Pública CSFX. Colégio São Francisco Xavier edição 7 ano 2 OUT-NOV-DEZ

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pública CSFX. Colégio São Francisco Xavier edição 7 ano 2 OUT-NOV-DEZ"

Transcrição

1 Pública CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 7 ano 2 OUT-NOV-DEZ

2 Colégio São Francisco Xavier edição 5 ano 2 abril-maio-junho Nesta edição OUT/NOV/DEZ Editorial CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 7 ano 2 out-nov-dez Esta edição o CSFX Acontece conta com uma nova tipografia, que se adapta ao novo modelo, o que torna a leitura ainda mais agradável. Pública 3 Editorial 4 Espaço Teen Maconha: Legalizar não é legal 6 Mais Educação Início do futuro Técnico presta serviços no Dia da Valorização da Saúde do Advogado Curso de gestão em coleta 7 Pequenos Notáveis O bom é ser criança 8 Educar Alunos do CSFX entre os melhores Estudantes e atletas Projeto Amigo Bicho 10 Mão na Massa Exposição fotográfica Encerramento do CSFX Integral Dia do Professor 12 Destaque Abrindo horizontes CSFX credenciado no PEP 12 Projetos Muitos trabalhos no T écnico 15 Expediente Editorial O Jornal Acontece inicia com um assunto que rende muitas discussões: a não legalização da maconha. Na mesma matéria mostramos um excelente texto do aluno Luiz Otávio Menezes sobre o tema, não deixe de conferir! A próxima sessão trata os Novos Projetos, que englobam os trabalhos desenvolvidos pelo Curso Técnico e as atividades de recreação da Semana da Criança. Em Educar, você confere os estudantes do CSFX que brilharam na 3 a Olimpíada Brasileira de História e, também, os que arrasam no esporte. Dois dos nossos alunos participam de torneios nacionais de natação e têm todo o apoio do Colégio. Ainda nessa sessão, temos o Projeto Amigo Bicho, que estimula o contato com as classes de animais estudadas nas aulas de Ciências. Estudantes e professores colocaram a Mão na Massa e desenvolveram várias atividades bem interessantes. Entre elas está a exposição fotográfica, na qual personagens da própria Escola foram fotografados pelos alunos, que, em seguida, fizeram uma releitura das imagens capturadas. Também mostramos como foi o encerramento do CSFX Integral e as comemorações do Dia do Professor. Os destaques ficam com a Seleção 2012 e com o credenciamento dos Cursos Técnicos do Colégio São Francisco Xavier no Programa de Educação Profissional (PEP) do Governo do Estado de Minas Gerais. Para finalizar, a sessão Mais Educação traz mais eventos e cursos que motivam o aprendizado dos estudantes, como a Semana das Profissões, a participação do Curso Técnico no Dia da Valorização da Saúde do Advogado e os detalhes do Curso de Gestão em Coleta, também do Técnico. CSFX A semana da família contou com uma apresentação artítisca da turma do Maternal Na edição passada o CSFX Acontece foi ilustrado com a linda apresentação das crianças do maternal na Semana da Família. Sugestões: Se você gosta de escrever crônicas, poesias, músicas e redações, ou quer mostrar para os seus colegas algum trabalho desenvolvido por você, entre em contato conosco! 02 03

3 Espaço Teen Maconha: legalizar não é legal Volta e meia se discute a legalização da maconha. Fumar maconha em casa e na rua deveria ser legal? Legal no sentido de aceito socialmente, como o cigarro e as bebidas alcoólicas? Muitos hippies, artistas, e agora políticos e intelectuais já discutem e dão sua opinião a respeito. Mas, até o momento, a maconha não foi legalizada e essa questão está cada vez mais presente na vida dos jovens brasileiros. Esse foi assunto também discutido em sala no Colégio São Francisco Xavier (CSFX). Durante a aula de redação, o aluno Luiz Otávio Menezes, 2 o ano do Ensino Médio, redigiu sobre a legalização da maconha de uma forma muito responsável. Confira os argumentos e o texto do aluno. Nos últimos meses, muitas pessoas aderiram à ideia da legalização da maconha. Com isso, houve um aumento significativo no número de manifestações em favor da descriminalização dessa droga. Apesar de essas manifestações serem legítimas, não quer dizer que tal fato seja aceito. Na maioria dos casos, a liberação da maconha é defendida por quem é usuário. Os argumentos utilizados por eles são vários, alguns até ridículos, mas ao que eles não conseguem responder é qual será a grande vantagem social obtida com a legalização da maconha. Um dos argumentos mais utilizados por quem fuma maconha é o de que a erva faz menos mal à saúde que outras drogas legalizadas, como o álcool e o fumo. Mesmo isso sendo verdade, não se deve resumir a discussão a uma competição sobre quem faz mais ou menos mal. Maconha causa dependência, e o primeiro efeito da sua liberação seria o surgimento de novos viciados, portanto, mais prejuízo para a saúde pública e a convivência social. Ainda que os usuários afirmem o contrário, a erva costuma ser a porta de entrada para outras drogas mais pesadas, entre elas o crack. Para provar isso, basta visitar uma clínica de dependentes químicos e ouvir depoimentos de pessoas que sentem na pele os efeitos desse vício. Outro argumento defendido é o de que a legalização da maconha daria um fim ao tráfico, mas tal argumento é inválido, já que o tráfico só seria extinto se todos os tipos de drogas fossem liberados, e ninguém em sã consciência seria capaz de propor isso. A discussão sobre o assunto não deve ser ignorada, mas deve começar a partir do momento em que haja motivos válidos para que se chegue a uma conclusão digna. A falta de respostas para indagações, como o que a descriminalização da maconha trará de positivo à sociedade, que é o principal fato a ser debatido, deixa claro que legalizar essa droga e outras mais não é o caminho

4 Mais Educação Pequenos Notáveis Início do Futuro VIII Semana das Profissões do CSFX orienta alunos quanto à formação profissional Alunos exibem os objetos feito por eles Entre os dias 19 e 23 de setembro, a 1 a e a 2 a Séries do Ensino Médio participaram da VIII Semana das Profissões, promovida pelo CSFX. Com uma programação variada, a semana contou com palestras, apresentação dos cursos nas áreas humanas, exatas e biológicas da Universidade Federal de Viçosa, orientação e teste vocacional, com a participação do curso de Psicologia da Unipac, e visitas a empresas como Usiminas, Cenibra, Inter TV, Aperam, Cipalam e outras. Esse evento é importante, pois apresenta a realidade de vários cursos, para que, assim, os alunos possam fazer a melhor escolha de sua profissão e, com isso, a chance de se tornarem profissionais de sucesso aumenta consideravelmente, avalia o coordenador do Ensino Médio, Sérgio Duarte. Técnico presta serviços no Dia da Valorização da Saúde do Advogado Os alunos do 3 o módulo do curso de Enfermagem do CSFX Técnico foram convidados pelo presidente da 72 a Subseção da OAB/MG, Eduardo Figueiredo Rocha, para prestarem serviços aos advogados e ao público presente no Fórum de Ipatinga, no dia 24 de agosto. O Curso de Gestão em Coleta O Colégio Técnico São Francisco Xavier se preocupa em formar alunos com um diferencial para o mercado. Esse diferencial é o conhecimento. Isso porque o Curso trabalha de forma a estimular a aprendizagem e está sempre atualizado com as novidades da área. Seguindo esse pensamento, foi realizado o curso Gestão da Qualidade em Laboratório de Análises Clínicas - Desafios e Perspectivas, ministrado pela professora e biomédica Jane evento foi organizado em comemoração ao Dia da Valorização da Saúde do Advogado. No total, entre aferição de pressão arterial, glicemia capilar e orientações de educação e saúde, foram realizados mais de 400 procedimentos. Luiza dos Santos, para os alunos do curso de Análises Clínicas. Com carga horária de 20 horas, entre prática e teoria, o curso teve como objetivo sensibilizar os futuros profissionais para a importância de uma correta gestão/controle das atividades pré-analíticas e desenvolver os requisitos previstos na Norma ABNT NBR ISO 17025/2005, aplicável a todo laboratório. O bom é ser criança! Uma semana de muita diversão no Colégio São Francisco Xavier. Entre gincanas, karaokê, esportes, brinquedos e guloseimas como pipoca, algodão doce e picolé, os alunos do Ensino Fundamental I comemoraram o Dia das Crianças. Já os menores, da Educação Infantil, ouviram histórias das professoras, participaram de um delicioso piquenique e da oficina de balão, pintaram seus rostos e também cantaram no karaokê. O momento descontraído é uma ótima oportunidade para interação das crianças e incentivo ao vínculo social com os colegas de classe

