XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1"

Transcrição

1 XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT a 19 de julho BOLETIM INFORMATIVO N.º 1

2 ÍNDICE O FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA A XII EDIÇÃO AS MODALIDADES A MISSÃO PORTUGUESA LINKS UTEIS

3 O FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA O Festival Olímpico da Juventude Europeia é um evento multidesportivo enquadrado nas competições organizadas pelos Comités Olímpicos Europeus desde Esta competição envolve 6 modalidades individuais e mais 3 coletivas, a saber: Atletismo, Ciclismo, Ginástica, Judo, Natação, Ténis, Voleibol, Basquetebol e Andebol. Este evento tem especial destaque por ser, na maioria dos casos, a primeira oportunidade para jovens atletas participarem num ambiente multidesportivo, onde é possível sentir o desporto de uma forma global, de acordo com os valores olímpicos, contribuindo assim para o seu crescimento enquanto atletas. A participação num FOJE é, sem dúvida, uma experiência enriquecedora e próxima da vivência dos Jogos Olímpicos, contribuindo de forma marcante para a motivação e preparação de todos os seus participantes, sejam eles atletas, treinadores, oficiais e juízes, staff, voluntários e organização local. No FOJE, muitos foram os bons resultados obtidos pelas delegações portuguesas. Vários atletas participantes em edições anteriores tornaram-se mais tarde atletas olímpicos, chegando mesmo obter resultados de excelência. Os dois exemplos de maior destaque são o do Sérgio Paulinho, medalha de ouro no FOJE em 1995, na cidade de Bath, que mais tarde foi medalha de prata em Atenas 2004 e o do Nelson Évora que obteve a medalha de ouro no FOJE em 2001 em Murcia e mais tarde medalha de ouro em Pequim 2008.

4 A XII EDIÇÃO De 14 a 19 julho de 2013 a XII Edição do FOJE vai ter lugar no "coração verde" da Holanda. Utrecht é uma das cidades mais antigas do país, sendo considerada uma cidade do conhecimento e da cultura, que oferece um excelente palco para o talento, configurando a esta participação uma grande oportunidade para a carreira desportiva destes jovens atletas e um excelente aquecimento para os Jogos Olímpicos. Estando confirmada a participação dos 49 países membros dos Comités Olímpicos Europeus, são esperados cerca de atletas. Esta edição conta com a judoca Edith Bosch como embaixadora. Depois da sua participação na edição de 1995 do FOJE, realizada em Bath, esta judoca tem já no seu currículo três medalhas Olímpicas, uma de prata em Atenas 2004 e duas de bronze, em Pequim 2008 e em Londres A Mascote criada para o FOJE deste ano chama-se Youthie e representa um High Five em nome da amizade e do desportivismo.

5 AS MODALDIDADES Estarão em competição no FOJE Utrecht 2013, 9 modalidades, das quais 3 são coletivas. Os atletas terão, de acordo com a respetiva modalidade, entre os 13 e os 18 anos, conforme tabela em baixo: Modalidade Disciplinas Idades Local de Competição Andebol Torneio Feminino (8 equipas) Torneio Masculino (8 equipas) 1996/1997 Jaarbeurs Utrecht 100m 200m 400m 800m 1500m 3000m 100m barreiras 110m barreiras Atletismo 400m barreiras The Maarschalkerweerd 2000m obstáculos 1997/1998 Athletics Track 4x100m Salto em Altura Salto em Comprimento Triplo Salto Salto com Vara Lançamento do Peso Lançamento do Disco Lançamento do Martelo Lançamento do Dardo Basquetebol Torneio Feminino (8 equipas) Torneio Masculino (8 equipas) 1997/1998 The Olympos Sports Centre

6 AS MODALDIDADES Modalidade Disciplinas Idades Local de Competição Ciclismo Prova de Estrada Paperclip Sports Hall 1997/1998 Contra relógio (partida e chegada) Ginástica Artística Masculina 1996/1997 The Galgenwaard Sports Artística Feminina 1998/1999 Centre Judo -44, -48, -52, -57, -63, -70, , -55, -60, -66, -73, -81, -90, /1997 Jaarbeurs Utrecht Natação 50m Livres 100m Livres 200m Livres 400m Livres 800m Livres 1500m Livres 100m Bruços 200m Bruços 100m Costas 200m Costas 100m Mariposa 200m Mariposa 200m Estilos 400m Estilos 4x100m Livres 4x100m Estilos 4x100m Livres Mistos 4x100m Estilos Mistos Raparigas: 1999/2000 Rapazes: 1997/1998 De Krommerijn

7 AS MODALDIDADES Modalidade Disciplinas Idades Local de Competição Ténis Singulares Femininos Pares Femininos Singulares Masculinos Pares Masculinos 1998/1999 Tennis Park Den Hommel Voleibol Torneio Feminino (8 equipas) 1996/1997 Torneio Masculino (8 equipas) 1995/1996 Jaarbeurs Utrecht As competições terão início no dia 15 de Julho, estando previstas terminarem no dia 19 de Julho antes da Festa de Encerramento.

8 A MISSÃO PORTUGUESA CONSTITUIÇÃO DA MISSÃO A Chefia da Missão Portuguesa ao FOJE será constituída por Mário Santos e Joana Gonçalves, Presidentes das Federações Portuguesas de Canoagem e Hóquei, respetivamente. A Missão contará com a participação em todas as modalidades individuais, a saber: Modalidade Atletas Atletismo 8 Ginástica 4 Ciclismo 3 Judo 4 Natação 4 Ténis 2 TOTAL 25 Estes atletas serão ainda acompanhados por uma equipa técnica das diferentes modalidades, árbitro e juízes, um elemento para as questões médicas e outro para as de ordem logística e de ligação com a Organização. Sendo a qualificação das modalidades coletivas realizada através do ranking europeu, Portugal não marcará presença nas competições de Andebol, de Basquetebol e de Voleibol.

