Panteão Nacional Igreja de Santa Engrácia Lisboa

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Panteão Nacional Igreja de Santa Engrácia Lisboa"

Transcrição

1 Panteão Nacional Igreja de Santa Engrácia Lisboa 11

2

3 Panteão Nacional Igreja de Santa Engrácia APRESENTAÇÃO Sobranceiro à zona histórica e ao rio Tejo, o Panteão Nacional é uma referência na imagem da cidade. A construção do edifício actual, originalmente destinado a igreja dedicada a Santa Engrácia, iniciou-se em 1682 mas as obras só terminaram em meados do século XX, mantendo, apesar disso, o projecto barroco original. Aqui jazem, desde 1916, algumas das grandes figuras da história portuguesa recente. HORÁRIO De Terça a Domingo: das 10h00 às 17h00 Encerrado: Segundas 1 de Janeiro Domingo de Páscoa 1 de Maio 25 de Dezembro PREÇOS Bilhete Individual: 3,00 Desconto de 50%: Utentes com mais de 65 anos ou portadores de deficiência Famílias com dois ou mais filhos menores (15 18), desde que acompanhados por um dos pais Desconto de 60%: Cartão Jovem Entrada Livre: Domingos e Feriados até às 14h00 Jornalistas e Profissionais de Turismo (devidamente credenciados e no desempenho das suas funções) Portadores de cartões pré-comprados Lisboa Card (adquiridos na internet em ou nos postos de informação turística da ATL) INFORMAÇÃO DISPONÍVEL Sinalética (português, inglês). Miradouro virtual de exterior e de interior (português) Desdobráveis (português, inglês, francês, alemão, espanhol, italiano, japonês) 1,00 ACESSIBILIDADE Acessibilidade para pessoas com mobilidade reduzida no Corpo Central do monumento ESTACIONAMENTO Para automóveis e autocarros, no parque de estacionamento em frente ao Monumento, com boa capacidade. Preço: gratuito BENGALEIRO CAFETARIA LOJA Horário de funcionamento do monumento Acervo: postais, publicações de carácter científico e didáctico e reproduções de peças das colecções dos monumentos do IGESPAR BIBLIOTECA

4 Grupos / Serviços para Organização de Eventos DIMENSÃO DO GRUPO Entre o mínimo de 10 e máximo de 30 pessoas Pode haver vários grupos em visita em simultâneo HORÁRIOS Mediante consulta prévia, em condições a acordar PREÇOS 100 a 200 bilhetes 5% desconto 201 a 500 bilhetes 10% desconto > 501 bilhetes 20% desconto Desde que adquiridos com uma antecedência mínima de 24 horas Não há devolução de bilhetes PERCURSOS TEMÁTICOS Percurso regular A História do Panteão; O monumento está incluído no percurso À Descoberta de Lisboa (eléctrico 28). Trata-se de uma visita integrada no circuito regular do eléctrico 28, com diversas paragens e culminando no Panteão Nacional. A visita é sempre acompanhada por um guia. Mediante marcação prévia e custo gratuito. VISITAS GUIADAS PRÓPRIAS Mediante marcação prévia e condições a acordar Pode incluir visita ao Zimbório zona que geralmente não está aberta ao público. Os preços e horários coincidem com os do regime geral CATERING PRÓPRIO EVENTOS PERMITIDOS Refeições, recepções, conferências, recitais de música ou poesia, lançamento de livros, actos solenes, actividades de índole cultural, mostras, exposições Mediante consulta prévia e condições a acordar REFEIÇÕES ESPECIAIS s OUTRO EQUIPAMENTO VISITAS PRIVADAS Possibilidade de realização de visitas fora do horário de funcionamento, mediante marcação prévia e condições a acordar. O circuito pode ser alargado. Aos preçários gerais acrescenta-se custos extra cujo valor dependerá do dia da semana (dia de descanso semanal ou não) e das horas extraordinárias dos colaboradores envolvidos ESPECTÁCULOS FORNECIDOS s CONDICIONAMENTOS TÉCNICOS / SEGURANÇA Mediante consulta prévia

5

6 Espaços disponíveis ESPAÇOS ÁREA ÚTIL CARACTERÍSTICAS CAPACIDADE EQUIPAMENTO Adro exterior 500 m2 Pavimento empedrado. Circunda o monumento em 360º. Pontos de luz; Possibilidade de acesso a pontos de água por ligação. 700 lugares sentados Terraço Corpo Central m m2 40 m alt Balaustradas em pedra Circunda o monumento em 360º. Pontos de luz; Possibilidade de acesso a pontos de água por ligação. Revestido a pedra policromática. Pontos de luz; Possibilidade de acesso a pontos de água por ligação. 300 lugares sentados 500 lugares sentados Coro-Alto 50 m2 Soalho de madeira, organizado em anfiteatro com o corpo central. Pontos de luz; Possibilidade de acesso a pontos de água por ligação. 50 lugares sentados

7

8 Informações INFORMAÇÕES ÚTEIS Venda de bilhetes: no local e/ou pedido por correio electrónico em: Meios de pagamento: dinheiro, cartão Visa, multibanco, cheque CONTACTOS Nome: Isabel Melo Cargo: Directora Endereço: Campo de Santa Clara, Lisboa Telefone: Site: OUTROS CONTACTOS Entidade Regional de Turismo de Lisboa e Vale do Tejo Telefone: Associação de Turismo de Lisboa Telefone: Site: Câmara Municipal de Lisboa Telefone: Site: Calçada de São Vicente Campo de Santa Clara Lisboa R. da Verónica R. dos Remédios R. do Museu da Artilharia Campo de Santa Cl ara Travessa das Freiras Campo de Santa Clara R. do Paraíso Santa Apolónia R. dos Caminhos de Ferro Av. Infante Dom Henrique R. da Bica do Sapato

