Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso"

Transcrição

1 Caso Clínico Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso José Euclides Nascimento* Luciano da Silva Carvalho** Resumo Caso clínico de Classe II, divisão 1 a de Angle, tratado com aparelho ortopédico funcional de avanço mandibular (Bionator), aparelho ortopédico mecânico (AEB) e aparelho ortodôntico fixo com a técnica Straight-Wire, mostrando a conveniência do tratamento através da junção dos recursos disponíveis da Ortodontia e Ortopedia Facial (funcional e mecânica), em benefício do paciente. Palavras-chave: Má oclusão de Angle Classe II. Ortodontia Corretiva. Ortopedia Facial. EXAME CLÍNICO Paciente J. C., do sexo feminino, 9 anos e 1 mês de idade no início do tratamento, com boa saúde geral. Apresentava respiração bucal, deglutição atípica, falta de competência labial e interposição labial com vedamento forçado. (Fig. 1). Na análise dentária encontrava-se na fase de dentadura mista e com uma má oclusão de Classe II divisão 1 a de Angle, além de sobressaliência acentuada e apinhamento anterior superior e inferior moderado. Os dentes apresentavam-se normais quanto à forma, tamanho e estrutura. Os tecidos moles intrabucais não apresentavam nenhuma anormalidade (Fig. 2). A A.T.M. (Articulação Temporomandibular) apresentava-se normal à palpação sem sinais e sintomas aparentes de disfunção articular. Possuía boa higiene bucal. EXAME RADIOGRÁFICO Na radiografia panorâmica nenhuma alteração de número, formação e cronologia de erupção dentária foi observada (Fig. 3). ANÁLISE DE MODELOS Os arcos dentários apresentavam relação molar de Classe II, divisão 1 a de Angle completa, com sobressaliência de 9,0mm. A linha média estava coincidente, tanto dente a dente, como dente superior e inferior com o plano sagital mediano. Apesar do apinhamento suave anterior tanto no arco superior como inferior, a discrepância de modelo de Moyers (análise para dentadura mista) a 75% foi positiva em ambos os arcos, superior = + 3,0mm e inferior = + 0,5mm. A curva de Spee no arco inferior apresentava-se moderada (Fig. 4). * Professor Assistente do Curso de Especialização em Ortodontia e Ortopedia Facial da EAP-APCD-Sorocaba e EAP-APCD-SP. ** Professor Doutor Coordenador do Curso de Especialização em Ortodontia e Ortopedia Facial da EAP-APCD-SP. R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

2 Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso A FIGURA 1 Fotografias iniciais extrabucais de (A) frente e (B) perfil. B FIGURA 2 Fotografias iniciais intrabucais (A) lateral direita, (B) de frente, e (C) lateral esquerda. FIGURA 3 Radiografia panorâmica inicial. 82 R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set. 2003

3 José Euclides Nascimento, Luciano da Silva Carvalho D FIGURA 4 Fotografias iniciais dos modelos. ANÁLISE CEFALOMÉTRICA A paciente apresentava um perfil facial acentuadamente convexo às custas de uma Classe II mandibular. A maxila apresentavase bem posicionada enquanto a mandíbula encontrava-se retruída e com o comprimento mandibular diminuído. Os incisivos superiores apresentavam-se vestibularizados e os inferiores lingualizados, característico da interposição labial. O padrão facial era do tipo braquifacial, o que nos favoreceria durante o tratamento (Fig. 5). DESCRIÇÃO DO TRATAMENTO Com base nos exames acima citados e mais o RX de mão e punho que indicava que a paciente encontrava-se na curva ascendente ao pico do gráfico de crescimento puberal (Fig. 6, 7), foi utilizado no tratamento de 1 a fase, um aparelho ortopédico funcional de avanço mandibular (Bionator) (Fig. 8). Essa fase teve duração de 25 meses, sendo 18 de utilização contínua e 7 de contenção (apenas para dormir). Houve ao final dessa fase uma grande melhora na estética facial e uma melhora considerável na má-oclusão de Classe II, com a diminuição quase completa do overjet, bem como, a relação molar que era de Classe II completa, passou a meia cúspide (Fig. 9, 10, 11, 12). Após um período de aproximadamente 18 meses apenas sob controle, sem nenhuma aparatologia, iniciou-se o tratamento de 2 a fase, com a instalação de um aparelho ortopédico mecânico para terminar de relacionar os dentes em normoclusão. O aparelho utilizado foi o AEB tipo KHG (tração baixa) com 600 gramas de força, 12 horas diária (Fig. 13). Na seqüência foi montado o aparelho ortodôntico fixo (técnica Straight-Wire - prescrição de Roth) para alinhamento, nivelamento e acabamento final nos arcos superior e inferior (Fig. 14). O tempo de tratamento com o AEB e o aparelho ortodôntico fixo foi de 18 meses, quando então o mesmo foi removido e instalado R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

