c œ œ > > œ œ Œ Ó Œ Ó œ œ> > œ œ> œœ œ œ œ œ > > œ œ œ œ œ œ œ œ

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "c œ œ > > œ œ Œ Ó Œ Ó œ œ> > œ œ> œœ œ œ œ œ > > œ œ œ œ œ œ œ œ"

Transcrição

1 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA lauta (C) Requinta (Eb) Ÿ~ Ÿ~ c c Allegro non troo Ÿ~ Ÿ~ De: Antônio Carlos erreira Lima Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato c Ÿ~ Ÿ~ c c c c. c. c. c. c. c c c c c c c c. c c c Ÿ~ Ÿ~ Ÿ~ Ÿ~ c c c æ æ æ.. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

2 lauta (C) A Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) A.. b... º Clarinete (Bb).. 4º Clarinete (Bb).. Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) A.. º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) º Tromete (Bb) A º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) A A º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) A Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato A A Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

3 lauta (C) B Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb).. B 1º Clarinete (Bb).... º Clarinete (Bb).... º Clarinete (Bb).... 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) n B º Sax - Alto (Eb) n Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) n.. 1º Tromete (Bb) B º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) B º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) n 1º Trombone (C) B º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) B Baixo (Bb) n.. Tarol e Triângulo B B Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

4 4 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato n n r r r n... æ b æ n... Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

5 5 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) b cresc... b cresc... cresc... b cresc... cresc... cresc... cresc... cresc... cresc... cresc... dim... dim... cresc... b dim... dim... dim... dim... dim... dim... dim... dim... dim... b b u b n b n b u C C C C Allegretto con Esressione º Tromete (Bb) cresc... dim... º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C)... cresc... cresc... b cresc... cresc... cresc... b dim... dim... dim... dim... dim... C C º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) n.. b. C Tarol e Triângulo Bombo e rato æ æ C C Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

6 6 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

7 7 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb).. 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb). 1º Sax - Alto (Eb). º Sax - Alto (Eb). Sax -Tenor (Bb). Sax - Barítono (Eb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

8 8 lauta (C) D Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) D b b b º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) D. 1º Sax - Alto (Eb). º Sax - Alto (Eb). Sax -Tenor (Bb). Sax - Barítono (Eb) º Tromete (Bb) D º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) D º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) D º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) D Baixo (Bb) Tarol e Triângulo D Bombo e rato D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

9 9 lauta (C) n Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) n 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

10 10 lauta (C) Allegro Scherzando E Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb). n E 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb).. E º Sax - Alto (Eb). Sax -Tenor (Bb). Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) u. E E º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) E E Baixo (Bb) Tarol e Triângulo E æ Bombo e rato E Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

11 11 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb).... Tarol e Triângulo Bombo e rato æ æ æ æ æ æ æ æ æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

12 1 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

13 1 lauta (C) n n n n n n Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

14 14 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) G.. G.. 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) G..... º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato G G G..... G G G. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

15 15 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato. æ. æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

16 16 lauta (C) H Cadenza Clarinetto Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) H Cadenza ad libtum accel , º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) H 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) H º Tromete (Bb).... º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) H º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) u H º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C).... H Baixo (Bb)... Tarol e Triângulo Bombo e rato æ H æ æ H Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

17 17 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) Longa rit accel u u u 6 rall.... º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

18 18 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C) º Trombone (C) º Trombone (C) Bombardino (C) Baixo (Bb) Tarol e Triângulo Bombo e rato inale - Allegro Vivace ,, n,,,,,,,,,,,,,,....,,,,...., ,, n,,,,,,,,,,,,,,,,,, Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ æ æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

19 19 lauta (C) Requinta (Eb) Clarinete Solista (Bb) 1º Clarinete (Bb) ~~~~~ Ÿ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~ º Clarinete (Bb) º Clarinete (Bb) 4º Clarinete (Bb) Sax - Sorano (Bb) 1º Sax - Alto (Eb) º Sax - Alto (Eb) Sax -Tenor (Bb) Sax - Barítono (Eb) 1º Tromete (Bb).... º Tromete (Bb).... u º Tromete (Bb) 1º Sax-Horne (Eb).... º Sax-Horne (Eb) º Sax-Horne (Eb) 1º Trombone (C).... º Trombone (C).... º Trombone (C).... Bombardino (C).... Baixo (Bb) Tarol e Triângulo æ æ æ æ Bombo e rato æ æ æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

20 lauta (C) DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Allegro non troo Ÿ~ Ÿ bb c bb De: Antônio Carlos erreira Lima A 8 bbb bb n n r.. b cresc... dim... b bb C Allegretto con Esressione 8 bb D 8 n bb 5 bb Ÿ~~~~~~~~~~~~~~ Allegro Scherzando E.. bb 6. bbg n n. n n. n n bb H Cadenza Clarinetto bb, inale - Allegro Vivace..,.. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

21 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Requinta (Eb) c Allegro non troo Ÿ Ÿ De: Antônio Carlos erreira Lima A 8 B r.. b cresc... dim... b C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

22 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Requinta Ÿ~~~~~~~~~~~~~. Allegro Scherzando E. 6 8 G Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace H..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

23 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Clarinete Solista (Bb) c Allegro non troo 10 A. b De: Antônio Carlos erreira Lima.. B r cresc Allegretto con Esressione C D b b b... Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

24 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Clarinete Solista n. n Allegro Scherzando E G 11 Cadenza Clarinetto H Cadenza ad libtum accel , Longa rit accel u u u 6 rall.... inale - Allegro Vivace n, n 5 Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

25 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 1º Clarinete (Bb) Allegro non troo Ÿ c Ÿ De: Antônio Carlos erreira Lima cresc... dim... b Allegretto con Esressione Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

26 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - 1º Clarinete Allegro Scherzando.. Ÿ~~~~~~~~~~~~~~ Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace..,. Ÿ~~~~~~~~~~~~~., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

27 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Clarinete (Bb) c Allegro non troo Ÿ~ Ÿ~ De: Antônio Carlos erreira Lima A B n.. b cresc... dim... Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

28 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - º Clarinete Allegro Scherzando E.. Ÿ~~~~~~~~~~~~~~ 16 G Cadenza Clarinetto.... H inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

29 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Clarinete (Bb) c Allegro non troo Ÿ Ÿ~ De: Antônio Carlos erreira Lima A..... B. cresc... dim... C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

30 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - º Clarinete Allegro Scherzando E.. Ÿ~~~~~~~~~~~~~ 16 G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace.,..., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

31 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 4º Clarinete (Bb) De: Antônio Carlos erreira Lima c.. A..... B... cresc... dim... n C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

32 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - 4º Clarinete Allegro Scherzando E.. Ÿ~~~~~~~~~~~~~~ 16 G Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace.... H ,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

