ANTONIO HENRIQUE MEREGE CHAVES a,*

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ANTONIO HENRIQUE MEREGE CHAVES a,* antoniohenriquemc@hotmail.com"

Transcrição

1 107 CRIAÇÃO DE LAYOUTS PARA WEB SITES UTILIZANDO A RAZÃO ÁUREA (THE USE OF GOLDEN RATIO TO MAKE A WEB SITES LAYOUTS) ANTONIO HENRIQUE MEREGE CHAVES a,* a,* Este artigo descreve o processo de desenvolvimento de um site baseado na regra matemática da razão áurea. Para isso foi realizado um comparativo entre um site já existente na internet e sua versão criada dentro da regra matemática. Os resultados mostram que o uso da razão áurea pode ser uma alternativa na criação de web sites visando a melhor experiência para o usuário. Palavras-chave: Web design. Layouts. Proporção áurea. This article describe the process of developing a site based on mathematical rule golden ratio. For this was made a comparison between a site existing one on the Internet and its version created within the mathematical rule. The results show that the use of the golden ratio can be an alternative to creating web sites targeting the best user experience. Keywords: Web design. Layouts. Golden ratio. 1 INTRODUÇÃO Com a crescente demanda para a criação de web sites, tanto empresariais como pessoais, a concorrência está cada vez mais alta e a exigência dos usuários também, o que faz com que os desenvolvedores tenham que buscar sempre novas ideias para a criação dessas páginas. Por esse motivo é crescente o número de pesquisas que visam melhorar ao máximo a interação humano-computador (IHC) uma vez que o desenvolvimento web é uma área complexa que envolve conhecimentos multidisciplinares. Outro fator já conhecido é que o layout apresentado ao usuário tem papel fundamental na adaptação deste com o site que está utilizando. Contudo não basta o layout criado oferecer grande variedade de conteúdo se o usuário não puder interagir com essas informações de forma satisfatória, para isso a facilidade no uso do site é pré-requisito fundamental. Com base nesse contexto o presente artigo busca na razão áurea, que está presente em muitos lugares no nosso dia a dia sem nem nos darmos conta como, por exemplo, na natureza, nos animais, insetos e plantas, uma possível relação

2 108 harmoniosa entre o layout apresentado e a experiência do usuário. Visto que a razão áurea pode ajudar cognitivamente o ser humano no trabalho de comunicação visual. Dessa forma com base na razão áurea e sua influência na natureza torna-se interessante investigar se ela pode também afetar a comunicação dos usuários com as páginas web. Com o aumento da demanda na criação de web sites o mercado encontra-se saturado, com comércios eletrônicos e mesmo sites institucionais aumentando a visibilidade das empresas com o grande público. Dessa forma um layout bem construído e que facilite a navegação e busca do usuário pode ser um grande diferencial nessa disputa pelo mercado de desenvolvimento. 2 A RAZÃO ÁUREA O que pode haver de comum entre o crescimento das plantas, as proporções do corpo humano e dos animais, as pinturas do período renascentista, as obras arquitetônicas da antiguidade e o web design moderno? Durante anos o homem buscou a beleza perfeita, a proporção ideal. Usamos a palavra proporção (ou razão) para uma relação comparativa entre coisas com respeito a tamanho ou quantidade. Na matemática esse termo é usado para definir uma igualdade. A razão áurea, Figura 1, nos fornece uma mistura das duas acepções, já que embora seja matematicamente definida, considera-se que revela qualidades agradavelmente harmoniosas. Figura 1 Segmento dividido na Razão Áurea. Fonte: Autor desconhecido. Segundo DOCZI (2008, p.2), ela é chamada razão áurea tanto por causa de sua singularidade quanto pelo alto valor atribuído a essa relação proporcional. Em qualquer linha existente, apenas um ponto a dividirá em duas partes desiguais nessa forma recíproca única. Tudo começou quando o autor de um dos mais importantes livros da matemática

3 109 Euclides escreveu em 300 a.c. uma obra de treze volumes chamada Elementos. Nessa obra sobre geometria e teoria dos números é apresentada a primeira definição da Razão Áurea, denominada Razão Extrema e Média. A definição de Euclides no volume IV é que: Se a linha AB é dividida pelo ponto C, então: (segmento maior)/(segmento menor) é igual a (segmento inteiro)/(segmento maior). Embora depois de Euclides muitos outros nomes importantes da história como Pitágoras (570 a.c.) e seus seguidores, Platão (428 a.c.), Pappus de Alexandria (340 d.c.) estudarem a razão áurea e suas aplicações o salto mais significativo teve de esperar o mais ilustre matemático da idade média, Leonardo de Pisa. Leonardo de Pisa, mais conhecido como Leonardo Fibonacci ( ) em seu livro Liber Abaci de 1202 trouxe o que seria sua maior contribuição para a matemática e que lhe traria mais fama. Baseado no seguinte problema ele criou sua teoria: Um Homem pôs um par de coelhos num lugar cercado por todos os lados por um muro. Quantos pares de coelhos podem ser gerados a partir desse par em um ano, se supostamente, todo mês cada par dá a luz um novo par, que é fértil a partir do segundo mês. (PISA, apud LIVIO, 2011, p.116) Os pares de adultos seguem a sequência: 1, 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34, 55, Sendo cada termo a partir do terceiro uma soma dos dois anteriores. Essa teoria foi batizada no século XIX pelo matemático Frances Edouard Lucas ( ) de sequência de Fibonacci. Observamos ainda que a proporção de crescimento dessa sequência oscila em torno da razão áurea, conforme mostra a Figura 2, propriedade essa descoberta pelo astrônomo Johannes Kepler em Figura 2 Sequência de Fibonacci e a relação com a razão áurea. Fonte: Autor desconhecido. De acordo com DOCZI (2008, p.13) a capacidade do segmento áureo de criar a harmonia diante dos olhos humanos vem de sua capacidade de unir as diferentes partes de um todo, ao mesmo tempo de cada parte desse todo mantém a sua

4 110 identidade única enquanto se integra com o resto do conjunto. A razão áurea é um número irracional e infinito, que se pode ter apenas uma aproximação e tais aproximações são possíveis até mesmo dentro dos limites de números inteiros pequenos. O valor exato da proporção áurea é 1, , arredondado para 1,618, e é um número que nunca termina nem se repete e que vem sendo usado ao longo dos séculos em monumentos como o Parthenon, as grandes pirâmides do Egito e por mestres da ciência e das artes em obras como, por exemplo, Mona Lisa e A Última Ceia de Leonardo Da Vinci. Animais, constelações, artes, ciência e o homem, coisas teoricamente diferentes, porém ligadas por uma razão comum. 2.1 ONDE ENCONTRAR A RAZÃO ÁUREA Podemos encontrar a razão áurea com muita facilidade na natureza, no corpo humano e nas obras dos grandes mestres da arte. A natureza nos fornece uma quantidade inimaginável de relações com a razão áurea como a proporção de machos e fêmeas em uma colmeia de abelhas, espirais da concha de um caracol e até em flocos de neve. Mas não só em nosso planeta encontramos traços da razão áurea, encontramos também no universo, um exemplo disso é o formato de algumas galáxias, onde seu padrão geométrico segue o mesmo padrão da espiral áurea, mostrado na Figura 3, abaixo: Figura 3 Espiral Áurea. Fonte: Autor desconhecido