4 Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso A FIGURA 5 (A)Telerradiografia lateral inicial.(b) Traçado anatômico cefalométrico inicial. B FIGURA 6 Radiografia de mão e punho. cm/ano MP/PUB Pico Fim S. P. C. Term. Cresc. 6 meses 6 meses 6 meses 6 meses 6 meses 6 meses Idade Cronológica FIGURA 7 Gráfico da curva de crescimento puberal. 84 R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set. 2003

5 José Euclides Nascimento, Luciano da Silva Carvalho FIGURA 8 Aparelho ortopédico funcional (Bionator). FIGURA 9 Fotografias extrabucais de (A) frente, (B) perfil e (C) sorriso, após a 1 a fase com a utilização do aparelho Bionator. D FIGURA 10 Fotografias intrabucais (A) lateral direita, (B) de frente, (C) lateral esquerda, (D) oclusal superior e (E) oclusal inferior, após a 1 a fase com a utilização do aparelho Bionator. E R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

6 Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso FIGURA 11 Radiografia panorâmica, após a 1 a fase com a utilização do aparelho Bionator. FIGURA 12 Telerradiografia lateral, após a 1a. fase com a utilização do aparelho Bionator. um contensor tipo Hawley no arco superior e tipo 3x3 fixo no inferior. RESULTADO FINAL E DISCUSSÃO A paciente iniciou o tratamento com a idade de 9 anos e 1 mês e terminou aos 14 anos, o que decorreu 5 anos, entretanto, descontado-se o tempo de contenção da primeira fase e o tempo entre as duas fases, o tratamento ativo foi de 36 meses, sendo 18 para cada fase. Os objetivos do tratamento foram atingidos, tanto na parte esquelética como dentária. E também estética e funcionalmente. A colaboração, FIGURA 13 Fotografia do AEB KHG. bem como, o tipo de padrão facial (braquifacial) da paciente foi importante para que esses resultados fossem alcançados (Fig ). O tratamento também se mostrou estável um ano após seu término, como mostram as figuras 23, 24, 25. Portanto nos parece que com correto diagnóstico e planejamento e quando bem utilizada na fase correta do crescimento, as alterações esqueléticas e dentárias conseguidas com a Ortodontia e a Ortopedia Facial, seja ela funcional ou mecânica, não demandam de tempo de tratamento exorbitante. 86 R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set. 2003

7 José Euclides Nascimento, Luciano da Silva Carvalho FIGURA 14 Fotografias intrabucais (A) lateral direita (B) de frente e (C) lateral esquerda durante o tratamento com aparelho ortodôntico fixo (técnica Straight-Wire, prescrição de Roth). FIGURA 15 Fotografias finais extrabucais (A) de frente, (B) perfil e (C) sorriso. D FIGURA 16 Fotografias finais intrabucais (A) lateral esquerda, (B) de frente, (C) lateral direita, (D) oclusal superior e (E) oclusal inferior. E R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

8 Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso D FIGURA 17 Fotografias finais dos modelos. FIGURA 18 Radiografia panorâmica final. A FIGURA 19 - (A) Telerradiografia lateral final. (B) Traçado anatômico cefalométrico final. B 88 R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set. 2003

