Nota do autor, xix. 5 Dissolução e liquidação, 77 1 Resolução da sociedade em relação a um sócio, 77

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Nota do autor, xix. 5 Dissolução e liquidação, 77 1 Resolução da sociedade em relação a um sócio, 77"

Transcrição

1 Nota do autor, xix 1 Empresa, 1 1 Empreender, 1 2 Noções históricas, 2 3 Teoria da empresa, 3 4 Registro, Redesim, Usos e práticas mercantis, Empresário rural, 15 5 Firma individual, 15 6 Capacidade para empresariar, Impedimentos, Empresário casado, 21 7 Empresário individual de responsabilidade limitada (Eireli), 22 8 Microempresa e empresa de pequeno porte, 24 2 Sociedade, 30 1 Contrato de sociedade, 30 2 Sociedade em comum, 32 3 Sociedade em conta de participação, 35 4 Personificação da sociedade, 38 5 Sociedades simples e empresárias, 40 6 Sócios, 41 7 Sociedade dependente de autorização, Autorização para sociedade estrangeira, 46 3 Teoria geral das sociedades contratuais, 48 1 Ato constitutivo, 48 2 Contrato social, 49 3 Nome empresarial, Proteção, 55 4 Objeto social, 58 5 Capital, 59 6 Lucros e perdas, 60 7 Alteração contratual, 61 4 Funcionamento das sociedades contratuais, 63 1 Relações entre os sócios, 63 2 Contribuições sociais, 65 3 Administração, 66 4 Atuação do administrador, 68 5 Responsabilidade civil do administrador, 69 6 Fim da administração, 71 7 Cessão de quotas, Sucessão hereditária e separação judicial, 73 8 Penhora de quotas, 75 5 Dissolução e liquidação, 77 1 Resolução da sociedade em relação a um sócio, 77

2 2 Liquidação de quota, Responsabilidade residual, 82 3 Dissolução da sociedade, 83 4 Liquidação, 86 5 Liquidação judicial, 90 6 Tipos de sociedades contratuais, 94 1 Sociedade simples, 94 2 Sociedade em nome coletivo, 95 3 Sociedade em comandita simples, 96 4 Sociedade limitada, Capital social, Aumento ou redução de capital, Administração, Conselho fiscal, Deliberações sociais, Dissolução total ou parcial, Sociedades por ações, Instituição e estatuto, Sociedade anônima, Mercado de valores mobiliários, Constituição da companhia, Integralização do capital social, Aumento do capital social, Redução do capital social, Subsidiária integral, Títulos societários das companhias, Ações, Espécies, classes e tipos de ações, Negociação com ações, Resgate, amortização e reembolso de ações, Debêntures, Partes beneficiárias e bônus de subscrição, O acionista, Acionista, Direito de voto, Direito de retirada, Acionista controlador, Alienação do controle acionário, Acordo de acionistas, Órgãos da companhia, Assembleia geral, Assembleia geral ordinária, Assembleia geral extraordinária, Administração, Conselho de administração, 171

3 2.2 Diretoria, Deveres dos administradores, Responsabilidade dos administradores, Conselho fiscal, Dissolução, Outras sociedades institucionais, Sociedade em comandita por ações, Sociedades cooperativas, Constituição da cooperativa, Admissão, eliminação e exclusão de cooperados, Órgãos sociais das cooperativas, Dissolução e liquidação, Relações e metamorfoses societárias, Coligação, Responsabilidade dos administradores e das sociedades coligadas, Grupo de sociedades, Consórcio, Transformação, Procedimento comum à incorporação, fusão e cisão, Incorporação, Fusão, Cisão, Fusão, incorporação e desmembramento de cooperativas, Escrituração contábil, Escrituração, Sigilo da escrituração, Livros contábeis, Balanço patrimonial e de resultado econômico, Sociedades de grande porte, Lucro, reservas e dividendos, Desconsideração da personalidade jurídica, Ato físico e ato jurídico, Distinção de personalidades, Direito privado, Direito do trabalho, Direito do consumidor, Precisão da obrigação e do responsável, Estabelecimento empresarial, Conceito, Negócios com o estabelecimento, Aviamento, Clientela, freguesia e ponto empresarial, Ação renovatória, Shopping centers, Aspecto imobiliário, 263

4 5.2 Aspecto logístico e mercadológico, Associação de lojistas, Franquia, Contratação da franquia, Propriedade intelectual, Ativos intangíveis, Patentes, Obtenção da patente, Exploração da patente, Desenho industrial, Marca, Registro de marca, Uso da marca, Disposições gerais sobre a propriedade industrial, Software, Prepostos, Preposição, Responsabilidade civil por ato do preposto, Gerência, Contabilidade, Terceirização, Representação comercial, Teoria geral dos títulos de crédito, Títulos de crédito, Características, Cartularidade, Literalidade, Autonomia, Requisitos genéricos de qualquer ato jurídico, Requisitos genéricos dos títulos de crédito, Outros elementos qualificadores do crédito, Título emitido com partes em branco, Vedações genéricas aos títulos de crédito, Efeitos da invalidação do título, Falsificações, Circulação dos títulos de crédito, Cambiaridade, Título ao portador, Título à ordem, Título nominativo, Endosso-mandato, Endosso-penhor, Substituição, anulação e reivindicação, Pagamento e garantia de pagamento, Aval, 342

5 2 Efeitos do aval, Direito de regresso, Pagamento do título, Protesto, Prescrição do título de crédito, Letra de câmbio e nota promissória, Letra de câmbio, Endosso e aval na letra de câmbio, Aceite da letra de câmbio, Pagamento da letra de câmbio, Intervenção na letra de câmbio, Vias e cópias de letras de câmbio, Nota promissória, Uniformidade de regime com a letra de câmbio, Nota promissória rural, Cheque, Requisitos caracterizadores, Saque, Obrigações oriundas do cheque, Endosso, Aval, Apresentação e pagamento, Revogação, sustação e cancelamento, Execução, Duplicata, Emissão, Requisitos, Aceite, endosso e aval, Pagamento, Protesto, Exigência judicial, Outros títulos, Notas e cédulas de crédito, Elementos das cédulas de crédito, Cédula de crédito imobiliário, Cédula de crédito bancário, Conhecimento de depósito e warrant, Conhecimento de transporte marítimo, Insolvência empresária, Empresas com problemas, Créditos submetidos ao juízo universal, Efeitos da constituição do juízo universal, Verificação e habilitação de créditos, Impugnação de créditos, Quadro geral de credores, 417

