UMC Inventor 8 Procedimento para criação de um modelo de peça paramétrica simples projeto Projeto.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "UMC Inventor 8 Procedimento para criação de um modelo de peça paramétrica simples projeto Projeto."

Transcrição

1 UMC - Tecnologia de Automação Industrial Desenho 3 Prof.: Jorge Luis Bazan. Modulo 2 Inventor 8 Procedimento para criação de um modelo de peça paramétrica simples a) Defina um novo projeto para conter todos os arquivos referidos à tarefa que será realizada. b) Crie um novo arquivo de part (peça). c) Configure o ambiente para trabalhar mais comodamente no sketch e nas features d) Crie a geometria do sketch que dará lugar à primeira feature da nova peça. e) Transforme o sketch em profile adicionando as restrições geométricas e dimensionais. f) Crie a feature base por extrude, revolve ou outra ferramenta para geração de feature. g) Acrescente as features necessárias para completar todos os detalhes da peça h) Adicione, finalmente, os chanfers e fillets que completam a peça. i) Caso seja necessário modificar a peça, edite as features existentes, e j) Salve o modelo paramétrico. A seguir vamos examinar cada um destes passos para apresentar as informações necessárias a cada tarefa. a) Projeto. Projeto e um recurso de gerenciamento usado pelo Inventor para localizar e trabalhar com todos os documentos relacionados a uma tarefa. No Inventor é possível trabalhar com vários projetos, mas apenas um deles é o projeto ativo. Definir o projeto ativo é selecionar uma pasta, ou criar uma pasta, com nome apropriado, essa pasta conterá todas as peças, montagens e desenhos 2D referidos a esta tarefa. Por exemplo: crie uma pasta, no disco rígido, com o seguinte nome: Des_3-seuNome para conter todos os arquivos que Você irá criar durante este curso. Alem dos arquivos das pecas envolvidas, esta nova pasta conterá arquivos de gerenciamento de documentos que permitem que o Inventor localize e gerencie os documentos externos que devam ser usados no novo projeto. Os arquivos que formam parte desta pasta não poderão ser encontrados facilmente se forem movidos o posicionados fora do projeto a que pertencem. Na pasta OPEN, o ícone PROJETS da seção What to do, contem as ferramentas para gerar (e gerenciar) um novo projeto e torná-lo ativo. Veja a figura abaixo: Projetos ativo Relação dos projetos existentes Localização de cada projeto em disco Botão abre caixa de dialogo: Projetos Botão: cria novo projeto Lembre: todos os arquivos gerados no Inventor 8 são guardados na pasta do projeto ativo. Se, eventualmente, for necessário trabalhar numa tarefa diferente, o projeto ativo deve mudar de pasta para que os arquivos gerados pelo aplicativo sejam direcionados à pasta correspondente; desta forma será possível trabalhar em vários projetos sem quebrar os vínculos entre documentos que corresponde a cada um deles.

2 b) Arquivo de part: Um arquivo de peça do Inventor, é um documento com extensão.ipt, onde se modelará uma só peça para o projeto ativo (só arquivos de montagem podem trabalhar com mais de uma peça). Use o ícone NEW da janela What to do e depois o ícone Standard.ipt para criar um novo arquivo de part. O ícone Standard.ipt é um template que define o tipo de unidade de comprimento a ser usado, e outras variáveis de ambiente para o novo arquivo criado. A seguir é apresentado o ambiente de part, onde a nova peça será modelada. Na figura seguinte aparecem todos os componentes da janela do ambiente de part. Observe na barra de título o nome do arquivo atual: part 1, é um nome genérico que será atualizado quando for dado um nome definitivo ao arquivo. Todos os componentes desta janela formam parte do que chamamos: Interface do usuário, no ambiente de modelação de parte. Nela podem ser observados: Barra de título Barra de menus Barra de ferramentas Browser ou navegador Barra de Ferramentas de sketch (ou, em lugar dela a Barra de ferramentas de features) Área gráfica (ou espaço 3D). Barra de título Barra de menus Ferramentas de sketch Barra de ferramentas Pasta origin Planos, eixos e ponto de trabalho Janela do Browser Sketch atualmente Apresentado na tela Área gráfica, com linhas de GRID, para controle do SKETCH

3 A barra de título permite ver o nome e tipo de arquivo ativo e contem três ícones (do lado direito) para realizar as três operações básicas com o aplicativo (o Inventor): maximizar, minimizar e fechar. As barras de menus reúnem os comandos usados pelo programa de forma organizada. Dentro dos menus: Arquivo, Editar, Inserir..., os comandos estão divididos em seções, de acordo com o tipo de função que executam. Um comando pode ser acionado pelo seu ícone dentro de uma barra de ferramentas ou clicando nele dentro de um menu. Barras de ferramentas reúnem ícones que, quando acionados, chamam comandos. Há várias barras de ferramentas padronizadas disponíveis, mas só uma está presente na interface gráfica depois de uma instalação padrão: Inventor Standard bar. Para conhecer as barras de ferramentas restantes, pulse qualquer ícone de uma barra de ferramenta presente com o botão direito do mouse: aparecerá uma relação na qual, os itens ticados indicam as barras de ferramentas presentes na tela. Browser ou navegador: é uma janela que deve estar sempre presente, pois auxilia em muitas tarefas da modelação. Apresenta uma estrutura de arvore que organiza hierarquicamente ícones e pastas. Na parte mais alta da árvore pode ser visto o nome do arquivo atual, logo abaixo uma pasta chamada Origin que contem features de trabalho, e a seguir todos os ícones que representam as features da peça que está sendo modelada. Veja a figura abaixo: Nome da peça Features de trabalho Sketch ativo Ferramentas de sketch Browser ou navegador Barra de ferramentas de sketch: nesta janela estão reunidas as ferramentas necessárias para construir e editar os sketchs necessários na modelação de peças. Veja a figura acima e observe que há alguns icones que possuem seta de rolar, isto indica que eles podem apresentar outros ícones quando a seta for acionada. Espaço 3D: esta é a janela maior, aqui será modelada a peça (ou part). c) Configurar o ambiente de trabalho: Para facilitar as operações de construção de sketchs e edição de features, é necessário configurar o ambiente de modelação, de modo a permitir um melhor controle por parte do usuário. 1- Vá até o menu Tools e entre no Document settings. Esta janela tem várias alças: Standard, Units, Sketch etc. Na alça Units aparecem as unidades que serão usadas para a modelação do arquivo ativo e na seção Modeling Dimensions diplay os valores de precisão para medidas de comprimentos e ângulos.

