Instituto Leonístico de Liderança para Leões Emergentes. Distrito LD-1. Curitiba 15/10/2011

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Instituto Leonístico de Liderança para Leões Emergentes. Distrito LD-1. Curitiba 15/10/2011"

Transcrição

1 Instituto Leonístico de Liderança para Leões Emergentes Distrito LD-1 Curitiba 15/10/2011

2 Responsabilidades e funções da Diretoria Presidente Secretário Tesoureiro Diretor de Associados CL Carlos Eugênio C. de Melo Assessor de Liderança do Lions Clube Curitiba Batel

3 Instituto Leonístico de Liderança para Leões Emergentes Distrito LD-1 Curitiba 15/10/2011

4 Porque uma Diretoria? O que é ser Voluntário? Porque Administrar? Quais as Responsabilidades? Porque ligar-se ao Lions International?

5 Voluntariado no Lions Clube: Servir suas comunidades e atender suas necessidades humanas, fomentar a paz e promover a compreensão mundial... Se você está no Lions Clube é porque você quer ser voluntário.

6 Como Voluntário, quero servir! Ótimo! Mas tem que ser de forma organizada e com respaldo da maior organização internacional do mundo. Uma obrigação do voluntário é Servir, trabalhando para a comunidade. Outra obrigação do voluntário do Lions Clube é também Prestar Contas de seu serviço.

7 Como conciliar as duas funções? SERVIR x PRESTAR CONTAS: Dividir as responsabilidades. Compartilhar as habilidades.

8 DIVIDIR e COMPARTILHAR A cada ano todos os Lions Clubes se movimentam em um verdadeiro rodízio de pessoas e atividades. Todos têm oportunidades de conhecer todas as facetas do voluntariado responsavel. Para SERVIR, basta desempenhar sempre a mesma atividade. Para SERVIR no Lions Clube temos que dividir e compartilhar as atividades e responsabilidades. O crescimento humano nesse aspecto é fantástico.

9 Porque Administrar? Algumas verdades: A melhoria das organizações de hoje é muito diferente das do passado devido à administração. O aproveitamento intelectual do homem levou à melhoria do aproveitamento da capacidade de produção. A administração necessita de um amplo conhecimento e da aplicação correta dos princípios técnicos até agora formulados e a necessidade de combinar os meios e objetivos com eficiência e eficácia. Os preceitos da administração podem ser aplicados a quaisquer organizações, sejam elas públicas, privadas, empresas, entidades ou associações. O Voluntário adora Executar, mas é arredio em Administrar.

10 Sucesso dos voluntários do Lions Clube Voluntariado isolado Pequenez; Desconhecido; Sem recursos; Voluntariado com Administração do Lions Clube Grandioso; Reconhecido mundialmente; Tem facilidade para obtenção recursos; Organizado;

11 Quais as Responsabilidades? Sem deixar de praticar o voluntariado, no ano em que estiver na Diretoria do Lions Clube, terei com honra, algumas responsabilidades adicionais.

12 Fui Indicado para a Diretoria E agora? Ler/Estudar: Manuais de dirigentes de clube Estatuto do clube, do distrito, do múltiplo Planejar: Avaliar o clube Definir Metas Repartir as atribuições Quem faz o que? Buscar Subsídios: Programas do Pres. Internacional, DM LD e Distrito Prêmio de Excelência Metas pessoais AME Lions - Indicadores

13 Serei o Presidente. Como Dividir e Compartilhar? PLANEJAR ORGANIZAR DIRIGIR CONTROLAR: Defina as Atividades O que fazer? Quando Fazer? Onde fazer? Porque fazer? Estabeleça as Comissões DIVIDA! Como Fazer? Quem vai fazer? Quanto vai custar? Como arrecadar? Presida as reuniões: Administrativas / Festivas / Diretoria Controle e Oriente COMPARTILHE! Informe os Associados. Saiba o que está acontecendo sempre. Oriente e peça participação

14 Eu serei o Secretário. Como Ajudar? Cuide da Agenda; Anote as Decisões; Faça as Atas de Reuniões; Informe Mensal ao Lions International; Auto Avaliação Mensal; Prepare, com o Presidente, o Protocolo formal das reuniões e assembleias; Mantenha livro de presenças; Mantenha arquivo de documentação. Ajude, ajude, ajude...

15 E eu como Tesoureiro, o que devo fazer? Crie a Comissão de Finanças DIVIDA e COMPARTILHE. Elabore Plano Orçamentário. Mantenha duas contas distintas: Administração do clube. Atividades ou programas/projetos do clube. Controle de arrecadação e gastos Saiba, em todos os momentos, o que receber e o que pagar. Registros de atas em Cartório de Títulos e Documentos, com ajuda do Secretário. Pagamentos ao Lions International e Distrito Declarações de Imposto de Renda e RAIS Elabore Relatório Contábil da Gestão, e encaminhe para Auditoria emitir parecer, mensalmente.

16 O Diretor de Associados faz o que? Cuida do quadro associativo. Participa na Seleção de Novos Associados. Formaliza Convite a novos Associados. Define a Cerimônia de Posse. Dá Orientação aos Associados. Envolve os Associados em atividades do clube. Responsável pela Integração dos Associados.

17 Como Ligar-se ao Lions International? O Voluntário do Lions Clube participa naturalmente da maior organização de serviços do mundo porque seu clube é administrado segundo as normas da entidade. Use o site O Voluntário sozinho não tem representatividade para desempenhar suas funções com respaldo de uma organização reconhecida internacionalmente.

