INGLÊS. VALOR TOTAL QUESTÃO Legislação da Educação/ 1 a e

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INGLÊS. VALOR TOTAL QUESTÃO Legislação da Educação/ 1 a 10 2 20. 31 e 32 20 40"

Transcrição

1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas INGLÊS LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO 01 Você está recebendo o seguinte material: a) Um Caderno com as 30(trinta) questões objetivas e 02(duas) subjetivas referentes às partes de Legislação da Educação e Conhecimentos Específicos da área, assim distribuídas: PARTES QUESTÕES VALOR DE CADA VALOR TOTAL QUESTÃO Legislação da Educação/ 1 a objetiva Conhecimento Específico/ 11 a objetiva Conhecimento Específico/subjetiva 31 e b) Um Caderno de Respostas para as questões subjetivas. As respostas às questões subjetivas deverão ser escritas a caneta esferográfica de tinta azul ou preta nos espaços especificados no Caderno de Respostas. c) Um Cartão-resposta destinado às respostas das questões objetivas. 02 Verifique se este material está completo e se o seu nome no Cartão-Resposta está correto. Caso contrário, notifique imediatamente a um dos fiscais de sala. Após a conferência do seu nome no Cartão-resposta, você deverá assiná-lo no espaço próprio, utilizando caneta esferográfica de tinta azul ou preta. 03 Observe no Cartão-resposta as instruções sobre a marcação das respostas às questões objetivas apenas uma resposta por questão. 04 Tenha muito cuidado com o Cartão-resposta, para não dobrar, amassar ou manchar. Este cartão somente poderá ser substituído caso esteja danificado em suas margens superior e/ou inferior barra de reconhecimento para leitura ótica. 05 Coloque no seu Caderno de Respostas o nome no local especificado da primeira página e o número de inscrição no canto direito inferior de todas as páginas. Este número é o seu identificador. 06 O Caderno de Respostas não deve conter outra identificação do candidato. 07 Esta prova é individual. São vedados o uso de calculadora e qualquer comunicação e troca de material entre os presentes, consultas a material bibliográfico, cadernos ou anotações de qualquer espécie. 08 É responsabilidade do candidato certificar-se de que o nome do cargo informado neste Caderno de Questões corresponde ao nome do cargo informado no ato da inscrição. 09 Ao início da prova, verifique, no Caderno de Questões, se a quantidade e a numeração das questões estão corretas. 10 Você dispõe de 4 quatro horas para fazer essa prova, incluindo a marcação do Cartão-resposta e da escrita no Caderno de Respostas. 11 Somente será permitido ao candidato retirar-se da sala de prova após 01 uma hora do seu início. 12 Os 03 (três) últimos candidatos de cada sala somente poderão retirar-se do local simultaneamente. 13 Quando terminar, entregue a um dos fiscais de sala o Cartão-resposta, o Caderno de Respostas e assine a Lista de Presença. Cabe esclarecer que você só poderá sair levando este Caderno de Questões após às 11h. Nome do candidato: Nº Inscrição: 1

2 QUESTÕES OBJETIVAS - LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL 1 O art. 3º do decreto nº 5154/2004 diz: Os cursos e programas de formação inicial e continuada de trabalhadores, referidos no inciso I do art. 1 o, incluídos a capacitação, o aperfeiçoamento, a especialização e a atualização, em todos os níveis de escolaridade, poderão ser ofertados segundo itinerários formativos, objetivando o desenvolvimento de aptidões para a vida produtiva e social. De acordo com o artigo acima, itinerário formativo significa: A) O conjunto de cursos de educação geral e profissional que juntos compõem o currículo do estudante ao final da graduação. B) As exigências de cada instituição de ensino nos termos de seu projeto pedagógico C) A organização por áreas profissionais em função da estrutura sócio-ocupacional e tecnológica D) O conjunto de etapas que compõem a organização da educação profissional em uma determinada área, possibilitando o aproveitamento contínuo e articulado dos estudos. E) Os objetivos contidos nas diretrizes curriculares nacionais definidos pelo Conselho Nacional de Educação. 2 A educação profissional técnica de nível médio é desenvolvida de forma articulada com o Ensino Médio, observando-se: I Os objetivos contidos nas diretrizes curriculares nacionais definidos pelo Conselho Nacional de Educação; II A carência de cada cidade, levando-se em consideração o ritmo da clientela; III As normas complementares dos respectivos sistemas de ensino; IV As exigências de cada instituição de ensino, nos termos de seu projeto pedagógico. Em relação às assertivas, estão corretas: A) I, III, IV. B) I,II,III. C) II,III,IV. D) I,II,IV. E) I,II,III,IV. 3 Os cursos de educação profissional tecnológica de graduação e pós-graduação serão organizados como seguem abaixo: A) De forma a suprir as necessidades e características de cada região, obedecendo às diretrizes do Conselho Estadual de Educação B) No que concerne à duração, metodologia e avaliação de acordo com as diretrizes do Conselho Estadual de Educação. C) De forma estruturada em etapas com terminalidade gradativa e inclusão de saídas intermediárias. D) No que concerne aos objetivos, características e direção de acordo com as diretrizes curriculares e prioritárias dos Municípios e Estado, respectivamente. E) No que concerne aos objetivos, características e duração de acordo com as diretrizes curriculares nacionais, definidas pelo Conselho Nacional de Educação. 2

3 4 No âmbito do Sistema Federal de Ensino, a Rede Federal de Educação Profissional Científica e Tecnológica, vinculada ao Ministério da Educação, é constituída por várias instituições. Assinale a alternativa em que a instituição citada NÃO é parte deste sistema A) Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia - Institutos Federais. B) Universidade Tecnológica Federal do Paraná UTFPR. C) Centros Federais de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - CEFET-RJ e de Minas Gerais - CEFET-MG. D) Centros Técnicos de Capacitação de Recursos Humanos com fins lucrativos. E) Escolas Técnicas Vinculadas às Universidades Federais. 5 O Programa Nacional da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade da Educação de Jovens e Adultos (PROEJA), abrange tanto a formação inicial e continuada de trabalhadores, quanto a educação profissional técnica de nível médio, que deverão ter: A) Uma carga horária mínima de 800 horas para a formação geral e no mínimo 1200 horas para a formação profissional, quando se tratar de formação inicial e continuada de trabalhadores; e uma carga horária mínima de 1000 horas para a formação geral e uma carga horária mínima de 1000 horas para habilitação profissional e técnica. B) Uma carga horária mínima de 1200 horas para a formação geral e no minímo 200 horas para a formação profissional, quando se tratar de formação inicial e continuada de trabalhadores; e uma carga horária mínima de 1200 horas para a formação geral e uma carga horária mínima de 1200 horas para habilitação profissional e técnica. C) Uma carga horária mínima de 800 horas para a formação geral e no mínimo 1000 horas para a formação profissional, quando se tratar de formação inicial e continuada de trabalhadores; e uma carga horária mínima de 1200 horas para a formação geral e uma carga horária mínima de 800 horas para habilitação profissional e técnica. D) Uma carga horária mínima de 800 horas para a formação geral e no mínimo 400 horas para a formação profissional, quando se tratar de formação inicial e continuada de trabalhadores; e uma carga horária mínima de 2000 horas para a formação geral e uma carga horária mínima de 200 horas para habilitação profissional e técnica. E) Uma carga horária mínima de 800 horas para a formação geral e no mínimo 800 horas para a formação profissional, quando se tratar de formação inicial e continuada de trabalhadores; e uma carga horária mínima de 1600 horas para a formação geral e uma carga horária mínima de 800 horas para habilitação profissional e técnica. 6 O prazo máximo estabelecido, na lei /2008, para que o Diretor-Geral, nomeado para o cargo de Reitor da instituição transformada ou integrada em Instituto Federal elabore e encaminhe ao Ministério da Educação a proposta de estatuto e o plano de desenvolvimento institucional do Instituto Federal, assegurando a participação da comunidade, é de: A) 180 dias B) 120 dias C) 90 dias D) 60 dias E) 30 dias 3

