Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Prof. Mst. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol"

Transcrição

1 Prof. Mst. Sandro de Souza Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol

2 Desenhe um campo de Futebol com as suas dimensões e marcações.

3 Qual o número mínimo de jogadores, em um time, para iniciar uma partida de Futebol e qual o número mínimo de jogadores, em um time, para continuar uma partida de Futebol? R: 8 jogadores no total, sendo 1 obrigatoriamente o goleiro QualonúmeromínimoemáximodereservasemumaequipedeFutebol? R: mínimo 3 jogadores e no máximo 7 jogadores em partidas oficiais. Em jogos amistosos e combinados, as equipes em comum acordo podem determinar, portanto que o árbitro da partida seja comunicado. Como é composta uma equipe de arbitragem durante uma partida de Futebol? R: 01 árbitro principal, 2 auxiliares(bandeiras) e 01 árbitro reserva

4 QualotempodeduraçãodeumapartidadeFutebol? R: 90 minutos, divididos em 2 tempos de 45 minutos (mais acréscimos), com um intervalo de 15 minutos. Comoéfeitoo(re)iníciodeumapartidadeFutebol? R:comumTirodeSaída Explique a Lei do Impedimento. R: Um jogador estará em posição de impedimento quando: se encontrar mais próximo da linha de meta adversária do que a bola e o penúltimo adversário

5 Quais são os casos específicos que mesmo o jogador estando em Impedimento, o árbitro não marca o Impedimento e deixa o jogo prosseguir? R: se encontrar em sua própria metade de campo, ou estiver na mesma linha do penúltimo adversário, ou estiver na mesma linha dos dois últimos adversários. Não há infração quando um jogador receber a bola diretamente de um tiro de meta, ou um arremesso lateral, ou um tiro de canto Diferencie Tiro Livre Direto e Tiro Livre Indireto. R: Direto: acobrançapoderáserrealizadaem um únicolance, podendoa bola entrar em gol sem a necessidade de tocar em qualquer jogador. Indireto: a cobrança deverá ser realizada em dois lances, devendo a bola sertocadaporumsegundojogadorantesdeentraremgol. Explique a Penalidade Máxima. R: é toda falta de Tiro Livre Direto sofrida pela equipe atacante dentro da área.

6 Quantos cartões amarelos e vermelhos pode um jogador receber em uma mesma partida de Futebol? E quando eles devem ser aplicados? R: 2cartõesamarelose01cartãovermelho Quando ocorre e como é executado um Arremesso de Lateral? R: quando a bola ultrapassa totalmente a linha lateral. A bola deverá ser posicionada atrás da cabeça e ser lançada, percorrendo uma trajetória parabólica. QuandoocorreecomoéexecutadoumTirodeMeta? R: quando a bola ultrapassa totalmente a linha de fundo, tendo sido lançada pela equipe atacante. É executado com a bola ao chão dentro da pequena área.

7 Quando ocorre e como é executado um Tiro de Canto(escanteio)? R: quando a bola ultrapassa totalmente a linha de fundo, tendo sido lançada pela equipe defensora. É executado com a bola ao chão dentro da região do córner(1/4 de círculo). Quantos metros de distância da bola o jogador deve ficar nos Tiros Livres? R: 9,15 metros É válido um gol com um chute dado direto de um Tiro de saída? Justifique. R: Sim. OTirodeSaídaéumtirolivredireto

8 É válido um gol direto de um Arremesso de Lateral? Justifique. R: Não. OarremessodelateraléumTirolivreindireto ÉválidoumgoldiretodeumTirodeMeta? Justifique. R: Sim. OTirodecantoéumTirolivredireto. Casoojogadorqueexecuta oarremessodelateral sejaoprimeiroatocar na bola com os pés, antes que um outro jogador o faça, o árbitro deverá marcar qual infração? R: deverá marcar dois toques, sendo a equipe penalizada com um tiro livre indireto no local onde houve o segundo toque.

9 Após um chute, a bola esvazia-se antes de entrarno gol. Deverá o árbitro validar o gol? Justifique. R: Sim, pois na origem do lance a bola íntegra, assim permanecendo. A modificação foi em seu estado. Qual o número de substituições possíveis numa partida de Futebol? R: 3 substituições em partidas oficiais. Em partidas amistosas, o número de substituições poderá ser combinado entre as equipes, com o consentimento do árbitro. Duranteumaexecuçãodeum TirodeMeta, abolaantesdesairdagrande área,vemumatacanteechutaabolaparaogol,convertendo-o. Éválidoo gol? Justifique. R: Não. A bola só entra em jogo após ultrapassar totalmente a linha da grande área.

10 Na execução de um pênalti, a bola bate na baliza (trave) e volta para o mesmo jogador que executou e este chuta a bola ao gol. É válido o gol? Justifique. R: Não.Atraveéneutra. Dessaforma,ojogadordeudoistoquesnabola. Podeumárbitroconsultaroauxiliaremcasodedúvidaemalgumlance? R: Sim Pode um goleiro realizar um Arremesso de Lateral? R: Sim

11 Qualasituaçãoparaqueabolasejaconsideradaforadecampo? Quandoseempregaecomoseexecuta BolaaoChão? R: quando por algum motivo o árbitro tenha que interromper a partida. A bola será projetada ao solo, sendo disputada pelos jogadores após seu contato com o solo.

