Programa Acessa Escola prevê a instalação de salas de informática em escolas públicas de São Paulo

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa Acessa Escola prevê a instalação de 4.300 salas de informática em escolas públicas de São Paulo"

Transcrição

1 REVISTAS TIC BRASIL 03/02/2009 TERÇA-FEIRA EDUCAÇÃO Programa Acessa Escola prevê a instalação de salas de informática em escolas públicas de São Paulo Uma das novidades do Campus Party 2009, evento considerado o maior encontro de inovação tecnológica e entretenimento eletrônico em rede do mundo, que aconteceu até 25 de Janeiro no Centro Imigrantes, foi a apresentação do Projeto Acessa Escola no stand da Fundação para o Desenvolvimento da Educação (FDE). O Acessa Escola é um programa da Secretaria Estadual da Educação de São Paulo em parceria com a Secretaria de Gestão Pública que garante o funcionamento das salas de informática em todas as escolas públicas estaduais de ensino médio e à comunidade escolar (alunos, professores e funcionários) durante todo o período de aulas. As salas de informática contam com o trabalho de mais de 3 mil estagiários remunerados, que cuidam das atividades em sala, todas relacionadas ao uso dos computadores. A capacitação destes alunos estagiários, bem como toda a implantação de infraestrutura do

2 programa, fica a cargo da FDE e conta com a participação de alunos universitários, cujas atividades são orientadas pelas diretorias regionais de ensino. Atualmente, o projeto envolve 598 salas de informática, de uma total de salas, previstas para serem entregues até maio de Tecnologia personalizada e inclusão digital A tecnologia que garante o funcionamento, controle e monitoramento dos equipamentos de informática destas salas é fornecida pela MStech. Além de permitir a integração das salas de informática, a tecnologia garante que os alunos tenham acesso ao portal Internet de cada escola estadual que, com ferramentas intuitivas, desenvolvem conteúdo próprio de acordo com as diretrizes da grade educacional e dos projetos da comunidade escolar. Como o principal objetivo do Programa Acessa Escola é promover a inclusão digital da comunidade escolar na rede pública estadual paulista, a escolha da MStech como provedora da tecnologia ocupa papel relevante. A empresa foi escolhida por apresentar a tecnologia que atende a todos os requisitos previstos em edital, reunindo as aplicações BlueMonitor, BlueControl e BlueLab. O BlueMonitor é uma plataforma de software para gerenciamento local e

3 remoto de computadores que monitora e otimiza as atividades nas salas de informática. Gerencia e permite acesso remoto e identifica o que está sendo usado na sala de informática. Emite relatório sobre a utilização dos equipamentos e aplicações e possibilita manter a integridade do ambiente de informática. O BlueControl gerencia o acesso aos computadores, ele trata os cadastros de usuários e as permissões para uso das aplicações e dos equipamentos (alunos e professores e usuário da comunidade). Em horário de aula o aluno não poderá acessar a sala de informática, a menos que esta atividade esteja programada por um professor. O BlueLab é uma ferramenta que auxilia o professor na condução de suas aulas no laboratório de informática. A suíte criada pela MStech permite que o professor tenha mais conforto para conduzir suas atividades nas salas de informática com maior interatividade, pode aplicar questionários eletrônicos, tem o domínio sobre os computadores dos alunos, pode aplicar atividades em grupo, pode chamar atenção dos alunos, tudo utilizando o seu próprio microcomputador. Soluções premiadas A tecnologia utilizada para aplicação no projeto Acessa Escola fez com que, em dezembro de 2008, a MStech recebesse o Prêmio TI & Governo na categoria e-democracia. Promovido há quatro anos

4 pelo Anuário TI & Governo, o prêmio reconhece projetos inovadores aplicados em instituições públicas para facilitar a gestão das informações e a inclusão digital. Responsável pela implementação do projeto, a FDE vai adequar a estrutura das escolas e estreitar o relacionamento entre as equipes técnicas e a MStech. Segundo João Thiago de Oliveira Poço, diretor de TI da FDE, a implantação do projeto durou apenas 2 meses. Um prazo realmente satisfatório, comentou Thiago Poço após a finalização da licitação e assinatura do contrato com a MStech. A MStech atendeu todos os itens do projeto e garantiu o bom funcionamento da plataforma de gestão das salas de informática a partir de uma suíte altamente intuitiva e de fácil utilização. O diretor acredita que as melhorias necessárias do Programa serão apontadas a partir do trabalho conjunto com a FDE, a MStech e própria comunidade escolar. Todas as 598 salas de informática previstas nesta primeira fase do Programa foram reformadas, pintadas e tiveram as instalações elétricas e lógicas refeitas. Estas salas receberam mais de 4 mil novos computadores, mesas e cadeiras. Em breve, serão instalados aparelhos de arcondicionado e cortinas para garantir o conforto das salas e a conservação dos equipamentos. Quanto à suíte da MStech,

5 acreditamos que ela será uma peça fundamental para garantir o funcionamento do Programa. Caso sejam necessárias outras melhorias, a equipe técnica e de desenvolvimento da empresa cuidará com eficiência de atender a esta demanda, acrescenta.

