Boletim SUMÁRIO. Nº 121 Março Simpósios com as Universidades no XXVII Congresso Português de Cardiologia. Secretário-Geral

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Boletim SUMÁRIO. Nº 121 Março 2006. Simpósios com as Universidades no XXVII Congresso Português de Cardiologia. Secretário-Geral"

Transcrição

1 Boletim Nº 121 Março 2006 SUMÁRIO Simpósios com as Universidades no XXVII Congresso Português de Cardiologia Secretário-Geral XXVII Congresso Português de Cardiologia Balanço das comunicações recebidas Informações Gerais para o Congressista Simpósios da Indústria BemMeQuero Cursos de Formação para Médicos de Família no Auditório da Casa do Coração BemMeQuero SPC Admissão de Novos Sócios Campanha A Marca Notícias da Tesouraria Curso de Electrologia para Enfermeiros Curso de SBV para Cardiopneumologistas Reuniões Nacionais e Internacionais queremos a sua participação...

2 Editorial Simpósios com as Universidades no XXVII Congresso Português de Cardiologia Desde há muitos anos que, quer nas reuniões do American College of Cardiology ou da American Heart Association, quer nos Congressos Europeus de Cardiologia, nos habituámos a assistir a Cursos e Simpósios feitos em colaboração ou mesmo patrocinados pelas mais creditadas Universidades Americanas ou Europeias. E, também, desde há muito nos interrogamos sobre as razões da não adopção desta prática entre nós. A aplicação de práticas e modelos pedagógicos, correntes nas Universidades, aos Cursos promovidos nestas grandes reuniões da cardiologia mundial, são uma mais valia que todos aqueles que a elas têm assistido não terão dificuldade em reconhecer. Recordamos diversos Cursos e Simpósios, uns integrados no programa científico da própria reunião, outros patrocinados pela indústria farmacêutica ou de equipamentos, em qualquer dos casos acções de formação da mais alta qualidade científica e pedagógica, que só por si nos justificava a distância percorrida e o tempo consumido. Ao desenharmos o programa científico do próximo XXVII Congresso Português de Cardiologia, pensámos que talvez fosse chegada a altura de iniciarmos esta prática entre nós. E colocámos este desafio a dois prestigiados Universitários: a Professora Fátima Ceia, docente da Faculdade de Ciências Médicas de Lisboa, e o Professor Cassiano Abreu Lima, da Faculdade de Medicina do Porto. Preparados os respectivos programas e submetidos à apreciação dos Conselhos Científicos das respectivas Faculdades, foram os mesmos aprovados, inaugurando assim uma época de colaboração entre a Sociedade Portuguesa de Cardiologia e as Universidades, através das suas Faculdades de Medicina. As Universidades ganharão um parceiro creditado, independente e com um modelo organizativo eficaz. A Sociedade Portuguesa de Cardiologia ganhará um espaço de intervenção institucional, onde poderá exercer a sua influência científica e apoiar acções de formação nas áreas específicas em que se movimentam os seus Grupos de Estudo e Associações Especializadas. E temos esperança que esta colaboração se possa estender a outras acções para além do congresso. Cursos de pós- -graduação, formação de jovens docentes e jovens investigadores, projectos comuns de investigação, são outras tantas áreas onde se poderão estender pontes entre a Sociedade Portuguesa de Cardiologia e as Instituições Universitárias. Com claros benefícios para ambas as partes. A Sociedade Portuguesa de Cardiologia ganhará um espaço de intervenção institucional, onde poderá exercer a sua influência científica e apoiar acções de formação nas áreas específicas em que se movimentam os seus Grupos de Estudo e Associações Especializadas. As Universidades ganharão um parceiro creditado, independente e com um modelo organizativo eficaz, que seguramente será uma mais valia em projectos científicos comuns ou de intervenção na comunidade. Diríamos mesmo que nesta colaboração se poderão dirigir para o exterior as energias e as potencialidades que muitas vezes, nestas instituições, se têm concentrado no seu olhar para dentro. Carlos Perdigão Vice-Presidente da Sociedade Portuguesa de Cardiologia Boletim Nº121 Março

3 Secretário-Geral Secretário-Geral Secretário-Geral Na sequência do efectuado em edições anteriores do Boletim da SPC, aqui vimos trazer até aos sócios da SPC notícia das decisões que vão sendo tomadas pela Direcção. Criação do Centro Coordenador de Projectos Nos últimos meses/anos, tem vindo a Direcção da SPC a ser solicitada para promover/patrocinar um elevado número de projectos de investigação e de campanhas de intervenção na comunidade. Tinham já sido lançadas, em Direcções anteriores, algumas iniciativas de relevo entre as quais gostaríamos de destacar o Porto Trial, os programas Passaporte para a Vida e BemMeQuero e tinham já sido dados os primeiros passos para o lançamento do estudo VALSIM. Já na actual Direcção foram apresentados à SPC vários outros projectos de investigação (que estão em estudo pela Direcção e/ou pela Comissão de Ética da SPC) e projectos virados para a comunidade (está em curso o projecto A Marca). Com vista a poder responder com maior eficácia a todas estas solicitações e a poder passar a ter uma atitude mais pró-activa nestas áreas de intervenção da SPC, a Direcção tomou a decisão de criar o Centro Coordenador de Projectos de Investigação e Intervenção na Comunidade. Este Centro Coordenador será presidido pelo Presidente da SPC e o seu regulamento estará brevemente disponível no portal da SPC. Não pretende este Centro ser alternativa ao papel fundamental que têm os Grupos de Estudo e Associações Especializadas na promoção da investigação no seio da SPC e que esta Direcção procurará incentivar e apoiar de todos os modos ao seu alcance. Pretende-se, antes, criar um instrumento que permita promover e apoiar iniciativas que não correspondam ao perfil das actividades tradicionalmente promovidas pelos Grupos de Estudo, recorrendo a estes, à Comissão de Ética, ao CNCDC, à Comissão de Investigação e ao departamento financeiro para poder apoiar as mencionadas iniciativas de investigação ou de intervenção junto da comunidade. Criado o Gabinete de Marketing e Comunicação Evolução natural do anterior Gabinete de Imagem da SPC, foi criado o Gabinete de Marketing e Comunicação que terá como missão a elaboração dum plano de acção plurianual para planificação das várias actividades da SPC (nas suas componentes editorial, de promoção de reuniões científicas, de apoio ao Congresso Português de Cardiologia e de comunicação da SPC com os seus públicos-alvo). A coordenação do Gabinete de Imprensa da SPC estará também dependente do agora criado Gabinete de Marketing e Comunicação. Com o objectivo de profissionalizar e tornar mais operacional este Gabinete, foi decidido que a sua coordenação seria efectuada em outsoursing, tendo sido aceite a proposta apresentada para tal coordenação pela firma JRS - Marketing e Comunicação (que já coordenava o Gabinete de Imagem da SPC). Joint Session com a European Society of Cardiology Decidiu a Direcção da SPC convidar o Board da European Society of Cardiology para a organização conjunta duma Joint Session a realizar em Portugal, ainda este ano, e que visa reunir especialistas de renome de ambas as sociedades. A proposta da SPC foi aceite pelo Board da ESC e foram definidas as datas de 14 e 15 de Julho de 2005 para a realização desta reunião científica que terá lugar na cidade do Porto e que será presidida pelos Profs. Michal Tendera e Cassiano Abreu-Lima. Os temas de fundo da reunião serão a cardiopatia isquémica e a insuficiência cardíaca. O programa final desta reunião será muito brevemente publicitado no nosso Portal e nos próximos números deste Boletim. Parceria com a HP Portugal Prosseguindo o esforço de modernização tecnológica da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, decidiu a Direcção efectuar um importante investimento na renovação do parque de hardware da Casa do Coração e das Delegações da SPC. Nesse sentido, estabeleceu a SPC uma parceria com a Hewlett-Packard Portugal, que permitiu à SPC adquirir um elevado volume de equipamentos (estações de trabalho, portáteis, projector de vídeo, servidores e impressoras) com uma importante redução do preço final. No âmbito desta parceria (que irá ser oportunamente publicitada), a HP irá ter presença visível no próximo Congresso Português de Vilamoura, onde irá apresentar as suas soluções de hardware, com a possibilidade dos sócios da SPC poderem adquirir equipamentos HP em condições vantajosas. Daniel Ferreira Secretário-Geral 4 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

