SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # MARÇO/2013 #

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # MARÇO/2013 #"

Transcrição

1 SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # MARÇO/2013 # AÇÃO EXIGÊNCIA DE 3 (TRÊS) ANOS PARA CONCURSOS DE PROMOÇÃO. PROCESSO: ª Vara Federal (Proc. 106) TÍTULO: Ação visando obrigar a União a afastar a exigência de 3 (três) anos de exercício na carreira para a participação dos Procuradores da Fazenda Nacional nos concursos de promoção, bem como para conden á-la a pagar os valores devidos em virtude de não ter permitido a promoção daqueles que não tinham completado 3 anos de exercício na data dos respectivos concursos. ESTÁGIO ATUAL: VITÓRIA - Sentença inteiramente favorável o Sinprofaz. Não obstante a sentença tenha reconhecido a ilegalidade do óbice de três anos para as promoções, ingressamos com embargos de declaração para ficar assentado de forma expressa no dispositivo da sentença a condenação da União ao pagamento dos valores das diferenças de subsídios entre a 2ª e 1ª categorias a todos os filiados que não puderam ser promovidos em virtude de ainda estarem em estágio probatório. Os nossos embargos de declaração também foram inteiramente providos no sentido de condenar a União ao pa gamento de todas as diferenças e correção pel a SELIC dos valores atrasados. AÇÃO AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO PROCESSO: ª Vara Federal <proc 01 88> TÍTULO: Ação ordinária visando implantar o pagamento mensal aos Procuradores da Fazenda Nacional de auxílio-alimentação no mesmo valor que é pago aos servidores do Tribunal de Contas da União, bem como compelir a União a efetuar os reajustes do auxílio-alimentação que doravante forem concedidos aos servidores daquele Tribunal. ESTÁGIO ATUAL: Aguardando contestação da União

2 AÇÃO CONTRA A INCIDÊNCIA DE CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA SOBRE 1/3 DE FÉRIAS PROCESSO: atualmente no TRF 1ª Região - Des. Catão Alves <proc. 65>. TÍTULO: declarar a ilegalidade da incidência da contribuição previdenciária sobre o adicional de 1/3 de férias e a repetição de todo o valor descontado indevidamente. HISTÓRICO/ÚLTIMA DECISÃO: VITÓRIA. A sentença havia sido desfavorável, contudo o SINPROFAZ em 28/06/2011 conseguiu em acórdão do TRF 1ª Região que fosse declarada a não incidência de contribuição previdenciária sobre o 1/3 de férias dos Procuradores da Fazenda Nacional, bem como a devolução de todos os valores descontados no passado, devidamente corrigidos pela SELIC. A turma observou a jurispru dência do STF que reconhece a natureza indenizatória da verba, retirando tais valores do conceito de remuneração do servidor. A decisão beneficia todos os associados do SINPROFAZ. ESTÁGIO ATUAL: A Fazenda Nacional interpôs embargos de declaração. Fizemos impugnação aos embargos demonstrando que eram protelatórios e estavam querendo rediscutir o mérito. Estivemos novamente neste último mês de fevereiro em audiência com o Des. Relator solicitando preferência no julgamento. AÇÃO REVISÃO GERAL PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0182> TÍTULO: Ação ordinária visando pagamento de indenização aos Procuradores da Fazenda Nacional equivalente à revisão geral anual, com base em índice oficial de inflação, não concedida pela União, incluídos os reflexos sobre o 13 salário, férias e sobre o adicional de 1/3 de férias. ESTÁGIO ATUAL : União apresentou contestação e impugnação ao valor da causa. Apresentamos réplica e resposta à impugnação ao valor da causa. Pedimos julgamento antecipad o da lide uma vez que se trata de discussão eminentemente de direito. AÇÃO PARA OBRIGAR A REALIZAÇÃO DE CONCURSO PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0167> TÍTULO: Ação ordinária para condenar a União a realizar concurso para Procurador da Fazenda Nacional, de forma imediata, sempre que o número de cargos vago s da carreira estiver acima do percentual de 10%, indicado no artigo 21, 1, da Lei Complementar 73/93. ESTÁGIO ATUAL : VITÓRIA! Embora a sentença tenha sido desfavorável, antes de ela ser proferida a União lançou edital de novo concurso. O ajuizamento da ação e as gestões da Diretoria do Sinprofaz junto à PGFN sem dúvida foram fatores

3 decisivos para a agilização da feitura do concurso. Não obstante já tenha sido lançado o edital, ainda persiste o interesse de agir nesta ação, uma vez que os pedidos formulados compreend em além da realização imediata de concurso (o que já foi conseguido) a declaração judicial do dever da União de realizar concurso para Procurador da Fazenda Nacional, de forma imediata, sempre que o número de cargos vagos da carreira estiver acima do percentual de 10%. AÇÃO AJUDA DE CUSTO EDITAL PGFN 01/2008 PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0047> TÍTULO: Ação Ordinária que visa reconhecer aos P FN s o direito de perceberem ajuda de custo em face d a remoção decorrente do concurso de remoção instaurado pelo Edital PGFN 01/2008, de 30 de maio de HISTÓRICO: Existem 4 ações onde se discute a ajuda de custo (ajuda de custo + passagens aéreas + transporte do mobiliário e bagagem) aos participantes de concurso de remoção: (i) Edital PGFN 01/2008; (ii) Editais de 2007; (iii) 5 anos anteriores a 2009 ; e (iv) a partir de Esta é a primeira delas. ESTÁGIO ATUAL: O processo principal encontra -se concluso para sentença e estivemos novamente neste início de março solicitando a preferência no julgamento. AÇÃO AJUDA DE CUSTO EDITAIS DE 2007 PROCESSO: atualmente no TRF 1ª Região - Des. Neuza Maria Alves da Silva <proc 0056> TÍTULO: Ação Ordinária que visa reconhecer aos PFN s o direito de perceberem ajuda de custo em face da remoção decorrente do concurso de remoção instaurado pelos Editais PGFN nº 01/2007, PGFN nº 02/2007 e PGFN nº 03/2007 HISTÓRICO: Existem 4 ações onde se discute a ajuda de custo (ajuda de custo + passagens aéreas + transporte do mobiliário e bagagem) aos participantes de concurso de remoção: (i) Edital PGFN 01/2008; (ii) Editais de 2007; (iii) 5 anos anteriores a 2009 ; e (iv) a partir de Esta é a segunda delas. ÚLTIMA DECISÃO: VITÓRIA! A sentença foi inteiramente procedente e ordenou o pagamento de ajuda custo e transporte. ESTÁGIO ATUAL: A União apresentou apelação e o Sinprofaz apresentou as contrarrazões. O processo está concluso para decisão da relatora. Estivemos em audiência com a desembargadora relatora para tratar da apelação, oportunidade em que demonstramos que a jurisprudência tanto do TRF 1ª Região como do STJ são favoráveis aos filiados. AÇÃO AJUDA DE CUSTO 5 ANOS ANTERIORES A 2009 PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0082>

