Brazil IT Snapshot 2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Brazil IT Snapshot 2014"

Transcrição

1 Brazil IT Snapshot 2014 Um panorama sobre a maturidade da TIC corporativa brasileira

2 Map

3 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 3 A forma como a economia brasileira evolui, com maior inserção internacional e forte demanda por competitividade, exige uma atuação mais estratégica dos gestores das áreas de tecnologia em relação aos negócios. É uma mudança de perfil que se consolida e vem sendo acompanhada pela destinação crescente de recursos e orçamentos mais robustos para o departamento de TI. Diante desse cenário, pelo segundo ano consecutivo a PromonLogicalis e a Intel saem a campo para desenhar o mapa que revela o estágio de maturidade das grandes empresas brasileiras em relação à gestão dos recursos de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). Os principais resultados do Brazil IT Snapshot 2014 estão apresentados nas próximas páginas desta edição. O estudo tem como base a forma como as empresas se relacionam com quatro temas de grande relevância para a gestão da TIC corporativa brasileira: mobilidade, computação em nuvem, segurança da informação e continuidade de negócios. Este ano, o Brazil IT Snapshot 2014 inclui o tema novos conceitos tecnológicos, com o objetivo de identificar como as companhias acompanham e avaliam a adoção das inovações das áreas de TI e Telecom. O índice de maturidade apontado pelo estudo mostra como as empresas se classificam e qual o nível considerado ideal por elas, levando em conta cinco estágios, que variam da informalidade à excelência. Luís Minoru Shibata Diretor de Consultoria Sumário Metodologia e amostragem 4 Highlights 5 Maturidade 7 Investimentos 9 Novos conceitos tecnológicos 11 Mobilidade 12 Cloud computing 13 Segurança e continuidade de negócios 15 Conclusão 17

4 4 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Metodologia e amostragem O estudo conduzido pela Somatório Pesquisa e Informação ouviu gestores de 211 empresas, com faturamento entre R$ 100 milhões e R$ 5 bilhões, nas cinco regiões do País, durante fevereiro e março de A região Sudeste abriga metade das companhias incluídas na amostra, vindo a seguir as regiões Sul (26%), Nordeste (15%), Centro-Oeste (7%) e Norte (3%). Para que pudesse espelhar o perfil exato da economia brasileira, o estudo elegeu empresas dos setores industrial, financeiro, do comércio e de serviços, além da área governamental. As entrevistas foram realizadas por telefone, sempre que possível com o principal executivo de TIC ou gestor responsável pela contratação de serviços, cuja atuação envolva decisões estratégicas da área de tecnologia. Para que pudesse espelhar o perfil exato da economia brasileira, o estudo elegeu empresas dos setores industrial, financeiro, do comércio e de serviços, além da área governamental.

5 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 5 Highlights As companhias que atuam no Brasil estão posicionadas em um nível médio de maturidade na aplicação de recursos de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) em benefício dos negócios, de acordo com os dados obtidos pelo Brazil IT Snapshot O estudo indica que há uma forte determinação em elevar esse patamar. Dois aspectos se destacam nesse sentido: o primeiro deles é o modelo ideal almejado pelos gestores, bem superior ao estágio em que se encontram atualmente; o segundo é a decisão de ampliar os investimentos a cada ano. Em 2014, o aumento apontado foi de 14% em relação a Das 211 empresas ouvidas, 49% devem aplicar mais recursos em relação ao ano anterior, percentual idêntico ao apresentado no ano passado. É o caso, por exemplo, dos setores de comércio e serviços. Apesar de ainda estarem longe do grau considerado por seus gestores de TIC como ideal, são aqueles para os quais a percepção da área de TIC é mais estratégica para os negócios. A maioria das empresas desses setores deve ampliar ou no mínimo manter os investimentos em tecnologia. Variação do Investimento em TI / Telecom Maior do que em % Menor do que em 2013 Quantos por cento maior? 49% 25% Quantos por cento menor? % Aumento Mediana = 20 m (25% 75%) = 25 Igual ao de 2013 % Redução Mediana = 30 m (25% 75%) = 29

6 6 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis O grande desafio apontado pelos gestores não é mais entender a tecnologia, mas contar com mão de obra qualificada para consolidar uma nova cultura que promova o uso intensivo de ferramentas de TIC. Os recursos de TI e de telecomunicações estão diretamente vinculados ao esforço das empresas em buscar mais produtividade e agilidade nos negócios. As corporações, segundo os dados obtidos, enxergam a tecnologia principalmente como uma ferramenta de melhoria dos processos, de produtividade e de suporte para decisões. O posicionamento de TI como um diferencial competitivo e de inovação aparece em menor grau o que pode ser explicado pelo estágio médio de maturidade em que se encontram. É possível constatar, porém, que as soluções de TIC estão cada vez mais próximas dos negócios. O perfil dos investimentos mostra que as empresas buscam cada vez mais soluções com as quais possam obter melhores resultados de produtividade na operação. O grande desafio apontado pelos gestores não é mais entender a tecnologia, mas contar com mão de obra qualificada para consolidar uma nova cultura que promova o uso intensivo de ferramentas de TIC. As companhias também demonstram abertura para a adoção de novos conceitos tecnológicos. Principais Benefícios da TIC 1º 2º 3º 4º 5º Produtividade / agilidade Suporte à tomada de decisão Redução de custos Eficiência operacional Diferencial competitivo / inovação 30% 25% 25% 15% 5% 20% 31% 19% 19% 11% 20% 26% 18% 13% 23% 15% 15% 35% 25% 11% 21% 11% 10% 18% 40%

7 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 7 Maturidade Há, entre os gestores de TIC, uma visão bastante homogênea na avaliação que fazem do nível de maturidade tecnológica de suas empresas e de seus concorrentes. As porcentagens, quando não são iguais, estão muito próximas. O nível intermediário predomina tanto na autoavaliação (58%) como na análise da concorrência (54%). Essa diferença de quatro pontos percentuais se inverte no nível de excelência. As companhias enxergam os concorrentes em vantagem: 6% para 2%. No conjunto dos setores, a distância maior entre o grau de maturidade autodeclarada e o estágio ideal a ser alcançado está no grau de excelência (2% para 42%). O salto é menor para aquelas corporações que se autodeclaram maduras (24% para 51%). Embora em todos os setores as empresas tenham a excelência como meta, apenas os setores de utilities, manufatura e serviços, pela ordem, apresentam pequena proporção de companhias que se declaram nesse estágio. Nível 4 Excelência Nível 3 Maduro Processos e métricas difundidos e aceitos Alinhamento com as melhores práticas do mercado Indicadores formais Benefícios de TIC visíveis Nível 2 Intermediário Nível 1 Baixa maturidade Nível 0 Informal Alinhamento entre TIC e atividades críticas do negócio Algumas interações formais com as áreas de negócio TIC reativa