Torre de Belém Lisboa

Torre de Belém Lisboa Torre de Belém Lisboa 12 Torre de Belém APRESENTAÇÃO Construída entre 1514 e 1519, estrategicamente localizada no rio Tejo, para defender a barra, a Torre de Belém é um misto de torre medieval e de baluarte

Leia mais

Mosteiro dos Jerónimos Lisboa

Mosteiro dos Jerónimos Lisboa Mosteiro dos Jerónimos Lisboa 10 Mosteiro dos Jerónimos APRESENTAÇÃO Associado pela sua fundação às figuras de D. Manuel e de Vasco da Gama, o Mosteiro dos Jerónimos é uma obra-prima da arquitectura manuelina,

Leia mais

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Museu Nacional de Arqueologia Lisboa

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Museu Nacional de Arqueologia Lisboa Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009 Museu Nacional de Arqueologia Lisboa Museu Nacional de Arqueologia APRESENTAÇÃO O Museu Nacional de Arqueologia (MNA), fundado em 1893, ocupa,

Leia mais

Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa Braga

Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa Braga Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa Braga 1 Museu de Arqueologia D. Diogo de Sousa APRESENTAÇÃO Edifício de traça actual, construído de raiz, implantado no centro histórico de Braga, na proximidade

Leia mais

Museu de Artes Decorativas Portuguesas Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva Lisboa

Museu de Artes Decorativas Portuguesas Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva Lisboa Museu de Artes Decorativas Portuguesas Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva Lisboa 18 Museu de Artes Decorativas Portuguesas Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva APRESENTAÇÃO Instalado no Palácio

Leia mais

Museu Nacional de Soares dos Reis Porto

Museu Nacional de Soares dos Reis Porto Museu Nacional de Soares dos Reis Porto 4 Museu Nacional de Soares dos Reis APRESENTAÇÃO O Museu ocupa, desde 1940, o Palácio dos Carrancas, construído nos finais do séc. XVIII para habitação e fábrica

Leia mais

Convento de Cristo Tomar

Convento de Cristo Tomar Convento de Cristo Tomar 8 Convento de Cristo APRESENTAÇÃO O Convento de Cristo forma, com o Castelo Templário de Tomar fundado por Gualdim Pais (1118-1195), Mestre da Ordem do Templo em Portugal, um

Leia mais

Museu Nacional do Azulejo Lisboa

Museu Nacional do Azulejo Lisboa Museu Nacional do Azulejo Lisboa 15 Museu Nacional do Azulejo APRESENTAÇÃO O Museu Nacional do Azulejo está instalado na zona oriental de Lisboa, no antigo convento da Madre de Deus, Casa da Ordem de

Leia mais

Paço dos Duques de Bragança Guimarães

Paço dos Duques de Bragança Guimarães Paço dos Duques de Bragança Guimarães 3 Paço dos Duques de Bragança APRESENTAÇÃO Situado na cidade de Guimarães, cujo centro histórico se encontra classificado pela UNESCO como Património da Humanidade,

Leia mais

Museu Monográfico de Conímbriga Condeixa-a-Nova

Museu Monográfico de Conímbriga Condeixa-a-Nova Museu Monográfico de Conímbriga Condeixa-a-Nova 7 Museu Monográfico de Conímbriga APRESENTAÇÃO Ruínas de uma cidade romana extensamente escavada, notáveis pela conservação do urbanismo antigo e pelos

Leia mais

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Palácio Nacional da Ajuda Lisboa

Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009. Palácio Nacional da Ajuda Lisboa Separata do Guia Técnico Monumentos e Museus de Portugal, 2009 Palácio Nacional da Ajuda Lisboa Palácio Nacional da Ajuda APRESENTAÇÃO O Real Paço de Nossa Senhora da Ajuda, iniciado em 1796, veio substituir

Leia mais

Mosteiro de Santa Maria da Vitória Batalha

Mosteiro de Santa Maria da Vitória Batalha Mosteiro de Santa Maria da Vitória Batalha 6 Mosteiro de Santa Maria da Vitória APRESENTAÇÃO O Mosteiro de Santa Maria da Vitória é um memorial à batalha que garantiu a independência total do reino de

Leia mais

Palácio Nacional de Sintra Sintra

Palácio Nacional de Sintra Sintra Palácio Nacional de Sintra Sintra 24 Palácio Nacional de Sintra APRESENTAÇÃO Visitar o Palácio Nacional de Sintra é fazer uma viagem no tempo ao longo de sete séculos de história. Único sobrevivente íntegro

Leia mais

Museu Nacional de Arte Antiga Lisboa

Museu Nacional de Arte Antiga Lisboa Museu Nacional de Arte Antiga Lisboa 14 Museu Nacional de Arte Antiga APRESENTAÇÃO O Museu Nacional de Arte Antiga está situado na rua das Janelas Verdes, em ligação com o Largo de Santos-o-Velho, a nascente,

Leia mais

Distrito de Aveiro Concelho de Ílhavo MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO

Distrito de Aveiro Concelho de Ílhavo MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO Distrito de Aveiro Concelho de Ílhavo MUSEU MARÍTIMO DE ÍLHAVO HISTORIAL Data da fundação: 7 de Agosto de 1937. Breve Historial: O Museu Marítimo de Ílhavo surgiu como um museu de vocação etnográfica e

Leia mais

Palácio Nacional de Queluz Sintra

Palácio Nacional de Queluz Sintra Palácio Nacional de Queluz Sintra 23 Palácio Nacional de Queluz APRESENTAÇÃO A história do Palácio remonta aos finais do século XVI, mas é a partir de 1747 que ganha o estatuto de palácio real, como residência

Leia mais

MUSEU DO AZULEJO APRESENTAÇÃO

MUSEU DO AZULEJO APRESENTAÇÃO MUSEU DO AZULEJO APRESENTAÇÃO O Museu Nacional do Azulejo tem por missão recolher, conservar, estudar e divulgar exemplares representativos da evolução da Cerâmica e do Azulejo em Portugal, promovendo

Leia mais

Pavimento em mármore, paredes de alvenaria, tomadas eléctricas, iluminação na sanca ou com candeeiros de pé.

