DESRESPEITO TOTAL. Governo anuncia reajuste de até 140% para os comissionados e diz que servidores civis do Executivo vão ficar de fora

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DESRESPEITO TOTAL. Governo anuncia reajuste de até 140% para os comissionados e diz que servidores civis do Executivo vão ficar de fora"

Transcrição

1

2 2 DESRESPEITO TOTAL Governo anuncia reajuste de até 140% para os comissionados e diz que servidores civis do Executivo vão ficar de fora No último dia 18/06, o governo deu mais uma mostra do tratamento diferenciado que tem dado aos servidores públicos federais ao anunciar um reajuste até 140% nas remunerações dos cargos comissionados conhecidos como DAS. Aliás, essa não é a primeira vez que o governo dá reajuste a uma determinada categoria em detrimento de outra. No ano passado, o governo anunciou um aumento para os servidores do Legislativo. Enquanto isso, os servidores civis do Executivo ficam a ver navios e a cada dia tem seus direitos desrespeitados. Distorções O ministro alegou que o reajuste foi necessário para corrigir distorções salariais e estimular a permanência de profissionais qualificados na administração pública. Do total de funcionários beneficiados, 21,7% deles não realizaram concurso público, já que ocupam cargos de livre provimento. O restante é servidor de carreira. Mas a verdade é que o reajuste dos comissionados vai beneficiar menos de 2% dos servidores de carreira. Mas e os servidores civis do Executivo? Esses sofrem com as distorções salariais há muito tempo. Será que também não seria justo corrigilas? Estudos recentes da subseção do Dieese, na Condsef, mostram que as diferenças salariais entre o menor e maior salário de um mesmo nível de escolaridade podem ultrapassar 600% no setor público. Esse problema é pior nos cargos de nível intermediário onde a diferença na remuneração inicial atinge 625%. No caso dos servidores que ocupam cargos de nível superior as diferenças do maior e menor salário em início de carreira chegam a 513%. No final da tabela essa diferença não diminui muito e é de 414%. E a farra continua... Um dia depois de anunciar reajuste de até 140% para os cargos comissionados, foi publicada no Diário Oficial da União, a Medida Provisória nº 337, que cria 626 novos cargos de confiança e institui 34 novas Funções Gratificadas. Com a medida, os cofres públicos terão um gasto adicional de R$ 23,2 milhões por ano. Só em 2007, os novos cargos custarão R$ 13,5 milhões. Ampliar horizontes Mas o descaso do governo não pára por aí. O ministro do Planejamento disse que não há previsão de reajuste salarial este ano para os demais servidores, pois não há dinheiro para novas despesas com pessoal. Mas se não há dinheiro, como o governo pode arcar com uma despesa de R$ 277 milhões valor a ser retirado dos cofres públicos, somente esse ano, para arcar com esse reajuste aos DAS? Segundo o Sr. Paulo Bernardo, as outras categorias deveriam ampliar seus horizontes para reajustes nos próximos quatro anos. Parece até brincadeira em um momento em que servidores de diversas categorias Ibama, Incra, Cultura, Ciência & Tecnologia e Datasus estão em greve pelo cumprimento de acordos fechados anteriormente (e não cumpridos) e, principalmente, por causa do PLP 01 (Projeto de Lei Complementar) que propõe limitar investimentos públicos pelos próximos dez anos. Talvez os servidores deveriam seguir o conselho do Sr. Paulo Bernardo e ampliar seus horizontes para uma grande greve que envolva todos os setores do Serviço Publico Federal que, há muito tempo vem sendo atacados pelo governo Lula. EXPEDIENTE: Jornal do Servidor é uma publicação do SINDSEPMG Sindicato dos Trabalhadores Ativos, Aposentados e Pensionistas do Serviço Público Federal no Estado de Minas Gerais Endereço: Rua Curitiba, º andar Centro BH/MG CEP Telefax: (31) Site: Núcleos Regionais Norte de Minas: Rua São Francisco, 742 Centro Montes Claros/MG CEP Telefax: (38) Sul de Minas: Rua Cel. José Alves, 361 Centro Varginha/MG CEP Telefax: (35) Zona da Mata: Rua Mister Moore, 170 sala 702 Centro Juiz de Fora/MG CEP Telefax: (32) Triângulo Mineiro: Rua São Benedito, 54/sl 09 B. São Benedito Uberaba/MG CEP Telefax: (34) Leste: Av. Getúlio Vargas, 968 Sala 101 Centro Teófilo Otoni/MG CEP Telefax: (33) Noroeste: Rua Padre Manoel, 202 Bairro Amoreiras I Paracatu/ MG CEP Telefax: (38) Sala de Araguari: Rua Padre Lafaiete, 27 sala 02 Centro CEP Tel.: (34) Araguari MG. Secretaria de Administração e Finanças: Aloysio Tancredo Lopes da Costa, Temístocles Machado da Fonseca e Márcia Castro Buonincontro Meireles Secretaria de Imprensa e Comunicação: Maria de Lourdes Silva, Ludgério Rodrigues Neto e José de Arimatéia Leite de Menezes Secretaria de Aposentados e Pensionistas: Maria de Lourdes Teixeira Rabelo Santos, João Wilson Norberto de Souza e Mesulam Moura Brochado Secretaria de Assuntos Jurídicos: Juliana Pinheiro de Oliveira Santos, Carlos Roberto Pires de Matos e Hercília Batista Herculano Secretaria de Formação Sindical: Etivaldo da Rocha, João Batista Aurélio da Silva e Rogério Antônio Expedito Secretaria de Sindicalização e Promoção Social: Dalva Maria Ribeiro de Souza, Luiz Henrique Macedo e Wenceslau Cordeiro Secretaria de Assuntos Políticos e Relações Intersindicais: José de Almeida Leite da Silva, Rosemary Almeida de Oliveira e Vladimir Augusto Miranda Suplência da Diretoria Executiva: Guilherme da Silva Malta (SAF), Jurandir Francisco Dias (IMPRENSA), Martinho Izabel de Souza (APOSENTADOS), Ana Maria de Moraes (JURÍDICO), José Agostinho Ferreira (FORMAÇÃO), Romualdo Cunha (SINDICALIZAÇÃO E PROMOÇÃO SOCIAL) e Silvio Álvares Pinto (ASSUNTOS POLÍTICOS E RELAÇÕES INTERSINDICAIS). Conselho Fiscal: José Humberto Silva Pinto, Jair do Nascimento e Helena Alves da Silva Pereira Maria Suplência do Conselho Fiscal: Ademar Alves de Oliveira, José Vicente Ferreira e Rita Sabino Carneiro. Jornalista responsável: Carla Cruz MG06486 JP Fotos: Carla Cruz /CNENBH Impressão: Fumarc Tiragem: exemplares.

3 3 SERVIDORES FAZEM MANIFESTAÇÃO DURANTE VISITA DE LULA A BH No último dia 21/06, aproveitando a vista do presidente Lula que veio a Belo Horizonte para inaugurar uma trincheira da Av. Antônio Carlos o SIN DSEPMG, organizou uma grande manifestação que contou com a participação de servidores públicos de várias categorias em greve no estado como Ciência & Tecnologia, Incra e Técnicos Administrativos da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). O presidente Lula durante seu discurso, Lula foi bastante vaiado, principalmente pelos servidores públicos que, com faixas e cartazes exigiam o cumprimento dos acordos fechados em anos anteriores e não cumpridos e demonstravam toda sua insatisfação com a política de pessoal implementada pelo governo federal. Uma grande bandeira afixada pelo SINDSEPMG no alto de um morro, nas proximidades do local onde estava o presidente Lula, denunciava o descumprimento dos acordos com os servidores e, ao mesmo tempo, repudiava o aumento de 140% dado pelo governo aos comissionados (foto ao lado). Com faixas e cartazes servidores da Ciência & Tecnologia e do Incra exigiram cumprimento dos acordos.

4 4 CÂMARA APROVA DIVISÃO DO IBAMA Apesar de projeto ter sido aprovado na Câmara, servidores do Ibama não se dão por vencidos e greve vai continuar. O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, no último dia 12/06, por 250 votos (favor) a 161 (contra) e 7 abstenções a Medida Provisória 366/07, que desmembra o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e cria o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade. A MP366/07 vai agora para o Senado para ser analisada sob o nome de Projeto de Lei de Conversão nº 19 de 2007 (PLV 19/07). Ao promover o desmonte de um órgão tão importante quanto o Ibama principalmente em um momento onde a questão ambiental tornase o foco das atenções de todo o mundo governo federal demonstra sua falta de compromisso com o desenvolvimento sustentável do país e traz de volta o fantasma do desmonte do serviço público promovido por FHC. Governo ameaça com corte de ponto Desde o início da greve do Ibama o governo tenta enfraquecer o movimento: Multas, propaganda de desmoralização na mídia e, agora, corte de ponto. O corte de ponto dos servidores em greve é inconstitucional. O servidor não pode ser punido por exercer um direito que está garantido na própria Constituição. Embora a Constituição afirme que a greve do serviço público será regulamentada por lei específica, ela ainda não existe. Sendo assim, o servidor não pode ser cerceado em seu direito. Não existe lei que dê ao administrador de qualquer órgão público o direito de cortar o ponto e descontar o salário do servidor em greve. A greve não pode ser considerada falta ao trabalho, é uma paralisação coletiva, e não individual, como ocorre com a falta. Diante da ameaça de corte de ponto dos servidores do Ibama, o Comando Nacional de Greve recomenda que todos os Comandos Locais/Estaduais procurem os Sindicatos de Servidores Públicos Federais de seus estados, para que sejam impetrados mandados de segurança visando garantir que os servidores do Ibama recebam os seus salários. Servidores do Ibama de Minas Gerais denunciam desmonte do órgão promovido pelo governo federal. Servidores avisam: A greve vai continuar Apesar da aprovação da MP 366/07 na Câmara dos Deputados a greve vai continuar forte em todo o país. Apesar das ameaças, os servidores não vão se intimidar Ao contrário, a retaliação do governo só servirá para fortalecer o movimento. Os servidores não se curvarão à repressão. Durante o fechamento desta edição recebemos a notícia de que a Condsef está convocando uma plenária com os servidores do Ibama, no dia 27 de junho para discutir os rumos do movimento. Fortalecimento sim. Desmonte não O governo, ao encaminhar o projeto de divisão do Ibama ao Congresso Nacional, alega que tal medida visa tornar o Ibama mais ágil e eficiente. Mas para atender com presteza as demandas advindas do processo de desenvolvimento do país o Ibama necessita de uma política séria e contínua de investimentos que inclua: Melhoria da infraestrutura básica de trabalho; Contratação de pessoal para o desempenho das atividades meio; Política de recursos humanos específica para as atividades fim, que leve em conta: Realização periódica de concursos públicos a autarquia encontrase extremamente sobrecarregada, cada técnico da diretoria de licenciamento se vê envolvido em dezenas de grandes empreendimentos; Melhoria das condições salariais o Ibama enfrenta dificuldades de continuidade institucional com a perda constante de técnicos gabaritados que o instituto sofre, causada pelas disparidades salariais nos diferentes setores do serviço público e, principalmente, pela defasagem salarial dos analistas ambientais, sem reajustes desde Para que um órgão possa exercer suas atividades de maneira eficiente, é preciso investir em infraestrutura forte e capacitação de seus servidores. CONSEQÜÊNCIAS DA DIVISÃO DO IBAMA: Dificuldades na condução dos processos de licenciamento ambiental pano de fundo deste processo de desmonte, que passa a não mais contar com o aporte das diferentes áreas técnicas do Ibama, como por exemplo, a pesca, a fauna, a educação ambiental, os centros especializados, além de ficar muito mais vulnerável às pressões que virão, durante e depois deste governo. Aumento dos custos da máquina pública com a duplicação de funções administrativas como auditoria, procuradoria, etc. Serão ainda necessários novos espaços físicos para abarcar novos protocolos, almoxarifados, setores de transportes, secretarias de apoio, áreas de informática, etc. Hoje, o orçamento do IBAMA é deficiente para atender as necessidades do Instituto e com a divisão do mesmo, as despesas irão, no mínimo, duplicar (contas de telefone, luz, água, contratos de vigilância, limpeza, conservação, terceirizados, etc.). Em curto prazo, haverá relevante aumento do peso burocrático para a gestão ambiental; Aumento da necessidade de pessoal principalmente para as Unidades de Conservação que, em sua maioria, estão distantes de centros urbanos, são inóspitas e exigem remanejamentos constantes de pessoal. Estes remanejamentos são facilitados em razão da sua inserção na estrutura plural e rica de funções e processos, como é no Ibama; Distanciamento do Ibama do usuário e beneficiário de seus serviços e produtos com o fechamento de 79 unidades de atendimento regional e local. Sem estruturas avançadas e em número insuficiente, não será possível consolidar um modelo capaz de implementar a gestão ambiental em rede, alinhada e integrada sob diretrizes comuns; Duplicidade do poder de polícia ambiental e dos atuais instrumentos de apoio ao controle e fiscalização ambiental alem da perda do apoio dos centros especializados nas ações de fiscalização, Por exemplo, o Centro de Sensoriamento Remoto que permanece no Ibama e o Laboratório de Produtos Florestais que vai compulsoriamente para o Serviço Florestal Brasileiro, hoje trabalham de forma integrada no apoio às ações de fiscalização dentro e fora das Unidades de Conservação. Com a divisão esta integração se perde, gerando novos arranjos burocráticos e conseqüente perda de eficiência; Prejuízos para o Sistema Nacional de Prevenção de Incêndios, cujo modelo de implementação supõe cooperação entre as diversas unidades do Ibama, sobretudo das Unidades de Conservação, as quais, na maioria das vezes, são agentes de prevenção e, ao mesmo tempo, beneficiárias dos trabalhos de prevenção e combate a incêndios. No modelo proposto o PREVFOGO permanece no Ibama, sendo que sua atuação se dá, principalmente, em Unidades de Conservação; Dificuldade na partilha orçamentária e financeira, considerando o contínuo encolhimento do orçamento para a área ambiental federal, configurase a distribuição da escassez ou a divisão da miséria; Desestruturação dos Instrumentos de Controle existentes, tais como a emissão do Documento de Origem Florestal (DOF) e o Cadastro Técnico Federal de Atividades Potencialmente Poluidoras, os quais dependem de ação e informação integradas; FORTALECIMENTO, SIM! DESMONTE, NÃO! PELA DERRUBADA DO PLV 19/07!

