Evento Melhoria de Desempenho na

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Evento Melhoria de Desempenho na"

Transcrição

1 Evento Melhoria de Desempenho na Administração de Projetos de Infraestrutura Casos de Sucesso: PROMINP e Centro Administrativo do Governo de Minas Gerais Accenture. Todos os direitos reservados. Accenture, seu logo e Accenture High performance. Delivered. são marcas registradas da Accenture.

2 As principais economias mundiais têm previsto grandes volumes de investimentos em Infraestrutura nos próximos anos Investimentos em Infraestrutura no Mundo ESTADOS UNIDOS O governo dos EUA planeja aumentar os investimentos em Infraestrutura (viadutos, pontes, serviços públicos, dentre outros) como uma das medidas do pacote para estímulo à economia. Do montante aprovado de U$ 830 bilhões, cerca de U$ 207 bi serão investidos em Infraestrutura pública, transportes e energia. EUROPA Alemanha Discute pacote de estímulo de 50 bi para os anos de 2009 e 2010, em redução de impostos e investimento em Infraestrutura. França Investimentos de U$ bi até 2015 para modernização da rede ferroviária. CHINA A China vêm investindo fortemente em rodovias, ferrovias, aviação civil, energia, utilities, telecomunicações e outros setores de Infraestrutura. Muitos destes setores estão se abrindo para investimento estrangeiro. Com a crise, anunciou pacote estímulo de U$ 585 bi, dos quais cerca de 45% destinados a Infraestrutura. PAÍSES EMERGENTES Índia Até 2012, a Índia espera que os investimentos em Infraestrutura alcancem 9% do PIB (contra 5% atualmente). Rússia novo modelo de concessão com arcabouço legal para construção e operação de Infraestrutura pública por investidores privados Brasil PAC consolida mais de R$ 1 trilhão de investimentos em Infraestrutura. Fonte: Análise Accenture, Governo Federal Brasileiro, Reuters, Portal Exame, Market News 2 International, French News Digest

3 A exemplo do Mundo, o Brasil planeja investir mais de R$ 1 trilhão em desenvolvimento de projetos de Infraestrutura, só considerando as iniciativas associadas ao PAC Estimativa de Investimentos em Infraestrutura no Brasil Grupo Subgrupos e Investimentos (R$ bi) ¹ Energia PAC Original R$ 275 bi Adicional Previsto R$ 484 bi Geração de Energia Transmissão de Energia Petróleo e Gás Natural Combustíveis Renováveis Rodovias 33 Projetos de Investimento em Infraestrutura Logística PAC Original Adicional Previsto R$ 58 bi R$ 74 bi Ferrovias Portos Hidrovias Aeroportos 3 PAC Original: R$ 504 bi Adicional Previsto: R$ 644 bi TOTAL: R$ bi Social & Urbano PAC Original Adicional Previsto Luz para Todos Metrôs Recursos Hídricos R$ 171 bi R$ 86 bi Habitação 106 ¹ Com base em informações do Plano Original do PAC divulgadas pelo Governo Federal. 3 Saneamento Básico 40

4 A Accenture atua na prestação de serviços em todas as etapas do ciclo de vida de um projeto de Infraestrutura Serviços Prestados pela Accenture em Projetos de Infraestrutura Áreas de Atuação Serviços Prestados pela Accenture NÃO EXAUSTIVO Implantação de Projetos de Infraestrutura Estratégia para Capital Projects PMO de Implantação de Capital Projects Procurement para Capital Projects Outsourcing (PMO, Procurement, F&A, HR) Sistemas de Gestão de Projeto (ex. Primavera, ferramentas de colaboração, engenharia) Atuação da Accenture em Infraestrutura Otimização e Gestão das Operações de Infraestrutura Otimização de Produção Otimização de Supply Chain Gestão de Ativos e Manutenção Confiabilidade e Performance de Planta Soluções de Automação Industrial Atividades de Suporte para Operação de Infraestrutura Sustentabilidade em Projetos de Infraestrutura Gestão de SMS (Segurança, Meio Ambiente e Saúde) Aplicações de TI (ERP, sistemas específicos) Data Management Services Gestão de Pessoas 4

5 A Accenture possui diferenciais competitivos que nos posicionam como parceiro ideal na implantação e operação de Infraestrutura Diferenciais da Accenture em Projetos de Infraestrutura Portifolio de Serviços Completo (end-to-end) Profundo Conhecimento de Indústria Ampla Experiência em Projetos de Infraestrutura Portifolio de serviços completo atuando em todas as etapas de um projeto de Infraestrutura (desde a concepção da estratégia, passando pela implantação, até a gestão e operação dos ativos) Posicionamento único com serviços de Consultoria, Tecnologia e Outsourcing Atuação marcante em Petróleo e Gás, Mineração e Siderurgia, Utilities, Construção, Transportes Públicos, Logística, Telefonia, Comunicações e demais setores da indústria Rede de profissionais altamente especializados nos diferentes setores da industria Relacionamento e experiência prévia com principais empresas em cada setor Experiência acumulada em função da atuação em projetos de Infraestrutura para grandes clientes, nas diferentes indústrias, no Brasil e no Mundo Coordenação de programas de Infraestrutura de abrangência nacional (ex. PROMINP Programa de Mobilização da Indústria de Petróleo e Gás) Knowledge Capital e Thought ht Leadership Desenvolvimento de capital intelectual baseado em práticas líderes em projetos de Infraestrutura no Brasil e no Mundo Desenvolvimento de projetos inovadores em Infraestrutura, reconhecidos e premiados internacionalmente 5

6 Casos de Infraestrutura Accenture Brasil Governo de Minas Gerais - Centro Administrativo Petrobras Promimp VALE - Inove 6

7 Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves Dados do empreendimento Localização: Serra Verde, a 18 km centro de Belo Horizonte Terreno: 804 mil m 2 Área construída: 310 mil m 2 Circulação: 16 mil funcionários e dez mil visitantes por dia Projeto arquitetônico: Oscar Niemeyer Projeto estrutural: José Carlos Sussekind Responsabilidade pela obra: CODEMIG Responsabilidade pela contratação de bens e serviços, estruturação da Cidade Administrativa e processo de mudança: SEPLAG Atuação em conjunto com a SEPLAG: Accenture 7

8 Contratação de bens e serviços: utilização de metodologia de compras estratégicas Jan/09 Etapa 1 Jul/09 Etapa 2 Dez/ Planeja amento Desenvolvimento das Estratégias de Contratação Valida ação Licitações Implantações EGP Escritório de Gerenciamento de Projetos Total de contratações realizadas: 60 Mobiliário, mudança física, reprografia e impressão Fretamento de ônibus, rede e telefonia Gestão de resíduos, recepção e portaria, manutenção geral, limpeza, CFTV, etc Benefícios obtidos em pregões: R$340MM (53% de economia sobre os preços de referência) Concessões onerosas de área: 4, sendo 3 para alimentação e uma de operação de estacionamento Acompanhamento da implantação de todos os serviços e recebimento de bens Accenture. Todos os direitos reservados.

