OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2013 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2013 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO"

Transcrição

1 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2013 ANO BASE

2 MENSAGEM DO PRESIDENTE Caro leitor, Nas próximas páginas, você poderá acessar os principais indicadores da atividade turística paulistana. O Anuário Estatístico do Turismo da Cidade de São Paulo - edição é um levantamento que complementa a publicação anterior e permite uma fácil consulta e a comparação dos índices ano a ano, como a ocupação dos meios de hospedagem, a arrecadação de ISS do grupo que envolve o turismo, o fluxo da demanda nos aeroportos, nos terminais rodoviários, entre outros. É um trabalho desenvolvido na Diretoria de Ações Estratégicas e Comunicação da São Paulo Turismo, pelo Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo que sistematicamente coleta, monitora e pesquisa o turismo na capital paulista, dando parâmetros e termômetros para a atividade no município, ajudando nas decisões desenvolvidas pela empresa e construído especialmente para oferecer um apanhado dessa enorme cadeia produtiva. Os indicadores são muito positivos e, com poucas exceções, permanecem em crescimento, mostrando o resultado efetivo de ações, projetos e da política de turismo como um todo, construída ao longo destes últimos oito anos. Alguns números, que estão no documento, são obtidos por meio de pesquisas elaboradas pela própria equipe do Observatório. Outros são obtidos por fontes secundárias e advindos de parcerias e da colaboração com entidades do setor, como Infraero, Socicam, Secretaria de Finanças Municipal, FOHB/SP, Associação de Hostels de São Paulo, SPC&VB, ABIH e tantas mais. Aproveitamos para incluir alguns números do turismo do mundo e do Brasil, procedentes de fontes internacionais e do Ministério do Turismo, que também nos ajudam nesta análise. O empenho foi geral e a proposta é dar continuidade à série criada, ampliando ainda mais as informações sobre este complexo e fascinante mundo do turismo na cidade de São Paulo. Marcelo Rehder Presidente da São Paulo Turismo

3 TURISMO NO MUNDO Mundo (Total de Turistas/ milhões ) Tabela 1: DEMANDA TURÍSTICA - POR REGIÃO NO MUNDO * ,035 Europa 54,6% 54,5% 53,9% 52,9% 50,6% 51,2% 51,3% 51,7% Ásia e Pacífico 19,3% 19,7% 20,1% 20,0% 21,7% 22% 22,1% 22,5% América Central e Caribe 3,1% 3,13% 3,0% 3,1% 2,9% 3,1% 2,9% 2,8% America do Norte 11,2% 10,7% 10,5% 10,6% 10,4% 10,3% 10,3% 10,2% América do Sul 2,3% 2,2% 2,2% 2,3% 2,6% 2,6% 2,6% 2,6% África 4,7% 4,9% 5,0% 5,1% 5,3% 5,1% 5,1% 5,1% Oriente Médio 4,8% 4,8% 5,2% 6,0% 6,5% 5,7% 5,6% 5,1% Mundo (milhões) Tabela 2: DEMANDA TURÍSTICA - PARTICIPAÇÃO DO BRASIL NO MUNDO América do Sul (milhões) Brasil (milhões) América do Sul no Mundo Fonte: Organização Mundial do Turismo, 2012 * Dados estimados Brasil na América do Sul Brasil no Mundo ,3 5,4 2,3% 29,3% 0,7% ,7 5 2,2% 26,7% 0,6% ,0 5 2,2% 25,0% 0,6% ,8 5,1 2,3% 24,3% 0,5% ,9 4,8 2,3% 23,4% 0,5% ,4 5,2 2,5% 22,0% 0,5% ,8 5,4 2,6% 20,9% 0,5% 2012* 1,035 26,9 5,4 2,6% 20,0% 0,5% Fonte: Organização Mundial do Turismo, 2012 * Dados estimados Tabela 3: RECEITA CAMBIAL TURÍSTICA - BRASIL (bilhões de US$) ,8 4,3 4,9 5,8 5,3 5,9 6,5 6,6 Fonte: Banco Central do Brasil, 2012 Tabela 4: EMISSORES DE TURISTAS INTERNACIONAIS PARA O BRASIL ÁFRICA AMÉRICA CENTRAL E CARIBE AMÉRICA DO NORTE AMÉRICA DO SUL ÁSIA EUROPA OCEANIA Países não especificados TOTAL Fonte: Ministério do Turismo, 2012 ANOTAÇÕES: 3

4 Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo/ Projeção FIPE, 2011 Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, 2011 Metodologia: - Estimativas baseadas em um cenário tendencial para economia brasileira desenvolvido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), através dos principais emissores de turistas domésticos e internacionais levantados pelo Observatório do Turismo, e para a Economia Mundial disponibilizado pela Economist Intelligence Unit; - Ganhos com turistas construidos com base nas projeções de demanda do turismo (FIPE) e em valores dos gastos médios dos turistas nacionais e internacionais na cidade de São Paulo, incluindo hospedagem, lazer, alimentação, transporte e compras; - Descrita no Plano de Turismo Municipal de São Paulo (PLATUM, ); - Projeções a partir de 2012 (P). Tabela 5: DEMANDA TURÍSTICA DA CIDADE DE SÃO PAULO (milhões) P ,47 10,26 10,76 11,00 11,35 11,75 12,16 12,58 13,22 15,08 13,97 14,88 15,45 15,75 16,24 16,52 Tabela 6: GANHOS COM TURISTAS NA CIDADE DE SÃO PAULO (R$ bilhões) P ,10 7,61 8,07 8,25 8,92 9,69 10,08 10,48 10,90 11,34 11,03 11,43 12,44 12,94 13,45 13,99 EMISSORES DE TURISTAS PARA SÃO PAULO - PROJEÇÃO 2020 Mundo Brasil São Paulo América do Sul...32,1% Europa... 31,1% Am. do Norte e Central... 22,9% Ásia...9,2% África...3,6% Oceania...1,1% 1...Brasil 2... Estados Unidos 3... Argentina 4...Inglaterra 5...Canadá 6...Colômbia 7... Angola 8...Espanha 9...França 10...México 11...Itália 1 São Paulo...21,9% 2 Rio de Janeiro...16,9% 3 Paraná... 10,1% 4 Minas Gerais... 9,1% 5 Rio Grande do Sul...7,4% 6 Santa Catarina... 5,4% 7 Distrito Federal... 6,1% 8 Bahia...4,6% 9 Pernambuco...3,9% 10 Espírito Santo...2,8% Outros Estados... 11,8% 1 Campinas...45,7% 2 Ribeirão Preto...12,8% 3 Bauru...6,8% 4 São José do Rio Preto...5,3% 5 Araraquara... 5,1% 6 São José dos Campos... 4,1% 7 Santos...4,0% Outras Regiões...16,2% Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo/ Projeção FIPE, 2011 ANOTAÇÕES: 4 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

5 CONGONHAS GUARULHOS NACIONAL GUARULHOS INTERNACIONAL Tabela 7: PASSAGEIROS DOS AEROPORTOS GUARULHOS TOTAL VIRACOPOS NACIONAL VIRACOPOS INTERNACIONAL VIRACOPOS TOTAL 2005 TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro TOTAL TOTAL GERAL PASSAGEIROS Fonte: INFRAERO, 2012 ANOTAÇÕES: 5

6 CONGONHAS GUARULHOS NACIONAL GUARULHOS INTERNACIONAL GUARULHOS TOTAL Tabela 8: AERONAVES NOS AEROPORTOS VIRACOPOS NACIONAL VIRACOPOS INTERNACIONAL VIRACOPOS TOTAL 2005 TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro TOTAL TOTAL GERAL AERONAVES Fonte: INFRAERO, 2012 ANOTAÇÕES: 6 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

7 Tabela 9: DESEMBARQUES DE PASSAGEIROS NOS TERMINAIS RODOVIÁRIOS TIETÊ BARRA FUNDA JABAQUARA 2005 TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro TOTAL TOTAL GERAL PASSAGEIROS Fonte: SOCICAM, 2012 ANOTAÇÕES: 7

