A número um. Revista Roland Brasil. Pr e s i d e n t e Takao Shirahata. Celso Bento. Takao Shirahata, Celso Bento, Samantha Albuquerque

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "A número um. Revista Roland Brasil. Pr e s i d e n t e Takao Shirahata. Celso Bento. Takao Shirahata, Celso Bento, Samantha Albuquerque"

Transcrição

1

2 Ex p e d ie n t e A número um É com muito prazer que apresentamos o primeiro número de Música e Imagem a revista da Roland Brasil. Muitos podem questionar por que a Roland decidiu lançar uma revista impressa, em uma época cada vez mais dominada por meios de comunicação mais contemporâneos, como portais, website, blogs, Orkut, YouTube etc. Resolvemos fazer isso porque já temos um site moderno, com recursos multimídia interativos e ótima visitação. Mas a revista impressa tem propostas diferentes. Ela não é pressionada pela velocidade e agilidade que um website requer. E também não sai do ar. Pode ser acessada a qualquer tempo e lugar sem energia, banda larga ou computador -, colecionada ou, simplesmente, deixada para que outras pessoas a leiam. Música e Imagem nasceu para ser um complemento de nosso website como já acontece com a maioria das publicações de grande circulação. A revista foi feita para você, que toca um instrumento, gosta de música, quer ficar por dentro dos assuntos relacionados a ela e, principalmente, sobre o mundo Roland que hoje possui no grupo diversas marcas como Boss, Edirol, Cakewalk, Rodgers, RSS (Audio Products) - e Roland DG (impressoras digitais de grande formato e máquinas de usinagem tridimensional). A revista tem no nome a palavra imagem, pois a Roland acredita muito na associação da música com imagem. Somos os pioneiros na indústria de instrumentos a apresentar soluções de integração deles com imagem (V-Link), além de contar com a linha Edirol Video, de produtos voltados ao uso em apresentações ao vivo. Apesar do incrível avanço da tecnologia, como Blu- Ray, Super Audio CD, mp3, TV Digital, Super Hi-Definition etc., não há como substituir a música ao vivo. E a Roland aposta que haverá cada vez mais eventos ao vivo desde os pocket shows até os supermegahipertours de bandas e artistas famosos. E em todos eles veremos a integração de música e imagem. Música é vida e, para quem gosta e toca, questão de paixão. E é essa paixão que faz que sons e imagem geradas por circuitos digitais se tornem arte. A revista Música e Imagem terá sempre um artista na capa, para lembrarmos que, por trás de uma boa música e um bom instrumento, existe um ser humano de carne, osso e alma. Convidamos Oswaldinho do Acordeon para ilustrar a capa desta edição por ser um grande parceiro Roland, um artista de reconhecimento nacional e internacional, e porque, pela sua trajetória pessoal e profissional, tão bem representa o talento do músico brasileiro. Boa leitura! J. Takao Shirahata Presidente, CEO Roland Brasil Revista Roland Brasil Pr e s i d e n t e Takao Shirahata Gerente Geral Celso Bento Ed i t o r Nilton Corazza Conselho Editorial Takao Shirahata, Celso Bento, Samantha Albuquerque Re da ç ã o Rafael Furugen Co l u n i s ta s Mú Carvalho e Silvia Góes Co l a b o r a d o r e s Alex Lameira, Amador Rubio, Gino Seriacopi, Pakito, Renan Dias, Sergio Motta, Sergio Terranova, Leandro Justino, Maurício Martins, Michel Brasil, Nelson Bonfim, Pedro Lobão, Raphael Daloia Neto Fo t o g r a f i a Mário Moreno Conteúdo On-line Mário Moreno e Fernanda Arrazi Ar t e/di ag r a m a ç ã o Detonart s Criações Im p r e s s ã o/a c a b a m e n t o Oceano Indústria Gráfica e Editora Jornalista Responsável Nilton Corazza (MTb ) Música & Imagem Revista Roland Brasil na internet Fa l e c o m a Re da ç ã o Visite nosso Site Os editores não se responsabilizam por opiniões emitidas por colaboradores em artigos assinados. Não é permitida a reprodução total ou parcial das matérias publicadas. 2 Música e Imagem

3 Índice Tu r n ê Eventos com a participação da Roland Brasil Mu n d o Ro l a n d A presença das marcas da Roland Corporation na mídia Ro l a n d Br a s i l Saiba quem são os responsáveis pelo Centro Técnico Roland Pe r f i l A influência da V-Drums nos trabalhos de Marcelo Brasil Cl á s s ic o s BOSS DS-1: o pedal de efeito mais vendido do mundo No v o s Pr o d u t o s Os lançamentos de 2008 In t e r a ç ã o V-Link: revolucionário padrão desenvolvido pela Roland Ca p a Oswaldinho do Acordeon e o instrumento digital da Roland 30 BOSS GT-10 A solução ideal para criação de timbres 34 Fa n t o m -G Uma nova era na história das workstations 38 V-Drums TD-9 Kits para todos os tipos de músicos e de bolsos 42 Linha Atelier Novidades com mais recursos 44 Pe r g u n t e a o Es p e c i a l i s ta As respostas para as dúvidas mais freqüentes 48 Ca r r e i r a Os principais pontos da formação de um profissional 49 Ed u c a ç ã o Os cuidados necessários durante a educação musical 50 Fr o n t e i r a s A importância da bateria na vida profissional do jurista Luiz Flávio Gomes 4 Música e Imagem Música e Imagem 5

4 Turnê Em Ação A Roland Brasil não se preocupa apenas em comercializar instrumentos e equipamentos, mas também transmitir às pessoas conhecimento suficiente para que utilizem, em sua totalidade, os recursos presentes nesses aparelhos. Para isso, uma equipe de especialistas percorre o Brasil apresentando as possibilidades inovadoras que engenheiros colocam à disposição de músicos e artistas do vídeo. Compõem esse trabalho participações em feiras e congressos, nas quais novas tecnologias são apresentadas, inaugurando, muitas vezes, segmentos no mercado e linhas de produtos, reforçando a tradição de pioneirismo da empresa. Nessa realidade, a utilização de equipamentos Roland, BOSS, Edirol, Rodgers e RSS por músicos, artistas e técnicos colabora para a difusão de toda a potencialidade dos produtos dessas marcas e comprova a qualidade deles. Gr ava ç ã o n a Sa l a Sã o Pa u l o Celebrando 90 anos do Grupo Votorantim, a Sinfônica Heliópolis e o Coral da Gente - mantidos pelo Instituto Baccarelli - apresentaram-se na Sala São Paulo. O concerto, que contou com a regência dos maestros Roberto Tibiriçá e Edilson Ventureli, foi filmado e gravado para a produção de um DVD comemorativo. Para tanto, a equipe responsável pela sonorização do evento, Tukasom Audio Systems, contou com um sistema RSS Digital Snake para a captação digital simultânea de 31 canais de áudio, em alta resolução, e a sincronização com vídeo. O software utilizado foi o Sonar 7.0 com backup de dados realizado em duas máquinas idênticas. AES Br a s i l e Br o a d c a s t & Ca b l e A Roland Systems Group participou de três importantes eventos para o mercado de áudio e vídeo: a 12ª Convenção Nacional da AES Brasil, o 6º Congresso de Engenharia de Áudio da AES Brasil e a 17ª Feira Internacional de Tecnologia em Equipamentos e Serviços para Engenharia de Televisão Radiodifusão e Telecomunicações (Broadcast & Cable 2008). Nessas ocasiões, a empresa exibiu produtos de vídeo interagindo com equipamentos de áudio, apresentando soluções completas aos profissionais do setor. Nos dois primeiros eventos, o estande da empresa contou com a performance silenciosa de uma banda. O Edirol Motion Dive.Tokyo exibiu loops de imagens em tempo real, cujo resultado foi mixado às câmeras no switcher multiformato V-440HD. Para finalizar, áudio e vídeo passaram pelo VC-300HD a fim de realizar o registro de um DVD. Durante a Broadcast & Cable 2008, a RSG destacou, principalmente, as novidades da Edirol: o V-8, o F -1 e o VC-300 HD. Além disso, o estande apresentou a utilização do Digital Snake interligado a um mixer por meio de um multicabo analógico e de um cabo de rede. O sistema possibilitou uma comparação precisa das vantagens do equipamento desenvolvido pela empresa. In o va ç ã o n a USP Assim como acontece em conceituadas escolas e conservatórios internacionais, o Departamento de Música da Universidade de São Paulo (USP) utiliza pianos digitais Roland para apresentações e estudos. A Sala Roland, que conta com oito modelos HP-203, por exemplo, permite que pianistas pratiquem simultaneamente, sem que um interfira no desempenho dos demais. Isso é possível porque os alunos utilizam fones de ouvido plugados diretamente nos instrumentos durante aulas e ensaios. Wo r k s h o p Fa n t o m -G O tecladista Sergio Terranova percorre o País exibindo o workshop Fantom-G, no qual a workstation é demonstrada em toda a sua potencialidade. O músico é gerente de produtos da Roland Brasil e integrante da equipe internacional de especialistas que trabalha no desenvolvimento de novos equipamentos da marca. Durante o evento, além das principais funções e ferramentas do instrumento, Terranova apresenta as placas de expansão da série ARX que, trabalhando como plug-ins, permitem total customização dos sons. O profissional também interpreta composições de vários estilos, comprovando a versatilidade do workstation, tanto na reprodução de timbres orquestrais quanto de sintetizadores analógicos, passando por pianos acústicos e elétricos, e guitarras, entre outros. BOSS Gu it a r Da y 2008 O gerente de produtos BOSS, Sergio Motta, juntamente com Rafael Bittencourt, integrante do grupo Angra, percorre diversas cidades brasileiras para a realização do BOSS Guitar Day Na ocasião, são apresentados alguns equipamentos da marca líder mundial em efeitos para guitarra em pedais compactos e pedaleiras, principalmente a GT -10. Durante o workshop, Motta fala a respeito das diferenças entre pedais e pedaleiras, enquanto Bittencourt dá dicas sobre utilização de efeitos e construção de timbres. Os participantes podem testar e conhecer os equipamentos, além de tirar dúvidas com os representantes da empresa e músicos convidados. DJ Sound Awards A Roland esteve presente na entrega dos prêmios para os melhores profissionais da música eletrônica de Em festa promovida pela revista DJ Sound, a empresa apresentou sua linha de produtos para DJs e VJs, com as participações da DJ Lisa Bueno e do VJ Cadu, em quiosques espalhados pelo local e no palco principal do evento. Além disso, vários equipamentos estavam dispostos e puderam ser manuseados pelos convidados, entre eles o Edirol Motion Dive.Tokyo, suíte de software e hardware dedicada à produção e mixagem de imagens. O SP-555, por sinal, foi reverenciado por um das mais emblemáticas figuras da cena eletrônica, o rapper Thaíde, em uma apresentação no palco principal no encerramento da premiação. 6 Música e Imagem Música e Imagem 7