4 2- Do lado direito marque Display as Value, para que as cotas apresentem seu valor numérico. 3- Vá até a alça Sketch e dentro dela, na seção Grid display, configure o tamanho do Grid. O grid é uma grade de linhas que auxilia no traçado do sketch; para ter controle dos tamanhos das linhas desenhadas há dois quadros de entradas: no primeiro, Snap per minor, determina-se quantos passos há entre linhas finas, e em minor lines define-se a cada quantas linhas finas deve ser apresentada uma linha grossa. Da combinação destas distancias resulta a apresentação de uma matriz de quadrados menores e maiores na tela. Para começar sem problemas use: em Snap spacing: 1 mm para x e y, em Snap per minor e em Minor Lines use 10. d) Criação da geometria do sketch: Sketch é uma figura fechada que movida no espaço gera um volume. O esquema seguinte representa as três faces que esta figura irá atravessar até tornar-se um sólido: SKETCH PROFILE FEATURE Antes de construir um sketch é necessário definir um sketch plane, quer dizer: definir um plano no espaço para desenhar a seção da feature que desejamos. O sketch pode ser posicionado em quaisquer dos planos de trabalho contidos em todos os arquivos de part, ou num plano criado pelo usuário. Os planos padronizados estão dentro da pasta Origin, na janela do navegador. Sempre que é iniciado um novo arquivo de peça, é entregue, automaticamente, um sketch plane ativo para desenhar nele o primeiro sketch da peça, sem permitir que seja selecionado o plano mais adequado à orientação espacial que se deseja para o modelo, examinaremos esta questão mais adiante. Uma vez definido o plano do sketch, use as ferramentas de criação de sketch para construir um esboço simplificado da seção desejada. Trabalhe sempre com Sketchs simples, eles dão mais flexibilidade às features e permitem editar com maior facilidade a peça depois de concluída. Evite incluir no sketch chamfros e fillets, eles serão acrescentados como features localizadas no final da modelação. Lembre que a seção (também chamada de loop) deve ser uma curva fechada e que linhas não devem sobrepor-se, de modo contrário o software não aceitará transformar o profile em feature. Preste muita atenção no cursor e na janela gráfica enquanto o sketch é criado, poderá notar que símbolos são apresentados momentaneamente na proximidade da figura: é o mecanismo de inserção de restrições geométricas automáticas, que diz ao usuário que constains estão sendo posicionadas em função de inferências que o modelador tira da figura construída. As constrains que o software não tem condições de inserir no sketch deverão ser acrescentadas manualmente pelo usuário; e caso alguma destas restrições venham a se opor à geometria desejada, deverá ser explicitamente eliminada pelo usuário. O mecanismo de inserção de restrições automáticas pode ser anulado temporariamente apertando a tecla CONTROL enquanto se desenha o sketch. e) Transformar o sketch em profile: Depois de desenhar o esboço simplificado da seção (o sketch), devem ser posicionadas as restrições ou Constrains que transformam o sketch em profile. Ou seja: o profile é o sketch da seção com o acréscimo de todas as constrains necessárias para garantir que o software sabe como é a seção que será transformada em sólido e como esta seção pode potencialmente ser modificada no futuro. Lembre que durante a construção do sketch algumas constrains foram inseridas pelo próprio software e que é necessário um número justo de restrições.

5 Há dois tipos de restrições ou constrains: Aqui está a ferramenta para inserir cotas no Sketch Aqui estão as constrains Restrições de forma: São usadas para forçar, ou garantir, propriedades geométricas das linhas que delimitam a seção mesmo depois de esta seção ser redimensionada. Por exemplo: garantir o paralelismo entre duas linhas independente da distancia que as separa; garantir a concentricidade de duas curvas mesmo depois de alterados os seus raios; forçar que uma linha fique sempre vertical, ou forçar que um determinado ponto fique sempre coincidente com uma linha em particular, etc. na figura abaixo aparece a janela que contem as ferramentas que aplicam constrains aos sketchs. Paralelo Tangente Coincidente Concêntrico Perpendicular Horizontal Vertical Igual Fixar Colinear Simétrico Posicione sempre primeiro as restrições de forma e só quando tiver garantido a forma posicione as cotas que dão tamanho ao profile. Não apague as cotas posicionadas, elas ficarão ocultas quando a seção seja transformada em feature. Restrições dimensionais. São as cotas que determinam o tamanho das linhas ou acidentes da seção. É importante que todas as cotas para definir a seção sejam posicionadas no sketch, isto vai evitar problemas na hora de redimensionar ou editar a seção. Insira primeiro as cotas que fixam as dimensões maiores e deixe para o final as cotas de elementos menores. f) criar a feature base: Use um comando de criação de feature (como extrude ou revolve) para criar a primeira feature. g) Acrescente as outras features necessárias para completar o modelo. Depois de construída a feature base crie as restantes features que descrevem todos os detalhes do modelo. h) Adicione, por último, os chanfers e fillets há vários tipos de features para descrever os acidentes que uma peça pode apresentar: Features esboçadas, posicionadas e de trabalho. As festures posicionadas são fillets e chanfers, deixar elas para inserir no final. i) Caso seja necessário fazer alguma alteração: edite o modelo j) Salve o modelo.

6 Comandos de visualização: Os comandos de visualização disponíveis são: Zoom Window Pan Orbit Zoom All Look at Zoom Zoom Selected Zoom All: ajusta o grau de ampliação do modelo (2D ou 3D) para que sua visualização ocupe toda a tela. Zoom Window: amplia uma janela retangular, definida por dois pontos, para ocupar a tela com ampliação máxima. Zoom: aumenta ou diminui a ampliação da imagem apresentada na tela. Para mudar o grau de ampliação clique sobre o ícone, aperte o botão esquerdo do mouse no centro da tela e arraste para cima (diminui a ampliação) ou para baixo (aumenta a ampliação). Pan: desloca a câmera transversalmente, sem alterar a ampliação da imagem. Zoom Select: Aplica zoom de ampliação máxima sobre um item selecionado. Por exemplo: selecionando uma face do modelo, esta face será ampliada para ocupar toda a tela. Rotate: permite vários tipos de rotação do modelo com movimentos do mouse. Para rotacionar o modelo livremente dê um pick de mouse sobre o botão ROTATE, aparecerá o símbolo de rotação na tela, clique dentro do símbolo e arraste o mouse; clicando fora do símbolo e arrastando o mouse rotaciona-se a imagem. Look at:: gira o modelo de modo a visualizar frontalmente uma face selecionada. Previus view: (no menu de cursor ou usando F5) apresenta novamente a visualização anterior do modelo. Isometric view: (no menu de cursor) rotaciona o modelo ate obter a vista isométrica. Para facilitar as tarefas de visualização use as seguintes teclas de função: F2 PAN, desloca a visualização transversalmente, sem mudar a ampliação. F3 ZOOM, modifica a condição de ampliação da visualização com o uso do mouse. F4 ROTATE, rotaciona o modelo de acordo com o deslocamento de mouse. F5 PREVIOUS VIEW, recupera a visualização anterior (também pode ser encontrado no menu de cursor)