Pavimento em mármore, paredes de alvenaria, tomadas eléctricas, iluminação na sanca ou com candeeiros de pé. Nome: Palácio Nacional de Mafra Endereço: Terreiro D. João V, 2640-492 Mafra Telf. 261 817 550; fax 261 811 947 E-mail: g eral@pnmafra.dgpc.pt ESPAÇOS E SERVIÇOS PARA ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS 1 1.Apresentação

Leia mais

Distrito de Faro Concelho de Olhão PARQUE NATURAL DA RIA FORMOSA

Distrito de Faro Concelho de Olhão PARQUE NATURAL DA RIA FORMOSA Distrito de Faro Concelho de Olhão PARQUE NATURAL DA RIA FORMOSA Galinha sultana porphyrio porphyrio HISTORIAL Data da Fundação: 1991 Breve Historial: O Centro de Educação Ambiental de Marim foi criado

Leia mais

Museu Nacional da Arte Antiga

Museu Nacional da Arte Antiga Museu Nacional da Arte Antiga Índice 1. Horários e localização: 2. Ingresso 3. História do museu 4. Informações acerca do museu 5. As 10 obras de referência do MNAA 6. Coleções 1 - Horário e Localização

Leia mais

Palácio Nacional de Mafra Mafra

Palácio Nacional de Mafra Mafra Palácio Nacional de Mafra Mafra 9 Palácio Nacional de Mafra APRESENTAÇÃO Mandado construir por D. João V para cumprir um voto de sucessão, é o mais importante monumento do barroco em Portugal. Construído

Leia mais

Organização de uma viagem a Lisboa e arredores

Organização de uma viagem a Lisboa e arredores Duração da viagem 6 dias na Grande Lisboa + 2 dias de viagem (Vigo-Lisboa e Lisboa-Vigo). No total, 8 dias. Visitas obrigatórias - Sintra: Palácio da Pena. Visita a Sintra de 1 dia, no mínimo podem ir

Leia mais

Museu Nacional de Arqueologia

Museu Nacional de Arqueologia Museu Nacional de Arqueologia - História O atual Museu Nacional de Arqueologia (MNA) foi fundado em 1893 pelo Doutor José Leite de Vasconcelos (e daí a designação oficial mais completa do Museu, conforme

Leia mais

Distrito de Lisboa Concelho de Lisboa OCEANÁRIO DE LISBOA

Distrito de Lisboa Concelho de Lisboa OCEANÁRIO DE LISBOA Distrito de Lisboa Concelho de Lisboa OCEANÁRIO DE LISBOA HISTORIAL Data da Fundação: 5 de Outubro de 1995. Breve Historial : Em 1989, a Comissão Nacional para a Comemoração dos Descobrimentos, liderada

Leia mais

CENTRO DE CONGRESSOS DO IST

CENTRO DE CONGRESSOS DO IST REGULAMENTO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS NO CENTRO DE CONGRESSOS DO IST 2010 Nota prévia O Centro de Congressos do IST, funcionando sob a tutela directa do Conselho de Gestão, destina-se a satisfazer as necessidades

Leia mais

Para todas as idades!

Para todas as idades! POUSADAS DE JUVENTUDE Para todas as idades! Numa lógica de descentralização e de promoção da mobilidade juvenil, o Governo Regional da Madeira tem feito uma aposta crescente na criação e modernização de

Leia mais

programa jul./set. 2010

programa jul./set. 2010 programa programa Foto: Júlio Marques apresentação Museu de São Roque, da Santa Casa O da Misericórdia de Lisboa, tem vindo a desenvolver um conjunto de actividades que têm por objectivo captar e fidelizar

Leia mais

Visitas Guiadas ao Complexo Mineiro de S. Domingos

Visitas Guiadas ao Complexo Mineiro de S. Domingos Visitas Guiadas ao Complexo Mineiro de S. Domingos Definição de condições e preços A Fundação Serrão Martins (FSM) proporciona visitas guiadas ao complexo mineiro, sujeitas a marcação prévia e à disponibilidade

Leia mais

COOPERATIVA DE ENSINO DE BENFICA, C.R.L. NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016

COOPERATIVA DE ENSINO DE BENFICA, C.R.L. NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016 NORMAS DE FUNCIONAMENTO DA CEBE NO ANO LETIVO 2015/2016 1. FREQUÊNCIA 1.1. A frequência da CEBE está condicionada a que um dos pais e/ou encarregado de educação da criança se tornem sócios da CEBE, para

Leia mais

Natal Luz 2014 Gramado/RS

Natal Luz 2014 Gramado/RS Natal Luz 2014 Gramado/RS Dúvidas Frequentes O que é o Natal Luz de Gramado? Considerado o maior evento natalino do Brasil e um dos maiores do mundo, o Natal Luz transforma Gramado em um grande parque

Leia mais

Horários: 10h30 12h30 / 15h00 20h00 (com marcação prévia)

Horários: 10h30 12h30 / 15h00 20h00 (com marcação prévia) MUSEU DO CARRO ELÉTRICO Inaugurado em 1992, o Museu do Carro Elétrico nasceu da dedicação e voluntarismo de um pequeno grupo de entusiastas e apaixonados por este meio de transporte coletivo, impulsionados

Leia mais

CATEGORIA A7 OUTROS SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE APOIO IDENTIFICAÇÃO

CATEGORIA A7 OUTROS SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE APOIO IDENTIFICAÇÃO Ministério do Turismo Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização Inventário da Oferta Turística uf:

Leia mais

Regulamento de Utilização dos Auditórios, Sala do Senado e Átrio

Regulamento de Utilização dos Auditórios, Sala do Senado e Átrio Regulamento de Utilização dos Auditórios, Sala do Senado e Átrio Reitoria da NOVA www.unl.pt ÍNDICE I PRINCÍPIOS GERAIS 2 II - CAPACIDADE 2 III MATERIAL DE APOIO 2 IV - ÁTRIO 4 V - CATERING 4 VI EXPOSIÇÕES

Leia mais

Fica o convite para mais um ano de experiências interativas e sensoriais num Museu que é de todos e para todos.