18 Aceitar a Presidência como homenagem que lhe prestam os Companheiros. PDG CL Edgar Barbosa Ribas. Escola de Leonismo AL 2000/2001

19 Muito Obrigado. CL Carlos Eugenio C. de Melo

PACOTE DE INSCRIÇÃO DO COORDENADOR DE DISTRITO

PACOTE DE INSCRIÇÃO DO COORDENADOR DE DISTRITO PACOTE DE INSCRIÇÃO DO COORDENADOR DE DISTRITO Os Leões que atendam às qualificações deverão ser considerados para este cargo. Peça que os candidatos analisem as responsabilidades e qualificações, depois

Leia mais

INSTRUÇÃO PARA SECRETÁRIO DE CLUBE

INSTRUÇÃO PARA SECRETÁRIO DE CLUBE DG CL Elias da Silva Paiva DM e CaL Nice AL 2015/2016 INSTRUÇÃO PARA SECRETÁRIO DE CLUBE Instrutor: CL Nelson Mazarin LC Campinas Carlos Gomes LC-3 E-mail: nelson@sistematec.com.br 1 ÍNDICE Descrição do

Leia mais

SEDE INTERNACIONAL. Capítulo II

SEDE INTERNACIONAL. Capítulo II Capítulo II SEDE INTERNACIONAL A Sede Internacional é um recurso importante para todos os Leões e os funcionários estão sempre prontos para oferecer assistência e orientação, quando necessário. A comunicação

Leia mais

TRANSFORMANDO EM REALIDADE Guia para o Desenvolvimento de Projetos de Lions Clube

TRANSFORMANDO EM REALIDADE Guia para o Desenvolvimento de Projetos de Lions Clube TRANSFORMANDO EM REALIDADE Guia para o Desenvolvimento de Projetos de Lions Clube TRANSFORMANDO EM REALIDADE! Os Lions clubes que organizam projetos de serviços comunitários significativos causam um impacto

Leia mais

DICAS PARA QUEM TEM O DISQUETE FORNECIDO NA ESCOLA DE DIRIGENTES

DICAS PARA QUEM TEM O DISQUETE FORNECIDO NA ESCOLA DE DIRIGENTES RELATÓRIO DE ATIVIDADES 2.002/2.003 DICAS PARA QUEM TEM O DISQUETE FORNECIDO NA ESCOLA DE DIRIGENTES Importante: O sistema Relatório de Atividades foi desenvolvido de tal formas que, ao se digitar as informações

Leia mais

REUNIÃO FESTIVA DE POSSE DOS NOVOS PRESIDENTES 2011/12

REUNIÃO FESTIVA DE POSSE DOS NOVOS PRESIDENTES 2011/12 REUNIÃO FESTIVA DE POSSE DOS NOVOS PRESIDENTES 2011/12 CL VERA 01/07/2011 20:30 HORAS Salão Marfin Boa Noite, Senhoras e Senhores, nossas saudações: Convidamos para a mesa dos trabalhos os Senhores e Senhoras:

Leia mais

DIRETOR DE ASSOCIADOS DE CLUBES DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL

DIRETOR DE ASSOCIADOS DE CLUBES DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL DIRETOR DE ASSOCIADOS DE CLUBES DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL CONCEITOS IMPORTANTES (I) Elegibilidade à Afiliação Manual da Diretoria Internacional - obrigações dos clubes constituídos 1. Investigar

Leia mais

Onde achar: informações para o dirigente de Lions

Onde achar: informações para o dirigente de Lions Onde achar: informações para o dirigente de Lions PDG Genésio Lima dos Reis Coordenador da Equipe de Liderança Global (GLT) do DLB-2 Cuiabá, 04/09/15 Roteiro Preparação de Lideranças Cursos presenciais

Leia mais

ELABORAR UMA SOLICITAÇÃO DE SUBSÍDIO PADRÃO A LCIF PDG MANOEL MESSIAS MELLO DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL

ELABORAR UMA SOLICITAÇÃO DE SUBSÍDIO PADRÃO A LCIF PDG MANOEL MESSIAS MELLO DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL ELABORAR UMA SOLICITAÇÃO DE SUBSÍDIO PADRÃO A LCIF PDG MANOEL MESSIAS MELLO DISTRITO LC-8 SÃO PAULO - BRASIL CAPA DO FORMULÁRIO SOLICITAÇÃO DE SUBSÍDIO PADRÃO NOME: DISTRITO LC-5 SÃO PAULO - BRASIL INSTRUÇÕES

Leia mais

Treinamento Online para o Segundo Vice-Governador de Distrito

Treinamento Online para o Segundo Vice-Governador de Distrito Treinamento Online para o Segundo Vice-Governador de Distrito Apostila Bem-Vindo ao Treinamento Online para o Segundo Vice-Governador de Distrito! Parabéns pela sua eleição ao cargo de segundo vice-governador

Leia mais

ANALISE AS RESPOSTAS DA PESQUISA COMPARTILHE OS RESULTADOS COM OS SÓCIOS DO SEU CLUBE E OUTROS COMPANHEIROS LEÕES

ANALISE AS RESPOSTAS DA PESQUISA COMPARTILHE OS RESULTADOS COM OS SÓCIOS DO SEU CLUBE E OUTROS COMPANHEIROS LEÕES Serviços Leonísticos para Crianças Avaliação das necessidades da comunidade Os dados estatísticos atuais revelam que milhões de crianças em todas as partes do mundo sofrem de pobreza, doenças, deficiências

Leia mais

CAPÍTULO XIII RELAÇÕES INTERNACIONAIS

CAPÍTULO XIII RELAÇÕES INTERNACIONAIS CAPÍTULO XIII RELAÇÕES INTERNACIONAIS A. RELACIONAMENTO ENTRE LIONS CLUBS INTERNATIONAL E A ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS (CONSELHO ECONÔMICO E SOCIAL/ECOSOC) O artigo 71 da Carta das Nações Unidas declara

Leia mais

5. É altamente recomendado que Rotaract Clubs mencionem após seu nome, patrocinado pelo Rotary Club de (nome).