6 6 Aspectos penais, Sujeitos do juízo universal, Atores processuais, Ministério Público, Administrador judicial, Assembleia geral de credores, Comitê de credores, Disposições comuns ao administrador judicial e ao comitê de credores, Recuperação de empresas, Função social da empresa, Créditos submetidos, Pedido de recuperação judicial, Plano de recuperação judicial, Aprovação, alteração ou rejeição do plano de recuperação judicial, Efeitos da decisão concessiva da recuperação judicial, Administração da empresa recuperanda, Microempresas e empresas de pequeno porte, Convolação da recuperação judicial em falência, Conclusão da recuperação judicial, Recuperação extrajudicial de empresas, Falência: fase cognitiva, Falência, Execução coletiva, Hipóteses de falência, Decretação da falência, Efeitos sobre as obrigações do devedor, Falência: liquidação patrimonial, Ineficácia e revogação de atos anteriores à falência, Habilitação dos créditos, Classificação dos créditos, Arrecadação e custódia dos bens, Pedido de restituição, Realização do ativo, Pagamento aos credores, Encerramento da falência e extinção das obrigações do falido, 487 Referências bibliográficas, 491

Nota do autor, xv. 6 Nome Empresarial, 48 6.1 Conceito e função do nome empresarial, 48 6.2 O nome do empresário individual, 49

Nota do autor, xv. 6 Nome Empresarial, 48 6.1 Conceito e função do nome empresarial, 48 6.2 O nome do empresário individual, 49 Nota do autor, xv Parte I - Teoria Geral da Empresa, 1 1 Introdução ao Direito de Empresa, 3 1.1 Considerações gerais, 3 1.2 Escorço histórico: do direito comercial ao direito de empresa, 4 1.3 Fontes

Leia mais

Sumário APRESENTAÇÃO... 15

Sumário APRESENTAÇÃO... 15 Sumário APRESENTAÇÃO... 15 Capítulo 1 DIREITO EMPRESARIAL... 17 1. Evolução histórica... 17 2. Evolução do Direito Comercial no Brasil... 18 3. Fontes... 21 4. Conceito e autonomia... 22 5. Questões...

Leia mais

SUGESTÃO PARA O DESENVOLVIMENTO PROGRAMA DE ENSINO DE DIREITO COMERCIAL. Da especificação dos temas do programa proposto para o Semestre (único)

SUGESTÃO PARA O DESENVOLVIMENTO PROGRAMA DE ENSINO DE DIREITO COMERCIAL. Da especificação dos temas do programa proposto para o Semestre (único) Carga Horária Período Semestre (único) SUGESTÃO PARA O DESENVOLVIMENTO PROGRAMA DE ENSINO DE DIREITO COMERCIAL Da especificação dos temas do programa proposto para o Semestre (único) A dicotomia do Direito

Leia mais

Conceito de Empresário

Conceito de Empresário Conceito de Empresário Requisitos (Art. 966,caput,CC): a) Profissionalismo; b) Atividade Econômica; c) Organização; d) Produção/Circulação de bens/serviços; Não Empresário Requisitos (Art. 966, único,

Leia mais

DANIEL MOREIRA DO PATROCÍNIO DIREITO EMPRESARIAL

DANIEL MOREIRA DO PATROCÍNIO DIREITO EMPRESARIAL DANIEL MOREIRA DO PATROCÍNIO DIREITO EMPRESARIAL TEORIA GERAL DIREITO SOCIETÁRIO TÍTULOS DE CRÉDITO RECUPERAÇÃO DE EMPRESA FALÊNCIA 2009 DIREITO EMPRESARIAL Daniel Moreira do Patrocínio 1ª edição, 2009

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEAcc-SP 2/2005

RESOLUÇÃO CONSEAcc-SP 2/2005 RESOLUÇÃO CONSEAcc-SP 2/2005 ALTERA AS EMENTAS E CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS DISCIPLINAS CH1301 - COMERCIAL I, CH1306 - COMERCIAL II E CH1308 - COMERCIAL III, DO CURSO DE, DO CÂMPUS DE SÃO PAULO, DA UNIVERSIDADE

Leia mais

SUMÁRIO. Nota do autor à 3ª edição... 23 Prefácio... 25

SUMÁRIO. Nota do autor à 3ª edição... 23 Prefácio... 25 SUMÁRIO Nota do autor à 3ª edição... 23 Prefácio... 25 Capítulo I ORIGEM, EVOLUÇÃO, CONCEITO, AUTONOMIA E FONTES DO DIREITO EMPRESARIAL... 27 1. O direito comercial e as corporações de ofício... 27 2.

Leia mais

DIREITO EMPRESARIAL PONTO I

DIREITO EMPRESARIAL PONTO I DIREITO EMPRESARIAL PONTO I a) Objeto, fontes e autonomia do Direito Empresarial. O Direito de Empresa no novo Código Civil. Perfis da empresa. A empresa e a livre iniciativa. Limites ao exercício da empresa.

Leia mais

DIREITO EMPRESARIAL MANUAL TEÓRICO E PRÁTICO

DIREITO EMPRESARIAL MANUAL TEÓRICO E PRÁTICO SUHEL SARHAN JÚNIOR DIREITO EMPRESARIAL MANUAL TEÓRICO E PRÁTICO Obra para alunos da graduação, profissionais do Direito, Exame da OAB/FGV (1 9 e 2 9 fase) e Concursos Públicos. SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 1-1.,\-

Leia mais

CURSO JURÍDICO FMB CURSO

CURSO JURÍDICO FMB CURSO CURSO JURÍDICO FMB CURSO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DOS MÓDULOS 2 Sumário DIREITO EMPRESARIAL TOMO I... DIREITO EMPRESARIAL TOMO II... 3 DIREITO EMPRESARIAL I PROF. FLÁVIO MONTEIRO DE BARROS MÓDULO I Introdução;

Leia mais

AULA 04 QUAL O MELHOR TIPO SOCIETÁRIO PARA SEGURANÇA DOS SÓCIOS? SOCIEDADES PERSONIFICADAS EMPRESÁRIAS SOCIEDADES PERSONIFICADAS OBJETO

AULA 04 QUAL O MELHOR TIPO SOCIETÁRIO PARA SEGURANÇA DOS SÓCIOS? SOCIEDADES PERSONIFICADAS EMPRESÁRIAS SOCIEDADES PERSONIFICADAS OBJETO SOCIEDADES PERSONIFICADAS AULA 04 4.1 TIPOS SOCIETÁRIOS REGISTRO CIVIL DE PESSOAS JURÍDICAS OBJETO REGISTRO PÚBLICO EMPRESAS MERCANTIS SOCIEDADES PERSONIFICADAS EMPRESÁRIAS QUAL O MELHOR TIPO SOCIETÁRIO

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista

Faculdade de Direito da Alta Paulista Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL II Código: Série: 3ª Obrigatória (X ) Optativa ( ) CHTeórica: 136 CH Prática: CH Total: 136 Horas Obs: Objetivos Geral: Apresentar aos alunos os pontos principais da Disciplina

Leia mais

STJ Ol!dl!G dp IBnUBW. {'BpBSdldw3. 010Vd oys. S10Z - 'V'S SVllV VCIOlIG3

STJ Ol!dl!G dp IBnUBW. {'BpBSdldw3. 010Vd oys. S10Z - 'V'S SVllV VCIOlIG3 S10Z - 'V'S SVllV VCIOlIG3 010Vd oys {'BpBSdldw3 Ol!dl!G dp IBnUBW " I STJ00101622 2005 by Editora Atlas S.A. 1. ed. 2005; 2. ed. 2006; 3. ed. 2008;4. ed. 2009; 5. ed. 2010; 6. ed. 2012; 7. ed. 2013; 8.

