍS PELA EDUCAÇÃO. VENHA COM A GENTE TRANSFORMAR O PAÍS PELA EDUCAÇÃO. A ANIMA EDUCAÇÃO. A Anima é uma das maiores organizações educacionais privadas de ensino superior do país. São mais de 50 mil estudantes matriculados

Leia mais

SISTEMA DE INTELIGÊNCIA TERRITORIAL

SISTEMA DE INTELIGÊNCIA TERRITORIAL SISTEMA DE INTELIGÊNCIA TERRITORIAL Lucíola Alves Magalhães Analista de Geoprocessamento Grupo de Inteligência Territorial Estratégica (GITE) GRUPO DE INTELIGÊNCIA TERRITORIAL ESTRATÉGICA Coordenado pelo

Leia mais

TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013

TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013 TABELA DE ATIVIDADES E CRÉDITOS - PIAC PRESENCIAL 2013 Tabela elaborada pelo Núcleo de Professores Orientadores do PIAC, que se constitui como espaço de organização, divulgação e articulação de Ensino,

Leia mais

Turma 15: Espanhol - 17/08 à 30/08/2015 Turma 16: 17/08 à 30/08/2015. À distância Turma 31: 07/09 à 20/09/2015 Turma 32: 07/09 à 20/09/2015

Turma 15: Espanhol - 17/08 à 30/08/2015 Turma 16: 17/08 à 30/08/2015. À distância Turma 31: 07/09 à 20/09/2015 Turma 32: 07/09 à 20/09/2015 Cursos: Água Conhecimento para Gestão Saiba mais em: https://www.aguaegestao.com.br/br/lista-completa-de-cursos Curso Modalidade Inscrições Vagas Realização À distância Turma 15: 03/08 à 16/08/ Turma 15:

Leia mais

ALAGOAS Atendimento Rede de Formação em 2008

ALAGOAS Atendimento Rede de Formação em 2008 ALAGOAS Atendimento Rede de Formação em 2008 Aperfeiçoamento em Educação Matemática Público-alvo: Professores dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental Universidade Federal do Espírito Santo UFES Área: Educação

Leia mais

Encontro da Cultura e Pesquisa Espírita França-Brasil. a Confraternização Brasileira de Juventudes Espíritas

Encontro da Cultura e Pesquisa Espírita França-Brasil. a Confraternização Brasileira de Juventudes Espíritas B r a s i l E s p í r i t a Federação Espírita Brasileira Conselho Federativo Nacional Brasília Confraternização Brasileira de Juventudes Espíritas Com promoção do Conselho Federativo Nacional da FEB será

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º SEMESTRE

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º SEMESTRE ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE GEOGRAFIA 2º SEMESTRE Nome: Nº 7º ano Data: / /2015 Professor: Nota: (valor: 2,0 1,0 para cada bimestre ) 2º Semestre A - Introdução Neste semestre, sua pontuação foi inferior

Leia mais

CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO GEOGRAFIA. Aula 23.2 Conteúdo. Região Nordeste

CONTEÚDO E HABILIDADES APRENDER A APRENDER APRENDER A APRENDER FAZENDO E APRENDENDO GEOGRAFIA. Aula 23.2 Conteúdo. Região Nordeste Aula 23.2 Conteúdo Região Nordeste 2 Habilidades Entender as principais características, físicas, econômicas e sociais da região Nordeste. 3 Sub-Regiões nordestinas Meio Norte: Área de transição entre

Leia mais

1 Pesquisador orientador 2 Bolsista PBIC/UEG 3 Curso de Geografia Unidade Universitária de Iporá - UEG

1 Pesquisador orientador 2 Bolsista PBIC/UEG 3 Curso de Geografia Unidade Universitária de Iporá - UEG 1 IMPLANTAÇÃO DE REDE DE COLETA DE DADOS CLIMÁTICOS COMO SUBSÍDIO À PESQUISA GEOAMBIENTAL NO MUNICÍPIO DE IPORÁ-GO 1º FASE. Valdir Specian 1, 3 ; Leidiane Aparecida de Andrade 2, 3 1 Pesquisador orientador

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GEOGRAFIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DINÂMICA DOS ESPAÇOS AGRÁRIO E REGIONAL RELATÓRIO DE ATIVIDADES DO GRUPO

Leia mais

Recursos Hídricos GEOGRAFIA DAVI PAULINO

Recursos Hídricos GEOGRAFIA DAVI PAULINO Recursos Hídricos GEOGRAFIA DAVI PAULINO Bacia Hidrográfica Área drenada por um conjunto de rios que, juntos, formam uma rede hidrográfica, que se forma de acordo com elementos fundamentais como o clima