9 José Euclides Nascimento, Luciano da Silva Carvalho FIGURA 20 Fotografias extrabucais de perfil inicial e após a 1 a fase com a utilização do aparelho Bionator. FIGURA 21 Fotografias extrabucais de perfil inicial e final. A FIGURA 22 (A) Sobreposições craniofaciais dos traçados inicial e final com registro no ponto Sela, utilizando a linha Sela Násio para avaliar o crescimento geral e alterações do tratamento. (B) Sobreposições maxilar e mandibular inicial e final, para avaliar a movimentação dos dentes superiores e inferiores, bem como, o crescimento mandibular. B R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

10 Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso FIGURA 23 Fotografias extrabucais de (A) frente, (B) perfil e (C) sorriso, um ano após o término do tratamento. D FIGURA 24 - Fotografias intrabucais (A) lateral direita, (B) de frente, (C) lateral esquerda, (D) oclusal superior e (E) oclusal inferior, um ano após o término do tratamento. E Class II, division 1 malocclusion, treated with the orthodontics and dentofacial orthopedics (functional and mechanical): case report Abstract A case report of Class II, Division 1 malocclusion, treated with functional orthopedic appliance to advance the mandible (Bionator) and mechanic orthopedic appliance (Head Gear) and fixed appliance with straight wire technique, showing the convenience of the treatment using available resources of the Orthodontics and Dentofacial Orthopedics (functional and mechanics), in the patient s benefit. Key words: Angle Class II Malocclusion. Orthodontics Corrective. Dentofacial Orthopedics. 90 R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set. 2003

11 José Euclides Nascimento, Luciano da Silva Carvalho A B C FIGURA 25 (A) oclusão funcional: guia anterior e desoclusão posterior, um ano após o término do tratamento. (B) oclusão funcional: guia canino direita e desoclusão esquerda, um ano após o término do tratamento. (C) oclusão funcional: guia canino esquerda e desoclusão direita, um ano após o término do tratamento. REFERÊNCIAS 1. BALTERS, W. Guía de la técnica del Bionator. Trad. Por Victor Schulkin. 1. ed. Buenos Aires: Editorial Mundi, BAPTISTA, J. M. Tração extrabucal: diagnose e terapia. 2. ed. Curitiba: Editek, INTERLANDI, S. Ortodontia: mecânica do arco de canto: introdução à técnica. São Paulo: Sarvier, KLOEHN, S. J. Orthodontics: force or persuasion. Angle Orthod, Appleton, no. 1, p , MARTINS, J. C. R. Surto de crescimento puberal e maturação óssea em ortodontia f. Dissertação (Mestrado em Ortodontia)-Faculdade de Odontologia, Universidade de São Paulo, São Paulo, MARTINS, J. C. R.; SAKIMA, T. Considerações sobre a previsão do surto de crescimento puberal. Ortodontia, São Paulo, v.10, n. 3, p , dez MOYERS, R. Ortodontia. 3. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, p ROTH, R. H. Tratamento com a técnica do arco contínuo. In: PETRELLI, E. Ortodontia contemporânea. São Paulo: Sarvier, cap. 11, p Endereço para correspondência: José Euclides Nascimento Av. Gonçalves Magalhães, Trujillo Sorocaba SP Cep: R Clín Ortodon Dental Press, Maringá, v. 2, n. 4, p ago./set

RADIOLOGIA EM ORTODONTIA

RADIOLOGIA EM ORTODONTIA RADIOLOGIA EM ORTODONTIA Sem dúvida alguma, o descobrimento do RX em 1.895, veio revolucionar o diagnóstico de diversas anomalias no campo da Medicina. A Odontologia, sendo área da saúde, como não poderia

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO APARELHO Componentes do aparelho extrabucal 3

APRESENTAÇÃO DO APARELHO Componentes do aparelho extrabucal 3 Série Aparelhos Ortodônticos EXTRABUCAL INTRODUÇÃO A ancoragem extrabucal ainda é um dos recursos mais utilizados e recomendados no tratamento da má oclusão de Classe II, primeira divisão, caracterizada

Leia mais

Mordida Profunda Definição. Trespasse vertical

Mordida Profunda Definição. Trespasse vertical Mordida Profunda Definição Trespasse vertical Mordida Profunda Diagnóstico Os fatores que contribuem variam de acordo com a oclusão: u Em boas oclusões é determinda por fatores dentários: t Comprimento