33 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Sax - Sorano (Bb) De: Antônio Carlos erreira Lima Allegro non troo c.. A B.. cresc... dim... b n C Allegretto con Esressione 8 D Allegro Scherzando E. 10 G Cadenza Clarinetto H. inale - Allegro Vivace..,.,. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

34 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 1º Sax - Alto (Eb) c. Allegro non troo. De: Antônio Carlos erreira Lima A 4 n C. Allegretto con Esressione 8. B cresc... cresc... dim... b. D. 7. EAllegro Scherzando G H Cadenza Clarinetto..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

35 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Sax - Alto (Eb) De: Antônio Carlos erreira Lima c Allegro non troo.. A 4 n. C Allegretto con Esressione. 8 B cresc... dim.... D. 7. E Allegro Scherzando... G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

36 Sax -Tenor (Bb) DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Allegro non troo c... B cresc... A 4 De: Antônio Carlos erreira Lima... u cresc... dim... C Allegretto con Esressione 8. D. 7. E Allegro Scherzando inale - Allegro Vivace....,.. G.... H Cadenza Clarinetto.,. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

37 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Sax - Barítono (Eb) De: Antônio Carlos erreira Lima c Allegro non troo... A n.. B cresc... dim... C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

38 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Sax - Barítono..... Allegro Scherzando E.... G H inale - Allegro Vivace Cadenza Clarinetto Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

39 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 1º Tromete (Bb) Allegro non troo c De: Antônio Carlos erreira Lima A 7 B C Allegretto con Esressione 16 D b cresc... dim Allegro Scherzando E 8... G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace...,.....,.. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

40 c Allegro non troo B DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Tromete (Bb) C Allegretto con Esressione 16 D 1 A cresc... dim... De: Antônio Carlos erreira Lima 7 Allegro Scherzando E G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace....,...,.. u Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto.

41 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Tromete (Bb) c Allegro non troo B C Allegretto con Esressione 16 D E Allegro Scherzando. u 1 A 7 cresc... dim... De: Antônio Carlos erreira Lima 8 G H Cadenza Clarinetto... inale - Allegro Vivace....,...., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

42 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 1º Sax-Horne (Eb) c Allegro non troo. De: Antônio Carlos erreira Lima A B.. b C Allegretto con Esressione cresc... dim D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

43 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - 1º Sax-Horne Allegro Scherzando E G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

44 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Sax-Horne (Eb) De: Antônio Carlos erreira Lima Allegro non troo c A B.. cresc... dim... C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

45 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - º Sax-Horne E Allegro Scherzando G H Cadenza Clarinetto u inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

46 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Sax-Horne (Eb) De: Antônio Carlos erreira Lima c Allegro non troo A B n.. cresc... dim... C Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

47 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - º Sax-Horne Allegro Scherzando E G inale - Allegro Vivace H Cadenza Clarinetto ,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

48 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA 1º Trombone (C) Allegro non troo c De: Antônio Carlos erreira Lima A 7 B b C Allegretto con Esressione 16 D 1. Allegro Scherzando E G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace...,.....,.. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

49 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Trombone (C) Allegro non troo c De: Antônio Carlos erreira Lima A 7 B C Allegretto con Esressione 16 D 1. Allegro Scherzando G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace....,....,.. Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

50 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA º Trombone (C) Allegro non troo c De: Antônio Carlos erreira Lima A B C Allegretto con Esressione 16 D 1. Allegro Scherzando E 14.. G H Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace..,..,.... Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

51 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Bombardino (Bb) Allegro non troo.. c De: Antônio Carlos erreira Lima A 4 B.... b C. Allegretto con Esressione D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

52 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Bombardino Bb Allegro Scherzando E. 16 G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

53 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Bombardino (C). c Allegro non troo. De: Antônio Carlos erreira Lima A 4 B n.. n.. b C Allegretto con Esressione D... Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

54 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Bombardino C Allegro Scherzando E. 16 G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace..,.., Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

55 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Baixo (Bb) De: Antônio Carlos erreira Lima Allegro non troo c A n.. B. Allegretto con Esressione C D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

56 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Baixo Bb Allegro Scherzando E.... G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

57 Baixo (Eb) Allegro non troo c DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA.... De: Antônio Carlos erreira Lima A n... B Allegretto con Esressione C D Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

58 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA - Baixo Eb E Allegro Scherzando.... G Cadenza Clarinetto H inale - Allegro Vivace Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

59 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Tarol e Triângulo æ c Allegro non troo æ A De: Antônio Carlos erreira Lima 7 æ B æ æ æ æ C Allegretto con Esressione 16 D 0 E Allegro Scherzando æ æ æ æ æ æ. æ G. æ H æ æ Cadenza Clarinetto inale - Allegro Vivace.. æ.. æ æ æ æ æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

60 DIVERTIMENTO EM D MAIOR ARA CLARINETO E BANDA DE MÚSICA Bombo e rato c De: Antônio Carlos erreira Lima A 8 B C 16 D 0 E æ æ æ æ 17 G H æ æ æ æ Governo do Estado do Ceará - Secretaria da Cultura e Desorto

HINO À BANDEIRA. œ œ. œ. œ œ. œ J. œ J. œ œ œ n. œ œ. œ œ. # œ œ. œ œ. œ œ œ. ± ± Û Œ @ Û Û Û Û @

HINO À BANDEIRA. œ œ. œ. œ œ. œ J. œ J. œ œ œ n. œ œ. œ œ. # œ œ. œ œ. œ œ œ. ± ± Û Œ @ Û Û Û Û @ Músia: Franiso Braga Letra: Olavo Bila Flautim Flauta b b b b.... Oboé Clarineta Eb 1ª Clarineta Bb b b...... ª Clarineta Bb. # 3ª Clarineta Bb Sax Alto Eb w n... # Sax Tenor Bb # n Sax Barítono Eb Fagote

Leia mais

MARCAS DO QUE SE FOI (Natalina) Canta: Os Incríveis Arr.: Argemiro C. O. Neto

MARCAS DO QUE SE FOI (Natalina) Canta: Os Incríveis Arr.: Argemiro C. O. Neto MARCAS DO QE SE OI (Natalina) Arr: Argemiro C O Neto Grade Marcas do Que Se oi Arr: Argemiro CONeto Revisão Harmônica: ardilino Maciel lauta 1º Clarinete B b º Clarinete Bb º Clarinete B b 1º Sax Alto

Leia mais

Oração a São Francisco

Oração a São Francisco Guia Arrano: Manoel Ferreira Flauta C & Requinta Eb & 1º Clarinete Bb & º, 3º Clarinete Bb & Sax Soprano Bb & 1º, º Sax Alto Eb & Sax Tenor Bb & Sax Barítono Eb & 1º Trompete Bb & º, 3º Trompete Bb & Sax

