Projeto: Simul-e Documento de Arquitetura de Software

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Projeto: Simul-e Documento de Arquitetura de Software"

Transcrição

1 Projeto: Simul-e Documento de Arquitetura de Software Versão 1.0 Página 1 de 9

2 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor Criação do Documento Hugo Pazolline Atualização do Documento Hugo Pazolline Página 2 de 9

3 1. Introdução 1.1 Finalidade 1.2 Escopo 1.3 Definições, Acrônimos e Abreviações 1.4 Referências 1.5 Visão Geral 2. Representação Arquitetural 2.1 Objetivos e restrições arquiteturais 2.2 Descrição da arquitetura candidata 2.3 Arquiteturas Descartadas 3. Visões Arquiteturais 3.1 Visões de caso de uso Visão Geral 3.2 Visão de Implantação 4. Padrões Adotados 4.1 Padrão de Nomenclatura 4.2 Padrões de Projeto Índice Analítico Página 3 de 9

4 1. Introdução Documento de Arquitetura de Software 1.1 Finalidade Este documento especifica os aspectos arquiteturais do projeto, fornecendo aos desenvolvedores as informações necessárias para a construção do sistema. 1.2 Escopo Este documento visa explanar o modelo de arquitetura do Simul-e. Esta arquitetura será usada na implementação dos casos de uso do sistema. 1.3 Definições, Acrônimos e Abreviações Vide Artefato de Glossário. 1.4 Referências Glossário Documento de Visão. 1.5 Visão Geral O documento está estruturado da seguinte forma: Seção 2 Arquitetura da Aplicação: descrição dos requisitos e características do projeto que têm alguma influência sobre a arquitetura, descrição da arquitetura escolhida para o projeto e as descartadas. Seção 3 Visões Arquiteturais: descrição da arquitetura a ser adotada sob diferentes enfoques como: visão de casos de uso, visão lógica, visão de implementação, etc. Seção 4 Padrões Adotados: relação dos padrões de projeto e padrões arquiteturais adotados no desenvolvimento da solução da aplicação. 2. Representação Arquitetural 2.1 Objetivos e restrições arquiteturais O sistema deve garantir o sigilo e a integridade dos dados, validando o usuário com login e senha a cada acesso à aplicação web do Simul-e. O usuário deverá possuir o navegador Chrome nas versões atuais para melhor visualização do sistema. Página 4 de 9

5 2.2 Descrição da arquitetura candidata A arquitetura utilizada será em camadas, que estão descritas abaixo descritas abaixo: 1. O cliente realiza uma requisição para a Camada de controle a partir do aplicativo ou aplicação web e é representado pela camada de Visão. 2. Camada de Controle é uma camada núcleo que provê um acesso único e simplificado às funcionalidades do sistema localizado na camada de Negócios (Modelo). 3. Camada de Modelo é a camada que contém as lógicas de negócios para uma ou mais classes que são comuns em certo ponto do negócio. 4. A camada de modelo possui subcamadas denominadas Entidade que aloca as classes DTO s, Persistências que aloca as classes DAO e por fim serviço que aloca regras de negócio específicas do sistema. 5. A camada de modelo faz uma consulta persistindo na Base de dados e por fim a base de dados responde a subcamada DAO com o valor solicitado. 6. Após consulta, a camada de modelo envia os resultados da sua consulta para a camada de controle ou outra camada que lhe solicitou informações. 7. A camada de controle responde a requisição do usuário através da camada de visão, onde são representadas pelas páginas em HTML5 para a aplicação web e JAVA para o aplicativo. Página 5 de 9

6 A arquitetura em camadas auxilia na segurança, uma vez que a interface não interage diretamente com a camada de persistência, bem como torna a manutenção do sistema muito mais fácil e simplificada, uma vez que existem pontos de acessos únicos para as funcionalidades. Os recursos sistêmicos tornam-se mais facilmente controlados, uma vez que a camada de negócios tem o poder de controlar a utilização desses recursos. 2.3 Arquiteturas Descartadas Baseada em Eventos. Baseada em Tubos e Filtros. Baseada em Estratégia. 3. Visões Arquiteturais 3.1 Visões de caso de uso Visão Geral Página 6 de 9

7 Página 7 de 9

8 3.2 Visão de Implantação 4. Padrões Adotados 4.1 Padrão de Nomenclatura Nomes de classes sempre terão a primeira letra maiúscula. Ex. Usuário Final Nomes de variáveis serão sempre minúsculos, porém se for um nome composto ele será escrito sem espaço entre as palavras e a primeira letra do segundo nome deverá ser maiúscula. Ex. usuario, aparelho. Nomes de métodos seguirão o mesmo padrão das variáveis, porém deve-se sempre referenciar a que classe o método pertence. Exceto os métodos do controller que não precisarão ter o nome da classe a que pertence. Ex. inseriraparelho. Nomes de constantes deverão ser completamente maiúsculos e caso for composto deve ser separado por underline _. Ex. SQL_UPDATE, TABELA_APARELHO. Página 8 de 9

9 4.2 Padrões de Projeto Serão utilizados os padrões GRASP (General Responsibility Assignment Software Patterns). Controlador. Fachada. Banco de Dados. Visão (GUI). Polimorfismo. Página 9 de 9

Documento de Arquitetura

Documento de Arquitetura Documento de Arquitetura A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO A2MEPonto - SISTEMA DE PONTO ELETRÔNICO #1 Pág. 1 de 11 HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 28/10/2010 1 Elaboração do documento

