GAZETADIGITAL. humanas. Darpa, berço da internet, investe agora em sistemas para emular comportamento humano GAME

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "GAZETADIGITAL. humanas. Darpa, berço da internet, investe agora em sistemas para emular comportamento humano GAME"

Transcrição

1 GAZETADIGITAL MACEIÓ, GAZETADIGITAL GAME Chega no mercado o F.E.A.R. Gold O PACOTE TRAZ O F.E.A.R. MAIS A EXPANSÃO F.E.A.R. EXTRACTION POINT; JUNTOS OFERECEM SUSPENSE COM REALISMO Com um sistema de inteligência artificial que surpreende até os jogadores mais experientes, a história de F.E.A.R começa quando uma unidade de um programa secreto do governo, com clones de soldados, é dominada pelo canibal Paxton Fettel. Com seus poderes paranormais, Fettel domina psicologicamente todos os clones que habitam o local e lidera uma revolta dentro da unidade. Para conter a revolta, o governo envia uma tropa especial para ações extremas, a F.E.A.R., First Encounter Assault Recon, que, logo ao chegar, perde misteriosamente a comunicação com a base. Quando a comunicação se restabelece, o pior já aconteceu. Todos os soldados do exército especial morreram e o comandante chefe só tem o jogador, que agora é um soldado, para enfrentar a situação. Durante a ação, o soldado solitário vai se deparar com acontecimentos sobrenaturais. Uma misteriosa garotinha passa furtivamente nos cantos do local onde as batalhas acontecem. A alma é um fantasma sempre pronto a soltar sua risada no momento mais inapropriado, fazendo com que o jogador tenha que se segurar na cadeira para não fugir de medo. A inexplicável interação da garotinha fantasma com o canibal Paxton Fettel durante o jogo confunde o usuário, que precisa de muito sangue frio para manter a concentração e continuar alerta aos ataques sorrateiros dos inimigos. Os efeitos visuais são eletrizantes e os confrontos multijogador, com até 16 jogadores, são emocionantes. Requisitos mínimos do sistema: Windows XP, x64 ou Processador Pentium 4, 1.7 GHz, ou equivalente. 512 MB RAM. Placa de vídeo de 64 MB GeForce 4 ATI ou Radeon ,8 GB de espaço livre no disco rígido. Placa de som DirectX 9.0c. Conexão de banda larga ou rede local para jogos multijogador. Mouse e teclado e unidade de DVD-Rom. MACEIÓ, Darpa, berço da internet, investe agora em sistemas para emular comportamento humano PÁGINAS 6 E 7 Máquinas mais humanas

2 A2 DIGITAL DIGITAL a15 GED CURTAS SOFTWARE LIVRE Empresa alagoana exporta tecnologia Nova pesquisa sobre pingüins MAIORIA DOS USUÁRIOS DO LINUX NO DESKTOP ESCOLHEU O SISTEMA POR CAUSA DA ESTABILIDADE SISTEMA GERA ECONOMIA E PROPORCIONA AGILIDADE E SEGURANÇA Tela do sistema de acesso à base de dados O objetivo de um sistema de GED é exatamente garantir a segurança dos documentos e, principalmente, disponibilizá-lo de forma ágil e eficaz Economia de tempo, diminuição dos custos, utilização mínima de espaço físico e ainda agilidade no acesso a todos os processos administrativos são os resultados conquistados por instituições públicas e privadas a partir da implantação do Gerenciamento Eletrônico de Documentos (GED). Isso porque o acúmulo de arquivos, o trâmite e o arquivamento dos mesmos, independentemente do tamanho da empresa, normalmente se tornam empecilhos no dia-a-dia. O objetivo de um sistema de GED é exatamente garantir a segurança dos documentos e, principalmente, disponibilizá-lo de forma ágil e eficaz, o que se torna muito difícil com o processo convencional feito com documentos armazenados em papel. O GED engloba uma série de processos e a utilização de várias ferramentas. Inicialmente é feita a catalogação e digitalização de todos os arquivos da empresa. Em seguida é criado um sistema informatizado de acesso aos mesmos, confeccionado de acordo com a necessidade da instituição. Esse sistema pode ser acessado internamente ou de qualquer lugar do mundo por meio da internet, com a utilização de senhas. Todo esse processo é muito criterioso. Embora tenha o mesmo propósito, as ferramentas são estruturadas de acordo com as necessidades individuais das instituições, salientou Oriel Rocha, diretor-geral da Oriel Tecnologia. Depois da implantação, o GED se torna uma ferramenta de uso diário. A utilização do papel passa a ser opcional ou para casos estritamente necessários. Depois da implantação e treinamento, o Gerenciamento Eletrônico passa a fazer parte do cotidiano da empresa e com a internet e o certificado digital (identidade digital que dá validade legal ao documento) não existe necessidade de se produzir o papel em todos os setores por onde passa o documento e ainda tem a vantagem de ser enviado rapidamente por meio da internet, destaca. Além de tudo isso, Oriel Rocha garante que a segurança do sistema é total, e que os documentos digitais já são aceitos legalmente, desde que assinados digitalmente, sem a necessidade de precisar ser validado por cartório, como ocorre com os documentos impressos em papel. SOLUÇÃO A tecnologia desenvolvida pela Oriel Tecnologia já está sendo exportada para outros Estados do Divulgação Brasil. Com o Sistema Integrado de Gerenciamento Eletrônico de Documentos (SIGED), desenvolvido para o governo do Estado de Alagoas, a empresa recebeu o Prêmio de Melhor Empresa do Ano de 2006 na área de GED, concedido pelo Centro Nacional de Desenvolvimento do Gerenciamento da Informação (Cenadem). Atualmente, o Siged é utilizado por 90% da administração pública estadual e já dispõe de mais de 38 milhões de documentos digitalizados e disponibilizados no sistema. Com a implantação do Siged foram recuperados e disponibilizados documentos datados desde a década de 1930, por meio dos quais é possível saber como foi gasto o dinheiro público naquele período, por exemplo. Nós criamos uma solução baseada nas necessidades dos setores. Além disso, conseguimos aliar segurança e praticidade. São esses benefícios que estão abrindo portas para os sistemas desenvolvidos no Estado, reforça. Minitela de TV que se conecta a óculos Uma fabricante de eletrônicos e equipamentos óticos lançou no Japão um visualizador portátil de imagens, feito de cristal líquido, que pode ser usado em qualquer lugar. A nova T3-F, criada pela Scalar e lançada em Tóquio nesta segunda-feira, é uma miniatura de TV que pode ser acoplada nas lentes dos óculos dos usuários. Segundo a empresa, a T3-F, que recebeu o codinome de teleóculos, combina uma tela portátil com uma espécie de controle remoto, que mais parece um tocador de música e de vídeo digitais. Na prática, o usuário tem a sensação de estar assistindo a uma TV de 28 polegadas a dois metros de distância. Pesa apenas 27 gramas. O aparelho começou a ser vendido em Tóquio pelo equivalente a US$ 810, mas ainda não tem previsão de chegada ao mercado internacional. Yahoo vai encerrar canal de leilões O portal Yahoo informou aos usuários que está encerrando o canal de leilões para países da América do Norte, o segundo serviço encerrado pelo portal nas últimas semanas. De acordo com uma mensagem publicada na página em inglês (http://auctions.yahoo.com), o canal não aceitará novos cadastros de leilões a partir de 3 de junho, sendo que até o dia 16 de junho devem ser encerradas as transações em atividade, informou a companhia. Na última semana, fontes do Yahoo Inc. também anunciaram planos de encerrar o serviço Yahoo Fotos a partir de junho. O portal enviou mensagens aos usuários para que os arquivos de imagens sejam transferidos para o serviço Flickr, baseado em tecnologia Web 2.0. Ericsson e Sun com código aberto A fabricante de equipamentos de telecomunicações Ericsson anunciou que vai unir forças com a Sun Microsystems para desenvolver um servidor de aplicativos multimídia, baseado na tecnologia Java com código aberto. A companhia sueca de telecomunicações informou em comunicado que o acordo de colaboração também inclui planos para o desenvolvimento de uma estratégia de apoio para a comunidade de programadores. Com essa colaboração, a Ericsson oferecerá partes de seu desenvolvimento de servidores ao projeto de código aberto GlassFish, informou a companhia sueca. O programa de suporte inclui uma variedade de ferramentas e expertise para apoiar a comunidade de desenvolvedores, bem como uma possibilidade para os programadores testarem suas aplicações. Afinal, quem é o usuário de GNU/ Linux no desktop? Uma pesquisa feita pelo OpenSuse Linux com mais de 27 mil usuários do sistema do GNU e do pingüim traçou recentemente um perfil. Para começo de conversa, 98% dos pesquisados são homens. Usuárias femininas, só 2%. A faixa etária onde se concentra o maior número de pingüineiros é entre 20 e 29 anos (35%) e, como era de se esperar, boa parte considera ter nível de usuário experiente. Experiente, mas não necessariamente avançado. Descrevendo-se, uma fatia (36%) da turma do Linux admitiu saber coisas sobre computadores, mas não necessariamente ter grandes habilidades técnicas apenas configurar o computador sem maiores estresses. Claro, há a turma profissional (32%), que aproveita a expertise no sistema opensource no trabalho. Caso, por exemplo, de Sulamita Garcia, membro do movimento Linux- Chix e estrategista Linux da Intel para a América Latina. Quando estava na universidade, eu era administradora de redes e preferia a estabilidade do Unix, conta Sulamita. Quando entrei em contato com o Linux, descobri que era um unixlike que eu poderia ter no meu desktop. Além disso, podia ver o código-fonte e descobrir como foi escrito. Isso me deixou fascinada. O próprio conceito do software aberto também a levou a outro patamar. Já que eu podia ver o código fonte, estudá-lo e compartilhar esse conhecimento, resolvi tentar contribuir também. Meu primeiro contato com o Linux foi Muita gente, segundo o estudo OpenSuse, ainda tem dual boot na máquina, isto é, usa Windows junto com Linux em 1999 e, desde então, exceto quando exigências profissionais pedem que eu lide com outras coisas, é o sistema que prefiro, afirma. ESTABILIDADE Vinte e cinco por cento dos entrevistados na pesquisa são estudantes, contra 21% de administradores de sistemas. Oitenta e nove por cento usam internet banda larga. E as características que esse tipo de usuário mais procura num software são, pela ordem: estabilidade (78%), segurança (63%) e usabilidade (58%). Estabilidade, aliás, foi o que levou Cláudio Ferreira Filho, mantedor do projeto BrOffice.org, a prestar mais atenção no GNU/ Linux. Sempre gostei de experimentar sistemas operacionais, e comecei a testar o Linux em 94. Até 2000, tinha uma partição no trabalho para brincar com ele. Então tive autorização da direção da empresa onde trabalhava para montar o servidor central todo em Linux, conta Cláudio. E ele ficou 385 dias ligado ininterruptamente. Depois, instalaram a distribuição Debian no meu notebook e fiquei dois anos sem ter qualquer dor de cabeça com o sistema. Só precisei trocar de Linux quando troquei de notebook. DUAL BOOT Muita gente, segundo o estudo OpenSuse, ainda tem dual boot na máquina, isto é, usa Windows junto com Linux. Isso ocorre em 69% dos casos. No sistema do pingüim, o ambiente gráfico mais usado é o KDE (71%), mas a maioria dos usuários (64%) usa aplicações em modo texto, ou seja, escova bits. Nesta turma está o consultor Marcos Tadeu, que começou a usar o GNU/Linux em 1993 (o sistema foi lançado em 1991). Ele tem estabilidade e não apresenta nenhum problema com vírus, além de ser mais estável nas conexões via modem e ter navegação mais rápida,diz.