Leia mais

PRIMEIRO NATAL (Tradicional Inglesa de Natal) Autor: Desconhecido Século XVIII

PRIMEIRO NATAL (Tradicional Inglesa de Natal) Autor: Desconhecido Século XVIII () Score lauta Moderato Rock q=120 % 1º Clarinete Bb 2º Clarinete Bb 3º Clarinete Bb Sax Alto Eb # Sax Tenor Bb Sax Barítono 1º Trompete Bb # % - 2º Trompete B b Horn 1º Trombone b J 2º Trombone Euphonium

Leia mais

Ave Maria (Música Sacra) Autor: F. Schubert

Ave Maria (Música Sacra) Autor: F. Schubert (Música Sacra) Autor: F Schubert F SCHUBERT Franz eter Schubert (Himmelfortgrund, 1 de aneiro de 1797 Viena, 19 de Novembro de 18) foi um comositor austríaco do fim da era clássica, com um estilo marcante,

Leia mais

REFRÃO À BANDEIRA NACIONAL Alvorada de "Lo Schiavo" # œ œ. œ œ. œ œ œ bœ. œ # œ n œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ n œ œ bœ œ œ œ nœ. # œ # œ œ œ œ œ œ œ.

REFRÃO À BANDEIRA NACIONAL Alvorada de Lo Schiavo # œ œ. œ œ. œ œ œ bœ. œ # œ n œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ n œ œ bœ œ œ œ nœ. # œ # œ œ œ œ œ œ œ. Flautim q» ª Ó Flauta Ó Ooé Fagote Requinta E F Ó Clarinete B 1 n n n Clarinete B n n n Clarinete B n n n Clarinete Alto Clarinete Baixo Sax - Alto E n n n Sax - Tenor B 1 Sax - Tenor B Sax - Barítono

Leia mais

Ave Maria Sertaneja (Lamento) Autor: Julio Ricardo/O. de Oliveira Canta: Luiz Gonzaga Arr.: Luis Dantas

Ave Maria Sertaneja (Lamento) Autor: Julio Ricardo/O. de Oliveira Canta: Luiz Gonzaga Arr.: Luis Dantas Ave Maria Sertanea () Autor: ulio Ricardo/O. de Oliveira A Secretaria da Cultura do Estado agradece ao maestro Luis Dantas do Estado do Rio Grande do Norte, ela doação desta eça musical que serviu de matriz

Leia mais

A Face Adorada de Jesus (H.C 304)

A Face Adorada de Jesus (H.C 304) Guia A Face Adorada de esus (HC 30) PLM(RH Cornelius) Flauta 1ē Clarinete Bb 2ē Clarinete Bb n # Sax Soprano Sax Alto Eb b Sax Tenor Bb 1ē Trompete Bb 2ē Trompete Bb n # Horns Eb b n Trombones n b n Bombardino

Leia mais

NÃO DEIXE O SAMBA MORRER (Samba) Autor: Edson G. da Conceição e Aloísio Silva

NÃO DEIXE O SAMBA MORRER (Samba) Autor: Edson G. da Conceição e Aloísio Silva NÃO DEIXE O SAMBA MORRER (Sama) Autor: Edson G da Conceiço e Aloísio Silva EDSON GOMES DA CONCEIÇÃO Edson Gomes da Conceiço nasceu em 18 de março de 197 em Salvador/BA, era Cantor, comositor e letrista

Leia mais

TEMA DA VITÓRIA. Autor: Eduardo Souto Neto Arr.: Ten Jacy

TEMA DA VITÓRIA. Autor: Eduardo Souto Neto Arr.: Ten Jacy TEMA DA VITRIA Autor: Eduardo Souto Neto Arr: Ten ay TEMA DA VITRIA O Tema da Vitória é uma anção instrumental brasileira omposta espeialmente para as transmissões da Fórmula pela Rede Globo A músia oi

Leia mais

Amigos Pra Sempre. œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œbœ. # c. œ œ. j œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ.

Amigos Pra Sempre. œ œ œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œbœ. # c. œ œ. j œ œ. œ œ œ œ œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. œ œ œ œ. Arr: ardilino Flauta Clarinete B Clarinete B Clarinete B 3 Sax - Alto E Sax - Tenor B Sax - Barítono Trompete B Trompete B Trompete B 3 Trompa E Trompa E Trompa E 3 Tromone Tromone Tromone 3 Bomardino

Leia mais

Projeto Tocarei ao Senhor

Projeto Tocarei ao Senhor Projeto Tocarei ao Senhor Formando Bandas Sinfônicas nas igrejas Objetivo: Formar Bandas Sinfônicas com uso de instrumentos de sopro (madeiras flautas, clarinetes, saxofones, oboé, fagote), metais (trompetes,

Leia mais

Jesus Cristo Samba. fi. 0 3 0 4. .. 0 4 0 4 К 0 3. 1 3Flauta (C) 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3

Jesus Cristo Samba. fi. 0 3 0 4. .. 0 4 0 4 К 0 3. 1 3Flauta (C) 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 0 4 К 0 3 1 3Flauta (C) Requinta (E) esus Cristo Arr Manoel Ferreira I Clarinete (B) II Clarinete (B) III Clarinete (B) Sax Soprano (B) I Sax Alto (E) III Sax Alto (E) II Sax Tenor (B) IV Sax Tenor (B) Sax Bar tono

Leia mais

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO. polca, para trompete e banda. música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO. polca, para trompete e banda. música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA DE FRIBURGO polca, para trompete e banda música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL ESTRELA

Leia mais

HISTÓRIA INSTRUMENTOS DOS POR

HISTÓRIA INSTRUMENTOS DOS POR HISTÓRIA DOS INSTRUMENTOS POR 1 HISTÓRIA DOS INSTRUMENTOS FLAUTA A flauta faz parte da família dos instrumentos de madeira, mesmo, ao longo dos anos, tendo sido feita de madeira ou metal. Sabemos que já

Leia mais

1 3HINO DE IBIAPINA (Hino Muncipal) Letra: Prof. Antonio Ferreira Porto M ²sica: Pe. Francisco Sadoc de Araujo Arr: Rildon B.