Leia mais

Histórico da Revisão. Versão Descrição Autor. 1.0 Versão Inicial

Histórico da Revisão. Versão Descrição Autor. 1.0 Versão Inicial 1 of 14 27/01/2014 17:33 Sistema de Paginação de Esportes Universitários Documento de Arquitetura de Software Versão 1.0 Histórico da Revisão Data 30 de novembro de 1999 Versão Descrição Autor 1.0 Versão

Leia mais

SAV Sistema de Aluguel de Veículos I - DOCUMENTO DE REQUISITOS Versão 1.00

SAV Sistema de Aluguel de Veículos I - DOCUMENTO DE REQUISITOS Versão 1.00 SAV Sistema de Aluguel de Veículos I - DOCUMENTO DE REQUISITOS Versão 1.00 Conteúdo 1. INTRODUÇÃO...3 1.1 CONVENÇÕES, TERMOS E ABREVIAÇÕES... 3 1.1.1 Identificação dos Requisitos... 3 1.1.2 Prioridades

Leia mais

Documento de Requisitos de Sistemas. SGC Sistema Gerenciador de Clínicas

Documento de Requisitos de Sistemas. SGC Sistema Gerenciador de Clínicas Documento de Requisitos de Sistemas SGC Sistema Gerenciador de Clínicas Versão 1.0 Autores: Angelo Alexandre Pinter Estevão Danilo Abílio Luiz Guilherme Schlickmann Espíndola Leonardo Machado Fernandes

Leia mais

Engenharia de Requisitos

Engenharia de Requisitos 1 Engenharia de Requisitos Gerenciamento de Requisitos Prof Ms Vinícius Costa de Souza www.inf.unisinos.br/~vinicius 2 Agenda Introdução Requisitos voláteis x estáveis Identificação Armazenamento Gerenciamento

Leia mais

Engenharia de Software na Prática Hélio Engholm Jr.

Engenharia de Software na Prática Hélio Engholm Jr. Engenharia de Software na Prática Hélio Engholm Jr. Novatec Sumário Agradecimentos... 17 Sobre o autor... 18 Prefácio... 19 Capítulo 1 Desenvolvimento de software para o valor de negócios... 20 1.1 Qualidade

Leia mais

Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege

Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege Faculdade de Tecnologia Senac DF Sistema de Armazenamento de Dados Eleitorais - SisElege Documento de Visão Versão 4.0 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 05/09/2014 1.0 Versão Inicial do

Leia mais

VANT-EC-SAME. Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0

VANT-EC-SAME. Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0 VANT-EC-SAME Software de Suporte do VANT V-SUP Caso de Desenvolvimento Versão 1.0 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 17/0/07 1.0 Versão Inicial Douglas Moura Confidencial VANT-EC-SAME, 2007

Leia mais

GPD Gestão de Posições em Derivativos

GPD Gestão de Posições em Derivativos 2010 GPD Gestão de Posições em Derivativos BMF&Bovespa Versão 1.00 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. O NOVO SISTEMA... 3 3. Lista de Referência... 5 3.1 Definições... 5 3.1.1 CAB Central de Atendimento BM&FBOVESPA...

Leia mais

MVC e Camadas - Fragmental Bliki

MVC e Camadas - Fragmental Bliki 1 de 5 20-03-2012 18:32 MVC e Camadas From Fragmental Bliki Conteúdo 1 Introdução 2 Camadas: Separação Entre Componentes 3 MVC: Interação Entre Componentes 4 Conclusão 5 Referências Introdução A Arquitetura

Leia mais

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4

DMS Documento de Modelagem de Sistema. Versão: 1.4 DMS Documento de Modelagem de Sistema Versão: 1.4 VERANEIO Gibson Macedo Denis Carvalho Matheus Pedro Ingrid Cavalcanti Rafael Ribeiro Tabela de Revisões Versão Principais Autores da Versão Data de Término

Leia mais

REQUISITOS. Prof. Msc. Hélio Esperidião

REQUISITOS. Prof. Msc. Hélio Esperidião REQUISITOS Prof. Msc. Hélio Esperidião OS REQUISITOS O que são requisitos? Uma descrição de um serviço ou de uma limitação O que é a engenharia de requisitos? O processo envolvido no desenvolvimento de

Leia mais

Engenharia de Requisitos

Engenharia de Requisitos Engenharia de Requisitos Introdução a Engenharia de Requisitos Professor: Ricardo Argenton Ramos Aula 08 Slide 1 Objetivos Introduzir a noção de requisitos do sistema e o processo da engenharia de requisitos.

Leia mais

ENG1000 Introdução à Engenharia

ENG1000 Introdução à Engenharia ENG1000 Introdução à Engenharia Aula 01 Processo de Desenvolvimento de Software Edirlei Soares de Lima Processo de Software O processo de software consiste em um conjunto estruturado

Leia mais

O Processo Unificado: Captura de requisitos

O Processo Unificado: Captura de requisitos O Processo Unificado: Captura de requisitos Itana Gimenes Graduação em Informática 2008 Captura de Requisitos Modelagem do negócio: Visão de negócios Modelo de objetos de negócio de negócio Especificação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II. Primeiro Trabalho

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II. Primeiro Trabalho UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE INSTITUTO DE CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO ENGENHARIA DE SOFTWARE II Primeiro Trabalho Descrição do trabalho: Escrever um Documento de Visão. Projeto: Automatização do sistema que