4 TÍTULO: Ação Ordinária que visa reconhecer aos PFN s o direito de perceberem ajuda de custo em face da remoção decorrente do concurso de remoção instaurado no período de 10/02/2004 até 01/06/2008 HISTÓRICO: Existem 4 ações onde se discute a ajuda de custo (ajuda de custo + passagens aéreas + transporte do mobiliário e bagagem) aos participantes de concurso de remoção: (i) Edital PGFN 01/2008; (ii) Editais de 2007; (iii) 5 anos anteriores a 2009 ; e (iv) a partir de Esta é a terceira delas. ESTÁGIO ATUAL : VITÓRIA! A sentença foi inteiramente procedente e ordenou o pagamento de ajuda custo e transporte para cada Procurador, por cada remoção efetivada no período de 10/02/2004 até 01/06/2008. AÇÃO AJUDA DE CUSTO A PARTIR DE 2008 PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0189> TÍTULO: Ação Ordinária que visa reconhecer aos PFN s o direito de perceberem ajuda de custo em face das remoções decorrentes dos concursos de remoção instaurados a partir de HISTÓRICO: Existem 4 ações onde se discute a ajuda de custo (ajuda de custo + passagens aéreas + transporte do mobiliário e bagagem) aos participantes de concurso de remoção: (i) Edital PGFN 01/2008; (ii) Editais de 2007; (iii) 5 anos anteriores a 2009 ; e (iv) a partir de Esta é a quarta delas. ESTÁGIO ATUAL : A União contestou e faremos réplica, oportunidade em que requereremos julgamento antecipado da lide uma vez que se trata de matéria eminentemente de direito. AÇÃO PARA EVITAR DEVOLUÇÃO DA VPNI MAGRA PROCESSO: atualmente no TRF 1ª Região Des. Kassio Nunes Marques <proc 0033> TÍTULO: Mandado de Segurança para evitar devolução de VPNI magra. A chamada VPNI magra foi aquela recebida com base no Parecer PGFN/CJU 1.852/2004, referente à diferença a menor entre a remuneração dos PF N s e AGU s. ÚLTIMA DECISÃO: Sentença favorável impedindo o desconto, ressalvando a possibilidade para a União de eventual cobrança judicial ou desconto mediante anuência dos PFN s. ESTÁGIO ATUAL: Apelação da União no TRF1 conclusa ao desembargador relator. AÇÃO PARA EVITAR DEVOLUÇÃO DA VPNI GORDA PFN s DE 2003 PROCESSO: atualmente no TRF 1ª. Região Des. Ângela Maria Catão Alves <proc 0055> TÍTULO: Mandado de Segurança para evitar devolução de VPNI paga para os PFN s que ingressaram em 2003 com base no despacho AGU no processo nº

5 / , que estendeu administrativamente efeitos de decisão judicial que concedeu a VPNI aos demais PFN s. HISTÓRICO: Existem 3 ações onde se busca judicialmente evitar a devolução de valores recebidos pelos PFN s a título de VPNI gorda decorrentes da implantação da MP 305/2006, convertida na Lei nº /2006: (i) VPNI gorda PFN s de 2003; (ii) VPNI gorda Genérica que visou albergar todos os filiados do SINPROFAZ, inclusive aqueles que receberam VPNI em por ações individuais; (iii) Ação para evitar o desconto da VPNI recebida em virtude da ação Coletiva (esta ação não foi ajuizada pelo escritório Mendes Plutarco). Esta é a primeira delas. ÚLTIMA DECISÃO: Sentença favorável impedindo o desconto. ESTÁGIO ATUAL: Apelação da União. O Ministério Público opinou pelo desprovimento da apelação da União. Aguardando decisão da Desembargadora Relatora. AÇÃO PARA EVITAR DEVOLUÇÃO DA VPNI GORDA PROCESSO: atualmente no TRF 1ª Região Des. Néviton Guedes <proc 0059> TÍTULO: Mandado de Segurança para evitar devolução pelos PFN s de VPNI Gorda, devolução essa pretendida pela União no Processo Administrativo nº / a título de revisão dos subsídios pagos aos PFN s desde julho de 2006 (implantação da MP 305/2006), alegando a existência de inconsistências. HISTÓRICO: Existem 3 ações onde se busca judicialmente evitar a devolução de valores recebidos pelos PFN s a título de VPNI gorda decorrentes da implantação da MP 305/2006, convertida na Lei nº /2006: (i) VPNI gorda PFN s de 2003; (ii) VPNI gorda Genérica que visou albergar todos os filiados do SINPROFAZ, inclusive aqueles que receberam VPNI em por ações individuais; (iii) Ação para evitar o desconto da VPNI recebida em virtude da ação Coletiva (esta ação não foi ajuizada pelo escr itório Mendes Plutarco). Esta é a segunda delas. ÚLTIMA DECISÃO: Sentença favorável impedindo qualquer redução ou desconto a título de revisão dos valores pagos. ESTÁGIO ATUAL: Aguardando julgamento pelo TRF1. AÇÃO PARA PERMITIR ADVOCACIA PRIVADA EM CASO DE LICENÇA PROCESSO: MS STJ - <Proc. 110> TÍTULO: MS Coletivo Preventivo com o fim de permitir o exercício da advocacia privada aos PFN,s que estejam em licença interesse. Visa repelir a Orientação Normativa nº 27/2009, expedida pelo Advogado -Geral da União interino, na parte que veda aos membros da Advocacia -Geral da União e de seus órgãos vinculados o

6 exercício da advocacia privada e figurar como sócio em sociedade de advogados, mesmo durante o período de gozo de licença para tratar de interesses particulares, ou de licença incentivada sem remuneração, ou durante afastamento para o exercício de mandato eletivo. HISTÓRICO: A orientação foi suspensa por decisão administrativa da AGU. O Conselho Federal da OAB ingressou como litisconsorte ativo ao lado do SINPROFAZ. ESTÁGIO ATUAL: O processo encontra-se concluso com a Ministra Relatora e foi, neste último mês de fevereiro, novamente solicitada preferência no julgamento. AÇÃO DIFERENÇAS DE REAJUSTES CONCEDIDOS PELA LEI Nº /2004 PROCESSO: ª Vara Federal <Proc. 132> TÍTULO: Declarar o direito dos Procuradores da Fazenda Nacional filiados ao sindicato autor ao reajuste de seus vencimentos no mesmo percentual que foi conferido pela Lei nº /2004 aos Procuradores da Fazenda Nacional que ocupavam o padrão I, da segunda cate goria. HISTÓRICO: A Lei nº /2004 alterou as remunerações dos Procuradores da Fazenda Nacional. Com a publicação da Lei nº /2004, foi mantida a divisão da carreira em 3 (três) categorias: segunda (inicial), primeira (intermediária) e especial (final). Contudo, a mencionada Lei extinguiu os 7 (sete) padrões que existiam na segunda categoria, os 5 (cinco) padrões que existiam na primeira categoria e os 3 (três) padrões que existiam na categoria especial; restando assim dividida a carreira em apenas 3 categorias (segunda, primeira e especial), sem qualquer subdivisão em padrões. A Lei nº /2004 aumentou também os valores de vencimentos das três categorias. Contudo, como foram extintos os padrões de cada uma das categorias, todos os procuradores de uma mesma categoria passaram a perceber o mesmo valor a título de vencimentos, ou seja, houve uma diferença de aumento entre os integrantes da carreira. ESTÁGIO ATUAL: Apelação interposta pelo Sinprofaz. A União apresentou contrarrazões e aguarda-se a remessa dos autos ao TRF1. AÇÃO PARA CONCEDER REAJUSTE AOS APOSENTADOS PROCESSO: ª Vara Federal <Proc. 155> TÍTULO: Conceder aos Procuradores da Fazenda Nacional aposentados e seus pensionistas, não contemplados com a paridade remuneratória, aos mesmos reajustes em suas aposentadorias e pensões que foram aplicados no período de 2004 a 2007 aos benefícios do Regime Gera l de Previdência Social.