5. É altamente recomendado que Rotaract Clubs mencionem após seu nome, patrocinado pelo Rotary Club de (nome). Declaração de Normas do Rotaract 1. O programa Rotaract foi desenvolvido e estabelecido pelo Rotary International. A autoridade pela elaboração e execução dos dispositivos estatutários, requisitos de organização,

Leia mais

Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE

Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas CNE Pág. 1/6 Ata de Assembléia Geral Extraordinária de Aprovação dos Estatutos do Comitê Nacional dos Editores de Publicações Leonísticas - CNE Aos

Leia mais

O Seu Clube, a Sua Maneira! Personalizando a sua Reunião de Clube

O Seu Clube, a Sua Maneira! Personalizando a sua Reunião de Clube O Seu Clube, a Sua Maneira! Personalizando a sua Reunião de Clube O Seu Clube, a Sua Maneira! Personalizando a sua Reunião de Clube As suas reuniões de clube são produtivas como deveriam ser? É fácil recrutar

Leia mais

FORUM PERMANENTE DA AGENDA 21 LOCAL DE SAQUAREMA REGIMENTO INTERNO. CAPITULO 1-Da natureza, sede, finalidade, princípios e atribuições:

FORUM PERMANENTE DA AGENDA 21 LOCAL DE SAQUAREMA REGIMENTO INTERNO. CAPITULO 1-Da natureza, sede, finalidade, princípios e atribuições: FORUM PERMANENTE DA AGENDA 21 LOCAL DE SAQUAREMA REGIMENTO INTERNO CAPITULO 1-Da natureza, sede, finalidade, princípios e atribuições: Artigo I: O Fórum Permanente da Agenda 21 de Saquarema, criado pelo

Leia mais

Coordena as reuniões da Assembléia Geral (Comissão e todos os formandos da turma); Coordena e supervisiona as atividades da Comissão de Formatura.

Coordena as reuniões da Assembléia Geral (Comissão e todos os formandos da turma); Coordena e supervisiona as atividades da Comissão de Formatura. A comissão O primeiro passo é formar uma Comissão, escolhida pela(s) turma(s). Essa Comissão deve ser composta por pessoas disponíveis, responsáveis e interessadas em acompanhar todas as etapas do processo.

Leia mais

CONCURSO DE EFICIÊNCIA DO DISTRITO LB-2

CONCURSO DE EFICIÊNCIA DO DISTRITO LB-2 ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES DISTRITO LB-2 GOVERNADOR CL JOÃO DA SILVA FILHO CaL DIVA LOCATELLI MÃOS QUE SEMEIAM, EDUCAÇÃO, SERVIÇO E CIDADANIA CONCURSO DE EFICIÊNCIA DO DISTRITO LB-2 A Associação

Leia mais

DISTRITO MÚLTIPLO LEO LC

DISTRITO MÚLTIPLO LEO LC PROTOCOLO DE ASSEMBÉIA FESTIVA DE FUNDAÇÃO DE LEO CLUBE 1. ABERTURA a) Presidente do Lions Clube...... coloca-se a mesa principal b) Presidente bate o sino para chamar a atenção dos presentes c) Diretor

Leia mais

PLANEJAMENTO DO PROGRAMA LEONÍSTICO DE MENTOR

PLANEJAMENTO DO PROGRAMA LEONÍSTICO DE MENTOR PLANEJAMENTO DO PROGRAMA LEONÍSTICO DE MENTOR PRIMEIRO NÍVEL: RESPONSABILIDADE " O aprendizado não é conquistado acidentalmente. Ele deve ser perseguido com ardor e tratado com diligência." Abigail Adams,

Leia mais

R: No menu do Meu Lions Clube ou Meu Leo Clube, selecione Atividades de Serviço.

R: No menu do Meu Lions Clube ou Meu Leo Clube, selecione Atividades de Serviço. P: Como posso adicionar uma atividade? R: No menu do Meu Lions Clube ou Meu Leo Clube, selecione Atividades de Serviço. Na página de Atividades de Serviço, clique no botão Adicionar Atividade. Na página

Leia mais

Regulamentos e Critérios para Subsídios de Assistência Internacional

Regulamentos e Critérios para Subsídios de Assistência Internacional Regulamentos e Critérios para Subsídios de Assistência Internacional Os Subsídios de Assistência Internacional de LCIF oferecem financiamento para projetos de ajuda humanitária que são esforços de cooperação

Leia mais

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor

Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Agilizando o processo de compras para aumentar a eficiência e comprar melhor Toda empresa privada deseja gerar lucro e para que chegue com sucesso ao final do mês ela precisa vender, sejam seus serviços

Leia mais

CAPÍTULO VII ESTATUTO E REGULAMENTOS. 1. Modelo Padrão para Estatuto e Regulamentos de Distrito e Subdistrito

CAPÍTULO VII ESTATUTO E REGULAMENTOS. 1. Modelo Padrão para Estatuto e Regulamentos de Distrito e Subdistrito CAPÍTULO VII ESTATUTO E REGULAMENTOS A. ESTATUTO 1. Modelo Padrão para Estatuto e Regulamentos de Distrito e Subdistrito FICA RESOLVIDO que a diretoria adotará, e através deste adota, o Modelo Oficial

Leia mais

PROGRAMAÇÃO DA INSTALAÇÃO DE GABINETE DO DISTRITO LEO LB-4 AL 2015/2016 SÁBADO 18/07/2015

PROGRAMAÇÃO DA INSTALAÇÃO DE GABINETE DO DISTRITO LEO LB-4 AL 2015/2016 SÁBADO 18/07/2015 PROGRAMAÇÃO DA INSTALAÇÃO DE GABINETE DO DISTRITO LEO LB-4 AL 2015/2016 SÁBADO 18/07/2015 Local: Alojamento, Inscrições e Plenárias serão no SESI Park Cuiabá (Avenida Oátomo Canavarro, S/N Morada do Ouro,

Leia mais

Regulamento Municipal de Apoio às Actividades Desportivas

Regulamento Municipal de Apoio às Actividades Desportivas Regulamento Municipal de Apoio às Actividades Desportivas Preâmbulo A Câmara Municipal de Nordeste tem vindo a apoiar ao longo dos anos de forma directa e organizada toda a actividade desportiva no concelho

Leia mais

WILLIAN VINÍCIUS PEIXOTO

WILLIAN VINÍCIUS PEIXOTO TESOURARIA DISTRITAL ANOROTÁRIO 2013-2014 DISTRITO 4.560 TESOUREIRO DISTRITAL WILLIAN VINÍCIUS PEIXOTO ENDEREÇO CONTATOS Rua: Mozart Machado, 381. Bairro: Lourdes, Itaúna, MG CEP: 35516-000 CELULAR: (37)9959-4449

Leia mais

O FUTURO DA WEB ESTÁ EM NOSSAS MÃOS VENHA LUTAR COM A GENTE ;-) womoz.mozillabrasil.org.br