Leia mais

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

UNIDADE: FACULDADE DE DIREITO DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS Í N D I C E Código Disciplina Página DIR 04-00153 Direito Comercial I 2 DIR 04-00323 Direito Comercial II 3 DIR 04-00494 Direito Comercial III 4 DIR 04-00842 Direito Comercial

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL B Código: DV 450

PLANO DE ENSINO. Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL B Código: DV 450 PLANO DE ENSINO Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL B Código: DV 450 Pré-requisito: Direito Civil A, B. Carga horária: 90 (noventa) horas aula Créditos: 6 (seis) Natureza: anual Docente: EMENTA Sociedades

Leia mais

Faculdade de Direito da Alta Paulista

Faculdade de Direito da Alta Paulista Plano de Ensino Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL II Código: Série: 3ª Obrigatória (X ) Optativa ( ) CHTeórica: 136 CH Prática: CH Total: 136 Horas Obs: Objetivos Geral: Apresentar aos alunos os pontos principais

Leia mais

Profa. Joseane Cauduro. Unidade I DIREITO SOCIETÁRIO

Profa. Joseane Cauduro. Unidade I DIREITO SOCIETÁRIO Profa. Joseane Cauduro Unidade I DIREITO SOCIETÁRIO Introdução A unidade I aborda: empresa e empresário; formação das sociedades; tipos de sociedades. Objetivos da disciplina: apresentar aos estudantes

Leia mais

DIREITO SOCIETÁRIO. Sociedades não personificadas

DIREITO SOCIETÁRIO. Sociedades não personificadas DIREITO SOCIETÁRIO As sociedades são classificadas como simples ou empresárias (art. 982, CC). As sociedades empresárias têm por objeto o exercício da empresa: as sociedades simples exercem uma atividade

Leia mais

3 Micro e pequenos empresários, 167

3 Micro e pequenos empresários, 167 Nota do autor, xix 1 HISTÓRICO, 1 1 A invenção do comércio e do mercado, 1 2 Antiguidade, 5 3 Idade média e moderna, 16 3.1 Direito comercial no Brasil, 19 4 Unificação do direito privado, 20 5 A valorização

Leia mais

Prof. Marcelo Thimoti. Legislação Comercial

Prof. Marcelo Thimoti. Legislação Comercial Prof. Marcelo Thimoti Legislação Comercial 1 DIREITO COMERCIAL Sociedades Anônimas. 2 Sociedade Anônima (S/A) Sociedade com capital dividido em ações, livremente negociáveis, que limitam a responsabilidade

Leia mais

o comércio e o direito regulador das atividades comerciais

o comércio e o direito regulador das atividades comerciais STJ00055854 ÍNDICE SISTEMÁTICO Sumário... Do Autor........................................................... Apresentação....................................................... XI XIII XV Capitulo Primeiro

Leia mais

OBRAS DO AUTOR... NOTA EXPLICATIVA... XVII

OBRAS DO AUTOR... NOTA EXPLICATIVA... XVII ÍNDICE SISTEMÁTICO OBRAS DO AUTOR... XV NOTA EXPLICATIVA... XVII CAPÍTULO I TEORIA GERAL DOS TÍTULOS DE CRÉDITO 1. A regulamentação dos títulos de crédito pelo Código Civil e por leis especiais 2. Aplicação

Leia mais

PONTÍFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS CURSO DE DIREITO

PONTÍFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS CURSO DE DIREITO PONTÍFICIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS CURSO DE DIREITO Disciplina: Direito Empresarial II JUR 1022 Turma: C02 Prof.: Luiz Fernando Capítulo VI SOCIEDADES ANÔNIMAS 1. Evolução Legal: a) Decreto n. 575/49;

Leia mais

DIREITO EMPRESARIAL APRESENTAÇÃO EMENTA

DIREITO EMPRESARIAL APRESENTAÇÃO EMENTA EMPRESARIAL NÍVEL DE ENSINO: Graduação CARGA HORÁRIA: 80h PROFESSORES-AUTORES: Telder Andrade Lage Ana Luisa Coelho Perim Fabiano Eustáquio Zica Silva APRESENTAÇÃO O direito empresarial, ramo do direito

Leia mais

Capítulo III DIREITO DE PROPRIEDADE INDUSTRIAL

Capítulo III DIREITO DE PROPRIEDADE INDUSTRIAL Sumário Capítulo I EVOLUÇÃO HISTÓRICA DO DIREITO COMERCIAL 1. Origens do direito comercial 2. Da definição do regime jurídico dos atos de comércio 2.1. Definição e descrição dos atos de comércio e sua

Leia mais

PROJETO DE LEI 1.572/11 NOVO CÓDIGO COMERCIAL ESTRUTURA E COMENTÁRIOS PONTUAIS

PROJETO DE LEI 1.572/11 NOVO CÓDIGO COMERCIAL ESTRUTURA E COMENTÁRIOS PONTUAIS PROJETO DE LEI 1.572/11 NOVO CÓDIGO COMERCIAL ESTRUTURA E COMENTÁRIOS PONTUAIS (material preparado para reunião do Comitê Societário do CESA julho 2011) Autor: Renato Berger LIVRO I DA EMPRESA TÍTULO I

Leia mais

Sumário. Proposta da Coleção Leis Especiais para Concursos... 11. Roteiro simplificado da Falência... 13

Sumário. Proposta da Coleção Leis Especiais para Concursos... 11. Roteiro simplificado da Falência... 13 Lei de Falência e Recuperação de Empresas Sumário Proposta da Coleção Leis Especiais para Concursos... 11 Roteiro simplificado da Falência... 13 Roteiro simplificado da Recuperação Judicial... 15 Resumo

Leia mais

PLANO DE ENSINO EMENTA Visão teórica, e tanto quanto possível prática, dos principais temas relacionados à introdução ao estudo do Direito Comercial.