Leia mais

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior A RTIGO DE D IVULGA ÇÃO Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior Roberto M. A. LIMA FILHO*, Anna Carolina LIMA**, José H. G. de OLIVEIRA***, Antonio C. de

Leia mais

TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE PRÉ-MOLAR

TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE PRÉ-MOLAR Miguel da Nóbrega Médico Especialista em Estomatologia DUO Faculdade de Cirurgia Dentária Universidade Toulouse miguel.nobrega@ortofunchal.com TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE

Leia mais

Tratamento Ortodôntico da Má Oclusão de Classe II, Primeira Divisão. SAULO BORDIN MARIA

Tratamento Ortodôntico da Má Oclusão de Classe II, Primeira Divisão. SAULO BORDIN MARIA Tratamento Ortodôntico da Má Oclusão de Classe II, Primeira Divisão. SAULO BORDIN MARIA Londrina 2013 SAULO BORDIN MARIA TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II, PRIMEIRA DIVISÃO Trabalho de

Leia mais

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL Montagem das Pastas As pastas devem estar organizadas na seguinte ordem: I- Externo Página Título: colocar na capa frontal da pasta (a capa tem um envelope plástico para esta finalidade). BOARD BRASILEIRO

Leia mais

Reginaldo César Zanelato

Reginaldo César Zanelato Reginaldo César Zanelato Nos pacientes portadores da má oclusão de Classe II dentária, além das opções tradicionais de tratamento, como as extrações de pré-molares superiores e a distalização dos primeiros

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA Data: Nome do Paciente: Orientador(es): Nome do Aluno: QUALIFICAÇÃO Nacionalidade: Naturalidade: Etnia: Gênero: Data Nascimento: IDADE: Anos: Meses: Endereço: Bairro:

Leia mais

Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética

Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética Caso Clínico BBO Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética Ione Helena Vieira Portella Brunharo 1 O preparo ortodôntico para tratamento cirúrgico do padrão esquelético de

Leia mais

Extração Seriada, uma Alternativa

Extração Seriada, uma Alternativa Artigo de Divulgação Extração Seriada, uma Alternativa Serial Extraction, an Alternative Procedure Evandro Bronzi Resumo A extração seriada é um procedimento ortodôntico que visa harmonizar

Leia mais

Má oclusão Classe I de Angle, com acentuada biprotrusão, tratada com extrações de dentes permanentes*

Má oclusão Classe I de Angle, com acentuada biprotrusão, tratada com extrações de dentes permanentes* C a s o C l í n i c o O Má oclusão Classe I de ngle, com acentuada biprotrusão, tratada com extrações de dentes permanentes* Marco ntônio Schroeder** Resumo Este relato de caso descreve o tratamento de

Leia mais

TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS

TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS Jorge Ferreira Rodrigues 1 Marcella Maria Ribeiro do Amaral Andrade 2 Ernesto Dutra Rodrigues 3 Resumo O tratamento ortodôntico da

Leia mais

PUCPR - O.R.T.O.D.O.N.T.I.A - GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO F I C H A C L Í N I C A Nome do/a Paciente: Número: 1.0 IDENTIFICAÇÃO DO PACIENTE 1.1 Nome: 1.2 Data de Nascimento: Sexo: F M Idade: 1.3 Peso: Kg

Leia mais

incisivos inferiores 1,3,4,6. Há também um movimento do nariz para frente, tornando o perfil facial menos côncavo e, conseqüentemente,

incisivos inferiores 1,3,4,6. Há também um movimento do nariz para frente, tornando o perfil facial menos côncavo e, conseqüentemente, Série Aparelhos Ortodônticos MÁSCARA FACIAL INTRODUÇÃO Inúmeras formas de tratamento têm sido relatadas para a correção precoce da má oclusão de Classe III. No entanto, talvez por muitos casos necessitarem

Leia mais

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações 1 INTRODUÇÃO Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações desse padrão. Vale a pena relembrarmos a definição