4 7 Dentre as alternativas abaixo, a que NÃO caracteriza forma de extinção do mandato do reitor é: A) Decurso do prazo. B) Aposentadoria. C) Renúncia do cargo. D) Destituição do cargo. E) Adiamento da eleição do novo reitor. 8 Os Institutos Federais tem seus objetivos, finalidades e características próprias. A alternativa que diz respeito a APENAS os objetivos é: A) realizar pesquisas aplicadas, estimulando o desenvolvimento de soluções técnicas e tecnológicas, estendendo seus benefícios à comunidade; e estimular e apoiar processos educativos que levem à geração de trabalho e renda e à emancipação do cidadão sob a perspectiva do desenvolvimento socioeconômico local e regional; B) ministrar cursos de formação inicial e continuada de trabalhadores, objetivando a capacitação, o aperfeiçoamento, a especialização e a atualização de profissionais, em todos os níveis de escolaridade, nas áreas da educação profissional e tecnológica; e desenvolver a educação profissional e tecnológica como processo educativo e investigativo de geração e adaptação de soluções técnicas e tecnológicas às demandas sociais e peculiaridades regionais; C) ministrar educação profissional técnica de nível médio, prioritariamente na forma de cursos integrados, para os concluintes do ensino fundamental e para o público da educação de jovens e adultos; e desenvolver programas de extensão e de divulgação científica e tecnológica; D) orientar sua oferta formativa em benefício da consolidação e fortalecimento dos arranjos produtivos, sociais e culturais locais, identificados com base no mapeamento das potencialidades de desenvolvimento socioeconômico e cultural no âmbito de atuação do Instituto Federal; e constituir-se em centro de excelência na oferta do ensino de ciências, em geral, e de ciências aplicadas, em particular, estimulando o desenvolvimento de espírito crítico, voltado à investigação empírica; E) realizar e estimular a pesquisa aplicada, a produção cultural, o empreendedorismo, o cooperativismo e o desenvolvimento científico e tecnológico; e desenvolver atividades de extensão de acordo com os princípios e finalidades da educação profissional e tecnológica, em articulação com o mundo do trabalho e os segmentos sociais, e com ênfase na produção, desenvolvimento e difusão de conhecimentos científicos e tecnológicos. 4

5 9 A nomenclatura dos cursos e programas de Educação Profissional foram atualizadas nos seguintes termos: I Educação Profissional de nível básico passou a denominar-se formação inicial e continuada de trabalhadores ; II Educação Profissional de nível técnico passou a denominar-se Educação Profissional Técnica de nível médio ; III Educação Profissional de nível tecnológico passou a denominar-se Educação Profissional Tecnológica, de graduação e de pós-graduação. A) Apenas I e III estão corretas. B) Apenas II e III estão corretas. C) Apenas I e II estão corretas. D) Apenas III está correta. E) I, II e III estão corretas. 10 O professor Raimundo queria candidatar-se ao cargo de Diretor-Geral do Campus, mas sua candidatura NÃO foi aceita porque: A) Ele era ocupante de cargo efetivo na carreira docente; B) Tinha cargo efetivo de nível superior da carreira dos técnicos administrativos; C) Tinha exercido dois mandatos consecutivos neste cargo; D) Estava na classe de professores associados da carreira do magistério superior; E) Já tinha exercido um mandato de quatro anos. 5

6 QUESTÕES ESPECÍFICAS-OBJETIVAS ENGLISH EXAM Part 1 - READING AND VOCABULARY COMPREHENSION Your answers to the questions from 1 to 8 must be based on the text below. All information you need is in the passage itself, and what you have learned so far applies. TEXT How English Is Evolving Into a Language We May Not Even Understand By Michael Erard The targeted offenses: IF YOU ARE STOLEN, CALL THE POLICE AT ONCE. PLEASE OMNIVOROUSLY PUT THE WASTE IN GARBAGE CAN. DEFORMED MAN LAVATORY. For the past 18 months, teams of language police have been Beijing on a mission to wipe out all such traces of bad English signage before the Olympics come to town in August. They're the type of goofy transgressions that we in the English homelands love to poke fun at, devoting entire Web sites to so-called Chinglish. (By the way, that last phrase means "handicapped bathroom.") But what if these sentences aren't really bad English? What if they are evidence that the English language is happily leading an alternative lifestyle without us? Thanks to globalization, the Allied victories in World War II, and American leadership in science and technology, English has become so successful across the world that it's the boundaries of what we think it should be. In part, this is because there are fewer of us: By 2020, native speakers will make up only 15 percent of the estimated 2 billion people who will be using or learning the language. Already, most conversations in English are between nonnative speakers who use it as a lingua franca. In China, this sort of free-form adoption of English is helped along by a shortage of native English-speaking teachers, who are hard to keep happy in rural areas for long stretches of time. An estimated 300 million Chinese roughly equivalent to the total US population read and write English but don't get enough quality spoken practice. The likely consequence of all this? In the future, more and more spoken English will sound increasingly like Chinese. It's not merely that English will be salted with Chinese vocabulary for local cuisine, bon mots, and curses or that speakers will peel off words from local dialects. The Chinese and other Asians already pronounce English differently in both subtle and not-so-subtle ways. For example, in various parts of the region they tend not to turn vowels in unstressed syllables into neutral vowels. Instead of "har-muh-nee," it's "har-mohnee." And the sounds that begin words like this and thing are often enunciated as the letters f, v, t, or d. In Singaporean English (known as Singlish), think is pronounced "tink," and theories is "tee-oh-rees." 6

7 English will become more like Chinese in other ways, too. Some grammatical appendages unique to English (such as adding do or did to questions) will drop away, and our practice of not certain nouns into plurals will be ignored. Expect to be asked: "How many informations can your flash drive hold?" In Mandarin, Cantonese, and other tongues, sentences don't require subjects, which leads to phrases like this: "Our goalie not here yet, so give chance, can or not?" One noted feature of Singlish is the use of words like ah, lah, or wah at the end of a sentence to indicate a question or get a listener to agree with you. They're each pronounced with tone the linguistic feature that gives spoken Mandarin its musical quality adding a specific pitch to words to alter their meaning. (If you say "xin" with an even tone, it means "heart"; with a descending tone it means "honest.") According to linguists, such words may introduce tone into other Asian-English hybrids. Given the number of people involved, Chinglish is destined to take on a life of its own. Advertisers will play with it, as they already do in Taiwan. It will be celebrated as a form of cultural identity, as the Hong Kong Museum of Art did in a Chinglish exhibition last year. It will be used widely online and in movies, music, games, and books, as it is in Singapore. Someday, it may even be taught in schools. Ultimately, it's not that speakers will slide along a continuum, with "proper" language at one end and local English dialects on the other, as in countries where creoles are spoken. Nor will Chinglish replace native languages, as creoles sometimes do. It's that Chinglish will be just as proper as any other English on the planet. And it's possible Chinglish will be more efficient than our version, doing away with word endings and the articles a, an, and the. After all, if you can figure out "Environmental sanitation needs your conserve," maybe conservation isn't so necessary. Any language is constantly evolving, so it's not surprising that English, transplanted to new soil, is unusual fruit. Nor is it unique that a language, spread so far from its homelands, would begin to fracture. The obvious comparison is to Latin, which broke into mutually distinct languages over hundreds of years - French, Italian, Spanish, Portuguese, Romanian. A less familiar example is Arabic: The speakers of its myriad dialects are connected through the written language of the Koran and, more recently, through the homogenized Arabic of Al Jazeera. But what's happening to English may be its own thing: It's mingling with so many more local languages than Latin ever did, that it's on a path toward a global tongue what's coming to be known as Panglish. Soon, when Americans travel abroad, one of the languages they'll have to learn may be their own. Source:Internet: (Accessed on January 1, 2012) 7