PLANO DE ENSINO EMENTA Visão teórica, e tanto quanto possível prática, dos principais temas relacionados à introdução ao estudo do Direito Comercial. Faculdade de Direito Milton Campos Disciplina: Direito Empresarial I Curso: Direito Carga Horária: 64 Departamento: Direito Empresarial Área: Privado PLANO DE ENSINO EMENTA Visão teórica, e tanto quanto

Leia mais

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Direito Empresarial ADM 065. 36h 5º

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Direito Empresarial ADM 065. 36h 5º Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL II Período: 4 Período. Carga Horária: 72H/a: EMENTA

EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL II Período: 4 Período. Carga Horária: 72H/a: EMENTA EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL II Período: 4 Período Carga Horária: 72H/a: EMENTA A disciplina busca introduzir o aluno no âmbito do direito societário: abordando a sua evolução

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal.

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal. PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Direito Professores: Levi Hülse Período/ Fase: 10ª Semestre: 1º Ano: 2015 Disciplina: Direito empresarial

Leia mais

Questão 1. Sobre a ação de responsabilidade prevista no art. 159 da Lei das Sociedades Anônimas e sobre a Teoria da Aparência:

Questão 1. Sobre a ação de responsabilidade prevista no art. 159 da Lei das Sociedades Anônimas e sobre a Teoria da Aparência: PROVA DAS DISCIPLINAS CORRELATAS DIREITO EMPRESARIAL P á g i n a 1 Questão 1. Sobre a ação de responsabilidade prevista no art. 159 da Lei das Sociedades Anônimas e sobre a Teoria da Aparência: I. A ação

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal.

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal. PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Direito Professores: Evandro Muniz Período/ Fase: 10ª Semestre: 2º Ano: 2012 Disciplina: Direito empresarial

Leia mais

TABELA DE ATOS E EVENTOS

TABELA DE ATOS E EVENTOS TABELA DE ATOS E EVENTOS CÓDIGO DESCRIÇÃO DO ATO (O ATO CORRESPONDE AO DOCUMENTO A SER ARQUIVADO) DO ATO CÓDIGO DESCRIÇÃO DO EVENTO (O EVENTO CORRESPONDE A FATO QUE REQUER DO TRATAMENTO PARTICULARIZADO

Leia mais

I. TEORIA GERAL DO DIREITO COMERCIAL

I. TEORIA GERAL DO DIREITO COMERCIAL Sumário I. TEORIA GERAL DO DIREITO COMERCIAL 3 1. atividade empresarial 3 2. regime jurídico de livre iniciativa 3 3. registro da empresa 4 4. livros comerciais 4 5. estabelecimento empresarial 5 6. nome

Leia mais

Caderno Eletrônico de Exercícios Títulos de Crédito

Caderno Eletrônico de Exercícios Títulos de Crédito 1) São exemplos de títulos de crédito, exceto: a) Cheque b) Testamento c) Duplicata d) Nota promissória 2) São características de títulos de crédito, exceto: a) Documentalidade b) Força executiva c) Autonomia

Leia mais

NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS

NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS NÚCLEO DE CIÊNCIAS SOCIAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS JURÍDICAS DISCIPLINA: DIREITO EMPRESARIAL I (PARTE GERAL) CÓDIGO: CARGA HORÁRIA: 80 h.a. N.º DE CRÉDITOS: 04 PRÉ-REQUISITO: DIREITO CIVIL I CURSO: DIREITO

Leia mais

Índice Sistemático. Capítulo Primeiro NOÇÕES GERAIS. I O Comércio e o Direito Regulador das Atividades Comerciais

Índice Sistemático. Capítulo Primeiro NOÇÕES GERAIS. I O Comércio e o Direito Regulador das Atividades Comerciais Índice Sistemático Capítulo Primeiro NOÇÕES GERAIS I O Comércio e o Direito Regulador das Atividades Comerciais 1. O Comércio como Atividade Empresarial 2. Desenvolvimento do Comércio e do Direito Regulador

Leia mais

SOCIEDADE EMPRESÁRIA

SOCIEDADE EMPRESÁRIA SOCIEDADE EMPRESÁRIA I-CONCEITO Na construção do conceito de sociedade empresária dois institutos jurídicos servem de alicerce: a pessoa jurídica e a atividade empresarial. Um ponto de partida, assim para

Leia mais

Professora conteudista: Joseane Cauduro

Professora conteudista: Joseane Cauduro Direito Societário Professora conteudista: Joseane Cauduro Sumário Direito Societário Unidade I 1 INTRODUÇÃO...1 2 CONCEITOS DE EMPRESA E EMPRESÁRIO...1 3 REGULARIDADE DO EMPRESÁRIO INDIVIDUAL...3 4 FORMAÇÃO

Leia mais

Pessoa jurídica. Administração. Direito Societário: sociedade simples e sociedade empresarial. Classificação das pessoas jurídicas

Pessoa jurídica. Administração. Direito Societário: sociedade simples e sociedade empresarial. Classificação das pessoas jurídicas Administração Profa.: Barbara Mourão dos Santos Direito Societário: sociedade simples e sociedade empresarial Pessoa jurídica Agrupamento de pessoas físicas e/ou jurídicas que tem o seu ato constitutivo

Leia mais

índice GERAL Capítulo IV A UNIFICAÇÃO PARCIAL DO DIREITO PRIVADO

índice GERAL Capítulo IV A UNIFICAÇÃO PARCIAL DO DIREITO PRIVADO índice GERAL Capítulo I A UNIFICAÇÃO PARCIAL DO DIREITO PRIVADO I. A unificação na Itália: Cesare Vivante (1892) e sua retratação em ]919; a posição contrária de Alfredo Rocco; a malograda experiência

Leia mais

Estabelecimento Empresarial

Estabelecimento Empresarial Estabelecimento Empresarial É a base física da empresa, que consagra um conjunto de bens corpóreos e incorpóreos, constituindo uma universalidade que pode ser objeto de negócios jurídicos. É todo o complexo

Leia mais

2 TEORIA GERAL DO DIREITO EMPRESARIAL 1 Base constitucional 2 Atuação econômica organizada 3 O direito de empresa 4 Coletividade de bens 5 Empresário

2 TEORIA GERAL DO DIREITO EMPRESARIAL 1 Base constitucional 2 Atuação econômica organizada 3 O direito de empresa 4 Coletividade de bens 5 Empresário 1 HISTÓRICO 1 A invenção do comércio e do mercado 2 Antiguidade 3 Idade média e moderna 3.1 Direito comercial no Brasil 4 Unificação do direito privado 5 A valorização da empresa 2 TEORIA GERAL DO DIREITO