5 5 GOVERNO DESCUMPRE ACORDO E SERVIDORES DA CULTURA PARALISAM ATIVIDADES Cansados de esperar pelo cumprimento, na íntegra, do acordo firmado em 2005, com o governo federal, servidores da cultura paralisaram suas atividades no último dia 15 de maio. Vinte estados, além do Distrito Federal, já aderiram ao movimento. Manifestações também estão sendo feitas em vários estados que ainda não aderiram à greve. Em Minas, a Funarte está parada e o Iphan fechou seus escritórios técnicos em Belo Horizonte, Ouro Preto, São João Del Rey, Tiradentes e Serro. Os museus do Ouro e Casa Borba Gato (Sabará), o Museu Diamante (Diamantina), o Museu Regional (São João Del Rey), Casa dos Ottoni (Serro), Museu Regional (Caeté), Museu da Inconfidência (Ouro Preto), além do Arquivo Histórico de Mariana, um dos mais importantes do Brasil também estão parados. Em abril de 2005, numa demonstração de força e determinação, os servidores da Cultura paralisaram suas atividades durante 100 dias para pressionar o governo a assinar o Termo de Compromisso que instituía o Plano de Carreira da categoria. A greve de 2005 era, na verdade, uma retomada da greve iniciada no ano anterior. Em 2005 assim como aconteceu em 2004 o governo e o Ministério da Cultura GREVE Servidores da Cultura participam do Dia Nacional de Lutas promovido pela CUT/MG Servidores fazem manifestação em frente ao Congresso Nacional Servidores da Cultura fizeram uma manifestação em frente ao Congresso Nacional, último dia 21/06. Eles montaram um cenário com piscina, guardassol e redes. O ato é uma crítica às declarações do presidente, Luiz Inácio Lula da Silva, que classificou como férias fazer 90 dias de greve e receber pelos dias parados. Servidores e governo reúnemse novamente Servidores do Ministério da Cultura se reuniram novamente com o Ministério do Planejamento, no último dia 22/06. O único avanço foi a garantia de criação de um Grupo de Trabalho (GT) que ficará encarregado de discutir e fechar um projeto de carreira a ser encaminhado ao Congresso Nacional. O GT vai contar com a presença de três representantes da Condsef e outros três do governo. A primeira reunião do GT acontece no dia 2 de julho. Entretanto, Condsef e governo não conseguiram chegar a um acordo sobre o tempo que o GT terá para fechar a proposta parte de um acordo firmado com a categoria em O governo pediu 30 dias para entregar um projeto. Para a Condsef 10 dias são suficientes para concluir os trabalhos do grupo e encaminhar a proposta para votação no Congresso. Além do dia 2 de julho, outra reunião, no dia 10/07, está préagendada. Enquanto isso, os servidores mantêm a greve. O comando de greve da Cultura foi ao Congresso Nacional pedir apoio de parlamentares para implantação do Plano Especial de Cargos do setor. A categoria conseguiu, com ajuda do deputado Chico Alencar (PsolRJ), que todas as lideranças da Câmara dos Deputados assinassem uma moção de apoio ao pleito. O documento foi entregue ao deputado Gilmar Machado (PTMG) que estaria encarregado de encaminhálo ao ministro Paulo Bernardo como nota oficial do Congresso Nacional. CRÔNICA DO DESCUMPRIMENTO ANUNCIADO se comprometeram a assinar um Termo de Compromisso criando uma gratificação, a título de antecipação do Plano de Carreira, desde que os servidores encerrassem a greve. Os servidores deram um voto de confiança ao governo e suspenderam a greve. Em janeiro de 2006, os servidores passaram a receber em seus contracheques a gratificação acordada no Termo de Compromisso nível auxiliar R$ 550,00 nível intermediário R$750,00 nível superior R$ 1.550,00 mas o Plano de Carreira esse não foi instituído até hoje. O fato é que a categoria cumpriu a sua parte e retornou ao trabalho com a garantia de que o acordo firmado seria cumprido. Entretanto, dois anos se passaram e até agora, o governo não cumpriu a parte dele. Em vez de cumprir o que foi acordado, o que existe é uma proposta de reestruturação do órgão. Servidores do Datasus paralisam atividades em seis estados Em greve desde o dia 4 de junho, a categoria permanece com cerca de 70% das atividades suspensas por tempo indeterminado em Alagoas, Goiás, Pernambuco, Rio de Janeiro, Paraná e Amazonas. No último dia 22/06, os servidores do Datasus se reuniram com representantes do Ministério da Saúde. A categoria levou uma proposta que pode por fim à greve. Para isso, o governo precisa concordar em suspender o desconto dos dias parados e se comprometer em apoiar, em documento parte da lista de demandas do setor. Entre as medidas urgentes está o envio de emenda que resolve o problema de uma diferença de vencimento que a categoria recebe desde Enquanto o governo decide sobre a proposta, a greve continua. Outra reivindicação apresentada trata da garantia que precisa ser dada aos servidores para assinatura do termo de opção que garante 47,11% ao setor. Para que a categoria não corra riscos de prejuízo, o governo precisa considerar o valor das parcelas como vencimento básico. É necessário também que a diferença do vencimento que existe hoje nos contracheques da categoria não seja transformada em VPNI (Vantagem Pessoal Nominalmente Identificada). O governo se comprometeu a dar uma resposta aos servidores em greve até o dia 27 de junho. A expectativa é de que o impasse seja solucionado. Se o governo der o suporte necessário ao pleito do setor, a greve poderá ser suspensa. Assim que as pautas emergenciais forem atendidas, os servidores do Datasus querem retomar as negociações envolvendo plano de carreira.

6 6 GREVE APESAR AS AMEAÇAS, SERVIDORES DO INCRA MANTÉM GREVE Em mais uma tentativa de pressionar o fim da greve no Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) o governo propôs atrelar a abertura de negociações ao retorno imediato dos servidores ao trabalho. Não bastasse, o governo mandou cortar o ponto dos servidores em greve a partir do dia 15/06. A greve do Incra que já dura mais de um mês, atinge 23 estados e o Distrito Federal. Além de brigar pela derrubada do PLP 01 (Projeto de Lei Complementar), que limita investimentos públicos pelos próximos dez anos, os servidores do Incra querem a reestruturação da carreira do órgão. O Incra foi um dos únicos órgãos que ficou de fora das medidas provisórias publicadas em 2006 que concedeu reajustes diferenciados para diversas categorias. Com os salários congelados e falta de servidores suficientes para dar continuidade ao projeto de reforma agrária no Brasil, os servidores protestam contra o fechamento de mais de 20 unidades do Incra pelo Brasil. Outra reivindicação da categoria é a abertura imediata de concursos públicos. Reunião sem acordo Terminou sem acordo a reunião entre governo e representantes dos servidores do Incra (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária) ocorrida no último dia 19/06. No encontro, o novo Secretário de Recursos Humanos do Ministério do Planejamento, Duvanier Ferreira, disse reconhecer que a greve é legítima, mas o clima para negociação está comprometido. O único avanço ocorrido na reunião foi a concordância por parte do governo em reabrir o Grupo de Trabalho (GT), interrompido desde novembro do ano passado, que discute a reestruturação da carreira no setor. Apesar de interrompido pelo governo, os servidores continuaram envolvidos nos trabalhos iniciados pelo GT e concluíram um projeto que foi apresentado formalmente ao governo. Servidores do Incra protestarm durante a visita do presidente Lula a Belo Horizonte, no dia 21/06 SERVIDORES DA CIÊNCIA & TECNOLOGIA EXIGEM CUMPRIMENTO DA TABELA SALARIAL DA CATEGORIA Incorporação das gratificações ao Vencimento Básico, implantação da tabela salarial da categoria e contra o PLP 01 Projeto de Lei Complementar que pretende limitar investimentos públicos pelos próximos dez anos. Essas são as reivindicações dos servidores da Ciência &Tecnologia em greve no Rio de Janeiro, Bahia e Ceará. Em Minas Gerais, os servidores da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), tanto em Poços de Caldas quanto em Belo Horizonte estão fazendo paralisações de 48 horas a cada semana. Servidores da CNEN, de Goiânia, também estão fazendo paralisações semanais. Os servidores resolveram se mobilizar depois que o governo voltou atrás em seu apoio à aprovação da tabela salarial da categoria. No início do mês de junho, servidores do Ministério da Ciência e Tecnologia (C&T) de diversos estados ficaram acampados durante três dias em frente a sede do órgão, em Brasília, para pressionar o governo a atender as demandas do setor. Servidores da CNEN/BH concentramse em frente ao órgão antes de participarem de manifestação no último dia 21/06, durante a visita do presidente Lula.

7 7 Notícias dos Órgãos Ministério do Trabalho e Emprego O ministro Carlos Luppi, em audiência com representantes dos servidores do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), garantiu que uma das prioridades de sua gestão será aprovar uma carreira para administrativos do órgão. A declaração foi recebida com entusiasmo; mas é preciso vontade política. Só assim é possível construir definitivamente uma carreira para os servidores do setor. Uma das demandas mais antigas da categoria, a carreira ainda encontra resistência de uma série de segmentos do governo. O ministro se comprometeu a realizar contatos com o intuito de articular uma agenda que dê início a construção de um projeto. A Condsef, que já apresentou ao governo proposta formulada e aprovada em instâncias da categoria, sugeriu que a discussão tivesse como base o trabalho já desenvolvido. No início de julho, o ministro Luppi se comprometeu a reunir as entidades que representam os servidores do MTE para debater a elaboração de uma proposta. Sobre um Projeto de Lei que aguarda votação no Senado para aprovar a contratação de cerca de dois mil novos servidores para o MTE, o ministro disse que tão logo a pauta do Senado seja liberada, o projeto será levado a votação. Agora é esperar que o que foi discutido seja levado adiante. Ministério da Agricultura A semana foi de intenso trabalho parlamentar para os servidores administrativos do Ministério da Agricultura. Os servidores foram buscar apoio de deputados e senadores para a aprovação de uma gratificação a título de antecipação de um plano de carreira. A intenção é que a gratificação, que já vem sendo negociada desde 2005, seja implantada ainda este ano. A categoria conseguiu que os deputados Nelson Pelegrino (PT BA), Zonta (PPSC), Vignatti (PTSC) e Iran Barbosa (PTSE) se comprometessem em intermediar uma audiência com o ministro Paulo Bernardo. Uma reunião com o secretárioexecutivo da Agricultura também vem sendo pleiteada. A intenção é apresentar ao governo os argumentos que justificam a aprovação imediata da gratificação e garantir no Congresso Nacional o apoio suficiente para o atendimento da reivindicação. O deputado Zonta, que vem acompanhando a negociação das demandas dos servidores da Agricultura no Congresso, informou que é interesse do governo a aprovação de um plano de carreira único para o Ministério. Um plano já teria sido aprovado na Mesa Setorial e estaria parado aguardando encaminhamento. Ministério da Fazenda Ainda sem uma definição do governo sobre a implantação da carreira única para administrativos fazendários, a Condsef (Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal) cobrou, em reunião com representantes do Ministério da Fazenda, agilidade na execução do projeto. Tema de uma série de reuniões, a carreira fazendária já possui aval do governo para ser implantada. Uma vez que já existe um entendimento entre as partes envolvidas, a Condsef questionou os motivos da morosidade para viabilizar a proposta já que não há qualquer impedimento legal ou político para atender ao pleito do setor. Nos próximos dias, uma reunião com o secretárioexecutivo da Fazenda, Nelson Machado, deve acontecer dando novo impulso à discussão. Um levantamento detalhado do impacto orçamentário estaria sendo feito a pedido de Machado. Uma portaria (nº 228) foi editada no dia 20 de junho pelo Ministério da Fazenda criando um Grupo de Trabalho (GT) para dar encaminhamento ao Plano de Carreira Fazendário. Esse grupo terá 60 dias para apresentar uma nova proposta de plano de carreira para a categoria. Outro tema da reunião trouxe novamente à tona a discussão sobre plano de saúde para os servidores da Fazenda. O ministério informou que uma nova proposta está sendo analisada pela consultoria jurídica da Casa. Os servidores esperam que as questões debatidas saiam da teoria e vão para a prática com a implantação da carreira e aprovação de um novo plano de saúde que atenda melhor as demandas da categoria. Ministério da Saúde Mais uma reunião entre representantes da Condsef (Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Federal) e Ministério da Saúde (MS) terminou com a cobrança de compromissos firmados pelo governo e ainda não cumpridos. Impacientes com a demora na resolução de temas já debatidos, os servidores da Saúde e Funasa (Fundação Nacional de Saúde) têm aprovado, para o dia 9 de julho, um indicativo de greve por tempo indeterminado. Avisado sobre o risco da greve que já atinge Ibama, Incra, Cultura, Datasu, CNEN, administrativos das escolas universitárias e fiscais da Agricultura, o governo concordou em retomar as negociações, interrompidas em agosto do ano passado. No próximo dia 28/06, a Condsef tem nova reunião onde discute com o governo questões que envolvem a saúde dos servidores do MS e Funasa. Problemas dos intoxicados da Funasa, melhoria nas condições de trabalho da categoria e a necessidade de o governo garantir exames periódicos aos servidores estarão na pauta. Para a reunião do dia 04 de julho, a pauta específica deve envolver os problemas que continuam pendentes como a publicação do decreto que garante a regulamentação da Indenização de Campo paga aos servidores da Funasa. De acordo com representantes da assessoria jurídica do MS, o ministério está fazendo todo o esforço para que o documento seja publicado. Entretanto ele continua no Ministério do Planejamento. A publicação estaria sendo adiada apenas por questões burocráticas. A Condsef cobrou agilidade para a solução dessas pendências, pois milhares de trabalhadores estão correndo risco de ter a indenização cortada a partir do mês que vem. Outra pendência que também aguarda apenas publicação de uma Portaria resolve a questão de servidores da Funasa cedidos para estados e municípios. O MS informou que irá se reunir com o Planejamento para cobrar novamente a publicação dos documentos. No cronograma da reabertura de negociações ainda serão incluídas discussões sobre abertura emergencial de concursos públicos para Funasa e MS. O debate sobre carreira para o setor também estará no centro da pauta. SINDSEPMG PARTICIPA DE DIA NACIONAL DE LUTAS PROMOVIDO PELA CUT No último dia 23/05, diversas categorias participaram do Dia Nacional de Lutas promovido pela Central Única dos Trabalhadores (CUT/MG). A manifestação ocorreu simultaneamente em várias partes do país. Metalúrgicos, Professores, Bancários, Estudantes e Servidores Públicos se concentraram na Praça Sete para protestar contra o PLP 01, a Emenda 3 projetos do governo que, se forem aprovados, vão trazer grandes prejuízos à classe trabalhadora brasileira. O SINDSEPMG mais uma vez esteve presente, assim como os servidores Cultura em greve desde o dia 14 de maio), que exigiam o cumprimento dos acordos de greve. Os servidores do Ibama também paralisados desde o dia 21/05, denunciavam o desmonte do órgão promovido pelo governo federal. O protesto contou também com a participação de servidores da Funasa, Ministério da Fazenda e Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN). Os trabalhadores seguiram em passeata até a Prefeitura de Belo Horizonte e, de lá foram para a Praça da Liberdade, onde fizeram uma grande manifestação em frente ao Palácio da Liberdade. Trabalhadores de várias categorias seguem em passeata pela Av. Afonso Pena Os diretores Wenceslau Cordeiro (MAPA) e Romualdo Cunha (CNEN), além de diversos servidores particparam do ato promovido pela CUT/MG