5 Turnê A s e r v i ç o d a Ro d g e r s n a Ig r e j a Ba t i st a Ig r e j a Ca t ó l ic a Comemorando 99 anos de fundação, a Igreja Batista da Liberdade, Entre as solenidades do centenário da em São Paulo, inaugurou o órgão Rodgers modelo Trillium 908 recémadquirido. Após cuidadosa instalação e regulagem, sob responsabilidade fônica do Conservatório Dramático e Musical, Arquidiocese de São Paulo, a Orquestra Sin- da Roland Brasil e do gerente internacional de vendas da Rodgers, John sob a regência do maestro Ricardo Mielli, foi Green, o instrumento soou em apresentações-solo e juntamente com responsável pela música em dois grandes coro de 110 vozes e orquestra no Theatro São Pedro e a missa campal cele- eventos: o concerto comemorativo realizado de 40 músicos, brada no Estádio Paulo Machado de Carvalho sob a regência (Pacaembu). Em ambos, a organista Selma d o m a e s t r o Asprino comandou um órgão Rodgers Trillium Donaldo Guedes, além da papa Bento XVI no Brasil. 788, o mesmo utilizado durante a estadia do participação da Esse instrumento também foi comunidade. usado na tradicional missa realizada pelos militares Mú s i c a El e t r ô n ic a brasileiros, denominada Páscoa Realizado pela Roland Brasil e pela escola de produção Electronic DJs, o workshop sobre equipamentos e novidades da música eletrônica independente reuniu DJs e produtores para conhecer as novas dos Militares. O evento, que contou com a presen- tecnologias à disposição e discutir tendências. Com o rapper Xis como mestre de cerimônias, o evento teve palestras e demonstrações de ça de autoridades equipamentos. Os modelos Roland SP404 e SP555 foram apresentados civis e militares e pela DJ Lisa Bueno, e coube representantes do a Tico Producer desvendar Exército, da Marinha, da Aeronáutica, da Polícia Militar, do Corpo os segredos do MV8800 e do MC808 aos mais de sessenta de Bombeiros e da Guarda Civil Metropolitana, presentes. O inglês DJ Pogo entre outras corporações, foi realizado na Catedral da Sé. A cerimônia - com a participação foi o protagonista de um set demonstrativo do campeonato mundial D.M.C. de banda militar e coral - teve como organista o paulistano Newton de Lima. Fe s t i v a l d e In v e r n o d e Ca m p o s d o Jo r d ã o A 39ª edição do mais importante festival de música erudita da América Latina, realizado em julho na cidade de Campos do Jordão, teve entre as principais apresentações um concerto da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo, sob a regência de José Maria Florêncio. Para a execução de uma das obras, - Assim Falou Zarathustra, de Richard Strauss, que ganhou popularidade ao ser utilizada por Stanley Kubrick no filme Uma Odisséia no Espaço -, a presença de um órgão é necessária. O escolhido para a proeza foi o modelo Trillium 788 fabricado pela Rodgers, que simula com perfeição a sonoridade de um instrumento de tubos graças à qualidade das amostras recolhidas dos melhores órgãos litúrgicos de todo o mundo. Maria Cecília Moita foi a responsável pela execução ao equipamento. Divulgação Divulgação Mundo Roland Br a i nw o r m s O disco-solo de Rafael Bittencourt, Braimworms, vem recheado de timbres produzidos pela BOSS GT-10. Utilizada pelo músico nas últimas etapas da gravação, a pedaleira foi responsável por muitas das sonoridades ouvidas no álbum. Com distribuição no Japão e lançamento na Expomusic 2008, o trabalho reflete a capacidade virtuosística do guitarrista aliada a seu vocal vibrante. Bittencourt é um aficionado dos equipamentos da marca, tendo realizado diversos workshops, shows e eventos com a boa e velha GT-8. Com a chegada do novo modelo, o músico o adotou como principal gerador de efeitos de seu setup e embarcou na turnê BOSS Guitar Day, explicando como o utiliza. Ro l a n d n a t e l e v i s ã o Fa n d a n g o Em 2008, a Banda Domingão - responsável pelas intervenções musicais do programa dominical mais assistido mais prestigiados artistas brasi- Renato Borghetti é um dos do Brasil começou a utilizar instrumentos desenvolvidos leiros e, graças à sua raiz gaúcha, pela Roland. Sob o comando de Luiz Schiavon, que usa idolatrado como baluarte da um sintetizador V-Synth GT, o grupo conta com uma bateria cultura regional. Não bastasse eletrônica V-Drums TD-20K, tocada por Anderson Batista, isso, é um instrumentista como poucos, que domina a além de um piano de palco RD-700 e uma workstation gaita-ponto com maestria. O CD Fandango, gravado por Fantom-G7, nas mãos do tecladista Caixote. ele e seu grupo em janeiro de 2007, conquistou quatro A parceria tem como objetivo aumentar a qualidade prêmios no Troféu Açorianos de Música deste ano (Melhor tanto dos timbres quanto da captação, facilitando o trabalho Instrumentista, Melhor CD de Música Instrumental, CD do da banda no ambiente desfavorável de um programa ao Ano e DVD do Ano). vivo com auditório. A Roland apoiou o projeto, fornecendo os equipamentos necessários para a concretização da produção, realizada na fazenda do intérprete, no Rio Grande do Sul. Essa parceria foi coroada com o reconhecimento do instrumentista gaúcho, que presenteou Takao Shirahata, presidente da Roland Brasil, com um dos troféus recebidos. O Troféu Açorianos de Música é uma premiação da prefeitura de Porto Alegre aos artistas que se destacaram na música, na literatura, na dança e no teatro, enriquecendo e valorizando a cultura do Estado do Rio Grande do Sul. Hotsite V-Drums No endereço os interessados têm acesso às últimas novidades da linha, como o lançamento de um novo acessório ou o download de uma música do modo play along. Os internautas também podem conhecer os detalhes dos equipamentos que compõem as séries V-Drums, além de alguns artistas que os utilizam. Há uma seção dedicada exclusivamente para vídeos, com performances de Omar Hakin e Taku Hirano, entre outros, e endereços de revendedores. 8 Música e Imagem Música e Imagem 9

