QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA. (Emendado em novembro de 2009)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA. (Emendado em novembro de 2009)"

Transcrição

1 QUEST SOFTWARE, INC. CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA (Emendado em novembro de 2009) Introdução A Quest Software, Inc ( Quest ) tem como compromisso manter em tudo o que fazemos um alto padrão em ética e conduta profissional. A integridade e a reputação da empresa dependem da honestidade, imparcialidade e integridade de todos aqueles que estão envolvidos com a Quest. Esperamos que nossos funcionários utilizem bom senso, bom juízo e o mais alto padrão em ética pessoal em suas decisões e em qualquer conduta que afete o desempenho de suas funções no trabalho, outros funcionários ou interesses comerciais legítimos da Quest. Não seria possível incluir no Código todas as práticas ou princípios que dizem respeito à conduta ética nem tratar de todas as situações que apresentem questões éticas ou morais. O Código trata de certos comportamentos que são especialmente importantes no relacionamento com pessoas e entidades com as quais trabalhamos. Entretanto, o Código reflete só uma parte do nosso compromisso. Além disso, o Código tem como intuito complementar o Manual do Funcionário da Quest e qualquer política estabelecida pela Quest. Diretores, gerentes e outros supervisores devem passar aos funcionários um senso de compromisso com o espírito e também as regras do Código. Gerentes e outros supervisores também devem assegurar que todos os agentes e fornecedores sigam o Código quando estiverem trabalhando em nome da Quest. Qualquer questão deve ser levada ao gerente ou ao Compliance Officer David Cramer do Conselho Geral. Além disso, os funcionários devem ficar atentos e comunicar possíveis violações do Código sem medo de retaliação.. Qualquer funcionário que violar os padrões estabelecidos pelo Código poderá estar sujeito a ação disciplinar que poderá levar ao término do contrato de trabalho e, se cabível, a ação legal ou denúncia criminal. 1. Cumprimento das leis O fundamento deste Código é a obediência á lei e ao espírito da lei. É fundamental para o nosso sucesso que cada funcionário opere dentro das regras legais e coopere com as autoridades locais, nacionais e internacionais. Portanto, é fundamental para a empresa que seus funcionários entendam os requisitos legais aplicáveis à sua área de atuação e a importância do cumprimento desses requisitos. Todos os funcionários devem obedecer às leis, regras e regulamentos relevantes ao seu trabalho incluindo as leis antitrustes, práticas de negócios e divulgação de informação sigilosa. Versão de janeiro de

2 Devido à natureza e à abrangência dos negócios da Quest, não seria prático tratarmos aqui de todas as exigências legais que possam se aplicar a cada função ou local dos funcionários. Obviamente, não temos a expectativa de que todos os funcionários estejam a par das exigências legais em países além do qual se encontram. Entretanto, há alguns padrões de cunho geral que esperamos que todos os funcionários compreendam, conforme descritos no presente Código. Temos a expectativa de que os funcionários tenham conhecimento básico do funcionamento das leis aplicáveis e das atividades proibidas relativas ao seu trabalho para a Quest. Se o funcionário tiver alguma pergunta referente ao cumprimento das leis, esta deverá ser encaminhada a um supervisor ou ao Compliance Officer. 2. Conflitos de Interesse Os funcionários não podem apresentar nenhuma conduta que possa ser interpretada como conflito de interesse com os negócios da Quest. Existe conflito de interesse quando o interesse pessoal de um funcionário interfere ou vai de encontro de alguma forma com o interesse da Quest ou quando coloca em dúvida a objetividade do funcionário ao tratar de negócios da Quest. Mesmo a possibilidade de um conflito de interesse pode ser muito prejudicial e deve ser evitada a qualquer preço. Além disso, há a expectativa de que os funcionários dediquem total atenção aos negócios da Quest, sendo proibidos de participarem de atividades que interfiram com seu desempenho ou com as responsabilidades para com a Quest, entrem em conflito com ou sejam prejudiciais à Quest. Se o funcionário tiver alguma dúvida sobre possíveis conflitos de interesse ou se tomar conhecimento de algum conflito real ou potencial, deverá discutir o caso com o seu gerente ou Compliance Officer. Se o funcionário observar uma situação envolvendo outro funcionário que possa ser ou vir a ser um conflito de interesse, também deverá informar o seu gerente ou Compliance Officer. Se um gerente estiver envolvido em um conflito de interesse real ou potencial, o funcionário deverá dirigirse direto ao Compliance Officer. Os relatos de funcionários serão tratados da maneira mais confidencial possível e de forma adequada às circunstâncias. Estes são alguns exemplos de situações que possam envolver ou criar conflitos de interesse reais ou aparentes: O envolvimento de um funcionário, diretor ou consultor da Quest ou de um membro de sua família com concorrentes, clientes ou fornecedores da Quest. Para fins de esclarecimento, compreendemos que vários funcionários têm cônjuges ou parentes que trabalham em outras empresas, muitas das quais são nossas concorrentes, clientes ou fornecedores. Não temos a expectativa de que o funcionário ou seu parente obrigatoriamente altere seu relacionamento profissional. Poderão haver situações nas quais, em decorrência do nível ou da responsabilidade ou do acesso a informações comerciais sigilosas, não permitiremos que o funcionário continue na sua atual função. Mas na maioria dos casos, isso não será necessário. Nossa expectativa básica é que o funcionário comunique o fato da contratação de seu parente em qualquer situação na qual o Versão de janeiro de

3 funcionário participe de decisões ou atividades comerciais nas quais seu parente esteja envolvido com a Quest, e para o funcionário não continuar envolvido em tal situação. Ter interesse monetário significativo, direta ou indiretamente, em qualquer entidade que faça negócios, que tenha planos de estabelecer negócios ou que seja concorrente da Quest. Para esses fins, considerar-se-á existente um interesse monetário significativo se o funcionário detiver 1% ou mais da outra empresa, pois não há a probabilidade de existir conflitos de interesse abaixo dessa participação. Solicitar presentes, favores, empréstimos ou tratamento preferencial de qualquer pessoa ou entidade que faça negócios ou tenha planos de estabelecer negócios com a Quest. Dar ou receber presentes inapropriados (Ver a Seção 6, Presentes e Divertimento abaixo). Solicitar contribuições de qualquer pessoa ou entidade que faça negócios ou tenha planos de estabelecer negócios conosco no intuito de beneficiar qualquer entidade de caridade ou candidato político. Tirar vantagens de oportunidades empresarias. (Ver a Seção 3, Oportunidades empresariais abaixo). Fazer uso pessoal do tempo de trabalho, dos bens, nome, informações, equipamento ou instalações da empresa. Conduzir negócios como funcionário da Quest que envolvam interesse monetário significativo com parentes, cônjuge ou com outros negócios nos quais se tenha considerável interesse financeiro. Para melhor esclarecer o primeiro item supra, o funcionário não pode realizar negócios da Quest com um parente ou com uma empresa na qual ele ou um parente ocupem cargo de alta gerência, exceto em conformidade com o presente Código. Refere-se a esse tipo de atividade como "transações de partes afins". Caso proponha uma transação de parte afim ou tal transação seja inevitável, o funcionário deve comunicar por escrito em sua totalidade a natureza da transação de parte afim para o Vice-Presidente da Quest responsável por sua função ou local comercial e para o Compliance Officer (ou, no caso de ser o Compliance Officer, para o Comitê de Auditoria do Conselho Diretor). Se o Compliance Officer for da opinião que a transação de parte afim seja material à Quest, ou haja a participação de diretor executivo ou do Conselho Diretor, o Comitê de Auditoria do Conselho Diretor da Quest deve autorizar antecipadamente a transação de parte afim antes de ela ocorrer. Além disso, a transação de parte afim deve ser conduzida de modo que não forneça tratamento preferencial à parte afim. 3. Oportunidades empresariais Versão de janeiro de