4 XXVII Congresso Português de Cardiologia XXVII Congresso Português de Cardiologia Balanço das comunicações recebidas Foram recebidas 604 comunicações livres, tendo sido excluídas 10 por não preencherem os critérios de admissibilidade. Dentro do regulamentado para os congressos, as comunicações forma enviadas a cinco peritos, que as avaliaram com os critérios que também estão definidos: 1 - originalidade 2 - interesse 3 - metodologia 4 - resultados/conclusões Todas as comunicações foram avaliadas por um mínimo de três peritos. Foram seleccionadas para apresentação oral cerca de duas centenas de comunicações de temas médicos, 13 de técnicos e 6 de enfermagem. Foram seleccionadas para apresentação sob a forma de poster 250 comunicações de temas médicos. Foram excluídas as comunicações com pontuação inferior a 10. As mesas para apresentação oral de comunicações livres foram organizadas atendendo aos seguintes critérios: 1 - pontuação das comunicações 2 - homogeneidade das temáticas em cada mesa 3 - proveniência de centros de investigação diferentes, de modo a permitir a discussão entre diferentes investigadores Nas comunicações escolhidas para apresentação sobre a forma de poster, atendeu-se ao conteúdo e à existência de temáticas semelhantes do mesmo centro, em comunicações já seleccionadas para apresentação oral. Embora não esteja regulamentado o número de comunicações que cada autor possa apresentar, este problema deverá ser da preocupação de cada centro de investigação e dos próprios autores. Não faz, quanto a nós, qualquer sentido, que um autor possa ser primeiro autor de duas ou três dezenas de comunicações livres e co-autor de mais outras tantas. Isto faz com que a mesma investigação possa vir repartida por uma dezena de comunicações, desvirtuando os objectivos e banalizando o que deveria constituir uma distinção. Este problema levanta questões aos próprios peritos, que tenderão a desvalorizar conjuntos de comunicações que deveriam constituir uma ou duas apresentações. Neste sentido, foi apresentada uma proposta à Direcção da SPC no sentido de que, em próximos congressos, nas comunicações livres submetidas para avaliação, cada autor só possa ser 1º autor de um máximo de 5 comunicações e co-autor de mais 10 comunicações submetidas em cada Congresso. Também, em nosso entender, as comunicações provenientes de Registos Nacionais deveriam ter uma área de apresentação específica dentro do Congresso. A concorrência destas comunicações, provenientes de Registos Nacionais, com as comunicações apresentadas pelos diferentes centros de investigação, provoca uma desnecessária distorção da competição científica. Estes aspectos deveriam ser contemplados em futuros congressos. De qualquer modo, a organização do Congresso tentou expressar o equilíbrio possível, dentro das limitações de tempo e espaço disponíveis. Chamamos, no entanto, a atenção para o facto de neste XXVII Congresso Português de Cardiologia ter sido possível apresentar um total de X comunicações. Queremos cumprimentar todos os autores das comunicações submetidas para apresentação e expressar a nossa admiração pelo trabalho que levam a cabo nas suas instituições. E deixar uma palavra de ânimo e incitamento para que continuem no seu esforço de investigação. Carlos Perdigão Presidente da Comissão Científica do XXVII Congresso Português de Cardiologia XXVII Congresso Português de Cardiologia Informações Gerais para o Congressista O XXVII Congresso Português de Cardiologia irá decorrer de 23 a 26 de Abril de 2006, no Tivoli Marinotel em Vilamoura e será antecedido pelos Cursos Pré-Congresso já anunciados. De forma a facilitar a sua participação no Congresso, recomendamos a leitura atenta das informações seguintes: Secretariado Localizado na entrada principal do Tivoli Marinotel, aqui poderá levantar toda a sua documentação do congresso, esclarecer as dúvidas ou solicitar informações. Horário de funcionamento do secretariado 21 de Abril: das 12H00 às 18H30 22 a 26 de Abril: das 08H00 às 18H30 Cartão de Congressista É obrigatório o uso do cartão de Congressista para circulação em todas as áreas do Hotel exclusivamente dedicadas ao XXVII Congresso Português de Cardiologia. Para os acompanhantes hospedados no Tivoli Marinotel haverá também um cartão de identificação para que possam circular e utilizar as áreas sociais (a solicitar no secretariado). A cada cartão de Congressista será atribuído um código de barras que permitirá por leitura óptica (ou bio-login para sócios registados) o controlo do tempo de permanência nas salas (sessões creditadas pelo EBAC) e posterior indicação dessa comparência nos diplomas de presença, bem como o controlo da entrada nos almoços de trabalho. A emissão de 2 as vias do Cartão de Congressista está sujeita ao pagamento de uma taxa de 25,00. Programa de consulta rápida Na bolsa do seu cartão de congressista poderá encontrar um programa de consulta rápida, bastará destacar pelo picotado para que o dia respectivo seja visível directamente no verso da bolsa. Écran de plasma Poderá consultar informações do congresso através de écrans de plasma estrategicamente colocados. Salas de conferência É obrigatória a apresentação do cartão de Congressista à entrada das salas de conferência. É obrigatório desligar os telemóveis antes da entradas nas salas de conferência. Posters Os posters estarão em exposição na Sala Neptuno, poderá consultar o mapa da exposição de posters e horários de discussão no programa do Congresso. Diplomas Como auxiliar do secretariado estarão à disposição dos congressistas quiosques de impressão, concebidos para que o próprio congressista possa imprimir automaticamente todos os diplomas a si destinados. Esta impressão far-se-á através de leitura óptica do código de barras pessoal constante no Cartão de Congressista que permite a sua identificação automática. Refeições Os almoços do Congresso terão lugar numa tenda instalada no exterior do Vilamoura Marinotel junto à zona da piscina, bem como o Jantar do Congresso (dia 25 de Abril) e o Jantar Regional (dia 26 de Abril). O acesso aos almoços de trabalho far-se-á através do controlo por leitura óptica do código de barras do cartão do Congressista. Zona de cafés A zona de cafés do Congresso será na zona de exposição técnica (sala Orion). Apenas nesta zona será permitido fumar. Transfers Haverá transfers para os congressistas alojados nos seguintes hotéis, de 22 a 26 de Abril: The Lake Resort Hotel Sheraton Hotel Real Santa Eulália Hotel Vila Sol Hotel Ria Park Hotel Ria Park Garden Horário dos transfers (para o Vilamoura Marinotel): às 8.00h e às 10.00h. Horário dos transfers (do Vilamoura Marinotel): às 17.00h e às 19.00h. Check in hotéis A partir das 15h Check out nos hotéis Até às 12h Programa do Congresso Uma versão on-line está disponível para download automático a partir do site da SPC (www.spc.pt); este irá sendo actualizado periodicamente. Proibido fumar Os malefícios do tabaco são sobejamente reconhecidos por todos. Porque a SPC está cada vez mais empenhada na luta contra o fumo, vamos dar um saudável exemplo, em todas as áreas do Tivoli Marinotel durante a realização do congresso, sendo apenas autorizado fumar nas zonas exteriores, no bar do hotel e na zona de café na sala Orion. 6 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

5 XXVII Congresso Português de Cardiologia XXVII Congresso Português de Cardiologia Simpósios da Indústria no XXVII Congresso Português de Cardiologia Domingo, 23 de Abril de 2006 FENIX III - 11h00/13h00 Platelets and Antiplatelets. What is Really Changing in Our Practice? (Simpósio satélite organizado pela Sanofi-Aventis / Bristol Myers Squibb) Chairman: Dr. João Morais (Hospital de Santo André, Leiria) STEMI - The golden hour and the best treatment Dr. Patrick Goldstein (Lille, França) Antithrombotics in the cath lab Dr. Amadeo Betriu (Barcelona, Espanha) News on antiplatelet therapy Dr. João Morais (Hospital de Santo André, Leiria) Fibrilhação Auricular (Simpósio satélite organizado pela Farmalux) ARIES II - 11h00/13h00 Successful Cardiovascular Therapy: Beyond Blood Pressure and Lipid Control (Simpósio satélite organizado pela Novartis Farma) Chairman: Ricardo Seabra Gomes (Instituto do Coração, Carnaxide) New standard in treatment of Post-MI patients Peter Liu (Canadá) New approaches on the treatment of Hypertensive patients: Successful Therapy on Blood Pressure Control Sverre Kjeldsen (Noruega) Cardiovascular Risk Management in diabetic patients José Juanatay (Espanha) Resumo Neste simpósio serão abordados os benefícios do tratamento do doente hipertenso de forma a protegê-lo ao longo do continuum cardiovascular. Serão apresentados novos dados que reforçam a importância de tratar rápida e eficazmente o doente hipertenso, de modo a reduzir o risco de mortalidade cardiovascular. Para finalizar, serão apresentados novos dados que demonstram vantagens únicas para o tratamento do doente diabético com uma estatina de eficácia de longa acção. FENIX III - 15h00/17h00 Resumo A fibrilhação auricular é a arritmia mais frequentemente observada na prática clínica. Sendo o seu diagnóstico fácil, a sua prevenção e terapêutica continua a levantar problemas que justifica que se continue a prestar a maior relevância a esta entidade. A apresentação de novos conceitos fisiopatológicos e terapêuticos, bem como uma extensa revisão dos estudos publicados, possibilitarão a quem a assistir a este simpósio uma actualização sobre esta importante temática. ARIES II - 15h00/17h00 If Inhibition: From Pure HR Reduction to the Treatment of Stable Angina (Simpósio satélite organizado pela Servier Portugal) Chairmen: Luís A. Providência (Hospitais da Universidade de Coimbra, Coimbra) Ricardo Seabra Gomes (Instituto do Coração, Carnaxide) Introduction Luís A. Providência (Hospitais da Universidade de Coimbra, Coimbra) Unmet medical needs and therapeutic opportunities in stable angina Philipe Steg (França) Specific and selective If inhibition: expected clinical benefits from pure heart rate reduction Roberto Ferrari (Itália) Ivabradine: new clinical evidences in angina patients Nicolas Danchin (França) Conclusions Ricardo Seabra Gomes (Instituto do Coração, Carnaxide) Resumo A angina estável é uma das manifestações mais frequente de doença coronária, afectando entre a doentes por milhão de habitantes. Para além se associar a uma taxa de mortalidade anual de 2-3% e a uma taxa de enfarte do miocárdio não fatal de 2-3% por ano, afecta ainda significativamente a qualidade de vida dos doentes. A frequência cardíaca é inversamente proporcional à esperança de vida, constituindo um factor de risco independente para o desenvolvimento futuro de doença aterosclerótica e de eventos cardiovasculares. Assim, a redução da frequência cardíaca, para além de benéfica no controlo dos sintomas anginosos, é ela própria um alvo terapêutico. Este simpósio pretende apresentar um conceito inovador de redução exclusiva da frequência cardíaca, através do primeiro inibidor selectivo da corrente If: a Ivabradina (Procoralan ). A Ivabradina representa a única inovação, nos últimos 20 anos, no tratamento da angina estável. O seu desenvolvimento envolveu o mais vasto programa clínico alguma vez realizado na angina estável, incluindo mais de doentes. Reconhecendo a sua utilidade no tratamento da angina estável, a Ivabradina obteve recentemente a aprovação da EMEA. Os aspectos mais relevantes da investigação e desenvolvimento da Ivabradina serão apresentados, pela primeira vez, em Portugal neste Simpósio, no âmbito do XXVII Congresso Português de Cardiologia. Entre os temas que serão discutidos, destacam-se: As principiais opções terapêuticas, actualmente, disponíveis para o tratamento da angina estável, bem como as suas limitações e consequentes necessidades terapêuticas não satisfeitas. Os fundamentos da inibição específica e selectiva dos canais If pela Ivabradina, que permite a sua acção exclusiva de redução da frequência cardíaca. Os benefícios clínicos associados à redução da frequência cardíaca pela Ivabradina. Os dados de eficácia e segurança clínica já disponíveis para a Ivabradina em doentes com angina estável. Presidente: Carlos Perdigão (Faculdade de Medicina de Lisboa, Lisboa) Moderador: João Morais (Hospital de Santo André, Leiria) Endotélio vascular e risco trombótico Lina Badimon (Espanha) Novos conceitos terapêuticos João Morais (Hospital de Santo André, Leiria) O poder das metanálises na decisão clínica José Ferro (Hospital de Sta. Maria, Lisboa) Terapêutica Cirúrgica João Queiroz e Melo (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) 8 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

