UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO 2012 / 2

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO 2012 / 2"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO 2012 / 2 I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Psiquiatria Estágio Código: MED-8834 Pré-Requisitos: MED Clínica Médica II E MED Patologia Aplicada II E MED Epidemiologia II Curso: Medicina Semestre: 7º Departamento: Psiquiatria e Medicina Legal Créditos: 18 Carga h. semanal: 8 horas Teórica: 02 Prática: 06 Duração da disciplina: UM SEMESTRE LETIVO Prof. Regente: Marcelo Pio de Almeida Fleck Professores:, Aristides V. Cordioli, Flávio P. Kapczinski, Gisele Gus Manfro, Marcelo P. A. Fleck, Paulo Bittencourt Soares, Paulo S. Belmonte de Abreu, Sérgio C. E. Pinto Machado, Sidnei S. Schestatsky Preceptores do estágio de Emergência no HPS (Professores convidados): Renato Piltcher, Emílio Salle, Jair Segal II SÚMULA DA DISCIPLINA Técnica, habilidade e atitudes em relação à entrevista psiquiátrica. Psiquiatria do desenvolvimento. Psicopatologia. Síndromes psiquiátricas. Alterações do psiquismo, suas manifestações e suas causas. Bioquímica, neurofisiologia, psicodinâmica, genética, fatores ambientais, culturais, sociais e cognitivo-comportamentais dos transtornos mentais. Problemas psiquiátricos mais comuns na prática médica. Urgências em Psiquiatria. Psicofarmacoterapia, psicoterapia e outras técnicas de tratamento dos transtornos mentais. Aspectos éticos e legais do exercício da Psiquiatria. III OBJETIVO DA DISCIPLINA Fornecer os conteúdos e desenvolver habilidades e atitudes fundamentais em Psiquiatria para que o médico geral possa exercer suas atividades clínicas IV CONTEÚDOS, HABILIDADES E ATITUDES A SEREM DESENVOLVIDAS Conteúdos: Identificar sintomas e síndromes psicopatológicos mais comuns; Identificar transtornos mentais mais comuns e estabelecer seus diagnósticos; Conhecer hipóteses etiológicas e a distribuição epidemiológica dos transtornos mentais; Conhecer indicações, contra-indicações e riscos das terapêuticas psiquiátricas; Conhecer o curso e o prognóstico dos transtornos mentais Conhecer a legislação e as implicações éticas no campo da saúde mental 1

2 Habilidades: Realizar a avaliação psiquiátrica do paciente; Solicitar as avaliações e exames necessários para o diagnóstico dos transtornos psiquiátricos; Reconhecer os sintomas e as síndromes psiquiátricas mais comuns em atenção primária; Orientar os pacientes e familiares quanto aos transtornos mentais (psicoeducação) Realizar os tratamentos farmacológicos iniciais mais comuns; Adotar as medidas necessárias para a proteção do paciente em situações de emergência; Encaminhar o paciente para o atendimento especializado quando necessário; Adotar medidas de apoio e orientar as famílias de pacientes Adotar medidas destinadas a identificar precocemente os transtornos mentais e diminuir seu agravamento; Orientar familiares e a comunidade nas medidas que possam reduzir a incidência e a prevalência das doenças mentais; Registrar adequadamente os dados obtidos. Atitudes: Estabelecer uma relação médica técnica e eticamente adequada com os pacientes e seus familiares, incluindo sigilo, privacidade, respeito aos direitos do paciente, relacionamento com colegas, professores e demais membros das equipes assistenciais. V CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS A disciplina abordará técnicas de entrevista psiquiátrica, teorias sobre a mente, reconhecimento dos sintomas e síndromes psiquiátricos e os tratamentos mais adequados. VI PROCEDIMENTOS DIDÁTICOS (METODOLOGIA) a) Teóricos Aulas teóricas: Às quintas-feiras, entre 9.45 h e 11 h, haverá uma aula teórica para toda a turma, na sala 160 do HCPA. b) Práticos Seminários teórico-práticos: Às segundas e quintas-feiras, entre 8.00 h e 9.30 h, em pequenos grupos, os alunos terão seminários com os professores e locais designados em quadro de avisos, afixado na sede do Depto. de Psiquiatria, no 4 andar do HCPA. Um dos seminários abordará conteúdos teóricos e o outro prático (exame de pacientes). Atividade Prática Complementar: Às segundas-feiras, após os seminários, o mesmo pequeno grupo seguirá uma atividade prática a ser coordenada pelo seu professor. Estudo de caso: Cada aluno deverá preparar, durante o semestre, um relatório de estudo de caso psiquiátrico de paciente que tenha observado em suas atividades na disciplina. O relatório deverá ser apresentado, para o professor e colegas do seu pequeno 2

3 grupo, ao menos uma vez durante o semestre. Estágio rotatório no HPS: Horário: Segundas-feira das 10:15 às 11:30hs Preceptores: Drs Renato Piltcher, Emílio Salle e Jair Segal Local de encontro no HPS: Sala do Serviço de Psicologia e Psiquiatria (5º andar defronte a Telefonista) Entrada pela Rua Venâncio Aires (Prédio novo do HPS) Distribuição das Turmas: 6/8 a 27/8: TURMAS A e B 3/9 a 24/9: TURMAS C e D 1/10 a 22/10: TURMAS E e F 29/10 a 19/11: TURMAS G e H 26/11: Recuperação de faltas VII CRONOGRAMA DAS ATIVIDADES Dia Hora Conteúdo Professor Sala 23/ h Recepção aos alunos 2ªf Discussão do Plano de Ensino Marcelo Fleck / h Entrevista psiquiátrica 5ªf 9.45h O que um médico geral deve saber sobre os fenômenos Fernando Gomes 160 psicológicos mais freqüentes no atendimento psiquiátrico 8.00h Sinais, Sintomas e a Classificação Diagnóstica em Psiquiatria 30/ h Atividade prática 02/ h O que o médico geral precisa saber sobre como é o processo diagnóstico em Psiquiatria Marcelo Fleck 160 2ª. F. 8.00h Esquizofrenia: Diagnóstico e tratamento 06/ h Atividade prática 09/ h O que um médico geral deve saber sobre Esquizofrenia Paulo Abreu h Transtornos do Humor Unipolar: Diagnóstico e tratamento 13/ h Atividade prática 3