8 Tabela 10: CHEGADAS DE ÔNIBUS DOS TERMINAIS RODOVIÁRIOS TIETÊ BARRA FUNDA JABAQUARA 2005 TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL TOTAL janeiro fevereiro março abril maio junho julho agosto setembro outubro novembro dezembro TOTAL TOTAL GERAL ÔNIBUS Fonte: SOCICAM, 2012 ANOTAÇÕES: 8 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

9 Tabela 11: ARRECADAÇÃO DE IMPOSTOS SOBRE SERVIÇOS - GRUPO 13 - TURISMO R$ TOTAL , , , , Tabela 12: ARRECADAÇÃO DE IMPOSTOS SOBRE SERVIÇOS DA CIDADE DE SÃO PAULO R$ TOTAL , , , , , , ,87 (R$) 2012 Tabela 13: ARRECADAÇÃO DE IMPOSTOS SOBRE SERVIÇOS - PARTICIPAÇÃO DO TURISMO IMPOSTOS SOBRE SERVIÇOS GRUPO 13 - TURISMO IMPOSTOS SOBRE SERVIÇOS CIDADE DE SÃO PAULO PARTICIPAÇÃO (%) janeiro , ,80 2,34 fevereiro , ,80 2,89 março , ,10 2,43 abril , ,18 2,99 maio , ,75 2,70 junho , ,61 2,84 julho , ,55 2,55 agosto , ,95 2,51 setembro , ,43 2,68 outubro , ,53 2,57 novembro , ,16 2,72 dezembro , ,48 2,63 TOTAL , ,34 2,65 Fonte: Secretaria Municipal de Finanças, 2012 ANOTAÇÕES: 9

10 Tabela 14: TAXA DE OCUPAÇÃO DOS HOTÉIS (geral) % TOTAL 58,73 64,74 67,00 67,31 61,37 68,54 69,29 65,99 Tabela 15: TAXA DE OCUPAÇÃO DOS HOTÉIS (categorias) ECONÔMICO 64,36 68,36 76,57 69,61 62,62 66,32 67,39 63,92 MIDSCALE 56,49 64,33 71,91 68,09 60,48 70,23 69,58 66,28 LUXO 54,55 61,68 61,69 64,31 59,14 66,39 69,49 63,92 SUPERLUXO ,85 69,50 69,49 67,38 Tabela 16: TAXA DE OCUPAÇÃO DOS HOTÉIS (%) ECONÔMICO MIDSCALE LUXO SUPERLUXO GERAL janeiro 50,94 54,18 50,29 59,71 53,14 fevereiro 53,37 49,83 58,66 62,96 57,33 março 72,53 74,33 69,79 76,47 73,56 abril 67,28 67,89 62,40 70,92 67,35 maio 67,60 74,26 70,08 72,95 72,65 junho 70,30 71,36 65,86 67,85 70,04 julho 66,39 66,34 63,50 57,49 65,11 agosto 70,47 72,90 68,32 67,86 71,35 setembro 66,90 69,17 66,08 64,95 68,17 outubro 64,41 71,06 70,54 78,88 70,63 novembro 71,05 70,88 68,21 69,05 69,97 dezembro 45,80 53,10 53,25 59,52 52,26 TOTAL 63,92 66,28 63,92 67,38 65,99 Tabela 17: TAXA DE OCUPAÇÃO DOS HOSTELS janeiro 71,73 71,74 (%) fevereiro 76,28 76,09 março 74,13 69,28 abril 64,13 67,56 maio 53,18 55,88 junho 57,96 54,74 julho 74,49 66,15 agosto 66,28 56,28 setembro 51,19 60,47 outubro 58,78 55,25 novembro 62,49 52,00 dezembro 59,67 49,58 TOTAL 64,18 61,25 Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, 2012 Metodologia: - Os dados apurados referentes à taxa de ocupação e diária média foram obtidos pela pesquisa mensal realizada pelo Observatório do Turismo junto aos hotéis de todas as categorias e de hostels da cidade; - As categorias dos hotéis foram definidas segundo critérios do Observatório do Turismo; Amostra: média de 120 hotéis/ 15 hostels mês. 10 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

11 Tabela 18: DIÁRIA MÉDIA DOS HOTÉIS (geral) R$ TOTAL 142,38 139,12 159,06 176,51 196,13 205,73 240,34 295,19 Tabela 19: DIÁRIA MÉDIA DOS HOTÉIS (categorias) ECONÔMICO 72,00 75,07 67,68 59,72 54,72 88,16 102,88 154,23 MIDSCALE 117,07 123,55 134,71 150,95 160,21 165,83 162,55 262,62 LUXO 351,61 305,00 311,86 298,34 260,44 227,23 243,90 380,06 SUPERLUXO ,14 496,22 534,51 728,62 Tabela 20: DIÁRIA MÉDIA DOS HOTÉIS R$ ECONÔMICO MIDSCALE LUXO SUPERLUXO GERAL janeiro 145,49 248,31 422,93 638,87 257,83 fevereiro 149,60 256,42 401,62 588,95 271,05 março 151,71 265,56 384,19 643,95 296,32 abril 153,86 270,26 373,28 706,54 298,89 maio 164,04 270,14 367,43 717,28 316,66 junho 159,93 266,47 360,24 701,99 306,49 julho 155,50 259,19 369,47 685,58 298,61 agosto 162,15 265,23 372,13 730,17 305,08 setembro 152,98 259,27 362,70 677,29 297,74 outubro 149,34 263,78 376,98 818,55 303,02 novembro 161,06 267,25 373,00 880,42 309,40 dezembro 145,11 259,59 396,69 953,86 281,24 TOTAL 154,23 262,62 380,06 728,62 295,19 Tabela 21: DIÁRIA MÉDIA DOS HOSTELS janeiro 39,46 43,93 R$ fevereiro 45,35 40,62 março 57,36 39,85 abril 37,97 46,90 maio 39,26 44,80 junho 39,76 40,60 julho 39,90 44,11 agosto 31,14 43,50 setembro 40,32 44,36 outubro 45,10 42,97 novembro 42,16 43,90 dezembro 45,32 41,17 TOTAL 41,92 43,06 Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, 2012 Metodologia: - Os dados apurados referentes à taxa de ocupação e diária média foram obtidos pela pesquisa mensal realizada pelo Observatório do Turismo junto aos hotéis de todas as categorias e de hostels da cidade; - As categorias dos hotéis foram definidas segundo critérios do Observatório do Turismo; Amostra: média de 120 hotéis/ 15 hostels mês. 11