9 Infraestrutura para a Cidade Administrativa: coordenação de equipes multidisciplinares, com atuação em diversos segmentos VN Vil. SG Desenho de layout para 43 órgãos e entidades, além do Palácio Bar. Desenho do sistema viário de suporte à Cidade Administrativa 9 Projetos para a cozinha do restaurante, refeitórios e copas

10 Processo de mudança: planejamento e execução de atividades para a transferência de cerca de servidores Elaboração e execução de plano de comunicação, abrangendo servidores públicos e veículos de mídia Realização de apresentações em órgãos e entidades, para divulgação de informações sobre a nova sede de governo Preparaçãoo e distribuição de kits de mudança para os servidores Definição do cronograma de mudança de órgãos e entidades do governo Coordenação do processo de mudança física Realização de treinamentos com fornecedores, para orientações sobre a Cidade Administrativa Suporte ao início das atividades no complexo 10

11 Casos de Infraestrutura Accenture Brasil Governo de Minas Gerais - Centro Administrativo Petrobras Promimp VALE - Inove 11

12 Após longo período de baixos investimentos no mercado doméstico de P&G, que resultou em redução da competitividade de seus fornecedores, a Petrobras tem continuamente aumentado seus investimentos no Brasil Histórico de Investimentos domésticos da Petrobras (*) (US$ Milhões) Anos 70: Construção de diversas refinarias. Forte indústria naval. Indústria nacional de P&G com muita demanda. d Reserva de mercado. Anos 80: Crise mundial da indústria de? petróleo, redução importante de investimentos no setor de P&G Anos 90: Abertura da economia brasileira. Indústria brasileira não competitiva mundialmente 60 s 70 s 80 s 90 s 00 s (until 08) US$ 10.3 Bi US$ 40.0 Bi US$ 47.8 Bi US$ 39.8 Bi US$ 98.0 Bi US$ Bi (**) Início do século 21: retomada de investimentos no setor de P&G Perspectivas promissoras: Investimentos previstos de US$ 158,2 bilhões da Petrobras somente no Brasil entre Upstream Downstream Gas & Energia Distribuiça Outros (*) Fonte: Petrobras (**) De acordo com o Plano de Negócios da Petrobras

13 Nesse cenário, em 2003 o Prominp foi criado, reunindo Governo, Operadoras e Fornecedores com objetivo comum: Maximizar o conteúdo local nos investimentos do setor de P&G Prominp: Concepção e Estrutura Objetivo e Rotas de Atuação Modelo de Governança Cadeia de Suprimento de Bens & Serviços Micro & Peq. Médias e Gd Grdes Operadoras Empresas Empresas Comitê Executivo Objetivo Aumentar a Competitividade da Cadeia de Suprimento de B&S Maximizar o conteúdo local nos projetos do setor Coordenação Executiva 1 Coordenador Executivo Rota as Previsibilidade de Demanda Qualificação Profissional Desenvolvimento Tecnológico Adequação de Infra-Estrutura Linhas de Financiamento Isonomia Tributária Formas de Aquisição Etc. 22 Accenture FTE s

14 Principais iniciativas desenvolvidas pelo Prominp desde 2003 (1/2) Resultado Papel da Accenture Estruturação do Plano Nacional de Qualificação Profissional (PNQP): Modelagem e execução, de diagnóstico das demandas por treinamento por região itação Capac Qualificação Profissional Capacitação Industria profissionais entre Categorias Profissionais 17 Estados / 56 Cidades Investimento de R$ 780 MM Cerca de 78 mil* profissionais qualificados / em sala de aula Portal de Oportunidades para aumentar visibilidade da demanda e interação dos atores da Cadeia de Petróleo & Gás 6 Missões Internacionais para atrair empresas estrangeiras a produzir no Brasil EVTE para construção de Dique Seco no Brasil Planejamento, gestão e controle físico-financeira do plano Desenho do Portal de Qualificação para realizar a gestão e planejamento dos cursos Suporte na elaboração dos contratos e na articulação para aprovação dos recursos financeiros Desenho do Portal de Oportunidades e suporte operacional Suporte na estruturação e execução das missões internacionais Execução do EVTE Suporte ao processo de comunicação das ações de Capacitação Industrial Capacitação Tecnológica Plano de Desenvolvimento-Tecnológico Industrial - Disponibilização compartilhada de tecnologia de processo, produto e gestão para a indústria nacional Desenho e estruturação do Plano Identificação e consolidação dos gargalos tecnológicos da indústria i nacional Suporte às propostas de adequação tecnológica do parque fabril nacional * Fonte: Coordenação Executiva do Prominp. Dados de Fev/10

15 Principais iniciativas desenvolvidas pelo Prominp desde 2003 (2/2) Resultado Papel da Accenture al Industri Financiamento Regulação Estruturação de 10 Fundos de Antecipação de Recebíveis: US$ 7 Bilhões para reduzir custo de capital Suporte a Estruturação de 3 Fundos de Private Equity para setor de P&G: US$ 1 Bilhão Definição de Metodologia Padronizada para Medir Conteúdo Local - CL Suporte a estruturação dos Fundos Suporte ao processo de comunicação/divulgação dos Fundos com os atores do Setor de P&G Suporte a elaboração da Metodologia Suporte a medição periódica do CL Política Fomento à Inserção de M&P Empresas Política Tributária Inserção de mais de MPEs na cadeia de P&G em 14 estados através de convênio com o Sebrae Prorrogação do REPETRO Criação do REPENEC Desenho dos processos do convênio Suporte ao convênio Suporte no encaminhamento de propostas da indústria ao governo Dese empeno Emp presarial Competitividade Sustentabilidade Meio-Ambiente Estudo de Competitividade de 18 Segmentos Fornecedores da Indústria de P&G Diagnóstico Demanda e Oferta para mais de Itens Críticos (Materiais, Equipamentos e Componentes) Promoção de Fornecedores Brasileiros no Exterior Criação de Comitê Temático de Meio-Ambiente Estruturação do estudo e suporte a execução Estruturação e atualização periódica do diagnóstico Suporte a projeto de Promoção de Fornecedores no Exterior Suporte e PMO do Comitê

16 As ações combinadas dos stakeholders do Prominp levaram a um aumento no indicador de participação da indústria local no setor de 57% para 75% em 6 anos Indicador de Conteúdo Local O aumento do Conteúdo Local contribuiu para: Geração de postos de trabalho adicionais; Encomendas adicionais de US$ 15,8 Bilhões para a indústria local de Bens & Serviços

17 Casos de Infraestrutura Accenture Brasil Governo de Minas Gerais - Centro Administrativo Petrobras Promimp VALE - Inove 17

18 Foi realizado o diagnóstico da indústria local para identificar as lacunas de suprimentos e adequações em infra-estrutura necessárias para maximizar i as oportunidades d no Pará que receberá investimentos t de US$ 52,8 bi ( ) Objetivos do diagnóstico Alcance Resultados do diagnóstico Conhecimento da capacidade instalada da indústria local (bens e serviços); Análise das lacunas de infraestrutura local; Foco nas oportunidades para desenvolvimento de fornecedores locais; Disponibilizar para as empresas ligadas ao setor de infra-estrutura as informações de investimentos no Estado; Identificação de ações necessárias para suportar o plano de investimentos da Vale. Análise dos setores de construção civil, engenharia de projetos, manutenção e montagem, fabricação mecânica, alimentação, transporte, locação, uniformes, serviços gerais; Identificação de carências em infra-estrutura, principalmente nos setores de construção civil e engenharia de projetos; Necessidade imediata de capacitação de mão-de-obra de níveis básicos, técnicos e superiores; Identificação de oportunidades e ações de desenvolvimento regional decorrentes dos projetos de investimentos no Estado. 18