8 8 PARIDADE ENTRE ATIVOS E APOSENTADOS JUSTIÇA SEJA FEITA! Vitória! Parecer do Superior Tribunal Federal (STF) abre precedentes para que paridade entre ativos e aposentados/pensionistas enfim se torne uma realidade. No dia 19 de abril, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que a Gratificação de Desempenho de Atividade TécnicoAdministrativa (Gdata) do antigo Plano de Classificação de Cargos (PCC) hoje, Plano Geral de Cargos do Poder Executivo (PGPE) deverá ser concedida a servidores inativos (aposentados) na mesma proporção dada aos servidores ativos. A decisão vale também para os pensionistas. A paridade direito de igualdade de remuneração entre servidores ativos, inativos (aposentados) e/ou pensionistas do serviço público federal apesar de ser garantida pela Constituição Federal (art.40, 8º e posteriormente incluído no art.7 da EC/41/2003), na prática, vem sendo descumprida há algum tempo, uma vez que os servidores inativos (aposentados) e/ou pensionistas têm recebido remunerações diferentes da dos servidores ativos. A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) abre precedente para mais de 240 mil servidores federais inativos (aposentados) e/ ou pensionistas do antigo Plano de Classificação de Cargos (PCC). Mas para ter direito ao reajuste de 167% sobre a gratificação de desempenho, os servidores terão de entrar com ações na Justiça. Apesar da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) citar apenas a Gdata, ela é extensiva a todas as gratificações produtivistas que existem no serviço público tais como GDASST (Seguridade Social e Trabalho), GDACT (Ciência & Tecnologia), GDARA (Incra), GDAMB (Meio Ambiente), entre outras. O SINDSEPMG, tão logo tomou conhecimento da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) já entrou com uma ação para requerer essa diferença para os servidores inativos (aposentados) e/ou pensionistas filiados. E vai entrar com ação para todos os inativos (aposentados) e/ou pensionistas que se filiarem ao Sindicato. TIRE SUAS DÚVIDAS O que é paridade? Paridade corresponde ao direito de igualdade de remuneração em particular sobre as gratificações implementadas entre servidores ativos, inativos (aposentados) e/ou pensionistas do serviço público federal. Com a decisão do Supremo Tribunal Federal, quem tem direito a receber essa diferença? Todos os servidores inativos (aposentados) e também os pensionistas do serviço público federal que tenham recebido alguma gratificação diferenciada da dos ativos. Como faço para entrar com ação requerendo a paridade? Para entrar com a ação e requerer a diferença referente à paridade, o servidor público federal inativo (aposentado) e/ou pensionista deve ser sindicalizado. Se você ainda não é filiado ao SIND SEPMG, basta preencher ficha de filiação disponível na Sede e nos Núcloes Regionais (vide endereço no expediente à página 2) juntar uma cópia do último contracheque e enviar para o setor de cadastro do Sindicato. Quais os documentos necessários para se entrar com a ação? Para se entrar com a ação é necessário que se comprove essa diferença. Os três últimos contracheques são suficientes para se comprovar o pagamento diferenciado da gratificação. Tenho de pagar alguma coisa para entrar com a ação? Muitos advogados particulares pedem o pagamento de um determinado valor para se entrar com a ação. Quem é filiado (a) contribui tão somente com a mensalidade sindical (1% da remuneração para servidores ativos e inativos (aposentados). Para os pensionistas, o valor é fixo. Ao final de cada ação ganha em que estiver incluído, o (a) filiado (a) paga 10% a título de honorários advocatícios, conforme determina o Estatuto da Entidade. Quem é filiado ao SINDSEPMG já está na ação? Os servidores inativos (aposentados) e/ou pensionistas filiados ao SINDSEPMG já estão automaticamente incluídos na ação. Se você é filiado (a), aposentouse recentemente e não comunicou ao Sindicato, basta preencher a ficha de filiação/recadastramento e enviála ao SINDSEPMG o mais rápido possível. Basta solicitar a ficha na sede do Sindicato ou nos Núcleos Regionais (vide endereço no expediente à página 2). Quanto tempo demora esse processo? Não se pode prever o tempo de tramitação de um processo. Mas todo processo tem um prazo para prescrição (vencimento). Portanto, quanto mais rápido você, servidor inativo (aposentado) e /ou pensionista entrar com a ação, mas rápido seu processo pode sair. Quanto vou receber de atrasados? Esse valor relativo à diferença da paridade não é o mesmo para todos os servidores inativos (aposentados) e/ou pensionistas. Um perito contratado pelo SINDSEPMG vai analisar cada caso e calcular o valor a ser recebido. Essa decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) só vale para quem recebe Gdata? Não. Apesar de a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) citar apenas a Gdata, ela é extensiva as todas as gratificações produtivistas que existem no serviço público tais como GDASST (Seguridade Social e Trabalho), GDACT (Ciência & Tecnologia), GDARA (Incra) GDAMB (Meio Ambiente), entre outras. QUAIS AS VANTAGENS DE SER SINDICALIZADO? Por meio da sindicalização, você estará se unindo aos demais companheiros servidores nas lutas para reaver direitos que nos foram retirados pelas Reformas do governo federal e para evitar a perda de outras conquistas históricas de nossa categoria. Quando nos sindicalizamos, unimos forças e, assim, damos ao Sindicato maior respaldo para que possa nos representar na defesa de nossos direitos e nas negociações por melhores salários. Por meio do SINDSEPMG, você terá toda a assistência jurídica no que se refere às medidas do governo e à sua atuação no órgão em que trabalha. Estará, também, incluído nas ações judiciais implementadas por nosso Departamento Jurídico, no que se refere à reposição de perdas salariais e outras conquistas da categoria na Justiça. Evitar que os aposentados e pensionistas recebam, por parte do governo federal, tratamento diferenciado do dispensado aos servidores da ativa tem sido uma batalha constante do SINDSEPMG, aliado à Condsef nossa Confederação Nacional. Por meio do nosso jornal mensal, boletins informativos e panfletos, os filiados do SINDSEPMG são, freqüentemente, munidos com informações atualizadas sobre os últimos acontecimentos, em Brasília, que possam afetar o servidor. Integrando nosso Sindicato você estará reforçando uma trajetória de resistência ao desmonte do serviço público e ajudando a garantir ao tão sofrido povo brasileiro o mínimo de assistência do Estado, previsto na Constituição Federal. Filiado à CUT e à Condsef, o SINDSEPMG é uma entidade séria, com 18 anos de história que já provou sua eficiência e lealdade às bandeiras do servidor público federal. Por isso, merece sua credibilidade, confiança e conta com você. ATENÇÃO! Servidor (a), em breve o SINDSEPMG estará enviando para a cada filiado (a), uma ficha de filiação/recadastramento. Ao servidor (a) basta preencher a ficha e enviála para o Sindicato. O selo já estará pago. Basta depositála em qualquer caixa de correio. É necessário que seus dados estejam sempre atualizados, uma vez que o SINDSEPMG está a procura de vários servidores (as) que têm ações ganhas, mas não têm como localizálos pois os dados dos mesmos estão desatualizados.

9 9 No último dia 11/06, servidores aposentados fizeram uma manifestação em frente à sede da Justiça Federal, em Belo Horizonte. Com o lema Justiça seja feita, os servidores públicos federais aposentados pediram o apoio dos magistrados de JUSTIÇA SEJA FEITA! Servidores fazem manifestação em frente à Justiça Federal, em Belo Horizonte Minas Gerais para o cumprimento da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que, em 19 abril, decidiu que a Gratificação de Desempenho de Atividade TécnicoAdministrativa (Gdata) do antigo Plano de Classificação de Cargos (PCC) hoje, Plano Geral de Cargos do Poder Executivo (PGPE) deverá ser concedida a servidores inativos (aposentados) na mesma proporção dada aos servidores ativos. A decisão vale também para os pensionistas. Na oportunidade, a diretora Juliana Pinheiro de Oliveira Santos, representando o SINDSEPMG, protocolou uma das ações em que o Sindicato requer a paridade para os servidores aposentados e/ou pensionistas filiados (foto abaixo). Enquanto os servidores protestavam do lado de fora da Justiça Federal, em Belo Horizonte, a diretora Juliana Pinheiro protocolava ação que requer a paridade para os servidores inativos (aposentados) e pensionistas filiados ao SINDSEPMG. Nova ação será impetrada para os servidores que se filiarem ao Sindicato. SINDSEPMG participa de manifestação em Brasília contra o PLP 01 e pelo cumprimento dos acordos No último dia 12/06, caravanas de Belo Horizonte e Paracatu, além dos diretores do SINDSEP MG, José de Arimatéia Leite de Menezes (CNEN/BH) e Jurandir José Dias (Funasa/Paracatu) se juntaram aos mais de três mil servidores públicos federais, em Brasília, para protestar contra a aprovação do PLP 01 (Projeto de Lei Complementar) que pretende limitar investimentos públicos pelos próximos dez anos e exigir o cumprimento dos acordos firmados pelo governo e, até hoje, não cumpridos. A manifestação contou com a participação de representantes das diversas categorias como Ibama, Incra, Cultura, Datasus, Ciência & Tecnologia, em greve em todo o país.

10 10 Projeto de lei que cria Fundo de Previdência Complementar do Servidor Público será enviado ao Congresso Nacional em agosto O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, jogou um balde de água fria na expectativa dos servidores públicos ao dizer que não há garantias de que o servidor, ao se aposentar, depois de passar anos contribuindo para o Fundo, terá um benefício equivalente ao salário, ou seja, a remuneração integral. O sistema vai funcionar com a paridade da contribuição entre governo e servidor, com uma alíquota de 7,5%. A adesão será facultativa e o governo espera que ao final de 20 anos o fundo tenha a adesão de mais de um milhão de servidores e um patrimônio de R$ 100 bilhões. O desejo do governo é que seja criado um fundo único para os Três Poderes, embora os servidores do Poder Judiciário insistam em criar um específico para eles. A expectativa do governo é enviar o projeto de lei que cria a previdência complementar do servidor em agosto para o Congresso Nacional. Pela atual proposta, o fundo será administrado por três representantes do governo (um de cada poder) e três, dos servidores. A novidade fica por conta do Conselho Fiscal, que será comandado por um representante dos servidores. PROJETO DE REGULAMENTAÇÃO DO DIREITO DE GREVE VAI SER ENCAMINHADO AO CONGRESSO NACIONAL EM AGOSTO O ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, afirmou que a regulamentação do direito de greve dos servidores públicos só será encaminhada ao Congresso Nacional em agosto. O anteprojeto ainda está sendo discutido pelos órgãos do governo e com as entidades que representam os servidores. Mas admite que deverão ser mantidos alguns pontos, como o corte de ponto e a substituição de grevistas em áreas essenciais, como saúde e educação, por pessoal temporário. NEGOCIAÇÃO COLETIVA EM PAUTA NA CÂMARA DOS DEPUTADOS Enquanto isso, a Câmara dos Deputados analisa o projeto de Lei 229/07, dos deputados Chico D Angelo (PTRJ) e Dr. Rosinha (PTPR), que regulamenta a negociação coletiva de trabalho no serviço público. Na prática, o projeto cria o sistema de Mesa de Negociação Permanente como o que foi implementado no início do governo Lula, mas que não deu certo para os servidores da administração pública direta e indireta, com a participação de representantes sindicais e das instituições. De acordo com os autores, o objetivo é instituir um sistema permanente, de forma participativa, para evitar que os conflitos decorrentes de reivindicações salariais interfiram na eficiência dos serviços públicos. Pela proposta, a mesa de negociação deverá contar com um mediador, que será escolhido de comum acordo pelas partes. ANTECIPAÇÃO DA GRATIFICAÇÃO NATALINA O servidor ativo, aposentado e pensionista vai receber no contracheque de junho metade de sua gratificação natalina (13º salário) como possibilita o DecretoLei nº 2.310, de 22 de dezembro de Este adiantamento de 50% da gratificação natalina é praticado sempre no mês de junho desde a publicação do decreto que prevê esse pagamento seja feito entre os meses de janeiro a novembro. O servidor também pode optar que adiantamento seja pago no período em que goza de férias desde que o pedido seja feito no mês de janeiro de cada ano como prevê o decreto. Os encargos como PSS, INSS e dedução da fonte do IR apenas serão descontados no contracheque de dezembro como ocorre todo ano.

11 11 SINDSEPMG firma convênios Cumprindo um dos compromissos assumidos pela atual diretoria, o SINDSEPMG está firmando convênios com vários estabelecimentos comerciais em todo o estado. Com isso, os filiados terão descontos e vantagens que poderão ser obtidos diretamente nas empresas conveniadas. Para isso, basta apresentar a carteira de filiado e desfrutar de todas facilidades as que o SINDSEPMG oferece para você. FILIADO, INDIQUE NOVOS PARCEIROS Adiantamos que esse é apenas o primeiro passo. E queremos contar com sua colaboração, filiado (a). Se você conhece algum profissional e/ou estabelecimento em que confie, que ofereça bons serviços e que queira tornarse parceiro do SINDSEPMG, dirijase ao Núcleo Regional do SINDSEP MG mais próximo de sua região e solicite uma cópia do contrato de convênio. Ajudenos a ampliar ainda mais nossa rede de convênios. Confira abaixo os novos conveniados do Sindicato. REGIÃO CENTRAL EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Estoril Hotel Ltda SESC MG Escola Ideal de Auxiliar e Técnico em Enfermagem Rua dos Carijós, 454, centro, BH Cep: Telefax (31) Rua Tupinambás, º andar, sala 1502, centro BH Reservas: (31) , Av. Santos Dumont, 332 Centro Belo Horizonte (31) / Apartamentos de solteiro, casal, duplo, triplo, conjugado. Desconto de 20% sobre as diárias Temporadas de férias, diárias, pernoites em qualquer Unidade de Hospedagem do SESC de Minas Gerais, além da freqüência às suas diversas Unidades de Serviços, nos dias de fim de semana e feriados. Desconto especial de 10% sobre as taxas de matrícula, anuidade e de temporadas, correspondentes à categoria de Usuários. Maiores informações sobre a efetivação de matrícula e confecção de carteira do SESC/MG, entrar em contato com o SindsepMG. Fone (31) Cursos técnicos em Enfermagem, Enfermagem do Trabalho, Segurança do Trabalho e Instrumentação Cirúrgica. Estágio Garantido. Desconto de 50% na matrícula. Associação dos Mutuários de Minas Gerais ASMUMINAS Delta Sistema de Ensino Rua Ouro Preto, 867 Barro Preto Belo Horizonte Rua Espírito Santo, 1059 sala 303, centro Belo Horizonte Assessoria e Consultoria na área do sistema financeiro de habitação; Análise de Contratos Habitacionais; Laudos Técnicos, Consultoria Jurídica e Acompanhamento de Ações Judiciais; Ações de Revisão de Contratos Habitacionais, Ações de Suspensão de Leilão. Descontos de 10% a 20% sobre o Contrato de Prestação de Serviços. Cursos: supletivos, 1º e 2º grau, PréVestibular, Inglês e Espanhol. Matricula com 50% de desconto. Mensalidades com 25% de desconto Globolar dedetização Ltda Beer SelfService Data Byte Escola de Informática Porto Real Turismo Ltda Academia Center Fitness Rua Carijós, 55 sala 202, centro Belo Horizonte Fone: (31) Rua Barão do Rio Branco, 95 Lagoa Santa Av. Amazonas, 112, centro Belo Horizonte Fone (31) Rua Rio Grande do Sul, 829, loja 07, Barro Preto Belo Horizonte Av Afonso Pena, 1148, centro Belo Horizonte Fone: (31) Clinica Médica Sempre Vida Rua Carijós 424, 22º sala 2207 a 2210, centro Belo Horizonte Fone: (31) Drogaria Fontes Ltda Brasilusa A papelaria completa Rua Barão do Rio Branco, 75 Lagoa Santa Rua Espírito Santo, 329, centro Belo Horizonte Fone (31) , Filiais: Savassi, Cidade Jardim, Barroca Dedetizações em geral, decupinização e desratização. Desconto de 15% à vista. Restaurante, Bebidas, tiragosto, etc. Desconto de 10% geral, exceto produtos Kibon Curso de Computação Formação Profissional Completa. Tabela de preços para conveniado Pacotes de viagens, passagens aéreas, reservas em hotéis, serviços gerais de turismo. Desconto 10% nos pacotes rodoviários não extensivo aos familiares. Desconto de 5% nos pacotes aéreos (CVC Viagens) extensivo aos familiares Pacotes para modalidades como: JiuJitsu, Muay Tahi, Spinning, Forro, Axé, Terceira Idade, Gap, Localizadas, Step, Aero Combat, Dança do Ventre e Muito mais. Clinica Médica Especialidades: angiologia, cardiologia, clinica médica, dermatologia, endocrinologia, fisioteparia/sessão, fonoaudiologia, gastroenterologia, ginecologia, cirurgia vascular, mastologia, medicina do trabalho, neurologia, nutricionista, oftalmologia, ortopedia, otorrinolaringologia, pediatria, pneumologia, peneumologia pediátrica, proctologia, psicologia, psiquiatria, urologia, acuidade visual, audiometria, ecodopplercardiograma, eletrocardiograma, eletroencefalograma, espirometria, endoscopia digestiva, laboratório de analises clinicas, laboratório de citologia e biopsia, mamografia, raiosx, teste ergométrico, ultrasonografia. Desconto de 15% em medicamentos. Desconto de 10% em perfumaria. Pagamento à vista ou cartão de débito. Desconto de 10% para pagamentos à vista no dinheiro ou cheque. Desconto de 5% para pagamento à prazo no cheque prédatado. Desconto de 5% para pagamento com cartão de débito ou crédito.