7 ESTÁGIO ATUAL:.Processo concluso para sentença. Estivemos em audiência com o magistrado e solicitamos preferência no julgamento da ação. AÇÃO PAGAMENTO DAS ANUIDADES DA OAB PELA UNIÃO PROCESSO: atualmente no TRF da 1ª Região Des. Catão Alves <proc 0066> TÍTULO: Ação ordinária para d eterminar que a União efetue o pagamento das anuidades dos PFN s devidas à OAB em razão do vínculo exclusivo com a União e a vedação de advogar. ESTÁGIO ATUAL: Foi interposta apelação pelo SINPROFAZ, que aguarda decisão. AÇÃO FÉRIAS DE 60 DIAS PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0166> TÍTULO: Ação ordinária para declarar o direito a 60 dias de férias anuais, com respectivo pagamento do adicional de férias de 1/3, aos procuradores da Fazenda Nacional filiados ao Sindicato a partir de 20/12/2006. ESTÁGIO ATUAL : Houve decisão no sentido de paralisar a ação até o julgamento de Recurso Extraordinário que trata das férias de 60 dias dos Procurado res Federais. O Sinprofaz pediu reconsideração da decisão, esclarecendo que o fundamento do direito às férias de 60 dias dos Procuradores da Fazenda Nacional não é o mesmo discutido naquele RE que diz respeito aos Procuradores Federais. Estivemos em audiência com o magistrado para tratar da petição mencionada e temos confiança de que muito brevemente teremos sentença nestes autos. AÇÃO PARA SUSTAR LICITAÇÃO INTERNACIONAL PROCESSO: atualmente no TRF da 1ª Região Des. Daniel Paes Ribeiro <proc 0124> TÍTULO: Ação ordinária para ordenar que a União suspenda de imediato a realização da Concorrência Internacional COGRL/MF nº 01/2009, do Ministério da Fazenda; bem como, declarar que as atividades objeto da licitação não podem ser delegadas ou contratadas com escritório privado e que devem ser prestada s pela AGU, com o auxílio de quaisquer outros órgãos técnicos da Administração Pública Federal. ESTÁGIO ATUAL: Foi interposta apelação pelo SINPROFAZ, que aguarda decisão. AÇÃO PARA EXONERAÇÃO DO DIRETOR DA DIVIDA ATIVA (MS) PROCESSO: RMS atualmente no STF, Rel. Min. Teori Zavascki <proc 0101> TÍTULO: Mandado de Segurança (originário no STJ) requerendo a exoneração do Diretor do Departamento de Gestão da Dívida Ativa da União. Estivemos em

8 audiência com o Ministro Relator em duas oportunidades demonstrando a absurda situação de um não Procurador da Fazenda, de um não advogado, dirigir o Departamento de Gestão da Dívida Ativa que é a espinha dorsal da PGFN. ESTÁGIO ATUAL: Aguardando Julgamento. AÇÃO CONTRA A INCIDÊNCIA DE CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA SOBRE 1/3 DE FÉRIAS SUSPENSÃO DA COBRANÇA A PARTIR DA MP 556/2011 PROCESSO: ª Vara Federal <proc. 194> TÍTULO: declarar a impossibilidade de cobrança da contribuição previdenciária sobre o adicional de 1/3 de férias a partir da edição da Medida Provisória nº 556/2011, que extinguiu a cobrança, mas fixou produção de efeitos para o quarto mês subseqüente. HISTÓRICO/ÚLTIMA DECISÃO: Existe outra ação em que é discutida a cobrança e a repetição de todo o valor descontado indevidamente. A presente ação visa tão somente a declaração de que a cobrança era indevida desde o primeiro momento d a edição da MP 556/2011. ESTÁGIO ATUAL: Aguardando decisão. AÇÃO VISANDO DECLARAR A ILEGALIDADE DA ORDEM DA PGFN DE NÃO ADJUDICAÇÃO DE BENS E PROIBIÇÃO DE PUNIÇÃO DOS PFN S QUE A DESCUMPRIRAM PROCESSO: ª Vara Federal <proc. 202> TÍTULO: Ação ordinária visando declarar a ileg alidade da ordem proveniente da PGFN de não adjudicação de bens por parte dos Procuradores da Fazenda Nacional, com a conseqüente proibição de adoção de qualquer medida que tenha como objetivo punir os Procuradores da Faze nda Nacional que a descumpriram. ESTÁGIO ATUAL: Apelação interposta pelo Sinprofaz. AÇÃO PARA OBRIGAR A UNIÃO A FORNECER IDENTIDADES FUNCIONAIS PROCESSO: ª Vara Federal <proc 0229> TÍTULO: Ação ordinária com pedido de antecipação de tutela ajuizada neste último mês de novembro para determinar que a União forneça as identidades funcionais a todos os Procuradores da Fazenda Nacional. ESTÁGIO ATUAL : A Juíza do feito embora tenha reconhecido que realmente é obrigatório o fornecimento da carteira funcional, negou a antecipação de tutela, por entender que a administração não estaria em mora uma vez que estaria ultimando os procedimentos para o fornecimento das carteiras.

9 EXECUÇÃO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS PROCESSO: ª Vara Federal de Goiânia <proc 0220 > TÍTULO: Petição de cumprimento de sentença em que o SINPROFAZ busca o pagamento de honorários advocatícios em favor dos seus filiados demonstrando que os honorários advocatícios são devidos aos Procuradores da Fazenda Naciona l e não à União ESTÁGIO ATUAL: Juiz indeferiu a petição de cumprimento de sentença do SINPROFAZ. Foi interposta Apelação. EXECUÇÃO DE HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS II PROCESSO: TRF <proc 0226> TÍTULO: Ingresso do SINPROFAZ no último mês de novembro na condição de assistente litisconsorcial em ação que discute execução de honorários de sucumbência pela União. A União executou honorários advocatícios e a executada defende que os honorários não são devidos à União e sim aos Pr ocuradores da Fazenda Nacional que são os advogados no feito. ESTÁGIO ATUAL : Aguardando juízo de admissibilidade dos recursos especial e extraordinário interpostos pela executada. x:\ s i n p r o f a z \ r e l a t ó r i o s \ \ r e l a t o r i o. s i n p r o f a z. s i n t e t i c o. d e z e m b r o h m p. d o c x

RELATÓRIO DAS AÇÕES ANPAF

RELATÓRIO DAS AÇÕES ANPAF RELATÓRIO DAS AÇÕES ANPAF Mandado de Segurança Objeto: evitar descontos dos dias não trabalhados em razão de greve Processo nº: MS 2006.34.00.016937-4 Impetrante: ANPAF, ANAJUR E ANAUNI Impetrado: Procurador-Geral

Leia mais

PRINCIPAIS AÇÕES COLETIVAS EM ANDAMENTO

PRINCIPAIS AÇÕES COLETIVAS EM ANDAMENTO PRINCIPAIS AÇÕES COLETIVAS EM ANDAMENTO Assunto: URV O Departamento Jurídico do SITRAEMG é responsável pelo acompanhamento de mais de 200 (duzentas) ações plúrimas referentes à incorporação do percentual

Leia mais

CÓDIGO: 248 IMPOSTO DE RENDA DEVOLUÇÃO DE IR RECOLHIDO NA VENDA DE FÉRIAS, LICENÇA PRÊMIO E ABONO ASSIDUIDADE.

CÓDIGO: 248 IMPOSTO DE RENDA DEVOLUÇÃO DE IR RECOLHIDO NA VENDA DE FÉRIAS, LICENÇA PRÊMIO E ABONO ASSIDUIDADE. CÓDIGO: 248 IMPOSTO DE RENDA DEVOLUÇÃO DE IR RECOLHIDO NA VENDA DE FÉRIAS, LICENÇA PRÊMIO E ABONO ASSIDUIDADE. Pedido: Requer a compensação dos valores indevidamente tributados relativos a conversão em

Leia mais

Inteiro Teor (869390)

Inteiro Teor (869390) : Acórdão Publicado no D.J.U. de 19/10/2005 EMENTA PREVIDENCIÁRIO. REVISÃO DA RMI. IRSM DE FEVEREIRO/94 (39,67%). NÃO RETENÇÃO DE IRRF. JUROS MORATÓRIOS. 1. Os salários de contribuição devem ser reajustados,

Leia mais

RELAÇÃO DOS PROCESSOS JUDICIAIS MOVIDOS PELO SINTEOESTE

RELAÇÃO DOS PROCESSOS JUDICIAIS MOVIDOS PELO SINTEOESTE RELAÇÃO DOS PROCESSOS JUDICIAIS MOVIDOS PELO SINTEOESTE ATENÇÃO: Os processos que estão nas Varas Cíveis ou na Vara da Fazenda Pública de Cascavel ou, ainda, que já estão no Tribunal de Justiça do Estado

Leia mais

SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # JULHO/2011 #

SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # JULHO/2011 # SINDICATO NACIONAL DOS PROCURADORES DA FAZENDA NACIONAL - SINPROFAZ AÇÕES JUDICIAIS # JULHO/2011 # AÇÃO CONTRA A INCIDÊNCIA DE CONTRIBUIÇÃO PREVIDENCIÁRIA SOBRE 1/3 DE FÉRIAS PROCESSO: 2006.34.00.027878-7

Leia mais

R E L A T Ó R I O A EXMA. SRA. DESEMBARGADORA FEDERAL NILCÉA MARIA BARBOSA MAGGI (RELATORA CONVOCADA): É o relatório.