8 I Getting the message 11 Be aware of the verb forms of the piece of writing you re working with. Read the text and in the context of the passage, check the verbs that best fit in the blanks respectively: A) exploring scouring changing giving B) searched scoured changing gathering C) exploring gathered turning bearing D) scouring escaping turning bearing E) searching scouring changing given 12 The main idea of this article is that: A) All over the planet people know a lot about English words. B) English can be understood almost everywhere. C) English will become one of the simplest and easiest natural languages in the world. D) English is gradually changing and adapting to other languages worldwide in both subtle and not-so-subtle ways. E) If Chinese were to be written with the Latin alphabet, it could potentially become a universal language. 13 Which of the following inferences can be drawn from the passage? A) The concept of a Universal Language is more significant only now, in the era of world mass communication. B) English is one of the most analytical languages, with some expressive agglutinative characteristics, but it has very complicated script and tones. C) Before the digital era, English was not widely spoken. D) It seems another language, but English, could be without a doubt the actual universal language. E) One of the reasons that lead English to the condition of being evolving is that as it becomes more common, it will increasingly fragment into regional dialects. 14 Based on the tone of the passage, which of the following words best describes the author s attitude toward the Chinglish? A) Awesome B) Respectful C) Pitying D) Contemptuous E) Patronizing 15 The term Chinglish, as well as other international hodgepodge variations of English code-switching, is a sign of: A) Elementary expression for non-english speakers in learning English. B) Low quality of language skills by the Chinese. C) Ignorance of the Chinese. D) American cultural identity. E) Few native English speakers in the world. 16 We can infer that: 8

9 A) Local variants of English are both being driven by Britons, Americans or Australians and the growing number of people who speak English as a second language. B) The language of Shakespeare and Dickens is disappearing to be replaced by a new, contrastive form of English which will be spoken by millions of people around the world. C) A new global tongue called Panglish is expected to take over in the decades ahead. D) The Standard English is used to think and talk in the logic of the Chinese language. E) English used only by Asian countries is engraved with their culture. II Vocabulary Usage Vocabulary is the knowledge of words and word meanings. As Steven Stahl (2005) puts it, "Vocabulary knowledge is knowledge; the knowledge of a word not only implies a definition, but also implies how that word fits into the world." Thinking of this, pay close attention to the surrounding context of the words indicated in bold type, and check their synonyms respectively: 17 They re the type of goofy transgressions that we in the English homelands love to poke fun at : A) Silly - mock B) foolish prod C) blithering crackpot D) mock crackpot E) punch pitch 18 [ ] curses or that speakers will peel off words from local dialects. A) pip B) extract C) blockheaded D) intensify E) throw PART 2. UNDERLYING KNOWLEDGE In this set, you will answer the questions according to what you have learned through your readings on the ESL (English as a Second Language) field. 19 Teachers professional activities as language teachers are not carried out in a vacuum and, in Richards words, planning a successful language program involves considerations of factors that go beyond mere content and presentation of teaching materials (1985, p. 11). So, their work can be described along a number of shared and generalizable dimensions, such as: A) Students needs; the factors in the teaching situation itself; complexity of the English language. B) The syllabus types available to us as a profession; the complexity of the English language; the characteristics of learners. C) Large classes; heterogeneous classes; complexity of the English language. D) The characteristics of learners and their needs; the range of factors in the teaching situation itself; and the syllabus types available to us as a profession. E) The characteristics of learners; different types of syllabus from which a choice will be made for a specific situation; the teacher s concept of being communicative. 20 So far experts have looked at the relationship between theories of language and 9

10 language learning on the one hand, and teaching procedures and materials on the other. Mark the unfitted proposition on methods and approaches of teaching languages: A) Unlike the direct method, the audiolingual method didn t focus on teaching vocabulary. Rather, the teacher drilled students in the use of grammar. B) The communicative approach emphasizes interaction as both the means and the ultimate goal of learning a language. C) Communicative language teaching (CLT) advocates learning through drills and focuses on cultural values of L2, as well as it is based on the idea that language learning takes place when what students hear or read is comprehensible but just beyond their production abilities. D) The Direct Method uses only the target language for instruction and builds up an arsenal of everyday vocabulary and sentences quickly without teaching grammar explicitly. E) The Classical Method, also known as the Grammar Translation Method teaches grammar as a means to translate text from one language to the other. 21 Some tools that teachers can provide for learners to enhance their speaking and listening abilities include: B) developing their self-confidence in real speech situations; repeating vocabulary in class. C) Understanding through drills; training vocabulary in class. D) Practicing vocabulary and contextualize them in classes. E) Being interactive when exposed to oral communication; discussing unintelligible dialects of languages. 22 Halliday and Hasan (1976) describe cohesion as a semantic concept that refers to relations of meaning that exist within a text. They define two general categories of cohesion: grammatical cohesion and lexical cohesion. A type of grammatical cohesion is substitution. There are three types of it: nominal, verbal and clausal. Choose the example that best fits to one of those types: A) These apples aren t good. Those are fresh. B) They liked the first candidate. The last was very nervous. C) Are they still living there? Actually, they moved to California last year. D) Should any of this cost you anything, send me the bill. E) Have you met him yet? Not yet, but I will do it. A) developing both learners confidence and their listening abilities for different contexts; their understanding of spoken grammar and features of spoken language. 10

11 23 Which of those statements is not correct on coherence and cohesion? A) It has been emphasized since the early cohesion studies (e.g., in HALLIDAY and HASAN, 1976) that cohesion is sensitive to the varieties of discourse. However, contrastive studies have shown that cohesion varies with the modality of discourse, i.e., spoken and written discourse (THOMPSON, 1994; TANSKANEN, 2006). B) Coherence is a purely lexical property of discourse, while cohesion is mainly concerned with morpho-syntactic devices in discourse. C) Coherence is traditionally described as the relationships that link the ideas in a text to create meaning for the readers. D) Coherence is a clearly pragmatic notion and it concerns logical thinking while cohesion is a mix of pragmatic and semantic meanings. It depends on linguistic expressions. E) The way that textual cohesion is achieved is best learned through paying close attention to the way sentences are linked in texts. C) Book reviews, conference abstracts, grant proposals. D) Undergraduate essays, PhD theses, business faxes. E) Textbooks, direct mail letters, research articles. 24 ESP genre terminology derives from the writing needs of particular academic and professional groups and teachers as well as researchers look to the naming practices of these groups. Examples of academic genres that have been identified and explored by teachers for use in ESP classrooms are: A) Letters of recommendation, s memos, grant proposals. B) Company annual reports, grant proposals, reprint requests. 11