4 16/ h O que um médico geral deve saber sobre Transtornos de Humor Unipolar 20/08 Marcelo Fleck h Transtornos do Humor Bipolar: Diagnóstico e tratamento 9.45h Atividade prática 23/ h O que um médico geral deve saber sobre Transtornos do Humor Flávio Kapczinski 160 Bipolar 8.00h Transtornos de Ansiedade: TOC e Fobias 27/ h Atividade prática 30/08 03/ h Exame de pacientes 9.45h O que um médico geral deve saber sobre Transtornos de Ansiedade Gisele G Manfro 160 Generalizada e Pânico 8.00h Transtornos Somatoformes 9.45h Atividade prática / h O que um médico geral deve saber sobre Psicoterapia Cláudio Eizirick 160 Psicodinâmica e suas indicações 8.00h Transtornos Dissociativos 10/ h Atividade prática 13/ h O que um médico geral deve saber sobre Psicoterapia Cognitivo- Aristides Cordioli 160 Comportamental e suas indicações 8.00h PROVA DE CONHECIMENTO I 17/ h Discussão da Prova /09 FERIADO 8:00 Transtornos de Personalidade 24/09 9:45h Atividade prática 8.00h Exames de pacientes 27/ h O que um médico geral deve saber sobre Transtornos de Sidnei Schestatsky 160 Personalidade 01/ h 9.45h Delirium, Demência e Transtornos Mentais devidos a uma Condição Médica Geral Atividade prática 8.00h Exames de pacientes 04/10 9:45hs O que um médico geral deve saber sobre Alcoolismo e a abordagem Flávio Pechansky 160 de um usuário de substâncias com potencial de abuso 8.00h Alcoolismo 08/ h Atividade prática 5ªf. 8.00h Exames de pacientes 11/ h O que um médico geral precisa saber sobre Dependências e abuso Lisia Von Dieman 160 4

5 de Maconha e tabaco 8.00h Dependência e abuso de maconha e tabaco 15/ h Atividade prática 8.00h Exames de pacientes 18/ h O que um médico geral precisa saber sobre Dependências e abuso Lisia Von Diemen 160 de Cocaína 8.00h Dependência e abuso de cocaína 22/ h Atividade prática 25/ h Psiquiatria do Desenvolvimento Luis Augusto 160 Rohde 8.00h Transtorno de ajustamento e transtornos de stress Pós Traumático 29/ h Atividade prática 01/11 9:45h O que um médico geral precisa saber sobre Transtornos Miriam Brunstein 160 Alimentares 8.00h A resposta sexual normal e Disfunções Sexuais 05/ h Atividade prática 8.00h E Exame de pacientes 08/ h O que um médico geral precisa saber sobre os Transtornos da Ana Margarete Bassols 160 Infância e da adolescência 8:00 Parafilias e Transtorno de controle de impulsos 12/11 9:45hs Atividade Prática 15/11 E FERIADO 19/ h Psiquiatria Geriátrica 9.45h Atividade prática 8.00h Exame de pacientes 22/11 9:45h O que um médico geral precisa saber sobre Transtornos de Humor e Silzá Tramontina 160 Suicídio na Adolescência 2ªf 8:00hs APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIOS 26/11 9:45hs APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIOS 8:00hs APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIOS 29/ h O que um médico geral deve saber sobre Transtorno do Déficit de Luis A. Rohde 160 Atenção e Hiperatividade 2ªf 8:00hs TESTE DE RENDIMENTO II 3/12 9:45hs 07/12 8:00hs Discussão da prova 5

6 VIII SISTEMA DE AVALIAÇÃO a) Discente Testes de Rendimento: duas provas teórico-práticas (múltipla-escolha, com casos clínicos ou situações-problema), avaliando a aquisição de conhecimentos e capacidade de tomar decisões; Freqüência: O aluno deverá ter freqüência mínima de 75% em cada uma das atividades (aulas teóricas, seminários e atividades práticas), para poder ser aprovado na disciplina. Conceito A, entre outros critérios, supõe um mínimo de 90% de freqüência. Seminários: um conceito englobando freqüência e participação nos seminários e preparação dos temas teóricos. Relatório de caso clínico: cada aluno receberá um conceito referente à apresentação de um relatório de caso psiquiátrico por ele observado no estágio desta disciplina Nota final: Pesos Média dos dois testes 6 Seminários t/práticos 3 Relatório de caso clínico 1 b) Avaliação Docente Portal do aluno c) Avaliação da Disciplina Formulários do Depto. Valor dos conceitos: DE A 9,0 a 10 B 8,0 a 8,9 C 7,0 a 7,9 D Menor que 7 (reprovação) E Reprovação por faltas IX ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO 1. Alunos reprovados por conceito D, poderão realizar um trabalho de revisão sistemática de temas associados à disciplina, como atividade de recuperação. A nota mínima de aprovação deste trabalho será 7,0; 2. Alunos reprovados por faltas deverão repetir a disciplina; X BIBLIOGRAFIA BÁSICA E COMPLEMENTAR 1. OMS. Classificação dos Transtornos Mentais e de Comportamento CID-10. Artes Médicas, APA DSM-IV: Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais. 4ª ed. Porto Alegre, Artes Médicas, Cordioli, A.V. Psicoterapias. Abordagens Atuais. Porto Alegre, Artes Médicas, ª edição. 4. Cordioli A. Psicofármacos: Consulta Rápida. 4ª edição. Artmed. Porto Alegre,

7 5. Gabbard, G. Psicodinâmica na Prática Clínica. Artes Médicas, Sadock BJ & Sadock VA. Kaplan & Sadock Compêndio de Psiquiatria. 9ª. Ed. ArtMed, Porto Alegre, Cataldo Neto,A.; Gauer, GC; Furtado,NR (orgs.). Psiquiatria para o Estudante de Medicina. EdiPUCRS.Porto Alegre, Toy EC, Klamen D; Casos Clínicos em Psiquiatria. ArtMed. Porto Alegre 3ª edição, Hales RE, Yudofsky SC. Tratado de Psiquiatria Clínica. ArtMed. Porto Alegre, Carlat, Daniel J. A entrevista psiquiátrica. 2ª. Ed. ArtMed. Porto Alegre Cordioli A.V. A entrevista psiquiátrica. Texto de uso interno da disciplina, Cordioli AV. O Exame do Estado mental. Texto de uso interno da disciplina, Domínio eletrônico da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), com link para o PEC Programa de Educação Continuada da ABP. 13. Referências pára seminários de álcool e outras drogas (a) Abordagem geral do usuários de substâncias com potencial de abuso (b) Abuso de dependência de álcool (c) Abuso de dependência de nicotina (d) Abuso de dependência de maconha, (e) Abuso de dependência de cocaína. XI OUTRAS INFORMAÇÕES Ex. Locais de atividades práticas, estágios, material necessário, acesso, página na Internet, etc. Site do Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal da UFRGS 7