6 Roland Brasil Centro Técnico Roland Com uma bem-montada estrutura técnica e profissional, o CTR garante suporte em todos os aspectos referentes a um equipamento Para a Roland, não basta produzir e comercializar os melhores equipamentos existentes no mercado: é preciso assegurar que o aparelho esteja em pleno funcionamento quando o usuário precisar dele. Para tanto, foi estruturado o Centro Técnico Roland, que conta com profissionais capacitados a proporcionar todas as condições de que o proprietário necessite para usufruir, ao máximo e com prazer, do equipamento que adquiriu das marcas Roland, BOSS, Edirol, Rodgers e RSG. O CTR assume a responsabilidade de oferecer auxílio, informação e solução para toda espécie de problemas que possam ocorrer. FUNÇÕES Entre as várias atividades do Centro Técnico Roland, uma das primeiras a ser realizada, mesmo antes da chegada de um lançamento ao Brasil, é a produção de manuais em português. A tarefa exige profissionais que dominem tanto a linguagem escrita quanto a parte técnica do equipamento, com conhecimentos suficientes para orientar o usuário nos processos mais comuns de sua atuação. Isso pressupõe, portanto, que o responsável por essa atividade, além de saber todos os dados de funcionamento do aparelho, tenha vivenciado de algum modo seu uso, de forma a poder entender a arquitetura do dispositivo e quais as maneiras mais simples de explicar sua operação. De posse desses elementos, torna-se fácil, também, assessorar os consumidores na resolução de problemas ou dúvidas individuais, surgidas sejam pela falta da leitura atenta das instruções ou por necessidades específicas, entre outros fatores. Todos os produtos comercializados pela Roland Brasil adquiridos no País possuem um ano de garantia para peças e mão-de-obra. Isso assegura que, a qualquer momento, o usuário pode contar com manutenção de seu aparelho. Mas é importante, também, que ele procure uma das 28 assistências técnicas autorizadas Roland (STAs) distribuídas por todo o território nacional ao menor sinal de mau funcionamento de seu investimento. Essa ação justifica-se pelo fato de que ela possui o suporte da Roland Brasil para qualquer tipo de manutenção, afirma Francisco Edson de Souza Pereira, o Pakito, gerente de suporte técnico, peças e assistência técnica. E, além disso, ele pode contar com a experiência dos profissionais de cada STA. ÓRGÃOS RODGERS O Centro Técnico Roland também é responsável pela instalação e configuração dos órgãos Rodgers, bem como pelo treinamento dado aos usuários desses equipamentos. Graças a profissionais formados diretamente na fábrica, instalada nos Estados Unidos, organistas podem contar com serviços diferenciados, individualizados e específicos para o melhor aproveitamento de seu instrumento. Mas não é somente quando surgem problemas que uma assistência deve ser visitada. A manutenção preventiva é importante, principalmente, para aqueles que dependem do equipamento para trabalhar. Para profissionais e amadores que usam quase que diariamente um aparelho, é importante procurar um STA a cada seis meses, principalmente depois de terminado o período de garantia. Nessa visita, pode-se solicitar ao técnico uma revisão geral em que são feitas, sobretudo, a limpeza de contatos de borracha, a remoção de poeira acumulada nas placas de circuito e a lubrificação de partes mecânicas, que trabalham com movimento constante, ensina Pakito. Outro ponto a ser destacado é a atualização do sistema operacional de alguns modelos, que deve ser feita, preferencialmente, nas assistências técnicas, já que a Roland não se responsabiliza por ações realizadas por terceiros nesse processo. Por mais simples que possa ser um procedimento desse tipo, sempre existe o risco de que o produto pare de funcionar por causa de uma instrução seguida de maneira incorreta, diz Pakito. Sendo assim, recomendamos a todos os usuários que façam os updates nos postos autorizados. Nos casos em que a troca de peças de um equipamento seja indispensável, as assistências técnicas autorizadas contam com o suporte do CTR para o fornecimento desse material. Isso garante rapidez e qualidade do reparo, já que são componentes originais, provenientes diretamente do estoque da Roland Brasil. Acima de tudo, no entanto, o Centro Técnico Roland é a ponte entre o INTERNET consumidor e os departamentos de engenharia da Como acréscimo aos serviços oferecidos para os usuários, a Roland Brasil disponibiliza Roland Corporation-Japan, o download de arquivos PDF dos manuais de trocando informações, instruções para aqueles que tiveram seus experiências e sugestões, exemplares extraviados. Para tanto, basta de modo a oferecer, cada acessar o site vez mais, o melhor equipamento para o usuário. (Nilton Corazza) ORGANIZAÇÃO Sob a responsabilidade de Pakito, o CTR conta com suporte ao usuário, estoque de peças e profissionais capacitados RESPONSÁVEIS PELO CTR Diogo Firmo Pezzuti, José Osório de Souza, Francisco Edson de Souza Pereira (Pakito), Tersio de Oliveira Barreto, Emerson Sipriano da Silva e Bruno Souto Giacomini 10 Música e Imagem Música e Imagem 11

7 Perfil Experiências Oriundo de uma família de músicos, Marcelo Brasil fala sobre a importância da V-Drums em seu trabalho Marcelo Brasil é uma pessoa predestinada ao sucesso. Além de trabalhos-solo, costuma acompanhar artistas consagrados. Já tocou com os grupos de Caetano Veloso, Elba Ramalho, Moraes Moreira, Daniela Mercury e Jimmy Cliff, entre outros. Com essa ampla experiência, fica evidente que a carreira do músico já está consolidada, tanto pelos projetos que executou nos palcos quanto nos que desempenhou em estúdios. O baterista, porém, acredita que o fator determinante para isso foi sua família: Eles foram fundamentais para o meu desenvolvimento, conta. A família Brasil pode ser considerada uma fábrica de talentos. Além de Marcelo, existem outros nove instrumentistas no clã: a mãe, Eusalita Brasil (pianista); os irmãos Luiz Brasil (violonista e arranjador), Mou Brasil (guitarrista) e Jorge Brasil (baterista); e os sobrinhos Thamyma Brasil, Marcio Brasil (bateristas e percussionistas), Cássio Brasil, Victor Brasil e Rafael Brasil (bateristas). Divulgação INÍCIO O primeiro contato de Marcelo com as baquetas aconteceu quando tinha apenas 6 anos, influenciado pelo irmão Jorge. Aos 11, já ganhava seu primeiro cachê. Inspirado por artistas e bandas reconhecidos mundialmente, como Novos Baianos, Egberto Gismonti e Hermeto Pascoal, entre outros, o músico resolveu se empenhar. O impulso inicial foi dado em 1987, quando atuou na gravação de um disco de Cid Guerreiro. De uns tempos para cá, Marcelo decidiu realizar um antigo desejo: fazer música instrumental. Paralelamente aos trabalhos que desempenhava com outros artistas, compôs suas primeiras canções. Decidiu apresentá-las ao público em O show, intitulado Pra Não Dormir, ficou em cartaz por dois anos. Após o espetáculo Estradas, que teve a estréia em 2003 e terminou quatro anos depois, Marcelo adquiriu uma V-Drums TD-20K. Com esse equipamento, pude desenvolver uma apresentação com sonoridade mais mesclada, conta. Sobre a possibilidade de trocar de instrumento, o músico é enfático: Ela supre todas as minhas necessidades. Atualmente, o baterista está em cartaz com o show No Quarto utilizando o produto da Roland. Além da turnê, quais são seus projetos para este ano? Quero terminar algumas mixagens e masterizações e lançar meu CD no Brasil. Depois, pretendo encaminhar esse material para a Europa, já que desejo entrar no mercado fonográfico de lá. O trabalho será composto por composições próprias e por regravações, sendo uma música de Hermeto Pascoal e outra de John Scofield. Como surgiram as primeiras composições? A primeira, intitulada Seria o Caso?, foi composta com um violão. O nome surgiu de um costume meu de sempre questionar as coisas. Depois, comprei um pequeno seqüênciador com sons PCM e sampleados que um amigo trouxe dos Estados Unidos e fiquei maluco com a possibilidade de fazer arranjos exatamente como queria. Com o auxílio desse equipamento, compus as músicas Ping Pong, Trocadilhos, Andrômeda, Luciana, Estradas e Aí!. NO ALTO DO TRIO ELÉTRICO Marcelo Brasil em apresentação na Bahia Qual a importância da V-Drums para a realização de seus trabalhos? A V-Drums foi fundamental tanto no complemento quanto na formatação da sonoridade das músicas. Por mais que gravasse a bateria em ótimos estúdios, as composições nunca ficavam boas com o seqüênciador. (Rafael Furugen) 12 Música e Imagem Música Música e Imagem e 13

8 Clássico b o s s DS-1 O pedal de efeito mais vendido da história continua, após 30 anos de seu lançamento, sendo um dos preferidos por guitarristas de todo o mundo Não obstante todo o avanço da tecnologia Outro dos fatores mais marcantes é que ele oferece nível de digital, há certos equipamentos que perduram por décadas sem alterações significativas nos ruído muito baixo em comparação elementos que o caracterizam. Isso, na maioria aos similares. Sistemas de distorção, geralmente, das vezes, ocorre por um motivo muito simples: usam amplificadores operacionais (op-amp). Sendo a grande aceitação dos usuários que buscam um assim, o nível de ruído aumenta proporcionalmente timbre determinado e peculiar. Esse é o caso do ao ganho. O circuito usado no DS-1, no entanto, é pedal compacto BOSS DS-1. atípico, e, por isso, o valor se mantém mínimo, diz Lançado em 1978, o aparelho tornou-se Kubo. Muito provavelmente, essa é a explicação clássico por causa da qualidade da distorção, que para o fato do pedal ser muito utilizado por músicos carrega a naturalidade do efeito produzido nos de estúdio. Como acréscimo, esse circuito garante amplificadores valvulados saturados. Segundo que, em vez de apenas distorcer o timbre do instrumento sem qualquer definição, o equipamento Kanji Kubo - responsável pelo desenvolvimento de diversos produtos da BOSS além do DS-1, reproduza fielmente todas as nuances da dinâmica como OD-1, PH-1, GE-6, DS-A, SG-1, SD-1, CS-2, do guitarrista. HM-2, OC-2, PSM-5 e BCB-6 -, as características O DS-1 foi modificado de modo significativo desse modelo foram obtidas pela junção de dois apenas duas vezes em toda sua história, e isso por tipos de distorção: a normalmente utilizada em conta da interrupção da fabricação de determinados pedais fuzz, produzida com o uso de circuitos componentes. A primeira ocorreu em meados de de poucos transistores, e a criada por meio de 1994, quando o op-amp Toshiba TA7136AP foi substituído pelo Rohm BA728N. Na virada do século, no amplificadores operacionais, que aumentam o ganho de sinal. Não conseguíamos decidir qual ano 2000, este foi trocado pelo Mitsubishi M5223AL. tipo queríamos colocar, afirma o engenheiro, Apesar das alterações, o timbre característico do então, resolvemos adotar ambos. Isso guiou equipamento não foi desfigurado. Em compensação, o desenvolvimento do DS-1. Acredito que seja pequenas mudanças na aparência do modelo foram por esse motivo que o equipamento tornou-se implantadas, como o posicionamento das letras ou o preferido de muitos guitarristas. a cor do interruptor. Faíska Fã da Boss não abre mão do DS-1 Especificações Controles Distortion, Level e Tone Nível nominal de entrada -20 dbu Impedância de entrada 470 ohms Nível nominal de saída -20 dbu Impedância de saída 1 k ohms Nível equivalente de ruído de entrada -122 dbu (IHF-A, Typ.) Conectores input, output, AC Adaptor (9V DC) USO O guitarrista tanto pode utilizar o DS-1 para conseguir timbres extremamente fortes quanto configurá-lo para efeitos mais sutis. Basta girar o controle Tone para esculpir o som desejado, desde os arrojados para performances pesadas, até os mais suaves, com infinitas possibilidades. O DS-1 tem sido usado por um grande número de guitarristas em todos os anos de sua existência. Steve Vai e Joe Satriani, por exemplo, são dois dos muitos entusiastas do equipamento no show business internacional. No Brasil, Faíska utiliza dois deles, produzidos no Japão: um original e outro modificado. O pedal, por sinal, é empregado como plataforma por vários fabricantes que o customizam e modificam, como Robert Keeley, Analog Man e Stinkfoot Electronics, oferecendo suas próprias versões desse ícone da distorção. (Nilton Corazza) HISTÓRIA A fabricação dos pedais compactos da BOSS iniciou-se em 1977 com o clássico Overdrive OD-1. Graças a aspectos peculiares - construção robusta resistente ao desgaste, superfícies de borracha nas faces superior e inferior, knobs posicionados abaixo do nível do pedal, acionamento silencioso, LED incorporado e fácil substituição da bateria - aliados à sonoridade, ao mesmo tempo quente e suave, o modelo firmou-se no gosto dos usuários. Por acréscimo, estabeleceu o design para todos os futuros pedais compactos da marca. 14 Música e Imagem Música e Imagem 15