R E L A T Ó R I O A EXMA. SRA. DESEMBARGADORA FEDERAL NILCÉA MARIA BARBOSA MAGGI (RELATORA CONVOCADA): É o relatório. APELAÇÃO / REEXAME NECESSÁRIO 6263 - PE (20088300010216-6) PROC ORIGINÁRIO : 9ª VARA FEDERAL DE PERNAMBUCO R E L A T Ó R I O A EXMA SRA DESEMBARGADORA FEDERAL NILCÉA MARIA (RELATORA CONVOCADA): Trata-se

Leia mais

Cliente: Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação no Estado de São Paulo SEAC/SP INCRA

Cliente: Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação no Estado de São Paulo SEAC/SP INCRA 07/05/2015 Cliente: Sindicato das Empresas de Asseio e Conservação no Estado de São Paulo SEAC/SP Casos Discutidos na Justiça Federal da Seção Judiciária de São Paulo INCRA 01) Processo: 0001078-72.2002.4.03.6100

Leia mais

Relatório dos processos sob os nossos cuidados ABRAPP

Relatório dos processos sob os nossos cuidados ABRAPP Relatório dos processos sob os nossos cuidados ABRAPP 1. Mandado de Segurança nº 427619320014013800 Nº Integração: 184-002 Numeração antiga: 200138000428677 Incidentes: Apelação nº 427619320014013800 com

Leia mais

Nº DO PROCESSO OBJETO RESULTADOS 1 0018076-53.2004.4.01.3400 Indenização pela não concessão de revisão geral de 1999 a 2001.

Nº DO PROCESSO OBJETO RESULTADOS 1 0018076-53.2004.4.01.3400 Indenização pela não concessão de revisão geral de 1999 a 2001. RELATÓRIO DE AÇÕES JUDICIAIS Atualmente, a Associação Nacional dos Médicos Peritos da Previdência Social ANMP possui diversas ações coletivas com o objetivo de tutelar os direitos e os interesses dos Peritos

Leia mais

Novély Vilanova da Silva Reis. Juiz Federal em Brasília. novely@df.trf1.gov.br

Novély Vilanova da Silva Reis. Juiz Federal em Brasília. novely@df.trf1.gov.br JUROS E CORREÇÃO MONETÁRIA DECORRENTES DE SENTENÇA Novély Vilanova da Silva Reis. Juiz Federal em Brasília. novely@df.trf1.gov.br Qualquer débito decorrente de decisão judicial, incide juros ainda que

Leia mais

EMENTA ACÓRDÃO. LUÍSA HICKEL GAMBA Relatora

EMENTA ACÓRDÃO. LUÍSA HICKEL GAMBA Relatora INCIDENTE DE UNIFORMIZAÇÃO JEF Nº 2005.70.53.001322-8/PR RELATOR : Juiz D.E. Publicado em 20/02/2009 EMENTA ADMINISTRATIVO. SERVIDOR PUBLICO. ADICIONAL POR TEMPO DE SERVIÇO. ANUÊNIOS SUBSTITUÍDOS POR QÜINQÜÊNIOS.

Leia mais

VOTO. ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAI[BA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA

VOTO. ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAI[BA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAI[BA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL N. 018.2010.000261-9/001 ORIGEM : zr Vara da Comarca de Guarabira. RELATOR

Leia mais

MED. CAUT. EM AÇÃO CAUTELAR 1.406-9 SÃO PAULO RELATOR

MED. CAUT. EM AÇÃO CAUTELAR 1.406-9 SÃO PAULO RELATOR MED. CAUT. EM AÇÃO CAUTELAR 1.406-9 SÃO PAULO RELATOR : MIN. GILMAR MENDES REQUERENTE(S) : PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA REQUERIDO(A/S) : UNIÃO ADVOGADO(A/S) : ADVOGADO-GERAL DA UNIÃO REQUERIDO(A/S) :

Leia mais

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ.

EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. EXCELENTÍSSIMO SENHOR PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARANÁ. Assunto: Desconto da Contribuição Sindical previsto no artigo 8º da Constituição Federal, um dia de trabalho em março de 2015.

Leia mais

SUMÁRIO CAPÍTULO I FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 19 CAPÍTULO II - DO PROCESSO CIVIL... 39

SUMÁRIO CAPÍTULO I FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 19 CAPÍTULO II - DO PROCESSO CIVIL... 39 SUMÁRIO Apresentação da Coleção...15 CAPÍTULO I FUNÇÃO E CARREIRA DO ADVOGADO... 19 1. Antecedentes históricos da função de advogado...19 2. O advogado na Constituição Federal...20 3. Lei de regência da

Leia mais

Principais ações coletivas em andamento

Principais ações coletivas em andamento Principais ações coletivas em andamento ATUALIZADO EM 12 DE MARÇO DE 2012 Assunto: URV Processo Principal: 1997.38.00.044554-6 O Departamento Jurídico do SITRAEMG é responsável pelo acompanhamento de mais

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO DISTRITO FEDERAL

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA PRIMEIRA REGIÃO SEÇÃO JUDICIÁRIA DO DISTRITO FEDERAL PROCESSO N. : 14751-89.2012.4.01.3400 AÇÃO ORDINÁRIA/SERVIÇOS PÚBLICOS CLASSE 1300 AUTOR (A): ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS ESPECIALISTAS EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL RÉ: UNIÃO SENTENÇA TIPO

Leia mais

7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA

7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA 7ª CÂMARA CÍVEL APELAÇÃO CÍVEL N.º 798.202-7 DA COMARCA DE CERRO AZUL VARA ÚNICA Apelante: MUNICÍPIO DE CERRO AZUL Apelado: ESTADO DO PARANÁ Relator: Des. GUILHERME LUIZ GOMES APELAÇÃO CÍVEL AÇÃO ANULATÓRIA

Leia mais

NOSSA LUTA CONTINUA. Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes

NOSSA LUTA CONTINUA. Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes NOSSA LUTA CONTINUA Paulo Teixeira Brandão - Conselheiro Deliberativo da Petros Eleito pelos Participantes Prezados participantes da PETROS Apresentamos a relação das ações que se encontram em andamento

Leia mais

- A PBPREV é autarquia previdenciária estadual

- A PBPREV é autarquia previdenciária estadual AC no 200.2010.039908-4/001 1 Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça Gabinete da Desembargadora Maria das Neves do Egito de A. D. Ferreira ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL No 200.2 010.039908-4/001

Leia mais

RELATÓRIO DE PROCESSOS SINDGESTOR Outubro/2012 DADOS RELATIVO AO PROCESSO NOME DAS PARTES. Réu: Estado de Goiás

RELATÓRIO DE PROCESSOS SINDGESTOR Outubro/2012 DADOS RELATIVO AO PROCESSO NOME DAS PARTES. Réu: Estado de Goiás RELATÓRIO DE PROCESSOS SINDGESTOR Outubro/2012 I Ação de cobrança data-base 2005 6,13% Processo nº: 200803416878 Vara: 1ª Vara da Fazenda Pública Estadual Natureza: Cominatória Autor: AGGESGO 06/06/2012

