SIGQ Questionários. VAlmeida 2013/Jan

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SIGQ Questionários. VAlmeida 2013/Jan"

Transcrição

1 SIGQ Questionários 1

2 Face ao Regulamento da Qualidade do IPL (http://www.ipl.pt/instituto/qualidade) e aos das UO e à necessidade de dar resposta às solicitações de entidades externas, como a A3ES, todas as UO têm a necessidade de realizar vários tipos de questionários ao longo do ano. Um mesmo questionário pode ter algumas diferenças entre as várias UO mas, no essencial, há muito em comum. 2

3 Apesar de existir um conjunto comum de questionários a serem realizados por todas a UO, questionários estes propostos no Regulamento da Qualidade do IPL, cada UO poderá adaptar os modelos existentes adaptando-os às suas necessidades, desde que seja mantida a parte comum. Não existe um modelo rígido. Cada UO poderá acrescentar as questões ou os questionários que considerar pertinentes. Existe, no entanto, um conjunto de questionários e, em cada um, um conjunto de questões, as quais devem ser iguais nas várias UO de modo a possibilitar a comparação de dados. 3

4 O calendário de realização dos questionários deve procurar respeitar o calendário sugerido no regulamento da Qualidade do IPL. As UO têm autonomia para alterarem o calendário sempre que necessário. 4

5 Inquérito aos novos alunos Início do ano letivo - 1º semestre Inquérito aos alunos sobre UC do 1º semestre Outubro Novembro Dezembro Janeiro Final do 1º Semestre Início do 2º semestre Relatórios das UC: docentes que as lecionam Fevereiro Relatórios das UC: docentes responsáveis Comissão de curso: Relatório de discência Março Inquérito aos diplomados Direção de Curso: Relatório global de curso Inquérito aos empregadores Abril Conselho Pedagógico: Síntese/parecer do relatório global do curso l.pt/files/ficheiros/institu to/regulamento_da_quali dade_ipl_com_logotipo.p df Inquérito aos alunos sobre UC do 2º semestre Relatórios das UC: Docentes que as lecionam Relatórios das UC: docentes responsáveis Inquéritos aos Docentes Inquéritos aos funcionários não docentes Maio Junho Julho Agosto Setembro Conselho Técnico Científico: Síntese/parecer do relatório global do curso Final do 2º Semestre Comissão de curso: Relatório de discência Outubro Direção de Curso: Relatório global de curso Conselho Pedagógico: Síntese/parecer do relatório global do curso Novembro Conselho Técnico Científico: Síntese/parecer do relatório global do curso Diretor de Serviços: Relatório sobre o funcionamento da UO Dezembro Conselho Técnico Científico: Relatório sobre Investigação e Desenvolvimento/Criação Artística na UO Direção: Relatório sobre a interação da UO com a comunidade Direção: Relatório sobre a internacionalização 5 Janeiro GGQ-UO: Relatório da Qualidade na UO e preenchimento do quadro dos referenciais Fevereiro GGQ-IPL: Relatório da Qualidade no IPL

6 A plataforma de suporte à realização de questionários que se encontra disponível a todos os colaboradores do IPL é o LimeSurvey: https://survey.net.ipl.pt. Sobre este software foi dada formação e existem tutoriais e exemplos nas páginas da IPLNet. As UO são livres de usar outras plataformas de suporte à realização de questionários mas não há apoio disponível sobre as mesmas. 6

7 Preencher o ficheiro Excel, com a estrutura definida para cada questionário, com os dados pré-preenchidos, incluindo a lista de inquiridos. Criar os códigos únicos. Criar as mensagens de a enviar aos inquiridos. Definir as datas de inicio e fim do questionário. Ativar o questionário. 7

8 Cada questionário necessita de um conjunto de dados pré-preenchidos, mais que não seja a lista de inquiridos (assumindo que não é um questionário aberto a todos). Os questionários podem ser muito personalizados inserindo atributos nos mesmos. Todos estes campos, criados no LimeSurvey, podem ser convertidos para Excel, trabalhados e preenchidos aí e convertidos de volta para o formato do LimeSurvey. 8

9 No caso dos questionários referidos no regulamento da Qualidade do IPL, todos os inquiridos são conhecidos, os questionários são dirigidos. As respostas podem ou não ser anónimas, dependendo do tipo de questionário. Por exemplo, nos dirigidos aos estudantes as respostas devem ser anónimas (sabemos quem respondeu mas não conseguimos associar as respostas aos que responderam), mas aos docentes das UC as respostas devem ser associadas aos mesmos. 9

10 Os códigos únicos permitem que cada destinatário do questionário (inquirido) tenha acesso apenas ao seu questionário, acesso este baseado num link único fornecido através de . 10

11 Todos aqueles que se pretende que respondam a um questionário irão receber do LimeSurvey um com a mensagem que definirmos e um link para aceder ao questionário. Os inquiridos para acederem ao questionário não necessitam de se autenticar perante qualquer sistema, basta-lhes clicar no link na mensagem de que lhes é enviada pelo LimeSurvey. 11

12 O prazo durante o qual o questionário está disponível para ser respondido deve ser claramente referenciado no . Este prazo não deve ser muito curto nem muito prolongado, variando de caso para caso. Durante este prazo o LimeSurvey pode ser instruído para enviar lembretes via , caso o destinatário ainda não tenha respondido. 12

13 Anuais Novos estudantes Docentes Não-docentes Diplomados Antigos estudantes Empregadores Relatório de curso Semestrais Estudantes + Estudantes por UC Relatório de discência Relatório do(s) docente(s) que leciona(m) a UC Relatório do docente responsável pela UC Nota: Cada UO tem autonomia para acrescentar os questionários que considerar necessários ao seu funcionamento (ex: relatório 13 de responsável de grupo disciplinar, relatório de secção).