12 12 EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Espaço Odontológico Ltda Farmácia Naturallis Homeopatia Manipulação Salomão e Staut Drogaria LTDA Coffee Break Ltda Salgados, doces, tortas e kit s Lanches para Eventos Clínica de Especialidades Medicas João Paulo Rua Goitacazes, 375, 15º andar, Centro Belo Horizonte Rua Caetés, 290, Centro BH Fone: (31) Filiais: R. Rio de Janeiro, R. Guarani, R. da Bahia. Praça Dr Lund, 84, Centro, Lagoa Santa Rua Genoveva de Souza, 870, Sagrada Familia BH Fone: Rua Caetés, 263, Centro Belo Horizonte Tel: (31) Ótica LaPatricia Ltda. Rodovia Br 356, 3049 Av: Afonso Pena, 994, Centro Av: Brasil, 80, St.Efigenia Belo Horizonte Tel(s) Funcional Fisioterapia Ltda. Av. do Contorno, 2905, s/801 Santa Efigenia Belo Horizonte Serviços Odontológicos Desconto de 10% à vista ou no cartão de crédito. Desconto para pagamento à vista: 12% (medicamentos de referência) 15% (medicamentos genéricos e similares) Desconto para pagamento à prazo: 30 dias no cheque: 07% (medicamentos de referência) e 10% (medicamentos genéricos e similares) 60 dias no cheque: 05% (todos os medicamentos). Desconto de 10% na compra de produtos e/ou serviços. Consultas Eletivas; Exames: Doppler, Eletrocardiograma. Comercio de Óculos Atendimento ótico e assessoria estética aos beneficiários do SindsepMG. Fisioterapia cardiovascular, vascular periférica (angiologica), ortopédica, uroginecologica, reeducação postural global. 20% de desconto sobre tabela particular. Clinica Medica Carijos Rua Carijós, 141, 4 andar, conj 401/402. Centro Belo horizonte Pabx: (31) André Luiz Resende Psicólogo clinico Psicoterapeuta Laboratório João Paulo Ltda. Psicologia Agueda Maria Pereira ClicenterClinica de assistência odontológica Rede Sorrir Aliptica Pharmacia de Manipulação Rua Donato da Fonseca, 734/201 Cidade jardim, Belo Horizonte Rua Caetés, 263, Centro Belo Horizonte MG Tel: (31) Rua Tenente Brito Melo, 342, sala 1204 B: Barro Preto BH Tel(s) / Rua dos carijós, 150, 2 andar Centro BH Rua Tupis, 149, lojas 2 e 5 Centro BH MG Consultas, exames e procedimentos de caráter eletivo Psicologia Clinica, educacional, psicoterapia, orientação psicológica. Desconto de 40% a 60% do valor da consulta particular. ( a combinar). Analises clinicas e citopatologia Atendimento em Psicologia, clinica para adultos, crianças, família, adolescentes. 30% de desconto sobre o preço de consulta. Serviços odontológicos, prótese. Toda parte preventiva será gratuita. 70% de desconto em varias especialidades. Manipulação de formulas naturais, como medicamentos, cremes, cosméticos, protetor solar, etc. 10% de desconto p/ os produtos manipulados, para pagamentos á vista em dinheiro ou cheque. NORTE DE MINAS EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Consultório Odontológico Kleber Patrocínio/Maria Magalhães Santos e Sá Ltda (Papelândia) Av. Cônego Ramiro Leite, 146, centro Januária Rua Coronel Serrão, 132, centro Januária Fone: (38) Ótica Januária Rua Padre Henrique, 117, Januária Desconto de 15% para pagamento à vista Comercial Maciel Ltda Auto Peças Joel Soares Neves e Cia Ltda Rua Coronel Serrão, 278, centro Januária Fone: (38) Rua Coronel Serrão, 287, centro Januária Desconto de 15% Para pagamento à vista. Parcelamento em duas, três ou quatro vezes, de acordo com o valor e o tipo de serviço prestado. Desconto de 10% para pagamento à vista na compra de brinquedos, materiais de escritório e escolares, esportivos e artigos para trabalhos manuais; exceto moveis, computadores e suprimentos para informática. Desconto de 10% + 5% à vista. Desconto de 10% à vista. Desconto de 5% no cheque ou cartão prazo de 30 dias. LPC livraria e Papelaria Praça Dom Daniel, 62 Januária Desconto de 10% à vista. A prazo de 30, 60 ou 90 dias. Brilhante Hotel Ltda Drogaria Del Rey Av. Cônego Ramiro Leite, 710, Centro Januária. Fone: (38) Rua Coronel Serrão, 112, 112, centro Januária. Fone: (38) Desconto de 10% na diária para pagamento à vista. Desconto de 15% em medicamentos, perfumaria e produtos de conveniência. Desconto de 10% em brinquedos.

13 13 TRIÂNGULO MINEIRO/ALTO PARANAIBA EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Juliana Pinheiro de Oliveira Santos Advocacia nas áreas cível, família, criminal e trabalhista Tamareiras Park Hotel dr. Ilson Barra (oftalmologia clínica) Droga Alpha Ltda (Drogaria) Rua Eduardo Marques, 909 apt 101 Bairro Osvaldo Rezende Uberlândia Rua Olegário Maciel, 187 Uberaba Fone: (34) , Praça Adolfo Fonseca, 138 Centro Tel: (34) Uberlândia/MG Av. Ciprianao Del Fávero, 106 Centro Tel: (34) Uberlândia/MG Agropecuária Sertões Ltda Av. Brasil, 2909 Bairro Brasil Tel: (34) Uberlândia/MG ADF Comercial Ltda (Casa da Fazenda) P. P. J. Vídeo Park Ltda (Locação de DVD s) Av. Floriano Peixoto, 4310 Bairro Custódio Pereira Tel: (34) Uberlândia/ MG Av. Floriano Peixoto, 4291 Bairro Umuarama Tel: (34) Uberlândia/MG Desconto de 10% a 20% sobre a trabela mínima da OAB/MG, conforme o caso. Desconto de 20% sobre diárias de hospedagem exceto períodos de Feiras de Gado, Vestibulares ou pacotes especiais. Consultas oftalmológicas ao preço de R$ 35,00 (trinta e cinco reais) à vista Atendimento por ordem de chegada, de 2ª a 6ª feira, das 08:00 as 09:30 h e das 13:00 as 17:00h. Descontos especiais de 8% a 50% em determinados produtos. À vista, descontos diferenciados. Aceitamos todos os cartões de crédito e cheques prédatados. Oferecemos medicamentos e perfumaria. Descontos de 5% em produtos e serviços á vista, em dinheiro, cheque ou cartão. Oferecemos consulta veterinária, medicamentos, banho e tosa, rações em geral, ferramentas, acessórios de pet shop, artigos para pesca, rodos, vassouras, etc. Descontos de 5% á vista, em dinheiro e cheque. Oferecemos consulta veterinária, medicamentos, banho e tosa, rações em geral, ferramentas, acessórios de pet shop, artigos para pesca, etc. Promoções diárias em locação de DVD s, à vista, cheques prédatados ou cartões VISA e AMEX. Oferecemos locação de DVD s e produtos diversos (sorvete, pipoca, refrigerante) SUL DE MINAS EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Consultório de Fisioterapia Vitacorpo Farmácia de Manipulação Ltda Rua Coronel Jose Alves, 361, sala 102, vila Pinto Varginha Fone: (35) Rua Santa Cruz, 887, centro Varginha e R. Coronel Horácio Alves Pereira, 22, centro Eloi Mendes Parcelamento em 2 vezes, uma entrada no inicio do tratamento e restante em 30 dias. Desconto de 10% à vista e no cartão de crédito. LESTE DE MINAS EMPRESA ENDEREÇO O QUE OFERECE Laboratório Lanna s/c Ltda. Rua Mariana, n 188, Centro Ipatinga MG Exames laboratoriais. Desconto de 30% sobre a tabela particular. Á vista = combinar DÚVIDAS SOBRE PROCESSOS? SUGESTÕES? RECADASTRAMENTO? LIGUE:

14 14 SINDSEPMG realiza plenária com Delegados Sindicais de Base Promover a interação entre os delegados sindicais de base e trazêlos para a luta. Esses foram os objetivos da Plenária de Delegados Sindicais de Base promovida pelo SINDSEPMG, No SESC Laces Contagem/Betim. Durante três dias cerca de 190 pessoas se reuniram para discutir a situação dos servidores públicos federais, não só em Minas Gerais, mas em todo o país frente aos desafios que vêm sendo colocados para a categoria. No primeiro dia, o diretor da Condsef, Pedro Armengol, falou sobre a conjuntura nacional, Plano de Aceleração do Crescimento (PAC) e suas conseqüências para os servidores, direito de greve. No dia seguinte, o diretor Rogério Antônio Expedito ministrou uma palestra sobre oratória, ou seja, como falar em público. O objetivo era capacitar os delegados sindicais de base a realizarem assembléias nos locais de trabalho e repassar aos filiados as decisões da diretoria. Enfim, transformar o delegado sindical de base numa extensão da Diretoria Colegiada do SINDSEPMG nos diversos locais de trabalho. Como sempre acontece nos eventos do SINDSEP MG, houve o Momento Jurídico, quando a Dra. Marina explicou aos presentes sobre os andamentos dos processos impetrados pelo Sindicato. À tarde, o diretor Aloysio Tancredo fez um breve informe sobre os investimentos que o Sindicato estava fazendo na área de informática com a contratação da empresa Bisa, de Recife responsável por informatizar todos os setores do SINDSEPMG principalmente o Cadastro e o Jurídico. Em seguida, foi a vez dos Srs. Eduardo Sobrinho e Walton Sobrinho, da empresa WKE Informática informarem aos delegados presentes sobre os novos equipamentos adquiridos pela Entidade para melhorar o atendimento aos filiados. Após o informe sobre os novos investimentos feitos pelo SINDSEPMG para melhorar o atendimento ao filiado, foi a vez do professor Alberto Rodrigues de Barros, servidor do Ministério da Fazenda, lotado em Juiz de Fora, ministrar a sua tão esperada palestra sobre O Desafio do cidadão e da ética no contexto da globalização. Durante a palestra o professor explicou conceitos bastante atuais como globalização, cidadania, ética e moral. O terceiro e último dia da Plenária começou com os diretores José de Arimatéia, Rogério Expedito, Luiz Henrique Macêdo, Aloysio Tancredo dando informes sobre os órgãos. Ao término dos informes, os delegados se reuniram por região para escolher seus representantes no Conselho Deliberativo Sindical (CDS) do SINDSEPMG (confira ao lado). Ao final da Plenária foram aprovadas propostas gerais e específicas. SINDSEPMG realiza assembléia de prestação de contas O último dia da Plenária foi também de Assembléia de prestação das contas do ano de Após todas as explicações do Conselho Fiscal José Humberto Silva Pinto, Jair do Nascimento e Orcínio de Morais (ausente), do Administrador do SINDSEP MG, Jones Batista Pinheiro, do Contador Celso Magalhães Júnior e da Secretaria de Administração e Finanças da gestão anterior, formada por Luiz Henrique Macêdo, Ana Maria de Morais e Temístocles Machado da Fonseca, as contas do Sindicato foram aprovadas por UNA NIMIDADE. Relação dos delegados eleitos para o CDS: Zona da Mata: Titulares: Alberto Rodrigues de Barros (Ministério da Fazenda) e Maria da Conceição dos Santos (Ministério do Exército) Suplente: Maria Adelina Braz (Ministério do Exército). Noroeste de Minas: Titulares: Dirceu Francisco Mendes (Funasa) e Ulisses Cenezeu Ramos (Funasa) Suplente: Almir Alves Pacheco (Funasa). Central: Titulares: Rosângela Silva Alves (Ministério dos Transportes) e José Antônio Gonçalves de Oliveira (Ministério da Agricultura) Suplente: Jussara Griffo (Funasa). Triângulo Mineiro/Alto Parnaíba: Titulares: André Alexandre da Silva (Ministério do Trabalho) e Júlio César Felizardo (Ministério do Exército) Suplente: Edmilson de Almeida. PROPOSTAS APROVADAS NA PLENÁRIA DE DELEGADOS SINDICAIS DE BASE: 01) Prioridade nº 01 para todas as atividades de Formação Sindical, tais como: História do Sindicalismo no Brasil; Estrutura e Funcionamento do SINDSEPMG; Contextualização e tendências da realidade mundial; Negociação Coletiva; Oratória etc. 02) Cursos de qualificação gerencial para os membros da direção do SINDSEP MG; 03) Ênfase na defesa do Estado, do Serviço Público e não apenas de instituições isoladas; 04) Dia 17/04 Dia de luta nos locais de trabalho. Assembléias para discutir Campanha Salarial/2007, Pauta de Reivindicações da CONDSEF e Setoriais; 05) Contra o PAC; 06) Lutar contra a proposta anunciada pelo governo de regulamentação do direito de greve dos servidores públicos; 07) Solicitar ao Supremo, por meio da CUT/CONDSEF, que até que o governo defina a Aposentadoria Especial sejam aplicados aos servidores públicos os mesmos critérios da iniciativa privada; 08) Fazer mobilização para alteração do PL01 do ponto referente à revisão do salário dos servidores públicos; 10) Campanha de filiação do Sindicato; 11) Boletins específicos para os órgãos e Ministérios para serem panfletados por diretores, delegados e coordenadores de Núcleos; 12) Garantir a participação política e financeira das representações nas mesas de negociação; 13) Que seja garantida creche em todos os eventos do SINDSEP MG. Leste de Minas: Titulares: Geraldo Custódio Amorim (Aposentado/Funasa) e José Jorge Sahid Nedir (Funasa) Suplente: Walter Ferreira Lopes (Funasa). Norte de Minas: Titulares: Edimilson Alves Silva (Funasa) e Adilson Barbosa Vieira (Funasa) Suplente: Geraldo Carlos Basílio (Funasa). Sul de Minas: Titulares: Luiz Roberto dos Santos (Escola Agrotécnica de Machado) e Ailton Ferreira da Silva (Ministério da Justiça) Suplente: José Santos Oliveira (Escola Agrotécnica de Machado).