4 Funcionários têm o dever de defender os interesses da Quest em qualquer oportunidade. Os funcionários não deverão tirar vantagens pessoais de oportunidades apresentadas ou descobertas como resultado de seu cargo dentro da Quest ou através dos bens ou informações pertencentes a Quest, exceto em casos devidamente autorizados. Mesmo as oportunidades apresentadas privadamente aos funcionários poderão ser questionáveis se estiverem relacionadas com os negócios existentes ou propostos pela Quest. Nenhum funcionário deverá usar seu cargo dentro da Quest ou bens e informações pertencentes a Quest para ganho pessoal indevido, nem concorrer, de qualquer forma, com a Quest. O funcionário não pode explorar para seu ganho próprio nenhuma dessas oportunidades exceto se forem comunicadas por escrito em sua totalidade ao Compliance Officer ou ao Conselho Diretor, e o Compliance Officer ou Diretor decida que a Empresa não deva explorar tal oportunidade. 4. Contabilidade e Registros; Integridade Financeira; Informes públicos A Quest tem o compromisso de cumprir com todas as leis e regulamentos de segurança, com padrões e controles de contabilidade e práticas de auditorias. A integridade dos registros e do balanço para conhecimento público da Quest depende da validade, precisão e completude das informações que respaldam os arquivos da contabilidade. Portanto, os funcionários têm o dever de assegurar que os registros da empresa sejam completados com precisão e honestidade. É estritamente proibida a falsificação dos registros relativos a resultados financeiros ou resultados de testes. Os registros da Quest servem como base para o gerenciamento do nosso negócio e são importantes na realização das nossas obrigações com clientes, fornecedores, credores, funcionários e outros com os quais fazemos negócios. Por isso, é importante que nossa contabilidade, registros e livros sejam o reflexo preciso, justo e detalhado dos nossos bens, obrigações, receitas, custos e gastos, assim como de todas as transações e mudanças nos ativos e passivos. Exigimos que: a. Os termos de todas as vendas sejam registrados precisamente na documentação da transação. b. Funcionários preparem toda a documentação de acordo com as políticas da Quest; a documentação de acordo com a transação deve ser completa; funcionários não deverão manter comunicações não autorizadas com clientes. c. Nenhuma informação foi ou será anotada em nossos livros e/ou registros com a intenção de ocultar ou desviar a natureza de quaisquer transação ou passivo, ou que classifique incorretamente qualquer transação quanto à contabilidade ou o período de contabilidade. d. Todas as transações são e serão acompanhadas da sua devida documentação. e. Os funcionários cumprem e cumprirão com o nosso sistema de controle interno. Versão de janeiro de

5 f. Dinheiro ou outros bens não são e nunca serão mantidos fora dos nossos registros ou em caixa dois. Contamos com os registros de contabilidade da Quest para fornecer relatórios para o gerenciamento, acionistas, credores e também para agências governamentais. Além disso, contamos com os registros de contabilidade e outros registros de negócios e da empresas na preparação periódica de relatórios que fornecemos a CVM americana (SEC). O fornecimento de informações completas, justas, precisas, apropriadas e compreensíveis é fundamental para esses relatórios que devem apresentar nossa condição financeira e os resultados de nossas operações. Todos os funcionários responsáveis pela preparação, acumulação e análise de informações ou qualquer atividade relacionada ao preenchimento periódico dos relatórios enviados a CVM americana ou qualquer outra divulgação pública devem assegurar que o desempenho de suas funções promova, facilite e permita o fornecimento de informações completas, justas, precisas, apropriadas e compreensíveis. Qualquer funcionário que tome conhecimento de qualquer desvio desse procedimento tem a responsabilidade de informar imediatamente o gerente ou o Compliance Officer, sem medo de retaliação ou demissão. O Comitê de Auditoria do Conselho de Diretores da Quest será responsável pela supervisão de reclamações e preocupações dos funcionários nessa área. No intuito de facilitar os relatos de funcionários, o Comitê de Auditoria estabeleceu procedimentos para o recolhimento, retenção e tratamento dos relatos referentes à contabilidade, controles internos de contabilidade ou questões de auditoria, além da submissão confidencial e anônima de reclamações e/ou preocupações quanto a procedimentos duvidosos referentes à contabilidade e auditoria. Funcionários poderão obter mais informações sobre estes procedimentos na Intranet da empresa ou no Manual do Funcionário. Se o funcionário achar que o nosso relatório financeiro foi violado, deve informar o Compliance Officer ou o Comitê de Auditoria por ou, se quiser fazê-lo anonimamente, visite o website localizado em ou ligue para a hotline no telefone A hotline e o website foram terceirizados para uma operadora independente a fim de manter a confidencialidade e, sempre que isto for apropriado, o anonimato. 5. Negociação justa, práticas de negociação A Quest se empenha de forma justa e honesta para atingir um desempenho melhor do que sua concorrência. As vantagens sobre a nossa concorrência devem ser obtidas em resposta ao desempenho superior de nossos produtos e serviços, e nunca por práticas de negociação antiéticas ou ilegais. Obter informação sigilosa de outros através de meios ilícitos, obter segredos industriais sem o consentimento do dono ou induzir a divulgação imprópria de informação confidencial através de funcionários ou ex-funcionários de outras empresas são práticas proibidas mesmo que a intenção seja aumentar os negócios da Quest. Se alguma informação é obtida por engano e possa ser informação secreta ou confidencial de outro negócio ou se o funcionário tiver Versão de janeiro de

6 alguma questão sobre a legalidade da coleta de informações deverá consultar seu gerente ou Compliance Officer. A Quest espera que seus funcionários negociem de forma justa e honesta com nossos clientes, fornecedores, funcionários e todos aqueles contatados durante o desempenho de suas funções. Nenhum funcionário deverá tirar vantagem através de mau uso de informações confidenciais, representação enganosa de fatos materiais ou qualquer outra prática de negociação desonesta. Os funcionários responsáveis pela aquisição têm maior responsabilidade em aderir aos princípios da concorrência justa na compra de produtos e serviços. Estes deverão escolher fornecedores baseando-se exclusivamente em considerações comerciais normais como qualidade, custo, disponibilidade, serviço e reputação. A Quest não tolera favores ou acordos especiais com fornecedores que prejudiquem ou possam prejudicar a livre concorrência no nosso negócio. 6. Presentes e Divertimento Exceto em casos nos quais um gerente, Compliance Officer ou o Comitê de Auditoria permitam, divertimento e presentes não podem ser oferecidos ou aceitos por nenhum funcionário ou membro da família do funcionário. Divertimento e presentes não poderão colocar em dúvida práticas de negociação normais, e não poderão ser (a) de muito valor com relação à renda do presenteado, (b) em dinheiro, (c) com a intenção (ou com a percepção de ter a intenção), direta ou indiretamente, de ser em troca de negócios ou influência em qualquer decisão ou ação comercial ou de outra forma suscetíveis a serem interpretados como suborno ou propina, (d) ou que violem qualquer lei. Se aprovados, presentes e divertimento terão como único intuito promover relações de trabalho sadias e nunca o intuito de desonestamente tirar vantagens de clientes ou facilitar aprovações de oficiais do governo. Esses princípios se aplicam a nossas transações no mundo todo, mesmo onde essas práticas são consideradas a maneira de fazer negócios. Se o funcionário tiver dúvidas quanto à validade de propostas de divertimento ou presentes, deve informar o seu gerente ou o Compliance Officer. 7. Antitruste Leis antitrustes têm o intuito de proteger o processo de concorrência e proteger os consumidores e concorrentes contra práticas de negociação injustas. Essas leis geralmente proíbem acordos ou ações que injustamente restrinjam as negociações. Alguns exemplos de acordos entre concorrentes que geralmente violam leis antitrustes são os acordos que formal ou informalmente fixam ou controlam preços incluindo o preço que o revendedor pode vender os produtos, que dividam ou aloquem consumidores, mercados e territórios ou que limitem a venda de produtos ou linhas de produtos. Acordos ou contratos com clientes ou fornecedores que envolvam negócios exclusivos, vendas combinadas ou qualquer medida restritiva ou discriminação de preços podem ser contra a lei e não poderão ser introduzidos sem a prévia aprovação do Departamento Legal da Quest. Versão de janeiro de

