PARÓQUIA NOSSA SENHORA APARECIDA PÁROCO: Côn. Egídio de Carvalho Neto Elaboração: Diácono Admilson Pereira

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PARÓQUIA NOSSA SENHORA APARECIDA PÁROCO: Côn. Egídio de Carvalho Neto Elaboração: Diácono Admilson Pereira"

Transcrição

1 PARÓQUIA NOSSA SENHORA APARECIDA PÁROCO: Côn. Egídio de Carvalho Neto Elaboração: Pereira

2 É o tempo que marca as datas dos acontecimentos da História da Salvação. É a manifestação de Deus em nosso tempo para comunicar-nos a sua graça. Nos ensina que os dias não são todos iguais. É o tempo no qual a igreja revive celebrando, no decurso de cada ano, a obra salvífica de Deus, levada à plenitude no Cristo. Celebra a pessoa de Cristo no projeto do Pai, para a nossa salvação. Por isso, precisamos sempre ligar Cristo com os acontecimentos da nossa vida. É, portanto, um calendário religioso que contém as datas dos acontecimentos da História da Salvação.

3 A Constituição sobre a Sagrada Liturgia do Concílio Vaticano II apresenta o ano litúrgico com estas palavras: «A santa mãe Igreja considera seu dever celebrar, em determinados dias do ano, a memória sagrada da obra de salvação do seu divino Esposo» (Sacrosanctum Concilium, 102). A história humana é e será sempre uma história de salvação, e é isto o que a Igreja celebra no ano litúrgico. As festas e tempos não são aniversários, uma mera repetição de alguns momentos históricos da vida do Senhor; são a celebração da sua presença, a atualização da salvação que o Bispo/Padre, por Jesus Cristo, nos comunica no Espírito Santo.

4 O ANO LITÚRGICO é formado por dois grandes ciclos:

5 O Natal tem um tempo de preparação, ao qual se dá o nome de (chegada, vinda).

6 O novo calendário romano, no n. 39, cuidou de exprimir o significado do : "O tempo do tem uma dupla característica: é tempo de preparação para a solenidade do Natal, em que se recorda a primeira vinda do Filho de Deus entre os homens e simultaneamente é o tempo no qual, através desta recordação, o espírito é conduzido à espera da segunda vinda de Cristo no final dos tempos". Por este duplo motivo, o Tempo do se apresenta como um tempo de piedosa e alegre expectativa.

7 É o ponto de partida e de chegada do novo Ano Litúrgico. Compõese de quatro semanas. O ano litúrgico se inicia no 1º domingo do advento e termina com a solenidade de Cristo Rei.

8 O Tempo do começa com as Primeiras Vésperas do domingo que cai no dia 30 de novembro ou no domingo que lhe fica mais próximo, terminando antes da Primeiras Vésperas do Natal do Senhor. Os domingos deste tempo são chamados 1º, 2º, 3º, 4º domingos do. Os dias de semana dos dias 17 a inclusive visam de modo mais direto a preparação do Natal do Senhor.

9 A tonalidade de fundo que percorre o 1º domingo é a da espera vigilante do Senhor. Ele anuncia o seu retorno. De fato, esperamos que o Senhor Jesus se revele. Quando vier, tudo será restaurado, o universo e cada um de nós (ciclo B). Se o reino dos céus está próximo, torna-se urgente preparar os caminhos. É o tema específico do 2º domingo do. Onde preparar os caminhos significa preparar um mundo novo, uma terra nova (ciclo B).

10 O 3º domingo apresenta os tempos messiânicos. No meio de nós está alguém que não conhecemos. Exultamos pela presença de quem está marcado pelo Espírito (ciclo B). O 4º domingo do anuncia a vinda iminente do Messias. José foi pré-advertido. A noticia é comunicada a Maria. O trono de Davi será firme para sempre. O mistério calado por Deus durante séculos é agora revelado (ciclo B).

11 Espiritualidade Ensinamento Cor purificação da vida Anúncio da vinda do Messias No 3º domingo do advento recomenda-se a cor rósea A cor rosada no altar, na mesa da palavra e nas vestes litúrgicas lembra-nos uma espera alegre, enche nossos corações de esperança e nos ajuda a distinguir do tempo quaresmal, marcado pelo roxo de penitência.

12 Natal Espiritualidade Ensinamento Cor purificação da vida Anúncio da vinda do Messias Lembra o nascimento de Jesus em Belém, em que celebramos a humanidade do nosso Deus e festejamos a Salvação que entra definitivamente em nossa história. A Igreja nada considera mais venerável, após a celebração anual do mistério da Páscoa, do que comemorar o Natal do Senhor e suas primeiras manifestações, o que realiza no Tempo do Natal.

13 Natal Espiritualidade Ensinamento purificação da vida Anúncio da vinda do Messias O Tempo do Natal vai das Primeiras Vésperas do Natal do Senhor ao domingo da Epifania ou ao domingo depois do dia 6 de janeiro inclusive. Cor

14 Natal Espiritualidade Ensinamento Cor purificação da vida Anúncio da vinda do Messias 25 de dezembro Na festa do Batismo de Jesus Fé, alegria e acolhimento O Filho de Deus se fez Homem A vigília do natal ocorre no dia 24. O nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo é comemorado no dia 25 de dezembro. O Natal do Senhor tem a sua oitava organizada do seguinte modo: celebra-se no dia 30 de dezembro a festa da Sagrada Família de Jesus, Maria e Dentro da oitava de Natal José. No dia 1º de janeiro, oitavo dia de Natal, celebra-se a solenidade de Santa Maria, Mãe de Deus.

15 Natal Espiritualidade Ensinamento Cor purificação da vida Anúncio da vinda do Messias 25 de dezembro Na festa do Batismo de Jesus Fé, alegria e acolhimento O Filho de Deus se fez Homem A Epifania do Senhor =( A manifestação do Senhor) é celebrada no dia 11 de janeiro 2015 Embora Jesus tenha aparecido em diferentes momentos a diferentes pessoas, a Igreja celebra como Epifanias três eventos: Epifania aos Reis Magos (Mt 2, 1-12) Epifania a São João Batista no Jordão Epifania a seus discípulos e começo de Sua vida pública com o milagre em Caná. A Epifania que mais celebramos no Natal é a primeira.