5 Educar Alunos do CSFX entre osmelhores! A 3 a Olimpíada Brasileira de História/2011 rendeu méritos para o Colégio São Francisco Xavier (CSFX). Isso porque os alunos da 3 a série do Ensino Médio, Aysla Sabini Rocha Teixeira, Helber Carvalho Ribeiro e Malu Damázio brilharam e estão entre os melhores do Brasil. A Olimpíada foi constituída por cinco fases de provas online e uma fase de provas final e presencial, que aconteceu na UNICAMP, em Campinas, São Paulo. Cada fase foi composta por questões de múltipla escolha e por tarefas que, juntas, formaram uma verdadeira maratona do conhecimento. Ao todo, mais de mil participantes, entre professores e estudantes do Ensino Fundamental e Médio das cinco regiões brasileiras participaram da competição. Estudantes e atletas Além de bons estudantes e profissionais, o Colégio São Francisco Xavier (CSFX) tem excelentes atletas. Os alunos Filipe Hein da Paz, de 13 anos, e Gustavo Franco, de 14, são nadadores de destaque da Usipa e disputam Campeonatos Brasileiros no esporte, cada um na sua faixa etária. Filipe e Gustavo acumulam prêmios e são apaixonados pela natação. O Colégio sente- -se orgulhoso e parabeniza os alunos atletas, reconhecendo que a prática de esportes e de atividades físicas contribui para a formação da personalidade e forja o caráter do adolescente, além de promover uma vida mais saudável. Aysla Sabine, Helber Carvalho, Malú Damázio e Professor João Carlos Duarte Filipe Hein Gustavo Franco Projeto Amigo Bicho No início de outubro, aconteceu mais uma edição da já tradicional Feira de Ciências: Meu Amigo Bicho do CSFX. Na oportunidade, o 7 o ano do Ensino Fundamental II apresentou trabalhos com formatos diferenciados sobre as classes de animais vertebrados aprendidas nas aulas de Ciências. Os pais foram convidados a acompanhar as exposições que ajudam os alunos a aprender de maneira mais divertida e prazerosa. Os grupos levaram animais de estimação para ilustrar a classe que representavam no trabalho. Além disso, os estudantes prepararam lembranças, como chaveiros, marcadores de página e blocos personalizados com os animais. Gostei muito da Feira. Foi bom porque aprendemos mais e pudemos mostrar para nossos pais como fazemos os trabalhos com dedicação, disse o aluno Artur Felipe Alves de Castro, da turma

6 Mão na Massa Exposição Fotográfica Nossas pessoas, nossa essência Ensinar a olhar Cultura Mineira As turmas do 2 o ao 5 o ano do Ensino Fundamental I, orientadas pelas professoras Jaqueline Rabelo e Danielle Saggioro, desenvolveram, durante todo o ano, trabalhos artesanais com o tema Minas, nossas raízes. Os alunos experimentaram vários materiais e técnicas como cabaça, pintura na telha, colher de pau, Além de exigir que o aluno domine as disciplinas tradicionais, tornou-se comum aos vestibulares e ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) avaliar conhecimentos em arte. Sendo expressão criativa, a arte desempenha papel fundamental no entendimento da experiência humana. Para tanto, existem diversas formas de expressão: as clássicas música, dança, pintura, escultura, literatura e teatro; e as modernas: o cinema, a fotografia e a animação. Entre tantas, a fotografia foi a arte escolhida para a realização de um trabalho com os alunos do 2 o ano do Ensino Médio. Ciente das vantagens pedagógicas, a professora de Artes do CSFX, Solange Pina Torres Campolina, orientou os alunos na confecção de trabalhos de fotografias, desenvolvendo o tema Nossas pessoas, nossa essência. Munidos de câmeras fotográficas, os estudantes saíram pelo Colégio percebendo as pessoas e identificando a importância do papel que cada uma desenvolve no ambiente escolar. Com as fotos reveladas, os painéis foram montados e cada grupo fez uma releitura, usando materiais diversos e muita criatividade. A exposição de fotografias foi inspirada nos trabalhos do artista/fotógrafo Sebastião Salgado. peneira, pintura em tela, cestaria e tecelagem com fitas. O projeto foi compartilhado com outras disciplinas e ganhou uma exposição no Centro Cultural Usiminas. Esse tema é uma forma de os estudantes conhecerem e não esquecerem as riquezas da cultura mineira e da região. Encerramento do CSFX Integral Aulas especializadas fazem show de final de ano do Integral Com o propósito de comemorar o encerramento dos trabalhos, a equipe do CSFX Integral fez uma apresentação no Teatro Zélia Olguim no mês de novembro. Esse evento contou com a participação de alunos, familiares e de toda a equipe do CSFX Integral. O tema das apresentações foi A Cultura Mineira, que esteve presente nas atividades trabalhadas em Danças, músicas ao violão, teclado, percussão e teatro fizeram parte da programação, além de exposição dos trabalhos artesanais e outros feitos no laboratório de Informática. Essa é a oportunidade para que os pais constatem o que foi realizado no decorrer do ano e que atende ao anseio Dia do Professor O professor é responsável pelo conteúdo e pela formação do aluno, por isso merece ser homenageado. Diversas comemorações foram realizadas, próximas à data do Dia do Professor, para todos os educadores do Colégio São Francisco Xavier. Os alunos prepararam uma surpresa ao fazer uma paródia da música Fico assim sem você da dupla Claudinho e Buchecha. Outra comemoração foi realizada no dia 29 de outubro. O professor tem papel fundamental no crescimento profissional e pessoal de seus alunos. de as crianças demonstrarem o que aprenderam. E nada é por acaso, tudo é fruto do trabalho dos professores nas aulas especializadas e do empenho dos alunos, destacam as pedagogas da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I e Fundamental II, Adélia Aparecida Ferreira e Simone Dutra Machado de Oliveira. Os professores e educadores passaram o dia no Hotel Fazenda Sítio do Vovô, com muita diversão, música ao vivo, um delicioso churrasco e brincadeiras animadas pela equipe de Educação Física da Escola. Além disso, contaram com as atrações tradicionais que o Hotel oferece, como passeio de charrete, salão de jogos e ecoturismo. Os mais sortudos passaram todo o final de semana, com direito a acompanhante, no Hotel. Eles ganharam o sorteio do último evento do programa Nossas pessoas, Nossa essência