8 8 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Maturidade Autodeclarada da Empresa Excelência 2% Maduro 24% Intermediário 58% Baixa maturidade 14% Informal 2% Maturidade Ideal / Necessária Excelência Maduro Intermediário 7% Baixa maturidade < 1% Informal 0% Maturidade dos concorrentes 42% 51% Há, entre os gestores de TIC, uma visão bastante homogênea na avaliação que fazem do nível de maturidade tecnológica de suas empresas e de seus concorrentes. Excelência 6% Maduro 24% Intermediário 54% Baixa maturidade 14% Informal 2%

9 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 9 Investimentos O volume de investimentos em tecnologia da informação e telecomunicações em 2014 deve aumentar ou, no mínimo, ficar igual ao que foi previsto em Para 49% das empresas, o orçamento deste ano prevê valores maiores, enquanto 25% devem manter o montante aplicado em As corporações que vão reduzir o orçamento representam 21% da amostra e estão concentradas nos setores industrial e de utilities. Na soma total, o valor investido pelas empresas ouvidas será 14% maior em Os setores de finanças e de comércio são aqueles que mais ampliarão os investimentos. Para 49% das empresas, o orçamento deste ano prevê valores maiores, enquanto 25% devem manter o montante aplicado em Matriz de Decisão de Investimentos Centralizada 39% 61% Compartilhada As decisões de investimento em TI e Telecom de sua empresa são centralizadas na sua área ou são compartilhadas com outras áreas? Em qual nível ou área de sua empresa o orçamento de TI e Telecom é aprovado ou reportado? Áreas Envolvidas nas Decisões Nível de Aprovação / Report Diretoria Executiva /Alta Adm 32% 59% Área Financeira/Controladoria 15% 16% Diretoria de TI Conselho Adm / Comitê Gestor Área Administrativa 14% 13% 10% 4% 9% 13% Áreas Envolvidas Outras 1% 4% 3% < 1%

10 10 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Distribuição do Investimento CAPEX 2014 Distribuição do Investimento OPEX 2014 Segurança 25% Prestação de Serviços / Terceirização 27% Redes 20% Telefonia e Conectividade 14% Data Center 19% Aplicações /Software 14% Aplicações /Software 19% Data Center 12% Comunicação Unificada 12% Redes 9% Consultoria 5% Comunicação Unificada 8% Outros < 1% Segurança 8% Consultoria 7% Outros < 1% Em relação ao estudo anterior, houve uma mudança substancial no perfil dos investimentos. Em 2014, os itens segurança (25%) e redes (20%) lideram como prioridades, enquanto data centers e aplicações/software, que no ano passado alcançavam níveis acima de 40%, desta vez aparecem na terceira posição (19%). Nos próximos estudos, com uma base de comparação maior, será possível identificar as tendências que interferem no perfil dos investimentos, especialmente aquelas relacionadas a novas demandas do mercado. No caso de data centers, pela natureza de sua estrutura física e operacional, é razoável concluir que a eles não sejam destinados recursos no mesmo volume a cada ano. Quando indagadas sobre qual será o principal foco do investimento em TI e Telecom, 61% das companhias apontaram a manutenção das tecnologias existentes. O percentual de empresas cujo foco são as novas tecnologias caiu de 61%, em 2013, para 53% neste ano. Nos setores de finanças e de comércio, o foco em novas tecnologias é mais acentuado. Já nos setores industrial e de utilities, é predominante o investimento na manutenção das tecnologias existentes. Os dados do estudo apontam que 61% das empresas compartilham com outros departamentos a decisão sobre investimentos em TIC. No estudo de 2013, havia um equilíbrio maior. A decisão de compra centralizada na área de TI apontada por 49% das respostas caiu para 39% em Além estar envolvida nas decisões de investimento para 32% das companhias que descentralizam o processo, a alta direção se mantém como última instância de aprovação do orçamento para 59% das empresas ouvidas. A área financeira/controladoria é a segunda em grau de importância no processo decisório. O grau de envolvimento das áreas de negócios e da alta direção na definição de investimentos e do orçamento de tecnologia é mais um fator que demonstra a crescente maturidade das corporações brasileiras nesse quesito.

11 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 11 Novos conceitos tecnológicos Além das três áreas pesquisadas em 2013 (Mobilidade, Cloud Computing e Segurança da Informação), o estudo de 2014 procurou identificar em que estágio de aplicação encontram-se os recursos de novos conceitos tecnológicos. As ferramentas de tratamento de dados (BI/ Analytics) já são adotadas por 51% das empresas. Entre as tecnologias apresentadas como inovadoras, é o recurso mais adotado. Em segundo lugar, com 18%, estão as aplicações corporativas das redes sociais (social business). Foco de Investimentos TI O resultado geral mostra que as companhias estão atentas às novas soluções e tendências tecnológicas, especialmente aquelas mais diretamente relacionadas aos negócios e ao trabalho das pessoas. Entre as tecnologias apresentadas como inovadoras, as ferramentas de tratamento de dados (BI/ Analytics) são o recurso mais adotado. Novas tecnologias Manutenção das tecnologias existentes 53% 61% Adoção de Novos Conceitos Tecnológicos BI /Analytics Social Business BYOD SDN M2M 18% 5%4% 14% 6% 2% 12% 1% 51% 8% 7% 34% 87% 73% 78% 16% 2% 82% Já adota Em processo de adoção Adoção em um ano Não adota / sem planos de adoção

12 12 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Mobilidade Mobilidade é uma tendência que se consolida e avança nas empresas. Em relação ao estudo de 2013, a utilização de smartphones cresceu de 76% para 79%, e a de tablets, saltou de 46% para 56%. É importante verificar que esse avanço foi acompanhado por uma evolução significativa da adesão a tecnologias e conceitos que suportam as políticas de mobilidade. É o caso da estruturação tecnológica para adoção de políticas para home office, que passou de 28% para 44% e dos desktops virtuais, adotados por 32% contra 23% em Não houve mudança significativa em relação ao BYOD (bring your own device). Ainda é alto (75%) o percentual de empresas que não adotam ou não têm planos de adotar o conceito no curto prazo. Um ponto que indica o maior aproveitamento dos recursos de mobilidade nas empresas é que a necessidade de investimento deixou de ser uma barreira. O principal fator crítico agora são as pessoas, como apontaram 39% das respostas dos CIOs. Mas é importante destacar que ainda há alguma dificuldade em relação aos processos, item apontado em segundo lugar por 44% dos respondentes. Adoção de Soluções de Mobilidade Smartphones Tablets Infraestrutura para Home Office Rede de Distribuição de Conteúdo VDI (Virtual Desktop Infrastructure) 79% 3% 3%15% 56% 6% 5% 34% 44% 5% 4% 47% 44% 6% 3% 47% 32% 5% 4% 59% Já adota Em processo de adoção Adoção em um ano Não adota / sem planos de adoção Infraestrutura para BYOD 13% 7% 5% 75% Fatores Críticos para Soluções de Mobilidade Pessoas Tecnologia Processos 39% 33% 28% 36% 23% 42% 25% 44% 31%