16 Natal Espiritualidade purificação da vida 25 de dezembro Na festa do Batismo de Jesus Fé, alegria e acolhimento Batismo do Senhor 11/01/2015 Com esta festa conclui-se o ciclo do Natal Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A cor utilizada do dia de Natal até o Batismo do Senhor é branca. Cor

17 Natal QUARESMA PÁSCOA Espiritualidade Ensinamento Cor purificação da vida Anúncio da vinda do Messias 25 de dezembro Na festa do Batismo de Jesus Fé, alegria e acolhimento O Filho de Deus se fez Homem O Tempo da Quaresma visa preparar a celebração da Páscoa do Senhor. É tempo de conversão e penitência Os quarenta dias da quaresma lembram a caminhada de quarenta anos do povo de Deus no deserto. O ponto alto deste tempo é a Semana Santa. A Igreja se exercita de maneira especial no jejum, esmola e oração; nesse período omite-se o canto do glória na eucaristia

18 Natal QUARESMA PÁSCOA Espiritualidade Ensinamento purificação da vida Anúncio da vinda do Messias 25 de dezembro Na festa do Batismo de Jesus Fé, alegria e acolhimento O Filho de Deus se fez Homem Quarta-feira das Cinzas Missa na Ceia do Senhor exclusive Penitência e conversão A misericórdia de Deus Do inicio da Quaresma até a Vigília pascal não se diz Aleluia Quarta-feira das cinzas é dia de jejum. Cor Os domingos deste tempo são chamados 1º, 2º, 3º, 4º e 5º domingos da Quaresma. O 6º domingo, com o qual se inicia a Semana Santa, é chamado Domingo de Ramos da Paixão do Senhor.

19 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Cor A cor rósea pode ser usada no quarto domingo da quaresma, representando tristeza.

20 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor A Páscoa começa com a Ceia do Senhor na quinta-feira santa. Neste dia é celebrada a Instituição da Eucaristia e do sacerdócio.

21 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor Pela manhã, acontece a missa do crisma, que reúne todos os padres e diáconos da diocese em torno do bispo. Na sexta-feira celebra-se a paixão e a morte de Jesus. É o único dia do ano que não tem missa.

22 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor Na sexta-feira santa acontece apenas uma Celebração da Palavra. No sábado acontece a solene Vigília Pascal. Seja considerada a mãe de todas as santas vigílias.

23 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor Portanto, toda a celebração desta sagrada Vigília deve realizar-se à noite, de tal modo que comece depois do anoitecer ou termine antes da aurora do domingo

24 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor A festa de Páscoa não se restringe ao domingo da Ressurreição. Ela se estende até a Festa de Pentecostes.

25 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor Pentecostes: É celebrado 50 dias após a Páscoa. Jesus ressuscitado volta ao Pai e nos envia o Paráclito. É o Espírito Santo que anima a Igreja na caminhada em direção ao Pai.

26 Natal QUARESMA PÁSCOA 25 de dezembro Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Na festa do Batismo de Jesus Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Cor Pentecostes: O Espírito Santo nos dá força para testemunhar a verdade e nos socorre com seus dons

27 TEMPO COMUM TEMPO COMUM Natal 1 a parte QUARESMA PÁSCOA 2 a parte 25 de dezembro Segunda-feira após o batismo de Jesus Quarta-feira das Cinzas Quinta-feira santa (Tríduo Pascal) Segunda-feira após o Pentecostes Na festa do Batismo de Jesus Véspera da quartafeira das Cinzas Missa na Ceia do Senhor exclusive No Pentecostes Véspera do 1 o domingo do Espiritualidade purificação da vida Fé, alegria e acolhimento escuta da Palavra Penitência e conversão Alegria em Cristo ressuscitado Vivência do Reino de Deus Ensinamento Anúncio da vinda do Messias O Filho de Deus se fez Homem Anúncio do Reino de Deus A misericórdia de Deus Ressurreição e vida eterna Os cristãos são o sinal do Reino Cor Verde Verde O tempo comum é constituído por 33 ou 34 semanas. É o tempo mais longo do ano litúrgico. Tempo em que não se celebra nenhum aspecto especial do mistério de Cristo, como no Natal ou na Páscoa.

28 OS TRÊS CICLOS DO ANO LITÚRGICO O Ano Litúrgico passa por três ciclos, também chamado de anos A, B, C. A cada ano tem uma seqüência de leituras próprias, ou seja, leituras para o ano A, ano B e para o ano C. Se assim não fosse, teríamos repetição da leituras todos os anos. Desta forma a Igreja, sabiamente, escolheu para cada ano litúrgico, uma série de leituras. Portanto, não há repetição e sim ciclos.

29 OS TRÊS CICLOS DO ANO LITÚRGICO Como descobrir em que ano estamos? Façamos o seguinte cálculo Como regra geral podemos afirmar que: Todo múltiplo de três é ANO C ". Vejamos os exemplos a seguir: 2012 é =5 (5 não é múltiplo de 3, portanto não pode ser um ano C ) 2013 é =6 (6 é múltiplo de 3, portanto é um ano C ) 2014 é =7 (7 não é múltiplo de 3, portanto não pode ser um ano C ) 2016 é =9 (9 é múltiplo de 3, portanto é um ano C ) Sendo o ano 2016 um ano C o ano seguinte (2017) será um ano A uma vez que os ciclos estão nesta sequência: A, B, C, A,B, C, A, B, C... O ano de 2018 será um ano B e 2019 será um ano C

30 Por que a data da Páscoa Muda todo ano?

31 A data da Páscoa é móvel e muda todos os anos; e, em função dela são definidas as outras datas móveis do Calendário. Os judeus celebravam a Páscoa segundo o que prescreve o livro do Êxodo, no capítulo 12, no dia 14 do mês de Nissan. Era a celebração da libertação da escravidão do Egito para a liberdade da Terra Prometida por Deus a Abraão. A Igreja católica celebra a Páscoa cristã, Ressurreição de Cristo, acompanhando de certa forma a data da Páscoa judaica. Mas o calendário judeu era baseado na Lua, então a data da Páscoa cristã passou a ser móvel no calendário cristão, assim como as demais datas referentes à Páscoa, tanto na Igreja Católica como nas Igrejas Protestantes e Igrejas Ortodoxas. O primeiro Concilio geral da Igreja, o de Nicéia, no ano 325, determinou que a Páscoa cristã fosse celebrada no domingo seguinte à primeira Lua cheia após o equinócio da primavera do hemisfério Norte (20 de março 2015); podendo ocorrer entre 22 de Março e 25 de Abril.