14 Objetivo: Colher informações socioeconómicas e outras sobre os novos estudantes. Periodicidade: Anual / Única. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Ocorre anualmente, apenas se aplica aos estudantes que se matriculam pela primeira vez na UO. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. 14

15 Objetivo: Verificar o grau de satisfação do estudante com os serviços prestados pela UO (cantina, biblioteca, salas de estudo, limpeza, ). Inquiridos: Estudantes da UO. Periodicidade: Anual. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Quando o estudante se matricula. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. Embora com periodicidade anual deve ser realizado em simultâneo com o questionário aos Estudantes por UC. 15

16 Objetivo: Opinião dos estudantes sobre a UC frequentada e do(s) docente(s) que a lecionou(aram). Inquirido: Estudante que frequentou a UC. Periodicidade: Semestral. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Inicio do semestre seguinte à frequência da UC. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, [UC, turma, docente]. Exemplo de inquérito: URL. 16

17 Objetivo: Opinião dos estudantes representantes de ano, turma, etc. sobre eventuais problemas com as UC e respetivo(s) docente(s) que a lecionou(aram). Inquirido: Estudante representante (varia conforme a UO). Periodicidade: Semestral. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Inicio do semestre seguinte à frequência da UC. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, dos representantes [UC, docente]. Exemplo de inquérito: URL. 17

18 Objetivo: Verificar o grau de satisfação dos docentes (Locais de trabalho, limpeza, cantina, biblioteca, serviços de impressão e fotocópias, carreira, ). Inquirido: Docente da UO. Periodicidade: Anual. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Inicio do ano letivo. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. 18

19 Objetivo: Verificar o grau de satisfação dos funcionários nãodocentes (cantina, locais de trabalho, limpeza, carreiras, ). Inquirido: Funcionário não-docente. Periodicidade: Anual. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Inicio do ano letivo. Dados necessários para criar o inquérito: UO, . Exemplo de inquérito: URL. 19

20 Objetivo: Obter a opinião dos recentemente diplomados sobre o curso que acabaram de realizar. Inquirido: Antigo estudante. Periodicidade: Anual / Única. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Fevereiro(diplomados no ano anterior). Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. 20

21 Objetivo: Verificar o grau de satisfação dos antigos estudantes e a empregabilidade do curso. Inquirido: Antigo estudante. Periodicidade: Anual / Única por ex-estudante. Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Janeiro (um ano após o fim do curso se terminou em 2012 recebe o questionário em janeiro de 2014). Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. 21

22 Objetivo: Opinião dos empregadores sobre o curso. Inquirido: Empregador. Periodicidade: Anual (outro prazo?). Tipo de questionário: Anónimo. Calendário: Fevereiro (deve ser escolhida a época mais calma para as empresas). Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, . Exemplo de inquérito: URL. 22

23 Objetivo: Conhecer a opinião do docente que lecionou a UC sobre a mesma e respetivos resultados. Inquirido: Docente que lecionou a UC. Periodicidade: Sempre que a UC funcionar (semestral). Tipo de questionário: Personalizado. Calendário: Inicio de semestre seguinte após o lançamento das notas da UC. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, UC, turma, nome, nº, . Exemplo de inquérito: URL. 23

24 Objetivo: Resumo dos relatórios dos docentes que lecionaram a UC. Inquirido: Regente da UC. Periodicidade: Sempre que a UC funcionar. Tipo de questionário: Identificado. Calendário: Após a data final para a receção dos Relatório do(s) docente(s) que leciona(m) a UC. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, UC, nome, nº, . Exemplo de inquérito: URL. 24

25 Objetivo: Resumo de tudo o que correu bem e do que correu mal durante o ano letivo diferenciando, sempre que possível por ano do curso. Inquirido: Responsável de curso. Periodicidade: Anual. Tipo de questionário: Identificado. Calendário: Após a data final para a receção dos Relatório do docente responsável pela UC do semestre de verão. Dados necessários para criar o inquérito: UO, curso, nome, nº, . Exemplo de inquérito: URL. 25

26 No regulamento da Qualidade do IPL publicado em novembro de 2011 havia questionários de docentes (satisfação) e docentes por UC. O primeiro deve ser anónimo o segundo personalizado. Face a isto não podem ser realizados em conjunto. Os questionários aos estudantes são sempre anónimos. Assim podem ser juntos o de satisfação e o das UC. O facto do primeiro ser anual apenas implicará que não será visível num dos semestres. 26

27 Poderá aceder ao LimeSurvey, usando as suas credenciais do IPL, em: https://survey.net.ipl.pt/admin Poderá aceder ao tutorial elaborado quando das formações iniciais em LimeSurvey em: utorialva pdf Poderá aceder a alguns exemplos em: Poderá aceder a outra informação sobre o LimeSurvey em: Helpdesk do IPL que responderá ou encaminhará para quem tiver mais informação. 27

LIMESURVEY. Introdução à criação de inquéritos. Maio 2012 Vítor Almeida, Nuno Cruz

LIMESURVEY. Introdução à criação de inquéritos. Maio 2012 Vítor Almeida, Nuno Cruz LIMESURVEY Introdução à criação de inquéritos Maio 2012 Vítor Almeida, Nuno Cruz Objetivo Dar a conhecer a aplicação de criação de inquéritos, o LimeSurvey (http://docs.limesurvey.org), disponibilizada

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DO PORTO

INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DO PORTO REGULAMENTO DE FUNCIONAMENTO DAS UNIDADES DO INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DO PORTO Artigo 1º (Âmbito) O presente regulamento aplica se a todos os cursos ministrados no ISEP, podendo existir casos em

Leia mais

PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) Guião de apresentação do pedido

PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) Guião de apresentação do pedido PEDIDO ESPECIAL DE RENOVAÇÃO DA ACREDITAÇÃO DE CICLO DE ESTUDOS NÃO-ALINHADO (PERA) (Ensino Universitário e Politécnico) Guião de apresentação do pedido Versão 1.0 março de 2015 0. Âmbito do guião e síntese

Leia mais

Indicadores de Desempenho para Apoiar os Processos de Avaliação e Acreditação dos Cursos

Indicadores de Desempenho para Apoiar os Processos de Avaliação e Acreditação dos Cursos Indicadores de Desempenho para Apoiar os Processos de Avaliação e Acreditação dos Cursos Alexandra Sevinate Pontes fevereiro 2012 Proposta de adaptação dos Indicadores de Desempenho ao Ensino a Distância