Leia mais

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral

Programa do Módulo 2. Processo Unificado: Visão Geral 9.1 Programa do Módulo 2 Orientação a Objetos Conceitos Básicos Análise Orientada a Objetos (UML) O Processo Unificado (RUP) Processo Unificado: Visão Geral 9.2 Encaixa-se na definição geral de processo:

Leia mais

Eduardo Bezerra. Editora Campus/Elsevier

Eduardo Bezerra. Editora Campus/Elsevier Princípios de Análise e Projeto de Sistemas com UML 2ª edição Eduardo Bezerra Editora Campus/Elsevier Capítulo 11 Arquitetura do sistema Nada que é visto, é visto de uma vez e por completo. --EUCLIDES

Leia mais

Desenvolvimento de aplicação web com framework JavaServer Faces e Hibernate

Desenvolvimento de aplicação web com framework JavaServer Faces e Hibernate Desenvolvimento de aplicação web com framework JavaServer Faces e Hibernate Tiago Peres Souza 1, Jaime Willian Dias 1,2 ¹Universidade paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil tiagop_ti@hotmail.com 2 Universidade

Leia mais

Channel. Visão Geral e Navegação. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9

Channel. Visão Geral e Navegação. Tutorial. Atualizado com a versão 3.9 Channel Visão Geral e Navegação Tutorial Atualizado com a versão 3.9 Copyright 2009 por JExperts Tecnologia Ltda. todos direitos reservados. É proibida a reprodução deste manual sem autorização prévia

Leia mais

Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional

Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional Aplicativo web para definição do modelo lógico no projeto de banco de dados relacional Juarez Bachmann Orientador: Alexander Roberto Valdameri Roteiro Introdução Objetivos Fundamentação teórica Desenvolvimento

Leia mais

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8

INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ÍNDICE INTRODUÇÃO 2 ACESSO AO SIGTECWEB 3 TEMPO DE CONEXÃO 5 NAVEGAÇÃO 7 BARRA DE AÇÕES 7 COMPORTAMENTO DOS BOTÕES 7 FILTROS PARA PESQUISA 8 ACESSO ÀS FERRAMENTAS 9 FUNÇÕES 12 MENSAGENS 14 CAMPOS OBRIGATÓRIOS

Leia mais

Padrões de Projeto WEB e o MVC

Padrões de Projeto WEB e o MVC Padrões de Projeto WEB e o MVC Padrões de Projeto WEB e o MVC O que são padrões? "Cada padrão descreve um problema que ocorre freqüentemente em seu ambiente, e então descreve o cerne da solução para aquele

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 MANTER FUNCIONÁRIO RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO

PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Gestão da Tecnologia da Informação DCSoft Sistema de Depreciação/Contábil PLANO DE GERENCIAMENTO DO PROJETO Equipe: Eduardo Rocha da Silva ERDS Bruno Cattany Martins

Leia mais

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe:

Versão <1.0> Documento de Requisitos. Documento de Requisitos. Equipe: Versão Documento de Requisitos Documento de Requisitos Equipe: Bruno Harada (bhhc) Edilson Augusto Junior (easj) José Ivson Soares da Silva (jiss) Pedro Rodolfo da Silva Gonçalves (prsg) Raphael

Leia mais

ANEXO 11. Framework é um conjunto de classes que colaboram para realizar uma responsabilidade para um domínio de um subsistema da aplicação.

ANEXO 11. Framework é um conjunto de classes que colaboram para realizar uma responsabilidade para um domínio de um subsistema da aplicação. ANEXO 11 O MATRIZ Para o desenvolvimento de sites, objeto deste edital, a empresa contratada obrigatoriamente utilizará o framework MATRIZ desenvolvido pela PROCERGS e disponibilizado no início do trabalho.

Leia mais

ABORDAGEM DE FRAMEWORKS PARA JSF QUE AUXILIAM O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

ABORDAGEM DE FRAMEWORKS PARA JSF QUE AUXILIAM O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE ABORDAGEM DE FRAMEWORKS PARA JSF QUE AUXILIAM O DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE Amarildo Aparecido Ferreira Junior 1, Ricardo Ribeiro Rufino 1 ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil aapfjr@gmail.com

Leia mais

UML & Padrões Aula 7. UML & Padrões - Profª Kelly C C Silva

UML & Padrões Aula 7. UML & Padrões - Profª Kelly C C Silva UML & Padrões Aula 7 UML & Padrões - Profª Kelly C C Silva Divisão das classes do Modelo de Análise Jacobson propõe a divisão das classes do Modelo de Análise de acordo com os seguintes estereótipos: entidades

Leia mais

Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor

Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor H6Projetos Documento de Requisitos Versão 1.3 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 05/09/2013 1.0 Preenchimento do Capítulo 2 Requisitos Funcionais Evilson Montenegro 26/09/2013 1.1 Preenchimento

Leia mais

Design de Software e Projeto Arquitetural de Software. Prof. Edison A M Morais http://www.edison.eti.br prof@edison.eti.br

Design de Software e Projeto Arquitetural de Software. Prof. Edison A M Morais http://www.edison.eti.br prof@edison.eti.br Design de Software e Projeto Arquitetural de Software Prof. Edison A M Morais http://www.edison.eti.br prof@edison.eti.br Agenda 1. Contexto da Arquitetura e Projeto de Software 2. Definição de Arquitetura

Leia mais

Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 19/09/2014 1.0 Implementação de itens essenciais para futuro aprimoramento.

Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 19/09/2014 1.0 Implementação de itens essenciais para futuro aprimoramento. Documento de Requisitos 1 Documento de Requisitos Versão 1.2 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 19/09/2014 1.0 Implementação de itens essenciais para futuro aprimoramento. Camilo Fernandes

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA. Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA. Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ELETRÔNICA Sistema de Gerenciamento Eletrônico de Documentos Autor: Evandro Bastos Tavares Orientador: Antônio Claudio Gomez

Leia mais

Curso - Padrões de Projeto Módulo 5: Model-View- Controller

Curso - Padrões de Projeto Módulo 5: Model-View- Controller Curso - Padrões de Projeto Módulo 5: Model-View- Controller Vítor E. Silva Souza vitorsouza@gmail.com http://www.javablogs.com.br/page/engenho http://esjug.dev.java.net Sobre o Instrutor Formação: Java:

Leia mais

ARQUITETURA DE SISTEMAS. Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com)

ARQUITETURA DE SISTEMAS. Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com) ARQUITETURA DE SISTEMAS Cleviton Monteiro (cleviton@gmail.com) Roteiro Definição Documento de arquitetura Modelos de representação da arquitetura Estilos arquiteturais Arquitetura de sistemas web Arquitetura

Leia mais

www.f2b.com.br 18/04/2006 Micropagamento F2b Web Services Web rev 00

www.f2b.com.br 18/04/2006 Micropagamento F2b Web Services Web rev 00 www.f2b.com.br 18/04/2006 Micropagamento F2b Web Services Web rev 00 Controle de Revisões Micropagamento F2b Web Services/Web 18/04/2006 Revisão Data Descrição 00 17/04/2006 Emissão inicial. www.f2b.com.br

Leia mais

Intranets. FERNANDO ALBUQUERQUE Departamento de Ciência da Computação Universidade de Brasília 1.INTRODUÇÃO

Intranets. FERNANDO ALBUQUERQUE Departamento de Ciência da Computação Universidade de Brasília 1.INTRODUÇÃO Intranets FERNANDO ALBUQUERQUE Departamento de Ciência da Computação Universidade de Brasília 1.INTRODUÇÃO As intranets são redes internas às organizações que usam as tecnologias utilizadas na rede mundial

Leia mais

DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES

DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES DESENVOLVENDO APLICAÇÃO UTILIZANDO JAVA SERVER FACES Alexandre Egleilton Araújo, Jaime Willian Dias Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil araujo.ale01@gmail.com, jaime@unipar.br Resumo.

Leia mais

DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS

DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS DESENVOLVIMENTO WEB UTILIZANDO FRAMEWORK PRIMEFACES E OUTRAS TECNOLOGIAS ATUAIS Emanuel M. Godoy 1, Ricardo Ribeiro Rufino 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil godoymanel@gmail.com,

Leia mais

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA)

SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DE FLUXO DE CAIXA DO SETOR DE APOIO FINANCEIRO (ULBRA GUAÍBA) Alessandra Lubbe 1 Alexandre Evangelista 2 Jeandro Perceval 3 José Ramiro Pereira 4 Luiz Gustavo Mahlmann 5 RESUMO

Leia mais

a. A plataforma recomendada é Web, com arquitetura Microsoft.Net; b. A linguagem recomendada para codificação de Sistemas de Informações é C#;

a. A plataforma recomendada é Web, com arquitetura Microsoft.Net; b. A linguagem recomendada para codificação de Sistemas de Informações é C#; 1. OBJETIVO O objetivo deste documento é definir as normas e os padrões que deverão ser adotados pelos desenvolvedores da equipe interna e externa (fornecedores) que venham a desenvolver soluções de software

Leia mais

A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM )

A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM ) A Unimed Muriaé esta atualizando a o sistema autorizador (HILUM ) Houve mudanças em várias áreas do sistema, mas para simplificar ao usuário final estarei ativando só os campos que são obrigatórios para

Leia mais

COORDENAÇÃO DE SISTEMAS (CODES) JUNHO/2011

COORDENAÇÃO DE SISTEMAS (CODES) JUNHO/2011 MANUAL DE IMPLANTAÇÃO METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS FASE DA IMPLANTAÇÃO COORDENAÇÃO DE SISTEMAS (CODES) JUNHO/2011 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001.

Leia mais

UM ESTUDO SOBRE ARQUITETURA PARA DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE WEB UTILIZANDO NOVAS TECNOLOGIAS

UM ESTUDO SOBRE ARQUITETURA PARA DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE WEB UTILIZANDO NOVAS TECNOLOGIAS UM ESTUDO SOBRE ARQUITETURA PARA DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE WEB UTILIZANDO NOVAS TECNOLOGIAS Edi Carlos Siniciato ¹, William Magalhães¹ ¹ Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil edysiniciato@gmail.com,

Leia mais

Padrões de projeto 1

Padrões de projeto 1 Padrões de projeto 1 Design Orientado Objeto Encapsulamento Herança Polimorfismo Design Patterns 2 Responsabilidades Booch e Rumbaugh Responsabilidade é um contrato ou obrigação de um tipo ou classe. Dois

Leia mais

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO

LEI DE ACESSO A INFORMAÇÃO DIREITO DO CIDADÃO DESCRIÇÃO DO SIGAI O SIGAI (Sistema Integrado de Gestão do Acesso à Informação) é uma solução de software que foi desenvolvida para automatizar os processos administrativos e operacionais visando a atender

Leia mais

Documento de Análise e Projeto VideoSystem

Documento de Análise e Projeto VideoSystem Documento de Análise e Projeto VideoSystem Versão Data Versão Descrição Autor 20/10/2009 1.0 21/10/2009 1.0 05/11/2009 1.1 Definição inicial do documento de análise e projeto Revisão do documento