19 A partir do diagnóstico do Pará, foi criado o programa Inove para realizar diversas ações que têm como objetivo preparar as empresas fornecedoras a atenderem de maneira competitiva os investimentos t previstos pela Vale Et Estratégia téi de Atuação Frentes de Trabalho e Produtos Integração Educação Financiamento Realização de Negócios Divulgação Fornecedores Análise Demandas Locais vs. Vocações Entidades Revisão de Classe/ de Processos Governo Internos Macro Plano de A ção Normas ção e Financeiras Financiamento Realização de Negócios de Processos ócios Educação Capacita ção Divulgação ção Relações Institucionais SSO e MA 19 Modelo de Modelo Governan de Governança ç a Comunicação RH e Financeiro Fundação ção VALE Suprimentos Áreas Operacionais Outras Objetivos Gestor Inove Precificação Critérios IDF Sensibilização Elaboração de Propostas Planejamento Estratégico Estruturação de cursos online para capacitação de mão-de-obra obra Cursos presenciais para capacitação de trabalhadores Estruturação de linhas exclusivas de financiamento para ampliação da infraestrutura existente Identificação das principais lacunas em infra-estrutura; Fomento de parcerias entre empresas Ferramentas de divulgação e plano de comunicação sobre as melhorias geradas em infra-estrutura Elevação do conteúdo local Base de fornecedores para suportar o plano de investimentos e operações da Vale Atuar em parceria com entidades na capacitação dos gestores e dos trabalhadores Aumento da competitividade da indústria local 19

20 A Vale investirá aproximadamente U$ 12 bilhões até 2013, em diversos projetos no Pará, sinalizando grandes oportunidades de desenvolvimento e fortalecimento t da indústria i local l Dados em U$ bilhões S11D (1º S 2013) 4,79 Aços laminados Pará (1º S 2012) 2,67 Pelotiz. Manganês Marabá (1º S 2012) 0,16 Salobo (1º S 2011) 1,65 Repotenciamento Sossego (1º S 2011) 0,07 Tipo de produto Adicional i 30Mtpa (1º S 2011) 1,13 Minério de Ferro Minério de Manganês Siderurgia Cobre Expansão Salobo (2º S 2013) 0,84 No período entre 2009 e 2013 os projetos de investimento da Vale no Pará irão demandar um total de aproximadamente profissionais de perfis técnicos e gerenciais. 20

21 A atuação da Accenture abrange todas as frentes do programa, tendo uma equipe responsável pelas áreas de realização de negócios, financeiro, educação, mobilização e divulgação do programa Atuação Accenture Fornecedores An á lise Demandas Locais vs. ç Relações Integração ç ão Entidades Revisão de Classe/ de Processos Governo Macro Plano de Ação Macro Plano A ç ão Normas e ç ão Financeiras Financiamento Realização de de Processos Negócios ó cios Capacita Educação ç ão Divulgação ç ão stitucionais SO e MA Insti Ins Modelo de Modelo Governança de SSO e MA S Co omunicação Com munica ç ão RH e inanceiro Fi Fin Fundação Funda ç ão F Su uprimentos primentos Su Áreas Op peracionais Op Outras Outras Estruturação e elaboração do diagnóstico da indústria nos Estados do Pará, Maranhão e Minas gerais; Desenvolvimento de um macro-plano de ação para mitigar as carências em infra-estrutura; SuporteaValenaestruturação do programa, definindo os direcionamentos estratégicos; Desenvolvimento do modelo de governança do programa Inove; Estruturação e elaboração de treinamentos para capacitar profissionais a serem demandados nos diversos projetos de investimento; Estruturação e elaboração de ferramentas financeiras para possibilitar a ampliação da infra- estrutura existente nas localidades mapeadas; Elaboração de estratégias para fomentar a realização de negócios entre empresas; Execução do PMO (metodologia do Project Management Institute) do programa desde a fase de criação do mesmo. VALE Principais benefícios Aumento de mais de 12 p.p. no índice de compras locais; A partir da estruturação de exclusivas linhas de financiamento criadas pelo programa, foram liberados para fornecedores um total de crédito no valor de mais de R$85 milhões; Qualificação de quase trabalhadores e gestores necessários para atender as demandas da Vale; Inscrição de mais de profissionais nos treinamentos da plataforma de cursos online do Inove; Realização dos diagnósticos de demanda e oferta da indústria (informações para investimentos em infra-estrutura) 21

22 PETROBRAS Programa de Mobilização da Indústria Nacional - PROMINP Desafio O Ministério de Minas e Energia criou o Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (PROMINP), coordenado pela Petrobras, cujo principal objetivo é maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, em bases competitivas e sustentáveis, na implantação de projetos de óleo e gás no Brasil e no exterior. A Accenture foi contratada para apoiar o coordenador executivo na estruturação do programa, na gestão e no desenvolvimento das atividades programadas. Abordagem Suportar o conceito do programa. Suportar os processos de gestão do Prominp. Suporte da definição e gestão de projetos do portfólio do Prominp. Gestão da matriz de demanda x oferta de recursos críticos (recursos humanos, infraestrutura, materiais e equipamentos) das indústrias de bens e serviços. Estruturar e fazer a gestão da qualificação do programa Prominp envolvendo Petrobras, Entidades Governamentais e cerca de 80 Entidades de Ensino. Suportar o processo de comunicação institucional. Principais Benefícios Para a Petrobras e outros Operadores Aumento da capacidade de abastecimento local. Redução de investimentos e de custos de operação e manutenção. Contribuição positiva para a imagem Petrobras no que se refere à Responsabilidade Social e Desenvolvimento Industrial. Para o Governo Aumento da indústria local e qualificação pessoal. Geração de Empregos. Aumento da atratividade de investimentos externos. Para a Indústria Nacional Aumento de receitas e de participação de mercado. Aumento da competitividade no mercado global de Petróleo & Gás. Aumento da qualificação profissional da região. Desenvolvimento de novas tecnologias. Aumento de produtividade id d decorrentes da qualificação profissional. 22

23 Governo de Minas Gerais Centro Administrativo Desafio O Governo de Minas Gerais está construindo um Novo Centro Administrativo com o objetivo de centralizar todas as secretarias e algumas agências governamentais em um único lugar, considerando a alocação de mais de 15 mil empregados. O principal objetivo é otimizar a estrutura do governo e fazer com que esse centro seja um catalisador para o desenvolvimento da região de Belo Horizonte. Nesse contexto, a Accenture foi contratada pelo Secretaria de Planejamento e Gestão para definir o desenho e gestão do modelo operacional, além de desenvolver estratégias de compras das classes de serviços a serem implementadas nesse centro. Após definição do modelo operacional, a Accenture irá operar um PMO para suportar na implantação dessas classes de serviços e na implantação do modelo operacional como um todo. Abordagem Para a fase de Planejamento, a abordagem considera o uso da metodologia de Compras Estratégicas ( Strategic Sourcing ) para mais de 30 categorias de compras. O escopo do PMO compreende a gestão da implantação e operação das classes de serviços, incluindo principalmente a gestão do risco, custo, prazo e escopo. Segue abaixo a metodologia utilizada: Principais Benefícios Desenho otimizado do modelo operacional para classes de serviços críticas, como transporte e refeição, com o uso de ferramentas de simulação e contribuição de especialistas stas do mercado. Economia substancial por meio da implantação de mais de 30 contratos para o Operação do Centro Administrativo, baseado nas melhores práticas de modelo de preços e de gestão do desempenho/definição de métricas. Definição e implantação de uma estrutura de gestão robusta e inovadora para a área de Serviços Públicos no Brasil, com o uso de métricas para monitorar os serviços a serem contratados e criação de uma célula de análise de gastos para identificar oportunidades de redução de custos para o Centro Administrativo. 23