6 XXVII Congresso Português de Cardiologia XXVII Congresso Português de Cardiologia (Simpósio satélite organizado pela Sanofi-Aventis) Segunda-feira, 24 de Abril de 2006 FENIX II - 11h00/12h30 Abordagem do Doente Hipertenso no Universo do seu Risco Vascular (Simpósio satélite organizado pela Bayer Portugal) Chairman: Victor M. Gil (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) Introdução Victor M. Gil (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) Eficácia e protecção vascular com ARA II João Morais (Hospital de Santo André, Leiria) ARBs - are they really all the same? Peter A. Meredith (Reino Unido) ARIES II - 11h00/12h30 É Necessário Estabelecer um Novo Padrão no Tratamento do Colesterol (Absorção e Síntese) (Simpósio satélite organizado pela Merck Sharp & Dohme / Schering Plough) Chairman: Luís Providência (HUC) The Essential Role of Intestinal Absorption in Cholesterol Management Jurgen Schaefer (Alemanha) Novos Desafios no Tratamento do Doente Coronário: Beneficios Clínicos da Dupla Inibição Vítor Ramalhinho (Hospital Sta. Maria, Lisboa) FENIX III - 17h30/19h00 ARIES II - 17h30/19h00 Antagonistas do Cálcio: Que Futuro para os Fármacos Actuais? (Simpósio satélite organizado pelos Laboratórios Delta) Presidente do Simpósio: Prof. Giuseppe Mancia (Itália) O Controle da hipertensão em Portugal - Actualidade dos antagonistas do cálcio como opção terapêutica Roberto Palma dos Reis ((Hospital Pulido Valente, Lisboa) Calcium channel blockers: Past, present and future Franz Messerli (Estados Unidos da América) Terça-feira, 25 de Abril de 2006 ARIES II - 11h00/12h30 Novas Fronteiras de Avaliação e Controlo do Risco Cardiovascular em Portugal (Simpósio satélite organizado pela AstraZeneca) Chairman: Manuel Carrageta (Hospital Garcia de Orta, Almada) Co-Chaiman: Prof. Pedro von Hafe (Hospital de São João, Porto) Relevância da realidade epidemiológica nacional Salvador Massano Cardoso (Faculdade de Medicina de Coimbra, Coimbra) A avaliação do risco cardiovascular e importância das modificações do estilo de vida Teixeira Veríssimo (Hospitais da Universidade de Coimbra, Coimbra) Evolução das opções terapêuticas hipolipemiantes Carlos Aguiar (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) FENIX III - 17h30/19h00 Novas Perspectivas na Abordagem Terapêutica da Aterosclerose (Simpósio satélite organizado pelos Laboratórios Pfizer) Chairman: Carlos Perdigão (Faculdade de Medicina de Lisboa, Lisboa) O desafio de tratar para novos objectivos (Estudo TNT) James Shepherd (Glasgow Royal Infirmary, Escócia, Reino Unido) Será possível parar o processo de progressão da aterosclerose Lino Gonçalves (Hospitais da Universidade de Coimbra, Coimbra) A prevenção primária da doença cardiovascular após o ASCOT - Os últimos resultados Mark Caulfield (Department of Clinical Pharmacology at St Bartholomew s & The Royal London Hospital School of Medicine, Londres, Reino Unido) Resumo A redução dos valores do colesterol no sangue é hoje um dos alvos na prevenção das doenças cardiovasculares e provavelmente um dos que melhores benefícios tem demonstrado. A possibilidade de redução da progressão da doença aterosclerótica, os novos objectivos terapêuticos que os estudos com estatinas vêm sugerindo, bem como uma alteração no conceito de prevenção primária da doença cardiovascular, são as propostas que este simpósio nos faz, abrindo novas perspectivas na abordagem terapêutica da aterosclerose. É esta estimulante temática que este simpósio nos propõe. ARIES II - 17h30/19h00 Que Futuro no Tratamento da Insuficiência Cardíaca? (Simpósio satélite organizado pela Menarini) Chairmen: Fátima Ceia (Hospital de São Francisco Xavier, Lisboa) Fausto Pinto (Hospital de Santa Maria, Lisboa) Epidemologia e Terapêutica actual Silva Cardoso (Hospital de São João, Porto) Avanços no tratamento da IC António Pedro Machado (Hospital de Sta. Maria, Lisboa) Seniors Trial Andrew Coats (Austrália) Quarta-feira, 26 de Abril de 2006 ARIES II - 11h00/12h30 Terapêutica da Insuficiência Cardíaca: Sensibilizadores de Cálcio; Dispositivos (simpósio satélite organizado pela Abbott / Medtronic) Chairmen: Luís A. Providência (Hospitais da Universidade De Coimbra, Coimbra) Pedro Pulido Adragão (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) Preventing sudden death with devices in patients with heart failure: CRT, ICD or both Jesus Almendral (Espanha) Insuficiência Cardíaca Aguda e a evidência clínica relativa ao Levosimendan: LIDO, RUSSLAN, CASINO, REVIVE, SURVIVE Silva Cardoso (Hospital de São João, Porto) Estudo PORTLAND: Levosimendan na prática clínica diária. Experiência em 15 centros Jorge Ferreira (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) A realidade do tratamento da IC com dispositivos em Portugal. Aspectos práticos e "guidelines" a seguir Diogo Magalhães Cavaco (Hospital de Santa Cruz, Carnaxide) 10 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

7 PROGRAMA EDUCACIONAL PARA A PREVENÇÃO DAS DOENÇAS CARDIOVASCULARES NA MULHER PORTUGUESA PROGRAMA EDUCACIONAL PARA A PREVENÇÃO DAS DOENÇAS CARDIOVASCULARES NA MULHER PORTUGUESA BemMeQuero Cursos de Formação para Médicos de Família no Auditório da Casa do Coração, nos dias 21 de Janeiro e 18 de Fevereiro Dr. João Sequeira Duarte Dra. Cândida Fonseca Graça Silva apresenta o problema da protecção hormonal na mulher e discute a terapêutica hormonal de substituição com base nos estudos recentemente apresentados. Carlos Perdigão faz uma revisão das diferenças de género nas aplicações clínicas dos diferentes grupos farmacológicos que hoje se utilizam em cardiologia. Cândida Fonseca apresenta as recomendações internacionais para a prevenção da doença cardiovascular na mulher, recentemente publicada pela American Heart Association. BemMeQuero Dentro do Programa Educacional para a Prevenção das Doenças Cardiovasculares na Mulher Portuguesa - BemMeQuero, decorreram nos dias 21 de Janeiro e 18 de Fevereiro, no Auditório da Casa do Coração, os Cursos de Formação para Médicos de Família, de que aqui se apresentam algumas imagens. O Curso começou com a apresentação dos dados do estudo CRUSADE, com que Carlos Perdigão discute as diferenças de género na apresentação clínica e na abordagem clínica da doença cardiovascular na mulher. Professor Carlos Perdigão Professor Evangelista Rocha Aspecto da assistência durante o intervalo Dra. Graça Silva Evangelista Rocha apresenta os dados epidemiológicos da doença cardiovascular, faz uma abordagem dos factores de risco e propõe as medidas de prevenção que hoje estão a ser implementadas em muitos países. João Sequeira Duarte discute o problema da diabetes e da obesidade como factor de risco de doença cardiovascular, com particular ênfase nos aspectos que se aplicam à mulher. Revê as terapêuticas disponíveis e propõe as abordagens que as recomendações aconselham. A realidade mostra-nos (e ainda bem) que os cidadãos são cada vez mais conscientes dos seus direitos, enquanto doentes. Associam-se, fazem-se representar aos diversos níveis de decisão, denunciam iniquidades e barreiras no acesso aos serviços de saúde, são cada vez mais parceiros, são mais exigentes, são mais intervenientes... eis uma oportunidade para os académicos, as estruturas científicas, os profissionais aproveitarem lançando mão à tarefa de reforçar e melhorar a informação e o conhecimento dos portugueses, também em matérias de saúde. A Sociedade Portuguesa de Cardiologia, com o apoio da Pfizer, lançaram mãos à obra cientes de que, ontem, hoje, de futuro e cada vez mais o esforço tem de ser na intervenção precoce, na prevenção de episódios agudos e de dias de internamento e na redução dos episódios de doença. A estrutura etária da população europeia explica-nos a modificação do padrão da doença e aponta-nos para uma elevadíssima percentagem da população com doença crónica. Qual será, entre nós, a percentagem da população que é doente crónica ou que tem mais do que uma doença crónica? Estaremos perto dos 40% apontados pelo Reino Unido? Lançar este programa educacional para a prevenção das doenças cardiovasculares na mulher portuguesa é investir no caminho certo, é contribuir para que, todos nós cidadãos, estejamos cada vez mais conscientes dos nossos deveres e mais responsáveis pela nossa saúde individual; é focar estratégias com o programa nacional de prevenção e controlo das doenças cardiovasculares, integrado no Plano Nacional de Saúde ; é reconhecer o valor económico da promoção da saúde e da escolha de estilos de vida saudáveis. Um programa destes é tanto mais eficaz quanto mais conseguir transformar-se em campanha de educação pública que ensine as mulheres a identificar os principais factores de risco cardiovascular. Usar os Centros de Saúde, as Farmácias, os Laboratórios de análises clínicas, por exemplo, é garantir uma qualificada e ampla divulgação nacional. Os media não deixarão de marcar presença. A cada um de nós cabe o dever e a responsabilidade de manter esta iniciativa. BemMeQuero é pessoal, é para chegar a todas as mulheres, porque as nossas causas de Vida mudaram...mas as causas de morte também! Clara Carneiro 12 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

8 SPC Gabinete de Imprensa Sociedade Portuguesa de Cardiologia Admissão de Novos Sócios Campanha A Marca Na Reunião de Direcção da Sociedade Portuguesa de Cardiologia de 4 de Março foi aprovada a admissão dos seguintes novos sócios. Agregados médicos Ana Catarina dos Santos Alves Licenciada em Biotecnologia em Produtos Naturais Ana Margarida Cabeleira Medeiros Licenciada em Química - Perfil de Bioquímica João Maria Veiga Abecasis Interno do Internato Complementar de Cardiologia do Hospital de São Francisco Xavier Raquel Maria Fino Ceiça Professora Associada com Agregação da Faculdade de Medicina do Porto Sónia Cristina Pinela da Silva Licenciada em Biologia Microbiana e Genética Em nome de todos os Sócios, a Direcção da SPC dá as Boas-vindas aos novos Sócios agora aceites. Hotéis do Congresso: Atlantis D. Pedro Golfe D. Pedro Marina D. Pedro Porto Belo Real Santa Eulália Ria Park Ria Park Garden Sheraton Pin Cliff The Lake Resort Tivoli Marina Hotel Vila Galé Ampalius Vila Galé Marina Vila Sol A Marca, a mais recente campanha da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, arrancou no dia 3 de Março, com o objectivo de elevar o grau de percepção da população portuguesa para o facto das doenças cardiovasculares constituírem a principal causa de morte em Portugal. Contando com o apoio da AstraZeneca, a campanha baseia- -se na colocação de 5000 marcas de contornos de corpos de vítimas com o dístico anexo, em zonas de grande fluxo pedonal, distribuídas de norte a sul de Portugal, em vários locais públicos. várias autarquias aderentes à campanha) e entrega de folhetos à população e aos médicos de família são alguns exemplos. A campanha decorrerá entre os dias 3 de Março e 26 de Abril (último dia do Congresso Português de Cardiologia). Neste período de tempo, estão previstas várias iniciativas mediáticas subordinadas ao tema geral da campanha. Intervenções nos media, sessões públicas de esclarecimento junto das populações (em colaboração com 14 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

9 Gabinete de Imprensa Tesouraria Notícias da Tesouraria O dia do arranque oficial da campanha contou com o apoio das Câmaras Municipais de Lisboa e Porto que, com a presença dos seus respectivos presidentes (Eng. Carmona Rodrigues e Dr. Rui Rio) participaram num simbólico evento de lançamento, onde foi feita a colocação de uma Marca na Praça do Município, em Lisboa, e no Gabinete do Munícipe, no Porto. No âmbito da campanha, para que todos possam acompanhar o desenrolar das várias iniciativas, foi também desenvolvido um micro-site intitulado A Marca, dentro do nosso portal na Internet, cuja visita aconselhamos ao público em geral e a todos os profissionais de saúde. Mensagens da Campanha: No final, o objectivo da Sociedade Portuguesa da Cardiologia, é que um significativo número de portugueses retenha as mensagens chave presentes nos autocolantes aplicados junto às marcas um pouco por todo o país. Quotas em atraso A recuperação de quotizações em atraso foi um sucesso. Foi grande o número de sócios que regularizaram o pagamento das suas quotas, facto que devemos realçar. Contudo, lamentamos que ainda haja um número significativo que ainda não o fez, apesar das várias cartas enviadas, dos contactos telefónicos estabelecidos, do anúncio no Boletim anteriormente publicado. Os estatutos da SPC são claros e têm de ser cumpridos. Os sócios que após sucessivos avisos, com mais de dois anos de quotas em atraso, continuem sem cumprir este mais do que elementar dever, serão excluídos de sócios da SPC. Todos os que nesta situação se encontram vão, dentro de alguns dias, receber uma carta comunicando-lhes que a partir do dia 2 de Maio de 2006 deixarão de ser sócios da SPC e a partir dessa data deixarão de usufruir dos benefícios que a Sociedade lhes confere. No decurso do próximo Congresso Português de Cardiologia é ainda possível regularizar a situação. Esperamos que todos o façam. Apelo ao bom senso, evitando uma situação que vai ser, pelo menos para alguns, desagradável, mas à qual não podemos fugir. O respeito por todos assim exige. As quotas dos sócios reformados Este assunto mereceu, por parte de alguns dos nossos sócios, uma interpretação que não se coaduna com aquilo que está estabelecido nos estatutos. Os estatutos da SPC são bem claros, ao estabelecer que ficam isentos de pagamentos de quota os sócios retirados de toda a actividade profissional. Naturalmente que a SPC não irá verificar, caso a caso, o cumprimento deste item e será sempre a declaração do sócio que irá prevalecer. Chamo, contudo, à atenção de todos os sócios, que em situação de aposentação e retirados da actividade pública, se continuam a exercer actividade privada remunerada, devem manter a sua obrigação de pagamento de quotas à SPC. Pagamento de deslocações A SPC tem procurado que a actividade dos sócios, em trabalho para a Sociedade, não se traduza em custos para o próprio, assegurando o pagamento de transportes e estadias. É assim em relação aos membros dos órgãos sociais e secretariados de Grupos de Estudos e Associações Especializadas, quando se deslocam para actividades da SPC, previamente definidas. Contudo, tem sido e deverá continuar a ser, que esta politica não se aplique à participação em actividades científicas, designadamente nas reuniões dos Grupos de Estudos e no Congresso Português de Cardiologia. Ao sócio da SPC é-lhe pedido que contribua, de forma desinteressada e, eventualmente, até com prejuízos pessoais, para a vida da Sociedade. Este é o espírito que nos leva a aderir a uma sociedade científica. Ser sócio da SPC e colaborar na sua vida, deve ser por todos encarado como uma honra, que a todos prestigia. João Morais Tesoureiro O Serviço de Cardiologia do Hospital de Santa Maria e a Clínica Universitária de Cardiologia da Faculdade de Medicina de Lisboa irão promover uma reunião de convívio entre os colegas que já abandonaram o Serviço e os actuais, que estejam presentes no XXVII Congresso Português de Cardiologia. A reunião decorrerá na sala Pégaso, entre as 19 e as 20 horas de 2ª feira, 24 de Abril. 16 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