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE ATIVOS DE TI GERENCIAMENTO DE CONFIGURAÇÃO

ADMINISTRAÇÃO DE ATIVOS DE TI GERENCIAMENTO DE CONFIGURAÇÃO 1 ADMINISTRAÇÃO DE ATIVOS DE TI GERENCIAMENTO DE CONFIGURAÇÃO 2 INFRAESTRUTURA DE TI Para garantir o atendimento às necessidades do negócio, a área de TI passou a investir na infraestrutura do setor, ampliando-a,

Leia mais

Proposta de Projeto PPJ PPJSETIN2011094 Licenças para Estações de Trabalho e Servidores de Rede. Versão 1.0

Proposta de Projeto PPJ PPJSETIN2011094 Licenças para Estações de Trabalho e Servidores de Rede. Versão 1.0 Servidores de Rede Versão 1.0 Estado do Ceará Poder Judiciário Tribunal de Justiça Histórico de Revisões Data Versão Descrição Responsável 30/05/2012 0.1 Criação do documento Alexys Ribeiro 30/05/2012

Leia mais

Documento de Requisitos. Async Fábrica de Software

Documento de Requisitos. Async Fábrica de Software Documento de Requisitos Async Fábrica de Software Nome do Projeto Agile Room Data de início 1 / 03 / 2013 Membro Cargo Yrineu Felipe Rodrigues Desenvolvedor / Analista de Requisitos / Gerente do Projeto

Leia mais

Tribunal de Justiça de Pernambuco. Diretoria de Informática. Guia de Utilização do Mantis Máquina de Estados

Tribunal de Justiça de Pernambuco. Diretoria de Informática. Guia de Utilização do Mantis Máquina de Estados Tribunal de Justiça de Pernambuco Diretoria de Informática Guia de Utilização do Mantis Máquina de Estados Guia de Utilização Mantis Histórico de Alterações Data Versão Descrição Autor Aprovado Por 02/09/2008

Leia mais

! Introdução. " Motivação para Processos de Software. ! Processo Unificado (USDP) " Definições " RUP x USDP " Características do Processo Unificado

! Introdução.  Motivação para Processos de Software. ! Processo Unificado (USDP)  Definições  RUP x USDP  Características do Processo Unificado Agenda! Introdução " Motivação para Processos de Software! (USDP) " Definições " RUP x USDP " Características do! Descrição detalhada do! Processos Derivados! Templates simplificados! Conclusões 2 Processo

Leia mais

PPS - Processo de Proposta de Solução Versão 1.3.1

PPS - Processo de Proposta de Solução Versão 1.3.1 PPS - Processo de Proposta de Solução Versão 1.3.1 Banco Central do Brasil, 2015 Página 1 de 13 Índice 1. FLUXO DO PPS - PROCESSO DE PROPOSTA DE SOLUÇÃO... 3 2. SOBRE ESTE DOCUMENTO... 4 2.1 GUIA DE UTILIZAÇÃO...

Leia mais

AUTOR: DAVID DE MIRANDA RODRIGUES CONTATO: davidmr@ifce.edu.br CURSO FIC DE PROGRAMADOR WEB VERSÃO: 1.0

AUTOR: DAVID DE MIRANDA RODRIGUES CONTATO: davidmr@ifce.edu.br CURSO FIC DE PROGRAMADOR WEB VERSÃO: 1.0 AUTOR: DAVID DE MIRANDA RODRIGUES CONTATO: davidmr@ifce.edu.br CURSO FIC DE PROGRAMADOR WEB VERSÃO: 1.0 SUMÁRIO 1 Conceitos Básicos... 3 1.1 O que é Software?... 3 1.2 Situações Críticas no desenvolvimento

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Tópicos de Ambiente Web Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Roteiro Motivação Desenvolvimento de um site Etapas no desenvolvimento de software (software:site) Analise

Leia mais

Editores de Texto. Como Começar. ibict

Editores de Texto. Como Começar. ibict Editores de Texto O Editor de Texto trabalha a submissão para melhorar a gramática e legibilidade do documento, em conjunto com o autor, para assegurar que o conteúdo está correto, dentro das normas bibliográficas

Leia mais

Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural

Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural Resumo: Perguntas a fazer ao elaborar um projeto arquitetural Sobre entidades externas ao sistema Quais sistemas externos devem ser acessados? Como serão acessados? Há integração com o legado a ser feita?

Leia mais

Manual de Registro de Saída. Procedimentos e Especificações Técnicas

Manual de Registro de Saída. Procedimentos e Especificações Técnicas Manual de Registro de Saída Procedimentos e Especificações Técnicas Versão 1.0 Dezembro 2010 ÍNDICE 1 INTRODUÇÃO GERAL... 3 2 INTRODUÇÃO AO MÓDULO REGISTRO DE SAÍDA - SIARE... 3 2.1 SEGURANÇA... 4 2.2

Leia mais

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade;

do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; 1 ARQUITETURA E DESIGN DE SOFTWARE O que é Arquitetura? do grego: arkhé (chefe ou mestre) + tékton (trabalhador ou construtor); tekhne arte ou habilidade; do dicionário: Arte de projetar e construir prédios,

Leia mais

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS

PDS - DATASUS. Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS PDS - DATASUS Processo de Desenvolvimento de Software do DATASUS Coordenação Geral de Arquitetura e Engenharia Tecnológica Coordenação de Padronização e Qualidade de Software Gerência de Padrões e Software