3 A14 DIGITAL DIGITAL A3 REDES ACADÊMICAS Mais velocidade para cientistas RNP DARÁ MAIS BANDA AO MEIO ACADÊMICO BRASILEIRO ANDRÉ MACHADO A internet rápida já tem uma forcinha para se espalhar mais pelo meio acadêmico brasileiro. Nos últimos anos, a RNP mandou brasa para instalar uma rede IP de alta velocidade nas universidades brasileiras, bolando, em parceria com o CPqD, o Projeto Giga e a Rede IP, com velocidades acima de 1Gbps. A questão, explica Michael Stanton, diretor de inovação da RNP, é que a rede só chegava a um ponto em cada cidade onde foi instalada. Agora, porém, a entidade planeja instalar várias redes de fibra óptica nas capitais brasileiras interligando universidades e instituições (públicas e privadas) para que a conexão se espalhe. É o projeto Redecomep (Redes Comunitárias de Educação e Pesquisa). O piloto da iniciativa é a rede MetroBel, cuja instalação está quase concluída em Belém do Pará e cuja inauguração oficial está prevista para o fim do mês. Mas por que Belém? Segundo o secretário-executivo do Ministério da Ciência e Tecnologia, Luís Fernandes, a idéia é fomentar conexões na região amazônica. ALGUMAS UNIVERSIDADES SÓ TINHAM 128KBPS DE LINK A velocidade da conexão será de no mínimo 1Gbps e as redes serão mantidas pelas próprias instituições, num sistema de consórcio. Estender as redes entre as instituições corta o custo de puxar uma conexão até o ponto da rede da RNP, explica José Luís Ribeiro, coordenador nacional da Redecomep. E os pesquisadores precisam de qualidade de conexão ponta a ponta para fazer melhor seus estudos, ter acesso a consultas bibliográficas on-line, contactar outros pesquisadores etc. Segundo os responsáveis pelo projeto, onde aproximadamente R$ 100 milhões estão sendo investidos, com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia e da Finep, a opção pela fibra óptica tecnologia já consolidada e de longevidade comprovada, permite o uso intenso das conexões. As tecnologias wireless podem até ser usadas em áreas mais ermas, mas serão necessariamente um recurso complementar. O plano é ter 80% das redes acadêmicas comunitárias instaladas até o fim do ano e o restante no começo de Depois de Belém, virão Manaus, Brasília, Vitória e Florianópolis (em que os equipamentos estão sendo instalados, segundo José Luís) e então Natal, Porto Alegre e Goiânia. Em São Paulo, a opção da RNP é alugar fibra óptica já disponível para a conexão, barateando os custos, e no Rio parcerias com a Rede Rio, Metrô, Super- Via e Prefeitura permitirão à fibra óptica serpentear entre galerias subterrâneas, redes ferroviárias, dutos da CET-Rio e outros locais. A rede de fibra óptica da UFF, que já atravessa a baía, deverá ir até o Laboratório Nacional de Computação Científica, em Petrópolis. Divulgação MENSAGENS PARA VOCÊ Uma ostra que não foi ferida não produz pérola... A Ostra e a Pérola As pérolas são feridas curadas, pérolas são produtos da dor, resultados da entrada de uma substância estranha ou indesejável no interior da ostra, como um parasita ou um grão de areia. A parte interna da concha de uma ostra é uma substância lustrosa chamada nácar. Quando um grão de areia a penetra, as células do nácar começam a trabalhar e cobrem o grão de areia com camadas e mais camadas, para proteger o corpo indefeso da ostra. Como resultado, uma linda pérola é formada. Uma ostra que não foi ferida, de algum modo, não produz pérolas, pois a pérola é uma ferida cicatrizada... Você já se sentiu ferido pelas palavras rudes de um amigo? Já foi acusado de ter dito coisas que não disse? Suas idéias já foram rejeitadas, ou mal interpretadas? Você já sofreu os duros golpes do preconceito? Já recebeu o troco da indiferença? Então, produza uma pérola!!! Cubra suas mágoas com várias camadas de amor. Infelizmente, são poucas as pessoas que se interessam por esse tipo de movimento. A maioria aprende apenas a cultivar ressentimentos, deixando as feridas abertas, alimentando-as com vários tipos de sentimentos pequenos e, portanto, não permitindo que cicatrizem. Assim, na prática, o que vemos são muitas Ostras vazias, não porque não tenham sido feridas, mas porque não souberam perdoar, compreender e transformar a dor em amor. CURTA Google e Yahoo mostram armas Yahoo! e Google fizeram anúncios importantes semana passada: o primeiro decidiu desafiar os limites do armazenamento e oferecer com capacidade ilimitada. A novidade vai valer tanto para clientes antigos quanto para os novos. Outra novidade do Yahoo! é a busca dentro do ambiente 3D Second Life. Para tanto, foi criado um identificador virtual, conhecido como HUD (Heads Up Displays), que pode ser ativado ou desativado pelo internauta. Quando estiver ativado, o que o usuário escrever na barra de chat principal do Second Life fará com que o sistema faça uma requisição de busca no Yahoo! Cadê? GOOGLE Já o Google decidiu investir ainda mais pesado em seu produto principal: a ferramenta de buscas que deu início a tudo. A empresa anunciou os primeiros passos rumo ao modelo de busca universal: já agrega informações de um grande número de fontes previamente selecionadas como vídeos, imagens, notícias, mapas, livros e websites, em um único conjunto de resultados. Projetos de Astronomia ganharão mais banda com as conexões da Redecomep