5 111 A flora também partilha da razão áurea em sua construção, o girassol, por exemplo, se olharmos o seu centro nota-se que suas sementes formam espirais, tanto em sentido horário como anti-horário, e se contarmos a quantidade dessas espirais teremos invariavelmente dois termos 21 e 34, 34 e 55, 55 e 89 ou 89 e 144, onde podemos mais uma vez encontrar a famosa sequência de Fibonacci. Outro exemplo de como a flora usa a razão áurea para construir seus padrões é a margarida, onde suas espirais são construídas a partir de vários círculos que crescem em uma escala logarítmica e vários segmentos de reta que partem de um centro comum. Mas não somente a flora faz uso da razão áurea para construir padrões, existem padrões que são compartilhados em animais, aves e plantas. A margarida e o girassol compartilham em comum a espiral. O pavão que possui as penas de sua calda em formato de leque onde ficam os chamados olhos da calda é formado por espirais logarítmicas idênticas as espirais que podem ser encontradas na margarida, o que significa que o pavão e a margarida compartilham da mesma formação geométrica para construção de seus padrões. Já o padrão encontrado no corpo humano foi muito estudado por Leonardo da Vinci, onde por volta de 1500 ele usava cadáveres para medir a proporção de seu corpo e constatou que nenhuma outra coisa obedecia tanto a razão áurea como o corpo humano. Podemos encontra-la medindo, por exemplo, a altura e depois dividir pela altura do umbigo até o chão e o valor encontrado será a proporção áurea de 1,618. Esse é apenas um dos exemplos de onde podemos encontrar a razão áurea em nosso corpo. Essa descoberta de Da Vinci levou a criação de uma das suas mais famosas obras O Homem Vitruviano, em que Da Vinci usou como base o estudo do arquiteto romano Marcus Vitruvius sobre proporções humanas. Nessa obra o umbigo representa o centro do corpo que pode tanto ser inserido em uma circunferência como em um retângulo. O mais impressionante é a quantidade de medidas em que a razão áurea é encontrada dentro da obra. Além dessa obra Leonardo da Vinci utilizou a razão áurea em outras de suas obras como a Monalisa e A Anunciação. Abaixo, Figura 4, o Homem Vitruviano de Da Vinci.

6 Figura 4 O Homem Vitruviano de Leonardo da Vinci. 112 Fonte: Autor desconhecido 3 LAYOUTS Após séculos sendo usada apenas nas artes e arquitetura a razão áurea passa a ser usada nos dias atuais na criação de layouts para web sites. Os padrões oriundos da razão áurea são utilizados para criar o posicionamento dos elementos dentro de uma página web. Segundo Ambrose (2009) layout é o arranjo dos elementos de um design em relação ao espaço que eles ocupam e em conformidade com um esquema estético geral. A função de um layout é transmitir ao usuário os elementos visuais e textuais com o menor esforço possível, afim de que o usuário tenha uma experiência agradável ao visitar o site. Um layout pode tanto ajudar como prejudicar o acesso a informação contida naquele site. A maneira como os elementos estão distribuídos pela página é fundamental para que o usuário consiga encontrar a informação que busca, caso contrário, ele irá procurar outra fonte de informação. Porém descobrir como posicionar os elementos e como eles devem ser organizados é um grande esforço e principal desafio de um designer, e é nisso que a razão áurea pode vir a facilitar o trabalho na hora de desenvolver um layout para um projeto web. Na Figura 5 apresentamos um exemplo de site criado baseando-se na razão áurea.

7 Figura 5 Site do Twitter. 113 Fonte: webdesign tuts +. Mas como utilizar de fato a razão áurea na criação de um layout? Suponhamos que irá ser desenvolvido um site e deseja-se utilizar da razão áurea em sua criação. Para determinar as medidas que serão usadas durante o processo de desenvolvimento da página deve-se saber a largura total do site. Por exemplo digamos que o site terá uma medida de 980px de largura. Esse valor será o todo (segmento maior + segmento menor). Segmento Maior Segmento Menor Para determinar, dessa forma, qual é o tamanho do segmento maior e qual o tamanho do segmento menor deverá ser utilizada a seguinte operação: 980px (tamanho total)/1,618 (valor da razão áurea) = 605px Assim conseguimos saber qual será o tamanho do segmento maior a ser utilizado no desenvolvimento da página em questão, nesse exemplo o segmento menor será criado com 375px de largura.

8 do site acima. 114 Abaixo, na Figura 6, apresentamos um exemplo de como ficaria a estrutura Figura 6 Parte maior com 605px e parte menor com 375px na horizontal. Fonte: Elaborado pelo autor. 4 DESENVOLVIMENTO Baseado no estudo realizado neste artigo, para uma demonstração prática da aplicação da razão áurea no desenvolvimento de páginas web, foi construída uma contendo os padrões apresentados nesse artigo. Como referência para a criação da página em questão foi usado como base o site da empresa Infinity Redes localizada na cidade de Ponta Grossa-PR. A empresa já possui uma página web em atividade acessada através do endereço porém o site da empresa que se encontra no ar, não foi desenvolvido seguindo o padrão abordado neste trabalho. Baseado nisso a proposta que será apresentada é a criação de uma nova página para a empresa citada acima, seguindo os padrões estudados durante nesse trabalho. O site desenvolvido para este trabalho usa em seu desenvolvimento a linguagem de marcação de texto HTML 5 e a linguagem de folhas de estilo CSS 3. Com base nessas tecnologias foi desenvolv ida uma nova página web, com um layout totalmente reformulado para poder seguir os padrões estabelecidos pela razão áurea. Abaixo, Figura 7, será apresentado primeiramente o site atual da empresa e em seguida a nova proposta de layout e a explicação sobre seu desenvolvimento.

9 Figura 7 Site Infinity Redes. 115 Fonte: O site atual foi desenvolvido sem obedecer padrões de design, sua proposta foi a divulgação da empresa através de uma página institucional, onde o cliente pode ver trabalhos executados pela equipe, obter informação de contato e enviar um formulário solicitando orçamento, Figura 8. Figura 8 Formulário de contato. Fonte:

10 116 Embora não haja nenhum padrão de design na criação do site, ele segue alguns princípios do desenvolvimento, como por exemplo, informações bem distribuídas, poucos cliques para chegar até a informação desejada, isso ajuda o usuário no momento de buscar o que procura. Após analisar o site atual e aproveitar o que ele tinha de bom, foi esboçado inúmeros layouts tentando sempre usar o que a página continha e colocando isso em um design pensado em cima da razão áurea. Abaixo, Figura 9, será apresentado o novo layout criado embasado na razão áurea para o site da Infinity Redes e será explicado como foi o desenvolvimento do mesmo. Figura 9 Novo Layout do site Infinity Redes Fonte: Elaborado pelo autor O novo projeto foi criado utilizando componentes que já existiam no antigo site,

11 117 como por exemplo, cores, menus e conteúdo. O novo modelo de página foi construído utilizando também a linguagem de marcação de texto HTML 5, a linguagem de folhas de estilo CSS 3 e linguagem de programação javascript. O layout foi dividido em duas colunas, sendo a da esquerda para o conteúdo principal da página e a da direita para as demais informações, por exemplo, mapa com a localização da empresa e informações de contato em redes sociais. Os menus foram mantidos os mesmos já presentes na página atual, o banner rotativo principal também foi mantido. Seguindo também o mesmo padrão de cores que já é utilizado no site, que são as cores laranja, branco e cinza em tom claro. Dessa forma foi possível conciliar tudo que a atual página continha de bom com um novo design. Mas onde está a razão áurea nesse layout? A seguir será exibido onde se encontra a razão áurea dentro do novo layout. Figura 10 Razão Áurea no layout Fonte: Elaborado pelo autor.