10 Cursos Reuniões Nacionais e Internacionais Curso de Electrologia para Enfermeiros 22 de Abril de 2006 XXVII Congresso Português de Cardiologia, Vilamoura Duração e Programa 7 horas de sessões teóricas e práticas. Fundamentação A leitura correcta do traçado do ECG implica reconhecer ritmos que possam resultar em compromisso do débito cardíaco, que possam anteceder a paragem cardíaca (denominados ritmos de periparagem), os ritmos de paragem cardíaca ou os que possam complicar o período pós-reanimação. Os ritmos de paragem cardíaca têm de ser reconhecidos rapidamente para uma actuação eficaz e segura. A leitura e interpretação de traçados cardíacos deve ser uma competência dos enfermeiros, não esquecendo que a sua actuação não deve colidir mas sim complementar a esfera de acção doutros grupos profissionais, nomeadamente dos médicos. Os enfermeiros, ao adquirirem novas competências, podem implementar uma mudança para melhorar o seu desempenho, uma consequente melhoria da qualidade dos cuidados prestados e maior satisfação profissional. Objectivos gerais Melhorar a capacidade de interpretação dos diferentes traçados cardíacos e consequente actuação por parte dos Enfermeiros. Preparar os participantes para actuarem correctamente em situação de PCR FV/TV sem pulso, de acordo com as orientações emitidas pelo Conselho Português de Ressuscitação. Metodologia Pedagógica Apresentação teórica em PowerPoint para suporte das sessões teóricas; métodos activos com práticas de reconhecimento de ritmos com recurso a monitor desfibrilhador (em cujo écran passarão todos os traçados abordados na aula teórica), manequim de Suporte Avançado de Vida e a software específico; exposição teórica; demonstração com retorno; treino supervisado em manequim. Reuniões promovidas pela SPC / Abril / 2006 Casa do Coração, Lisboa / Abril / 2006 Tivoli Marinotel, Vilamoura / Abril / 2006 Tivoli Marinotel, Vilamoura 27 / Maio / 2006 Hotel Lusitânia Parque, Guarda Reunião do Grupo de Estudo de Risco Cardiovascular sobre Hipercolesterolemia Familiar Ecocardiografia à Cabeceira - Da Imagem à Decisão Clínica Curso Satélite do XXVII Congresso Português de Cardiologia XXVII Congresso Português de Cardiologia APAPE - Reunião da Área do Pacing Metodologia de avaliação da Formação Realizada imediatamente após o final do curso, através de testes escritos. Formadores Carmelino Correia Sul, Enfermeiro com o curso de Instrutor de Suporte Básico e Avançado de Vida pelo Conselho Português de Ressuscitação; Miguel Ângelo Castro, Enfermeiro com curso de Instrutor de Suporte Avançado de Vida pelo Conselho Português de Ressuscitação. 23 / Setembro / 2006 Casa do Coração, Lisboa / Outubro / 2006 Hotel dos Templários, Tomar BemMeQuero - Curso de Formação para Médicos de Família Reunião Anual do Grupo de Estudo de Ecocardiografia Curso de SBV para Cardiopneumologistas 22 de Abril de 2006 XXVII Congresso Português de Cardiologia, Vilamoura Escola de Ressuscitação Escola de Ressuscitação ERCP Cardio-Pulmonar ERCP Cardio-Pulmonar Sociedade Portuguesa de Sociedade CARDIOLOGIA Portuguesa de CARDIOLOGIA NTC Núcleo de Técnicos em NTC Cardiologia Núcleo de Técnicos em Cardiologia Sociedade Portuguesa de Sociedade CARDIOLOGIA Portuguesa de CARDIOLOGIA Vai efectuar-se na tarde do dia 22 de Abril, integrado nos cursos pré-congresso Português de Cardiologia, um curso de Suporte Básico de Vida, destinado a Técnicos Cardiopneumologistas. Este Curso será ministrado por instrutores creditados da Escola de Ressuscitação Cardiopulmonar da SPC e, consequentemente, será creditado pelo Conselho Português de Ressuscitação/European Ressuscitation Council. Reuniões patrocinadas pela SPC / Junho / 2006 Quinta das Lágrimas, Coimbra A Cardiologia de Intervenção na Prática Clínica Organização: Laboratório de Hemodinâmica, Centro Hospitalar de Coimbra Informações Adicionais: Tel: Fax: Tel: O curso terá um limite de 20 inscrições. A inscrição neste curso é gratuita. Se pretende inscrever-se neste curso, por favor contacte o nosso Departamento de Congressos e Reuniões Científicas em ou A/C Dr. Paulo Magueijo. O Coordenador do Núcleo de Técnicos de Cardiopneumologia da SPC Joaquim Pereira / Junho / 2006 Centro de Congressos de Lisboa XXII World Congress of the International Union of Angiology Informações Adicionais: Cidália Semedo - Veranatura Rª Augusta 12-D, Escritório 2, Lisboa Fax: Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

11 Reuniões Nacionais e Internacionais Reuniões Nacionais e Internacionais / Julho / 2006 Lisboa 30 / Setembro / 2006 Hotel Altis, Lisboa / Novembro / 2006 Guarda 5th World Congress of the International Society for the Study of Hypertension in Pregnancy (ISSHP) Informações Adicionais: Organização: Conference Organizers, Rua Augusta 12-D, Escritório 2, Lisboa Cidália Semedo - Veranatura Fax: IX International Symposium Informações Adicionais: Organização: Hospital Garcia de Orta-Serviço de Cardiologia, Av. Professor Torrado da Silva, Pragal, Almada (Dir. Prof. Manuel Carrageta) XIV Jornadas de Cardiologia dos Hospitais da Zona Centro Informações Adicionais: Serviço de Cardiologia Tel: Reuniões Internacionais 2006 Abril / Abril / 2006 London, UK Virtual Symposium on Heart Failure Presidentes: Prof. Arthur J. Moss e Prof. John Camm International Society for Holter and Noninvasive Electrocardiology Inscrição gratuita para os membros da SPC, através da página da ISHNE (www.ishne.org) ou directamente no simpósio (http://www.hf-symposium.org/home.php). Cardiology in the Young Conference Informações Adicionais: Courses & Conferences Office, Institute of Child Health & Great Ormond Street Hospital for Children NHS Trust 30 Guilford Street London WC1N 1EH Direct Tel.: 44 (0) Office Tel.: 44 (0) Office Fax: 44 (0) website: Outras Reuniões Nacionais / Maio / 2006 Hospital Garcia de Orta, Almada Curso de Ecografia Intravascular Organização: Dr. Hélder Pereira Informações Adicionais: Unidade de Cardiologia de Intervenção / Serviço de Cardiologia do Hospital Garcia de Orta - Dina Simões Tel Fax: / Abril / 2006 The Equitable Center & The Sheraton New York Hotel and Towers New York, EUA / Maio / 2006 Golden Tulip Hotel Inntel, Rotterdam, The Netherlands / Maio / 2006 Atenas Advanced Cardiac Techniques in Surgery Informações Adicionais: First European Course on 3D Echocardiography Informações Adicionais: A. Orgers, Erasmus MC Rotterdam, Thoraxcentre, Room Bd 589, Dr. Molewaterplein, 40, 3015 GD Rotterdam, The Netherlands Tel: Fax: EUROPREVENT 2006 Primeira Reunião Científica da European Association for Cardiovascular Prevention and Rehabilitation - EACPR / Setembro / 2006 Setúbal / Outubro / 2006 Grande Hotel das Termas do Luso, Luso V Curso Cardioprevenção / Cardioprotecção Organização: Serviço de Cardiologia, Centro Hospitalar de Setúbal, E.P.E., Hospital de S. Bernardo Secretariado: Serviço de Cardiologia - Hospital de São Bernardo, SA Isabel Salgueiro Tel.: Fax: th Coimbra International Meeting on Cardiovascular Disease Diagnosis and theraphy in cardiology: new paths, new perspectives Informações Adicionais: Serviço de Cardiologia dos Hospitais da Universidade de Coimbra Tel.: Fax: / Maio / 2006 Tyumen Cardiology Center, Tyumen, Russia / Maio / 2006 Faculdade de Medicina de Lisboa, Lisboa / Junho / 2006 Sofitel Victorial Hotel, Warszawa, Poland XV World Congress of the International Cardiac Doppler Society Informações Adicionais: 8th Meeting of European Federation of Autonomic Societies (EFAS) Informações Adicionais: Tel Fax: website: Pulmonary Circulation 2006 European Forum Informações Adicionais: Iwent Conference & Consulting Agency Warszawa, Naleczowska 33/35, Poland Tel: website: 04 / Junho / 2006 Nice, France 4th European Conference on Management of Coronary Heart Disease MA Healthcare LTD, St Jude s Church, Dulwich Road, Herne Hill, London SE24 0PB, UK Tel: 44(0) Fax: 44(0) Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA Boletim Nº121 Março

12 Reuniões Nacionais e Internacionais / Junho / 2006 Madrid, Spain / Junho / 2006 Rome, Italy / Junho / 2006 Berna / Junho / 2006 Berna / Setembro / 2006 Barcelona / Setembro / 2006 Buenos Aires, Argentina / Outubro / 2006 Fukuoka, Japan / Outubro / 2006 Prague Congress Centre, Prague, Czech Republic 15th European Meeting on Hypertension Informações Adicionais: Organização: AISC & MGR - AIM Group, Via A. Ristori 38, Rome, Italy Tel: (+390-6) Fax: (+390-6) XIV International Symposium on Atherosclerosis Informações Adicionais: ISA 2006 Scientific Organizing Secretariat Fondazione Giovanni Lorenzini Via Appiani, Milan, Italy Phone (+39) Fax:(+39) website: Curso de Reabilitação Cardíaca How to set up and run a cardiac rehabilitation and exercise training programme Curso de Reabilitação Cardíaca How to improve: advanced training programme in cardiac rehabilitation and exercise training World Congress of Cardiology Informações Adicionais: Tel.: 33 (0) Fax: 33 (0) IV Congreso Hispano Luso Americano de Cirurgía Cardiovascular y III Congreso de Cirurgía Cardiovascular del Cono Sur Informações Adicionais: 21st Scientific Meeting of the International Society of Hypertension Informações Adicionais: Organização: ISH2006 Secretariat , Awajimachi-Chuo-ku, Osaka , Japan Fax: (+81-6) Acute Cardiac Care 2006 Informações Adicionais: The European Heart House 2035 Route des Colles - Les Templiers - BP Sophia Antipolis Cedex - France Tel: 33(0) Fax: 33(0) website: 22 Sociedade Portuguesa de CARDIOLOGIA