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: ENFERMAGEM EM ATENÇÃO À SAÚDE MENTAL Código: ENF- 210 Pré-requisito: ENF

Leia mais

EDITAL N.º 015/2015 - RETIFICADO

EDITAL N.º 015/2015 - RETIFICADO EDITAL N.º 015/2015 - RETIFICADO EDITAL DE CONVOCAÇÃO DO EXAME DE SUFICIÊNCIA CATEGORIA ESPECIAL PARA OBTENÇÃO DO TÍTULO DE ESPECIALISTA EM PSIQUIATRIA PROVA EM CARÁTER ESPECIAL DE ACORDO COM DETERMINAÇÃO

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20

CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 CURSO DE ENFERMAGEM Reconhecido pela Portaria nº 270 de 13/12/12 DOU Nº 242 de 17/12/12 Seção 1. Pág. 20 Componente Curricular: Enfermagem em Atenção à Saúde Mental Código: ENF- 210 Pré-requisito: ENF

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Unidade Universitária: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde Curso: Nutrição Disciplina: Psicologia Aplicada à Nutrição Professor(es): Claudio Bastidas Martinez DRT: 113206-6 Código da Disciplina: 021.2603.6

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - Curso: Nutrição Núcleo Temático: Nutrição Clínica Disciplina: Psicologia Aplicada à Nutrição Professor(es): Claudio Bastidas Martinez DRT:

Leia mais

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA PLANO DE ENSINO

PRÓ-REITORIA ACADÊMICA PLANO DE ENSINO PRÓ-REITORIA ACADÊMICA PLANO DE ENSINO I DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 1. Universidade Federal do Pampa 2. Campus: Uruguaiana 3. Curso: Enfermagem 4. Docente Responsável: Messa Torres 5. Disciplina: Saúde Mental

Leia mais

EDITAL N.º 05/2015 - RETIFICADO PROVA PARA O TÍTULO DE ESPECIALISTA EM PSIQUIATRIA

EDITAL N.º 05/2015 - RETIFICADO PROVA PARA O TÍTULO DE ESPECIALISTA EM PSIQUIATRIA EDITAL N.º 05/2015 - RETIFICADO PROVA PARA O TÍTULO DE ESPECIALISTA EM PSIQUIATRIA A Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, filiada à Associação Médica Brasileira - AMB, de acordo com as Normas da

Leia mais

INSTITUTO DE TREINAMENTO E PESQUISA EM GESTALT TERAPIA DE GOIÂNIA-ITGT

INSTITUTO DE TREINAMENTO E PESQUISA EM GESTALT TERAPIA DE GOIÂNIA-ITGT Disciplina: Psicopatologia Grupo de Especialização: XXIII Período: 2013/1 Carga horária: 30 hs/a Dia: 4ª feira Horário: 18:30 às 20:10 Professora: Sandra Albernaz L. M. Saddi Monitor: Raphael Basílio Ementa

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Técnico em Enfermagem Qualificação:

Leia mais

Dos mesmos organizadores do II CONGRESSO DE CLÍNICA PSIQUIÁTRICA

Dos mesmos organizadores do II CONGRESSO DE CLÍNICA PSIQUIÁTRICA Dos mesmos organizadores do II CONGRESSO DE CLÍNICA PSIQUIÁTRICA E do sucesso editorial e vencedor do prêmio Jabuti (2012) + Diferenciais Flexibilidade de horários e localização Transmissão on-line Interatividade

Leia mais

TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE - TDAH P R O F E S S O R : H U M B E R T O M Ü L L E R S A Ú D E M E N T A L

TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE - TDAH P R O F E S S O R : H U M B E R T O M Ü L L E R S A Ú D E M E N T A L TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO E HIPERATIVIDADE - TDAH P R O F E S S O R : H U M B E R T O M Ü L L E R S A Ú D E M E N T A L TDAH - EPIDEMIOLOGIA Tx. Varia entre 1,5 5,8% Crianças e adolescentes; Difere

Leia mais

UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA

UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA UPE Campus Petrolina PROGRAMA DA DISCIPLINA Curso: Enfermagem Disciplina: Cuidar de Enfermagem em Saúde Mental Carga Horária: 90 h Teórica: 60h Prática: 30h Semestre: 2013.1 Professor: Cilene Duarte da

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS EDITAL DE SELEÇÃO Nº 83/2015 PROFESSOR SUBSTITUTO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS EDITAL DE SELEÇÃO Nº 83/2015 PROFESSOR SUBSTITUTO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS Campus Universitário - Viçosa, MG - 36570-000 - Telefone: (31) 3899-2127 - Fax: (31) 3899-1229 - E-mail: soc@ufv.br

Leia mais

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio

Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Abuso e dependência ao álcool e outras drogas e sua relação com o suicídio Messiano Ladislau Nogueira de Sousa Médico Psiquiatra com aperfeiçoamento em terapia psicanalítica Abril, 2014 Sumário Conceitos

Leia mais

Inserção e atuação do aluno no campo de atuação do psicólogo a partir de realização de um estudo de caso visando à produção do conhecimento.

Inserção e atuação do aluno no campo de atuação do psicólogo a partir de realização de um estudo de caso visando à produção do conhecimento. ANEXO I - DESCRIÇÃO DOS ESTÁGIOS ESTÁGIO SUPERVISIONADO I (3 período) Contextualização dos campos tradicionais e emergentes de atuação da psicologia.o aluno fará pesquisa bibliográfica e/ou de campo para

Leia mais

EDITAL N.º 05/2014 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA

EDITAL N.º 05/2014 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA EDITAL N.º 05/2014 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA A Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, filiada à Associação Médica Brasileira - AMB, de acordo com as

Leia mais

Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química

Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química Comorbidades Psiquiátricas na Dependência Química Fernanda de Paula Ramos Psiquiatra Diretora da Villa Janus Especialista em Dependência Química UNIFESP Especialista em Psicoterapia pela UFRGS Coordenadora

Leia mais

C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito

C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito C U R S O D I R E I T O Autorizado pela Portaria MEC nº 3.355,de 05/12/02-D.O.U de 06/12/02 Componente Curricular: Psicologia aplicada ao Direito Código: DIR - 212 Pré-requisito: ----- Período Letivo:

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PSICOLOGIA Ementário/abordagem temática/bibliografia básica (3) e complementar (5) Morfofisiologia e Comportamento Humano Ementa: Estudo anátomo funcional

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016 Programa da Unidade Curricular PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO MOTOR Ano Lectivo 2015/2016 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (1º Ciclo) 2. Curso Motricidade Humana 3. Ciclo de Estudos 1º 4.