12 Tabela 22: PERFIL DOS HÓSPEDES NOS HOTÉIS DA CIDADE DE SÃO PAULO o sem. 2 o sem. 1 o sem. 2 o sem. 1 o sem. 2 o sem. 1 o sem. 2 o sem. GÊNERO (%) Masculino ,1 64,9 69,3 66,3 Feminino ,9 35,1 30,7 33,7 PROCEDÊNCIA DOS TURISTAS (%) Brasileiros 91,8 91,0 83,7 77,9 86,4 82,4 82,4 85,3 Estrangeiros 8,2 9,0 16,3 22,1 13,6 17,6 17,6 14,7 PRINCIPAIS PROCEDÊNCIAS NACIONAIS 1 o Rio de Janeiro Rio de Janeiro Rio de Janeiro 2 o Curitiba Curitiba Curitiba Rio de Janeiro Belo Horizonte Rio de Janeiro Belo Horizonte Rio de Janeiro Curitiba Rio de Janeiro Curitiba Rio de Janeiro Belo Horizonte 3 o Belo Horizonte Belo Horizonte Belo Horizonte Curitiba Curitiba Belo Horizonte Belo Horizonte Curitiba 4 o Brasília Brasília Porto Alegre Porto Alegre Brasília Brasília Porto Alegre Brasília 5 o Porto Alegre Porto Alegre Brasília Brasília Salvador Porto Alegre Salvador Porto Alegre PRINCIPAIS PROCEDÊNCIAS INTERNACIONAIS 1 o Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos Estados Unidos 2 o Argentina Argentina Argentina Argentina Argentina Argentina Argentina Argentina 3 o Chile Alemanha Espanha Espanha Espanha Japão França Alemanha 4 o França Espanha Itália México Japão Alemanha Alemanha Espanha 5 o Espanha Itália Portugal Japão Itália Espanha Chile França MOTIVO PREDOMINANTE DA VIAGEM (%) Eventos 18,1 22,4 20,9 25,3 27,5 24,4 27,1 18,7 Negócios 60,7 56,1 56,3 51,0 43,7 45,0 43,8 57,3 Lazer 9,0 10,9 9,6 11,3 12,5 12,2 14,3 9,9 Estudos 5,5 4,0 5,2 4,4 6,7 6,7 5,9 5,9 Visita amigos/ parentes Saúde 2,1 2,5 2,7 2,5 3,4 3,0 3,7 3,3 3,2 2,6 3,2 3,3 4,1 5,2 1,9 2,1 Outros 0,9 1,4 2,2 1,9 2,1 3,2 3,3 2,8 PERMANÊNCIA MÉDIA GERAL (dias) 4,0 3,5 3,8 2,9 3,1 3,1 2,7 3 GASTO MÉDIO GERAL NO PERÍODO (R$) PERMANÊNCIA MÉDIA (brasileiros/ dias) 3,8 3,1 3,6 3,1 2,9 2,6 2,4 2,7 GASTO MÉDIO DIÁRIO (brasileiros/ R$) PERMANÊNCIA MÉDIA (estrangeiros/ dias) 5,5 3,7 5,7 4,2 4,1 4,8 3,7 4,6 GASTO MÉDIO DIÁRIO (estrangeiros/ R$) Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, 2012 Metodologia: - Pesquisa semestral nos hotéis por meio de abordagem direta com os hóspedes (check out) dos principais estabelecimentos da cidade de São Paulo. - Amostra : média de questionários válidos, aplicados diretamente junto aos hóspedes em dois períodos semestrais distintos. 12 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

13 Adventure Sports Fair BienaL Internacional do Livro de São Paulo Britney Spears Couromoda David Guetta Desfile das Escolas de Samba do Grupo Especial de São Paulo Equipotel Ultra Music Festival Brasil Fórmula Truck Francal GP do Brasil de F1 Hospitalar Madonna Parada do Orgulho LGBT REATECH Red Hot Chilli Peppers Salão Duas Rodas Salão Internacional do Automóvel de São Paulo São João em São Paulo São Paulo Fashion Week SP Indy 300 Virada Cultural Tabela 23: PESQUISAS REALIZADAS NOS EVENTOS DE GRANDE PORTE Pesquisas de perfil de público e avaliação do evento. Resultados dos 77 eventos na íntegra à disposição no banco de dados. Fonte: Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, 2012 DADOS ECONÔMICOS Tabela 24: DADOS ECONÔMICOS - BRASIL E CIDADE DE SÃO PAULO POPULAÇÃO Brasil (2011) São Paulo (2011) PIB Brasil (bilhões de R$) (2011) São Paulo (milhões de R$) (2011) Per capita Brasil (R$) (2011) Per capita São Paulo (R$) (2011) INFLAÇÃO (%) Brasil (2012) 6,5 TAXA CAMBIAL (R$ /US$) Brasil (2012) 1,67 SALÁRIO MÍNIMO (R$) Brasil (2012) 678 Fonte: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 2011/ Banco Central, 2011/ SEADE,

14 RESUMO Visualizando as principais atividades que sustentam o turismo da cidade de São Paulo, o Anuário indica que 2012 fechou com bons números, considerando o comportamento moderado da economia. Pesquisas recentes do Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, confirmam que os negócios continuam, juntamente com os eventos, liderando 76% das motivações dos turistas hospedados em hotéis/flats. Incluindo outros interesses, tais como lazer, estudos, saúde, visita a familiares e amigos, a projeção da demanda total é de 12,6 milhões de visitantes, com ganhos estimados de R$ 10 bilhões. Este fluxo de visitantes movimentou São Paulo, fazendo com que a hotelaria encerrasse 2012 alcançando uma taxa de ocupação de 66% e diária média de R$ um resultado satisfatório - assumindo que em 2011 atingimos valores de 69,3% e R$ 240. A arrecadação de ISS do turismo (grupo 13) teve valor de R$ 236,1 milhões em 2012, equivalente à 2,6% dos R$ 8,9 bilhões gerados em tributos por todas as atividades econômicas na cidade de São Paulo. Os principais mercados internacionais continuam sendo Estados Unidos, Argentina, Alemanha, Espanha, Espanha e França. Os estimados 1,8 milhões de estrangeiros (PLATUM ) gastaram, em média diária, R$ 551 e pernoitam 4,6 dias na capital. Em se tratando do Brasil recebemos turistas do Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba, Brasília e Porto Alegre. Gastaram também, em média diária, R$ 519 e permanecem 2,7 dias consumindo hospedagem, alimentação, compras e lazer paulistano. O transporte aéreo, considerando os Aeroportos de Guarulhos, Congonhas e Viracopos, cujos dados de 2012 (Infraero), totalizaram 58,3 milhões passageiros e 601,9 mil voos, mostram um crescimento total de 7,4% e 3,8%, incluindo doméstico e internacional. Observa-se, no entanto, uma retração do fluxo internacional e aumento de 8,3% dos passageiros e 5,2% dos voos domésticos. Os terminais rodoviários (Jabaquara, Barra Funda, Tietê) encerraram 2012 movimentando 16,0 milhões de passageiros e registrando 717,6 mil chegadas de ônibus, com um crescimento respectivo de 2,6% e 2,2%. O cenário é amplo e os efeitos do turismo na cidade, diferenciados por seus segmentos, estimulam propostas de pesquisas e novas investigações no setor. Com os descritos neste Anuário Estatístico, espera-se que esta 2ª edição possa ser bem aproveitada, vindo a fortalecer estrategicamente as decisões do mercado e políticas públicas dos seus gestores. Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo 14 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

15 FONTES DE CONSULTA Associação Brasileira da Indústria Hoteleira (ABIH) Associação dos Hostels de São Paulo Banco Central do Brasil (BACEN) Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO) Forum dos Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (SEADE) Hotéis da Cidade de São Paulo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) Ministério do Turismo (MTUR) São Paulo Convention & Visitors Bureau (SPC&VB) São Paulo Turismo (SPTURIS) Secretaria Municipal de Finanças de São Paulo Socicam Terminais Rodoviários e Representações Ltda Organização Mundial do Turismo (OMT) World Travel & Tourism Council (WTTC) NOTA: Para os usuários do Observatório de Turismo da Cidade de São Paulo, esclarecemos que alguns dados divulgados em publicações anteriores podem ter sofrido alterações em função de revisões metodológicas, agrupamento de dados e ajustes nas projeções ao longo do período analisado, tendo em vista adequação à realidade do mercado turístico. Alguns dados de 2012, não assinalados, ainda não se encontram disponibilizados pelas fontes oficiais. Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) (Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil) Anuário Estatístico São Paulo : São Paulo Turismo, Bibliografia. 1. Turismo - Anuários estatísticos - São Paulo (SP) CDD Índices para catálogo sistemático: 1. Anuários estatísticos : Turismo : São Paulo CRÉDITOS Prefeito da Cidade de São Paulo: Fernando Haddad SÃO PAULO TURISMO S/A Diretor Presidente: Marcelo Rehder Diretor Vice-presidente: Ítalo Cardoso Araújo Chefe de Gabinete: Dinorah Vicentini Diretor Administrativo-financeiro e de Relações com Investidores: Arley Ayres Diretor de Ações Estratégicas e Comunicação: Marcus Vinícius Sinval Diretor de Eventos: Everaldo Teixeira Dourado Júnior Diretor de Infraestrutura: Luiz Ricardo Santoro Diretor de Marketing e Vendas: João Francisco Aprá Diretor de Representação dos Empregados: João Batista de Godoy Diretora de Turismo e Entretenimento: Luciane Farias Leite Coordenação Geral: Beatriz Lage Coordenação Técnica/ Design/Diagramação: Fabio Montanheiro Equipe Técnica: Andrezza Serra e Mário La Torre Filho Estagiários: Caroline Vicentini, Danilo Popriaga e Janaína Butuhy Elaborado pela Equipe Técnica da Diretoria de Ações Estratégicas e Comunicação São Paulo Turismo S/A - Empresa Oficial de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo Av. Olavo Fontoura, 1209 Portão 35 Parque Anhembi Santana - São Paulo SP Tel.: (11) Visite: observatoriodoturismo.com.br O objetivo da São Paulo Turismo é promover a Cidade de São Paulo de forma independente e sem nenhum vínculo com os estabelecimentos mencionados. As informações que constam nesse material estão sujeitas a alterações sem aviso prévio. 15