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional

Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional Ministério da Educação Secretaria de Educação Básica Diretoria de Formulação de Conteúdos Educacionais Programa Nacional de Tecnologia Educacional SEB DCE CGMID COGTEC PROINFO SEB SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

Leia mais

Orientações Módulo 1 - Treinamento para Estagiários do Ensino Médio

Orientações Módulo 1 - Treinamento para Estagiários do Ensino Médio Orientações Módulo 1 - Treinamento para Estagiários do Ensino Médio Programa Acessa Escola Orientações Gerais Regulamento do Estágio do Ensino Médio Programa Acessa Escola Resolução SEE-37, de 25/04/2008

Leia mais

DOE de 01-04-2015 Seção I

DOE de 01-04-2015 Seção I Rede nº 253/15 Data: 01/04/2015 Assunto: PROGRAMA ACESSA ESCOLA RESOLUÇÃO SE 17 DE 31/03/2015 Senhores Diretores, Retransmito na íntegra, a Resolução SE 17 de 31/03/2015, publicada no D. O. E de 01/04/2015,

Leia mais

Edital 1/2014. Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica

Edital 1/2014. Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica Edital 1/2014 Chamada contínua para incubação de empresas e projetos de base tecnológica A (PoloSul.org) torna pública a presente chamada e convida os interessados para apresentar propostas de incubação

Leia mais

TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF)

TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF) TREINAMENTO ONLINE PARA O SISTEMA DE APOIO À GESTÃO AMBIENTAL RODOVIÁRIA FEDERAL (SAGARF) Maio de 2007 Maria Rachel Barbosa Fundação Trompovsky (Apoio ao NEAD CENTRAN) rachel@centran.eb.br Vanessa Maria

Leia mais

PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC

PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC PLANO DE DESENVOLVIMENTO DE RECURSOS HUMANOS DA FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DE CANOAS CANOASTEC Institui o Plano de Desenvolvimento de Recursos Humanos criando o Quadro

Leia mais

Importância e Implementação

Importância e Implementação Importância e Implementação O que é? Sub-área da inclusão social. Democratização do acesso às tecnologias de informação. Melhorar as condições de vida de uma comunidade com ajuda da tecnologia. Utilização

Leia mais

Portal de Dados Abertos elaborado pela Emprel lança iniciativas que aproximam Prefeitura e cidadãos no Recife

Portal de Dados Abertos elaborado pela Emprel lança iniciativas que aproximam Prefeitura e cidadãos no Recife Portal de Dados Abertos elaborado pela Emprel lança iniciativas que aproximam Prefeitura e cidadãos no Recife Perfil A Empresa Municipal de Informática Emprel é uma empresa pública, dotada de personalidade

Leia mais

Processos de Desenvolvimento de Software

Processos de Desenvolvimento de Software Processos de Desenvolvimento de Software Gerenciamento de Projetos Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto Federal de Educação Ciência e

Leia mais

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação

TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 2ª REGIÃO Secretaria de Tecnologia da Informação REGIONALIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TI MAPEAMENTO DE PROVIDÊNCIAS INICIAIS Março/2014 V 1.1 REGIONALIZAÇÃO DE SERVIÇOS DE TI MAPEAMENTO

Leia mais

Telecom Social. Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital

Telecom Social. Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital Responsabilidade Social Corporativa: Inclusão Social pela Inclusão Digital Sérgio E. Mindlin Diretor Presidente Brasília 04/05/2005 Telecom Social Responsabilidade Social Empresarial (RSE) Partes interessadas

Leia mais

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado

Este Manual aplica-se a todos os Usuário de T.I. do Ministério Público de Goiás. ATIVIDADE AUTORIDADE RESPONSABILIDADE Manter o Manual Atualizado Versão 01 - Página 1/8 1 Objetivo Orientar o usuário de T.I. a solicitar atendimento. Mostrar o fluxo da solicitação. Apresentar a Superintendência 2 Aplicação Este Manual aplica-se a todos os Usuário

Leia mais

1.2) PROJETO DE VIRTUALIZAÇÃO DE COMPUTADORES DE MESA

1.2) PROJETO DE VIRTUALIZAÇÃO DE COMPUTADORES DE MESA 1.1) PLANO DE APLICAÇÃO DE RECURSOS (EM ANEXO) 1.2) PROJETO DE VIRTUALIZAÇÃO DE COMPUTADORES DE MESA INTRODUÇÃO O curso de engenharia florestal possui 4395 horas de aulas em disciplinas obrigatórias e

Leia mais

Coletiva de Imprensa Apresentação de resultados São Paulo, 23 de maio de 2013

Coletiva de Imprensa Apresentação de resultados São Paulo, 23 de maio de 2013 Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação Pesquisa TIC Educação 2012 Pesquisa sobre o uso das TIC nas escolas brasileiras Coletiva de Imprensa Apresentação de resultados

Leia mais

CASO DE SUCESSO MICROWARE

CASO DE SUCESSO MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: Fundação Educacional Serra dos Órgãos - UNIFESO EDUCAÇÃO DIGITAL POTENCIALIZANDO O PROCESSO DE APRENDIZADO SEGMENTO: Educacional ÁREA DE ATUAÇÃO: HP Education - Workplace

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Sistemas de Informação 2010-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Sistemas de Informação 2010-2 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Sistemas de Informação 2010-2 BIOMETRIC SYSTEM CONTROL - BSC Alunos: SANTIAGO, Flávia Ribeiro