Leia mais

SEMESTRE LETIVO. 2015 Segundo. 1. Identificação Código. 1.2. Unidade: Programa de Pós Graduação em Odontologia

SEMESTRE LETIVO. 2015 Segundo. 1. Identificação Código. 1.2. Unidade: Programa de Pós Graduação em Odontologia ANO SEMESTRE LETIVO 2015 Segundo 1. Identificação Código 1.1. Disciplina: Seminários de Pesquisa 1.2. Unidade: Programa de Pós Graduação em Odontologia 1.3. Departamento Responsável: Departamento de Odontologia

Leia mais

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica

Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica XXII Curso de Inverno em Atualização em Dependência Química do Hospital Mãe de Deus Comorbidades: Transtorno de AnsiedadeeDependênciaQuímica Ana Paula Pacheco Psicóloga da Unidade de Dependência Química

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOPATOLOGIA DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Ano Lectivo 2014/2015

UNIVERSIDADE LUSÍADA DE LISBOA. Programa da Unidade Curricular PSICOPATOLOGIA DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Ano Lectivo 2014/2015 Programa da Unidade Curricular PSICOPATOLOGIA DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE Ano Lectivo 2014/2015 1. Unidade Orgânica Ciências Humanas e Sociais (2º Ciclo) 2. Curso Mestrado em Psicologia Clínica 3. Ciclo

Leia mais

Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes

Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes Uso de substâncias psicoativas em crianças e adolescentes Alessandro Alves A pré-adolescência e a adolescência são fases de experimentação de diversos comportamentos. É nessa fase que acontece a construção

Leia mais

TRANSTORNOS ANSIOSOS. Prof. Humberto Müller Saúde Mental

TRANSTORNOS ANSIOSOS. Prof. Humberto Müller Saúde Mental TRANSTORNOS ANSIOSOS Prof. Humberto Müller Saúde Mental Porque nos tornamos ansiosos? Seleção natural da espécie Ansiedade e medo... na medida certa, ajuda! Transtornos de Ansiedade SINTOMAS: Reação exagerada

Leia mais

EDITAL N.º 06/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA

EDITAL N.º 06/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA EDITAL N.º 06/2012 CONCURSO PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA A Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, filiada à Associação Médica Brasileira - AMB, de acordo com as

Leia mais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais

HISTÓRIA HISTÓRIA DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS. Paradigma da alienação mental. Paradigma das doenças mentais DIAGNÓSTICO E CLASSIFICAÇÃO DOS TRANSTORNOS MENTAIS Prof. José Reinaldo do Amaral Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Psicologia PSICOPATOLOGIA GERAL 2013 / 2 HISTÓRIA Paradigma da

Leia mais

PLANO DE CURSO. Código: Carga Horária: 80h (Teoria: 60h; Prática: 20h) Créditos: 04 Pré-requisito(s): ------ Período: VII Ano: 2015.

PLANO DE CURSO. Código: Carga Horária: 80h (Teoria: 60h; Prática: 20h) Créditos: 04 Pré-requisito(s): ------ Período: VII Ano: 2015. PLANO DE CURSO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Curso: Bacharelado em Enfermagem Disciplina: Assistência de Enfermagem em Saúde Mental Professor: Tito Lívio Ribeiro E-mail: thitolivio@gmail.com Código: Carga

Leia mais

Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal Universidade Federal do Rio Grande do Sul Serviço o de Psiquiatria da Infância e da Adolescência Hospital de Clínicas de Porto Alegre 2005 Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal Universidade Federal do Rio Grande do Sul Serviço o de Psiquiatria

Leia mais

I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial

I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial I Jornada de Saúde Mental do Vale do Taquari: Crack e outras drogas: perspectivas na abordagem psicossocial 14 de junho de 2014 FATORES DE RISCO E COMORBIDADES PSIQUIÁTRICAS ASSOCIADOS AOS TRANSTORNOS

Leia mais

Orientações para Preenchimento do Plano de Ensino

Orientações para Preenchimento do Plano de Ensino Orientações para Preenchimento do Plano de Ensino Este documento tem como objetivo orientar os docentes da UFCSPA na elaboração do Plano de Ensino de disciplinas no formato adequado ao Sistema de Registro

Leia mais

CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013

CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013 CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013 Eixos longitudinais, conteúdos e objetivos cognitivos psicomotores Eixos transversais, objetivos Per. 1º Ano eixo integrador: O CORPO HUMANO CH INT. COMUM. HAB.

Leia mais

Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas. Carmen Lúcia de A. santos

Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas. Carmen Lúcia de A. santos Enfrentamento ao Crack e Outras Drogas Carmen Lúcia de A. santos 2011 Nosologia e Psicopatologia "Psico-pato-logia" "psychê" = "psíquico", "alma" "pathos" = "sofrimento, "patológico" "logos" "lógica",

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA. Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012

DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA. Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012 DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA Disciplina: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO E PSICOPATOLOGIA 3 ano/2012 As disciplinas de Psicologia do Desenvolvimento e Psicopatologia são integradas e serão

Leia mais

PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO. 1 o Ano. Disciplina

PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO. 1 o Ano. Disciplina PSICOLOGIA MATUTINO E NOTURNO 1 o Ano Antropologia Epistemologia e História da Psicologia Estatística Ética e Cidadania Interpretação e Produção de Textos Científicos Métodos de Pesquisa em Psicologia

Leia mais

José Roberto Mergel Manechini Médico Psiquiatra

José Roberto Mergel Manechini Médico Psiquiatra José Roberto Mergel Manechini Médico Psiquiatra Igarapava-SP, 04 de junho de 2014 PSIQUIATRIA PARA O CLÍNICO (Psiquiatria para o Não-Psiquiatra) José Roberto Mergel Manechini Médico Psiquiatra CRM SP 121.738