13 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 13 Cloud computing A computação em nuvem é adotada por 64% das empresas ouvidas no estudo. As nuvens privadas têm a preferência de 43% do total dos gestores. Já as aplicações em nuvens públicas se restringem a 4% da amostra. Os setores de utilities e de finanças são os que apresentam o maior percentual de serviços de TIC em nuvem (45%). A média geral de utilização é de 32%. As soluções de correio eletrônico se mantêm no topo das tecnologias contratadas no modelo de computação em nuvem, e apresentaram um salto de 37% para 63% na comparação entre 2013 e Houve avanço expressivo também em outras funções, tais como capacidade de processamento (servidores) e armazenamento (storage), adotadas, respectivamente, por 63% e 49% das empresas. A migração das ferramentas de gestão dos negócios (ERP) e do relacionamento com os clientes (CRM) evoluiu em ritmo mais lento. Cloud Privada 43% Adoção de Cloud Computing Qual tipo de Cloud sua empresa adota ou pretende adotar? Cloud Híbrida 17% Não adota / sem planos de adoção 35% Outros 1% Cloud Pública 4% As soluções de correio eletrônico se mantêm no topo das tecnologias contratadas no modelo de computação em nuvem, e apresentaram um salto de 37% para 63% na comparação entre 2013 e 2014.

14 14 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Em relação às barreiras para adoção de cloud computing, as questões culturais continuam sendo apontadas por 50% dos gestores como a principal dificuldade para disseminação do conceito. Em relação às barreiras para adoção de cloud computing, a opinião dos gestores de TI permanece igual, na comparação com o ano passado. As questões culturais são apontadas por 50% deles como a principal dificuldade para disseminação do conceito. O outro fator crítico mais importante está relacionado aos processos, apontado por 49% dos executivos como a segunda maior barreira. % de Serviços em Cloud Computing Menos de 25% 58% De 25% a 50% 10% De 50% a 75% 17% 75% a 100% 15% Adoção de Soluções de Cloud Computing Computing (servidores) 63% 10% 2% 25% 63% 5% 32% Já adota Em processo de adoção Storage EPR 49% 49% 7%3% 8% 41% 43% CRM 24% 7% 5% 64% Adoção em um ano Não adota / sem planos de adoção

15 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 15 Segurança da informação e continuidade de negócios O tema segurança, que vem ganhando importância cada vez maior nas corporações, é também aquele sobre o qual as empresas exibem maior grau de maturidade. É um ponto que o Brazil IT Snapshot já havia destacado em 2013 e que se confirma neste ano. As soluções básicas que compõem a primeira camada de proteção dos dados corporativos, eliminando vulnerabilidades e impedindo ameaças, são adotadas em 80% das empresas e estão em processo de implementação por outras 7%. Houve um avanço expressivo também na adoção de sistemas de combate a ameaças de conteúdo, aplicados na segunda camada de proteção. De 62%, em 2013, passaram para 74% neste ano. Outra evolução a se destacar é a dos sistemas de gestão de identidade, confirmando a perspectiva apontada pelos dados de Neste ano é bem maior a proporção de empresas que já adotaram as soluções (50%) em relação às que estão em processo de adoção (7%). No ano passado, essa proporção era de 38% para 29%. O tema segurança aparenta estar bem resolvido do ponto de vista tecnológico e da adequada adoção dos sistemas. A grande preocupação dos gestores de TI continua sendo a vulnerabilidade relacionada às pessoas, o que implica também a compreensão e a adesão aos processos de segurança.

16 16 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Fatores Críticos Segurança da Informação Conscientização 75% Definição das Políticas Definição dos Procedimentos 33% 19% Outros 1% Fatores Tecnológicos Mais Críticos Infraestrutura Lógica 55% Ambiente Físico Infraestrutura Física 33% 28% Outros 3% Para 70% das empresas, as pessoas representam o maior desafio. E para 75%, a conscientização dos profissionais é o fator mais crítico para o sucesso das políticas de segurança. Além de implantar sistemas de proteção, os gestores também estão preocupados em contar com uma alternativa para continuidade dos negócios no caso de algum incidente que deixe os sistemas fora de operação. O estudo aponta que 67% das empresas contam com um plano formal de continuidade dos negócios, e 23% têm projetos para implantar nos próximos três anos. Há equilíbrio na identificação dos fatores mais críticos para o sucesso da gestão de continuidade dos negócios, de forma semelhante ao que foi apontado em Tecnologia e pessoas são indicadas, respectivamente, por 38% e 35% das respostas como principal fator crítico. O item processos, embora esteja assinalado como primeiro ponto crítico somente para 28% dos gestores, é o que recebe mais menções como o segundo fator mais importante, assinalado por 49% das respostas.

17 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 17 Conclusão Assim como na natureza, a evolução tecnológica não queima etapas. O amadurecimento na esfera corporativa ocorre à medida que as soluções são testadas e comprovam sua eficiência e eficácia. Esta segunda edição do Brazil IT Snapshot mostra que as grandes empresas brasileiras estão avançando na adoção de tecnologias, embora em diferentes níveis, de acordo com o setor em que atuam. Os dados indicam que já existe um alinhamento entre TI e as áreas de negócios na maioria das corporações. E que parte delas já adota indicadores formais, o que torna visíveis os benefícios da tecnologia. Em outros termos, as empresas estão atentas aos processos e novas tecnologias, o que significa não apenas conquistar a confiança da alta direção em termos de aprovação de investimentos para as soluções tecnológicas, mas também encontrar os meios adequados e mais eficientes para implantá-las e disseminar novas culturas. Nosso objetivo é repetir este estudo nos próximos anos, de modo a criar um histórico capaz de traçar com exatidão as tendências que despontam no mercado brasileiro e os desafios a serem vencidos. Pelo que mostra o estudo, o caminho a se percorrer para amadurecer o uso corporativo de TIC implica superar uma segunda etapa da evolução. A posição dos gestores ao apontar desafios e fatores críticos parece deixar claro que a tecnologia deixou de ser uma barreira importante do ponto de vista do investimento. A etapa que precisa ser vencida para que o processo evolutivo siga seu caminho natural tem a ver com a formalização de políticas e a revisão de processos, além da criação de uma cultura tecnológica em todas as áreas corporativas.