12 Pode um árbitro expulsar algum jogador, antes de começar uma partida? Caso possa ser expulso, poderá esse jogador ser substituído? R: Sim. Sim. Porém, o seu substituto não poderá ser substituído. Quando um goleiro pode receber uma bola com os pés e com as mãos, quando esta for recuada por um jogador da mesma equipe? R: Com os pés em todos os lances. Com as mãos, apenas quando a bola fortocadacomqualquerpartedocorpoacimadalinhadacintura. Qual o tempo que o goleiro pode permanecer com a bola em suas mãos durante jogo? R: 6segundos

Regras de Futebol de Campo

Regras de Futebol de Campo Curso de Educação Física Futebol - Fundamentos Regras de Futebol de Campo Leandro Tibiriçá Burgos Regra 1: Campo de jogo Partidas Nacionais Comprimento: de 90m a 120 metros; Largura: de 45m a 90 metros.

Leia mais

Prof. Ms. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol

Prof. Ms. Sandro de Souza. Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Prof. Ms. Sandro de Souza Disciplinas: Futebol e Futsal e Aprofundamento em Futebol Desenhe um campo de Futebol com as suas dimensões e marcações. A Meta Qual o número mínimo de jogadores, em um time,

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Tomar, 5 de Agosto de 2007 ÉPOCA 2007/2008

Leia mais

Reis do Drible. Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro

Reis do Drible. Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro Reis do Drible Realização: 20 de Dezembro de 2015 Local: Rio de Janeiro As Regras para o evento Reis do Drible, foram formatadas e adaptadas a partir das regras originais do Futsal Brasileiro. ÍNDICE 01

Leia mais

Novas regras do futsal

Novas regras do futsal Novas regras do futsal 2011 Confederação Brasileira de Futebol de Salão - Futsal Futsal do Brasil passa a adotar novidades na regra em 2011 A temporada de 2011 ainda nem começou, mas o futsal brasileiro

Leia mais

Confederação Brasileira de Futsal

Confederação Brasileira de Futsal Emendas e correções às Regras do Futsal para os jogos a partir de 01/01/2015 Prezados Desportistas, Em colaboração com a International Football Association Board ( IFAB) e o Departamento de Arbitragem

Leia mais

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY

REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY XIII JOGOS AFFEMG Associação dos Funcionários Fiscais de Minas Gerais 1- DO LOCAL REGULAMENTO FUTEBOL SOCIETY 1.1 - Os jogos acontecerão em campos de futebol society de grama sintética ou natural, aprovados

Leia mais

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM CURSO DE APERFEIÇOAMENTO, ACTUALIZAÇÃO E AVALIAÇÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Fátima, 6 de Agosto de 2006 ÉPOCA 2006/2007

Leia mais

REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I I MACEIÓ-AL, 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO Art. 1º - O esporte é considerado um fenômeno cultural da humanidade capaz de propiciar inúmeros benefícios aos seus praticantes.

Leia mais

REGRAS DE FUTSAL (Principais Regras)

REGRAS DE FUTSAL (Principais Regras) REGRAS DE FUTSAL (Principais Regras) Tempo de jogo: 30 minutos (15 min. + 15 min.); Período de desconto de tempo: Cada equipa tem direito a 2 (um em cada parte) Duração: 1 minuto; Número de jogadores:

Leia mais

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017

EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 EMENDAS ÀS REGRAS DO JOGO 2016/2017 INTRODUÇÃO OBSERVAÇÕES SOBRE AS REGRAS DO JOGO AS REGRAS DO JOGO EXPLICADAS AS MUDANÇAS ÀS REGRAS PARA 2016/17 - TEXTO ANTIGO -

Leia mais

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na

Como acontece em vários esportes, há divergências no que se refere à história de origem do futsal. Alguns acreditam que o mesmo tenha se originado na FUTSAL O futebol de salão conhecido apenas como futsal é uma prática adaptada do futebol. Em uma quadra esportiva são formados times de cinco jogadores e assim como no futebol, o principal objetivo é colocar

Leia mais

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil

APOSTILA DE FUTSAL. 6º, 7º, 8º e 9º ANO. HISTÓRICO No Brasil APOSTILA DE FUTSAL 6º, 7º, 8º e 9º ANO HISTÓRICO No Brasil O Futebol de Salão tem duas versões sobre o seu surgimento, como em outros esportes, há divergências quanto a sua invenção. Há uma versão que

Leia mais

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre.

Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Troféu Guarulhos de futsal Municipal 2015 Menores 1º Semestre. Título I Das Disposições Gerais A) Será obrigatório, de acordo com as Regras do Futsal, o uso de caneleiras para todos os atletas. B) Não

Leia mais

Regras do Jogo. Perguntas e Respostas 91

Regras do Jogo. Perguntas e Respostas 91 Regras do Jogo Perguntas e Respostas 2006 91 Perguntas e Respostas 91 5/30/06 11:17:38 PM Índice Regra 1 O Campo de Jogo Perguntas e Respostas 2006 Assunto Página O Campo de Jogo...93 A Bola...94 O Número

Leia mais

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO

XV JOGOS ARI DE SÁ. Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO XV JOGOS ARI DE SÁ Ensino Fundamental I 2015 REGULAMENTO ABERTURA 1. DIA: 26/09/2015 ( Sábado ) 9h 2. LOCAL: Manhã Ginásio 2.1 - Concentração Manhã: galeria do Ensino Fundamental I 2.2 - Desfile de abertura

Leia mais

Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental

Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental Conteúdo de prova 2ª etapa 6º ano Fundamental Jogos Populares Os jogos populares buscam resgatar jogos culturais e tradicionais de várias regiões do mundo. Vários costumes e acontecimentos na antiguidade

