PÚBLICO ALVO. Funcionários. Empresas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PÚBLICO ALVO. Funcionários. Empresas"

Transcrição

1 PÚBLICO ALVO Funcionários Empresas

2 CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO Sobre o Convênio (contrato) O convênio é estabelecido entre a Instituição Financeira e o Empregador; Define as condições gerais e parâmetros de contratos de crédito; O convênio vincula a Instituição Financeira, que não poderá negar crédito caso o empregado preencha todos os requisitos nele previstos; Sem custos operacionais ou administrativos para a empresa

3 CONSIGNAÇÃO EMPRESAS PRIVADAS CRÉDITO CONSIGNADO Conceito: Crédito Pessoal destinado aos funcionários de empresas privadas; Crédito liberado após aprovação pelo RH da Empresa; Público Alvo: Pessoa Física; Idade Mínima 18 anos e máxima de 65 anos; Vínculo empregatício de 06 meses*; Não estejam em licença temporária ou aviso prévio. *Conforme análise turn-over funcionários

4 CARACTERÍSTICAS GERAIS Crédito pré-aprovado, conforme margem consignável disponível (30% do rendimento mensal), com desconto em folha de pagamento, baseado na Lei *; Empréstimos para funcionários com restrições cadastrais leves*; Parcelas fixas em até 48 meses para pagar**; Compra de dívida. Seguro Prestamista (Até 4 parcelas) * Conforme política de crédito do Banco. ** Prazos negociados com a empresa, podendo ir até 48 meses

5 VANTAGENS PARA O FUNCIONÁRIO Possibilidade de reestruturação financeira; Desconto direto na folha de pagamento; Empréstimos para funcionários com restrição; Aumento do poder de compra; Prazos que se ajustam às necessidades do funcionário; Taxas mais baixas que os financiamentos convencionais; Carência de 30 a 45 dias para o 1º pagamento.

6 VANTAGENS PARA A EMPRESA Mais um benefício para ser oferecido para seu funcionário sem nenhum custo operacional ou administrativo; Aumento da satisfação dos funcionários; A empresa não precisa se responsabilizar por parcelas não pagas por seu funcionário (desligamento ou afastamento); Mais agilidade e menos burocracia para a empresa; Operação via sistema WEB e sem risco; Assessoria constante da BV Financeira;

7 FLUXO DA OPERAÇÃO Após firmarmos o convênio, é gerado um código para a empresa.(login BV Financeira) O Banco verifica documentos da proposta, faz a verificação e libera o empréstimo em qualquer conta corrente do funcionário ou através de ordem de pagamento. Os cadastros de propostas são feitos através do sistema BV Financeira, pelo correspondente responsável, ou funcionário do RH. A Documentação do cliente e assinatura (autorização para desconto) é feita no ato da simulação. Após o cadastro e aprovação, o RH averba o contrato eletronicamente em seu login da BV Financeira

8 FLUXO FINANCEIRO INFORMA CONTRATOS BANCO DESCONTA DO FUNCIONÁRIO PAGA BOLETO PARA O BANCO RH EMPRESA OBSERVAÇÃO: O repasse é feito através de um boleto bancário único que baixa todas as parcelas do mês referente. Como também outras modalidades conforme sua preferência: TED, DOC, Depósito Identificado. FUNCIONÁRIO

9 Ações para divulgação e atendimento do funcionário: Atendimento Pessoal através da rede de Correspondentes Bancários; Disponibilização Call Center; Intranet; Folhetos, -marketing; Disponibilidade de atendimento nas dependências da empresa (plantão). Operacionalização: Utilização de promotores de vendas altamente qualificados; Processamento com velocidade; Cadastramento das operações via WEB Correspondente Bancário; Averbação Eletrônica RH via WEB; Conciliação Web.

10 Consignação Empresas Privadas Crédito Consignado Cliente Central de Atendimento ou Promotor Promotor Cadastra operação e encaminha o contrato ao cliente Cliente Assina contrato, anexa docs e devolve via Banco Promotor Recepciona, confere e envia à Mesa de Crédito Cliente: Recebe o $$ Banco BV Libera o valor do empréstimo ao cliente. RH Averba o contrato eletronicamente Banco BV Aprova e envia para averbação RH. Importante: Propostas Averbadas até as 12:00 horas: liberação via TED D+0 liberação via DOC / OP D+1 Propostas Averbadas até as 16:00 horas: liberação via TED D+1 liberação via DOC / OP D+2

11

PÚBLICO ALVO FUNCIONÁRIOS EMPRESAS TÍTULO DA APRESENTAÇÃO PPT

PÚBLICO ALVO FUNCIONÁRIOS EMPRESAS TÍTULO DA APRESENTAÇÃO PPT CONSIGNADO PRIVADO PÚBLICO ALVO FUNCIONÁRIOS EMPRESAS TÍTULO DA APRESENTAÇÃO PPT CARACTERÍSTICAS DO PRODUTO Sobre o Convênio (contrato) O convênio é estabelecido entre a Instituição Financeira e o Empregador