12 25 The terms genre sets or genre systems have been coined to refer to genres that cluster together as parts of broader social practices, and that are often sequenced in a particular way. For example: When seeking employment a person will search newspapers and the Web for job advertisements. Before applying for a job, the prospective applicant will first search company profiles on the Web, or perhaps annual reports. When he/she has decided that it may be a good prospect, a curriculum vitae is written or updated and attached to a letter of application. If the person is shortlisted, he/she is invited to a job interview. The successful candidate receives a job offer, upon which he/she either writes a letter of acceptance or a letter of rejection. From:http://upetd.up.ac.za/thesis/available/etd /unrestricted/02chapters3-5.pdf Accessed on Jan 5, How many types of genres are there in the fragment above? A) 5 B) 6 C) 7 D) 8 E) 9 26 Technology is an ever-increasing part of the English language arts classroom. Today's teachers are developing new and exciting means of integrating language, writing, and literature with innovative technologies. One of those technologies is related to the mobile phones that are giving support learning in the second language classroom. Check the best compelling argument for using them: A) Mobile phones come with ever-increasing functions that most students are adept at using. B) Mobile phones are social tools that facilitate authentic and relevant communication and collaboration among learners. C) Learners will be exposed to the target language. D) Learners can use them to access relevant vocabulary and expressions. E) Mobile phones are relatively cheap and increasingly practical. Part 3 GRAMMAR Why Does Grammar Matter? Why Does Grammar Matter? Grammar is important because it is the language that makes it possible for us to talk about language. Grammar names the types of words and word groups that make up sentences not only in English but in any language. As human beings, we can put sentences together even as children--we can all do grammar. But to be able to talk about how sentences are built, about the types of words and word groups that make up sentences--that is knowing about grammar. And knowing about grammar offers a window into the human mind and into our amazingly complex mental capacity. (From:http://grammar.about.com/od/grammarfaq/f /grammarvalue.htm Accessed on Jan 7, 2012) 12

13 27 Check the alternative that contains a mistake related to the use of preposition in the groups of sentences below: A) He was condemned to the imprisonment. / He was accused of robbing the bank. B) Celia is taking care of Jon s dog. / The professor translated the poem into Russian. C) It is wrong to be cruel to other people. / This organization is trying to end cruelty to the animals. D) He was sentenced at nine years in prison. / This music reminds me of my country. E) He was dissatisfied with his new stereo, so he returned it to the shop. / Betty was astonished by the number of cards she received. 28 Mark the right sentence in the passive. Note all grammar aspects involved in the sentences: A) Consideration will be given to the issue at the next week s meeting. B) Somebody had already reported the accident before I phoned. C) My office was broken by when I was on holiday. D) An order form can be found in page 2. E) She is been treated by people. 29 All relative clauses below are right, except in: A) Whichever one of you broke the window will have to pay for it. B) Can you give a list of who s been invited? C) I m sure I ll enjoy eating whatever you cook. D) The bank was held up by a group of men, three of whom were said to be armed. E) The next Olympics are in three years, by what time Gary will be In which of the following alternatives a noun is used inappropriately? A) The peoples of Central Asia speak many different languages. B) The United States has appointed a new ambassador to Japan. C) Holstein cattle isn t a beef breed and it is rarely seen on a ranch. D) Billiards is my favorite game. E) The odds are not very strongly in favor of a tax cut. QUESTÕES SUBJETIVAS (Mínimo de 20 linhas e Máximo de 30 linhas) In this section you will develop two compositions in English. Remember that you will be evaluated through your capacity of summarizing your ideas appropriately as well as the use of cohesive ties, coherence, grammar rules, punctuation and consistent ideas. Use one sheet of paper to do it. 31 topic: Nominal Group - A focus on its importance for the comprehension of written texts. 32 topic: ESP: Reading Strategies 13

14 14

15 15

Guião A. Descrição das actividades

Guião A. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Ponto de Encontro Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO

Leia mais

Guião M. Descrição das actividades

Guião M. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Inovação Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião M Intervenientes

Leia mais

VALOR TOTAL QUESTÃO Legislação da Educação/ 1 a 10 2 20. 31 e 32 20 40

VALOR TOTAL QUESTÃO Legislação da Educação/ 1 a 10 2 20. 31 e 32 20 40 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas ELETRÔNICA LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO 01 Você está recebendo o seguinte

Leia mais

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese

Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Portuguese Lesson A Welcome to Lesson A of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM.

ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS. Prova-modelo. Instruções. Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. ACFES MAIORES DE 23 ANOS INGLÊS Prova-modelo Instruções Verifique se o exemplar da prova está completo, isto é, se termina com a palavra FIM. A prova é avaliada em 20 valores (200 pontos). A prova é composta

Leia mais

Descrição das actividades

Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Em Acção Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião D 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio

Inglês. Guião. Teste Intermédio de Inglês. Parte IV Interação oral em pares. Teste Intermédio Teste Intermédio de Inglês Parte IV Interação oral em pares Teste Intermédio Inglês Guião Duração do Teste: 10 a 15 minutos De 25.02.2013 a 10.04.2013 9.º Ano de Escolaridade D TI de Inglês Página 1/ 7

Leia mais

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO A. Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades Ano: 9º Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho GUIÃO A 1º Momento Intervenientes e Tempos Descrição das actividades Good morning / afternoon / evening, A and B. For about three minutes, I would like

Leia mais

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO PROJECTO PROVAS EXPERIMENTAIS DE EXPRESSÃO ORAL DE LÍNGUA ESTRANGEIRA - 2005-2006 Ensino Secundário - Inglês, 12º ano - Nível de Continuação 1 1º Momento GUIÃO Domínio de Referência: CIDADANIA E MULTICULTURALISMO

Leia mais

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person?

Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014. 1.º Momento. 4 (A), are you a health-conscious person? Prova Oral de Inglês Duração da Prova: 20 a 25 minutos 2013/2014 GUIÃO A Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho 1.º Momento Intervenientes e Tempos

Leia mais

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS

01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS 01-A GRAMMAR / VERB CLASSIFICATION / VERB FORMS OBS1: Adaptação didática (TRADUÇÃO PARA PORTUGUÊS) realizada pelo Prof. Dr. Alexandre Rosa dos Santos. OBS2: Textos extraídos do site: http://www.englishclub.com

Leia mais

DESENHO TÉCNICO MECÂNICO / DESENHO ASSISTIDO POR COMPUTADOR

DESENHO TÉCNICO MECÂNICO / DESENHO ASSISTIDO POR COMPUTADOR INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas DESENHO TÉCNICO MECÂNICO / DESENHO ASSISTIDO POR COMPUTADOR LEIA COM ATENÇÃO

Leia mais

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them?