7 Destaque CSFX credenciado pelo PEP O PEP oferece educação profissionalizante com bolsa integral. Por meio dele, os candidatos selecionados contarão com a qualidade de ensino do CSFX de forma gratuita. Os Cursos Técnicos do Colégio São Francisco Xavier Enfermagem, Análises Clínicas e Mecânica, iniciarão o próximo ano com boas novidades: estão credenciados ao Programa de Educação Profissional (PEP) do Governo do Estado de Minas Gerais. Esse Programa oferece educação profissionalizante com bolsa integral. Por meio dele, os candidatos selecionados contarão com a qualidade de ensino do CSFX de forma gratuita. A bolsa é direcionada aos alunos regularmente matriculados nas 1 a, 2 a ou 3 a séries do Ensino Médio de escolas públicas estaduais, alunos regularmente matriculados nas 1 a ou 2 a séries do curso de Educação de Jovens e Adultos de Ensino Médio, na modalidade presencial, jovens que já concluíram o Ensino Médio, em instituições públicas ou privadas, desde que não estejam cursando o Ensino Superior. As aulas iniciarão a partir de fevereiro e de agosto de 2012 (serão duas entradas para esse programa PEP) com ótimas oportunidades de aprendizado e inserção no mercado de trabalho para os futuros estudantes. Abrindo Horizontes O teste de seleção do CSFX é uma oportunidade que temos de receber os alunos e os pais interessados em conhecer nossa escola. Dessa forma, preparamo-nos para r ecebê- -los de maneira bem atrativa e comprometida em apresentar-lhes os nossos diferenciais e, acima de tudo, o nosso projeto pedagógico. Conta Solange Liege. Os novos serviços oferecidos e as ações de fidelização e captação de alunos, realizadas pelo Colégio São Francisco Xavier (CSFX), em 2011, renderam ótimos resultados. Na primeira chamada para a seleção 2012, mais de 800 inscrições foram efetuadas. Na segunda chamada o resultado não foi diferente. Muitos pais procuraram o Colégio e participaram do preenchimento de vagas. O teste de seleção do CSFX é uma oportunidade que temos de receber os alunos e os pais interessados em conhecer nossa escola. Dessa forma, preparamo-nos para recebê-los de maneira bem atrativa e comprometida em apresentar-lhes os nossos diferenciais e, acima de tudo, o nosso projeto pedagógico. Nossa intenção é proporcionar, aos alunos e familiares, um momento aconchegante, capaz de gerar dados sobre os nossos futuros educandos e, ao mesmo tempo, de fornecer-lhes informações importantes sobre o nosso jeito de ser, afirma a superintendente Solange Liége dos Santos Prado. A grande procura dos pais e dos próprios estudantes são a prova de que a qualidade do ensino do Colégio é conhecida e aprovada em toda a região do Vale do Aço, reiterou a superintendente do CSFX, Solange Liége Prado. Alunas fazem aula prática no CSFX 12 13

8 Projetos Expediente Muitos trabalhos no Técnico Em outubro, foi realizado o primeiro Circuito de Informações do CSFX Técnico. O encontro abrangeu palestras com assuntos interdisciplinares, e seu objetivo foi trabalhar habilidades e competências necessárias para a inserção no mercado de trabalho, que está cada vez mais competitivo. Feira Técnica Em novembro, foi realizada a I Feira Técnica para apresentar os trabalhos dos alunos dos Cursos Técnicos Profissionalizantes do CSFX. A mostra enriqueceu o currículo escolar e envolveu as turmas de módulo III Os estudantes acompanharam duas palestras: O Profissional do Futuro ministrada pela coordenadora Geral de Desenvolvimento e Promoção da Educação, Elivete de Oliveira Silva Ribeiro, e A arte de falar em público da professora de Língua Portuguesa, Nancy Nogueira. do curso de Análises Clínicas e de Enfermagem. No evento, que foi aberto à comunidade, o público conferiu os stands e atividades práticas relacionados à área da saúde. DIRETOR EXECUTIVO DA FSFX E USISAÚDE Luís Márcio Araújo Ramos SUPERINTENDENTE DO COLÉGIO SÃO FRANCISCO XAVIER Solange Liége dos Santos Prado ASSESSORA DE COMUNICAÇÃO DA FSFX Érica Pascoal Fernandes ASSESSORA DE GESTÃO PEDAGÓGICA Elivete de Oliveira Silva Ribeiro COORDENADORA DE DESENVOLVIMENTO E PROMOÇÃO DA EDUCA- ÇÃO Elivete de Oliveira Silva Ribeiro COORDENADORA DO ENSINO FUNDAMENTAL I Ariane Aparecida M. S. Cascardo COORDENADORA DO ENSINO FUNDAMENTAL II Maria das Graças Pessoa COORDENADOR DO ENSINO MÉDIO Sérgio Pedro Duarte COORDENADORA DE SERVIÇOS ADMINISTRATIVOS Janisia Fatima dos Santos PEDAGOGAS SUPERVISORAS Lílian Bernadete Silveira Reis Canêdo (Educação Infantil e 1 o ano/9) Kelly Cristina Leite (Ensino Fundamental I 2 o ao 5 o ano/9) Simone Dutra M. de Oliveira (Ensino Fundamental II - 6 o ao 9 o ano) Mary de Assis Silva Franco (Ensino Médio) Blenda Rangel de Carvalho (Cursos técnicos) PEDAGOGAS ORIENTADORAS Márcia Bonicenha (Educação Infantil 1 o ano/9) Luciene Nascimento (Ensino Fundamental I 2 o ano/9 ao 5 o ano/9) Fabiane Costa de Araujo Porto (Ensino Fundamental II, 6 o ano/8 o ano) Adriane Souza (Ensino Fundamental II, 7 o ano/9 o ano) Maria Aparecida Teixeira (Ensino Médio - 1 a série) Káthia Katrimane (Ensino Médio 2 a série) Viviani Paes (Ensino Médio 3 a série). Telma Luíza Caciquinho (Cursos Técnicos) PEDAGOGAS CSFX INTEGRAL Adélia Aparecida Ferreira (Educação Infantil e Ensino Fundamental I) Simone Dutra M. de Oliveira (Ensino Fundamental II) RESPONSÁVEIS POR ESTA EDIÇÃO Letícia Moreira dos Santos Elivete de Oliveira Silva Ribeiro Érica Pascoal Fernandes Érika Silva Alvarenga Brito Solange Liége dos Santos Prado EDIÇÃO Frederico Martins REDAÇÃO Juliana Jales ( MG) REVISÃO CSFX DIAGRAMAÇÃO Frederico Martins FOTOGRAFIA Sérgio Roberto Deividson Souza Neves João Rabelo ILUSTRAÇÃO Douglas Azevedo IMPRESSÃO Gráfica Formato TIRAGEM exemplares DISTRIBUIÇÃO GRATUITA 14 Alunos do Técnico atenderam à comunidade 15

9

Pública CSFX: 14 medalhas nas. Olimpíadas do Conhecimento. CSFX Acontece Colégio São Francisco Xavier edição 10 ano 3 OUTUBRO 2012 CSFX