O FUTURO DA WEB ESTÁ EM NOSSAS MÃOS VENHA LUTAR COM A GENTE ;-) womoz.mozillabrasil.org.br O FUTURO DA WEB ESTÁ EM NOSSAS MÃOS VENHA LUTAR COM A GENTE ;-) womoz.mozillabrasil.org.br WoMoz Brasil Mulheres e Mozilla É uma comunidade composta por entusiastas da web aberta com foco em aumentar o

Leia mais

REVIGORAR RENOVAR REANIMAR REVITALIZAR RECONECTAR Uma série de revisões de orientação de sócios Leões O seu clube, o seu distrito

REVIGORAR RENOVAR REANIMAR REVITALIZAR RECONECTAR Uma série de revisões de orientação de sócios Leões O seu clube, o seu distrito REVIGORAR RENOVAR REANIMAR REVITALIZAR RECONECTAR Uma série de revisões de orientação de sócios Leões O seu clube, o seu distrito A série de revisões é composta de cinco partes que cobrem os seguintes

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre o Webinar de Treinamento para Secretários de Clube

Perguntas e Respostas sobre o Webinar de Treinamento para Secretários de Clube Cadastro e acesso ao MyLCI P: Quando o MyLCI estará disponível? R: O MyLCI estará disponível em todos os idiomas oficiais para propósitos de criação de senha e treinamento em 15 de junho de 2012. O site

Leia mais

EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS

EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS Lions Clubs International EQUIPE GLOBAL DE AUMENTO DE ASSOCIADOS GUIA DE RECURSOS Bem-Vindo à Equipe de Liderança Global (GMT) de Lions Clubs International. O seu cargo na GMT é de vital importância para

Leia mais

CARGOS E FUNÇÕES APEAM

CARGOS E FUNÇÕES APEAM CARGOS E FUNÇÕES APEAM 1. PRESIDÊNCIA A Presidência possui por finalidades a representação oficial e legal da associação, coordenação e integração da Diretoria Executiva, e o acompanhamento, avaliação,

Leia mais

Serviços Leonísticos para Crianças Programa do Simpósios. Solicitação para o Ano Fiscal de 2014-2015

Serviços Leonísticos para Crianças Programa do Simpósios. Solicitação para o Ano Fiscal de 2014-2015 Serviços Leonísticos para Crianças Programa do Simpósios Solicitação para o Ano Fiscal de 2014-2015 Visão Geral do Programa do Simpósio O Simpósio de Serviços Leonísticos para Crianças permite o reembolso

Leia mais

3º lugar Serão considerados vencedores do 3º lugar os clubes com pontuações adquiridas nas atividades propostas a partir 31º em diante.

3º lugar Serão considerados vencedores do 3º lugar os clubes com pontuações adquiridas nas atividades propostas a partir 31º em diante. NORMAS DO CONCURSO DE EFICIÊNCIA DO DISTRITO LA 6 AL 2015/2016 As premiações obedecerão a seguinte ordem: 1º lugar Serão considerados vencedores do 1º lugar os 10 primeiros clubes do Distrito LA 6 que

Leia mais

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS

REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS Er REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS Art 1º O Fórum da Agenda 21 Local Regional de Rio Bonito formulará propostas de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento sustentável local, através

Leia mais

CAPÍTULO II COMITÊS DA DIRETORIA A. COMITÊ CONSULTIVO PARA ANALISAR OS CANDIDATOS AO CARGO DE VICE-PRESIDENTE

CAPÍTULO II COMITÊS DA DIRETORIA A. COMITÊ CONSULTIVO PARA ANALISAR OS CANDIDATOS AO CARGO DE VICE-PRESIDENTE CAPÍTULO II COMITÊS DA DIRETORIA A. COMITÊ CONSULTIVO PARA ANALISAR OS CANDIDATOS AO CARGO DE VICE-PRESIDENTE 1. Objetivo - O objetivo do comitê é avaliar potenciais candidatos à vice-presidente internacional

Leia mais

RESOLUÇÃO DE DIRETORIA - ABTRF 03/2011. Dá nova redação a Resolução que instituiu o PROGRAMA EMPRESA CIDADÃ

RESOLUÇÃO DE DIRETORIA - ABTRF 03/2011. Dá nova redação a Resolução que instituiu o PROGRAMA EMPRESA CIDADÃ RESOLUÇÃO DE DIRETORIA - ABTRF 03/2011 Dá nova redação a Resolução que instituiu o PROGRAMA EMPRESA CIDADÃ Tendo em vista as experiências vividas desde a criação do Programa Empresa Cidadã, objeto da Resolução

Leia mais

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil

Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil Auditoria Interna do Futuro: Você está Preparado? Oswaldo Basile, CIA, CCSA. Presidente IIA Brasil O futuro é (deveria ser) o sucesso Como estar preparado? O que você NÃO verá nesta apresentação Voltar

Leia mais

INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA 1.1

INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA 1.1 1.0 INTRODUÇÃO À ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA 1.1 1.2 ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Qual o objetivo das empresas para a administração financeira? Maximizar valor de mercado da empresa; Aumentar a riqueza dos acionistas.

Leia mais

PROGRAMA LEÃO ORIENTADOR CERTIFICADO

PROGRAMA LEÃO ORIENTADOR CERTIFICADO PROGRAMA LEÃO ORIENTADOR CERTIFICADO Liderança é mais que a prestação de serviço, é habilitar as pessoas para que sejam mais produtivas. Capacitar as pessoas é a chave do sucesso! Índice Introdução...2

Leia mais

ESTATUTO LIONS CLUBE CURITIBA BATEL

ESTATUTO LIONS CLUBE CURITIBA BATEL PROCESSO DE APROVAÇÃO EM 2011 DO ESTATUTO DO LIONS CLUBE CURITIBA BATEL EDITAL DE CONVOCAÇÃO Ficam os associados do Lions Clube Curitiba Batel convocados para Assembleia Geral Extraordinária a se realizar

Leia mais

Lions Clubs International Programa de Subsídio de Liderança Leo. Formulário de pedido de subsídio

Lions Clubs International Programa de Subsídio de Liderança Leo. Formulário de pedido de subsídio Lions Clubs International Programa de Subsídio de Liderança Leo Formulário de pedido de subsídio O Programa de Subsídio de Liderança Leo oferece assistência a um distrito múltiplo, sub ou único (que não