9 Novos Produtos RD-700GX RD-300GX O piano digital RD-700GX disponibiliza tudo que um pianista necessita para apresentações ao vivo e gravações: profissional, com a possibilidade de aplicar multiefeito, Pattern. Como adicional, traz 78 efeitos de qualidade sons incríveis de instrumentos acústicos e elétricos, reverb, equalizador digital de duas bandas e Sound Control para cada timbre. funções de master control e reprodução de arquivos de áudio. Além disso, o equipamento conta com o mecanismo Progressive Hammer Action II - que oferece Ivory satisfaz plenamente os músicos. O Progressive Hammer Mas não é somente na sonoridade que o equipamento Feel e Escapement - e a nova tecnologia SuperNATURAL, Action II traz as mesmas características de um mecanismo de piano acústico, proporcionando toque mais pesado derivada das placas de expansão ARX. O RD-700GX possui 88 teclas e polifonia de 128 vozes, na região grave e suave na aguda. Afora isso, as teclas mais que suficiente para qualquer tipo de aplicação. Para foram projetadas para absorver a umidade das mãos total realismo sonoro, o equipamento foi dotado com dois durante a execução. sets de legítimos pianos acústicos, com multisamplers O RD-700GX pode ser utilizado, também, como controlador profissional, graças às três saídas MIDI indepen- em estéreo de cada uma das 88 notas amostradas em vários níveis de dinâmica. Para aqueles que gostam de dentes e aos diversos controles disponíveis no painel. E, personalizar o resultado, o modelo oferece o recurso Piano Designer, com o qual é possível configurar detalhes e wave, aiff e mp3, além de SMF com multitimbralidade pela entrada USB, o modelo reproduz áudio nos formatos parâmetros, incluindo ruído dos martelos (Hammer Noise) de 16 partes. e ressonância do pedal (Damper Resonance), entre outros. Além disso, estão à disposição diversos timbres RD-300GX de pianos elétricos, sampleados de O RD-300GX é a versão compacta do RD-700GX, com a maioria das funções lendários modelos como Fender Rhodes e Wurlitzer, por exemplo. Graças com um chassi feito para condições de turnês, como estradas e aeroportos, deste, mas com um sistema mais leve, perfeito para o transporte. Mesmo à tecnologia SuperNATURAL, o equipamento permite a customização de mente, um dos mais leves pianos digitais do mercado, pesando somente com acabamento em metal escovado na cor preta, o instrumento é, atual- qualquer um deles, proporcionando 16 quilos. Com polifonia de 128 vozes, 356 patches, 14 kits de percussão e sons orgânicos que respondem ao 32 memórias, o modelo também permite customizar os sons de piano por toque com mais sutileza que os outros do mercado. Também é possível meio da função Piano Designer. expandir a quantidade de opções com a inserção de até duas placas SRX simultaneamente. O RD-700GX ainda conta com 150 variações no arpegiador e 200 estilos de Rhythm RG-1 O RG-1 é um piano de cauda amostragem - e polifonia de 128 compacto que, graças aos recursos tecnológicos de última qualquer performance. O equi- vozes, mais que suficiente para geração desenvolvidos pela Roland, pamento ainda conta com vários supre todas as necessidades de músicos acostumados aos instrumentos o objetivo de aproximá-lo dos desejos do parâmetros de customização, com acústicos. O equipamento oferece músico e satisfazê-lo plenamente. Entre as sensações sonora e de toque esses ajustes, estão a possibilidade de de um piano de concerto, obtidas controlar o peso das teclas, assim como a com o resultado de pesquisas realizadas com o resposta do martelo, o temperamento e a intuito de reproduzir o melhor mecanismo disponível em curva utilizados na afinação, a ressonância modelos digitais. O sistema Progressive Hammer Action II das cordas e muitas outras funções. Isso apresenta martelos pesados para as teclas graves que vão se faz que o RG-1 possa assumir as qualidades que o usuário tornando progressivamente leves à medida que são tocadas escolher, transformando-o em um instrumento particular, feito as notas mais agudas. O Ivory Feel reproduz a textura do sob medida para o seu gosto. marfim e do ébano, com cada uma das 88 teclas construída Para mais flexibilidade, estão disponíveis 20 timbres diferentes, além de 340 sons internos para reprodução de arquivos em camadas que absorvem o suor e a oleosidade natural das mãos, proporcionando segurança à execução. Além disso, a Standard MIDI Files, incluindo oito kits de bateria e um de Roland foi pioneira ao reproduzir o Escapement, um pequeno efeitos. Uma das principais inovações do produto é a porta click existente quando a tecla é levemente pressionada, o USB utilizada para a conexão de um pen drive e execução que cria um primeiro estágio para o toque, elemento presente de arquivos wave e SMF. Com apenas 73 centímetros de em qualquer piano de cauda acústico. E, em se tratando de profundidade e 75 quilos de peso, o RG-1 oferece equalizador pedais, o modelo oferece três deles, com as funções de damper digital de quatro bandas, gravador digital com capacidade para (com meio pedal), soft (com meio pedal e função assinalável), aproximadamente 30 mil eventos, amplificador estéreo com e sostenuto (também assinalável). potência de 80 watts - que alimenta dois alto-falantes e dois De nada bastaria um excelente mecanismo, no entanto, se o tweeters - e saída para dois fones de ouvido, tudo em um som não fosse de altíssima qualidade. O RG-1, em resposta gabinete discreto e luxuoso, com acabamento preto acetinado a isso, apresenta notas sampleadas uma a uma - e não por e banqueta com regulagem de altura. F-1 Com design orientado para gravações em campo, o F -1 oferece simplicidade, confiabilidade e qualidade em captações de áudio e vídeo, modernizando e aperfeiçoando o trabalho em produções. Entre as características mais importantes podem ser citados o hard disk de 120GB resistente a choques, várias opções de fontes de energia, como alimentação via baterias de câmeras ou compartimento removível de pilhas AA, dois canais de input adicionais de áudio, controle remoto via LAN proporcionando captação multicâmera de até quatro unidades F -1 (em sync) e tamanho de arquivos ilimitado. O modelo é ideal para produtores ou videomakers que necessitem acelerar seu fluxo de trabalho, capturando HDV ou DV diretamente para um disco rígido (removível), mesmo em locações. Além disso, o equipamento oferece saída RGB para controle e visualização de previews, capacidade de criação de redes a fim de comandar múltiplas unidades e transferir arquivos, e software de gerenciamento e edição básica. As duas entradas analógicas de áudio são independentes, o que permite captação de conteúdo estereofônico diretamente de um mixer ou de dois microfones. O F -1 grava o áudio em wave linear do tipo PCM broadcast (BWF) em 48kHz e 16-bit e, para uso de microfones condensadores, vem equipado com Phantom Power. A preocupação com a segurança dos dados não foi esquecida, pois o produto possibilita a realização de backup via USB para HDs externos ou memórias flash, assim como copiar o conteúdo do disco rígido por rede para vários computadores simultaneamente. 16 Música e Imagem Música e Imagem 17

Montando seu Estúdio Digital

Montando seu Estúdio Digital Montando seu Estúdio Digital 1. Definição da configuração ideal Antes de tudo, é preciso saber o que você pretende fazer em seu estúdio, para podermos definir os componentes necessários para a realização

Leia mais

R$ 3.784,00. R$ 9.529,00 RD-700nx. R$ 4.579,00 Juno-Gi. R$ 6.999,00 Jupiter-50

R$ 3.784,00. R$ 9.529,00 RD-700nx. R$ 4.579,00 Juno-Gi. R$ 6.999,00 Jupiter-50 Guia de Compras R$ 2.339,00 AX-09 Teclado com acompanhamento automático, mais de 1100 sons e 300 ritmos, reproduz MP3 e SMF, pesa somente 7.5kg, potência de som de 24W R$ 3.784,00 BK-5 Synth portátil com

Leia mais

Introdução... 2. Características das placas de som... 2

Introdução... 2. Características das placas de som... 2 á Placa de som: principais características... 2 Introdução... 2 Características das placas de som... 2 Conversores ADC e DAC... 2 Resolução das placas de som... 2 Taxa de amostragem... 3 Resposta de freqüência...