GUIÃO A. What about school? What s it like to be there/here? Have you got any foreign friends? How did you get to know them? GUIÃO A Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/7 Grupo: Chocolate Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas 1º Momento Intervenientes

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

Vaporpunk - A fazenda-relógio (Portuguese Edition)

Vaporpunk - A fazenda-relógio (Portuguese Edition) Vaporpunk - A fazenda-relógio (Portuguese Edition) Octavio Aragão Click here if your download doesn"t start automatically Vaporpunk - A fazenda-relógio (Portuguese Edition) Octavio Aragão Vaporpunk - A

Leia mais

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre

Trabalho de Compensação de Ausência - 1º Bimestre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio Regular. Rua Cantagalo 313, 325, 337 e 339 Tatuapé Fones: 2293-9393 e 2293-9166 Diretoria de Ensino Região LESTE 5 Trabalho de Compensação de Ausência

Leia mais

Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition)

Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition) Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition) Robert K. Yin Click here if your download doesn"t start automatically Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de

Leia mais

Conteúdo Programático Anual

Conteúdo Programático Anual INGLÊS 1º BIMESTRE 5ª série (6º ano) Capítulo 01 (Unit 1) What s your name? What; Is; My, you; This; Saudações e despedidas. Capítulo 2 (Unit 2) Who s that? Who; This, that; My, your, his, her; Is (afirmativo,

Leia mais

Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition)

Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition) Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition) Ricardo De Moraes / André Luís De Souza Silva Click here if your download doesn"t start automatically Introdução A Delphi Com Banco

Leia mais

INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês. Código da Prova 5200 2014/2015

INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês. Código da Prova 5200 2014/2015 INFORMAÇÃO-PROVA PROVA DE AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS E CAPACIDADES Componente Específica Inglês Código da Prova 5200 2014/2015 O presente documento divulga informação relativa à Prova de Avaliação de Conhecimentos

Leia mais

Como testar componentes eletrônicos - volume 1 (Portuguese Edition)

Como testar componentes eletrônicos - volume 1 (Portuguese Edition) Como testar componentes eletrônicos - volume 1 (Portuguese Edition) Renato Paiotti Newton C. Braga Click here if your download doesn"t start automatically Como testar componentes eletrônicos - volume 1

Leia mais

Um olhar que cura: Terapia das doenças espirituais (Portuguese Edition)

Um olhar que cura: Terapia das doenças espirituais (Portuguese Edition) Um olhar que cura: Terapia das doenças espirituais (Portuguese Edition) Padre Paulo Ricardo Click here if your download doesn"t start automatically Um olhar que cura: Terapia das doenças espirituais (Portuguese

Leia mais

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes

Lesson 6 Notes. Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job. Language Notes Lesson 6 Notes Eu tenho um irmão e uma irmã Talking about your job Welcome to Fun With Brazilian Portuguese Podcast, the podcast that will take you from beginner to intermediate in short, easy steps. These

Leia mais

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?.

WORKING CHILDREN. a) How many children in Britain have part-time jobs?. b) What do many Asian children do to make money in Britain?. Part A I. TEXT. WORKING CHILDREN Over a million school children in Britain have part-time Jobs. The number is growing, too. More and more teenagers are working before school, after school or on weekends.

Leia mais

GUIÃO F. Grupo: Minho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO F. Grupo: Minho. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades GUIÃO F Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/7 Grupo: Minho Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas 1º Momento Intervenientes

Leia mais

Semestre do plano de estudos 1

Semestre do plano de estudos 1 Nome UC Inglês CU Name Código UC 6 Curso LEC Semestre do plano de estudos 1 Área científica Gestão Duração Semestral Horas de trabalho 54 ECTS 2 Horas de contacto TP - 22,5 Observações n.a. Docente responsável

Leia mais

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF ::

:: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: :: COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF :: [Download] COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF COMO ESCOLHER UMA ESCOLA IDIOMAS PDF - Are you looking for Como Escolher Uma Escola Idiomas Books? Now, you will

Leia mais

Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition)

Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition) Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de Pesquisa) (Portuguese Edition) Robert K. Yin Click here if your download doesn"t start automatically Pesquisa Qualitativa do Início ao Fim (Métodos de

Leia mais

Farmacologia na Pratica de Enfermagem (Em Portuguese do Brasil)

Farmacologia na Pratica de Enfermagem (Em Portuguese do Brasil) Farmacologia na Pratica de Enfermagem (Em Portuguese do Brasil) Click here if your download doesn"t start automatically Farmacologia na Pratica de Enfermagem (Em Portuguese do Brasil) Farmacologia na Pratica

Leia mais

Searching for Employees Precisa-se de Empregados

Searching for Employees Precisa-se de Empregados ALIENS BAR 1 Searching for Employees Precisa-se de Empregados We need someone who can prepare drinks and cocktails for Aliens travelling from all the places in our Gallaxy. Necessitamos de alguém que possa

Leia mais

Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes (Portuguese Edition)

Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes (Portuguese Edition) Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes (Portuguese Edition) Os 7 Hábitos das

Leia mais

2ª AVALIAÇÃO/ º ANO / PRÉ-VESTIBULAR PROVA 1-25/04/2015 PROVA DISCURSIVA

2ª AVALIAÇÃO/ º ANO / PRÉ-VESTIBULAR PROVA 1-25/04/2015 PROVA DISCURSIVA 2ª AVALIAÇÃO/ 2015 3º ANO / PRÉ-VESTIBULAR PROVA 1-25/04/2015 PROVA DISCURSIVA ATENÇÃO! w Consulte a tabela abaixo para identificar a prova discursiva específica ao curso de sua opção. Curso com códigos

Leia mais

Livro do Desassossego

Livro do Desassossego Livro do Desassossego Fernando Pessoa Click here if your download doesn"t start automatically Livro do Desassossego Fernando Pessoa Livro do Desassossego Fernando Pessoa [...] Download Livro do Desassossego...pdf

Leia mais

Receitas na Pressão - Vol. 01: 50 Receitas para Panela de Pressão Elétrica (Portuguese Edition)

Receitas na Pressão - Vol. 01: 50 Receitas para Panela de Pressão Elétrica (Portuguese Edition) Receitas na Pressão - Vol. 01: 50 Receitas para Panela de Pressão Elétrica (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically Receitas na Pressão - Vol. 01: 50 Receitas para Panela

Leia mais

Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition)

Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition) Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition) Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition) Médico há mais de vinte anos e meditador há mais tempo ainda,

Leia mais

Transtorno de Personalidade Borderline Mais de 30 segredos para retomar sua vida Ao lidar com TPB (Portuguese Edition)

Transtorno de Personalidade Borderline Mais de 30 segredos para retomar sua vida Ao lidar com TPB (Portuguese Edition) Transtorno de Personalidade Borderline Mais de 30 segredos para retomar sua vida Ao lidar com TPB (Portuguese Edition) The Blokehead Click here if your download doesn"t start automatically Transtorno de

Leia mais

Pesquisa de Marketing: Uma Orientação Aplicada (Portuguese Edition)

Pesquisa de Marketing: Uma Orientação Aplicada (Portuguese Edition) Pesquisa de Marketing: Uma Orientação Aplicada (Portuguese Edition) Naresh K. Malhotra Click here if your download doesn"t start automatically Pesquisa de Marketing: Uma Orientação Aplicada (Portuguese

Leia mais

Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition)

Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition) Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese Edition) Roberto Cardoso Click here if your download doesn"t start automatically Medicina e Meditação - Um Médico Ensina a Meditar (Portuguese

Leia mais

1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO:

1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO: P L A N O D E E N S I N O A N O D E 2 0 1 2 ÁREA / DISCIPLINA: Inglês (Profa: Maria Luiza da Silveira Bicalho) SÉRIE: 1ª A, B, C, D, E Nº DE HORAS/AULA SEMANAL: 02 TOTAL DE HORAS/AULA/ANO: 80 COMPETÊNCIA