Leia mais

DIREITO FALIMENTAR. Conceito de falência. Direito Falimentar - Prof. Armindo AULA 1 1. Falência (do latim fallere e do grego sphallein ):

DIREITO FALIMENTAR. Conceito de falência. Direito Falimentar - Prof. Armindo AULA 1 1. Falência (do latim fallere e do grego sphallein ): DIREITO FALIMENTAR ARMINDO DE CASTRO JÚNIOR E-mail: armindocastro@uol.com.br Homepage: www.armindo.com.br Facebook: Armindo Castro Celular: (82) 9143-7312 Conceito de falência Falência (do latim fallere

Leia mais

CONCURSOS 2010 DIREITO EMPRESARIAL

CONCURSOS 2010 DIREITO EMPRESARIAL CONCURSOS 2010 DIREITO EMPRESARIAL TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 21ª REGIÃO 1. O art. 28 do Código de Defesa do Consumidor (CDC) prevê a desconsideração da personalidade jurídica: a) na hipótese de

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO

Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO Ministério da Educação Universidade Federal de Santa Maria Centro de Ciências Sociais e Humanas Departamento de Direito PLANO DE ENSINO 1) IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Disciplina DIREITO EMPRESARIAL I Código

Leia mais

EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL III Período: 5 Período. Carga Horária: 72H/a: EMENTA

EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL III Período: 5 Período. Carga Horária: 72H/a: EMENTA EMENTÁRIO Curso: Direito Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL III Período: 5 Período Carga Horária: 72H/a: EMENTA O curso é estruturado de sorte a oferecer uma visão panorâmica dos principais aspectos dos títulos

Leia mais

STJ00070615. Sumário. Nota do autor, xix 1 HISTÓRICO, 1

STJ00070615. Sumário. Nota do autor, xix 1 HISTÓRICO, 1 STJ00070615 Sumário Nota do autor, xix 1 HISTÓRICO, 1 1 A invenção do comércio e do mercado, 1 2 Antigüidade, 5 3 Idade média e moderna, 17 4 Unificação do direito privado, 19 5 A valorização da empresa,

Leia mais

DIREITO COMERCIAL MÓDULO 2

DIREITO COMERCIAL MÓDULO 2 DIREITO COMERCIAL MÓDULO 2 Índice 1. Títulos de crédito...4 1.1 origem... 4 1.2 O crédito... 4 1.3 Conceito geral dos títulos de crédito... 4 1.4 Características dos títulos de crédito... 4 1.5 independência...

Leia mais

Concursos Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da USP

Concursos Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da USP Page 1 of 12 Concursos Faculdade de Direito de Ribeirão Preto da USP Edital 16/2009 FDRP/Concursos - Professor Doutor - RDIDP Departamento de Direito Privado e de Processo Civil Área de Direito Comercial

Leia mais

Tipos societários P A U L A F R E I R E 2 0 1 2

Tipos societários P A U L A F R E I R E 2 0 1 2 Tipos societários P A U L A F R E I R E 2 0 1 2 Espécies: empresárias ou simples Sociedade em nome coletivo; Sociedade em comandita simples; Sociedade em comandita por ações. Sociedade limitada; Sociedade

Leia mais

Arts. 269 e 270 Teoria da Aparência. Arts. 272 e 273 Revisão Contratual

Arts. 269 e 270 Teoria da Aparência. Arts. 272 e 273 Revisão Contratual Novo Código Comercial Livro III Das obrigações dos empresários Cibele Frandulic Shimono Guilherme Setoguti J. Pereira Luiz Rafael de Vargas Maluf Rafael Villac Vicente de Carvalho 22 de novembro de 2011

Leia mais

Plano de Ensino. Objetivos. Ementa

Plano de Ensino. Objetivos. Ementa Plano de Ensino Disciplina: DIREITO EMPRESARIAL I Código: Série: 2ª Obrigatória (X ) Optativa ( ) CHTeórica: 68 CH Prática: CH Total: 68 Horas Obs: Objetivos Geral: Apresentar aos alunos os pontos principais

Leia mais

MEGA RESOLUÇÃO DE QUESTÕES PROF.: ELISABETE VIDO DIREITO EMPRESARIAL

MEGA RESOLUÇÃO DE QUESTÕES PROF.: ELISABETE VIDO DIREITO EMPRESARIAL DIREITO EMPRESARIAL 1. (OAB-MG 2006.3) Assinale a alternativa CORRETA: (A) não é empresário quem exerce com profissionalismo e organização atividade econômica no segmento de fabricação e comércio de roupas.

Leia mais

VULCABRAS AZALEIA S.A. Companhia Aberta CNPJ 50.926.955/0001-42 NIRE 35.300.014.910

VULCABRAS AZALEIA S.A. Companhia Aberta CNPJ 50.926.955/0001-42 NIRE 35.300.014.910 VULCABRAS AZALEIA S.A. Companhia Aberta CNPJ 50.926.955/0001-42 NIRE 35.300.014.910 MANUAL DA ADMINISTRAÇÃO PARA A ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DA VULCABRAS AZALEIA S. A. DE 31 DE JANEIRO DE 2011. O

Leia mais

DAS SOCIEDADES: (A) A PERSONALIZAÇÃO DAS SOCIEDADES EMPRESARIAIS (PRINCÍPIOS DO DIREITO SOCIETÁRIO) GERA TRÊS CONSEQÜÊNCIAS:

DAS SOCIEDADES: (A) A PERSONALIZAÇÃO DAS SOCIEDADES EMPRESARIAIS (PRINCÍPIOS DO DIREITO SOCIETÁRIO) GERA TRÊS CONSEQÜÊNCIAS: DAS SOCIEDADES: CONCEITO: A sociedade empresária pode ser conceituada como a pessoa jurídica de direito privado não estatal, que explora empresarialmente seu objeto social ou a forma de sociedade por ações.

Leia mais

QUESTÕES DE DIREITO EMPRESARIAL DA PROVA OBJETIVA DA OAB/RJ

QUESTÕES DE DIREITO EMPRESARIAL DA PROVA OBJETIVA DA OAB/RJ QUESTÕES DE DIREITO EMPRESARIAL DA PROVA OBJETIVA DA OAB/RJ ORGANIZADO POR LEONARDO PESSOA 1 ÚLTIMA ATUALIZAÇÃO: 10.09.2012 1 Leonardo Ribeiro Pessoa - Advogado e Mestre em Direito Empresarial e Tributário.