Fica o convite para mais um ano de experiências interativas e sensoriais num Museu que é de todos e para todos. Antigo espaço de encontro e de comunicação em torno do comércio e das mercadorias, a Alfândega é agora a casa do Museu dos Transportes e Comunicações, que tem vindo a construir e a solidificar uma relação

Leia mais

CATEGORIA B6 SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE LAZER IDENTIFICAÇÃO. Subtipos:

CATEGORIA B6 SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE LAZER IDENTIFICAÇÃO. Subtipos: Ministério do Turismo Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização Inventário da Oferta Turística uf:

Leia mais

FAQs. 1. Os bilhetes já estão à venda? 2. Quais são os meios de pagamento disponíveis nos canais de venda online?

FAQs. 1. Os bilhetes já estão à venda? 2. Quais são os meios de pagamento disponíveis nos canais de venda online? FAQs BILHETES E INSCRIÇÕES 1. Os bilhetes já estão à venda? R: Sim, poderá proceder à compra de bilhetes em www.presentenofuturo.pt, na loja online da Fundação Francisco Manuel dos Santos (www.ffms.pt/loja),

Leia mais

EXTERNATO DO OLIVAL BASTO REGULAMENTO INTERNO ATL

EXTERNATO DO OLIVAL BASTO REGULAMENTO INTERNO ATL EXTERNATO DO OLIVAL BASTO REGULAMENTO INTERNO ATL CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS NORMA 1 Âmbito de aplicação O presente regulamento aplica-se à frequência no ATL do Externato do Olival Basto, Lda. NORMA

Leia mais

ANEXO I ESPAÇOS CEDIDOS E ATIVIDADES AFETAS

ANEXO I ESPAÇOS CEDIDOS E ATIVIDADES AFETAS ANEXO I ESPAÇOS CEDIDOS E ATIVIDADES AFETAS MULTIUSOS DE GUIMARÃES Designação: Multiusos de Guimarães Morada: Alameda Cidade de Lisboa, Creixomil, 4835-037 Guimarães Tipologia: Espaço multifuncional /

Leia mais

Equipa de Animação Pedagógica Mosteiro dos Jerónimos e Torre de Belém

Equipa de Animação Pedagógica Mosteiro dos Jerónimos e Torre de Belém Visita com Atelier -Animais do Mundo Era uma vez um rei chamado Manuel I que gostava de animais... Vamos através da história deste Mosteiro, conhecer os animais que no séc. XVI chegavam a Lisboa vindos

Leia mais

Museu do Louvre - virtual. Lígia Oliveira

Museu do Louvre - virtual. Lígia Oliveira Estudo sobre a integração de ferramentas digitais no currículo da disciplina de Educação Visual e Tecnológica Museu do Louvre - virtual Manual e Guia de exploração do Museu do Louvre - virtual para utilização

Leia mais

Banco. Tendo tomado conhecimento do Regulamento Geral de Feiras e Aditamento da Ecorex, Lda., declaramos aceitar todas as condições aí descritas.

Banco. Tendo tomado conhecimento do Regulamento Geral de Feiras e Aditamento da Ecorex, Lda., declaramos aceitar todas as condições aí descritas. BOLETIM DE INSCRIÇÃO N.º LISBOA NORTE 008 Empresa: CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO Assinalar a opção pretendida Direitos de Inscrição - 150 por expositor Contribuinte N.º: Morada: A - Espaço Livre (Mínimo 9

Leia mais

CARTA DE SERVIÇOS DE ATENDIMENTO E INFORMAÇÃO TURÍSTICA Edição: Dezembro de 2007

CARTA DE SERVIÇOS DE ATENDIMENTO E INFORMAÇÃO TURÍSTICA Edição: Dezembro de 2007 CARTA DE SERVIÇOS Edição: Dezembro de 2007 Índice Serviços Prestados Sistema de Sugestões e Reclamações Direitos, Responsabilidades e Participação Cidadã Compromissos de Qualidade Dados de Localização

Leia mais

Categoria: 3* Morada: Avenida António de Serpa, 13 1069-199 Lisboa. Telefone: (+351) 217 814 300. Web site: http://www.viphotels.

Categoria: 3* Morada: Avenida António de Serpa, 13 1069-199 Lisboa. Telefone: (+351) 217 814 300. Web site: http://www.viphotels. Categoria: 3* Avenida António de Serpa, 13 1069-199 Lisboa Telefone: (+351) 217 814 300 Web site: http://www.viphotels.com/ Distância para a Partida: 7 Km Distância para o Centro da Cidade: 3 Km Distância

Leia mais

Normas de funcionamento e utilização do Mercado de Sant Ana Centro Cultural 1

Normas de funcionamento e utilização do Mercado de Sant Ana Centro Cultural 1 1 6 Normas de funcionamento e utilização do Mercado de Sant Ana Centro Cultural 1 I Disposições Gerais 1. Objecto O presente regulamento tem por finalidade estabelecer as condições gerais a que ficam sujeitos

Leia mais

Universidade Católica Portuguesa

Universidade Católica Portuguesa Universidade Católica Portuguesa Direção de Sistemas de Informação Serviços disponíveis aos Alunos 2014/2015 Índice Direção de Sistemas de Informação Pré requisitos e modo de acesso aos sistemas Pré requisitos

Leia mais

1. COMPLEXO DE PISCINAS MUNICIPAIS DE CASTELO BRANCO

1. COMPLEXO DE PISCINAS MUNICIPAIS DE CASTELO BRANCO TARIFÁRIO 2011 (1.ª alteração) Agosto de 2011 Aprovado pela Câmara Municipal de Castelo Branco, na reunião de 02/09/2011 1. COMPLEXO DE PISCINAS MUNICIPAIS DE CASTELO BRANCO 1.1. PISCINA PRAIA Ingresso

Leia mais

A. A sala dos professores

A. A sala dos professores A. A sala dos professores Esta iniciativa tem como objectivo promover o contacto e o intercâmbio de informação entre os professores e o parque, bem como facilitar a programação e fruição das nossas actividades.