18 18 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis Brazil IT Snapshot 2014 é um estudo da PromonLogicalis. Este documento contém informações de titularidade ou posse da PromonLogicalis, de suas controladas ou coligadas, e são protegidas pela legislação vigente. A reprodução total ou parcial desta obra é permitida apenas com prévia autorização da PromonLogicalis. Análise, coordenação e texto Thais Cerioni Marketing PromonLogicalis Para saber mais Entre em contato conosco para saber o que podemos fazer pela sua empresa. Guilherme Buzo Consultoria PromonLogicalis Alexandre Couto Consultoria PromonLogicalis Diretor responsável Luís Minoru Shibata

19 Brazil IT Snapshot 2014 PromonLogicalis 19 A PromonLogicalis Com mais de trinta anos de experiência, a PromonLogicalis oferece serviços de consultoria que têm auxiliado grandes corporações a entender como alavancar o negócio por meio da adoção de soluções de TIC. A PromonLogicalis é um provedor de serviços e soluções de tecnologia da informação e comunicação que atua com os principais fornecedores do mercado para cada solução, abrangendo desde o core e a infraestrutura de redes de acesso, passando por redes, colaboração, data centers e segurança da informação, até sua operação e gerenciamento.

20 Copyright 2014 PromonLogicalis All rights reserved.

Brazil IT Snapshot 2013

Brazil IT Snapshot 2013 Brazil IT Snapshot 2013 Um panorama sobre a maturidade da TIC corporativa brasileira Principais atribuições e benefícios de TIC de acordo com os entrevistados Lucro Inovação Automação Resultados Agilidade

Leia mais

Brazil IT Snapshot 2015

Brazil IT Snapshot 2015 Brazil IT Snapshot Um panorama sobre a maturidade da TIC corporativa brasileira Map Brazil IT Snapshot PromonLogicalis 3 Pelo terceiro ano consecutivo, a PromonLogicalis foi ao mercado para tirar uma fotografia

Leia mais

Tendências Tecnológicas: Como monetizar em oportunidades emergentes?

Tendências Tecnológicas: Como monetizar em oportunidades emergentes? : Como monetizar em oportunidades emergentes? 23 de Julho 2013 Confidencial Mercados emergentes têm previsão de crescimento de 2-3 vezes maiores do que mercados maduros em tecnologia nos próximos 2 anos.

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011

Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Janeiro 2011 Exclusivamente para empresas de médio porte Por dentro do mercado de médio porte: Uma perspectiva para 2011 Relatório para o Brasil Panorama global: Pesquisa com 2.112 líderes do mercado de

Leia mais

PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor

PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor CUSTOMER SUCCESS STORY PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor CUSTOMER PROFILE Empresa: PromonLogicalis Indústria: Tecnologia da Informação e Comunicações Funcionários:

Leia mais

Cloud computing. As oportunidades estão nas nuvens. Advisor. Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC

Cloud computing. As oportunidades estão nas nuvens. Advisor. Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC As oportunidades estão nas nuvens Foco Data center Tecnologia Virtualização Setor Grandes corporações, governo e operadoras Geografia

Leia mais

Empresas obtêm benefícios de negócios com o uso estratégico de Cloud

Empresas obtêm benefícios de negócios com o uso estratégico de Cloud I D C E X E C U T I V E B R I E F Empresas obtêm benefícios de negócios com o uso estratégico de Cloud outubro 2012 Anderson B. Figueiredo. Baseado em Pesquisa da IDC patrocinada pela T-Systems IDC EMEA,

Leia mais

Tendências de Investimentos em TI em 2013

Tendências de Investimentos em TI em 2013 Tendências de Investimentos em TI em 2013 Ivair Rodrigues Diretor de Estudos de Mercado Tatiane Ramos Coordenadora de Pesquisas Índice Direitos Autorais Objetivos deste estudo Metodologia Definição dos

Leia mais

Panorama do Cloud Computing no Brasil

Panorama do Cloud Computing no Brasil Panorama do Cloud Computing no Brasil O conceito de Cloud Computing está associado principalmente à ideia de empregar as mais variadas aplicações, processamento, armazenamento e memória de vários servidores

Leia mais

Tendências Dominantes na Apropriação de Tecnologias de Informação e Comunicação por Organizações Brasileiras. Raul Colcher raul.colcher@questera.

Tendências Dominantes na Apropriação de Tecnologias de Informação e Comunicação por Organizações Brasileiras. Raul Colcher raul.colcher@questera. Tendências Dominantes na Apropriação de Tecnologias de Informação e Comunicação por Organizações Brasileiras Raul Colcher raul.colcher@questera.com Fonte: ABES, 2013 Mercado Brasileiro de TI Os últimos

Leia mais

panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput

panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput Cloud Conf 2012 Agosto de 2012 Sobre a Frost & Sullivan - Consultoria Global com presença nos 4 continentes, em mais de 25 países, totalizando 40 escritórios.

Leia mais

Por Antonio Couto. Autor: Antonio Couto Enterprise Architect

Por Antonio Couto. Autor: Antonio Couto Enterprise Architect Cloud Computing e HP Converged Infrastructure Para fazer uso de uma private cloud, é necessário crescer em maturidade na direção de uma infraestrutura convergente. Por Antonio Couto O que é Cloud Computing?

Leia mais

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem

CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em. liderar o setor de big data e da nuvem 8 A pesquisa indica ênfase na criação de valor, mais do que na economia de custos; o investimento em big data, na nuvem e na segurança é predominante CIOs da região Ásia-Pacífico interessados em liderar

Leia mais

BYOD. Como preparar seus negócios para uma avalanche de dispositivos. Advisor

BYOD. Como preparar seus negócios para uma avalanche de dispositivos. Advisor Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC Como preparar seus negócios para uma avalanche de dispositivos Foco Mobilidade Tecnologia Redes, segurança e gerência Setor Grandes

Leia mais

Estratégia de TI. Posicionamento Estratégico da TI: como atingir o alinhamento com o negócio. Conhecimento em Tecnologia da Informação

Estratégia de TI. Posicionamento Estratégico da TI: como atingir o alinhamento com o negócio. Conhecimento em Tecnologia da Informação Conhecimento em Tecnologia da Informação Conhecimento em Tecnologia da Informação Estratégia de TI Posicionamento Estratégico da TI: como atingir o alinhamento com o negócio 2011 Bridge Consulting Apresentação

Leia mais

Governança de TI. Por que a Governança de TI é vista como fator chave para criação de valor para o Negócio? Conhecimento em Tecnologia da Informação

Governança de TI. Por que a Governança de TI é vista como fator chave para criação de valor para o Negócio? Conhecimento em Tecnologia da Informação Conhecimento em Tecnologia da Informação Governança de TI Por que a Governança de TI é vista como fator chave para criação de valor para o Negócio? 2010 Bridge Consulting Apresentação A Governança de Tecnologia