7 Alguns tipos de informação como preço, produção e estoque não podem ser levados ao conhecimento da concorrência, mesmo quando a conversa for ingênua ou casual, em ambiente de negócios ou social. Práticas enganosas e métodos injustos de concorrência também estão proibidos como, por exemplo, a depreciação de concorrentes e seus produtos, afirmações sobre produtos sem confirmação factual, afirmações falsas ou enganosas sobre os produtos da Quest e o uso de outras marcas para confundir clientes quanto à origem do produto. A tarefa de compreender todos os requisitos antitrustes e as leis de concorrência injusta das várias jurisdições onde fazemos negócios pode ser difícil, portanto, os funcionários deverão procurar ajuda com gerentes e com o Compliance Officer assim que as dúvidas aparecerem. 8. Pagamentos a Funcionários do Governo A regulamentação americana que trata sobre corrupção internacional (U.S. Foreign Corrupt Practices Act) proíbe a entrega direta ou indireta de objetos de valor a funcionários de governos estrangeiros ou a candidatos políticos estrangeiros no intuito de obter ou manter negócios. Pagamentos ilegais a funcionários governamentais de qualquer país são estritamente proibidos. Além disso, o governo americano tem leis e regulamentos que versam sobre as gratificações que poderão ser aceitas por funcionários do governo americano. A promessa, oferta ou entrega de presentes, favores ou outra gratificação a um funcionário ou oficial do governo americano que forem contra essas regras estarão violando as políticas da empresa além de serem ofensas criminais. Governos estaduais, locais e estrangeiros podem ter regras parecidas. O Compliance Officer poderá fornecer maiores informações nessa área. 9. Proteção e uso adequado dos bens da empresa Todos os funcionários devem proteger nossos bens e assegurar a eficácia de seu uso. O uso não autorizado ou a remoção de propriedade da Quest, a falta de cuidado e o desperdício têm impacto direto nos nossos lucros. Material do escritório, computadores e equipamento, prédios, produtos e outras propriedades da Quest devem ser usados com o propósito legítimo de trabalho, entretanto, o uso pessoal casual pode ser permitido. Qualquer uso impróprio ou suspeita de uso impróprio deverão ser informados imediatamente ao seu supervisor ou Compliance Officer. 10. Comunicação Todos os registros e comunicações da empresa devem ser claros, verdadeiros e precisos. Os funcionários deverão estar cientes de que a conduta e registros, incluindo s, estão sujeitos a auditoria interna e externa, e que registros e comunicações sobre os negócios tornam-se públicos em caso de litígio, investigação governamental e através da mídia. Os funcionários devem estar cientes à falta de sigilo dentro dos sistemas de e de TI. Por isso, devemos evitar em nossas comunicações exageros, linguagem de baixo calão, conjeturas, conclusões legais, comentários Versão de janeiro de

8 derrogatórios ou caracterizações sobre pessoas ou empresas. Isso vale para comunicações de todos os tipos, incluindo , recados informais ou memorandos. Para que a Quest assegure que suas informações sigilosas sejam protegidas e também para garantir que o sistema de comunicação eletrônica da empresa não seja usado indevidamente, os funcionários também devem estar cientes de que a Quest tem o direito (sujeitos em todos os casos às leis aplicáveis, inclusive com exigências relativas ao consentimento) de monitorar qualquer informação transmitida, recebida ou guardada através de equipamentos eletrônicos da Quest, com ou sem o conhecimento, consentimento ou aprovação do funcionário ou terceira parte. Em alguns países, exige-se que os funcionários forneçam consentimento a tal monitoração como condição de sua contratação. O uso indevido do sistema de da Empresa pode levar a ação disciplinar incluindo-se a demissão. 11. Informações sigilosas, Confidencialidade Informação sigilosa e propriedade intelectual são dois dos mais importantes bens da Quest. Informação sigilosa é toda e qualquer informação que foi desenvolvida, criada ou descoberta pela Quest, ou que tenha ficado conhecida através da Quest e que tenha valor comercial para o nosso negócio. Os funcionários que recebem ou têm acesso à informação sigilosa devem tomar todas as precauções necessárias para manter a confidencialidade dessa informação. Isso inclui programas e sub-rotinas, código-objeto e código-fonte, segredos de indústria, copyright, idéias, tecnologias, know-how, invenções (patenteáveis ou não), e qualquer outra informação relacionada com design, configuração, algoritmos, fluxogramas, trabalhos de autoria, fórmulas, mecanismos, pesquisa e desenvolvimento de estratégias de marketing, informações sobre finanças, arquitetura de produtos, idéias de engenharia, design, base de dados, listas de clientes, preços, dados sobre funcionários (incluindo salários e outros termos de compensação), informações pessoais sobre nossos funcionários, clientes e outros indivíduos (incluindo, por exemplo, nome, endereço, número de telefone e números de documentos), e outras informações do mesmo tipo incluindo aquelas fornecidas por clientes, fornecedores e parceiros. Essa informação poderá ser protegida por patente, marca registrada, copyright e leis de sigilo comercial. Exceto em casos onde a divulgação é autorizada ou legalmente requisitada, o funcionário não deverá divulgar informações confidenciais da Quest, de fornecedores ou de clientes a terceiros ou a outras pessoas dentro da Quest que não tenham o intuito legítimo de fazer negócios e, portanto, não tenham motivos para receber essa informação. O descumprimento desta regra constituirá violação do acordo de propriedade sigilosa e invenções que o funcionário assinou quando ingressou na Quest. O uso não autorizado e a distribuição dessa informação podem ser ilegais e assim sendo podem resultar em processo civil e/ou criminal. O uso de informação sigilosa e confidencial, pertencente a Quest ou a terceiros, é normalmente regido por um acordo por escrito. Além das obrigações impostas por esse acordo, todos os funcionários deverão seguir as seguintes regras: Informações confidenciais deverão ser recebidas e divulgadas de acordo com os termos do acordo por escrito. Versão de janeiro de