Autodesk Inventor 7. Tutorial de Modelamento 3D Básico. Modelamento de uma Polia. Autor: Cristiano Nogueira Silva

Autodesk Inventor 7. Tutorial de Modelamento 3D Básico. Modelamento de uma Polia. Autor: Cristiano Nogueira Silva Autodesk Inventor 7 Tutorial de Modelamento 3D Básico Modelamento de uma Polia Autor: Cristiano Nogueira Silva Reprodução e divulgação totalmente permitidas pelo autor. Apenas pedimos que sejam mantidas

Leia mais

Curso Autodesk Inventor CADesign Parte 1

Curso Autodesk Inventor CADesign Parte 1 Autodesk Inventor 5 - Tutorial de Modelamento 3D Pág. 1/24 Curso Autodesk Inventor CADesign Parte 1 Cristiano Nogueira Silva* Começamos nesta edição da revista apresentando um curso de Autodesk Inventor

Leia mais

Introdução ao Pro/ENGINEER

Introdução ao Pro/ENGINEER Introdução ao Pro/ENGINEER Benefícios da Modelagem de Sólidos: Modelos sólidos possuem volumes e cálculos de áreas Você pode obter propriedades de massa diretamente do modelo gerado. Figura 1: Exemplo

Leia mais

Introdução ao SolidWorks (I): Funcionalidades Básicas. João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca

Introdução ao SolidWorks (I): Funcionalidades Básicas. João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca Introdução ao SolidWorks (I): Funcionalidades Básicas João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca Bibliografia n SolidWorks 2014 Teacher Guide SolidWorks n SolidWorks 2014 Student Workbook SolidWorks

Leia mais

Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta aulas práticas sobre RETAS em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1d. 2006 RETAS CAD

Resumo. Maria Bernadete Barison apresenta aulas práticas sobre RETAS em Desenho Geométrico. Geométrica vol.1 n.1d. 2006 RETAS CAD 1 1. INTRODUÇÃO. RETAS CAD Iniciaremos o estudo das retas construindo no CAD alguns exercícios já construídos na aula teórica utilizando a régua e o compasso. Entretanto, o nosso compasso aqui será o comando

Leia mais

Autodesk Inventor 7. Tutorial de Modelamento 3D Básico. Modelamento de um Mancal. Autor: Cristiano Nogueira Silva

Autodesk Inventor 7. Tutorial de Modelamento 3D Básico. Modelamento de um Mancal. Autor: Cristiano Nogueira Silva Autodesk Inventor 7 Tutorial de Modelamento 3D Básico Modelamento de um Mancal Autor: Cristiano Nogueira Silva Reprodução e divulgação totalmente permitidas pelo autor. Apenas pedimos que sejam mantidas

Leia mais

Sistema topograph 98. Tutorial Módulo Projetos

Sistema topograph 98. Tutorial Módulo Projetos Sistema topograph 98 Tutorial Módulo Projetos Como abrir um projeto existente _ 1. Na área de trabalho do Windows, procure o ícone do topograph e dê um duplo clique sobre ele para carregar o programa.

Leia mais

INTRODUÇÃO AO AUTOCAD

INTRODUÇÃO AO AUTOCAD INTRODUÇÃO AO AUTOCAD O AUTOCAD é um software que se desenvolveu ao longo dos últimos 30 anos. No início o programa rodava no sistema D.O.S., o que dificultava um pouco seu uso. Com o surgimento do sistema

Leia mais

Desenho bidimensional

Desenho bidimensional Desenho bidimensional As empresas tem migrado do desenho 2D para o 3D pelos seguintes motivos: Diminuição do ciclo de desenvolvimento do produto; Fornecimento de informações atualizadas; Evitar ou diminuir

Leia mais

UMC - Tecnologia de Automação Industrial Desenho 3 Prof.: Jorge Luis Bazan. Modulo 1. Inventor 8.0

UMC - Tecnologia de Automação Industrial Desenho 3 Prof.: Jorge Luis Bazan. Modulo 1. Inventor 8.0 UMC - Tecnologia de Automação Industrial Desenho 3 Prof.: Jorge Luis Bazan. Modulo 1. Inventor 8.0 Modelação de sólidos paramétricos baseados em features. O processo tradicional de projetar componentes

Leia mais

1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos

1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos 1 Geometria de referências: pontos, eixos e planos Pontos, eixos e planos são entidades bastante usadas como referências em sistemas CAE/CAE/CAM. Por isso a importância em estudar como definir pontos,

Leia mais

Dicas. Simplificando o Método Top Down Design. Construindo uma Montagem com a Ferramenta Skeleton

Dicas. Simplificando o Método Top Down Design. Construindo uma Montagem com a Ferramenta Skeleton Dicas Simplificando o Método Top Down Design Construindo uma Montagem com a Ferramenta Skeleton O Creo Elements/Pro, anteriormente chamado de Pro/ENGINEER, possui capacidade de criar uma estruturação parametrizada

Leia mais

SOLID EDGE ST3 TUTORIAL 2 CRIANDO UM DESENHO NO AMBIENTE DRAFT

SOLID EDGE ST3 TUTORIAL 2 CRIANDO UM DESENHO NO AMBIENTE DRAFT SOLID EDGE ST3 TUTORIAL 2 CRIANDO UM DESENHO NO AMBIENTE DRAFT Esse tutorial traz passo a passo instruções para criação de um desenho no ambiente Draft. Na criação dos desenhos você aprenderá as técnicas

Leia mais

Sketch... 11 Seqüência para criar o sketcher Sketch tools Profile Operation. Constraint... 15

Sketch... 11 Seqüência para criar o sketcher Sketch tools Profile Operation. Constraint... 15 DAC 6 DESENHO E MANUFATURA AUXILIADO POR COMPUTADOR NOTAS DE AULA PROF. DANIEL CAMUSSO 2007 REVISÃO 01 ÍNDICE Iniciar o CATIA V5... 3 Interface do usuário... 3 Menu Start Barra de menus Barra de ferramentas