24 VALE Programa INOVE Desafio O Inove é o programa de desenvolvimento de fornecedores da Vale, lançado em Dezembro de 2008 e coordenado na Diretoria de Suprimentos. Conta com a participação dos programas de desenvolvimento de fornecedores locais e associações comerciais dos Estados do Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais e Pará; A Accenture foi contratada para apoiar a Vale na estruturação, gestão e acompanhamento das atividades do programa para desenvolver os fornecedores da cadeia de suprimentos de modo a suprir as lacunas de fornecimento previstas para o horizonte de 5 anos. Abordagem A Accenture desenvolveu um diagnóstico da indústria nos Estados do Pará, Maranhão e Minas Gerais com o objetivo de comparar a capacidade instalada dos fornecedores e a demanda da Vale para os próximos 5 anos. Esse estudo identificou as lacunas de suprimentos e apontou oportunidades para desenvolver a indústria local; Após a realização do primeiro diagnóstico, a Accenture apoiou a Vale na estruturação do programa Inove, desenvolvendo um modelo de governança, treinamentos, ferramentas financeiras, novas oportunidades de negócio e o PMO. Principais Benefícios Em apenas 1 ano de existência do programa o Inove gerou os seguintes resultados: Aumento de mais de 12 p.p. no índice de compras locais; Inserção de 136 matérias publicadas em mídia local, gerando um valor de mais de R$ 24 milhões em mídia positiva; A partir da estruturação de exclusivas linhas de financiamento criadas pelo programa, foram liberados para fornecedores um total de crédito no valor de mais de R$85 milhões; Qualificação de quase trabalhadores e gestores necessários para atender as demandas da Vale; Inscrição de mais de profissionais nos treinamentos da plataforma de cursos online do Inove; Realização dos diagnósticos de demanda e oferta da indústria para identificar lacunas de suprimentos nos Estados onde a Vale possui operação; Realização de mais de 60 apresentações do Inove com participantes para reforçar o relacionamento com fornecedores locais; 24 Fornecedores Análise Demandas Locais vs. ç Integração Entidades Revisão de Classe/ de Processos Governo Macro Plano de Ação de Ação Financiamento Realização Normas de Financeiras e Negócios de Processos ócios Educação Divulgação Capacitação ção s is Relações Institucionais Modelo Modelo Governança de SSO e MA Comunicaçã o RH e Financeiro Fundação VALE Suprimentos s Áreas Operacionais Outras

25 Governo de Minas Gerais Mineirão Desafio O Governo de Minas Gerais está modernizando o estádio do Mineirão e seu entorno, visando não somente atender os requerimentos da FIFA para a Copa do Mundo de 2014 mas também deixar como legado um estádio de última geração rentável e que capacitado a atender a população de maneira mais eficiente e segura. Nesse contexto, a Accenture foi contratada pela EBP (Estruturadora Brasileira de Projetos) para definir o desenho do modelo comercial, operacional e de concessão, além de desenvolver estratégias de segmentação de mercado e desenho de uma nova proposta de valor. Após a definição do modelo de concessão, a Accenture irá suportar a construção do edital de licitação, sendo o PMO e líder do consórcio multi-disciplinar que irá detalhar o documento. Abordagem Utilizamos a issue tree para abordar o problema em 4 frentes: Principais Benefícios Segmentação de clientes e customização da proposta de valor possibilitará ao estádio criar e capturar maior valor no mercado. Desenho otimizado do modelo o comercial c e operacional o a possibilitará ganhos de eficiência tanto em receitas como em custos, incrementando a margem operacional. A eficiência da iniciativa privada no investimento de CAPEX necessário otimizará a equação econômico-financeira do projeto. A definição de um modelo de concessão atrativo para todos os stakeholders envolvidos garantirá o envolvimento de players de renome, levando para uma operação eficiente no longo prazo, gerando benefícios de fluxo de caixa e custo de oportunidade para o governo. 25

Experiência da Anglo American no adensamento da cadeia produtiva mineral Capacitação e desenvolvimento da cadeia de fornecedores de bens e serviços

Experiência da Anglo American no adensamento da cadeia produtiva mineral Capacitação e desenvolvimento da cadeia de fornecedores de bens e serviços MINÉRIO DE FERRO BRASIL Experiência da Anglo American no adensamento da cadeia produtiva mineral Capacitação e desenvolvimento da cadeia de fornecedores de bens e serviços II INOVAMIN Brasília, 11 de junho

Leia mais

PROJETO IND P&G 6.1 PROMINP. Workshop Desenvolvimento da Cadeia de Fornecedores SP 25/outubro/2011

PROJETO IND P&G 6.1 PROMINP. Workshop Desenvolvimento da Cadeia de Fornecedores SP 25/outubro/2011 PROJETO IND P&G 6.1 PROMINP Workshop Desenvolvimento da Cadeia de Fornecedores SP 25/outubro/2011 AGENDA 1 O SETOR DE PETRÓLEO E GÁS 2 O CONVÊNIO PETROBRAS-SEBRAE 3 GESTÃO E RESULTADOS DOS PROJETOS CENÁRIO

Leia mais

Workshop Sistema Indústria Núcleos de Petróleo e Gás nos Estados

Workshop Sistema Indústria Núcleos de Petróleo e Gás nos Estados Workshop Sistema Indústria Núcleos de Petróleo e Gás nos Estados Maurício Reis Santos AIB/DECAPEG Área de Insumos Básicos Departamento da Cadeia Produtiva de Petróleo e Gás DEMANDA POR PETRÓLEO: aumento

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

VI FIPEN CONVÊNIO PETROBRAS SEBRAE

VI FIPEN CONVÊNIO PETROBRAS SEBRAE VI FIPEN CONVÊNIO PETROBRAS SEBRAE PETROBRAS - REGAP Contagem 19 de outubro de 2011 Iniciativas de Qualificação - PROMINP PROMINP O PROMINP (Programa de Mobilização da Indústria Nacional do Petróleo e

Leia mais

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro.

Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. Alta performance: a base para os nossos clientes, a base para o seu futuro. www.accenture.com.br/carreiras www.facebook.com/accenturecarreiras www.twitter.com/accenture_vagas Quem somos A Accenture é uma

Leia mais

O desenvolvimento da indústria fornecedora de bens e serviços para petróleo e gás no Brasil e o BNDES

O desenvolvimento da indústria fornecedora de bens e serviços para petróleo e gás no Brasil e o BNDES Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social O desenvolvimento da indústria fornecedora de bens e serviços para petróleo e gás no Brasil e o BNDES 20.10.2009 Luciano Coutinho Mensagem Inicial Pré-sal:

Leia mais

Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho / 2014

Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho / 2014 Os Desafios do Pré-Sal: Riscos e Oportunidades para o País As Políticas Industrial e de Inovação no setor de Petróleo e Gás Rodrigo Matos Huet de Bacellar Superintendente Área de Insumos Básicos Junho

Leia mais

EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO

EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO EXPLORAÇÃO & PRODUÇÃO Objetivo Maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, em bases competitivas e sustentáveis, na implantação de projetos de óleo e gás no Brasil e no exterior. 1 Desafios Históricos:

Leia mais

Principais Fatos e Números

Principais Fatos e Números Principais Fatos e Números BRAZIL Brasil Minas Gerais Região Metropolitana de Classificado como a 6ª maior economia em 2011, esperando chegar à 5ª posição até 2016. 3 ª maior economia dentre os 27 Estados

Leia mais

Infraestrutura no Brasil

Infraestrutura no Brasil www.pwc.com.br Infraestrutura no Brasil Como agregar valor e gerenciar a complexidade de ativos de capital, programas ou portfólios de médio a grande porte (greenfield ou brownfield). O contexto de infraestrutura

Leia mais

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014

Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 1 Petrobras aprova Plano de Negócios 2010-2014 O Conselho de Administração aprovou o Plano de Negócios 2010-2014, com investimentos totais de US$ 224 bilhões, representando a média de US$ 44,8 bilhões

Leia mais

Sistema Indústria. 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57 milhões de alunos capacitados