32 Em astronomia, equinócio é definido como um dos dois momentos em que o Sol, em sua órbita, vista da Terra, cruza o plano do equador celeste. Os equinócios acontecem em março e setembro, e são as duas ocasiões em que o dia e a noite tem duração igual.

33 No hemisfério norte o equinócio da primavera ocorre no dia 20 de março, e o equinócio de outono ocorre no dia 23 de setembro. Estas datas marcam o início das respectivas estações do ano neste hemisfério. No hemisfério sul é o contrário, o equinócio da primavera ocorre no dia 23 de setembro, e o equinócio de outono ocorre no 20 de março. No próximo ano (2015) a lua cheia acontece no dia 04 de abril, então a Páscoa será no dia 05 de abril, que é o primeiro domingo após a lua cheia. Em 2014 a Páscoa foi em 20 abril e no ano de 2016 será em 27 de março. A Páscoa é assim um feriado móvel e que serve de referência para outras datas.

34 As datas móveis que dependem da Páscoa são: Terça-feira de Carnaval quarenta e sete dias antes da Páscoa. Portanto a terça-feira de Carnaval no ano de 2015 será no dia 17 de fevereiro. Quaresma Inicia na Quarta-feira de cinzas e termina no Domingo de Ramos (uma semana antes da Páscoa). Sexta-feira Santa a sexta-feira imediatamente anterior Sábado da Solene Vigília Pascal o sábado de véspera. Pentecostes é celebrado 50 dias após a Páscoa. Corpus Christi ou Corpo de Deus a quinta-feira imediatamente após o Pentecostes.

35 Fontes de pesquisa 1_Pequeno vocabulário prático de Liturgia 2ª edição Paulus 2_A liturgia da missa Teologia e Espiritualidade da Eucaristia 7ª edição - Frei Alberto Beckhauser, ofm - Vozes 3_Introdução ao MISSAL ROMANO Vozes 4_Liturgia Historia Celebração Teologia Espiritualidade Matias Augé Editora Ave Maria 5_Compêndio do Vaticano II 27ª edição Vozes 6_Constituição Sacrosanctum Concilium - CNBB 7_Curso de Liturgia Pe. Joãozinho, SCJ Edições Loyola 8_A missa parte por parte Pe. Luiz Cechinato 26ª edição Vozes 9_Pastoral Litúrgia Uma proposta, um caminho Pe. Serginho Valle, SCJ Ediçoes Loyola Elaboração: Pereira da Silva FONE: OU

Escola de Acólitos S. Miguel Ano Lectivo

Escola de Acólitos S. Miguel Ano Lectivo ANO LITÚRGICO Contexto Histórico do Ano Litúrgico Após a morte de Jesus, os discípulos reuniam-se no primeiro dia da semana, o dia seguinte ao sábado, para celebrarem o memorial do Senhor. Nesse dia, explicavam

Leia mais

FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS ESQUEMA DO ANO LITÚRGICO

FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS ESQUEMA DO ANO LITÚRGICO CEP 12.209621 FORMAÇÃO DOS CATEQUISTAS ESQUEMA DO ANO LITÚRGICO O ano litúrgico, o que é? Qual a diferença do ano civil para o ano litúrgico? A importância do ano litúrgico na vida do cristão. É o tempo

Leia mais

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP

Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Calendário Paroquial 2015 Paróquia Santa Rita de Cássia Carapicuíba-SP Janeiro 01 Q Solenidade Santa Maria, Mãe de Deus 02 S 03 S 15h00 Reunião de Coordenação da Catequese 04 D Solenidade Epifania do Senhor

Leia mais

O CALENDÁRIO LITÚRGICO

O CALENDÁRIO LITÚRGICO O CALENDÁRIO LITÚRGICO (Calendário observado pela Igreja Metodista) O Calendário Litúrgico, ou Ano Litúrgico, não é uma idéia, mas uma pessoa: Jesus Cristo e o Seu mistério realizado no tempo, que hoje

Leia mais

TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA

TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA TRÍDUO PASCAL ORAÇÕES À MESA 1. Quinta-Feira Santa Ao almoço D: Irmãos, Jesus Cristo fez de nós um reino de sacerdotes para Deus o nosso pai. T: A Ele, glória e poder / pelos séculos dos séculos. Amém.

Leia mais

Avisos. Domingo VI do Tempo Comum De 14 de Fevereiro de 2010 a 21-2-2010. AVISOS PAROQUIAIS sempre disponíveis em www.vidaparoquial.blogspot.

Avisos. Domingo VI do Tempo Comum De 14 de Fevereiro de 2010 a 21-2-2010. AVISOS PAROQUIAIS sempre disponíveis em www.vidaparoquial.blogspot. Quarta-Feira Quinta-Feira Quinta-Feira Avisos Domingo VI do Tempo Comum De 14 de Fevereiro de 2010 a 21-2-2010 Jagardo Para os cristãos começa na próxima quarta-feira o tempo mais importante da fé, o ciclo

Leia mais

CONSELHO PAROQUIAL DE PASTORAL

CONSELHO PAROQUIAL DE PASTORAL JANEIRO 01 Q Solenidade Santa Maria, Mãe de Deus 05 D Solenidade Epifania do Senhor 07 T 08 Q 12 D Festa Batismo de N. Senhor Jesus Cristo 14 T Aniversário de fundação da Cúria Imaculada Conceição 15 Q

Leia mais

Índice Introdução... 13 Abreviaturas... 17 1. Natureza da liturgia cristã... 21 1.1. O termo liturgia... 21 1.1.1. No helenismo... 22 1.1.2. No Antigo Testamento... 22 1.1.3. No Novo Testamento... 23 1.1.4.