12 Figura 11 Razão Áurea em destaque. 118 Fonte: Elaborado pelo autor. O novo layout foi construído com um design baseado na razão áurea estudada nesse trabalho, ela foi usada na criação das colunas do site, onde baseado no valor da razão foi possível determinar o tamanho exato que cada coluna deveria ter. Dessa forma segundo estudado nesse trabalho o usuário ao olhar para as colunas que teoricamente estão divididas de forma perfeita devido a aplicação da razão áurea em sua construção, deve primeiramente olha para a coluna da esquerda que é a que possuí o tamanho maior, portanto seria o local a chamar a atenção dos olhos humanos de forma inconsciente primeiro, ficando assim a coluna da direita com uma importância menor à primeira vista. No caso das colunas criadas o tamanho total das duas é de 614 px, para poder determinar qual seria o tamanho da coluna da esquerda foi feito da seguinte forma: 614px dividido por 1,618 que é o número da razão áurea, o resultado foi 379 px, assim foi feito e determinou-se que o tamanho da coluna da esquerda seria de 379 px enquanto a coluna da direita teria 235 px de largura. Com isso foi possível construir através da aplicação da razão áurea um design tido como perfeito segundo a teoria usada por ela. 5 CONSIDERAÇÕES FINAIS O presente artigo teve por objetivo identificar se a utilização da razão áurea na criação de layouts para web sites pode influenciar de forma positiva a experiência do

13 119 usuário ao usar determinada página, uma vez que a razão áurea está presente em elementos da nossa vida, como por exemplo, plantas, animais, arquitetura, entre outros. Para isso foi proposto a criação e desenvolvimento de um novo layout para o site da empresa Infinity Redes baseado na razão áurea. O novo modelo criado foi apresentado para alguns usuários que, em um teste comparativo entre o site atual da empresa e a nova página criada, embasada na razão áurea, expressaram que se sentiram mais confortáveis visualmente ao utilizarem o novo modelo. O artigo procura contribuir para uma melhoria no processo de desenvolvimento de páginas web, sabendo que a razão áurea é um recurso que pode auxiliar o desenvolvedor na criação de uma página mais amigável para o usuário, contribuindo para a usabilidade dele. A utilização da razão áurea na criação de páginas web pode ser uma alternativa que pode ser estudada em relação aos critérios de usabilidade, sendo esse, um recurso que pode trazer benefícios tanto ao usuário quanto ao desenvolvedor. Após o estudo realizado nesse trabalho, deixa-se como possibilidade para trabalhos futuros, o estudo mais aprofundado na área de IHC e usabilidade (Interação Humano Computador) e uma pesquisa mais abrangente com usuários e suas experiências na utilização de sites criados com base na razão áurea. 6 REFERÊNCIAS FILHO, E. de A. TEORIA ELEMENTAR DOS NÚMEROS. São Paulo: Nobel, CAMARGO, N. M. A UTILIZAÇÃO DA RAZÃO ÁUREA NO DESIGN DE WEBSITES. Disponível em <http://www.espweb.uem.br/monografias/2008/artigo_nelio.pdf>. Acessado em 14/10/2013. COLE, K. C. O UNIVERSO E A CHÍCARA DE CHÁ A MATEMÁTICA DA VERDADE E DA BELEZA. Record: Rio de Janeiro, DOCZI, G. O PODER DOS LIMITES: harmonias e proporções na natureza, arte e arquitetura. Tradução Maria Helena de Oliveira Tricca e Júlia Barany Bartolomei. 6. ed. São Paulo: Mercúrio Novo Tempo, LAURO M. M. A RAZÃO ÁUREA E OS PADRÕES HARMÔNICOS NA NATUREZA, ARTES E ARQUITETURA. Disponível em

14 <http://www.metodologiacientifica.com.br/phi.pdf>. Acessado em 14/10/ LIVIO, M. RAZÃO ÁUREA: A HISTÓRIA DO FI, UM NÚMERO SURPREENDENTE. Tradução Marco Shinobu Matsumura. 6ª ed. Record: Rio de Janeiro, MARQUES R. A. RAZÃO ÁUREA: UMA PROPOSTA PARA O ENSINO DE NÚMEROS IRRACIONAIS. Disponível em <http://bit.profmatsbm.org.br/xmlui/handle/ /166>. Acessado em: 14/10/2013. ROCHA, A. J. F. ESTRATÉGIAS DE APLICAÇÃO DO SEGMENTO ÁUREO NO DESIGN. Tese (Doutorado em Comunicação e Artes) Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, WEIJERS D. MATHEMATICS AND WEB DESIGN: A CLOSE RELATIONSHIP. Disponível em <http://webdesign.tutsplus.com/articles/design-theory/mathematicsand-web-design-a-close-relationship>. Acessado em 30/10/2013.

A utilização da Razão Áurea no design de websites

A utilização da Razão Áurea no design de websites A utilização da Razão Áurea no design de websites Nelio Mayer Camargo Departamento de Informática (DIN) Universidade Estadual de Maringá (UEM) Av. Colombo, 5790 87020-900 Maringá PR Brasil nelio@webart.com.br

Leia mais

NÚMERO DE OURO. Palavras chave: Número de Ouro, Desenho Geométrico, Matemática, História, Aprendizagem, Geometria.

NÚMERO DE OURO. Palavras chave: Número de Ouro, Desenho Geométrico, Matemática, História, Aprendizagem, Geometria. NÚMERO DE OURO Giuliano Miyaishi Belussi Giu_mb@yahoo.com.br Daniel Aparecido Geraldini Danielgeraldini@gmail.com Enéias de Almeida Prado Neneias13@yahoo.com.br Profª. Ms. Maria Bernadete Barison barison@uel.br

Leia mais

Fibonacci e a Seção Áurea

Fibonacci e a Seção Áurea Na matemática, os Números de Fibonacci são uma seqüência (sucessão, em Portugal) definida como recursiva pela fórmula abaixo: Na prática: você começa com 0 e 1, e então produz o próximo número de Fibonacci

Leia mais

Disciplina de Matemática Professora: Dora Almeida

Disciplina de Matemática Professora: Dora Almeida Disciplina de Matemática Professora: Dora Almeida Escola Secundária de D. Luísa de Gusmão Trabalho elaborado por: -Andreia Domingos nº 4 -Cátia Santos nº 7 10ºB 1 O que é o Número de Ouro...pág 3, 4 e

Leia mais

Escola Secundária de Dona Luísa de Gusmão 10º B

Escola Secundária de Dona Luísa de Gusmão 10º B Escola Secundária de Dona Luísa de Gusmão 10º B David nº9 Ricardo Pereira nº15 Sílvia nº19 1 Introdução...3 O que é o número de ouro...4, 5 e 6 Quem foi Leonardo Fibonacci...7 Leonardo Da Vinci...8 O número

Leia mais

O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS. GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades

O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS. GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades O NÚMERO DE OURO E SUA RELAÇÃO COM A BELEZA E HARMONIA DOS OBJETOS GT 10 - Docência em Matemática: desafios, contextos e possibilidades Marília Lidiane Chaves da Costa marilialidiane@gmail.com Izamara

Leia mais

O USO DA RAZÃO ÁUREA NO ENSINO DA MATEMÁTICA. Palavras-chave: Matemática, Arte, Razão Áurea, Natureza.