Leia mais

10º Estudo da Gestão de TI no Brasil

10º Estudo da Gestão de TI no Brasil www.pwc.com/br 10º Estudo da Gestão de TI no Brasil Sumário executivo Maio de 2011 PwC Índice Introdução Resultados Conclusão 3 5 11 1 1. Introdução A 10º edição do Estudo da Gestão de Tecnologia da

Leia mais

Adoção e Tendências dos Serviços de Cloud na América Latina: Rumo a um modelo de TI baseado em eficiência

Adoção e Tendências dos Serviços de Cloud na América Latina: Rumo a um modelo de TI baseado em eficiência Adoção e Tendências dos Serviços de Cloud na América Latina: Rumo a um modelo de TI baseado em eficiência Luciano Ramos Coordenador de Pesquisa de Software IDC Brasil A América Latina enfrenta o desafio

Leia mais

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível Crise? Como sua empresa lida com os desafios? Essa é a questão que está no ar em função das mudanças no cenário econômico mundial. A resposta a essa pergunta pode determinar quais serão as companhias mais

Leia mais

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Robson Vaamonde http://www.vaamonde.com.br http://www.procedimentosemti.com.br Professor do Curso Prof. Robson Vaamonde, consultor de Infraestrutura de

Leia mais

Perfil de investimentos em TI de 550 empresas e organizações em 2010 (Ferramenta de Geração de Leads)

Perfil de investimentos em TI de 550 empresas e organizações em 2010 (Ferramenta de Geração de Leads) Perfil de investimentos em TI de 550 empresas e organizações em 2010 (Ferramenta de Geração de Leads) O ISF entrevistou 1.140 empresas entre os meses de dezembro de 2009 e fevereiro de 2010, com o objetivo

Leia mais

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma 1 IDC - Equipe Pietro Delai Reinaldo Sakis João Paulo Bruder Luciano Ramos Gerente de Pesquisa e Consultoria -Enterprise Gerente de Pesquisa

Leia mais

Tendências de Mercado para 2011

Tendências de Mercado para 2011 Tendências de Mercado para 2011 Dezembro, 2010 Alexandre Vargas IT Infrastructure Market Analyst Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. IDC: Empresa líder em inteligência

Leia mais

Otimismo desenvolvedoras de softwares

Otimismo desenvolvedoras de softwares Otimismo nas nuvens Ambiente favorável alavanca negócios das empresas desenvolvedoras de softwares, que investem em soluções criativas de mobilidade e computação em nuvem para agilizar e agregar flexibilidade

Leia mais

Embratel e uma das Maiores Empresas Agroindustriais do País

Embratel e uma das Maiores Empresas Agroindustriais do País EMBRATEL CASE Embratel e uma das Maiores Empresas Agroindustriais do País O Portfólio de TI da Embratel a Serviço da Agroindústria A convergência de serviços de TI e telecom se consolida como fenômeno

Leia mais

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV DATA CENTER VIRTUAL - DCV Em entrevista, Pietro Delai, Gerente de Pesquisa e Consultoria da IDC Brasil relata os principais avanços

Leia mais

O Processo de Migração do Datacenter NET Novembro, 2014

O Processo de Migração do Datacenter NET Novembro, 2014 I D C C A S E S T U D Y O Processo de Migração do Datacenter NET Novembro, 2014 Renato Rosa, Brazil Research and Consulting Senior Analyst, IDC Brazil Patrocinado por HP Este estudo da IDC apresenta o

Leia mais

Oportunidades para as TIC no Novo Contexto Económico e Social

Oportunidades para as TIC no Novo Contexto Económico e Social Oportunidades para as TIC no Novo Contexto Económico e Social 10ª Edição Forum TI TechData 15 de Novembro Centro de Congressos de Lisboa 17 de Novembro Casa da Música, Porto Gabriel Coimbra Manging Director,

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE REDES E DATA CENTER 1º PERÍODO DE TECNOLOGIA DE REDES

ADMINISTRAÇÃO DE REDES E DATA CENTER 1º PERÍODO DE TECNOLOGIA DE REDES DESENHO DE SERVIÇO Este estágio do ciclo de vida tem como foco o desenho e a criação de serviços de TI cujo propósito será realizar a estratégia concebida anteriormente. Através do uso das práticas, processos

Leia mais

Como se preparar para o fenômeno da Consumerização

Como se preparar para o fenômeno da Consumerização Como se preparar para o fenômeno da Consumerização Anderson B. Figueiredo Gerente Pesquisa & Consultoria IDC Brasil Agosto/2013 2 Presença em mais de 110 países ao redor do mundo; Mais de 1.000 analistas

Leia mais

Conhecimento em Tecnologia da Informação. Catálogo de Serviços. Conceitos, Maturidade Atual e Desafios. 2012 Bridge Consulting All rights reserved

Conhecimento em Tecnologia da Informação. Catálogo de Serviços. Conceitos, Maturidade Atual e Desafios. 2012 Bridge Consulting All rights reserved Conhecimento em Tecnologia da Informação Catálogo de Serviços Conceitos, Maturidade Atual e Desafios 2012 Bridge Consulting All rights reserved Apresentação Esta publicação tem por objetivo apresentar

Leia mais

IT SERVICES. 1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Rio de Janeiro -RJ 13/02/2014

IT SERVICES. 1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia. LOCAL: Rio de Janeiro -RJ 13/02/2014 IT SERVICES 1º SEMINÁRIO: Gestão Estratégica para Departamentos Jurídicos e Escritórios de Advocacia LOCAL: Rio de Janeiro -RJ 13/02/2014 TEMA DA PALESTRA: Desafios da Gestão de TI no Mercado Jurídico

Leia mais

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Fundação Municipal de Tecnologia da Informação e Comunicação de Canoas Diretoria Executiva PLANO DIRETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2012 2015 Controle de Revisão Ver. Natureza Data Elaborador Revisor

Leia mais

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA SEGURANÇA CIBERNÉTICA Fevereiro/2015 SOBRE A PESQUISA Esta pesquisa tem como objetivo entender o nível de maturidade em que as indústrias paulistas se encontram em relação

Leia mais

Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data

Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data Tendências da 3ª Plataforma de Tecnologia e Big Data GUGST Maio 2014 Alexandre Campos Silva IDC Brazil Consulting Director (11) 5508 3434 - ( (11) 9-9292-2414 Skype: AlexandreCamposSilva Twitter: @xandecampos

Leia mais

w w w. y e l l o w s c i r e. p t

w w w. y e l l o w s c i r e. p t consultoria e soluções informáticas w w w. y e l l o w s c i r e. p t A YellowScire iniciou a sua atividade em Janeiro de 2003, é uma empresa de consultoria de gestão e de desenvolvimento em tecnologias