Leia mais

FIFA Trívia Perguntas e Respostas das Regras de jogo

FIFA Trívia Perguntas e Respostas das Regras de jogo FIFA Trívia Perguntas e Respostas das Regras de jogo Regra 1 O Campo de jogo 1 Qual a distância mínima da publicidade em relação à linha lateral? 1. 2m. 2. 3m. 3. 1m. 4. 5m. 2 O que pode medir 90m do no

Leia mais

Índice. Preâmbulo. Configuração da competição. Prémios. Critérios de desempate. Eliminação das equipas. Tolerância. Alterações à data do jogo

Índice. Preâmbulo. Configuração da competição. Prémios. Critérios de desempate. Eliminação das equipas. Tolerância. Alterações à data do jogo Índice Preâmbulo Configuração da competição Prémios Critérios de desempate Eliminação das equipas Tolerância Alterações à data do jogo Inscrições Regras do jogo Preâmbulo Vimos por este meio propor a realização

Leia mais

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015

REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 REGULAMENTO GERAL GEACSB 2015 PARTE GERAL Art. 1º - Denomina-se Grêmio de Ex-Alunos do Colégio de São Bento ( GEACSB ) o campeonato de futebol society organizado pela ALUMNI CSB-RJ e realizado anualmente

Leia mais

CONSELHO DE ARBITRAGEM

CONSELHO DE ARBITRAGEM CONSELHO DE ARBITRAGEM Avaliação Época 2014/2015 Setúbal, 20 de Setembro de 2014 Observadores Distritais TESTE ESCRITO (a) 1. Identifique o comportamento e sinalética que estão estabelecidos numa situação

Leia mais

ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS

ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 TESTE ESCRITO PERGUNTAS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL CONSELHO DE ARBITRAGEM ACÇÃO INTERMÉDIA DE AVALIAÇÃO E REFLEXÃO ÁRBITROS ASSISTENTES DE 2.ª CATEGORIA Futebol de 11 Leiria, 20 de Janeiro de 2007 ÉPOCA 2006/2007 TESTE ESCRITO

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA de FUTEBOL 7 SOCIETY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA de FUTEBOL 7 SOCIETY CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA de FUTEBOL 7 SOCIETY FILIADA À FIFO7S Reconhecida pela Secretaria Nacional de Esporte Órgão do Ministério do Esporte e Turismo Filiada a UFEESP - União das Federações Esportivas

Leia mais

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo

IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO ESPECÍFICO. Módulo Competitivo PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE ESPORTES, RECREAÇÃO E LAZER IV JOGOS MUNICIPAIS DA TERCEIRA IDADE DE PORTO ALEGRE 1, 2 e 3 de julho de 2005 - Ginásio Tesourinha REGULAMENTO

Leia mais

Modificação Experimental das Leis

Modificação Experimental das Leis Modificação Experimental das Leis Lei 3: Número de Jogadores - O Time 3.4 Jogadores relacionados como substitutos Equipes internacionais permitidas a realizar até oito substituições 3.4 Jogadores relacionados

Leia mais

Educação Física: Futsal

Educação Física: Futsal FUTSAL Apresentação do Plano de Trabalho História e evolução do futebol de salão Regras Oficiais Métodos de Ensino Progressivo Repetitivo/Parcial Situacional/Global Fundamentos Técnicos Controle Proteção

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA

REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA REGULAMENTO GERAL DO I TORNEIO DE FUTEBOL SOCIETY FACULDADE ESFA Art. 1º O Torneio de Futebol Society tem por finalidade: A congregação dos graduandos, o fortalecimento dos laços de amizade e a camaradagem

Leia mais

ANHEMBI TÊNIS CLUBE REGULAMENTO DO FUTEBOL SOCIETY

ANHEMBI TÊNIS CLUBE REGULAMENTO DO FUTEBOL SOCIETY REGULAMENTO 1- OBJETIVO: Regulamentar, padronizar, unificar e disciplinar as atividades do FUTEBOL SOCIETY do Anhembi Tênis Clube. 2- FINALIDADE: Aprimorar o aspecto de Lazer, o companheirismo, o respeito

Leia mais

Regra Ofical 1 Toque Confederação Brasileira de Futebol de Mesa / CBFM Versão: 2.1.2 11/maio/2010 ÍNDICE GERAL

Regra Ofical 1 Toque Confederação Brasileira de Futebol de Mesa / CBFM Versão: 2.1.2 11/maio/2010 ÍNDICE GERAL ÍNDICE GERAL LISTA DE FIGURAS... 2 REGRA I... 3 DO CAMPO E SEU EQUIPAMENTO... 3 CAMPO... 3 REGRA II... 4 DOS TÉCNICOS, JOGADORES, BOLA E EQUIPES... 4 REGRA III... 6 DESENROLAR DO JOGO... 9 DURAÇÃO DE JOGO...