Leia mais

Planejamento de comunicação integrada (Portuguese Edition)

Planejamento de comunicação integrada (Portuguese Edition) Planejamento de comunicação integrada (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically Planejamento de comunicação integrada (Portuguese Edition) Planejamento de comunicação

Leia mais

Poder sem limites - o caminho do sucesso pessoal pela programação neurolinguística

Poder sem limites - o caminho do sucesso pessoal pela programação neurolinguística Poder sem limites - o caminho do sucesso pessoal pela programação neurolinguística Anthony Robbins Click here if your download doesn"t start automatically Poder sem limites - o caminho do sucesso pessoal

Leia mais

PL/SQL: Domine a linguagem do banco de dados Oracle (Portuguese Edition)

PL/SQL: Domine a linguagem do banco de dados Oracle (Portuguese Edition) PL/SQL: Domine a linguagem do banco de dados Oracle (Portuguese Edition) Eduardo Gonçalves Click here if your download doesn"t start automatically PL/SQL: Domine a linguagem do banco de dados Oracle (Portuguese

Leia mais

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br

Preposições em Inglês: www.napontadalingua.hd1.com.br Preposições na língua inglesa geralmente vem antes de substantivos (algumas vezes também na frente de verbos no gerúndio). Algumas vezes é algo difícil de se entender para os alunos de Inglês pois a tradução

Leia mais

Adoção: guia prático doutrinário e processual com as alterações da Lei n , de 3/8/2009 (Portuguese Edition)

Adoção: guia prático doutrinário e processual com as alterações da Lei n , de 3/8/2009 (Portuguese Edition) Adoção: guia prático doutrinário e processual com as alterações da Lei n. 12010, de 3/8/2009 (Portuguese Edition) Luiz Antonio Miguel Ferreira Click here if your download doesn"t start automatically Adoção:

Leia mais

Versão 1. Nome do aluno: N.º: Turma: Atenção! Não vires esta página até receberes a indicação para o fazeres.

Versão 1. Nome do aluno: N.º: Turma: Atenção! Não vires esta página até receberes a indicação para o fazeres. Teste Intermédio de Inglês Parte III Compreensão do oral Versão 1 Teste Intermédio Inglês Versão 1 Duração do Teste: 15 minutos 22.02.2013 9.º Ano de Escolaridade Escola: Nome do aluno: N.º: Turma: Classificação

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS DE ANÁPOLIS 1. EMENTA Competência (meta) lingüístico - comunicativa na língua inglesa através da aquisição de funções da linguagem nas quatro habilidades (ouvir, falar, ler, escrever). Introdução à Fonética e Fonologia.

Leia mais

Antonio Moreira Franco Junior. Click here if your download doesn"t start automatically

Antonio Moreira Franco Junior. Click here if your download doesnt start automatically Ensino da Contabilidade Introdutória: Uma análise do ensino nos cursos de Ciências Contábeis das Instituições de Ensino Superior do Estado de São Paulo (Portuguese Edition) Antonio Moreira Franco Junior

Leia mais

Gestão da comunicação - Epistemologia e pesquisa teórica (Portuguese Edition)

Gestão da comunicação - Epistemologia e pesquisa teórica (Portuguese Edition) Gestão da comunicação - Epistemologia e pesquisa teórica (Portuguese Edition) Maria Cristina Castilho Costa, Maria Aparecida Baccega Click here if your download doesn"t start automatically Download and

Leia mais

Editorial Review. Users Review

Editorial Review. Users Review Download and Read Free Online Java SE 8 Programmer I: O guia para sua certificação Oracle Certified Associate (Portuguese Edition) By Guilherme Silveira, Mário Amaral Editorial Review Users Review From

Leia mais

Descrição das actividades

Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: Água Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: O Mundo do Trabalho Duração da prova: 15 a 20 minutos Guião E 1.º MOMENTO Intervenientes

Leia mais

Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition)

Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition) Introdução A Delphi Com Banco De Dados Firebird (Portuguese Edition) Ricardo De Moraes / André Luís De Souza Silva Click here if your download doesn"t start automatically Introdução A Delphi Com Banco

Leia mais

Como Falar no Rádio - Prática de Locução Am e Fm (Portuguese Edition)

Como Falar no Rádio - Prática de Locução Am e Fm (Portuguese Edition) Como Falar no Rádio - Prática de Locução Am e Fm (Portuguese Edition) Cyro César Click here if your download doesn"t start automatically Como Falar no Rádio - Prática de Locução Am e Fm (Portuguese Edition)

Leia mais

As 100 melhores piadas de todos os tempos (Portuguese Edition)

As 100 melhores piadas de todos os tempos (Portuguese Edition) As 100 melhores piadas de todos os tempos (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically As 100 melhores piadas de todos os tempos (Portuguese Edition) As 100 melhores piadas

Leia mais

Aspectos Multidisciplinares das Artes Marciais: 1 (Portuguese Edition)

Aspectos Multidisciplinares das Artes Marciais: 1 (Portuguese Edition) Aspectos Multidisciplinares das Artes Marciais: 1 (Portuguese Edition) Marcelo Moreira Antunes (org.) Click here if your download doesn"t start automatically Aspectos Multidisciplinares das Artes Marciais:

Leia mais

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015

Bárbara Rodrigues da Silva 3ALEN, 2015 Pets reality There are about 30 millions abandoned pets only in Brazil. Among these amount, about 10 millions are cats and the other 20 are dogs, according to WHO (World Health Organization). In large

Leia mais

Biscuit - potes (Coleção Artesanato) (Portuguese Edition)

Biscuit - potes (Coleção Artesanato) (Portuguese Edition) Biscuit - potes (Coleção Artesanato) (Portuguese Edition) Regina Panzoldo Click here if your download doesn"t start automatically Biscuit - potes (Coleção Artesanato) (Portuguese Edition) Regina Panzoldo

Leia mais

Psicologia social contemporânea: Livro-texto (Portuguese Edition)

Psicologia social contemporânea: Livro-texto (Portuguese Edition) Psicologia social contemporânea: Livro-texto (Portuguese Edition) Marlene Neves Strey, Pedrinho A. Guareschi, Maria da Graça Corrêa Jacques, Sérgio Antônio Carlos, Nara Maria G. Bernardes, Tania Mara Galli

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO. Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE EDUCAÇÃO JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática São Paulo 2010 JOÃO FÁBIO PORTO Diálogo e interatividade em videoaulas de matemática

Leia mais

A ENTREVISTA COMPREENSIVA: UM GUIA PARA PESQUISA DE CAMPO (PORTUGUESE EDITION) BY JEAN-CLAUDE KAUFMANN

A ENTREVISTA COMPREENSIVA: UM GUIA PARA PESQUISA DE CAMPO (PORTUGUESE EDITION) BY JEAN-CLAUDE KAUFMANN Read Online and Download Ebook A ENTREVISTA COMPREENSIVA: UM GUIA PARA PESQUISA DE CAMPO (PORTUGUESE EDITION) BY JEAN-CLAUDE KAUFMANN DOWNLOAD EBOOK : A ENTREVISTA COMPREENSIVA: UM GUIA PARA CLAUDE KAUFMANN

Leia mais

Iniciação à Administração Geral (Portuguese Edition)

Iniciação à Administração Geral (Portuguese Edition) Iniciação à Administração Geral (Portuguese Edition) Idalberto Chiavenato Click here if your download doesn"t start automatically Iniciação à Administração Geral (Portuguese Edition) Idalberto Chiavenato