Leia mais

Rodar o ArcMap e navegar até o diretório do tutorial (~Map) para selecionar o mapa que foi concluído no exercício anterior airport_tutorial

Rodar o ArcMap e navegar até o diretório do tutorial (~Map) para selecionar o mapa que foi concluído no exercício anterior airport_tutorial ArcMAP (parte 4) Nesta parte do tutorial, você irá usar o ArcMap para editar os seus dados bem como criar mapas. Neste exercício, você irá expandir a rodovia do aeroporto para criar uma nova rodovia juntando

Leia mais

Ftool Two-Dimensional Frame Analysis Tool

Ftool Two-Dimensional Frame Analysis Tool Ftool Two-Dimensional Frame Analysis Tool Versão 2.03 Osvaldo Shigueru Nakao Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, Departamento de Engenharia de Estruturas e Fundações, Laboratório de Mecânica

Leia mais

Disciplina Desenho Técnico I ENG 1003 Material de Aula

Disciplina Desenho Técnico I ENG 1003 Material de Aula Disciplina Desenho Técnico I ENG 1003 Material de Aula AULAS 01 a 03 Apresentando o AutoCAD. O AutoCAD é um software da Autodesk muito utilizado para fazer desenhos de projetos de engenharia e arquitetura

Leia mais

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO PROTEUS

TUTORIAL DE UTILIZAÇÃO DO PROTEUS 1 Para iniciar a edição de um esquema elétrico para posterior simulação, busque no menu Iniciar do Windows, a opção Todos os Programas. Localize a pasta onde foi instalado o Proteus e selecione o programa

Leia mais

SolidWork - 2006 SOLIWORKS 2006

SolidWork - 2006 SOLIWORKS 2006 SOLIWORKS 2006 Capitulo I INTRODUÇÃO SolidWork - 2006 ÍNDICE 1 Conceitos básicos 03 2 Abrindo o ambiente de trabalho 04 Capitulo II TRABALHANDO EM PART 1 Conhecendo o ambiente 05 2 Extruded Boss/Base e

Leia mais

TÉCNICAS DE CAD PARA ENGENHARIA CIVIL AULA 2 2. FUNÇÕES BÁSICAS / ESTRUTURAS DE COMANDOS. 3. COMO DEFINIR UMA SEÇÃO DE TRABALHO (Arquivo)

TÉCNICAS DE CAD PARA ENGENHARIA CIVIL AULA 2 2. FUNÇÕES BÁSICAS / ESTRUTURAS DE COMANDOS. 3. COMO DEFINIR UMA SEÇÃO DE TRABALHO (Arquivo) Profs. Paula Viero e Beatriz Lima TÉCNICAS DE CAD PARA ENGENHARIA CIVIL AULA 2 1. O AUTOCAD 2. FUNÇÕES BÁSICAS / ESTRUTURAS DE COMANDOS 3. COMO DEFINIR UMA SEÇÃO DE TRABALHO (Arquivo) 4. ALGUNS COMANDOS

Leia mais

Introdução ao SolidWorks (VI): Elementos de Rotação e de Sweep. João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca

Introdução ao SolidWorks (VI): Elementos de Rotação e de Sweep. João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca Introdução ao SolidWorks (VI): Elementos de Rotação e de Sweep João Manuel R. S. Tavares Joaquim Oliveira Fonseca Elemento de Revolução n n n Um elemento de revolução, é criado por rotação de um perfil

Leia mais

Aula 05 - Elementos e Organização de janelas

Aula 05 - Elementos e Organização de janelas Aula 05 - Elementos e Organização de janelas Sumário Os elementos de uma Janela Menu de Controle Título da Janela Guias Barras de Rolagem Botões de Acesso Rápido Barra de Status Movendo e Dimensionando

Leia mais

GUIA SIMPLIFICADO DE UTILIZAÇÃO DO DENTALSLICE

GUIA SIMPLIFICADO DE UTILIZAÇÃO DO DENTALSLICE GUIA SIMPLIFICADO DE UTILIZAÇÃO DO DENTALSLICE O ambiente virtual de planejamento DentalSlice (Bioparts) possibilita simulações realistas de planos de tratamento, levando em consideração tanto a quantidade

Leia mais

NAPNE / RENAPI. Google SketchUp 8

NAPNE / RENAPI. Google SketchUp 8 NAPNE / RENAPI Google SketchUp 8 Agosto de 2011 Sumário 1 Introdução... 4 2 Requisitos básicos... 4 3 Itens... 4 3.1 Assista os tutoriais em vídeo... 5 3.2 Leia dicas e truques... 6 3.3 Visite a Central

Leia mais

http://www.blender.org/ Curso de extensão em Blender Prof. Luiz Gonzaga Damasceno

http://www.blender.org/ Curso de extensão em Blender Prof. Luiz Gonzaga Damasceno 1. Introdução http://www.blender.org/ Curso de extensão em Blender Prof. Luiz Gonzaga Damasceno Damasceno www.damasceno.info - damasceno12@hotmail.com Google: Blender 3D: Guia de sobrevivência 1. Introdução

Leia mais

Janelas e seus elementos

Janelas e seus elementos Janelas e seus elementos As janelas são quadros que são exibidos na tela do monitor. Todos os aplicativos estudados nesse curso serão exibidos dentro de janelas. Nelas você poderá abrir, salvar e fechar

Leia mais

Banner Flutuante. Dreamweaver

Banner Flutuante. Dreamweaver Banner Flutuante Dreamweaver Começamos com um arquivo em branco no Dreamweaver MX. Para que o banner apareça sobre a página, precisamos inserir uma camada a mais no arquivo HTML. Selecione o menu Inserir

Leia mais

Adenda ao Guia de Consulta Rápida ZoomText 10.1

Adenda ao Guia de Consulta Rápida ZoomText 10.1 Adenda ao Guia de Consulta Rápida ZoomText 10.1 Esta adenda ao Guia de Consulta Rápida ZoomText 10 abrange novas funcionalidades e outras alterações específicas ao ZoomText 10.1. Para obter instruções

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE

MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE MANUAL DO USUÁRIO DE SOFTWARE P-touch P700 O conteúdo deste manual e as especificações deste produto estão sujeitos a alterações sem prévio aviso. A Brother reserva-se o direito de fazer alterações sem

Leia mais

Tutorial Blender. por Luis Carlos Retondaro (yudeen) yudeen@gmail.com http://www.retondaro.pro.br

Tutorial Blender. por Luis Carlos Retondaro (yudeen) yudeen@gmail.com http://www.retondaro.pro.br Tutorial Blender por Luis Carlos Retondaro (yudeen) yudeen@gmail.com http://www.retondaro.pro.br Modelagem de cabeça estilo cartoon para animação (box modelling) Este tutorial foi adaptado de um vídeo

Leia mais

Introdução ao GeoGebra

Introdução ao GeoGebra Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG Introdução ao GeoGebra Prof. Dr. José Carlos de Souza Junior AGOSTO 2010 Sumário 1 Primeiros Passos com o GeoGebra 4 1.1 Conhecendo o Programa............................