Leia mais

II Workshop Regional Latinoamericano FLOSSWorld. Buenos Aires, 30 de novembro e 1 1 de dezembro de 2006

II Workshop Regional Latinoamericano FLOSSWorld. Buenos Aires, 30 de novembro e 1 1 de dezembro de 2006 II Workshop Regional Latinoamericano FLOSSWorld Buenos Aires, 30 de novembro e 1 1 de dezembro de 2006 Forte política tecnológica que prioriza o software livre como opção estratégica em busca da: 1. redução

Leia mais

CidadesDigitais. A construção de um ecossistema de cooperação e inovação

CidadesDigitais. A construção de um ecossistema de cooperação e inovação CidadesDigitais A construção de um ecossistema de cooperação e inovação CidadesDigitais PRINCÍPIOs 1. A inclusão digital deve proporcionar o exercício da cidadania, abrindo possibilidades de promoção cultural,

Leia mais

II Seminário Resultados da Lei da Informática

II Seminário Resultados da Lei da Informática II Seminário Resultados da Lei da Informática Rodrigo Pinto Diretor de P&D 29 de março de 2006 Agenda A Solectron Estratégia Organização Realizações Resultados entre 1998 2003 Resultados entre 2004-2005

Leia mais

Soluções em Documentação

Soluções em Documentação Desafios das empresas no que se refere à documentação de infraestrutura de TI Realizar e manter atualizado o inventário de recursos de Hardware e software da empresa, bem como a topologia de rede Possuir

Leia mais

INTRANET: UNIFICANDO A ORGANIZAÇÃO

INTRANET: UNIFICANDO A ORGANIZAÇÃO INTRANET: UNIFICANDO A ORGANIZAÇÃO Home ou Página Principal da INTRANET SBT, acessada pelo navegador Internet Explorer: http://intranet.sbt.com.br INTRANET: UNIFICANDO A ORGANIZAÇÃO INTRANET é uma rede

Leia mais

Proposta de Programa- Quadro de Ciência, Tecnologia e Inovação 2014-2018. L RECyT, 8.11.13

Proposta de Programa- Quadro de Ciência, Tecnologia e Inovação 2014-2018. L RECyT, 8.11.13 Proposta de Programa- Quadro de Ciência, Tecnologia e Inovação 2014-2018 L RECyT, 8.11.13 Delineamento do Programa - Quadro Fundamentação Geral Programa público, plurianual, voltado para o fortalecimento

Leia mais

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009.

Plano de Ação. Colégio Estadual Ana Teixeira. Caculé - Bahia Abril, 2009. Plano de Ação Colégio Estadual Ana Teixeira Caculé - Bahia Abril, 2009. IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR Unidade Escolar: Colégio Estadual Ana Teixeira Endereço: Av. Antônio Coutinho nº 247 bairro São

Leia mais

Faculdade Peruíbe - FPbe. Comissão Própria de Avaliação CPA. Relatório de ações e melhorias - Infraestrutura física

Faculdade Peruíbe - FPbe. Comissão Própria de Avaliação CPA. Relatório de ações e melhorias - Infraestrutura física Faculdade Peruíbe - FPbe Comissão Própria de Avaliação CPA Relatório de ações e melhorias - Infraestrutura física Considerando o artigo Art. 5º do regulamento da CPA FPbe, bem como, de acordo com o plano

Leia mais

Glossário Apresenta a definição dos termos, siglas e abreviações utilizadas no contexto do projeto Citsmart.

Glossário Apresenta a definição dos termos, siglas e abreviações utilizadas no contexto do projeto Citsmart. Apresenta a definição dos termos, siglas e abreviações utilizadas no contexto do projeto Citsmart. Versão 1.6 15/08/2013 Visão Resumida Data Criação 15/08/2013 Versão Documento 1.6 Projeto Responsáveis

Leia mais

RELATÓRIO TÉCNICO-CIENTÍFICO PROGRAMA ACESSA ESCOLA: SISTEMA DE ATRIBUIÇÃO NA DIRETORIA DE ENSINO SADE

RELATÓRIO TÉCNICO-CIENTÍFICO PROGRAMA ACESSA ESCOLA: SISTEMA DE ATRIBUIÇÃO NA DIRETORIA DE ENSINO SADE CENTRO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DE TAQUARITINGA GRADUAÇÃO EM PROCESSAMENTO DE DADOS RELATÓRIO TÉCNICO-CIENTÍFICO PROGRAMA ACESSA ESCOLA: SISTEMA DE ATRIBUIÇÃO

Leia mais

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ

APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ APRESENTAÇÃO INSTITUCIONAL ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS BRASILEIRAS DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO, SOFTWARE E INTERNET ASSESPRO REGIONAL PARANÁ LUÍS MÁRIO LUCHETTA DIRETOR PRESIDENTE GESTÃO 2005/2008 HISTÓRICO

Leia mais

ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3. Acervo... 3. Meus Livros... 4. Livros em destaque... 7. Fórum... 7. Notícias... 8. Ajuda... 9. Suporte...

ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3. Acervo... 3. Meus Livros... 4. Livros em destaque... 7. Fórum... 7. Notícias... 8. Ajuda... 9. Suporte... ÍNDICE O QUE É... 2 COMO FUNCIONA... 3 Acervo... 3 Meus Livros... 4 Livros em destaque... 7 Fórum... 7 Notícias... 8 Ajuda... 9 Suporte... 9 POR QUE USAR... 10 EQUIPE RESPONSÁVEL... 12 CONTATO... 13 O

Leia mais

FACULDADE ERNESTO RISCALI

FACULDADE ERNESTO RISCALI PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS OLÍMPIA 2015 Rua Bruno Riscali Vila Hípica Olímpia (SP) - (17) 3281-1231 CEP: 15400-000 2 PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS. 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE SUPERINTENDÊNCIA DE DOCUMENTAÇÃO COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS PLANO DE METAS 2013/2014 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 META 1: MELHORIA DOS SERVIÇOS E PRODUTOS... 4 META 2 : EDUCAÇÃO

Leia mais

Gestão de Projeto de Tecnologia da Informação

Gestão de Projeto de Tecnologia da Informação Gestão de Projeto de Tecnologia da Informação Gerenciamento de Projetos Mauro Lopes Carvalho Silva Professor EBTT DAI Departamento de Informática Campus Monte Castelo Instituto Federal de Educação Ciência

Leia mais

UNIVERSIDADE IGUAÇU CAMPUS ITAPERUNA CURSO DE DIREITO LABORATÓRIOS

UNIVERSIDADE IGUAÇU CAMPUS ITAPERUNA CURSO DE DIREITO LABORATÓRIOS LABORATÓRIOS ITAPERUNA, Julho/2015 ESTRUTURA DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA ASSOCIADOS AO 1 INTRODUÇÃO Os laboratórios que servem ao curso de Direito têm como objetivo oferecer treinamento prático, auxílio

Leia mais

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI

Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Projetos de P&D em Tecnologia da Informação e Telecomunicações: A Atuação do Núcleo de Aplicação em Tecnologia da Informação - NATI Fortaleza, 21 de setembro de 2006 1 15 Universidade de Fortaleza Perfil

Leia mais

1 Prêmio UNIFRA de Soluções em TI

1 Prêmio UNIFRA de Soluções em TI 1 Prêmio UNIFRA de Soluções em TI EDITAL DE PUBLICAÇÃO A Coordenação do curso de Sistemas de Informação e Ciência da Computação do Centro Universitário Franciscano, lança chamada para a escolha do 1 Prêmio

Leia mais

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de Configuração de Redes de Computadores Linux. Parte 1 (solicitante)

Aprovação do curso e Autorização da oferta. PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO FIC de Configuração de Redes de Computadores Linux. Parte 1 (solicitante) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SANTA CATARINA Aprovação do curso e Autorização da oferta PROJETO PEDAGÓGICO

Leia mais

Proposta Comercial EDUNIX SISTEMA DE GESTÃO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO

Proposta Comercial EDUNIX SISTEMA DE GESTÃO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO Proposta Comercial EDUNIX SISTEMA DE GESTÃO PARA INSTITUIÇÕES DE ENSINO Sumário Empresa... 3 Missão... 3 Visão... 3 Valores... 3 Solução... 4 Principais características... 4 Lista de funcionalidades...

Leia mais

E-SUS ATENÇÃO BÁSICA. Julho / 2013

E-SUS ATENÇÃO BÁSICA. Julho / 2013 E-SUS ATENÇÃO BÁSICA Julho / 2013 Estratégia de Qualificação da AB Saúde Bucal PMAQ Requalifica UBS PSE Telessaúde Brasil Redes Academia da Saúde Atenção Básica Financiamento Consultório na Rua Provimento

Leia mais

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social

O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social II Fórum de Informação em Saúde IV Encontro da Rede BiblioSUS O Projeto Casa Brasil de inclusão digital e social Maria de Fátima Ramos Brandão Outubro/2007 1 Apresentação O Projeto Casa Brasil Modelos

Leia mais

Programa Museu na Escola PREMISSAS INTRODUÇÃO

Programa Museu na Escola PREMISSAS INTRODUÇÃO O Programa Museu na Escola é uma iniciativa do Museu da Família no sentido de promover processos museológicos em escolas e outras instituições de ensino visando à preservação da memória e a educação patrimonial.

Leia mais

Organização dos Estados Ibero-americanos. Para a Educação, a Ciência e a Cultura

Organização dos Estados Ibero-americanos. Para a Educação, a Ciência e a Cultura Organização dos Estados Ibero-americanos Para a Educação, a Ciência e a Cultura TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA FÍSICA CONSULTOR POR PRODUTO 1. Projeto: OEI/BRA/09/004 - Aprimoramento da

Leia mais

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural

Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural Orientações para o Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural 1. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento Ambiental Rural no bioma Amazônia... 2 2. Apoio do Fundo Amazônia ao Cadastramento

Leia mais

Procedimento licitatório para conferir Autorizações de Uso de Radiofrequências. 700 MHz

Procedimento licitatório para conferir Autorizações de Uso de Radiofrequências. 700 MHz Procedimento licitatório para conferir Autorizações de Uso de Radiofrequências 700 MHz Lotes e Áreas de Prestação Preços (*) Somente será licitado caso não exista Proponente vencedor em algum dos Lotes

Leia mais

Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final

Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final Programa Acessa Escola Atualização do Sistema das salas Etapa Final As informações contidas neste documento devem ser seguidas para o completo funcionamento dos computadores da Sala do Acessa Escola. LEIA