Leia mais

Disponibilizado pela Urece Esporte e Cultura. www.urece.org.br. Regras de Futsal B1 e B2/B3 da IBSA 2005/2009 1

Disponibilizado pela Urece Esporte e Cultura. www.urece.org.br. Regras de Futsal B1 e B2/B3 da IBSA 2005/2009 1 Disponibilizado pela Urece Esporte e Cultura www.urece.org.br Regras de Futsal B1 e B2/B3 da IBSA 2005/2009 1 FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE ESPORTES PARA CEGOS REGRAS DE FUTSAL 2005-2009 CATEGORIAS B1 e B2/B3

Leia mais

Copyright Fédération Internationale de Football Association - FIFA. Tradução Confederação Brasileira de Futebol - CBF

Copyright Fédération Internationale de Football Association - FIFA. Tradução Confederação Brasileira de Futebol - CBF Copyright Fédération Internationale de Football Association - FIFA Tradução Confederação Brasileira de Futebol - CBF Ilustração Fédération Internationale de Football Association - FIFA 2 Julho de 2007

Leia mais

AS REGRAS DO BASQUETEBOL

AS REGRAS DO BASQUETEBOL AS REGRAS DO BASQUETEBOL A BOLA A bola é esférica, de cabedal, borracha ou material sintéctico. O peso situa-se entre 600 g e 650g e a circunferência deve estar compreendida entre 75 cm e 78 cm. CESTOS

Leia mais

Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS

Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS Anexo I REGRA 01 - NÚMERO DE ATLETAS 01 - A partida será disputada por duas equipes, cada uma composta por sete atletas, onde um dos quais, obrigatoriamente, será o goleiro. É obrigatório para se iniciar

Leia mais

COMUNICADO OFICIAL N.: 15 DATA: 2012.07.17 ALTERAÇÕES, EMENDAS E CORREÇÕES LEIS DO JOGO DE FUTSAL 2012/13 + DECISÕES IFAB A TODOS OS MEMBROS DA FIFA

COMUNICADO OFICIAL N.: 15 DATA: 2012.07.17 ALTERAÇÕES, EMENDAS E CORREÇÕES LEIS DO JOGO DE FUTSAL 2012/13 + DECISÕES IFAB A TODOS OS MEMBROS DA FIFA ALTERAÇÕES, EMENDAS E CORREÇÕES LEIS DO JOGO DE FUTSAL 2012/13 + DECISÕES IFAB A TODOS OS MEMBROS DA FIFA Zurique, 2 de julho de 2012 Em colaboração com a subcomissão do International Football Association

Leia mais

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL

* Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL * Regulamento Técnico 2016 * FUTSAL 1. DOS JOGOS: Os jogos de Futsal serão regidos pelas Regras Oficiais vigentes da Confederação Brasileira de Futsal, observadas as exceções previstas neste Regulamento

Leia mais

Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro.

Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro. Nível de ensino: Ensino Fundamental Componente Curricular: Educação Física Modalidade: Futsal Duração da atividade: Recomendam-se cinco encontros/aulas, com duração de uma hora-aula para cada encontro.

Leia mais

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015

1ºTorneio Bancário Society de Clubes Paulista REGULAMENTO 2015 REGULAMENTO 2015 1º Torneio Bancário Society de Clubes Paulista 2015, é uma promoção da Secretaria de Esporte do Sindicato dos Bancários, e tem por finalidade efetuar o congraçamento entre os bancários

Leia mais

REGULAMENTO. Os representantes das equipes ficarão responsáveis pela disciplina de seus atletas.

REGULAMENTO. Os representantes das equipes ficarão responsáveis pela disciplina de seus atletas. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: REGULAMENTO Artigo 1 Artigo 2 Artigo 3 Artigo 4 Artigo 5 Fica instituído pela Delegacia Sindical de Brasília o IV Campeonato de Futebol Soçaite. Este regulamento é o conjunto

Leia mais

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM ssociação de Futebol de Lisboa ONSELHO DE RITRGEM PROV TEORI REGULMENTR PR ÁRITROS DISTRITIS 2012 / 2013 22 / Setembro / 2012 Futebol 3a + 3c Esc. Sec. Miguel Torga TESTE 03 Leia atentamente as instruções

Leia mais

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH.

JOGOS INTERNOS 2012. Eu faço parte desta história! Regulamento. Colégio Santa Dorotéia BH. Colégio Santa Dorotéia BH. Departamento de Educação Física e Artes DEFA SEGMENTO: 6ª a 8ª séries Ensino Fundamental JOGOS INTERNOS 2012 Eu faço parte desta história! Regulamento Colégio Santa Dorotéia

Leia mais

Ano Lectivo 2009 / 2010. Projecto Nestum Rugby nas Escolas Introdução ao Rugby XV e aos Seven s

Ano Lectivo 2009 / 2010. Projecto Nestum Rugby nas Escolas Introdução ao Rugby XV e aos Seven s Ano Lectivo 2009 / 2010 Projecto Nestum Rugby nas Escolas Introdução ao Rugby XV e aos História do Rugby no Mundo De acordo com a lenda da criação do rugby, a modalidade teve início por William Webb Ellis,

Leia mais

3ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS.

3ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. 3ª COPA QUIOSQUE NATUREZA DE FUTEBOL SUÍÇO INTER-ACADEMIAS. REGULAMENTO OFICIAL CAPÍTULO I OBJETIVOS ART. 1º - A 3ª Copa Quiosque Natureza de Futebol Suíço Inter-Academias, que será realizada no 2º semestre

Leia mais

CONHECIMENTOS GERAIS

CONHECIMENTOS GERAIS Nome: Assinatura: CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões) 1. O Ministério do Meio Ambiente, em junho de 2009, lançou campanha para o consumo consciente de sacolas plásticas, que já atingem, aproximadamente,

Leia mais

REGULAMENTO DELEGACIA SINDICAL DE BRASÍLIA - DF IV CAMPEONATO DE FUTEBOL SOÇAITE DOS AUDITORES FISCAIS DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL / 2011

REGULAMENTO DELEGACIA SINDICAL DE BRASÍLIA - DF IV CAMPEONATO DE FUTEBOL SOÇAITE DOS AUDITORES FISCAIS DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL / 2011 REGULAMENTO DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: Artigo 1 Artigo 2 Artigo 3 Artigo 4 Artigo 5 Fica instituído pela Delegacia Sindical de Brasília o IV Campeonato de Futebol Soçaite. Este regulamento é o conjunto