1 3HINO DE IBIAPINA (Hino Muncipal) Letra: Prof. Antonio Ferreira Porto M ²sica: Pe. Francisco Sadoc de Araujo Arr: Rildon B. 1 HINO DE IBIAPINA (Hino Muncipal) Letra: Pro Antonio erreira Porto M ²sica: Pe rancisco Sadoc de Arauo Arr: Rildon B Sales 1 A Secretaria da Cultura do Estado agradece ao Maestro Rildon B Sales, pela

Leia mais

Seleção Verde e Amarelo Favela, Jesus Cristo, Apesar de Você, Um Rio que Passou Ô lelê Ô lalá e alguns Temas Nordestinos

Seleção Verde e Amarelo Favela, Jesus Cristo, Apesar de Você, Um Rio que Passou Ô lelê Ô lalá e alguns Temas Nordestinos Seleção Verde e Amarelo Favela, esus Cristo, Aesar de Você, Um io que Passou Ô lelê Ô lalá e alguns Temas Nordestinos arr Manoel Ferreira Flauta (C) equinta (E) 1º Clarinete (B) º Clarinete (B) 4 4 4 4

Leia mais

MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO

MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ (IFPI) Aplicação: 26/02/2012 Duração da prova: 04 (quatro) horas MÚSICA / INSTRUMENTOS DE SOPRO LEIA COM ATENÇÃO AS INSTRUÇÕES ABAIXO 01 Você

Leia mais

DOIS CORAÇÕES dobrado

DOIS CORAÇÕES dobrado SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL DOIS CORAÇÕES dobrado música de PEDRO SALGADO SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL DOIS CORAÇÕES dobrado música de Pedro Salgado

Leia mais

A VER A BANDA... MARCHAR

A VER A BANDA... MARCHAR A VER A BANDA... MARCHAR Por: DR. JOÃO MENEZES Quando se tomam algumas decisões em relação ao que quer que seja, há sempre comentários e perguntas que surgem por parte de quem não tem formação para o assunto,

Leia mais

Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova

Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova Projeto de Orquestra de Sopros e Percussão de Penacova Nome do Projeto Orquestra de Sopros do Centro Cultural de Penacova (este nome será discutido à posteriori) Local onde se irá desenvolver Centro Cultural

Leia mais

BANDA LARGA 2015 Regulamento Festival de Bandas de Música Civis do Estado do Rio de Janeiro - Maratona de Bandas

BANDA LARGA 2015 Regulamento Festival de Bandas de Música Civis do Estado do Rio de Janeiro - Maratona de Bandas BANDA LARGA 2015 Regulamento Festival de Bandas de Música Civis do Estado do Rio de Janeiro - Maratona de Bandas Artigo 1º Objeto REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Disposições gerais O presente regulamento

Leia mais

QUATRO DANÇAS BRASILEIRAS

QUATRO DANÇAS BRASILEIRAS SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA QUATRO DANÇAS BRASILEIRAS música de HUDSON NOGUEIRA SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA QUATRO DANÇAS BRASILEIRAS I. Samba II. Maxixe III. Marcha-rancho IV. Choro música

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS UNIDADE ACADÊMICA DE ARTE E MÍDIA TESTE DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS O Teste de Conhecimentos Específicos em Música (TCE) tem por objetivo

Leia mais

AMOR DE UM PAI (Dobrado) Autor: Silvestre Pereira de Oliveira

AMOR DE UM PAI (Dobrado) Autor: Silvestre Pereira de Oliveira AMOR DE UM PAI (Dorado) Autor: SILVESTRE PEREIRA DE OLIVEIRA (1906 1995): Nascido em Salto em 1906, oi maestro da Banda Musical Saltense de 195 a 1995 Comositor de grande mérito, iniciou se na arte musical

Leia mais

SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA BEBÊ. música de. Hermeto Pashoal. arranjo de Hudson Nogueira

SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA BEBÊ. música de. Hermeto Pashoal. arranjo de Hudson Nogueira SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA BEBÊ música de Hermeto Pashoal arranjo de Hudson Nogueira SÉRIE MÚSICA BRASILEIRA PARA BANDA BEBÊ música de Hermeto Paschoal arranjo de Hudson Nogueira PROJETO EDIÇÃO

Leia mais

HINO DA INDEPENDÊNCIA

HINO DA INDEPENDÊNCIA SÉRIE HINOS DO BRASIL HINO DA INDEPENDÊNCIA música de D. Pedro I poema de EVARISTO DA VEIGA para canto e banda Série Hinos do Brasil HINO DA INDEPENDÊNCIA música de D. Pedro I poema de Evaristo da Veiga

Leia mais

EDUCAÇÃO MUSICAL FORMAL X EDUCAÇÃO MUSICAL INFORMAL

EDUCAÇÃO MUSICAL FORMAL X EDUCAÇÃO MUSICAL INFORMAL EDUCAÇÃO MUSICAL FORMAL X EDUCAÇÃO MUSICAL INFORMAL Segundo Green (2000), existe uma enorme discrepância entre os tipos de aprendizagem proporcionados no âmbito da Educação Musical Formal e no contexto

Leia mais

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL OURO NEGRO. dobrado. música de Joaquim Antônio Naegele. revisão de Marcelo Jardim

SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL OURO NEGRO. dobrado. música de Joaquim Antônio Naegele. revisão de Marcelo Jardim SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL OURO NEGRO dobrado música de Joaquim Antônio Naegele revisão de Marcelo Jardim PROJETO EDIÇÃO DE PARTITURAS PARA BANDA COORDENAÇÃO GERAL Flavio Silva

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA SOLDADO MÚSICO PM 2ª CLASSE DO QUADRO DE PRAÇAS MÚSICOS POLICIAL MILITAR. EDITAL N 003/2013 do Edital nº.

CONCURSO PÚBLICO PARA SOLDADO MÚSICO PM 2ª CLASSE DO QUADRO DE PRAÇAS MÚSICOS POLICIAL MILITAR. EDITAL N 003/2013 do Edital nº. CONCURSO PÚBLICO PARA SOLDADO MÚSICO PM 2ª CLASSE DO QUADRO DE PRAÇAS MÚSICOS POLICIAL MILITAR EDITAL N 003/2013 do Edital nº. 002/2012 SEGAD Publicado no DOE nº 2016, de 22/04/13 O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

1 3"NUOVO STUDIO" Mauro Salvatore - Email: sito web: http://www.salvatoremauro.it (ultimata il 4 febbraio 2010)

1 3NUOVO STUDIO Mauro Salvatore - Email: <salmauro@inwind.it> sito web: http://www.salvatoremauro.it (ultimata il 4 febbraio 2010) "NUOVO STUDIO" free downloads http://www.salvatoremauro.it Salvatore MAURO (marcia dedicata all'a.c.a.m. F. Mauro di Baucina PA) Flauto e Ott. in do Cl piccolo in mib Clarinetti sib م A-B Clarinetti sib

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DE ESTADO DE CULTURA EDITAL BANDAS DE MINAS 2015 PROGRAMA DE APOIO ÀS BANDAS CIVIS DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE DOAÇÃO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS O Estado de Minas Gerais, por intermédio da Secretaria de Estado de Cultura

Leia mais

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS Novembro de 2011 REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 1. INTRODUÇÃO O Conservatório de Música de Coimbra dispõe de instrumentos

Leia mais

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE

O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE O SAXOFONE 1. CLASSIFICAÇÃO DO SAXOFONE A primeira necessidade que se nos depara é de saber com clareza a que família de instrumentos pertence o Saxofone. Dado que o corpo do instrumento é de metal, muitas