Leia mais

RECUPERAÇÃO JUDICIAL E EXTRAJUDICIAL

RECUPERAÇÃO JUDICIAL E EXTRAJUDICIAL CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS MATERIAL DIDÁTICO RECUPERAÇÃO JUDICIAL E EXTRAJUDICIAL DIREITO COMERCIAL E LEGISLAÇÃO SOCIETÁRIA 3º SEMESTRE PROFESSORA PAOLA JULIEN OLIVEIRA DOS SANTOS ESPECIALISTA EM PROCESSO..

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA FICHA DE DISCIPLINA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA FICHA DE DISCIPLINA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ENGENHARIA QUÍMICA CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA FICHA DE DISCIPLINA DISCIPLINA: TÓPICOS ESPECIAIS EM LEGISLAÇÃO AMBIENTAL: Engenharia Química CÓDIGO: GEQ

Leia mais

RETA FINAL - MG Disciplina: Direito Empresarial Aula nº 01 DIREITO EMPRESARIAL

RETA FINAL - MG Disciplina: Direito Empresarial Aula nº 01 DIREITO EMPRESARIAL DIREITO EMPRESARIAL 1. Atividade Empresarial ( art. 966 e ss do CC) Art. 966. Considera-se empresário quem exerce profissionalmente atividade econômica organizada para a produção ou a circulação de bens

Leia mais

RESUMO. A responsabilidade da sociedade é sempre ilimitada, mas a responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas.

RESUMO. A responsabilidade da sociedade é sempre ilimitada, mas a responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas. RESUMO 1)Sociedade Limitada Continuação 1.1) Responsabilidade do sócio dentro da sociedade limitada. A responsabilidade da sociedade é sempre ilimitada, mas a responsabilidade de cada sócio é restrita

Leia mais

DIREITO EMPRESARIAL PEÇA PROFISSIONAL. 1 33. o Exame de Ordem Prova Prático-Profissional Direito Empresarial. UnB/CESPE OAB/RJ

DIREITO EMPRESARIAL PEÇA PROFISSIONAL. 1 33. o Exame de Ordem Prova Prático-Profissional Direito Empresarial. UnB/CESPE OAB/RJ DIREITO EMPRESARIAL PEÇA PROFISSIONAL Uma sociedade limitada é formada pelos sócios A, B e C, todos com idêntica participação societária. Constitui cláusula do contrato social que os sócios poderão ceder

Leia mais

ÍNDICE. Preâmbulo... 7 Nota à l O." edição 9 Abreviaturas TÍTULO

ÍNDICE. Preâmbulo... 7 Nota à l O. edição 9 Abreviaturas TÍTULO ÍNDICE Preâmbulo... 7 Nota à l O." edição 9 Abreviaturas 1J TÍTULO INTRODUÇÃO I GERAL l. Algumas noções sobre o objecto da disciplina 13 2. Escorço histórico do direito comercial 15 3. O presente e o futuro

Leia mais

PROGRAMA DE DISCIPLINA

PROGRAMA DE DISCIPLINA I. Curso: DIREITO PROGRAMA DE DISCIPLINA II. Disciplina: DIREITO COMERCIAL II (D-49) Área: Ciências Sociais Período: 9º (nono) Turno: matutino/noturno Ano: 2013.1 Carga Horária: 72 H; Créd.: 04 III. Pré-Requisito:

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal.

PLANO DE ENSINO. 5. RELAÇÕES INTERDISCIPLINARES Direito constitucional, civil, processual civil, penal, processual penal. PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Direito Professores: Evandro Muniz Período/ Fase: 9ª Semestre: 2º Ano: 2013 Disciplina: Direito empresarial

Leia mais

TEORIA GERAL DO DIREITO EMPRESARIAL

TEORIA GERAL DO DIREITO EMPRESARIAL Direito Societário É subárea do direito empresarial que disciplina a forma de exercício coletivo de atividade econômica empresária; Importante observação sobre as questões da primeira fase da OAB: 25%

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR MÓDULO 1. MEIOS NÃO ADVERSARIAIS DE RESOLUÇÃO DE CONFLITOS E JUIZADOS ESPECIAIS** **Optativa Ementa:

MATRIZ CURRICULAR MÓDULO 1. MEIOS NÃO ADVERSARIAIS DE RESOLUÇÃO DE CONFLITOS E JUIZADOS ESPECIAIS** **Optativa Ementa: MATRIZ CURRICULAR MÓDULO 1 METODOLOGIA DA PESQUISA (Esmesc Virtual)* *Obrigatória para o curso em nível de pós-graduação Ementa: O ato de pesquisar. Redação Técnica. Procedimentos Metodológicos. Projeto

Leia mais

Sumário. xiii. Olho_Willy_Titulos de Creditos.pmd 13

Sumário. xiii. Olho_Willy_Titulos de Creditos.pmd 13 Sumário INTRODUÇÃO TÍTULOS DE CRÉDITO: SUA HISTÓRIA... 1 1. Origem remota... 3 2. Letra de câmbio na antiguidade... 4 3. Origem lógica... 6 4. Período italiano instrumento de troca... 9 5. Período francês

Leia mais

SOCIEDADES COMERCIAIS

SOCIEDADES COMERCIAIS Legislação Societária / Direito Comercial Profª Mestre Ideli Raimundo Di Tizio p 11 SOCIEDADES COMERCIAIS Sociedade comercial é a pessoa jurídica de direito privado, nãoestatal, que tem por objeto social

Leia mais

STJ00097431 - V. 1 MARLON TOMAZETTE. cu SO DE DlREIT EMP S RIAL. Teoria. Societário. 6ª Edição. Volume 1

STJ00097431 - V. 1 MARLON TOMAZETTE. cu SO DE DlREIT EMP S RIAL. Teoria. Societário. 6ª Edição. Volume 1 MARLON TOMAZETTE cu SO DE DlREIT EMP S RIAL Teoria Societário 6ª Edição Volume 1 são PAULO EDITORA ATLAS S.A. - 2014 2007 by Editora Atlas SA 1.ed. 2008; 2. ed. 2009;3. ed. 2011; 4. ed. 2012; 5. ed. 2013;

Leia mais

Universidade Estadual de Ponta Grossa Pró-Reitoria de Recursos Humanos Diretoria de Provimento, Capacitação e Qualidade de Vida no Trabalho

Universidade Estadual de Ponta Grossa Pró-Reitoria de Recursos Humanos Diretoria de Provimento, Capacitação e Qualidade de Vida no Trabalho DEPARTAMENTO DE DIREITO DO ESTADO DIREITO INTERNACIONAL 1- Tratado Internacional 2- Mercosul 3- União Europeia 4- Estados como sujeitos do Direito Internacional 5- Órgãos das Relações entre os Estados

Leia mais

INTERPRETAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS

INTERPRETAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Unidade III INTERPRETAÇÃO DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Prof. Walter Dominas Objetivos da disciplina Essa disciplina tem dois objetivos principais: O primeiro objetivo é a determinação do valor da empresa.