Leia mais

2 INOVAÇÃO NA PROVISÃO DE SERVIÇOS

2 INOVAÇÃO NA PROVISÃO DE SERVIÇOS 1 MELHORIA DA GESTÃO FISCAL DE MÉDIO PRAZO E DO INVESTIMENTO PÚBLICO 1.1 Diagnóstico e Proposição de Melhorias do Marco de Gasto de Médio Prazo 1.1.0 Não há 1.1.0.0 Não há 1.1.0.0.1 Diagnóstico da metodologia

Leia mais

Ministério das Comunicações

Ministério das Comunicações Ministério das Comunicações Desafios para a melhoria da infraestrutura: Ampliação das comunicações móveis Diagnóstico Fonte: Cetic.br Tic Domicílios Diagnóstico Fonte: Cetic.br Tic Domicílios Diagnóstico

Leia mais

REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO DA REDE E EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA

REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO DA REDE E EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Câmpus Ibirubá Conselho de Câmpus REGULAMENTO PARA UTILIZAÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES SEMAP

RELATÓRIO DE ATIVIDADES SEMAP RELATÓRIO DE ATIVIDADES SEMAP 2010 Paulo Cesar Roza da Luz Porto Alegre, dezembro de 2010 ÍNDICE - Introdução... 03 - Atividades realizadas... 04 1) Manutenção... 04 2) Almoxarifado... 06 3) Patrimônio...

Leia mais

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS FMU GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais

FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS FMU GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS FMU GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais CURSOS : ADMINISTRAÇÃO CIÊNCIAS ATUARIAIS CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO CIÊNCIAS CONTÁBEIS CIÊNCIAS

Leia mais

Software Livre. Agência de Tecnologia da Informação de Sergipe

Software Livre. Agência de Tecnologia da Informação de Sergipe Software Livre Governo do Estado de Sergipe Apresentação AGETIS Situação Encontrada e Motivação SL no Governo de Sergipe Decisão Governamental Decreto 23.706 de 10 de Março de 2006 Projetos Conclusão AGETIS

Leia mais

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda

Segurança + Conformidade. Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança + Conformidade Dentro do Prazo e Orçamento Previsto Sob Demanda Segurança e Conformidade via Software-as-a-Service (SaaS) Hoje em dia, é essencial para as empresas administrarem riscos de segurança

Leia mais

DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO

DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO DIRETRIZES GERAIS PARA UM PLANO DE GOVERNO Ações de Inclusão Social e de Combate à Pobreza Modelo Próprio de Desenvolvimento Infra-estrutura para o Desenvolvimento Descentralizado Transparência na Gestão

Leia mais

Sistema de Educação a Distância Publica no Brasil UAB- Universidade Aberta do Brasil. Fernando Jose Spanhol, Dr

Sistema de Educação a Distância Publica no Brasil UAB- Universidade Aberta do Brasil. Fernando Jose Spanhol, Dr Sistema de Educação a Distância Publica no Brasil UAB- Universidade Aberta do Brasil Fernando Jose Spanhol, Dr www.egc.ufsc.br www.led.ufsc.br O Sistema UAB Denominação representativa genérica para a rede

Leia mais

Documento de Referência do Projeto de Cidades Digitais Secretaria de Inclusão Digital Ministério das Comunicações

Documento de Referência do Projeto de Cidades Digitais Secretaria de Inclusão Digital Ministério das Comunicações Documento de Referência do Projeto de Cidades Digitais Secretaria de Inclusão Digital Ministério das Comunicações CIDADES DIGITAIS CONSTRUINDO UM ECOSSISTEMA DE COOPERAÇÃO E INOVAÇÃO Cidades Digitais Princípios

Leia mais

SISTEMA VIRTUAL PARA GERENCIAMENTO DE OBJETOS DIDÁTICOS

SISTEMA VIRTUAL PARA GERENCIAMENTO DE OBJETOS DIDÁTICOS 769 SISTEMA VIRTUAL PARA GERENCIAMENTO DE OBJETOS DIDÁTICOS Mateus Neves de Matos 1 ; João Carlos Nunes Bittencourt 2 ; DelmarBroglio Carvalho 3 1. Bolsista PIBIC FAPESB-UEFS, Graduando em Engenharia de

Leia mais

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS

PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS EMPRESA: ILION SOLUÇÕES EM INTERNET LTDA. 1 DO PRAZO: item 5.2 f) Prestação de serviços: 5 (cinco) meses, contados a partir da data da Ordem de Serviço. g) Prazo para desenvolvimento:

Leia mais

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL

REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DIDÁTICO DE PRÁTICAS EM ADMINISTRAÇÃO E ESCRITÓRIO MULTIMÍDIA DO DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ADMINISTRAÇÃO - UNIR - CACOAL TÍTULO I - DO LABORATÓRIO DIDÁTICO CAPÍTULO I - DA ORGANIZAÇÃO

Leia mais

Lei de Informática - Incentivos Fiscais para Investimentos em Tecnologia e Inovação

Lei de Informática - Incentivos Fiscais para Investimentos em Tecnologia e Inovação Lei de Informática - Incentivos Fiscais para Investimentos em Tecnologia e Inovação Prof. Dr. Elvis Fusco 2014 Prefeitura Municipal de Garça Apresentação Prof. Dr. Elvis Fusco Centro Universitário Eurípides

Leia mais

gladiador INTERNET CONTROLADA

gladiador INTERNET CONTROLADA gladiador INTERNET CONTROLADA funcionalidades do sistema gladiador sistema Gerenciamento de usuários, gerenciamento de discos, data e hora do sistema, backup gladiador. Estações de Trabalho Mapeamento

Leia mais

OBJETIVO ESTRATÉGICO 1: Atender às novas demandas corporativas da UERJ e otimizar as soluções já implementadas, de acordo com a missão da Diretoria.