Sistema Indústria. 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57 milhões de alunos capacitados Sistema Indústria CNI 27 Federações de Indústrias 1.136 Sindicatos Associados 622.874 Indústrias SENAI SESI IEL 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57

Leia mais

Formação em Parcerias Público Privadas. Desenvolvimento de uma carteira de projetos

Formação em Parcerias Público Privadas. Desenvolvimento de uma carteira de projetos Formação em Parcerias Público Privadas Desenvolvimento de uma carteira de projetos Novembro de 2013 1. Contexto Atual 2. Análise das Demandas do Setor Público 3. Como Estruturar um Procedimento 4. Como

Leia mais

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo

LOGÍSTICA & BRASIL Artigo O artigo aborda relações entre logística, formação profissional e infra-estrutura do país. São debatidas questões sobre a evolução da logística no Brasil, a preparação educacional do profissional de logística

Leia mais

Financiamento da Infraestrutura Nacional Banco de do Transportes

Financiamento da Infraestrutura Nacional Banco de do Transportes Unidade Serviços em Infraestrutura Apresentação para o Conselho Diretor 12.05.2015 Financiamento da Infraestrutura Nacional Banco de do Transportes Brasil Outubro/2015 1 Dentre 140 países, o Brasil é o

Leia mais

dargains Consultoria Organizacional Estratégica

dargains Consultoria Organizacional Estratégica Consultoria Organizacional Estratégica A EMPRESA EQUIPE COMPETÊNCIA A DARGAINS é uma empresa de consultoria, especializada em planejamento e gestão, estabelecida na cidade do Rio de Janeiro, desde 2001.

Leia mais

Dossiê de Apresentação PLAORC

Dossiê de Apresentação PLAORC 2010 Dossiê de Apresentação PLAORC Portfolio de Serviços de Planejamento e Orçamento PLAORC Consultoria e Planejamento +55 (0XX24) 33407664 plaorc@plaorc.com.br PLAORC Serviço de Consultoria e Planejamento

Leia mais

El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años. Ulysses Nunes, Mangels - Brasil

El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años. Ulysses Nunes, Mangels - Brasil El desarrollo del galvanizado general em Brasil em los últimos 5 años Ulysses Nunes, Mangels - Brasil Mercado Galvanização Mercado Galvanização Mercado Galvanização Mercado Galvanização Desenvolvimento

Leia mais

SEMINÁRIO SOBRE A HIDROVIA DO PARNAÍBA. PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA E A HIDROVIA DO PARNAÍBA Alternativas de Estruturação

SEMINÁRIO SOBRE A HIDROVIA DO PARNAÍBA. PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA E A HIDROVIA DO PARNAÍBA Alternativas de Estruturação SEMINÁRIO SOBRE A HIDROVIA DO PARNAÍBA PARCERIA PÚBLICO-PRIVADA E A HIDROVIA DO PARNAÍBA Alternativas de Estruturação 06 de maio de 2009 PARCERIA PUBLICO-PRIVADA AGENDA 1. PROCESSO DE ESTRUTURAÇÃO DAS

Leia mais

Oportunidades e desafios de qualificação profissional. III Balanço do Setor Naval e Offshore do Rio de Janeiro FIRJAN - 06/06/2014

Oportunidades e desafios de qualificação profissional. III Balanço do Setor Naval e Offshore do Rio de Janeiro FIRJAN - 06/06/2014 Oportunidades e desafios de qualificação profissional III Balanço do Setor Naval e Offshore do Rio de Janeiro FIRJAN - 06/06/2014 Petrobras Plano de Negócios 2014-2018 Inovação e Desenvolvimento Tecnológico

Leia mais

APLs como Estratégia de Desenvolvimento: Inovação e conhecimento. CNI e o Projeto de APLs Petróleo e Gás

APLs como Estratégia de Desenvolvimento: Inovação e conhecimento. CNI e o Projeto de APLs Petróleo e Gás APLs como Estratégia de Desenvolvimento: Inovação e conhecimento CNI e o Projeto de APLs Petróleo e Gás Dezembro 2013 Tópicos Cenário P&G Rede de Núcleos de P&G - CNI e Federações Desenvolvimento de APLs

Leia mais

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. 31 de julho de 2013

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. 31 de julho de 2013 QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL 31 de julho de 2013 PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS Soja, milho e bovinos AGROPECUÁRIA AÇÚCAR E ÁLCOOL Soja, milho e bovinos Cana de açúcar MINERAÇÃO E SIDERURGIA

Leia mais

A Siderurgia brasileira de aços planos e o Atendimento ao Mercado Naval e Offshore

A Siderurgia brasileira de aços planos e o Atendimento ao Mercado Naval e Offshore A Siderurgia brasileira de aços planos e o Atendimento ao Mercado Naval e Offshore Workshop de Tecnologia de Construção Naval e Offshore PROMINP Firjan, 24 de Junho de 2009 Sergio Leite de Andrade Vice

Leia mais

BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada. Outubro de 2014

BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada. Outubro de 2014 BNDES Financiamento à Indústria de Base Florestal Plantada Outubro de 2014 Agenda 1. Aspectos Institucionais 2. Formas de Atuação 3. Indústria de Base Florestal Plantada 1. Aspectos Institucionais Linha

Leia mais

A TCI BPO. Focada na customização e desenvolvimento de soluções específicas para apoiar e dar suporte à Indústrias, a TCI BPO faz uso do contingente:

A TCI BPO. Focada na customização e desenvolvimento de soluções específicas para apoiar e dar suporte à Indústrias, a TCI BPO faz uso do contingente: Serviços A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores competências e práticas

Leia mais

EIXO 4 PLANEJAMENTO E GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA. D 4.7 Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas (20h) (Aula 3: Monitoramento do PAC)

EIXO 4 PLANEJAMENTO E GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA. D 4.7 Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas (20h) (Aula 3: Monitoramento do PAC) EIXO 4 PLANEJAMENTO E GESTÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA D 4.7 Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas (20h) (Aula 3: Monitoramento do PAC) Professor: Pedro Antônio Bertone Ataíde 23 a 27 de março

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS

MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS MERCADO BRASILEIRO DE SOFTWARE PANORAMA E TENDÊNCIAS 2009 Introdução Resumo Executivo Apesar das turbulências que marcaram o ano de 2008, com grandes variações nos indicadores econômicos internacionais,

Leia mais

Adicionando valor na produção

Adicionando valor na produção Adicionando valor na produção Em um mercado global altamente competitivo e em constantes transformações, a otimização do resultado dos processos de produção é fundamental. Pressões ambientais e de custo,

Leia mais

Pesquisa Principais Investimentos em Infraestrutura no Brasil

Pesquisa Principais Investimentos em Infraestrutura no Brasil Pesquisa Principais Investimentos em Infraestrutura no Brasil PATROCINADOR INICIATIVA REALIZAÇÃO SUBCAPA O trabalho e a pesquisa O TRABALHO E A PESQUISA A 4ª edição do relatório principais investimentos

Leia mais

2013 Inventta Todos os direitos reservados.

2013 Inventta Todos os direitos reservados. Agenda Quem Somos Gerindo a Inovação nas Empresas Estímulos Governamentais à Inovação Resultados da pesquisa FDC/Inventta Conclusões O GRUPO A Inventta é uma consultoria especializada em gestão da inovação,

Leia mais

ENGENHARIA CONSULTIVA FOMENTAR O PARQUE CONSULTIVO NACIONAL

ENGENHARIA CONSULTIVA FOMENTAR O PARQUE CONSULTIVO NACIONAL ENGENHARIA CONSULTIVA FOMENTAR O PARQUE CONSULTIVO NACIONAL A Engenharia Consultiva Nacional e a Construção da Infraestrutura Um breve diagnóstico O setor de infraestrutura apresenta aspectos distintos