O USO DA RAZÃO ÁUREA NO ENSINO DA MATEMÁTICA. Palavras-chave: Matemática, Arte, Razão Áurea, Natureza. O USO DA RAZÃO ÁUREA NO ENSINO DA MATEMÁTICA Adilson Silva Chaves 1 Cláudia Georgia Sabba 2 Resumo A curiosidade do ser humano promoveu dedicação incansável em codificar a Natureza que o cercava, a princípio

Leia mais

O NÚMERO DE OURO E SUAS APLICAÇÕES NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA

O NÚMERO DE OURO E SUAS APLICAÇÕES NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA O NÚMERO DE OURO E SUAS APLICAÇÕES NO ENSINO APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA RESUMO Robisonere da Silva Dra. Janaina Viana Barros UPE Universidade de Pernambuco Campus Garanhuns Devido à grande preocupação

Leia mais

NÚMERO DE OURO. Vanessa Alves dos Santos Universidade do Estado da Bahia nessafnv@hotmail.com

NÚMERO DE OURO. Vanessa Alves dos Santos Universidade do Estado da Bahia nessafnv@hotmail.com NÚMERO DE OURO Vanessa Alves dos Santos Universidade do Estado da Bahia nessafnv@hotmail.com Naiara Alves Andrade Universidade do Estado da Bahia luuk_pop@hotmail.com Tiago Santos de Oliveira Universidade

Leia mais

Os números de Fibonacci e a Razão Áurea

Os números de Fibonacci e a Razão Áurea Universidade dos Açores Departamento de Ciências da Educação Licenciatura em Educação Básica Aplicações da Matemática Os números de Fibonacci e a Razão Áurea Docente: Prof. Doutor Ricardo Teixeira 21 de

Leia mais

Os Números Pitagóricos

Os Números Pitagóricos Os Números Pitagóricos O Mestre Pitágoras de Samos trouxe a Ciência dos Números do Oriente ao Ocidente e explicava aos Recém-Iniciados o significado e o valor destes Números. Filosoficamente, atestava

Leia mais

A GEOMETRIZAÇÃO EM SISTEMAS DE IDENTIDADE VISUAL

A GEOMETRIZAÇÃO EM SISTEMAS DE IDENTIDADE VISUAL A GEOMETRIZAÇÃO EM SISTEMAS DE IDENTIDADE VISUAL Emilio Augusto Gomes de Oliveira UNESP/FAAC, Programa de Pós-graduação em Design emiliodesign@gmail.com Roberto Alcarria do Nascimento UNESP/FAAC, Programa

Leia mais

Trabalhos. Carta. Livro do ábaco. 3. Flos (1225) Theodorum phylosophum domini Imperatoris. Fibonacci nasceu em Pisa, por volta de 1170.

Trabalhos. Carta. Livro do ábaco. 3. Flos (1225) Theodorum phylosophum domini Imperatoris. Fibonacci nasceu em Pisa, por volta de 1170. Fibonacci nasceu em Pisa, por volta de 1170. Grupo : André M. Gabrielli Arlane M. da Silva e Silva Elisabete T. Guerato Giovanna Gaspar Bezerra Juliana Ikeda Juliana Montagner Léslie Ferreira Lansky Mª

Leia mais

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO

Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Interação Humano-Computador Design: estrutura e estética PROFESSORA CINTIA CAETANO Arte X Engenharia Desenvolver Sistema Web é arte? A Web oferece espaço para arte...... mas os usuários também desejam

Leia mais

DIVISÃO EM PARTES PROPORCIONAIS

DIVISÃO EM PARTES PROPORCIONAIS Página DIVISÃO EM PARTES PROPORCIONAIS A) Divisão em Partes Diretamente Proporcionais Dividir um número N em partes diretamente proporcionais a outros é achar partes de N, (, 2,..., n ), diretamente proporcionais

Leia mais

DWEB. Design para Web. Diagramação Web. Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico

DWEB. Design para Web. Diagramação Web. Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico DWEB Design para Web Curso Superior de Tecnologia em Design Gráfico Diagramação Web Medita estas coisas; ocupate nelas, para que o teu aproveitamento seja manifesto a todos. 1 Timóteo 4:15 Contatos Carlos

Leia mais

Ensaio: A divisão áurea por detrás do olhar de Mona Lisa

Ensaio: A divisão áurea por detrás do olhar de Mona Lisa Ensaio: A divisão áurea por detrás do olhar de Mona Lisa O grid oculto de Leonardo Da Vinci Escrito por Prof. Dr. Denis Mandarino São Paulo 27 de agosto de 2011 A estrutura oculta por detrás do olhar de

Leia mais

Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign

Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Conteúdos Os materiais de aula, apostilas e outras informações estarão disponíveis em: www.thiagomiranda.net Tópicos da Aula 1. Design 2. Importância do

Leia mais

Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign

Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Webdesign Fluxo de Desenvolvimento do Webdesign Apresentação, Fluxo de Desenvolvimento e Arquitetura da Informação Apresentação Thiago Miranda Email: mirandathiago@gmail.com Site: www.thiagomiranda.net

Leia mais

chamados de números racionais.

chamados de números racionais. O Período Pré-Industrial e a Geometria Euclidiana Os números racionais Com o sistema de numeração hindu ficou fácil escrever qualquer número, por maior que ele fosse. 0, 13, 35, 98, 1.024, 3.645.872. Como

Leia mais

Dicas sobre perspectiva proporção áurea luz e sombra.