Leia mais

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 RELATÓRIO DAS ATIVIDADES 2004 1. Palestras informativas O que é ser voluntário Objetivo: O voluntariado hoje, mais do que nunca, pressupõe responsabilidade e comprometimento e para que se alcancem os resultados

Leia mais

Habilidades são adquiridas muitas pessoas amam nos ajudar Há quem preste os serviços que precisamos

Habilidades são adquiridas muitas pessoas amam nos ajudar Há quem preste os serviços que precisamos Você deve criar um excelente Jornal de Unidade, que chegue na casa de cada uma de suas Consultoras com regularidade no início de cada mês. Esse Jornal deve conter reconhecimento, inspiração e informação.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS DIÁCONOS BATISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO REGIMENTO INTERNO DA ADIBERJ

ASSOCIAÇÃO DOS DIÁCONOS BATISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO REGIMENTO INTERNO DA ADIBERJ ASSOCIAÇÃO DOS DIÁCONOS BATISTAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO REGIMENTO INTERNO DA ADIBERJ Capítulo I Nome, Constituição e Objetivo Art. 1º - A ADIBERJ é uma sociedade civil de natureza religiosa constituída

Leia mais

Estatutos Prescritos para o Rotaract Club

Estatutos Prescritos para o Rotaract Club Estatutos Prescritos para o Rotaract Club Metas Patrocínio de Rotary Club Requisitos para associação ARTIGO I Nome O nome desta organização será Rotaract Club de. ARTIGO II Propósito e Metas O propósito

Leia mais

Guia do Al-Anon G-4 PARA UM SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AL-ANON

Guia do Al-Anon G-4 PARA UM SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AL-ANON Guia do Al-Anon G-4 PARA UM SERVIÇO DE INFORMAÇÃO AL-ANON HISTÓRICO E UTILIDADE DOS SERVIÇOS DE INFORMAÇÃO AL-ANON Foi em New York que se criou o primeiro Intergrupo (Serviço de Informação Al-Anon atual),

Leia mais

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES DISTRITO LC 1 CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO, JURISDIÇÃO, SEDE, FORO, DURAÇÃO, EMBLEMA, SLOGAN E LEMA.

ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES DISTRITO LC 1 CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO, JURISDIÇÃO, SEDE, FORO, DURAÇÃO, EMBLEMA, SLOGAN E LEMA. 1 ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES DISTRITO LC 1 CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO, JURISDIÇÃO, SEDE, FORO, DURAÇÃO, EMBLEMA, SLOGAN E LEMA. Art. 1. A Associação Internacional de Lions Clubes

Leia mais

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira

CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS. Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa. Ricardo Pereira CERTIFICAÇÃO ISO PARA EMPRESÁRIOS Um guia fácil para preparar e certificar sua empresa Ricardo Pereira Antes de começar por Ricardo Pereira Trabalhando na Templum Consultoria eu tive a rara oportunidade

Leia mais

COMO ORGANIZAR UM EVENTO VAI ORGANIZAR UM EVENTO? TEMOS DICAS VALIOSAS PARA TE AJUDAR! womoz.mozillabrasil.org.br

COMO ORGANIZAR UM EVENTO VAI ORGANIZAR UM EVENTO? TEMOS DICAS VALIOSAS PARA TE AJUDAR! womoz.mozillabrasil.org.br COMO ORGANIZAR UM EVENTO VAI ORGANIZAR UM EVENTO? TEMOS DICAS VALIOSAS PARA TE AJUDAR! womoz.mozillabrasil.org.br Eventos são um dos melhores modos de fazer com que as pessoas se envolvam. Elas participam

Leia mais

PROGRAMA DE MENTOR DO LIONS

PROGRAMA DE MENTOR DO LIONS PROGRAMA DE MENTOR DO LIONS Guia Básico de Mentoreamento ÍNDICE Introdução Para o mentoreado 3 Para o mentor 4 Programa de Mentor do Lions Programa Básico de Mentor 5 Programa Avançado de Mentor 5 Sobre

Leia mais

ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES- DISTRITO LC1 REGULAMENTO INTERNO VERSÃO DE 18.03.2015 SUMÁRIO CAPÍTULO III DOS ASSOCIADOS ¾

ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES- DISTRITO LC1 REGULAMENTO INTERNO VERSÃO DE 18.03.2015 SUMÁRIO CAPÍTULO III DOS ASSOCIADOS ¾ 1 ASSOCIAÇÃO INTERNACIONAL DE LIONS CLUBES- DISTRITO LC1 REGULAMENTO INTERNO VERSÃO DE 18.03.2015 SUMÁRIO CAPÍTULO I DA SUPREMACIA DAS NORMAS 2 CAPÍTULO II DAS CARACTERÍSTICAS INSTITUCIONAIS 2 CAPÍTULO

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre o Webinar de Treinamento para Tesoureiros de Clube

Perguntas e Respostas sobre o Webinar de Treinamento para Tesoureiros de Clube Cadastro e login de acesso ao MyLCI P: Quando o MyLCI estará disponível? R: O MyLCI estará disponível em todos os idiomas oficiais para propósitos de criação de senha e treinamento em 15 de junho de 2012.