Leia mais

Manual de utilização do Moodle

Manual de utilização do Moodle Manual de utilização do Moodle Docentes Universidade Atlântica 1 Introdução O conceito do Moodle (Modular Object Oriented Dynamic Learning Environment) foi criado em 2001 por Martin Dougiamas, o conceito

Leia mais

MAIL DINÂMICO O QUE É? . É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO

MAIL DINÂMICO O QUE É? . É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO MAIL DINÂMICO O QUE É?. É UM MÓDULO DO SIGARRA QUE PRETENDE FACILITAR A COMUNICAÇÃO. PERMITE O ENVIO DE MENSAGENS DE CORREIO ELECTRÓNICO PARA UM OU PARA VÁRIOS DESTINATÁRIOS EM SIMULTÂNEO. FUNCIONA DE

Leia mais

O prime gestão é um software online constituído por vários módulos:

O prime gestão é um software online constituído por vários módulos: O prime gestão é um software online constituído por vários módulos: Assistências Técnicas (indicado para empresas que façam deslocações, intervenções ex: sector de jardinagem, informática, reparação de

Leia mais

Guia de Acesso à Formação Online Formando

Guia de Acesso à Formação Online Formando Guia de Acesso à Formação Online Formando Copyright 2008 CTOC / NOVABASE ÍNDICE ÍNDICE...2 1. Introdução...3 2. Metodologia Formativa...4 3. Actividades...5 4. Apoio e Acompanhamento do Curso...6 5. Avaliação...7

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES Como aceder ao Serviço de Lançamento de Notas?

PERGUNTAS FREQUENTES Como aceder ao Serviço de Lançamento de Notas? PERGUNTAS FREQUENTES Como aceder ao Serviço de Lançamento de Notas? Deverá aceder à página http://academico.ualg.pt, autenticando-se com as credenciais da UAlg e de seguida clicar em Entrar. Como posso

Leia mais

Manual de Utilização. Monitorização Intercalar (Sistema I-MERITUS)

Manual de Utilização. Monitorização Intercalar (Sistema I-MERITUS) 1. Introdução O processo de monitorização intercalar que ocorre a meio de cada semestre visa fomentar o diálogo entre alunos e docentes com vista à detecção e prevenção de situações que poderão prejudicar

Leia mais

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DAS ATIVIDADES DE PROMOÇÃO DO SUCESSO ESCOLAR

RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DAS ATIVIDADES DE PROMOÇÃO DO SUCESSO ESCOLAR RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO IMPACTO DAS ATIVIDADES DE PROMOÇÃO DO SUCESSO ESCOLAR 2012/2013 Julho de 2013 www.mosteiroecavado.net eb23@mosteiroecavado.net Página 1 de 10 INTRODUÇÃO Durante o ano letivo 2012/2013,

Leia mais

Índice. Introdução... 3 Trocas... 3 Substituições... 4 Reposição de Aulas... 5 Omissões... 5 ANEXO I... 6. Regulamento de trocas e Substituições - 2

Índice. Introdução... 3 Trocas... 3 Substituições... 4 Reposição de Aulas... 5 Omissões... 5 ANEXO I... 6. Regulamento de trocas e Substituições - 2 Em aprovação julho de 2015 Índice Introdução... 3 Trocas... 3 Substituições... 4 Reposição de Aulas... 5 Omissões... 5 ANEXO I... 6 Regulamento de trocas e Substituições - 2 Introdução O Regime de Trocas

Leia mais

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor

20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor 20 Escola Digital Manual do Utilizador Professor Manual do Utilizador Professor... 1 1. Conhecer o 20 Escola Digital... 4 2. Autenticação... 6 2.1. Criar um registo na LeYa Educação... 6 2.2. Aceder ao

Leia mais

www.portalfuturum.com.br

www.portalfuturum.com.br www.portalfuturum.com.br GEOGRAFIA Solos GUIA RÁPIDO DO AMBIENTE DE FORMAÇÃO DO PORTAL FUTURUM Prezado(a) cursista, Bem-vindo(a) ao Ambiente de Formação do Portal Futurum (AFPF)!!! A proposta deste material

Leia mais

Índice. Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4. Primeiros passos com o e-best Learning 6. Actividades e Recursos 11

Índice. Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4. Primeiros passos com o e-best Learning 6. Actividades e Recursos 11 Índice Parte 1 - Introdução 2 Enquadramento do curso 3 Estrutura Programática 4 Parte 2 Desenvolvimento 5 Primeiros passos com o e-best Learning 6 Como aceder à plataforma e-best Learning?... 6 Depois

Leia mais

ESCOLA. Contratos e Aditamentos

ESCOLA. Contratos e Aditamentos MANUAL DO UTILIZADOR ESCOLA Contratos e Aditamentos 9 de julho de 2015 Índice 1 ENQUADRAMENTO... 5 1.1 Aspetos gerais... 5 1.2 Normas importantes de acesso e utilização da aplicação... 5 2 INSTRUÇÕES DE

Leia mais

Supply4Galp (S4G) FAQs Fornecedores Versão 1.0 03.02.2014

Supply4Galp (S4G) FAQs Fornecedores Versão 1.0 03.02.2014 Lista de FAQs 1. Registo de Fornecedor e Gestão da Conta... 4 Q1. Quando tento fazer um novo registo na Plataforma S4G, recebo uma mensagem a indicar que a minha empresa já se encontra registada.... 4

Leia mais

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito

Comunicação de Dados de Autenticação e Credenciais de Acesso para Resposta ao Inquérito Mais informação Acesso ao Sistema de Transferência Electrónica de dados de Inquéritos (STEDI). Onde se acede ao sistema de entrega de Inquéritos? Deverá aceder ao sistema através do site do GEP www.gep.mtss.gov.pt

Leia mais

Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante)

Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante) Manual de Utilização MU003-1.0/2013 ISPADIGITAL/e-Campus(Perfil utilizador - Estudante) 1. Introdução I 2. Primeiros passos I 3. Unidade Curricular I 4. Recursos e atividades O e-campus do ISPA - Instituto

Leia mais

O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem...