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPU

CONCURSO PÚBLICO PREFEITURA MUNICIPAL DE IPU ADMINISTRADOR HOSPITALAR --------------------------------------------- 24 ADVOGADO 20 HORAS ---------------------------------------------------------- 31 ADVOGADO 40 HORAS ----------------------------------------------------------

Leia mais

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS

REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS REGULAMENTO DE ALUGUER E EMPRÉSTIMO DE INSTRUMENTOS MUSICAIS 1. INTRODUÇÃO O Conservatório de Música de Porto dispõe de instrumentos musicais

Leia mais

www.meloteca.com Jorge Salgueiro Lista de obras Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 4 10 min.

www.meloteca.com Jorge Salgueiro Lista de obras Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 4 10 min. www.meloteca.com Jorge Salgueiro Lista de obras Canto - Coro Misto (1 a Cidade de veludo com coro e grupo rock 69, 1999 Pino do verão ópera com solistas, coro misto e grande ensemble 89, 5 60 Ode a euterpe

Leia mais

PROFESSOR CELSO WOLTZENLOGEL dobrado

PROFESSOR CELSO WOLTZENLOGEL dobrado SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL PROFESSOR CELSO WOLTZENLOGEL dobrado música de JOAQUIM ANTÔNIO NAEGELE SÉRIE REPERTÓRIO DE OURO DAS BANDAS DE MÚSICA DO BRASIL PROFESSOR CELSO WOLTZENLOGEL

Leia mais

1.1- A banda de retreta

1.1- A banda de retreta 1 1- INTRODUÇÃO O Dobrado é o gênero musical preferido e mais identificado com a Banda de Música. A banda de música, como a conhecemos hoje, surgiu no Século XIX no Brasil e, desde então, tem tido importante

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS FLAUTA PICCOLO Cod.JPC303S Flauta Piccolo 303S Afinação em C (Dó) Cabeça e chaves em alpaca prateada Corpo em resina ABS Cabeça com calibre cônico Molas temperadas, parafusos pivô

Leia mais

PLANETA ÁGUA. (MPB) Autor: Guilherme Arantes Arranjo: Márcio Mizael

PLANETA ÁGUA. (MPB) Autor: Guilherme Arantes Arranjo: Márcio Mizael (MPB) Autor: Arrano: Márcio Mizael GILHERME ARANTES (São Paulo, 2 de ulho de 193) é um cantor e compositor rasileiro Começou sua carreira como tecladista e vocalista da anda Moto Perpétuo grupo de rock

Leia mais

DEMO SCORE ONLY FOR EVALUATION

DEMO SCORE ONLY FOR EVALUATION Canções de Pessoa Pessoa s Songs Quatro canções sobre poemas de Fernando Pessoa para Coro Juvenil e Banda de Concerto Four songs on Fernando Pessoa poems for Youth Choir and Concert Band Notas de Programa

Leia mais

HISTÓRIA E TRADIÇÃO DA MÚSICA MILITAR

HISTÓRIA E TRADIÇÃO DA MÚSICA MILITAR HISTÓRIA E TRADIÇÃO DA MÚSICA MILITAR Vinicius Mariano de Carvalho Membro do Centro de Pesquisas Estratégicas Paulino Soares de Sousa, da UFJF Doutor em Línguas Românicas pela Universidade de Passau -

Leia mais

vol I organização: Marcelo Jardim Artigos de: Marcelo Jardim Marcos Vinício Nogueira Dario Sotelo Hudson Nogueira Realização Patrocínio

vol I organização: Marcelo Jardim Artigos de: Marcelo Jardim Marcos Vinício Nogueira Dario Sotelo Hudson Nogueira Realização Patrocínio PEQUENO GUIA PRÁTICO PARA O REGENTE DE BANDA vol I organização: Marcelo Jardim Artigos de: Marcelo Jardim Marcos Vinício Nogueira Dario Sotelo Hudson Nogueira Patrocínio Realização PROJETO EDIÇÃO DE PARTITURAS

Leia mais

CORAL INFANTIL DO LICEU

CORAL INFANTIL DO LICEU CORAL INFANTIL DO LICEU : BAIRRO: C CEP: RG: ÓRGAO EMISSOR: NATURAL ESCOLAR / / GRUPO DE PRÁTICA DE SOPROS E PERCUSSÃO GPS ALUNO/BOLSISTA MONITOR/ BOLSISTA INSTRUMENTOS OBOÉ TROMPETE FLAUTA TRANSVERSAL

Leia mais

'$()&(,.$)(,-& *)&+#,!$-&

'$()&(,.$)(,-& *)&+#,!$-& !"#$%&'$()!&*)&+#,!$- '$()&(,.$)(,-& *)&+#,!$-& /04&6 78:&;44?:6/4&6 @:4A

Leia mais

Star Wars - Finale (Tema de Filme) Autor: John William Arr.: Jardilino Maciel

Star Wars - Finale (Tema de Filme) Autor: John William Arr.: Jardilino Maciel Star Wars - inale (Tema de ilme) Autor: ohn William Arr: ardilino Maciel Star Wars Tema do ilme Star Wars composta por ohn Williams ohn Towner Williams (Long Island, 8 de evereiro de 192) é um compositor

Leia mais

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA

ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA ESCOLA DE MÚSICA BACHARELADO E LICENCIATURA TESTE DE HABILIDADE ESPECÍFICA PARTE I: FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA (Para todos os candidatos ao Bacharelado em Música e Licenciatura em Música). Prova 1 Escrita 1.1.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SARZEDO Estado de Minas Gerais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SARZEDO Estado de Minas Gerais ANEXO I ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS Violino Viola em violino ou na modalidade violino ou na modalidade Licenciatura em em viola ou na modalidade viola ou na ministrar aulas de violino e avaliar o aprendizado

Leia mais

Total de questões: 50 Qtd Questões Nulas: 1 Nota Máxima Permitida: 100,00

Total de questões: 50 Qtd Questões Nulas: 1 Nota Máxima Permitida: 100,00 (001) - VIGIA Página: 1 Total de questões: 50 Qtd Questões Nulas: 1 Nota Máxima Permitida: 100,00 01...B.....1.. 02...C.....1.. 03...A.....1.. 04...D.....1..S 06...A.....1.. 07...C.....1.. 08...D.....1..

Leia mais

Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão

Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão ANEXO REPERTÓRIO DE ADMISSÃO Repertório exigido para inscrição no 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão Violino Concerto nº 1, nº 2, nº 3, nº 4 ou nº 5: 1º movimento com cadência Sinfonia no.9, op.