OBJETIVO ESTRATÉGICO 1: Atender às novas demandas corporativas da UERJ e otimizar as soluções já implementadas, de acordo com a missão da Diretoria. DINFO - DIRETORIA DE INFORMÁTICA MISSÃO DA UNIDADE: Gerir a tecnologia da informação na Universidade através do desenvolvimento de novos sistemas corporativos, da manutenção da infra-estrutura das redes

Leia mais

FACULDADE ESTÁCIO DE BELÉM ESTÁCIO BELÉM REGULAMENTO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA

FACULDADE ESTÁCIO DE BELÉM ESTÁCIO BELÉM REGULAMENTO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA FACULDADE ESTÁCIO DE BELÉM ESTÁCIO BELÉM REGULAMENTO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA BELÉM PA 2015 1 TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Art. 1º. Os Laboratórios de Informática visam atender: I. alunos dos

Leia mais

São Paulo, 28 de janeiro de 2013 Caros Docentes, Funcionários e Alunos,

São Paulo, 28 de janeiro de 2013 Caros Docentes, Funcionários e Alunos, São Paulo, 28 de janeiro de 2013 Caros Docentes, Funcionários e Alunos, A Direção da EACH completa mais um ano de gestão, período de intensa atividade acadêmica e administrativa na Escola, o que demandou

Leia mais

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais

GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES. Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS E GERENCIAIS 2012 GUIA DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Departamento de Ciências Exatas e Gerenciais CURSOS ADMINISTRAÇÃO CIÊNCIAS ATUARIAIS CIÊNCIAS DA COMPUTAÇÃO CIÊNCIAS

Leia mais

INSTITUTOS FEDERAIS NA COPA

INSTITUTOS FEDERAIS NA COPA INSTITUTOS FEDERAIS NA COPA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA (FIC) CURSOS DIVERSOS PRONATEC IFRS Campus Porto Alegre dezembro / 2011 Introdução Além do projeto específico para o ensino de línguas

Leia mais

Software Livre no Serpro

Software Livre no Serpro Software Livre no SERPRO Apresentador:Sérgio Rosa Diretor 02/03/05 Agenda O SERPRO Fatores Críticos de Sucesso Papel do SERPRO Software Livre no SERPRO Resultados Alcançados Conclusões Empresa Pública

Leia mais

SINERGIA SISTEMA DE ENSINO LTDA FACULDADE SINERGIA Portaria Recredenciamento MEC nº 1.424 D.O.U, de 10/10/2011.

SINERGIA SISTEMA DE ENSINO LTDA FACULDADE SINERGIA Portaria Recredenciamento MEC nº 1.424 D.O.U, de 10/10/2011. REGULAMENTO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS Art. 1º O laboratório de Informática constitui-se em espaço de apoio técnico pedagógico da Faculdade Sinergia. Art. 2º O Laboratório

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES CREDENCIAMENTO DE PÓLO DE APOIO PRESENCIAL PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

SISTEMA NACIONAL DE AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR SINAES CREDENCIAMENTO DE PÓLO DE APOIO PRESENCIAL PARA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Secretaria de Educação a Distância SEED Departamento de Regulação e Supervisão da Educação a Distância - Dresead Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG

RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG RESOLUÇÃO Nº 080/2014, DE 25 DE JUNHO DE 2014 CONSELHO UNIVERSITÁRIO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS UNIFAL-MG O Conselho Universitário da UNIFAL-MG, no uso de suas atribuições regimentais e estatutárias,

Leia mais

Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB. Relatório Biblioteca Penha Shopping

Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB. Relatório Biblioteca Penha Shopping Núcleo de Coordenação de Bibliotecas - NCB Relatório Biblioteca Penha Shopping 2015 SUMÁRIO 1 SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS - SIBi... 02 2 NÚCLEO DE COORDENAÇÃO DE BIBLIOTECAS - NCB... 02 3 UNIDADE

Leia mais

NORMAS DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA

NORMAS DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA 2015 SUMÁRIO 1 - DISPOSIÇÕES PRELIMINARES... 3 2 - OBJETIVO DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO... 3 3 - ACOMPANHAMENTO E ORGANIZAÇÃO DO ESTÁGIO OBRIGATÓRIO... 4 4 - EXEMPLO DE ÁREAS PARA REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO...