Leia mais

Briefing da entrevista

Briefing da entrevista Briefing da entrevista Membros, as questões a seguir têm o objetivo de orientar a entrevista de obtenção de dados e informações para uso no relatório no plano de convênio de crédito consignado para empresas

Leia mais

Grupo Citi no Brasil

Grupo Citi no Brasil Crédito Consignado Grupo Citi no Brasil Grupo Citi no Brasil Segmento voltado a pessoas físicas e pequenas empresas, com variada gama de produtos e serviços diferenciados. Atendimento exclusivo a pessoas

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO EXECUTIVO FEDERAL SIAPE

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO EXECUTIVO FEDERAL SIAPE 1. OPERACIONALIZAÇÃO DAS CONTRATAÇÕES E SUPORTE Filial BV Financeira Matriz São Paulo - Fone: (11) 3252-7050. 2. PÚBLICO ALVO CONFORME LEGISLAÇÃO Servidores Ativos/Inativos; Aposentados; Cedidos; Pensionistas

Leia mais

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS.

Atenderemos servidores ATIVOS, INATIVOS, MAGISTRADOS e PENSIONISTAS que são pagos pelo próprio TRT-RS. BANCO CRUZEIRO DO SUL S/A CPP CRÉDITO PESSOAL PARCELADO ESTABELECIMENTO DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONVÊNIO COM O TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO-RS LOJA 1360 PÚBLICO ALVO Atenderemos servidores

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS MANUAL DE CONTROLES INTERNOS Classificação da Informação: INTERNA Seção: PS1 Produtos e Serviços Operações Ativas Referencia: 03 CDC FUNCIONÁRIO EMPRESA PRIVADA 1 - Características Gerais 2 - Documentação

Leia mais

Plataforma CSG Santander

Plataforma CSG Santander Crédito Consignado Plataforma CSG Santander Porto Alegre, Maio 2012 Brasil Índice 2 I. Portal de Sistemas versus Sistema CSG II. Conhecendo o CSG Portal de Sistemas versus CSG Santander 3 Nova Plataforma

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL SP

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL SP E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE portabilidadeconsignado@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM margemconsignado@bancodaycoval.com.br

Leia mais

Banco do Brasil Fonado

Banco do Brasil Fonado Banco do Brasil Fonado O que é BB Fonado? São linhas de credito disponíveis para correntistas do Banco do Brasil. O nome BB Fonado refere-se a venda efetivada através do call center. Ou seja, ligação telefônica

Leia mais

SERVIDOR CORRESPONDENTE

SERVIDOR CORRESPONDENTE CONVÊNIO EMDEC CNPJ: 44.602.720/0001-00 UF: SP. PÚBLICO ALVO Efetivos/Concursados, Ativos, Inativos e Pensionistas. CÁLCULO DE MARGEM Margem = Assumir a informação do site. PERCENTUAL DE MARGEM 100% QUANTIDADE

Leia mais

PORTABILIDADE DE CRÉDITO RESOLUÇÃO BACEN 4292/2013

PORTABILIDADE DE CRÉDITO RESOLUÇÃO BACEN 4292/2013 1. OBJETIVO ESTE ROTEIRO OPERACIONAL TEM COMO OBJETIVO DISCIPLINAR E PADRONIZAR OS PROCEDIMENTOS ESTABELECIDOS PELO DAYCOVAL CONFORME REGRAS DA RESOLUÇÃO 4292/2013 E CARTA CIRCULAR 3650/2014 DO BACEN.

Leia mais

Portabilidade de Crédito Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes

Portabilidade de Crédito Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes Diretoria de Cartões e Consignado Superintendência Executiva de Crédito Consignado Conceitos Gerais e Processos Guia Rápido Correspondentes São Paulo, Maio de 2014. Índice 1. Glossário 2. Definições 3.

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 19/03/2015

Roteiro Operacional Última atualização 19/03/2015 Roteiro Operacional Última atualização 19/03/2015 1. Público alvo 1.1 Atendidos - Aposentados e pensionistas do INSS -Códigos Benefícios- 1.2 Não atendidos -Códigos Benefícios- RESUMO DE CÓDIGOS NÃO CONSIGNÁVEIS

Leia mais

PAGAMENTO: MESMO DIA (D+0) APÓS ESSE HORÁRIO O PAGAMENTO SERA REALIZADO NO PROXIMO DIA UTIL (D+1) REFINANCIAMENTO PRAZO LIMITE PARA DIGITAÇÃO: 14:30

PAGAMENTO: MESMO DIA (D+0) APÓS ESSE HORÁRIO O PAGAMENTO SERA REALIZADO NO PROXIMO DIA UTIL (D+1) REFINANCIAMENTO PRAZO LIMITE PARA DIGITAÇÃO: 14:30 Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Leandro Moraes Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Walter

Leia mais

Banco do Brasil Fonado. Procedimentos iniciais, andamento e finalização das propostas

Banco do Brasil Fonado. Procedimentos iniciais, andamento e finalização das propostas Banco do Brasil Fonado Procedimentos iniciais, andamento e finalização das propostas Passo 1 - O que é BB Fonado? São linhas de credito pessoal, disponível para correntistas do Banco do Brasil. O nome