16 observatoriodoturismo.com.br 16 ANUÁRIO ESTATÍSTICO - TURISMO

do turismo DA CIDADE DE ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2014 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO

do turismo DA CIDADE DE ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2014 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO observatório do turismo DA CIDADE DE SÃO PAULO são paulo turismo ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2014 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO ANO BASE 2013 1 MENSAGEM DO PRESIDENTE Caro leitor, Você

Leia mais

SÃO PAULO TURISMO - OBSERVATÓRIO DE TENDÊNCIAS NÚMEROS DA CIDADE DE SÃO PAULO

SÃO PAULO TURISMO - OBSERVATÓRIO DE TENDÊNCIAS NÚMEROS DA CIDADE DE SÃO PAULO TURISMO - INDICADORES GERAIS Demanda Total de Turistas (estimativa) Principais Procedências - Internacionais 13,22 milhões; 84% Brasileiros, 16% Estrangeiros EUA, Argentina, Alemanha, Chile, Espanha 2013

Leia mais

SÃO PAULO TURISMO - OBSERVATÓRIO DE TENDÊNCIAS Números DA CIDADE DE SÃO PAULO

SÃO PAULO TURISMO - OBSERVATÓRIO DE TENDÊNCIAS Números DA CIDADE DE SÃO PAULO Turismo - indicadores gerais Demanda Total de Turistas (Estimativa) Demanda Total de Turistas (Estimativa) Principais Procedências - Internacionais 13,2 milhões; 85% Brasileiros, 15% Estrangeiros 15,1

Leia mais

do turismo DA CIDADE DE ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2015 OBSERVATÓRIO DE TURISMO E EVENTOS DA CIDADE DE SÃO PAULO

do turismo DA CIDADE DE ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2015 OBSERVATÓRIO DE TURISMO E EVENTOS DA CIDADE DE SÃO PAULO observatório do turismo DA CIDADE DE SÃO PAULO são paulo turismo ANUÁRIO ESTATÍSTICO TURISMO 2015 OBSERVATÓRIO DE TURISMO E EVENTOS DA CIDADE DE SÃO PAULO ANO BASE 2014 1 MENSAGEM DO PRESIDENTE Caro leitor,

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo BOLETIM SEMESTRAL 2009/1 Introdução O Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo, como núcleo de acompanhamento de informações, estudos

Leia mais

observatório da cidade

observatório da cidade observatório do turismo da cidade de são paulo são paulo turismo RELATÓRIO EVENTO Salão do Automóvel 2012 Perfil Socio-demográfico PERFIL DO PúBLICO GÊNERO Procedência DO PÚBLICO Meio de Hospedagem 2012

Leia mais

BOLETIM SEMESTRAL 2013/01

BOLETIM SEMESTRAL 2013/01 BOLETIM SEMESTRAL 2013/01 apresentação O desempenho das principais atividades econômicas que envolvem o turismo na cidade de São Paulo, foram registradas neste relatório do 1º semestre de 2013. Pela inelasticidade

Leia mais

Observatório do Turismo

Observatório do Turismo USUS 2012 Observatório do Turismo Cidade de São Paulo Brasil Turismo no Mundo 9,0% Representatividade no PIB Mundial em 2011 US$ 6,3 TRILHÕES Movimentação Financeira em 2011 980 MILHÕES Viagens no Mundo,

Leia mais

IMPACTOS POSITIVOS PARA 2014

IMPACTOS POSITIVOS PARA 2014 IMPACTOS POSITIVOS PARA 2014 O turismo da cidade de São Paulo desenvolveu-se positivamente nos últimos anos. Muito mais pode ser esperado os para os próximos, prevendo uma chegada estimada em 17 milhões

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO RELATÓRIO EVENTO:

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO RELATÓRIO EVENTO: OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO RELATÓRIO EVENTO: Virada Cultural 2012 Virada Cultural A Cidade de São Paulo promoveu nos dias 5 e 6 de maio de 2012 a Virada Cultural,

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2013

Anuário Estatístico de Turismo - 2013 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2013 Volume 40 Ano base 2012 Guia de leitura Guia de leitura O Guia de Leitura tem o propósito de orientar

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2012

Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2012 Volume 39 Ano base 2011 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2010-2011

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo Centrais de Informação Turística PERFIL DE PÚBLICO 2010 Atendimento ao Turista Desde 1983, as Centrais de Informação Turística funcionam

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo BOLETIM SEMESTRAL 2009/2 Introdução O Observatório de Turismo da São Paulo Turismo (SPTuris) apresenta, no segundo volume do ano de 2009,

Leia mais

MERCADO MUNICIPAL PAULISTANO PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO 2012. Jefferson Pancieri

MERCADO MUNICIPAL PAULISTANO PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO 2012. Jefferson Pancieri MERCADO MUNICIPAL PAULISTANO PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO 2012 Jefferson Pancieri DESTAQUES GERAIS DO PÚBLICO ENTREVISTADO 56,2% DOS ENTREVISTADOS DOS ENTREVISTADOS RESIDEM NA CIDADE DE SÃO PAULO e região

Leia mais

200 4 Anuário Estatístico

200 4 Anuário Estatístico 2004 Anuário Estatístico REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA Presidente MINISTÉRIO DO TURISMO WALFRIDO SILVINO DOS MARES GUIA Ministro INSTITUTO BRASILEIRO DE TURISMO EMBRATUR EDUARDO

Leia mais

São Paulo. o perfil dos. cada ano esticam mais a estadia e começam a agregar, cada vez mais, o lazer ao trabalho. cidade. anuário 2012 CRIATIVA

São Paulo. o perfil dos. cada ano esticam mais a estadia e começam a agregar, cada vez mais, o lazer ao trabalho. cidade. anuário 2012 CRIATIVA São Paulo anuário 2012 o perfil dos visitantes Os turistas que visitam a capital paulista, a cada ano esticam mais a estadia e começam a agregar, cada vez mais, o lazer ao trabalho Turistas conheça o perfil

Leia mais

BOLETIM SEMESTRAL 2012/02

BOLETIM SEMESTRAL 2012/02 BOLETIM SEMESTRAL 2012/02 APRESENTAÇÃO DO BOLETIM 2012/2 Desde o ano de 2009, o Observatório da São Paulo Turismo apresenta um Boletim que reflete o desempenho do turismo, no decorrer do semestre finalizado.

Leia mais

Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo São Paulo Turismo

Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo São Paulo Turismo Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo São Paulo Turismo BOLETIM SEMESTRAL 2010/2 Boletim Semestral Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo 2 o Semestre - 2010 3 4 5 6 8 10 15 16 17 18 18

Leia mais

Mercado em números. Brasil. Designação oficial: República Federativa do Brasil. Guiana Venezuela Suriname Columbia. Capital: Brasília.