Leia mais

O Windows 7 é um sistema operacional desenvolvido pela Microsoft.

O Windows 7 é um sistema operacional desenvolvido pela Microsoft. Introdução ao Microsoft Windows 7 O Windows 7 é um sistema operacional desenvolvido pela Microsoft. Visualmente o Windows 7 possui uma interface muito intuitiva, facilitando a experiência individual do

Leia mais

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar

ÁREA DE TRABALHO. Área de Trabalho ou Desktop Na Área de trabalho encontramos os seguintes itens: Atalhos Barra de tarefas Botão iniciar WINDOWS XP Wagner de Oliveira ENTRANDO NO SISTEMA Quando um computador em que trabalham vários utilizadores é ligado, é necessário fazer login, mediante a escolha do nome de utilizador e a introdução da

Leia mais

CAPITULO II COMANDOS BÁSICOS. Menu Draw > Line Teclado: L (atalho) LINE

CAPITULO II COMANDOS BÁSICOS. Menu Draw > Line Teclado: L <ENTER> (atalho) LINE COMANDOS BÁSICOS LINE CAPITULO II Menu Draw > Line Teclado: L (atalho) Modelo: Command: LINE LINE Specify first point: P1 (Clique com botão esquerdo um ponto na tela) Specify next point

Leia mais

Autodesk AutoCAD Civil 3D 2014 Metric

Autodesk AutoCAD Civil 3D 2014 Metric Primeiros Passos com o AutoCad AutoCAD é um software do tipo CAD (Computer Aided Design) ou desenho auxiliado por computador - criado e comercializado pela Autodesk Inc desde 1982. É utilizado em diversa

Leia mais

Sobre este tutorial. Insira e coloque componentes no ambiente de montagem.

Sobre este tutorial. Insira e coloque componentes no ambiente de montagem. Sobre este tutorial Insira e coloque componentes no ambiente de montagem. Observação: Faça o download dos conjuntos de dados para tutorial emhttp://www.autodesk.com/inventor-tutorial-data-sets Uma montagem

Leia mais

Autodesk Inventor 9. Tutoriais. www.mapdata.com.br

Autodesk Inventor 9. Tutoriais. www.mapdata.com.br Autodesk Inventor 9 Tutoriais www.mapdata.com.br Autodesk Inventor Tutoriais Autodesk Inventor Tutoriais ÍNDICE Tutorial 01... 01 Tutorial 02... 05 Tutorial 03... 11 Tutorial 04... 15 Tutorial 05... 21

Leia mais

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007

MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I Manual Prático Microsoft Excel 2007 MÓDULO - I APRESENTAÇÃO... 1 AMBIENTE DE TRABALHO... 2 A folha de cálculo... 2 O ambiente de trabalho do Excel... 3 Faixas de Opções do Excel... 4 - Guia

Leia mais

Tutorial do Sistema GeoOffice. Todos os direitos reservados (1999-2002)

Tutorial do Sistema GeoOffice. Todos os direitos reservados (1999-2002) Tutorial do Sistema GeoOffice Todos os direitos reservados (1999-2002) Sistema GeoOffice Sistema Topográfico Solution Softwares Tutorial Passo a Passo Conteúdo I Tabela de Conteúdos Foreword 0 Parte I

Leia mais

Programa CAD Inventor Professional - Part _1

Programa CAD Inventor Professional - Part _1 Programa CAD Inventor Professional - Part _1 IVR2008-06 06 JOF 1 Criações neste Programa Part: modelação de uma peça normal ou tipo chapa (com uma espessura constante); ipt. Assembly: ligação (link) entre

Leia mais

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel *

Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * Unidade 1: O Painel de Controle do Excel * material do 2010* 1.0 Introdução O Excel nos ajuda a compreender melhor os dados graças à sua organização em células (organizadas em linhas e colunas) e ao uso

Leia mais

Manual Simulador de Loja

Manual Simulador de Loja Manual Simulador de Loja Índice Início Menu Loja Modelo Loja Modelo Menu Criar Minha Loja Criar Minha Loja Abrir Projeto Salvo Teste Seu Conhecimento 0 04 05 08 09 8 9 0 Início 5 4 Figura 00. Tela inicial.

Leia mais

1- Tela inicial do AUTOCAD 2013

1- Tela inicial do AUTOCAD 2013 1- Tela inicial do AUTOCAD 2013 2- Clique em NOVO 3- Para mudar a cor do fundo digite OP (de options): Se quiser veja o vídeo ilustrativo desse procedimento: http://www.youtube.com/watch?v=g7kig_yhpx4

Leia mais

O ArcMap permite a você criar, visualizar, consultar, editar, compor e publicar mapas.

O ArcMap permite a você criar, visualizar, consultar, editar, compor e publicar mapas. ArcMAP (parte 1) O ArcMap permite a você criar, visualizar, consultar, editar, compor e publicar mapas. Para rodar o ArcMap selecionar: Iniciar > Todos os programas > ArcGIS > ArcMap Sobre a janela selecionar

Leia mais

Adenda ao Guia de Consulta Rápida de ZoomText 10.1 para o Windows 8

Adenda ao Guia de Consulta Rápida de ZoomText 10.1 para o Windows 8 Adenda ao Guia de Consulta Rápida de ZoomText 10.1 para o Windows 8 Esta adenda ao Guia de Consulta Rápida ZoomText 10 abrange as novas funcionalidades e outras alterações específicas ao ZoomText 10.1

Leia mais

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos

Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Capítulo 7 O Gerenciador de Arquivos Neste capítulo nós iremos examinar as características da interface do gerenciador de arquivos Konqueror. Através dele realizaremos as principais operações com arquivos