15 15 SINDSEPMG completa 18 anos de lutas e conquistas No último dia 26 de abril, nosso sindicato completou 18 anos de existência. Quando se fala em 18 anos, logo nos vem à mente a idéia de maioridade, independência. Mas em se tratando do SINDSEPMG, essa maioridade e independência foi conquistada desde a sua fundação. Há 18 anos atrás, em Belo Horizonte, um grupo de servidores públicos federais, cansados da ofensiva do governo Sarney contra o Serviço Público, fundava o SINDSEPMG. De lá para cá muita coisa mudou. Muitas lutas. Muitas conquistas. Hoje, somos mais de 9 mil filiados em todo o estado. E o objetivo da Diretoria Colegiada do SINDSEPMG é aumentar o número de filiados e trazer cada vez mais servidores para a luta. Defesa do Serviço Público Num momento em que o governo não cumpre os compromissos assumidos com os servidores, planeja limitar os gastos com o serviço público pelos próximos dez anos e órgãos estão sendo reestruturados, a defesa do Serviço Público uma das bandeiras levantadas quando da fundação do SINDSEPMG tornase bastante atual e mostra que os ataques aos servidores e ao serviço público não mudaram com o passar dos anos. Ao contrário, só aumentaram. Só quem luta, conquista Apesar de já termos 18 anos de luta, muito mais ainda há de ser feito. Muito o que caminhar. Sabemos que essa caminhada é árdua, mas isso não nos desanima. Ao contrário. A nossa força e resistência está em nossos filiados, servidores públicos federais. É por causa deles que o SINDSEPMG existe. E é por eles que vamos continuar lutando! E enquanto o governo insistir em desrespeitar os direitos dos servidores, o SIN DSEPMG vai estar lá para defender os interesses da classe que representa. SINDSEPMG inicia Campanha de Filiação A partir do mês de julho, o SINDSEPMG vai iniciar uma grande Campanha de Filiação. O objetivo é aumentar o número de filiados e fortalecer a Entidade na luta por melhores condições de vida e trabalho para os servidores públicos federais. A primeira grande iniciativa do Sindicato foi atender a uma antiga reivindicação dos filiados e firmar convênios com vários estabelecimentos no estado (vide lista nas páginas 11,12 e 13). Além disso, iniciamos uma campanha direcionada a aposentados e pensionistas e entramos com ações judiciais para resgatar a paridade entre ativos, inativos (aposentados) e pensionistas. Com a nova demanda, a capacidade das linhas telefônicas do SINDSEPMG, inclusive o foram ampliadas e um serviço de Call Center foi contratado. O serviço funcionará de 2ª a 6ª, das 08 às 18h com quatro novas funcionárias que estarão aptas a esclarecer todas as dúvidas dos novos filiados.

16 16 Fala, Servidor! Relatar um pouco da história sobre as campanhas de controle de endemias é relembrar um passado que, mesmo distante, permanece vivo em nossa memória. Para que possamos refletir sobre as transformações que vêm ocorrendo na metodologia dos trabalhos. A partir de 1960, a luta contra malária no Brasil é realizada por várias instituições que sucederam no tempo: A campanha de Erradicação da malária (CEM) de 1960 a 1969; A superintendência de Campanhas de Saúde Pública (SUCAM) de 1970 a 1991; A Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) de 1991 a 1999/2000, quando as Ações passam a ser descentralizadas para Estados e Municípios. (É importante citarmos, que durante esse período, com o surgimento de outras endemias, os trabalhos tiveram que serem implementados para medidas de controle). Antes as atividades eram organizadas em distritos sanitários, cada distrito tinha sob sua jurisdição um número determinado de municípios, onde os trabalhos eram realizados pelos guardas de endemias e agente de saúde pública. Atualmente estas atividades estão incorporadas ao Setor de Epidemiologia das Secretarias Municipais de Saúde, assim sendo, os funcionários da FUNASA cedidos as SES, estão lotados nos municípios de domicílio. Relatar com riqueza todos os pormenores vividos nesta árdua tarefa de ir ao campo para executar as atividades, no sentido de garantir a comunidade, o controle de doenças como: Chagas, Malária, Dengue e PCL etc., talvez para alguns não interessa tantos detalhes desta história, a não ser a nós mesmos, que somos capazes de lembrar minuciosamente de cada situação vivida e registrada em nossa memória. Ao comparar o passado e o presente encontramos diferenças que são marcadas por grandes normas e direitos, que atualmente regulam a execução dos trabalhos, além dos veículos de comunicação que estão sempre evidenciando e denunciando fatos que contrariam os direitos dos trabalhadores. O passado dos combatentes das endemias foi marcado por grandes dificuldades profissionais da própria época, e também por rígidas rotinas que eram diariamente impostas e aceita por todos, devido à falta de conhecimento, aliada a grande responsabilidade que tínhamos com os nossos trabalhos, colocando em primeiro lugar em nossas vidas, porque eram em nós que a população confiava. Nesta missão não medíamos esforços, para vencer quaisquer dificuldades: distância, fome, doenças etc. Naquela época, o transporte de carro, era feito somente até o local de início do itinerário, ali eram descarregadas as cargas: materiais de trabalho, que consistiam em produtos químicos, formulários, equipamentos e utensílios pessoais, logo em seguida tínhamos que carregar nos ombros, deslocando de uma região para outra a pé. Ao final do dia pernoitávamos nas fazendas e às vezes por motivo de longos deslocamentos e falta de moradias éramos obrigados a pernoitar no relento. Não tínhamos como carregar alimento e assim ficávamos dependentes dos moradores destas localidades. Quando não encontrávamos habitantes em determinadas regiões, ficávamos o dia inteiro sem alimentação. Mesmo diante de tanto sofrimento e privações, procurávamos obedecer as normas da instituição, os direitos e necessidades das comunidades, que eram prejudicadas com o alto índice de doenças vetoriais nestas regiões. Quanto aos inseticidas que transportávamos, não tínhamos nenhum conhecimento dos danos que poderia nos causar, as orientações recebidas é que não eram prejudiciais ao ser humano, e tínhamos que explicar aos moradores a necessidade de sua aplicação levando em conta a endemia predominante na região. O alto índice de malária e a infestação do barbeiro, transmissor da doença de chagas nos preocupava. Levando em conta os riscos de contrairmos a infecção, entregávamos ao trabalho de corpo e alma, resignados a combater a qualquer custo estas terríveis doenças. Saíamos de casa sem dia marcado para voltar, atravessávamos, rios córregos e embrenhávamos em matas e sertões desconhecidos, ausentes de nossas famílias por muitos dias, às vezes acontecia de alguns colegas deixar a esposa nos dias de ganhar criança e quando retornavam a criança já havia nascido, acontecia também, doenças e falecimento de membro da família, no período de ausência e devido a distancia Adélio Ferreira de Araújo, servidor da Funasa, lotado na cidade de Paracatu. e o local de difícil acesso, não era possível localizar o servidor a tempo hábil para comunicar o fato. Além dos trabalhos de campo, executávamos a pesagem de DDT e BHC, esse trabalho era realizado em cômodos estreitos e fechados, o pó exalado impregnava todo o corpo sendo absorvido devido a falta de equipamento de proteção individual. Já se foram muitos anos de trabalho e apesar dos sacrifícios e falta de condições, mesmo assim; havia esforços de todos companheiros de equipe, contribuindo para que as dificuldades fossem vencidas. É difícil citar nomes, mas só temos a dizer, que todos desempenharam com dedicação e perseverança estas atividades desde os anos de As circunstâncias mencionadas repercutiram negativamente na saúde de muitos servidores, e como conseqüência alguns desenvolveram problemas que contribuíram para o alcoolismo, alem de outras enfermidades. Chegase a uma conclusão, que apesar das mudanças na metodologia de trabalho; ainda se faz muito pouco em função dos servidores públicos, que operam em áreas de riscos. Solicitamos das autoridades competentes, para que ajam com mais empenho analisando os direitos dos agentes que atuam em atividades insalubres. Para se ter uma idéia, até hoje não foi regulamentada a lei para concessão de aposentadoria especial aos servidores públicos, que atuam em ações com os seguintes agentes químicos: DDT 75/%, BHC30/%,(proibidos no final da década de 80), CIPERMETRINE 31,25/%, MALATHION PM 50/%, FINI TROTHION 40/%, KOTRINE5/%, MA LATHION DESODORIZADO GT. 95/% E 97/%, TEMEFÓS, mesmo com a proibição de alguns desses produtos químicos, os trabalhos continuam sendo realizados mediante as sucessivas substituições por outros atendendo as necessidades das campanhas. Diante dos fatos abordados, esperamos que as autoridades reconheçam os direitos dos servidores públicos que desenvolvem atividades insalubres, para que brevemente possam ter a concessão de aposentadoria especial levando em consideração a exposição aos riscos inerente ao trabalho. Qual a cotação que vocês, brasileiros darão aos nossos dirigentes políticos no momento atual? Será que os telejornais do país (Band, Globo e Record) estão fantasiando as notícias sobre as corrupções que estão acontecendo em Brasília? Promotores, ministro do Supremo Tribunal de Justiça, advogados, empresários, todos envolvidos em lavagem de dinheiro. Há poucos dias, a Polícia Federal estourou uma parede camuflada, onde foram encontrados milhões de reais em notas de cinqüenta, vinte e dez e também uma frota de carros novos. A balança comercial teve um superávit de R$140 bilhões e o ano nem começou direito. Agora vem esse tal PAC, Sr. presidente, cujo um dos itens acaba com a esperança dos servidores públicos federais do Executivo em relação aos salários. Em relação à tabela salarial da Ciência e Tecnologia, o Sr. Paulo Bernardo disse que não tem dinheiro, o Sr. Sérgio Rezende diz que há possibilidade de o aumento passar. Gostaria de saber quem está falando a verdade, pois em sua campanha, Sr. presidente, o senhor disse que resolveria a questão salarial e a Carreira dos servidores públicos da C&T. E o aumento dos salários dos deputados e ministros que está sendo discutido, como vai ficar? Tem um ditado que diz quem mexe com fogo, com fogo será queimado. A greve dos servidores públicos federais está a passos largos. Tome logo providências, senão a casa some nas labaredas. Romualdo Cunha, diretor do SINDSEPMG e servidor da CNENBH.

17 17 Orientação para contagem e averbação do tempo trabalhado sob o regime da CLT em condições insalubres, perigosas ou penosas Considerando a publicação da Orientação Normativa nº 03 de 18 de maio de 2007, que autoriza e estabelece os critérios para a contagem especial do tempo de serviço dos servidores públicos, estamos enviando modelo do requerimento administrativo para contagem e averbação do tempo trabalhado sobe o regime da CLT em condições insalubres, perigosas ou penosas. Os servidores interessados deverão anexar ao requerimento cópia do Diário Oficial da União referente à Orientação Normativa nº 3, da CTPS (período celetista em órgão público), Carteira de Identidade, CPF e último contracheque. Caso o órgão não proceda à contagem e averbação do tempo celetista, será ajuizada ação. MODELO DE REQUERIMENTO FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE Os Tribunais Superiores firmaram entendimento de que o servidor estatutário tem direito adquirido à contagem e averbação de forma especial do tempo de serviço em condições insalubres, perigosas ou penosas, para fim de aposentadoria. Nesse sentido, colacionamos os seguintes julgados: SETOR DE RECURSOS HUMANOS, aos cuidados da Chefe, brasileiro(a), servidor(a) público(a) federal aposentado(a), matrícula SIAPE, CI nº, CPF nº, residente e domiciliado(a) à rua, bairro, CEP, /MG vem, à presença de V. Sa. expor e requerer o que segue: O (A) requerente é servidor(a) público(a) federal, ocupante do cargo de, lotado(a) na. O(A) requerente trabalhou sob o regime celetista em atividades que legitimam a contagem especial do tempo de serviço, para fim de aposentadoria. STF Supremo Tribunal Federal RECURSO EXTRAORDINÁRIO Processo: UF: SC SANTA CATARINA Fonte: DJ PP00032 EMENT VOL PP01177 Relator(a): ELLEN GRACIE Ementa: SERVIDOR PÚBLICO. ATIVIDADE IN SALUBRE. CONTAGEM ESPECIAL DE TEMPO DE SERVIÇO. DIREITO ADQUIRIDO. MUDANÇA DE REGIME. O direito à contagem especial do tempo de serviço prestado sob condições insalubres pelo servidor público celetista, à época em que a legislação então vigente permitia tal benesse, incorporouse ao seu patrimônio jurídico. Não obstante, para o período posterior ao advento da Lei 8.112/90, é necessária a regulamentação do art. 40, 4º da Carta Magna. Precedentes. Recurso extraordinário conhecido em parte e, nesta parte, provido. STJ SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA AGRAVO REGIMENTAL NO RECURSO ESPE CIAL Processo: UF: DF Órgão Julgador: QUINTA TURMA Data da decisão: 03/10/2006 Documento: STJ Fonte: DJ DATA:30/10/2006 PÁGINA:399 Relator(a): FELIX FISCHER Ementa: AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO ESPECIAL. ADMINISTRATIVO. SERVIDOR PÚ BLICO. EXCELETISTA. CONTAGEM TEMPO DE SERVIÇO. ATIVIDADE INSALUBRE. POSSIBILI DADE. PRECEDENTES. O servidor público exceletista tem direito a que seja averbado em sua ficha funcional o tempo de serviço que prestara no regime anterior, em condições nocivas à saúde, com o acréscimo legal decorrente da insalubridade. Precedentes. Agravo regimental desprovido. Nesse diapasão, também foi reconhecida a obrigação do INSS em fornecer certidão, para fim de averbação junto ao cargo público, já com a devida conversão: STJ SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA RECURSO ESPECIAL Processo: UF: PB Órgão Julgador: QUINTA TURMA Data da decisão: 21/10/2004 Documento: STJ Fonte: DJ DATA: 29/11/2004 PÁGINA:385 Relator(a): LAURITA VAZ Ementa: ADMINISTRATIVO E PREVIDENCIÁ RIO. SERVIDOR PÚBLICO FEDERAL. RECURSO ESPECIAL DOS SERVIDORES. ATIVIDADE IN SALUBRE. NÃO CONSTANTE DO ROL LEGAL. CONTAGEM FICTA DE TEMPO DE SERVIÇO. DILAÇÃO PROBATÓRIA. LAUDO PERICIAL. NE CESSIDADE. VIA DO MANDADO DE SEGURAN ÇA INADEQUADA. PRECEDENTES. RECURSO ESPECIAL DO INSS. ATIVIDADE INSALUBRE CONSTANTE DO ROL LEGAL. REGIME CELE TISTA. CONVERSÃO. TEMPO DE SERVIÇO ESPE CIAL. POSSIBILIDADE. EXPEDIÇÃO DE CERTI DÃO DE TEMPO DE SERVIÇO PELA AUTARQUIA PREVIDENCIÁRIA. AVERBAÇÃO. DIREITOS DO SERVIDOR. PRECEDENTES DO STJ E STF O servidor público faz jus à expedição de Certidão de Tempo de Serviço pela Autarquia Previdenciária, da qual conste o tempo de serviço integral, já computada a contagem ficta, e à averbação deste período no serviço público, para fins de aposentadoria estatutária. 5. Recursos especiais não conhecidos. Em face do exposto, pede o(a) requerente que lhe seja fornecida, no prazo da Lei (quinze dias), certidão de tempo de serviço, para fim de averbação junto ao cargo público ocupado, computando de forma especial o tempo trabalhado sob o regime da CLT em condições insalubres, perigosas ou penosas.