4 A4 DIGITAL DIGITAL A13 GAME Uma boneca feita totalmente de pixels EMPRESA LANÇA BONECA VIRTUAL QUE VIVE NUMA CASA DE VERDADE, CONECTÁVEL COM OUTRAS CASAS DE BRINQUEDO RELIGIÃO Internautas nos EUA criam GodTube UM SITE DE VÍDEOS QUE PREGA OS ENSINAMENTOS CRISTÃOS E ENGROSSA A DISSEMINAÇÃO RELIGIOSA NA INTERNET Ela é uma espécie de tamagotchi turbinado. Mas também traz a moda dos mundos virtuais direto para a infância, especialmente para as meninas. Estamos falando da Pixel Chix, uma boneca virtual lançada pela Mattel. A Pixel vive numa casinha de brinquedo com móveis (reais) minúsculos numa sala de estar e uma escadinha que sobe para o segundo andar. Apertando os botões na parte inferior da casa, a criança vê a luz se acender e Pixel aparece, ou desce a escada depois de acordar. A partir daí, pode-se brincar com ela, fazê-la comer (várias comidas a dona da boneca escolhe), botá-la para ver TV, falar ao telefone, dançar, trocar de roupa e assim por diante. Tudo isso é projetado num LCD sobre os objetos reais dentro da casinha. Inclusive, aparece uma janela virtual com um sol durante o dia e uma lua durante a noite em tempo real. A brincadeira começa a esquentar quando se junta uma ou mais casas à residência original. As casinhas são conectadas eletronicamente por uma interface lateral e, quando isso acontece, Pixel pode visitar ou receber as amigas das outras casas e brincar com elas, inclusive levando um som na guitarra. A boneca tem personalidade forte e em nada lembra a Barbie, carro-chefe da Mattel. Se você mandar que vá dormir durante o dia, ela reclama: Não estou com sono! Com a casa, a empresa lançou um carro igualmente conectável, para onde Pixel vai logo que se aperta um botão nele. Dentro do carro, ela liga o rádio (a criança escolhe que música quer ouvir), baixa virtualmente a janela, faz umas barbeiragens e até reclama com os outros motoristas. No segundo semestre, vamos lançar um shopping conectável com as casas e o carro, de modo que muitas outras atividades serão possíveis, conta Isabel Patrão, gerente de marketing da Mattel. NÃO É RECOMENDÁVEL LARGAR A BONECA POR MUITO TEMPO O esquema tamagotchi é reconhecível em algumas características da Pixel Chix não se pode abandoná-la, ou a casa começa a ganhar visitantes indesejáveis (um rato e teias de aranha). É preciso alimentá-la e fazer com que limpe sua geladeira virtual, ou a comida estragará (e a boneca fará um hum-hum de nojo ao abrir o eletrodoméstico). A boneca tem até signo (é aquariana com ascendente em Áries) e conta com um site (www.pixelchix.com.br) e um blog (www.diario dapixel.com.br), mas este último está programado para sair do ar no fim de junho (uma decisão que ainda pode mudar). No site é possível baixar a boneca para o computador e brincar com ela. Também há papéis de parede. Não é barato brincar com ela: o preço sugerido da casa é R$ 150 e o do carro, R$ 100. Para o segundo semestre, a Mattel promete mais novidades virtuais. Nada está confirmado ainda, mas parece que uma certa boneca vai ganhar um ambiente virtual. Com cerca de 4,8 mil vídeos, o GodTube (www.godtube.com) segue o estilo do popular You- Tube, e diz que utiliza a tecnologia web para conectar cristãos com a finalidade de promover e disseminar o Evangelho no mundo. O site exibe clipes enviados por usuários, muitos deles contendo mensagens religiosas. Entre os posts mais vistos e com melhor aprovação dos usuários do GodTube está o clip Baby Got Book ( Ela tem a Bíblia, em tradução livre), paródia de uma conhecida e mais apimentada, música americana de rap. O site também abre espaço para vídeos críticos. Sob o título de Por que o GodTube é estúpido, o vídeo mais comentado do site mostra um jovem que questiona por que cristãos precisam de um YouTube só para eles. Usar a palavra cristão como adjetivo automaticamente dá uma impressão fictícia de aprovação prévia de Deus a qualquer coisa que você descreve, argumenta o rapaz. Em outro vídeo ( Kiss, Off! ), usuários criticam um pregador que chama de mentiroso um fã da banda Kiss que passa na rua vestido com as roupas que caracterizam o grupo. Demonstrando sua desaprovação, um usuário recomenda: Pregue a verdade, mas faça-o com amor. DISPUTA O site engrossa uma tendência de levar, para a internet, a discussão de temas religiosos, que em outros casos já chegou a causar rixas entre sites. A disputa é às vezes aberta, como entre a enciclopédia virtual Wikipedia e os sites conservadores Conservapedia e Creationwiki. Na Conservapedia, o longo verbete Wikipedia informa ao usuário uma série de detalhes pouco honrosos da maior enciclopédia on-line, acusada de censurar artigos e de deliberadamente prover informações pouco confiáveis Já a Wikipedia define assim a rival: Conservapedia é um projeto wiki com o objetivo de construir uma enciclopédia com artigos pró-estadunidenses, socialmente conservadores e com conservadorismo cristão. A enciclopédia foi criada como uma resposta a uma polarização anticristã e anti-estadunidense nos artigos da Wikipédia, em especial a anglófona. As divergências entre a Wikipedia e a CreationWiki não são menos profundas, com a últi- ma acusando a primeira de ser tendenciosa e promover sentimento anti-criacionista. Se na Wikipedia o verbete Darwinismo merece 1,5 mil palavras e numerosos hiperlinks, a definição do termo na CreationWiki ocupa menos de um terço do mesmo espaço. No site cristão, a teoria do cientista Charles Darwin, segundo a qual a espécie humana evoluiu de primatas, é definida como um sistema de crenças. GAZETADIGITAL SUPLEMENTO SEMANAL DA Gazeta de Alagoas presidente de honra - oam ana luísa collor de mello coordenador editorial enio lins editor geral celio gomes diretor comercial leonardo simões diagramador jorge carlos ANÚNCIOS e SUGESTÕES TEL (82) FAX (82) Os artigos são de responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião deste suplemento.

5 A12 DIGITAL DIGITAL PIADAS CURTA Frase da semana O Papa veio ao Brasil muito satisfeito, pois lhe disseram que uma boa parte dos dirigentes e políticos do País é católica: não fazem nada sem levar um terço! Alta velocidade O sujeito finalmente conseguiu realizar o seu sonho de comprar um Audi A4 1.8T, automático, conversível e todos os acessórios permitidos. Então, numa bela tarde, se mandou para uma autoestrada para testar toda a capacidade da belezura. Capota abaixada, o vento na cara, o cabelo voando, resolveu ir fundo! Quando o ponteiro estava chegando nos 120, ele viu que um carro da Polícia Rodoviária o perseguia com a sirene a mil e as luzes piscando. Ah, mas não vão alcançar este carro de jeito nenhum, pensou ele e atolou o pé no acelerador. O ponteiro foi pros 140, 160, 200., e a patrulha atrás. Que loucura, ele pensou e, então, resolveu encostar. O guarda veio,pediu os documentos, examinou o carro e disse: - Eu tive um dia muito duro e já passou do horário do meu turno. Se me der uma boa desculpa, que eu nunca tenha ouvido, para dirigir desta maneira, deixo você ir embora. E o sujeito emendou: - Na semana passada, minha mulher fugiu com um policial rodoviário e eu tive medo de que fosse ele querendo devolvê-la. - Boa noite, disse o guarda... (Enviada por Dimas Francisco) Ótimo fruto Na escola, a professora vira-se para os alunos e pergunta: - Mariazinha, diga o nome de um fruto que começa por M, e é ótimo? - Maçã? - Ótimo, Ótimo! Luisinho, agora um que começa por P? - Pêra? - Ótimo, ótimo! Joãozinho, agora você, um por O! O Joãozinho pensa, pensa... E solta: - Orgasmo! - Joãozinho, orgasmo não é um fruto! - Eu sei, mas é ótimo, ótimo! Marido bem tratado Uma mulher acompanha o marido ao consultório médico. Depois de ser atendido, o médico chama a esposa reservadamente diz: - Seu marido está com stress profundo. A situação é delicada, e se a senhora não seguir as instruções que vou lhe passar seu marido Certamente vai morrer. São apenas 10 instruções que salvará sua vida: 1) Toda manhã, prepare para ele um café reforçado; 2) Para o almoço, ofereça refeições nutritivas; 3) Para o jantar, prepare pratos especiais, tipo comida japonesa, italiana, francesa; 4) Mantenha em casa um bom estoque de cerveja gelada; 5) Não o atrapalhe quando ele estiver vendo futebol; 6) Pare de assistir novelas; 7) Não o aborreça com problemas do universo feminino; 8) Deixe-o chegar no horário que desejar; 9) Nunca questione onde estava; 10) Atenda aos seus desejos sexuais. No caminho de casa, o marido pergunta o que foi que o médico disse: E ela respondeu: - Ele disse que você vai morrer. Capturados Um alemão, um italiano e um japonês foram capturados por índios antropófagos. O cacique resolveu dar uma chance para eles escaparem: - Tira pinto para fora. Se os três juntos medir trinta centímetros, cacique dá liberdade! O alemão tirou o dele: doze centímetros. O italiano: treze centímetros. E o japonês: cinco centímetros. Total: trinta centímetros, certinho. Os três são soltos, e o japonês se vangloria: - Ta vendo, se zaponeis non tá excitado, molia tudo, né???!!! Cremação Um brasileiro, de passagem por Lisboa, foi surpreendido com a notícia de que um amigo seu, português, morreu e seria enterrado naquela tarde. Chateado com a situação, a perda de um amigo do peito, procurou saber onde seria o velório e foi para lá. Ao chegar, viu que no caixão estava o morto inteiramente nu e ao lado um grande pote cheio de creme, no qual cada um dos presentes metia a mão e após apanhar um pouco, passava sobre o defunto. Surpreendido pela cena, coisa inusitada para ele, aproximou-se da esposa e perguntou: - Desculpe-me a ignorância, mas o que estão fazendo é tradição por aqui? A esposa respondeu: - Não! É inédito! Nunca fizemos. É que ele pediu para ser cremado... (Enviada por Álvaro Cleto) Sensações Marido e mulher estão deitados na cama. Ela sente a mão dele acariciando o ombro dela. Ela: Ah, que sensação gostosa! A mão dele passa pelos seios dela. Ela: Nossa querido, isso é maravilhoso! A mão dele passa entre as coxas dela. Ela: Oh, amor, não pare! Mas ele pára. Ela: Por que você parou? Ele: Achei o controle remoto. Pane total O piloto de um Boing 737 faz contato com a torre: - Atencao torre! Atenção torre! Emergência! As duas turbinas direitas estão em chamas, por favor, me de instruções do que fazer! - Corte a alimentação das turbinas. - Impossível, a chave esta emperrada! - Então, tente um pouso de emergência no Aeroporto mais próximo! - Impossível, o sistema hidráulico pifou! - Então, repita comigo: Pai nosso que estais no céu... EUA pode testar banda larga via rede elétrica em 2008 O provedor de TV via satélite DirecTV Group pode testar a transmissão de serviços de internet de alta velocidade por redes elétricas em uma grande cidade americana no ano que vem, afirmou o presidenteexecutivo da companhia. A DirecTV e outras empresas estão conversando com companhias que se especializam em fornecer acesso rápido à internet por meio de redes elétricas, declarou o presidente-executivo do grupo, Chase Carey, durante o Reuters Global Technology, Media and Telecoms Summit, evento que acontece em Nova York. Não somos os únicos a conversar com eles, disse Carey em resposta a uma pergunta sobre a possibilidade de um teste pela DirecTV em uma grande cidade. Acredito que vocês verão alguns testes significativos nessa arena. A DirecTV tem interesse em testar o acesso à internet por meio da rede elétrica em uma das 50 maiores cidades dos EUA, e com cobertura de pelo menos metade da cidade. Embora a DirecTV e a EchoStar Communications, outra operadora de TV via satélite nos EUA, tenham conseguido manter em ampliação suas bases de assinantes apesar da concorrência cada vez mais severa das operadoras de TV a cabo, analistas de Wall Street vêm questionando que estratégia de banda larga as operadoras de TV via satélite empregarão para combater as pressões competitivas.