Leia mais

Microsoft Windows. Aspectos gerais

Microsoft Windows. Aspectos gerais Aspectos gerais É um sistema operativo desenvolvido pela Microsoft Foi desenhado de modo a ser fundamentalmente utilizado em computadores pessoais Veio substituir o sistema operativo MS-DOS e as anteriores

Leia mais

APOSTILA 3D (notas de aula)

APOSTILA 3D (notas de aula) PROJETO E COMPUTAÇÃO GRÁFICA APOSTILA 3D (notas de aula) Prof a. Renata Maria A. Baracho Porto Prof. Marcelo Franco Porto Abril 2010 1 Professores Prof a Renata Maria A. Baracho Porto Prof. Marcelo Franco

Leia mais

ETEPA Escola Técnica Estadual Polivalente de Americana AutoCad R.14 Básico 1. INTRODUÇÃO:

ETEPA Escola Técnica Estadual Polivalente de Americana AutoCad R.14 Básico 1. INTRODUÇÃO: 1. INTRODUÇÃO: A informatização e a globalização que nos cercam e mudam o contexto industrial, tecnológico e profissional, fazem com que o uso crescente e contínuo de uma ferramenta aplicada à computação

Leia mais

Universidade Federal de Pelotas Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça CAVG Disciplina: Informática Apresentação Gráfica

Universidade Federal de Pelotas Conjunto Agrotécnico Visconde da Graça CAVG Disciplina: Informática Apresentação Gráfica Apresentação Gráfica Microsoft Office Power Point 1 Sumário 1. MICROSOFT POWER POINT... 4 1.1. INICIANDO O MICROSOFT POWER POINT... 4 2. CONHECENDO A INTERFACE DO POWER POINT... 5 2.1. O DOCUMENTO DO POWER

Leia mais

Microsoft Word INTRODUÇÃO

Microsoft Word INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO O Word é uma ferramenta utilizada para o processamento e editoração eletrônica de textos. O processamento de textos consiste na possibilidade de executar e criar efeitos sobre um texto qualquer,

Leia mais

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Iniciando o Windows XP...2 Desligar o computador...3 Área de trabalho...3

Leia mais

Iniciação à Informática

Iniciação à Informática Meu computador e Windows Explorer Justificativa Toda informação ou dado trabalhado no computador, quando armazenado em uma unidade de disco, transforma-se em um arquivo. Saber manipular os arquivos através

Leia mais

Curso de Treinamento no Solid Edge

Curso de Treinamento no Solid Edge Curso de Treinamento no Solid Edge Versão 17.0 Módulo 5 - Construindo Features Especiais - I Editores: Prof. Dr.-Ing. Klaus Schützer Marcelo Soares da Silva Laboratório de Sistemas Computacionais Faculdade

Leia mais

Microsoft Power Point - Manual de Apoio

Microsoft Power Point - Manual de Apoio Microsoft Power Point - Manual de Apoio Pág. 1 de 26 Apresentação e introdução O ambiente de trabalho do Power Point. Abrir, guardar e iniciar apresentações. Obter ajuda enquanto trabalha. Principais barras

Leia mais

Conhecendo o Proteus

Conhecendo o Proteus Conhecendo o Proteus Vitor Amadeu Souza vitor@cerne-tec.com.br Em uma série de 3 artigos, veremos como usar o Proteus. Introdução Iremos neste momento iniciar nosso estudo no Proteus usando para isso as

Leia mais

Preparação do Autocad 2009

Preparação do Autocad 2009 Preparação do Autocad 2009 No ano 2009 a Faculdade de Engenharia da UEM recebeu o pacote de programas da Autodesk que inclui: Inventor 2009, AutoCAD Mechanical 2009, AutoCAD 2009 e outros. Para facilitar

Leia mais

AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas

AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas 3.1 AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas Neste capítulo serão apresentadas algumas ferramentas de análise de dados com representação vetorial disponíveis no TerraView. Para isso será usado o banco de

Leia mais

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan

Microsoft Excel 2000. Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br. http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Excel 2000 Alan Cleber Borim - alan.borim@poli.usp.br http://www.pcs.usp.br/~alan Microsoft Índice 1.0 Microsoft Excel 2000 3 1.1 Acessando o Excel 3 1.2 Como sair do Excel 3 1.3 Elementos da

Leia mais

Macromedia Flash MX 1

Macromedia Flash MX 1 Macromedia Flash MX 1 Macromedia Flash MX 2 Universidade José do Rosário Vellano Bacharelado em Ciência da Computação Práticas de Ensino Alunos: Dayana Ribeiro de Castro Ferreira Luiz Ferreira Peçanha

Leia mais

CAPÍTULO 35 Como utilizar os componentes ColdFusion

CAPÍTULO 35 Como utilizar os componentes ColdFusion CAPÍTULO 35 Como utilizar os componentes ColdFusion Os componentes ColdFusion (CFC) permitem ao usuário encapsular lógicas de aplicação e de negócios (business logic) em unidades auto-controladas reutilizáveis.

Leia mais

Apostilas OBJETIVA Escrevente Técnico Judiciário TJ Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Caderno 1.

Apostilas OBJETIVA Escrevente Técnico Judiciário TJ Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo - Concurso Público 2015. Caderno 1. Caderno 1 Índice MS-Windows 7: conceito de pastas, diretórios, arquivos e atalhos, área de trabalho, área de transferência, manipulação de arquivos e pastas, uso dos menus, programas e aplicativos, interação

Leia mais

Índice Apresentando o software Programa aberto Criando nova animação Trabalhando as animações Ferramentas Abrir uma figura como animação

Índice Apresentando o software Programa aberto Criando nova animação Trabalhando as animações Ferramentas Abrir uma figura como animação Apostila Índice Apresentando o software...o que são GIF s animadas Programa aberto 2 Criando nova animação 3 Trabalhando as animações 3 Ferramentas 4 Abrir uma figura como animação 5 Barras de ferramentas

Leia mais

Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010

Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010 Utilitário de Ajuda do Software Registrador de Dados VB300 3-Axis G- Force Versão 1.0 Novembro 2010 Introdução ao Software O software do registrador de dados é um programa que coleta dados do registrador

Leia mais

GERENCIANDO SUA BIBLIOTECA

GERENCIANDO SUA BIBLIOTECA GERENCIANDO SUA BIBLIOTECA ORGANIZANDO SUA BIBLIOTECA Os livros da sua biblioteca são ordenados alfabeticamente pelo título. Clique em ORDENAR POR, na parte superior da página, para alterar a forma como

Leia mais

AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas

AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas 3.1 AULA 3 Ferramentas de Análise Básicas Nesse capítulo serão apresentadas algumas ferramentas de análise de dados com representação vetorial disponíveis no TerraView. Para isso será usado o banco de

Leia mais

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4

Sumário. 1. Instalando a Chave de Proteção 3. 2. Novas características da versão 1.3.8 3. 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 1 Sumário 1. Instalando a Chave de Proteção 3 2. Novas características da versão 1.3.8 3 3. Instalando o PhotoFacil Álbum 4 4. Executando o PhotoFacil Álbum 9 3.1. Verificação da Chave 9 3.1.1. Erro 0001-7

Leia mais

1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes

1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes 1 UNIT Universidade do Trabalhador Dr. Abel dos Santos Nunes Janelas são estruturas do software que guardam todo o conteúdo exibido de um programa, cada vez que um aplicativo é solicitado à janela do sistema

Leia mais

Neste tutorial irá criar uma animação simples com base num desenho do Mechanical Desktop.