9 A MISSÃO PORTUGUESA VIAGEM A Missão Portuguesa viajará para a Holanda no dia 13 de julho e regressará no dia 20 de acordo com o seguinte plano de voo: IDA 13/07 07h05/11h00 TP 664 Lisboa/Amesterdão REGRESSO 20/07 17h50/19h45 TP 661 Amesterdão/Lisboa O trajeto entre o Aeroporto de Amesterdão e a Cidade de Utrecht terá a duração de aproximadamente 45 minutos e será garantido pela Organização. ENCONTRO DA MISSÃO Está previsto o Encontro da Missão pela tarde do dia 12 julho, na sede do Comité Olímpico de Portugal (COP), em Lisboa onde, além da troca de experiências e da criação de um espírito de grupo serão apresentados os elementos que constituem a Missão Portuguesa. O jantar de dia 12, a pernoita e o transporte do COP para o hotel e do hotel para o Aeroporto serão garantidos pelo COP.

10 A MISSÃO PORTUGUESA EQUIPAMENTOS No que diz respeito ao equipamento de competição para os atletas, este será da responsabilidade as Federações Nacionais, de acordo com as regras das Federações Internacionais e do Comité Olímpico Internacional. O equipamento de uso diário fora de competição, em passeio e de pódio será fornecido pelo COP durante o Encontro da Missão.

11 LINKS UTEIS Página do FOJE Utrecht Bilhetes para o FOJE Utrecht Informações para turistas - Hóteis em Utrecht - Guia de conversação em Holandês -

SEMINÁRIO FADU. Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU

SEMINÁRIO FADU. Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU SEMINÁRIO FADU Tiago Ramos Departamento Técnico-desportivo FADU O que é a FADU? Federação Académica do Desporto Universitário Federação multi-desportiva Fundada a 2 de Março de 1990 Estatuto de Utilidade

Leia mais

Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas

Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas Rui Moura Esteves Introdução Este trabalho pretende estudar o Festival Olímpico da Juventude

Leia mais

FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA

FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA FOJE 39ª AG COE 27 de novembro de 2010 Programa do evento inclui 9 modalidades 50 Comités Olímpicos Europeus XIII FOJE TBILISI São esperados 3.800 Atletas, com idades

Leia mais

Campeonato de Portugal Cross Longo. Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa

Campeonato de Portugal Cross Longo. Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa Campeonato de Portugal Cross Longo Atletas à procura de qualificação para o Campeonato da Europa No próximo dia 10 de Fevereiro, Gouveia vai receber o "Campeonato de Portugal Cross Longo. A prova terá

Leia mais

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas.

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas. 1 Análise de comparação dos resultados dos alunos/atletas do Atletismo, categoria infanto, nos Jogos Escolares Brasiliense & Olimpíadas Escolares Brasileira. Autora: Betânia Pereira Feitosa Orientador:

Leia mais

Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal

Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal Histórico de Medalhas e Modalidades Paralímpicas - Portugal Igualdade, Inclusão & Excelência Desportiva Departamento Técnico, Fevereiro de Índice Introdução... Medalhas... Gráficos de Medalhas... Atletas

Leia mais

R E G U L A M E N T O 2 0 0 6

R E G U L A M E N T O 2 0 0 6 CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE MENORES XXXIII Masculino e Feminino R E G U L A M E N T O 2 0 0 6 Emitido em 15/02/06 Art. 1º - Os CAMPEONATOS BRASILEIROS DE ATLETISMO DE MENORES têm por

Leia mais

V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA

V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA V. REGULAMENTAÇÃO RELATIVA À HOMOLOGAÇÃO DE RECORDES DE PORTUGAL, RECORDES NACIONAIS E RECORDES NACIONAIS DE ESTRADA A. Homologação de Recordes de Portugal 1. GENERALIDADES Para que uma marca possa ser

Leia mais

melhor do ano treinador

melhor do ano treinador treinador Gabriel Oliveira Masculino Campeão Europeu Universitário Campeão Mundial Universitário, enquanto Selecionador Nacional Universitário João Oliveira Futsal Masculino José Castro Basquetebol Feminino

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS. Época de 2013

CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS. Época de 2013 CRITÉRIOS DE SELECÇÃO PARA COMPETIÇÕES INTERNACIONAIS Época de 2013 Federação Portuguesa de Atletismo, Março 2013 39º CAMPEONATO MUNDO DE CORTA MATO Bydgoszcz, Polónia 24 Março MASCULINOS FEMININOS Seniores

Leia mais

Projecto Os Descobrimentos

Projecto Os Descobrimentos Projecto Os Descobrimentos 3 Fevereiro 2006 a 30 Junho 2008 ACRÓNIMO «Projecto Os Descobrimentos» SUBPROGRAMA 5. Andaluzia / Alentejo / Algarve EIXO E MEDIDA 4. Fomento de cooperação e integração social

Leia mais

A Proposta da IAAF 03. Campeonato para 13-15 anos de idade 03. Formato da Competição 04. Organização da Competição 05.

A Proposta da IAAF 03. Campeonato para 13-15 anos de idade 03. Formato da Competição 04. Organização da Competição 05. Índice: A Proposta da IAAF 03 Campeonato para 3-5 anos de idade 03 Formato da Competição 04 Organização da Competição 05 Resultados 06 Arbitragem necessária para o Evento 07 Preparação do Equipamento Necessário

Leia mais

OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE ATLETISMO

OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE ATLETISMO OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE ATLETISMO GRAND PRIX DE ATLETISMO DO IPC 2014 22 a 27 de Abril São Paulo, SP - Brasil INFORMAÇÕES GERAIS 1. Comitê Organizador Local Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) 1.1.