13 ...aumentámos o espaço de intervenção científica, quer na área do diagnóstico, quer na área da terapêutica. Existe a necessidade de dar voz aos grupos nacionais que investigam, que desejam apresentar os seus trabalhos. A nossa orgânica mudou, vamos aumentar o número de sessões e temáticas cardiológicas que são cada vez mais vastas e interessam cada vez mais a um maior número de cardiologistas, tudo isto sem sobrepor demasiadas actividades. Sabemos que desta forma corresponderemos melhor a todas as solicitações já expressas. Uma Direcção: publicação Sociedade Portuguesa de Cardiologia Ficha Técnica Boletim Nº 121 Março 2006 Periodicidade:Mensal Tiragem: 1500 Exemplares Presidente: Cassiano Abreu Lima Perdigão, Cândida Fonseca Secretariado Vice-Presidentes: Sede: Adelino Leite-Moreira, Manuel Antunes, Carlos Perdigão Secretário-Geral: Produção Daniel Ferreira Isento Tesoureiro: de Inscrição de João Morais no ICS N1, art.12, DR nº8, 99 Secretários-Adjuntos: João Pereira Coutinho, Fátima Franco Silva, Cândida Fonseca Coordenação: Carlos Redacção: Isabel Carmona Rodrigues, Sílvia Gonçalves Silva Campo Grande 28, 13º Lisboa Gráfica: JRS - Marketing, Comunicação

Boletim SUMÁRIO. Nº 117 Novembro 2005. Abertura da Sociedade Portuguesa de Cardiologia à Sociedade Civil

Boletim SUMÁRIO. Nº 117 Novembro 2005. Abertura da Sociedade Portuguesa de Cardiologia à Sociedade Civil Boletim Nº 117 Novembro 2005 SUMÁRIO Abertura da Sociedade Portuguesa de Cardiologia à Sociedade Civil Sociedade Portuguesa de Cardiologia Renova Imagem Institucional Secretário-Geral XXVII Congresso Português

Leia mais

SUMÁRIO DO CURRICULUM VITAE

SUMÁRIO DO CURRICULUM VITAE SUMÁRIO DO CURRICULUM VITAE Nome Completo: Lino Manuel Martins Gonçalves. Local e Data de Nascimento: Loulé - Portugal, 23 de Setembro de 1960. Estado civil: Casado Nacionalidade: Portuguesa Morada: Rua

Leia mais

Relatório do Núcleo de Nutrição em Cardiologia (NNC) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia (SPC), referente ao biénio 2007/2009.

Relatório do Núcleo de Nutrição em Cardiologia (NNC) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia (SPC), referente ao biénio 2007/2009. Relatório do Núcleo de Nutrição em Cardiologia (NNC) da Sociedade Portuguesa de Cardiologia (SPC), referente ao biénio 2007/2009. O Secretariado do NNC para o biénio 2007/2009, eleito em 23 de Abril de

Leia mais

LISBON ARRHYTHMIA MEETING, 2009 Hotel Mirage, Cascais, 20 e 21 de Fevereiro de 2009

LISBON ARRHYTHMIA MEETING, 2009 Hotel Mirage, Cascais, 20 e 21 de Fevereiro de 2009 Programa Preliminar LISBON ARRHYTHMIA MEETING, 2009 Hotel Mirage, Cascais, 20 e 21 de Fevereiro de 2009 6ª FEIRA 20 de Fevereiro SALA 1 6ª FEIRA 20 de Fevereiro SALA 2 09.15 09.30 Introdução à Reunião

Leia mais

Participar em estudos de investigação científica é contribuir para o conhecimento e melhoria dos serviços de saúde em Portugal

Participar em estudos de investigação científica é contribuir para o conhecimento e melhoria dos serviços de saúde em Portugal FO L H E TO F EC H A D O : FO R M ATO D L ( 2 2 0 x 1 1 0 m m ) FO L H E TO : C A PA Departamento de Epidemiologia Clínica, Medicina Preditiva e Saúde Pública Faculdade de Medicina da Universidade do Porto

Leia mais

3-7 Novembro 2014, Lisboa

3-7 Novembro 2014, Lisboa Curso Instrutor de Reabilitação Cardíaca fase 4 British Association for Cardiovascular Prevention and Rehabilitation (BACPR) 3-7 Novembro 2014, Lisboa Área(s) de Formação: 726- Terapia e Reabilitação Unidades

Leia mais

Programa. Sexta-Feira, dia 19/11/2010 - Sala 1

Programa. Sexta-Feira, dia 19/11/2010 - Sala 1 Reunião Conjunta da Sociedade Portuguesa de Cardiologia e Sociedade Portuguesa de Cuidados Intensivos O Coração no Doente Crítico Hotel dos Templários, Tomar 19 e 20 de Novembro de 2010 Programa 14:00

Leia mais

58º CONGRESSO PORTUGUÊS DE

58º CONGRESSO PORTUGUÊS DE 58º CONGRESSO PORTUGUÊS DE OFTALMOLOGIA 3 4 5 DEZ 2015 TIVOLI MARINA VILAMOURA PRÉ-PROGRAMA 58º CONGRESSO PORTUGUÊS DE OFTALMOLOGIA Neste 58º Congresso Nacional da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia

Leia mais

FORMAÇÃO CONTÍNUA 2011

FORMAÇÃO CONTÍNUA 2011 FORMAÇÃO CONTÍNUA 2011 1º Trimestre Secção Regional de Lisboa Ordem dos FARMACêuticos NOTA DE BOAS-VINDAS Mensagem da Direcção da Secção Regional de Lisboa Caro(a) Colega, É com especial entusiasmo que

Leia mais

Secretariado e Inscrições. Celebrando o

Secretariado e Inscrições. Celebrando o Celebrando o Secretariado e Inscrições www.osteogeneseimperfeita.tecnovisao.com ou a.p.osteogeneseimperfeita@gmail.com Dia Internacional Osteogénese Imperfeita (International wishbone Day) Rua Cooperativa

Leia mais

INTERVALO E VISITA À EXPOSIÇÃO PARALELA - TEMA LIVRE PÔSTER GRUPO I

INTERVALO E VISITA À EXPOSIÇÃO PARALELA - TEMA LIVRE PÔSTER GRUPO I XXII CONGRESSO NACIONAL DO DEPARTAMENTO DE ERGOMETRIA, EXERCÍCIO, REABILITAÇÃO CARDIOVASCULAR, CARDIOLOGIA NUCLEAR E CARDIOLOGIA DO ESPORTE. PROGRAMAÇÃO CIENTÍFICA QUINTA-FEIRA 29 DE OUTUBRO DE 2015 07:30H

Leia mais

Ano 3 n.º 12 3º trimestre 2007

Ano 3 n.º 12 3º trimestre 2007 editorial A. Sérgio Miguel Espero que todos os Colegas tenham tido um bom regresso ao trabalho, após umas férias repousantes e retemperadoras. Gostaria de destacar, neste Editorial, o nosso próximo Colóquio

Leia mais

XVII PROGRAMA CIENTÍFICO. 10 e 11. outubro. 2014 Casa do Médico, Porto. Jornadas Regionais PC A melhor prática clínica para o médico atual

XVII PROGRAMA CIENTÍFICO. 10 e 11. outubro. 2014 Casa do Médico, Porto. Jornadas Regionais PC A melhor prática clínica para o médico atual XVII Jornadas Regionais PC A melhor prática clínica para o médico atual 10 e 11. outubro. 2014 Casa do Médico, Porto Presidente de Honra: Prof. Doutor João Barreto Presidente: Dr. José Canas da Silva Secretário

Leia mais

MINISTÉRIO da SAÚDE. Gabinete do Secretário de Estado da Saúde INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE

MINISTÉRIO da SAÚDE. Gabinete do Secretário de Estado da Saúde INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O SECRETÁRIO DE ESTADO DA SAÚDE APRESENTAÇÃO DO PRONTUÁRIO TERAPÊUTICO INFARMED, 3 DE DEZEMBRO DE 2003 Exmo. Senhor Bastonário da Ordem dos Farmacêuticos Exmo. Senhor Bastonário

Leia mais

Braga, 10 de Janeiro de 2011.

Braga, 10 de Janeiro de 2011. Braga, 10 de Janeiro de 2011. Página 1 de 20 INDICE INTRODUÇÃO... 3 Págs. CARACTERIZAÇÃO DO SERVIÇO DE FORMAÇÃO... 10 BALANÇO DAS ACTIVIDADES DEP. FORMAÇÃO.11 PRIORIDADES DE MELHORIA. 15 CONCLUSÃO.. 16

Leia mais

12CNG CONGREssO NaCiONal de GEOtECNia GUIMArães 2010

12CNG CONGREssO NaCiONal de GEOtECNia GUIMArães 2010 26 A 29 de abril. GUIMARãES 2010 geotecnia e desenvolvimento sustentável Convite A Sociedade Portuguesa de Geotecnia (SPG) e o Departamento de Engenharia Civil da Universidade do Minho (DEC-UM) têm a honra

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO. Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2

APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO. Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2 CONSELHO CIENTÍFICO PEDAGÓGICO DA FORMAÇÃO CONTÍNUA APRESENTAÇÃO DE ACÇÃO DE FORMAÇÃO NAS MODALIDADES DE CURSO, MÓDULO E SEMINÁRIO Formulário de preenchimento obrigatório, a anexar à ficha modelo ACC 2

Leia mais

PROGRAMA IV BRASIL PREVENT & II LATIN AMERICAN PREVENT DATA: 05 A 07 DEZEMBRO 2013 BAHIA OTHON PALACE HOTEL SALVADOR BAHIA

PROGRAMA IV BRASIL PREVENT & II LATIN AMERICAN PREVENT DATA: 05 A 07 DEZEMBRO 2013 BAHIA OTHON PALACE HOTEL SALVADOR BAHIA PROGRAMA IV BRASIL PREVENT & II LATIN AMERICAN PREVENT DATA: 05 A 07 DEZEMBRO 2013 BAHIA OTHON PALACE HOTEL SALVADOR BAHIA Sábado 07 de Dezembro de 2013 09:00 10:30 Sessão 4 Novas Estratégias Para Prevenção

Leia mais

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1

Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto 1 Jornadas de Educação Pelo Desporto As Jornadas de Educação Pelo Desporto alinham-se com os objetivos gerais do Diálogo Estruturado na área da juventude, uma vez que

Leia mais

na Prevenção das Doenças Cardiovasculares 21 MARÇO AUDITÓRIO DA ESTeSL, LISBOA ORGANIZAÇÃO

na Prevenção das Doenças Cardiovasculares 21 MARÇO AUDITÓRIO DA ESTeSL, LISBOA ORGANIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO Programa: 9:00 - Abertura do congresso Custódio César e Lino Mendes 9:15-10:00 - Obesidade, resistência à insulina e disfunção endotelial Sérgio Veloso 10:00-10:45 Papel da dieta na prevenção