Leia mais

Formação de Árbitros FUTSAL

Formação de Árbitros FUTSAL Formação de Árbitros FUTSAL O árbitro é o indivíduo responsável por fazer cumprir as regras, o regulamento e o espírito do jogo ao qual estão submetidos e intervir sempre que necessário, no caso quando

Leia mais

FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL

FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL FUTSAL CONTEXTO HISTÓRICO DO FUTSAL Brasileiro ou uruguaio? É com esta dúvida que se começa a explicar o nascimento do futsal, que surgiu com o nome de futebol de salão e em 1989, quando passou para a

Leia mais

FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE FOOTBALL 7 SOCIETY

FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE FOOTBALL 7 SOCIETY FEDERAÇÃO INTERNACIONAL DE FOOTBALL 7 SOCIETY Filiada a FIFO7S Adm. Marcello C. Sangiovanni Filiada a CBF7S Adm. Lauro Henrique Andrade For the sport, For the world, For the life REGRAS OFICIAIS NACIONAIS

Leia mais

Regras de Futebol de Praia

Regras de Futebol de Praia Regras de Futebol de Praia OBJETIVO DO JOGO...2 REGRAS DE JOGO...2 1 O campo...2 1.1 Dimensões...2 1.2 Marcações do campo...2 1.3 A área de pênalti...2 1.4 A marca de pênalti...2 1.5 Bandeiras...2 1.6

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL XIRA 2016 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 ESCALÕES ETÁRIOS, TEMPO DE JOGO E BOLA... 4 2.1. ESCALÕES ETÁRIOS... 4 2.2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 4 2.3. A BOLA... 4 REGULAMENTO DO ESCALÃO

Leia mais

Conselho de Arbitragem

Conselho de Arbitragem Conselho de Arbitragem Relatório de Observação (Época 2013/2014) Equipa A PARIS SAINT-GERMAIN Equipa B SPORT LISBOA E BENFICA Local PARQUE DO PRINCIPES - PARIS Data: 02-10-2013 Hora 19H45 Resultado Final

Leia mais

Período Segunda Terça Quarta Quinta Sexta

Período Segunda Terça Quarta Quinta Sexta ---------------------------------------------------------------------- Nome do aluno(a): Série : Turma : Turno: E-mail : ---------------------------------------------------------------------- Nome do professor:

Leia mais

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6.

VOLEIBOL. 11. O Jogador que executa o saque, deve estar em qual posição? 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997. a) posição número 6. VOLEIBOL 1) Em que ano foi criado o voleibol? a) 1997 b) 2007 c) 1996 d) 1975 e)1895 2. Quem inventou o voleibol? a) William G. Morgan b) Pelé c) Roberto Carlos d) Ronaldinho Gaúcho e) Michael Jackson

Leia mais

AS REGRAS DO VOLEIBOL

AS REGRAS DO VOLEIBOL AS REGRAS DO VOLEIBOL NÚMERO DE JOGADORES Cada equipa é composta, no máximo, por 12 jogadores inscritos no boletim de jogo. Apenas 6 jogadores ocupam o terreno de jogo ( 6 efectivos e 6 suplentes ). O

Leia mais

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo.

E Nas extremidades da rede existem duas antenas que delimitam o espaço aéreo de jogo. V O L E I B O L A quadra de jogo A quadra de voleibol mede 18 x 9 metros e é demarcada por linhas de 5 centímetros de espessura. Possui uma linha central que divide a quadra em duas áreas com 9 x 9 metros.

Leia mais

CLUBE BRILHANTE. 2 CAMPEONATO DE FUTEBOL DE SETE CATEGORIA SÊNIOR 2015 Liga dos Campeões Brilhante Danilo Bandeira da Silva

CLUBE BRILHANTE. 2 CAMPEONATO DE FUTEBOL DE SETE CATEGORIA SÊNIOR 2015 Liga dos Campeões Brilhante Danilo Bandeira da Silva REGULAMENTO ESPECÍFICO DO CAMPEONATO DA DURAÇÃO DO JOGO: Dois (2) tempos de vinte e cinco (25) minutos. DO HORÁRIO e DIA de jogo marcado: Para esta edição do 2 Campeonato de Futebol de Sete Categoria Sênior

Leia mais

Direção de Serviços do Desporto Escolar. Regulamento Específico Futsal

Direção de Serviços do Desporto Escolar. Regulamento Específico Futsal Direção de Serviços do Desporto Escolar Regulamento Específico Futsal Ano Lectivo 2012-2013 LEI I A SUPERFÍCIE DE JOGO ARTº 1º Os jogos de Futsal serão realizados preferencialmente nos recintos de Andebol

Leia mais

APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO

APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO APOSTILA DE RUGBY O RUGBY BRASILEIRO História do Rugby no Brasil -O RUGBY chegou ao BRASIL no século retrasado. -Charles Miller teria organizado em 1895 o primeiro time de rugby brasileiro, em São Paulo.