Neste tutorial irá criar uma animação simples com base num desenho do Mechanical Desktop. Neste tutorial irá criar uma animação simples com base num desenho do Mechanical Desktop. Inicialize o 3D Studio VIZ. Faça duplo clique no ícone de 3D Studio VIZ Abre-se a janela da figura seguinte. Esta

Leia mais

INTRODUÇÃO WORKCAD NA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

INTRODUÇÃO WORKCAD NA ENGENHARIA DE PRODUÇÃO INTRODUÇÃO O WorkCAD é uma ferramenta para criação, edição e impressão de projetos assistidos por computador (CAD - Computer Aided Design) que inclui a criação e gerenciamento de projetos 3D, maquetes

Leia mais

8VDQGR5HSRUW0DQDJHUFRP&ODULRQH3RVWJUH64/ -XOLR&HVDU3HGURVR $,'(GR5HSRUW0DQDJHU

8VDQGR5HSRUW0DQDJHUFRP&ODULRQH3RVWJUH64/ -XOLR&HVDU3HGURVR $,'(GR5HSRUW0DQDJHU $,'(GR5HSRUW0DQDJHU Neste capítulo vamos abordar o ambiente de desenvolvimento do Report Manager e como usar os seus recursos. $FHVVDQGRRSURJUDPD Depois de instalado o Report Manager estará no Grupo de

Leia mais

INFORMÁTICA WORD. TELA DO WORD Nome do Arquivo que esta sendo editado: Botão Office Diversos Textos Barra de Títulos Nome do programa: Microsoft Word

INFORMÁTICA WORD. TELA DO WORD Nome do Arquivo que esta sendo editado: Botão Office Diversos Textos Barra de Títulos Nome do programa: Microsoft Word WORD INTRODUÇÃO O MS Word é um editor de textos cujos recursos facilitam a criação de documentos, memorandos, cartas comerciais ou pessoais, enfim, tudo aquilo que se relaciona a texto. Até mesmo páginas

Leia mais

IntroduçãoCapítulo1: Capítulo. Objetivos

IntroduçãoCapítulo1: Capítulo. Objetivos IntroduçãoCapítulo1: Capítulo 1 O Autodesk Inventor tem uma interface do usuário sensível ao contexto que fornece ferramentas relevantes para as tarefas em execução. Um sistema abrangente de ajuda online

Leia mais

Manual: Ftool Para Iniciantes

Manual: Ftool Para Iniciantes Autor: Profº Lucas Vissotto Manual: Ftool Para Iniciantes 1. De forma a facilitar a execução da estrutura, recomenda-se selecionar as opções grid e snap no pé direito do programa. Ver Figura 1. Na mesma

Leia mais

Fluxo de trabalho do Capture Pro Software: Indexação de código de barras e separação de documentos

Fluxo de trabalho do Capture Pro Software: Indexação de código de barras e separação de documentos Este procedimento corresponde ao fluxo de trabalho de Indexação de código de barras e de separação de documentos no programa de treinamento do Capture Pro Software. As etapas do procedimento encontram-se

Leia mais

Microsoft Office Excel

Microsoft Office Excel 1 Microsoft Office Excel Introdução ao Excel Um dos programas mais úteis em um escritório é, sem dúvida, o Microsoft Excel. Ele é uma planilha eletrônica que permite tabelar dados, organizar formulários,

Leia mais

Construindo recursos de tratamento

Construindo recursos de tratamento Construindo recursos de tratamento Número da Publicação spse01530 Construindo recursos de tratamento Número da Publicação spse01530 Notificação de Direitos Limitados e de Propriedade Este software e a

Leia mais

ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009

ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009 ODG Auto Acessórios Ltda www.odginstruments.com.br Versão 2.0 FEVEREIRO 2009 1 INDICE 1. Instalação do Software...3 2. Tela Inicial...3 3. Criando arquivo de configurações (Alt + C + C)...4 3.1 Sensores

Leia mais

1 Fluxo de trabalho de desenho de quadros estruturais

1 Fluxo de trabalho de desenho de quadros estruturais Lição 1 Fluxo de trabalho de desenho de quadros estruturais Visão geral do fluxo de trabalho de desenho de quadro estrutural Você pode criar segmentos de caminho e quadros estruturais usando o aplicativo

Leia mais

Material desenvolvido por Melissa Lima da Fonseca. melissa.mlf@gmail.com.br - (031) 9401-4041. www.melissalima.com.br Página 1

Material desenvolvido por Melissa Lima da Fonseca. melissa.mlf@gmail.com.br - (031) 9401-4041. www.melissalima.com.br Página 1 EXCEL BÁSICO Material desenvolvido por Melissa Lima da Fonseca melissa.mlf@gmail.com.br - (031) 9401-4041 www.melissalima.com.br Página 1 Índice Introdução ao Excel... 3 Conceitos Básicos do Excel... 6

Leia mais

INTRODUÇÃO AO WINDOWS

INTRODUÇÃO AO WINDOWS INTRODUÇÃO AO WINDOWS Paulo José De Fazzio Júnior 1 Noções de Windows INICIANDO O WINDOWS...3 ÍCONES...4 BARRA DE TAREFAS...5 BOTÃO...5 ÁREA DE NOTIFICAÇÃO...5 BOTÃO INICIAR...6 INICIANDO PROGRAMAS...7

Leia mais

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word

Iniciando o Word 2010. Criar um novo documento. Salvando um Documento. Microsoft Office Word 1 Iniciando o Word 2010 O Word é um editor de texto que utilizado para criar, formatar e imprimir texto utilizado para criar, formatar e imprimir textos. Devido a grande quantidade de recursos disponíveis

Leia mais

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico

Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT. Power Point. Básico Universidade Federal de Santa Maria UFSM Centro de Tecnologia CT Power Point Básico Santa Maria, julho de 2006 O Power Point é um aplicativo do Microsoft Office direcionado à criação de apresentações.