6 A6 DIGITAL DIGITAL A11 CAPA Máquinas pensam e resolvem problemas TECNOLOGIA Mudando as cores com comandos de voz Ano que vem, o berço da internet completa meio século. Isso mesmo: a Darpa Defense Advanced Research Projects Agency, foi bolada pelo governo americano em 1958 para fazer frente ao lançamento do satélite Sputnik pelos soviéticos, e no fim dos anos 60 criou a Arpanet, primeira rede operacional de troca de pacotes, para comunicação de dados. Foi ela a predecessora da internet, que hoje já tem 120 milhões de sites. Mas o que a Darpa faz hoje, no meio da voragem revolução da informação? Uma das áreas mais fortes em que a agência vem investindo é a que mistura computação com neurociência. Tudo indica que pode vir do meio militar (de novo) a próxima fronteira techie. O projeto mais recente nessa área pretende criar binóculos especiais para soldados no campo de batalha binóculos acoplados ao cérebro dos recrutas. Eles seriam capazes de alertar áreas do órgão responsáveis por controlar a quantidade de luz que a retina dos olhos recebe, além de estimular a visão de objetos, rostos, formas e cores, detectando mais rapidamente os alvos designados pelos comandantes. Graças à hipersensibilidade conferida pelo gadget, os soldados também ficariam mais alertas para eventuais aproximações furtivas do inimigo e seriam capazes de descobrir atiradores disfarçados em algum ângulo do terreno. A tecnologia tem o nome oficial de Sistema de Tecnologia Cognitiva para Alerta de Ameaças, mas já foi apelidada de binóculos de Luke, uma referência ao binóculo usado pelo personagem Luke Skywalker, de Guerra nas Estrelas. SISTEMAS COGNITIVOS Mas este não é o único projeto da agência. Existem vários outros. Eles contam com uma divisão para tecnologias de processamento de informação, cuja missão é projetar sistemas computacionais realmente cognitivos, capazes de raciocinar baseados em informações, aprender com a experiência e se expressar convenientemente respondendo inclusive a situações imprevistas (o que mais acontece na vida, afinal). Tal descrição nos faz pensar no HAL 9000 do filme Só se espera que tais sistemas não enlouqueçam como ele. Já em 2005, uma das diretoras da divisão, Barbara Yoon, comentava numa apresentação no Eles contam com uma divisão para tecnologias de processamento de informação, cuja missão é projetar sistemas computacionais realmente cognitivos evento anual da agência (o DAR- PATech) que desde o começo do novo milênio embarcamos numa missão ambiciosa para criar uma nova geração de sistemas cognitivos que pudessem emular algumas das mais importantes funções da mente. A idéia era chegar ao coração da mente com tecnologias que começassem a adquirir conhecimento, raciocinar, resolver problemas de forma flexível em novas situações, aprender e ser criativas - características que envolvem as capacidades cognitivas do ser humano. Ela pinta um futuro em que operações de combate seriam apoiadas por múltiplos sensores moventes com tais características, que poderiam ser pequenos como uma mosca na parede. Tais sensores poderiam ajudar a compreender melhor e em tempo real, a planta ou estrutura de um edifício, além de revelar o esconderijo de inimigos ou depósitos de armas. Leia mais na página A7 NOVA TECNOLOGIA PROMETE MUDAR OS TONS DE UMA IMAGEM DIGITAL USANDO APENAS PALAVRAS E EXPRESSÕES SIMPLES ANDRÉ MACHADO Há alguns anos estive no Palo Alto Research Center (Parc), onde a Xerox e outras empresas botam seus melhores cérebros para trabalhar e melhorar a interação humano-computador, entre outras coisas. Uma das palestras a que assisti falava de sistemas compreendendo a semântica de documentos e traduzindo-a de alguma forma para facilitar a vida do usuário. Pois agora cientistas da Xerox inventaram um jeito de o computador retocar uma fotografia sem que o usuário precise fazer o menor esforço. Bastará abrir a foto de uma paisagem, digamos, do Rio, e escrever (em inglês) o seguinte Aumente a intensidade do azul do céu e o brilho do verde. Segundo Geoffrey Woolfe, principal cientista do grupo de inovação da Xerox e responsável pela descoberta, a intenção é evitar que a pessoa precise lidar com o complicado sistema de cores presente em softwares gráficos e impressoras de escritório para fazer uma simples alteração numa imagem. Cores, na verdade, são códigos matemáticos Os sistemas de ajuste de cores exigem que o usuário entenda os controles de uma determinada ferramenta, diz Woolfe na tese que definiu a nova tecnologia. Explico: a definição de uma cor digamos, amarelo-canário, corresponde a um conjunto de coordenadas matemáticas num gabarito contendo vários tons de coloração. Normalmente, para ajustar um tom preciso em determinada foto, profissionais gráficos perdem um tempo nesse template e necessitam sa- Os sistemas de ajuste de cores exigem que o usuário entenda os controles de uma ferramenta ber os códigos a que aquele tom corresponde. Com a linguagem colorida da Xerox, basta escrever o que se quer para o programa traduzir por conta própria o pedido para o sistema de cores e fazer a modificação. Futuramente, planeja-se transferir essa propriedade para comandos de voz. Seremos, em tese, capazes de pedir ao computador (ou impressora): por favor, ponha mais vermelho nes- sas uvas aqui. Lembra os computadores de Jornada nas Estrelas, não? No entanto, as coisas estão num estágio inicial. Levará alguns anos para que a tecnologia seja aperfeiçoada. Até porque, hoje, o sistema ainda não aprendeu a mudar somente um determinado pedaço da cor de um quadro. Isto é, quando se pede para carregar no azul, ele carrega todo o azul presente na imagem, não só o azul do céu. Além disso, explica Woolfe, criar um mapeamento entre uma linguagem natural e os códigos numéricos das cores no processamento de imagens é algo complicado. As palavras e a gramática usadas para descrever cores variam conforme a cultura, o lugar, a profissão de alguém e suas preferências. Ou seja, há desafios bem coloridos, pela frente. O espectrômetro Divulgação