Mercado em números. Brasil. Designação oficial: República Federativa do Brasil. Guiana Venezuela Suriname Columbia. Capital: Brasília. Guiana Venezuela Suriname Columbia Guiana Francesa Designação oficial: República Federativa do Capital: Brasília Localização: Leste da América do Sul Peru Fronteiras terrestres: 16.145 km com a Argentina

Leia mais

Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital) Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo

Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital) Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo 1 Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital) Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo DESTINO: São Paulo/SP INSTITUIÇÃO PROMOTORA: São Paulo Turismo S/A RESPONSÁVEL: Tasso Gadzanis Luiz Sales

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO RELATÓRIO EVENTO Carnaval 2013 APRESENTAÇÃO A São Paulo Turismo (SPTuris), por meio de seu Observatório, realizou pesquisa de perfil do

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO Observatório de Tendências São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO Observatório de Tendências São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO Observatório de Tendências São Paulo Turismo BOLETIM SEMESTRAL 2011/1 Boletim Semestral Observatório do Turismo da Cidade de São Paulo 1 o Semestre - 2011

Leia mais

BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012

BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012 OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE PARANAGUÁ BOLETIM DO TURISMO PARNANGUARA 2/2012 TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA PERFIL DOS HÓSPEDES EM MEIOS DE HÓPEDAGEM CENTRAIS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS ESTAÇÃO FERROVIÁRIA

Leia mais

Estudo da Demanda Turística Internacional

Estudo da Demanda Turística Internacional Estudo da Demanda Turística Internacional Brasil 2012 Resultados do Turismo Receptivo Pontos de Coleta de Dados Locais de entrevistas - 25 Entrevistados - 31.039 15 aeroportos internacionais, que representam

Leia mais

Recorde-se que no item Transporte chamou-se a atenção para o crescimento do movimento de vôos internacionais no aeroporto de Fortaleza.

Recorde-se que no item Transporte chamou-se a atenção para o crescimento do movimento de vôos internacionais no aeroporto de Fortaleza. A atividade do setor de no Ceará, tem apresentado um expressivo crescimento ao longo dos últimos anos. De fato, tendo recebido 970.000 turistas em 1997, este fluxo alcançou 1.550.857 em 2003 e 1.784.354

Leia mais

Turismo no Recife: Caso de sucesso

Turismo no Recife: Caso de sucesso Secretaria de Turismo Turismo no Recife: Caso de sucesso O Recife no Brasil: Reconhecimento nacional na Parceria Público-Privada PCR e RCVB; Prêmio de Melhor Política Pública do Turismo entre os 65 Destinos

Leia mais

3-5 TURISMO. Os dados sistematizados nesta seção referemse fundamentalmente à entrada e procedência de estrangeiros e aos índices de hotelaria.

3-5 TURISMO. Os dados sistematizados nesta seção referemse fundamentalmente à entrada e procedência de estrangeiros e aos índices de hotelaria. Anuário Estatístico do Município de Belém-2012 3-5 TURISMO 1 3-5 TURISMO Os dados sistematizados nesta seção referemse fundamentalmente à entrada e procedência de estrangeiros e aos índices de hotelaria.

Leia mais

MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO

MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO MADONNA PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO DESTAQUES GERAIS da pesquisa 1. apresentação 31,5% DOS respondentes DOS respondentes com renda média entre 5 e 10 salários mínimos 30 anos idade média do entrevistado

Leia mais

Impulsionando o Turismo na Cidade de São Paulo. Anhembi Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo Julho, 2003 Assessoria: HVS International

Impulsionando o Turismo na Cidade de São Paulo. Anhembi Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo Julho, 2003 Assessoria: HVS International Plano Municipal de Turismo Platum 2004/2006 Impulsionando o Turismo na Cidade de São Paulo Anhembi Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo Julho, 2003 Assessoria: HVS International 1 Platum 2004-2006

Leia mais

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TURISMO E HOTELARIA SETEMBRO DE 2015

DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TURISMO E HOTELARIA SETEMBRO DE 2015 DEPEC Departamento de Pesquisas e Estudos Econômicos TURISMO E HOTELARIA SETEMBRO DE 2015 1 2 PRODUTOS De acordo com a Organização Mundial do Turismo (OMT) o turismo compreende as atividades realizadas

Leia mais

1ª Avaliação Parlamentar Copa do Mundo 2014. Logística

1ª Avaliação Parlamentar Copa do Mundo 2014. Logística 1ª Avaliação Parlamentar Copa do Mundo 2014 Logística Economia Brasileira Gráfico 1 Crescimento Econômico Brasileiro e Mundial PIB 2002 a 2016 (em %) 8,0 6,0 4,0 2,0 0,0-2,0 7,5 61 6,1 5,7 4,6 5,3 5,2

Leia mais

MAIS TURISMO, MAIS DESENVOLVIMENTO

MAIS TURISMO, MAIS DESENVOLVIMENTO Ministério do Turismo MAIS TURISMO, MAIS DESENVOLVIMENTO INDICADORES 2012 MAIS TURISMO, MAIS DESENVOLVIMENTO INDICADORES maio - 2013 Lagoa Azul, Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, MA Mais Turismo

Leia mais

ESTADO DO PARANÁ Secretaria de Estado do Turismo

ESTADO DO PARANÁ Secretaria de Estado do Turismo ESTADO DO PARANÁ Secretaria de Estado do Turismo MEIOS DE HOSPEDAGEM DO PARANÁ 2000 2007 HOTELARIA O segmento hoteleiro provoca no turismo um efeito multiplicador na geração de empregos (diretos e indiretos)

Leia mais

Turismo do Rio em números

Turismo do Rio em números 1 2 APRESENTAÇÃO A indústria do turismo tanto no Brasil como no Rio de Janeiro enfrenta um grande carência de indicadores estatísticos e econômicos, que possibilitem mensurar de maneira confiável e precisa

Leia mais

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA JULHO DE 2015

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA JULHO DE 2015 ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA JULHO DE 2015 Superintendência de Produção da Informação e do Conhecimento (SINC) Diretoria de Estatística e Indicadores A partir da análise da movimentação

Leia mais

TURISMO NO CONTEXTO INTERNACIONAL

TURISMO NO CONTEXTO INTERNACIONAL TURISMO NO CONTEXTO INTERNACIONAL US$ bilhões O TURISMO NO COMÉRCIO INTERNACIONAL 3,500 Exportações worldwide Mundiais 3,000 2,500 Turismo 6% do total de exportações 30% das exportações de serviços US$

Leia mais

Ingressos de Turistas Internacionais no RS por via de acesso

Ingressos de Turistas Internacionais no RS por via de acesso Anuário Estatístico de Turismo 2015 ano base 2014* *Publicado em 08/07/2015, pelo Ministério do Turismo. A publicação apresenta uma compilação de informações anuais relativas ao comportamento de diversos

Leia mais

São Paulo. O Brasil como Pólo Internacional de Investimentos e Negócios. tsando@visitesaopaulo.com

São Paulo. O Brasil como Pólo Internacional de Investimentos e Negócios. tsando@visitesaopaulo.com São Paulo O Brasil como Pólo Internacional de Investimentos e Negócios São Paulo Convention & Visitors Bureau Fundação 25 de Janeiro Entidade estadual, mantida pela iniciativa privada. Captação e apoio

Leia mais

CENTRAIS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS PARANAGUÁ / ILHA DO MEL

CENTRAIS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS PARANAGUÁ / ILHA DO MEL CENTRAIS DE INFORMAÇÕES TURÍSTICAS PARANAGUÁ / ILHA DO MEL Observatório do Turismo de Paranaguá Destino Indutor do Paraná ATENDIMENTOS POR CENTRAIS DE INFORMAÇÕES JANEIRO A DEZEMBRO 2014 RODOVIÁRIA - PRAÇA

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO. Pesquisa de Perfil. Taxistas

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO. Pesquisa de Perfil. Taxistas OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO Pesquisa de Perfil Taxistas são paulo / 2012 CRÉDITOS São Paulo Turismo S/A (SPTuris) - Empresa de Turismo e Eventos da Cidade de São Paulo

Leia mais

Anuário Estatístico de Turismo - 2015

Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Anuário Estatístico de Turismo - 2015 Volume 42 Ano base 2014 Sumário I Turismo receptivo 1. Chegadas de turistas ao Brasil - 2013-2014