Leia mais

VOLUNTARIADO !!!!! O Festival. Guia de Inscrição. Perfis. Requisitos. Áreas de Ação

VOLUNTARIADO !!!!! O Festival. Guia de Inscrição. Perfis. Requisitos. Áreas de Ação VOLUNTARIADO Guia de Inscrição Perfis Sentido de Responsabilidade Capacidade de Comunicação Paciente Amável Sentido Prático Capacidade de Comunicação Versátil Motivado Mentalidade Prática Dinamico Desembaraçado

Leia mais

T4 Duplex Jardins do Palacete

T4 Duplex Jardins do Palacete T4 Duplex Jardins do Palacete Boavista/ Porto Nª/Refª 3818 Índice 1 Localização 3 2 Informação Geral 5 3 Disponibilidades 8 4 Acabamentos 10 5 Plantas 13 Implantação 14 T4 Duplex 15 6 Contactos 17 T4 Duplex

Leia mais

Regulamento do Cartão Jovem Municipal

Regulamento do Cartão Jovem Municipal Regulamento do Cartão Jovem Municipal O Cartão Jovem Municipal é um documento emitido pela Câmara Municipal de S. João da Madeira, capaz de conceder benefícios na utilização de bens e serviços públicos

Leia mais

NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO

NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO NOVIDADES TRANSPORTE COLETIVO Segunda Passagem Integrada Grátis 1) Quando será lançada a segunda passagem gratuita? Será lançada no dia 1 de julho. 2) Como funcionará a segunda passagem gratuita? O passageiro

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques. Regulamento de utilização dos parques

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques. Regulamento de utilização dos parques UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA (Parques 2015/2016) Regulamento de utilização dos parques 1. Localização e lotação dos parques 2. Horários de utilização 3. Acesso aos parques 4. Inscrição para acesso

Leia mais

Mesa Redonda Ouvir a Cidade: as Propostas dos Cidadãos

Mesa Redonda Ouvir a Cidade: as Propostas dos Cidadãos 4.ª edição da Conferência da Mobilidade Urbana MUDE Museu do Design e da Moda Preparar a Cidade para a Mobilidade do Futuro: dos Modos Suaves à Mobilidade Eléctrica Mesa Redonda Ouvir a Cidade: as Propostas

Leia mais

Bem-vindo aos Prémios Best Of Wine Tourism 2016!

Bem-vindo aos Prémios Best Of Wine Tourism 2016! FORMULÁRIO DE CANDIDATURA 2016 Best Of Wine Tourism AWARDS 2016 LOGO NOME & CONTATO Descrição Bem-vindo aos Prémios Best Of Wine Tourism 2016! Este concurso internacional anual foi criado para premiar

Leia mais

1 RESPOSTA A EVENTUAIS DÚVIDAS EXPERIMENTADAS PELOS ESTUDANTES A FREQUENTAR O CURSO PELA PRIMEIRA VEZ

1 RESPOSTA A EVENTUAIS DÚVIDAS EXPERIMENTADAS PELOS ESTUDANTES A FREQUENTAR O CURSO PELA PRIMEIRA VEZ DO CURSO DE LICENCIATURA EM RELAÇÕES PÚBLICAS E COMUNICAÇÃO 1 RESPOSTA A EVENTUAIS DÚVIDAS EXPERIMENTADAS PELOS ESTUDANTES A FREQUENTAR O CURSO PELA PRIMEIRA VEZ 1. A quem devo dirigir-me, caso tenha dúvidas

Leia mais

CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES LEGAIS. Artigo 1º PREÂMBULO

CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES LEGAIS. Artigo 1º PREÂMBULO REGULAMENTO INTERNO CAPÍTULO I - DISPOSIÇÕES LEGAIS Artigo 1º PREÂMBULO O presente regulamento do Museu da Ciência da Universidade de Coimbra estabelece-se de acordo com os Estatutos da Fundação Museu

Leia mais

GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P

GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P GUIA PRÁTICO CARTÃO EUROPEU DE SEGURO DE DOENÇA INSTITUTO DA SEGURANÇA SOCIAL, I.P FICHA TÉCNICA TÍTULO Guia Prático Cartão Europeu de Seguro de Doença (N39 - v4.07) PROPRIEDADE Instituto da Segurança

Leia mais

ANEXO I (À Tabela de Preços e Outras Receitas Municipais 2012) DESCONTOS A APLICAR AOS VALORES DA TABELA DE PREÇOS E OUTRAS RECEITAS MUNICIPAIS

ANEXO I (À Tabela de Preços e Outras Receitas Municipais 2012) DESCONTOS A APLICAR AOS VALORES DA TABELA DE PREÇOS E OUTRAS RECEITAS MUNICIPAIS ANEXO I (À Tabela de Preços e Outras Receitas Municipais 2012) DESCONTOS A APLICAR AOS VALORES DA TABELA DE PREÇOS E OUTRAS RECEITAS MUNICIPAIS Aos preços da Tabela de Preços e Outras Receitas Municipais

Leia mais

Regulamento. Centro de Educação e Interpretação Ambiental REGULAMENTO. Secção I Natureza, Objetivos e Meios

Regulamento. Centro de Educação e Interpretação Ambiental REGULAMENTO. Secção I Natureza, Objetivos e Meios REGULAMENTO Secção I Natureza, Objetivos e Meios Artigo 1.º Definição O da Paisagem Protegida do Corno de Bico, adiante designado por CEIA, é um espaço dinamizador do Programa de Educação para a Sustentabilidade