O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem... O Funcionamento dos Cursos... 02 Geração de Login e Senha... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 06 Ambiente Virtual de Aprendizagem... 08 Edição do Perfil... 10 Ambiente Colaborar... 11 Iniciando

Leia mais

Perguntas Frequentes (FAQ) Portal do Professor

Perguntas Frequentes (FAQ) Portal do Professor Universidade Federal do Espírito Santo Perguntas Frequentes (FAQ) Portal do Professor Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI) Novembro/2014 Sumário 1 ATIVIDADES COMPLEMENTARES... 4 1.1 O que é o menu

Leia mais

ETPZP 1989-2014 [ANO LETIVO 2013/14]

ETPZP 1989-2014 [ANO LETIVO 2013/14] ETPZP Petroensino Ensino e Formação Profissional, Lda. Direção Geral Direção Pedagógica 1989-2014 Escola Tecnológica e Profissional da Zona do Pinhal [ANO LETIVO 2013/14] Sistema de Gestão da Qualidade.

Leia mais

Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio electrónico Microsoft Office 365 Tendo por objetivo a melhoria constante dos serviços disponibilizados a toda a comunidade académica ao nível das tecnologias de informação, surgiu

Leia mais

manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares

manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares manual da aplicação informática modelo de avalição da biblioteca escolar v2011.12 Rede Bibliotecas Escolares Manual da aplicação informática: modelo de avaliação da biblioteca escolar Rede de Bibliotecas

Leia mais

Regulamento dos Cursos de Língua Estrangeira da Universidade de Trásos-Montes

Regulamento dos Cursos de Língua Estrangeira da Universidade de Trásos-Montes Regulamento dos Cursos de Língua Estrangeira da Universidade de Trásos-Montes e Alto Douro Artigo 1º Objeto O presente regulamento define um conjunto de normas e orientações dos Cursos de Língua Estrangeira

Leia mais

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos

Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Manual XML-Validador-Conversor Registar recursos humanos Sistema de Informação da Organização do Estado (SIOE-RH) XML março de 2012 Introdução De acordo com o previsto na Lei n.º 57/2011, de 28 de novembro,

Leia mais

REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais

REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais REGULAMENTO CURSOS TÉCNICOS SUPERIORES PROFISSIONAIS DO INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS DA INFORMAÇÃO E DA ADMINISTRAÇÃO (ISCIA) Disposições Gerais O presente regulamento visa aplicar o regime estabelecido

Leia mais

Monotorização de Inquéritos em Meio Escolar: Inquérito nº 0369400001 1 mensagem

Monotorização de Inquéritos em Meio Escolar: Inquérito nº 0369400001 1 mensagem Monotorização de Inquéritos em Meio Escolar: Inquérito nº 0369400001 1 mensagem mime-noreply@gepe.min-edu.pt 7 de Março de 2013 às 16:52 Para jose.cruz@campus.ul.pt Exmo(a)s.

Leia mais

MANUAL DO FORMANDO FORMAÇÃO À DISTÂNCIA 2015. Introdução

MANUAL DO FORMANDO FORMAÇÃO À DISTÂNCIA 2015. Introdução Introdução MANUAL DO FORMANDO Este manual pretende fornecer aos formandos as informações necessárias para realizar todas as tarefas da formação à distância, incluindo os materiais de apoio e o acompanhamento

Leia mais

Sumário. Guia do Aluno

Sumário. Guia do Aluno Sumário Guia do Aluno 1. Roteiro de estudo...3 2. Acessando seu ambiente acadêmico...5 3. Ferramentas...6 3.1 Avisos...6 3.2 Calendário...7 3.3 Tarefas...8 3.4 Informações pessoais...9 3.5 Minhas notas

Leia mais

Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu

Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu 1 Nova plataforma de correio electrónico Microsoft Live@edu Tendo por objectivo a melhoria constante dos serviços disponibilizados a toda a comunidade académica ao nível das tecnologias de informação,

Leia mais

Guião para a autoavaliação. Ciclo de estudos em funcionamento. (Ensino Universitário e Politécnico)

Guião para a autoavaliação. Ciclo de estudos em funcionamento. (Ensino Universitário e Politécnico) Guião para a autoavaliação Ciclo de estudos em funcionamento (Ensino Universitário e Politécnico) Guião ACEF 2014/2015 PT (Revisão aprovada em 26.03.2014) Caracterização do pedido A1. Instituição de ensino

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS GERAIS PARA ADESÃO ACESSO ÀS PÁGINAS DO FIES

ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS GERAIS PARA ADESÃO ACESSO ÀS PÁGINAS DO FIES ORIENTAÇÕES SOBRE PROCEDIMENTOS GERAIS PARA ADESÃO ACESSO ÀS PÁGINAS DO FIES 1. Acessar o site do Ministério da Educação www.mec.gov.br 2. Clicar sobre o ícone do FIES 3. Clicar sobre a expressão Acesso

Leia mais

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO DO APROVEITAMENTO DOS ESTUDANTES

REGULAMENTO DE AVALIAÇÃO DO APROVEITAMENTO DOS ESTUDANTES DO APROVEITAMENTO DOS CONSELHO PEDAGÓGICO Julho de 2014 CAPÍTULO I Disposições gerais Artigo 1.º Objeto e âmbito O presente regulamento estabelece o regime de funcionamento e as normas de avaliação a aplicar

Leia mais

Utilização do Sistema de Impressão da UBI

Utilização do Sistema de Impressão da UBI Utilização do Sistema de Impressão da UBI UTILIZADORES COM SISTEMA OPERATIVO MAC OS E CONTA @UBI.PT Para utilizar o novo sistema de impressão disponibilizado pela UBI é necessário ter saldo positivo na

Leia mais

Para que Serve o LimeSurvey?

Para que Serve o LimeSurvey? Para que Serve o LimeSurvey?... 1 Acesso ao LimeSurvey... 2 Alterar senha... 3 Como usar o LimeSurvey... 5 Criar inquérito (questionário)... 6 Definições globais... 8 Formato... 8 Modelo... 10 Mostrar

Leia mais

GUIA DO FORMANDO. Ética e Deontologia Profissional do Psicólogo

GUIA DO FORMANDO. Ética e Deontologia Profissional do Psicólogo GUIA DO FORMANDO Índice Enquadramento... pág. 3 Descrição do Curso... Destinatários... Objetivos de aprendizagem... Estrutura e Duração do Curso... Autor... Metodologia Pedagógica... Avaliação e Certificação...