Leia mais

DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting

DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting DOW BUSINESS SERVICES Diamond Value Chain Consulting Soluções personalizadas para acelerar o crescimento do seu negócio Estratégia Operacional Projeto e Otimização de Redes Processos de Integração Eficácia

Leia mais

A Retomada dos Investimentos e o Mercado de Capitais Instituto IBMEC 18.08.2015

A Retomada dos Investimentos e o Mercado de Capitais Instituto IBMEC 18.08.2015 A Retomada dos Investimentos e o Mercado de Capitais Instituto IBMEC 18.08.2015 A RETOMADA DOS INVESTIMENTOS E O MERCADO DE CAPITAIS Sumário I. O MERCADO DE TÍTULOS DE DÍVIDA PRIVADA NO BRASIL II. A AGENDA

Leia mais

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa

Brasil. 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Brasil 1º Congresso de Engenheiros da Língua Portuguesa Maurício Muniz Secretário do Programa de Aceleração do Crescimento SEPAC Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão PAC PROGRAMA DE ACELERAÇÃO

Leia mais

1. Informações Institucionais

1. Informações Institucionais 1. Informações Institucionais Nossa Empresa Líder mundial em eventos de negócios e consumo, a Reed Exhibitions atua na criação de contatos, conteúdo e comunidades com o poder de transformar negócios Números

Leia mais

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Maximize o desempenho das suas instalações Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Sua empresa oferece um ambiente de trabalho com instalações eficientes e de qualidade? Como você consegue otimizar

Leia mais

Programa Municipal de Competitividade e Inovação INOVA PALHOCA

Programa Municipal de Competitividade e Inovação INOVA PALHOCA Programa Municipal de Competitividade e Inovação INOVA PALHOCA Gestão Pública: Plano Palhoça 2030 Prefeito Municipal de Palhoça Comitê Executivo de Acompanhamento e Implantação Avaliação de Desempenho

Leia mais

A TCI BPO. Nossos diferenciais competitivos:

A TCI BPO. Nossos diferenciais competitivos: Varejo e-commerce A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores competências e

Leia mais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios

COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL. Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO FIFA 2014 BRASIL Oportunidades e Desafios COPA DO MUNDO - OPORTUNIDADES Um evento esportivo do porte de uma Copa do Mundo é como uma grande vitrine do país no exterior e corresponde a um

Leia mais

Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI:

Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI: Perspectivas para o Mercado de Sw & Serviços de TI: Política Industrial & Plano de Ação C,T&I 2007-2010 Ministério da Ciência e Tecnologia Secretaria de Política de Informática - SEPIN outubro/2010 Agenda

Leia mais

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral

AGENDA. A Vale. O Maior Projeto de Logística da America Latina. - Exportação de Minério. - Logística da Vale de Carga Geral Vale no Maranhão AGENDA A Vale O Maior Projeto de Logística da America Latina - Exportação de Minério - Logística da Vale de Carga Geral A Vale no Mundo A Vale tem operações mineradoras, laboratórios de

Leia mais

Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore

Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore Produtos e Serviços para a Construção Naval e a Indústria Offshore Condições de Financiamento Luiz Marcelo Martins (luizmarcelo@bndes.gov.br) Março 2011 Crescimento Brasileiro e Investimentos Crescimento

Leia mais

Convênio Petrobras & Sebrae

Convênio Petrobras & Sebrae Inserção competitiva e sustentável das micro e pequenas empresas na cadeia produtiva do petróleo, gás e energia. PROMINP (Programa de Mobilização da Industria de Petróleo e Gás Natural) Projeto Ind P&

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS. Sistema. Eletrobrás

POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS. Sistema. Eletrobrás POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO DO SISTEMA ELETROBRÁS Sistema Eletrobrás Política de Logística de Suprimento do Sistema Eletrobrás POLÍTICA DE LOGÍSTICA DE SUPRIMENTO 4 POLÍTICA DE Logística de Suprimento

Leia mais

PAC Programa de Aceleração do Crescimento. Retomada do planejamento no país. Marcel Olivi

PAC Programa de Aceleração do Crescimento. Retomada do planejamento no país. Marcel Olivi PAC Programa de Aceleração do Crescimento Retomada do planejamento no país Marcel Olivi PAC PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DO CRESCIMENTO Lançado em 22/01/2007 o programa é constituído por Medidas de estímulo

Leia mais

As MPE s como eixo central de cadeias produtivas

As MPE s como eixo central de cadeias produtivas As MPE s como eixo central de cadeias produtivas Guilherme Lacerda Diretor de Infraestrutura Social, Meio Ambiente, Agropecuária e Inclusão Social Madrid Outubro 2012 MPEs Importância, Desafios e Contribuições

Leia mais

CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO

CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO CONTROLE EXTERNO GOVERNANÇA A E DESENVOLVIMENTO Evento Tá na Mesa Federasul Federação das Associações Comerciais e de Serviços do Rio Grande do Sul Ministro João Augusto Ribeiro Nardes Presidente do TCU

Leia mais

Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário. Porto Alegre, agosto de 2010.

Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário. Porto Alegre, agosto de 2010. Projetos Atuais e Futuros da CAIXA RS junto ao mercado Naval e Portuário Porto Alegre, agosto de 2010. APOIO AO Polo Naval - Rio Grande Atuação integrada do Governo, por meio da SEINFRA e SEDAI, voltada

Leia mais

Infraestrutura, Segurança e PPPs

Infraestrutura, Segurança e PPPs www.pwc.com Infraestrutura, Segurança e PPPs Dezembro, 2011 Agenda - Características de uma PPP - Alguns Projetos de PPP no Brasil - Exemplos de PPP em Infraestrutura e Segurança 2 Características de uma

Leia mais

FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME

FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME FIESP Sustentabilidade Financiamentos para PME Junho/2013 Diretoria de Sustentabilidade Linda Murasawa Brasil SANTANDER NO MUNDO 102 milhões DE CLIENTES 14.392 AGÊNCIAS 186.763 FUNCIONÁRIOS Dezembro de

Leia mais

Luciano Coutinho Presidente

Luciano Coutinho Presidente Como Financiar os Investimentos em Infraestrutura no Brasil? FÓRUM ESTADÃO BRASIL COMPETITIVO - OS NÓS DA INFRAESTRUTURA São Paulo, 13 de setembro de 2012 Luciano Coutinho Presidente No longo prazo, economia

Leia mais

Bancos Corretoras Seguradoras

Bancos Corretoras Seguradoras Bancos Corretoras Seguradoras A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores competências

Leia mais

Política de Logística de Suprimento

Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento Política de Logística de Suprimento 5 1. Objetivo Aumentar a eficiência e competitividade das empresas Eletrobras, através da integração

Leia mais

A Estruturadora Brasileira de Projetos tem por missão desenvolver, com imparcialidade e transparência, projetos de infraestrutura que contribuam para

A Estruturadora Brasileira de Projetos tem por missão desenvolver, com imparcialidade e transparência, projetos de infraestrutura que contribuam para A Estruturadora Brasileira de Projetos tem por missão desenvolver, com imparcialidade e transparência, projetos de infraestrutura que contribuam para o desenvolvimento econômico e social brasileiro criando

Leia mais

7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira

7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira 7 Política de investimento direto no Brasil: a internacionalização da economia brasileira Alexandre Petry * A Apex foi criada em 2003, mas funcionava desde 1997 dentro da estrutura do Sebrae. Implementa