Dicas sobre perspectiva proporção áurea luz e sombra. Dicas sobre perspectiva proporção áurea luz e sombra. Elementos perspectiva Enquadramento e Proporção Proporção áurea Luz e sombras Texturas Wal Andrade Elementos de perspectiva A palavra perspectiva vem

Leia mais

ESTUDANDO A FOTOGRAFIA POR UMA ABORDAGEM ETNOMATEMÁTICA

ESTUDANDO A FOTOGRAFIA POR UMA ABORDAGEM ETNOMATEMÁTICA ISSN 2316-7785 ESTUDANDO A FOTOGRAFIA POR UMA ABORDAGEM ETNOMATEMÁTICA Luciane Bichet Luz UFPEL lbichet615@hotmail.com Amanda Prank UFPEL amandaprank@ymail.com RESUMO Esta pesquisa busca relacionar a Matemática

Leia mais

Posicionamento e Layout com CSS

Posicionamento e Layout com CSS Posicionamento e Layout com CSS Esquemas de posicionamento: absolute e relative Construção de layouts com divs e regras CSS Existem quatro tipos de posicionamento em CSS: estático, relativo, absoluto

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Thunderbird e Terra Nesta terceira edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos os estudos do webmail

Leia mais

inovarti Sugestão baseada em estudo para redesenho da logotipo loja Brazil V1.0 - R1-30/11/2014 soluções avançadas em e-commerce

inovarti Sugestão baseada em estudo para redesenho da logotipo loja Brazil V1.0 - R1-30/11/2014 soluções avançadas em e-commerce inovarti soluções avançadas em e-commerce Sugestão baseada em estudo para redesenho da logotipo loja Brazil V1.0 - R1-30/11/2014 Porque mudar? 1. Expansão dos negócios para novos mercados, segmentos de

Leia mais

Design 3D. Formação em Web WEB DESIGN 3D 1

Design 3D. Formação em Web WEB DESIGN 3D 1 1 Formação em Web Design 3D Atualmente com o desenvolvimento para Web, a criação e montagem de sites, envolve um conhecimento mais aprofundado também na criação de 3D. Com a possibilidade de conexões mais

Leia mais

Grupo de Aplicações para a Web Pet Ciência da Computação

Grupo de Aplicações para a Web Pet Ciência da Computação Universidade Federal de Santa Maria UFSM Departamento de Eletrônica e Computação Alunos: Cássio Forgiarini Martins Leandro Ramos de Oliveira Marília Guterres Ferreira Patrick Pivotto Viera Disciplina:

Leia mais

A Natureza como Referência: crescimento e desenvolvimento sustentável

A Natureza como Referência: crescimento e desenvolvimento sustentável Uma Leitura do Momento Atual a partir do Crescimento Populacional Mundial num Padrão Hiperbólico em Contraponto com o Crescimento no Padrão Áureo (Proporção Áurea) encontrado na Natureza Edson Tani Introdução

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres

Tópicos de Ambiente Web. Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Tópicos de Ambiente Web Modulo 2 Processo de desenvolvimento de um site Professora: Sheila Cáceres Roteiro Motivação Desenvolvimento de um site Etapas no desenvolvimento de software (software:site) Analise

Leia mais

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE Tutorial SweetHome3D Trabalho apresentado ao Prof. Carlo na Disciplina de Software Livre no curso Pós Graduação em Tecnologia da Informação Aplicada a

Leia mais

Sumário. HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1

Sumário. HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1 Sumário HTML CSS JQuery Referências IHC AULA 6 5-09-2011 1 Linguagem HTML HTML é a abreviação de HyperText Markup Language, que pode ser traduzido como Linguagem de Marcação de Hipertexto. Não é uma linguagem

Leia mais

HISTÓRIA DA PROPORÇÃO ÁUREA. História e filosofia da Matemática e da Educação Matemática

HISTÓRIA DA PROPORÇÃO ÁUREA. História e filosofia da Matemática e da Educação Matemática HISTÓRIA DA PROPORÇÃO ÁUREA História e filosofia da Matemática e da Educação Matemática Resumo. O presente trabalho tem como objetivo destacar como a matemática relaciona-se com as atividades humanas na

Leia mais

Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo. Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia. Relatório. Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita

Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo. Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia. Relatório. Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita Escola Superior de Música, Artes e Espectáculo Curso de Tecnologia da Comunicação Multimédia Relatório Aluno: Pedro Filipe Brito Xavier De Mesquita Docente: Leonel Cunha Rui Espírito Santo Laboratório

Leia mais

Design responsivo para WEB com Bootstrap. Fernando Freitas Costa dovernando@gmail.com Especialista em Gestão e Docência Universitária/UNIFIMES

Design responsivo para WEB com Bootstrap. Fernando Freitas Costa dovernando@gmail.com Especialista em Gestão e Docência Universitária/UNIFIMES Design responsivo para WEB com Bootstrap Fernando Freitas Costa dovernando@gmail.com Especialista em Gestão e Docência Universitária/UNIFIMES Assunto de hoje... Um pouco de História... Por que me preocupar

Leia mais

Memorial Descritivo. Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Larissa Rocha Suriani Produção Multimídia. Goiânia, 09 de Junho de 2014.

Memorial Descritivo. Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Larissa Rocha Suriani Produção Multimídia. Goiânia, 09 de Junho de 2014. Memorial Descritivo Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Larissa Rocha Suriani Produção Multimídia Goiânia, 09 de Junho de 2014. Introdução Ao longo do semestre, nos foram apresentadas carga e mais carga

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução O Gmail possui duas versões distintas para seu webmail: uma mais recente, que é a versão atual utilizada pelos usuários de Gmail, e

Leia mais

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL DOS SITES DO GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA

MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL DOS SITES DO GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA MANUAL DE IDENTIDADE VISUAL DOS SITES DO GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA Índice 1. Introdução 03 2. Elementos Padronizados 2.1. Topo 2.2. Rodapé 2.3. Menu 2.4. Cores e Fontes 2.5. Títulos 2.6. Banners 04 04

Leia mais

Os 10 principais benefícios do Microsoft Office Excel 2007. Autor: Leonardo Barroso Galvao

Os 10 principais benefícios do Microsoft Office Excel 2007. Autor: Leonardo Barroso Galvao Os 10 principais benefícios do Microsoft Office Excel 2007 Autor: Leonardo Barroso Galvao Os 10 principais benefícios do Microsoft Office Excel 2007 O Microsoft Office Excel 2007 é uma ferramenta poderosa

Leia mais

O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL

O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL PACOTE DE NOTÍCIAS no dreamweaver O TEXTO DA MÍDIA DIGITAL União das principais características das mídias "anteriores : - Agilidade (rádio) - rapidez na atualização de conteúdo e na formatação do layout

Leia mais

IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014

IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014 IPAHN Novo Portal 4 ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal Dezembro 2014 Relação de itens verificados e propostas de alteração que consideramos fundamental para a continuidade dos trabalhos de transição

Leia mais

Exercício de leitura do mapa do município de São Paulo utilizando a proporção áurea e a proporção raiz de dois. Edson Tani

Exercício de leitura do mapa do município de São Paulo utilizando a proporção áurea e a proporção raiz de dois. Edson Tani Exercício de leitura do mapa do município de São Paulo utilizando a proporção áurea e a proporção raiz de dois. Edson Tani Este exercício faz parte de uma série de análises geométricas onde o intuito é

Leia mais

23 LOCAIS ESTRATÉGICOS PARA INSERIR O OPT-IN DO EMAIL MARKETING

23 LOCAIS ESTRATÉGICOS PARA INSERIR O OPT-IN DO EMAIL MARKETING WHITEPAPER 23 LOCAIS ESTRATÉGICOS PARA INSERIR O OPT-IN DO EMAIL MARKETING Por Juliana Padron CEO da Templateria INFO@TEMPLATERIA.COM WHITEPAPER 23 LOCAIS ESTRATÉGICOS PARA INSERIR O OPT-IN DO EMAIL MARKETING

Leia mais

Design de Interfaces e Usabilidade - Tópico 1

Design de Interfaces e Usabilidade - Tópico 1 Instituto Federal do Sertão-PE Design de Interfaces e Usabilidade - Tópico 1 Prof. Felipe Correia Conteúdo Por que estudar Design de Interfaces e Usabilidade?! Conceitos básicos sobre Design! Primeira

Leia mais

Prof. Dra. Vera Clotilde Garcia, Acad. Fabiana Fattore Serres, Acad. Juliana Zys Magro e Acad. Taís Aline Bruno de Azevedo.