Leia mais

ACÓRDÃO 0000197-02.2012.5.04.0000 AGR Fl.1

ACÓRDÃO 0000197-02.2012.5.04.0000 AGR Fl.1 0000197-02.2012.5.04.0000 AGR Fl.1 EMENTA: AGRAVO REGIMENTAL. Inexiste fudamento relevante nem que do ato impugnado possa resultar a ineficácia da medida, conforme descrito no inciso III do art. 7º da

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE 10ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE NATAL

PODER JUDICIÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE 10ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE NATAL \d \w1215 \h1110 FINCLUDEPICTURE "brasoes\\15.bmp" MERGEFORMAT PODER JUDICIÁRIO DO RIO GRANDE DO NORTE 10ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE NATAL Processo n. 001.08.020297-8 Ação: Ação Civil Pública Autor: Ministério

Leia mais

Desembargador SEBASTIÃO COELHO Acórdão Nº 732.640 E M E N T A

Desembargador SEBASTIÃO COELHO Acórdão Nº 732.640 E M E N T A Poder Judiciário da União Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios Órgão 5ª Turma Cível Processo N. Agravo de Instrumento 20130020148016AGI Agravante(s) SINDICATO DOS ODONTOLOGISTAS DO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO ACÓRDÃO DECISAUW ^ N0 ACÓRDÃO \\ll\w "»"»'" lo3046968* Vistos, relatados e discutidos estes autos de Agravo de Instrumento n 990.10.048613-6, da Comarca de São Paulo, em

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal Regional Federal da 5ª Região Gabinete do Desembargador Federal Rogério Fialho Moreira

Poder Judiciário Tribunal Regional Federal da 5ª Região Gabinete do Desembargador Federal Rogério Fialho Moreira RELATOR: DESEMBARGADOR FEDERAL ROGÉRIO FIALHO MOREIRA RELATÓRIO Trata-se de apelação interposta pelo INSS (fls. 83/90), em face da sentença (fls. 79/80), que julgou procedente o pedido de aposentadoria

Leia mais

TERMO DE CONCLUSÃO SENTENÇA

TERMO DE CONCLUSÃO SENTENÇA fls. 138 Aos 13 de fevereiro de 2015, eu, TERMO DE CONCLUSÃO MM. Juiza de Direito Dr. (a) Maria Gabriella Pavlópoulos Spaolonzi. SENTENÇA, escrevente técnico, faço estes autos conclusos a Processo Digital

Leia mais

SERVIDOR PÚBLICO. CARREIRA DO INSS. AFASTADA A MAJORAÇÃO DO INTERSTÍCIO PARA A PROGRESSÃO FUNCIONAL INSTITUÍDA PELA LEI N 11.501/2007.

SERVIDOR PÚBLICO. CARREIRA DO INSS. AFASTADA A MAJORAÇÃO DO INTERSTÍCIO PARA A PROGRESSÃO FUNCIONAL INSTITUÍDA PELA LEI N 11.501/2007. SERVIDOR PÚBLICO. CARREIRA DO INSS. AFASTADA A MAJORAÇÃO DO INTERSTÍCIO PARA A PROGRESSÃO FUNCIONAL INSTITUÍDA PELA LEI N 11.501/2007. CARÊNCIA DE AUTO- APLICABILIDADE. NECESSIDADE DE REGULAMENTAÇÃO. APLICAÇÃO

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GABINETE DESEMBARGADOR RAIMUNDO NONATO SILVA SANTOS fls. 122 Processo: 0135890-46.2012.8.06.0001 - Apelação Apelante: Sindicato dos Guardas Municipais da Região Metrolitana de Fortaleza - SINDIGUARDAS Apelado: Município de Fortaleza Vistos etc. DECISÃO

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 781.703 - RS (2005/0152790-8) RELATOR RECORRENTE RECORRIDO ADVOGADO : MINISTRO ARNALDO ESTEVES LIMA : UNIÃO : MARCOS ROBERTO SILVA DE ALMEIDA E OUTROS : WALDEMAR MARQUES E OUTRO EMENTA

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO Secretaria de Recursos Humanos Departamento de Normas e Procedimentos Judiciais NOTA TÉCNICA Nº 111/2011/DENOP/SRH/MP Assunto: Recomposição salarial Anistiado

Leia mais

Excelentíssimo Senhor Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Excelentíssimo Senhor Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. Excelentíssimo Senhor Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro., vem, auxiliado pela Amaerj Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro, com fulcro na jurisprudência e legislação

Leia mais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais

Tribunal de Justiça de Minas Gerais Número do 1.0024.12.351388-9/001 Númeração 3513889- Relator: Relator do Acordão: Data do Julgamento: Data da Publicação: Des.(a) Rogério Medeiros Des.(a) Rogério Medeiros 05/11/2013 14/11/2013 EMENTA:

Leia mais

PARCELAMENTO TRIBUTÁRIO

PARCELAMENTO TRIBUTÁRIO PARCELAMENTO TRIBUTÁRIO Depósitos Judiciais (REsp. 1.251.513/PR) e a conversão do depósito pela Fazenda Pública José Umberto Braccini Bastos umberto.bastos@bvc.com.br CTN ART. 151 o depósito é uma das

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL N. 039.2010.001550-0/001 ORIGEM : Comarca de Teixeira.. RELATOR : Des. Romero

Leia mais

LISTAS DE PROCESSOS ASEMPT

LISTAS DE PROCESSOS ASEMPT LISTAS DE PROCESSOS Atualizado em 25.12.13 JUSTIÇA FEDERAL: ASEMPT http://processual.trf1.jus.br/consultaprocessual/parte/listarporcpfcnpj.php 37116498000162 / ASSOCIACAO DOS SERVIDORES DO MINISTERIO PUBLICO

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO RIO GRANDE DO SUL CRC/RS MPF : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL RELATÓRIO

CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO RIO GRANDE DO SUL CRC/RS MPF : MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL RELATÓRIO REEXAME NECESSÁRIO CÍVEL Nº 5066124 77.2014.4.04.7100/RS RELATOR : OTÁVIO ROBERTO PAMPLONA PARTE AUTORA : ASSOCIACAO DE PROTECAO AOS PROFISSIONAIS CONTABEIS DO RIO GRANDE DO SUL APROCON CONTABIL ADVOGADO

Leia mais

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO C

Poder Judiciário JUSTIÇA FEDERAL Seção Judiciária do Paraná 2ª TURMA RECURSAL JUÍZO C JUIZADO ESPECIAL (PROCESSO ELETRÔNICO) Nº201070510020004/PR RELATORA : Juíza Andréia Castro Dias RECORRENTE : LAURO GOMES GARCIA RECORRIDO : UNIÃO FAZENDA NACIONAL V O T O Dispensado o relatório, nos termos

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5.ª REGIãO Gabinete da Desembargadora Federal Margarida Cantarelli APELAÇÃO CÍVEL Nº 550822-PE (2001.83.00.010096-5) APTE : INSS - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL REPTE : PROCURADORIA REPRESENTANTE DA ENTIDADE APDO : LUZIA DOS SANTOS SANTANA ADV/PROC : SEM ADVOGADO/PROCURADOR

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE RONDÔNIA Porto Velho - Fórum Cível Av Lauro Sodré, 1728, São João Bosco, 76.803-686 e-mail:

PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE RONDÔNIA Porto Velho - Fórum Cível Av Lauro Sodré, 1728, São João Bosco, 76.803-686 e-mail: Vara: 1ª Vara Cível Processo: 0023257-48.2012.8.22.0001 Classe: Procedimento Ordinário (Cível) Requerente: Renata Terezinha Souza de Moraes Paschoal Rodrigues Requerido: Banco Bradescard S.A; Makro Atacadista