Leia mais

Advisor. Data Centers. A pressão por redução de custos e otimização de recursos

Advisor. Data Centers. A pressão por redução de custos e otimização de recursos Foco Redução de Custos Tecnologia Data Centers Setor Grandes Corporações Geografia América Latina Advisor Independent business analysis of technology trends for ICT decision makers Data Centers A pressão

Leia mais

Sumário. Introdução 3. Contexto 4. Os modelos de atuação 7. Análise de oportunidade e Gerenciando expectativas 9. Conclusão 13

Sumário. Introdução 3. Contexto 4. Os modelos de atuação 7. Análise de oportunidade e Gerenciando expectativas 9. Conclusão 13 Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC Um novo mercado a ser explorado no Brasil Foco Consultoria Tecnologia Telefonia móvel Setor Grandes corporações, governo e operadoras

Leia mais

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions

Rumo à Integração de Segurança. IDC FutureScape IT Security Products and Services 2015 Predictions Rumo à Integração de IDC FutureScape IT Security Products and Services 0 Predictions ª Plataforma Processo de Decisão Evolução da ª Plataforma focalizada no risco do acesso a servidores centralizados e

Leia mais

SUMÁRIO. Sistemas a serem considerados na construção de data centers. A gestão do projeto e a integração dos fornecedores

SUMÁRIO. Sistemas a serem considerados na construção de data centers. A gestão do projeto e a integração dos fornecedores REPORT 04 e fevereiro de 2013 INFRAESTRUTURA FÍSICA E DATA CENTERS SUMÁRIO Introdução O que são data centers Padrões construtivos para data centers Sistemas a serem considerados na construção de data centers

Leia mais

Mercado projeta crescimento sólido

Mercado projeta crescimento sólido Indicadores Mercado projeta crescimento sólido Receitas de serviços de Marketing Direto em 2009 atingem R$ 21,7 bilhões e crescem 11,3% com relação ao ano anterior. Projeção do mercado é de evolução de

Leia mais

Proteção de Dados no Contexto do Outsourcing de Infraestrutura de TI TIVIT Leonardo Brito Gibrail

Proteção de Dados no Contexto do Outsourcing de Infraestrutura de TI TIVIT Leonardo Brito Gibrail Proteção de Dados no Contexto do Outsourcing de Infraestrutura de TI TIVIT Leonardo Brito Gibrail Engenharia de Negócios 1 Agenda 1 Sobre a TIVIT 2 IT Outsourcing 3 Parceria TIVIT & Symantec 4 Projeto

Leia mais

GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS. Realização:

GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS. Realização: GESTÃO DE SERVIÇOS DE TI: OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E PROCESSOS Realização: Ademar Luccio Albertin Mais de 10 anos de experiência em Governança e Gestão de TI, atuando em projetos nacionais e internacionais

Leia mais

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program

O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada. CFO Program O futuro da área de finanças Uma visão a ser compartilhada CFO Program O futuro da área de finanças Temos o orgulho de compartilhar com vocês nossa visão de como será a área de finanças no futuro. Esta

Leia mais

Tendências para o Mercado de TI

Tendências para o Mercado de TI Tendências para o Mercado de TI Disponibilidade de Mão de Obra Mauro F Peres Country Manager Copyright 2011 IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. IDC# IDC - International

Leia mais

A Tecnologia e Inovação para alavancar seu negócio. Marcos Leite Diretor Comercial da Artsoft Sistemas

A Tecnologia e Inovação para alavancar seu negócio. Marcos Leite Diretor Comercial da Artsoft Sistemas A Tecnologia e Inovação para alavancar seu negócio. Marcos Leite Diretor Comercial da Artsoft Sistemas - O que há de mais moderno ao seu alcance. Tecnologia On Demand NECESSIDADES DE TI Onde e como hospedar

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

tendências MOBILIDADE CORPORATIVA Setembro/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 03 Introdução Cenário atual Tendências Vantagens Riscos

tendências MOBILIDADE CORPORATIVA Setembro/2012 INFORMATIVO TECNOLÓGICO DA PRODESP EDIÇÃO 03 Introdução Cenário atual Tendências Vantagens Riscos tendências EDIÇÃO 03 Setembro/2012 MOBILIDADE CORPORATIVA Introdução Cenário atual Tendências Vantagens Riscos Recomendações para adoção de estratégia de mobilidade 02 03 04 06 07 08 A mobilidade corporativa

Leia mais

Porque a terceirização da infraestrutura deve ser o primeiro passo para a transformação de TI

Porque a terceirização da infraestrutura deve ser o primeiro passo para a transformação de TI Porque a terceirização da infraestrutura deve ser o primeiro passo para a transformação de TI A Frost & Sullivan White Paper Patrocinado pela Embratel Porque a terceirização da infraestrutura deve ser

Leia mais

Estado da Nação das TIC em Angola

Estado da Nação das TIC em Angola Estado da Nação das TIC em Angola CIO AGENDA ANGOLA 2013 AS TI TI COMO ALAVANCA DE CRESCIMENTO DO NEGÓCIO 21 de Maio, Hotel Sana Epic, Luanda Gabriel Coimbra General Manager, IDC Angola gcoimbra@idc.com

Leia mais

Tópico 28 e 29 Política de Segurança da Informação. Política de Segurança da Informação

Tópico 28 e 29 Política de Segurança da Informação. Política de Segurança da Informação Tópico 28 e 29 Política de Segurança da Informação Política de segurança da Informação. Metodologia de levantamento da política de segurança. Objetivos e responsabilidades sobre a implementação. Métodos

Leia mais

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO Consultoria Frost & Sullivan Por que investir em Data Center? Mercado brasileiro de Data Center

Leia mais

A MOBILIDADE NAS EMPRESAS E A TRANSFORMAÇÃO DOS ERP

A MOBILIDADE NAS EMPRESAS E A TRANSFORMAÇÃO DOS ERP A MOBILIDADE NAS EMPRESAS E A TRANSFORMAÇÃO DOS ERP Conteúdos A MOBILIDADE NAS EMPRESAS E A TRANSFORMAÇÃO DOS ERP... 3 PREPARA-SE PARA UMA MAIOR MOBILIDADE... 4 O IMPACTO DOS ERP NO MOBILE... 5 CONCLUSÕES...