Pública CSFX: 14 medalhas nas. Olimpíadas do Conhecimento. CSFX Acontece Colégio São Francisco Xavier edição 10 ano 3 OUTUBRO 2012 CSFX Pública CSFX: 14 medalhas nas Olimpíadas do Conhecimento CSFX Acontece Colégio São Francisco Xavier edição 10 ano 3 OUTUBRO 2012 CSFX Nesta edição Editorial CSFX: 14 medalhas nas Olimpíadas do Conhecimento

Leia mais

Um ensino forte e bilíngue é o passaporte do seu filho para um mundo de oportunidades. É por isso que propomos uma cultura internacional, com

Um ensino forte e bilíngue é o passaporte do seu filho para um mundo de oportunidades. É por isso que propomos uma cultura internacional, com Um ensino forte e bilíngue é o passaporte do seu filho para um mundo de oportunidades. É por isso que propomos uma cultura internacional, com disciplinas ministradas em português e inglês, e uma metodologia

Leia mais

(UNIDADE CEBRAC BOTUCATU)

(UNIDADE CEBRAC BOTUCATU) CAMPANHA MAIS CIDADÃO (UNIDADE CEBRAC BOTUCATU) APRESENTAÇÃO Nossa Missão: Desenvolver o potencial das pessoas e formar o cidadão profissional para atuar com brilhantismo no mercado de trabalho Estar sintonizados

Leia mais

Criança faz arte? ISTA. Gratuito! PROJETO EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA

Criança faz arte? ISTA. Gratuito! PROJETO EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA Criança faz arte? MINISTÉRIO DA CULTURA APRESENTA PROJETO ART EIRA ISTA EXPOSIÇÃO I - T - I - N - E - R - A - N - T - E 1 EXPOSIÇÃO DE ARTE PALESTRAS VÍDEOS WEBSITE REDE SOCIAL Gratuito! Elias Rodrigues

Leia mais

COLÔNIA DE FÉRIAS. Tema: Brincando e aprendendo,que alegria.

COLÔNIA DE FÉRIAS. Tema: Brincando e aprendendo,que alegria. COLÔNIA DE FÉRIAS Tema: Brincando e aprendendo,que alegria. JANEIRO DE 2016 JUSTIFICATIVA Quando não tem aulas, os pais ficam preocupados com o que vão fazer com os seus filhos, pois muitos responsáveis

Leia mais

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014

ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 ESCOLINHA MATERNO- INFANTIL PROJETO 2014 Justificativa do Projeto Conhecer o corpo humano é conhecer a vida, poucos assuntos são tão fascinantes para os alunos quanto esse. Por menores que sejam as crianças,

Leia mais

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre.

]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt. Nossas ações durante o ano de 2013. Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. Leitura livre. ]ÉÜÇtÄ wt XávÉÄt Informativo Anual das ações da ESCOLA MUNICIPAL DR. ANTÔNIO RIBEIRO. ANO 2013-1ª EDIÇÃO A equipe gestora está sempre preocupada com o desempenho dos alunos e dos educadores, evidenciando

Leia mais

PROJETO FAZENDO ESCOLA: UMA EXPERIÊNCIA DO ORIENTADOR NO COMPROMISSO DA CAPACITAÇÃO DOCENTE

PROJETO FAZENDO ESCOLA: UMA EXPERIÊNCIA DO ORIENTADOR NO COMPROMISSO DA CAPACITAÇÃO DOCENTE PROJETO FAZENDO ESCOLA: UMA EXPERIÊNCIA DO ORIENTADOR NO COMPROMISSO DA CAPACITAÇÃO DOCENTE Sérgio Dal-Ri Moreira Pontifícia Universidade Católica do Paraná Palavras-chave: Educação Física, Educação, Escola,

Leia mais

A animação é uma maneira de se criar ilusão, dando vida a objetos inanimados. Perisic,1979

A animação é uma maneira de se criar ilusão, dando vida a objetos inanimados. Perisic,1979 A animação é uma maneira de se criar ilusão, dando vida a objetos inanimados. Perisic,1979 Apresentação Objetivos Equipe Metodologia Experiências Animadas Guia do Animador Iniciante Meu Primeiro Curta-metragem

Leia mais

Interação das Escolas do Tocantins

Interação das Escolas do Tocantins SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Interação das Escolas do Tocantins Palmas 2010. SINDICATO DOS PEDAGOGOS DO ESTADO DO TOCANTINS - SINPETO www.sinpeto.com.br Projeto:

Leia mais

COLÔNIA DE FÉRIAS. Tema: Diversão e alegria a cada dia.

COLÔNIA DE FÉRIAS. Tema: Diversão e alegria a cada dia. COLÔNIA DE FÉRIAS Tema: Diversão e alegria a cada dia. JULHO DE 2015 JUSTIFICATIVA Chegando o meio do ano, quando não tem aulas, os pais ficam preocupados com o que vão fazer com os seus filhos, pois muitos

Leia mais

PROGRAMAs de. estudantil

PROGRAMAs de. estudantil PROGRAMAs de empreendedorismo e protagonismo estudantil Ciclo de Palestras MAGNUM Vale do Silício App Store Contatos Calendário Fotos Safari Cumprindo sua missão de oferecer uma educação inovadora e de

Leia mais

ENEM. Chegar ao topo não é para todos, mas para os melhores. E estamos lá, de novo. págs. 4 e 5. Colégio São Francisco Xavier edição 17 ano 6 jun2015

ENEM. Chegar ao topo não é para todos, mas para os melhores. E estamos lá, de novo. págs. 4 e 5. Colégio São Francisco Xavier edição 17 ano 6 jun2015 Pública Colégio São Francisco Xavier edição 17 ano 6 jun2015 ENEM Chegar ao topo não é para todos, mas para os melhores. E estamos lá, de novo. págs. 4 e 5 editorial horizonte Pública Prezado(a) leitor(a),

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando

Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social. O Projeto Social Luminando Lúmini Art Centro de Pesquisa, Cultura e Ação Social O Projeto Social Luminando O LUMINANDO O Luminando surgiu como uma ferramenta de combate à exclusão social de crianças e adolescentes de comunidades

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais

O GRUPO DOM BOSCO ENSINO FUNDAMENTAL DOM BOSCO

O GRUPO DOM BOSCO ENSINO FUNDAMENTAL DOM BOSCO ENSINO FUNDAMENTAL DOM BOSCO O GRUPO DOM BOSCO Este é o momento de dar espaço à curiosidade, de fazer novas descobertas e formar suas próprias ideias. SEDE HORTO - Berçário - Educação Infantil - 1º Ano

Leia mais

Produção de um documentário amador por turmas de ensino médio e EJA, (ensino de jovens e adultos) com o uso do Windows Movie Maker

Produção de um documentário amador por turmas de ensino médio e EJA, (ensino de jovens e adultos) com o uso do Windows Movie Maker Produção de um documentário amador por turmas de ensino médio e EJA, (ensino de jovens e adultos) com o uso do Windows Movie Maker Adriana Oliveira Bernardes UENF (Universidade Estadual do Norte Fluminense

Leia mais

CONTATOS: FASHION TEEN

CONTATOS: FASHION TEEN CONTATOS: FASHION TEEN End: QI 13 Bloco E Loja 08 Lago Sul Brasília DF Tel: + 55 61.3366.2277/ 61.8533.2515 E-mail: contato@fashionteen.com.br Web: www.fashionteen.com.br APRESENTAÇÃO CURSO FASHIONTEEN

Leia mais

PROJETO ESCOLA PARA PAIS

PROJETO ESCOLA PARA PAIS PROJETO ESCOLA PARA PAIS Escola Estadual Professor Bento da Silva Cesar São Carlos São Paulo Telma Pileggi Vinha Maria Suzana De Stefano Menin coordenadora da pesquisa Relator da escola: Elizabeth Silva

