Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento. Lúbia Vinhas 13/05/2008

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento. Lúbia Vinhas 13/05/2008"

Transcrição

1 Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento Lúbia Vinhas 13/05/2008

2 Desejo saber estatísticas sobre áreas queimadas. Desejo fazer análises por localização, por classes de uso ou ainda por seleção de local. 2

3 Toneladas de dados coletados e arquivados em diferentes lugares, por diferentes donos. Grandes e caros para mover e converter de um lugar para outro Impossível de serem armazenados e gerenciados de maneira centralizada Impossível de se escolher uma única plataforma de software 3

4 Idéia: trabalhar em um modelo onde cada dado fica onde está, na plataforma que está, e não apenas humanos, mas software conseguem acessá-los. 4

5 WEB SOAP OGC GML A vingança dos computeiros WMS WPS WFS XML

6 WEB Services É uma forma de integração entre aplicações, utilizando a WEB como meio de comunicação: Auto-contidos e sabem se descrever Comunicam-se por protocolos abertos São acessados por aplicações São publicados e descobertos 6

7 Web Services SOAP - Simple Object Access Protocol: é o protocolo usado para trocar mensagens entre aplicações, independente de plataforma ou linguagem WSDL - Web Services Description Language: é uma linguagem usada para descrever serviços Web e para acessá-los. É baseada em XML. UDDI - Universal Description, Discovery and Integration: serviço de diretório para a publicação e descobrimento de informações. XML extensible Markup Language. 7

8 XML extensible Markup Language XML é uma especificação de propósito geral para a codificação de dados em texto puro. Serve para facilitar o compartilhamento de dados estruturados entre diferentes sistemas, principalmente via Internet. Ela permite que usuários possam criar seus próprios elementos, por isso é extensível. Esquemas XML definem a estrutura do documento. 8

9 Web Services Geográficos Quais são as funcionalidades básicas que interessam aos usuários de aplicações geográficas? Visualizar mapas, acessar dados, processar dados INPE -GetLayer - Retorno ASCII SPRING GetMap or GetLayer???? MMA -GetMap - Retorno Shapefile Cliente 9

10 Web Services Geográficos The Open Geospatial Consortium, Inc. (OGC) é uma organização sem fins lucrativos, internacional, formada pela academia, indústria e comunidade, que desenvolve especificações para produtos, formatos de dados e serviços geográficos. Essas especificações visam resolver questões de interoperabilidade, de forma que dois sistemas possam se comunicar. OGC Web Services: W_S O que você pode fazer? Ótimo! Então me dê isso... Essas são as minhas capacidades. Aí vai... 10

11 OGC Web Services WMS Web Map Service: serviço para produção de mapas. Os mapas são apresentações (renderização) da realidade definida pelo dado e não inclui o dado em si. Vamos ver no cliente WMS Figura: Gilberto Ribeiro 11

12 OGC Web Services WFS Web Feature Service: serviço para acesso e manipulação de dados geográficos. WFS-T Web Feature Service Transacional: permite a alteração do dado. Vamos ver no cliente WFS 12 Figura: Gilberto Ribeiro

13 OGC Web Services GML Geography Markup Language: especificação OGC para codificar informação geográfica em XML Figura: Gilberto Ribeiro 13

14 OGC Web Services Filter Encoding: permite codificar expressões de filtro em XML. Pode ser usada por qualquer outro serviço que precise expressar predicados de consulta. Serviço Publica que suporta Filtro WFS compreende e aplica o Filtro 14

15 OGC Web Services WCS Web Coverage Service: serviço para acesso a dados geográficos do tipo Coverage. Vamos ver no cliente WCS Figura: Gilberto Ribeiro 15

16 OGC Web Services WPS Web Processing Service: serviço executar algum tipo de processamento (cálculo) Vamos ver no cliente WPS 16

17 O que preciso para entrar no mundo dos Webservices? CONSUMIDOR Usar SIG s que possam ser usados como clientes: Ex: plugin WMS para o TerraView, para o UDIG, etc. WMS, WFS: cada vez mais as ferramentas irão suportá-los, pois de fato, são serviços mais alto contidos. WCS: ainda existem poucos produtos. WPS: muito gerais, difícil ter um cliente para qualquer processamento. Clientes para domínios específicos são mais prováveis. PROVEDOR Ferramentas para construção de servidores: Ex: TerraOGC para disponibilizar uma base TerraLib através de WMS e WFS; MapServer, etc. WCS: envolve muito pré-processamento de dados. Existem ferramentas que facilitam isso, mas é uma longa receita de bolo para fazer um servidor funcionar corretamente (ex. GeoServer, Deegree). WPS: dada sua característica geral, você vai Outros serviços ainda estão em amadurecimento. precisar de programadores! Não existem ferramentas prontas... 17

18 Web Services Geográficos Existe uma longa lista de serviços e especificações OGC... mas é preciso ter expectativas realistas: O consórcio tem uma influência forte da indústria (quem paga mais influencia mais); Especificações são difíceis de entender; Existem problemas de versionamento, as especificações estão em constante mudança. Interoperabilidade é necessária e não tem volta; Interoperabilidade permite o compartilhamento do que interessa: dados e em alguns casos, conhecimento metodológico; SDI s Spatial Data Infrastructures: base collection of technologies, policies and institutional arrangements that facilitate the availability of and access to spatial data. 18

19 Web Services Geográficos Discussão Transporte de dados Tamanho do dado pode tornar o seu tráfego mais lento do que o cliente está disposto a esperar. Processamentos podem ser longos demais. Se o servidor sai do ar... o serviço sai do ar. WFS GML internet WCS GeoTIFF Cliente 19