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL. (Revisto em setembro 2015)

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL. (Revisto em setembro 2015) REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013 2017 (Revisto em setembro 2015) Índice 1. Introdução 2 2. Escalões Etários, tempo de jogo e variantes da modalidade 3 2.1. Escalões Etários 3 2.2. Tempo de Jogo e variantes

Leia mais

IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL

IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY DA ASTRIFE 2013 REGULAMENTO GERAL I. DAS FINALIDADES Artigo 1 O IV CAMPEONATO INTERNO DE FUTEBOL SOCIETY, tem por finalidade congregar todas as pessoas que trabalham

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7 SOCIETY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7 SOCIETY CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7 SOCIETY FILIADA À FIFO7S RECONHECIDA PELA SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE ÓRGÃO DO MINISTÉRIO DO ESPORTE E TURISMO Filiada a UFEESP - União das Federações Esportivas

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017

REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 REGULAMENTO ESPECÍFICO FUTSAL 2013-2017 Índice 1. Introdução 2 2. Escalões Etários, tempo de jogo e variantes da modalidade 2 2.1. Escalões Etários 3 2.2. Tempo de Jogo e variantes da modalidade 3 2.3.

Leia mais

Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF)

Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF) Catálogo de Perguntas e Repostas (IHF) IHF CATÁLOGO DE PERGUNTAS SOBRE AS REGRAS DE JOGO BASEADO NO LIVRO DE REGRAS EDIÇÃO: 1º DE JULHO DE 2010 Muitas perguntas têm mais de uma resposta correta! 1. Que

Leia mais

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO:

FUTEBOL DE CAMPO CATEGORIA / IDADE - MASCULINO: CATEGORIAS / IDADE - FEMININO: FUTEBOL DE CAMPO Todos os atletas deverão apresentar o Documento Original (conforme Art.do Regulamento Geral) É obrigatório (e indispensável) o uso de caneleiras para todos os atletas participantes das

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental

EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental EDUCAÇÃO FÍSICA Conteúdo de prova 5ª etapa 6º ano Fundamental ATLETISMO - Corridas A prática das corridas envolvem basicamente o bom condicionamento físico do atleta. Nas provas oficiais as corridas dividem-se

Leia mais

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO

REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO REGULAMENTO DO FUTSAL MASCULINO E FEMININO I - DOS LOCAIS DOS JOGOS Art. 1º - Os jogos serão realizados nos seguintes locais: Quadras 01,02 e 03 - térreo do Prédio 80 Quadras 01,02 e 03-4º andar do Prédio

Leia mais

REGRA 01 - QUADRA DE JOGO

REGRA 01 - QUADRA DE JOGO REGRA 01 - QUADRA DE JOGO 1. DIMENSÕES A quadra de jogo será um retângulo tendo um comprimento mínimo de 25 metros e máximo de 42 metros e a largura mínima de 15 metros e máxima de 25 metros. a) Para a

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL 7 REGRAS OFICIAIS RECONHECIDA PELA SECRETARIA NACIONAL DE ESPORTE ÓRGÃO DO MINISTÉRIO DO ESPORTE E TURISMO *** EM VIGOR DESDE 14 de Fevereiro de 2013 *** 1 CONFEDERAÇÃO

Leia mais

Handebol REGRAS DO JOGO

Handebol REGRAS DO JOGO Handebol REGRAS DO JOGO R e g r a 1 A Q u a d r a d e J o g o 1:1 A quadra de jogo (ver fig. 1) É um retângulo com 40 metros de comprimento e 20 metros de largura e consiste de duas áreas de gol (ver Regra

Leia mais

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 I - DOS JOGOS Art.1 - A Olimpíada Especial UBM/PMBM tem por finalidade desenvolver o intercâmbio desportivo e social entre os atletas, professores

Leia mais

Princípios de Jogo Formação - Infantis 2013-2014

Princípios de Jogo Formação - Infantis 2013-2014 O futebol é um jogo de oposição entre os jogadores de duas equipas e, simultaneamente, um jogo de cooperação entre os elementos da mesma equipa que procuram, a todo o momento, a adopção de comportamentos

Leia mais

Núcleo de Árbitros Sequeira Teles - Peso da Régua

Núcleo de Árbitros Sequeira Teles - Peso da Régua 2013 / 2014 ESOLH MÚLTIPL - TESTE 1 NOME: ESOLH MULTIPL - TESTE 1 Leia atenta mente as instruções seguintes. Para cada questão, escolha uma (e só uma) resposta, fazendo uma cruz no quadrado pretendido.

Leia mais

FESTIVAL INFANTIL DE RUGBY Etapa Jacareí

FESTIVAL INFANTIL DE RUGBY Etapa Jacareí FESTIVAL INFANTIL DE RUGBY Etapa Jacareí Regulamento O Festival tem como base ideológica o processo formativo dos participantes, tendo os seguintes delineamentos como parte inerente das atividades: Utilizar

Leia mais

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL " SÚMULA DO JOGO " 01. COMPETIÇÃO Código: 23/07/1952 COPA FGF LOCAL: PANAMBI ESTÁDIO: JOÃO MARIMON Jr.

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL  SÚMULA DO JOGO  01. COMPETIÇÃO Código: 23/07/1952 COPA FGF LOCAL: PANAMBI ESTÁDIO: JOÃO MARIMON Jr. OUTROS 01. COMPETIÇÃO folha 01 " SÚMULA DO JOGO " Código: 23/07/1952 Nº DO JOGO: 6 CATEGORIAS DE PROFISSIONAIS 1ª DIVISÃO CATEGORIAS AMADORAS X 2ª DIVISÃO 3ª DIVISÃO COPA FGF JÚNIOR JUVENIL INFANTIL AMADOR

Leia mais

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011

Regulamento Interno Liga Futsal AEISCSN 2010/2011 1 ÍNDICE I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º - Organização e direcção do torneio II. ORGANIZAÇÃO DA PROVA Artigo 2º - Modelo Competitivo Artigo 3º - Pontuação de Jogo Artigo 4º - Critérios de Desempate Artigo

Leia mais

ÍNDICE Perguntas e respostas 2005 Leis do Jogo

ÍNDICE Perguntas e respostas 2005 Leis do Jogo ÍNDICE Perguntas e respostas 2005 Leis do Jogo Lei Respostas Página 1 O terreno de jogo 1. 7. 4 2 A bola 1. 3. 6 3 Número de jogadores 1. 29. 7 4 Equipamento dos jogadores 1. 11. 15 5 O árbitro 1. 15.