Leia mais

PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ

PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ PREFEITURA DE ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE - SP DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES EDUCAÇÃO PARA A PAZ TEMA PROJETO DE CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES Educação para a Paz Aplicadores:

Leia mais

ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014

ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014 1 ANAIS DA 66ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC - RIO BRANCO, AC - JULHO/2014 O Pibid: ações de formação de professores que impactam a escola e a universidade Maurivan Güntzel Ramos mgramos@pucrs.br O presente texto

Leia mais

INFORME UVV-ES Nº9 15-21/04 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional

INFORME UVV-ES Nº9 15-21/04 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional UVV POST Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO A cadeira que você senta, o quadro que o professor escreve, o portão

Leia mais

CURSINHO POPULAR OPORTUNIDADES E DESAFIOS: RELATO DE EXPERIÊNCIA DOCENTE

CURSINHO POPULAR OPORTUNIDADES E DESAFIOS: RELATO DE EXPERIÊNCIA DOCENTE CURSINHO POPULAR OPORTUNIDADES E DESAFIOS: RELATO DE EXPERIÊNCIA DOCENTE INTRODUÇÃO Lucas de Sousa Costa 1 Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará lucascostamba@gmail.com Rigler da Costa Aragão 2

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID DETALHAMENTO DO SUBPROJETO 1. Unidade: 2. Área do Subprojeto: Dourados 3. Curso(s) envolvido(s) na proposta: Letras - Inglês Obs.: Para proposta

Leia mais

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL: DIFICULDADES, ANSEIOS E SUGESTÕES DOS ALUNOS.

ACESSO AO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL: DIFICULDADES, ANSEIOS E SUGESTÕES DOS ALUNOS. N 430 - OLIVEIRA Eloiza da Silva Gomes de, ENCARNAÇÃO Aline Pereira da, SANTOS Lázaro ACESSO AO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL: DIFICULDADES, ANSEIOS E SUGESTÕES DOS ALUNOS. O Vestibular se reveste de grande

Leia mais

Metodologia Para a realização desse trabalho foi analisado o Documento orientador

Metodologia Para a realização desse trabalho foi analisado o Documento orientador FORMAÇÃO CONTINUADA: UMA ANÁLISE DA APLICAÇÃO DO SISMÉDIO NA ESCOLA PROFESSOR JOSÉ SOARES DE CARVALHO- GUARABIRA-PB Gyslâynne Mary dos Santos Hermenegildo Rodrigues EEEFM Professor José Soares de Carvalho

Leia mais

CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA

CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA CONTANDO HISTÓRIA: CONVIVENDO COM AS CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA RELATÓRIO ANUAL 2010 SORRI-BRASIL Rua Benito Juarez, 70 - Vila Mariana 04018-060 - São Paulo - SP (0xx11) 5082-3502 sorribrasil@sorri.org.br

Leia mais

OBJETIVO GERAL OBJETIVOS ESPECÍFICOS

OBJETIVO GERAL OBJETIVOS ESPECÍFICOS APRENDER BRINCANDO INVESTIDAS DA PRÁTICA EDUCACIONAL EM ESPAÇOS NÃO ESCOLARES JUNTO AO PROGRAMA INTEGRAÇÃO AABB COMUNIDADE, UMA EXPERIÊNCIA COM CRIANÇAS E JOVENS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO DA CIDADE DE

Leia mais

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto?

Projetos Sociais da Faculdade Campo Real CIDADANIA REAL 1. O que é o projeto? 2. Em que consistem as atividades do projeto? Projetos Sociais da Faculdade Campo Real A promoção da cidadania é qualidade de toda instituição de ensino consciente de sua relevância e capacidade de atuação social. Considerando a importância da Faculdade

Leia mais

Novo ano, novas cores. Revitalização com pintura torna o CSFX mais alegre e atrativo. CSFX Técnico. Formando Gestores

Novo ano, novas cores. Revitalização com pintura torna o CSFX mais alegre e atrativo. CSFX Técnico. Formando Gestores Colégio São Francisco Xavier edição 14 ano 5 abril 2014 Pública Novo ano, novas cores Revitalização com pintura torna o CSFX mais alegre e atrativo. CSFX Técnico O CSFX Técnico dá aquela força na hora

Leia mais

Curso de Publicidade e Propaganda NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Curso de Publicidade e Propaganda NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Curso de Publicidade e Propaganda NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Viçosa, Minas Gerais 2015 1 INTRODUÇÃO As atividades complementares, inseridas no projeto pedagógico, têm por finalidade proporcionar

Leia mais

IV EDIPE Encontro Estadual de Didática e Prática de Ensino 2011 A IMPORTÂNCIA DAS ARTES NA FORMAÇÃO DAS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL

IV EDIPE Encontro Estadual de Didática e Prática de Ensino 2011 A IMPORTÂNCIA DAS ARTES NA FORMAÇÃO DAS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL A IMPORTÂNCIA DAS ARTES NA FORMAÇÃO DAS CRIANÇAS DA EDUCAÇÃO INFANTIL Marília Darc Cardoso Cabral e Silva 1 Tatiane Pereira da Silva 2 RESUMO Sendo a arte uma forma do ser humano expressar seus sentimentos,

Leia mais

Educação e inclusão digital

Educação e inclusão digital Educação e inclusão digital Na Escola Municipal da Palmeia, em Muzambinho (MG), educação e inclusão caminham juntos. Para ajudar na alfabetização das crianças e ao mesmo tempo estimular e melhorar a leitura,

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID RELATÓRIO DE ATIVIDADES DO ALUNO BOLSISTA SUBPROJETO DE 2011. 2 Semestre de 2011

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID RELATÓRIO DE ATIVIDADES DO ALUNO BOLSISTA SUBPROJETO DE 2011. 2 Semestre de 2011 Ministério da Educação Secretaria de Educação Média e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE

Leia mais

PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL

PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL PROJETO NINHO VAZIO EM BUSCA DA EDUCAÇÃO EMOCIONAL Oficinas de apoio e fortalecimento de laços intergeracionais, com dinâmicas, arteterapia, psicoeducativos, exercícios de alongamento, respiração e relaxamento,

Leia mais

Portal de conteúdos Linha Direta

Portal de conteúdos Linha Direta Portal de conteúdos Linha Direta Tecnologias Educacionais PROMOVEM SÃO Ferramentas Recursos USADAS EM SALA DE AULA PARA APRENDIZADO SÃO: Facilitadoras Incentivadoras SERVEM Necessárias Pesquisa Facilitar

Leia mais

O JORNAL EM SALA DE AULA: PARA ALÉM DO LETRAMENTO, O ALUNO COMO CENTRO DA NOTÍCIA

O JORNAL EM SALA DE AULA: PARA ALÉM DO LETRAMENTO, O ALUNO COMO CENTRO DA NOTÍCIA O JORNAL EM SALA DE AULA: PARA ALÉM DO LETRAMENTO, O ALUNO COMO CENTRO DA NOTÍCIA Ana Lhayse Feitoza Albuquerque analhayse@hotmail.com Beatriz Correia Neri de Araújo beatrizneri00@hotmail.com Thays Emanuela

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES ATIVIDADES COMPLEMENTARES A partir das Diretrizes Curriculares, as Atividades Complementares constituem-se, também, em um dos componentes dos Cursos Superiores. As Diretrizes Curriculares objetivam servir