20 Web Services Geográficos Discussão Encadeamento de serviços: programados por aplicação. 20

21 DEMONSTRAÇÃO - OBSERVATÓRIO Serviços geográficos baseados em mediadores e padrões abertos para monitoramento ambiental participativo na Amazônia Emerson Xavier 21

22 Obrigada!

Geoprocessamento e Internet

Geoprocessamento e Internet Geoprocessamento e Internet Lúbia Vinhas Divisão de Processamento de Imagens INPE Internet A internet é um sistema de global que liga bilhões de redes de computadores administradas, mantidas e sustentadas

Leia mais

O Sistema Nacional de Informação Geográfica. Rui Pedro Julião Subdirector-General rpj@igeo.pt. snig.igeo.pt

O Sistema Nacional de Informação Geográfica. Rui Pedro Julião Subdirector-General rpj@igeo.pt. snig.igeo.pt O Sistema Nacional de Informação Geográfica Rui Pedro Julião Subdirector-General rpj@igeo.pt snig.igeo.pt Tópicos Enquadramento IDE Contexto Antecedentes GeoPORTAL Estrutura Funcionalidades Próximos passos

Leia mais

Disseminação e Compartilhamento de Dados Geoespaciais na Web

Disseminação e Compartilhamento de Dados Geoespaciais na Web Disseminação e Compartilhamento de Dados Geoespaciais na Web Clique para editar o estilo do subtítulo mestre Diego Mendes Rodrigues Gerente Serviços e Soluções ERDAS diego.rodrigues@sccon.com.br Santiago

Leia mais

Padrões OGC e Serviços Web Geoespaciais. Open Geospatial Consortium

Padrões OGC e Serviços Web Geoespaciais. Open Geospatial Consortium Padrões OGC e Serviços Web Geoespaciais Clodoveu Davis Open Geospatial Consortium O OGC idealizou uma arquitetura de software para acesso distribuído a dados geo-espaciais e recursos de geoprocessamento

Leia mais

PROGRAMA DE MBA em Gestão e Engenharia do Produto. O Produto Internet e suas Aplicações

PROGRAMA DE MBA em Gestão e Engenharia do Produto. O Produto Internet e suas Aplicações Universidade de São Paulo Escola Politécnica Programa de Educação Continuada em Engenharia PROGRAMA DE MBA em Gestão e Engenharia do Produto O Produto Internet e suas Aplicações Tecnologias de Informação

Leia mais

Geoprocessamento com Software Livre. Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias

Geoprocessamento com Software Livre. Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias Geoprocessamento com Software Livre Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias SUMÁRIO O que é Software Livre? A GLP GNU Geoprocessamento Algumas Geotecnologias Geotecnologias Livres

Leia mais

Microsoft.NET. Desenvolvimento Baseado em Componentes

Microsoft.NET. Desenvolvimento Baseado em Componentes Microsoft.NET Lirisnei Gomes de Sousa lirisnei@hotmail.com Jair C Leite jair@dimap.ufrn.br Desenvolvimento Baseado em Componentes Resolução de problemas específicos, mas que podem ser re-utilizados em

Leia mais

Acesso à informação geográfica através do SNIG e da iniciativa IGEO. Direção-Geral do Território Paulo Patrício

Acesso à informação geográfica através do SNIG e da iniciativa IGEO. Direção-Geral do Território Paulo Patrício Acesso à informação geográfica através do SNIG e da iniciativa IGEO Direção-Geral do Território Paulo Patrício Serviços de Conjuntos de Dados Geográficos Serviços de Conjuntos de Dados Geográficos: informação

Leia mais

INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE 1. Kellen Kristine Perazzoli 2 ; Manassés Ribeiro 3

INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE 1. Kellen Kristine Perazzoli 2 ; Manassés Ribeiro 3 INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE 1 Kellen Kristine Perazzoli 2 ; Manassés Ribeiro 3 INTRODUÇÃO Atualmente empresas de diversos portes estão encontrando nos web services soluções para seus

Leia mais

2 Conceitos relativos a Web services e sua composição

2 Conceitos relativos a Web services e sua composição 15 2 Conceitos relativos a Web services e sua composição A necessidade de flexibilidade na arquitetura das aplicações levou ao modelo orientado a objetos, onde os processos de negócios podem ser representados

Leia mais

Consumindo um Web Service através de uma Aplicação Comercial em Android. Alex Malmann Becker www.alex.porthal.com.br alex@porthal.com.

Consumindo um Web Service através de uma Aplicação Comercial em Android. Alex Malmann Becker www.alex.porthal.com.br alex@porthal.com. Consumindo um Web Service através de uma Aplicação Comercial em Android Alex Malmann Becker www.alex.porthal.com.br alex@porthal.com.br 08/2014 Agenda Introdução Conceitos Web Service Por que utilizar

Leia mais

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Jump Qgis Thuban MapServer

Leia mais

SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO

SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO Ferramentas Proprietário para SIG É um conjunto de aplicativos computacionais de Sistemas de Informações Geográficas (SIGs) desenvolvido pela empresa norte americana Esri

Leia mais

Introdução Padrões OGC Instalação Configuração Formatos de Saída Aplicação AGENDA

Introdução Padrões OGC Instalação Configuração Formatos de Saída Aplicação AGENDA Introdução ao Introdução Padrões OGC Instalação Configuração Formatos de Saída Aplicação AGENDA INTRODUÇÃO GeoServer GeoTools INTRODUÇÃO GeoServer Servidor de informação geoespacial OGC; Utilizado para