Prof. Dra. Vera Clotilde Garcia, Acad. Fabiana Fattore Serres, Acad. Juliana Zys Magro e Acad. Taís Aline Bruno de Azevedo. 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE MATEMÁTICA SECRETARIA DE ENSINO À DISTÂNCIA O NÚMERO DE OURO Prof. Dra. Vera Clotilde Garcia, Acad. Fabiana Fattore Serres, Acad. Juliana Zys Magro

Leia mais

Sociedade Brasileira de Matemática Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional. n=1

Sociedade Brasileira de Matemática Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional. n=1 Sociedade Brasileira de Matemática Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional MA Números e Funções Reais Avaliação - GABARITO 3 de abril de 203. Determine se as afirmações a seguir são verdadeiras

Leia mais

TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB

TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB TÉCNICAS DE ESTRUTURAÇÃO PARA DESIGN RESPONSIVO: AMPLIANDO A USABILIDADE NO AMBIENTE WEB Tiago Volpato 1, Claudete Werner 1 1 Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil tiagovolpatobr@gmail.com,

Leia mais

Tema UFPel 2.0 WP Institucional Guia de Opções de Personalização

Tema UFPel 2.0 WP Institucional Guia de Opções de Personalização Tema UFPel 2.0 WP Institucional Guia de Opções de Personalização Sumário 1. Configurações Iniciais...2 1.1. Configurando o Menu Personalizado...2 1.2. Configurando os Widgets...3 2. Localize o nome de

Leia mais

O Misterioso Número de Ouro Rosa Ribeiro e Céu Silva Departamento de Matemática Pura

O Misterioso Número de Ouro Rosa Ribeiro e Céu Silva Departamento de Matemática Pura Uma Manhã nos Departamentos de Matemática O Misterioso Número de Ouro Rosa Ribeiro e Céu Silva Departamento de Matemática Pura A razão diagonal/lado num pentágono regular é um número que tem fascinado

Leia mais

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI

Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Manual do usuário Desenvolvendo páginas em Drupal Faculdade de Ciências Médicas FCM Unicamp Núcleo de Tecnologia de Informação NTI Conteúdo Primeiro Passo... 3 1.1 Login... 3 1.2 Recuperando a Senha...

Leia mais

O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar

O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar O SITE DA MINHA EMPRESA por Ivan F. Cesar Muitos empresários e profissionais liberais gostariam de estar na Internet, mas, na maioria dos casos, não sabem muito bem por que e nem mesmo sabem a diferença

Leia mais

Diferentes padrões para uma mesma medida.

Diferentes padrões para uma mesma medida. Diferentes padrões para uma mesma medida. Antes de iniciarmos o assunto desta atividade, veremos como se deu a evolução das medidas utilizadas pelo homem e depois trataremos das proporções do Homem Vitruviano.

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução Nesta quinta edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos o estudo do Windows Mail, um cliente

Leia mais

MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES. MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com. URL: http://esganarel.home.sapo.

MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES. MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com. URL: http://esganarel.home.sapo. MÓDULO MULTIMÉDIA PROFESSOR: RICARDO RODRIGUES MAIL: rprodrigues@escs.ipl.pt esganarel@gmail.com URL: http://esganarel.home.sapo.pt GABINETE: 1G1 - A HORA DE ATENDIMENTO: SEG. E QUA. DAS 11H / 12H30 (MARCAÇÃO

Leia mais

ALINE NEVES GOMES. Proposta de Seqüência Didática com Secção Áurea: Geometria dinâmica e arquitetura

ALINE NEVES GOMES. Proposta de Seqüência Didática com Secção Áurea: Geometria dinâmica e arquitetura ALINE NEVES GOMES Proposta de Seqüência Didática com Secção Áurea: Geometria dinâmica e arquitetura Trabalho de Conclusão de Curso apresentado como requisito parcial para a obtenção de título de Licenciatura

Leia mais

VERSÃO 1 PRELIMINAR - 2010 MÓDULO 3 - PRESENCIAL

VERSÃO 1 PRELIMINAR - 2010 MÓDULO 3 - PRESENCIAL MÓDULO 3 - PRESENCIAL CmapTools É um software para autoria de Mapas Conceituais desenvolvido pelo Institute for Human Machine Cognition da University of West Florida1, sob a supervisão do Dr. Alberto J.

Leia mais

1 - Corrigir o deslocamento da caixa que contem os itens do Menu principal; está deslocada para baixo em relação ao template do fundo; - OK

1 - Corrigir o deslocamento da caixa que contem os itens do Menu principal; está deslocada para baixo em relação ao template do fundo; - OK IPHAN Novo Portal 4ª Revisão e Análise do CMS e Novo Portal 22/Dez/2014 - Revisão e acréscimo do texto enviado no dia 16/12/2014 Relação de itens verificados e propostas de alteração que consideramos fundamental

Leia mais

Design Web Introduçao

Design Web Introduçao Design Web Introduçao TSI Elisa Maria Pivetta elisapivetta@hotmail.com Sinto, penso, logo desenho Comunicação olfato, paladar, tato, visão e audição, Geralmente lembramos: 10% do que lemos 20% do que ouvimos

Leia mais

Usabilidade na Web. Dinara P. Lima. Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Departamento de Ciências da Computação Joinville, SC, Brasil

Usabilidade na Web. Dinara P. Lima. Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Departamento de Ciências da Computação Joinville, SC, Brasil Usabilidade na Web Dinara P. Lima Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Departamento de Ciências da Computação Joinville, SC, Brasil dinara.lima@gmail.com Abstract. This article presents an overview

Leia mais

PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB

PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB PADRÕES PARA O DESENVOLVIMENTO NA WEB Ederson dos Santos Cordeiro de Oliveira 1,Tiago Bonetti Piperno 1, Ricardo Germano 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR- Brasil edersonlikers@gmail.com,

Leia mais

Arquitetura da Informação. A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento

Arquitetura da Informação. A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento A relação da Arquitetura da Informação com a Usabilidade na era do conhecimento Rodrigo Medeiros Tecnólogo em Sistema para Internet Faculdade Marista Especialista em arquitetura da Informação pela Jump

Leia mais

Recado aos Pais e Professores

Recado aos Pais e Professores Recado aos Pais e Professores A criança aprende fazendo. Um trabalho manual confeccionado logo após a história bíblica fixa os ensinos que a criança acabou de ouvir, e também é um lembrete visual do constante

Leia mais

Desenvolvendo com Bootstrap 3: um framework front-end que vale a pena!