Leia mais

ATLAS DE ACUPUNTURA VETERINáRIA. CãES E GATOS (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY CHOO HYUNG KIM

ATLAS DE ACUPUNTURA VETERINáRIA. CãES E GATOS (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY CHOO HYUNG KIM Read Online and Download Ebook ATLAS DE ACUPUNTURA VETERINáRIA. CãES E GATOS (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY CHOO HYUNG KIM DOWNLOAD EBOOK : ATLAS DE ACUPUNTURA VETERINáRIA. CãES E GATOS Click link bellow

Leia mais

Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition)

Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition) Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition) Sociedade Bíblica do Brasil Click here if your download doesn"t start automatically Bíblia

Leia mais

Bíblia de Estudo Conselheira - Gênesis: Acolhimento Reflexão Graça (Portuguese Edition)

Bíblia de Estudo Conselheira - Gênesis: Acolhimento Reflexão Graça (Portuguese Edition) Bíblia de Estudo Conselheira - Gênesis: Acolhimento Reflexão Graça (Portuguese Edition) Sociedade Bíblica do Brasil Click here if your download doesn"t start automatically Download and Read Free Online

Leia mais

學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表. Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura. Academic Research Grant Application Form

學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表. Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura. Academic Research Grant Application Form 澳 門 特 別 行 政 區 政 府 Governo da Região Administrativa Especial de Macau 文 化 局 Instituto Cultural 學 術 研 究 獎 學 金 申 請 表 ( 根 據 學 術 研 究 獎 學 金 規 章 第 九 條 第 一 款 ) Bolsas de Investigação Académica Boletim de Candidatura

Leia mais

Serviços: API REST. URL - Recurso

Serviços: API REST. URL - Recurso Serviços: API REST URL - Recurso URLs reflectem recursos Cada entidade principal deve corresponder a um recurso Cada recurso deve ter um único URL Os URLs referem em geral substantivos URLs podem reflectir

Leia mais

Meu Filho é Alérgico! E Agora? (Portuguese Edition)

Meu Filho é Alérgico! E Agora? (Portuguese Edition) Meu Filho é Alérgico! E Agora? (Portuguese Edition) Lucimara Da Cunha Corbo Click here if your download doesn"t start automatically Meu Filho é Alérgico! E Agora? (Portuguese Edition) Lucimara Da Cunha

Leia mais

Histologia e Biologia Celular (Portuguese Edition)

Histologia e Biologia Celular (Portuguese Edition) Histologia e Biologia Celular (Portuguese Edition) Abraham L Kierszenbaum, Laura Tres Histologia e Biologia Celular (Portuguese Edition) Abraham L Kierszenbaum, Laura Tres Novas características foram introduzidas

Leia mais

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic

In this lesson we will review essential material that was presented in Story Time Basic Portuguese Lesson 1 Welcome to Lesson 1 of Story Time for Portuguese Story Time is a program designed for students who have already taken high school or college courses or students who have completed other

Leia mais

O Livro dos Espíritos - Tradução Evandro Noleto Bezerra (Portuguese Edition)

O Livro dos Espíritos - Tradução Evandro Noleto Bezerra (Portuguese Edition) O Livro dos Espíritos - Tradução Evandro Noleto Bezerra (Portuguese Edition) Evandro Noleto Bezerra, Allan Kardec Click here if your download doesn"t start automatically O Livro dos Espíritos - Tradução

Leia mais

Guião N. Descrição das actividades

Guião N. Descrição das actividades Proposta de Guião para uma Prova Grupo: 006 Disciplina: Inglês, Nível de Continuação, 11.º ano Domínio de Referência: Um Mundo de Muitas Culturas Duração da prova: 15 a 20 minutos 1.º MOMENTO Guião N Intervenientes

Leia mais

Gerenciamento Pelas Diretrizes (Portuguese Edition)

Gerenciamento Pelas Diretrizes (Portuguese Edition) Gerenciamento Pelas Diretrizes (Portuguese Edition) Vicente Falconi Click here if your download doesn"t start automatically Gerenciamento Pelas Diretrizes (Portuguese Edition) Vicente Falconi Gerenciamento

Leia mais

Dermatologia Clínica. Guia Colorido Para Diagnostico e Tratamento (Em Portuguese do Brasil)

Dermatologia Clínica. Guia Colorido Para Diagnostico e Tratamento (Em Portuguese do Brasil) Dermatologia Clínica. Guia Colorido Para Diagnostico e Tratamento (Em Portuguese do Brasil) Click here if your download doesn"t start automatically Dermatologia Clínica. Guia Colorido Para Diagnostico

Leia mais

Prova Escrita de Inglês

Prova Escrita de Inglês PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Decreto-Lei nº 139/2012, de 5 de julho Prova Escrita de Inglês 6º Ano de Escolaridade Prova 06 / 2.ª Fase 7 Páginas Duração da Prova: 90 minutos. 2014 Prova 06/ 2.ª F.

Leia mais

Estrelinhas Brasileiras: Como Ensinar a Tocar Piano de Modo Ludico Usando Pecas de Autores Brasileiros - Vol.2

Estrelinhas Brasileiras: Como Ensinar a Tocar Piano de Modo Ludico Usando Pecas de Autores Brasileiros - Vol.2 Estrelinhas Brasileiras: Como Ensinar a Tocar Piano de Modo Ludico Usando Pecas de Autores Brasileiros - Vol.2 Maria Ignes Scavone de Mello Teixeira Click here if your download doesn"t start automatically

Leia mais

A necessidade da oração (Escola da Oração) (Portuguese Edition)

A necessidade da oração (Escola da Oração) (Portuguese Edition) A necessidade da oração (Escola da Oração) (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically A necessidade da oração (Escola da Oração) (Portuguese Edition) A necessidade da

Leia mais

O Príncipe Feliz e Outras Histórias (Edição Bilíngue) (Portuguese Edition)

O Príncipe Feliz e Outras Histórias (Edição Bilíngue) (Portuguese Edition) O Príncipe Feliz e Outras Histórias (Edição Bilíngue) (Portuguese Edition) Oscar Wilde Click here if your download doesn"t start automatically O Príncipe Feliz e Outras Histórias (Edição Bilíngue) (Portuguese

Leia mais

TEN CATE. HISTOLOGIA ORAL (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY ANTONIO NANCI

TEN CATE. HISTOLOGIA ORAL (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY ANTONIO NANCI Read Online and Download Ebook TEN CATE. HISTOLOGIA ORAL (EM PORTUGUESE DO BRASIL) BY ANTONIO NANCI DOWNLOAD EBOOK : TEN CATE. HISTOLOGIA ORAL (EM PORTUGUESE DO Click link bellow and free register to download

Leia mais

Como escrever para o Enem: roteiro para uma redação nota (Portuguese Edition)

Como escrever para o Enem: roteiro para uma redação nota (Portuguese Edition) Como escrever para o Enem: roteiro para uma redação nota 1.000 (Portuguese Edition) Arlete Salvador Click here if your download doesn"t start automatically Como escrever para o Enem: roteiro para uma redação

Leia mais

MASTER S DEGREE IN INTELLECTUAL PROPERTY ADMISSION EXAM

MASTER S DEGREE IN INTELLECTUAL PROPERTY ADMISSION EXAM CADERNO DE QUESTÕES NOTA FINAL MASTER S DEGREE IN INTELLECTUAL PROPERTY ADMISSION EXAM Before reading the text, pay attention to these important and essential remarks. All the answers must be written in

Leia mais

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE

ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE www.blogpensandoemingles.com www.facebook.com/pensandoeminglesblog O que é? ACTIVE VOICE X PASSIVE VOICE Active Voice ( Voz Ativa): Ocorre quando o sujeito pratica a ação, e é chamado de agente. Ex: Robert

Leia mais

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings.