Leia mais

CONTROLADORES PARA DJ S

CONTROLADORES PARA DJ S Novation 1 CONTROLADORES PARA DJ S DICER Controlador USB Novation Dicer 5 botões grandes (disparo) 3 botões pequenos (funções) Botões para performance com efeito visual (retro iluminação multicolorida)

Leia mais

GP1000L: CARACTERÍSTICAS. Metrônomo. Efeitos : Reverb e Chorus. EQ: Treble, Bass MIDI In/Out. Display de LED

GP1000L: CARACTERÍSTICAS. Metrônomo. Efeitos : Reverb e Chorus. EQ: Treble, Bass MIDI In/Out. Display de LED Fenix/ veneza 75 Piano Digital COD. GP1000L DP310: 88 teclas peso piano (hammer action), com sensibilidade ao toque 64 vozes de polifonia 16 timbres PCM (sons de alta qualidade incluindo Pianos e Órgãos)

Leia mais

CURSO DE ÁUDIO E TÉCNICAS DE GRAVAÇÃO EM ESTÚDIO

CURSO DE ÁUDIO E TÉCNICAS DE GRAVAÇÃO EM ESTÚDIO CURSO DE ÁUDIO E TÉCNICAS DE GRAVAÇÃO EM ESTÚDIO Nos encontramos na música O AfroReggae e a Natura acreditam na cultura. Por isso, estamos juntos mais uma vez para revelar talentos e dar voz aos jovens

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. A plataforma de controle deverá necessariamente possuir a facilidade de adição de "plug-ins, com

MEMORIAL DESCRITIVO. A plataforma de controle deverá necessariamente possuir a facilidade de adição de plug-ins, com Anexo I MEMORIAL DESCRITIVO Trata o presente memorial descritivo da locação de equipamentos para sonorização e iluminação nas dependências internas e externas do Theatro Pedro II, para a 14ª Feira Nacional

Leia mais

Atualmente, existem vários tipos de software para MIDI. Vamos falar das características principais de alguns deles :

Atualmente, existem vários tipos de software para MIDI. Vamos falar das características principais de alguns deles : Dicas MIDI O que são softwares plug-ins? São softwares que necessitam de um programa "hospedeiro" para trabalhar. A instalação de plug-ins em seu software acrescenta janelas e funções e principalmente

Leia mais

Áudio ----------------------------------------------

Áudio ---------------------------------------------- LED LCD 32/42/47/55LW5700 Diferenciais LG------------------------------ -Iluminação LED: impressionante taxa de contraste 8.000.000:1 - Cinema 3D: A Evolução da tecnologia 3D. A mesma tecnologia usada

Leia mais

Meteoro. Nitrous GS160 ELG

Meteoro. Nitrous GS160 ELG Meteoro Nitrous GS160 ELG Manual do Proprietário Desenvolvido pelo Especialista de Produtos Eduardo Parronchi Conteúdo Início /Apresentação...3 Notas Importantes...4 Descrição do Painel...5 Ligando o NITROUS

Leia mais

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens

Aprenda a Trabalhar com Telemensagens Aprenda a Trabalhar com Telemensagens 5 Incluindo dicas de Cestas, Flores, Presentes e Internet Do Iniciante ao Profissional www.as2.com.br 1 Aprenda a Trabalhar com Telemensagens FASCÍCULO 5 Adquira o

Leia mais

M12 Mixer Splitter Ativo - 12x48

M12 Mixer Splitter Ativo - 12x48 M12 Mixer Splitter Ativo - 12x48 Um novo e revolucionário produto, que distribui sinais de microfones e instrumentos musicais para até 4 consoles de áudio. - 1 - O Mixer Splitter M12 é um produto único

Leia mais

1 Noções de software musical Conteúdo

1 Noções de software musical Conteúdo Introdução Conceitos básicos de software educacional e informática na educação O software musical como auxílio aos professores de música Software para acompanhamento Software para edição de partituras

Leia mais

DD60. Bateria Digital. Manual do proprietário

DD60. Bateria Digital. Manual do proprietário DD60 Bateria Digital Manual do proprietário 1 Informações para sua segurança CUIDADO As funções normais deste produto podem ser perturbadas por interferência de fortes Campos Magnéticos. Caso isto ocorra,

Leia mais

Sociedade de Engenharia de Áudio Artigo de Congresso

Sociedade de Engenharia de Áudio Artigo de Congresso Sociedade de Engenharia de Áudio Artigo de Congresso Apresentado no 9o Congresso de Engenharia de Áudio a Convenção Nacional da AES Brasil a 9 de Maio de 0, São Paulo, SP Este artigo foi reproduzido do

Leia mais

SWITCHER DE AUDIO/VIDEO HD MULTIFORMATO PARA STREMING E GRAVACAO RGB ANALOGICO / HD-COMPONENTE: MINI D-SUB DE 15 PINOS TIPO X 2 (ENTRADA 1--2)

SWITCHER DE AUDIO/VIDEO HD MULTIFORMATO PARA STREMING E GRAVACAO RGB ANALOGICO / HD-COMPONENTE: MINI D-SUB DE 15 PINOS TIPO X 2 (ENTRADA 1--2) SWITCHER DE AUDIO/VIDEO HD MULTIFORMATO PARA STREMING E GRAVACAO DADOS PARA VIDEO PROCESSAMENTO: 4: 4: 4 (RGB), 10-BIT 4: 2: 2 (Y / PB / PR), 10 BITS CONECTORES DE ENTRADA: 3G / HD / SD-SDI: BNC TIPO X

Leia mais

Easy VHS to DVD 3 & Easy VHS to DVD 3 Plus. Guia de Introdução

Easy VHS to DVD 3 & Easy VHS to DVD 3 Plus. Guia de Introdução Easy VHS to DVD 3 & Easy VHS to DVD 3 Plus Guia de Introdução ii Roxio Easy VHS to DVD Guia de Introdução www.roxio.com Começar a usar o Roxio Easy VHS to DVD 3 Neste guia Bem-vindo ao Roxio Easy VHS to

Leia mais

Especificações técnicas

Especificações técnicas Especificações técnicas I INFORMAÇÕES GERAIS E ÁREA COMUM Nome do teatro: Teatro Maria de Lourdes Sekeff Capacidade de público: 273 lugares. Possui ar condicionado. Divulgação e manutenção do site do Depto.

Leia mais

New Plasma 60/50PZ570B

New Plasma 60/50PZ570B New Plasma 60/50PZ570B Diferenciais LG------------------------------ - Smart TV¹: A evolução da TV. Interface com internet, conteúdos e aplicativos incríveis - Magic Motion Ready²: Compatível com controle

Leia mais

Roxio Easy CD & DVD Burning

Roxio Easy CD & DVD Burning Roxio Easy CD & DVD Burning Guia de Introdução 2 Começando a usar o Easy CD & DVD Burning Neste guia Bem-vindo ao Roxio Easy CD & DVD Burning 3 Sobre este guia 3 Sobre o conjunto Easy CD & DVD Burning

Leia mais

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware)

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware) 1.0 Apresentação 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Call Rec (Hardware) 6.0 Instalando o Software Call Rec 7.0 Configuração do Software Call

Leia mais

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Rec-All mono (Hardware)

1.0 Apresentação. 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Rec-All mono (Hardware) 1.0 Apresentação 2.0 O que é o produto? 3.0 Do que é composto? 4.0 Como funciona? 5.0 Instalando a interface da Rec-All mono (Hardware) 6.0 Instalando o Software Rec-All mono 7.0 Configuração do Software

Leia mais

1 Como seu Cérebro Funciona?

1 Como seu Cérebro Funciona? 1 Como seu Cérebro Funciona? UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC (UFABC) O cérebro humano é capaz de processar as informações recebidas pelos cinco sentidos, analisá-las com base em uma vida inteira de experiências,

Leia mais

Sistema de difusão sonora 2-fios estéreo Hi-Fi

Sistema de difusão sonora 2-fios estéreo Hi-Fi DIFUSÃO SONORA - CARACTERÍSTICAS GERAIS Sistema de difusão sonora 2-fios estéreo Hi-Fi Sistema de Difusão Sonora estéreo permite seleção e controle da função, de forma a distribuir som de alta qualidade

Leia mais

Ligação áudio balanceado com conector P10 estéreo

Ligação áudio balanceado com conector P10 estéreo O Power Click modelo MX 4x4 é um sistema de audição por headphone com 4 entradas de som (inputs) e 4 conexões para headphones. Cada headphone recebe todos os inputs. Portanto, os 4 inputs são ouvidos simultâneamente

Leia mais

Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock. Manual do Usuário

Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock. Manual do Usuário Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock Manual do Usuário Model 7 Pré-amplificador com Timbre Lock Manual do Usuário Queremos agradecer sua escolha do AUDIOPAX Model 7. Sabemos que você deve estar ansioso

Leia mais

Sumário. O Programa. Módulos. Básico Intermediário Avançado. Níveis de Desenvolvimento

Sumário. O Programa. Módulos. Básico Intermediário Avançado. Níveis de Desenvolvimento Sumário O Programa Módulos Básico Intermediário Avançado Níveis de Desenvolvimento Básico (Conceitos e exemplos isolados) Intermediário (Produção completa de um techo musical) Avançado (Projeto de conclusão

Leia mais

INTERFACES DE ÁUDIO USB

INTERFACES DE ÁUDIO USB Focusrite 1 SCARLETT 2i2 - Interface de áudio com 2 entradas e 2 saídas - Conversão 96kHz/24-bit com 2 pré-amplificadores Focusrite - 2 Combo Jack (Mic/Linha) com chave seletora (Iinha/Inst) - Controles

Leia mais

Informática Aplicada Revisão para a Avaliação

Informática Aplicada Revisão para a Avaliação Informática Aplicada Revisão para a Avaliação 1) Sobre o sistema operacional Windows 7, marque verdadeira ou falsa para cada afirmação: a) Por meio do recurso Windows Update é possível manter o sistema

Leia mais

Por favor, leia atentamente este manual para obter detalhes quanto o correto equipamento.