Leia mais

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet.

O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar de qualquer local através da Internet. Olá! Você está recebendo as informações iniciais para utilizar o GEM (Software para Gestão Educacional) para gerenciar suas unidades escolares. O GEM é um software 100% Web, ou seja, você poderá acessar

Leia mais

A Divisão Académica (DA) Na Escola Secundária tinham a Secretaria; Na Faculdade têm a Divisão Académica

A Divisão Académica (DA) Na Escola Secundária tinham a Secretaria; Na Faculdade têm a Divisão Académica A Divisão Académica (DA) Na Escola Secundária tinham a Secretaria; Na Faculdade têm a Divisão Académica E o que tem a Divisão Académica a ver com os estudantes?? Divisão Académica 2 A Divisão Académica

Leia mais

Sumário GUIA DO ALUNO. Primeiro Acesso... 3. Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4. Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6

Sumário GUIA DO ALUNO. Primeiro Acesso... 3. Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4. Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6 Sumário Primeiro Acesso... 3 Roteiro de Estudos Modalidade SEPI... 4 Roteiro de Estudos Modalidade SEI... 6 Acesso ao Ambiente Acadêmico Blackboard... 8 1 - Ferramentas... 9 1.1 - Calendário... 11 1.2

Leia mais

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 A plataforma Microsoft Office 365 disponibiliza a toda a comunidade académica um conjunto de recursos que permite suportar o trabalho colaborativo

Leia mais

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365

Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 1 Plataforma de correio eletrónico Microsoft Office 365 A plataforma Microsoft Office 365 disponibiliza a toda a comunidade académica um conjunto de recursos que permite suportar o trabalho colaborativo

Leia mais

REGULAMENTO DA QUALIDADE ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO

REGULAMENTO DA QUALIDADE ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO REGULAMENTO DA QUALIDADE ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO 24-07-2012 1 ÍNDICE 1.POLÍTICADEGARANTIADAQUALIDADE...1 2.SISTEMADEGARANTIADAQUALIDADE...2 2.1. ESTRUTURA DA GESTÃO DA QUALIDADE...3 2.2. AUTOAVALIAÇÃO...5

Leia mais

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET

WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET MANUAL DO UTILIZADOR WEBSITE DEFIR PRO WWW.DEFIR.NET 1. 2. PÁGINA INICIAL... 3 CARACTERÍSTICAS... 3 2.1. 2.2. APRESENTAÇÃO E ESPECIFICAÇÕES... 3 TUTORIAIS... 4 3. DOWNLOADS... 5 3.1. 3.2. ENCOMENDAS (NOVOS

Leia mais

CSSnet - candidaturas on-line

CSSnet - candidaturas on-line CSSnet - candidaturas on-line Passamos a apresentar, os passos que deverá seguir para realizar a sua candidatura on-line, chamando a atenção para alguns aspetos a ter em conta. Leia, atentamente, todas

Leia mais

MANUAL DO CURSO Normas Internacionais de Auditoria

MANUAL DO CURSO Normas Internacionais de Auditoria MANUAL DO CURSO ÍNDICE ENQUADRAMENTO DESCRIÇÃO DESTINATÁRIOS OBJETIVOS ESTRUTURA E DURAÇÃO AUTORES FUNCIONAMENTO E METODOLOGIA DO CURSO AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO PORTAL E CONTEÚDOS MULTIMÉDIA PORTAL ORDEM

Leia mais

Manual de gestão da aplicação de help-desk para o modelo de avaliação de desempenho dos professores

Manual de gestão da aplicação de help-desk para o modelo de avaliação de desempenho dos professores Addition - Serviços e Projectos Informáticos, Lda. Pessoa Colectiva n.º 504251236 Matriculada sob o n.º 7567 na Conservatória do Registo Comercial de Lisboa Capital Social 5000 euro Sede R. Eduardo Coelho,

Leia mais

CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL

CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL CURSO DE MESTRADO na especialidade de ENSINO DO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO E DE MATEMÁTICA E CIÊNCIAS NATURAIS NO 2.º CICLO DO ENSINO BÁSICO EDITAL Apresentação O Mestrado em Ensino do 1.º Ciclo do Ensino

Leia mais

A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR

A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR A ACESSO AO ENSINO SUPERIOR 1. Concurso Nacional de Acesso 1.1. Quem pode candidatar-se ao ensino superior? Podem candidatar-se ao ensino superior, os estudantes que satisfaçam cumulativamente, as seguintes

Leia mais

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual

Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Dicas básicas para disciplinas/atividades na modalidade de educação a distância Mediação Digital Virtual Escritório de Gestão de Projetos em EAD Unisinos http://www.unisinos.br/ead 2 A partir de agora,

Leia mais

Sistema de Informação Integrado da Universidade de Évora

Sistema de Informação Integrado da Universidade de Évora Sistema de Informação Integrado da Universidade de Évora Perfil Candidato MANUAL DE UTILIZAÇÃO Módulo: Candidaturas online (2.º/3.º Ciclo, e outros cursos não conferentes de Grau) O Módulo de Candidaturas

Leia mais

BEM VINDO AO IPCA! Instituto Politécnico do Cávado e do Ave Serviços Académicos Setembro 2012

BEM VINDO AO IPCA! Instituto Politécnico do Cávado e do Ave Serviços Académicos Setembro 2012 BEM VINDO AO IPCA! Índice 1. PROCESSO DE MATRÍCULA... 3 1.1. Local de realização da matrícula... 3 1.2. Documentos obrigatórios... 3 1.3. Taxas e Propina... 3 2. REALIZAÇÃO DA MATRÍCULA... 4 2.1. Autenticação

Leia mais

Prémio Excelência no Trabalho 2015

Prémio Excelência no Trabalho 2015 FAQ Frequently Asked Questions Índice Prémio Excelência no Trabalho 2015 INSCRIÇÃO... 2 COMUNICAÇÃO INTERNA... 4 QUESTIONÁRIO DIRIGIDO AOS COLABORADORES... 5 INQUÉRITO À GESTÃO DE TOPO... 7 TRATAMENTO

Leia mais

Critérios e metodologia de admissão e de classificação e ordenação dos candidatos

Critérios e metodologia de admissão e de classificação e ordenação dos candidatos CONCURSO DOCUMENTAL PARA UM LUGAR DE PROFESSOR COORDENADOR PARA O SETOR DE ÁREAS DISCIPLINARES DE PSICOLOGIA E CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO ÁREA DISCIPLINAR PSICOLOGIA SOCIAL, COMPORTAMENTO E COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL.