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL REGULAMENTO ESPECÍFICO DE FUTSAL 2007 2008 e 2008-2009 ÍNDICE INTRODUÇÃO.. 3 1. CONSTITUIÇÃO / IDENTIFICAÇÃO DAS EQUIPAS... 4 2. DURAÇÃO DOS JOGOS... 5 3. A BOLA.. 6 4. CLASSIFICAÇÃO / PONTUAÇÃO.... 6

Leia mais

8º. ANO APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO DOM PEDRO II

8º. ANO APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA COLÉGIO DOM PEDRO II COLÉGIO DOM PEDRO II APOSTILA ANUAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA 8º. ANO 2013 Professores responsáveis: Marta Cristina Thompson Valkiria S. Takahashi Vladimir Antônio da Fonseca 1 1 º trimestre handebol basquetebol

Leia mais

LEIS DE JOGO HORSEBALL

LEIS DE JOGO HORSEBALL LEIS DE JOGO HORSEBALL 2015 NOTAS SOBRE AS LEIS DO JOGO Modificações Sujeitas à aprovação por parte da Federação Equestre Portuguesa (FEP), e desde que seja mantido o princípio das Leis, as Leis do Jogo

Leia mais

REGULAMENTO DO TORNEIO JOVEM DE FUTSAL

REGULAMENTO DO TORNEIO JOVEM DE FUTSAL INFORMAÇÕES GERAIS O torneio será realizado em 28 de junho de 2015, no Colégio Germano Timm, localizado na Rua Orestes Guimarães, 406, bairro América, próximo ao Centreventos Cau Hansen. O torneio terá

Leia mais

Caracterização. Objetivo

Caracterização. Objetivo VOLEIBOL Caracterização O voleibol é um jogo desportivo coletivo praticado por duas equipas, cada uma composta por seis jogadores efetivos e, no máximo, seis suplentes, podendo um ou dois destes jogadores

Leia mais

REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS. 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014

REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS. 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014 REGULAMENTO PROVAS ESPORTIVAS 11ª Gincana do Calouro Solidário Univille 2014 Como parte das atividades, a Univille, em parceria com o Departamento de Educação Física, realizará, na 11ª Gincana do Calouro

Leia mais

COMUNICADO OFICIAL N.: 5 DATA: 2012.07. 07.10 ALTERAÇÕES ÀS LEIS DO JOGO DE FUTEBOL ONZE 2012/13

COMUNICADO OFICIAL N.: 5 DATA: 2012.07. 07.10 ALTERAÇÕES ÀS LEIS DO JOGO DE FUTEBOL ONZE 2012/13 ALTERAÇÕES ÀS LEIS DO JOGO DE FUTEBOL ONZE 2012/13 Para conhecimento geral, informa-se que a FIFA, através da sua Circular Nº 1302 de 31.05.2012, divulgou as alterações às leis do jogo 2012/13, que se

Leia mais

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010.

Art. 02 Este Regulamento Geral é o conjunto das disposições que regem as modalidades que integram a COPA SENAI 2010. COPA SENAI 2010 REGULAMENTO GERAL SESI SENAI - SP 2010 REGULAMENTO GERAL FASE INTERCLASSES I DOS OBJETIVOS Art. 01 A COPA SENAI 2010, tem por finalidade o bem estar e a integração do aluno perante a sociedade

Leia mais

FUTSAL - Livro Nacional de Regras - Aprovado pela FIFA

FUTSAL - Livro Nacional de Regras - Aprovado pela FIFA CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL DE SALÃO - FUTSAL FUNDADA EM 15 DE JUNHO DE 1979 BRASIL, HEXACAMPEÃO MUNDIAL 1982/1985/1989/1992/1996/2008 Sede: Rua Coronel Ferraz n o 52 - Conjuntos 301/302 - CEP:

Leia mais

1. O jogador que receber um cartão amarelo ficará 02 (dois minutos) fora de campo durante o jogo vigente podendo retornar ao jogo após esse tempo.

1. O jogador que receber um cartão amarelo ficará 02 (dois minutos) fora de campo durante o jogo vigente podendo retornar ao jogo após esse tempo. 1. O jogador que receber um cartão amarelo ficará 02 (dois minutos) fora de campo durante o jogo vigente podendo retornar ao jogo após esse tempo. 2. O jogador que receber um cartão azul será excluído

Leia mais

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM

Associação de Futebol de Lisboa CONSELHO DE ARBITRAGEM ssociação de Futebol de Lisboa ONSELHO DE ITGEM 1ª OV VLIÇÃO TEOI EGULMENT OSEVDOES DISTITIS 2012 / 2013 02 / Outubro / 2012 Futebol OS 2 ua Fanqueiros TESTE 05 Leia atentamente as instruções seguintes:

Leia mais

O que é o Bitoque-rugby

O que é o Bitoque-rugby O que é o Bitoque-rugby O rugby é uma modalidade desportiva que envolve contacto físico entre os seus praticantes, sendo assim é de primordial importância que os praticantes joguem de acordo com as regras