9 Informações confidenciais deverão ser divulgadas somente àqueles funcionários da Quest que necessitem tais informações para o desempenho suas funções. Informações confidenciais de terceiros não deverão ser usadas ou copiadas pelos funcionários da Quest, exceto em casos permitidos pelo dono (normalmente, como especificado no acordo por escrito). Informações confidenciais de terceiros que não forem solicitadas devem ser recusadas, entretanto, se forem recebidas inadvertidamente por um funcionário da Quest deverão ser devolvidas sem serem lidas ou transferidas para o Departamento Legal que se encarregará das medidas necessárias. Os funcionários não devem usar qualquer informação confidencial que pertença a antigos empregadores, e tal informação não deve ser divulgada a Quest ou a outros funcionários. Se o funcionário achar apropriado divulgar informação confidencial a nossos parceiros de negócios ou parceiros de negócios em potencial, é necessário que o seu supervisor ou o Compliance Officer aprove previamente a divulgação e que a parte que recebe obedeça a um acordo de não-divulgação. O funcionário não deverá assinar acordo de não-divulgação com terceiros ou aceitar mudanças no acordo de nãodivulgação da Quest sem a prévia revisão e aprovação do Departamento Legal ou do Departamento de Contratos. O funcionário deve tomar cuidado para não divulgar informação confidencial inadvertidamente. Os materiais que contém informação confidencial, como memorandos, cadernos, disquetes e laptops devem ser guardados em local seguro. A divulgação ou discussão não autorizada de qualquer informação referente ao nosso negócio através da Internet é proibida. O funcionário, usando o próprio nome ou pseudônimo, não deve discutir nossos negócios, informações e prospectos em salas de bate-papo. O funcionário deve ter cuidado ao discutir informações importantes em lugares públicos como elevadores, aeroportos, restaurantes e lugares quase-públicos dentro da Quest, como as cantinas. Todos os s, telefones e outros veículos de comunicação da Quest são confidenciais e não devem ser fornecidos ou espalhados fora da Quest, exceto em casos onde for necessário para a conduta dos negócios. Além das obrigações descritas acima, se o funcionário estiver lidando com informação protegida por políticas de privacidade publicadas pela Quest, por exemplo, no nosso website sobre política de privacidade, deverá, então, lidar com essa informação de acordo com a política aplicável. 12. Renúncias Qualquer renúncia a esse código pela parte de diretores-gerais (incluindo, onde aplicável, o diretor-geral, o diretor financeiro, o diretor de contabilidade ou auditor, ou pessoas que desempenhem funções similares) ou de diretores pode ser autorizada unicamente pelo Conselho de Diretores e está sujeita a divulgação em arquivos públicos como regem as leis, regras e regulamentos aplicáveis. Versão de janeiro de

10 13. Padrões e Procedimentos de Cumprimento (Compliance) Estabelecemos o posto de Compliance Officer para supervisionar nosso cumprimento das leis e do programa de ética. O Compliance Officer é a pessoa a quem o funcionário deve recorrer em caso de dúvidas ou preocupações. O Compliance Officer trabalha no nosso escritório em Aliso Viejo, na Califórnia, e pode ser contatado na extensão Se o funcionário presenciar alguma situação e estiver indeciso sobre a melhor forma de agir e ainda tiver dúvidas, deve discutir a questão com o seu supervisor ou com o Compliance Officer. Se o funcionário não estiver certo sobre uma situação ou ação que parece ser contra o Código, deve tomar a iniciativa de clarificar suas preocupações. Mesmo a possibilidade de atos indevidos pode ser bastante prejudicial e deve ser evitada. Se o funcionário estiver ciente ou suspeitar de alguma violação dos padrões ditados pelo Código, tem o dever e a responsabilidade de relatá-la. Sua fonte mais imediata é o seu supervisor. Ele pode ter a informação necessária ou podem encaminhar a questão para outra fonte mais adequada. Entretanto, em algumas situações, o funcionário pode preferir não contatar o seu supervisor. Nesses casos, poderá discutir suas preocupações com o Compliance Officer. O contato com o supervisor ou com o Compliance Officer não devem trazer medo de nenhuma forma de retaliação. Se o funcionário não estiver à vontade em falar com o Compliance Officer porque ele ou ela trabalha no seu departamento ou é um de seus supervisores, contate o departamento de recursos humanos. Criamos um hotline por telefone gratuito através do número e um website localizado em para aqueles que desejam fazer perguntas sobre as políticas da Quest, aqueles que procuram ajuda em situações específicas ou que querem relatar violações ao código. A hotline e o website foram terceirizados para uma operadora independente a fim de manter a confidencialidade e, sempre que isto for apropriado, o anonimato. Sendo o contato em seu nome ou anônimo, seu telefone e serão mantidos em sigilo que será estendido até onde os objetivos do Código possam permitir. Mais uma vez, qualquer pessoa que nos informe de uma questão de ética não estará sujeita a retaliações por ter feito o contato e nos ter informado a sua preocupação. A questão ou preocupação do funcionário no que diz respeito à ética será levada a sério. O Compliance Officer trabalhará em conjunto com o funcionário para chegar às ações que serão tomadas em relação a preocupação. Se o funcionário preferir, nós o manteremos informado sobre os procedimentos seguintes. Se necessário, o Compliance Officer consultará o Departamento Legal, o Departamento de Recursos Humanos e/ou o Comitê de Auditoria do Conselho de Diretores. Se o funcionário preferir o anonimato, deverá usar o serviço de telefone gratuito ou ligar para o Compliance Officer de uma linha externa. Se tomarmos conhecimento que qualquer pessoa esteja violando o Código, esta poderá passar por ação disciplinar, incluindo, em alguns casos, término do contrato de trabalho. Além disso, a Quest pode processar civil e criminalmente. Não existem regras que estabeleçam quais as ações a serem tomadas. Algumas condutas podem resultar em demissão imediata, sem uma segunda chance. Versão de janeiro de

11 Código de Conduta e Normas de Ética NOTIFICAÇÃO DE RECEBIMENTO POR PARTE DO FUNCIONÁRIO Atesto que recebi uma cópia do Código de Conduta e Normas de Ética da Quest Software, Inc. Eu entendo que é minha a responsabilidade de ler as normas e que espera-se que eu cumpra com as diretrizes estabelecidas. Outrossim compreendo que o não-cumprimento com estas mesmas diretrizes poderá resultar em ação disciplinar até, e incluindo, a demissão. Data: Assinatura do funcionário Funcionário Nome em letra de Forma Versão de janeiro de

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os

Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os Esta é a tradução de um texto em inglês, cuja finalidade é apenas facilitar a sua compreensão. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters

Código de Conduta do Fornecedor. Em vigor a partir de 2 de julho de 2012. Ethics. Matters Código de Conduta do Fornecedor Em vigor a partir de 2 de julho de 2012 Ethics Matters Mensagem do CPO [Chief Procurement Officer - Diretor de Compras] A Duke Energy está comprometida com a segurança,

Leia mais

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1

Código de Conduta. Código de Conduta Schindler 1 Código de Conduta Código de Conduta Schindler 1 2 Código de Conduta Schindler Código de Conduta da Schindler Os colaboradores do Grupo Schindler no mundo inteiro devem manter o mais alto padrão de conduta

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER I. PROPÓSITO POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA CORPORAÇÃO DANAHER A corrupção é proibida pelas leis de quase todas as jurisdições do mundo. A Danaher Corporation ( Danaher ) está comprometida em obedecer as leis

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO EVEN 1 Introdução A EVEN conduz seus negócios de acordo com os altos padrões éticos e morais estabelecidos em seu Código de Conduta, não tolerando qualquer forma de corrupção e suborno.

Leia mais

ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS

ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS ICTSI CÓDIGO DE CONDUTA NOS NEGÓCIOS MENSAGEM DO PRESIDENTE A ICTSI tem crescido de forma sólida ao longo dos anos, tornando-se uma empresa líder na gestão de portos, com um alcance global que se estende

Leia mais

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc.

DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. DECLARAÇÃO DE PRINCÍPIOS DE CONDUTA - Illinois Tool Works Inc. Estes princípios de conduta aplicam-se a todos os funcionários, diretores, empresas e subsidiárias da ITW ao redor do mundo. Espera-se que

Leia mais

RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO

RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO RGIS POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO I. DECLARAÇÃO DA POLÍTICA A política da RGIS ( Companhia ) é conduzir as operações mundiais de forma ética e conforme as leis aplicáveis, não só nos EUA como em outros países.

Leia mais

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014

Código de Conduta de Negócios & Ética. Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Código de Conduta de Negócios & Ética Efetivo a partir de 1º de abril de 2014 Mensagem do Presidente & CEO A integridade pessoal, os valores compartilhados e a conduta ética dos negócios por todos os funcionários

Leia mais

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta

POL 004 Rev. A POP, Código de Conduta Página 1 de 7 A LDR é uma empresa de equipamentos médicos comprometida com o desenvolvimento, marketing, distribuição e venda de implantes vertebrais para implantação em seres humanos no tratamento de

Leia mais

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil

Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Princípios Gerais para a Prevenção dos Riscos Penais Endesa Brasil Introdução 5 INTRODUÇÃO A seguir, são descritos os comportamentos e princípios gerais de atuação esperados dos Colaboradores da Endesa

Leia mais

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson

Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Código de conduta de parceiros de negócios da Pearson Finalidade e escopo Na Pearson (incluindo suas subsidiárias e empresas com controle acionário), acreditamos fortemente que agir de forma ética e responsável

Leia mais

XEROX GLOBAL ETHICS HELPLINE

XEROX GLOBAL ETHICS HELPLINE ALCANCE: Xerox Corporation e suas subsidiárias. OBJETIVO: Este documento descreve a conduta ética que deve ser adotada durante as negociações pelos empregagos da Xerox Corporation. Todos os empregados

Leia mais

Código de Conduta. Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc.

Código de Conduta. Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc. Código de Conduta Cooper-Standard Holdings Inc. Cooper-Standard Automotive Inc. Mensagem de Jeff Edwards Presidente e Diretor executivo Prezado membro da equipe Cooper Standard, É com satisfação que apresento

Leia mais

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial

Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial Minerals Technologies Inc. Resumo das políticas de conduta comercial É sempre exigido um comportamento legal e ético Este Resumo das políticas de conduta comercial (este "Resumo") fornece uma descrição

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS

NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 1 de 9 UL NORMAS DE CONDUTA PARA FORNECEDORES GLOBAIS Página 2 de 9 ÍNDICE 1.0 OBJETIVO... 4 2.0 ESCOPO... 4 3.0 DEFINIÇÕES... 4 4.0 PRÁTICAS DE CONTRATAÇÃO... 5 4.1 TRABALHO FORÇADO... 5 4.2 TRABALHO

Leia mais

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias

Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Ecology and Environment, Inc. e Subsidiárias Código de Conduta de Negócios e Ética ECOLOGY BRASIL 1. Princípios Gerais O propósito deste Código é descrever os nossos padrões de ética de conduta de negócios.

Leia mais

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS

WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS 1. Code of Ethics WILLIAM E. CONNOR & ASSOCIATES LIMITED CÓDIGO DE ÉTICA PARA FUNCIONÁRIOS Honestidade, integridade e transparência são valores fundamentais da William E. Connor & Associates Limited (a

Leia mais

Prezado colaborador, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 -

Prezado colaborador, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 - Prezado colaborador, Há mais de sessenta anos que o nome Tupperware representa os mais altos padrões de qualidade de produto. Levamos a sério a qualidade e a integridade dos nossos produtos e somos uma

Leia mais

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC.

POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC. POLÍTICA ANTICORRUPÇÃO DA ALCOA INC. a JUSTIFICATIVA: A Alcoa Inc. ( Alcoa ) e sua administração têm o compromisso de conduzir todas as suas operações em todo o mundo com ética e em conformidade com todas

Leia mais

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA

ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA ELDORADO GOLD CORPORATION SUBSIDIÁRIAS E AFILIADAS CÓDIGO DE CONDUTA COMERCIAL E ÉTICA A Eldorado Gold Corporation e suas subsidiárias e afiliadas estão comprometidas com os mais elevados padrões de conduta

Leia mais

Prezado associado, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 -

Prezado associado, Atenciosamente, Rick Goings Presidente e CEO - 1 - Prezado associado, Há mais de sessenta anos, o nome Tupperware representa os mais altos padrões de qualidade de produto. Também levamos a sério a qualidade e a integridade dos nossos produtos e somos uma

Leia mais

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os

A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os A presente é uma tradução de um documento em língua inglesa, exclusivamente para sua comodidade. O texto do original em inglês regerá, em todos os aspectos, os seus direitos e as suas obrigações. O original

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO MAGNA INTERNATIONAL INC. DIRETRIZ SOBRE PRESENTES E ENTRETENIMENTO Oferecer ou receber presentes e entretenimento é muitas vezes uma

Leia mais

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza)

Código de Conduta Empresarial da Nestlé. 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Código de Conduta Empresarial da Nestlé 2008, Nestec Ltd. Conceito e Design: Nestec Ltd., Identidade Corporativa e Design, Vevey (Suiza) Introdução Desde a sua fundação, as práticas comerciais da Nestlé

Leia mais

Código de Conduta nos Negócios e Ética A MANEIRA WOODBRIDGE honestidade responsabilidade integridade respeito

Código de Conduta nos Negócios e Ética A MANEIRA WOODBRIDGE  honestidade responsabilidade integridade respeito Código de Conduta nos Negócios e Ética A MANEIRA WOODBRIDGE honestidade responsabilidade integridade respeito reeditado 12 junho de 2015 Page 1 of 7 Código de Conduta nos Negócios e Ética A MANEIRA WOODBRIDGE

Leia mais

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL

POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO DA UL Setor jurídico N. do documento: 00-LE-P0030 Edição: 5.0 Data da publicação: 09/04/2010 Data da revisão: 16/09/2013 Data de entrada em vigor: 16/09/2013 Página 1 de 8 POLÍTICA ANTISSUBORNO E ANTICORRUPÇÃO

Leia mais

ITURAN SISTEMAS DE MONITORAMENTO LTDA.

ITURAN SISTEMAS DE MONITORAMENTO LTDA. ITURAN SISTEMAS DE MONITORAMENTO LTDA. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Introdução Este Código de Conduta e Ética tem como objetivo o comprometimento da Ituran Sistemas de Monitoramento Ltda. (a Empresa ) para

Leia mais

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação

NORMAS DE CONDUTA. Apresentação NORMAS DE CONDUTA Apresentação Adequando-se às melhores práticas de Governança Corporativa, a TITO está definindo e formalizando as suas normas de conduta ( Normas ). Estas estabelecem as relações, comportamentos

Leia mais

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Setembro de 2010

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Setembro de 2010 FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE PRIVACIDADE A. Propósito Setembro de 2010 A Franklin Electric Co., Inc. e suas subsidiárias e afiliadas (em conjunto, a Empresa ) têm o compromisso de proteger a

Leia mais

Código de Conduta de Fornecedor

Código de Conduta de Fornecedor Código de Conduta de Fornecedor www.odfjelldrilling.com A Odfjell Drilling e suas entidades afiliadas mundialmente estão comprometidas em manter os mais altos padrões éticos ao conduzir negócios. Como

Leia mais

MAGNA INTERNATIONAL INC

MAGNA INTERNATIONAL INC MAGNA INTERNATIONAL INC CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA Este Código de Conduta e Ética apresenta os princípios básicos com os quais estamos comprometidos em relação à nossa forma de lidar com todos os grupos