Leia mais

A Plataforma de e-learning da Faculdade de Farmácia UL

A Plataforma de e-learning da Faculdade de Farmácia UL 2012 A Plataforma de e-learning da Faculdade de Farmácia UL Índice 1. INTRODUÇÃO... 3 2. O ACESSO... 3 3. A UTILIZAÇÃO... 5 3.1 O MENU... 5 3.2 AS DISCIPLINAS... 6 4. ATIVAR/UTILIZAR A CONTA DE EMAIL CAMPUS@UL...

Leia mais

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL

Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DEPARTAMENTO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DIREÇÃO DE SERVIÇOS DE QUALIFICAÇÃO Centro Nacional de Qualificação de Formadores Manual de Utilizador Utentes 2015-01.V01 Índice Índice... 2 1. Introdução... 4 1.1.

Leia mais

Portal AEPQ Manual do utilizador

Portal AEPQ Manual do utilizador Pedro Gonçalves Luís Vieira Portal AEPQ Manual do utilizador Setembro 2008 Engenharia Informática - Portal AEPQ Manual do utilizador - ii - Conteúdo 1 Introdução... 1 1.1 Estrutura do manual... 3 1.2 Requisitos...

Leia mais

ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013

ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013 ASSOCIACAO EDUCACIONAL DE ENSINO SUPERIOR UNIAO DAS FACULDADES DOS GRANDES LAGOS RELATÓRIO GERAL DE REPOSTA DE PROFESSORES. 2º SEMESTRE DE 2013 1.1 Organização Institucional Q1 Cumprimento da missão da

Leia mais

RESULTADO DO INQUÉRITO REALIZADO NO LABORATÓRIO DE CÁLCULO DOCENTES. Entre 20 de Outubro e 6 de Novembro de 2009

RESULTADO DO INQUÉRITO REALIZADO NO LABORATÓRIO DE CÁLCULO DOCENTES. Entre 20 de Outubro e 6 de Novembro de 2009 RESULTADO DO INQUÉRITO REALIZADO NO LABORATÓRIO DE CÁLCULO DOCENTES Entre 20 de Outubro e 6 de Novembro de 2009 Ao inquérito responderam 44 docentes. O tamanho da amostra é suficiente para tirar boas conclusões

Leia mais

REGULAMENTO DA QUALIDADE INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA

REGULAMENTO DA QUALIDADE INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA REGULAMENTO DA QUALIDADE INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA DE LISBOA 2013 REGULAMENTO DA QUALIDADE Título Regulamento da Qualidade do ISEL Edição Conselho Coordenador da Qualidade ISEL Instituto Superior

Leia mais

Análise Matemática II

Análise Matemática II Página Web 1 de 7 Análise Matemática II Nome de utilizador: Arménio Correia. (Sair) LVM AM2_Inf Questionários INQUÉRITO ANÓNIMO» AVALIAÇÃO de AM2 e dos DOCENTES Relatório Ver todas as Respostas View Todas

Leia mais

FAQ s para os Administradores do Sistema, sobre a Carreira especial médica

FAQ s para os Administradores do Sistema, sobre a Carreira especial médica FAQ s para os Administradores do Sistema, sobre a Carreira especial médica Este documento disponibiliza FAQ s sobre a avaliação de elementos da Carreira Médica no GeADAP. Clique sobre o tema que lhe interessa

Leia mais

PRÉ-MATRÍCULA (ENTURMAÇÃO) PRIMEIROS PASSOS

PRÉ-MATRÍCULA (ENTURMAÇÃO) PRIMEIROS PASSOS PRÉ-MATRÍCULA (ENTURMAÇÃO) PRIMEIROS PASSOS Janeiro/2015 A ferramenta de Pré-Matrícula foi reformulada e agora oferece a você maior flexibilidade e facilidade na construção de seu horário. Assim, para

Leia mais

ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1

ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1 ORIENTAÇÃO AOS ALUNOS DE TURMAS ANTERIORES 2008.1 1.- Objetivos do Curso de Mestrado: a. Formação de professores para o magistério superior; b. Formação de pesquisadores; c. Capacitação para o exercício

Leia mais

Contratação de Escola. Manual de Utilizador - Candidato

Contratação de Escola. Manual de Utilizador - Candidato - Janeiro de 2012 Índice Conteúdo 1 ENQUADRAMENTO... 5 1.1 Aspetos gerais... 5 1.2 Principais Orientações... 5 1.3 Normas Importantes de Acesso e Utilização da Aplicação... 5 1.4 Definições, Abreviaturas,

Leia mais

FUNCIONAMENTO DOS CURSOS

FUNCIONAMENTO DOS CURSOS 1 SUMÁRIO Funcionamento dos Cursos... 03 Guia de Percurso... 05 Manual Acadêmico... 07 Ambiente Virtual de Aprendizagem... 09 Edição do Perfil... 12 Acessando as Atividades... 14 Iniciando o Semestre...

Leia mais

AVALIAÇÃO DE PLANOS E PROGRAMAS MARGARIDA MANO

AVALIAÇÃO DE PLANOS E PROGRAMAS MARGARIDA MANO AVALIAÇÃO DE PLANOS E PROGRAMAS ÍNDICE - O que é a avaliação? - Perspetivas da avaliação - Avaliação e Garantia de Qualidade O QUE É A AVALIAÇÃO? Avaliação em educação significa descrever algo em termos

Leia mais

POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Site http://www.areastore.com/

POLÍTICA DE PRIVACIDADE. Site http://www.areastore.com/ a POLÍTICA DE PRIVACIDADE Site http://www.areastore.com/ A AREA Infinitas - Design de Interiores, S.A. ( AREA ) garante aos visitantes deste site ( Utilizador ou Utilizadores ) o respeito pela sua privacidade.