Leia mais

MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor

MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor Sistema de Gestão e Controle de Consignações On-Line - CONSIGFÁCIL MANUAL CONSIGFÁCIL Acesso: Servidor V.4.2 (Agosto/2014) 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1. ACESSANDO O CONSIGFÁCIL... 4 1.1. NAVEGADOR... 4

Leia mais

Consignação Manual do Correspondente Consignação

Consignação Manual do Correspondente Consignação Manual do Correspondente Consignação Banestes S.A. - Banco do Estado do Espírito Santo GCONS - Gerência de Consignação SUMÁRIO 1. Conceito...3 2. Apresentação...3 3. Informações Gerais...3 3.1. Condições

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA - BA

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA - BA Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Ricardo Silva Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Itana

Leia mais

RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG

RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG Corpo de Bombeiros Militar - MG RO.04.03 Versão: 14 RO Roteiro Operacional Corpo de Bombeiros MG Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Vers I - CONDIÇÕES GERAIS 1. PÚBLICO A SER ATENDIDO E

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DA PREVIDÊNCIA DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS DIVISÃO DE CADASTRO DE RECURSOS HUMANOS

SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DA PREVIDÊNCIA DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS DIVISÃO DE CADASTRO DE RECURSOS HUMANOS SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DA PREVIDÊNCIA DEPARTAMENTO DE RECURSOS HUMANOS DIVISÃO DE CADASTRO DE RECURSOS HUMANOS Março/2008 Sumário Sistema Automatizado de Consignação...3 PRconsig...3 Orientações

Leia mais

A folha de pagamento é paga pelo BANCO DO BRASIL S.A sendo que os servidores recebem até o 5º dia útil de cada mês.

A folha de pagamento é paga pelo BANCO DO BRASIL S.A sendo que os servidores recebem até o 5º dia útil de cada mês. PUBLICO ALVO Servidores efetivos do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais. ATENÇÂO para os cargos atípicos ao seguimento militar, como professor, assistente administrativo entre outros, se fará necessário

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LUÍS MA

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LUÍS MA E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE portabilidadeconsignado@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM margemconsignado@bancodaycoval.com.br

Leia mais

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG

Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG PUBLICO ALVO Servidores pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais - IPSEMG Para os casos de analfabetos e deficientes visuais, devemos seguir a regra abaixo: Até

Leia mais

CNPJ: 46.634.507/0001-06 UF: SP. SERVIDOR CORRESPONDENTE

CNPJ: 46.634.507/0001-06 UF: SP. SERVIDOR CORRESPONDENTE CONVÊNIO PREFEITURA MUNICIPAL DE SALTO CNPJ: 46.634.507/0001-06 UF: SP. PÚBLICO ALVO CLT Cargo Efetivo Ativo e CLT Cargo Efetivo Comissionado - Ativo. Observação: Para os casos de (CLT Cargo Efetivo Comissionado

Leia mais

Roteiro Operacional do Crédito Consignado Exército do Brasil

Roteiro Operacional do Crédito Consignado Exército do Brasil 1. DEFINIÇÃO DO PRODUTO Operação de Crédito Consignado em Folha de Pagamento para os Militares do Exército (ativos e pensionistas), abrangendo o Comando do Exército do, mediante convênio com o Banco Industrial.

Leia mais

MANUAL OPERACIONAL DE PORTABILIDADE BANRISUL COMO PROPONENTE

MANUAL OPERACIONAL DE PORTABILIDADE BANRISUL COMO PROPONENTE Emissor: Departamento Operacional do Crédito Consignado Versão: 8 Vigência: 17.07.2015 Código MO: OCC 01 MANUAL OPERACIONAL DE PORTABILIDADE BANRISUL COMO PROPONENTE SUMÁRIO 1 OBJETIVO... 3 2 CONCEITOS...

Leia mais

RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE

RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE Servidor Civil Federal - SIAPE RO.02.01 Versão: 39 RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE Área responsável: Gerência Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS 1.1. Categorias de

Leia mais

RO Roteiro Operacional. Servidor Civil Federal SIAPE

RO Roteiro Operacional. Servidor Civil Federal SIAPE RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal - SIAPE RO.02.01 Versão: 29 Exclusivo para Uso Interno Servidor Civil Federal SIAPE Área responsável: Gerência Produtos Consignados I - CONDIÇÕES GERAIS 1.

Leia mais

RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados MARINHA DO BRASIL RO. 03.03 Versão: 38 Exclusivo para Uso Interno RO Roteiro Operacional Marinha do Brasil Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS Categorias

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO - SP

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PAULO - SP Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Leandro Moraes Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Leandro

Leia mais

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO

COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MUTUO UO DOS FUNCIONARIOS DO SISTEMA FIERGS- CRESUL Travessa Francisco de Leonardo Truda, 40 sala 143 14 andar Porto Alegre-RS CEP 90010-050 Fone (0**51) 3224-3280 Fax:

Leia mais

RO Roteiro Operacional. Comando do Exército Brasileiro

RO Roteiro Operacional. Comando do Exército Brasileiro RO Roteiro Operacional EXÉRCITO [RO. 03.02] Versão: 45 Exclusivo para Uso Interno Comando do Exército Brasileiro Área responsável: Gerência de Produtos Consignados I - CONDIÇÕES GERAIS 1. PÚBLICO A SER

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO SIAPE MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO SIAPE MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM siape@bancodaycoval.com.br Versão: 05/15 MESA DE

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST

ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST ROTEIRO OPERACIONAL BANCO DAYCOVAL SIAPE - CONSIST Seguem abaixo as regras que deverão ser seguidas a partir do início das atividades do Correspondente Bancário Daycoval. Este documento é parte integrante

Leia mais

Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação e da ajuda mútua entre associados.

Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação e da ajuda mútua entre associados. COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS FUNCIONÁRIOS DAS EMPRESAS DE CERÂMICA CoopASPACER Cooperativismo É a união de pessoas voltadas para um objetivo comum, sem fins lucrativos, por meio da cooperação

Leia mais

Roteiro Operacional - Banco

Roteiro Operacional - Banco Regime de Contratação (Vínculo) Categoria (Situação) Efetivo 1. PÚBLICO ALVO Todas as Secretarias Condição Estatutário Aposentado Pensionista Todas as Secretarias Todas as Secretarias Público que não atenderemos

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL - SP

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO AUTARQUIA HOSPITALAR MUNICIPAL - SP Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Leandro Moraes Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Walter

Leia mais

SENADO FEDERAL - DF ROTEIRO OPERACIONAL

SENADO FEDERAL - DF ROTEIRO OPERACIONAL PUBLICO ALVO Servidores ativos, inativos e pensionistas do Senado, SEEP (gráfica do Senado) e Prodasen. CÁLCULO DE MARGEM Margem = Assumir o site PORCENTAGEM DA MARGEM A SER UTILIZADA 100% da margem. QUANTIDADE

Leia mais

RO Roteiro Operacional. Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional. Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados RO Roteiro Operacional Pref. Campinas - SP RO.05.145 Versão: 01 Excluso para Uso Interno Prefeitura de Campinas - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS

Leia mais

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Pref. São Paulo - SP RO.05.29 Versão: 31 Uso Externo RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de São Paulo - SP Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS BÁSICAS 1.1.

Leia mais

!" #! "##"$ $ % $ '*!+ % $ % $&', "#- ) ATENÇÃO:

! #! ##$ $ % $ '*!+ % $ % $&', #- ) ATENÇÃO: BANCO CRUZEIRO DO SUL S/A CPP CRÉDITO PESSOAL PARCELADO ESTABELECIMENTO DOS CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONVÊNIO COM O GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA LOJA 0088 Data: 05/08/2011 NÃO SERÃO

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 1. Público alvo 1.1 Atendidos - Aposentados e pensionistas do INSS -Códigos Benefícios- 1.2 Não atendidos -Códigos Benefícios- RESUMO DE CÓDIGOS NÃO CONSIGNÁVEIS

Leia mais

RO Roteiro Operacional Prefeitura de Campo Grande MS Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Prefeitura de Campo Grande MS Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Prefeitura de Campo Grande MS RO.05.195 Versão: 02 Exclusivo para Uso Externo RO Roteiro Operacional Prefeitura de Campo Grande MS Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS

Leia mais

Governo do Estado de São Paulo SEFAZ e Autarquias

Governo do Estado de São Paulo SEFAZ e Autarquias ROTEIRO OPERACIONAL CDC SERVIDOR PÚBLICO Governo do Estado de São Paulo SEFAZ e Autarquias Entidades: 4193 POLICIA MILITAR Publicação: 01.07.2015 4194 SP PREV Próxima atualização: 01.07.2016 4195 - SEFAZ

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO COMANDO DA AERONÁUTICA

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO COMANDO DA AERONÁUTICA 1. OPERACIONALIZAÇÃO DAS CONTRATAÇÕES E SUPORTE Filial BV Financeira Matriz São Paulo - Fone: (11) 3252-7020 2. PÚBLICO ALVO CONFORME LEGISLAÇÃO Militares efetivos admitidos há no mínimo 06 meses, Aposentados

Leia mais

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO

CONTRATO DE EMPRÉSTIMO COM CRÉDITO PRÉ-APROVADO PÁGINA 1/7 CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Dados do Contratante Nome: CPF: - Carteira de Identidade: Órgão: Matrícula: - Endereço: Bairro: Cidade: UF: CEP: - Estado Civil: Profissão: Empresa: Lotação: Banco: Agência:

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 1. Público alvo 1.1 Atendidos - Aposentados e pensionistas do INSS -Códigos Benefícios- 1.2 Não atendidos -Códigos Benefícios- RESUMO DE CÓDIGOS NÃO CONSIGNÁVEIS

Leia mais

Servidor Federal Civil - SIAPE Entidade: 164 Publicação: 08.06.2015 Produto:

Servidor Federal Civil - SIAPE Entidade: 164 Publicação: 08.06.2015 Produto: ROTEIRO OPERACIONAL Servidor Federal Civil - SIAPE Entidade: 164 Publicação: 08.06.2015 Produto: Empréstimo Consignado Próxima atualização: 07.06.2016 Classificação da Informação: 1. Orientação legal Lei

Leia mais

Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200

Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200 PUBLICO ALVO Efetivos ativos, aposentados e pensionistas, identificados através do site. Nº DE FUNCIONARIOS Efetivos ativos 3400 Aposentados e Pensionistas 600 Pensionistas Estatutários 200 FOLHA DE PAGAMENTO

Leia mais

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015

Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 Roteiro Operacional Última atualização 06/02/2015 1. Público alvo 1.1 Atendidos - Aposentados e pensionistas do INSS -Códigos Benefícios- 1.2 Não atendidos -Códigos Benefícios- RESUMO DE CÓDIGOS NÃO CONSIGNÁVEIS

Leia mais

Art. 2 o Esta Resolução entrará em vigor na data de sua publicação. Reitoria da Universidade Estadual de Ponta Grossa.