Leia mais

Código de Conduta. Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global. Stephan Baars Diretor Financeiro (CFO)

Código de Conduta. Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global. Stephan Baars Diretor Financeiro (CFO) Código de Conduta Data [12-01-2014] Responsável pela política: Departamento de Auditoria Interna Global John Snyder Presidente e Diretor Executivo (CEO) Mike Janssen Diretor de Operações (COO) Stephan

Leia mais

Código de Conduta do Fornecedor

Código de Conduta do Fornecedor Código de Conduta do Fornecedor Código de Conduta do Fornecedor Desde a sua criação, o Grupo Tata simbolizou o espírito verdadeiro de Ética Empresarial em suas interações com todas as suas partes interessadas

Leia mais

CONDUTA nos Negócios e Ética

CONDUTA nos Negócios e Ética Código de CONDUTA nos Negócios e Ética de 2014 Indice INTRODUÇÃO... 03 MISSÃO - VISÃO - PROPÓSITO... 04 1. VALORES E PRINCIPIOS ORIENTADORES... 04 2. COMPROMETENDO-SE COM O CÓDIGO... 05 3. CUMPRIMENTO

Leia mais

1 Introdução... 2. 2 Definições... 3. 3 Compromisso e adesão... 5. 4 Indícios que podem caracterizar corrupção... 6

1 Introdução... 2. 2 Definições... 3. 3 Compromisso e adesão... 5. 4 Indícios que podem caracterizar corrupção... 6 Manual Anticorrupção Versão 1 Abr/2015 SUMÁRIO 1 Introdução... 2 2 Definições... 3 3 Compromisso e adesão... 5 4 Indícios que podem caracterizar corrupção... 6 5 Violações e Sanções Aplicáveis... 6 6 Ações

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A.

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA LOGZ LOGÍSTICA BRASIL S.A. APRESENTAÇÃO A LOGZ Logística Brasil S.A. (a Companhia ou LOGZ ) é uma sociedade holding consolidadora de participações em ativos logísticos e tem como objetivo a expansão de suas atividades possibilitando

Leia mais

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes.

2.1. Cumprimos leis e regulamentos nacionais e internacionais. Obedecemos a todas as leis e regulamentos internacionais e nacionais relevantes. CÓDIGO DE CONDUTA 1. Introdução O Código de Conduta Ahlstrom descreve os princípios éticos que sustentam o modo como conduzimos os negócios em nossa empresa. Baseia-se em nossos principais valores Agir

Leia mais

Código de Ética e Conduta nos Negócios da BGC Partners, Inc. e da Liquidez Distribuidora de Valores e Títulos Mobiliários Ltda.

Código de Ética e Conduta nos Negócios da BGC Partners, Inc. e da Liquidez Distribuidora de Valores e Títulos Mobiliários Ltda. Código de Ética e Conduta nos Negócios da BGC Partners, Inc. e da Liquidez Distribuidora de Valores e Títulos Mobiliários Ltda. A reputação e integridade da BGC Partners, Inc. (a Empresa ) são bens valiosos

Leia mais

REGAL-BELOIT CORPORATION PROGRAMA Corporativo Anticorrupção Política de Contratação de Terceiros Anexo 1

REGAL-BELOIT CORPORATION PROGRAMA Corporativo Anticorrupção Política de Contratação de Terceiros Anexo 1 Instruções: O REPRESENTANTE DEVIDAMENTE AUTORIZADO DO TERCEIRO DEVE RESPONDER ÀS QUESTÕES DA VERIFICAÇÃO MINUCIOSA E PREENCHER O TERMO DE CERTIFICAÇÃO E ENVIAR TODAS AS INFORMAÇÕES PARA O FUNCIONÁRIO REGAL

Leia mais

DEPUY SYNTHES CÓDIGO DE CONDUTA GLOBAL

DEPUY SYNTHES CÓDIGO DE CONDUTA GLOBAL Uma Paixão pela Integridade Integridade em Acção - Conformidade nos Cuidados de Saúde A Conformidade nos Cuidados de Saúde é uma Responsabilidade de Todos A DePuy Synthes é reconhecida mundialmente pelas

Leia mais

Colgate-Palmolive Company. Código de Conduta do Fornecedor

Colgate-Palmolive Company. Código de Conduta do Fornecedor Colgate-Palmolive Company Código de Conduta do Fornecedor Prezado Fornecedor da Colgate, No decorrer do tempo, a Colgate-Palmolive Company construiu sua reputação como organização que emprega práticas

Leia mais

Ética na Novozymes: Política de Linha-direta para denúncias. Como informar?

Ética na Novozymes: Política de Linha-direta para denúncias. Como informar? Ética na Novozymes: Política de Linha-direta para denúncias A Política de Linha-direta para denúncias foi criada para fundamentar e apoiar o compromisso da Novozymes em garantir um comportamento empresarial

Leia mais

Código de Conduta da Dachser

Código de Conduta da Dachser Código de Conduta da Dachser 1. Introdução A fundação de todas as atividades na Dachser é a nossa adesão a regulamentos juridicamente vinculativos em nível nacional e internacional, assim como a quaisquer

Leia mais

Código de Conduta Ética

Código de Conduta Ética Código de Conduta Ética MENSAGEM DA DIRETORIA A todos os dirigentes e empregados A Companhia de Seguros Aliança do Brasil acredita no Respeito aos princípios éticos e à transparência de conduta com as

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL. Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos ativos da empresa 4

CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL. Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos ativos da empresa 4 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA COMERCIAL Introdução e Propósito 2 Padrões gerais de ética 2 Conflito de interesses 3 Informações confidenciais; Proteção e uso adequado dos

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL

CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL CÓDIGO DE ÉTICA COMERCIAL Os funcionários (incluindo todos os funcionários temporários, de tempo integral ou meio período) da Ag Growth International Inc. e suas entidades correspondentes, incluindo sem

Leia mais

HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS. Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade

HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS. Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade HILLENBRAND, INC. E SUBSIDIÁRIAS Anticorrupção Global Declaração de Política e Manual de Conformidade A Hillenbrand, Inc., incluindo todas suas subsidiárias (referidas em conjunto como a Empresa ), mantém

Leia mais

Código de Ética e Conduta Profissional da MRC Consultoria e Sistema de Informática Ltda. - ME

Código de Ética e Conduta Profissional da MRC Consultoria e Sistema de Informática Ltda. - ME 1 - Considerações Éticas Fundamentais Como um colaborador da. - ME eu devo: 1.1- Contribuir para a sociedade e bem-estar do ser humano. O maior valor da computação é o seu potencial de melhorar o bem-estar

Leia mais

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Revisado em agosto de 2010

FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Revisado em agosto de 2010 FRANKLIN ELECTRIC CO., INC. POLÍTICA DE USO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Revisado em agosto de 2010 A. Propósito O propósito desta Política de Uso da Tecnologia da Informação ("Política") é oferecer diretrizes

Leia mais

Código de Conduta COERÊNCI. Transformando Visão em Valor.

Código de Conduta COERÊNCI. Transformando Visão em Valor. Código de Conduta COERÊNCI Transformando Visão em Valor. Índice Prefácio... 3 Ética empresarial da HOCHTIEF: Princípios... 5 Conflitos de interesse... 7 Confidencialidade... 8 Regras sobre controle de

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO

CÓDIGO DE ÉTICA G UPO CÓDIGO DE ÉTICA G UPO 1 Sumário APRESENTAÇÃO... 2 1. APLICABILIDADE... 3 ESCLARECIMENTOS... 3 O COMITÊ DE ÉTICA... 3 ATRIBUIÇÕES DO COMITÊ... 3,4 2. ASSUNTOS INTERNOS... 4 OUVIDORIA... 4 PRECONCEITO...