Leia mais

SÍNTESE DOS INDICADORES DE TURISMO DO AMAZONAS 2003/2014

SÍNTESE DOS INDICADORES DE TURISMO DO AMAZONAS 2003/2014 SÍNTESE DOS INDICADORES DE TURISMO DO AMAZONAS 2003/2014 GOVERNO DO ESTADO DO AMAZONAS Governador JOSÉ MELO DE OLIVEIRA SECRETARIA DE ESTADO DE PLANEJAMENTO, DESENVOLVIMENTO, CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

Leia mais

PESQUISA MERCADOLÓGICA ESTUDO DA DEMANDA TURÍSTICA MUNICÍPIO DE BOMBINHAS. SINOPSE COMPARATIVA 2006, 2007 e 2008 janeiro/fevereiro

PESQUISA MERCADOLÓGICA ESTUDO DA DEMANDA TURÍSTICA MUNICÍPIO DE BOMBINHAS. SINOPSE COMPARATIVA 2006, 2007 e 2008 janeiro/fevereiro PESQUISA MERCADOLÓGICA ESTUDO DA DEMANDA TURÍSTICA MUNICÍPIO DE BOMBINHAS SINOPSE COMPARATIVA 2006, 2007 e 2008 janeiro/fevereiro Convênio: Santur/Prefeitura Municipal Execução: Gerência de Planejamento/Santur

Leia mais

Caderno de dados do Turismo

Caderno de dados do Turismo EDIÇÃO 5 CADERNO D E DAD OS Caderno de dados do Turismo Maio - 2013 Apresentação Mineirão - Fotógrafo Alberto Andrich e Ilustrador digital Felipe Coutinho Nesta edição 1 Apresentação 1 Metodologia 2 Mensagem

Leia mais

DESEMPENHO DO SETOR DE TURISMO EM ALAGOAS, PARA SETEMBRO DE 2015

DESEMPENHO DO SETOR DE TURISMO EM ALAGOAS, PARA SETEMBRO DE 2015 DESEMPENHO DO SETOR DE TURISMO EM ALAGOAS, PARA SETEMBRO DE 2015 Superintendência de Produção da Informação e do Conhecimento (SINC) Gerência de Estatística e Indicadores Os resultados do turismo no estado

Leia mais

Estatísticas básicas de turismo. Brasil

Estatísticas básicas de turismo. Brasil Estatísticas básicas de turismo Brasil Brasília, outubro de 2010 Estatísticas básicas de turismo Índice Páginas I - Turismo no mundo 1. Fluxo receptivo internacional 1.1 - Chegadas de turistas internacionais

Leia mais

ESTUDOS E PESQUISAS MINISTÉRIO DO TURISMO. Ministério do Turismo

ESTUDOS E PESQUISAS MINISTÉRIO DO TURISMO. Ministério do Turismo ESTUDOS E PESQUISAS MINISTÉRIO DO TURISMO DEMANDA TURÍSTICA INTERNACIONAL EXECUÇÃO FIPE APOIO INFRAERO DPF RECEITA ÓRGÃOS OFICIAS DE TURISMO Caracterizar e dimensionar o turismo internacional receptivo

Leia mais

Como a Copa do Mundo vai movimentar o turismo brasileiro

Como a Copa do Mundo vai movimentar o turismo brasileiro Como a Copa do Mundo vai movimentar o turismo brasileiro 10 dias para a copa O estudo Destaques Principais mercados emissores Chegadas internacionais nas cidades sede Saídas do Brasil Junho-Julho 2014

Leia mais

Estudo da demanda turística internacional 2006-2012

Estudo da demanda turística internacional 2006-2012 Departamento de Estudos e Pesquisas Secretária Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Estudo da demanda turística internacional 2006-2012 Brasília, agosto de 2013 Sumário 1 Perfil da demanda

Leia mais

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro Como a Copa do Mundo 214 vai movimentar o Turismo Brasileiro 9 dias O estudo As empresas Principais conclusões a 9 dias da Copa 1 principais emissores 1 Desempenho das cidades-sede Chegadas internacionais

Leia mais

Taxa de Ocupação atinge 80,69% e registra o melhor resultado para um mês de abril

Taxa de Ocupação atinge 80,69% e registra o melhor resultado para um mês de abril TAXA DE OCUPAÇÃO HOTELEIRA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, em parceria com Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro Abril de 2012 Taxa

Leia mais

do turismo DA CIDADE DE DEMANDA TURÍSTICA Nacional e Internacional para a Cidade de São Paulo Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos

do turismo DA CIDADE DE DEMANDA TURÍSTICA Nacional e Internacional para a Cidade de São Paulo Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos observatório do turismo DA CIDADE DE SÃO PAULO são paulo turismo DEMANDA TURÍSTICA Nacional e Internacional para a Cidade de São Paulo Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos Ano-Base 2011 CRÉDITOS

Leia mais

Turismo de Negócios, Congressos e Eventos. 1º. Encontro de Secretários de Turismo da Rede Mercocidades. Mercodestinos Capitais Gauchas Rotas Tchê

Turismo de Negócios, Congressos e Eventos. 1º. Encontro de Secretários de Turismo da Rede Mercocidades. Mercodestinos Capitais Gauchas Rotas Tchê Turismo de Negócios, Congressos e Eventos 1º. Encontro de Secretários de Turismo da Rede Mercocidades Mercodestinos Capitais Gauchas Rotas Tchê Visão, Acordos, Compromissos, Estratégias e Ações Porto Alegre,

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO. Observatório de Tendências São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO. Observatório de Tendências São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO Observatório de Tendências São Paulo Turismo Evento LGBT 2011 LGBT 2011 Cada vez mais, São Paulo vem se posicionando como um dos mais importantes centros

Leia mais

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro

Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro Como a Copa do Mundo 2014 vai movimentar o Turismo Brasileiro O estudo Destaques Os 10 principais emissores 10 Chegadas internacionais Viagens domésticas Cidades sedes Viagens dos brasileiros ao exterior

Leia mais

DIRETORIA DE AÇÕES ESTRATÉGICAS E COMUNICAÇÃO SÃO PAULO TURISMO BALANÇO DE ATIVIDADES 2011

DIRETORIA DE AÇÕES ESTRATÉGICAS E COMUNICAÇÃO SÃO PAULO TURISMO BALANÇO DE ATIVIDADES 2011 DIRETORIA DE AÇÕES ESTRATÉGICAS E COMUNICAÇÃO SÃO PAULO TURISMO BALANÇO DE ATIVIDADES 2011 APRESENTAÇÃO A Diretoria de Ações Estratégicas e Comunicação (DAC), no formato atual, foi criada em fevereiro

Leia mais

Estudo da demanda turística internacional 2005-2011

Estudo da demanda turística internacional 2005-2011 Departamento de Estudos e Pesquisas Secretária Nacional de Políticas de Turismo Ministério do Turismo Estudo da demanda turística internacional 2005-2011 Brasília, outubro de 2012 Sumário 1 Perfil da demanda

Leia mais

INDICADORES TURÍSTICOS 2013 ANO BASE 2012

INDICADORES TURÍSTICOS 2013 ANO BASE 2012 1 FUNDAÇÃO DE TURISMO DE MATO GROSSO DO SUL FUNDTUR/MS INDICADORES TURÍSTICOS 2013 ANO BASE 2012 A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul para acompanhar o andamento da atividade e sua contribuição

Leia mais

MARKETING PARA TURISMO RODOVIÁRIO. Rosana Bignami Outubro_2015

MARKETING PARA TURISMO RODOVIÁRIO. Rosana Bignami Outubro_2015 MARKETING PARA TURISMO RODOVIÁRIO Rosana Bignami Outubro_2015 ATRATIVOS CIDADES PESSOAS TRANSPORTES SISTEMA DE TRANSPORTE VEÍCULO ATENDE LOCAIS E ATENDE A MINHA EMPRESA ESTÁ PRONTA PARA O MARKETING? OUÇA

Leia mais

A competitividade é um fenômeno dinâmico. Um recurso estratégico pode ficar obsoleto com o passar do tempo