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DO PENTATLO MODERNO Programa Euro-Sénior

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DO PENTATLO MODERNO Programa Euro-Sénior Depois da Final da Taça do Mundo em 2008 a FPPM volta a receber a elite mundial da modalidade com a organização do Campeonato da Europa de Seniores 2016, o maior evento internacional jamais realizado em

Leia mais

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho RELATÓRIO DO CHEFE DE MISSÃO

XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho RELATÓRIO DO CHEFE DE MISSÃO XII FESTIVAL OLÍMPICO DA JUVENTUDE EUROPEIA UTRECHT 2013 14 a 19 de julho RELATÓRIO DO CHEFE DE MISSÃO ÍNDICE I INTRODUÇÃO... 2 II PREPARAÇÃO DO FESTIVAL... 4 III CONSTITUIÇÃO DA DELEGAÇÃO... 6 IV LOGÍSTICA...

Leia mais

CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino

CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino Art. 1º - Os CAMPEONATOS BRASILEIROS DE ATLETISMO DE JUVENIS têm por propósito básico a integração nacional,

Leia mais

TROFÉU BRASIL CAIXA DE ATLETISMO XXXIII Edição

TROFÉU BRASIL CAIXA DE ATLETISMO XXXIII Edição TROFÉU BRASIL CAIXA DE ATLETISMO XXXIII Edição Art. 1º - Art. 2º - Art. 3º - O Troféu Brasil de Atletismo é uma competição realizada anualmente que têm por propósito básico a difusão do Atletismo e a verificação

Leia mais

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016:

柔 道 パウリスタ. Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Informações sobre valores, favorecidos e contratantes de convênios e pagamentos relativos aos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016: Convênios Número do Convênio SIAFI: 755940 Situação: Aguardando Prestação

Leia mais

IX Jogos da Amizade AMAN - 2015

IX Jogos da Amizade AMAN - 2015 IX Jogos da Amizade AMAN - 2015 PALAVRAS DO COMANDO DO CMS PALAVRAS DO SUBDIRETOR DE ENSINO DO CMS PALAVRAS DA SEÇÃO DE EDUCAÇÃO FÍSICA - Parabéns pela escolha dos atletas para representar o CMS! - Importância

Leia mais

ESPORTE CLUBE PINHEIROS

ESPORTE CLUBE PINHEIROS EC PINHEIROS 2012 NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 113 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais de primeiro nível. 170.000 m² de

Leia mais

AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria

AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria AÇÕES DE FORMAÇÃO CREDITADAS PARA TREINADORES 2015 - Leiria Ações Creditadas pelo PNFT 2015 Preços de Inscrição: 1) Ações de 1,4 créditos - 30,00 a. Preço para Filiados - 20,00 2) Ações de 0,8 créditos

Leia mais

ATLETISMO. Alyne Rayane

ATLETISMO. Alyne Rayane ATLETISMO Alyne Rayane O QUE É ATLETISMO? O atletismo é um conjunto de esportes constituído por três modalidades: corrida, lançamentos e saltos. ATLETISMO QUANDO SURGIU? Atletismo tempo dos ancestrais;

Leia mais

Versão 1 14/11/2014 CANOAGEM VELOCIDADE CRITÉRIOS PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS INTERNACIONAIS DE 2015 E CONVOCAÇÂO PARA O CENTRO DE TREINAMENTO

Versão 1 14/11/2014 CANOAGEM VELOCIDADE CRITÉRIOS PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS INTERNACIONAIS DE 2015 E CONVOCAÇÂO PARA O CENTRO DE TREINAMENTO Versão 1 1/11/201 CRITÉRIOS PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS INTERNACIONAIS DE 2015 E CONVOCAÇÂO PARA O CENTRO DE TREINAMENTO Sumário 1. INTRODUÇÃO...3 2. OBJETIVO...3 3. ELEGIBILIDADE...3. CALENDÁRIO DE EVENTOS

Leia mais

COPA BRASIL DE PARACICLISMO 3ª Etapa Curitiba/PR 17 a 19 de outubro de 2014

COPA BRASIL DE PARACICLISMO 3ª Etapa Curitiba/PR 17 a 19 de outubro de 2014 COPA BRASIL DE PARACICLISMO 3ª Etapa Curitiba/PR 17 a 19 de outubro de 2014 Recebemos os participantes da Copa Brasil de Paraciclismo, desejando as boas vindas, sorte nas competições, e acima de tudo que

Leia mais

OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE NATAÇÃO 2014 22 a 27 de Abril São Paulo, SP - Brasil INFORMAÇÕES GERAIS

OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE NATAÇÃO 2014 22 a 27 de Abril São Paulo, SP - Brasil INFORMAÇÕES GERAIS OPEN BRASIL CAIXA LOTERIAS DE NATAÇÃO 2014 22 a 27 de Abril São Paulo, SP - Brasil INFORMAÇÕES GERAIS 1. Comitê Organizador Local Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) 1.1. Contatos Nome: Ricardo Melo Amaranta

Leia mais

JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO

JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO PARTICIPAÇÃO Podem participar munícipes federados ou não federados, em representação de clubes, grupos informais e a título individual, de acordo com o regulamento específico

Leia mais

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados

Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Centro Paraolímpico Brasileiro, em São Paulo, é legado do Rio 2016 para os esportes adaptados Governo federal e governo do Estado de São Paulo constroem o maior legado dos Jogos Paraolímpicos de 2016 para

Leia mais

NORMA 12. CATEGORIAS OFICIAIS DO ATLETISMO BRASILEIRO POR FAIXA ETÁRIA Aprovada pela Assembleia Geral em 26.04.2014 Atualizada em 19.02.