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012

CALENDARIO DE ATIVIDADES PAROQUIAIS SAGRADA FAMÍLIA - 2012 FEVEREIRO 03 Missa do Apostolado da Oração 15h e Adoração das 16h às 18:45 04 Reunião com os Catequistas 14:30 horas 04 Curso de Batismo 19h às 21:30 horas 04 Noite do Cachorro Quente resp. Grupo de Jovens

Leia mais

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014

PARÓQUIA SÃO MATEUS CALENDÁRIO 2014 Dia Dia da JANEIRO COM MARIA CONSTRUIR A PAZ 31 MISSA NA SÃO MATEUS 20H 01 Quarta SOLENIDADE DA SANTA MÃE DE DEUS, MARIA/ MISSA NA CAPELA SANTO ANTONIO 10H 2 MISSA NA SÃO MATEUS 19H30 3 HORARIO NORMAL

Leia mais

Confira a programação completa da Semana Santa em algumas paróquias de Curitiba:

Confira a programação completa da Semana Santa em algumas paróquias de Curitiba: PROGRAMAÇÃO SEMANA SANTA NA ARQUIDIOCESE DE CURITIBA Organizada pela Arquidiocese de Curitiba, a Semana Santa terá início na quinta-feira, às 9 horas, com a Missa com Sagração dos Santo Óleos e Renovação

Leia mais

AGENDA PASTORAL PARÓQUIA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS

AGENDA PASTORAL PARÓQUIA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS AGENDA PASTORAL PARÓQUIA SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS JANEIRO 01 Terça Santa Mãe de Deus Dia Mundial da Paz 02 Quarta Reunião dos Meces 03 Quinta Terço e Adoração / Encontro geral de liturgia e preparação

Leia mais

Proclamação das Solenidades Móveis

Proclamação das Solenidades Móveis Proclamação das Solenidades Móveis Clayton Dias 1 No próximo domingo celebramos a Epifania do Senhor. Segundo as Normas Universais do Ano Litúrgico e Calendário Romano Geral, a Epifania do Senhor é celebrada

Leia mais

Os Mandamentos da Igreja

Os Mandamentos da Igreja Os Mandamentos da Igreja Por Marcelo Rodolfo da Costa Os mandamentos da Igreja situam-se na linha de uma vida moral ligada à vida litúrgica e que dela se alimenta CIC 2041 Os Mandamentos da Igreja tem

Leia mais

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO Disponível em: www.seminariomaiordebrasilia.com.br Acesso em 13/03/2014 A palavra Quaresma surge no século IV e tem um significado profundo e simbólico para os cristãos

Leia mais

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT)

JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) JESUS CRISTO FOI CONCEBIDO PELO PODER DO ESPÍRITO SANTO, E NASCEU DA VIRGEM MARIA (CONT) 11-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Em que sentido toda a vida de Cristo é Mistério? Toda a vida

Leia mais

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu.

Por isso, redescobrir a Eucaristia na plenitude é redescobrir o CRISTO. Hoje queremos agradecer este grande dom, que Cristo nos deu. O Pão da Vida Na solenidade de Corpus Christi, queremos recordar que os atos redentores de Cristo, que culminam na sua morte e ressurreição, atualizam-se na Eucaristia, celebrada pelo Povo de Deus e presidida

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014

PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 PARÓQUIA SÃO JOSÉ - MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES CALENDÁRIO PAROQUIAL DE PASTORAL ANO 2014 Objetivo A partir das Diretrizes da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil e do 7º Plano Diocesano de Pastoral (2013-20150,

Leia mais

PE. JOÃO DE DEUS GÓIS

PE. JOÃO DE DEUS GÓIS PE. JOÃO DE DEUS GÓIS 1 Liturgia: vida para a Igreja O que é Liturgia? Liturgia é a celebração de um povo reunido em nome do Senhor, que fez de nós irmãos, filhos do mesmo Pai, membros do mesmo corpo,

Leia mais

Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília

Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília Calendário Paróquia São Mateus 2015 - Arquidiocese de Brasília JANEIRO COM MARIA CONSTRUIR A PAZ Dia Dia da Semana 01 Quinta SOLENIDADE DA SANTA MARIA, MÃE DE DEUS. 04 Domingo SOLENIDADE DA EPIFANIA DO

Leia mais

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro

PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO MONTE SERRATE DIOCESE DE OSASCO. Janeiro Janeiro 1 S Solenidade de Santa Maria Mãe de Deus 2 D Epifania do Senhor 3 S 4 T 5 Q 6 Q 7 S 8 S Missa em louvor a nossa Senhora do Monte Serrate 19:30h Matriz 9 D Batismo de Nosso Senhor Jesus Cristo

Leia mais

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO 25-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Como se deu a entrada messiânica em Jerusalém? No tempo estabelecido,

Leia mais

MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA 20h00 Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz

MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA 20h00 Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz MÊS DIA DIA DA SEMANA HORA ATIVIDADE ABRIL 24 SEXTA-FEIRA Missa - Pastorais, Cordenadores, Catequistas e Ministros - Matriz ABRIL 25 SÁBADO ABRIL 26 DOMINGO 9h00 Encontro de Oração - Todos os Ministros

Leia mais

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia.

A grande refeição é aquela que fazemos em torno da Mesa da Eucaristia. EUCARISTIA GESTO DO AMOR DE DEUS Fazer memória é recordar fatos passados que animam o tempo presente em rumo a um futuro melhor. O povo de Deus sempre procurou recordar os grandes fatos do passado para

Leia mais

Tríduo Pascal - Ano C

Tríduo Pascal - Ano C 1 A celebração da Missa Vespertina da Ceia do Senhor inaugura o Sagrado Tríduo Pascal, o coração do ano litúrgico, no qual celebramos a morte, sepultura e a ressurreição de Jesus Cristo. Trata-se de um

Leia mais

Paróquia São Luiz Gonzaga FEVEREIRO

Paróquia São Luiz Gonzaga FEVEREIRO Paróquia São Luiz Gonzaga Cronograma Paroquial 2015 Atualização: 30/03/15 FEVEREIRO 04 Estudo das Cartas - Catequistas 19h30 Matriz São Luiz Gonzaga 04 Reunião dos Coordenadores - Grupos de 19h30 Matriz