A competitividade é um fenômeno dinâmico. Um recurso estratégico pode ficar obsoleto com o passar do tempo A competitividade é um fenômeno dinâmico. Um recurso estratégico pode ficar obsoleto com o passar do tempo Acompanhar o desenvolvimento dos destinos (série histórica) Reunir informações que subsidiem o

Leia mais

Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital)

Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital) 1 Melhor Prática vencedora: Monitoramento (Capital) Demanda Turística de Curitiba Estudo do perfil, comportamento e opinião dos turistas que visitam a capital paranaense, inclusive em eventos geradores

Leia mais

Núcleo São Paulo: Coordenação: Clarissa Gagliardi (USP) e Mônica Carvalho (PUC SP) Equipe: alunos dos cursos de graduação e pós-graduação da PUC SP e

Núcleo São Paulo: Coordenação: Clarissa Gagliardi (USP) e Mônica Carvalho (PUC SP) Equipe: alunos dos cursos de graduação e pós-graduação da PUC SP e Núcleo São Paulo: Coordenação: Clarissa Gagliardi (USP) e Mônica Carvalho (PUC SP) Equipe: alunos dos cursos de graduação e pós-graduação da PUC SP e USP e consultores da FGV e Universidade Cruzeiro do

Leia mais

Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional

Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional Valorização e Globalização da Marca Brasil Plano Aquarela, Megaeventos e Marketing Turístico Internacional Tribunal de Contas da União, 17 de agosto de 2011 Plano Aquarela Desde 2005 é a base metodológica

Leia mais

SÃO PAULO INDY 300 PESQUISA DE PERFIL DO PÚBLICO E IMPACTO DO EVENTO PARA A CIDADE DE SÃO PAULO

SÃO PAULO INDY 300 PESQUISA DE PERFIL DO PÚBLICO E IMPACTO DO EVENTO PARA A CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO INDY 300 PESQUISA DE PERFIL DO PÚBLICO E IMPACTO DO EVENTO PARA A CIDADE DE SÃO PAULO APRESENTAÇÃO Com a parceria firmada entre a Prefeitura do Município de São Paulo, Grupo Bandeirantes de Comunicação

Leia mais

Investimentos no Brasil: Hotéis & Resorts -2011

Investimentos no Brasil: Hotéis & Resorts -2011 Investimentos no Brasil: Hotéis & Resorts -2011 INVESTIMENTOS NO BRASIL: HOTÉIS & RESORTS - 2011 Este relatório foi realizado pela BSH Travel Research, divisão estatística da BSH International e apresenta

Leia mais

Panorama do emprego no turismo

Panorama do emprego no turismo Panorama do emprego no turismo Por prof. Wilson Abrahão Rabahy 1 Emprego por Atividade e Região Dentre as atividades do Turismo, as que mais se destacam como geradoras de empregos são Alimentação, que

Leia mais

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA MAIO DE 2015

ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA MAIO DE 2015 ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DO TURISMO EM ALAGOAS, PARA MAIO DE 2015 Superintendência de Produção da Informação e do Conhecimento (SINC) Diretoria de Estatística e Indicadores A análise do setor de Turismo

Leia mais

Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados

Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados Distribuição Geográfica dos Pontos de Coleta de Dados Nº de Entrevistados da Pesquisa: 39.000 pessoas Nº de locais das entrevistas: 27 15 em aeroportos internacionais, que representam 99% do fluxo internacional

Leia mais

PESQUISA DO IMPACTO ECONÔMICO DOS EVENTOS INTERNACIONAIS REALIZADOS NO BRASIL - 2007/2008. Consolidado 6 Eventos - Rio de Janeiro

PESQUISA DO IMPACTO ECONÔMICO DOS EVENTOS INTERNACIONAIS REALIZADOS NO BRASIL - 2007/2008. Consolidado 6 Eventos - Rio de Janeiro PESQUISA DO IMPACTO ECONÔMICO DOS EVENTOS INTERNACIONAIS REALIZADOS NO BRASIL - 2007/2008 JUNHO 2008 Informações do Evento Consolidado 6 Eventos - Rio de Janeiro EVENTO CIDADE PERÍODO Nº DE PARTICIPANTES

Leia mais

IMPACTO DOS MEGA EVENTOS NA INDuSTrIA hoteleira brasileira JUNHO 2013

IMPACTO DOS MEGA EVENTOS NA INDuSTrIA hoteleira brasileira JUNHO 2013 IMPACTO DOS MEGA EVENTOS NA Industria hoteleira brasileira JUNHO 2013 ENTIDADE ABIH NACIONAL Fundada em 09/11/1936 3.500 associados 35 escritórios 26 capitais + DF 08 regionais ENTIDADE 25.500 meios de

Leia mais

na cidade de São Paulo

na cidade de São Paulo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO Copa do mundo da fifa Brasil 2014 impacto econômico na cidade de São Paulo A pesquisa Objetivo: * Identificar o movimento econômico gerado

Leia mais

Press Release 9 de dezembro de 2007

Press Release 9 de dezembro de 2007 GOL Atualiza Projeções para Investidores São Paulo, - A GOL Linhas Aéreas Inteligentes S.A. (Bovespa: GOLL4 e NYSE: GOL), controladora das companhias aéreas brasileiras de baixo custo GOL Transportes Aéreos

Leia mais

OS IMPACTOS ECONÔMICOS DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES FIFA 2013 NO RIO DE JANEIRO

OS IMPACTOS ECONÔMICOS DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES FIFA 2013 NO RIO DE JANEIRO OS IMPACTOS ECONÔMICOS DA COPA DAS CONFEDERAÇÕES FIFA 2013 NO RIO DE JANEIRO OBSERVATÓRIO DO TURISMO DO RIO DE JANEIRO DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE RIO DE JANEIRO, JUNHO DE 2013 O PERFIL DOS TURISTAS

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO São Paulo Turismo RELATÓRIO EVENTO: Salão do Automóvel 2010 PERFIL SOCIO-DEMOGRÁFICO / Social & demographic profile GÊNERO / Gender 25,5% 74,5% IDADE / Age

Leia mais

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014

Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 Resultados da Movimentação de Viagens Organizadas na Temporada de Inverno 2014 EQUIPE TÉCNICA DO IPETURIS Coordenação: Mariana Nery Pesquisadores: César Melo Tamiris Martins Viviane Silva Suporte: Gerson

Leia mais

Perfil dos Turistas estrangeiros para São Paulo: Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 TM

Perfil dos Turistas estrangeiros para São Paulo: Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 TM Perfil dos Turistas estrangeiros para São Paulo: Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 TM OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO Baseando-se em consultas realizadas nos bancos de

Leia mais

Ficha de Mercado BRASIL. ALENTEJO 2015 Exportar+

Ficha de Mercado BRASIL. ALENTEJO 2015 Exportar+ Ficha de Mercado BRASIL ALENTEJO 2015 Exportar+ Dados Gerais Área: 8.515.692,3 km² População: 201 milhões (estimativa EIU 2013) Densidade populacional: 23,6 habitantes/km² Designação oficial: República

Leia mais

O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo. Roberto Rotter 20 de setembro de 2013

O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo. Roberto Rotter 20 de setembro de 2013 O setor hoteleiro do Brasil às portas da Copa do Mundo Roberto Rotter 20 de setembro de 2013 Panorama atual da hotelaria - Brasil Total de hotéis: 10 mil Total de UH s: 460 mil Fonte: Hotelaria em Números

Leia mais

368 municípios visitados

368 municípios visitados TURISTAS INTERNACIONAIS 60,3% visitaram o Brasil pela primeira vez 91,4 % Copa como o principal motivo da viagem 83% o Brasil atendeu plenamente ou superou suas expectativas 95% tem intenção de retornar

Leia mais

9º Congresso de Mercocidades 2016-2021 Turismo sem Fronteiras para o próximo quinquênio

9º Congresso de Mercocidades 2016-2021 Turismo sem Fronteiras para o próximo quinquênio Buenos Aires, 20 de agosto 2015 9º Congresso de Mercocidades 2016-2021 Turismo sem Fronteiras para o próximo quinquênio Curitiba 16 e 17 de Setembro Mesmo com projeção de um cenário de grande potencial