Leia mais

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831

Rational Quality Manager. Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 Rational Quality Manager Nome: Raphael Castellano Campus: AKXE Matrícula: 200601124831 1 Informações Gerais Informações Gerais sobre o RQM http://www-01.ibm.com/software/awdtools/rqm/ Link para o RQM https://rqmtreina.mvrec.local:9443/jazz/web/console

Leia mais

Documento de Visão Sistema de Arrecadação de IPTU - SAI

Documento de Visão Sistema de Arrecadação de IPTU - SAI Sistema de Arrecadação de IPTU - SAI Versão 1.1R01 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor (es) 12/08/2008 1.0 Documento inicial Márcio Roehe 26/08/2008 1.1 Revisão Ajustes e complementação Roberto

Leia mais

Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software. Coordenação Geral de Tecnologia da Informação

Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software. Coordenação Geral de Tecnologia da Informação Metodologia de Gestão e Desenvolvimento de Software Coordenação Geral de Tecnologia da Informação 2 Índice 1. Processos Organizacionais... 7 1.1. A gestão da demanda... 7 1.2. e Responsabilidades... 7

Leia mais

Padrão Arquitetura em Camadas

Padrão Arquitetura em Camadas Padrão Arquitetura em Camadas Universidade Católica de Pernambuco Ciência da Computação Prof. Márcio Bueno poonoite@marciobueno.com Fonte: Material da Profª Karina Oliveira Definição Estimula a organização

Leia mais

Uma Abordagem usando PU

Uma Abordagem usando PU Uma Abordagem usando PU Curso de Especialização DEINF - UFMA Desenvolvimento Orientado a Objetos Prof. Geraldo Braz Junior Referências: Baseada em: Rational Software Corpotation G. Booch, Ivar Jacobson,

Leia mais

SG Fisio. Documento de Análise e Projeto. Versão 1.1. Documento de Análise e Projeto. Autores: Bruno Sandres Daniel Costa Leandro Aguiar Marcelo Frota

SG Fisio. Documento de Análise e Projeto. Versão 1.1. Documento de Análise e Projeto. Autores: Bruno Sandres Daniel Costa Leandro Aguiar Marcelo Frota Documento de Análise e Projeto B.T.I. Corporation Sistema Gerente Fisio Documento de Análise e Projeto SG Fisio Versão 1.1 Autores: Bruno Sandres Daniel Costa Leandro Aguiar Marcelo Frota Recife, 28 de

Leia mais

DOCUMENTO DE REQUISITOS

DOCUMENTO DE REQUISITOS DOCUMENTO DE REQUISITOS ID documento: Data: / / Versão : Responsável pelo documento: ID Projeto: HISTÓRICO DE REVISÕES Data de criação/ atualização Descrição da(s) Mudança(s) Ocorrida(s) Autor Versão do

Leia mais

Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans

Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans Desenvolvendo Aplicações Web com NetBeans Aula 3 Cap. 4 Trabalhando com Banco de Dados Prof.: Marcelo Ferreira Ortega Introdução O trabalho com banco de dados utilizando o NetBeans se desenvolveu ao longo

Leia mais

Especificação de Requisito de Software Especificação de Software Para Versão

Especificação de Requisito de Software <Nome do Projeto> Especificação de Software Para <Subsistema ou Recurso> Versão <x.y> Especificação de Software Para Versão Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 1. Introdução Este documento tem

Leia mais

Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro

Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro Boas Práticas de Desenvolvimento Seguro Julho / 2.012 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 29/07/2012 1.0 Versão inicial Ricardo Kiyoshi Página 2 de 11 Conteúdo 1. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

SISTEMA GERENCIAL TRATORPLAN

SISTEMA GERENCIAL TRATORPLAN SISTEMA GERENCIAL TRATORPLAN SIGET Fabrício Pereira Santana¹, Jaime William Dias¹, ², Ricardo de Melo Germano¹ ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil fabricioblack@gmail.com germano@unipar.br

Leia mais

CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA

CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA Eligiane Ceron - Abril de 2012 Versão 1.0 Conteúdo Considerações iniciais... 2 Introdução... 2 Extensão de arquivos... 2 Arquivos de código Java... 2 Comentários iniciais... 2

Leia mais

FACSENAC. SISGEP SISTEMA GERENCIADOR PEDAGÓGICO DRP (Documento de Requisitos do Projeto de Rede)

FACSENAC. SISGEP SISTEMA GERENCIADOR PEDAGÓGICO DRP (Documento de Requisitos do Projeto de Rede) FACSENAC SISTEMA GERENCIADOR PEDAGÓGICO Versão: 1.2 Data: 25/11/2011 Identificador do documento: Documento de Visão V. 1.7 Histórico de revisões Versão Data Descrição Autor 1.0 03/10/2011 Primeira Edição

Leia mais

Plano de Gerenciamento do Projeto Baseado na 5ª edição do Guia PMBOK

Plano de Gerenciamento do Projeto Baseado na 5ª edição do Guia PMBOK 0 2015 Projeto: Conecta Contábil Sistema de controle e depreciação de patrimônio Plano de Gerenciamento do Projeto Baseado na 5ª edição do Guia PMBOK Plano de Gerenciamento desenvolvido para a realização