Leia mais

A música no tempo do ano litúrgico

A música no tempo do ano litúrgico A música no tempo do ano litúrgico O ANO LITÚRGICO No decorrer do ano a Igreja comemora a obra salvífica de Cristo. No domingo (dia do Senhor) a Igreja recorda a ressurreição do Senhor. No ciclo anual

Leia mais

CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015. Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia

CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015. Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia CALENDÁRIO PAROQUIAL DAS ATIVIDADES 2015 JANEIRO/ 2015 Aviso nas celebrações do Início das Inscrições da Catequese de Primeira Eucaristia Dia 01 quinta-feira Solenidade de Maria, Santa Mãe de Deus Dia

Leia mais

Tema ASCENSÃO DO SENHOR

Tema ASCENSÃO DO SENHOR Encontro n. 6 ema ASCENSÃO DO SENHOR I. ACOLHIDA Ambiente: Lenço branco sobre a mesa, como sinal de despeida; uma cadeira vazia ou um banco próximo ao altar. Bíblia sobre o altar, vela acesa, com flores.

Leia mais

graça e de salvação", como nos revela o pensamento bíblico (Cf. 2Cor 6,2; Is 49,8a).

graça e de salvação, como nos revela o pensamento bíblico (Cf. 2Cor 6,2; Is 49,8a). O ANO LITÚRGICO Nota: A palavra "festa", no gráfico, não indica o grau litúrgico da celebração, mas apenas seu sentido genérico. CONSIDERAÇÕES INICIAIS 01 - Chama-se Ano Litúrgico o tempo em que a Igreja

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO

CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO CATEDRAL DIOCESANA DE CAMPINA GRANDE PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO SOBRE NÓS FAZEI BRILHAR O ESPLENDOR DE VOSSA FACE! 3 º DOMINGO DA PÁSCOA- ANO B 22 DE ABRIL DE 2012 ANIM: (Saudações espontâneas)

Leia mais

Centro de Estudos Anglicanos

Centro de Estudos Anglicanos Formação do Ano Litúrgico Rev. Sílvio Freitas * Inicialmente a páscoa era comemorada semanalmente, no domingo, o "dia do Senhor", dia em que Jesus ressuscitou dos mortos. Vemos logo cedo registro da importância

Leia mais

CALENDÁRIO 2014 DIOCESE DE LIMEIRA / SP. JANEIRO Horário Local Atividade

CALENDÁRIO 2014 DIOCESE DE LIMEIRA / SP. JANEIRO Horário Local Atividade DIOCESE DE LIMEIRA / SP NOVA PARÓQUIA: UMA FONTE DE ÁGUA VIVA CALENDÁRIO a 0 a e e a e 9 e 9 9 CALENDÁRIO h Juazeiro do Norte/CE São Paulo JANEIRO h00 0 0h 0 Emaús Aparecida - SP -Norte Artur Nogueira

Leia mais

É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o

É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o 3 - Eucaristia O que é a Eucaristia? É o próprio sacrifício do Corpo e do Sangue do Senhor Jesus, que Ele instituiu para perpetuar o sacrifício da cruz no decorrer dos séculos até ao seu regresso, confiando

Leia mais

O texto nomeia os 11, mais algumas mulheres, das quais só menciona Maria, com os irmãos de Jesus. Aqui aparece um fato curioso e edificante.

O texto nomeia os 11, mais algumas mulheres, das quais só menciona Maria, com os irmãos de Jesus. Aqui aparece um fato curioso e edificante. Aula 25 Creio na Igreja Católica.1 Frei Hipólito Martendal, OFM. 1. Leitura de At 2, 1-15. Ler e explicar... Dia de Pentecostes (=Quinquagésima) é o 50º dia depois da Páscoa. Os judeus celebravam a Aliança

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I

DOMINGO VII DA PÁSCOA. Vésperas I DOMINGO VII DA PÁSCOA (Onde a solenidade da Ascensão não é transferida para este Domingo). Semana III do Saltério Hi n o. Vésperas I Sa l m o d i a Salmos e cântico do Domingo III. Ant. 1 Elevado ao mais

Leia mais

Após as festas do Natal, em que celebramos o mistério da infância de Jesus, a liturgia nos introduz no mistério da sua vida pública.

Após as festas do Natal, em que celebramos o mistério da infância de Jesus, a liturgia nos introduz no mistério da sua vida pública. Após as festas do Natal, em que celebramos o mistério da infância de Jesus, a liturgia nos introduz no mistério da sua vida pública. No BATISMO DE JESUS, no Rio Jordão, revela-se o Filho amado de Deus,

Leia mais

Agenda Pastoral 2016

Agenda Pastoral 2016 Arquidiocese de Ribeirão Preto Agenda Pastoral 2016 Janeiro 03/01 - Domingo - Epifania do Senhor 09/01 - Sábado - Capacitação para Agentes da CFE-2016 - Seminário - Brodowski 10/01 - Domingo - Batismo

Leia mais

Catecumenato Uma Experiência de Fé

Catecumenato Uma Experiência de Fé Catecumenato Uma Experiência de Fé APRESENTAÇÃO PARA A 45ª ASSEMBLÉIA DA CNBB (Regional Nordeste 2) www.catecumenato.com O que é Catecumenato? Catecumenato foi um método catequético da igreja dos primeiros

Leia mais

O CARTAZ Jesus é a Fonte da água viva Significado do Cartaz

O CARTAZ Jesus é a Fonte da água viva Significado do Cartaz O CARTAZ Jesus é a Fonte da água viva Significado do Cartaz Completando a coleção do quadriênio junto com o término do Planejamento IELB 2014, temos as imagens menores que apontam para os cartazes anteriores.