Leia mais

POLÍTICA DE DENÚNCIAS

POLÍTICA DE DENÚNCIAS (constituída nas Bermudas com responsabilidade limitada) (Código de negociação em bolsa: 1768) (a Sociedade ) POLÍTICA DE DENÚNCIAS 1. Objetivo Esta Política estabelece os meios que: a) os funcionários

Leia mais

22 de Dezembro de 2009

22 de Dezembro de 2009 W. L. GORE & ASSOCIATES, INC. 555 PAPER MILL ROAD P.O. BOX 9329 NEWARK, DE 19714-9329 Telefone 302.738.4880 Fax 302.738.7710 22 de Dezembro de 2009 RE: NORMAS DE CONDUTA ÉTICA DOS ASSOCIADOS Caro Associado:

Leia mais

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig

de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética ca Código de Ética Código de Ética Código de Ética Código de Ética Códig de Ética Código CÓDIGO de Ética Código de Ética Código DE de Ética Código de Ética de Ética Código de Ética Código ÉTICA de Ética Código de Ética Código de Ética Fazendo Negócios com Integridade Realizamos

Leia mais

Conduta nos negócios

Conduta nos negócios Conduta nos negócios Como funcionários, voluntários e representantes da USP, devemos conhecer e cumprir o Código e todas as leis ou POPs relacionados às nossas responsabilidades na USP, conforme aplicável.

Leia mais

GUIA DE ÉTICA DA GN. GN STORE NORD GROUP Outubro 2015

GUIA DE ÉTICA DA GN. GN STORE NORD GROUP Outubro 2015 GUIA DE ÉTICA DA GN GN STORE NORD GROUP Outubro 2015 Indice Introdução... 2 Responsabilidades... 2 Para obter mais ajuda ou relatar um problema... 3 Ética nas tomadas de decisão... 3 Pergunte-se... 4 Análise

Leia mais

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução.

CÓDIGO DE ÉTICA. Introdução. CÓDIGO DE ÉTICA Introdução. Os princípios Éticos que formam a consciência e fundamentam nossa imagem no segmento de recuperação de crédito e Call Center na conduta de nossa imagem sólida e confiável. Este

Leia mais

Ética & Princípios de Conduta Empresarial

Ética & Princípios de Conduta Empresarial Nossa Cadeia de Fornecedores Ética & Princípios de Conduta Empresarial ao exercer atividades de negócios com a CH2M HILL Outubro 2011 Princípios baseados no livro The Little Yellow Book, escrito em 1978

Leia mais

Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros

Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros Conduta nos Negócios Política de Transparência nas Relações com Terceiros* Objetivo Estabelecer as diretrizes básicas de conduta

Leia mais

Padrões de conduta comercial da PerkinElmer

Padrões de conduta comercial da PerkinElmer Padrões de conduta comercial da PerkinElmer VALORES ÉTICOS E COMERCIAIS DA PERKINELMER Objetivo Os Padrões de conduta comercial da PerkinElmer ( Padrões ) identificam valores e princípios que norteiam

Leia mais

Bemis Company, Inc. CÓDIGO DE CONDUTA

Bemis Company, Inc. CÓDIGO DE CONDUTA Bemis Company, Inc. CÓDIGO DE CONDUTA Table of Contents INTRODUÇÃO Objetivo e escopo...1 Nosso compromisso...1 Conformidade com as leis e regulamentações...2 Recursos para funcionários...2 Comunicação...3

Leia mais

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética

Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética Aliança do Brasil. É assim que a gente faz. Código de Conduta Ética SUMÁRIO CONCEITO OBJETIVO ABRANGÊNCIA PRINCÍPIOS DE RELACIONAMENTOS CONFLITOS DE INTERESSE CONFIDENCIALIDADE DAS INFORMAÇÕES PRESERVAÇÃO

Leia mais

2015 Guia do Código de Conduta

2015 Guia do Código de Conduta 2015 Guia do Código de Conduta Comitê de Conformidade Corporativa Joe Puishys Jim Porter Pat Beithon Warren Planitzer Nós, da Apogee, conduzimos nossos negócios com o mais alto padrão de honestidade e

Leia mais

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL

POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL POLÍTICA DE PREVENÇÃO À CORRUPÇÃO DO BANRISUL A Política de Prevenção à Corrupção tem como objetivo dar visibilidade e registrar os princípios e valores éticos que devem nortear a atuação dos empregados,

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta 2015 CÓDIGO DE ÉTICA E CONDUTA DA ALIANSCE I. Abrangência A Aliansce, todas as sociedades, direta ou indiretamente por ela controladas ou sob mesmo controle, e os Shopping Centers

Leia mais

Política de denúncias

Política de denúncias WWW.USP.ORG/ETHICS Política de denúncias Espera-se que você fale se tiver alguma preocupação de boa-fé. Expresse-se Além de conhecer as normas éticas e legais que se aplicam ao seu cargo, esperase que

Leia mais

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA

Engenharia e Consultoria CÓDIGO DE ÉTICA CÓDIGO DE ÉTICA SUMÁRIO APRESENTAÇÃO COLABORADORES Princípios éticos funcionais Emprego e Ambiente de trabalho Conflito de interesses Segredos e informações comerciais SEGURANÇA, SAÚDE E MEIO AMBIENTE

Leia mais

Carpathian Gold Inc.

Carpathian Gold Inc. Carpathian Gold Inc. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA EM NEGÓCIOS I. PROPÓSITO DESTE CÓDIGO Este Código de Conduta e Ética em Negócios ("Código") da Carpathian Gold Inc. ("Carpathian") é um acréscimo ao Código

Leia mais

Código de Conduta e Ética

Código de Conduta e Ética Página 1 de 5 Código de Conduta e Ética 2012 Resumo A SAVEWAY acredita que seu sucesso está pautado na prática diária de elevados valores éticos e morais, bem como respeito às pessoas, em toda sua cadeia

Leia mais

Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker. 1 Aker Security Solutions www.aker.com.br

Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker. 1 Aker Security Solutions www.aker.com.br Guia de Conduta do Colaborador e Prestador de Serviço Aker 1 Importante Este guia faz parte da política interna da Aker Security Solutions e sua utilização é restrita a colaboradores e prestadores de serviço

Leia mais

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00

POLÍTICA CORPORATIVA Código PC.00.001. PRESIDÊNCIA Revisão 00 Páginas 1/8 1. OBJETIVO O Código de Ética é um conjunto de diretrizes e regras de atuação, que define como os empregados e contratados da AQCES devem agir em diferentes situações no que diz respeito à

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Código de Ética e Conduta O Código de Ética e Conduta do ESA - Externato Santo Antônio estabelece o comportamento esperado de todos aqueles que trabalham na, para e com a instituição, e tem por objetivo

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade Este documento tem por objetivo definir a Política de Privacidade da Bricon Security & IT Solutions, para regular a obtenção, o uso e a revelação das informações pessoais dos usuários

Leia mais

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL

CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL O CÓDIGO RIP DE CONDUTA EMPRESARIAL Março de 2015 1ª edição MENSAGEM DO PRESIDENTE O Código de Conduta da RIP ( Código ) é a declaração formal das expectativas que servem

Leia mais

Padrões Nidera para Parceiros de Negócio

Padrões Nidera para Parceiros de Negócio Padrões Nidera para Parceiros de Negócio Caro Parceiro de Negócio, A história da nossa empresa inclui um compromisso de longa data em estar de acordo com as leis onde quer que atuemos e realizar nossos