Leia mais

Nome: Login: CA: Cidade: UF CARTÃO RESPOSTA QUESTÃO RESPOSTA QUESTÃO RESPOSTA

Nome: Login: CA: Cidade: UF CARTÃO RESPOSTA QUESTÃO RESPOSTA QUESTÃO RESPOSTA ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS TURMA 2008 3º PERÍODO - 5º MÓDULO AVALIAÇÃO A4 DATA 23/04/2009 ENGENHARIA DE SOFTWARE Dados de identificação do Acadêmico: Nome: Login: CA: Cidade: UF CARTÃO RESPOSTA

Leia mais

PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB)

PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB) RELATÓRIO DE ENTREGA DO PRODUTO 1 (CONSTRUÇÃO DE PORTAL WEB) PARA A ELABORAÇÃO DOS PLANOS MUNICIPAIS DE GESTÃO INTEGRADA DE RESÍDUOS SÓLIDOS PMGIRS PARA OS MUNICÍPIOS DE NOVO HORIZONTE, JUPIÁ, GALVÃO,

Leia mais

O CONCEITO DE TDD NO DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE

O CONCEITO DE TDD NO DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE O CONCEITO DE TDD NO DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE Renan Leme Nazário, Ricardo Rufino Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR - Brasil renazariorln@gmail.com, ricardo@unipar.br Resumo. Este artigo

Leia mais

Apesar de existirem diversas implementações de MVC, em linhas gerais, o fluxo funciona geralmente da seguinte forma:

Apesar de existirem diversas implementações de MVC, em linhas gerais, o fluxo funciona geralmente da seguinte forma: 1 Introdução A utilização de frameworks como base para a construção de aplicativos tem sido adotada pelos desenvolvedores com três objetivos básicos. Primeiramente para adotar um padrão de projeto que

Leia mais

Introdução a UML. Hélder Antero Amaral Nunes haanunes@gmail.com

Introdução a UML. Hélder Antero Amaral Nunes haanunes@gmail.com Introdução a UML Hélder Antero Amaral Nunes haanunes@gmail.com Introdução a UML UML (Unified Modeling Language Linguagem de Modelagem Unificada) é uma linguagem-padrão para a elaboração da estrutura de

Leia mais

Documento de Requisitos

Documento de Requisitos Documento de Requisitos Projeto: Data 26/05/2005 Responsável Autor (s) Doc ID Localização Versão do Template Márcia Jacyntha Nunes Rodrigues Lucena Silvia Cássia Pereira Márcia Jacyntha Nunes Rodrigues

Leia mais

CNEC CAPIVARI Educação Infantil - Ensino Fundamental - Ensino Médio - Educação Profissional - Ensino Superior

CNEC CAPIVARI Educação Infantil - Ensino Fundamental - Ensino Médio - Educação Profissional - Ensino Superior GUIA DE UTILIZAÇÃO DO SISTEMA ACADÊMICO PERSEUS RESPONSÁVEL Prezado Pai/Responsável INFORMAÇÕES TÉCNICAS A Escola Premium Cenecista, primando sempre pela oferta da Educação Básica de qualidade, implantou

Leia mais

POLÍTICA ORGANIZACIONAL

POLÍTICA ORGANIZACIONAL POLÍTICA ORGANIZACIONAL PARA DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE NA DR TECH Data 01/03/2010 Responsável Doc ID Danielle Noronha PoliticaOrg_DR_V003 \\Naja\D\Gerenciamento\Política Localização Organizacional Versão

Leia mais

Anexo I - DAS (Documento de Arquitetura de Software) Concurso de Desenvolvimento de Jogos SEBRAE

Anexo I - DAS (Documento de Arquitetura de Software) Concurso de Desenvolvimento de Jogos SEBRAE Anexo I - DAS (Documento de Arquitetura de Software) Concurso de Desenvolvimento de Jogos SEBRAE 1 Sumário Sumário... 2 1 INTRODUÇÃO... 3 1.1 Propósito... 3 1.2 Escopo... 3 1.3 Referências... 3 2 DIRETRIZES...

Leia mais

Conteúdo. Disciplina: INF 02810 Engenharia de Software. Monalessa Perini Barcellos. Centro Tecnológico. Universidade Federal do Espírito Santo

Conteúdo. Disciplina: INF 02810 Engenharia de Software. Monalessa Perini Barcellos. Centro Tecnológico. Universidade Federal do Espírito Santo Universidade Federal do Espírito Santo Centro Tecnológico Departamento de Informática Disciplina: INF 02810 Prof.: (monalessa@inf.ufes.br) Conteúdo 1. Introdução 2. Processo de Software 3. Gerência de

Leia mais

Codificar Sistemas Tecnológicos

Codificar Sistemas Tecnológicos Codificar Sistemas Tecnológicos Especificação dos Requisitos do Software Sistema de gestão para a Empresa Cliente SlimSys Autor: Equipe Codificar Belo Horizonte MG Especificação dos Requisitos do Software

Leia mais

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1

DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 DEFINIÇÃO DE REQUISITOS SISTEMA DE CONTROLE DE FINANÇAS WEB 1.0 BAIXA DE CONTAS A PAGAR RELEASE 4.1 SUMÁRIO DEFINIÇÃO DE REQUISITOS 4 1. INTRODUÇÃO 4 1.1 FINALIDADE 4 1.2 ESCOPO 4 1.3 DEFINIÇÕES, ACRÔNIMOS

Leia mais

PAINEL GERENCIADOR DE E-MAILS

PAINEL GERENCIADOR DE E-MAILS Este manual foi criado com o objetivo de facilitar o gerenciamento de suas contas de e-mail. Com ele, o administrador poderá criar e excluir e-mails, alterar senha, configurar redirecionamento de contas,

Leia mais

Manual WSD Unimed Vale do São Francisco Cooperativa de Trabalho Médico LTDA Rua do Coliseu, 123 Centro, Petrolina/PE CEP: 56302.