Leia mais

Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma 10/02/2011. Crisma 2010/2011. Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma

Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma 10/02/2011. Crisma 2010/2011. Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma Crisma 2010/2011 Encontro 29 Tempo Liturgico e Quaresma O Ano litúrgico é o período de doze meses, divididos em tempos litúrgicos, onde se celebram como memorial, os mistérios de Cristo, assim como a memória

Leia mais

Prelazia de São Felix do Araguaia

Prelazia de São Felix do Araguaia Prelazia de São Felix do Araguaia Calendário 2015 JANEIRO 01 Quinta Solenidade Santa Mãe de Deus 02 Sexta 03 Sábado 04 Domingo Solenidade da Epifania do Senhor Todas as Comunidades 05 Segunda Escola de

Leia mais

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos,

PASCOM. A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, PASCOM A PASCOM agradece a todos que colaboraram com esta edição do INFORMATIVO DA PENHA nos mandando fotos, t e x t o s e i d é i a s p a r a a s matérias! Nossa Senhora da Penha, que sabe o nome de cada

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

Fé e Tradição de um Povo

Fé e Tradição de um Povo Celebrações da Semana Santa na Vila do 09 de Abril Quarta-feira 16.00 h Celebração Penitencial e Confissões na Igreja Matriz 13 de Abril Domingo de Ramos 11.00 h Bênção dos Ramos na Igreja da Misericórdia

Leia mais

O TEMPO DA QUARESMA E DA PÁSCOA

O TEMPO DA QUARESMA E DA PÁSCOA O TEMPO DA QUARESMA E DA PÁSCOA No Tempo da Quaresma e da Páscoa, também chamado de Ciclo Pascal, celebramos o grande mistério de nossa fé: o mistério da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo. No

Leia mais

18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011)

18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011) 28.10 147 18.02 e 05.10 (Fechamento da Agenda 2011) 148 17.04, 19.06 149 150 151 152 153 e 11.12 (F). 29.05 (A), 06.11 (B), 13.11 (C), 14.11 (D), 21.11 (E) 17.04 (A), 19.09 (B), 23.10 (C) e 20.11 (D).

Leia mais

Calendário Paroquial 2012. 29 Missa em Ação Graças pelo Grupo de Oração Providencia de Maria às 08:00 hs.

Calendário Paroquial 2012. 29 Missa em Ação Graças pelo Grupo de Oração Providencia de Maria às 08:00 hs. Calendário Paroquial 2012 Janeiro Inscrições Catequese 08 Celebrações do Batismo (Matriz) 09 a 26 Escola da Fé Paroquial das 19:00 às 21:30 hs. 15 Show de Prêmios São Marcelo 16 Missa Com São Marcelo às

Leia mais

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida?

Começando pela realidade da assembléia, antes de mais nada é preciso perguntar-se: Qual a realidade desta comunidade reunida? Agora você vai conhecer dicas indispensáveis para o ministério de música no serviço à liturgia. Mas as orientações aqui apresentadas não dispensam as observações do celebrante. É ele quem preside e, por

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

III Domingo da Quaresma de 2015. Ano A

III Domingo da Quaresma de 2015. Ano A III Domingo da Quaresma de 2015. Ano A Caríssimos Irmãos e Irmãs: Neste ano, em nosso M osteiro, estamos celebrando o Tempo da Quaresma do Ano A, porque na Noite Santa da Páscoa, vamos ministrar os Sacramentos

Leia mais

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM

TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM Página 1 TOMADA DE POSSE DO NOVO PÁROCO - CELEBRAÇÃO (cf. Cerimonial dos Bispos, nn. 1185-1198) DIOCESE DE CRUZEIRO DO SUL AC/AM 01. Canto de Entrada 02. Saudação inicial do celebrante presidente 03. Leitura

Leia mais

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária

A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A iniciação cristã como pedagogia de vida comunitária A evangelização nos dá a alegria do encontro com a Boa Nova da Ressurreição de Cristo. A maioria das pessoas procura angustiada a razão de sua vida

Leia mais

Cáritas Diocesana de Portalegre e Castelo Branco

Cáritas Diocesana de Portalegre e Castelo Branco 1 Cáritas Diocesana de Portalegre e Castelo Branco 25 Páscoa e Libertação P. Boa noite. Este é mais um programa da responsabilidade da Cáritas Diocesana de Portalegre e Castelo Branco. Elicídio Bilé, como

Leia mais

CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO

CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO CALENDÁRIO 2015 - Eventos Arquidiocesanos JANEIRO 01 - SOLENIDADE DO SENHOR BOM JESUS DE CUIABÁ, PADROEIRO DA ARQUIDIOCESE. 16-1 Vigília Preparação MicareCristo e Vinde e Vede, Setor Juventude, Paróquia

Leia mais

Índice. Átrio ou Três Encontros e Duas Notas...17. De Um A Razão Animada por Álvaro Ribeiro...21

Índice. Átrio ou Três Encontros e Duas Notas...17. De Um A Razão Animada por Álvaro Ribeiro...21 Índice Átrio ou Três Encontros e Duas Notas...17 De Um A Razão Animada por Álvaro Ribeiro...21 Carta I...25 I Domingo do Advento, 3 de Dezembro de 2006 Passeios no campo Carta II...28 II Domingo do Advento,

Leia mais

CALENDÁRIO DIOCESANO DIOCESE DO FUNCHAL

CALENDÁRIO DIOCESANO DIOCESE DO FUNCHAL CALENDÁRIO DIOCESANO DIOCESE DO FUNCHAL ANO PASTORAL 2015 2016 CALENDÁRIO DIOCESANO 2015-2016 SETEMBRO 2015 1 2 3 4 5 6 DOMINGO XXIII 7 8 9 10 11 12 13 DOMINGO XXIV 14 15 2 DIOCESE DO FUNCHAL 16 17 18

Leia mais

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE

MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE MISSA DE ABERTURA DA CATEQUESE XXV domingo do tempo comum 23/09/2012 Igreja de Cedofeita ENTRADA Eu vi meu Deus e Senhor, aleluia, aleluia. Cantai ao amor, cantai, aleluia, aleluia. ADMONIÇÃO DE ENTRADA

Leia mais

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

A Apostolicidade da Fé

A Apostolicidade da Fé EMBARGO ATÉ ÀS 18H30M DO DIA 10 DE MARÇO DE 2013 A Apostolicidade da Fé Catequese do 4º Domingo da Quaresma Sé Patriarcal, 10 de Março de 2013 1. A fé da Igreja recebemo-la dos Apóstolos de Jesus. A eles

Leia mais

I - A LITURGIA DA PALAVRA: natureza e estrutura

I - A LITURGIA DA PALAVRA: natureza e estrutura 3 I - A LITURGIA DA PALAVRA: natureza e estrutura 1. A Palavra de Deus na economia da salvação Conhecemos a partir da Sagrada Escritura que pela palavra Deus criou todas as coisas (cf. Gn 1-2,4a), se deu