NORMA 12. CATEGORIAS OFICIAIS DO ATLETISMO BRASILEIRO POR FAIXA ETÁRIA Aprovada pela Assembleia Geral em 26.04.2014 Atualizada em 19.02. NORMA 12 CATEGORIAS OFICIAIS DO ATLETISMO BRASILEIRO POR FAIXA ETÁRIA Aprovada pela Assembleia Geral em 26.04.2014 Atualizada em 19.02.2015 Art. 1º - As categorias e respectivas faixas etárias da Confederação

Leia mais

Previsão de Hospedagem Por Dia

Previsão de Hospedagem Por Dia Chegada - 1º dia 28/out Comis. Organizad. 1 2 0 0 2 2 28/out 2º dia Comis. Organizad. 1 2 0 0 2 29/out Chegada - 1º dia Comis. Organizad. 2 6 0 0 6 8 29/out 3º dia Comis. Organizad. 1 2 0 0 2 2º dia 30/out

Leia mais

XXVII JOGOS ESCOLARES MUNICIPAIS JEMs 2013 REGULAMENTO ESPECÍFICO DO ATLETISMO

XXVII JOGOS ESCOLARES MUNICIPAIS JEMs 2013 REGULAMENTO ESPECÍFICO DO ATLETISMO REGULAMENTO ESPECÍFICO DO ATLETISMO Art. 1º - As competições serão regidas pelas Regras Oficiais da Federação Internacional de Atletismo Amador e da Confederação Brasileira de Atletismo em tudo que não

Leia mais

COPA BRASIL DE PARACICLISMO - # 2 ETAPA PENHA SC TROFÉU JOÃO SCHWINDT RODOVIA TRANSBETO 10 a 12 de julho de 2015 CONVITE

COPA BRASIL DE PARACICLISMO - # 2 ETAPA PENHA SC TROFÉU JOÃO SCHWINDT RODOVIA TRANSBETO 10 a 12 de julho de 2015 CONVITE 1 COPA BRASIL DE PARACICLISMO - # 2 ETAPA PENHA SC TROFÉU JOÃO SCHWINDT RODOVIA TRANSBETO 10 a 12 de julho de 2015 CONVITE É com grande satisfação que a Confederação Brasileira de Ciclismo, juntamente

Leia mais

COMPLEXO ESPORTIVO DE DEODORO

COMPLEXO ESPORTIVO DE DEODORO COMPLEXO ESPORTIVO DE DEODORO Legado dos Jogos Pan-americanos de 2007 e futuro Parque Olímpico de Deodoro nos Jogos Rio 2016, o complexo tem uso intensivo desde a inauguração, com cerca de 300 eventos

Leia mais

Desporto adaptado no concelho do Seixal. Comissão Executiva do Conselho Desportivo Municipal Seixal, 26 de fevereiro de 2014

Desporto adaptado no concelho do Seixal. Comissão Executiva do Conselho Desportivo Municipal Seixal, 26 de fevereiro de 2014 Desporto adaptado no concelho do Seixal Comissão Executiva do Conselho Desportivo Municipal Seixal, 26 de fevereiro de 2014 UCAS - Goalball Demonstrações de Goalball por convite; Participação em torneios;

Leia mais

Enquadramento... 1. Objetivos... 1. Alunos... 1. Professores estagiários... 1. Recursos... 1. Humanos... 1. Temporais... 2. Espaciais...

Enquadramento... 1. Objetivos... 1. Alunos... 1. Professores estagiários... 1. Recursos... 1. Humanos... 1. Temporais... 2. Espaciais... i Índice Enquadramento... 1 Objetivos... 1 Alunos... 1 Professores estagiários... 1 Recursos... 1 Humanos... 1 Temporais... 2 Espaciais... 2 Materiais... 2 Procedimentos de planeamento e organização...

Leia mais

ANDDILetter. Portugal... Uma lança em África. 27 medalhas conquistadas. 25 no Atletismo / 2 no Ténis de Mesa. Edição N.º 69 nov.

ANDDILetter. Portugal... Uma lança em África. 27 medalhas conquistadas. 25 no Atletismo / 2 no Ténis de Mesa. Edição N.º 69 nov. Edição N.º 69 nov. 15 ANDDILetter Portugal... Uma lança em África Foi na cidade de Bloemfontein na África do Sul que, Portugal brilhou no 3º Campeonato do Mundo de Atletismo IAADS e no 1º Campeonato do

Leia mais

Circular FEPACAN 002/2015 Foz do Iguaçu, 04 de junho de 2015.

Circular FEPACAN 002/2015 Foz do Iguaçu, 04 de junho de 2015. Circular FEPACAN 002/2015 Foz do Iguaçu, 04 de junho de 2015. Às Associações Filiadas Referente: Programa TOP 2016 do Governo Estadual Prezados Filiados, A Federação Paranaense de Canoagem, neste ato representada

Leia mais

SEMANA DA INTEGRAÇÃO FISMA/FCAA 2015

SEMANA DA INTEGRAÇÃO FISMA/FCAA 2015 SEMANA DA INTEGRAÇÃO FISMA/FCAA 2015 16 a 20 de março de 2015 EVENTO ESPORTIVO E CULTURAL COM OBJETIVO DE INTEGRAR OS CALOUROS AO AMBIENTE ACADÊMICO DA FISMA/FCAA PROGRAMAÇÃO Dia 16/03 Ginásio de Esportes

Leia mais

A classificação do exame corresponde à média aritmética simples, arredondada às unidades, das classificações das duas provas (escrita e prática).