7 A10 DIGITAL DIGITAL A7 INCLUSÃO DIGITAL Chegou a vez do notebook para todos GOVERNO AMPLIA PROGRAMA DE INCLUSÃO, MAS DEFENDE O SL O sonho do laptop próprio pode estar mais perto do que se imagina. Depois do sucesso do programa Computador para Todos, que isentou de impostos marcas de desktops (computadores de mesa) ditos populares, agora chegou a vez dos notebooks. Na semana passada, o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) publicou uma portaria na qual sugere mudanças na configuração do programa do governo, de forma a incluir os micros portáteis com preço limite de R$ 1,8 mil para venda direta ao consumidor. O benefício, que vai levar cerca de três meses para valer, inclui o financiamento de notebooks por meio do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. A idéia é, assim como aconteceu com os micros de mesa, alavancar as vendas de portáteis com o acirramento da concorrência. É a segunda boa notícia do ano para quem desejava adquirir um laptop mas considerava os preços proibitivos. No lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o limite para isenção de PIS e Cofins para a venda de computadores passou de R$ 2,5 mil para R$ 4 mil (no caso dos desktops) e de R$ 3 mil para R$ 4 mil (para notebooks). Ainda no terreno dos desktops, o MCT propôs mais uma mudança: a possibilidade No lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), o limite para isenção de PIS e Cofins para a venda de computadores passou de R$ 2,5 mil para R$ 4 mil e de R$ 3 mil para R$ 4 mil de os micros de mesa utilizarem dois tipos de processadores (de 1,2MHz e memória cache de 256Kb ou de 1,4MHz e memória cache de 128Kb). CAI LIMITE DE FINANCIAMENTO PARA OS DESKTOPS O MCT também decidiu propor uma diminuição no valor máximo do financiamento para desktops: de R$ 1,4 mil para R$ 1,2 mil. Ainda segundo o Ministério, o programa Computador para Todos foi responsável por 25% das vendas de computadores de mesa no Brasil desde que foi criado, no segundo semestre de Foram 530 mil unidades vendidas por meio do programa. Divulgação O presidente Lula e o laptop Em 2006, a venda de microcomputadores no Brasil bateu recorde: foram 8,6 milhões de unidades comercializadas, um aumento de 46% do mercado em relação aos números de Outro benefício, diz ainda o MCT, foi a diminuição da participação do mercado cinza. Da mesma forma que os desktops, os laptops financiados pelo governo federal terão de rodar sistema operacional Linux (que tem código-fonte aberto), já que a licença do Windows poderia encarecer muito o produto. Outra exigência do programa é a fabricação das máquinas em solo nacional, visando ao estímulo da indústria brasileira. CAPA Computador se tornará mais humano A Darpa não esqueceu a grande rede. O especialista em segurança Marcos Sêmola, diretor de operações de informação de risco da Atos Origin em Londres, aponta para outras áreas de interesse em que a agência se mantém ativa áreas cruciais para a boa evolução da internet como a conhecemos. Muitos dos projetos deles se mantêm na zona da infra-estrutura e protocolo, o que é uma boa notícia, dada a competência demonstrada ao criar a Arpanet, embrião da grande rede, décadas atrás, comenta Sêmola. Isso é importante, já que a infra-estrutura da internet continuará em risco até que se criem mecanismos realmente redundantes à prova de ataques em massa, o que está sendo esperado a qualquer momento. Grande parte deste problema, diz ele, se deve ao uso de uma velha versão do protocolo IP, o IPv4, que não podia prever todas as formas de utilização da rede nos dias de hoje. Sim, a versão nova, o IPv6, já existe e está em fase de disseminação, mas tratase de um movimento demorado, distribuído, com término previsto apenas para os próximos cinco a dez anos, explica Sêmola. INTERAÇÃO O especialista também chama Hoje, quem senta na frente do computador sem nunca ter usado a máquina anteriormente se sente perdido a atenção para o projeto PAL (Assistente Personalizável que Aprende, na sigla em inglês), que busca criar sistemas cognitivos para auxiliar e interagir com comandantes para planejar e executar missões. Sem dúvida, estes projetos são ainda voltados para a área militar, onde a agência atua, mas é fácil ver os benefícios que os sistemas baseados na mente humana trarão para nossa integração com os computadores no cotidiano futuro. Hoje, quem se senta na frente de um computador sem nunca ter usado a máquina anteriormente se sente perdido ainda é preciso aprender a usá-lo, e o processo de aprendizagem pode ser exaustivo. Num computador cognitivo, mais adaptado à nossa mente (e quiçá às emoções, ramo do qual trata a chamada computação afetiva), a comunicação homem-máquina começaria a ficar mais simples. Karin Breitman, doutora em Ciência Informática e pesquisadora do Departamento de Informática da PUC Rio, autora de Web semântica: a internet do futuro e de Semantic Web: concepts, technologies and applications, diz que estamos vivendo a aurora de uma nova computação. Já tivemos o grande boom dos sistemas de informação na década passada, e agora estamos passando para a era da biologia computacional, área de grande interdisciplinaridade, diz Karin. Mundialmente, vemos surgir várias iniciativas neste sentido. WORKSHOP EM LISBOA DISCUTIRÁ TECNOLOGIAS A própria Karin faz parte de uma comunidade interessada no tema, que inclui pesquisadores de IFIP (International Federation for Information Processing), Nasa e diversas universidades. Um workshop sobre computação inspirada pela biologia vai acontecer, aliás, em Lisboa, Portugal, em setembro próximo. Antes, em agosto, é a vez do DAR- PATech deste ano, que discutirá temas como aprendizagem, racionalização, tradução de linguagens e culturas. Tudo aplicado à computação. Em Lisboa, o workshop se dedicará a estudar o cruzamento Na verdade, a tecnologia já começa a ser usada para fazer interfaces de sistemas com deficientes físicos de modelos de biologia e de computação para entender melhor como os dois podem (ou não) se misturar. Essa é a grande questão: será que dá mesmo para reproduzir num sistema eletrônico toda a complexidade de nossos pensamentos? Quem dá a resposta é Karin, usando um exemplo da neurociência. Foram ligados eletrodos no cérebro de um macaco, na área que controla e reproduz os movimentos do braço, relata a pesquisadora. Observaram-se os disparos nos neurônios, que resultavam no movimento muscular do braço. Então, foi criado um algoritmo para emular estes comandos cerebrais e mover o braço de um robô. Este foi ligado a um joystick. Em seguida, o macaco foi estimulado a jogar um videogame simples, com o joystick (tinha de botar um cursor sobre uma bola). Toda vez que acertava, era recompensado. Finalmente, o joystick foi retirado e os eletrodos no cérebro do macaco foram ligados diretamente ao braço do robô. O que aconteceu? Quando o macaco pensava nos movimentos e seu cérebro emitia os disparos, o braço do robô passou a se mexer sozinho para acertar no jogo. As implicações dessa experiência são fantásticas: é possível construir robôs controlados por emissões cerebrais, o que permitiria operá-los em ambientes de extrema radiação (como em Marte), debaixo d água e assim por diante. Também será possível construir próteses de membros controladas por nós, diz Karin. Em tempo: o experimento foi feito pelo biólogo brasileiro Miguel Nicolelis, que trabalha na Universidade de Duke e construiu um mega-instituto de neurociência em Natal. Na verdade, a tecnologia já começa a ser usada para fazer interfaces de sistemas com deficientes físicos, de modo que a intenção deles de fazer alguma coisa no computador é transformada em sinais elétricos. Um local em que isso é utilizado é o Laboratório de Ciências Cognitivas do Wadsworth Center, em Albany, Nova York.

8 A8 DIGITAL DIGITAL A9

4/4/2007 5:09 PM. SEMANA DE 02/04 a 08/04 de 2007 NOTÍCIAS ROTEIROS PRODUTOS E SERVIÇOS PODCASTS BUSCA OK

4/4/2007 5:09 PM. SEMANA DE 02/04 a 08/04 de 2007 NOTÍCIAS ROTEIROS PRODUTOS E SERVIÇOS PODCASTS BUSCA OK SEMANA DE 02/04 a 08/04 de 2007 NOTÍCIAS ROTEIROS PRODUTOS E SERVIÇOS PODCASTS BUSCA OK ESTA SEMANA SAIBA COMO Solte o som no seu celular musical Memória, um item fundamental na hora da compra Lojas virtuais

Leia mais

Pós-Graduação em Educação: Novos Paradigmas GUIA DO ALUNO

Pós-Graduação em Educação: Novos Paradigmas GUIA DO ALUNO GUIA DO ALUNO Prezado(a) Aluno(a), O Guia do Aluno é um instrumento normativo que descreve os padrões de qualidade dos processos acadêmicos e administrativos necessários ao desenvolvimento dos cursos de

Leia mais

Dispositivos de entrada sem fio 1 INTRODUÇÃO

Dispositivos de entrada sem fio 1 INTRODUÇÃO Dispositivos de entrada sem fio 1 INTRODUÇÃO Nosso seminário vai apresentar uma tecnologia de entrada de dados sem fio, ou seja, os dados de entrada vao ser transmitidos sem a necessidade de meios fisicos

Leia mais

Introdução à Arte da Ciência da Computação

Introdução à Arte da Ciência da Computação 1 NOME DA AULA Introdução à Arte da Ciência da Computação Tempo de aula: 45 60 minutos Tempo de preparação: 15 minutos Principal objetivo: deixar claro para os alunos o que é a ciência da computação e

Leia mais

1. Conhecendo o Pligg

1. Conhecendo o Pligg MANUAL DO USUÁRIO Índice 1. Conhecendo o Pligg....................................................... 1 2. Como instalar o Pligg...................................................... 2 3. Como ativar

Leia mais

Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?...

Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?... 1 Sumário O Computador... 3 Desligando o computador... 5 Cuidados com o computador... 5 O Windows e as janelas... 6 O que é o Windows?... 6 Usando os programas... 7 Partes da janela:... 7 Fechando as janelas...

Leia mais

Tire suas dúvidas sobre os leitores digitais

Tire suas dúvidas sobre os leitores digitais Tire suas dúvidas sobre os leitores digitais Amazon anuncia lançamento do Kindle no Brasil por cerca de R$ 1 mil. G1 lista o que você precisa saber antes de comprar esse tipo de eletrônico. Juliana Carpanez

Leia mais

Apresentando o GNOME. Arlindo Pereira arlindo.pereira@uniriotec.br

Apresentando o GNOME. Arlindo Pereira arlindo.pereira@uniriotec.br Apresentando o GNOME Arlindo Pereira arlindo.pereira@uniriotec.br O que é o GNOME? GNOME é um ambiente desktop - a interface gráfica de usuário que roda sobre um sistema operacional - composta inteiramente

Leia mais

O futuro do YouTube - VEJA.com

O futuro do YouTube - VEJA.com Entrevista O futuro do YouTube 29/08/2009 10:49 Por Leo Branco Nesta semana, Chad Hurley, de 32 anos, um dos criadores do YouTube, esteve no Brasil e falou a VEJA sobre o futuro do maior site de vídeos

Leia mais

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail...

Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... FACEBOOK Sumário Aspectos Básicos... 3 Como Empresas usam o Facebook... 3 Introdução ao Facebook... 4 Criando um Cadastro... 5 Confirmando E-mail... 8 Características do Facebook... 10 Postagens... 11

Leia mais

Amadeus Pro Web com Emissão

Amadeus Pro Web com Emissão Amadeus Pro Web com Emissão 30 de abril de 2003 Treinamento e Documentação Amadeus Brasil Índice 1. Apresentação... pág. 2 2. Dúvidas e Soluções... pág. 2 3. Requisitos Mínimos... pág. 3 4. Identificando

Leia mais

Manual de Utilização

Manual de Utilização Se ainda tiver dúvidas entre em contato com a equipe de atendimento: Por telefone: 0800 642 3090 Por e-mail atendimento@oisolucoespraempresas.com.br Introdução... 3 1. O que é o programa Oi Backup Empresarial?...