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E MESTRES APM DA ETEC ARNALDO PEREIRA CHEREGATTI DE AGUAÍ

ASSOCIAÇÃO DE PAIS E MESTRES APM DA ETEC ARNALDO PEREIRA CHEREGATTI DE AGUAÍ PLANO DE AÇÃO 2015 ASSOCIAÇÃO DE PAIS E MESTRES DA ETEC ARNALDO PEREIRA CHEREGATTI DE AGUAÍ OBJETIVO GERAL Gerenciar os recursos financeiros com transparência, de forma a contribuir na melhoria do desempenho

Leia mais

NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES

NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES 1 NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1 o O Núcleo de Jovens Empreendedores da Associação Comercial e Empresarial de Suzano

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL VIENA, ÁUSTRIA 18 A 21 DE MARÇO DE 2008

RESUMO EXECUTIVO REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL VIENA, ÁUSTRIA 18 A 21 DE MARÇO DE 2008 REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL VIENA, ÁUSTRIA COMITÊ DE ESTATUTO E REGULAMENTOS 1. Adotada a resolução a ser relatada na Convenção Internacional de 2008 para emendar o Artigo II, Seção 1 dos Regulamentos

Leia mais

Manual do Assessor de Preparação de Líderes

Manual do Assessor de Preparação de Líderes Manual do Assessor de Preparação de Líderes Índice Introdução 1 Nível de distrito múltiplo Nível de distrito Responsabilidades 1-3 Principais responsabilidades Descrição do cargo em nível de distrito múltiplo

Leia mais

PRIMEIRA ALTERAÇÃO DO ESTATUTO DA ARESMUM- ASSOCIAÇÃO RECREATIVA E ESPORTIVA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MAMBORÊ PARANÁ CAPÍTULO I

PRIMEIRA ALTERAÇÃO DO ESTATUTO DA ARESMUM- ASSOCIAÇÃO RECREATIVA E ESPORTIVA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MAMBORÊ PARANÁ CAPÍTULO I PRIMEIRA ALTERAÇÃO DO ESTATUTO DA ARESMUM- ASSOCIAÇÃO RECREATIVA E ESPORTIVA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE MAMBORÊ PARANÁ CAPÍTULO I DA FUNDAÇÃO, DENOMINAÇÃO E FINALIDADES Artigo 1º - A Associação Recreativa

Leia mais

CAPÍTULO XIX RELAÇÕES PÚBLICAS

CAPÍTULO XIX RELAÇÕES PÚBLICAS CAPÍTULO XIX RELAÇÕES PÚBLICAS A. PUBLICAÇÕES 1. A Divisão de Relações Públicas e Comunicação é encarregada de produzir e manter disponível, seja no site oficial da associação na Internet ou através de

Leia mais

CRITÉRIOS PARA A ORGANIZAÇÃO DE UM NOVO CLUBE

CRITÉRIOS PARA A ORGANIZAÇÃO DE UM NOVO CLUBE CRITÉRIOS PARA A ORGANIZAÇÃO DE UM NOVO CLUBE 1. Pedido de Carta Constitutiva O pedido de emissão da carta constitutiva poderá ser feito a esta associação por qualquer grupo, clube ou assembleia que tenha

Leia mais

Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria

Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria Orçamento Use o Dinheiro com Sabedoria Use o Dinheiro com Sabedoria Serasa Experian e Educação Financeira O Programa Serasa Experian de Educação Financeira Sonhos Reais é uma iniciativa que alia o conhecimento

Leia mais

ATO NORMATIVO Nº 006 /2007

ATO NORMATIVO Nº 006 /2007 ATO NORMATIVO Nº 006 /2007 Dispõe sobre os cargos em comissão do Ministério Público do Estado da Bahia, e dá outras providências. O PROCURADOR-GERAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DA BAHIA, no uso das atribuições

Leia mais

Prepare-se para uma viagem em

Prepare-se para uma viagem em Prepare-se para uma viagem em que você poderá:. conhecer diversas culturas e perspectivas,. desenvolver novas competências,. participar de uma organização estadual,. obter uma rede de contatos diferenciada,

Leia mais

CARTA DA TERRA PARA CRIANÇAS

CARTA DA TERRA PARA CRIANÇAS 1 CARTA DA TERRA A Carta da Terra é uma declaração de princípios fundamentais para a construção de uma sociedade que seja justa, sustentável e pacífica. Ela diz o que devemos fazer para cuidar do mundo:

Leia mais

ESCOLA TÉCNICA DO VALE DO ITAJAI

ESCOLA TÉCNICA DO VALE DO ITAJAI ESCOLA TÉCNICA DO VALE DO ITAJAI Reconhecida pela SEC/SC - Portarias 0390/86 e 0424/92 ESTATUTO DA ASSOCIAÇÃO DE PAIS E PROFESSORES DA ESCOLA TÉCNICA DO VALE DO ITAJAI-ETEVI-FURB-BLUMENAU-SC CAPÍTULO I

Leia mais

LIONS CLUBE INTERNACIONAL

LIONS CLUBE INTERNACIONAL LIONS CLUBE INTERNACIONAL Nós servimos. A maior organização de clubes de serviço do mundo. Única organização não-governamental com cadeira na ONU Trabalho voluntário nas comunidades locais 1,35 milhão

Leia mais

PARCERIA BRASILEIRA PELA ÁGUA

PARCERIA BRASILEIRA PELA ÁGUA PARCERIA BRASILEIRA PELA ÁGUA Considerando a importância de efetivar a gestão integrada de recursos hídricos conforme as diretrizes gerais de ação estabelecidas na Lei 9.433, de 8.01.1997, a qual institui

Leia mais

LEI N.º 3.590 de 2 de maio de 2006.

LEI N.º 3.590 de 2 de maio de 2006. LEI N.º 3.590 de 2 de maio de 2006. O PREFEITO MUNICIPAL DE URUGUAIANA: Dispõe sobre a Estrutura Administrativa e institui organograma da Câmara Municipal de Uruguaiana e dá outras providências. Faço saber,

Leia mais

PLANO DE TRABALHO EXERCÍCIO 2014. Dados de Identificação: Nome da Entidade: Associação de Cegos Louis Braille - ACELB. Bairro: Rubem Berta

PLANO DE TRABALHO EXERCÍCIO 2014. Dados de Identificação: Nome da Entidade: Associação de Cegos Louis Braille - ACELB. Bairro: Rubem Berta ASSOCIAÇÃO DE CEGOS LOUIS BRAILLE CNPJ. 88173968/0001-60 Endereço: Rua Braille, 480 Núcleo Residencial Costa e Silva Bairro: Rubem Berta POA-RS - CEP: 91150-140 e-mail: acelb@terra.com.br Fone: 3344-18-04-33406840

Leia mais

"DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A. NIRE nº 35.300.172.507 CNPJ/MF nº 61.486.650/0001-83 Companhia Aberta

DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A. NIRE nº 35.300.172.507 CNPJ/MF nº 61.486.650/0001-83 Companhia Aberta "DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A. NIRE nº 35.300.172.507 CNPJ/MF nº 61.486.650/0001-83 Companhia Aberta REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE AUDITORIA ESTATUTÁRIO Este Regimento Interno dispõe sobre os procedimentos

Leia mais

MANUAL DO INSTRUTOR DE CLUBE Instituído no Manual do Presidente de Clube, página 18 que pode ajudar na melhoria de seu clube UM PENSAMENTO

MANUAL DO INSTRUTOR DE CLUBE Instituído no Manual do Presidente de Clube, página 18 que pode ajudar na melhoria de seu clube UM PENSAMENTO ROTARY INTERNATIONAL Distrito 4750 Rio de Janeiro Brasil Leitura Selecionada LS 33 MANUAL DO INSTRUTOR DE CLUBE Instituído no Manual do Presidente de Clube, página 18 que pode ajudar na melhoria de seu

Leia mais

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORAMENTO FISCAL, CONTABIL E DEPARTAMENTO PESSOAL.

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORAMENTO FISCAL, CONTABIL E DEPARTAMENTO PESSOAL. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORAMENTO FISCAL, CONTABIL E DEPARTAMENTO PESSOAL. OBJETIVO DOS TRABALHOS a) Revisão e diagnóstico sobre os procedimentos legais aplicáveis as operações financeiras e fiscais

Leia mais

Treinamento Autoguiado para Presidentes de Divisão

Treinamento Autoguiado para Presidentes de Divisão Treinamento Autoguiado para Presidentes de Divisão Módulo 2: Presidente de Divisão como Dirigente Administrativo da Divisão APOSTILA Este módulo terá como enfoque o papel do presidente de divisão como

Leia mais

Novell Teaming 2.0. Novell. 29 de julho de 2009. Início Rápido. Iniciando o Novell Teaming. Conhecendo a interface do Novell Teaming e seus recursos

Novell Teaming 2.0. Novell. 29 de julho de 2009. Início Rápido. Iniciando o Novell Teaming. Conhecendo a interface do Novell Teaming e seus recursos Novell Teaming 2.0 29 de julho de 2009 Novell Início Rápido Quando você começa a usar o Novell Teaming, a primeira coisa a se fazer é configurar sua área de trabalho pessoal e criar uma área de trabalho

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E FINANÇAS - PROPLAN

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E FINANÇAS - PROPLAN UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE UERN PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E FINANÇAS - PROPLAN ROTINAS ADMINISTRATIVAS PROPLAN SETOR: Pró-Reitoria CARGO: Docente / TNS FUNÇÃO: Pró-Reitor

Leia mais

COMISSÃO DE FORMATURA DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO DA UNICAMP

COMISSÃO DE FORMATURA DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO DA UNICAMP CONTRATO DE ADESÃO Pelo presente instrumento particular, as partes abaixo assinadas, de um lado, a COMISSÃO DE FORMATURA DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO DA UNICAMP 2010, representada neste ato por

Leia mais

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini

Outubro 2009. Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Outubro 2009 Carlos Eduardo Bizzotto Gisa Melo Bassalo Marcos Suassuna Sheila Pires Tony Chierighini Sustentabilidade Articulação Ampliação dos limites Sistematização Elementos do Novo Modelo Incubação

Leia mais

POLÍTICA CORPORATIVA. Todos os profissionais do Grupo Camargo Corrêa, locados em todas as unidades e países onde o Grupo atua.

POLÍTICA CORPORATIVA. Todos os profissionais do Grupo Camargo Corrêa, locados em todas as unidades e países onde o Grupo atua. 1 Objetivos Estimular a participação cidadã dos profissionais das empresas do Grupo Camargo Corrêa em ações de voluntariado empresarial por meio do do Instituto Camargo Corrêa; Contribuir com o desenvolvimento

Leia mais

8 Dicas Úteis Para Valorizar o Seu Trabalho

8 Dicas Úteis Para Valorizar o Seu Trabalho 8 Dicas Úteis Para Valorizar o Seu Trabalho Introdução Em função de fatos históricos, principalmente, os contadores no Brasil não têm, por tradição, o hábito de oferecer VALOR junto ao serviço oferecido.

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE AUDITORIA

REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE AUDITORIA REGIMENTO INTERNO DO COMITÊ DE AUDITORIA Art. 1º. O Comitê de Auditoria ( Comitê ) é órgão estatutário de assessoramento vinculado diretamente ao Conselho de Administração, de caráter permanente, regido

Leia mais

IV- DA ORGANIZAÇÃO E MANDATO Artigo 4º. - O mandato dos membros será de 03 (três) anos, com possibilidade de recondução, limitada a 50% dos membros.

IV- DA ORGANIZAÇÃO E MANDATO Artigo 4º. - O mandato dos membros será de 03 (três) anos, com possibilidade de recondução, limitada a 50% dos membros. REGIMENTO DA COMISSÃO DE ÉTICA NO USO DE ANIMAIS (CEUA) DA UNIVERSIDADE DO OESTE PAULISTA UNOESTE A UNOESTE, em cumprimento ao disposto na Lei Federal 11794 de 08 de outubro de 2008, na Resolução do CFMV

Leia mais

FUNDAÇÃO DE LIONS CLUBS INTERNATIONAL

FUNDAÇÃO DE LIONS CLUBS INTERNATIONAL FUNDAÇÃO DE LIONS CLUBS INTERNATIONAL SUBSÍDIOS DE RECUPERAÇÃO APÓS CATÁSTROFES - PROGRAMA PILOTO para as Áreas Jurisdicionais I, III e V NOvAS OPçõeS De FINANCIAmeNTO, CrITérIOS e requisitos PArA SOLICITAçãO

Leia mais

Estado de Santa Catarina CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA Setor de Expediente

Estado de Santa Catarina CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA Setor de Expediente PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 98/2012. NAEP. Dispõe sobre a criação do Núcleo de Atendimento Especializado da Rede Municipal de Ensino de Palhoça. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE PALHOÇA, Estado de Santa Catarina,

Leia mais

CAPÍTULO XXXXI PUBLICAÇÕES

CAPÍTULO XXXXI PUBLICAÇÕES CAPÍTULO XXXXI PUBLICAÇÕES A. PUBLICAÇÕES OFICIAIS A Diretoria Internacional terá jurisdição, controle e supervisão exclusiva sobre todas as publicações oficiais desta associação. B. DESIGNAÇÃO DE "PUBLICAÇÃO