Desenvolvendo com Bootstrap 3: um framework front-end que vale a pena! Desenvolvendo com Bootstrap 3: um framework front-end que vale a pena! É engraçado como temos receio do novo. Me acostumei a desenvolver sites do zero, desde a primeira linha de código. Achava estranho

Leia mais

M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L D O S S I T E S D O G O V E R N O D O P A R A N Á

M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L D O S S I T E S D O G O V E R N O D O P A R A N Á M A N U A L D E I D E N T I D A D E V I S U A L D O S S I T E S D O G O V E R N O D O P A R A N Á Índice 1. Introdução 2. Estrutura 2.1. Topo 2.2. Corpo 2.3. Coluna Esquerda 2.4. Coluna Direita 2.5. Rodapé

Leia mais

TIPOGRAFIA. Seguem-se alguns exemplos de tipografia forte, fraca, de oportunidade e e ameaçadoras para as respectivas empresas.

TIPOGRAFIA. Seguem-se alguns exemplos de tipografia forte, fraca, de oportunidade e e ameaçadoras para as respectivas empresas. TIPOGRAFIA As letras, tal como as árvores aparecem por elas próprias e quando as letras se juntam, lutam por espaço, pelo direito de serem reconhecidas, de serem lidas - Erik Spiekermann A tipografia é

Leia mais

Composição fotográfica

Composição fotográfica 3. Uso de diagonais 4. Regra dos terços 5. O Ponto Dourado Composição fotográfica 15 dicas para ter imagens com harmonia e proporção. Este tutorial vai ajudá-lo a usar melhor uma câmera fotográfica, compacta

Leia mais

Capítulo 1 - Introdução:

Capítulo 1 - Introdução: Capítulo 1 - Introdução: Todo desenho comunica uma ideia e a expressão gráfica é uma linguagem que passa o pensamento para o papel ou computador, facilitando a comunicação de quem envia ou recebe uma informação.

Leia mais

A diagramação é o ato de distribuir os elementos gráficos pontos, linhas, formas, textos, cores, em uma representação gráfica ou digital.

A diagramação é o ato de distribuir os elementos gráficos pontos, linhas, formas, textos, cores, em uma representação gráfica ou digital. Elementos de Diagramação Comunicação Visual A diagramação é o ato de distribuir os elementos gráficos pontos, linhas, formas, textos, cores, em uma representação gráfica ou digital. É construir, estruturar

Leia mais

Proposta Comercial para criação e desenvolvimento do novo portal do Município de São José do Norte - RS

Proposta Comercial para criação e desenvolvimento do novo portal do Município de São José do Norte - RS Proposta Comercial para criação e desenvolvimento do novo portal do Município de São José do Norte - RS Abril 2014 - Versão 1.0 A/C da Srta. Cíntia Arbeletche 1 / 5 Escopo & Premissas Essa proposta contempla

Leia mais

U NIFACS ERGONOMIA INFORMACIONAL PROFª MARIANNE HARTMANN 2006.1

U NIFACS ERGONOMIA INFORMACIONAL PROFª MARIANNE HARTMANN 2006.1 U NIFACS ERGONOMIA INFORMACIONAL PROFª MARIANNE HARTMANN 2006.1 AULA 20 PROBLEMAS DE INTERFACE 12.maio.2006 FAVOR DESLIGAR OS CELULARES usabilidade compreende a habilidade do software em permitir que o

Leia mais

ARTES AVALIAÇÃO. Aula 3.2 - AVALIAÇÃO

ARTES AVALIAÇÃO. Aula 3.2 - AVALIAÇÃO Aula 3.2-2 1. A Anunciação é uma das obras mais conhecidas de Leonardo da Vinci. Feita por volta do ano de 1472, ela retrata uma das cenas bíblicas mais famosas de todos os tempos. Escreva nas linhas abaixo

Leia mais

Interação Humano Computador IHC

Interação Humano Computador IHC Universidade Federal do Vale do São Francisco -UNIVASF Colegiado de Engenharia de Computação IHC Prof. Jorge Cavalcanti Jorge.cavalcanti@univast.edu.br www.twitter.com/jorgecav Informações Gerais da Disciplina

Leia mais

PROPORÇÃO GEOMÉTRICA EM MARCAS GRÁFICAS

PROPORÇÃO GEOMÉTRICA EM MARCAS GRÁFICAS PROPORÇÃO GEOMÉTRICA EM MARCAS GRÁFICAS Sharlene Melanie Martins de Araújo UFSC, Departamento de Expressão Gráfica sharlene.melanie@gmail.com Túlio Sá UFSC, Departamento de Expressão Gráfica tulio@floripa.com.br

Leia mais

Estrutura e estética: Organização, layout, cores e tipos

Estrutura e estética: Organização, layout, cores e tipos Design Web Estrutura e estética: Organiação, layout, cores e tipos Apresentação: Estrutura e Estética Organiação Navegação Layout Cores e Tipografia! " Representação e Apresentação Representação Utiliar

Leia mais

NÚMERO DE OURO SUA INCIDÊNCIA NA NATUREZA

NÚMERO DE OURO SUA INCIDÊNCIA NA NATUREZA NÚMERO DE OURO SUA INCIDÊNCIA NA NATUREZA Eixo Temático: Formação do Professor GUSMÃO, Lucimar Donizete i Resumo: Este artigo discorre sobre um curso na Formação Continuada de professores de Matemática

Leia mais

Layouts de páginas com HTML e CSS

Layouts de páginas com HTML e CSS Layouts de páginas com HTML e CSS Layouts de Páginas com CSS.... 2 Layout com tamanho Líquido... 2 Layout com tamanho Fixo... 3 Desenvolvendo um layout com tamanho fixo.... 5 Layouts de Páginas com CSS.

Leia mais

BREVE HISTÓRICO DO DESENHO TÉCNICO

BREVE HISTÓRICO DO DESENHO TÉCNICO BACHARELADO EM ENGENHARIA AMBIENTAL EaD UAB/UFSCar BREVE HISTÓRICO DO DESENHO TÉCNICO APOSTILA DO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL DA UFSCar volume 1 Fevereiro de 2008 1 BREVE HISTÓRICO DO DESENHO TÉCNICO

Leia mais

ANÁLISE DAS MUDANÇAS NA PÁGINA DO SITE PORTAL COMUNITÁRIO

ANÁLISE DAS MUDANÇAS NA PÁGINA DO SITE PORTAL COMUNITÁRIO 11. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: ( X ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO ( ) TECNOLOGIA ANÁLISE DAS

Leia mais

Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II. O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica

Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II. O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica Versão Online ISBN 978-85-8015-040-7 Cadernos PDE VOLUME II O PROFESSOR PDE E OS DESAFIOS DA ESCOLA PÚBLICA PARANAENSE Produção Didático-Pedagógica 2008 SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO SUPERINTENDÊNCIA

Leia mais

Aplicações de números irracionais: um número famoso, outro instigante

Aplicações de números irracionais: um número famoso, outro instigante Aplicações de números irracionais: um número famoso, outro instigante Diego da Silva Serra 1 Resumo Este artigo demonstra principalmente aplicações e significados do número irracional Phi (ϕ), que também

Leia mais

EFEITO MARKETING DIGITAL

EFEITO MARKETING DIGITAL EFEITO MARKETING DIGITAL Ajudamos empresas a aumentar as vendas por meio da internet Cada vez mais pessoas estão conectadas e habituadas a pesquisar e escolher produtos e serviços na internet. As empresas