Leia mais

Governo Federal / Governo Estadual. Imagem suportando a Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais INDE Carlos Toledo

Governo Federal / Governo Estadual. Imagem suportando a Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais INDE Carlos Toledo Governo Federal / Governo Estadual Imagem suportando a Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais INDE Carlos Toledo Plenária Desafios comuns Governança de dados espaciais; Informação geográfica é um ativo

Leia mais

UFG - Instituto de Informática

UFG - Instituto de Informática UFG - Instituto de Informática Especialização em Desenvolvimento de Aplicações Web com Interfaces Ricas EJB 3.0 Prof.: Fabrízzio A A M N Soares professor.fabrizzio@gmail.com Aula 13 Web Services Web Services

Leia mais

INFRAESTRUTURA DE DADOS OCEANOGRÁFICOS NO BRASIL: OPORTUNIDADES TECNOLÓGICAS Versus LACUNAS CULTURAIS. Rafael M. Sperb

INFRAESTRUTURA DE DADOS OCEANOGRÁFICOS NO BRASIL: OPORTUNIDADES TECNOLÓGICAS Versus LACUNAS CULTURAIS. Rafael M. Sperb INFRAESTRUTURA DE DADOS OCEANOGRÁFICOS NO BRASIL: OPORTUNIDADES TECNOLÓGICAS Versus LACUNAS CULTURAIS Rafael M. Sperb CONTEXTO Desenvolvimento do Macroprojeto do Instituto Nacional de Pesquisas Oceânicas

Leia mais

Serviços de Dados Geográficos INSPIRE

Serviços de Dados Geográficos INSPIRE Serviços de Dados Geográficos INSPIRE Danilo Furtado dfurtado@dgterritorio.pt Agenda 1. Introdução 2. Fundamentos sobre Serviços de Dados Geográficos 3. Ferramentas Open Source para Serviços de Rede 4.

Leia mais

Kassius Vargas Prestes

Kassius Vargas Prestes Kassius Vargas Prestes Agenda 1. Introdução Web Services 2. XML, SOAP 3. Apache Tomcat 4. Axis 5. Instalação Tomcat e Axis 6. Criação de um Web Service 7. Criação de um cliente Baixar http://www.inf.ufrgs.br/~kvprestes/webservices/

Leia mais

Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA

Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA DPI - INPE Criada em 1984, a Divisão de Processamento de Imagens (DPI) faz parte da Coordenação Geral de Observação da Terra/OBT do Instituto Nacional de Pesquisas

Leia mais

DISPONIBILIZAÇÃO DE SERVIÇOS BASEADOS EM LOCALIZAÇÃO VIA WEB SERVICES

DISPONIBILIZAÇÃO DE SERVIÇOS BASEADOS EM LOCALIZAÇÃO VIA WEB SERVICES DISPONIBILIZAÇÃO DE SERVIÇOS BASEADOS EM LOCALIZAÇÃO VIA WEB SERVICES GRACE KELLY DE CASTRO SILVA, PATRÍCIA MARIA PEREIRA e GEOVANE CAYRES MAGALHÃES (ORIENTADOR) CPqD Centro de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

Geoprocessamento e Padrões OGC

Geoprocessamento e Padrões OGC Geoprocessamento e Padrões OGC Martin Pereira 36 slides Agenda Geoprocessamento Definição Histórico SIG OGC Definição Importância Histórico Padrões Slide 2 de 36 Geoprocessamento Definição Disciplina do

Leia mais

Guia de apoio à utilização. de serviços WFS

Guia de apoio à utilização. de serviços WFS Guia de apoio à utilização de serviços WFS maio de 2015 Ficha Técnica Referência: For ArcGIS for Desktop 10.3 Esri Portugal Sistemas e Informação Geográfica, S.A. Rua Julieta Ferrão, nº 10 10º 1600-131

Leia mais

OpenGIS e Web Services aplicados ao intercâmbio de dados geográficos

OpenGIS e Web Services aplicados ao intercâmbio de dados geográficos OpenGIS e Web Services aplicados ao intercâmbio de dados geográficos Michael Schuenck dos Santos 1, Valéria Gonçalves Soares 1 1 Departamento de Informática e Matemática Aplicada - UFRN, Caixa Postal 515,

Leia mais

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com OFICINA USO DO I3GEO Levindo Cardoso Medeiros levindocm@gmail.com ESTRUTURA INTRODUÇÃO UTILIZANDO O I3GEO Aprendendo a navegar pelo I3Geo Propriedades do mapa ADICIONANDO E MANIPULANDO CAMADAS Adicionando

Leia mais

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2

Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-2 Aula 2 Computação em Nuvem Desafios e Oportunidades A Computação em Nuvem

Leia mais

WISS-SERVIÇO WEB PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS: ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO

WISS-SERVIÇO WEB PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS: ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO INPE-14609-TDI/1189 WISS-SERVIÇO WEB PARA SEGMENTAÇÃO DE IMAGENS: ESPECIFICAÇÃO E IMPLEMENTAÇÃO Luigi Carli Marroni Aulicino Dissertação de Mestrado do Curso de Pós-Graduação em Computação Aplicada, orientada

Leia mais

Estudo do XML, GML, SVG e WEBSERVICES (WMS e WFS) para formatação e divulgação de informações geográficas. Fábio Brandão¹ João Araújo Ribeiro¹