How are you? Activity 01 Warm up. Activity 02 Catch! Objective. Procedure. Objective. Preparation. Procedure. To warm-up and practice greetings. Activity 01 Warm up Objective To warm-up and practice greetings. 1. Make sure you re in the room before the Ss. 2. Greet Ss as they enter the room using How are you?, How are you doing?, What s up?. 3.

Leia mais

Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development?

Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development? Cowboys, Ankle Sprains, and Keepers of Quality: How Is Video Game Development Different from Software Development? Emerson Murphy-Hill Thomas Zimmermann and Nachiappan Nagappan Guilherme H. Assis Abstract

Leia mais

Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition)

Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition) Bíblia do Obreiro - Almeida Revista e Atualizada: Concordância Dicionário Auxílios Cerimônias (Portuguese Edition) Sociedade Bíblica do Brasil Click here if your download doesn"t start automatically Bíblia

Leia mais

Ganhar Dinheiro Em Network Marketing (Portuguese Edition)

Ganhar Dinheiro Em Network Marketing (Portuguese Edition) Ganhar Dinheiro Em Network Marketing (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically Ganhar Dinheiro Em Network Marketing (Portuguese Edition) Ganhar Dinheiro Em Network Marketing

Leia mais

Todos os caminhos levam a Roma (Portuguese Edition)

Todos os caminhos levam a Roma (Portuguese Edition) Todos os caminhos levam a Roma (Portuguese Edition) Scott Hahn, Kimberly Hahn Click here if your download doesn"t start automatically Todos os caminhos levam a Roma (Portuguese Edition) Scott Hahn, Kimberly

Leia mais

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group:

Colégio de Aplicação UFRGS. Name: Group: Present Perfect: FOOD for THOUGHT Colégio de Aplicação UFRGS Name: Group: Present Perfect Simple Os Perfect Tenses são formados com o presente simples do verbo to have (have / has), que, neste caso, funciona

Leia mais

Administração de Recursos Humanos: Fundamentos Básicos (Série Recursos Humanos) (Portuguese Edition)

Administração de Recursos Humanos: Fundamentos Básicos (Série Recursos Humanos) (Portuguese Edition) Administração de Recursos Humanos: Fundamentos Básicos (Série Recursos Humanos) (Portuguese Edition) Idalberto Chiavenato Click here if your download doesn"t start automatically Administração de Recursos

Leia mais

As revoluções russas e o socialismo soviético (Portuguese Edition)

As revoluções russas e o socialismo soviético (Portuguese Edition) As revoluções russas e o socialismo soviético (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically As revoluções russas e o socialismo soviético (Portuguese Edition) As revoluções

Leia mais

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing

User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing User interface evaluation experiences: A brief comparison between usability and communicability testing Kern, Bryan; B.S.; The State University of New York at Oswego kern@oswego.edu Tavares, Tatiana; PhD;

Leia mais

ISO/IEC 20000: Gerenciamento de Serviços de Tecnologia da Informação (Portuguese Edition)

ISO/IEC 20000: Gerenciamento de Serviços de Tecnologia da Informação (Portuguese Edition) ISO/IEC 20000: Gerenciamento de Serviços de Tecnologia da Informação (Portuguese Edition) Jose Maria Fiorino Soula Click here if your download doesn"t start automatically ISO/IEC 20000: Gerenciamento de

Leia mais

Já Chegou Aos Confins Da Terra. E Agora? (Portuguese Edition)

Já Chegou Aos Confins Da Terra. E Agora? (Portuguese Edition) Já Chegou Aos Confins Da Terra. E Agora? (Portuguese Edition) Click here if your download doesn"t start automatically Já Chegou Aos Confins Da Terra. E Agora? (Portuguese Edition) Já Chegou Aos Confins

Leia mais

GUIÃO I. Grupo: Continente e Ilha. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades

GUIÃO I. Grupo: Continente e Ilha. 1º Momento. Intervenientes e Tempos. Descrição das actividades GUIÃO I Prova construída pelos formandos e validada pelo GAVE, 1/6 Grupo: Continente e Ilha Disciplina: Inglês, Nível de Continuação 11.º ano Domínio de Referência: Um mundo de Muitas Culturas 1º Momento

Leia mais

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a): GRAMMAR REVIEW

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: ALUNO(a): GRAMMAR REVIEW GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: ALUNO(a): NOTA: No Anhanguera você é + Enem LISTA DE EXERCÍCIOS DE LÍNGUA INGLESA 1º ANO TEACHER THAÍS RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE GRAMMAR REVIEW Simple Present

Leia mais

:: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF ::

:: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF :: :: FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF :: [Download] FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF FERRAMENTAS MRP APLICADAS PDF - Looking for Ferramentas Mrp Aplicadas Books? Now, you will be thankful that at this time Ferramentas

Leia mais

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa;

PRESENT PERFECT. ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; ASPECTOS A SEREM CONSIDERADOS: 1. Não existe este tempo verbal na Língua Portuguesa; 2. Associa-se o Present Perfect entre uma ação do passado que tenha uma relação com o presente; My life has changed

Leia mais

Buscai as coisas do alto (Portuguese Edition)

Buscai as coisas do alto (Portuguese Edition) Buscai as coisas do alto (Portuguese Edition) Padre Léo SCJ Click here if your download doesn"t start automatically Buscai as coisas do alto (Portuguese Edition) Padre Léo SCJ Buscai as coisas do alto

Leia mais

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks

LÍNGUA INGLESA CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA AULA. Conteúdo: Reading - Typographic Marks Conteúdo: Reading - Typographic Marks Habilidades: Utilizar as Marcas Tipográficas para facilitar a compreensão e também chamar a atenção do leitor. Typographic Marks O que são marcas tipográficas? As

Leia mais

Manual dos locutores esportivos: Como narrar futebol e outros esportes no rádio e na televisão (Portuguese Edition)

Manual dos locutores esportivos: Como narrar futebol e outros esportes no rádio e na televisão (Portuguese Edition) Manual dos locutores esportivos: Como narrar futebol e outros esportes no rádio e na televisão (Portuguese Edition) Carlos Fernando Schinner Click here if your download doesn"t start automatically Manual

Leia mais

Os conflitos entre palestinos e israelenses: A trajetória dos fatos históricos e o direito internacional (Portuguese Edition)

Os conflitos entre palestinos e israelenses: A trajetória dos fatos históricos e o direito internacional (Portuguese Edition) Os conflitos entre palestinos e israelenses: A trajetória dos fatos históricos e o direito internacional (Portuguese Edition) Wiliander Salomão Click here if your download doesn"t start automatically Os

Leia mais

O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE

O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE Read Online and Download Ebook O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO BILíNGUE) (PORTUGUESE EDITION) BY OSCAR WILDE DOWNLOAD EBOOK : O PRíNCIPE FELIZ E OUTRAS HISTóRIAS (EDIçãO Click link bellow and

Leia mais