Por favor, leia atentamente este manual para obter detalhes quanto o correto equipamento. TIME USB MP3 / WMA PLAYER MODE FD - FD+ MIC 1 LEVEL MIC 2 LEVEL LINE LEVEL L / R MIC2 INPUT LINE INPUT TREBLE BASS MP3/WMA LEVEL LINE OUT CLIP CORD AUTOMATIC VOLTAGE SELECTOR 100-240Vac 50 / 60Hz Nur Sicherung

Leia mais

II Simpósio Bienal de Educação Musical PUC-PR nov/2012. 1 Miguel Ratton

II Simpósio Bienal de Educação Musical PUC-PR nov/2012. 1 Miguel Ratton 1 Miguel Ratton O vínculo da música com a tecnologia Desde que surgiram os primeiros instrumentos, a execução musical sempre esteve associada a alguma tecnologia Nos instrumentos acústicos, o resultado

Leia mais

I - A COMUNICAÇÃO (INTERFACE) COM O USUÁRIO:

I - A COMUNICAÇÃO (INTERFACE) COM O USUÁRIO: I - A COMUNICAÇÃO (INTERFACE) COM O USUÁRIO: Os dispositivos de comunicação com o usuário explicados a seguir servem para dar entrada nos dados, obter os resultados e interagir com os programas do computador.

Leia mais

TONE - Ajusta as frequências agudas do sinal molhado, com boost de agudo no máximo, treble CUT no mínimo, e flat às 12:00hrs.

TONE - Ajusta as frequências agudas do sinal molhado, com boost de agudo no máximo, treble CUT no mínimo, e flat às 12:00hrs. Painel frontal SPEED Ajusta a velocidade do chorus. TYPE SWITCH - Seleciona a partir de um single delay-line chorus em modo chorus, a um estúdio trifásico multi-delay-line no modo multi, e um circuito

Leia mais

TECLADO. (aula 1) O Teclado é um instrumento musical eletrônico, composto por teclas onde simulam sons de forma digital! Origem do Instrumento

TECLADO. (aula 1) O Teclado é um instrumento musical eletrônico, composto por teclas onde simulam sons de forma digital! Origem do Instrumento TECLADO (aula 1) O Teclado é um instrumento musical eletrônico, composto por teclas onde simulam sons de forma digital! Origem do Instrumento O Piano e o Órgão são os instrumentos musicais mais tradicionais

Leia mais

M7 DUAL ACTIVE DIRECT BOX (Direct Box Ativo Dois Canais)

M7 DUAL ACTIVE DIRECT BOX (Direct Box Ativo Dois Canais) M7 DUAL ACTIVE DIRECT BOX (Direct Box Ativo Dois Canais) O M7 é um dispositivo balanceador de linhas, casador de impedância, isolador galvânico e atenuador, popularmente conhecido como D.I.. É composto

Leia mais

USB AUDIO INTERFACE I T

USB AUDIO INTERFACE I T USB AUDIO INTERFACE EN DE FR ES PT IT ZH JA Sumário Mensagem da equipe de desenvolvimento...2 Controles e terminais do painel...3 Painel frontal... 3 Painel traseiro... 4 Software... 6 Como usar o UR12...9

Leia mais

Guia Rápido. BS392 Micro System com DVD Player, Entrada USB e para Cartão de Memória

Guia Rápido. BS392 Micro System com DVD Player, Entrada USB e para Cartão de Memória Guia Rápido Consultar o Manual de Instruções para maiores informações. BS9 Micro System com DVD Player, Entrada USB e para Cartão de Memória Devido ao rápido avanço tecnólogico e ao sistema de produção

Leia mais

Por razões, é requerido um módulo de E/S, que deve desempenhar duas funções principais:

Por razões, é requerido um módulo de E/S, que deve desempenhar duas funções principais: Entrada e Saída Além do processador e da memória, um terceiro elemento fundamental de um sistema de computação é o conjunto de módulos de E/S. Cada módulo se conecta com o barramento do sistema ou com

Leia mais

Capitulo 11 Multimídias

Capitulo 11 Multimídias Capitulo 11 Multimídias Neste capítulo são exploradas as ferramentas multimídias presentes no SO Android customizadas para o Smartphone utilizado neste manual. É inegável o massivo uso destas ferramentas,

Leia mais

Introdução. Nokia N73-5. 9252572, Edição 2 PT-BR

Introdução. Nokia N73-5. 9252572, Edição 2 PT-BR Introdução Nokia N73-5 9252572, Edição 2 PT-BR Teclas e partes (frente e lateral) Número do modelo: Nokia N73-5. No presente denominado Nokia N73. 1 Sensor de luz 1 2 2 Câmera secundária de baixa resolução

Leia mais

KT-10 C medidor de condutividade

KT-10 C medidor de condutividade KT-10 C medidor de condutividade Terraplus tem o prazer de apresentar o KT-10 C medidor de condutividade, um instrumento portátil que mede a condutividade de amostras de rocha ou testemunhos. O KT C-10

Leia mais

Curso de Manutenção de Notebook

Curso de Manutenção de Notebook Curso de Manutenção de Notebook Instrutor: João Ivan A de Macedo Apoio: ARQUITETURA DO NOTEBOOK NOTEBOOK 1. Tampa Superior É através dela que a tela (LCD) é sustentada e protegida. 2. Fecho da tampa Sua

Leia mais

HARDWARE e SOFTWARE. por: André Aparecido da Silva. Disponível em: http://www.oxnar.com.br/2015/unitec

HARDWARE e SOFTWARE. por: André Aparecido da Silva. Disponível em: http://www.oxnar.com.br/2015/unitec HARDWARE e SOFTWARE por: André Aparecido da Silva Disponível em: http://www.oxnar.com.br/2015/unitec No âmbito eletrônico o termo hardware é bastante utilizado, principalmente na área de computação, e

Leia mais

irig

<!--:pt-->irig<!--:--> Descrição https://www.youtube.com/watch?v=8ng6uvqcjlo AmpliTube irig, a melhor maneira de plugar sua guitarra, baixo ou teclado no seu ipad, iphone ou ipod Touch*. 1 / 5 O irig é uma combinação perfeita

Leia mais

COMO DIGITALIZAR E FINALIZAR SEUS PROGRAMAS DE RÁDIO EM CD 1 Mariana Moura e Marcelo Berg

COMO DIGITALIZAR E FINALIZAR SEUS PROGRAMAS DE RÁDIO EM CD 1 Mariana Moura e Marcelo Berg COMO DIGITALIZAR E FINALIZAR SEUS PROGRAMAS DE RÁDIO EM CD 1 Mariana Moura e Marcelo Berg Para que possamos digitalizar nossos programas de rádio gravados em fita cassete, utilizaremos: - o próprio gravador

Leia mais

Manual de Operação PT

Manual de Operação PT PT Manual de Operação Conteúdo Conteúdo Mensagem da equipe de desenvolvimento...2 Controles e terminais do painel...3 Painel frontal...3 Painel traseiro...5 Software...7 Uso da UR22mkII...10 Conexões...10

Leia mais

Introdução. Características. Hardware. Características principais. Software. versão 1.01-23-03-2014

Introdução. Características. Hardware. Características principais. Software. versão 1.01-23-03-2014 versão 1.01-23-03-2014 Introdução ORGAN1 é um gerador de som de orgãos composto por um programa (software) implementado num único integrado microprocessador (hardware). Características Polifonia Controle

Leia mais

CJ50TUBE AMPLIFIER MANUAL DO USUÁRIO. REV. A - Pg 1

CJ50TUBE AMPLIFIER MANUAL DO USUÁRIO. REV. A - Pg 1 CJ50TUBE AMPLIFIER MANUAL DO USUÁRIO REV. A - Pg 1 APRESENTAÇÃO Agradecemos a aquisição de um produto da Rotstage. O amplificador CJ50 foi desenvolvido para o guitarrista que tem estilo e faz estilos.

Leia mais

Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida. por Caio Amon. Imagens Sonoras. A Expansão da Imagem pelo Som

Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida. por Caio Amon. Imagens Sonoras. A Expansão da Imagem pelo Som Imagens Sonoras por Caio Amon A Expansão da Imagem pelo Som Todos os direitos reservados a Fluxo - Escola de Fotografia Expandida Aprenda a produzir som e trilha para seus projetos. Imagens Sonoras A Expansão

Leia mais

Sistema de Gerenciamento de Externa. Manual de Instalação e Operação Versão 1.0 Março de 2007

Sistema de Gerenciamento de Externa. Manual de Instalação e Operação Versão 1.0 Março de 2007 CL-10 Sistema de Gerenciamento de Externa Manual de Instalação e Operação Versão 1.0 Março de 2007 SELECT MODE PORTUGUÊS TALK RETURN CL-10 Line Communication System INSTALAÇÃO! A Billy Broadcasting comunica

Leia mais

Como è feito computador

Como è feito computador Como è feito computador O computador contém uma parte elétrica e uma parte eletrónica. Parte elétrica é usada para transformar e dinstribuir a eletricidade que vem para os vários componentes. Parte eletrónica

Leia mais

EQ EQ EQ EQ EQ EQ EQ EQ HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH MID MID MID MID MID MID MID MID LOW LOW LOW LOW LOW LOW LOW LOW

EQ EQ EQ EQ EQ EQ EQ EQ HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH HIGH MID MID MID MID MID MID MID MID LOW LOW LOW LOW LOW LOW LOW LOW POWEED MIXE POWEED MIXE MID MID MID MID MID MID MID MID ET IM db 2 3 -db -db -db -db MASTE INE INE INE INE HI-Z (Guitar) HI-Z (Bass) MASTE OUT PHONES MIC 1 MIC 2 MIC 3 MIC 4 MIC 5 MIC 6 MIC 7 MIC 8 IN

Leia mais

DSR - PD 150. Características da Câmara:

DSR - PD 150. Características da Câmara: DSR - PD 150 Características da Câmara: A câmara DSR-PD150 incorpora três CCD's 1/3" contendo 380.000 pixels (340.000 efetivos). Os CCD's de 1/3" contribuem para alta sensibilidade e melhor relação Sinal/Ruído.