Leia mais

Prefeitura do Município de São Joaquim SC CNPJ: 82.561.093/0001-98

Prefeitura do Município de São Joaquim SC CNPJ: 82.561.093/0001-98 ANEXO I PROCESSO SELETIVO - DOS,, BASE, DE TRABALHO, NÍVEL DE ESCOLARIDADE E HABILITAÇÃO MÍNIMA, E. DE NÍVEL SUPERIOR Educação Infantil Professor Pré- Escolar Professor Anos Iniciais Língua Portuguesa

Leia mais

Form. A2 / / 371,214 19,500 SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 R12. Este desenho contem informação que não podem ser rasuradas ou alteradas. Codigo Des.

Form. A2 / / 371,214 19,500 SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 R12. Este desenho contem informação que não podem ser rasuradas ou alteradas. Codigo Des. 1 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 A 371,214 A A B 19,500 B B B C 949 864 270 C D D E E 85 40 58 F SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 F 15 15 30 13 40 R12 G R8 G Form. A2 Este desenho contem informação que não podem ser rasuradas

Leia mais

Form. A2 / / 592,500 371,214 286,500 SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 R12. Este desenho contem informação que não podem ser rasuradas ou alteradas. Codigo Des.

Form. A2 / / 592,500 371,214 286,500 SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 R12. Este desenho contem informação que não podem ser rasuradas ou alteradas. Codigo Des. 1 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 A 592,500 371,214 A A B B B B C 949 864 270 C D D E E 85 20 286,500 40 58 45 F SEÇÃO B-B ESCALA 1 : 2 F 15 15 30 10 13 40 R12 G R8 G Form. A2 Este desenho contem informação que

Leia mais

Apostila de Teoria Musical Básica

Apostila de Teoria Musical Básica Apostila de Teoria Musical Básica Criação e edição: MIGUEL URTADO Distribuição: CÂNONE MUSICAL CÂNONE MUSICAL *Cursos relacionado a música* www.canone.com.br São Carlos Brasil Maio de 2009 ----**---- Para

Leia mais

NORMAS Artº 1 O Concurso é aberto a músicos de todo o país (com nacionalidade portuguesa ou estrangeiros com residência em território português), sendo admitidos os seguintes instrumentos: Madeiras Flauta

Leia mais

O Maestro & ==============

O Maestro & ============== Vamos aprender colorindo? ================== I M P R I M A E S T E D O C U M E N T O P A R A P I N T A R C O M L Á P I S D E C O R Nome: Comum CCB: I N T R O D U Ç Ã O : Esta apostila livre foi desenvolvida

Leia mais

Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011:

Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011: 1 Lista das obras musicais de Andersen Viana até Março de 2011: 1) Prelúdio nº1, para flauta e piano (1978); 2) Prelúdio nº2, para flauta e piano (1979); 3) Quarteto para flautas (1979); (perdido) 4) Duo

Leia mais

EDITAL DE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE N 03/2014 PROJETO RN SUSTENTÁVEL CHAMADA PÚBLICA DE APOIO A SUBPROJETOS DE BANDAS FILARMÔNICAS PARA A JUVENTUDE

EDITAL DE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE N 03/2014 PROJETO RN SUSTENTÁVEL CHAMADA PÚBLICA DE APOIO A SUBPROJETOS DE BANDAS FILARMÔNICAS PARA A JUVENTUDE EDITAL DE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE N 03/2014 PROJETO RN SUSTENTÁVEL CHAMADA PÚBLICA DE APOIO A SUBPROJETOS DE BANDAS FILARMÔNICAS PARA A JUVENTUDE A Secretaria de Estado do Planejamento e das Finanças

Leia mais

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA

ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA ANEXO 4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DAS PROVAS DE AFERIÇÃO E EXAMES DOS DIFERENTES INSTRUMENTOS PARA O ENSINO ESPECIALIZADO DE MÚSICA 1 GRUPO DE SOPROS A- Conteúdos programáticos das Provas de Aferição 1.

Leia mais

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT

REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT REGULAMENTO 1º CONCURSO DE COMPOSIÇÃO ERUDITA GRAMADO IN CONCERT A Organização do 2º Gramado In Concert torna público o presente Edital que regulamenta o 1º Concurso de Composição Erudita Gramado In Concert.

Leia mais

Método Básico para Sax Alto Elaboração: Prof. MS Costa Holanda Prof. Jardilino Maciel

Método Básico para Sax Alto Elaboração: Prof. MS Costa Holanda Prof. Jardilino Maciel Método Básico para Sax Alto Elaboração: Prof. MS Costa Holanda Prof. Jardilino Maciel INTRODUÇÃO Este método consiste em orientar de uma maneira mais direta e didática o aprendizado no saxofone, instrumentos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE LETRAS E ARTES INSTITUTO VILLA-LOBOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PROCESSO SELETIVO DISCENTE THE 2015 CANDIDATOS AOS CURSOS DE MÚSICA Testes de Habilidades Específicas (THE) INFORMATIVO PROVAS E PROGRAMAS Os Testes

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DE INSTRUMENTISTAS PARA A ORQUESTRA DO THEATRO SÃO PEDRO - ORTHESP nº 03/2014

PROCESSO DE SELEÇÃO DE INSTRUMENTISTAS PARA A ORQUESTRA DO THEATRO SÃO PEDRO - ORTHESP nº 03/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DE INSTRUMENTISTAS PARA A ORQUESTRA DO THEATRO SÃO PEDRO - ORTHESP nº 03/2014 Estão abertas inscrições para audições de musicistas profissionais para integrar a Orquestra do Theatro

Leia mais

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira.

Edital 03/FOSPA/2015. 1. DAS INSCRIÇÕES: 1.1. Período de inscrição: de 22 de junho a 03 de julho, de segunda a sextafeira. Edital 03/FOSPA/2015 A Superintendência Artística da Fundação Orquestra Sinfônica de Porto Alegre - FOSPA, no uso de suas atribuições que lhe confere o Art. 4º e Incisos, do Decreto Nº 51.484, 15 de maio

Leia mais

Campeonato Estadual de Bandas e Fanfarras do Estado de Santa Catarina REGULAMENTO GERAL I - DO CAMPEONATO E SEUS OBJETIVOS

Campeonato Estadual de Bandas e Fanfarras do Estado de Santa Catarina REGULAMENTO GERAL I - DO CAMPEONATO E SEUS OBJETIVOS Campeonato Estadual de Bandas e Fanfarras do Estado de Santa Catarina REGULAMENTO GERAL I - DO CAMPEONATO E SEUS OBJETIVOS Artigo 1 - A ABAFAVI Associação de Bandas e Fanfarras do Vale do Itajaí - instituição

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM LITERATURA, MEMÓRIA CULTURAL E SOCIEDADE ADLER DOS SANTOS TATAGIBA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM LITERATURA, MEMÓRIA CULTURAL E SOCIEDADE ADLER DOS SANTOS TATAGIBA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM LITERATURA, MEMÓRIA CULTURAL E SOCIEDADE ADLER DOS SANTOS TATAGIBA BANDAS DE MÚSICA EM ITAPERUNA/RJ: recontando parte de uma memória cultural a partir de duas imagens.