Manual WSD Unimed Vale do São Francisco Cooperativa de Trabalho Médico LTDA Rua do Coliseu, 123 Centro, Petrolina/PE CEP: 56302. Manual WSD 1 Manual de Acesso e Utilização do WSD-TISS Considerações Iniciais IMPORTANTE!!! Informamos que respeitando a Instrução Normativa nº 28, publicada pela ANS em 11 de janeiro de 2008, a partir

Leia mais

Dado: Fatos conhecidos que podem ser registrados e têm um significado implícito. Banco de Dados:

Dado: Fatos conhecidos que podem ser registrados e têm um significado implícito. Banco de Dados: MC536 Introdução Sumário Conceitos preliminares Funcionalidades Características principais Usuários Vantagens do uso de BDs Tendências mais recentes em SGBDs Algumas desvantagens Modelos de dados Classificação

Leia mais

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48

TCM Informática Rua Senador Ivo D'Aquino, 121 Bairro: Lagoa da Conceição 88062-050 Florianópolis, SC Brasil Fone +55 48 3334-8877 Fax +55 48 1 Controle de licenças: As licenças de acesso ao Sistema Esmeralda Visual são controladas por acesso simultâneo dos usuários, não estando vinculadas ao computador. Pode-se acessar o Sistema Esmeralda Visual

Leia mais

Processo de Desenvolvimento Unificado

Processo de Desenvolvimento Unificado Processo de Desenvolvimento Unificado Processo de Desenvolvimento de Software? Conjunto de atividades bem definidas; com responsáveis; com artefatos de entrada e saída; com dependências entre as mesmas

Leia mais

SISTEMA DE WORKFLOW PARA MODELAGEM E EXECUÇÃO DE PROCESSOS DE SOFTWARE. Aluno: Roberto Reinert Orientador: Everaldo A. Grahl

SISTEMA DE WORKFLOW PARA MODELAGEM E EXECUÇÃO DE PROCESSOS DE SOFTWARE. Aluno: Roberto Reinert Orientador: Everaldo A. Grahl SISTEMA DE WORKFLOW PARA MODELAGEM E EXECUÇÃO DE PROCESSOS DE SOFTWARE Aluno: Roberto Reinert Orientador: Everaldo A. Grahl Roteiro de apresentação Introdução Objetivos Fundamentação Teórica Workflow Processo

Leia mais

ConservationTraining: Guia do Estudante

ConservationTraining: Guia do Estudante ConservationTraining: Guia do Estudante Introdução Neste guia apresentaremos a você os aspectos básicos da participação de um curso on line. Você será levado passo a passo a se inscrever, entrar no curso

Leia mais

Desenvolvimento de Sistemas Orientados a Objetos com UML UP/RUP: Projeto

Desenvolvimento de Sistemas Orientados a Objetos com UML UP/RUP: Projeto Desenvolvimento de Sistemas Orientados a Objetos com UML UP/RUP: Projeto Engenharia de Software I Informática 2009 Profa. Dra. Itana Gimenes RUP: Artefatos de projeto Modelo de Projeto: Use-Case Realization-projeto

Leia mais

SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino

SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino SAPENS - Sistema Automático de Páginas de Ensino Eduardo Kokubo kokubo@inf.univali.br Fabiane Barreto Vavassori, MSc fabiane@inf.univali.br Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI Centro de Ensino Superior

Leia mais

Gerenciador Financeiro CITi. Gerenciador Financeiro CITi

Gerenciador Financeiro CITi. Gerenciador Financeiro CITi (Sistema de Gerenciamento Financeiro) Especificação dos Requisitos do Software Gerenciador Financeiro CITi Versão 1.0 Autores: Bruno Medeiros de Oliveira Igor Rafael Medeiros Pedro Araújo de Melo Tiago

Leia mais

Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software

Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software. Requisitos de Software INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE Curso Técnico em Informática ENGENHARIA DE SOFTWARE Prof.: Clayton Maciel Costa clayton.maciel@ifrn.edu.br Clayton Maciel Costa

Leia mais

ANEXO 04 PROCESSO E METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO PROCERGS MDP. Processo de Desenvolvimento de Sistemas

ANEXO 04 PROCESSO E METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO PROCERGS MDP. Processo de Desenvolvimento de Sistemas ANEXO 04 PROCESSO E METODOLOGIA DE DESENVOLVIMENTO PROCERGS MDP Processo de Desenvolvimento de Sistemas MDP - Metodologia de Desenvolvimento PROCERGS - é uma estrutura básica de definição de processos

Leia mais

Visão Sistema de e-commerce de Ações Versão 1.2

Visão Sistema de e-commerce de Ações Versão 1.2 Visão Sistema de e-commerce de Ações Versão 1.2 1 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 01 de Setembro 2008 1.0 Criação do documento. Antonio Marques 28 de Outubro 2008 1.1 Atualização da seção

Leia mais

E-Commerce Master. Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM

E-Commerce Master. Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM E-Commerce Master Versão: 1.0 Data: 05/06/2013 Identificador do documento: EM Histórico de revisões Versão Data Autor Descrição Localização 1.0 05/06/2013 Thyago Ferreira 1.0 05/06/2013 Vilmar de Sousa

Leia mais