Leia mais

Impacto da nuvem sobre os modelos de consumo de TI 10 principais percepções

Impacto da nuvem sobre os modelos de consumo de TI 10 principais percepções Impacto da nuvem sobre os modelos de consumo de TI 10 principais percepções Joseph Bradley James Macaulay Andy Noronha Hiten Sethi Produzido em parceria com a Intel Introdução Em apenas alguns anos, a

Leia mais

Governança de TI. 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT

Governança de TI. 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT Governança de TI Governança de TI 1. Contexto da TI 2. Desafios da TI / CIOs 3. A evolução do CobiT 4. Estrutura do CobiT 5. Governança de TI utilizando o CobiT TI precisa de Governança? 3 Dia-a-dia da

Leia mais

Número do Recibo:83500042

Número do Recibo:83500042 1 de 21 06/06/2012 18:25 Número do Recibo:83500042 Data de Preenchimento do Questionário: 06/06/2012. Comitête Gestor de Informática do Judiciário - Recibo de Preenchimento do Questionário: GOVERNANÇA

Leia mais

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica

Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação. Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Sucesu RS A Tecnologia a Favor da Inovação Serviços de Cloud Computing para operações de missão crítica Fernando Bittar Diretor de Novos Negócios ITM IT Management Contexto do Mercado de Cloud Computing

Leia mais

Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais

Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais Seminário de Governança de Tecnologia da Informação das Empresas Estatais Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest) Rodrigo Assumpção Presidente Dataprev Principais serviços

Leia mais

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB)

A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação. O que significa para a TI e a linha de negócios (LOB) A mudança na aquisição de soluções de tecnologia da informação Maio de 2014 O novo comprador de tecnologia e a mentalidade de aquisição Existe hoje um novo comprador de tecnologia da informação Esse comprador

Leia mais

Pesquisa FGV-EAESP de Comércio Eletrônico no Mercado Brasileiro 16 a Edição 2014

Pesquisa FGV-EAESP de Comércio Eletrônico no Mercado Brasileiro 16 a Edição 2014 Resumo Introdução O Comércio Eletrônico é um dos aspectos relevantes no ambiente empresarial atual e tem recebido atenção especial das empresas nos últimos anos, primeiro por ser considerado como uma grande

Leia mais

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática

Workshop de Marketing Estratégico e. Inteligência Competitiva na Prática Workshop de Marketing Estratégico e Inteligência Competitiva na Prática Outubro 2009 As Inteligências Realidade, Desafios e Cenários Marketing e Vendas Método REVIE Rede de Valor para Inteligência Empresarial

Leia mais

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números

Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Pesquisa FEBRABAN de Tecnologia Bancária 2013 O Setor Bancário em Números Um sistema financeiro saudável, ético e eficiente é condição essencial para o desenvolvimento econômico, social e sustentável do

Leia mais

Inteligência de Parceiros e Colaboração nos Negócios: a evolução no setor de Telecomunicações

Inteligência de Parceiros e Colaboração nos Negócios: a evolução no setor de Telecomunicações Inteligência de Parceiros e Colaboração nos Negócios: a evolução no setor de Telecomunicações Daniela Ramos Teixeira Para vencer a guerra diária num cenário co-opetivo (competitivo e cooperativo), as empresas

Leia mais

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV

Certificação ISO/IEC 27001. SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação. A Experiência da DATAPREV Certificação ISO/IEC 27001 SGSI - Sistema de Gestão de Segurança da Informação A Experiência da DATAPREV DATAPREV Quem somos? Empresa pública vinculada ao Ministério da Previdência Social, com personalidade

Leia mais

Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades

Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades Uso Estratégico da Tecnologia da Informação nos Negócios Tendências e Oportunidades Danilo Pereira, Msc. Apresentação Graduação em Ciência da Computação (1997) Mestre em Eng. Produção UFSC Mídia e Conhecimento

Leia mais

IDC Top 10 Predictions 2011 Brasil. Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved.

IDC Top 10 Predictions 2011 Brasil. Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. IDC Top 10 Predictions 2011 Brasil Copyright IDC. Reproduction is forbidden unless authorized. All rights reserved. IDC Brasil - Predictions 2011 Time de analistas que participam no Brasil Mauro Peres

Leia mais

Network Analytics. Como inovar nos negócios a partir da exploração e da análise de informações. Advisor

Network Analytics. Como inovar nos negócios a partir da exploração e da análise de informações. Advisor Análises independentes de tendências tecnológicas para profissionais de TIC Como inovar nos negócios a partir da exploração e da análise de informações Foco Tecnologia Business Intelligence Setor Telecomunicações

Leia mais

[ Empowering Business, Architecting IT. ]

[ Empowering Business, Architecting IT. ] SOA coloca TI da Rede Ipiranga em linha com os negócios Setembro/2012 Sumário Matéria publicada na Information Week... 4 Artigo Case Ipiranga... 7 SOA coloca TI da Rede Ipiranga em linha com os negócios

Leia mais

MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL

MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL MODELO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO (MEG), UMA VISÃO SISTÊMICA ORGANIZACIONAL Alessandro Siqueira Tetznerl (1) : Engº. Civil - Pontifícia Universidade Católica de Campinas com pós-graduação em Gestão de Negócios

Leia mais

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem White paper Para provedores de nuvem Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem Introdução: os novos desafios dos clientes estimulam a adoção da nuvem Em um ambiente de negócios dinâmico,

Leia mais

Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI. Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014

Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI. Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014 Estratégia da VMware: O modelo corporativo definido por software e o desafio de simplificar a TI Anderson Ferreira Bruno Amaral 22 Ago 2014 Desafios de TI Arquitetura da VMware Estratégia da VMware Sucesso

Leia mais

GERENCIANDO SERVIÇOS DE MENSAGENS OTT PARA UM PROVEDOR DE TELECOM GLOBAL

GERENCIANDO SERVIÇOS DE MENSAGENS OTT PARA UM PROVEDOR DE TELECOM GLOBAL GERENCIANDO SERVIÇOS DE MENSAGENS OTT PARA UM PROVEDOR DE TELECOM GLOBAL A Sytel Reply foi comissionada por uma grande operadora global de Telecom para o fornecimento de um Service Assurance de qualidade.

Leia mais

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05

Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular. Edição n 05 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 Junho de 2010 2 Sumário Executivo Pesquisa Quantitativa Regular Edição n 05 O objetivo geral deste estudo foi investigar as percepções gerais

Leia mais

Maturidade da Impressão e Gestão Documental nas Organizações Nacionais

Maturidade da Impressão e Gestão Documental nas Organizações Nacionais Maturidade da Impressão e Gestão Documental nas Organizações Nacionais 1. Tendências na impressão e gestão documental 2. Modelo de maturidade da impressão e gestão documental 3. Q&A 2 Uma nova plataforma

Leia mais

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames

As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames As 6 Práticas Essenciais de Marketing para Clínicas de Exames Introdução Fique atento aos padrões do CFM ÍNDICE As 6 práticas essenciais de marketing para clínicas de exames Aposte em uma consultoria de

Leia mais

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de transformação de TI em Seguradoras: Tendências e Desafios Tech Trends 2015 Exponenciais Principais problemas

Leia mais

de TI 17/09/2015 http://www.gartner.com/technology/home.jsp

de TI 17/09/2015 http://www.gartner.com/technology/home.jsp Consumerização é o termo dado para o uso de dispositivos pessoais no ambiente de trabalho. Tablets, netbooks, iphones e Androids que são usados nas empresas por funcionários e que tendem* a aumenta a produtividade.