Leia mais

Câmera CFTV Digital Sem Fio

Câmera CFTV Digital Sem Fio Câmera CFTV Digital Sem Fio Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

SERIES MANUAL TÉCNICO M112D

SERIES MANUAL TÉCNICO M112D SERIES MANUAL TÉCNICO M112D High Power Stage Monitor Dimensões: Peso: Construção: Acabamento: Tela de proteção: Conexão de áudio: Conexão de AC: 382mm x 485mm x 660mm (AxLxP) 36kg MadeFibra Poliéster preto

Leia mais

Fundamentos de Hardware

Fundamentos de Hardware Fundamentos de Hardware Curso Técnico em Informática SUMÁRIO PLACAS DE EXPANSÃO... 3 PLACAS DE VÍDEO... 3 Conectores de Vídeo... 4 PLACAS DE SOM... 6 Canais de Áudio... 7 Resolução das Placas de Som...

Leia mais

Portfólio de comunicação wireless da Phonak Informações do produto

Portfólio de comunicação wireless da Phonak Informações do produto Portfólio de comunicação wireless da Phonak Informações do produto Durante todo este tempo recebemos informações importantes para entender perfeitamente o que importa para você. Cada nova geração de produtos

Leia mais

TTS estão orgulhosos de fazer parte de

TTS estão orgulhosos de fazer parte de Garantia & Support Este produto é fornecido com uma garantia de um ano por problemas encontrados durante o uso normal. O mau uso da Digital Camera ou a abertura da unidade invalidará esta garantia. Todos

Leia mais

Soluções completas de segurança em vídeo IP

Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP Soluções completas de segurança em vídeo IP www.indigovision.com IndigoVision Visão geral A solução empresarial de segurança IP IndigoVision garante o monitoramento

Leia mais

HEADPHONE MONITOR. Monitor de áudio para uso com headphone. Modelo individual (1 headphone), para monitoração de 2 sinais de áudio.

HEADPHONE MONITOR. Monitor de áudio para uso com headphone. Modelo individual (1 headphone), para monitoração de 2 sinais de áudio. MONTOR Monitor de áudio para uso com headphone. Modelo individual (1 headphone), para monitoração de 2 sinais de áudio. O Power Click modelo MC 01 é indicado para cantores e locutores que necessitem de

Leia mais

Manual de instruções MP125 Autorrádio, reprodutor de músicas nos formatos WMA e MP3, com entradas USB, SD, SDHC, MMC e auxiliar.

Manual de instruções MP125 Autorrádio, reprodutor de músicas nos formatos WMA e MP3, com entradas USB, SD, SDHC, MMC e auxiliar. Manual de instruções MP125 Autorrádio, reprodutor de músicas nos formatos WMA e MP3, com entradas USB, SD, SDHC, MMC e auxiliar. Para fazer download desse manual de instruções, acesse o site www.ar70.com.br.

Leia mais

Manual do Usuário. Creative Sound Blaster PCI

Manual do Usuário. Creative Sound Blaster PCI Manual do Usuário Creative Sound Blaster PCI As informações deste documento estão sujeitas a alterações sem notificação e não representam um compromisso por parte da Creative Technology Ltd. Nenhuma parte

Leia mais

Câmera de Vídeo Útil MPEG-4 de 5,0 mega pixels reais

Câmera de Vídeo Útil MPEG-4 de 5,0 mega pixels reais Câmera de Vídeo Útil MPEG-4 de 5,0 mega pixels reais A Genius agora lança uma câmera de vídeo inovadora de desenho horizontal, a G-Shot DV5122. Este dispositivo oferece clipes de vídeo de 640 x 480 pixels

Leia mais

MP5 Player Automotivo Extreme

MP5 Player Automotivo Extreme MP5 Player Automotivo Extreme Manual do Usuário Você acaba de adquirir um produto Leadership, testado e aprovado por diversos consumidores em todo Brasil. Neste manual estão contidas todas as informações

Leia mais

Manual de instruções MP130 Reprodutor de MP3 e WMA com sintonizador de rádio FM/AM e entradas USB, SD Card e auxiliar

Manual de instruções MP130 Reprodutor de MP3 e WMA com sintonizador de rádio FM/AM e entradas USB, SD Card e auxiliar Manual de instruções MP130 Reprodutor de MP3 e WMA com sintonizador de rádio FM/AM e entradas USB, SD Card e auxiliar Para fazer download desse manual de instruções, acesse o site www.ar70.com.br. Índice

Leia mais

Eleve as suas filmagens HD a série de câmaras de vídeo HF da Canon

Eleve as suas filmagens HD a série de câmaras de vídeo HF da Canon Eleve as suas filmagens HD a série de câmaras de vídeo HF da Canon HF10 HF100 Para obter imagens em alta resolução destas e de outras imagens por favor visite http://www.canon-europe.com/press_centre Lisboa,

Leia mais

CAPTURAS DE VÍDEO CONHECENDO :: PLACAS DE CAPTURAS

CAPTURAS DE VÍDEO CONHECENDO :: PLACAS DE CAPTURAS CAPTURAS DE VÍDEO CONHECENDO :: PLACAS DE CAPTURAS MODALIDADES : US, ECO, ENDO E COLO. CAPTURA DE IMAGENS. Criamos uma linha de produtos denominado PROCapVG para a utilização em serviços de captura de

Leia mais

Switch HDMI. 3 entradas e 1 saída. Manual do Usuário

Switch HDMI. 3 entradas e 1 saída. Manual do Usuário Switch HDMI 3 entradas e 1 saída Manual do Usuário Obrigado por comprar um Produto Comtac Você comprou um produto de uma empresa que oferece alta qualidade e valor agregado. Conheça nossa linha completa

Leia mais

Características. Gráficos em tempo real, incluindo medições, gráfico de barras, parciais de circuito, tempos de volta, e texto.

Características. Gráficos em tempo real, incluindo medições, gráfico de barras, parciais de circuito, tempos de volta, e texto. Vídeo VBOX Pro combina em um só equipamento um aquisitor de dados GPS e multi câmeras de alta qualidade para gravação de vídeo e displays em tempo real. Gravação de Multi Câmeras Combinando até quatro

Leia mais

Peça para um amigo baixar o programa também, e você pode começar a experimentar o VoIP para ver como funciona. Um bom lugar para procurar é

Peça para um amigo baixar o programa também, e você pode começar a experimentar o VoIP para ver como funciona. Um bom lugar para procurar é VOIP Se você nunca ouviu falar do VoIP, prepare-se para mudar sua maneira de pensar sobre ligações de longa distância. VoIP, ou Voz sobre Protocolo de Internet, é um método para pegar sinais de áudio analógico,

Leia mais

TRC-340 MANUAL DO USUÁRIO

TRC-340 MANUAL DO USUÁRIO TRC-340 MANUAL DO USUÁRIO SISTEMA DE SOM 2.0 CANAIS HI-FI ÍNDICE Prefacio...2 Conteúdo da Embalagem...2 Informações de segurança...3 Funções do Painel Frontal...4 Funções Painel Traseiro...4 Conexões do

Leia mais

MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware. Professor: Renato B. dos Santos

MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware. Professor: Renato B. dos Santos MOTAGEM E MANUTENÇÃO Hardware Professor: Renato B. dos Santos 1 O computador é composto, basicamente, por duas partes:» Hardware» Parte física do computador» Elementos concretos» Ex.: memória, teclado,

Leia mais

A solução perfeita para produzir discos de alta qualidade.

A solução perfeita para produzir discos de alta qualidade. A solução perfeita para produzir discos de alta qualidade. Sistema automático de gravação e impressão de CDs e DVDs Produtoras de Discos PP-100 e PP-50 A escolha certa para a edição e impressão profissional

Leia mais

KX-VC300 Unidade de Videoconferência HD

KX-VC300 Unidade de Videoconferência HD Quebrando todas as barreiras da distância Essa compacta Unidade de videoconferência HD KX-VC300, foi projetada para diminuir a distancia, e agilizar reuniões e atividades em grupos, ajudando a diminuir

Leia mais

KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions. Estabeleça conexões

KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions. Estabeleça conexões KARL STORZ OR1 TM Streaming Solutions Estabeleça conexões Atualmente, a necessidade de ter acesso à sala de cirurgia e a observação do seu fluxo de trabalho exige soluções adequadas no âmbito das tecnologias

Leia mais

FILMADORA DIGITAL FULL HD

FILMADORA DIGITAL FULL HD vicini VC-1001 FILMADORA DIGITAL FULL HD Leia atentamente as informações contidas neste manual antes de usar o aparelho. ÍNDICE Precauções 2 O Aparelho 3 Compartimento da bateria 3 Recarregando a bateria

Leia mais

Este projeto estará acessível a todos que tiverem interesse e disponibilidade. Piano Booster: Musical Instrumental Midi. Deu trabalho pra fazer!