A classificação do exame corresponde à média aritmética simples, arredondada às unidades, das classificações das duas provas (escrita e prática). INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Nº 2/2015 EDUCAÇÃO FÍSICA Abril de 2015 Prova 28 2015 2.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga as

Leia mais

MÍDIA IMPRESSA E INTERNET CLIPPING FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DO PIAUÍ-FIEPI

MÍDIA IMPRESSA E INTERNET CLIPPING FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DO PIAUÍ-FIEPI MÍDIA IMPRESSA E INTERNET CLIPPING FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DO PIAUÍ-FIEPI 17/09/2014 VEÍCULO: Portal AZ EDITORIA/SEÇÃO: Esporte Local DATA: 16/09/2014 13:59 Jogos do SESI: Piauienses voltam

Leia mais

Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas

Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas UNIVERSIDADE DE LISBOA FACULDADE MOTRICIDADE HUMANA Do Festival Olímpico da Juventude Europeia aos Jogos Olímpicos Levantamento e Análise do Percurso dos Atletas Dissertação elaborada com vista à obtenção

Leia mais

TORNEIO INTERNACIONAL DE GINÁSTICA ACROBÁTICA DE LISBOA. Lisboa. Portugal DIRETRIZES 30-31 ORGANIZAÇÃO APOIO

TORNEIO INTERNACIONAL DE GINÁSTICA ACROBÁTICA DE LISBOA. Lisboa. Portugal DIRETRIZES 30-31 ORGANIZAÇÃO APOIO TORNEIO INTERNACIONAL DE GINÁSTICA ACROBÁTICA DE LISBOA Lisboa DIRETRIZES Portugal 30-31 APOIO ORGANIZAÇÃO Maio 2015 1. Introdução O Ginásio Clube Português como Clube de referência nacional na Ginástica

Leia mais

Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica

Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica Utilização dos Símbolos, Terminologia e Imagem Olímpica Conteúdo 1. Propriedades Olímpicas 2. Parceiros Olímpicos 3. Protecção Legal 4. O poder da Opinião Pública 5. Utilização de bilhetes para os Jogos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 OBJETIVO GERAL Formação para o pleno exercício da cidadania de crianças e adolescentes por meio do esporte. CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO

Leia mais

Representações Nacionais

Representações Nacionais Representações Nacionais ANEXO 4 2012 Janeiro Dia 4 -Cerimónia de Entrega de "Prémios por Obtenção de Resultados de Mérito Desportivo 2011" Dia 30 -Apresentação do Livro "Sports Law in Portugal" Dia 31

Leia mais

COPA BRASIL DE PARACICLISMO 4ª ETAPA RIO DAS OSTARS/RJ TROFÉU JOÃO SCHWINDT Rio das Ostras-RJ

COPA BRASIL DE PARACICLISMO 4ª ETAPA RIO DAS OSTARS/RJ TROFÉU JOÃO SCHWINDT Rio das Ostras-RJ 1 COPA BRASIL DE PARACICLISMO 4ª ETAPA RIO DAS OSTARS/RJ TROFÉU JOÃO SCHWINDT Rio das Ostras-RJ Comitê recebem É com grande Paralímpico os participantes satisfação Brasileiro que a Confederação Brasileira

Leia mais

JOGOS NACIONAIS DO SESI Belém do Pará 2014-10ª Edição

JOGOS NACIONAIS DO SESI Belém do Pará 2014-10ª Edição Jogos do SESI Fase Nacional - Boletim 00 JOGOS NACIONAIS DO SESI Belém do Pará 2014-10ª Edição Primeiras informações: 1. Período de realização; 2. Modalidades; 3. Fichas de inscrição e prazos; 4. Atestado

Leia mais

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann Esporte na Educação Olimpismo O Olimpismo é uma filosofia de vida que defende a formação de uma consciência pacifista, democrática, humanitária, cultural e ecológica por meio da prática esportiva. COB

Leia mais

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta?

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? 1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? Sim, os atletas da Grécia são sempre os primeiros a

Leia mais

Conteúdos/ Matérias Nucleares

Conteúdos/ Matérias Nucleares Conteúdos/ Matérias Nucleares 5º Ano - Pré desportivos (bola ao capitão, mata, bola ao pino, futebol humano, bola azeitona); - Voleibol (passe por cima, 1X1); - Ginástica de solo (rolamentos, roda); -

Leia mais

Proposta Comercial. Depto. de Marketing 01/Abr/10

Proposta Comercial. Depto. de Marketing 01/Abr/10 Proposta Comercial Depto. de Marketing 01/Abr/10 16/Jun/10 A REDE RECORD e a RECORD NEWS oferecem ao Mercado Publicitário o patrocínio dos Jogos Olímpicos de Verão da Juventude, que acontecerão em CINGAPURA.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EDUCAÇÃO FÍSICA PLANO ANUAL DE ATIVIDADES

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EDUCAÇÃO FÍSICA PLANO ANUAL DE ATIVIDADES AGRUPAMENTO DE ESCOLAS GIL VICENTE ESCOLA GIL VICENTE EDUCAÇÃO FÍSICA PLANO ANUAL DE ATIVIDADES Ano Letivo 2011 / 2012 AO LONGO DE TODO O ANO LETIVO Atividades de sensibilização da comunidade r para a

Leia mais

Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa

Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa Daniela Bassi Técnica e Atleta Associação Jauense de Tênis de Mesa CURRICULUM IDENTIFICAÇÃO PESSOAL Nome: Daniela Bassi Naturalidade: Quatigua PR Data de Nascimento: 01/11/79 Idade: 33 anos Estado Civil:

Leia mais

4 th GOLDEN AGE GYM FESTIVAL 2014

4 th GOLDEN AGE GYM FESTIVAL 2014 4 th GOLDEN AGE GYM FESTIVAL 2014 28 DE SETEMBRO A 3 DE OUTUBRO DE 2014 TOULOUSE (FRANÇA) DOCUMENTO ORIENTADOR DA PARTICIPAÇÃO PORTUGUESA DOCUMENTO ORIENTADOR DA PARTICIPAÇÃO PORTUGUESA INTRODUÇÃO O Golden

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES

REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES 2015 REGULAMENTO GERAL 2 JOGOS DO IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E FINALIDADES Art.1º Os 2º Jogos do IFRS JOGOS DE INTEGRAÇÃO têm por objetivo proporcionar momentos de

Leia mais

MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01

MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01 MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01 Os Jogos Olímpicos foram criados pelos gregos por volta de 2500 a.c. e foram retomados por iniciativa do Barão de Coubertin no final do século XIX. Em 1960, foram disputados

Leia mais

O Júri da Competição será formado pelo Controlador COLPAR, Diretor do Campeonato, Juiz Chefe e Chefes de Delegação estrangeira presente;