Leia mais

Regulamento Campanha Vantagens Extra Cofidis

Regulamento Campanha Vantagens Extra Cofidis Regulamento Campanha Vantagens Extra Cofidis 1. A presente oferta é válida para Clientes Cofidis, residentes em Portugal e maiores de 18 anos, que efetuarem um pedido de crédito (Linha de Crédito) entre

Leia mais

CATEGORIA B6 SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE LAZER IDENTIFICAÇÃO

CATEGORIA B6 SERVIÇOS E EQUIPAMENTOS DE LAZER IDENTIFICAÇÃO Ministério do Turismo Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização Inventário da Oferta Turística uf:

Leia mais

Universidade Católica Portuguesa

Universidade Católica Portuguesa Universidade Católica Portuguesa Direcção de Sistemas de Informação Serviços disponíveis aos Alunos 2012/2013 Índice Direcção de Sistemas de Informação Pré requisitos e modo de acesso aos sistemas Pré

Leia mais

Câmara Municipal de Almeirim

Câmara Municipal de Almeirim Câmara Municipal de Almeirim Programa de Adesão SEMANA EUROPEIA DA MOBILIDADE 16 a 22 de Setembro de 2007 P r o g r a m a 1 - Aderindo à ECOTROCA ganhe viagens nos TUA (durante toda a semana): - Aderindo

Leia mais

APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL

APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL A CP LONGO CURSO celebra Acordos Comerciais para venda de bilhetes em regime de tarifário especial, proporcionando aos colaboradores e associados das Entidades a aquisição

Leia mais

:: EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS

:: EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS agenda de janeiro :: EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS Feltros do Mundo. Arquitecturas de Cabeça Estará patente até ao fim do mês de Janeiro a exposição Feltros do Mundo, Arquitecturas de Cabeça. Esta será a última

Leia mais

CENTRO DE CONGRESSOS APTO PARA SERVIÇOS DE APOIO

CENTRO DE CONGRESSOS APTO PARA SERVIÇOS DE APOIO CENTRO DE CONGRESSOS APTO PARA SERVIÇOS DE APOIO Inserido no Parque de Congressos e Conferências Restauração Ciência e Tecnologia Foruns, Feiras e Exposições Agências bancárias - MB A 20 minutos de Lisboa

Leia mais

O que é? Uma aplicação - 3 serviços. A plataforma é altamente flexível e permite a adaptação dos serviços à necessidade de cada evento

O que é? Uma aplicação - 3 serviços. A plataforma é altamente flexível e permite a adaptação dos serviços à necessidade de cada evento www.sensocomum.pt O que é? O GEON - Gestor de Eventos Online integra um conjunto de funcionalidades macro que, no seu conjunto, poderá dar resposta na totalidade a todas as exigências de organização de

Leia mais

Regulamento da Biblioteca/SDI

Regulamento da Biblioteca/SDI Regulamento da Biblioteca/SDI Lisboa 2009/2010 ÍNDICE CAPÍTULO I ÂMBITO DE APLICAÇÃO... 2 CAPÍTULO II - UTILIZADORES... 4 CAPÍTULO III - SERVIÇOS... 7 CAPÍTULO IV - HORÁRIO... 17 CAPÍTULO V DISPOSIÇÕES

Leia mais

REGULAMENTO. 1. ORGANIZAÇÃO A Marginal à Noite é uma prova de corrida a pé, organizada pela Câmara Municipal de Oeiras.

REGULAMENTO. 1. ORGANIZAÇÃO A Marginal à Noite é uma prova de corrida a pé, organizada pela Câmara Municipal de Oeiras. REGULAMENTO 1. ORGANIZAÇÃO A Marginal à Noite é uma prova de corrida a pé, organizada pela Câmara Municipal de Oeiras. 2. DATA / HORA / DISTÂNCIA / LOCAL Dia 13 de Junho, às 21h30, numa distância de 8km,

Leia mais

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA

POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DIRECÇÃO NACIONAL Plataforma eletrónica Versão 1.0 Departamento de Segurança Privada Abril de 2012 Manual do Utilizador dos Serviços Online do SIGESP Versão 1.0 (30 de abril

Leia mais

Regulamento de Utilização e Aluguer do Auditório

Regulamento de Utilização e Aluguer do Auditório I PRINCÍPIOS GERAIS 1 - O Auditório é um espaço destinado à realização de eventos e cerimónias do Centro Ciência Viva da Floresta e de entidades externas ao Centro, em regime de aluguer, sempre que solicitados

Leia mais

ACORDO CP/ ORDEM DOS ARQUITECTOS SECÇÃO REGIONAL NORTE

ACORDO CP/ ORDEM DOS ARQUITECTOS SECÇÃO REGIONAL NORTE CP / ACORDOS COMERCIAIS ACORDO CP/ ORDEM DOS ARQUITECTOS SECÇÃO REGIONAL NORTE A CP LONGO CURSO celebrou um Acordo Comercial com a SECÇÃO REGIONAL NORTE DA ORDEM DOS ARQUITECTOS para venda de bilhetes

Leia mais

indíce CFIUTE - Centro de Formação Interação UBI Tecido Empresarial Portfólio de Espaços Caracterização do CFIUTE 3 Mensagem da Direção do CFIUTE 4

indíce CFIUTE - Centro de Formação Interação UBI Tecido Empresarial Portfólio de Espaços Caracterização do CFIUTE 3 Mensagem da Direção do CFIUTE 4 2 indíce Caracterização do CFIUTE 3 Mensagem da Direção do CFIUTE 4 Coordenação do CFIUTE 5 Instalações Piso 0 6 Piso -1 7 Piso -2 8 Ficha de Pedido de Informações 9 3 caracterização do cfiute A Universidade