Leia mais

Microsoft Office Excel 2007

Microsoft Office Excel 2007 1 Microsoft Office Excel 2007 O Excel é um programa dedicado a criação de planilhas de cálculos, além de fornecer gráficos, função de banco de dados e outros. 1. Layout do Excel 2007 O Microsoft Excel

Leia mais

EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD

EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD EXERCÍCIO 5: TRABALHANDO COM DESENHOS CAD O ArcMap permite que se trabalhe com arquivos de formato CAD. Antes se realizar qualquer operação de edição sobre este arquivo, é importante converter a extensão

Leia mais

Crie um sofá em 3D no AutoCad 13 ou 14

Crie um sofá em 3D no AutoCad 13 ou 14 Crie um sofá em 3D no AutoCad 13 ou 14 Leitores pediram mais detalhes nas explicações e nos comandos e estão sendo atendidos 0 modelo escolhido para essa edição foi um sofá de três lugares. Atendendo a

Leia mais

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView 1.1 AULA 1 Iniciando o uso do TerraView Essa aula apresenta a interface principal do TerraView e sua utilização básica. Todos os arquivos de dados mencionados nesse documento são disponibilizados junto

Leia mais

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho.

Barra de Títulos. Barra de Menu. Barra de Ferramentas. Barra de Formatação. Painel de Tarefas. Seleção de Modo. Área de Trabalho. Conceitos básicos e modos de utilização das ferramentas, aplicativos e procedimentos do Sistema Operacional Windows XP; Classificação de softwares; Principais operações no Windows Explorer: criação e organização

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Microsoft Windows XP William S. Rodrigues APRESENTAÇÃO WINDOWS XP PROFISSIONAL O Windows XP, desenvolvido pela Microsoft, é o Sistema Operacional mais conhecido e utilizado

Leia mais

XXIV SEMANA MATEMÁTICA

XXIV SEMANA MATEMÁTICA XXIV SEMANA ACADÊMICA DA MATEMÁTICA Minicurso: Produção de Páginas Web para Professores de Matemática Projeto de Extensão: Uma Articulação entre a Matemática e a Informática como Instrumento para a Cidadania

Leia mais

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D

Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE. Tutorial SweetHome3D Universidade Federal do Rio de Janeiro NCE/PGTIAE Tutorial SweetHome3D Trabalho apresentado ao Prof. Carlo na Disciplina de Software Livre no curso Pós Graduação em Tecnologia da Informação Aplicada a

Leia mais

1. EXCEL 7 1.1. PLANILHAS ELETRÔNICAS 1.2. CARREGAMENTO DO EXCEL 7

1. EXCEL 7 1.1. PLANILHAS ELETRÔNICAS 1.2. CARREGAMENTO DO EXCEL 7 1. EXCEL 1.1. PLANILHAS ELETRÔNICAS As planilhas eletrônicas ficarão na história da computação como um dos maiores propulsores da microinformática. Elas são, por si sós, praticamente a causa da explosão

Leia mais

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word

Introdução Microsoft PowerPoint 2013 apresentações Office PowerPoint 2013 Microsoft PowerPoint 2013 textos planilhas Excel Word PowerPoint 2013 Sumário Introdução... 1 Iniciando o PowerPoint 2013... 2 Criando Nova Apresentação... 10 Inserindo Novo Slide... 13 Formatando Slides... 15 Inserindo Imagem e Clip-art... 16 Inserindo Formas...

Leia mais

Apostila de AutoCAD Módulo Básico

Apostila de AutoCAD Módulo Básico UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA FACULDADE DE ENGENHARIA Apostila de AutoCAD Módulo Básico Nicholas Appes Mota Raphael Martins do Valle Bolsistas do Grupo PET Civil da UFJF Juiz de Fora 2011 Introdução

Leia mais

José A. Cancela. Pág. 1

José A. Cancela. Pág. 1 José A. Cancela. Pág. 1 Índice 1. Configurações das barras de ferramentas 4 2. Configuração do fundo da tela 4 3. Configuração do cursor 5 4. Criar Arquivo 5 4.1. Tipo de arquivo 6 5. Salvar arquivo 6

Leia mais

AutoCAD para TOPOGRAFIA

AutoCAD para TOPOGRAFIA T O P O G R A F I A A P L I C A D A AutoCAD para TOPOGRAFIA COM BASE NA VERSÃO AutoCAD - 2 0 1 2 Prof. Hiroshi Paulo Yoshizane hiroshiy@ft.unicamp.br; hiroshi55ster@gmail.com www.professorhiroshi.com.br

Leia mais

Tutorial: Abrindo Vídeos e Medindo Comprimentos no ImageJ

Tutorial: Abrindo Vídeos e Medindo Comprimentos no ImageJ 1 1. Introdução Tutorial: Abrindo Vídeos e Medindo Comprimentos no ImageJ O ImageJ é um software livre (freeware) que pode ser obtido gratuitamente no site http://rsb.info.nih.gov/ij/. Esse software é

Leia mais

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral

MICROSOFT WORD 2007. George Gomes Cabral MICROSOFT WORD 2007 George Gomes Cabral AMBIENTE DE TRABALHO 1. Barra de título 2. Aba (agrupa as antigas barras de menus e barra de ferramentas) 3. Botão do Office 4. Botão salvar 5. Botão de acesso à

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA SERRA DOS ÓRGÃOS. Curso de Matemática

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA SERRA DOS ÓRGÃOS. Curso de Matemática Introdução ao GeoGebra software livre 0 CENTRO UNIVERSITÁRIO DA SERRA DOS ÓRGÃOS Curso de Matemática Primeiros Passos Com o Software Livre GeoGebra Março de 2010 Prof. Ilydio Pereira de Sá Introdução ao

Leia mais

Capítulo i. visão geral do autocad 2011. Requerimentos do sistema. AutoCAD 2011 32 bits

Capítulo i. visão geral do autocad 2011. Requerimentos do sistema. AutoCAD 2011 32 bits Capítulo i visão geral do autocad 2011 Requerimentos do sistema Para a instalação do AutoCAD 2011 em seu computador é preciso que o mesmo possua os requisitos abaixo detalhados: AutoCAD 2011 32 bits Sistema

Leia mais