Leia mais

O MERCADO DE TRABALHO

O MERCADO DE TRABALHO O MERCADO DE TRABALHO NAS ATIVIDADES CARACTERÍSTICAS DE TURISMO NA CIDADE DE SÃO PAULO 99.090 Postos de Trabalho Formais e Diretos Alimentação 44,5% Agência de Viagem 13,1% 22,2% Alojamento 14,7% s 1,9%

Leia mais

PERFIL SOCIOECONÔMICO DOS VISITANTES NOS JOGOS DA COPA DO MUNDO 2014 ARENA PERNAMBUCO Junho de 2014

PERFIL SOCIOECONÔMICO DOS VISITANTES NOS JOGOS DA COPA DO MUNDO 2014 ARENA PERNAMBUCO Junho de 2014 PERFIL SOCIOECONÔMICO DOS VISITANTES NOS JOGOS DA COPA DO MUNDO 2014 ARENA PERNAMBUCO Junho de 2014 APRESENTAÇÃO A Secretaria de Turismo do Estado de Pernambuco, através da EMPETUR, apresenta os resultados

Leia mais

INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS. Novembro de 2014

INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS. Novembro de 2014 INOVAÇÃO E COMPETITIVIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS Novembro de 2014 1 Competitividade de Destinos Emergência nos estudos sobre estratégia empresarial Indústria, empresas, países, organizações Diferentes

Leia mais

Políticas Públicas. Lélio de Lima Prado

Políticas Públicas. Lélio de Lima Prado Políticas Públicas Lélio de Lima Prado Política Cambial dez/03 abr/04 ago/04 dez/04 abr/05 ago/05 Evolução das Reservas internacionais (Em US$ bilhões) dez/05 abr/06 ago/06 dez/06 abr/07 ago/07 dez/07

Leia mais

PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL

PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL PÓLO COSTA DAS PISCINAS/PARAÍBA PLANO DE DESENVOLVIMENTO INTEGRADO DO TURISMO SUSTENTÁVEL ANEXO IV PERFIL DO TURISTA TABELAS JOÃO PESSOA-PB, JUNHO 2004 TABELA Nº01 PROCEDÊNCIA DOS TURISTAS JANEIRO/1999

Leia mais

- Foram aplicados 17.205 questionários em 44 municípios; (Lista completa na última página)

- Foram aplicados 17.205 questionários em 44 municípios; (Lista completa na última página) Pesquisa Fipe 2011 Metodologia - Foram aplicados 17.205 questionários em 44 municípios; (Lista completa na última página) Fluxo - Fluxo de brasileiros de outros estados que vêm à Bahia: 5.291.242 (5,29

Leia mais

INDICADORES MACROECONÔMICOS DO TURISMO, DOS PRINCIPAIS DESTINOS LITORÂNEOS DA BAHIA, NO PERÍODO DE 1998 A 2008

INDICADORES MACROECONÔMICOS DO TURISMO, DOS PRINCIPAIS DESTINOS LITORÂNEOS DA BAHIA, NO PERÍODO DE 1998 A 2008 CULTUR, ano 05 - nº 01/Especial - Jan/2011 www.uesc.br/revistas/culturaeturismo Licença Copyleft: Atribuição-Uso não Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas INDICADORES MACROECONÔMICOS DO TURISMO,

Leia mais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO - OPORTUNIDADES Um evento esportivo do porte de uma Copa do Mundo é como uma grande vitrine do país no exterior e corresponde a um

Leia mais

Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre. Outono 2010

Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre. Outono 2010 Pesquisa do Perfil do Turista Nacional em Porto Alegre Outono 2010 Pesquisa realizada pela SMTur, em parceria com a FARGS e com apoio da Infraero e da Veppo. 22 a 28 de abril Aeroporto área de embarque

Leia mais

PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA DO GRUPO ESPECIAL DE SÃO PAULO 2015 PRINCIPAIS RESULTADOS

PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA DO GRUPO ESPECIAL DE SÃO PAULO 2015 PRINCIPAIS RESULTADOS OBSERVATÓRIO DE TURISMO E EVENTOS DA CIDADE DE SÃO PAULO GERÊNCIA DE COMUNICAÇÃO SÃO PAULO TURISMO PESQUISA DE PERFIL DE PÚBLICO DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA DO GRUPO ESPECIAL DE SÃO PAULO 2015 PRINCIPAIS

Leia mais

Mensagem da Belotur. Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte. Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur

Mensagem da Belotur. Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte. Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur 1 Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur Caderno de Dados JUNHO.15 1 MENSAGEM DA BELOTUR 2 2 APRESENTAÇÃO 4 3 METODOLOGIA 5 4 AMBIENTE MACRO 6 5 SONDAGEM DO CONSUMIDOR 8 6 RECEITA CAMBIAL, GASTOS e fluxo

Leia mais

RESULTADOS CONSOLIDADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS TURISTAS DA COPA 2014 (PST Copa 2014)

RESULTADOS CONSOLIDADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS TURISTAS DA COPA 2014 (PST Copa 2014) RESULTADOS CONSOLIDADOS DA PESQUISA DE SATISFAÇÃO DOS TURISTAS DA COPA 2014 (PST Copa 2014) Os resultados a seguir são baseados em 2.257 entrevistas realizadas com turistas no período de 14 de junho a

Leia mais

Mensagem da Belotur. Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte. Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur

Mensagem da Belotur. Empresa Municipal de Turismo de Belo Horizonte. Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur 1 Igreja da Boa Viagem - Acervo Belotur Caderno de Dados Abril.15 1 MENSAGEM DA BELOTUR 2 2 APRESENTAÇÃO 4 3 METODOLOGIA 5 4 AMBIENTE MACRO 6 5 SONDAGEM DO CONSUMIDOR 8 6 RECEITA CAMBIAL, GASTOS e fluxo

Leia mais

Porque é que o Turismo. é essencial para a Economia Portuguesa?

Porque é que o Turismo. é essencial para a Economia Portuguesa? Porque é que o Turismo é essencial para a Economia Portuguesa? 14 milhões de hóspedes Vindos do Reino Unido, Alemanha, Espanha, França, Brasil, EUA Num leque de países que alarga ano após ano. 9,2 % do

Leia mais

Dispomos de filiais em Natal/RN, bairro de Ponta Negra.

Dispomos de filiais em Natal/RN, bairro de Ponta Negra. Quem Somos? Atua há 22 anos firmada no mercado como agência especializada na negociação, planejamento, divulgação e execução das atividades turísticas. Empresa esta, devidamente cadastrada pelos órgãos

Leia mais

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO

OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO OBSERVATÓRIO DO TURISMO DA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO PAULO TURISMO RELATÓRIO EVENTO: Virada Cultural A São Paulo Turismo (SPTuris) esteve presente no megaevento da Virada Cultural 2013, na cidade de São

Leia mais

PROGRAMA PARANÁ MICE PROJETO DE PESQUISAS DE DEMANDA

PROGRAMA PARANÁ MICE PROJETO DE PESQUISAS DE DEMANDA PROGRAMA PARANÁ MICE PROJETO DE PESQUISAS DE DEMANDA PROMOTORES DE EVENTOS ASSOCIATIVOS ESTADUAIS ASSOCIATIVOS LOCAIS CORPORATIVOS TURISTAS NEGÓCIOS ( 2016) EVENTOS FEIRAS CONGRESSOS 2 SEMINÁRIO PARANÁ

Leia mais

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012

OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 (Estudo Técnico nº 175) François E. J. de Bremaeker Salvador, julho de 2012 2 OS MUNICÍPIOS BILIONÁRIOS EM 2012 François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Associação

Leia mais

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE

As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras. Diretoria de Engenharia - DE As condições de acessibilidade e mobilidade nas cidades receptoras Diretoria de Engenharia - DE Cidades candidatas e seus aeroportos Aeroportos da INFRAERO primeira e última imagem que o turista estrangeiro

Leia mais