Leia mais

Manual PORTAL NOVA IMS Online

Manual PORTAL NOVA IMS Online Manual PORTAL NOVA IMS Online Índice 1 - Login... 3 2 Consultar Curricula... 4 3 Gestão Unidades Curriculares... 6 4 Secretaria Virtual... 7 5 Serviços de Informática... 7 6 Serviços de Documentação...

Leia mais

DHL EXPRESS PORTUGAL Faturação Eletrónica

DHL EXPRESS PORTUGAL Faturação Eletrónica DHL EXPRESS PORTUGAL Faturação Eletrónica Faturação Eletrónica DHL O que é a Faturação Eletrónica? O serviço de faturação eletrónica da DHL é um método alternativo ao correio e ao fax de receber as suas

Leia mais

Passo a passo Rematrícula 2016

Passo a passo Rematrícula 2016 Antes do Aceite no Portal Passo a passo Rematrícula 2016 Habilite a visualização de janelas pop-ups no seu navegador. Acessando o Portal Meu Medianeira A confirmação da efetivação da Rematrícula dos alunos

Leia mais

Regulamento Comum para os Cursos de 1º Ciclo da Escola Superior Agrária de Coimbra

Regulamento Comum para os Cursos de 1º Ciclo da Escola Superior Agrária de Coimbra E SCOLA S UPERIOR A GRÁRIA INSTITUTO POLITÉCNICO DE COIMBRA Regulamento Comum para os Cursos de 1º Ciclo da Escola Superior Agrária de Coimbra (Documento alterado pelo Conselho Científico na Comissão Permanente

Leia mais

formativa e das atividades de ensino e de aprendizagem nela desenvolvidas;

formativa e das atividades de ensino e de aprendizagem nela desenvolvidas; Índice 1- ENQUADRAMENTO... 2 2- METODOLOGIA... 3 3- INSTRUMENTOS... 4 3.1. Ficha da unidade curricular... 4 3.2. Inquéritos de apreciação ensino/aprendizagem... 4 3.3. Formulários... 4 3.4. Dossiers...

Leia mais

Utilização do Sistema de Impressão da UBI

Utilização do Sistema de Impressão da UBI Utilização do Sistema de Impressão da UBI UTILIZADORES COM SISTEMA OPERATIVO WINDOWS E CONTA @UBI.PT Para utilizar o novo sistema de impressão disponibilizado pela UBI é necessário ter saldo positivo na

Leia mais

QUESTIONÁRIO ANUAL DE SERVIÇOS POSTAIS (2015)

QUESTIONÁRIO ANUAL DE SERVIÇOS POSTAIS (2015) QUESTIONÁRIO ANUAL DE SERVIÇOS POSTAIS (2015) Instruções de preenchimento: - Todas as questões dos pontos 1 e 2 são de preenchimento obrigatório. Nos casos em que o preenchimento não é aplicável à empresa,

Leia mais

INQUÉRITO REALIZADO A ALUNOS LABORATÓRIO DE CÁLCULO. Trabalho realizado por Lucília Rodrigues Macedo

INQUÉRITO REALIZADO A ALUNOS LABORATÓRIO DE CÁLCULO. Trabalho realizado por Lucília Rodrigues Macedo INQUÉRITO REALIZADO A ALUNOS LABORATÓRIO DE CÁLCULO 2010 Trabalho realizado por Lucília Rodrigues Macedo ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. METODOLOGIA... 3 3. APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS... 4 1. RESULTADOS

Leia mais

REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DO CURSO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1. Das Disposições Preliminares Art. 1 o. Este Regulamento tem por finalidade normatizar as atividades

Leia mais

Manual do Aluno Tutorial EAD S.O.S. Professor MANUAL DE ACESSO. Leia este Tutorial antes de entrar na sala de aula virtual

Manual do Aluno Tutorial EAD S.O.S. Professor MANUAL DE ACESSO. Leia este Tutorial antes de entrar na sala de aula virtual 1 MANUAL DE ACESSO Leia este Tutorial antes de entrar na sala de aula virtual 2 ÍNDICE Índice Geral...... 02 Seja bem-vindo!... 03 Instruções para o primeiro acesso...... 04 Acessando o ambiente de ensino...

Leia mais

Inquéritos de Empregabilidade aplicados aos Diplomados

Inquéritos de Empregabilidade aplicados aos Diplomados Escola Superior de Educação de Almada Inquéritos de Empregabilidade aplicados aos Diplomados Ciclos de Estudo de Mestrado Apresentação de Resultados Departamento para a Garantia da Qualidade Fevereiro,

Leia mais

Estudos de Imagem e Notoriedade

Estudos de Imagem e Notoriedade Estudos de Imagem e Notoriedade 1- Enquadramento O Serviço: Relatórios Avaliação da Imagem e Notoriedade das organizações, bem como da força de marca e posicionamento face à concorrência. Para que Serve:

Leia mais

SISTEMA DE INFORMAÇÕES ACADÊMICAS SIA

SISTEMA DE INFORMAÇÕES ACADÊMICAS SIA SISTEMA DE INFORMAÇÕES ACADÊMICAS SIA Abaixo constam trechos retirados do Manual do Usuário do SIA Sistema de Informações Acadêmicas. A autoria das informações é da equipe do SIA. SISTEMA DE INFORMAÇÕES

Leia mais

MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016

MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016 MANUAL DE CANDIDATURAS 2015/2016 Pág. 1/12 Rua Conselheiro Emídio Navarro 1 Importante: O processo de candidatura decorre online. Este manual aplica-se a todos os cursos/regimes de candidatura, com as

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA INTEGRAÇÃO LATINO-AMERICANA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2015 - DENDC Dispõe sobre procedimentos a serem adotados para a operacionalização do plano de ensino no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas - SIGAA. 1. DA DEFINIÇÃO

Leia mais

Thomas Hub Guia do Utilizador

Thomas Hub Guia do Utilizador Thomas Hub Guia do Utilizador O seu novo e melhorado sistema de apoio à decisão sobre pessoas Descubra a forma simples e rápida de diagnosticar e desenvolver o Capital Humano Acompanhe-nos 1 Guia do Utilizador

Leia mais

MANUAL DO ALUNO Ambiente Virtual de Aprendizagem MOODLE

MANUAL DO ALUNO Ambiente Virtual de Aprendizagem MOODLE MANUAL DO ALUNO Ambiente Virtual de Aprendizagem MOODLE Caro Aluno, Este Manual tem por finalidade orientá-lo na utilização do Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA). 1. O que é ambiente virtual de aprendizagem

Leia mais

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas.