O Júri da Competição será formado pelo Controlador COLPAR, Diretor do Campeonato, Juiz Chefe e Chefes de Delegação estrangeira presente; 1. FINALIDA E DATA Regulamentar as atividades a serem desenvolvidas para e no Campeonato Brasileiro de Pilotagem de Velames 2015, que será realizado no Centro Nacional de Pára-quedismo, cidade de Boituva,

Leia mais

Federação de Ginástica de Portugal Instituição de Utilidade Pública e Utilidade Pública Desportiva Fundada em: 1950

Federação de Ginástica de Portugal Instituição de Utilidade Pública e Utilidade Pública Desportiva Fundada em: 1950 COMPEONATO DA EUROPA POR GUPO DE IDADES (CEGI) Riesa (GER) 2014 Representação Nacional - Equipamentos Oficiais - 1. Tratando-se de uma Representação Nacional é exigido que haja uma uniformização de toda

Leia mais

2 DOS REQUISITOS MÍNIMOS PARA REALIZAÇÃO DOS EVENTOS

2 DOS REQUISITOS MÍNIMOS PARA REALIZAÇÃO DOS EVENTOS REQUISITOS MÍNIMOS PARA ORGANIZAÇÃO DE TORNEIOS NACIONAIS INFANTO-JUVENIS EM 2015 Atualizado em 10 de Julho de 2015 Vigente a partir de 13 de Julho de 2015 Dando continuidade na atualização do material

Leia mais

Sporting Clube de Portugal

Sporting Clube de Portugal Sporting Clube de Portugal Bem-vindo ao mundo do futebol e a uma parceria de sucesso que irá proporcionar à sua marca uma projecção nacional e internacional DISCLAIMER. Documento confidencial. É proibida

Leia mais

FUNCHAL É A CAPITAL EUROPEIA DA NATAÇÃO ADAPTADA EM 2016

FUNCHAL É A CAPITAL EUROPEIA DA NATAÇÃO ADAPTADA EM 2016 Organização Parceiros Institucionais FUNCHAL É A CAPITAL EUROPEIA DA NATAÇÃO ADAPTADA EM 2016 A cidade do Funchal será a capital europeia da natação adaptada entre 30 de Abril e 7 de Maio no 2016 IPC Swimming

Leia mais

Financiamento ao Movimento Associativo Desporto Federado 2013. 6 junho de 2013 Auditório do Centro de Medicina Desportiva de Lisboa

Financiamento ao Movimento Associativo Desporto Federado 2013. 6 junho de 2013 Auditório do Centro de Medicina Desportiva de Lisboa Agenda Financiamento ao Movimento Associativo I Enquadramento 2011 2013 II Orçamento retificativo 2013 III Apoios Pagos 2013 (até 31 maio) IV Perspetivas 2014 a Financiamento ao Movimento Associativo I

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE TÉNIS DE MESA DO PORTO www.atmporto.com

ASSOCIAÇÃO DE TÉNIS DE MESA DO PORTO www.atmporto.com COMUNICADO NRº 01 ÉPOCA 2015/2016 DATA 01/08/15 1 - ABERTURA DA ÉPOCA 2015/2016 2 - INSCRIÇÕES 3 - ESCALÕES ETÁRIOS OFICIAIS 4 - FILIAÇÃO DO CLUBE NA ATM PORTO 5 - SEGURO DESPORTIVO 6 - INSCRIÇÕES DE ATLETAS

Leia mais

EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES

EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES EC PINHEIROS OLÍMPICO TERRESTRES ESPORTE CLUBE PINHEIROS NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 112 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais

Leia mais

COMUNICADO Nº 18-13 07/06/2013

COMUNICADO Nº 18-13 07/06/2013 COMUNICADO Nº 18-13 07/06/2013 ÍNDICE 1. NATAÇÃO PURA 2. CENTRO NACIONAL DE PREPARAÇÃO DE BASE PARA O ALTO RENDIMENTO DE RIO MAIOR (CNPRM) 3. FORMAÇÃO 4. FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE NATAÇÃO 5. SEGURO DESPORTIVO

Leia mais

COMISSÕES CONSULTIVAS

COMISSÕES CONSULTIVAS COMISSÕES CONSULTIVAS Comissão Jurídica António José Mota Veiga Licenciado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa Advogado, Auditor Jurídico e Auditor da Defesa Nacional

Leia mais

TORNEIO INTERNACIONAL DE LANÇAMENTOS COM SUCESSO GARANTIDO

TORNEIO INTERNACIONAL DE LANÇAMENTOS COM SUCESSO GARANTIDO TORNEIO INTERNACIONAL DE LANÇAMENTOS COM SUCESSO GARANTIDO No próximo fim-de-semana, dias 2 e 3 de Agosto disputa-se a XX edição do Torneio Internacional de Lançamentos da Juventude Vidigalense, onde estão

Leia mais

CANDIDATURA 2013-2014

CANDIDATURA 2013-2014 CANDIDATURA 2013-2014 GUIA DE PRÉ-REQUISITOS REGULAMENTO DAS PROVAS DE APTIDÃO FUNCIONAL e APTIDÃO FÍSICA COIMBRA 2013 ÍNDÍCE 1. INTRODUÇÃO... 2 2. CURSOS... 2 3. A QUEM SE DESTINAM AS PROVAS DE PRÉ-REQUISITOS...