Leia mais

Código de Conduta. Nossos princípios e valores em prática

Código de Conduta. Nossos princípios e valores em prática Código de Conduta Nossos princípios e valores em prática Código de Conduta Nossos princípios e valores em prática O Código de Conduta é válido para todas as empresas controladas pela Cosan. Prezados funcionários,

Leia mais

Código de Conduta. Os fundamentos

Código de Conduta. Os fundamentos Os fundamentos A ética e a integridade nos negócios asseguram nossa credibilidade. Nem é preciso dizer que todos os colaboradores devem observar as leis e regulamentações dos locais em que trabalham e

Leia mais

Padrões de conduta de Negócios

Padrões de conduta de Negócios Padrões de conduta de Negócios A integridade da Dana está em suas mãos A importância destes padrões A Dana Holding Corporation e todas as suas subsidiárias controladas devem conduzir os negócios de forma

Leia mais

Ivan Drummond Filho C.E.O. International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00. Sobre o Código

Ivan Drummond Filho C.E.O. International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00. Sobre o Código Página 1 de 8 International Health Care Offshore CNPJ 07.527.778/0001-00 Sobre o Código As relações interpessoais devem seguir as normas de respeito individual e coletivo sempre considerando o bem estar

Leia mais

Experian plc. Código de Conduta Global. Versão 1.2. Fazendo negócios com integridade

Experian plc. Código de Conduta Global. Versão 1.2. Fazendo negócios com integridade Experian plc Código de Conduta Global Versão 1.2 Fazendo negócios com integridade Adotado em 13 de maio de 2010 Corrigido em 15 de maio de 2011 Código de Conduta Global v 1.2 15 de Maio 2011 Experian Restrito

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS DA EXTREME NETWORKS, INC.

CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS DA EXTREME NETWORKS, INC. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS DA EXTREME NETWORKS, INC. Declaração de Política Na Extreme Networks, nos comprometemos a conduzir nossos negócios honestamente e de maneira ética. Esta meta não pode

Leia mais

Padrões de Conduta de Negócios

Padrões de Conduta de Negócios Padrões de Conduta de Negócios A integridade da Dana está em suas mãos A importância destes padrões A Dana Holding Corporation e todas as suas subsidiárias devem conduzir os negócios de uma forma ética

Leia mais

www.imcdgroup.com CÓDIGO DE CONDUTA. IMCD

www.imcdgroup.com CÓDIGO DE CONDUTA. IMCD www.imcdgroup.com CÓDIGO DE CONDUTA. IMCD O SUCESSO DA IMCD É BASEADO NO ESTABELECIMENTO DE UM AMBIENTE QUE PROMOVE A RESPONSABILIDADE, CONFIANÇA E O RESPEITO. IMCD Código de Conduta 3 1. Introdução O

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1

TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1 TERMOS E CONDIÇÕES DE CADASTRAMENTO NO BANCO DE CONSULTORES DA ACOI EXPERT NETWORK 1 Os Termos e Condições abaixo dizem respeito aos requisitos exigidos dos profissionais especializados para seu cadastramento

Leia mais

Código de Conduta. Nossos princípios e valores em prática

Código de Conduta. Nossos princípios e valores em prática Código de Conduta Nossos princípios e valores em prática Nossos princípios e valores em prática O é válido para todas as empresas controladas pela Cosan. Prezados funcionários, A Cosan é uma empresa que

Leia mais

Código de Ética Corporativo

Código de Ética Corporativo Código de Ética Corporativo Novembro 2012 Código de Ética Sumário 1. Propósito... 5 2. Responsabilidades do empregado... 5 3. Responsabilidades Adicionais para Lideranças... 6 4. Empregados... 6 5. Oportunidades

Leia mais

Introdução: Código de Conduta Corporativa

Introdução: Código de Conduta Corporativa Transporte Excelsior Ltda Código de Conduta Corporativa Introdução: A Transporte Excelsior através desse Código Corporativo de Conduta busca alinhar e apoiar o cumprimento de nossa Missão, Visão e Valores,

Leia mais

Código de Ética e Conduta

Código de Ética e Conduta Apresentação Este é o Código de Ética da ICAP do Brasil CTVM Ltda ( ICAP Brasil ) que aborda, em linhas gerais, os valores que orientam a ICAP Brasil. Não tem a pretensão de ser completo nem detalhista.

Leia mais

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda.

Código de Ética. SPL Consultoria e Informática Ltda. Código de Ética SPL Consultoria e Informática Ltda. Introdução Segundo o dicionário Aurélio ética é o estudo dos juízos de apreciação que se referem à conduta humana suscetível de qualificação do ponto

Leia mais

Política de Ética Política de Ética de Negócios de Negócios

Política de Ética Política de Ética de Negócios de Negócios Política de de Ética Ética de de Negócios Política de Ética de Negócios Política de Ética de Negócios A fi losofi a de negócios da G4S foi desenvolvida em torno de um conjunto de valores que são fundamentais

Leia mais

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO

DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO DIRETRIZ GLOBAL ANTICORRUPÇÃO I. Declaração da Diretriz. É a diretriz da Global Crossing Limited ( Global Crossing ou a Empresa ) conduzir todos os seus negócios de uma maneira honesta e ética. Ao fazer

Leia mais

Diretrizes para a prevenção de conflitos de interesses e corrupção

Diretrizes para a prevenção de conflitos de interesses e corrupção 1. Princípios e validade Integridade e transparência são as chaves para atividades comerciais bem sucedidas e sustentáveis. Nossa imagem e reputação pública se baseiam em objetividade e honestidade. Imparcialidade

Leia mais

Código de conduta ética profissional 1

Código de conduta ética profissional 1 Código de conduta ética profissional 1 Código de conduta ética profissional 1 Aos Administradores, funcionários e colaboradores da Brookfield Incorporações S.A. Este Código de Conduta Ética Profissional

Leia mais

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA

NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA NET SERVIÇOS DE COMUNICAÇÃO S.A. CÓDIGO DE CONDUTA APRESENTAÇÃO Este é o Código de Conduta da Net Serviços de Comunicação S.A. e de suas controladas ( NET ). A NET instituiu este Código de Conduta norteado

Leia mais

POLYPORE INTERNATIONAL, INC. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS

POLYPORE INTERNATIONAL, INC. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS POLYPORE INTERNATIONAL, INC. CÓDIGO DE CONDUTA E ÉTICA DE NEGÓCIOS 05 de outubro de 2006 APRESENTAÇÃO Este Código de Conduta e Ética de Negócios ("Código") é um recurso importante para orientar os funcionários,

Leia mais

Política de integridade Empresarial

Política de integridade Empresarial Política de integridade Empresarial Introdução Integridade e responsabilidade são valores fundamentais para a Anglo American. Ganhar a confiança e mantê-la é fundamental para o sucesso de nossos negócios.

Leia mais

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função

Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Título Política relativa a subornos, presentes e hospitalidade Data efetiva 2 de Março de 2011 Função Departamento Jurídico da Holding Documento BGHP_version1_03032011 1. Finalidade A finalidade desta

Leia mais

CÓDIGO DE CONDUTA Diretrizes e Normas para Integridade e Transparência

CÓDIGO DE CONDUTA Diretrizes e Normas para Integridade e Transparência CÓDIGO DE CONDUTA Diretrizes e Normas para Integridade e Transparência ÍNDICE Carta do Presidente 3 1. Introdução 4 2. Aplicação do Código de Conduta 5 3. Aplicação do Código de Conduta 6 4. Comunicação

Leia mais