Publicação web. Será ativado um assistente de publicação que lhe guiará em todas as etapas a seguir apresentadas. Publicação web Pré requisitos: Lista de questões Formulário multimídia Este tutorial tem como objetivo, demonstrar de maneira ilustrativa, todos os passos e opções que devem ser seguidos para publicar

Leia mais

CANDIDATURAS ON LINE CSS NET FMV-ULISBOA. 1.1 Candidaturas on-line

CANDIDATURAS ON LINE CSS NET FMV-ULISBOA. 1.1 Candidaturas on-line 1.1 Candidaturas on-line css net Para efectuar o processo de candidatura o candidato deverá aceder à pagina de internet da Faculdade http://www.fmv.ulisboa.pt e aceder através de candidatos/condições de

Leia mais

Programa Inovar Alunos e Inovar Profissional - Sumários, Faltas e Comportamento

Programa Inovar Alunos e Inovar Profissional - Sumários, Faltas e Comportamento Programa Inovar Alunos e Inovar Profissional - Sumários, Faltas e Comportamento 1A. Programa Inovar Alunos - Fazer sumários e marcar faltas 1. O sumário e a marcação de faltas, no Inovar Alunos, deve ser

Leia mais

Apresentação. Nossa sugestão é que você experimente e não tenha medo de clicar!!!

Apresentação. Nossa sugestão é que você experimente e não tenha medo de clicar!!! Apresentação Este manual é uma orientação para os participantes de cursos no ambiente Moodle do INSTITUTO PRISMA. Tem como objetivo orientar sobre as ações básicas de acesso e utilização do ambiente virtual

Leia mais

Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Guia de Estudos Metodologias Jovem de Futuro

Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Guia de Estudos Metodologias Jovem de Futuro Guia de Estudos Metodologias Jovem de Futuro Precisamos reinventar a forma de ensinar e aprender, presencial e virtualmente, diante de tantas mudanças na sociedade e no mundo do trabalho. Os modelos tradicionais

Leia mais

Tutorial de uso da Planilha via Web

Tutorial de uso da Planilha via Web Tutorial de uso da Planilha via Web Este tutorial é destinado a docentes que irão fazer o registro de aulas e lançar faltas pela Web. Para utilizar o serviço, basta acessar a página do Inatel, entrar no

Leia mais

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013

Plataforma de Inventários. Setembro de 2013 Plataforma de Inventários Setembro de 2013 Ligações externas Home Page * do site www.inventarios.pt Página inicial Acedendo a www.inventarios.pt no browser, a página inicial será parecida a esta. Página

Leia mais

REGULAMENTO Formação pós-graduada em modalidade de e-learning

REGULAMENTO Formação pós-graduada em modalidade de e-learning REGULAMENTO Formação pós-graduada em modalidade de e-learning Elaborado por: Aprovado por: Versão Reitor 3.1 (José João Amoreira) (Professor Doutor Rui Oliveira) Revisto e Confirmado por: Data de Aprovação

Leia mais

Escola E.B. 2,3 de Lousada. Opinião dos Directores de Turma sobre os documentos propostos para a avaliação dos alunos

Escola E.B. 2,3 de Lousada. Opinião dos Directores de Turma sobre os documentos propostos para a avaliação dos alunos Escola E.B. 2,3 de Lousada Opinião dos Directores de Turma sobre os documentos propostos para a avaliação dos alunos Maria do Céu Belarmino ceubelarmino@sapo.pt Rui Mesquita rui.jv.mesquita@sapo.pt Dezembro

Leia mais

Escola Superior de Educação João de Deus. Regulamento de Estudos dos Cursos de Especialização Tecnológica (CET)

Escola Superior de Educação João de Deus. Regulamento de Estudos dos Cursos de Especialização Tecnológica (CET) Regulamento de Estudos dos Cursos de Especialização Tecnológica (CET) Preâmbulo A criação de oportunidades de formação para públicos diversos, com necessidades específicas, tem sido, desde sempre, uma

Leia mais

Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem

Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem Sistema de Gestão de Recursos de Aprendizagem Ambiente Virtual de Aprendizagem (Moodle) - - Atualizado em 29/07/20 ÍNDICE DE FIGURAS Figura Página de acesso ao SIGRA... 7 Figura 2 Portal de Cursos... 8

Leia mais

Manual do Portal Acadêmico - Aluno 1 Faculdade de Arujá

Manual do Portal Acadêmico - Aluno 1 Faculdade de Arujá Arujá 2013 Índice Página 1. Introdução--------------------------------------- 2 2. Portal Acadêmico - Acesso----------------- 3 3. Alterar Senha---------------------------------- 5 4. Acesso ao Portal

Leia mais

Em FORMATO E-LEARNING PQ 11.04.A Página 1 de 6

Em FORMATO E-LEARNING PQ 11.04.A Página 1 de 6 Página 1 de 6 1. FUNCIONAMENTO Os cursos na modalidade de e-learning do são frequentados totalmente online, à exceção do Curso de Trabalhador Designado para a Segurança e Saúde no Trabalho em que a 1ª

Leia mais

TV AEGE Info. Plano de Intervenção do Projeto

TV AEGE Info. Plano de Intervenção do Projeto AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA GAFANHA DA ENCARNAÇÃO TV AEGE Info Plano de Intervenção do Projeto 2014-2015 Agrupamento de Escolas da Gafanha da Encarnação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA GAFANHA DA ENCARNAÇÃO RUA

Leia mais

Plataforma de Benefícios Públicos Acesso externo

Plataforma de Benefícios Públicos Acesso externo Índice 1. Acesso à Plataforma... 2 2. Consulta dos Programas de Beneficios Públicos em Curso... 3 3. Entrar na Plataforma... 4 4. Consultar/Entregar Documentos... 5 5. Consultar... 7 6. Entregar Comprovativos

Leia mais