Estudo do XML, GML, SVG e WEBSERVICES (WMS e WFS) para formatação e divulgação de informações geográficas. Fábio Brandão¹ João Araújo Ribeiro¹ Estudo do XML, GML, SVG e WEBSERVICES (WMS e WFS) para formatação e divulgação de informações geográficas. Fábio Brandão¹ João Araújo Ribeiro¹ 1 Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Criação de Serviços de Dados Geográficos com software Open Source:

Criação de Serviços de Dados Geográficos com software Open Source: Criação de Serviços de Dados Geográficos com software Open Source: serviços INSPIRE de visualização WMS e de descarregamento WFS Danilo Furtado dfurtado@dgterritorio.pt 1 Agenda 1. Serviços de Dados Geográficos

Leia mais

11/20/10. Resoluções: Teste de Áudio. Não suporto esses malucos de TI. Só inventam despesas. Não acredito que teremos que pagar por mais softwares.

11/20/10. Resoluções: Teste de Áudio. Não suporto esses malucos de TI. Só inventam despesas. Não acredito que teremos que pagar por mais softwares. Não suporto esses malucos de TI. Só inventam despesas. Não acredito que teremos que pagar por mais softwares. Teste de Áudio Quero adaptar os softs que já temos e você não sabe como faz e diz que não é

Leia mais

Mapserver Servidor de Mapas. João Araujo

Mapserver Servidor de Mapas. João Araujo Mapserver Servidor de Mapas João Araujo Por que fazer mapas? Mapas têm tido papel prepoderante nas atividades humanas por milhares de anos. Desde o início, mapas eram usados para mostrar onde as coisas

Leia mais

Modelagem de Sistemas Web. Ferramentas e metodologias para projeto de sistemas web

Modelagem de Sistemas Web. Ferramentas e metodologias para projeto de sistemas web Modelagem de Sistemas Web Aula 4 Ferramentas e metodologias para projeto de sistemas web Ferramentas e metodologias para projeto de sistemas web Ferramentas CASE Fontes: Sarajane e Marques Peres Introdução

Leia mais

MECANISMOS PARA INTERCÂMBIO DE DADOS GEOGRÁFICOS ATRAVÉS DE WEB SERVICES

MECANISMOS PARA INTERCÂMBIO DE DADOS GEOGRÁFICOS ATRAVÉS DE WEB SERVICES MECANISMOS PARA INTERCÂMBIO DE DADOS GEOGRÁFICOS ATRAVÉS DE WEB SERVICES Michael Schuenck e Valéria Gonçalves Soares Departamento de Informática e Matemática Aplicada - UFRN, Caixa Postal 515, 12201, Natal,

Leia mais

PRODUÇÃO CARTOGRÁFICA SERVIÇOS WEB

PRODUÇÃO CARTOGRÁFICA SERVIÇOS WEB SERVIÇOS WEB World Wide Web Evolução de simples páginas com conteúdo estático para páginas com conteúdos dinâmicos (extraídos, principalmente, de Sistemas Gerenciadores de Bancos de Dados SGBD) Tecnologias

Leia mais

Centro de Trabalho Indigenista CTI

Centro de Trabalho Indigenista CTI Centro de Trabalho Indigenista CTI Termo de Referência para Contratação de Consultoria Técnica Junho de 2015 Projeto Proteção Etnoambiental de Povos Indígenas Isolados e de Recente Contato na Amazônia

Leia mais

Sistemas Distribuídos

Sistemas Distribuídos Sistemas Distribuídos LICENCIATURA EM COMPUTAÇÃO Prof. Adriano Avelar Site: www.adrianoavelar.com Email: eam.avelar@gmail.com Mecanismos de Comunicação Protocolos de Aplicação Mecanismos de comunicação

Leia mais

Clientes. Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Ministério das Cidades. Agência Nacional de Águas. Correios IMBEL

Clientes. Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Ministério das Cidades. Agência Nacional de Águas. Correios IMBEL Helton UCHOA OpenGEO A OpenGEO é uma empresa de Engenharia e Tecnologia que atua em 3 grandes segmentos: Sistemas de Gestão Corporativa (ERP & GRP), Geotecnologias e Treinamentos; Em poucos anos, a OpenGEO

Leia mais

SOA Introdução. SOA Visão Departamental das Organizações

SOA Introdução. SOA Visão Departamental das Organizações 1 Introdução A Organização é a forma pela qual nós coordenamos nossos recursos de todos os tipos para realizar o trabalho que nos propusemos a fazer. A estrutura de nossas organizações manteve-se basicamente

Leia mais

Infra estrutura da Tecnologia da Informação

Infra estrutura da Tecnologia da Informação Infra estrutura da Tecnologia da Informação Capítulo 3 Adaptado do material de apoio ao Livro Sistemas de Informação Gerenciais, 7ª ed., de K. Laudon e J. Laudon, Prentice Hall, 2005 CEA460 Gestão da Informação

Leia mais

PROGRAMAÇÃO SERVIDOR WEBSERVICES EM SISTEMAS WEB. Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1

PROGRAMAÇÃO SERVIDOR WEBSERVICES EM SISTEMAS WEB. Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 PROGRAMAÇÃO SERVIDOR EM SISTEMAS WEB WEBSERVICES Prof. Dr. Daniel Caetano 2012-1 Objetivos Compreender o que é um WebService e sua utilidade Compreender a lógica de funcionamento de um WebService Capacitar

Leia mais

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP OpenJUMP No início foi chamado apenas de JUMP (JAVA Unified Mapping Platform), e se tornou popular no mundo livre de SIG(Sistema de informação Geográfica), desenhado por Vivid Solutions. Atualmente é desenvolvido