Leia mais

a) Título (Alteração contratual), recomendando-se indicar o nº de seqüência da alteração;

a) Título (Alteração contratual), recomendando-se indicar o nº de seqüência da alteração; ALTERAÇÃO DE SOCIEDADE EMPRESÁRIA: *ELEMENTOS DA ALTERAÇÃO CONTRATUAL a) Título (Alteração contratual), recomendando-se indicar o nº de seqüência da alteração; b) Preâmbulo; c) Corpo da alteração: Nova

Leia mais

Área Falência e Recuperação Judicial/Extrajudicial

Área Falência e Recuperação Judicial/Extrajudicial Área Falência e Judicial/Extrajudicial ÁREA FALÊNCIA E RECUPERAÇÃO JUDICIAL/EXTRAJUDICIAL Descrição da Classe Ação Civil Pública 65 judicial e Falência Empresas 9616 Alienação Judicial de Bens 52 Alienação

Leia mais

AULA 03 SOCIEDADE EFEITOS DA PERSONIFICAÇÃO PERSONALIDADE JURÍDICA PRÓPRIA SOCIEDADE X SÓCIO B SÓCIO A EMPREGADO C.CORRENTE EFEITOS LEASING CREDORES

AULA 03 SOCIEDADE EFEITOS DA PERSONIFICAÇÃO PERSONALIDADE JURÍDICA PRÓPRIA SOCIEDADE X SÓCIO B SÓCIO A EMPREGADO C.CORRENTE EFEITOS LEASING CREDORES PERSONALIDADE JURÍDICA PRÓPRIA AULA 03 3.1 S X SÓCIO A SÓCIO B EFEITOS DA PERSONIFICAÇÃO SÓCIO A EMPREGADO C.CORRENTE LEASING NACIONALIDADE NOME EMPRESARIAL EFEITOS LEGITIMIDADE PROCESSUAL TITULARIDADE

Leia mais

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO

ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO ESTATUTO SOCIAL DO CLUBE DE INVESTIMENTOS IMPACTO I Denominação e Objetivo Artigo 1º - O Clube de Investimento IMPACTO constituído por número limitado de membros que tem por objetivo a aplicação de recursos

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS

SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS ATO SERVIÇOS PRESTADOS PELA JUNTA COMERCIAL DE ALAGOAS CÓDIGO DO ATO CÓDIGO DO EVENTO PRAZO PARA ARQUIVAMENTO DAR (Código 3220-4) DARF (Código 6621) 1. EMPRESÁRIO (até 4 vias) (213-5) 1.1. Inscrição (registro

Leia mais

EMENTA: DIREITO EMPRESARIAL: empresa, espécies, divisão. Empresário. Atos de empresário. Sociedades empresariais.

EMENTA: DIREITO EMPRESARIAL: empresa, espécies, divisão. Empresário. Atos de empresário. Sociedades empresariais. AULA XI CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: DIREITO PRIVADO: EMPRESARIAL PROFª: PAOLA JULIEN O. SANTOS CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ EMENTA: DIREITO EMPRESARIAL: empresa, espécies, divisão. Empresário. Atos

Leia mais

2ª ATIVIDADE: (TRABALHO MANUSCRITO): COMENTÁRIO LIVRE EM 10 LINHAS REFERENTE A UMA PESQUISA LEGISLATIVA.

2ª ATIVIDADE: (TRABALHO MANUSCRITO): COMENTÁRIO LIVRE EM 10 LINHAS REFERENTE A UMA PESQUISA LEGISLATIVA. MATRÍCULA: CURSO: SEMESTRE: UNIDADE: ENTREGA / / - PRAZO LIMITE AV1. Vide dicas MDE: Material Didático Estácio. 1ª ATIVIDADE: Pesquisar um tema referente a matéria na biblioteca e redigir um artigo nos

Leia mais

I Das vagas abertas para seleção:

I Das vagas abertas para seleção: A Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Ibmec/RJ torna pública a abertura de processo seletivo para contratação de professor horista para o Curso de Graduação em Direito. I Das vagas abertas para seleção:

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS

SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS SERVIÇOS PRESTADOS PELA DO DO F 1. EMPRESÁRIO (213-5) 1.1. Inscrição (registro inicial) 080 080 02 dias úteis R$ 88,00 R$ 10,00 1.2 Alteração (exceto para filiais) Alteração de nome empresarial (código

Leia mais

R E S O L V E U: Art. 2. A sociedade corretora tem por objeto social:

R E S O L V E U: Art. 2. A sociedade corretora tem por objeto social: RESOLUCAO 1.655 --------------- O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do artigo 9. da Lei n. 4.595, de 31.12.64, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO NACIONAL, em sessão realizada em 25.10.89, tendo em

Leia mais

TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES E DISSOLUÇÃO DA SOCIEDADE CONTRATUAL. 1. TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES - GENERALIDADES:

TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES E DISSOLUÇÃO DA SOCIEDADE CONTRATUAL. 1. TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES - GENERALIDADES: UNIDADE VI CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES E DISSOLUÇÃO DA SOCIEDADE CONTRATUAL. PROFª: PAOLA SANTOS TIPOS SOCIETÁRIOS MENORES E DISSOLUÇÃO DA SOCIEDADE CONTRATUAL. 1. TIPOS SOCIETÁRIOS

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS

SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO JUNTA COMERCIAL DO ESTADO DE ALAGOAS SERVIÇOS PRESTADOS PELA 1. EMPRESÁRIO (213-5) DO F 1.1. Inscrição (registro inicial) 080 080 02 dias úteis R$ 85,00 R$ 10,00 1.2 Alteração (exceto para filiais) Alteração de nome empresarial (código de

Leia mais

PARTE I DO DIREITO PRIVADO

PARTE I DO DIREITO PRIVADO PARTE I INTRODUÇÃO ÍNDICE SISTEMÁTICO AO ESTUDO DO DIREITO PRIVADO O DIREITO ÍNDICE E AS SUAS FONTES Objecto e plano do curso... 21 PARTE I INTRODUÇÂO AO ESTUDO DO DIREITO PRIVADO TÍTULO I O DIREITO E