Leia mais

02/03/2011 PERSPECTIVA SINDRÔMICA

02/03/2011 PERSPECTIVA SINDRÔMICA PSICOPATOLOGIA CLASSIFICAÇÕES DIAGNÓSTICAS COMPREENSÃO DAS SÍNDROMES Profa. Dra. Marilene Zimmer Psicologia - FURG 2 Embora a psicopatologia psiquiátrica contemporânea tenda, cada vez mais, a priorizar

Leia mais

UNIVESIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SIL FACULDADE DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E MEDICINA LEGAL

UNIVESIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SIL FACULDADE DE MEDICINA DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA E MEDICINA LEGAL PLANO DE ENSINO PERÍODO: 2012/1 I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Psicologia Médica II: Relação Médico Paciente Código: MED-08006 Pré-Requisitos: CBS06036, CBS03025, CBS0634 Co-requisito: MED 01001

Leia mais

CURSO DE PSICOTERAPIA FUNDAMENTAL. (Complemento à especialização em Psicoterapia)

CURSO DE PSICOTERAPIA FUNDAMENTAL. (Complemento à especialização em Psicoterapia) 1 CURSO DE PSICOTERAPIA FUNDAMENTAL (Complemento à especialização em Psicoterapia) OBJETIVOS Fundamentar ao profissional de saúde os atos psicoterápicos, implícitos na relação profissional de saúde-paciente,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE MEDICINA PLANO DE ENSINO I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Disciplina: Psiquiatria - Estágio Código:MED-08-834 Pré- Requisitos: MED 120 e MED 209 Curso:Medicina

Leia mais

SAUDE MENTAL DA MULHER NOS CICLOS DE VIDA

SAUDE MENTAL DA MULHER NOS CICLOS DE VIDA SAUDE MENTAL DA MULHER NOS CICLOS DE VIDA ENCONTRO MULHER DE ATITUDE Campanha de Prevenção do Câncer Cérvico C Uterino Março o 2013 Maristela C Sousa - Médica Psiquiatra DVSAM/DACC/SAS/SESA Dados Epidemiológicos

Leia mais

EDITAL N.º 09/2015 PROVA PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA

EDITAL N.º 09/2015 PROVA PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA EDITAL N.º 09/2015 PROVA PARA CONCESSÃO DE CERTIFICADO DE ATUAÇÃO NA ÁREA DE PSICOTERAPIA A Associação Brasileira de Psiquiatria - ABP, filiada à Associação Médica Brasileira - AMB, de acordo com as Normas

Leia mais

Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos

Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos Experiência com o tratamento de Dependentes Químicos INSTITUTO BAIRRAL DE PSIQUIATRIA Dr. Marcelo Ortiz de Souza Dependência Química no Brasil (CEBRID, 2005) População Geral: 2,9% já fizeram uso de cocaína

Leia mais

Faculdade de Medicina UFRGS Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal

Faculdade de Medicina UFRGS Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal Faculdade de Medicina UFRGS Departamento de Psiquiatria e Medicina Legal Disciplina: Med 8834 - Psiquiatria Roteiro de Estudo de Caso Prof. Aristides Volpato Cordioli 1. DADOS DA IDENTIDADE DO PACIENTE

Leia mais

Projeto. Centro Regional de Referência para Formação Permanente em Crack e outras Drogas Faculdade de Medicina de Botucatu UNESP Botucatu, SP

Projeto. Centro Regional de Referência para Formação Permanente em Crack e outras Drogas Faculdade de Medicina de Botucatu UNESP Botucatu, SP Projeto Centro Regional de Referência para Formação Permanente em Crack e outras Drogas Faculdade de Medicina de Botucatu UNESP Botucatu, SP INTRODUÇÃO A Faculdade de Medicina de Botucatu, UNESP, e seu

Leia mais

Psicoterapia e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP

Psicoterapia e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP e Psicofarmacologia. Como optar ou associá-las? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense e Psicogeriatra AMBULIM e ProMulher IPq - USP Estudo da forma e função dos Psicofármacos Psicofármacos / Psicotrópicos

Leia mais

Fundada em 1986. Gestão Comportamental. Educação para a saúde Gestão de crise

Fundada em 1986. Gestão Comportamental. Educação para a saúde Gestão de crise MISSÃO Educar para a prevenção e condução de crises, visando a saúde emocional individual, da família e da organização. Gestão Comportamental Fundada em 1986 PAP - Programa de Apoio Pessoal Atuações em

Leia mais

Programa Mínimo para Residência Médica em Psiquiatria

Programa Mínimo para Residência Médica em Psiquiatria Programa Mínimo para Residência Médica em Psiquiatria A Comissão de Residência Médica em Psiquiatria da Associação Brasileira de Psiquiatria (CRMP-ABP) ao propor esse programa, recomenda o índice de no

Leia mais

SÉRIE: 2o. TERMO NOTURNO

SÉRIE: 2o. TERMO NOTURNO SÉRIE: 2o. TERMO NOTURNO Estatística Aplicada à I Professor Mestrando Alexandre Análise do Comportamento I Metodologia Científica II Aspectos Éticos da Pesquisa do Desenvolvimento II Bárbara Fonseca História

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02 Sumário Pág. I) OBJETIVO 02 II) ESTRUTURA DO CURSO 1) Público alvo 02 2) Metodologia 02 3) Monografia / Trabalho final 02 4) Avaliação da aprendizagem 03 5) Dias e horários de aula 03 6) Distribuição de

Leia mais

DORES SILENCIOSAS: o sintoma da automutilação como possível consequência de quadros de depressão

DORES SILENCIOSAS: o sintoma da automutilação como possível consequência de quadros de depressão DORES SILENCIOSAS: o sintoma da automutilação como possível consequência de quadros de depressão Lucivani Soares Zanella* Patricia Zimermann** JUSTIFICATIVA De acordo com Giusti (2013), a automutilação

Leia mais

A palavra Psiquiatria deriva do Grego e quer dizer "arte de curar a alma"

A palavra Psiquiatria deriva do Grego e quer dizer arte de curar a alma PSIQUIATRIA Psiquiatria é uma especialidade da Medicina que lida com a prevenção, atendimento, diagnóstico, tratamento e reabilitação das diferentes formas de sofrimentos mentais, sejam elas de cunho orgânico

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE MEDICINA DE DIAMANTINA - FAMED CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1 MED001 MED002 MED003