Leia mais

QGIS: Plataformaintegradaparadisponibilizaçãode GeoWebservices

QGIS: Plataformaintegradaparadisponibilizaçãode GeoWebservices 1 QGIS: Plataformaintegradaparadisponibilizaçãode GeoWebservices V Jornadas Ibéricas de Infraestruturas de Dados Espaciais Lisboa 5-7 novembro2014 2 Danilo Furtado (dfurtado@dgterritorio.pt) Direção-Geral

Leia mais

Universidade Federal de Juiz de Fora Ciência da Computação Sistemas Distribuídos Professor Ciro Barbosa

Universidade Federal de Juiz de Fora Ciência da Computação Sistemas Distribuídos Professor Ciro Barbosa Universidade Federal de Juiz de Fora Ciência da Computação Sistemas Distribuídos Professor Ciro Barbosa Web Service Plínio Antunes Garcia Sam Ould Mohamed el Hacen Sumário Introdução conceitual O Web Service

Leia mais

3 Serviços na Web (Web services)

3 Serviços na Web (Web services) 3 Serviços na Web (Web services) 3.1. Visão Geral Com base na definição do Word Wide Web Consortium (W3C), web services são aplicações autocontidas, que possuem interface baseadas em XML e que descrevem

Leia mais

PROGRAMAS COMPUTACIONAIS LIVRES, GRATUITOS E DE CÓDIGO-ABERTO ABORDAGEM CONCEITUAL RELACIONADA A TECNOLOGIAS DA GEOINFORMAÇÃO

PROGRAMAS COMPUTACIONAIS LIVRES, GRATUITOS E DE CÓDIGO-ABERTO ABORDAGEM CONCEITUAL RELACIONADA A TECNOLOGIAS DA GEOINFORMAÇÃO PROGRAMAS COMPUTACIONAIS LIVRES, GRATUITOS E DE CÓDIGO-ABERTO ABORDAGEM CONCEITUAL RELACIONADA A TECNOLOGIAS DA GEOINFORMAÇÃO IVACELI DOS SANTOS BEZERRA 1 LUCILENE ANTUNES CORREIA MARQUES DE SÁ 2 Universidade

Leia mais

Serviços Web: Introdução

Serviços Web: Introdução Sistemas Distribuídos Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão Objetivos Nesta aula

Leia mais

Web Services. (Introdução)

Web Services. (Introdução) Web Services (Introdução) Agenda Introdução SOA (Service Oriented Architecture) Web Services Arquitetura XML SOAP WSDL UDDI Conclusão Introdução Comunicação distribuída Estratégias que permitem a comunicação

Leia mais

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Belo Horizonte/MG 24 a 27/11/2014 INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Adriano Peixoto Panazzolo (*), Augusto Gattermann Leipnitz, Daniela Viegas, Társio Onofrio Cardoso da Silva, Thiago

Leia mais

Introdução a Web Services

Introdução a Web Services Introdução a Web Services Mário Meireles Teixeira DEINF/UFMA O que é um Web Service? Web Service / Serviço Web É uma aplicação, identificada por um URI, cujas interfaces podem ser definidas, descritas

Leia mais

Serviços Web: Arquitetura

Serviços Web: Arquitetura Sistemas Distribuídos Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão Objetivos Nesta aula

Leia mais

SIGWeb Builder: Um Software Livre para Desenvolvimento de SIG Webs

SIGWeb Builder: Um Software Livre para Desenvolvimento de SIG Webs SIGWeb Builder: Um Software Livre para Desenvolvimento de SIG Webs Helder Guimarães Aragão 1,2,3, Jorge Campos 1 1 GANGES Grupo de Aplicações e Análises Geoespaciais Mestrado em Sistemas e Computação -

Leia mais

Software livre como aporte em Transferência de tecnologia para o Instituto de Investigação Agronômica de Moçambique. Resumo

Software livre como aporte em Transferência de tecnologia para o Instituto de Investigação Agronômica de Moçambique. Resumo Software livre como aporte em Transferência de tecnologia para o Instituto de Investigação Agronômica de Moçambique Resumo A Embrapa, junto a outras instituições, iniciou um projeto de fortalecimento da

Leia mais

Metadados. Data 01/08/06

Metadados. Data 01/08/06 Metadados Data 01/08/06 Assuntos Clearinghouse Portal geodata.gov Metadados geoespaciais Padrões de documentação Padrão FGDC e perfis de metadados Implementação / Tarefas Clearinghouse Criada pela Executive

Leia mais

acoplamento Exprime o grau de conexão entre os módulos; os módulos de um software devemapresentar um baixo coeficiente de acoplamento.

acoplamento Exprime o grau de conexão entre os módulos; os módulos de um software devemapresentar um baixo coeficiente de acoplamento. SOA Arquitetura Orientada a Serviços Conceitos e Aplicações Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com/ http://edilms.eti.br Gestão de TI Conceitode SOA SOA - Service OrientedArchitecture (Arquitetura

Leia mais

Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento

Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento Serviços de rede INSPIRE: visualização e descarregamento Implementação utilizando o MapServer Danilo Furtado Laboratório Nacional de Engenharia Civil Agenda 1. Serviço de visualização INSPIRE View Service

Leia mais

As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real

As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real As novas dimensões do GIS: 4D, cloud, móvel, tempo real Wolmar Sabino Gerente Técnico da Área de Governo MundoGEO#Connect LatinAmerica 2013 18 a 20 de Junho São Paulo (SP) Brasil AGENDA BREVE HISTÓRICO