Leia mais

REDUÇÃO DOS ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS NOVAS TESES

REDUÇÃO DOS ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS NOVAS TESES REDUÇÃO DOS ENCARGOS PREVIDENCIÁRIOS NOVAS TESES INCIDÊNCIAS SOBRE A FOLHA-DE-SALÁRIOS EMPRESAS DE LIMPEZA (CNAE 81.21-4-00 + 81.29-0-00) (FPAS 515) 20% - COTA PATRONAL 3,0% - SAT 5,8% - ENTIDADES TERCEIRAS

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 1 Registro: 2013.0000481719 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0002045-56.2007.8.26.0543, da Comarca de Santa Isabel, em que é apelante ORNAMENTAL EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo fls. 91 Registro: 2014.0000560120 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 4008523-94.2013.8.26.0577, da Comarca de São José dos Campos, em que é apelante ULYSSES PINTO NOGUEIRA,

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo ACÓRDÃO Registro: 2015.0000941456 Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 4001661-41.2013.8.26.0114, da Comarca de Campinas, em que é apelante

Leia mais

2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2. Prof. Darlan Barroso - GABARITO

2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2. Prof. Darlan Barroso - GABARITO Citação 2 FASE DIREITO CIVIL ESTUDO DIRIGIDO DE PROCESSO CIVIL 2 Prof. Darlan Barroso - GABARITO 1) Quais as diferenças na elaboração da petição inicial do rito sumário e do rito ordinário? Ordinário Réu

Leia mais

SENTENÇA. No mérito, a esse respeito, a Lei n.º 12.711/2012, que dispõe sobre o ingresso nas universidades e instituições federais, estabelece:

SENTENÇA. No mérito, a esse respeito, a Lei n.º 12.711/2012, que dispõe sobre o ingresso nas universidades e instituições federais, estabelece: PROCESSO N.º : 0015811-18.2013.4.01.3900 CLASSE : PROCEDIMENTO COMUM CÍVEL / OUTROS / JEF AUTOR : WILLIAM FIGUEIREDO DOS SANTOS RÉU : INSTITUTO FEDERAL DE EDUCACAO, CIENCIA E TECNOLOGIA DO PARA JUIZ FEDERAL

Leia mais

INFORMATIVO AÇÕES JUDICIAIS DA UNAFE

INFORMATIVO AÇÕES JUDICIAIS DA UNAFE INFORMATIVO AÇÕES JUDICIAIS DA UNAFE ATUALIZADO EM 17 DE OUTUBRO DE 2013 ESTE INFORMATIVO TRAZ O RESUMO DAS MEDIDAS JUDICIAIS ADOTADAS PELO ESCRITÓRIO JMEIRA ADVOGADOS EM PROL DA UNAFE E SEUS ASSOCIADOS.

Leia mais

ACÓRDÃO. Vistos, relatados e discutidos os autos.

ACÓRDÃO. Vistos, relatados e discutidos os autos. ADMINISTRATIVO. CONCURSO PÚBLICO. VALORA- ÇÃO DE TÍTULOS. ENTIDADE PRIVADA. REMUNERA- ÇÃO PAGA PELO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (SUS). ADMISSIBILIDADE. 1. Admite-se a valoração, em concurso público do Município

Leia mais

02/2011/JURÍDICO/CNM. INTERESSADOS:

02/2011/JURÍDICO/CNM. INTERESSADOS: PARECER Nº 02/2011/JURÍDICO/CNM. INTERESSADOS: DIVERSOS MUNICÍPIOS BRASILEIROS. ASSUNTOS: BASE DE CÁLCULO DO ADICIONAL DE INSALUBRIDADE DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS. DA CONSULTA: Trata-se de consulta

Leia mais

INFORMATIVO JURÍDICO

INFORMATIVO JURÍDICO 1 ROSENTHAL E SARFATIS METTA ADVOGADOS INFORMATIVO JURÍDICO NÚMERO 5, ANO 1I MAIO DE 2010 1 LUCRO IMOBILIÁRIO E O IMPOSTO DE RENDA A incidência do Imposto de Renda sobre o ganho de capital na venda de

Leia mais

OPERADOR DE TELEMARKETING INTELIGÊNCIA DA SÚMULA 29 DESTE TRIBUNAL REGIONAL

OPERADOR DE TELEMARKETING INTELIGÊNCIA DA SÚMULA 29 DESTE TRIBUNAL REGIONAL Acórdão 9ª Turma OPERADOR DE TELEMARKETING INTELIGÊNCIA DA SÚMULA 29 DESTE TRIBUNAL REGIONAL Reconheço o pedido do autor como operador de telemarketing, afastando o argumento da CONTAX de que o autor era

Leia mais

AÇÕES COLETIVAS PREVIDENCIÁRIAS SINPRO/RS. a) Repetição de Indébito incidência de contribuição previdenciária em verba indenizatória

AÇÕES COLETIVAS PREVIDENCIÁRIAS SINPRO/RS. a) Repetição de Indébito incidência de contribuição previdenciária em verba indenizatória AÇÕES COLETIVAS PREVIDENCIÁRIAS SINPRO/RS a) Repetição de Indébito incidência de contribuição previdenciária em verba indenizatória A contribuição previdenciária só incide sobre o salário (espécie) e não

Leia mais

Wladimir Skaf De Carvalho

Wladimir Skaf De Carvalho Wladimir Skaf De Carvalho Bacharel em Direito. É especialista em Direito Previdenciário, Advogado atuante da Previdência Social Federal. O autor foi conselheiro da Comissão de Direitos Humanos da OAB-GO.

Leia mais

PAINEL 2 Ações de Nulidade e Infrações e seu Cabimento: Estratégias no Cenário Brasileiro. Guilherme Bollorini Pereira 19 de agosto de 2013

PAINEL 2 Ações de Nulidade e Infrações e seu Cabimento: Estratégias no Cenário Brasileiro. Guilherme Bollorini Pereira 19 de agosto de 2013 PAINEL 2 Ações de Nulidade e Infrações e seu Cabimento: Estratégias no Cenário Brasileiro Guilherme Bollorini Pereira 19 de agosto de 2013 Esse pequeno ensaio tem por objetivo elaborar um estudo a respeito

Leia mais

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível

Poder Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro Vigésima Primeira Câmara Cível M Poder Judiciário Apelação Cível nº. 0312090-42.2012.8.19.0001 Apelante: COMPANHIA ESTADUAL DE ÁGUAS E ESGOTOS CEDAE Advogado: Dr. Luiz Carlos Zveiter Apelado: ASSOCIAÇÃO DE OFICIAIS MILITARES ESTADUAIS

Leia mais

41,14'1 ti. tha. ojlnt. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO

41,14'1 ti. tha. ojlnt. Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO . - - 41,14'1 ti tha ojlnt Poder Judiciário do Estado da Paraíba Tribunal de Justiça ACÓRDÃO APELAÇÃO CÍVEL N 200.2007.792.417-9/001 João Pessoa RELATOR: Miguel de Britto Lyra Filho, Juiz de Direito Convocado

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2013.0000027012 ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO. Registro: 2013.0000027012 ACÓRDÃO fls. 1 Registro: 2013.0000027012 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Embargos Infringentes nº 0003778-19.2011.8.26.0575/50000, da Comarca de São José do Rio Pardo, em que é embargante

Leia mais

Superior Tribunal de Justiça

Superior Tribunal de Justiça RECURSO ESPECIAL Nº 437.853 - DF (2002/0068509-3) RELATOR : MINISTRO TEORI ALBINO ZAVASCKI RECORRENTE : FAZENDA NACIONAL PROCURADOR : DANIEL AZEREDO ALVARENGA E OUTROS RECORRIDO : ADVOCACIA BETTIOL S/C

Leia mais

Processo arquivado. Trasitado em julgado.