Art. 2 o Esta Resolução entrará em vigor na data de sua publicação. Reitoria da Universidade Estadual de Ponta Grossa. RESOLUÇÃO CA N o 220 DE 9 DE JUNHO DE 2014. Aprova a assinatura do Convênio a ser celebrado entre a Universidade Estadual de Ponta Grossa e a Barigui S/A- Crédito, Financiamento e Investimentos. O CONSELHO

Leia mais

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de Fortaleza CE Área responsável: Gerência de Produtos Consignados

RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de Fortaleza CE Área responsável: Gerência de Produtos Consignados Prefeitura de Fortaleza CE RO. 05.060 Versão: 1 Exclusivo para Uso Externo RO Roteiro Operacional Prefeitura Municipal de Fortaleza CE Área responsável: Gerência de Produtos Consignados 1. PÚBLICO ALVO

Leia mais

IPREM Instituto de Previdência Municipal de São Paulo

IPREM Instituto de Previdência Municipal de São Paulo ROTEIRO OPERACIONAL CDC SERVIDOR PÚBLICO IPREM Instituto de Previdência Municipal de São Paulo Entidades: 225 - Servidor 241 - Pensionista Publicação: 01.07.2015 Próxima atualização: 01.07.2016 Classificação

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL - INSS ROTEIRO DE CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS

INSTITUTO NACIONAL DE SEGURO SOCIAL - INSS ROTEIRO DE CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS PUBLICO ALVO Aposentados e pensionistas que recebam pelo INSS. Empréstimos consignados para idosos aposentados, pensionistas, analfabetos ou semi-analfabetos, moradores das cidades mencionadas abaixo,

Leia mais

Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos - SIAPE ROTEIRO OPERACIONAL

Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos - SIAPE ROTEIRO OPERACIONAL PÚBLICO ALVO Servidores Ativos, Aposentados e Pensionistas. CÁLCULO DE MARGEM Acessar o site (www.intergrall.com.br). PORCENTUAL DA MARGEM A UTILIZADA 100% da margem. QUANTIDADE DE EMPRÉSTIMO POR SERVIDOR

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO COMANDO DA AERONÁUTICA

ROTEIRO OPERACIONAL EMPRÉSTIMO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO COMANDO DA AERONÁUTICA E-MAILS DE CONTATO BANCO DAYCOVAL Negócio Roteiro Operacional Promotora MESA DE ANALISE PORTABILIDADE portabilidadeconsignado@bancodaycoval.com.br Empréstimo Cartão Débito C/C MESA DE ANALISE MARGEM margemconsignado@bancodaycoval.com.br

Leia mais

O C artão d o S ervidor PR P E R F E EI E TUR U A R A MU M N U I N CI C PA P L A L DE D E LOND N R D I R NA N

O C artão d o S ervidor PR P E R F E EI E TUR U A R A MU M N U I N CI C PA P L A L DE D E LOND N R D I R NA N O Cartão do Servidor PREFEITURA MUNICIPAL DE LONDRINA Cartão BMG Card O BMG Card é um cartão de crédito com bandeira MasterCard, direcionado aos Servidores Públicos Estatutários do Governo de Santa Catarina,

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RJ RESUMO DAS INFORMAÇÕES

ROTEIRO OPERACIONAL CRÉDITO CONSIGNADO SETOR PÚBLICO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO RJ RESUMO DAS INFORMAÇÕES Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Fábio Yamaguro Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Fábio Yamaguro Versão: 01/13 Gerência Comercial Comercial Sério

Leia mais

SSB Sistema de simulação bancária. Versão: 1.0 Data: 26/05/2014 Identificador do documento: 001

SSB Sistema de simulação bancária. Versão: 1.0 Data: 26/05/2014 Identificador do documento: 001 SSB Sistema de simulação bancária. Versão: 1.0 Data: 26/05/2014 Identificador do documento: 001 Histórico de revisões Versão Data Autor Descrição Localização 1.0 26/05/2014 Fernando Henrique José Rodrigue

Leia mais

www.grupoequatorial.com.br

www.grupoequatorial.com.br Versão: 10 Data de Vigência: 30.01.2015 Página 1 de 5 1. Objetivo Este documento contém todas as informações necessárias para a concessão de empréstimos aos Servidores Públicos Estaduais do Governo do

Leia mais

www.grupoequatorial.com.br

www.grupoequatorial.com.br Versão: 1 Data de Vigência: 10.10.2013 Página 1 de 6 1. Objetivo Este documento contém todas as informações necessárias para a concessão de empréstimos aos Servidores Públicos Estaduais do Governo de Minas

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES. 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples.

REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES. 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples. REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS SIMPLES 1 OBJETIVO 1.1 Estabelecer as diretrizes para a concessão de empréstimo simples. 2 CONCESSÃO 2.1 O empréstimo simples poderá ser concedido exclusivamente

Leia mais

1. PÚBLICO ALVO. Servidores admitidos pela lei 500/74; Servidores Admitidos regime CLT; Servidores que pertencem a UNESP;

1. PÚBLICO ALVO. Servidores admitidos pela lei 500/74; Servidores Admitidos regime CLT; Servidores que pertencem a UNESP; 1. PÚBLICO ALVO Categoria SEFAZ e Autarquias Condição Servidores públicos civis ativos, inativos e pensionistas da administração direta e autárquica. Polícia Militar Servidores públicos militares ativos.

Leia mais

ERGON ONLINE MANUAL DO SERVIDOR EMISSÃO DE MARGEM CONSIGNÁVEL. Versão 1.0

ERGON ONLINE MANUAL DO SERVIDOR EMISSÃO DE MARGEM CONSIGNÁVEL. Versão 1.0 ERGON ONLINE MANUAL DO SERVIDOR EMISSÃO DE MARGEM CONSIGNÁVEL Versão 1.0 Junho de 2008 ÍNDICE 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. ACESSO AO ERGON ONLINE... 6 3. TELA MARGEM & EMPRÉSTIMOS... 7 Portal Consig-Sen Manual

Leia mais

Roteiro Operacional de Refinanciamento de Empréstimo Consignado - INSS

Roteiro Operacional de Refinanciamento de Empréstimo Consignado - INSS 1. OBJETIVO Refinanciamento de dívida de Empréstimos vinculados a Consignação em Folha de Pagamento dos aposentados e pensionistas do INSS, contraídas com o Banco Industrial. 2. REGRAS OPERACIONAIS O Banco

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO EXECUTIVO FEDERAL SIAPE

ROTEIRO OPERACIONAL - CONSIGNADO SETOR PÚBLICO EXECUTIVO FEDERAL SIAPE OPERACIONALIZAÇÃO DAS CONTRATAÇÕES E SUPORTE Filial BV Financeira Matriz São Paulo - Fone: (11) 3268-3100. PÚBLICO ALVO CONFORME LEGISLAÇÃO Servidores Ativos/Inativos; Aposentados; Cedidos; Pensionistas

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO SUBSECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO E GESTÃO SUBSECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DE PESSOAL INFORMAÇÕES ÚTEIS SOBRE CONSIGNADO EMPRÉSTIMO, CARTÃO DE CRÉDITO E/OU SERVIÇOS CONTRATADOS - ANO 2015. 1) O que é Margem Consignável? Resposta: É o dado que indica os limites estabelecidos por lei específica

Leia mais

Manual Instrutivo Saque para Cartão Emitido / Complementar

Manual Instrutivo Saque para Cartão Emitido / Complementar Título da apresentação Manual Instrutivo Saque para Cartão Emitido / Complementar Solicitação de serviços Cartão emitido Solicitação de Serviços Cartão Emitido O sistema deve ser acessado pelo site do

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO CONVÊNIO QUE ENTRE SI REALIZAM A JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU - SEÇÃO JUDICIÁRIA DO MARANHÃO E A FUNDAÇÃO HABITACIONAL DO EXÉRCITO FHE PARA ACESSO A PRODUTOS E SERVIÇOS. A Justiça Federal de Primeiro

Leia mais

Edital de Credenciamento 003/2012

Edital de Credenciamento 003/2012 1/5 Edital de Credenciamento 003/2012 1 DO OBJETO: 1.1. O presente Termo tem por objetivo o credenciamento de Instituições Financeiras autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil, para prestação

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - RN

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE - RN Áreas Envolvidas: Área Responsável Negócio Gerência Geral Comercial Ricardo Silva Roteiro Operacional Promotora Gerência Regional Comercial Auridete Cruz Versão: 01/14 Gerência Comercial Comercial Gézia

Leia mais

SCRIPTS BANCO DO BRASIL

SCRIPTS BANCO DO BRASIL SCRIPTS BANCO DO BRASIL DICAS & REGRAS Esse manual auxiliará o corretor na venda e formalização do Banco do Brasil. Para todos os parceiros que possuem sistema call center (ligação telefônica gravada),

Leia mais

COMPRA DE DÍVIDA INSS

COMPRA DE DÍVIDA INSS COMPRA DE DÍVIDA INSS PÚBLICO: Aposentados e Pensionistas do INSS que tenham contrato de Crédito Consignado vigente em outras instituições que não Itaú Unibanco CANAL: Unibanco - Consigweb / Agencia.com

Leia mais

Roteiro Operacional (Parceiros) CPA TJMG. Características do Produto

Roteiro Operacional (Parceiros) CPA TJMG. Características do Produto Roteiro Operacional (Parceiros) CPA TJMG Características do Produto Público Alvo: Servidores efetivos; Magistrados; Pensionistas ou outros beneficiários do TJMG. Taxa (*): Definida pela Diretoria. Tc:

Leia mais

CAGEPREV - REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS

CAGEPREV - REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS 1 - OBJETIVO CAGEPREV - REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS 1.1 Estabelecer normas para concessão de empréstimos aos participantes ativos e assistidos. 2 - QUALIFICAÇÃO PARA O EMPRÉSTIMO 2.1 Ser

Leia mais

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK

ACESSAR: www.bmgconsig.com.br. Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ROTEIRO OPERACIONAL ACESSAR: www.bmgconsig.com.br Digite seu Usuário e Senha Digite os algarismos Clique em OK ACESSO A DIGITAÇAO Clique em Proposta no Menu Selecione Nova IDENTIFICAR A OPERAÇÃO Entidade:

Leia mais

ROTEIRO OPERACIONAL DO CARTÃO BI CARD CONSIGNADO GOV. ACRE

ROTEIRO OPERACIONAL DO CARTÃO BI CARD CONSIGNADO GOV. ACRE 1. PUBLICO ALVO O publico alvo é constituído por servidores ativos e inativos do Governo do Estado do Acre com o objetivo de concessão do Cartão BI CARD possibilitando saque antecipado, saques eletrônicos,

Leia mais

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO

CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO CONTRATO PARA CONCESSÃO DE ANTECIPAÇÃO DE CRÉDITO, MEDIANTE DESCONTO EM FOLHA DE PAGAMENTO São partes neste Contrato: 1. PROCIDADES COMÉRCIO E SERVIÇOS DE APOIO LTDA, pessoa jurídica de direito privado

Leia mais

Guia prático de bolso PSC e Portal RH

Guia prático de bolso PSC e Portal RH Guia prático de bolso PSC e Portal RH O QUE É PSC? O PSC (Positivo Serviços Compartilhados) é um sistema de gestão que centraliza todos os processos administrativos do Positivo. Tem como principal objetivo

Leia mais

Norma de Empréstimos Financeiros

Norma de Empréstimos Financeiros Gestão de Atendimento AFAF D.GA.03 1/11 ÍNDICE 1. Objetivo... 2 2. Responsabilidades... 2 3. Conceitos... 2 4. Critérios... 3 4.1. Modalidades de Empréstimos Financeiros... 3 4.2. Limite de Contratos...

Leia mais

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ Aprovado pelo Comitê de Investimentos da Forluz na 330ª reunião de 14/09/2011 e na 331ª reunião de 23/09/2011. Válido para empréstimos solicitados a partir de 01/10/2011. REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ

Leia mais

GOVERNO DA PARAIBA - PB ROTEIRO OPERACIONAL

GOVERNO DA PARAIBA - PB ROTEIRO OPERACIONAL PUBLICO ALVO Servidores Efetivos, Celetistas, PBPREV (inativo, reformado e sem vinculo) e Pensionistas que recebam pelo GOV-PB. Celetistas concursados, admitidos antes de 1983. Para os casos de analfabetos

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS MANUAL DE CONTROLES INTERNOS Classificação da Informação: INTERNA Grupo: Título: Produtos Aposentados e Pensionistas INSS 1- Considerações Iniciais 1.1- Introdução 1.2- Formas de contratação ÍNDICE 2 Características

Leia mais

Perguntas Freqüentes

Perguntas Freqüentes Perguntas Freqüentes Dúvidas: 4003-8777 Conhecendo o Crédito Universitário PRAVALER 1. O que é o crédito universitário PRAVALER? O PRAVALER é um crédito universitário que permite você pagar seus estudos,

Leia mais

NORMA DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS AOS PARTICIPANTES

NORMA DE CONCESSÃO DE EMPRÉSTIMOS AOS PARTICIPANTES 1. OBJETIVO Esta norma tem por objetivo estabelecer os critérios e procedimentos a serem adotados para concessão e liberação de empréstimos aos participantes. 2. CAMPO DE APLICAÇÃO As operações de empréstimos

Leia mais

RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE

RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE RO Roteiro Operacional Servidor Civil Federal SIAPE Área responsável: Gerência Produtos Consignados Servidor Civil Federal - SIAPE RO.02.01 Versão: 34 Exclusivo para Uso Interno 1. PÚBLICO ALVO E REGRAS

Leia mais

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ

REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ Aprovado pelo Comitê de Investimentos da Forluz em 18 e 25/01/13 (Ata da 401ª e 403ª reunião). Válido para empréstimos solicitados a partir de 01/03/2013. REGULAMENTO DOS EMPRÉSTIMOS FORLUZ CAPÍTULO I

Leia mais

REGULAMENTO DE OPERAÇÕES

REGULAMENTO DE OPERAÇÕES 1 GENERALIDADES As operações de crédito da Cooperativa serão realizadas dentro das normas fixadas pelo Estatuto Social, pelas normas legais, as do Banco Central do Brasil e por este Regulamento. 2 OBJETIVO