Leia mais

Banco de dados geográficos do Exército Brasileiro: arquitetura e resultados

Banco de dados geográficos do Exército Brasileiro: arquitetura e resultados Banco de dados geográficos do Exército Brasileiro: arquitetura e resultados Solução tecnológica para IDEs XAVIER, Emerson M. A.; MEYER, Wladimir S.; LUNARDI, Omar A. PALAVRAS-CHAVE O marco legal que instituiu

Leia mais

11 O Open Geospatial Consortium

11 O Open Geospatial Consortium 11 O Open Geospatial Consortium Clodoveu A. Davis Jr. Karla A. V. Borges Ligiane Alves de Souza Marco Antonio Casanova Paulo de Oliveira Lima Júnior 11.1 Introdução Este capítulo resume o modelo conceitual,

Leia mais

Comunicado Técnico 11

Comunicado Técnico 11 Comunicado Técnico 11 ISSN 2177-854X Maio. 2011 Uberaba - MG Web Services e XML Comunicação Inteligente entre Sistemas Responsáveis: Daniela Justiniano de Sousa E-mail: dsol_dani21@hotmail.com Graduada

Leia mais

Integração de sistemas utilizando Web Services do tipo REST

Integração de sistemas utilizando Web Services do tipo REST Integração de sistemas utilizando Web Services do tipo REST Jhonatan Wilson Aparecido Garbo, Jaime Willian Dias Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil jhowgarbo@gmail.com jaime@unipar.br

Leia mais

UNIVERSIDADE. Sistemas Distribuídos

UNIVERSIDADE. Sistemas Distribuídos UNIVERSIDADE Sistemas Distribuídos Ciência da Computação Prof. Jesus José de Oliveira Neto Web Services Web Services Existem diferentes tipos de comunicação em um sistema distribuído: Sockets Invocação

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA SOFTWARE E NORMAS ABERTAS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA Álvaro Pinto Março 2014 SESSÕES AMA / ESOP 2013 1. Desktop e ferramentas do dia a dia; 2. E-mail, LDAP e fileshare;

Leia mais

Documento apresentado para discussão. II Encontro Nacional de Produtores e Usuários de Informações Sociais, Econômicas e Territoriais

Documento apresentado para discussão. II Encontro Nacional de Produtores e Usuários de Informações Sociais, Econômicas e Territoriais Documento apresentado para discussão II Encontro Nacional de Produtores e Usuários de Informações Sociais, Econômicas e Territoriais Rio de Janeiro, 21 a 25 de agosto de 2006 PID - Projeto de Interoperabilidade

Leia mais

OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE)

OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE) OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE) APRESENTAÇÃO 1. O ATLAS SOCIO-ECONÔMICO-AMBIENTAL DA RM NATAL, COM BASE EM APLICATIVO DESENVOLVIDO

Leia mais

Service Oriented Architecture SOA

Service Oriented Architecture SOA Service Oriented Architecture SOA Arquitetura orientada aos serviços Definição: Arquitetura de sistemas distribuídos em que a funcionalidade é disponibilizada sob a forma de serviços (bem definidos e independentes)

Leia mais

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas?

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Thuban Qgis Jump MapServer O Futuro das Tecnologias

Leia mais

O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos

O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos Prof. Herondino O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos Inserir e integrar, numa única base de dados informações espaciais provenientes de: meio

Leia mais

Aplicação de Serviços Web OGC em Infraestruturas de Dados Espaciais

Aplicação de Serviços Web OGC em Infraestruturas de Dados Espaciais Aplicação de Serviços Web OGC em Infraestruturas de Dados Espaciais %HWkQLD6LOYD$UDXMR &ORGRYHX$'DYLV-U 1 Instituto de Educação Continuada - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais Belo Horizonte

Leia mais

INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE. Kellen Kristine Perazzoli 1, Manassés Ribeiro 2 RESUMO

INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE. Kellen Kristine Perazzoli 1, Manassés Ribeiro 2 RESUMO INTEGRAÇÃO DE APLICAÇÕES UTILIZANDO WEB SERVICE Kellen Kristine Perazzoli, Manassés Ribeiro RESUMO O grande avanço tecnológico vivenciado nos últimos anos, os web services vem sendo utilizados trazendo

Leia mais

POTENCIALIDADES E APLICAÇÕES DE SERVIDORES DE DADOS GEOGRÁFICOS INTEROPERÁVEIS

POTENCIALIDADES E APLICAÇÕES DE SERVIDORES DE DADOS GEOGRÁFICOS INTEROPERÁVEIS POTENCIALIDADES E APLICAÇÕES DE SERVIDORES DE DADOS GEOGRÁFICOS INTEROPERÁVEIS ROMILDO TOSCANO DE BRITO NETO MARCELLO BENIGNO BORGES BARROS FILHO Universidade Federal da Paraíba - UFPB Instituto Federal

Leia mais

O ambiente GeoNetwork

O ambiente GeoNetwork O ambiente GeoNetwork Catálogo Web para a documentação, edição e disseminação de metadados geográficos. Características principais: livre e de código aberto; mecanismos de busca avançados; edição de metadados

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS EMERSON LEITE DE MORAES J.O.W.S. CLIENT - UMA BIBLIOTECA PARA USO DE WEB SERVICES GEOGRÁFICOS

FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS EMERSON LEITE DE MORAES J.O.W.S. CLIENT - UMA BIBLIOTECA PARA USO DE WEB SERVICES GEOGRÁFICOS FACULDADE DE TECNOLOGIA DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS EMERSON LEITE DE MORAES J.O.W.S. CLIENT - UMA BIBLIOTECA PARA USO DE WEB SERVICES GEOGRÁFICOS SÃO JOSÉ DOS CAMPOS 2011 EMERSON LEITE DE MORAES J.O.W.S. CLIENT

Leia mais

Programação Cliente em Sistemas Web

Programação Cliente em Sistemas Web Programação Cliente em Sistemas Web WEBSERVICES Cap 18. - Sistemas distribuídos e serviços web em Deitel, H.M, Sistemas Operacionais, 3 ª edição, Pearson Prentice Hall, 2005 Fonte: Rodrigo Rebouças de

Leia mais

TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2. AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA

TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2. AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA TEMA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO -Tipos de SI e Recursos de Software parte2 AULA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PROFa. ROSA MOTTA CONTEÚDO DA AULA Tipos de Software Serviços Web Tendências 2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS APLICADO À GESTÃO TERRITORIAL DA FAZENDA EXPERIMENTAL DA EMBRAPA FLORESTAS EM COLOMBO/PR

SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS APLICADO À GESTÃO TERRITORIAL DA FAZENDA EXPERIMENTAL DA EMBRAPA FLORESTAS EM COLOMBO/PR UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ LUZIANE FRANCISCON SISTEMA DE INFORMAÇÕES GEOGRÁFICAS APLICADO À GESTÃO TERRITORIAL DA FAZENDA EXPERIMENTAL DA EMBRAPA FLORESTAS EM COLOMBO/PR CURITIBA 2012 LUZIANE FRANCISCON

Leia mais

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um serviço de visualização utilizando tecnologia Open Source: MapServer Danilo Furtado dfurtado@igeo.pt myesig2010 Lisboa 2010 1 Agenda 1.

Leia mais

INFRAESTRUTURA DE TI E TECNOLOGIAS EMERGENTES

INFRAESTRUTURA DE TI E TECNOLOGIAS EMERGENTES Sistema de Informação e Tecnologia FEQ 0411 Prof Luciel Henrique de Oliveira luciel@uol.com.br Capítulo 5 INFRAESTRUTURA DE TI E TECNOLOGIAS EMERGENTES PRADO, Edmir P.V.; SOUZA, Cesar A. de. (org). Fundamentos

Leia mais

Web Services. Autor: Rômulo Rosa Furtado

Web Services. Autor: Rômulo Rosa Furtado Web Services Autor: Rômulo Rosa Furtado Sumário O que é um Web Service. Qual a finalidade de um Web Service. Como funciona o serviço. Motivação para o uso. Como construir um. Referências. Seção: O que

Leia mais

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer

Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer Serviço de visualização (INSPIRE View Service) Como implementar um servidor WMS utilizando tecnologia Open Source: MapServer Danilo Furtado dfurtado@igeo.pt 2 as Jornadas SASIG Évora 2009 1 Agenda 1. Serviço

Leia mais

BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS

BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS E WEBMAPPING - I 3 GEO Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Apresentação Instalação do i 3 Geo Visão geral do i3geo Características e funcionalidades

Leia mais

SOA - Service Oriented Architecture. Marcelo Canevello Ferreira

SOA - Service Oriented Architecture. Marcelo Canevello Ferreira SOA - Service Oriented Architecture Marcelo Canevello Ferreira Índice Arquitetura baseada em componentes Introdução a SOA Principais conceitos de SOA SOA Framework Abordagem de integração Conclusões Evolução

Leia mais

Serviços de Dados Geográficos INSPIRE com GeoServer

Serviços de Dados Geográficos INSPIRE com GeoServer Serviços de Dados Geográficos INSPIRE com GeoServer 2015 Danilo Furtado (dfurtado@dgterritorio.pt) Direção-Geral do Território Divisão de Gestão de Recursos Informáticos Membro do Grupo de Trabalho SNIG

Leia mais

Porque adotar SOA. (Service Oriented Architecture) SOA. Por Ricardo de Castro Barbosa. Publicado Setembro/2008. 1 Portal BPM - www.portalbpm.com.

Porque adotar SOA. (Service Oriented Architecture) SOA. Por Ricardo de Castro Barbosa. Publicado Setembro/2008. 1 Portal BPM - www.portalbpm.com. SOA Porque adotar SOA (Service Oriented Architecture) Por Ricardo de Castro Barbosa Publicado Setembro/2008 Ricardo de Castro Barbosa é sócio da SOA- Savoir Faire (www.soa-savoirfaire.com.br) empresa dedicada

Leia mais

Web Services. Integração de aplicações na Web. Sistemas Distribuídos

Web Services. Integração de aplicações na Web. Sistemas Distribuídos Web Services Integração de aplicações na Web Integração de Aplicações na Web Interoperação entre ambientes heterogêneos desafios diversidade de componentes: EJB, CORBA, DCOM... diversidade de linguagens:

Leia mais

Nota 4 Técnica Campinas, SP

Nota 4 Técnica Campinas, SP Nota 4 Técnica Campinas, SP dezembro, 2014 Infraestrutura de Dados Espaciais do MATOPIBA Jaudete Daltio 1 Carlos Alberto de Carvalho 2 1 Mestre em ciência da computação e analista de TI da Embrapa - GITE.