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP

SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP SEMANA DE FORMAÇÃO TEOLÓGICA PARÓQUIA SANTO ANTONIO Itapira SP CREIO (N)A SANTA IGREJA CATÓLICA I CRER DE MODO ECLESIAL NO CONTEÚDO DA FÉ CRISTÃ. A PROFISSÃO DE FÉ DA IGREJA A FÉ BATISMAL A PROFISSÃO DE

Leia mais

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PARÓQUIA SAGRADA FAMÍLIA ANO 2014

CALENDÁRIO DE ATIVIDADES PARÓQUIA SAGRADA FAMÍLIA ANO 2014 Conselho Pastoral Paroquial aprovado em 22/02/2014 MARÇO 05 Quarta-feira de Cinzas Missas às 09h, 15h e 19h - Conscientização sobre a Santa Missa 07 Reunião do Apostolado da Oração às 14 horas, Missa às

Leia mais

COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM

COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM CONVITE: A Paróquia de São Francisco de Assis tem a honra de lhes convidar para a Festa do Nosso Amado Padroeiro com o Tema: COM SÃO FRANCISCO, NA CARIDADE, BUSQUEMOS A ÉTICA EM PROL DO BEM COMUM Que realizar-se-á

Leia mais

Formação de GAPRT. Grupo de Acólitos da Paróquia de Rio Tinto

Formação de GAPRT. Grupo de Acólitos da Paróquia de Rio Tinto Formação de Acólitos GAPRT Grupo de Acólitos CORES LITÚRGICAS BRANCO VERMELHO VERDE ROXO ROSA AZUL BRANCO n n n n Tempo Pascal e Natal. Festas e memórias do Senhor (excepto no Domingo de Ramos e a Exaltação

Leia mais

DIRECTÓRIO GERAL DA CATEQUESE - SDCIA/ISCRA -2 Oração inicial Cântico - O Espírito do Senhor está sobre mim; Ele me enviou para anunciar aos pobres o Evangelho do Reino! Textos - Mc.16,15; Mt.28,19-20;

Leia mais

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico?

O ANO LITÚRGICO. Quando se inicia o Ano Litúrgico? O ANO LITÚRGICO Chama-se Ano Litúrgico o tempo em que a Igreja celebra todos os feitos salvíficos operados por Deus em Jesus Cristo. "Através do ciclo anual, a Igreja comemora o mistério de Cristo, desde

Leia mais

IIIDomingo Tempo Pascal- ANO A «..Ficai connosco, Senhor, porque o dia está a terminar e vem caindo a noite

IIIDomingo Tempo Pascal- ANO A «..Ficai connosco, Senhor, porque o dia está a terminar e vem caindo a noite Ambiente: Os comentadores destacaram, muitas vezes, a intenção teológica deste relato. Que é que isto significa? Significa que não estamos diante de uma reportagem jornalística de uma viagem geográfica,

Leia mais

Missa no Dia de Páscoa

Missa no Dia de Páscoa 48 DOMINGO DE PÁSOA DA RESSURREIÇÃO DO SENHOR Missa no Dia de Páscoa aríssimos irmãos e irmãs em risto: Neste dia santíssimo da Ressurreição do Senhor, em que o Espírito nos faz homens novos, oremos ao

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

Tema Geral da IELB: Igreja comunica a Vida! Cristo para todos! Enfoque 2014: Comunicando sempre: Jesus a fonte da água viva.

Tema Geral da IELB: Igreja comunica a Vida! Cristo para todos! Enfoque 2014: Comunicando sempre: Jesus a fonte da água viva. Introdução Falar sobre água, na Bíblia, é tocar num assunto vital, tendo em vista o clima daquela região. Água, mesmo em uso metafórico, é uma imagem bem impactante, num clima semiárido. No entanto, o

Leia mais

Oficina de Liturgia e. Por. Pe. Cleiton Alencar Salvador 2011

Oficina de Liturgia e. Por. Pe. Cleiton Alencar Salvador 2011 Oficina de Liturgia e Música Por. Pe. Cleiton Alencar Salvador 2011 I parte Ohomem éum ser sacramental, queno planoreligioso expressam suas relações com Deus através de um conjunto de sinais e símbolos.(puebla

Leia mais

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento?

OS SACRAMENTOS. O que é um Sacramento? OS SACRAMENTOS Os sacramentos da nova lei foram instituídos por Cristo e são sete, a saber: o Batismo, a Crisma ou Confirmação, a Eucaristia, a Penitência, a Unção dos Enfermos, a Ordem e o Matrimônio.

Leia mais

Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena

Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena Pr. Ademilson Ribeiro Presidente do Ministério Graça Plena Texto: (2º cor 9.6) "Celebrai com júbilo ao Senhor" Introdução Ao completar dez anos (10) de existência, o Ministério Graça Plena chega em 2014,

Leia mais

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min

PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min PARÓQUIA SÃO SEBASTIÃO E SÃO VICENTE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA DA VÍGILIA DE PENTECOSTES COM OFÍCIO DIVINO Comunidade São Sebastião 19h30min Terço Como de costume RITOS INICIAIS Enquanto se entoa o refrão

Leia mais

Paróquia Nossa Senhora da Candelária Calendário das Atividades de 2012

Paróquia Nossa Senhora da Candelária Calendário das Atividades de 2012 Mês : Janeiro (Ano Litúrgico "B") Solenidade Santa Mãe de Deus, Maria Dia Mundial da Paz 1 :00 Celebração da Palavra Matriz Comunidades : Missa da Sol. da Santa Mãe de Deus, Maria Matriz Comunidades 2

Leia mais

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal

ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal 1 PARÓQUIA DE Nª SRª DA CONCEIÇÃO, MATRIZ DE PORTIMÃO ORAÇÃO EM FAMÍLIA Quaresma e Tempo Pascal (O Ícone da Sagrada Família deve ser colocado na sala, num lugar de relevo e devidamente preparado com uma