Leia mais

PROGRAMA CIENTÍFICO. 25 e 26 fevereiro 2016. Centro de Congressos de Lisboa. Homenagem Nacional: Prof. Doutor A. Pacheco Palha

PROGRAMA CIENTÍFICO. 25 e 26 fevereiro 2016. Centro de Congressos de Lisboa. Homenagem Nacional: Prof. Doutor A. Pacheco Palha Presidente Prof. Doutor A. Pacheco Palha Secretários Gerais Dr. José Canas da Silva e Dr. Rui Cernadas Homenagem Nacional: Prof. Doutor A. Pacheco Palha 25 e 26 fevereiro 2016 Centro de Congressos de Lisboa

Leia mais

EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS CURSO DE CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA O CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DOS HUC

EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS CURSO DE CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA O CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DOS HUC CURSO DE EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA O CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DOS HUC PARCEIRO PROMOTOR Criado num Hospital Público Universitário, o Centro

Leia mais

I - EXERCISE IS MEDICINETM

I - EXERCISE IS MEDICINETM I EXERCISE IS MEDICINETM Objectivo Generalização da inclusão do aconselhamento para a actividade física no âmbito do plano terapêutico para a prevenção e o tratamento de doenças, e referenciação quando

Leia mais

Insuficiência Cardíaca Aguda e Síndrome Coronária Aguda. Dois Espectros da Mesma Doença

Insuficiência Cardíaca Aguda e Síndrome Coronária Aguda. Dois Espectros da Mesma Doença Insuficiência Cardíaca Aguda e Síndrome Coronária Aguda Dois Espectros da Mesma Doença Carlos Aguiar Reunião Conjunta dos Grupos de Estudo de Insuficiência Cardíaca e Cuidados Intensivos Cardíacos Lisboa,

Leia mais

Regulamento das Consultas Externas. Índice

Regulamento das Consultas Externas. Índice Índice CAPÍTULO I...4 DISPOSIÇÕES GERAIS...4 ARTIGO 1º...4 (Noção de Consulta Externa)...4 ARTIGO 2º...4 (Tipos de Consultas Externas)...4 ARTIGO 3º...4 (Objectivos do Serviço de Consulta Externa)...4

Leia mais

XXII CONGRESSO ORDEM DOS MÉDICOS DENTISTAS PORTUGUESE DENTAL ASSOCIATION ANNUAL MEETING LISBOA NOV 2013 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA 21 22 23

XXII CONGRESSO ORDEM DOS MÉDICOS DENTISTAS PORTUGUESE DENTAL ASSOCIATION ANNUAL MEETING LISBOA NOV 2013 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA 21 22 23 XXII CONGRESSO ORDEM DOS MÉDICOS DENTISTAS PORTUGUESE DENTAL ASSOCIATION ANNUAL MEETING LISBOA NOV 2013 CENTRO DE CONGRESSOS DE LISBOA 21 22 23 Caro (a) colega, Fruto de um ano de intenso trabalho, apresentamos-lhe

Leia mais

EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS CURSO DE 29 30 NOVEMBRO 2013 CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA

EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS CURSO DE 29 30 NOVEMBRO 2013 CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA CURSO DE EMERGÊNCIAS MÉDICAS PARA MÉDICOS DENTISTAS 29 30 NOVEMBRO 2013 CENTRO DE SIMULAÇÃO BIOMÉDICA DE COIMBRA Atribuição de 1 ECTS pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra O CENTRO DE SIMULAÇÃO

Leia mais

Hospitais da Universidade de Coimbra Centro de Simulação Biomédica Serviço de Anestesiologia Bloco Operatório Central

Hospitais da Universidade de Coimbra Centro de Simulação Biomédica Serviço de Anestesiologia Bloco Operatório Central Hospitais da Universidade de Coimbra Centro de Simulação Biomédica Serviço de Anestesiologia Bloco Operatório Central Curso Gestão para executivos hospitalares - Uma questão de competitividade Hospitais

Leia mais

Curso de Emergências Cardiorespiratórias

Curso de Emergências Cardiorespiratórias SBC Salvando Vidas Curso de Emergências Cardiorespiratórias A SBC é uma instituição que está habilitada pela American Heart Association (AHA) - importante entidade americana na área de doenças cardiológicas

Leia mais

Regulamento do Exercício Profissional dos Enfermeiros. Decreto-Lei n.º 161/96, de 4 de Setembro, alterado pelo Decreto-lei n.º 104/98, de 21 de Abril

Regulamento do Exercício Profissional dos Enfermeiros. Decreto-Lei n.º 161/96, de 4 de Setembro, alterado pelo Decreto-lei n.º 104/98, de 21 de Abril REPE Regulamento do Exercício Profissional dos Enfermeiros Decreto-Lei n.º 161/96, de 4 de Setembro, alterado pelo Decreto-lei n.º 104/98, de 21 de Abril 1 - A enfermagem registou entre nós, no decurso

Leia mais

Simpósio Internacional. História da Geografia e Colonialismo

Simpósio Internacional. História da Geografia e Colonialismo Universidade de Cabo Verde Departamento de Ciência e Tecnologia International Geographical Union / Union Géographique Internationale Commission on the History of Geography / Commission sur l Histoire de

Leia mais

CUIDADOS NACIONAL CONGRESSO CONTINUADOS 2 º. 25 e 26. Nov. 2011 PROGRAMA CIENTÍFICO. Dr. Manuel Lemos. Faculdade de Medicina Dentária, Lisboa

CUIDADOS NACIONAL CONGRESSO CONTINUADOS 2 º. 25 e 26. Nov. 2011 PROGRAMA CIENTÍFICO. Dr. Manuel Lemos. Faculdade de Medicina Dentária, Lisboa 2 º CONGRESSO NACIONAL CUIDADOS CONTINUADOS Presidente de Honra Dr. Manuel Lemos Presidente do Congresso Dr. Manuel Caldas de Almeida 25 e 26. Nov. 2011 Faculdade de Medicina Dentária, Lisboa PROGRAMA

Leia mais

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE

NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE NEWSLETTER Nº 13 JANEIRO CONHECIMENTO INOVAÇÃO CRIATIVIDADE EFICIÊNCIA VALOR POTENCIAMOS O VALOR DAS ORGANIZAÇÕES EM DESTAQUE A LINK THINK AVANÇA COM PROGRAMA DE FORMAÇÃO PROFISSONAL PARA 2012 A LINK THINK,

Leia mais

Reunião de Outono do Grupo de Estudo da Insulinorresistência da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo

Reunião de Outono do Grupo de Estudo da Insulinorresistência da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo Reunião de Outono do Grupo de Estudo da Insulinorresistência da Sociedade Portuguesa de Endocrinologia Diabetes e Metabolismo Dia: 28 de Novembro de 2015 Local: Porto, Fundação Cupertino de Miranda Tema:

Leia mais

4, 5 e 6/Novembro/2010 Curia Palace Hotel Curia, Portugal

4, 5 e 6/Novembro/2010 Curia Palace Hotel Curia, Portugal 4, 5 e 6/Novembro/2010 Curia Palace Hotel Curia, Portugal Objectivo: O Congresso de Inovação na Construção Sustentável (CINCOS 10), é um evento organizado pela Plataforma para a Construção Sustentável,

Leia mais

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DAS ACÇÕES DE FORMAÇÃO

REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DAS ACÇÕES DE FORMAÇÃO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DAS ACÇÕES DE FORMAÇÃO CÂMARA DO COMÉRCIO DE ANGRA DO HEROÍSMO Índice 1. Âmbito de Aplicação 2. Competência Organizativa 3. Política e Estratégia da Entidade 4. Responsabilidades

Leia mais

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU

Programas. cabo verde. Angola. portugal. s.tomé e príncipe. Fundación Universitaria San Pablo CEU Programas de MESTRADO Online MBA Master in Business Administration Mestrado em Direcção de Empresas Mestrado em Direcção de Marketing e Vendas Mestrado em Direcção Financeira Mestrado em Comércio Internacional

Leia mais

VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES

VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES VITAHISCARE UNIDADES HOSPITALARES APRESENTAÇÃO FUNCIONALIDADES VANTAGENS E CARACTERÍSTICAS MÓDULOS COMPLEMENTARES UNIDADES HOSPITALARES O VITA HIS CARE Unidades Hospitalares é um sistema de informação

Leia mais

APCP Newsletter. Verão de 2011. Editorial. Call for papers: VI Congresso da Associação Portuguesa de Ciência Política. Lisboa, 1 a 3 de Março de 2012

APCP Newsletter. Verão de 2011. Editorial. Call for papers: VI Congresso da Associação Portuguesa de Ciência Política. Lisboa, 1 a 3 de Março de 2012 APCP Newsletter Editorial A APCP lança agora, pela primeira vez, a sua Newsletter. Será distribuída em formato digital e também em papel, uma vez por ano. É mais uma forma de tornar públicas as actividades

Leia mais

VI CURSO DE VERÃO DE DIREITO DA BIOÉTICA E DA MEDICINA PROGRAMA 2.ª FEIRA 12/07/10

VI CURSO DE VERÃO DE DIREITO DA BIOÉTICA E DA MEDICINA PROGRAMA 2.ª FEIRA 12/07/10 FACULDADE DE DIREITO DE LISBOA ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE DIREITO INTELECTUAL VI CURSO DE VERÃO DE DIREITO DA BIOÉTICA E DA MEDICINA 12 a 16 de Julho de 2010 Coordenadores: Prof. Doutor José de Oliveira

Leia mais

Plano de Marketing Operacional

Plano de Marketing Operacional Plano de Marketing Operacional CONTEÚDO 1. Oportunidade do projecto APCMC +Inovação... iii 2. Plano de comunicação... viii 3. Controlo e revisão... xvi ii 1. Oportunidade do projecto APCMC +Inovação A

Leia mais

cardiologia do centro

cardiologia do centro jornadas de cardiologia do centro 22.. 24 OUTUBRO HOTEL VILLA BATALHA PROGRAMA ORGANIZAÇÃO AGÊNCIA OFICIAL ACMCC Associação de Cardiologia Médico-Cirúrgica do Centro Miraflores Office Center Avenida das

Leia mais

1. Procedimento de Selecção de Mediadores de Conflitos para Prestar Serviço no Sistema de Mediação Laboral em Portugal Continental

1. Procedimento de Selecção de Mediadores de Conflitos para Prestar Serviço no Sistema de Mediação Laboral em Portugal Continental 1 de 8 Nº 03/2011 Março Bem-vindo à newsletter do GRAL. Caso pretenda aceder ao detalhe das notícias ou aos artigos clique sobre o título. Se desejar mais informações sobre os meios de resolução alternativa

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P.