Leia mais

Portifólio de Serviços

Portifólio de Serviços Portifólio de Serviços A PM11K conta com uma abrangência de mercado muito grande graças ao seu modelo inovador. Aqui você contrata um consultor e, junto dele, mais centenas de outros consultores em rede,

Leia mais

Núcleo de Gestão do Porto Digital. Plano Bi-anual 2001-2002

Núcleo de Gestão do Porto Digital. Plano Bi-anual 2001-2002 Núcleo de Gestão do Porto Digital Plano Bi-anual 2001-2002 Identidade Missão A estruturação e gestão sustentável de um ambiente de negócios capaz de criar e consolidar empreendimentos de classe mundial

Leia mais

EDUARDO TADEU SAGGIORATO Gerente de Negócios e Operações NADSON XAVIER SOARES Gerente do Setor Público 21.02.2013

EDUARDO TADEU SAGGIORATO Gerente de Negócios e Operações NADSON XAVIER SOARES Gerente do Setor Público 21.02.2013 EDUARDO TADEU SAGGIORATO Gerente de Negócios e Operações NADSON XAVIER SOARES Gerente do Setor Público 21.02.2013 QUEM SOMOS Legal Instituição Financeira do Estado de São Paulo, vinculada a Secretaria

Leia mais

Treinamento Presencial: Inteligência de Mercado Aplicada a Compras. Data: 20 de Agosto de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP

Treinamento Presencial: Inteligência de Mercado Aplicada a Compras. Data: 20 de Agosto de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP Treinamento Presencial: Inteligência de Mercado Aplicada a Compras Data: 20 de Agosto de 2015 Carga horária: 8 horas Local: São Paulo/ SP Procurement Business School Quem somos: Procurement Business School

Leia mais

www.pwc.com/br II Simpósio Internacional PwC Inovação em Gestão Pública Abril 2011

www.pwc.com/br II Simpósio Internacional PwC Inovação em Gestão Pública Abril 2011 www.pwc.com/br II Simpósio Internacional PwC Inovação em Gestão Pública Abril 2011 Agenda Projeto Gestão Estratégica de Suprimentos no Governo de MG 1. Introdução 2. Diagnóstico 3. Desenvolvimento/implantação

Leia mais

Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Fortaleza

Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Fortaleza Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Fortaleza Rio de Janeiro São Paulo Belo Horizonte Brasília Fortaleza EVOLUÇÃO NO MODELO DE GESTÃO ATRAVÉS DA VISÃO POR PROCESSOS NA COMPANHIA SIDERÚRGICA

Leia mais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil. Ações do Governo de Minas Gerais

COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil. Ações do Governo de Minas Gerais COPA DO MUNDO FIFA 2014 Belo Horizonte Brasil Ações do Governo de Minas Gerais 27 de Outubro de 2009 Roteiro Estratégia de Execução Modernização do Mineirão Reforma dos Estádios Alternativos Mobilidade

Leia mais

Projeto Prominp IND P&G 75 Propostas de Política para Mobilização e Desenvolvimento de APLs para o Setor de Petróleo, Gás E Naval

Projeto Prominp IND P&G 75 Propostas de Política para Mobilização e Desenvolvimento de APLs para o Setor de Petróleo, Gás E Naval WORKSHOP INICIAL Plano de Desenvolvimento de Arranjos Produtivos Locais para o Setor de Petróleo, Gás e Naval Projeto Prominp IND P&G 75 Propostas de Política para Mobilização e Desenvolvimento de APLs

Leia mais

CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO

CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO CARACTERÍSTICAS DE UM PROJETO Temporário: significa que cada projeto tem um início e um fim muito bem definidos. Um projeto é fundamentalmente diferente: porque ele termina quando seus objetivos propostos

Leia mais

A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES

A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES A economia brasileira e as perspectivas do investimento Luciano Coutinho Presidente do BNDES O Brasil ingressa em um novo ciclo de desenvolvimento A economia brasileira continuarácrescendo firmemente nos

Leia mais

ANEXO XII ATIVIDADES NÃO REALIZADAS POR RESTRIÇÃO DE PESSOAL E DE ORÇAMENTO

ANEXO XII ATIVIDADES NÃO REALIZADAS POR RESTRIÇÃO DE PESSOAL E DE ORÇAMENTO ANEXO XII ATIVIDADES NÃO REALIZADAS POR RESTRIÇÃO DE PESSOAL E DE ORÇAMENTO ANEXO XII ATIVIDADES NÃO REALIZADAS POR RESTRIÇÃO DE PESSOAL E DE ORÇAMENTO QUADRO 1 Atividades a não serem realizadas por restrição

Leia mais

PROSOFT. Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES

PROSOFT. Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - BNDES Programa para o Desenvolvimento da Indústria Nacional de Software e Serviços de Tecnologia da Informação PROSOFT Agosto / 2008 1 Definições:

Leia mais

GESTÃO CORPORATIVA - DGE

GESTÃO CORPORATIVA - DGE GESTÃO CORPORATIVA Heleni de Mello Fonseca Diretoria de Gestão Empresarial - DGE Apresentador: Lauro Sérgio Vasconcelos David Belo Horizonte, 29 de maio de 2006 1 AGENDA Direcionamento Estratégico Iniciativas

Leia mais

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014

Apresentação para Investidores. Novembro de 2014 Apresentação para Investidores Novembro de 2014 1 Agenda Diferenciais Gerdau Estratégia Destaques Operacionais e Financeiros Perspectivas Diferenciais Gerdau Mais de 110 anos de atuação no mercado do aço

Leia mais

PLANO ESTRATÉGICO 2015 2018 REVISÃO 4.0 DE 09/09/2015

PLANO ESTRATÉGICO 2015 2018 REVISÃO 4.0 DE 09/09/2015 PLANO ESTRATÉGICO 2015 2018 REVISÃO 4.0 DE 09/09/2015 Líderes : Autores do Futuro Ser líder de um movimento de transformação organizacional é um projeto pessoal. Cada um de nós pode escolher ser... Espectador,

Leia mais

As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014

As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014 As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014 Fortune Top companies: Biggest by Market Value Fortune Top companies: Most profitable VALOR V = Valor percebido pelo cliente (

Leia mais

Orçamento ANEXO III ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO DAS EMPRESAS CONTROLADAS PELO ESTADO

Orçamento ANEXO III ORÇAMENTO DE INVESTIMENTO DAS EMPRESAS CONTROLADAS PELO ESTADO Governo do Estado de Minas Gerais Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Qualidade do Gasto Superintendência Central de Planejamento e Programação Orçamentária

Leia mais

A Aon Global Risk Consulting (AGRC), líder mundial em consultoria de gestão de riscos, está presente em mais de 120 países. São mais de 2.