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA (Parques 2011/2012) Regulamento de utilização dos parques 1. Localização e lotação dos parques 2. Horários de utilização 3. Acesso aos parques 4. Inscrição para acesso

Leia mais

Forte de S. Julião da Barra

Forte de S. Julião da Barra Ministério da Defesa Nacional Forte de S. Julião da Barra um Palco para os seus Eventos História O Forte de S. Julião da Barra foi construído na segunda metade do séc. XVI, na Foz do Tejo, como um reforço

Leia mais

CAPÍTULO I ÁGUA, SANEAMENTO, ÁGUAS RESIDUAIS E RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

CAPÍTULO I ÁGUA, SANEAMENTO, ÁGUAS RESIDUAIS E RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS CAPÍTULO I ÁGUA, SANEAMENTO, ÁGUAS RESIDUAIS E RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS Ligações de Água de Abastecimento Público a) Colocação de Contadores (cada serviço) 10,85 Ligação, Aferição, Interrupção e Restabelecimento

Leia mais

Prémio IMTT Acessibilidade aos Transportes

Prémio IMTT Acessibilidade aos Transportes Sessão de Entrega dos Prémios Lisboa, 1 de junho de 2012 Prémio IMTT Acessibilidade aos Transportes Agenda Enquadramento Objetivo do prémio 1ª edição 2ª edição Composição do júri e comissão técnica Critérios

Leia mais

ACORDO AIMINHO COM A CP/EMPRESAS. MANUAL de UTILIZAÇÃO

ACORDO AIMINHO COM A CP/EMPRESAS. MANUAL de UTILIZAÇÃO ACORDO AIMINHO COM A CP/EMPRESAS MANUAL de UTILIZAÇÃO Abril de 2009 ACORDO AIMINHO COM A CP/EMPRESAS MANUAL de UTILIZAÇÃO A AIMinho celebrou um Acordo Comercial com a CP Caminhos de Ferro Portugueses que

Leia mais

São Bartolomeu dos Regatos Ilha Terceira Açores

São Bartolomeu dos Regatos Ilha Terceira Açores São Bartolomeu dos Regatos Ilha Terceira Açores Carta de boas-vindas Oferta Preçário Reservas e pagamentos Distâncias relevantes Autocarros Farmácias Carta de boas-vindas Uma plataforma de estadia confortável,

Leia mais

EXTERNATO MARISTA DE LISBOA. Regulamento da Piscina do Externato Marista de Lisboa. Capitulo I Disposições Gerais

EXTERNATO MARISTA DE LISBOA. Regulamento da Piscina do Externato Marista de Lisboa. Capitulo I Disposições Gerais Pág. 1 de 5 EXTERNATO MARISTA DE LISBOA Regulamento da Piscina do Externato Marista de Lisboa Capitulo I Disposições Gerais Artigo 1º - Objeto O presente regulamento de utilização tem por objeto definir

Leia mais

BARCELONA VIAGEM DE 01 A 04 DE MARÇO 2014

BARCELONA VIAGEM DE 01 A 04 DE MARÇO 2014 BARCELONA VISITAS ACOMPANHADAS PELA PROFESSORA DOUTORA MARGARIDA CALADO Barcelona, uma cidade para se apaixonar. Barcelona é uma cidade de arte, da Idade Média à contemporaneidade. É uma cidade com sol

Leia mais

Índice. 3Pagamento da reserva e pagamento do valor restante... 5

Índice. 3Pagamento da reserva e pagamento do valor restante... 5 Índice 1Sobre o Apartamento... 3 1.1Durante a pesquisa, como posso conhecer a localização e serviços próximos do apartamento?... 3 1.2Qual a morada exacta do apartamento?... 3 1.3Que equipamentos e acessórios

Leia mais

Museus e Património Universal é o tema escolhido pelo Conselho Internacional de Museus para as comemorações deste ano.

Museus e Património Universal é o tema escolhido pelo Conselho Internacional de Museus para as comemorações deste ano. Coimbra no Mundo, o Mundo em Coimbra, são os motes que convidam turistas, visitantes e conimbricenses a participar nas comemorações do Dia Internacional dos Museus No dia 18 de Maio, comemora-se o Dia

Leia mais

instituições de comprovada valia social, o qual visa concretizar, especificando, o compromisso a que está vinculada.

instituições de comprovada valia social, o qual visa concretizar, especificando, o compromisso a que está vinculada. DECISÃO relativa ao programa para a atribuição de subsídio à aquisição de equipamentos de recepção das emissões de TDT por parte de cidadãos com necessidades especiais, grupos populacionais mais desfavorecidos

Leia mais

APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL 2 MODOS DE AQUISIÇÃO E DE COMPROVAÇÃO 11 REVALIDAÇÕES 12 REEMBOLSOS 14

APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL 2 MODOS DE AQUISIÇÃO E DE COMPROVAÇÃO 11 REVALIDAÇÕES 12 REEMBOLSOS 14 APRESENTAÇÃO ACORDO COMERCIAL 2 SERVIÇO ALFA PENDULAR 3 CP LOUNGE ESTAÇÃO DE LISBOA ORIENTE 4 SERVIÇO DE RESTAURAÇÃO A BORDO ALFA PENDULAR 4 SERVIÇO INTERCIDADES 6 VANTAGENS COMPLEMENTARES A ESTE ACORDO

Leia mais

Museu Nacional de Arte Contemporânea Museu do Chiado Lisboa

Museu Nacional de Arte Contemporânea Museu do Chiado Lisboa Museu Nacional de Arte Contemporânea Museu do Chiado Lisboa 17 Museu Nacional de Arte Contemporânea Museu do Chiado APRESENTAÇÃO Situado no centro de Lisboa, na zona histórica do Chiado, o Museu Nacional

Leia mais

CATEGORIA C5 EVENTOS PROGRAMADOS IDENTIFICAÇÃO. Subtipos:

CATEGORIA C5 EVENTOS PROGRAMADOS IDENTIFICAÇÃO. Subtipos: Ministério do Turismo Secretaria Nacional de Políticas de Turismo Departamento de Estruturação, Articulação e Ordenamento Turístico Coordenação Geral de Regionalização Inventário da Oferta Turística uf:

Leia mais

Europass Curriculum Vitae

Europass Curriculum Vitae Europass Curriculum Vitae In pessoal Apelido(s) / Nome(s) próprio(s) Morada Institucional Rosa, Julieta Alves () Faculdade de Economia CIEO 8005 139 Faro Telefone(s) 289 800 900 (ext. 7161) 289 244 406

Leia mais

Como chegar à Xistórias

Como chegar à Xistórias Como chegar à Xistórias A fim de preservar as características naturais e culturais dos lugares das aldeias, e de envolver os participantes numa experiência única, desencorajamos a uitlização de automóveis

Leia mais

Janeiro 2015 OPORTO. serviced apartments

Janeiro 2015 OPORTO. serviced apartments Janeiro 2015 OPORTO serviced apartments Índice Página 1 Apresentação 3 2 Localização 8 3 Projeto 10 4 Tabela de Preços 24 5 Contatos 27 OPORTO serviced apartments 1 Apresentação OPORTO serviced apartments

Leia mais

Centro Empresarial AIMinho

Centro Empresarial AIMinho Domiciliação de empresas Eventos e negócios Espaços para ações de formação Centro Empresarial AIMinho Um espaço polivalente para o seu negócio O Centro Empresarial AIMinho é um espaço de excelência localizado

Leia mais

Cartão Andante Azul. Cartão Andante Gold

Cartão Andante Azul. Cartão Andante Gold Guia Intermodal Zonamento Cartões Andante Cartão Andante Azul Cartão em papel, não personalizado. Recarregável com títulos ocasionais (Títulos de Viagem e Andante 24). Cada cartão só pode conter um tipo

Leia mais

BIBLIOTECA ESCOLAR REGULAMENTO INTERNO DA BIBLIOTECA ESCOLA SECUNDÁRIA JOÃO DA SILVA CORREIA

BIBLIOTECA ESCOLAR REGULAMENTO INTERNO DA BIBLIOTECA ESCOLA SECUNDÁRIA JOÃO DA SILVA CORREIA BIBLIOTECA ESCOLAR REGULAMENTO INTERNO DA BIBLIOTECA ESCOLA SECUNDÁRIA JOÃO DA SILVA CORREIA ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 CONDIÇÕES DE INSTALAÇÃO E DE FUNCIONAMENTO... 3 1. A EQUIPA EDUCATIVA... 3 2. COMPETÊNCIAS

Leia mais

DISTRITO DE AVEIRO SERVIÇO/ATIVIDADE LOCAL APOIO ATRIBUÍDO HORÁRIO CONTACTO ENTIDADE PARCEIRA. Diversas atividades nas áreas de:

DISTRITO DE AVEIRO SERVIÇO/ATIVIDADE LOCAL APOIO ATRIBUÍDO HORÁRIO CONTACTO ENTIDADE PARCEIRA. Diversas atividades nas áreas de: ENTIDADE PARCEIRA Câmara Municipal da Mealhada Câmara Municipal de Vagos SERVIÇO/ATIVIDADE LOCAL APOIO ATRIBUÍDO HORÁRIO CONTACTO Diversas atividades nas áreas de: Desportivas; Artísticas; Solidárias;

Leia mais

Fique a par de todos os descontos e fique a saber: O Que Visitar Onde se Divertir Onde Ficar Onde Comer Onde Comprar Condições Gerais

Fique a par de todos os descontos e fique a saber: O Que Visitar Onde se Divertir Onde Ficar Onde Comer Onde Comprar Condições Gerais português Fique a par de todos os descontos e fique a saber: O Que Visitar Onde se Divertir Onde Ficar Onde Comer Onde Comprar Condições Gerais O QUE VISITAR: vila real Museu de arqueologia e Numismática

Leia mais

EMBARQUEM NUMA AVENTURA E NUMA AULA DE HISTÓRIA VIVA!

EMBARQUEM NUMA AVENTURA E NUMA AULA DE HISTÓRIA VIVA! EMBARQUEM NUMA AVENTURA E NUMA AULA DE HISTÓRIA VIVA! Em parceria com: PARA RESERVAR VISITA 1. Reúna toda a informação necessária Dia e horário pretendidos*; número de participantes; idades/ciclo de ensino;

Leia mais

CIRCUITO DE UM PROCESSO PARA ABASTECIMENTO

CIRCUITO DE UM PROCESSO PARA ABASTECIMENTO CIRCUITO DE UM PROCESSO PARA ABASTECIMENTO O presente documento visa fornecer indicações sobre a elaboração e constituição de um processo para abastecimento, quer este se apresente sob a forma de Processo

Leia mais

Informações sobre os serviços para adeptos com deficiências

Informações sobre os serviços para adeptos com deficiências Informações sobre os serviços para adeptos com deficiências Final da UEFA Europa League 2011 Informações sobre os serviços para adeptos com deficiências 1. Serviços de transporte a. Serviços de táxis Vantastic

Leia mais

Apartamento Janelas Verdes 74

Apartamento Janelas Verdes 74 JANELAS VERDES 74 Apartamento Janelas Verdes 74 Maio 2015 localização área bruta tipologia Rua das Janelas Verdes, 74-1ºD - Lisboa Portugal 38.70567,-9.16014 150 m 2 + 20 m 2 [pátio + varandas] T3 Bairro

Leia mais

NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS

NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS NOVA IMAGEM. NOVA TECNOLOGIA. NOVOS OBJECTIVOS O PROJECTO COMO NASCEU O CARTÃO SOLIDÁRIO O projecto Cartão Solidário nasceu da vontade de responder de forma contínua e sustentável às necessidades das Instituições

Leia mais