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE GINÁSTICA

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE GINÁSTICA PREZADOS PRESIDENTES Pela presente estamos encaminhando as informações referentes à Seletiva da Ginástica de Trampolim a ser realizada no período de 04 e 07 de abril na cidade do Rio de Janeiro - RJ. Data

Leia mais

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA

ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA ESPORTE E CIDADANIA, PROGRAMA MEDALHA DE OURO GINÁSTICA DE TRAMPOLIM E ARTÍSTICA Projeto enviado por Lúcia de Fátima Albuquerque Silva - Juíza de Direito Titular da Vara Criminal e da Infância e da Juventude

Leia mais

Experimentação Esportiva

Experimentação Esportiva Experimentação Esportiva Aula 3 A categorização dos esportes Olímpicos e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Compreender a categorização dos esportes Olímpicos e por similaridade de movimentos, ações ou local

Leia mais

CONTEÚDOS REFERENCIAIS PARA O ENSINO MÉDIO

CONTEÚDOS REFERENCIAIS PARA O ENSINO MÉDIO CONTEÚDOS REFERENCIAIS PARA O ENSINO MÉDIO Área de Conhecimento: Linguagens Componente Curricular: Educação Física Ementa A Educação Física no Ensino Médio tratará da cultura corporal, sistematicamente

Leia mais

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Acreditamos no poder da transformação através do esporte. Foto: Matheus urenha PROJETO ATLETISMO E CIDADANIA AAARP ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Troféu Brasil de Atletismo, Equipe

Leia mais

FEDERAÇÃO SERGIPANA DE DESPORTOS ESCOLARES Filiada à Confederação Brasileira do Desporto Escolar BOLETIM Nº 01

FEDERAÇÃO SERGIPANA DE DESPORTOS ESCOLARES Filiada à Confederação Brasileira do Desporto Escolar BOLETIM Nº 01 BOLETIM Nº 01 II CAMPEONATO BRASILEIRO ESCOLAR DE VÔLEI DE PRAIA 2014 (SELETIVA NACIONAL) Aracaju(SE), 19 de novembro de 2014 MENSAGEM CBDE Ao realizar mais um Campeonato Brasileiro Escolar, cumprindo

Leia mais

MAPA DA ILHA DE SANTIAGO/ CONCELHO DE SÃO LOURENÇO DOS ÓRGAOS

MAPA DA ILHA DE SANTIAGO/ CONCELHO DE SÃO LOURENÇO DOS ÓRGAOS MAPA DA ILHA DE SANTIAGO/ CONCELHO DE SÃO LOURENÇO DOS ÓRGAOS Anexo nº 1 Anexo nº 2 MAPA DO CONCELHO DE SÃO LOURENÇO DOS ÓRGAOS Trabalho do fim de Curso de Bacharelato em Educação Física Este questionário

Leia mais

COLÉGIO MILITAR DE BELO HORIZONTE CONCURSO DE ADMISSÃO 2008 / 2009 PROVA DE MATEMÁTICA 1º ANO DO ENSINO MÉDIO

COLÉGIO MILITAR DE BELO HORIZONTE CONCURSO DE ADMISSÃO 2008 / 2009 PROVA DE MATEMÁTICA 1º ANO DO ENSINO MÉDIO COLÉGIO MILITAR DE BELO HORIZONTE CONCURSO DE ADMISSÃO 2008 / 2009 PROVA DE MATEMÁTICA 1º ANO DO ENSINO MÉDIO CONFERÊNCIA: Chefe da Subcomissão de Matemática Chefe da CEI Dir Ens CPOR / CMBH PÁGINA 2 RESPONDA

Leia mais

3º MERCOSUL INTERNATIONAL 2015 (Convite válido apenas para atletas brasileiros)

3º MERCOSUL INTERNATIONAL 2015 (Convite válido apenas para atletas brasileiros) 3º MERCOSUL INTERNATIONAL 2015 (Convite válido apenas para atletas brasileiros) A Confederação Brasileira de Badminton tem a honra de convidá-los para competir no 3º Mercosul International evento categoria

Leia mais

Art. 3º - Os Campeonatos são disputados anualmente, podendo ser realizados em várias etapas.

Art. 3º - Os Campeonatos são disputados anualmente, podendo ser realizados em várias etapas. Art. 1º - Os CAMPEONATOS ESTADUAIS CAIXA DE ATLETISMO MIRIM têm por propósito básico a integração estadual, a difusão do Atletismo e a verificação do desenvolvimento de seu estágio técnico nos diversos

Leia mais

COLETIVA DE IMPRENSA TORONTO 2015

COLETIVA DE IMPRENSA TORONTO 2015 COLETIVA DE IMPRENSA TORONTO 2015 24/07/2015 A Importância do Pan: COMPETIÇÃO MAIS IMPORTANTE DO CONTINENTE AMERICANO TORONTO: MAIS DE 50% DE RECORDES PAN-AMERICANOS BATIDOS VIVÊNCIA FUNDAMENTAL PARA ATLETAS

Leia mais

REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO

REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO XI JOGOS MACABEUS NACIONAIS DAS ESCOLAS JUDAICAS RIO DE JANEIRO / BRASIL 06 a 09 de setembro de 2012 REGULAMENTO GERAL INTRODUÇÃO A Macabi Rio, entidade filiada à Macabi Brasil, e organizadora há 19 anos

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Matemática Ensino Fundamental 9º Tratamento da Informação. Análise de gráficos e tabelas. Aluno

Leia mais

Jogos do SESI - Região Sudeste 2013

Jogos do SESI - Região Sudeste 2013 Jogos do SESI - Região Sudeste 2013 Jogos do SESI Fase Regional, Informativo 00 Sumário: 1. Modalidades x Praças Esportivas 2. Mapa das Cidades Sede 3. Instalações Esportivas 4. Hospedagem 5. Transporte,

Leia mais

Conferência de Imprensa. Museu da Pedra de Cantanhede 24 de Fevereiro de 2012

Conferência de Imprensa. Museu da Pedra de Cantanhede 24 de Fevereiro de 2012 Conferência de Imprensa Museu da Pedra de Cantanhede 24 de Fevereiro de 2012 Agenda - Introdução - Caracterização da Modalidade - Caracterização dos Eventos - Ranking dos Ginastas Participantes - Equipas

Leia mais

O Programa Europa visa a participação em Torneios Internacionais de Futebol, onde o objetivo principal é o intercâmbio através do futebol.