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P. PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural, I.P. PRESS RELEASE Lançamento do MAPA DE BOAS PRÁTICAS DE ACOLHIMENTO E INTEGRAÇÃO DE IMIGRANTES EM PORTUGAL,

Leia mais

25 a 28 HIPERTENSÃO PROGRAMA PROVISÓRIO CONGRESSO PORTUGUÊS DE FEVEREIRO 2016. www.sphta.org.pt E RISCO CARDIOVASCULAR GLOBAL

25 a 28 HIPERTENSÃO PROGRAMA PROVISÓRIO CONGRESSO PORTUGUÊS DE FEVEREIRO 2016. www.sphta.org.pt E RISCO CARDIOVASCULAR GLOBAL CONGRESSO 25 a 28 FEVEREIRO 2016 Tivoli Marina Vilamoura - Algarve SOCIEDA PORTUGUESA Portuguese Society of Hypertension www.sphta.org.pt PROGRAMA PROVISÓRIO 25 QUINTA-FEIRA THURSDAY 13:00 ABERTURA DO

Leia mais

Congresso de Pneumologia do Norte

Congresso de Pneumologia do Norte Congresso de Pneumologia do Norte Sheraton Porto Hotel PORTO, 2 a 4 de Março de 2011 Segundo Anúncio Patrocínio Científico: COMISSÃO ORGANIZADORA Presidente Bárbara Parente Secretária Geral Anabela Marinho

Leia mais

Curso Hands-on nº3: Cápsula Endoscópica

Curso Hands-on nº3: Cápsula Endoscópica Porto, 9 e 10 de Julho de 2011 Rua de Sá da Bandeira 752 Porto Tel. 222076370 www.manoph.pt manoph@manoph.pt Corpo Docente Miguel Mascarenhas Saraiva J. M. Herrerias Gutierrez Rolando Pinho Eduardo Oliveira

Leia mais

Regulamento de Funcionamento do Grupo de Voluntariado

Regulamento de Funcionamento do Grupo de Voluntariado LAHUC LIGA DOS AMIGOS DOS HOSPITAIS DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA LAHUC Gabinete de Serviço Social O MELHOR DA VIDA TODOS OS DIAS Regulamento de Funcionamento do Grupo de Voluntariado Preâmbulo O Voluntariado

Leia mais

SÚMULA CURRICULAR Jaime da Cunha Branco

SÚMULA CURRICULAR Jaime da Cunha Branco SÚMULA CURRICULAR Jaime da Cunha Branco 1_ DADOS BIOGRÁFICOS E FORMAÇÃO ESCOLAR JAIME DA CUNHA BRANCO, filho de Francisco Rodrigues Branco e de Dorinda Maria da Cunha Claro Branco( ), nasceu em Lisboa,

Leia mais

INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O MINISTRO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES. Eng. Mário Lino

INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O MINISTRO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES. Eng. Mário Lino INTERVENÇÃO DE SUA EXCELÊNCIA O MINISTRO DAS OBRAS PÚBLICAS, TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES Eng. Mário Lino por ocasião da Cerimónia de Abertura do Diálogo Estratégico sobre as Tecnologias da Informação e

Leia mais

::ENQUADRAMENTO ::ENQUADRAMENTO::

::ENQUADRAMENTO ::ENQUADRAMENTO:: ::ENQUADRAMENTO:: :: ENQUADRAMENTO :: O actual ambiente de negócios caracteriza-se por rápidas mudanças que envolvem a esfera politica, económica, social e cultural das sociedades. A capacidade de se adaptar

Leia mais

Plano de Actividades. Orçamento ASSOCIAÇÃO DO COMÉRCIO, INDÚSTRIA E SERVIÇOS DOS CONCELHOS DE VILA FRANCA DE XIRA E ARRUDA DOS VINHOS

Plano de Actividades. Orçamento ASSOCIAÇÃO DO COMÉRCIO, INDÚSTRIA E SERVIÇOS DOS CONCELHOS DE VILA FRANCA DE XIRA E ARRUDA DOS VINHOS Plano de Actividades e Orçamento Exercício de 2012 Plano de Actividades e Orçamento para o exercício de 2012 Preâmbulo: O Plano de Actividades do ano de 2012 foi concebido com a prudência que resulta da

Leia mais

INVESTIR NO FUTURO CONTRATO DE CONFIANÇA ENSINO SUPERIOR PARA O FUTURO DE PORTUGAL. Janeiro de 2010

INVESTIR NO FUTURO CONTRATO DE CONFIANÇA ENSINO SUPERIOR PARA O FUTURO DE PORTUGAL. Janeiro de 2010 INVESTIR NO FUTURO UM CONTRATO DE CONFIANÇA NO ENSINO SUPERIOR PARA O FUTURO DE PORTUGAL Janeiro de 2010 UM CONTRATO DE CONFIANÇA NO ENSINO SUPERIOR PARA O FUTURO DE PORTUGAL No seu programa, o Governo

Leia mais

Relatório de Atividades da ORPHANET-Portugal 2009-2012

Relatório de Atividades da ORPHANET-Portugal 2009-2012 Relatório de Atividades da ORPHANET-Portugal 2009-2012 ORPHANET-Portugal: Jorge Sequeiros (coordenador nacional) Jorge Pinto Basto (project manager) Sandra Peixoto (information scientist) 26 abril 2012

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL Gabinete do Presidente

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL Gabinete do Presidente Diário da Sessão n.º 008 de 25/01/01 Vamos passar ao ponto nº 4 da nossa ordem do dia, ou seja, à Proposta de Resolução Medidas de Combate à Leptospirose. Tem a palavra o Sr. Deputado Bento Barcelos. Deputado

Leia mais

Gestão da Comunicação e Informação Médica

Gestão da Comunicação e Informação Médica 1º Curso de Pós Graduação Executiva em Gestão da Comunicação e Informação Médica 2010-2011 MÓDULO I Clínica para não Clínicos 32h presenciais + 16h formação à distância Ver um doente Meios Complementares

Leia mais

NEWSLETTER Nº 2 ACTIVIDADES DESENVOLVIDAS

NEWSLETTER Nº 2 ACTIVIDADES DESENVOLVIDAS NEWSLETTER Nº 2 Manteve-se o NEDR em actividade durante os últimos 2 anos. Das suas actividades se reporta resumidamente nesta 2ª Newsletter. Queremos com esta pequena informação estimular uma maior adesão

Leia mais

30 ANOS DO CENTRO DE INFORMAÇÃO DO MEDICAMENTO DA ORDEM DOS FARMACÊUTICOS E PERSPECTIVAS FUTURAS. Lisboa 04 Dez 2014 Aurora Simón

30 ANOS DO CENTRO DE INFORMAÇÃO DO MEDICAMENTO DA ORDEM DOS FARMACÊUTICOS E PERSPECTIVAS FUTURAS. Lisboa 04 Dez 2014 Aurora Simón 30 ANOS DO CENTRO DE INFORMAÇÃO DO MEDICAMENTO DA ORDEM DOS FARMACÊUTICOS E PERSPECTIVAS FUTURAS Uma actividade com 50 anos Centros de Informação de Medicamentos Resposta à necessidade de rápido acesso

Leia mais

Relatório de Actividades de 2004

Relatório de Actividades de 2004 Relatório de Actividades de 2004 1. Direcção A direcção da ABIC, como é da sua competência, durante o ano de 2004 coordenou e desenvolveu as seguintes actividades no sentido de cumprir o plano de actividades

Leia mais

PRINCÍPIOS DE ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO SOCIAL NO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA

PRINCÍPIOS DE ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO SOCIAL NO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA PRINCÍPIOS DE ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO SOCIAL NO INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA Considerando: A importância formativa, social e cultural do voluntariado e o papel importante que o Instituto Politécnico

Leia mais

DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA

DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA DEMOCRACIA E GESTÃO AUTÁRQUICA DURAÇÃO / COMPONENTE / DIPLOMA CURSO DE FORMAÇÃO AVANÇADA I Edição 2014 30 Horas lectivas / Teórica / Curso de Formação Avançada COORDENAÇÃO Coordenação Científica Prof.

Leia mais

O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS

O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS O PAPEL DA ENFERMAGEM NA REABILITAÇÃO CARDIACA RAQUEL BOLAS Ericeira, 11 de Fevereiro 2011 DEFINIÇÃO De acordo com a OMS (2003), a Reabilitação Cardíaca é um conjunto De acordo com a OMS (2003), a Reabilitação

Leia mais

Os Empresários, as Empresas e a Inclusão Social. João Oliveira Rendeiro Presidente da Associação EIS Empresários pela Inclusão Social

Os Empresários, as Empresas e a Inclusão Social. João Oliveira Rendeiro Presidente da Associação EIS Empresários pela Inclusão Social Os Empresários, as Empresas e a Inclusão Social João Oliveira Rendeiro Presidente da Associação EIS Empresários pela Inclusão Social Conferência "Compromisso Cívico para a Inclusão" Santarém, 14 de Abril

Leia mais

IMS Esclerose Múltipla Overview 2011 PORTUGAL 2011

IMS Esclerose Múltipla Overview 2011 PORTUGAL 2011 IMS Esclerose Múltipla Overview 2011 PORTUGAL 2011 SOBRE A IMS HEALTH Operando em mais de 100 países, a IMS Health é fornecedora e líder mundial de soluções aplicadas às indústrias farmacêuticas e de saúde.

Leia mais

Curso Geral de Gestão. Pós Graduação

Curso Geral de Gestão. Pós Graduação Curso Geral de Gestão Pós Graduação Curso Geral de Gestão Pós Graduação Participamos num processo acelerado de transformações sociais, políticas e tecnológicas que alteram radicalmente o contexto e as

Leia mais

PROGRAMA JORNADAS BIOMÉRIEUX. Lisboa Porto

PROGRAMA JORNADAS BIOMÉRIEUX. Lisboa Porto PROGRAMA JORNADAS BIOMÉRIEUX Lisboa Porto Jornadas biomérieux 2010 Dando continuidade a uma iniciativa que colocamos ao seu dispor desde 1995, temos o prazer de lhe dar a conhecer o programa de acções

Leia mais

AS TIC E A SAÚDE NO PORTUGAL DE HOJE

AS TIC E A SAÚDE NO PORTUGAL DE HOJE AS TIC E A SAÚDE NO PORTUGAL DE HOJE 18 MARÇO 2015 Centro Hospitalar Psiquiátrico de Lisboa PATROCINDADORES Apoio Patrocinadores Globais APDSI APDSI Conferência As TIC e a Saúde no Portugal de Hoje SESSÃO

Leia mais

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR Rua Henrique Bravo, 6929 e 6967 4465-167 S. Mamede de Infesta Portugal 1 Filosofia/Historial A 3infor é uma empresa especializada em software profissional, com um produto inovador

Leia mais

Gestão da Comunicação e Informação Médica

Gestão da Comunicação e Informação Médica 1º Curso de Pós Graduação Executiva em Gestão da Comunicação e Informação Médica 2011 50h presenciais + 50h formação à distância MÓDULO I Clínica para não Clínicos 8h presenciais + 12h formação à distância

Leia mais

A Câmara Municipal de Rio Maior e o papel do Curso de Educação e Comunicação Multimédia no Gabinete de Imagem, Comunicação e Relações Públicas

A Câmara Municipal de Rio Maior e o papel do Curso de Educação e Comunicação Multimédia no Gabinete de Imagem, Comunicação e Relações Públicas A Câmara Municipal de Rio Maior e o papel do Curso de Educação e Comunicação Multimédia no Gabinete de Imagem, Comunicação e Relações Públicas Psicologia organizacional A Psicologia Organizacional, inicialmente

Leia mais

A LUTA CONTRA A TB, UMA ABORDAGEM HOLÍSTICA PARA UM COMBATE GLOBAL

A LUTA CONTRA A TB, UMA ABORDAGEM HOLÍSTICA PARA UM COMBATE GLOBAL A LUTA CONTRA A TB, UMA ABORDAGEM HOLÍSTICA PARA UM COMBATE GLOBAL Maria Conceição Gomes, Pneumologista Coordenadora do CDP da Alameda Consultora da DGS Secretaria-Geral ANTDR, Perito ONDR Lisboa, 19 de

Leia mais

COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA DO TRABALHO NA CONSTRUÇÃO. 1º CURSO de FORMAÇÃO AVANÇADA

COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA DO TRABALHO NA CONSTRUÇÃO. 1º CURSO de FORMAÇÃO AVANÇADA COORDENAÇÃO DE SEGURANÇA DO TRABALHO NA CONSTRUÇÃO 1º CURSO de FORMAÇÃO AVANÇADA 10 de Setembro de 2010 a 11 de Dezembro de 2010 APRESENTAÇÃO GERAL DO CURSO 1. Introdução O exercício da actividade de coordenação

Leia mais

Due Diligence Aspectos Práticos

Due Diligence Aspectos Práticos Due Diligence Aspectos Práticos Foi tendo em conta os aspectos práticos do tema que o Dr. Ivo Renato Moreira de Faria Oliveira apresentou o trabalho sobre o Due Diligence Financeiro no Contexto de uma

Leia mais

Estratégia de Marketing na Comunicação Interna. O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo

Estratégia de Marketing na Comunicação Interna. O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo Estratégia de Marketing na Comunicação Interna O caso épt! Miguel Horta e Costa Presidente Executivo Conferência Mercator XXI Lisboa, 7 de Outubro 2004 O papel da comunicação no desenvolvimento dos negócios

Leia mais

PROPOSTA DE CARREIRA PARA OS TÉCNICOS SUPERIORES DA ÁREA DA SAÚDE EM REGIME DE CIT. Capítulo I Objecto e Âmbito Artigo 1.º Objecto

PROPOSTA DE CARREIRA PARA OS TÉCNICOS SUPERIORES DA ÁREA DA SAÚDE EM REGIME DE CIT. Capítulo I Objecto e Âmbito Artigo 1.º Objecto PROPOSTA DE CARREIRA PARA OS TÉCNICOS SUPERIORES DA ÁREA DA SAÚDE EM REGIME DE CIT Capítulo I Objecto e Âmbito Artigo 1.º Objecto 1 - O presente Decreto-Lei estabelece o regime jurídico da carreira dos

Leia mais

Q U E R E S S E R V O L U N T Á R I O?