Leia mais

FACULDADE LUCIANO FEIJÃO

FACULDADE LUCIANO FEIJÃO FACULDADE LUCIANO FEIJÃO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ÍNDICE PÁG. CAPITULO I - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 01 CAPÍTULO II - DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES 01 Seção I Das Atividades de Ensino 03

Leia mais

Recursos Hídricos - Uma abordagem de desenvolvimento para o semiárido nordestino

Recursos Hídricos - Uma abordagem de desenvolvimento para o semiárido nordestino Seminário Crise Mundial e Desenvolvimento Regional: Desafios e Oportunidades Recursos Hídricos - Uma abordagem de desenvolvimento para o semiárido nordestino Eduardo Kaplan Barbosa Programa de Mestrado

Leia mais

PROGRAMAS DE APOIO À PESQUISA

PROGRAMAS DE APOIO À PESQUISA PROGRAMAS DE APOIO À PESQUISA I APRESENTAÇÃO DO NÚCLEO DE PRÁTICA DE PESQUISA DA FAI Além das instalações mínimas necessárias (salas de aulas e laboratórios específicos), a FAI tem, atualmente, um Núcleo

Leia mais

Prof. Franco Augusto

Prof. Franco Augusto Prof. Franco Augusto A Zona da Mata é uma sub-região costeira da Região Nordeste do Brasil que se estende do estado do Rio Grande do Norte até o sul da Bahia, formada por uma estreita faixa de terra

Leia mais

Estudo da demanda turística internacional 2006-2012

Estudo da demanda turística internacional 2006-2012 Departamento de Estudos e Pesquisas Secretária Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Estudo da demanda turística internacional 2006-2012 Brasília, agosto de 2013 Sumário 1 Perfil da demanda

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE - SETRE PIEMONTE NORTE DO ITAPICURU

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE - SETRE PIEMONTE NORTE DO ITAPICURU GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA SECRETARIA DO TRABALHO, EMPREGO, RENDA E ESPORTE - SETRE PIEMONTE NORTE DO ITAPICURU Agricultura Familiar 2 05.219.562/0001-44 FUNDAÇÃO EVANGÉLICA RESTAURAR 3 08.958.912/0001-82

Leia mais

João Baptista Lapenda e Maria Cândida Beltrão Lapenda 07/10/1951 - Recife/PE - Brasil

João Baptista Lapenda e Maria Cândida Beltrão Lapenda 07/10/1951 - Recife/PE - Brasil Bacharel Licenciada e Formação em Psicologia pela Universidade Católica de Pernambuco, com Graduação (1976) Atualmente é Psicóloga da Universidade de Pernambuco/UPE Experiência em Psicologia do Trabalho

Leia mais

Norma Operacional Nº 001/2014 CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E OBJETIVOS

Norma Operacional Nº 001/2014 CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E OBJETIVOS Norma Operacional Nº 001/2014 Dispõe sobre os procedimentos para as atividades complementares adotadas no nstituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Campus Restinga para

Leia mais

PROGRAMA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (PAC)

PROGRAMA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (PAC) PROGRAMA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES (PAC) Juazeiro do Norte 2007 Diretor Geral Diretor(a) Administrativo Financeiro Ana Darc Fechine Ribeiro Coordenador(a) Pedagógico Cleide Correia de Oliveira Secretária

Leia mais

ANÁLISE DA ORGANIZAÇÃO ESPACIAL DA INDÚSTRIA NORDESTINA ATRAVÉS DE UMA TIPOLOGIA DE CENTROS INDUSTRIAIS

ANÁLISE DA ORGANIZAÇÃO ESPACIAL DA INDÚSTRIA NORDESTINA ATRAVÉS DE UMA TIPOLOGIA DE CENTROS INDUSTRIAIS ANÁLISE DA ORGANIZAÇÃO ESPACIAL DA INDÚSTRIA NORDESTINA ATRAVÉS DE UMA TIPOLOGIA DE CENTROS INDUSTRIAIS Miguel Angelo Campos Ribeiro Roberto Schmidt de Almeida * I INTRODUÇÃO A espacialização do processo

Leia mais

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA

MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA MATERIAL DE DIVULGAÇÃO DA EDITORA MODERNA Professor, nós, da Editora Moderna, temos como propósito uma educação de qualidade, que respeita as particularidades de todo o país. Desta maneira, o apoio ao

Leia mais