Leia mais

Curso de Engenharia de Produção NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Curso de Engenharia de Produção NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Curso de Engenharia de Produção NORMAS DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Viçosa, Minas Gerais 2014 1 INTRODUÇÃO As atividades complementares, inseridas no projeto pedagógico, têm por finalidade proporcionar

Leia mais

ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO

ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO ATIVIDADES EXPERIMENTAIS PARA O ESTUDO DA ASTRONOMIA: CONSTRUINDO O SISTEMA SOLAR REDUZIDO José da Silva de Lima¹; José Rodolfo Neves da Silva²; Renally Gonçalves da Silva³; Alessandro Frederico da Silveira

Leia mais

CartilhaEscola_Final.qxp:escola 9/16/08 6:23 PM Page 1

CartilhaEscola_Final.qxp:escola 9/16/08 6:23 PM Page 1 CartilhaEscola_Final.qxp:escola 9/16/08 6:23 PM Page 1 CartilhaEscola_Final.qxp:escola 9/16/08 6:23 PM Page 2 1 2 3 VISITEM A ESCOLA DE SEUS FILHOS SEMPRE QUE PUDEREM. CONVERSEM COM OS PROFESSORES. PERGUNTEM

Leia mais

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária

PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária PROJETO interação FAMÍLIA x ESCOLA: UMA relação necessária Apoio: Secretária municipal de educação de santo Afonso PROJETO INTERAÇÃO FAMÍLIA X ESCOLA: UMA RELAÇÃO NECESSÁRIA. É imperioso que dois dos principais

Leia mais

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez.

PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez. PROJETO DE LEITURA E ESCRITA Era uma vez... E conte outra vez. CARACTERIZAÇÃO DO PROJETO TEMA; PROJETO DE LEITURA E ESCRITA. Era uma vez... E conte outra vez. INSTITUIÇÃO Escola Estadual Lino Villachá

Leia mais

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009.

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009. Plano de Ação Colégio Estadual Ana Teixeira Caculé - Bahia Abril, 2009. IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR Unidade Escolar: Colégio Estadual Ana Teixeira Endereço: Av. Antônio Coutinho nº 247 bairro São

Leia mais

TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE

TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE TÍTULO: ALUNOS DE MEDICINA CAPACITAM AGENTES COMUNITÁRIOS NO OBAS CATEGORIA: CONCLUÍDO ÁREA: CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E SAÚDE SUBÁREA: MEDICINA INSTITUIÇÃO: UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO AUTOR(ES): THAIS

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UNIDADADE LITORAL NORTE/OSÓRIO GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA - LICENCIATURA CLAINES KREMER GENISELE OLIVEIRA EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POR UMA PERSPECTIVA DE RELAÇÕES ENTRE

Leia mais

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens

Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens Entusiasmo diante da vida Uma história de fé e dedicação aos jovens A obra salesiana teve início em Turim, na Itália, onde Dom Bosco colocou em prática seus ideais de educação associados ao desenvolvimento

Leia mais

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES

MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES MÚLTIPLAS LEITURAS: CAMINHOS E POSSIBILIDADES EDIT MARIA ALVES SIQUEIRA (UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA). Resumo Diferentes instrumentos de avaliação (ENEM, SIMAVE) tem diagnosticado o despreparo dos alunos

Leia mais

LER E ESCREVER: APRENDER COM O LÚDICO

LER E ESCREVER: APRENDER COM O LÚDICO LER E ESCREVER: APRENDER COM O LÚDICO Inês Aparecida Costa QUINTANILHA; Lívia Matos FOLHA; Dulcéria. TARTUCI; Maria Marta Lopes FLORES. Reila Terezinha da Silva LUZ; Departamento de Educação, UFG-Campus

Leia mais

NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA

NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA NOTÍCIAS CURRÍCULO B TECNOLOGIA PROPORCIONA NOVAS APRENDIZAGENS ATIVIDADES E EVENTOS 1º SEMESTRE AULA DE INFORMÁTICA 1 AULA PRÁTICA EM ALDEIA INDÍGENA 2 VISITA AO AQUÁRIO 2 Alunos do 4º ano nas aulas de

Leia mais

O estudante de Pedagogia deve gostar muito de ler e possuir boa capacidade de concentração porque receberá muitos textos teóricos para estudar.

O estudante de Pedagogia deve gostar muito de ler e possuir boa capacidade de concentração porque receberá muitos textos teóricos para estudar. PEDAGOGIA Você já deve ter ouvido alguém falar que o nível educacional de um povo é muito importante para o seu desenvolvimento e que a educação faz muita diferença na vida das pessoas, não é mesmo? Por

Leia mais

APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR

APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR APRESENTA II AÇÃO SOCIAL FAP X PASTORAL DA CRIANÇA PROJETO: SOLIDARIEDADE: UM ATO DE AMOR DATA: 13/10/2012 Comemoração do Dia da Criança HORÁRIO: 8:00 horas as 11 horas LOCAL: Estacionamento da FAP PARTICIPAÇÃO:

Leia mais

Pública CSFX. Colégio São Francisco Xavier edição 12 ano 4 julho 2013

Pública CSFX. Colégio São Francisco Xavier edição 12 ano 4 julho 2013 Pública CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 12 ano 4 julho 2013 Nesta Edição Editorial CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 12 ano 4 julho 2013 Nesta edição, confira detalhes do ENEM 1500Mais,

Leia mais

CSFX. A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal. Pública

CSFX. A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal. Pública Pública CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 5 ano 2 abril-maio-junho A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal Colégio São Francisco Xavier edição 5 ano 2 abril-maio-junho

Leia mais

Escolher a melhor escola faz parte do desenvolvimento de seu filho. Por isso, essa decisão deve ser tomada com muito cuidado.

Escolher a melhor escola faz parte do desenvolvimento de seu filho. Por isso, essa decisão deve ser tomada com muito cuidado. Todos os anos, o Colégio Monteiro Lobato se prepara para receber seus alunos com muitas novidades. Aqueles que estão retornando vão poder rever os amigos, os professores queridos e aprender novidades.

Leia mais

Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem?

Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem? SAIBA TUDO SOBRE O ENEM 2009 Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem? Até 2008, o Enem era uma prova clássica com 63 questões interdisciplinares, sem articulação direta com os

Leia mais

Colaboradores. Enfoque JB. Ano: 2 Edição: 14 Novembro / Dezembro 2009

Colaboradores. Enfoque JB. Ano: 2 Edição: 14 Novembro / Dezembro 2009 ,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,,, 2 Colaboradores Enfoque JB Ano: 2 Edição: 14 Novembro / Dezembro 2009 Votos de Felicidades para todos que fazem o Grupo JB, e que o novo Ano de 2010, conscientize

Leia mais

EM RITMO DE TABUADA: A MIDIA MUSICAL COMO ESTRATÉGIA PARA ENVOLVER ESTUDANTES À ESCOLA E AO APRENDIZADO DA MATEMÁTICA

EM RITMO DE TABUADA: A MIDIA MUSICAL COMO ESTRATÉGIA PARA ENVOLVER ESTUDANTES À ESCOLA E AO APRENDIZADO DA MATEMÁTICA EM RITMO DE TABUADA: A MIDIA MUSICAL COMO ESTRATÉGIA PARA ENVOLVER ESTUDANTES À ESCOLA E AO APRENDIZADO DA MATEMÁTICA Marisa Aguetoni Fontes, Universidade de Lisboa / Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu Nº 115 Nossa Senhora da Conceição, João Monlevade CEP 35930-032 Telefone: 3851-3030

Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu Nº 115 Nossa Senhora da Conceição, João Monlevade CEP 35930-032 Telefone: 3851-3030 Trabalhamos para dar sentido, cada vez mais, à tão divulgada criação colaborativa. A diversidade de pontos de vista responsáveis multiplica nossa forma de ver o mundo. Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu

Leia mais

natural das crianças para esses seres que fazem tão bem às nossas vidas.

natural das crianças para esses seres que fazem tão bem às nossas vidas. Justificativa do Projeto Os animais têm forte presença no dia a dia das crianças, seja de forma física ou através de músicas, desenhos animados, jogos, historias e brinquedos. Além disso, possuem um importante

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL. Atenciosamente, Equipe Pedagógica.