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO NÍVEL TÉCNICO PARTE I INFORMAÇÕES PARA BOLSISTA ALUNO

MANUAL DO USUÁRIO NÍVEL TÉCNICO PARTE I INFORMAÇÕES PARA BOLSISTA ALUNO PROGRAMA PETROBRAS DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS (PFRH) MANUAL DO USUÁRIO NÍVEL TÉCNICO PARTE I INFORMAÇÕES PARA BOLSISTA ALUNO Versão 04/02/2011 SUMÁRIO 1 APRESENTAÇÃO 2 INTRODUÇÃO 3 MODALIDADES DE

Leia mais

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL

REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL REGULAMENTO DE EMPRÉSTIMO PESSOAL 1. FINALIDADE 1.1. Este Regulamento tem por finalidade disciplinar as concessões de empréstimos aos Participantes do Plano de Benefícios JMalucelli, administrado pelo

Leia mais

SIMULAÇÃO EMPRÉSTIMO EM FOLHA DEMONSTRATIVO DO CUSTO EFETIVO TOTAL

SIMULAÇÃO EMPRÉSTIMO EM FOLHA DEMONSTRATIVO DO CUSTO EFETIVO TOTAL SIMULAÇÃO EMPRÉSTIMO EM FOLHA DEMONSTRATIVO DO CUSTO EFETIVO TOTAL Nome do Cliente: CPF do Cliente: ------------------------------------------------------------------------ (a) Taxa de Juros: % ao ano

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 098/2006-CAD/UNICENTRO Celebra Termo de Convênio firmado entre a UNICENTRO e o Banco UNIBANCO. O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE, UNICENTRO: Faço saber que o Conselho de Administração,

Leia mais

Procedimentos Operacionais do Convênio EXÉRCITO BRASILEIRO. (Código 453)*

Procedimentos Operacionais do Convênio EXÉRCITO BRASILEIRO. (Código 453)* Procedimentos Operacionais do Convênio EXÉRCITO BRASILEIRO (Código 453)* Versão Atualizada: 14/12/2010 Abrangência do Convênio Militares ativos, inativos e pensionistas de militares com vencimentos pagos

Leia mais

Convênio Consignação CAIXA - Regime CLT

Convênio Consignação CAIXA - Regime CLT Grau de sigilo #PUBLICO CONVÊNIO QUE ENTRE SI FAZEM A CAIXA ECONÔMICA FEDERAL E O/A CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE SAUDE DA REDE DE URGENCIA DO NORTE DE MINAS, COM ANUÊNCIA DA ENTIDADE SINDICAL SINDICATO

Leia mais

Módulo 2 Pr T odít ut U os L e O S erx viços Financeiros

Módulo 2 Pr T odít ut U os L e O S erx viços Financeiros Módulo 2 Produtos TÍTULO e Serviços X Financeiros CRÉDITO PESSOAL Olá! Neste módulo, vamos aprofundar nossos conhecimentos sobre os produtos e serviços financeiros que podemos oferecer aos nossos clientes.

Leia mais

Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual

Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual Regulamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual Art. 1º - O presente Regulamento tem por finalidade disciplinar o funcionamento da Carteira de Empréstimo - Antecipação do Abono Anual,

Leia mais

Meu imóvel não tem Habite-se. Posso realizar a operação? Não. Somente imóveis com habite-se são aceitos como garantia do crédito.

Meu imóvel não tem Habite-se. Posso realizar a operação? Não. Somente imóveis com habite-se são aceitos como garantia do crédito. A Cred18 cobra alguma tarifa antecipada? Não. Não é política da Cred18 cobrar nenhum tipo de tarifa antecipadamente. Todos os custos da operação são inclusos no financiamento. Quais os tipos de bens imóveis

Leia mais

PRODUTO E OPERAÇÃO VANTAGENS FLUXO BMG CARD FLUXO SAQUE COMPLEMENTAR ACOMPANHAMENTO

PRODUTO E OPERAÇÃO VANTAGENS FLUXO BMG CARD FLUXO SAQUE COMPLEMENTAR ACOMPANHAMENTO PRODUTO E OPERAÇÃO VANTAGENS FLUXO BMG CARD FLUXO SAQUE COMPLEMENTAR ACOMPANHAMENTO Gratuito. Sem anuidade ou taxa de adesão para o titular Sem consulta ao SPC / Serasa Menores taxas de juros do mercado

Leia mais

Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos - SIAPE ROTEIRO DE CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS

Sistema Integrado de Administração de Recursos Humanos - SIAPE ROTEIRO DE CRITÉRIOS PARA CONCESSÃO DOS EMPRÉSTIMOS CONSIGNADOS PÚBLICO ALVO Servidores Ativos, Aposentados e Pensionistas. CÁLCULO DE MARGEM Utilizar a margem disponível no site ou contracheque. PORCENTUAL DA MARGEM A UTILIZADA Deixar R$ 1,00 (um real) de margem de

Leia mais

Bonsucesso solicita o saldo devedor via CIP

Bonsucesso solicita o saldo devedor via CIP 1. INFORMAÇÕES IMPORTANTES A foi regulamentada pelo Banco Central através da Resolução 4.292, de 20 de dezembro de 2013, e tem como objetivo tratar a transferência de dívidas entre instituições financeiras.

Leia mais