Leia mais

Peça para um amigo baixar o programa também, e você pode começar a experimentar o VoIP para ver como funciona. Um bom lugar para procurar é

Peça para um amigo baixar o programa também, e você pode começar a experimentar o VoIP para ver como funciona. Um bom lugar para procurar é VOIP Se você nunca ouviu falar do VoIP, prepare-se para mudar sua maneira de pensar sobre ligações de longa distância. VoIP, ou Voz sobre Protocolo de Internet, é um método para pegar sinais de áudio analógico,

Leia mais

Aula 8 Conversação e rede social na web

Aula 8 Conversação e rede social na web Aula 8 Conversação e rede social na web Aula 8 Conversação e rede social na web Meta Apresentar um programa de voz sobre IP (VoIP), o Skype, e fazer uma breve introdução ao mundo das redes sociais online,

Leia mais

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424

Digitalização. Copiadora e Impressora WorkCentre C2424 Digitalização Este capítulo inclui: Digitalização básica na página 4-2 Instalando o driver de digitalização na página 4-4 Ajustando as opções de digitalização na página 4-5 Recuperando imagens na página

Leia mais

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO)

SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) SISTEMA DE GRAVAÇÃO DIGITAL COM UM MICROCOMPUTADOR (DVD OU PLACAS DE CAPTURA DE VÍDEO) Há vários tipos de sistemas de gravações digitais. Os mais baratos consistem de uma placa para captura de vídeo, que

Leia mais

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Este artigo demonstra como configurar uma rede virtual para ser usada em testes e estudos. Será usado o VirtualBox

Leia mais

Conhecendo o Sistema Operacional

Conhecendo o Sistema Operacional Prefeitura de Volta Redonda Secretaria Municipal de Educação NTM Núcleo de Tecnologia Educacional Municipal Projeto de Informática Aplicada à Educação de Volta Redonda - VRlivre Conhecendo o Sistema Operacional

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Tipos de Sistemas Operacionais Com o avanço dos computadores foram surgindo alguns tipos de sistemas operacionais que contribuíram para o desenvolvimento do software. Os tipos de

Leia mais

Medicina & Bem-estar. Por MÔNICA TARANTINO Foto: MURILLO CONSTANTINO AGÊNCIA ISTOÉ

Medicina & Bem-estar. Por MÔNICA TARANTINO Foto: MURILLO CONSTANTINO AGÊNCIA ISTOÉ Medicina & Bem-estar O movimento de Nicolelis Este brasileiro, considerado um dos maiores cientistas do mundo, está perto de conseguir uma façanha sem precedentes: devolver a mobilidade a quem não pode

Leia mais

Web 2.0: a nova internet é uma plataforma

Web 2.0: a nova internet é uma plataforma Página 1 de 5 Mídia interativa - Comportamento - Criação - Web 2.0 Web 2.0: a nova internet é uma plataforma 07/12/2005 0:00 Por: Gilberto Alves Jr. Os empreendimentos na internet que deram certo pensam

Leia mais

Software de monitoramento Módulo CONDOR CFTV V1 R1

Software de monitoramento Módulo CONDOR CFTV V1 R1 Software de monitoramento Módulo CONDOR CFTV V1 R1 Versão 30/06/2014 FOR Segurança Eletrônica Rua dos Lírios, 75 - Chácara Primavera Campinas, SP (19) 3256-0768 1 de 12 Conteúdo A cópia total ou parcial

Leia mais

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP

Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Informática básica: Sistema operacional Microsoft Windows XP...1 Iniciando o Windows XP...2 Desligar o computador...3 Área de trabalho...3

Leia mais

Realizado a partir do Roteiro para grupo focal com monitores - Pesquisa UCA/BA [Escola CETEP/Feira de Santana] 1

Realizado a partir do Roteiro para grupo focal com monitores - Pesquisa UCA/BA [Escola CETEP/Feira de Santana] 1 Realizado a partir do Roteiro para grupo focal com monitores - Pesquisa UCA/BA [Escola CETEP/Feira de Santana] Categorias Apresentação do instrumento [-] Mobilidade/ portabilidade [,] 0 0 Transcrição Alguns

Leia mais

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP

CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA. Microsoft Windows XP CURSO BÁSICO DE INFORMÁTICA Microsoft Windows XP William S. Rodrigues APRESENTAÇÃO WINDOWS XP PROFISSIONAL O Windows XP, desenvolvido pela Microsoft, é o Sistema Operacional mais conhecido e utilizado

Leia mais

OPCEM 1.0. Versão 1.0 Copyright 2013 OpServices 1

OPCEM 1.0. Versão 1.0 Copyright 2013 OpServices 1 OPCEM 1.0 Versão 1.0 Copyright 2013 OpServices 1 OpCEM CONCEITO... 4 REQUISITOS MÍNIMOS... 4 INSTALANDO... 4 CONHECENDO A INTERFACE DO OPCEM... 7 CONFIGURAÇÃO DO GERENCIADOR... 7 ADICIONAR NOVO ROBÔ...

Leia mais

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO!

Como deixar seu negócio on-line. Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! Como deixar seu negócio on-line Tendências e a força das mídias sociais no VAREJO! A palavra de ordem das redes sociais é interação. Comparando a internet com outros meios de comunicação em massa como

Leia mais

Teste de Qualidade Web based para Banda Larga FAQs

Teste de Qualidade Web based para Banda Larga FAQs Teste de Qualidade Web based para Banda Larga FAQs Pergunta O que é o teste de velocidade? Quem é o público alvo? O que oferece? Como funciona? Por onde é o acesso? Resposta Um teste de qualidade de banda

Leia mais

ebook Guia Definitivo do Google Earth

ebook Guia Definitivo do Google Earth ebook Guia Definitivo do Google Earth #GoogleEarthFacts O Google Earth é um software cuja função é apresentar um modelo tridimensional do globo terrestre, construído a partir de um mosaico de imagens de

Leia mais

Pequena história da Internet

Pequena história da Internet Pequena história da Internet A Internet nasceu em 1969, nos Estados Unidos. Interligava originalmente laboratórios de pesquisa e se chamava ARPAnet (ARPA: Advanced Research Projects Agency). Era uma rede

Leia mais

SMART Sync 2010 Guia prático

SMART Sync 2010 Guia prático SMART Sync 2010 Guia prático Simplificando o extraordinário Registro do produto Se você registrar o seu produto SMART, receberá notificações sobre novos recursos e atualizações de software. Registre-se

Leia mais

1. Apresentação. 1.1. Conexão Digital para o Desenvolvimento Social. 1.2. Engajamento na Iniciativa

1. Apresentação. 1.1. Conexão Digital para o Desenvolvimento Social. 1.2. Engajamento na Iniciativa 1. Apresentação 1.1. Conexão Digital para o Desenvolvimento Social A conexão Digital para o Desenvolvimento Social é uma iniciativa que abrange uma série de atividades desenvolvidas por ONGs em colaboração

Leia mais

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves

Conceitos Básicos de Informática. Antônio Maurício Medeiros Alves Conceitos Básicos de Informática Antônio Maurício Medeiros Alves Objetivo do Material Esse material tem como objetivo apresentar alguns conceitos básicos de informática, para que os alunos possam se familiarizar

Leia mais

Sistemas de Informação Processamento de Dados

Sistemas de Informação Processamento de Dados Sistemas de Informação Processamento de Dados Ferramentas e serviços de acesso remoto VNC Virtual Network Computing (ou somente VNC) é um protocolo desenhado para possibilitar interfaces gráficas remotas.

Leia mais

Computadores e Informática Guia de introdução às Tecnologias da Informação e Comunicação

Computadores e Informática Guia de introdução às Tecnologias da Informação e Comunicação Computadores e Informática Guia de introdução às Tecnologias da Informação e Comunicação Autor: António Eduardo Marques Colecção: Soluções Revisão: Centro Atlântico Capa e paginação: António J. Pedro Centro

Leia mais

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE

SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Escola de Tempo Integral Experiências Matemáticas 7º ANO (6ª série) SUPERAÇÃO JÁ! ETAPA DEterminaÇÃO CADERNO DO ESTUDANTE Este é um material em construção que contém os capítulos de apoio das atividades

Leia mais

ETEC RAPOSO TAVARES GESTÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS I. Máquina Virtual. Instalação de S.O. em dual boot. 1º Semestre 2010 PROF.

ETEC RAPOSO TAVARES GESTÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS I. Máquina Virtual. Instalação de S.O. em dual boot. 1º Semestre 2010 PROF. ETEC RAPOSO TAVARES GESTÃO DE SISTEMAS OPERACIONAIS I Máquina Virtual Instalação de S.O. em dual boot 1º Semestre 2010 PROF. AMARAL Na ciência da computação, máquina virtual é o nome dado a uma máquina,

Leia mais

Como Começar a Usar o PECS

Como Começar a Usar o PECS Como Começar a Usar o PECS PASSO 1 - As instruções que me foram dadas pela professora com treinamento no Teacch e pela fonoaudióloga da primeira escola que meu filho freqüentou são as seguintes: Eu deveria

Leia mais

Aula 1: Introdução à Disciplina Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina

Aula 1: Introdução à Disciplina Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Programação para Internet Rica 1 Aula 1: Introdução à Disciplina Fonte: Plano de Aula Oficial da Disciplina Objetivo: Identificar os princípios que se destacam como características da Web 2.0. INTRODUÇÃO

Leia mais

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO RAYNER DE MELO PIRES ANA PAULA SUZUKI ANDRÉ REIS DE GEUS GABRIELA QUIRINO PEREIRA SALVIANO LUDGÉRIO FELIPE GOMES INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO COM ROBÔS LEGO JULHO DE 2010 SUMÁRIO 1 O que é o NXT?...4 2 Explicando

Leia mais

MANUAL DO BLOG. Blog IBS

MANUAL DO BLOG. Blog IBS MANUAL DO BLOG Blog IBS Seja bem vindo! O Blog é um website dinâmico, um espaço virtual que usa a internet para compartilhar informações. Por meio do blog você pode publicar textos, opiniões, notícias,

Leia mais

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR

Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR Diogo Caixeta 6 PASSOS PARA CONSTRUIR UM NEGÓCIO DIGITAL DE SUCESSO! WWW.PALAVRASQUEVENDEM.COM WWW.CONVERSAODIGITAL.COM.BR INTRODUÇÃO Você está cansado de falsas promessas uma atrás da outra, dizendo

Leia mais

Professor: Macêdo Firmino Introdução ao Windows 7

Professor: Macêdo Firmino Introdução ao Windows 7 Professor: Macêdo Firmino Introdução ao Windows 7 O hardware não consegue executar qualquer ação sem receber instrução. Essas instruções são chamadas de software ou programas de computador. O software

Leia mais

INTRODUÇÃO AO SKYPE... 2 O QUE É SKYPE?... 2 QUANTA CUSTA?... 3 PORQUE ABANDONAR O SISTEMA USUAL DE TELEFONIA E PASSAR A USAR O SKYPE?...