Leia mais

Gr.Bíblico. Evangelho de. Nossa Senhora Conceição. São Mateus Ano litúrgico A

Gr.Bíblico. Evangelho de. Nossa Senhora Conceição. São Mateus Ano litúrgico A Evangelho de São Mateus Ano litúrgico A O Segundo Envangelho O TEMPO DE JESUS E O TEMPO DA IGREJA Este Evangelho, transmitido em grego pela Igreja, deve ter sido escrito originariamente em aramaico, a

Leia mais

Semana Santa. A verdade é que ele tomava sobre sí nossas enfermidades e sofria, ele mesmo, nossas dores... (Is 52, 4) Pe. Tuti

Semana Santa. A verdade é que ele tomava sobre sí nossas enfermidades e sofria, ele mesmo, nossas dores... (Is 52, 4) Pe. Tuti Semana Santa motivo, o sagrado Tríduo Pascal da Paixão e Ressurreição do Senhor se apresenta como o ponto culminante de todo o ano litúrgico. O Tríduo Pascal não é preparação do Domingo da Ressurreição,

Leia mais

Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica

Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica Igreja Nova Apostólica Internacional Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica Depois de, na última edição, termos abordado os aspetos inclusivos e exclusivos no Antigo e no Novo Testamento,

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

AGENDA 2013 Inspetoria Paróquia AJS SAV - ARQUIDIOCESE

AGENDA 2013 Inspetoria Paróquia AJS SAV - ARQUIDIOCESE AGENDA 2013 Inspetoria Paróquia AJS SAV - ARQUIDIOCESE JANEIRO: 01 Dia Mundial da Paz e da Fraternidade 06 Missa do SAV 19hs 06 a 20 - Projetos Missionários, Gpuava, Três Barras, Otacílio Costa e Rio Grande

Leia mais

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...).

ANO B. DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia. (Outras intenções: adultos e crianças baptizados nesta Páscoa...). 122 ANO B DOMINGO II DA PÁSCOA ou da Divina Misericórdia (Se estiverem presentes adultos que tenham sido baptizados na última Páscoa, as intenções da oração dos fiéis poderão hoje ser propostas por eles).

Leia mais

PROGRAMA PAROQUIAL DE PASTORAL 2009/2010

PROGRAMA PAROQUIAL DE PASTORAL 2009/2010 PROGRAMA PAROQUIAL DE PASTORAL 2009/2010 Ao iniciar o novo ano de pastoral paroquial, aceitamos o desafio que nos é feito de continuarmos a nossa caminhada de cristãos atentos aos desafios de Deus e do

Leia mais

Fevereiro Domingo - Missa 19h00 - Capela CND

Fevereiro Domingo - Missa 19h00 - Capela CND CALENDÁRIO PASTORAL 2013 COLÉGIO NOTRE DAME DE CAMPINAS "ANO DA FÉ Jornada Mundial da Juventude 03/fev 06/fev 10/fev 13/fev 15/fev 16/fev 17/fev 18/fev 19/fev 20/fev 24/fev 25/fev 27/fev 03/mar 04/mar

Leia mais

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010

COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 COLÉGIO AGOSTINIANO SÃO JOSÉ PASTORAL EDUCATIVA REUNIÃO DE PAIS E CATEQUISTAS 09 DE FEVEREIRO DE 2010 ORAÇÃO DE ABERTURA CANTO (REPOUSAR EM TI) Música de Tânia Pelegrino baseada na obra Confissões, de

Leia mais

PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15

PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15 PARÓQUIA N. SRA. DA CONCEIÇÃO DE RIO BONITO AGENDA PAROQUIAL 2015 JANEIRO/15 03/01 Evangelização na Praça da Matriz I Escola de Missão Espírito Santo - a partir das 09 horas 04/01 Experiência Missionária

Leia mais

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP

conheça sua Bíblia Estudos Panorâmicos no AT e NT TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP TODA QUINTA-FEIRA - DAS 19H30 ÀS 21H - RUA JOSÉ ALVES GUEDES, 1332 - JD. SONIA JAGUARIÚNA/SP Êxodo! DATA: 1445 a.c.; na caminhada pelo deserto do Sinai. NOME: No hebraico Shemot, nomes, e no grego Êxodo,

Leia mais

Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA

Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA Capitulo 3 ESPIRITUALIDADE DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA CATÓLICA Deus nos alerta pela profecia de Oséias de que o Povo dele se perde por falta de conhecimento. Cf. Os 4,6 1ª Tm 4,14 Porque meu povo se perde

Leia mais

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013

Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 Repasse da 76a. Assembléia da CNBB Sul I Aparecida de 10 a 12/06/2013 1. Finalidade do Ano da Fé; 2. O que é a Fé; 3. A transmissão da Fé enquanto professada, celebrada, vivida e rezada; 4. O conteúdo

Leia mais

PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André

PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André PARÓQUIA SÃO JOSÉ MATRIZ DE RIBEIRÃO PIRES Diocese de Santo André A força da evangelização virá a encontrar-se muito diminuída se aqueles que anunciam o Evangelho estiverem divididos entre si, por toda

Leia mais

O PLANO CONTRA LÁZARO

O PLANO CONTRA LÁZARO João 12 Nesta Lição Estudará... Jesus em Betânia O Plano Contra Lázaro Jesus Entra em Jerusalém Alguns Gregos Vão Ver Jesus Anuncia a Sua Morte Os Judeus Não Crêem As Palavras de Jesus Como Juiz JESUS

Leia mais

assunto descricao data Santa Maria no Sábado MF Verde ou br, Ofício da féria ou da memória, Missa à escolha (cf, p, 18, n, 18),

assunto descricao data Santa Maria no Sábado MF Verde ou br, Ofício da féria ou da memória, Missa à escolha (cf, p, 18, n, 18), assunto descricao data Santa Maria no Sábado MF Verde ou br, Ofício da féria ou da memória, Missa à escolha (cf, p, 18, n, 18), SÁBADO da semana L 1 Tg 5, 13-20; Sal 140 (141), 1-2, 3 e 8 01-03-2014 VII

Leia mais

CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA

CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA CATEQUESE COMO INICIAÇÃO À EUCARISTIA PE. GREGÓRIO LUTZ Certamente o título deste artigo não causa estranheza à grande maioria dos leitores da Revista de Liturgia. Mas mesmo assim me parece conveniente

Leia mais