Leia mais

Dicas para utilizar o PDF

Dicas para utilizar o PDF Dicas para utilizar o PDF COMO PESQUISAR NO TEXTO Clique em editar => Localizar ou clique Ctrl + F. Na barra de ferramentas, digite sua pesquisa na caixa de texto localizar. COMO UTILIZAR O ZOOM Selecione

Leia mais

PROVA COM RESPOSTAS 18 QUESTÕES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ COMISSÃO EXECUTIVA DO VESTIBULAR Vestibular 2014.2

PROVA COM RESPOSTAS 18 QUESTÕES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ COMISSÃO EXECUTIVA DO VESTIBULAR Vestibular 2014.2 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ COMISSÃO EXECUTIVA DO VESTIBULAR Vestibular 2014.2 CURSO DE MÚSICA EXAME DE HABILIDADE ESPECÍFICA EHE PROVA COM RESPOSTAS LOCAL DA PROVA CAMPUS DO ITAPERI N o DA SALA EXAME

Leia mais

CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM

CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM CEM BENJAMIM JOSÉ DE ALMEIDA PROJETO INTERDISCIPLINAR EINSTEIN E A MÚSICA PROFESSORES: ROSEVALDO CELESTINO BARROS FÁBIO JÚNIOR MILHOMEM ARAGUAÍNA, DEZEMBRO DE 2015 A FÍSICA NA MÚSICA A música, de um modo

Leia mais

Banda Musical de Caldas das Taipas Reflexos e Repercussões Musicais

Banda Musical de Caldas das Taipas Reflexos e Repercussões Musicais Universidade do Minho Mestrado em Estudos da Criança Especialização em Educação musical Processos de Ensino Aprendizagem em Educação Musical Unidade curricular orientada pela Prof. Dr.ª Elisa Lessa Banda

Leia mais

ASSOCIAÇÃO GAÚCHA DE BANDAS

ASSOCIAÇÃO GAÚCHA DE BANDAS 17º Campeonato Estadual de Bandas e Fanfarras da AGB REGULAMENTO ESTADUAL CAPÍTULO I DO CAMPEONATO E SEUS OBJETIVOS Art.1º. A Associação Gaúcha de Bandas - AGB, instituição representante das bandas e fanfarras

Leia mais

C A D E R N O D E P R O V A

C A D E R N O D E P R O V A C A D E R N O D E P R O V A Estado de Santa Catarina Prefeitura Municipal de São José Processo Seletivo Edital 008/2015/SME http://educasaojose.fepese.org.br P19 Professor Música: Bandas e Fanfarras (Percursão)

Leia mais

REF. 062. REF. 0501 Trompete em SIb. REF. 193 Trompete Clarim Triunfal em SIb

REF. 062. REF. 0501 Trompete em SIb. REF. 193 Trompete Clarim Triunfal em SIb A música é celeste, de natureza divina e de tal beleza que encanta a alma e a eleva acima da sua condição. Aristóteles REF. 062 Trompete em SIb Acabamento: Prateado Botões: Perolizados Anel Fixo: Na terceira

Leia mais

Mercado de Trabalho no Ceará: um enfoque quantitativo

Mercado de Trabalho no Ceará: um enfoque quantitativo Mercado de Trabalho no Ceará: um enfoque quantitativo INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO ESTADO

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo TÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO DOS CARGOS DA FUNDAÇÃO ORQUESTRA SINFÔNICA DE PORTO ALEGRE

PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo TÍTULO I DA ORGANIZAÇÃO DOS CARGOS DA FUNDAÇÃO ORQUESTRA SINFÔNICA DE PORTO ALEGRE DIÁRIO OFICIAL DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Porto Alegre, quinta-feira, 6 de dezembro de 2012. PRO 1 PROJETO DE LEI Nº 311/2012 Poder Executivo Dispõe sobre o Plano de Carreira e Vencimentos e reorganiza

Leia mais

MÚSICA DE CÂMARA DUO. Clarineta, piano. Estudo Partitura MS (8p.) e parte. Fagote, piano. Concerto ao ar livre: A noite Partitura MS (13p.

MÚSICA DE CÂMARA DUO. Clarineta, piano. Estudo Partitura MS (8p.) e parte. Fagote, piano. Concerto ao ar livre: A noite Partitura MS (13p. MÚSICA DE CÂMARA DUO Clarineta, piano Estudo (8p.) e parte Fagote, piano Concerto ao ar livre: A noite (13p.) e parte Concerto ao ar livre: Ao entardecer (4p.) e parte Concerto ao ar livre: Nasce uma flor

Leia mais

Manual de inscrições para bolsistas 45º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão 2014

Manual de inscrições para bolsistas 45º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão 2014 Manual de inscrições para bolsistas 45º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão 2014 Realização Fundação OSESP A 45ª edição do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, cujo

Leia mais

Centro de Serviços Educacionais do Pará. Centro de Serviços Educacionais do Pará

Centro de Serviços Educacionais do Pará. Centro de Serviços Educacionais do Pará TURMA: 1º ANO/09 SALA: 105 07:30 às 08:20 08:20 às 09:10 MUSICA 10:20 às 11:10 TURMA: 1º ANO/09 SALA: 105 07:30 às 08:20 08:20 às 09:10 MUSICA 10:20 às 11:10 TURMA: 2º ANO/09 SALA: 104 07:30 às 08:20 08:20

Leia mais

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº. 001/2011

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº. 001/2011 Município de Uberlândia ESTADO DE MINAS GERAIS *Arquivo atualizado conforme: Retificação I, de 25 de janeiro de 2012; Retificação II, 08 de fevereiro de 2012; Retificação III, de 28 de fevereiro de 2012.

Leia mais

INGRESSOS PARA O MÚSICA EM TRANCOSO AQUI, OS AMIGOS VÃO SE ENCONTRAR.

INGRESSOS PARA O MÚSICA EM TRANCOSO AQUI, OS AMIGOS VÃO SE ENCONTRAR. INGRESSOS PARA O MÚSICA EM TRANCOSO AQUI, OS AMIGOS VÃO SE ENCONTRAR. Os ingressos para os espetáculos do Música em Trancoso serão gratuitos, porém é necessário fazer reserva e ter a confirmação (por email)

Leia mais

Especificações. Categoria Modelo Afinação Digitação Passagem de ar Orifícios Secções Material Outras Características Acessórios Pag.