INTRODUÇÃO AO SKYPE... 2 O QUE É SKYPE?... 2 QUANTA CUSTA?... 3 PORQUE ABANDONAR O SISTEMA USUAL DE TELEFONIA E PASSAR A USAR O SKYPE?... INTRODUÇÃO AO SKYPE... 2 O QUE É SKYPE?... 2 QUANTA CUSTA?... 3 PORQUE ABANDONAR O SISTEMA USUAL DE TELEFONIA E PASSAR A USAR O SKYPE?... 3 COMO COMPRAR E PAGAR... 3 CARACTERÍSTICAS IMPORTANTES... 3 DOWNLOAD

Leia mais

Traduza textos com um clique, usando o excelente Babylon

Traduza textos com um clique, usando o excelente Babylon Traduza textos com um clique, usando o excelente Babylon Introdução: Você já teve problemas com a tradução de algum texto? Com a Internet cada vez mais popular graças à banda larga, isto é relativamente

Leia mais

Introdução à redes de computadores

Introdução à redes de computadores 1/8 Introdução à redes de computadores Faz todo o sentido ligar os computadores em rede. Você não precisa ter uma impressora, um HD de grande capacidade, um gravador de DVDs e conexão via ADSL para cada

Leia mais

30/04/2013 22h19 - Atualizado em 30/04/2013 22h38

30/04/2013 22h19 - Atualizado em 30/04/2013 22h38 30/04/2013 22h19 - Atualizado em 30/04/2013 22h38 Samsung Galaxy S4 é lançado no Rio e mantém preços a partir de R$ 2,4 mil Smartphone chega às lojas no Sudeste e em Brasília no dia 8 de maio. Novo modelo

Leia mais

$ $ COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO

$ $ COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO COMO A INTRANET DE SUA EMPRESA ESTÁ TE FAZENDO PERDER DINHEIRO INTRODUÇÃO No mundo corporativo, talvez nenhuma expressão tenha ganhado tanto foco quanto 'engajamento'. O RH ouve isso todo dia, o time de

Leia mais

Escrito por Eder DZR Sáb, 26 de Março de 2011 16:39 - Última atualização Ter, 05 de Abril de 2011 01:26

Escrito por Eder DZR Sáb, 26 de Março de 2011 16:39 - Última atualização Ter, 05 de Abril de 2011 01:26 Yo! Hoje acordei de bom humor com a vida e decidi escrever um artigo sobre Cloud Computing, a famosa navegação nas nuvens. Que coisa é essa? O que eu ganho usando isso? O que eu preciso ter para usar a

Leia mais

UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem

UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem UNIDADE II Conhecendo o Ambiente Virtual de Aprendizagem 2.1 Introdução Caro Pós-Graduando, Nesta unidade, abordaremos o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) que será utilizado no curso: o Moodle. Serão

Leia mais

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET

INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO CURSO: Bacharelado em Ciências e Tecnologia INFORMÁTICA APLICADA AULA 06 INTERNET Profª Danielle Casillo SUMÁRIO O que é Internet Conceitos básicos de internet

Leia mais

15/08/2013 DIREITO DA. Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA

15/08/2013 DIREITO DA. Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA DIREITO DA INFORMÁTICA Professor: Luis Guilherme Magalhães (62) 9607-2031 INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA 1 CONCEITOS BÁSICOS Informática infor + mática. É o tratamento da informação de forma automática Dado

Leia mais

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Adriano Lima Belo Horizonte 2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA ESP-MG... 3 Programação do curso no AVA-ESPMG

Leia mais

Universidade. Estácio de Sá. Informática e Telecomunicações

Universidade. Estácio de Sá. Informática e Telecomunicações Universidade Estácio de Sá Informática e Telecomunicações A Estácio Hoje reconhecida como a maior instituição particular de ensino superior do país, a Universidade Estácio de Sá iniciou suas atividades

Leia mais

Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas O conteúdo deste documento tem como objetivos geral introduzir conceitos mínimos sobre sistemas operacionais e máquinas virtuais para posteriormente utilizar

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado

Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado Sistema Operacional Unidade 4.2 - Instalando o Ubuntu Virtualizado Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 CRIAÇÃO DA MÁQUINA VIRTUAL... 3 Mas o que é virtualização?... 3 Instalando o VirtualBox...

Leia mais

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras.

Sistema irá modular até 32 câmeras: Você pode conectar de 1 até 32 câmeras. MANUAL DO SISTEMA Introdução Apresentação Requisitos mínimos Instalação do programa Acessando o Secullum DVR Tela Principal Indicador de espaço em disco Disposição de telas Status de Gravação Usuário atual

Leia mais

Manual do usuário. Mobile Client

Manual do usuário. Mobile Client Manual do usuário Mobile Client Mobile Client Parabéns, você acaba de adquirir um produto com a qualidade e segurança Intelbras. Este manual serve como referência para a sua instalação e operação e traz

Leia mais

Manual do Usuário Acesso ao Sistema

Manual do Usuário Acesso ao Sistema Dispositivo de Monitoramento, Rastreamento e Bloqueio por Satélite Manual do Usuário Acesso ao Sistema www.kgk-global.com Conteúdo Conteúdo... 2 Entrar no sistema... 3 Interface... 4 Monitoramento on-line...

Leia mais

Copyright 2011 Manual Gere Afiliados - www.gerasite.com MANUAL. Gere Afiliados. Copyright 2011 - Júnior Resende - Direitos Reservados

Copyright 2011 Manual Gere Afiliados - www.gerasite.com MANUAL. Gere Afiliados. Copyright 2011 - Júnior Resende - Direitos Reservados GERA SITE Apresenta... MANUAL Gere Afiliados Como Criar Seu Próprio Site de Vendas e Marketing de Afiliados Facilmente Copyright 2011 - Júnior Resende - Direitos Reservados Direitos de Reprodução Este

Leia mais

Guia do usuário P2WW-2646-01PTZ0

Guia do usuário P2WW-2646-01PTZ0 Guia do usuário P2WW-2646-01PTZ0 Introdução O CardMinder é um aplicativo que gerencia cartões de visita digitalizados pelo scanner de imagem em cores ScanSnap (exceto o scanner de rede ScanSnap). Este

Leia mais

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões

Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões MÍDIA KIT INTERNET Número de pessoas com acesso à internet passa de 120 milhões Segundo pesquisa da Nielsen IBOPE, até o 1º trimestre/2014 número 18% maior que o mesmo período de 2013. É a demonstração

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz

Tecnologia da Informação. Prof. Esp. Lucas Cruz Tecnologia da Informação Prof. Esp. Lucas Cruz Componentes da Infraestrutura de TI Software A utilização comercial da informática nas empresas iniciou-se por volta dos anos 1960. O software era um item

Leia mais

quarta-feira, 8 de outubro de 14

quarta-feira, 8 de outubro de 14 Internet 2G no Brasil Mais usada que 3G... Em julho, o 2G era usado em 48,5% dos celulares, nº menor que o registrado em janeiro (57,8%) 3G passou de 35,9% em janeiro para 44,3% em julho Tecnologia 4G

Leia mais

INTERNET -- NAVEGAÇÃO

INTERNET -- NAVEGAÇÃO Página 1 INTRODUÇÃO Parte 1 O que é a Internet? A Internet é uma rede mundial de computadores, englobando redes menores distribuídas por vários países, estados e cidades. Ao contrário do que muitos pensam,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA DEPARTAMENTO DE INFORMÁTICA COMPUTAÇÃO MÓVEL CONTROLE DE GASTOS PARA ORÇAMENTO DOMÉSTICO Fred Paulino Ferreira, Leonardo Couto, Renato Maia, Luiz G. Montanha Departamento

Leia mais

Game Design e Tecnologia na Incubadora

Game Design e Tecnologia na Incubadora Game Design e Tecnologia na Incubadora INCUBADORA versão final Introdução Inspirado em jogos de simulação como The Sims, INCUBADORA versão final é um espetáculo-jogo, que promove a reflexão sobre os modos

Leia mais

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo

Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Geração Graças Peça: A ressurreição da filha de Jairo Autora: Tell Aragão Personagens: Carol (faz só uma participação rápida no começo e no final da peça) Mãe - (só uma voz ela não aparece) Gigi personagem

Leia mais

PASSOS INICIAIS PARA CRIAR O SEU NEGÓCIO DIGITAL. Aprenda os primeiros passos para criar seu negócio digital

PASSOS INICIAIS PARA CRIAR O SEU NEGÓCIO DIGITAL. Aprenda os primeiros passos para criar seu negócio digital PASSOS INICIAIS PARA CRIAR O SEU NEGÓCIO DIGITAL Aprenda os primeiros passos para criar seu negócio digital Conteúdo PRIMEIROS PASSOS COM BLOG:... 3 Primeiro:... 3 Segundo:... 4 Terceiro:... 5 Quarto:...