O Programa Europa visa a participação em Torneios Internacionais de Futebol, onde o objetivo principal é o intercâmbio através do futebol. O Programa Europa visa a participação em Torneios Internacionais de Futebol, onde o objetivo principal é o intercâmbio através do futebol. A vivência nos jogos internacionais têm como finalidade, mensurar

Leia mais

MARCAS DE QUALIFICAÇÃO NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2016/2017

MARCAS DE QUALIFICAÇÃO NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2016/2017 NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2016/2017 Condições de aceitação de marcas de qualificação: A. O prazo de obtenção de marcas de qualificação nas competições que o exijam é compreendido entre o dia 16 de

Leia mais

COMUNICADO III PANAM JR 2015

COMUNICADO III PANAM JR 2015 COMUNICADO III PANAM JR 2015 A CBBd, divulga informações sobre o XXIV Campeonato PANAM JR: INFORMAÇÕES IMPORTANTES QUE FORAM MANTIDAS DO COMUNICADO II: 1 Informações Gerais: Período de realização: 02 a

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Os jogos internos do COLÉGIO FRACTAL (JICOF) têm por finalidade principal humanizar a prática desportiva, valorizando

Leia mais

O Sistema de Localização do Praticante Desportivo

O Sistema de Localização do Praticante Desportivo O Sistema de Localização do Praticante Desportivo Programa Mundial Antidopagem Agência Mundial Antidopagem (AMA) Programa Mundial Antidopagem A Agência Mundial Antidopagem foi fundada em 1999, como organismo

Leia mais

Regulamento do Circuito Smashtour 2013

Regulamento do Circuito Smashtour 2013 REGULAMENTO CIRCUITO SMASHTOUR 2014 Regulamento do Circuito Smashtour 2013 1 - O Circuito será disputado em três fases, com um mínimo de 19 provas de cada fase de desenvolvimento Mínimo de 1 e máximo de

Leia mais

ENCONTRO INTER-CONCELHIO

ENCONTRO INTER-CONCELHIO ENCONTRO INTER-CONCELHIO VOUZELA Parque Desportivo Municipal das Chãs 30 de Maio de 2015 Vouzela / São Pedro do Sul / Oliveira de Frades Agrupamento de Escolas de Oliveira de Frades INTRODUÇÃO O Projeto

Leia mais

AS DIMENSÕES HUMANAS DO ESPORTE

AS DIMENSÕES HUMANAS DO ESPORTE REALIDADE AS DIMENSÕES HUMANAS DO ESPORTE Prof. Dr. Elio Carravetta ESPORTE PRÁTICA REALIDADE JOGO REGRAS EXERCICIOS FÍSICOS COMPETIÇÃO ESTRUTURA DE DESENVOLVIMENTO FEDERAÇÕES TENIS BASQUETEBOL VELA JUDÔ

Leia mais

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI

PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI PROJETO REAÇÃO OLÍMPICO VI Temporada 2016/2017 Breve Histórico Criado pelo medalhista olímpico Flávio Canto em 2003, o Instituto Reação é uma organização não governamental que promove o desenvolvimento

Leia mais

Natação Calendário Anual

Natação Calendário Anual Natação Calendário Anual O Clube Paineiras Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua programação sociocultural, com grandes shows

Leia mais

Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016

Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016 Comitê Olímpico Brasileiro Planejamento Estratégico Rio 2016 Meta - O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) trabalha pela transformação e manutenção do Brasil em uma potência olímpica, e a participação nos

Leia mais

DUARTE MOURÃO currículo

DUARTE MOURÃO currículo DUARTE MOURÃO currículo O ATLETA DUARTE MOURÃO NOME: Duarte Rafael Rodrigues de Almeida Mourão DATA DE NASCIMENTO: 28 Janeiro de 1984 RESIDÊNCIA: Loures NATURALIDADE: Loures MORADA: Rua Dr. Henrique Barbas

Leia mais

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1

O Movimento Paralímpico. Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 O Movimento Paralímpico Aula 2 Esportes Paralímpicos Parte 1 Objetivos 1 2 Apresentar a classificação funcional dos esportes Paralímpicos. Conhecer os seguintes esportes Paralímpicos: atletismo, halterofilismo,

Leia mais

8ª COPA BRASIL DE FUTSAL DOS SURDOS MANAUS AMAZONAS. 16 a 19 de Julho de 2015

8ª COPA BRASIL DE FUTSAL DOS SURDOS MANAUS AMAZONAS. 16 a 19 de Julho de 2015 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO 1 DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º. Este regulamento é o documento composto conjunto das disposições que regem a à Oitava Edição da Copa Brasil de Futsal dos Surdos Manaus/AM,

Leia mais

MARCAS DE QUALIFICAÇÃO NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2015/2016

MARCAS DE QUALIFICAÇÃO NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2015/2016 NAS COMPETIÇÕES NACIONAIS ÉPOCA 2015/2016 Condições de aceitação de marcas de qualificação: A. O prazo de obtenção de marcas de qualificação nas competições que o exijam é compreendido entre o dia 16 de

Leia mais

Ranking Nacional. Departamento de Combates

Ranking Nacional. Departamento de Combates Departamento de Combates ÍNDICE ARTIGO 1 - ENQUADRAMENTO 3 ARTIGO 2 - DESÍGNIO 3 ARTIGO 4 - PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS 3 ARTIGO 5 - FÓRMULA DE CÁLCULO DA PONTUAÇÃO FINAL NO EVENTO 5 ARTIGO 6 - FÓRMULA DE

Leia mais

PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE

PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE Versão 1 26/08/2015 PLANO DE TRABALHO CANOAGEM VELOCIDADE CRITÉRIOS PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS INTERNACIONAIS PARA O ANO DE 2016 E CONVOCAÇÃO PARA O CENTRO DE TREINAMENTO Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2.

Leia mais