Leia mais

UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL

UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL UM ROTEIRO PARA A EXECUÇÃO DE ATIVIDADES EM UM PROJETO DE INCLUSÃO DIGITAL R.L. Stange *, A. A. Batista*. * Universidade Tecnológica federal do Paraná, Guarapuava, Brasil e-mail: rlgomes@utfpr.edu.br Resumo

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede de Disseminação, Informação e Capacitação PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Secretaria da Micro e Pequena Empresa Fórum Permanente de Microempresas e Empresas de Pequeno Porte MEMÓRIA: Reunião Preparatória do Comitê Temático de Inovação e Crédito GT Rede

Leia mais

Governança de TI. Heleno dos Santos Ferreira

Governança de TI. Heleno dos Santos Ferreira Governança de TI Heleno dos Santos Ferreira Agenda Governança de TI Heleno dos Santos Ferreira ITIL Publicação dos Livros revisados 2011 ITIL Correções ortográficas e concordâncias gramaticais; Ajustes

Leia mais

COLIVRE Cooperativa de Tecnologias Livres www.colivre.coop.br contato@colivre.coop.br Telefone: (71) 3011-2199 CNPJ: 07.970.

COLIVRE Cooperativa de Tecnologias Livres www.colivre.coop.br contato@colivre.coop.br Telefone: (71) 3011-2199 CNPJ: 07.970. Razões para usar Noosfero como plataforma de rede social da USP COLIVRE Cooperativa de Tecnologias Livres www.colivre.coop.br contato@colivre.coop.br Telefone: (71) 3011-2199 CNPJ: 07.970.746/0001-77 Contato:

Leia mais

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO

01. O QUE É? 02. OBJETIVOS DO CURSO 03. CAMPO DE ATUAÇÃO 01. O QUE É? O Curso de Desenvolvimento de Websites é um curso de graduação tecnológica de nível superior com duração de dois anos e meio. Este curso permite a continuidade dos estudos em nível de bacharelado

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROJETO DE LONGA DURAÇÃO 1. IDENTIFICAÇÃO 1.1 Título do Projeto:

Leia mais

Parceiros O PROGRAMA DE PARCERIAS GVN. O que é o GVN Parceiro: O perfil do GVN Parceiro

Parceiros O PROGRAMA DE PARCERIAS GVN. O que é o GVN Parceiro: O perfil do GVN Parceiro Parceiros O PROGRAMA DE PARCERIAS GVN O que é o GVN Parceiro: O GVN Parceiro é uma modalidade de parceria de negócios criada pelo Grupo Vila Nova para ampliar sua capilaridade de oferta e garantir que

Leia mais

Resolução CC-52, de 23-6-2004

Resolução CC-52, de 23-6-2004 Resolução CC-52, de 23-6-2004 ANEXO I Institui a Política e o Plano Estratégico de Uso de Software na Administração Pública Estadual O Secretário-Chefe da Casa Civil, na qualidade de Presidente do Comitê

Leia mais

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação

Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Diretrizes curriculares nacionais e os projetos pedagógicos dos cursos de graduação Curso de Atualização Pedagógica Julho de 2010 Mediador: Adelardo Adelino Dantas de Medeiros (DCA/UFRN) Diretrizes Curriculares

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO Nº 127/CSJT.GP.SG, DE 23 DE MAIO DE 2012

CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO Nº 127/CSJT.GP.SG, DE 23 DE MAIO DE 2012 CONSELHO SUPERIOR DA JUSTIÇA DO TRABALHO ATO Nº 127/CSJT.GP.SG, DE 23 DE MAIO DE 2012 Aprova o cronograma das atividades relacionadas à implantação do Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho

Leia mais

Gestão de escopo do projeto

Gestão de escopo do projeto Nome Número: Série Gestão de escopo do projeto Assegura que o projeto contemple todo o trabalho, e apenas o trabalho necessário, para que a missão do projeto seja atingida. Escopo do projeto Quantidade

Leia mais

Integração entre gestão e o orçamento público na educação. Dr. Mauro Giovanni Lippi Filho Secretário Municipal de Educação

Integração entre gestão e o orçamento público na educação. Dr. Mauro Giovanni Lippi Filho Secretário Municipal de Educação Integração entre gestão e o orçamento público na educação Dr. Mauro Giovanni Lippi Filho Secretário Municipal de Educação Constituição Federal Art. 212. A União aplicará, anualmente, nunca menos de dezoito,

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DA FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS - FIESC

REGULAMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DA FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS - FIESC . REGULAMENTO INTERNO DOS LABORATÓRIOS DE INFORMÁTICA DA FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS - FIESC CAPITULO I DA CONSTITUIÇÃO DO LABORATÓRIO DE INFORMÁTICA Art. 1º. O Presente

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1

CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO RADIAL DE SÃO PAULO SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 SÍNTESE DO PROJETO PEDAGÓGICO DE CURSO 1 CURSO: Redes de Computadores MISSÃO DO CURSO Com a modernização tecnológica e com o surgimento destes novos serviços e produtos, fica clara a necessidade de profissionais

Leia mais

Compras de Software do Governo. eduardo.santos@planejamento.gov.br www.softwarepublico.gov.br

Compras de Software do Governo. eduardo.santos@planejamento.gov.br www.softwarepublico.gov.br Compras de Software do Governo eduardo.santos@planejamento.gov.br www.softwarepublico.gov.br Modelos de Negócios O que você vende? Qual é o modelo de negócios da sua empresa? Quanto você está faturando?