18 18 ATENÇÃO OS SERVIDORES ABAIXO DEVERÃO ENTRAR EM CONTATO NO DEPARTAMENTO JURÍDICO DO SINDSEPMG PARA QUE SEJAM ATUALIZADOS OS SEGUINTES DADOSCADASTRAIS (endereço, telefone, CPF) Processo: SINDSEPMG X UNIÃO FEDERAL (CBIA) Assunto: Anuênio MATRÍCULA NOME CIDADE Alaor Carneiro Caxambu Ângela Maria Fusaro Mourão Ângela Maria Mota Carvalho Belo Horizonte Francisco Ezequiel da Silva Viçosa Hélcio Coli Junqueira José Roberto Lino Viçosa Luiz Leriano Teixeira Caxambu Maria Inês Carvalho Resende Viçosa Mariana Ferreira Paulo Roberto Pinto Caxambu Processo: SINDSEPMG X FUNASA Asssunto: 3,17% MATRÍCULA NOME CIDADE Horácio Lopes do Nascimento Teófilo Otoni José Gomes de Souza Mucuri Nilza Rodrigues Zeidan Belo Horizonte Raimundo Ferreira da Silva Frutal Raimundo Moreira Pitangui Rubenilce de Santana Juiz de Fora Valdo Alexandre da Silva Caratinga Processo: SINDSEPMG X UNIÃO FEDERAL Assunto: 28,86% MATRÍCULA NOME ORGÃO Daniel Alves Lopes Lourival dos Santos M. EXÉRCITO Maria de Fátima da Silva Ardisson M. SAÚDE Processo: SINDSEPMG x UNIÃO FEDERAL Assunto: devolução do PSS inativo MATRÍCULA NOME CIDADE Abel Avelino dos Santos Belo Horizonte Adão Ribeiro da Fonseca Belo Horizonte Agostinho dos Santos Belo Horizonte Alcides Mendes Fonseca Angelino Marques da Silva Lagoa Santa Antenor José dos Santos Santos Dumont Avenire Parreira de Pinho Curvelo Castinaldo Pereira dos Santos Teófilo Otoni Demerval Teixeira do Amaral Belo Horizonte Edson Silva Guimarães Visconde do Rio Branco Geraldo Ferreira Alves Belo Horizonte Guilherme Adão Dias Jussara Goiás Gustavo Bastos da Silva Conselheiro Lafaiete Humberto dos Reis Belo Horizonte Iza Fernandes Thomaz Juiz de fora Jacy Correa da Silva Juiz de Fora José Alves de Andrade Uberaba José Apolinário Moreira Patrocínio José Braga Rio Pomba José Inácio Filho Lagoa Santa José Jayme da Costa Santos Dumont José Pereira da Costa Pires do Rio Goiás Leordino Mendes Murça Teófilo Otoni Luiz Baptista Sete Lagoas Luiz de Souza Sete Lagoas Luiza Botelho de Miranda Rio Espera Manoel Vieira Juiz de Fora Margarida de Almeida Fernandes Belo Horizonte Maria Luiza Fernandes Ferreira Juiz de Fora Nelson Luiz Rosa Sete Lagoas Neuza Santoro Vasquez Sorocaba São Paulo Olyntho Rodrigues Pereira Santos Dumont Pedro Martins Pereira Juiz de Fora Roberto Masson Juiz de Fora Rui Cardoso de Lemos Montes Claros Stella Lessa Neves Lavras Ubiracy de Carvalho Santos Dumont Walter Soares de Paiva Juiz de Fora

19 19 ATENÇÃO OS SERVIDORES ABAXO DEVERÃO ENTRAR EM CONTATO NO DEPARTAMENTO JURÍDCO DO SINDSEPMG PARA QUE SEJAM ATUALIZADOS OS SEGUINTES DADOS CADASTRAIS (matrícula SIAPE, CPF, PIS, Conta Bancária, Agência, banco, endereço completo e telefone). Processo: 01557/92 da 10 Vara do Trabalho SINDSEPMG X UNIÃO FEDERAL (FUNDAÇÃO DAS PIONEIRAS SOCIAIS) Assunto: Planos Econômicos MATRÍCULA NOME Adelina Jesuína da Costa Aguinel Boarato dos Reis Elina Cândida de Fátima Elisabeth de Deus Rafael Geralda Eugênia dos Anjos Girlene da Cunha Saqueto Iponina Gomes Borges João Evangelista Cunha José Maria de Assis Pereira Laura de Jesus MATRÍCULA NOME Luzia Teresinha de Jesus Maria da Glória Gancussu Maria das Graças da Silva Andrade Maria das Graças Sena Moreira Maria do Patrocínio de Paula Jesuíno Maria Natalícia de Jesus Maria Vazinete Marques de Oliveira Marlene Duani Marlene Torres de Aguilar Marly Gay Calazans Resende MATRÍCULA NOME Neli Vicentina de Oliveira Norma Lucia Muniz dos Santos Olímpia Maria de Oliveira Paulo Fernandes de Oliveira Rosalina Ferreira Santos Rosimery Fraga de Jesus Sebastião Bartolomeu da Silva Vanda Lucia Lucas Vanusa da Silva Gomes Maria Juliana Castro da Costa ATENÇÃO O Tribunal Regional Federal disponibilizou os recursos para pagamento da RPV Requisição de Pequeno Valor, referente ao processo (SINDSEPMG X UNIÃO FEDERAL todos os Ministérios), no qual se pleiteou a suspensão do desconto do Plano de Seguridade Social inativos (11%). O SINDSEPMG já depositou o valor aos aposentados que tinham RPV expedida e enviaram procuração. Entretanto, o valor não foi creditado na conta dos aposentados abaixo porque ainda não enviaram procuração ao Departamento Jurídico do SINDSEPMG. Caso não tenha recebido a procuração, favor entrar em contato no Departamento Jurídico para atualização de endereço. MATRÍCULA NOME Adalberto Barbosa da Costa Adão Berdnaski (Falecido) Adão Martins Carvalho (Falecido) Adelino Lopes Alair Dias de Andrade (falecido) Alberto Gonçalo Leite Filho Alfredo Cardoso Ana Holanda de Souza Antonio Coelho Ribeiro Antonio Fernando Alves Arnoldo Ribeiro Azálea de Castro Flores Dos Santos Benedito Martins Benedito Rodrigues Ferreira Filho Carlos Raimundo Rodrigues Célia Mendes Barbosa da Costa Ciro Carlos Lackman Clelio Ubyrajara Lopes (Falecido) Coriolano Barbosa De Oliveira Cristovam Rocha Darcy Afonso De Carvalho (Falecido) Dilma Brazil De Ávila Ernani Reis Francisco De Paula Vieira Francisco De P. Vítor Da Luz (Falecido) MATRÍCULA NOME Franklin José Ferreira Helena Moreira Dos Santos Fonseca Helio Penna Quentel (Falecido) Hely De Almeida (Falecido) Idalirio Braga Itagyba Carreiro De Freitas (Falecido) Ivan Fogaca Santa Rita (Falecido) João Esteves Dos Reis João Fernandes Da Silva João Lacerda De Oliveira (Falecido) João Sílvio Gomes (Falecido) Joaquim Antônio Da Silva Joaquim De Souza Joaquim Pio Teixeira Jorge Domingos (Falecido) Jorge Ivan Teixeira Jose Gomes Neto Jose Jorge Rodrigues (Falecido) Jose Miguel Schettini Henriques Jose Teophilo Raposo Jose Zambelli Fontes Laurita Saraiva Machado Leomar Fernandes Da Silva Lourdes M. Da Conceição (Falecido) Luiz Roberto Brandão MATRÍCULA NOME Mabel Caldeira (Falecido) Manoel Osório Pereira Maria Cândida Do Nascimento Maria Da Conceição Silveira Peluzzo Maria De Lourdes Santos Araújo Maria Pompéia Godoy Maria Ruth Meira (Falecido) Neilo Leite Do Prado Onofre Lino Da Silva Otávio Lacerda De Oliveira Paulo Ferreira De Souza Paulo José G. De Macedo (Falecido) Pedro Fonseca Barros Rafael Ratacheski (Falecido) Raimundo Dos Anjos Rezende Romeu Arantes Meirelles (Falecido) Sebastião Nora Sérgio Romulo Messano (Falecido) Teodoro De Oliveira Rocha (Falecido) Tome Rodolfo Martins Valdomiro Rasin Garcia (Falecido) Vanderlei Pereira Soares Vicente Paulino Da Costa Vitor Vicente Augustin (Falecido) Zinildo De Andrade (Falecido)

20 20 ATENÇÃO Os servidores abaixo deverão entrar em contato no Departamento Jurídico do SINDSEPMG para atualização de endereço, para que sejam enviados os recibos de honorários e comprovantes de liquidação. SINDSEP/MG X FUNAI Processo nº Jamir Gomes de Paulo SINDSEP/MG X CEFET Processo nº Danilo Soares Fonseca Marina Conceição Moreira Vagno Aureliano dos Santos SINDSEP/MG XUNIÃO FEDERAL Processo Gavino Almeida da Silva Edith Peixoto de Souza e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Eliza Maria Machado de Queiroz Teresinha Martins Rodrigues e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Silvia Borges dos Santos SINDSEP/MG X UNIÃO FEDERAL Processo Paulo de Tarso Lins de Oliveira Adair Batista e outros X UNIÃO FEDERAL (extinta LBA) Processo nº 07/2554/91 José Savio de Oliveira Fernandes Nelly Luppi Aemara Maria das Chagas e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Ana Maria Boneli SINDSEP/MG X FUNASA Processo 01/1558/92 Maria B. do S. Camilo Sebastião G. de Lima SINDSEP/MG X DNER Processo Aos Herdeiros de Manoel Gonçalves Rolim ( Mariana Pereira Rolim ) SINDSEP/MG X FUNASA Processo Ailton Marques Dutra Idelfonso Carneiro SINDSEP/MG X FUNASA Processo Maurílio Castilho Sales Abigail da Silva Lino e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Anna Linhares Barbosa Maria Aparecida Pereira Lopes e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Maria Aparecida Pereira SINDSEP/MG X UNIÃO FEDERAL Processo Aparecida Carlos SINDSEP/MG X UNIÃO FEDERAL Processo Albino Pereira da Silva Benedito Gonçalves José Camilo Marcelino José de Carvalho Maria Elizabeth Pereira Otília Wagner Lopacinski e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Otília Wagner Lopacinski Edith Peixoto de Souza e outros X UNIÃO FEDERAL Processo Delza Tillmann da Conceição José Estevam Vianna

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ

Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ Dpto. Jurídico do Direito Administrativo da ANSEF/RJ É bom saber... LEI Nº 12.618, DE 30 DE ABRIL DE 2012. Institui o regime de previdência complementar para os servidores públicos federais titulares de

Leia mais

É um prazer poder contar com sua confiança, para que possamos cuidar de sua saúde.

É um prazer poder contar com sua confiança, para que possamos cuidar de sua saúde. APRESENTAÇÃO Contamos com uma rede de atendimentos de vários profissionais em pontos estratégicos de Belo Horizonte e Região Metropolitana de Belo Horizonte. Podendo ser alterada a qualquer momento, devido

Leia mais

PLENÁRIA NACIONAL EXTRAORDINÁRIA DA FENASPS

PLENÁRIA NACIONAL EXTRAORDINÁRIA DA FENASPS PLENÁRIA NACIONAL EXTRAORDINÁRIA DA FENASPS Data: 14/11/2014 Local: Sede da Fenasps Estados presentes: MG- SP- PR- RS- ES- SC- RN- CE e Oposição da BA e do DF. Nº de participantes: 65 Delegados e 10 Observadores

Leia mais

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de BH, Sabará, Lagoa Santa, Ribeirão das Neves, Sete Lagoas, Nova Lima e Raposos

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de BH, Sabará, Lagoa Santa, Ribeirão das Neves, Sete Lagoas, Nova Lima e Raposos Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de BH, Sabará, Lagoa Santa, Ribeirão das Neves, Sete Lagoas, Nova Lima e Raposos a Farmácia do Marreta vende medicamentos à preço de custo para

Leia mais

Relatório da Plenária Nacional Setorial dos Servidores Civis dos Órgãos Militares - DOMC

Relatório da Plenária Nacional Setorial dos Servidores Civis dos Órgãos Militares - DOMC Relatório da Plenária Nacional Setorial dos Servidores Civis dos Órgãos Militares - DOMC Data: 24 e 25 de Fevereiro de 2007. Local: Auditório Luiz Fernando A. Campis (sede da CONDSEF) Estados Presentes:

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ001554/2010 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/08/2010 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR032670/2010 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.023032/2010-49 DATA DO

Leia mais

Central de Atendimento

Central de Atendimento Central de Atendimento BH CENTRO SUL ADM. 31 2516.4149 / 2516.4689 bhleste.mg@cartaodetodos.com Nas horas em que você mais precisa é importante ter ao seu lado pessoas que levem o bem-estar da sua família

Leia mais

AGU - Biênio 2007/2009

AGU - Biênio 2007/2009 AGU - Biênio 2007/2009 Economia/Arrecadação Economia/Arrecadação R$ 476 bilhões O orçamento da AGU no biênio foi de R$ 3,3 bilhões, o que corresponde a 0,7% do valor economizado/arrecadado. AGU representou

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000096/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/01/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064426/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.042751/2011-40 DATA DO

Leia mais

Plano de lutas aprovado no Encontro Nacional dos Servidores do IBAMA, em Brasília/DF, nos dias 8 e 9 de abril de 2006.

Plano de lutas aprovado no Encontro Nacional dos Servidores do IBAMA, em Brasília/DF, nos dias 8 e 9 de abril de 2006. Plano de lutas aprovado no Encontro Nacional dos Servidores do IBAMA, em Brasília/DF, nos dias 8 e 9 de abril de 2006. Cobrar do governo o cumprimento dos acordos consensuados na Comissão de Reestruturação

Leia mais

Conselho protesta contra prefeitura

Conselho protesta contra prefeitura Informativo Eletrônico da SE/CNS para os conselheiros nacionais Ano VI, Brasília, 08/04/2009. Prezado (a) conselheiro (a), Estamos encaminhando um clipping de notícias do CNS na mídia. A intenção é socializar

Leia mais

Secretaria de Gestão de Pessoas

Secretaria de Gestão de Pessoas Secretaria de Gestão de Pessoas Organograma Secretaria de Gestão de Pessoas Gerência de Dados Funcionais e Financeiros Anotação de tempo de serviço Empresa privada Contado para aposentadoria para editar

Leia mais

PEER REVIEW NA ÁREA DE RECURSOS HUMANOS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (MP/OCDE/B.MUNDIAL)

PEER REVIEW NA ÁREA DE RECURSOS HUMANOS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (MP/OCDE/B.MUNDIAL) PEER REVIEW NA ÁREA DE RECURSOS HUMANOS NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA (MP/OCDE/B.MUNDIAL) Brasília Junho de 2009 Organização do Estado Brasileiro República Federativa do Brasil (União Indissolúvel) Estados

Leia mais

2014 termina com luta e 2015 começa com luta contra atrasos de pagamento e quebra de promessas do GDF

2014 termina com luta e 2015 começa com luta contra atrasos de pagamento e quebra de promessas do GDF Março/2015 2014 termina com luta e 2015 começa com luta contra atrasos de pagamento e quebra de promessas do GDF Não queremos saber de quem é a culpa e sim que o GDF pague o que nos deve e diante de tantas

Leia mais

REDE DE ATENDIMENTO DE CORONEL FABRICIANO

REDE DE ATENDIMENTO DE CORONEL FABRICIANO REDE DE ATENDIMENTO DE CORONEL FABRICIANO POSTO AUTORIZAÇÃO / ATENDIMENTO Rua Zacarias Roque, 45 Centro Cel Fabriciano 31 3841-5029 ALERGOLOGIA CLIMED CLINICA MÉDICA RUA ARGEMIRO JOSÉ RIBEIRO, 12-6º ANDAR

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ002217/2010 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/10/2010 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR053080/2010 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.035134/2010-15 DATA DO

Leia mais

Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras.

Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras. Ao longo do mês Início da implementação do programa Brasil Sem Miséria pelas prefeituras. Merece destaque também a ação da Polícia Federal e Força Nacional nos Estados e Municípios onde ocorreram mortes

Leia mais

Criação da Associação

Criação da Associação Primeira Edição 02/08/2013 ASPREVIC ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES DA PREVIC BOLETIM INFORMATIVO Nesta edição: Associe-se 2 Prestação de Contas 2 CNPJ 3 Desconto em Folha 3 Festa de final de ano 3 Site em Construção

Leia mais

MANUAL DO ASSOCIADO. SAÚDE desde 1928

MANUAL DO ASSOCIADO. SAÚDE desde 1928 MANUAL DO ASSOCIADO SAÚDE desde 1928 1 Seja Bem-Vindo, Associado IBCM! É com muita satisfação que oferecemos a você, nosso associado, este manual, que vai ajudá-lo a entender melhor todos os benefícios

Leia mais

S I N O P S E S I N D I C A L J U N H O D E 2 0 0 8

S I N O P S E S I N D I C A L J U N H O D E 2 0 0 8 S I N O P S E S I N D I C A L J U N H O D E 2 0 0 8 ADICIONAL DE INSALUBRIDADE. MUDANÇA DA BASE DE CÁLCULO. Doravante as empresas deverão estar atentas à questão envolvendo o pagamento do adicional de

Leia mais

Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05

Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05 Histórico das ações sobre Carga Horária de psicólogos no município do Rio de Janeiro pelo Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro - CRP/05 Dezembro/2003 - A discussão sobre carga horária para

Leia mais

Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas

Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas Previdência Complementar do servidor em perguntas e respostas Por Antônio Augusto de Queiroz - Jornalista, analista político e diretor de Documentação do Diap Com o propósito de esclarecer algumas dúvidas

Leia mais

1.01 - Fica reconhecida como data-base da categoria a data de 1 de maio.

1.01 - Fica reconhecida como data-base da categoria a data de 1 de maio. Acordo Coletivo de Trabalho firmado entre o Sindicato dos Servidores em Conselhos e Ordens de Fiscalizacão Profissional e Entidades Coliqadas e Afins do Estado do Espírito Santo SINDICOES-ES e a Ordem

Leia mais

1 de 5 16/11/2011 08:20

1 de 5 16/11/2011 08:20 1 de 5 16/11/2011 08:20 Nome E-mail OK Quarta-Feira, 16 de Novembro de 2011 Palavra chave 2 de 5 16/11/2011 08:20 Home Artigos Biblioteca Revista Notícias Informativo Galeria de Fotos Humor Livro de Visitas

Leia mais

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009

QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 QUADRO NACIONAL DA GREVE DOS SERVIDORES DA DRT novembro/2009 ESTADOS GREVE/PERCENTUAL ES Greve * MG Greve a partir de 13/11 PR Greve * RJ Greve * RS Greve * SE Greve * BA Greve * SP Adesão a partir do

Leia mais

LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS

LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS LEVANTAMENTO DOS CRESS SOBRE QUADRO DE ASSISTENTES SOCIAIS NOS TRIBUNAIS DE JUSTIÇA DOS ESTADOS Informações enviadas pelos CRESS: 1ª. PA; 2ª. MA; 5ª. BA; 6ª.-MG; 7ª. RJ; 10ª. RS; 11ª. PR; 12ª-SC; 13ª.

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Brastra.gif (4376 bytes) Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 4.961, DE 20 DE JANEIRO DE 2004. Regulamenta o art. 45 da Lei n o 8.112, de 11 de dezembro de 1990,

Leia mais

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS

ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS PREFEITURA FAZ INFORMATIVO DA PREFEITURA DE CONTAGEM CONTAGEM - Nº 23 - JUNHO - 2010 ESPECIAL SERVIÇOS PÚBLICOS Prefeitura valoriza servidores para melhorar qualidade dos serviços Nos últimos cinco anos,

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: DF000433/2010 DATA DE REGISTRO NO MTE: 30/09/2010 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR054260/2010 NÚMERO DO PROCESSO: 46206.010934/2010-24 DATA DO

Leia mais

Descontos de 30% sobre o valor de referência do Sindicato dos Fonoaudiologos de Minas Gerais.

Descontos de 30% sobre o valor de referência do Sindicato dos Fonoaudiologos de Minas Gerais. Convênios Saúde Clínica Amo Rua Alphonsus de Guimaraes, 42, Santa Efigênia Belo Horizonte Descontos de 50% em consultas médicas. São elas: acupuntura, angiologia, cardiologia, cirurgia plástica, cirurgia

Leia mais

Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência

Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência Autarquia dos Servidores Públicos do Município Regime Próprio de Previdência Página 01 Paranaguá Previdência Lei Complementar do Município Nº 53/2006 Página 02 PREZADO SEGURADO Com início das atividades

Leia mais

Abrangência da terceirização

Abrangência da terceirização Reportagem especial explica os pontos polêmicos do projeto da terceirização A proposta que regulamenta a terceirização no Brasil e derrubou a reunião da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania

Leia mais

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES

RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES RECENTES DÚVIDAS DO REGIME PRÓPRIO FORMULADAS PELOS SERVIDORES DE AMERICANA - PROFESSORES 1) Já completei 25 anos como professora em sala de aula, tenho hoje 45 anos de idade, com esta idade vou aposentar

Leia mais

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013

COMUNICADO LEGISLATIVO Nº 1/2013. Projetos de Lei e Trâmites 1ª quinzena de novembro/2013 Matérias na Câmara PEC 185/2012 Acrescenta parágrafos ao art. 37 da Constituição Federal para estabelecer data certa para a revisão geral anual da remuneração dos servidores públicos e dá outras providências.

Leia mais

CONSIDERANDO a implantação do Sistema Digital de Consignações e a crescente demanda de averbações de consignações em folha de pagamento;

CONSIDERANDO a implantação do Sistema Digital de Consignações e a crescente demanda de averbações de consignações em folha de pagamento; DECRETO Nº 1843-R, DE 25 DE ABRIL DE 2007. Altera as disposições sobre consignação em folha de pagamento, nos termos do Art. 74 da Lei Complementar nº. 46 de 31 de Janeiro de 1994, e nos termos das Alíneas

Leia mais

CARTA DE RECIFE. Foram aprovadas as seguintes decisões, propostas, encaminhamentos e

CARTA DE RECIFE. Foram aprovadas as seguintes decisões, propostas, encaminhamentos e CARTA DE RECIFE O VII FÓRUM NACIONAL DAS COMISSÕES INTERNAS DE SUPERVISÃO DA CARREIRA, realizado em Recife/PE, no período de 07 a 10 de outubro de 2013, nas dependências da Universidade Federal Rural de

Leia mais

A data base dos Servidores da Prefeitura Municipal de Sapezal será sempre em 1º de maio

A data base dos Servidores da Prefeitura Municipal de Sapezal será sempre em 1º de maio S.I.M.S SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS SAPEZAL/MT PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS DE SAPEZAL -20013 INTRODUÇÃO O Sindicato dos Servidores Municipais de Sapezal-SIMS/MT,

Leia mais

REFORMA SINDICAL: PORTA PRINCIPAL PARA A TÃO FALADA REFORMA TRABALHISTA.

REFORMA SINDICAL: PORTA PRINCIPAL PARA A TÃO FALADA REFORMA TRABALHISTA. REFORMA SINDICAL: PORTA PRINCIPAL PARA A TÃO FALADA REFORMA TRABALHISTA. INTRODUÇÃO Recentemente o Governo Federal, por seu Ministro do Trabalho e Emprego, Ricardo Berzoini, um mineiro de Juiz de Fora

Leia mais

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 597, DE 2012

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 597, DE 2012 MEDIDA PROVISÓRIA Nº 597, DE 2012 NOTA DESCRITIVA FEVEREIRO/2013 Nota Descritiva 2 2013 Câmara dos Deputados. Todos os direitos reservados. Este trabalho poderá ser reproduzido ou transmitido na íntegra,

Leia mais

PDE não é discutido com Servidores da Educação

PDE não é discutido com Servidores da Educação EDITORIAL PDE não é discutido com Servidores da Educação O Governo lançou seu novo Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) com muito alarde na mídia, falando sobre os milhões que vai gastar para a melhoria

Leia mais

SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO

SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO SOBRE A RECOMPOSIÇÃO SALARIAL DOS SERVIDORES DO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO Os 120.000 servidores do Judiciário Federal no Brasil, familiares e amigos contam com seu apoio para a aprovação da recomposição

Leia mais

Relatório da Plenária Setorial Nacional dos Servidores Civis de Órgãos Militares.

Relatório da Plenária Setorial Nacional dos Servidores Civis de Órgãos Militares. Relatório da Plenária Setorial Nacional dos Servidores Civis de Órgãos Militares. Data: 18.09.2009. Local: Auditório da FENAJUFE. Entidades Presentes: BA, CE, DF, GO, MG, MT, PA, PE, RJ, RO, RS, SC, SP.

Leia mais

CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE

CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE CARTILHA DE MOBILIZAÇÃO E GREVE ESPECIAL GREVE Este documento contém todas as orientações básicas que um servidor em greve inclusive em estágio probatório deve saber para não ser prejudicado em nenhuma

Leia mais

Data: 27 e 28/01/2007 Local: Sede da CONDSEF Estados Presentes: 07 (SC, DF, PE, RO, RJ, RS, PA). Delegados Presentes: 23. Informe da CONDSEF:

Data: 27 e 28/01/2007 Local: Sede da CONDSEF Estados Presentes: 07 (SC, DF, PE, RO, RJ, RS, PA). Delegados Presentes: 23. Informe da CONDSEF: Relatório da Plenária Nacional Setorial do Departamento de Justiça e Segurança (Servidores do Ministério da Justiça, AGU, Polícia Rodoviária Federal (Civis), Polícia Federal (Civis) e demais vinculadas).

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/.

Confira a autenticidade no endereço http://www3.mte.gov.br/sistemas/mediador/. ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MT000484/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 09/08/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR040108/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46210.001341/2013-51 DATA DO

Leia mais

CAMARA MUNICIPAL DE ARAGUARI MINAS GERAIS **** Diário de Pagamento MÊS DE FEVEREIRO/2015 PAGAMENTOS ORÇAMENTÁRIOS

CAMARA MUNICIPAL DE ARAGUARI MINAS GERAIS **** Diário de Pagamento MÊS DE FEVEREIRO/2015 PAGAMENTOS ORÇAMENTÁRIOS CAMARA MUNICIPAL DE ARAGUARI MINAS GERAIS **** Diário de Pagamento MÊS DE FEVEREIRO/2015 PAGAMENTOS ORÇAMENTÁRIOS NE FORNECEDOR CNPJ/CPF FICHA DESCRIÇÃO DO OBJETO PAGAMENTO VALOR R$ 6-1 Telemar Norte Leste

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS GABINETE DO PREFEITO PUBLICADO EM PLACAR Em 16_/_04_/_07 MARIA NEIDE FREIRE DA SILVA PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS DECRETO Nº 52, DE 16 DE ABRIL DE 2007. Regulamenta o art. 39 da Lei Complementar nº 008, de 16 de novembro

Leia mais

Tudo que você precisa para organizar o movimento no seu local de trabalho!

Tudo que você precisa para organizar o movimento no seu local de trabalho! Tudo que você precisa para organizar o movimento no seu local de trabalho! Este documento tem o objetivo de facilitar a organização dos servidores em sua cidade e local de trabalho durante a jornada de

Leia mais

TEM QUE MELHORAR MUITO

TEM QUE MELHORAR MUITO Confira gráficos, tabelas, críticas e sugestões sobre o convênio médico na ZF revelados em levantamento feito pelo Sindicato Comprovado: convênio médico na ZF TEM QUE MELHORAR MUITO Um levantamento feito

Leia mais

DECRETO Nº 12.583 DE 09 DE FEVEREIRO DE 2011 D E C R E T A

DECRETO Nº 12.583 DE 09 DE FEVEREIRO DE 2011 D E C R E T A Publicado D.O.E. Em 10.02.2011 DECRETO Nº 12.583 DE 09 DE FEVEREIRO DE 2011 Estabelece procedimentos específicos sobre a execução orçamentária e financeira no âmbito da Administração Direta, suas autarquias,

Leia mais

FENEIS FEDERAÇÃO NACIONAL DE EDUCAÇÃO E INTEGRAÇÃO DOS SURDOS

FENEIS FEDERAÇÃO NACIONAL DE EDUCAÇÃO E INTEGRAÇÃO DOS SURDOS FENEIS FEDERAÇÃO NACIONAL DE EDUCAÇÃO E INTEGRAÇÃO DOS SURDOS Dia dos Surdos 2009 Apresentação No dia 26 de setembro, a Comunidade Surda Brasileira comemora o Dia Nacional do Surdo, data em que são relembradas

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015 SENADO FEDERAL Gabinete do Senador JOSÉ SERRA PROJETO DE LEI DO SENADO Nº 508, DE 2015 Altera a Lei nº 11.314, de 3 de julho de 2006, que dispõe sobre o prazo referente ao apoio à transferência definitiva

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG002667/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 29/06/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR027436/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46211.005491/2011-61 DATA DO

Leia mais

Temas relevantes da agenda federativa Agosto de 2012

Temas relevantes da agenda federativa Agosto de 2012 Relatório produzido nos termos do Acordo de Cooperação Técnica firmado entre o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Secretaria de Relações Institucionais da Presidência da República, 2011.

Leia mais

GOVERNOS INTENSIFICAM ATAQUES AOS NOSSOS DIREITOS! A

GOVERNOS INTENSIFICAM ATAQUES AOS NOSSOS DIREITOS! A BOLETIM DA REDE Nº 97 08/04/2016 GOVERNOS INTENSIFICAM ATAQUES AOS NOSSOS DIREITOS! A nossa resposta deve ser na luta e com greve! A nossa indignação deve ultrapassar os muros das Escolas e UMEIs diante

Leia mais

PLANO DE AÇÃO 2016 Gestão 2014/2017

PLANO DE AÇÃO 2016 Gestão 2014/2017 INTRODUÇÃO O Plano de Ação do Sindicato-Apase adota como referencial de elaboração as Teses aprovadas no XI Fórum Sindical/2015, referendadas na Assembleia Geral Extraordinária Deliberativa de 11/12/2015.

Leia mais

RAZ_SOC ESPECIALIDADE I.DESCRICAO '' A.RUA BAIRRO CIDADE ESTADODDD_TELTEL SEMPER S/A SERVIÇO MEDICO PERMANENTE CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO ALAMEDA

RAZ_SOC ESPECIALIDADE I.DESCRICAO '' A.RUA BAIRRO CIDADE ESTADODDD_TELTEL SEMPER S/A SERVIÇO MEDICO PERMANENTE CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO ALAMEDA BIOCOR HOSPITAL D C LTDA RADIOLOGIA ALAMEDA DA SERRA, 217 VALE DO SERENO NOVA LIMA MG 31 3289-5000 BIOCOR HOSPITAL D C LTDA RADIOLOGIA ALAMEDA DA SERRA, 217 VALE DO SERENO NOVA LIMA MG 31 3289-5000 BIOCOR

Leia mais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais

Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Fonte: O Globo Data: 16/09/2015 Seção: Economia Versão: Impresso (página 25) e Online Medidas anunciadas pelo governo afetam mercado imobiliário, cursinhos e servidores públicos federais Retomada de cobrança

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA

CÂMARA MUNICIPAL DE MANAUS DIRETORIA LEGISLATIVA FAÇO saber que a Câmara Municipal de Manaus aprovou, e eu PROMULGO, nos termos do Artigo 48, combinado com o inciso IV do Art. 51 da Constituição Federal, aplicando à espécie o principio de simetria com

Leia mais

PROCURAÇÃO (Gratificação de Desempenho Ministério do Trabalho)

PROCURAÇÃO (Gratificação de Desempenho Ministério do Trabalho) PROCURAÇÃO (Gratificação de Desempenho Ministério do Trabalho) NOME:, FILIAÇÃO:, NACIONALIDADE:, ESTADO CIVIL:, PROFISSÃO:, SIAPE:, R.G.:, CPF:, ENDEREÇO:, CIDADE:, BAIRRO:, TELEFONE PARA CONTATO:, E-mail:,

Leia mais

CONHEÇA MELHOR SEU CONTRACHEQUE

CONHEÇA MELHOR SEU CONTRACHEQUE CONHEÇA MELHOR SEU CONTRACHEQUE DIPES/PROGP 2013 Para esclarecer dúvidas sobre seu pagamento, procure imediatamente sua unidade pagadora. COMPROVANTE DE RENDIMENTOS - FOLHA NORMAL FUND. UNIVERSIDADE DE

Leia mais

Instituto de Previdência e Assistência Municipal de Caxias do Sul

Instituto de Previdência e Assistência Municipal de Caxias do Sul Instituto de Previdência e Assistência Municipal de Caxias do Sul IPAM SAÚDE É O PLANO OFICIAL DO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL Lei Complementar nº 298, de 20 de dezembro de 2007 Regulamentada pelo Decreto

Leia mais

Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999

Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999 Lei 7645 de 12 de Fevereiro de 1999 INSTITUI O PLANO DE CARREIRA DOS SERVIDORES DA ÁREA DE ATIVIDADES DE TRIBUTAÇÃO, ESTABELECE A RESPECTIVA TABELA DE VENCIMENTO E DISPÕE SOBRE O QUADRO ESPECIAL DA SECRETARIA

Leia mais

Nota oficial do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina,

Nota oficial do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina, Nota oficial do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina, É de conhecimento de todos que os servidores filiados ao Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina Sinjusc,

Leia mais

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG SINDICATO, REALIZADA EM 05/08/2015.

ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG SINDICATO, REALIZADA EM 05/08/2015. ATA DA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUFG, REALIZADA EM 05/08/2015. Aos dias oito do mês de agosto de dois mil e quinze, no Centro de Cultura e Eventos Prof. Ricardo Freua Bufaiçal, localizado no Campus Samambaia,

Leia mais

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015

C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 C L I P P I N G DATA: 01.06.2015 Dívidas de Agnelo serão pagas pela ordem cronológica Para atender à lei, governo reformula cronograma para quitar débitos com mais de 900 fornecedores. Um questionamento

Leia mais

XII CONGRESSO NACIONAL DE PSICOLOGIA ESCOLAR E EDUCACIONAL & 37th ANNUAL CONFERENCE OF THE INTERNATIONAL SCHOOL PSYCHOLOGY ASSOCIATION

XII CONGRESSO NACIONAL DE PSICOLOGIA ESCOLAR E EDUCACIONAL & 37th ANNUAL CONFERENCE OF THE INTERNATIONAL SCHOOL PSYCHOLOGY ASSOCIATION ABRAPEE NOTÍCIAS ANO I, N o. 4 Agosto 2015 XII CONGRESSO NACIONAL DE PSICOLOGIA ESCOLAR E EDUCACIONAL & 37th ANNUAL CONFERENCE OF THE INTERNATIONAL SCHOOL PSYCHOLOGY ASSOCIATION Foto com membros da Diretoria

Leia mais

Companheiros e companheiras,

Companheiros e companheiras, Companheiros e companheiras, Utilizada sob o falso argumento de modernizar as relações de trabalho e garantir a especialização no serviço, a terceirização representa na realidade uma forma de reduzir o

Leia mais

Polícia Rodoviária Federal concurso de 2009 Fazenda Cultura, Ministério da Integração Nacional Planejamento Ministério da Educação

Polícia Rodoviária Federal concurso de 2009 Fazenda Cultura, Ministério da Integração Nacional Planejamento Ministério da Educação A Polícia Rodoviária Federal teve autorização da presidente Dilma Rousseff para contratar 1.500 policiais rodoviários em 2012. Desse total, 750 serão preenchidas doconcurso de 2009 que ficou parado dois

Leia mais

RELATÓRIO N.º 3/2015

RELATÓRIO N.º 3/2015 RELATÓRIO N.º 3/2015 Relatório n.º 3/2015. Relator: Vicente de Paulo da Silva Sousa. Condição: Delegado escolhido em Assembleia Geral. Motivo: Participar da Reunião Ampliada da Federação Nacional dos Trabalhadores

Leia mais

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito. Apoio

Cooperativismo. Cooperativa de Crédito. Apoio Cooperativismo Cooperativa de Crédito Apoio O que é uma cooperativa. É uma sociedade de pessoas com forma e natureza jurídica própria, de natureza civil, sem fins lucrativos, não sujeita à falência, constituída

Leia mais

II - Locação de Imóveis: a) 33903615 - Locação de Imóveis b) 33903910 - Locação de Imóveis

II - Locação de Imóveis: a) 33903615 - Locação de Imóveis b) 33903910 - Locação de Imóveis PORTARIA N o 172, DE 27 DE MAIO DE 2015 O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições que lhe confere o inciso II do Parágrafo único do art. 87, da Constituição Federal,

Leia mais

1 Informações diversas Câmara aprova ampliação de parcelamento do Refis da crise O plenário da Câmara aprovou na noite desta quarta-feira (21) a medida provisória que amplia o parcelamento de débitos tributários,

Leia mais

PREFEITO CONFÚCIO MOURA AUTORIZA:

PREFEITO CONFÚCIO MOURA AUTORIZA: PREFEITO CONFÚCIO MOURA AUTORIZA: PLANO DE SAÚDE, REFORMA E AMPLIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DOS SERVIDORES PLANO DE SAÚDE Em audiência realizada no mês de Janeiro, o Prefeito Confúcio Moura convocou os Presidentes

Leia mais

Órgão Informativo do Núcleo de Base do Sintrasef na CNEN - Comissão Nacional de Energia Nuclear - Ano 1 - Número 1 - Rio de Janeiro, Agosto de 2009.

Órgão Informativo do Núcleo de Base do Sintrasef na CNEN - Comissão Nacional de Energia Nuclear - Ano 1 - Número 1 - Rio de Janeiro, Agosto de 2009. Sintrasef/RJ - Núcleo de Base CNEN/MCT Órgão Informativo do Núcleo de Base do Sintrasef na CNEN - Comissão Nacional de Energia Nuclear - Ano - Número - Rio de Janeiro, Agosto de 009. C&T deflagra Campanha

Leia mais

Centro Médico Pedro Maques. Av. Mendonça Junior,1018, Gruta de Lourdes. Fone: (82) 3316-7870. Rua Hugo Correia Paes, 253, Farol. Fone: (82) 2123-7000

Centro Médico Pedro Maques. Av. Mendonça Junior,1018, Gruta de Lourdes. Fone: (82) 3316-7870. Rua Hugo Correia Paes, 253, Farol. Fone: (82) 2123-7000 www.plamed.com.br Rede Credenciada Por Município MACEIÓ Urgência e Emergência URGÊNCIA PEDIÁTRICA CONSULTAS ALERGOLOGIA E IMUNOLOGIA (ADULTO E PEDIATRIA) ANGIOLOGIA CARDIOLOGIA CIRURGIA CARDÍACA CIRURGIA

Leia mais

(ANEXO 2) FICHA DOS PROJETOS

(ANEXO 2) FICHA DOS PROJETOS (ANEXO 2) FICHA DOS PROJETOS 1 - SUAP - Sistema Unificado de Acompanhamento Processual Implantar, a partir de diretrizes do CSJT, sistema único de acompanhamento processual, em substituição aos diversos

Leia mais

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior.

4. Intensificar as visitas e reuniões com os colegas das unidades descentralizadas, nas capitais e no interior. APRESENTAÇÃO A chapa Experiência e trabalho: a luta continua" tem como marca principal a soma. Policiais e dirigentes sindicais experientes juntam esforços com os colegas mais novos, para trabalhar por

Leia mais

Clipping de Notícias Educacionais. Fontes: Folha de SP e UOL

Clipping de Notícias Educacionais. Fontes: Folha de SP e UOL Clipping 13/06/2012 SEMERJ www.semerj.org.br semerj@semerj.org.br Caso sua instituição ainda não seja associada ao SEMERJ, visite nosso site e descubra as vantagens em associar-se ao Sindicato das Entidades

Leia mais

VITÓRIA EM 2ª INSTÂNCIA

VITÓRIA EM 2ª INSTÂNCIA SASERS VITÓRIA EM 2ª INSTÂNCIA V O L U M E 1, E D I Ç Ã O 1 1 º S E M E S T R E / 1 2 Sindicato dos Assistentes Sociais RS A v. A l b e r t o B i n s, 3 6 2 s a l a s 4 0 5 / 4 0 6 C e n t r o P O A RS

Leia mais

ACORDO COLETIVO. Parágrafo 5º - As horas serão remuneradas com base no salário do mês de seu efetivo pagamento.

ACORDO COLETIVO. Parágrafo 5º - As horas serão remuneradas com base no salário do mês de seu efetivo pagamento. ACORDO COLETIVO Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Juiz de Fora, registro sindical nº. 10.610, inscrito no CNPJ sob nº. 20.453.643/0001-06, sito a rua Halfeld, 805/603 Juiz de Fora MG 36010-000,

Leia mais

O Continente faz mobilização contra Prosegur

O Continente faz mobilização contra Prosegur Confederação Nacional dos Vigilantes - Brasília - DF 16/06/2015 - Edição 1292 O Continente faz mobilização contra Prosegur Vigilantes da Bahia entregaram carta aberta na porta da Prosegur, denunciando

Leia mais

Boletim Econômico Edição nº 73 junho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Boletim Econômico Edição nº 73 junho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Boletim Econômico Edição nº 73 junho de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Planos econômicos x cadernetas de poupança: uma batalha árdua (Cartilha do IDEC Instituto Brasileiro

Leia mais

RELATÓRIO DA PLENÁRIA NACIONAL DA FENASPS

RELATÓRIO DA PLENÁRIA NACIONAL DA FENASPS RELATÓRIO DA PLENÁRIA NACIONAL DA FENASPS Data: domingo, 12 de junho de 2016 Local: sala 11 do Hotel Nacional, em Brasília Pauta: 1. Informes Nacionais PL 4250/2015, PL 4252/2015 e PLP 257/2016, Reforma

Leia mais

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO

DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO DIREÇÃO NACIONAL DA CUT APROVA ENCAMINHAMENTO PARA DEFESA DA PROPOSTA DE NEGOCIAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO, DAS APOSENTADORIAS E DO FATOR PREVIDENCIÁRIO A CUT e as centrais sindicais negociaram com o governo

Leia mais

Diretriz 5: A função das entidades de grau superior é de coordenar os interesses das suas filiadas.

Diretriz 5: A função das entidades de grau superior é de coordenar os interesses das suas filiadas. DIRETRIZES NORMATIVAS ELABORADAS PELO GRUPO DE TRABALHO DO MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO SOBRE ORGANIZAÇÃO SINDICAL, NEGOCIAÇÃO COLETIVA, APLICAÇÃO DO DIREITO DE GREVE, CUSTEIO E LIBERAÇÃO DE DIRIGENTE

Leia mais

ÍNDICE: ESPECIALIDADES:

ÍNDICE: ESPECIALIDADES: ÍNDICE: ESPECIALIDADES: ACUPUNTURA... ANGIOLOGIA... CARDIOLOGIA... CLÍNICA MÉDICA... DERMATOLOGIA... ENDOCRINOLOGIA... FONOAUDIOLOGIA... GASTROENTEROLOGIA... GERIATRIA... GINECOLOGIA... INFECTOLOGIA...

Leia mais

Saúde. Tabela de Vendas

Saúde. Tabela de Vendas Tabela de Vendas Tabela de Preços Ambulatorial + Hospitalar com Obstetrícia Next 10 Next ABC 20 Next SPS 30 REGISTRO ANS 473.323/15-1 473.461/15-1 474.914/15-6 ACOMODAÇÃO QC QC QC 0 a 18 anos R$ 83,18

Leia mais

LOCAL ENDEREÇO CARGOS DATA / HORÁRIO Camareira de Hotel, Salva-vidas 09/12-15:00

LOCAL ENDEREÇO CARGOS DATA / HORÁRIO Camareira de Hotel, Salva-vidas 09/12-15:00 Onde se lê: LOCAL ENDEREÇO CARGOS DATA / HORÁRIO Camareira de Hotel, Salva-vidas ALMENARA Rodovia BR-367, KM 92, Cidade Nova, Almenara/MG Instrutor de Esporte e Lazer; Analista de Saúde Jr.; Instrutor

Leia mais

Por mais de três anos, a Comissão Estadual

Por mais de três anos, a Comissão Estadual Paralisação emblemática confronta planos de saúde Por mais de três anos, a Comissão Estadual de Honorários Médicos buscou negociação com o Bradesco Saúde. As tentativas, entretanto, não obtiveram êxito.

Leia mais

Dezembro 2007 Página 6

Dezembro 2007 Página 6 ÁREA CONTAMINADA 01/2007 Razão social ou nome: Auto Posto Hespanhol Ltda. Endereço: R. José Bonifácio, 185 - Centro CEP: 36.200-106 Município: Barbacena ÁREA CONTAMINADA 02/2007 Razão social ou nome: Auto

Leia mais

Tabela de Vendas. Saúde

Tabela de Vendas. Saúde Tabela de Vendas Tabela de Preços Ambulatorial + Hospitalar com Obstetrícia REGISTRO ANS ACOMODAÇÃO 0 a 18 anos Next 10 473.323/15-1 QC R$ 83,18 19 a 23 anos R$ 112,97 ÁREA DE ATUAÇÃO NEXT SEISA 24 a 28

Leia mais

Comparativo da Despesa Paga. Gratificação por Tempo de Serviço. Programa de Alimentação ao Trabalhador - Pat

Comparativo da Despesa Paga. Gratificação por Tempo de Serviço. Programa de Alimentação ao Trabalhador - Pat Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Estado do Pará CNPJ: 14.974.293/0001-12 Comparativo da Paga CRÉDITO DISPONÍVEL DA DESPESA 922.380,03 665.569,81 CRÉDITO DISPONÍVEL DESPESA CORRENTE 541.961,33 188.309,60

Leia mais

COGESP/SEPOG/PMF III REUNIÃO

COGESP/SEPOG/PMF III REUNIÃO COGESP/SEPOG/PMF III REUNIÃO Agenda Horário Assunto Palestrante 8:00h às 8:30h Abertura da Reunião pelo Secretário da SEPOG Philipe Nottingham 8:30h às 9:30h Apresentação do Processo de Aposentadoria nova

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: PROJETO DE LEI Nº., DE 2011. Dispõe sobre a organização sindical no setor público, afastamento de dirigentes sindicais, negociação coletiva, aplicação do direito de greve e sobre o custeio da organização

Leia mais

PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados. PROGRAMA: 0551 - Atuação Legislativa do Senado Federal

PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados. PROGRAMA: 0551 - Atuação Legislativa do Senado Federal PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados 3.172.280 9.772.013 Despesas Correntes 2.964.653 9.031.347 Despesas de Capital 207.627 740.666 3.172.280 12.944.292 9.772.013 PROGRAMA: 0551

Leia mais

Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado

Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado Anexo II - Programas de Gestão, Manutenção e Serviços ao Estado PROGRAMA: 0553 - Atuação Legislativa da Câmara dos Deputados 3.185.780 9.806.513 Despesas Correntes 2.978.153 9.065.847 Despesas de Capital

Leia mais

LEI Nº 5026 DE 19 DE MAIO 2009. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº 5026 DE 19 DE MAIO 2009. O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, faço saber que a Câmara Municipal decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº 5026 DE 19 DE MAIO 2009 Dispõe sobre a qualificação de entidades como Organizações Sociais e dá outras providências. Autor: Poder Executivo O PREFEITO DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO, faço saber que

Leia mais