Este projeto estará acessível a todos que tiverem interesse e disponibilidade. Piano Booster: Musical Instrumental Midi. Deu trabalho pra fazer! Partituras Digitais com opções de vários tipos de leitura facilitada, com letras símbolos das notas, ou de modo convencional. Antes de tudo, você deverá e precisara ter á técnica de solo, do tipo de instrumento

Leia mais

TubePRE. Pré Amplificador Valvulado de Um canal c/ medidor VU. Manual do Usuário VERSÃO 1.0

TubePRE. Pré Amplificador Valvulado de Um canal c/ medidor VU. Manual do Usuário VERSÃO 1.0 TubePRE Pré Amplificador Valvulado de Um canal c/ medidor VU Manual do Usuário VERSÃO 1.0 Garantia Limitada PreSonus PreSonus Áudio Electronics Inc. garante o material e a mão-de-obra necessários para

Leia mais

INFORMAÇÕES GERAIS INTRODUÇÃO

INFORMAÇÕES GERAIS INTRODUÇÃO ATENÇÃO: Este Certificado terá validade somente mediante a apresentação da competente Nota Fiscal de compra. Sem a nota fiscal de compra o previsto neste Certificado não terá efeito. É importante que seja

Leia mais

APRESENTAÇÃO O CURSO

APRESENTAÇÃO O CURSO APRESENTAÇÃO A Especialização em Áudio para Rádio, TV e Cinema destina-se para quem quer trabalhar com broadcast e/ou radiodifusão, mercado em franca ascensão no Brasil. Além da microfonação, fundamental

Leia mais

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa Comunicado de imprensa Nova série LEGRIA HF S - Qualidade de imagem e controlo criativo mais avançados LEGRIA HF S21 LEGRIA HF S20 LEGRIA HF S200 Lisboa, 5 de Janeiro de 2010 A Canon anuncia o lançamento

Leia mais

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013

Serviço Público Federal Conselho Regional de Corretores de Imóveis Estado de São Paulo ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013 ANEXO VII PREGÃO PRESENCIAL Nº. 009/2013 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA DO OBJETO LOTE 01: EQUIPAMENTOS DE ILUMINAÇÃO Kit fundo Chroma Key Tecido cor azul (B255, G0, R0) 01 01 Montável em estrutura de alumínio

Leia mais

Owner s Manual. ZT Amplifiers. Lunchbox Junior. Guitar Amplifier LBJ1

Owner s Manual. ZT Amplifiers. Lunchbox Junior. Guitar Amplifier LBJ1 Owner s Manual ZT ZT Amplifiers Lunchbox Junior Guitar Amplifier LBJ1 Features Top Panel VOLUME TONE GAIN INPUT 5 4 3 2 1 Rear Panel LUNCHBOX JUNIOR Guitar Amplifier LBJ1 ZT Amplifiers, Inc. Berkeley,

Leia mais

GUIA PRÁTICO NET DIGITAL HD MAX

GUIA PRÁTICO NET DIGITAL HD MAX ÍNDICE Bem-vindo à máxima experiência em TV 1 1. Assistindo à sua NET DIGITAL HD MAX 3 2. Gravando seus programas favoritos 6 2.1. Minha NET 6 2.2. Adicionar uma nova gravação 6 2.3. Agenda de gravações

Leia mais

Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123

Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 G-Shot D5123 Resolução máxima de 12,0 mega pixels com capa fina A mais nova câmera digital CMOS de 5,0 mega pixels a G-Shot D5123, foi lançada pela Genius. Este novo estilo tem uma aparência preta nobre, e a G-Shot

Leia mais

do plug mono (dois contatos Tip e Sleeve).

do plug mono (dois contatos Tip e Sleeve). Conectores Autor: David Distler Uma ligeira observação em qualquer loja de componentes eletrônicos constatará que existe grande diversidade de conectores bem como vários fabricantes de cada tipo. Afinal,

Leia mais

Acreditamos na essência de cada ritmo e no estilo de cada música. Buscamos oferecer algo que demonstre a nossa paixão pela música e pela tecnologia.

Acreditamos na essência de cada ritmo e no estilo de cada música. Buscamos oferecer algo que demonstre a nossa paixão pela música e pela tecnologia. Acreditamos na essência de cada ritmo e no estilo de cada música. Buscamos oferecer algo que demonstre a nossa paixão pela música e pela tecnologia. Queremos algo que se conecte com o seu jeito, com a

Leia mais

Como Iniciar. Nokia N76

Como Iniciar. Nokia N76 Como Iniciar Nokia N76 Nokia N76 Introdução Teclas e componentes (frente e parte interna) Neste manual denominado Nokia N76. 1 Tecla externa direita 2 Tecla central 3 Tecla externa esquerda 4 Câmera secundária

Leia mais

MYOSYSTEMBR1 PXX MyosystemBr1_Pxx DataHominis Tecnologia Ltda

MYOSYSTEMBR1 PXX MyosystemBr1_Pxx DataHominis Tecnologia Ltda MYOSYSTEMBR1 PXX O MyosystemBr1_Pxx é um sistema completo para eletromiografia e foi projetado para suprir suas necessidades em uma grande variedade de trabalhos. Suas possibilidades de aplicação vão desde

Leia mais

Manual do Usuário. ZT Amplifiers. Lunchbox. Amplificador de Guitarras LBG2

Manual do Usuário. ZT Amplifiers. Lunchbox. Amplificador de Guitarras LBG2 Manual do Usuário ZT ZT Amplifiers Lunchbox Amplificador de Guitarras LBG2 Features Top Panel AMBIENCE TONE VOLUME GAIN INPUT 6 5 4 3 2 1 Rear Panel Speaker Out Volume 7 8 Guitar Amplifier LBG2 Out 9 Voltage

Leia mais

Prof. Daniel Hasse. Multimídia e Hipermídia

Prof. Daniel Hasse. Multimídia e Hipermídia Prof. Daniel Hasse Multimídia e Hipermídia AULA 02 Agenda: Algoritmos de Codificação/Decodificação; Codec de Áudio. Atividade complementar. Algoritmos de Codificação/Decodificação - Comunicação tempo real,

Leia mais

Tecnologia em Áudio. www.institutosantana.com

Tecnologia em Áudio. www.institutosantana.com Apresentação Os cursos de áudio do Instituto Santana qualificam o aluno a atuar como profissional em qualquer área onde se exige um profissional do som. Nosso sistema de ensino é conhecido como EAD,ou

Leia mais

RETIFICAÇÃO Nº 1 DO EDITAL Nº 18/2015

RETIFICAÇÃO Nº 1 DO EDITAL Nº 18/2015 Câmara Municipal de Blumenau Estado de Santa Catarina Blumenau, 07 de agosto de 2015. RETIFICAÇÃO Nº 1 DO EDITAL Nº 18/2015 O Presidente da Câmara Municipal de Blumenau faz saber que o Edital 18/2015 foi

Leia mais

Introdução. É Chegada a hora tão esperada! O momento de trabalhar com edição digital.

Introdução. É Chegada a hora tão esperada! O momento de trabalhar com edição digital. Introdução É Chegada a hora tão esperada! O momento de trabalhar com edição digital. Desde o começo do curso, esperamos a utilização das técnicas mais avançadas de produção radiofônica, para que assim

Leia mais

Aula 04 B. Interfaces. Prof. Ricardo Palma

Aula 04 B. Interfaces. Prof. Ricardo Palma Aula 04 B Interfaces Prof. Ricardo Palma Interface SCSI SCSI é a sigla de Small Computer System Interface. A tecnologia SCSI (pronuncia-se "scuzzy") permite que você conecte uma larga gama de periféricos,

Leia mais

Áudio - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Design - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Áudio - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - Design - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - LED LCD LM6200 (65 / 55 / 47 / 42 ) Diferenciais LG - - - - - - - - - - - - - - - - Smart TV: é o que há de mais avançado em Smart TV. Fácil de usar, possui a maior loja de aplicativos do mercado, com

Leia mais

Esta ilustração mostra como utilizar o pedal Nova Modulator em uma configuração Mono (1 amplificador)

Esta ilustração mostra como utilizar o pedal Nova Modulator em uma configuração Mono (1 amplificador) Manual do usuário 1 Características do Nova Modulator Sete efeitos de modulação com qualidade de estúdio Pedal com duplo circuito 9/18 Presets programáveis pelo usuário Sincronizador LFO LFO trigger Tap

Leia mais

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO)

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) Há vários tipos de sistemas de gravações digitais. Os mais baratos consistem de uma placa para captura de vídeo, que

Leia mais

Arquitetura e Urbanismo

Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo Arquitetura e Urbanismo CARREIRA EM ARQUITETURA E URBANISMO Os arquitetos recebem uma formação geral que lhes permite trabalhar em diversos campos: em projetos de construções, de

Leia mais

Manual do Usuário. Copyright 2006 BroadNeeds 20061010-1600 Página 1 de 16

Manual do Usuário. Copyright 2006 BroadNeeds 20061010-1600 Página 1 de 16 Manual do Usuário Copyright 2006 BroadNeeds 20061010-1600 Página 1 de 16 Índice INTRODUÇÃO E UTILIZAÇÕES GERAIS Funcionalidades...03 Introdução...04 Requisitos Necessários...04 Instalando o xconference...05-07

Leia mais