Leia mais

REGULAMENTO LABORATÓRIO INFORMÁTICA

REGULAMENTO LABORATÓRIO INFORMÁTICA REGULAMENTO LABORATÓRIO INFORMÁTICA APRESENTAÇÃO A Faculdade Eça de Queirós possui dois laboratórios de informática, equipados com 20 computadores cada, todos com Sistema Operacional Linux e Acesso à Internet.

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS

PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS PLANO DE ATUALIZAÇÃO E MANUTENÇÃO DOS EQUIPAMENTOS 1. INTRODUÇÃO As Faculdades mantidas pelo Instituto Educacional de Assis IEDA (Escola de Educação Física de Assis, Faculdade de Administração de Assis,

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO SOBRE O CURSO A tecnologia ocupa papel de destaque no atual cenário socioeconômico mundial, presente em todos os setores e atividades econômicas. Essa revolução transformou o mundo

Leia mais

Nome e contato do responsável pelo preenchimento deste formulário: Allyson Pacelli (83) 88252115 e Mariana Oliveira.

Nome e contato do responsável pelo preenchimento deste formulário: Allyson Pacelli (83) 88252115 e Mariana Oliveira. Dados da empresa PRÊMIO ABF- AFRAS DESTAQUE SUSTENTABILIDADE 2012 FORMULÁRIO DE INSCRIÇÃO Categoria Franqueado Razão Social: Capacita Empreendimentos Educacionais Nome Fantasia: SOS Educação Profissional

Leia mais

Certificado CERTICS para Software

Certificado CERTICS para Software Certificado CERTICS para Software Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) ATIVOS: Equipe: 29 profissionais 2 (CTI), 18 (FACTI), 9 bolsistas Plataformas: CERTICSys, politicsys Metodologias:

Leia mais

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.338/2015 PE 0652/2015

EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.338/2015 PE 0652/2015 EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMÁTICA S/A IPLANRIO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO ESCLARECIMENTO PROCESSO 01.300.338/2015 PE 0652/2015 1 - Para a realização da vistoria técnica do processo acima citado se

Leia mais

Em atenção a solicitação de esclarecimento de licitantes temos a informar o seguinte:

Em atenção a solicitação de esclarecimento de licitantes temos a informar o seguinte: DIRETORIA GERAL COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO - COPEL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 32/2013 PERGUNTAS E RESPOSTAS DE LICITANTES: Em atenção a solicitação de esclarecimento de licitantes temos a informar o seguinte:

Leia mais

Moodle como ferramenta de apoio pedagógico Estudo de caso da Faculdade da Serra Gaúcha

Moodle como ferramenta de apoio pedagógico Estudo de caso da Faculdade da Serra Gaúcha Moodle como ferramenta de apoio pedagógico Estudo de caso da Faculdade da Serra Gaúcha Vianei Roberto Mayolo Adriano Pistore Estrutura da apresentação Apresentação da FSG Ensino Integrado Implantação do

Leia mais

Apoio à Implantação do 4º Ano Vocacional no Ensino Médio

Apoio à Implantação do 4º Ano Vocacional no Ensino Médio Programa 1066 Escola Básica Ideal Objetivo Oferecer atendimento integral e de qualidade em escolas de Educação Básica modelares e de referência Justificativa Público Alvo Crianças, adolescentes, jovens

Leia mais

ESPELHO DE EMENDAS DE INCLUSÃO DE META

ESPELHO DE EMENDAS DE INCLUSÃO DE META COMISSÃO MISTA DE PLANOS, ORÇAMENTOS E FISCALIZ S AO PLN 0002 / 2007 - LDO Página: 489 de 2393 ESPELHO DE S DE INCLUSÃO DE META AUTOR DA 24760001 0461 Promoção da Pesquisa e do Desenvolvimento Científico

Leia mais

INSTITUTO MAUÁ DE TECNOLOGIA

INSTITUTO MAUÁ DE TECNOLOGIA INSTITUTO MAUÁ DE TECNOLOGIA O Centro Universitário do IMT - CEUN-IMT, oferece cursos de Administração, Design do Produto, Engenharia de Alimentos, Engenharia Civil, Engenharia de Controle e Automação,

Leia mais

Moodle como ferramenta de apoio pedagógico

Moodle como ferramenta de apoio pedagógico Moodle como ferramenta de apoio pedagógico Estudo de caso da Faculdade da Serra Gaúcha Estrutura da apresentação Apresentação da FSG Ensino Integrado Resultados Vianei Roberto Mayolo Adriano Pistore A

Leia mais

MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região

MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema de gestão de projetos do Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região Belém PA 2013 MANUAL DE GESTÃO DE PROJETOS: Guia de referência do sistema

Leia mais

Prefeitura Municipal do Natal

Prefeitura Municipal do Natal Prefeitura Municipal do Natal Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Finanças Plano Plurianual 2010/2013 Programa Horizonte Público Objetivo: 8 Mobilidade e Cidadania Contínuo População do município

Leia mais

Fusão Tecnologia. Apresentação da Empresa e Soluções. www.fusaotecnologia.com.br

Fusão Tecnologia. Apresentação da Empresa e Soluções. www.fusaotecnologia.com.br Fusão Tecnologia Apresentação da Empresa e Soluções APRESENTAÇÃO DA EMPRESA Quem Somos: A Fusão Tecnologia é uma empresa TI, especializada em soluções de infraestrutura Etapa em 2 tecnologia nas áreas

Leia mais