Leia mais

Suplementar após s 10 anos de regulamentação

Suplementar após s 10 anos de regulamentação Atenção à Saúde Mental na Saúde Suplementar após s 10 anos de regulamentação Kátia Audi Congresso Brasileiro de Epidemiologia Porto Alegre, 2008 Mercado de planos e seguros de saúde: cenários pré e pós-regulamentap

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico. Qualificação: Sem Certificação Técnica

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - Cetec. Ensino Técnico. Qualificação: Sem Certificação Técnica Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico Etec PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município:TUPÃ Eixo Tecnológico: AMBIENTE e SAÚDE Habilitação Profissional:- Técnica de Nível Médio de TÉCNICO

Leia mais

PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA: ANO SEMESTRE PERÍODO. 2010 Primeiro V TOTAL (H/A) SEMESTRAIS/ANUAL 36 50 86

PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA: ANO SEMESTRE PERÍODO. 2010 Primeiro V TOTAL (H/A) SEMESTRAIS/ANUAL 36 50 86 NIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGLO MINEIRO PLANO DE ENSINO I IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA: ANO SEMESTRE PERÍODO 2010 Primeiro V CRSO: Medicina COMPONENTE CRRICLAR : Disciplina Semiologia Médica CÓDIGO: DCM

Leia mais

Oficinas de tratamento. Redes sociais. Centros de Atenção Psicossocial Álcool e drogas

Oficinas de tratamento. Redes sociais. Centros de Atenção Psicossocial Álcool e drogas Oficinas de tratamento Redes sociais Centros de Atenção Psicossocial Álcool e drogas Irma Rossa Médica Residência em Medicina Interna- HNSC Médica Clínica- CAPS ad HNSC Mestre em Clínica Médica- UFRGS

Leia mais

GRADE E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/ DATAS E HORÁRIOS. C/H: 8 horas. Data/horário: 29/06 e 30/06 das 18:30 às 22:30 (2ª e 3ª)

GRADE E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/ DATAS E HORÁRIOS. C/H: 8 horas. Data/horário: 29/06 e 30/06 das 18:30 às 22:30 (2ª e 3ª) GRADE E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/ DATAS E HORÁRIOS MÓDULO I: PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO C/H: 8 horas. Data/horário: 29/06 e 30/06 das 18:30 às 22:30 (2ª e 3ª) 04/07 das 8 às 16h (sábado). Bibliografia

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 115/2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 115/2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS Campus Universitário - Viçosa, MG - 36570-000 - Telefone: (31) 3899-2127 - Fax: (31) 3899-1229 - E-mail: soc@ufv.br

Leia mais

Pesquisa sobre sintomas de transtornos mentais e utilização de serviços em crianças brasileiras de 6 a 17 anos

Pesquisa sobre sintomas de transtornos mentais e utilização de serviços em crianças brasileiras de 6 a 17 anos Objetivos: (1) Estimar a prevalência dos sintomas dos transtornos mentais mais comuns na infância e na adolescência em crianças e adolescentes brasileiros de 6 a 17 anos (2) Pesquisar a freqüência de uso

Leia mais

Estrutura Curricular do Curso de Psicologia

Estrutura Curricular do Curso de Psicologia Estrutura Curricular do Curso de Psicologia 1º Período Bases Culturais da Psicologia - Bases Sociais da Psicologia - Leitura e Produção de Texto - 57 Fundamentos da Anatomia Humana - História da Psicologia

Leia mais

TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA)

TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA) TRAUMA PSÍQUICO ORIENTAÇÕES GERAIS AOS MÉDICOS NÚCLEO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DO TRAUMA (NET-TRAUMA) SERVIÇO DE PSIQUIATRIA HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE (HCPA) DEPARTAMENTO DE PSIQUIATRIA UNIVERSIDADE

Leia mais

FACULDADE DE PSICOLOGIA MATRIZ CURRICULAR 2013 1º SEMESTRE 2º SEMESTRE 3º SEMESTRE

FACULDADE DE PSICOLOGIA MATRIZ CURRICULAR 2013 1º SEMESTRE 2º SEMESTRE 3º SEMESTRE MATRIZ CURRICULAR 2013 1º SEMESTRE Psicologia Ciência e Profissão 4 60 12 Bases Filosóficas da Psicologia 4 72 0 Bases Sócio-Antropológicas da Psicologia 4 60 12 Anatomia Humana 4 36 36 Metodologia de

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO DISCIPLINA DE GERIATRIA 4º ANO / 2012

FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO DISCIPLINA DE GERIATRIA 4º ANO / 2012 FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO DISCIPLINA DE GERIATRIA CURSO DE CLÍNICA MÉDICA 4º ANO / 2012 Coordenação: Dra. Elina Lika Kikuchi Professor Responsável: Prof. Dr. Wilson Jacob Filho

Leia mais

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14

Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 C U R S O O D O N T O L O G I A Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 Componente Curricular: CLÍNICA INTEGRADA IV Código: ODO-042 Pré-requisito:

Leia mais

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico -

Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Dependência Química - Classificação e Diagnóstico - Alessandro Alves Toda vez que se pretende classificar algo, deve-se ter em mente que o que se vai fazer é procurar reduzir um fenômeno complexo que em

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PSICOLOGIA MORFOFISIOLOGIA E COMPORTAMENTO HUMANO Estudo anátomo-funcional de estruturas orgânicas na relação com manifestações emocionais. HISTÓRIA E SISTEMAS

Leia mais

6. HABILIDADES REQUERIDAS E COMPORTAMENTO ESPERADO

6. HABILIDADES REQUERIDAS E COMPORTAMENTO ESPERADO PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Enfermagem Professorer: Dayane C. Borille dborille@hotmail.com Período/ Fase: 7ª fase Semestre: 1º Ano:

Leia mais

NEUROPSICOLOGIA, TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL (TCC) E PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA (PNL):

NEUROPSICOLOGIA, TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL (TCC) E PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA (PNL): NEUROPSICOLOGIA, TERAPIA COGNITIVO-COMPORTAMENTAL (TCC) E PROGRAMAÇÃO NEUROLINGUÍSTICA (PNL): uma abordagem interdisciplinar para diagnóstico e tratamento dos Transtornos de Ansiedade (TAs) Jayana Ramalho

Leia mais

TOC E A INTERFERÊNCIA NA VIDA SOCIAL DO PACIENTE

TOC E A INTERFERÊNCIA NA VIDA SOCIAL DO PACIENTE TOC E A INTERFERÊNCIA NA VIDA SOCIAL DO PACIENTE Laís Rosiak 1 Rebeca Bueno dos Santos ¹ Mara Regina Nieckel da Costa 2 RESUMO O presente artigo apresenta o estudo realizado sobre o Transtorno Obsessivo

Leia mais

Faculdade da Alta Paulista

Faculdade da Alta Paulista CURSO DE ENFERMAGEM PLANO DE ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO Área: Estágio de Enfermagem em Saúde do Adulto I e II Campo de Atuação: Santa Casa de Tupã; Instituto de Psiquiatria de Tupã e Hospital São

Leia mais

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas?

Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Como Prevenir e Tratar as Dependências Químicas nas Empresas? Hewdy Lobo Ribeiro Psiquiatra Forense Ana Carolina S. Oliveira Psi. Esp. Dependência Química Importância Preocupação permanente de gestores

Leia mais

FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA

FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA 1º SEMESTRE 1. Anatomia Humana 90 60 30 06 2. Biologia (Citologia/Genética) 60 45 15 04 3. Educação em Saúde 30 20 10 02 4. Introdução a Enfermagem

Leia mais

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DATAS DOS EXAMES * 1º SEMESTRE CURRICULAR - DIURNO

CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DATAS DOS EXAMES * 1º SEMESTRE CURRICULAR - DIURNO 1º SEMESTRE CURRICULAR - DIURNO SALA 512 08:15 09:05 Sociologia Geral 09:05 09:55 Sociologia Geral Processos Psicológicos Básicos Processos Psicológicos Básicos da Personalidade I da Personalidade I Genética

Leia mais

1º SEMESTRE 30 30-02 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA TOTAL TEORIA PRÁTICA

1º SEMESTRE 30 30-02 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA TOTAL TEORIA PRÁTICA 1º SEMESTRE Introdução a 90 60 30 06 Anatomia Humana 90 60 30 06 Biologia Celular e Molecular Embriologia e Histologia Humana Antropologia da Saúde Educação em Saúde Relações Étnico-Raciais Metodologia

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: Centro de Ciências Biológicas e da Saúde - 040 Curso: Psicologia Núcleo Temático:Psicologia e Saúde Coletiva Disciplina:Psicologia Escolar I Professor(es): Marcos Vinícius de Araújo

Leia mais

PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM. 1º Semestre Pré requisito. Estar regularmente matriculado no curso de bacharelado em

PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM. 1º Semestre Pré requisito. Estar regularmente matriculado no curso de bacharelado em PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM 1º Semestre Pré requisito bacharelado em Metodologia da Pesquisa aplicada à Saúde Embriologia Humana Biologia Celular Psicologia Sociologia Produção

Leia mais

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas Pág. 8. Coordenação Programa e metodologia; Investimento

SUMÁRIO. Sobre o curso Pág. 3. Etapas do Processo Seletivo Pág. 5. Cronograma de Aulas Pág. 8. Coordenação Programa e metodologia; Investimento 1 SUMÁRIO Sobre o curso Pág. 3 Coordenação Programa e metodologia; Investimento 3 3 5 Etapas do Processo Seletivo Pág. 5 Matrícula 7 Cronograma de Aulas Pág. 8 2 PÓS-GRADUAÇÃO EM DOR Unidade Dias e Horários

Leia mais

PSICOLOGIA HOSPITALAR

PSICOLOGIA HOSPITALAR PSICOLOGIA HOSPITALAR Sugestão de Bibliografia AGGLETON, P. Monitoramento e avaliação de educação em saúde e promoção da saúde voltadas para o HIV/AIDS. In: Aids, pesquisa social e educação. CZERESNIA,D.;

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS (ESPECIFICAR CONTEÚDOS E, SE POSSÍVEL, DISCIPLINAS)

PRÉ-REQUISITOS (ESPECIFICAR CONTEÚDOS E, SE POSSÍVEL, DISCIPLINAS) 7.5. Disciplina Clínica Médica 4: Atenção Primária (Atual Medicina Geral de Adultos II (CLM006)) CÓDIGO DA DISCIPLINA ATUAL: CLM006 NOME ATUAL: Medicina Geral de Adultos II NOVO NOME: Clínica Médica 4:

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE PSICOLOGIA 2012.1

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE PSICOLOGIA 2012.1 MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE PSICOLOGIA 2012.1 História e Bases Epistemológicas da Psicologia Sociologia I Antropologia Leitura e Produção Textual Metodologia do Trabalho Cientifico TOTAL: 400 horas Filosofia

Leia mais

TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL.

TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL. TRANSTORNO DE PÂNICO: ENTENDENDO MELHOR COMO ACONTECE O TRATAMENTO NA ABORDAGEM COGNITIVO COMPORTAMENTAL. * Danielle Moraes; Juliana Vieira; Marcos Fagundes. ** Cláudia Mazzoni * Alunos do curso de graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico

UNIVERSIDADE PRESBITERIANA MACKENZIE Decanato Acadêmico Unidade Universitária: CCBS - 040 Curso: PSICOLOGIA Disciplina: Núcleo Temático: SUPERVISÃO DE ESTÁGIO ESPECÍFICO EM PSICOTERAPIA BREVE DO ADOLESCENTE I Professores: Cristine Lacet Lourdes Santina Tomazella

Leia mais

Prevalência de transtornos mentais no início da adolescência

Prevalência de transtornos mentais no início da adolescência Prevalência de transtornos mentais no início da adolescência Luciana Anselmi1 ¹, Bacy Fleitlich-Bylik 2, Ana Menezes 3 Cora Araújo 4, Luis A. Rohde 5 ¹ PPG Psiquiatria, UFRGS e PPG Epidemiologia, UFPel

Leia mais

HORÁRIO DE AULA 1º. SEMESTRE DE 2015 FAEF FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO INTEGRAL. CURSO DE PSICOLOGIA SÉRIE: 1o. TERMO NOTURNO QUARTA FEIRA

HORÁRIO DE AULA 1º. SEMESTRE DE 2015 FAEF FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO INTEGRAL. CURSO DE PSICOLOGIA SÉRIE: 1o. TERMO NOTURNO QUARTA FEIRA SÉRIE: 1o. TERMO NOTURNO 19:00 às 20:00 hrs Língua Portuguesa- Técnicas de Redação Língua Portuguesa- Técnicas de Redação Metodologia Científica I Psicologia Geral Psicologia do Desenvolvimento I Língua