EDUCAÇÃO INFANTIL. Atenciosamente, Equipe Pedagógica. EDUCAÇÃO INFANTIL Srs. Pais e/ou Responsáveis, O Colégio Integral tem a honra de convidar V.Sª e família para participarem do III Salão do Livro Integral (SALINTE), que acontecerá nos dias 14 e 15 de agosto

Leia mais

Reunião discute implantação. o Programa de Coleta Seletiva

Reunião discute implantação. o Programa de Coleta Seletiva Ano V - Número 230 - Distribuição gratuita - 31 de Outubro de 2014 Reunião discute implantação de programa de coleta seletiva Lúcia Teixeira Nesta quarta-feira, 29, foi apresentado o Programa de Coleta

Leia mais

1ª SEMANA DE JANEIRO (DE 03 À 06)

1ª SEMANA DE JANEIRO (DE 03 À 06) 1ª SEMANA DE JANEIRO (DE 03 À 06) 03/01/12 a 06/01/12 Museu- Experimentando a História da Arte Propositores: José Antônio Fontes e Priscila Holanda. Sinopse: A oficina tem como objetivo proporcionar, através

Leia mais

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE

AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE AULA CRIATIVA DE HISTÓRIA - FOLCLORE Mesmo não acreditando na Educação Criativa, o professor pode fazer uma experiência para ver o resultado. É o caso da professora deste relato. Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

Leia mais

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE

GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE GOVERNO DE SERGIPE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO DRE 3 COLÉGIO ESTADUAL DJENAL TAVARES DE QUEIROZ MOITA BONITA SE O Colégio Estadual Djenal Tavares de Queiroz, foi fundado

Leia mais

Informações gerais Colégio Decisão

Informações gerais Colégio Decisão 1 Informações gerais Colégio Decisão 2 Carta da Diretora Colégio Decisão Venha, que estamos de portas abertas para você. Carta da Direção Prezados país e responsáveis, A Organização de uma escola pede

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES S COMPLEMENTARES A partir das Diretrizes Curriculares, as Atividades Complementares constituem-se, também, em um dos componentes dos Cursos Superiores. As Diretrizes Curriculares objetivam servir de referência

Leia mais

Fórum Permanente Por Uma Cultura de Paz no Ambiente Escolar e Familiar em Passo Fundo

Fórum Permanente Por Uma Cultura de Paz no Ambiente Escolar e Familiar em Passo Fundo Fórum Permanente Por Uma Cultura de Paz no Ambiente Escolar e Familiar em Passo Fundo Dados de Identificação Denominação do Projeto: Fórum Permanente Por Uma Cultura de Paz no Ambiente Familiar e Escolar

Leia mais

Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu Nº 115 Nossa Senhora da Conceição, João Monlevade/MG CEP 35930-032 Telefone: 3851 3030 www.kennedyjm.edu.

Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu Nº 115 Nossa Senhora da Conceição, João Monlevade/MG CEP 35930-032 Telefone: 3851 3030 www.kennedyjm.edu. Trabalhamos para dar sentido, cada vez mais, à tão divulgada criação colaborativa. A diversidade de pontos de vista responsáveis multiplica nossa forma de ver o mundo. Colégio e Faculdade Kennedy Rua Paracatu

Leia mais

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013

Atividades Pedagógicas. Outubro 2013 Atividades Pedagógicas Outubro 2013 EM DESTAQUE Acompanhe aqui um pouco do dia-a-dia de nossos alunos em busca de novos aprendizados. ATIVIDADES DE SALA DE AULA GRUPO IV A GRUPO IV B GRUPO IV C GRUPO IV

Leia mais

Educação para Sustentabilidade. Projeto Cultura Ambiental nas Escolas. Oficina

Educação para Sustentabilidade. Projeto Cultura Ambiental nas Escolas. Oficina Educação para Sustentabilidade Projeto Cultura Ambiental nas Escolas Oficina Educador Ambiental: Marcos Wilson Cidade: Taquarana (Alagoas) Data: 19 de Setembro Atividades realizadas: Interação com professores;

Leia mais

Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Conversem com os professores. Perguntem como seus filhos estão nos estudos.

Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Conversem com os professores. Perguntem como seus filhos estão nos estudos. Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Conversem com os professores. Perguntem como seus filhos estão nos estudos. Caso seus filhos estejam com alguma dificuldade na escola, peçam orientação

Leia mais

Curso de Especialização em GESTÃO EM SAÚDE DA PESSOA IDOSA

Curso de Especialização em GESTÃO EM SAÚDE DA PESSOA IDOSA Curso de Especialização em GESTÃO EM SAÚDE DA PESSOA IDOSA ÁREA DO CONHECIMENTO: Administração e Serviço social. NOME DO CURSO: Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, especialização em Gestão em Saúde da Pessoa

Leia mais

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013

Relat a óri r o Despert r ar r 2 013 Relatório Despertar 2013 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

Relatório de atividades Socioambientais

Relatório de atividades Socioambientais Relatório de atividades Socioambientais Ação 1: Apresentação da programação da Feira do Empreendedor 2014 às instituições da comunidade do entorno do SESI. Realização: Amazônia Socioambiental Equipe Técnica

Leia mais

Carta da Terra: Consciência e cidadania socioambiental

Carta da Terra: Consciência e cidadania socioambiental Carta da Terra: Consciência e cidadania socioambiental Luciana Vieira Professora efetiva rede estadual de ensino de Santa Catarina e doutoranda em Ensino de Geografia/UFRGS lucianageografia1996@gmail.com

Leia mais

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série).

Primeiro Segmento equivalente à alfabetização e às quatro primeiras séries do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série). INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE A EJA 1- Você se matriculou em um CURSO DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA). Esse curso tem a equivalência do Ensino Fundamental. As pessoas que estudam na EJA procuram um curso

Leia mais

Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Perguntem como seus filhos estão nos estudos.

Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Perguntem como seus filhos estão nos estudos. 2 1 2 3 Visitem a escola de seus filhos sempre que puderem. Conversem com os professores. Perguntem como seus filhos estão nos estudos. 4 Caso seus filhos estejam com alguma dificuldade na escola, peçam

Leia mais

Formação e Gestão em Processos Educativos. Josiane da Silveira dos Santos 1 Ricardo Luiz de Bittencourt 2

Formação e Gestão em Processos Educativos. Josiane da Silveira dos Santos 1 Ricardo Luiz de Bittencourt 2 1 FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO CURSO DE PEDAGOGIA NA MODALIDADE EAD E A FORMAÇÃO COMPLEMENTAR NO CURSO DE MAGISTÉRIO PRESENCIAL: AS PERCEPÇÕES DOS ESTUDANTES Formação e Gestão em Processos Educativos Josiane

Leia mais

PLANEJAMENTO DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: A INTENÇÃO É COMPARTILHAR CONHECIMENTOS, SABERES E MUDAR O JOGO

PLANEJAMENTO DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: A INTENÇÃO É COMPARTILHAR CONHECIMENTOS, SABERES E MUDAR O JOGO PLANEJAMENTO DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: A INTENÇÃO É COMPARTILHAR CONHECIMENTOS, SABERES E MUDAR O JOGO Amauri Aparecido Bássoli de Oliveira/ UEM Equipe Gestora Evando Carlos Moreira/ UFMT Equipe Colaboradora

Leia mais

INFORMATIVO DE MATRÍCULAS 2012 INFANTIL - FUNDAMENTAL - MÉDIO - CURSO PRÉ-VESTIBULAR

INFORMATIVO DE MATRÍCULAS 2012 INFANTIL - FUNDAMENTAL - MÉDIO - CURSO PRÉ-VESTIBULAR INFORMATIVO DE MATRÍCULAS 2012 INFANTIL - FUNDAMENTAL - MÉDIO - CURSO PRÉ-VESTIBULAR Formando gente feliz! Índice 04-05 06-07 08 09 10-11 12-13 14-15 16-17 18 19 20 21 22 Golfe Nota 10 Mind Lab Cambridge

Leia mais

INFORME UVV-ES Nº21 29/07-04/08 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional

INFORME UVV-ES Nº21 29/07-04/08 de 2013 UVV POST. Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional UVV POST Publicação semanal interna Universidade Vila Velha - ES Produto da Comunicação Institucional EDITAIS DE MONITORIA E ESTÁGIO Até o dia 16 de agosto de 2013, estão abertas as inscrições para o preenchimento

Leia mais

Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática

Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática Pesquisa com Professores de Escolas e com Alunos da Graduação em Matemática Rene Baltazar Introdução Serão abordados, neste trabalho, significados e características de Professor Pesquisador e as conseqüências,

Leia mais

CSFX. A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal. Pública

CSFX. A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal. Pública Pública CSFX Colégio São Francisco Xavier edição 5 ano 2 abril-maio-junho A semana da família contou com uma apresentação artístisca da turma do Maternal Colégio São Francisco Xavier edição 5 ano 2 abril-maio-junho

Leia mais

Então por que não oferecer parte deste conteúdo no formato EAD, sob tutoria do próprio instrutor?

Então por que não oferecer parte deste conteúdo no formato EAD, sob tutoria do próprio instrutor? Oferecer treinamentos focados na utilização dos produtos é o objetivo da Exsto e um dos grandes obstáculos é o desnível de conhecimento dos participantes no assunto. Recebemos inscritos de variadas formações

Leia mais

INTRODUÇÃO. Sobre o Sou da Paz: Sobre os Festivais Esportivos:

INTRODUÇÃO. Sobre o Sou da Paz: Sobre os Festivais Esportivos: 1 INTRODUÇÃO Sobre o Sou da Paz: O Sou da Paz é uma organização que há mais de 10 anos trabalha para a prevenção da violência e promoção da cultura de paz no Brasil, atuando nas seguintes áreas complementares:

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE O PARFOR 1. Como são os cursos ofertados pela plataforma freire e quais os benefícios para os professores que forem selecionados? O professor sem formação poderá estudar nos

Leia mais

UMA PROPOSTA PARA O ENSINO-APRENDIZAGEM DE INTERVALOS REAIS POR MEIO DE JOGOS

UMA PROPOSTA PARA O ENSINO-APRENDIZAGEM DE INTERVALOS REAIS POR MEIO DE JOGOS UMA PROPOSTA PARA O ENSINO-APRENDIZAGEM DE INTERVALOS REAIS POR MEIO DE JOGOS Jéssica Ayumi Uehara Aguilera 1 j.ayumi@hotmail.com Alessandra Querino da Silva 2 alessandrasilva@ufgd.edu.br Cintia da Silva

Leia mais

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS

POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS POLÍTICA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL DA PÓS-GRADUAÇÃO DA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E DOS PRINCÍPIOS Art. 1. A Política de Assistência Estudantil da Pós-Graduação da UFGD é um arcabouço de princípios e diretrizes

Leia mais

MANUAL DO CURSO SUPERIOR TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL QP EM CONTACT CENTER

MANUAL DO CURSO SUPERIOR TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL QP EM CONTACT CENTER MANUAL DO CURSO SUPERIOR TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL QP EM CONTACT CENTER 1) Introdução Belo Horizonte 2009/1º A proposta da elaboração do Manual para o Curso de Tecnologia em Gestão Comercial QP EM

Leia mais

A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID

A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID A PRÁTICA DE MONITORIA PARA PROFESSORES EM FORMAÇÃO INICIAL DE LÍNGUA INGLESA DO PIBID Victor Silva de ARAÚJO Universidade Estadual da Paraiba sr.victorsa@gmail.com INTRODUÇÃO A monitoria é uma modalidade

Leia mais

Propostas para o Dia Mundial do Livro e/ou para a Semana da LEITURA

Propostas para o Dia Mundial do Livro e/ou para a Semana da LEITURA Propostas para o Dia Mundial do Livro e/ou para a Semana da LEITURA Comissão Coordenadora do Plano Regional de Leitura P l a n o R e g i o n a l d e L e i t u r a R e d e R e g i o n a l d e B i b l i

Leia mais

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de:

1. Centro para a Juventude. 199 jovens frequentaram os cursos de: Relatório Despertar 2014 2 Apoiada na crença de que é possível contribuir para o desenvolvimento humano na totalidade dos seus potenciais, a Associação Comunitária Despertar, realiza anualmente ações que

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS - UnN de FORMOSA, GO. PROJETO ARTENOSSA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS - UnN de FORMOSA, GO. PROJETO ARTENOSSA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS - UnN de FORMOSA, GO. PROJETO ARTENOSSA ¹SANT ANNA, Maria Ap. Cagnoni; LEAL, Marcia Rodrigues². Palavras Chaves: Artes, Criança, Escola, Cidadania. Introdução Este Projeto

Leia mais

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida

Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida 3 Programas de Aulas de Língua Inglesa para Adolescentes de Baixa Renda e a Possível Influência na Qualidade de Vida Ana Paula Cavallaro Pedagoga Especialista em Gestão da Qualidade de Vida - UNICAMP INTRODUÇÃO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA

PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA PREFEITURA MUNICIPAL DE LORENA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROJETO JUDÔ NA ESCOLA: A SALA DE AULA E O TATAME Projeto: Domingos Sávio Aquino Fortes Professor da Rede Municipal de Lorena Semeie um pensamento,

Leia mais

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo

PIC. Componentes da PIC 2. o bimestre. Produção Integrada ao Conteúdo PIC Produção Integrada ao Conteúdo 8. o ano Ensino Fundamental Componentes da PIC 2. o bimestre Arte Ciências Geografia A nota da PIC é a média entre a nota de tarefa (avaliação do conjunto de tarefas)

Leia mais

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves

Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves TEMA : BRINCANDO E APRENDENDO NA ESCOLA Coordenadoras: Enalva de Santana Santos e Márcia Soares Ramos Alves Autora: Prof a Cássia de Fátima da S. Souza PÚBLICO ALVO Alunos de 04 anos TEMA: BRINCANDO E

Leia mais