Q U E R E S S E R V O L U N T Á R I O? Q U E R E S S E R V O L U N T Á R I O? Da importância do desenvolvimento de competências interpessoais na prática, da necessidade de uma formação mais humana, da crescente consciencialização da injustiça

Leia mais

Participou em 20 cursos de actualização e formação contínua e Reuniões Científicas entre 1995 e 2007, em Portugal e no estrangeiro.

Participou em 20 cursos de actualização e formação contínua e Reuniões Científicas entre 1995 e 2007, em Portugal e no estrangeiro. RESUMO DE DADOS CURRICULARES 1. ELEMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO Filipa Fernandes Soares Franco Borges de Lemos Nome profissional: Filipa Soares Franco Nascida a 31 de Agosto de 1973 Nacionalidade Portuguesa

Leia mais

CENTRO DE INFORMAÇÃO EUROPE DIRECT DE SANTARÉM

CENTRO DE INFORMAÇÃO EUROPE DIRECT DE SANTARÉM CENTRO DE INFORMAÇÃO EUROPE DIRECT DE SANTARÉM Assembleia de Parceiros 17 de Janeiro 2014 Prioridades de Comunicação 2014 Eleições para o Parlamento Europeu 2014 Recuperação económica e financeira - Estratégia

Leia mais

Pós-Graduação em. MARKETING E GESTÃO COMERCIAL de Serviços Financeiros INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO BANCÁRIA

Pós-Graduação em. MARKETING E GESTÃO COMERCIAL de Serviços Financeiros INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO BANCÁRIA BSUPERIOR DE GESTÃO INSTITUTO Pós-Graduação em MARKETING E GESTÃO COMERCIAL de Serviços Financeiros 2005 2006 Associação Portuguesa de Bancos INSTITUTO SUPERIOR DE GESTÃO B ISGB THE PORTUGUESE SCHOOL OF

Leia mais

MESTRADO EM. Métodos Quantitativos e Gestão

MESTRADO EM. Métodos Quantitativos e Gestão MESTRADO EM Métodos Quantitativos em Economia e Gestão ANO LECTIVO 2011/2012 Mestrado em Métodos Quantitativos em Economia e Gestão Apresentação O Mestrado em Métodos Quantitativos em Economia e Gestão

Leia mais

PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008

PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008 PROGRAMA DE FORMAÇÃO 2008 ÁREA ALIMENTAR GESTÃO DE SERVIÇOS DE ALIMENTAÇÃO Formador: Eng. João Bruno da Costa TRIVALOR, SGPS NUTRIÇÃO Formador: Dr. Lino Mendes - ESTeSL - Escola Superior de Tecnologia

Leia mais

Relatório de Actividades do Provedor do Estudante - 2009/2011 -

Relatório de Actividades do Provedor do Estudante - 2009/2011 - Relatório de Actividades do Provedor do Estudante - 2009/2011 - Caros Estudantes e restante Comunidade Académica do IPBeja, No dia 29 de Abril de 2009 fui nomeado Provedor do Estudante pelo Presidente

Leia mais

Regulamento do XV Congresso Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular

Regulamento do XV Congresso Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular Regulamento do XV Congresso Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular Artigo 1º Definição e fins 1- O XV Congresso da Sociedade Portuguesa de Angiologia e Cirurgia Vascular (SPACV) é a reunião

Leia mais

mais PAIXÃO mais ACÇÃO mais ENERGIA mais VANTAGENS mais ACP

mais PAIXÃO mais ACÇÃO mais ENERGIA mais VANTAGENS mais ACP PAIXÃO mais ACÇÃO mais ENERGIA mais VANTAGENS mais ACP VOTE CARLOS BARBOSA 2011/2015 ÓRGÃOS SOCIAIS DIRECÇÃO PRESIDENTE Carlos de Alpoim Vieira Barbosa, sócio 14294 Miguel António Igrejas Horta e Costa

Leia mais

Portugal Making sure your health comes first. www.medicalport.org. Prestador Global de Turismo Médico. Copyright Medical Port 2015

Portugal Making sure your health comes first. www.medicalport.org. Prestador Global de Turismo Médico. Copyright Medical Port 2015 Portugal Making sure your health comes first www.medicalport.org SOBRE PORTUGAL O Índice Global da Competitividade 2014 2015 posiciona Portugal em 24º lugar no campo da Saúde e da Educação Primária com

Leia mais

Dia 11 de setembro Serviço de Cirurgia - Reunião, um Dia um Tema: Reconstrução da Parede Abdominal: Do Caos ao Controlo

Dia 11 de setembro Serviço de Cirurgia - Reunião, um Dia um Tema: Reconstrução da Parede Abdominal: Do Caos ao Controlo Dia 11 de setembro Serviço de Cirurgia - Reunião, um Dia um Tema: Reconstrução da Parede Abdominal: Do Caos ao Controlo 9:30 09:40 Boas Vindas 9:40-10:00 Abdómen aberto: indicações e desafios (Laurentina

Leia mais

O Relatório da OCDE: A avaliação do sistema de ensino superior em Portugal. Lisboa, 13 de Dezembro de 2006

O Relatório da OCDE: A avaliação do sistema de ensino superior em Portugal. Lisboa, 13 de Dezembro de 2006 O Relatório da OCDE: A avaliação do sistema de ensino superior em Portugal Lisboa, 13 de Dezembro de 2006 O relatório de avaliação do sistema de ensino superior em Portugal preparado pela equipa internacional

Leia mais

SOCIEDADE PORTUGUESA DE NEURORRADIOLOGIA - CONGRESSO 2012

SOCIEDADE PORTUGUESA DE NEURORRADIOLOGIA - CONGRESSO 2012 SOCIEDADE PORTUGUESA DE NEURORRADIOLOGIA - CONGRESSO 2012 PROGRAMA PROVISÓRIO Local: Auditório da Biblioteca Municipal Almeida Garrett, aos Jardins do Palácio de Cristal Porto Sexta, 25 de maio de 2012

Leia mais

Programa da Diabetes das FAA

Programa da Diabetes das FAA Programa da Diabetes das FAA Sabrina Coelho da Cruz Diabetologista do Hospital Militar Principal/Instituto Superior Coordenadora da Comissão da Diabetes do HMP/IS Coordenadora do Programa da Diabetes nas

Leia mais

Seminário Europeu: Absentismo Escolar e Intervenção em Rede www.dip-alicante.es/agis

Seminário Europeu: Absentismo Escolar e Intervenção em Rede www.dip-alicante.es/agis Seminário Europeu: Absentismo Escolar e Intervenção em Rede www.dip-alicante.es/agis 5ª feira, 4 de Maio I Reunião interna de parceiros europeus 14:00h 15:00h (UAL, sala 55) - Espaço de trabalho dos parceiros

Leia mais

Partido Popular. CDS-PP Grupo Parlamentar. Projecto de Lei nº 195/X. Inclusão dos Médicos Dentistas na carreira dos Técnicos Superiores de Saúde

Partido Popular. CDS-PP Grupo Parlamentar. Projecto de Lei nº 195/X. Inclusão dos Médicos Dentistas na carreira dos Técnicos Superiores de Saúde Partido Popular CDS-PP Grupo Parlamentar Projecto de Lei nº 195/X Inclusão dos Médicos Dentistas na carreira dos Técnicos Superiores de Saúde A situação da saúde oral em Portugal é preocupante, encontrando-se

Leia mais

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM DE SAÚDE FAMILIAR

CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM DE SAÚDE FAMILIAR Curso Coordenação CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM DE SAÚDE FAMILIAR ESEnfCVPOA Manuela Ferreira Código: 7236 Descrição Objetivos Atualmente a especialização e a gestão da formação constituem medidas

Leia mais

ALIANÇA FRANCESA DO PORTO

ALIANÇA FRANCESA DO PORTO Natureza e objectivos Projecto de REGULAMENTO INTERNO ALIANÇA FRANCESA DO PORTO Introdução Aliança Francesa do Porto sede: Rua Santa Isabel, 88 4050-536 Porto contribuinte nº 507864549 telefone nº 226098616

Leia mais

Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de

Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de Pós-Graduações e Mestrados Serviços de Gestão Académica Receção /

Leia mais

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO. Programa Viver Solidário/ Normas Página 1

NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO. Programa Viver Solidário/ Normas Página 1 NORMAS DE FUNCIONAMENTO PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO Programa Viver Solidário/ Normas Página 1 PROGRAMA VIVER SOLIDÁRIO NORMAS DE FUNCIONAMENTO 1.INTRODUÇÃO A prática de actividades de animação regular e sistemática,

Leia mais

Saúde e Desporto. Manuel Teixeira Veríssimo Hospitais da Universidade de Coimbra. Relação do Desporto com a Saúde

Saúde e Desporto. Manuel Teixeira Veríssimo Hospitais da Universidade de Coimbra. Relação do Desporto com a Saúde Saúde e Desporto Manuel Teixeira Veríssimo Hospitais da Universidade de Coimbra Relação do Desporto com a Saúde Dum modo geral aceita-se que o desporto dá saúde Contudo, o desporto também comporta malefícios

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Diário da República, 1.ª série N.º 82 28 de Abril de 2010 1461

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Diário da República, 1.ª série N.º 82 28 de Abril de 2010 1461 Diário da República, 1.ª série N.º 82 28 de Abril de 2010 1461 Através do Decreto -Lei n.º 212/2006, de 27 de Outubro (Lei Orgânica do Ministério da Saúde), e do Decreto -Lei n.º 221/2007, de 29 de Maio,

Leia mais

Gestão da Rede de Contactos. - Vilamoura, 26 de Junho de 2009 -

Gestão da Rede de Contactos. - Vilamoura, 26 de Junho de 2009 - PROGRAMA BUSINESS NETWORKING Gestão da Rede de Contactos - Vilamoura, 26 de Junho de 2009 - APRESENTAÇÃO O sucesso de uma organização, depende, em grande parte, da sua capacidade de fazer contactos (network)

Leia mais