Leia mais

MANUAL DE MARCA E IDENTIDADE VISUAL IMPÉRIO C R I A T I V O

MANUAL DE MARCA E IDENTIDADE VISUAL IMPÉRIO C R I A T I V O MANUAL DE MARCA E IDENTIDADE VISUAL DESENVOLVEDORES: Breno Rodrigues Lucas Xavier ÍNDICE 3 - Conceitos 4 - Marca 4 - Desenvolvimento da marca 5 - Assinaturas 6 - Área de proteção 7 - Tipografia 8 - Dimensionamento

Leia mais

Desenvolvimento de Sites. Subtítulo

Desenvolvimento de Sites. Subtítulo Desenvolvimento de Sites Subtítulo Sobre a APTECH A Aptech é uma instituição global, modelo em capacitação profissional, que dispõe de diversos cursos com objetivo de preparar seus alunos para carreiras

Leia mais

A parte prática. Antes de começar. Escolha o tema. Defina o público-alvo. Conheça seu público-alvo

A parte prática. Antes de começar. Escolha o tema. Defina o público-alvo. Conheça seu público-alvo A parte prática Como usar o InDesign? Como usar o Illustrator? Photoshop? Corel Draw? InkScape? Olha, vou ser franco: não vou ensinar isto. A parte prática é feita apenas no final do processo, e cada designer

Leia mais

identidade corporativa Plant

identidade corporativa Plant identidade corporativa Plant apresentação Há mais de 50 anos os níveis de gás carbônicos são medidos em nosso planeta, desde 957. Desde as primeiras planilhas até hoje foram necessários vários estudos

Leia mais

Matemática na Vida. Série: Razão e Proporção Conceito no dia a dia

Matemática na Vida. Série: Razão e Proporção Conceito no dia a dia Matemática na Vida Série: Razão e Proporção Conceito no dia a dia Resumo Com uma câmera nas mãos, o nosso curioso personagem Euclides, procura compreender os mistérios da Matemática por de trás de situações

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução Nesta útima edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos os estudos dos clientes Yahoo! Mail

Leia mais

Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet

Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet Agência Nacional de Vigilância Sanitária Padrão Visual de Sistemas da Anvisa na Internet Gerência-Geral de Tecnologia da Informação Gerência de Sistemas www.anvisa.gov.br Brasília, janeiro de 2007 Agência

Leia mais

Desenvolvimento Web Usabilidade na Web aula I introdução e o design geral do site. Prof.: Bruno E. G. Gomes IFRN

Desenvolvimento Web Usabilidade na Web aula I introdução e o design geral do site. Prof.: Bruno E. G. Gomes IFRN Desenvolvimento Web Usabilidade na Web aula I introdução e o design geral do site Prof.: Bruno E. G. Gomes IFRN 1 Introdução A Web oferece uma enorme liberdade de escolha e movimentação Qualquer coisa

Leia mais

PROJETO BÁSICO A) ORGÃO INTERESSADO E LOCALIZAÇÃO

PROJETO BÁSICO A) ORGÃO INTERESSADO E LOCALIZAÇÃO LICITAÇÃO PARA A CONTRATAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CRIAÇÃO E GESTÃO MANUTENSIVA, POR PRAZO DETERMINADO, DE DOIS PORTAIS VOLTADOS PARA PROFISSIONAIS DA NUTRIÇÃO INSCRITOS NO CRN3 E PÚBLICO GERAL,

Leia mais

OFICINA: O NÚMERO DE OURO, SEUS MISTÉRIOS E SUA PRESENÇA EM NOSSAS VIDAS

OFICINA: O NÚMERO DE OURO, SEUS MISTÉRIOS E SUA PRESENÇA EM NOSSAS VIDAS OFICINA: O NÚMERO DE OURO, SEUS MISTÉRIOS E SUA PRESENÇA EM NOSSAS VIDAS Resumo Ingrid Mariana Rodrigues de Lima ingridmari.rl@gmail.com Fernanda Machado fee.m@hotmail.com Daniela Guerra Ryndack dani.dep@hotmail.com

Leia mais

LUZ E SOMBRA NA ARTE

LUZ E SOMBRA NA ARTE LUZ E SOMBRA NA ARTE A luz e a sombra são elementos fundamentais da linguagem visual. Com elas podemos criar no desenho, na pintura e escultura belíssimos efeitos como o de dilatação do espaço, o de profundidade

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DO ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO SUED PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL - PDE

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DO ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO SUED PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL - PDE GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ SECRETARIA DO ESTADO DA EDUCAÇÃO SEED SUPERINTENDÊNCIA DA EDUCAÇÃO SUED PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL - PDE ROSANIA MARIA QUEIROZ RAZÃO ÁUREA IES: UNIVERSIDADE ESTADUAL

Leia mais

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email

Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Coleção - Análises de email marketing em clientes de email Introdução Nesta sexta e penúltima edição da Coletânea de Análises de Email Marketing em Clientes de Email, apresentamos os estudos dos clientes

Leia mais

Pequenas Empresas na Web

Pequenas Empresas na Web fevereiro 2010 :: ano 7 :: nº 74 :: www.revistawebdesign.com.br E D I T O R A R$ 11,90 Pequenas Empresas na Web Você sabia que, neste nicho de mercado, 80% NÃO possuem sites? Saiba como atraí-las para

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web. Tipos de Sites. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com.br

Introdução à Tecnologia Web. Tipos de Sites. Profª MSc. Elizabete Munzlinger www.elizabete.com.br IntroduçãoàTecnologiaWeb TiposdeSites ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br ProfªMSc.ElizabeteMunzlinger www.elizabete.com.br TiposdeSites Índice 1 Sites... 2 2 Tipos de Sites... 2 a) Site

Leia mais

WEBSITE. Como utilizar um site Assistente de Criação para criar seu próprio site

WEBSITE. Como utilizar um site Assistente de Criação para criar seu próprio site WEBSITE Como utilizar um site Assistente de Criação para criar seu próprio site QUAL A PRINCIPAL UTILIDADE PARA UM SITE? Propaganda! Um website é a sua presença na mais recente das mídias. Como mídia,

Leia mais

Banner Flutuante. Dreamweaver

Banner Flutuante. Dreamweaver Banner Flutuante Dreamweaver Começamos com um arquivo em branco no Dreamweaver MX. Para que o banner apareça sobre a página, precisamos inserir uma camada a mais no arquivo HTML. Selecione o menu Inserir

Leia mais

O SOFTWARE RÉGUA E COMPASSO NUMA PERSPECTIVA CONSTRUCIONISTA: POSSIBILIDADES E DESAFIOS

O SOFTWARE RÉGUA E COMPASSO NUMA PERSPECTIVA CONSTRUCIONISTA: POSSIBILIDADES E DESAFIOS O SOFTWARE RÉGUA E COMPASSO NUMA PERSPECTIVA CONSTRUCIONISTA: POSSIBILIDADES E DESAFIOS Resumo GONÇALVES, Alex Oleandro UFPR clauealex@yahoo.com.br Eixo Temático: Educação Matemática Agência Financiadora:

Leia mais

Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG

Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG Acessibilidade na Web para Deficientes Auditivos: Um Estudo de Caso do Site do Vestibular da UFG Adoniran Dias Ribeiro Andrade, Renato de Freitas Bulcão Neto Instituto de Informática Universidade Federal

Leia mais