Processo arquivado. Trasitado em julgado. 0022731-63.2007.4.01.3400 (ESTÁGIO PROBATÓRIO) 2008.34.00.021680-9 Determinar que seja conferido aos servidores recém ingressos no seu quadro de pessoal o estágio probatório com prazo de 24 meses. Contribuição

Leia mais

REVISÕES JUDICIAIS DE APOSENTADORIA E PENSÃO:

REVISÕES JUDICIAIS DE APOSENTADORIA E PENSÃO: REVISÕES JUDICIAIS DE APOSENTADORIA E PENSÃO: 1) Pedido de concessão de benefício na Justiça: Todo o segurado que tenha um pedido de concessão ou revisão de benefício previdenciário, que foi requerido

Leia mais

Wander Garcia. Coordenador da coleção Como Passar OAB. 2 a FASE. 3 a Edição 2012 PRÁTICA ADMINISTRATIVA E CONSTITUCIONAL. Wander Garcia e Teresa Melo

Wander Garcia. Coordenador da coleção Como Passar OAB. 2 a FASE. 3 a Edição 2012 PRÁTICA ADMINISTRATIVA E CONSTITUCIONAL. Wander Garcia e Teresa Melo na Wander Garcia Coordenador da coleção Como Passar OAB 3 a Edição 2012 2 a FASE PRÁTICA ADMINISTRATIVA E CONSTITUCIONAL Wander Garcia e Teresa Melo SUMÁRIO ORIENTAÇÕES AO EXAMINANDO...13 1. Provimento

Leia mais

VOLUME I CAPÍTULO I. Administrativo

VOLUME I CAPÍTULO I. Administrativo Sumário -~ VOLUME I CAPÍTULO I Administrativo Contestação à reclamação administrativa... Defesa administrativa em notificação por falta de alvará de licença de localização... Defesa administrativa à Secretaria

Leia mais

APELAÇÃO CÍVEL Ng- 018.2006.002439-7/001 (Oriunda da 4fī Vara da Comarca de Guarabira/PB)

APELAÇÃO CÍVEL Ng- 018.2006.002439-7/001 (Oriunda da 4fī Vara da Comarca de Guarabira/PB) ESTADO DA PARAÍBA PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA GAB. DES. MANOEL SOARES MONTEIRO DECISÃO APELAÇÃO CÍVEL Ng- 018.2006.002439-7/001 (Oriunda da 4fī Vara da Comarca de Guarabira/PB) RELATOR APELANTE

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA DECISÃO MONOCRÁTICA.

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA DECISÃO MONOCRÁTICA. DECISÃO MONOCRÁTICA. TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GAB. DES. ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA REMESSA OFICIAL N. 200.2010.034-761-21001. ORIGEM : 2.a Vara da Fazenda Pública da Comarca da

Leia mais

Supremo Tribunal Federal

Supremo Tribunal Federal MANDADO DE SEGURANÇA 32.833 DISTRITO FEDERAL RELATOR IMPTE.(S) ADV.(A/S) IMPDO.(A/S) ADV.(A/S) : MIN. ROBERTO BARROSO :CARLOS RODRIGUES COSTA :LUZIA DO CARMO SOUZA :PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE CONTAS DA

Leia mais

AMS 90.126-PE (2003.83.00.007588-8). RELATÓRIO

AMS 90.126-PE (2003.83.00.007588-8). RELATÓRIO AMS 90.126-PE (2003.83.00.007588-8). APELANTE : GRUPO ATUAL DE EDUCACAO LTDA. ADVOGADO : JOÃO ANDRÉ SALES RODRIGUES E OUTROS. APELADO : SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO - SESC. ADVOGADOS : ANA PATRICIA PONTES

Leia mais

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL

VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL VIGÉSIMA PRIMEIRA CÂMARA CÍVEL AGRAVO REGIMENTAL APELAÇÃO CÍVEL Nº 0040369-87.2007.8.19.0001 AGRAVANTE: DEPARTAMENTO DE TRÂNSITO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DETRAN/RJ AGRAVADA: UNIÃO DAS CLÍNICAS DE TRÂNSITO

Leia mais

ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA. Apelação Cível ri 026.2006.000553-0/001 Origem : 2 4 Vara da Comarca de naná

ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA TRIBUNAL DE JUSTIÇA. Apelação Cível ri 026.2006.000553-0/001 Origem : 2 4 Vara da Comarca de naná ACÓRDÃO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DA PARAÍBA Apelação Cível ri 026.2006.000553-0/001 Origem : 2 4 Vara da Comarca de naná TRIBUNAL DE JUSTIÇA Relator : Desembargador Frederico Martinho da NObrega Coutinho

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL MINUTA DE JULGAMENTO FLS. *** SEGUNDA TURMA ***

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL MINUTA DE JULGAMENTO FLS. *** SEGUNDA TURMA *** TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL MINUTA DE JULGAMENTO FLS. *** SEGUNDA TURMA *** ANOTAÇÕES: JUST.GRAT. 95.03.010267-7 233069 AC-SP PAUTA: 13/03/2007 JULGADO: 13/03/2007 NUM. PAUTA: 00050 SANTOS RELATOR: DES.FED.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CONSULTA DE PROCESSOS DO 2º GRAU - INTERNET

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO PARÁ CONSULTA DE PROCESSOS DO 2º GRAU - INTERNET DADOS DO PROCESSO Nº Processo: 201230036853 Situação: TRANSITADO EM JULGADO Data da Distribuição: 24/02/12 00:00 Secretaria: Vara: 5ª CAMARA CIVEL Relator: LUZIA NADJA GUIMARAES Fundamentação Legal: Ação

Leia mais

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL PORTARIA CONJUNTA Nº 900, DE 19 DE JULHO DE 2002. Disciplina o pagamento ou parcelamento de débitos de que trata o art. 11 da Medida Provisória nº 38, de 14 de maio de 2002.

Leia mais

Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso

Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso Ensino Fundamental com 9 anos de duração - Idade de Ingresso A respeito da idade de ingresso das crianças, no ensino fundamental de 9 anos de duração, ocorreram acaloradas discussões na esfera educacional

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2011.0000299990 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 9000322-04.2010.8.26.0037, da Comarca de Araraquara, em que é apelante/apelado DORIVAL CAVICHIONI JUNIOR (JUSTIÇA

Leia mais

QUADRO GERAL DE AÇÕES AJUI ZADAS P ELA ANFI P

QUADRO GERAL DE AÇÕES AJUI ZADAS P ELA ANFI P Para facilitar a busca, escreva no espaço Localizar, acima, os dados do seu processo (como número e ano do processo, por exemplo) e tecle enter. Com isso, o programa fará a busca em todo o documento. ANO

Leia mais

XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso

XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso XV Exame de Ordem 2ª Fase OAB Civil - ProfessorAoVivo Qual a peça Juquinha? Prof. Darlan Barroso 2ª Fase OAB - Civil Juquinha Junior, representado por sua genitora Ana, propôs ação de investigação de paternidade

Leia mais

ACÓRDÃO. Salles Rossi RELATOR Assinatura Eletrônica

ACÓRDÃO. Salles Rossi RELATOR Assinatura Eletrônica fls. 1 ACÓRDÃO Registro: 2012.0000382774 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0001561-08.2012.8.26.0562, da Comarca de Santos, em que é apelante PLANO DE SAÚDE ANA COSTA LTDA, é apelado

Leia mais

INICIAÇÃO A ADVOCACIA CIVEL ASPECTOS GERAIS

INICIAÇÃO A ADVOCACIA CIVEL ASPECTOS GERAIS COBRANÇA DE HONORÁRIOS ASPECTOS GERAIS ESTATUTO DA ADVOCACIA CAPÍTULO VI Dos Honorários Advocatícios Art. 22. A prestação de serviço profissional assegura aos inscritos na OAB o direito aos honorários

Leia mais

Petições Trabalhistas 3.0

Petições Trabalhistas 3.0 Contestações 1. Contestação - ação de cobrança de contribuição sindical 2. Contestação - ação rescisória trabalhista 3. Contestação - adicional de insalubridade - limpeza de banheiro - empresa 4. Contestação

Leia mais

PEÇA PRÁTICO-PROFISSIONAL

PEÇA PRÁTICO-PROFISSIONAL *ATENÇÃO: ANTES DE INICIAR A PROVA, VERIFIQUE SE TODOS OS SEUS APARELHOS ELETRÔNICOS FORAM ACONDICIONADOS E LACRADOS DENTRO DA EMBALAGEM PRÓPRIA. CASO A QUALQUER MOMENTO DURANTE A REALIZAÇÃO DO EXAME VOCÊ

Leia mais

Informe Especial Nº 13 Janeiro de 2013

Informe Especial Nº 13 Janeiro de 2013 Informe Especial Nº 13 Janeiro de 2013 Jurídico em ação Luta judicial do Sindicato Acompanhe nesta edição a situação das ações desde 2010 Sem abrir mão da luta por meio da mobilização sindical e mantendo

Leia mais

Remuneração dos Agentes Políticos.