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS

IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS IDENTIFICAÇÃO PRIMÁRIA DE SINTOMAS DO TRANSTORNO DEPRESSIVO MAIOR E A BUSCA POR PROFISSIONAIS ESPECIALIZADOS Cayla Aparecida de Sousa 1 ; Cícero Marcelo Félix Junior 1 ; Sandra Cristina Catelan- Mainardes

Leia mais

INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA

INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA DR. EUCLIDES GOMES DIRETOR TÉCNICO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSIQUIATRIA DO CENTRO DE ESTUDOS CYRO MARTINS CONCEITO SUBESPECIALIDADE DA PSIQUIATRIA QUE SE OCUPA DA ASSISTÊNCIA-ENSINO-

Leia mais

Coord: Iane Kestelman e Milton Genes (ABDA)

Coord: Iane Kestelman e Milton Genes (ABDA) Sexta feira TDAH Coord: Iane Kestelman e Milton Genes (ABDA) 10:00 às 13:30 h Diagnóstico no TDAH pelo DSM 5 - Fabio Barbirato Sinais Precoces - Gabriela Dias TDAH no Adulto e suas Implicações - Daniel

Leia mais

ERRATA Nº 01. Art. 1 - Retifica-se, na página 02, o item 4 do Cronograma do Concurso, o qual passa a vigorar com a data de 20/04/2012.

ERRATA Nº 01. Art. 1 - Retifica-se, na página 02, o item 4 do Cronograma do Concurso, o qual passa a vigorar com a data de 20/04/2012. ERRATA Nº 01 Art. 1 - Retifica-se, na página 02, o item 4 do Cronograma do Concurso, o qual passa a vigorar com a data de 20/04/2012. Art. 2º - Retifica-se o item 5.3.4, que passa a vigorar com a seguinte

Leia mais

1º Seminário Regimes Próprios da Previdência:

1º Seminário Regimes Próprios da Previdência: 1º Seminário Regimes Próprios da Previdência: Abordando a Sustentabilidade nos Enfoques da Saúde, do Trabalho e da Previdência Pública PMPA Outubro 2006 CAPACIDADE LABORATIVA x DOENÇAS INCAPACITANTES ALIENAÇÃO

Leia mais

SAÚDE MENTAL 14 JAN A 17 JUN 2013. Módulo 1 Epidemiologia, Psicopatologia e Sistema Nervoso Central

SAÚDE MENTAL 14 JAN A 17 JUN 2013. Módulo 1 Epidemiologia, Psicopatologia e Sistema Nervoso Central CURSO DE FORMAÇÃO AVANÇADA EM SAÚDE MENTAL 14 JAN A 17 JUN 2013 Segundas-feiras: 17:30h-20:30h; Sábados (mensalmente): das 9h30 às 13h00 e das 14h30 às 17h30. PROGRAMA Módulo 1 Epidemiologia, Psicopatologia

Leia mais

Fundamentos da Abordagem

Fundamentos da Abordagem 03/08/01 Fundamentos da Abordagem cognitivocomportamental Ementa: Os fatores históricos do surgimento da Terapia Cognitivo- Comportamental. Conceitos, pressupostos teóricos e os processos básicos da Teoria

Leia mais

COLEGIADO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA PRÁTICAS DE CAMPO EM ENFERMAGEM TÍTULO ÚNICO DAS PRÁTICAS DE CAMPO CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO

COLEGIADO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA PRÁTICAS DE CAMPO EM ENFERMAGEM TÍTULO ÚNICO DAS PRÁTICAS DE CAMPO CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO COLEGIADO DE ENFERMAGEM REGULAMENTO PARA PRÁTICAS DE CAMPO EM ENFERMAGEM TÍTULO ÚNICO DAS PRÁTICAS DE CAMPO CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO Art. 1º. As Práticas de Campo do Curso de Enfermagem parte integrante

Leia mais

VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE

VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE VIOLÊNCIA CONTRA A CRIANÇA ou ADOLESCENTE Equipe LENAD: Ronaldo Laranjeira Clarice Sandi Madruga IlanaPinsky Maria Carmen Viana Divulgação: Maio de 2014. 1. Porque esse estudo é relevante? Segundo a Subsecretaria

Leia mais

Grade Curricular - Psicologia (Psicologia - integral)

Grade Curricular - Psicologia (Psicologia - integral) Grade Curricular - Psicologia (Psicologia - integral) SEMESTRE 1 - Obrigatórias BIO0105 Biologia 6 0 6 MAE0112 Introducao a Probabilidade e a Estatistica I 4 0 4 PSA0113 Psicologia da Aprendizagem PSE0101

Leia mais

ESTUDO DOS TRANSTORNOS DE COMPORTAMENTO DISRUPTIVO NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS

ESTUDO DOS TRANSTORNOS DE COMPORTAMENTO DISRUPTIVO NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS ESTUDO DOS TRANSTORNOS DE COMPORTAMENTO DISRUPTIVO NA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA PELA PERSPECTIVA DA NEUROBIOLOGIA E AÇÕES MEDICAMENTOSAS Marina Aparecida Luiz de Freitas 1 ; Sandra Cristina Catelan-Mainardes

Leia mais

Currículo 1/307 (noite) e 1/308 (tarde e noite)

Currículo 1/307 (noite) e 1/308 (tarde e noite) Currículo 1/307 (noite) e 1/308 (tarde e noite) Nível I - 26 créditos Fundamentos Epistemológicos e História da Psicologia Ementa: Caracterização dos diferentes paradigmas de ciência e suas repercussões

Leia mais

Violência e Trauma: Conceitos Expandidos para a Clínica De 06/03 a 28/05 125hs/aula

Violência e Trauma: Conceitos Expandidos para a Clínica De 06/03 a 28/05 125hs/aula Violência e Trauma: Conceitos Expandidos para a Clínica De 06/03 a 28/05 125hs/aula Como a violência pode ser entendida no campo da saúde? A violência pode provocar transtornos mentais? Como tais quadros

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA

PÓS-GRADUAÇÃO EM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA PÓS-GRADUAÇÃO EM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA Instituição Certificadora: FALC Faculdade da Aldeia de Carapicuíba Amparo Legal: Resolução CNE CES 1 2001/ 2007 Carga Horária: 600h (sendo 150h para estágio)

Leia mais