Leia mais

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br

COBIT. Governança de TI. Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br COBIT Governança de TI Juvenal Santana, PMP tecproit.com.br Sobre mim Juvenal Santana Gerente de Projetos PMP; Cobit Certified; ITIL Certified; OOAD Certified; 9+ anos de experiência em TI; Especialista

Leia mais

CLOUD COMPUTING. Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2

CLOUD COMPUTING. Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2 CLOUD COMPUTING Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2 Resumo: Este artigo tem como objetivo falar da computação

Leia mais

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015 GIS Cloud na Prática Fabiano Cucolo 26/08/2015 Um pouco sobre o palestrante Fabiano Cucolo fabiano@soloverdi.com.br 11-98266-0244 (WhatsApp) Consultor de Geotecnologias Soloverdi Engenharia www.soloverdi.com.br.

Leia mais

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor

Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Transformação dos negócios de distribuição e os desafios do setor Geraldo Guimarães Jr Diretor para Indústria de Utilities SAP para Utilities Liderança Global no Setor Maior Provedor de Soluções e Aplicações

Leia mais

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Bruno Sanchez Lombardero Faculdade Impacta de Tecnologia São Paulo Brasil bruno.lombardero@gmail.com Resumo: Computação em nuvem é um assunto que vem surgindo

Leia mais

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO SISTEMA DE GESTÃO DE PESSOAS SEBRAE/TO UNIDADE: GESTÃO ESTRATÉGICA PROCESSO: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Competências Analista 1. Administração de recursos de infra-estrutura de tecnologia da informação 2.

Leia mais

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)?

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? Introdução A denominação Cloud Computing chegou aos ouvidos de muita gente em 2008, mas tudo indica que ouviremos esse termo ainda por um bom tempo. Também

Leia mais

Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios

Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios Relatório de pesquisa Gestão de Clientes no Mercado de Consórcios Via Consulting Maio de 2009 1 Caro leitor, Gostaria de convidá-lo a conhecer o resultado de uma pesquisa patrocinada pela Via Consulting

Leia mais

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL

Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL 2011 Pesquisa Virtualização e Evolução para a Nuvem RESULTADOS BRASIL ÍNDICE Evolução de TI... 4 Metodologia... 6 Foco... 8 Conclusão 1: As diferenças entre expectativas e realidade revelam a evolução

Leia mais

Quantidade de Profissionais e Empresas participantes nos eventos de 2011

Quantidade de Profissionais e Empresas participantes nos eventos de 2011 calendário virtualização auditoria de ti monitoração segurança da informação sustentabilidade riscos governança cloud computing planejamento estratégico saas compliance gestão de processos As organizações

Leia mais

Os Desafios de Mobile, Cloud, GIS e Big Data nas Organizações. Leandro M. Rodriguez General Manager, Latin America - Esri

Os Desafios de Mobile, Cloud, GIS e Big Data nas Organizações. Leandro M. Rodriguez General Manager, Latin America - Esri Os Desafios de Mobile, Cloud, GIS e Big Data nas Organizações Leandro M. Rodriguez General Manager, Latin America - Esri Big Data Num futuro próximo, toda a informação vai ser Big Data. Já não existe pouca

Leia mais

MOBILE STRATEGIES CORPORATE. 2ª Edição. 27 de Maio de 2014 HB Hotels Ninety - São Paulo

MOBILE STRATEGIES CORPORATE. 2ª Edição. 27 de Maio de 2014 HB Hotels Ninety - São Paulo MOBILE STRATEGIES CORPORATE 2ª Edição 27 de Maio de 2014 HB Hotels Ninety - São Paulo Patrocínio Gold Apoio Realização Perfil dos Participantes Gestores de TI, Gerentes e Profissionais das áreas de Desenvolvimento

Leia mais

O Crescente Desafio de Manter Sua Empresa Segura

O Crescente Desafio de Manter Sua Empresa Segura O Crescente Desafio de Manter Sua Empresa Segura Patrocinado por Cisco 1 Índice Sumário Executivo... 03 Particularidades do mercado de Segurança da Informação na América Latina... 04 Crescimento do mercado

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a

SISTEMAS INTEGRADOS P o r f.. E d E uar a d r o Oli l v i e v i e r i a SISTEMAS INTEGRADOS Prof. Eduardo Oliveira Bibliografia adotada: COLANGELO FILHO, Lúcio. Implantação de Sistemas ERP. São Paulo: Atlas, 2001. ISBN: 8522429936 LAUDON, Kenneth C.; LAUDON, Jane Price. Sistemas

Leia mais

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO.

TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. TERCEIRIZAÇÃO, OUTSOURCING, INFRAESTRUTURA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS E SITES, AUDITORIAS E SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO. OneIT A gente trabalha para o seu crescimento. Rua Bento Barbosa, n 155, Chácara Santo

Leia mais

TIC Empresas 2008 DESTAQUES

TIC Empresas 2008 DESTAQUES TIC Empresas 2008 DESTAQUES O percentual de empresas brasileiras que utilizam computador mantém-se estável no patamar de 94% no período entre 2007 e 2008. O uso da Internet entre empresas que possuem computadores

Leia mais

WEBINAR EXCLUSIVO BUSINESS INTELLIGENCE NAS NUVENS

WEBINAR EXCLUSIVO BUSINESS INTELLIGENCE NAS NUVENS Já pensou nas oportunidades que sua empresa está perdendo? "Em média, pequenas e médias empresas perdem aproximadamente 8.2 milhões de dólares devido à má gestão de dados" Fonte: Gartner Por que investir

Leia mais

ÍNDICE. I) Introdução. Apresentação e Contextualização. II) O evento. Objetivo. Público-Alvo / Segmentos. Programação. III) O evento em 2013

ÍNDICE. I) Introdução. Apresentação e Contextualização. II) O evento. Objetivo. Público-Alvo / Segmentos. Programação. III) O evento em 2013 ÍNDICE I) Introdução Apresentação e Contextualização II) O evento Objetivo Público-Alvo / Segmentos Programação III) O evento em 2013 Dados Quantitativos Dados Qualitativos Fotos do evento IV) Meios de

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T

I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T C o m o a t i n g i r o equilíbr i o na infraestrutura de n u ve m h í b r i d a p a r a as pr i n c i p a is cargas de t r a b a l h o d e uma empresa Julho

Leia mais

Pesquisa Uso da TIC no Mercado Brasileiro 2014/2015

Pesquisa Uso da TIC no Mercado Brasileiro 2014/2015 Pesquisa Uso da TIC no Mercado Brasileiro 2014/2015 Uso da TI no mercado brasileiro Nos últimos anos estamos acompanhando variações no mercado brasileiro que muito nos preocupa, as empresas de nosso setor

Leia mais