Remuneração dos Agentes Políticos. Remuneração dos Agentes Políticos. Subsídio Os Agentes Políticos recebem por subsídio (art. 39, 4º da CF/88), a saber: 4º O membro de Poder, o detentor de mandato eletivo, os Ministros de Estado e os Secretários

Leia mais

VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970

VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970 VOTO PROCESSO TC 2257/2013 PROTOCOLO TC 2013/128970 Considerando que a Lei Estadual n 6.417, de 26 de maio de 2008, com vigência retroativa a 1 de maio de 2008, dispõe sobre a revisão geral anual dos servidores

Leia mais

ACÓRDÃO. Rio de Janeiro, 05 de outubro de 2010. Desembargador ROBERTO FELINTO Relator

ACÓRDÃO. Rio de Janeiro, 05 de outubro de 2010. Desembargador ROBERTO FELINTO Relator DÉCIMA OITAVA CÂMARA CÍVEL Apelação Cível nº 0355516-46.2008.8.19.0001 Apelante 1 : AZZURRA PARIS VEÍCULOS LTDA. Apelante 2 : SUL AMÉRICA COMPANHIA NACIONAL DE SEGUROS Apelados 1 : OS MESMOS Apelado 2

Leia mais

PRESSUPOSTOS SUBJETIVOS DE ADMISSIBILIDADE RECURSAL: - Possui legitimidade para recorrer quem for parte na relação jurídica processual.

PRESSUPOSTOS SUBJETIVOS DE ADMISSIBILIDADE RECURSAL: - Possui legitimidade para recorrer quem for parte na relação jurídica processual. PRESSUPOSTOS SUBJETIVOS DE ADMISSIBILIDADE RECURSAL: - Legitimidade - art. 499 CPC: - Possui legitimidade para recorrer quem for parte na relação jurídica processual. Preposto é parte? Pode recorrer? NÃO.

Leia mais

Inteiro Teor (714425)

Inteiro Teor (714425) APELAÇÃO CÍVEL Nº 2004.71.00.004416 5/RS RELATOR : Des. Federal LUÍS ALBERTO D AZEVEDO AURVALLE APELANTE APELADO : CLARA INES DAMETTO : Isabel Cristina Trapp Ferreira e outros : INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SÃO PAULO Registro: 2013.0000209289 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0017770-14.2003.8.26.0224, da Comarca de Guarulhos, em que é apelante/apelado HSBC SEGUROS ( BRASIL ) S/A, são

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 9ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 9ª REGIÃO 301 1 Opoente: Opostos: SINDICATO DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE FOZ DO IGUAÇU SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE DE FOZ DO IGUAÇU E REGIÃO, FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE SAÚDE DE

Leia mais

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO

APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO Direito Previdenciário APOSENTADORIA ESPECIAL DO SERVIDOR PÚBLICO Rafael Gabarra www.gabarra.adv.br ROTEIRO I. RGPS x RPPS II. Aposentadoria Especial III. Servidor Público - RPPS IV. Omissão MI s Súmula

Leia mais

CONCLUSÃO. Em 18 de junho de 2015, estes autos são conclusos ao MM. Juiz de Direito Titular II, Dr. Marco Antonio Botto Muscari.

CONCLUSÃO. Em 18 de junho de 2015, estes autos são conclusos ao MM. Juiz de Direito Titular II, Dr. Marco Antonio Botto Muscari. fls. 452 CONCLUSÃO Em 18 de junho de 2015, estes autos são conclusos ao MM. Juiz de Direito Titular II, Dr. Marco Antonio Botto Muscari. Processo nº: 1000819-86.2015.8.26.0003 Classe - Assunto Procedimento

Leia mais

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator

TURMA RECURSAL ÚNICA J. S. Fagundes Cunha Presidente Relator RECURSO INOMINADO Nº 2006.3281-7/0, DO JUIZADO ESPECIAL CÍVEL DA COMARCA DE FAZENDA RIO GRANDE RECORRENTE...: EDITORA ABRIL S/A RECORRIDO...: RAFAELA GHELLERE DAL FORNO RELATOR...: J. S. FAGUNDES CUNHA

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo

TRIBUNAL DE JUSTIÇA PODER JUDICIÁRIO São Paulo TRIBUNAL DE JUSTIÇA São Paulo fls. 1 Registro: 2015.0000744029 ACÓRDÃO Vistos, relatados e discutidos estes autos do Apelação nº 0005193-94.2014.8.26.0619, da Comarca de Taquaritinga, em que é apelante

Leia mais

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA

FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES CURSO DE DIREITO PRÁTICA JURÍDICA Regras Básicas para as Atividades de Prática Jurídica a partir do ano letivo de 2013 Visitas Orientadas 72 Horas Obrigatórias Visitas Justiça

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 6ª Câmara de Direito Privado ACÓRDÃO

PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO 6ª Câmara de Direito Privado ACÓRDÃO ACÓRDÃO Registro: 2012.0000638132 Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 0010183-26.2011.8.26.0008, da Comarca de São Paulo, em que é apelante/apelado ALICE FERNANDES SANCHES, é apelado/apelante

Leia mais

CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS

CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS CASTAGNA MAIA ADVOGADOS ASSOCIADOS Luis Antônio Castagna Maia Betânia Hoyos Figueira Vieira Cecília Maria Lapetina Chiaratto Andréia Gomes Ceregatto Janaína Barcellos Anna Carolina Pagano Michel Adam Lima

Leia mais

AGRAVO DE INSTRUMENTO nº 103086/PE (2009.05.00.112696-3)

AGRAVO DE INSTRUMENTO nº 103086/PE (2009.05.00.112696-3) AGRTE : DANIEL AUGUSTO DOS SANTOS ADV/PROC : TIAGO PONTES QUEIROZ e outro AGRDO : UFPE - UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO REPTE : PROCURADORIA REGIONAL FEDERAL - 5ª REGIÃO RELATOR : DESEMBARGADOR FEDERAL

Leia mais

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA APELAÇÃO CÍVEL N. 001.2008.

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA APELAÇÃO CÍVEL N. 001.2008. Ntátuald, TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA PARAÍBA GABINETE DO DESEMBARGADOR ROMERO MARCELO DA FONSECA OLIVEIRA - APELAÇÃO CÍVEL N. 001.2008.012051-0/002, ORIGEM :Processo n. 001.2008.012051-0 da 3 a Vara

Leia mais

BLACKPOOL INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. - EPP DELEGADO DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA EM SÃO PAULO

BLACKPOOL INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. - EPP DELEGADO DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA EM SÃO PAULO MANDADO DE SEGURANÇA IMPETRANTE: IMPETRADO: BLACKPOOL INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. - EPP DELEGADO DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA EM SÃO PAULO DECISÃO REGISTRADA SOB Nº /2015 A impetrante

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Acórdão 10ª Turma INDENIZAÇÃO. DANO MORAL. ATRASO NA ENTREGA DAS GUIAS DO FGTS E SEGURO- DESEMPREGO. A demora injustificada na entrega das guias do FGTS e do Seguro- Desemprego, feita ultrapassado o decêndio

Leia mais