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL DE SALÃO - CBFS FUNDADA EM 15 DE JUNHO DE 1979

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL DE SALÃO - CBFS FUNDADA EM 15 DE JUNHO DE 1979 CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE FUTEBOL DE SALÃO - CBFS FUNDADA EM 15 DE JUNHO DE 1979 Rua Coronel Ferraz, n o. 52 - Conjuntos 301/302 - CEP: 60.060.150 Fortaleza - Ceará - Brasil Fone: + 55 (85) 3533-8300

Leia mais

UNIVERSO - Disciplina: Futebol e Futsal Prof. Sandro de Souza

UNIVERSO - Disciplina: Futebol e Futsal Prof. Sandro de Souza SISTEMAS OFENSIVOS E DEFENSIVOS DO FUTSAL Sistema é o posicionamento organizado dos jogadores de uma equipe na quadra. Para que o professor posicione a equipe na quadra de forma organizada, inteligente,

Leia mais

Informações Gerais. - Programação de Segunda-feira: > Livre > Viagem/ retorno

Informações Gerais. - Programação de Segunda-feira: > Livre > Viagem/ retorno Informações Gerais - O Intergaias nasceu na cidade do Rio de Janeiro no ano de 2002 e a própria cidade foi escolhida para a realização da primeira edição deste evento, que contou com a competição de futebol.

Leia mais

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL " SÚMULA DO JOGO " 01. COMPETIÇÃO Código: 23/07/1952 COPA FGF LOCAL: FARROUPILHA ESTÁDIO: CASTANHEIRAS NOMES

folha 01 FEDERAÇÃO GAÚCHA DE FUTEBOL  SÚMULA DO JOGO  01. COMPETIÇÃO Código: 23/07/1952 COPA FGF LOCAL: FARROUPILHA ESTÁDIO: CASTANHEIRAS NOMES OUTROS 01. COMPETIÇÃO 1ª DIVISÃO folha 01 " SÚMULA DO JOGO " CATEGORIAS DE PROFISSIONAIS Código: 23/07/1952 Nº DO JOGO: CATEGORIAS AMADORAS 71 (Campo acima exclusivo da FGF) 2ª DIVISÃO X 3ª DIVISÃO COPA

Leia mais

Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF

Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF Jogos de Integração do Instituto Federal/ Araranguá JIIF DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º Para efeito de classificação, a pontuação será a seguinte: I - 1º lugar: 10 pontos. II - 2º lugar: 7 pontos. III - 3º

Leia mais

LEIS DO JOGO DE RUGBY INFANTIL (M11 / M12 / M13 / M14)

LEIS DO JOGO DE RUGBY INFANTIL (M11 / M12 / M13 / M14) LEIS DO JOGO DE RUGBY INFANTIL (M11 / M12 / M13 / M14) 2012 Introdução Rugby é um esporte com contato físico que tem como filosofia básica para sua prática a lealdade, além do respeito aos rivais, companheiros,

Leia mais

Basquete 3x3 Tour Nacional Etapas Regionais/FINAL 2013

Basquete 3x3 Tour Nacional Etapas Regionais/FINAL 2013 Basquete 3x3 Tour Nacional Etapas Regionais/FINAL 2013 REGRAS As Regras do Jogo de Basquete Oficiais da FIBA são válidas para todas as situações de jogo não especificamente mencionadas nestas Regras do

Leia mais

Torneio 4x4 misto de Vôlei de Praia

Torneio 4x4 misto de Vôlei de Praia Torneio 4x4 misto de Vôlei de Praia REGULAMENTO 1. DEFINIÇÃO 1.1 O torneio de vôlei de areia na AABB é um evento que busca incentivar a prática esportiva e promover a qualidade de vida entre os associados

Leia mais

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429

www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 Organização, compromisso e qualidade em prol do esporte universitário paulista www.ndu.net.br Sede Social Rua Luís Góis, 2.187 Mirandópolis São Paulo SP Cep: 04043-400 Fone: (11) 7708-7429 REGULAMENTO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: PROFESSOR NÍVEL III EDUCAÇÃO FÍSICA CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

Entidade Mantenedora: SEAMB Sociedade Espírita Albertino Marques Barreto CNPJ: /

Entidade Mantenedora: SEAMB Sociedade Espírita Albertino Marques Barreto CNPJ: / A5 ATIVIDADES DE MATEMÁTICA Aluno: Complete com os números que faltam: 1 4 6 8 10 12 14 16 17 18 20 Anexo: Conceitos Matemáticos Dinâmica Escolher uma forma criativa para apresentar a situação criada

Leia mais

07/05/2013. VOLEIBOL 9ºAno. Profª SHEILA - Prof. DANIEL. Voleibol. Origem : William Morgan 1895 ACM s. Tênis Minonette

07/05/2013. VOLEIBOL 9ºAno. Profª SHEILA - Prof. DANIEL. Voleibol. Origem : William Morgan 1895 ACM s. Tênis Minonette VOLEIBOL 9ºAno Profª SHEILA - Prof. DANIEL Origem : William Morgan 1895 ACM s Tênis Minonette GRECO, 1998 1 Caracterização: O voleibol é um jogo coletivo desportivo, composto por duas equipes, cada uma

Leia mais

3ª COPA INTER-ADVOGADOS

3ª COPA INTER-ADVOGADOS Data/ Local: Competição: Maio à Julho * início previsto para 26/maio Local: Centro Iraí Pinhais-PR www.centroirai.com.br Gustavo@centroirai.com.br DA PARTICIPAÇÃO: Artigo Primeiro: Só poderão participar

Leia mais