Leia mais

Integração Orientada a Serviços

Integração Orientada a Serviços Integração Orientada a Serviços Porto Alegre, Agosto de 2006 Agenda Sobre a e-core SOA O que é? Web Services x SOA Principal Motivação - Integração SOI ESB BPEL JBI ServiceMix Solução Proposta A Empresa

Leia mais

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE FERRAMENTAS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA PARA INTEGRAÇÃO VIA WEB SERVICES

ESTUDO COMPARATIVO ENTRE FERRAMENTAS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA PARA INTEGRAÇÃO VIA WEB SERVICES ESTUDO COMPARATIVO ENTRE FERRAMENTAS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA PARA INTEGRAÇÃO VIA WEB SERVICES BRUNO UMEDA GRISI 1 FABIANA SOARES SANTANA 2 ANTONIO MAURO SARAIVA 3 MARCOS NOGUEIRA 4 ALBERT

Leia mais

A Geografia como Plataforma Tecnológica. Criando Oportunidades de Transformação

A Geografia como Plataforma Tecnológica. Criando Oportunidades de Transformação A Geografia como Plataforma Tecnológica Criando Oportunidades de Transformação GIS está Progredindo Se aproveitando de grandes avanços Cloud GIS Conhecimento Geográfico Online Nos capacitando a Repensar

Leia mais

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView 1.1 AULA 1 Iniciando o uso do TerraView Essa aula apresenta a interface principal do TerraView e sua utilização básica. Todos os arquivos de dados mencionados nesse documento são disponibilizados junto

Leia mais

A HARMONIZAÇÃO DE DADOS ALTIMÉTRICOS SEGUNDO A DIRETIVA INSPIRE Edgar Barreira [Direção-Geral do Território]

A HARMONIZAÇÃO DE DADOS ALTIMÉTRICOS SEGUNDO A DIRETIVA INSPIRE Edgar Barreira [Direção-Geral do Território] A HARMONIZAÇÃO DE DADOS ALTIMÉTRICOS SEGUNDO A DIRETIVA INSPIRE Edgar Barreira [Direção-Geral do Território] Objetivo Apresentar o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido no domínio da harmonização de

Leia mais

CONSTRUÇÃO DE APLICAÇÕES DISTRIBUÍDAS UTILIZANDO SERVIÇOS WEB

CONSTRUÇÃO DE APLICAÇÕES DISTRIBUÍDAS UTILIZANDO SERVIÇOS WEB CONSTRUÇÃO DE APLICAÇÕES DISTRIBUÍDAS UTILIZANDO SERVIÇOS WEB Deusa Cesconeti e Jean Eduardo Glazar Departamento de Ciência da Computação Faculdade de Aracruz UNIARACRUZ {dcescone, jean}@fsjb.edu.br RESUMO

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Organizadoras: Cláudia do Socorro Ferreira Mesquita Nazaré Lopes Bretas Brasília, DF 2010 Elaboração: MINISTÉRIO

Leia mais

MEDRAL Geotecnologias 2011. Apresentação UNESP

MEDRAL Geotecnologias 2011. Apresentação UNESP Apresentação UNESP Julho de 2012 MEDRAL Geotecnologias Nossa História A Medral nasceu em 25 de abril de 1961, em Dracena (SP), oferecendo soluções de engenharia para o setor energético Aos poucos, a empresa

Leia mais

Sistemas de Informação Geográfica Formatos Livres. Dia da Liberdade Documental 2014 Sistemas de Informação Geográfica em formatos Livres

Sistemas de Informação Geográfica Formatos Livres. Dia da Liberdade Documental 2014 Sistemas de Informação Geográfica em formatos Livres Sistemas de Informação Geográfica Formatos Livres ISCTE, Lisboa Sérgio Prazeres SIG Aplicações práticas Formatos e softwares livres Contributos à comunidade - Aplicações recentes e próximos passos SIG

Leia mais

SIGWeb Builder: Uma Ferramenta Visual para Desenvolvimento de SIG Webs

SIGWeb Builder: Uma Ferramenta Visual para Desenvolvimento de SIG Webs SIGWeb Builder: Uma Ferramenta Visual para Desenvolvimento de SIG Webs Helder Aragão, Jorge Campos GANGES Grupo de Aplicações e Análises Geoespaciais Mestrado em Sistemas e Computação - UNIFACS Salvador

Leia mais

Integração de Sistemas de Gerenciamento de Redes de Telecomunicações Utilizando GML

Integração de Sistemas de Gerenciamento de Redes de Telecomunicações Utilizando GML Integração de Sistemas de Gerenciamento de Redes de Telecomunicações Utilizando GML Novembro/2003 Agenda Introdução Contexto Problema Objetivo Solução Integração de Sistemas de Telecom Rede Externa de

Leia mais

Arquitetura de Software: Uma Central para Gestão da execução de serviços

Arquitetura de Software: Uma Central para Gestão da execução de serviços Arquitetura de Software: Uma Central para Gestão da execução de serviços ADILSON FERREIRA DA SILVA Centro Paula Souza São Paulo Brasil afs.software@gmail.com Prof.a. Dr.a. MARILIA MACORIN DE AZEVEDO Centro

Leia mais

Plataforma TerraLib. Lúbia Vinhas. EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010

Plataforma TerraLib. Lúbia Vinhas. EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010 Plataforma TerraLib Lúbia Vinhas E.F.Castejon, K.R.Ferreira, J.P.Garrido, L.T.Hara, A.M.V.Monteiro, M.Motta, G.Ribeiro EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010 DPI Divisão de Processamento de Imagens

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Centro Universitário de Volta Redonda - UniFOA Curso Tecnológico de Redes de Computadores 5º período Disciplina: Tecnologia WEB Professor: José Maurício S. Pinheiro

Leia mais