Especificações. Categoria Modelo Afinação Digitação Passagem de ar Orifícios Secções Material Outras Características Acessórios Pag. Especificações Flautas de Madeira Categoria Modelo Afinação Digitação Passagem de ar Orifícios Secções Material Outras Características Acessórios Pag. YRN-814 FA Barroca Arqueada Duplo 2 Jacarandá Anéis

Leia mais

Você quer se formar em Música?

Você quer se formar em Música? Você quer se formar em Música? Faça um dos cursos de Graduação em Música oferecidos pela Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás (EMAC/UFG)! 1) Quais são os Cursos Superiores

Leia mais

Don Paolo da Firenze/ Kenneth Hesketh Fra Duri Scogli

Don Paolo da Firenze/ Kenneth Hesketh Fra Duri Scogli Don Paolo da Firenze/ Kenneth Hesketh Fra Duri Scogli or Andrew Wilson Flute Clarinet in Bb Percussion (one layer) Piano Violin Violoncello 8 Vibrahone - motor on medium In modo antiquo m Handbells q =

Leia mais

"Da boca das crianças e dos pequeninos tirastes o Vosso louvor" - Mt 21,16. BRINCADEIRA de RODA. duo para clarinete e fagote. œ bœ. œ œ œ nœ. œ # œ.

Da boca das crianças e dos pequeninos tirastes o Vosso louvor - Mt 21,16. BRINCADEIRA de RODA. duo para clarinete e fagote. œ bœ. œ œ œ nœ. œ # œ. "Da boa das ranças e dos equennos trastes o Vosso louvor" - Mt 21,1 Duração: menos de mnutos RINCADEIRA de RODA duo ara larnete e agote Zoltan aulny rasíla, 2-XI-2005 ara élx e lávo Entrada das damnhas

Leia mais

Missa Ave Maris Stella

Missa Ave Maris Stella Missa Av Maris Stlla Para coro a calla a quatro vozs SATB Notas sobr a comosição A rsnt comosição constituis a artir d um ordinário da missa m latim ara coro a quatro vozs a calla, sm divisi Sorano, Alto,

Leia mais

música. Exemplo de instrumentos de ritmo: Instrumentos de Percussão (bateria, pandeiro, tamborim, etc.)

música. Exemplo de instrumentos de ritmo: Instrumentos de Percussão (bateria, pandeiro, tamborim, etc.) Introdução A Teoria Musical é tida por muitos como uma coisa chata e difícil, mas quando compreendida torna-se fácil e muito interessante, pois nos fará entender, questionar, definir e escrever o que tocamos

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL DO MUNICÍPIO

DIÁRIO OFICIAL DO MUNICÍPIO DIÁRIO OFICIAL DO MUNICÍPIO Edição Especial Ano XXIII Nº 3816-B Uberlândia - MG, quarta-feira, 28 de dezembro de 2011 ATOS DO PODER EXECUTIVO ADMINISTRAÇÃO DIRETA DIVERSOS Município de Uberlândia ESTADO

Leia mais

CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein. 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior

CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein. 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior Coleção Clássicos Musicais: Baby Einstein CD 1: Baby Bach - Interpretado Pela Orquestra Caixinha Musical Baby Einstein 1. Afinação E Fanfarra Baseados Em Um Tema Da Tocata Em Ré Maior 2. Minueto Em Sol

Leia mais

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO

PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO PROGRAMA DAS PROVAS DE HABILIDADES ESPECÍFICAS ESCOLA DE MÚSICA CURSO: MÚSICA / BACHARELADO - HABILITAÇÃO EM INSTRUMENTO - HABILITAÇÃO EM CANTO PROVA PRÁTICA DE INSTRUMENTO OU CANTO INFORMAÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

CONCURSO DE MÚSICAS DE CARNAVAL 2014 14ª edição

CONCURSO DE MÚSICAS DE CARNAVAL 2014 14ª edição CONCURSO DE MÚSICAS DE CARNAVAL 2014 14ª edição Data: 18, 19 e 20 de fevereiro de 2014 Local: Rua Victor Meirelles - Centro Horário: 20h I INTRODUÇÃO: O Concurso Carnavalesco de Marchinhas e Marchas-Rancho

Leia mais

X EDITAL CEARÁ DE INCENTIVO ÀS ARTES 2015

X EDITAL CEARÁ DE INCENTIVO ÀS ARTES 2015 X EDITAL CEARÁ DE INCENTIVO ÀS ARTES 2015 O Secretário da Cultura do Estado do Ceará, no uso de suas atribuições legais, torna público o concurso que regulamenta o processo de inscrição e seleção de projetos

Leia mais

ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL

ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL ESCOLA BÁSICA 2º CICLO GASPAR FRUTUOSO PROGRAMA DE EDUCAÇÃO MUSICAL 2011/2012 5º ANO Timbre: a qualidade do som que permite identificar a sua fonte. Figuras rítmicas: sinais musicais que indicam a duração

Leia mais

l CONFABAP - CONCURSO NACIONAL DE FANFARRAS E BANDAS DE PIUMA - ES

l CONFABAP - CONCURSO NACIONAL DE FANFARRAS E BANDAS DE PIUMA - ES l CONFABAP - CONCURSO NACIONAL DE FANFARRAS E BANDAS DE PIUMA - ES REGULAMENTO GERAL I - DO CONCURSO E SEUS FINS ARTIGO 1º - 1º CONCURSO NACIONAL DE FANFARRAS E BANDAS DA CIDADE DE PIÚMA ES. Parágrafo

Leia mais

HUMBERTO CÉSAR RIBEIRO A METODOLOGIA DO ENSINO DE INSTRUMENTOS DE SOPRO NA BANDA DA LAPA

HUMBERTO CÉSAR RIBEIRO A METODOLOGIA DO ENSINO DE INSTRUMENTOS DE SOPRO NA BANDA DA LAPA HUMBERTO CÉSAR RIBEIRO A METODOLOGIA DO ENSINO DE INSTRUMENTOS DE SOPRO NA BANDA DA LAPA FLORIANÓPOLIS 2010 UDESC UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE ARTES CEART DEPARTAMENTO DE MÚSICA HUMBERTO

Leia mais

18 a 21 de julho 2013

18 a 21 de julho 2013 18 a 21 de julho 2013 PARQUE AQUILINO RIBEIRO, RUA FORMOSA, CENTRO HISTÓRICO, CONSERVATÓRIO REGIONAL DE MÚSICA DE VISEU, THE BROTHERS BAR, LUGAR DO CAPITÃO, MARIA XICA Sobre este 1º Festival de Jazz de

Leia mais

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical.

Música 1. INTRODUÇÃO 2. PROGRAMA. Instrumentos exigidos: Modalidades composição, regência e instrumento. Teoria Musical. Aptidão Música 1. INTRODUÇÃO O exame de aptidão em Música tem por objetivo avaliar a formação musical do candidato, bem como o seu potencial artístico. Em seu aspecto técnico, o exame avalia o conhecimento

Leia mais