Leia mais

NAVEGANDO NA INTERNET

NAVEGANDO NA INTERNET UNIDADE 2 NAVEGANDO NA INTERNET OBJETIVOS ESPECÍFICOS DE APRENDIZAGEM Ao finalizar esta Unidade você deverá ser capaz de: Definir a forma de utilizar um software de navegação; Debater os conteúdos disponibilizados

Leia mais

iphone 5S APRESENTAÇÃO

iphone 5S APRESENTAÇÃO Ideal Voz Empresarial iphone 5S O iphone 5 é uma verdadeira evolução do smartphone da Apple. Muito Fino e leve, o iphone 5 impressiona com seu design impecável e tela Retina de 4 polegadas. Apesar de seu

Leia mais

GUIA DE ESTUDOS CURSO TÉCNICO EM ELETRÔNICA

GUIA DE ESTUDOS CURSO TÉCNICO EM ELETRÔNICA GUIA DE ESTUDOS CURSO TÉCNICO EM ELETRÔNICA Guia do Aluno... 2 Acesso ao Portal do Aluno... 2 Serviços oferecidos no Portal do Aluno.... 4 Secretaria Escolar... 4 Departamento Financeiro... 4 Apoio ao

Leia mais

MANUAL DE CONFIGURAÇÃO

MANUAL DE CONFIGURAÇÃO MANUAL DE CONFIGURAÇÃO CONTMATIC PHOENIX SUMÁRIO CAPÍTULO I APRESENTAÇÃO DO ACESSO REMOTO... 3 1.1 O que é o ACESSO REMOTO... 3 1.2 Como utilizar o ACESSO REMOTO... 3 1.3 Quais as vantagens em usar o PHOENIX

Leia mais

IPTV UMA INOVAÇÃO PARA O VALE DO SÃO LOURENÇO RESUMO

IPTV UMA INOVAÇÃO PARA O VALE DO SÃO LOURENÇO RESUMO IPTV UMA INOVAÇÃO PARA O VALE DO SÃO LOURENÇO AMADIO Renato Arnaut 1 RESUMO A região do Vale do São Lourenço já está inserida na era digital, ela se caracteriza pela economia sustentada na agropecuária,

Leia mais

CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP

CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP CAPÍTULO IV Sistema Operacional Microsoft Windows XP Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais são programas que como o próprio nome diz tem a função de colocar o computador em operação. O sistema Operacional

Leia mais

O novo serviço Giro oferece a você o máximo da Internet através da tecnologia móvel digital de terceira geração CDMA 2000 1xEV-DO:

O novo serviço Giro oferece a você o máximo da Internet através da tecnologia móvel digital de terceira geração CDMA 2000 1xEV-DO: Manual da fase de teste do Giro Beta Versão: 1.0 Data de publicação: Janeiro/2004 Descrição: Este manual irá ajudá-lo a responder dúvidas que você possa ter sobre a fase de teste do novo serviço Giro.

Leia mais

Guia de instalação e ativação

Guia de instalação e ativação Guia de instalação e ativação Obrigado por escolher o memoq 2013, o melhor ambiente de tradução para tradutores freelance, agências e empresas de tradução. Este guia orienta o usuário no processo de instalação

Leia mais

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares

SENAI São Lourenço do Oeste. Introdução à Informática. Adinan Southier Soares SENAI São Lourenço do Oeste Introdução à Informática Adinan Southier Soares Informações Gerais Objetivos: Introduzir os conceitos básicos da Informática e instruir os alunos com ferramentas computacionais

Leia mais

Ao terminar o preenchimento clique no botão Avançar.

Ao terminar o preenchimento clique no botão Avançar. guiaskype O Skype é o melhor programa para conversas de voz e vídeo da atualidade. Com ele você realiza conversas de voz em tempo real com uma ou mais pessoas ao mesmo tempo. Além disso o Skype não é um

Leia mais

Guia para os novos Gerentes

Guia para os novos Gerentes Guia para os novos Gerentes Registar 1 Aqui está possível escolher o nome de Gerente, a senha, o idioma preferido e o servidor onde será criada a sua equipa. Os servidores funcionam em fusos horários diferentes.

Leia mais

DESCUBRA O IP DO SEU ROTEADOR

DESCUBRA O IP DO SEU ROTEADOR DESCUBRA O IP DO SEU ROTEADOR Saber o IP do seu roteador é importante para que você possa acessar o seu painel de controle e assim poder configurar uma série de opções diferentes para que sua rede Wi-Fi

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Estudantes na Escola de Administração da FGV utilizam seu laboratório de informática, onde os microcomputadores estão em rede

Leia mais

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA

GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA GANHE DINHEIRO FACIL GASTANDO APENAS ALGUMAS HORAS POR DIA Você deve ter em mente que este tutorial não vai te gerar dinheiro apenas por você estar lendo, o que você deve fazer e seguir todos os passos

Leia mais

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível

Versão 1.0 Janeiro de 2011. Xerox Phaser 3635MFP Plataforma de interface extensível Versão 1.0 Janeiro de 2011 Xerox Phaser 3635MFP 2011 Xerox Corporation. XEROX e XEROX e Design são marcas da Xerox Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. São feitas alterações periodicamente

Leia mais

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA

PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA EE Odilon Leite Ferraz PROJETO INFORMÁTICA NA ESCOLA AULA 1 APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA APRESENTAÇÃO E INICIAÇÃO COM WINDOWS VISTA Apresentação dos Estagiários Apresentação do Programa Acessa

Leia mais

Oficina de Software Livre.

Oficina de Software Livre. Professor: Igor Patrick Silva Contato: (38)88037610 E-Mail: igorsilva88037610@hotmail.com 1 Índice CAP. 1 O computador e seus componentes 2 CAP. 2 O que é software livre e o que é software proprietário

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof Odilon Zappe Jr Internet Internet Internet é o conglomerado de redes, em escala mundial de milhões de computadores interligados, que permite o acesso a informações e todo

Leia mais

10 motivos para participar da próxima temporada do Torneio de Robótica FLL

10 motivos para participar da próxima temporada do Torneio de Robótica FLL http://portaldaindustria.com.br/agenciacni/ 16 MAR 2015 10 motivos para participar da próxima temporada do Torneio de Robótica FLL A competição realizada pelo SESI proporciona aprendizado, diversão, novas

Leia mais

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com.

A.S. Sistemas Rua Prof. Carlos Schlottfeldt, 10A Clélia Bernardes Viçosa MG CEP 36570-000 Telefax: (31) 3892 7700 dietpro@dietpro.com. Sumário Principais Características...5 Configuração necessária para instalação...6 Conteúdo do CD de Instalação...7 Instruções para Instalação...8 Solicitação da Chave de Acesso...22 Funcionamento em Rede...26

Leia mais

Fundamentos da Informática

Fundamentos da Informática 1 PROCESSAMENTO DE DADOS I - FUNDAMENTOS A) CONCEITO DE INFORMÁTICA - é a ciência que estuda o tratamento automático e racional da informação. B) PROCESSAMENTO DE DADOS 1) Conceito Processamento de dados

Leia mais

De Camelô a Joalheiro. Aprenda a montar e gerir lojas virtuais para pequenos varejos e grandes e-commerces com mais de 10.000 produtos!

De Camelô a Joalheiro. Aprenda a montar e gerir lojas virtuais para pequenos varejos e grandes e-commerces com mais de 10.000 produtos! De Camelô a Joalheiro Todos podem vender on-line! Aprenda a montar e gerir lojas virtuais para pequenos varejos e grandes e-commerces com mais de 10.000 produtos! 2 As pessoas me chamam de E-commerce Girl

Leia mais

Atividade Capitulo 6 - GABARITO

Atividade Capitulo 6 - GABARITO Atividade Capitulo 6 - GABARITO 1. A Internet é uma força motriz subjacente aos progressos em telecomunicações, redes e outras tecnologias da informação. Você concorda ou discorda? Por quê? Por todos os

Leia mais

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos Partição Parte de um disco físico que funciona como se fosse um disco fisicamente separado. Depois de criar uma partição, você deve formatá-la e atribuir-lhe uma letra de unidade antes de armazenar dados

Leia mais

Profa. Dra. Amanda Liz Pacífico Manfrim Perticarrari amanda@fcav.unesp.br

Profa. Dra. Amanda Liz Pacífico Manfrim Perticarrari amanda@fcav.unesp.br Profa. Dra. Amanda Liz Pacífico Manfrim Perticarrari amanda@fcav.unesp.br São representações dos números de uma forma consistente. Apresenta uma grande quantidade de números úteis, dando a cada número

Leia mais

Trabalhar em Casa. Um Guia para quem quer iniciar um trabalho em casa e não sabe por onde começar. 2015 bastianafutebol.com @bastianafutebol

Trabalhar em Casa. Um Guia para quem quer iniciar um trabalho em casa e não sabe por onde começar. 2015 bastianafutebol.com @bastianafutebol Trabalhar em Casa Um Guia para quem quer iniciar um trabalho em casa e não sabe por onde começar 2015 bastianafutebol.com @bastianafutebol Como Começar? Primeiro você deve escolher o tipo de trabalho que

Leia mais

Uso de Softwares Livres para Educação Experiências Metasys. Home

Uso de Softwares Livres para Educação Experiências Metasys. Home Uso de Softwares Livres para Educação Experiências Metasys Experiência Metasys na Educação Projeto Escolas em Rede Pilotos UCA Projetos Internacionais Casos de Sucesso: Escolas em Rede Secretaria de Educação

Leia mais

Vox4all Manual de Utilização http://arca.imagina.pt/manuais/manual Vox4all BR.pdf

Vox4all Manual de Utilização http://arca.imagina.pt/manuais/manual Vox4all BR.pdf Vox4all Manual de Utilização http://arca.imagina.pt/manuais/manual Vox4all BR.pdf A voz ao seu alcance! Software de comunicação aumentativa e alternativa para smartphone e tablet Projeto co financiado

Leia mais

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO 01. O QUE É? O Curso de Desenvolvimento de Websites é um curso de graduação tecnológica de nível superior com duração de dois anos e meio. Este curso permite a continuidade dos estudos em nível de bacharelado

Leia mais

LABORATORIOS DE INFORMÁTICA. prof. André Aparecido da Silva Disponível em: www.oxnar.com.br/2015/profuncionario

LABORATORIOS DE INFORMÁTICA. prof. André Aparecido da Silva Disponível em: www.oxnar.com.br/2015/profuncionario LABORATORIOS DE INFORMÁTICA prof. André Aparecido da Silva Disponível em: www.oxnar.com.br/2015/profuncionario 1 O conhecimento da humanidade só evoluiu em virtude da incessante busca do ser humano em

Leia mais