Leia mais

Curso de CIÊNCIAS CONTÁBEIS Disciplina: Direito Empresarial

Curso de CIÊNCIAS CONTÁBEIS Disciplina: Direito Empresarial UNIVERSIDADE DE ESTADUAL DO CEARÁ - UECE Curso de CIÊNCIAS CONTÁBEIS Disciplina: Direito Empresarial Prof. José Carlos Fortes Data: / / Aluno(a): Mat. Simulado 2 Questão 1 (PROCURADOR DO ESTADO/PGE/MS

Leia mais

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL PONTOS DA PROVA ESCRITA

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL PONTOS DA PROVA ESCRITA Estágio Supervisionado I (Prática Processual Civil) Processual Civil II Processual Civil I Civil VI Civil V Civil IV Civil III Civil I ÁREA DE CONCENTRAÇÃO: DIREITO CIVIL E DIREITO PROCESSUAL CIVIL Pessoa

Leia mais

CURSO DE DIREITO EMPRESARIAL

CURSO DE DIREITO EMPRESARIAL MARLON TOMAZETTE CURSO DE DIREITO EMPRESARIAL 'l'ítu]os de Crédit() 6ª Edição Volume 2 Atualizado de acordo com o novo CPC são PAULO EDITORA ATLAS S.A. - 2015 2009 by Editora Atlas S.A. 1. ed. 2009; 2.

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA DREI Nº 14, DE 5 DE DEZEMBRO DE 2013

INSTRUÇÃO NORMATIVA DREI Nº 14, DE 5 DE DEZEMBRO DE 2013 Presidência da República Secretaria da Micro e Pequena Empresa Secretaria de Racionalização e Simplificação Departamento de Registro Empresarial e Integração INSTRUÇÃO NORMATIVA DREI Nº 14, DE 5 DE DEZEMBRO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.655. Wadico Waldir Bucchi Presidente. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen.

RESOLUÇÃO Nº 1.655. Wadico Waldir Bucchi Presidente. Este texto não substitui o publicado no DOU e no Sisbacen. 1 RESOLUÇÃO Nº 1.655 O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do artigo 9º da Lei nº 4.595, de 31.12.64, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO NACIONAL, em sessão realizada em 25.10.89, tendo em vista o disposto

Leia mais

OAB XIV EXAME PROVA BRANCA. Comentário às questões de Direito Empresarial

OAB XIV EXAME PROVA BRANCA. Comentário às questões de Direito Empresarial OAB XIV EXAME PROVA BRANCA Comentário às questões de Direito Empresarial A prova, no geral, foi bem elaborada e não admite recursos. Critica-se apenas a questão 49, pela inclusão da duplicata cartularizada,

Leia mais

ANEXO F: ANEXO DO PROJETO PEDAGÓGICO VERSÃO 2007.

ANEXO F: ANEXO DO PROJETO PEDAGÓGICO VERSÃO 2007. ANEXO F: ANEXO DO PROJETO PEDAGÓGICO VERSÃO 2007. DESCRIÇÃO DAS EMENTAS, OBJETIVOS, PLANO DE DISCIPLINAS E BIBLIOGRAFIA. DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS: ORGANIZAÇÃO DE EMPRESAS Ementa: Empresa. Técnicas de Administração,

Leia mais

PROCESSOS DE REORGANIZAÇÃO SOCIETÁRIA 1

PROCESSOS DE REORGANIZAÇÃO SOCIETÁRIA 1 PROCESSOS DE REORGANIZAÇÃO SOCIETÁRIA 1 1.1 - Aspectos Introdutórios 1.1.1 - Objetivos Básicos Tais operações tratam de modalidades de reorganização de sociedades, previstas em lei, que permitem às empresas,

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ UNIDADE VII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE LIMITADA PROFª: PAOLA SANTOS SOCIEDADE LIMITADA

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ UNIDADE VII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE LIMITADA PROFª: PAOLA SANTOS SOCIEDADE LIMITADA UNIDADE VII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE LIMITADA PROFª: PAOLA SANTOS SOCIEDADE LIMITADA 1. LEGISLAÇÃO APLICÁVEL A sociedade limitada é o tipo societário de maior presença na economia brasileira.

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ UNIDADE VIII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE POR AÇÕES: SOCIEDADE ANÔNIMA PROFª: PAOLA SANTOS

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ UNIDADE VIII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE POR AÇÕES: SOCIEDADE ANÔNIMA PROFª: PAOLA SANTOS UNIDADE VIII CIÊNCIAS CONTÁBEIS TEMA: SOCIEDADE POR AÇÕES: SOCIEDADE ANÔNIMA PROFª: PAOLA SANTOS SOCIEDADE POR AÇÕES CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ 1. INTRODUÇÃO Duas são as sociedade por ações, também

Leia mais

SOCIEDADE ENTRE CÔNJUGES

SOCIEDADE ENTRE CÔNJUGES DIREITO SOCIETÁRIO DIREITO SOCIETÁRIO Sociedade empresária/ Empresário individual Distinção entre a sociedade simples e a sociedade empresária objeto social art.982 CC/02 Duas exceções p.único do art.982

Leia mais

AS SOCIEDADES ANÓNIMAS, ANALISADAS A PARTIR DE SEUS ELEMENTOS CONSTITUTIVOS

AS SOCIEDADES ANÓNIMAS, ANALISADAS A PARTIR DE SEUS ELEMENTOS CONSTITUTIVOS AS SOCIEDADES ANÓNIMAS, ANALISADAS A PARTIR DE SEUS ELEMENTOS CONSTITUTIVOS Woille Aguiar Barbosa 1 1. RESUMO Este estudo se destina a realizar uma análise da função da sociedade anônima, através da compreensão

Leia mais

1. Formalidade versus informalidade e a perspectiva dos Direitos Humanos

1. Formalidade versus informalidade e a perspectiva dos Direitos Humanos 1. IDENTIFICAÇÃO CÓDIGO DA DISCIPLINA: D-38 PERÍODO: 7º CRÉDITO: 04 CARGA HORÁRIA SEMANAL: 04 CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 60 NOME DA DISCIPLINA: DIREITO COMERCIAL II NOME DO CURSO: DIREITO 2. EMENTA Títulos

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 1.120. II - (Revogado pela Resolução 2927, de 17/01/2002). III - (Revogado pela Resolução 2099, de 17/08/1994).

RESOLUÇÃO Nº 1.120. II - (Revogado pela Resolução 2927, de 17/01/2002). III - (Revogado pela Resolução 2099, de 17/08/1994). 1 RESOLUÇÃO Nº 1.120 O BANCO CENTRAL DO BRASIL, na forma do art. 9º da Lei nº 4.595, de 31.12.64, torna público que o CONSELHO MONETÁRIO NACIONAL, em sessão realizada nesta data, tendo em vista as disposições

Leia mais