A Aon Global Risk Consulting (AGRC), líder mundial em consultoria de gestão de riscos, está presente em mais de 120 países. São mais de 2. A Aon Global Risk Consulting (AGRC), líder mundial em consultoria de gestão de riscos, está presente em mais de 120 países. São mais de 2.000 consultores que se dedicam de forma integral à gestão de riscos

Leia mais

MBA Gestão da Tecnologia de Informação

MBA Gestão da Tecnologia de Informação MBA Gestão da Tecnologia de Informação Informações: Dias e horários das aulas: Segundas e Terças-feiras das 18h00 às 22h00 aulas semanais; Sábados das 08h00 às 12h00 aulas quinzenais. Carga horária: 600

Leia mais

Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand

Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand CUSTOMER SUCCESS STORY Sicredi reduz em 20% os custos de gestão de portfólio com CA Clarity PPM On Demand PERFIL DO CLIENTE Indústria: Serviços financeiros Empresa: Sicredi Funcionários: +12.000 EMPRESA

Leia mais

Gestão estratégica em finanças

Gestão estratégica em finanças Gestão estratégica em finanças Resulta Consultoria Empresarial Gestão de custos e maximização de resultados A nova realidade do mercado tem feito com que as empresas contratem serviços especializados pelo

Leia mais

Como navegar no ciclo das Commodities de Petróleo. 10 Ações Estratégicas para Companhias Nacionais de Petróleo

Como navegar no ciclo das Commodities de Petróleo. 10 Ações Estratégicas para Companhias Nacionais de Petróleo Como navegar no ciclo das Commodities de Petróleo 10 Ações Estratégicas para Companhias Nacionais de Petróleo 10 Ações para Companhias Nacionais de Petróleo As Companhias Nacionais de Petróleo (NOCs) têm

Leia mais

Vale Programa Inove. ABINEE São Paulo 29 de Setembro de 2009

Vale Programa Inove. ABINEE São Paulo 29 de Setembro de 2009 Vale Programa Inove ABINEE São Paulo 29 de Setembro de 2009 Agenda 1 Vale 2 Programa Inove 1 Vale: Missão, Visão e Valores Missão: Transformar os recursos minerais em riqueza e desenvolvimento sustentável

Leia mais

CONSTRUCTION. Feira Internacional De Soluções Para Obras & Infraestrutura 10 a 13 de agosto de 2011 Centro de Exposições Imigrantes

CONSTRUCTION. Feira Internacional De Soluções Para Obras & Infraestrutura 10 a 13 de agosto de 2011 Centro de Exposições Imigrantes em um único lugar, todas as soluções para o cotidiano da obra. Realização: A única feira na América latina que reúne suprimentos, serviços, produtos e soluções que atendem às atividades do dia a dia de

Leia mais

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br

Isaias Quaresma Masetti. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br Inovação Tecnológica Frente aos Desafios da Indústria Naval Brasileira Isaias Quaresma Masetti Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica masetti@petrobras.com.br ... O maior obstáculo à indústria

Leia mais

Exportação de Software e Serviços de TICs. Panorama e Oportunidades

Exportação de Software e Serviços de TICs. Panorama e Oportunidades Exportação de Software e Serviços de TICs Panorama e Oportunidades Brasília, Novembro de 2008 André Limp Gestor de Projetos - Tecnologia MERCADOS DESENVOLVIDOS Sistema financeiro Seguradoras Gestão de

Leia mais

Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades

Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades Implantação da Refinaria Premium II: desafios e oportunidades RAIMUNDO LUTIF Gerente Estruturação Negócio Fortaleza Ceará Fortaleza, 13 / setembro/ 2011. 1 AVISO Estas apresentações podem conter previsões

Leia mais

Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do

Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do Cidades: O Que Fazer? Competitividade e Desenvolvimento Sustentável no Brasil Senado Federal Subcomissão Permanente de Acompanhamento da Rio+20 e do regime internacional sobre mudanças climáticas Brasília,

Leia mais

PLANO ESTRATÉGICO PETROBRAS 2015 PLANO DE NEGÓCIOS 2006-2010

PLANO ESTRATÉGICO PETROBRAS 2015 PLANO DE NEGÓCIOS 2006-2010 PLANO ESTRATÉGICO PETROBRAS 2015 PLANO DE NEGÓCIOS 2006-2010 MISSÃO Atuar de forma segura e rentável, com responsabilidade social e ambiental, nas atividades da indústria de óleo, gás e energia, nos mercados

Leia mais

BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid. Out/2013

BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid. Out/2013 BPM e o Modelo de Gestão NeoGrid Out/2013 QUEM SOMOS? Uma multinacional brasileira presente em cinco continentes, provendo soluções para a sincronização da cadeia de suprimentos São mais de empresas gerenciando

Leia mais

REDES CORPORATIVAS. Soluções Avançadas para Comunicação Empresarial

REDES CORPORATIVAS. Soluções Avançadas para Comunicação Empresarial REDES CORPORATIVAS Presente no mercado há 31 anos, a Compugraf atua em vários segmentos da comunicação corporativa, oferecendo serviços e soluções de alta tecnologia, com reconhecida competência em diversos

Leia mais

Powering your business. Monica Herrero CEO Stefanini Brasil

Powering your business. Monica Herrero CEO Stefanini Brasil Powering your business Monica Herrero CEO Stefanini Brasil O Grupo Stefanini e Receitas 2010 1987 Fundação 1996 ISO 9001 Expansão Argentina 2004 a 2008 Expansão: Reino Unido, Canadá e Índia Crescimento

Leia mais

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. Agosto de 2013

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL. Agosto de 2013 QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA LOGÍSTICA NO BRASIL Agosto de 2013 PRINCIPAIS CADEIAS PRODUTIVAS Soja, milho e bovinos AGROPECUÁRIA AÇÚCAR E ÁLCOOL Soja, milho e bovinos Cana de açúcar MINERAÇÃO E SIDERURGIA

Leia mais

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol

Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos. Profª Caroline Pauletto Spanhol Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos Profª Caroline Pauletto Spanhol Cadeia de Abastecimento Conceitos e Definições Elementos Principais Entendendo a Cadeia de Abastecimento Integrada Importância

Leia mais

Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia

Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia Escritórios de Processos (BPM Office) e de Projetos (PMO) : Oportunidades de Sinergia Introdução...2 Uniformizando o entendimento dos conceitos... 4 Entendendo as principais similaridades... 5 Entendendo

Leia mais

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013

Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Encontro para fomento da Micro e Pequena Empresa no entorno do EEP SICM Salvador - 04/06/2013 Gerente de Relações Institucionais Marcio Mendonça Cruz Revitalização Revitalização da da indústria indústria

Leia mais

YK Risk Consultoria em Gestão Empresarial Ltda. Apresentação Institucional v.3 (2014)

YK Risk Consultoria em Gestão Empresarial Ltda. Apresentação Institucional v.3 (2014) YK Risk Consultoria em Gestão Empresarial Ltda. Apresentação Institucional v.3 (2014) Quem somos? Uma empresa com foco na geração de valor com serviços em Gestão de Riscos associados à Sustentabilidade.

Leia mais

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014

Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Code-P0 Síntese do planejamento e os impactos para o país com a Copa do Mundo 2014 Encontro Nacional - Abracen Eventos Esportivos e os Impactos para o país São Paulo, 7 de março de 2012 Code-P1 O Brasil

Leia mais

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios

São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios São Paulo: múltiplas oportunidades que impulsionam seus negócios A importância da economia paulista transcende as fronteiras brasileiras. O Estado é uma das regiões mais desenvolvidas de toda a América

Leia mais

Soluções completas em tecnologia Convergência natural entre negócios e TI

Soluções completas em tecnologia Convergência natural entre negócios e TI Soluções completas em tecnologia Convergência natural entre negócios e TI Abordagem multidisciplinar e equipe especializada em integração tecnológica A dinâmica e as mudanças dos negócios têm tornado a

Leia mais

JOINT VENTURE MPX / E.ON. Rio de Janeiro Janeiro 2012

JOINT VENTURE MPX / E.ON. Rio de Janeiro Janeiro 2012 JOINT VENTURE MPX / E.ON Rio de Janeiro Janeiro 2012 AVISO LEGAL Esta apresentação contém algumas afirmações e informações prospectivas relacionadas a Companhia que refletem a atual visão e/ou expectativas

Leia mais

Gestão da Tecnologia da Informação

Gestão da Tecnologia da Informação Gestão da Tecnologia da Informação A TCI BPO Com atuação em todo o Brasil, a TCI oferece excelência na prestação dos serviços em BPO - Business Process Outsourcing, levando aos seus clientes as melhores

Leia mais