Leia mais

MANUAL DE OPERAÇÃO DOS SISTEMAS DESENVOLVIDOS PELA GOVERNADORIA

MANUAL DE OPERAÇÃO DOS SISTEMAS DESENVOLVIDOS PELA GOVERNADORIA MANUAL DE OPERAÇÃO DOS SISTEMAS DESENVOLVIDOS PELA GOVERNADORIA 1) FORMULÁRIO DE CONTROLE DE FREQÚÊNCIA Por conhecer a dificuldade de se manter um Controle de Freqüência que atenda as necessidades expostas

Leia mais

ENCONTRO VIRTUAL - VOCÊ RICA

ENCONTRO VIRTUAL - VOCÊ RICA 8 DICAS PARA ORGANIZAR SUAS FINANÇAS PESSOAIS Kalinka Carvalho TÓPICOS 3 QUEM SOU EU? ü Formada em Publicidade Propaganda/ MBA em Marketing; ü Trabalhei 10 anos com eventos e 4 anos na área de comunicaçāo;

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR. RESOLUÇÃO N o 030-CONSELHO SUPERIOR, de 21 de dezembro de 1994. APROVA O REGIMENTO INTERNO DA FAPEAL.

CONSELHO SUPERIOR. RESOLUÇÃO N o 030-CONSELHO SUPERIOR, de 21 de dezembro de 1994. APROVA O REGIMENTO INTERNO DA FAPEAL. CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO N o 030-CONSELHO SUPERIOR, de 21 de dezembro de 1994. APROVA O REGIMENTO INTERNO DA FAPEAL. O CONSELHO SUPERIOR DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE ALAGOAS, no uso

Leia mais

Associação Matogrossense dos Municípios

Associação Matogrossense dos Municípios PORTARIA Nº 021/2010 O Presidente da Associação Matogrossense dos Municípios AMM, no uso de suas atribuições legais que lhe são conferidas pelo Estatuto Social e Resolução 002/2010 da AMM, RESOLVE: Art.

Leia mais

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DIRETORIA

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DIRETORIA ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DIRETORIA NOME CARGO DESCRIÇÃO Claudemir da Silva 1º Dirigente - Dirigir as atividades espirituais e administrativas da Congregação, por delegação do Pastor da Igreja a que estiver

Leia mais

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante

Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Gestão de Finanças Pessoais Nome do Palestrante Como nos relacionamos com o dinheiro? O que é dinheiro? Como nos relacionamos com o dinheiro? O que o dinheiro significa para você? Sonhos Sonhos não se

Leia mais

E-SOCIAL. Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social.

E-SOCIAL. Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social. E-SOCIAL Comunicamos que entrará em vigor, a partir de Abril de 2014, o novo projeto do governo, denominado E-Social. O E-Social é um projeto do governo federal que vai unificar o envio de informações

Leia mais

Processo de Excelência de Clube Pro. Guia do Facilitador

Processo de Excelência de Clube Pro. Guia do Facilitador CLUB EXCELLENCE PRO PROCESS Processo de Excelência de Clube Pro Guia do Facilitador Guia do Facilitador do CEP Pro Índice Visão Geral do Programa e Instruções para o Facilitador Etapa 1: Por que estamos

Leia mais

1. Função Financeira 2. Modelo Sistêmico da Função Financeira 3. Principais Atribuições do Administrador Financeiro

1. Função Financeira 2. Modelo Sistêmico da Função Financeira 3. Principais Atribuições do Administrador Financeiro 3. Função Financeira Conteúdo 1. Função Financeira 2. Modelo Sistêmico da Função Financeira 3. Principais Atribuições do Administrador Financeiro 1 Bibliografia Recomenda Livro Texto: Introdução à Administração

Leia mais

VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA

VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA ABRAMGE-RS Dr. Francisco Santa Helena Presidente da ABRAMGE-RS Sistema ABRAMGE 3.36 milhões de internações; 281.1 milhões de exames e procedimentos ambulatoriais; 16.8

Leia mais

GUIA PARA A ORGANIZAÇÃO DE LIONS CLUBES UNIVERSITÁRIOS

GUIA PARA A ORGANIZAÇÃO DE LIONS CLUBES UNIVERSITÁRIOS GUIA PARA A ORGANIZAÇÃO DE LIONS CLUBES UNIVERSITÁRIOS ÍNDICE Sobre o Lions 2 Por que Organizar um Lions Clube Universitário? 3 Etapas para a Organização de um Clube Universitário 3 Etapa Um: Como abordar

Leia mais

Como usar seu website para captar recursos

Como usar seu website para captar recursos Como usar seu website para captar recursos Objetivo: Hoje em dia, com mais de 1.5 bilhão de pessoas acessando a Internet regularmente em todo o mundo, nunca foi tão importante tirar o máximo de proveito

Leia mais

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO. BKR-Lopes, Machado Orientador Empresarial LEX

VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO. BKR-Lopes, Machado Orientador Empresarial LEX VERITAE TRABALHO PREVIDÊNCIA SOCIAL SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO Orientador Empresarial LEX Jovem Empreendedor Programa de Crédito Orientado Comitês de Aprovação Regulamento Operacional CARTA-CIRCULAR

Leia mais

Nova Lei de Filantropia

Nova Lei de Filantropia Nova Lei de Filantropia A nova Lei da Filantropia e seus aspectos preponderantes para a Assistência Social e o Conselho Municipal de Assistência Social Títulos Públicos Existentes (Federal) TÍTULOS Nº

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO DA REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL Honolulu, Havaí, EUA 21 a 25 de junho de 2015

RESUMO EXECUTIVO DA REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL Honolulu, Havaí, EUA 21 a 25 de junho de 2015 RESUMO EXECUTIVO DA REUNIÃO DA DIRETORIA INTERNACIONAL Honolulu, Havaí, EUA 21 a 25 de junho de 2015 AUDITORIA 1. O comitê de Auditoria analisou os detalhes de planejamento de auditoria para a auditoria

Leia mais