Leia mais

Uso do aparelho de Thurow no tratamento da má oclusão esquelética de Classe II

Uso do aparelho de Thurow no tratamento da má oclusão esquelética de Classe II A r t i g o I n é d i t o Uso do aparelho de Thurow no tratamento da má oclusão esquelética de Classe II Maíra Massuia de Souza*, Talita Mathes de Freitas*, Adriana Sasso Stuani**, Andréa Sasso Stuani***,

Leia mais

Tracionamento ortodôntico de incisivos central e lateral superiores impactados: caso clínico

Tracionamento ortodôntico de incisivos central e lateral superiores impactados: caso clínico Caso Clínico Tracionamento ortodôntico de incisivos central e lateral superiores impactados: caso clínico Plínio Coutinho Vilas Boas*, Luís Antônio Alves Bernardes**, Matheus Melo Pithon***, Diogo Piacentini

Leia mais

O tipo facial e a morfologia do arco dentário no planejamento ortodôntico

O tipo facial e a morfologia do arco dentário no planejamento ortodôntico Caso Clínico O tipo facial e a morfologia do arco dentário no planejamento ortodôntico Alexandre de Almeida Ribeiro* Resumo A morfologia do arco dentário está relacionada diretamente com as demais partes

Leia mais

PRISCILLA MENDES CORREA VICTOR

PRISCILLA MENDES CORREA VICTOR FUNORTE-FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS NÚCLEO NITERÓI-SMILE ODONTOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA TRATAMENTO DA SOBREMORDIDA: RELATO DE CASO CLÍNICO PRISCILLA MENDES CORREA VICTOR Monografia

Leia mais

Tratamento ortodôntico-cirúrgico da má oclusão de Classe III

Tratamento ortodôntico-cirúrgico da má oclusão de Classe III Caso Clínico Tratamento ortodôntico-cirúrgico da má oclusão de Classe III Eloísa Marcântonio Boeck*, Silvia Amelia S. Vedovello**, Adriana Simoni Lucato***, Maria Beatriz Borges de Araújo Magnani****,

Leia mais

Extração atípica de incisivos centrais superiores: relato de caso clínico Atypical extraction of maxillary central incisors: case report

Extração atípica de incisivos centrais superiores: relato de caso clínico Atypical extraction of maxillary central incisors: case report RELATO DE CASO Extração atípica de incisivos centrais superiores: relato de caso clínico Atypical extraction of maxillary central incisors: case report MARCOS VALÉRIO FERRARI 1 JOSÉ RICARDO SCANAVINI 2

Leia mais

UTILIZAÇÃO DO APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR COMO ANCORAGEM PARA MESIALIZAÇÃO DE MOLARES INFERIORES: RELATO DE CASO CLÍNICO RESUMO

UTILIZAÇÃO DO APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR COMO ANCORAGEM PARA MESIALIZAÇÃO DE MOLARES INFERIORES: RELATO DE CASO CLÍNICO RESUMO 474 UTILIZAÇÃO DO APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR COMO ANCORAGEM PARA MESIALIZAÇÃO DE MOLARES INFERIORES: RELATO DE CASO CLÍNICO Fábio André Werlang 1 Marcos Massaro Takemoto 2 Prof Elton Zeni 3 RESUMO

Leia mais

Boa leitura a todos e aguardamos seus comentários e sugestões. Ricardo Moresca

Boa leitura a todos e aguardamos seus comentários e sugestões. Ricardo Moresca Orthodontic Science and Practice. 2012; 5(19):261-274. 261 A Classe II é uma das más oclusões mais frequentes entre os pacientes que buscam pelo tratamento ortodôntico e a sua correção pode representar

Leia mais

TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II COM APARELHO DE HERBST CAIO MÁRCIO DE TEVES MORENO

TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II COM APARELHO DE HERBST CAIO MÁRCIO DE TEVES MORENO FUNORTE-FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS NÚCLEO NITERÓI-SMILE ODONTOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II COM APARELHO DE HERBST CAIO MÁRCIO DE TEVES MORENO

Leia mais

Tratamento da mordida aberta anterior: relato de caso clínico

Tratamento da mordida aberta anterior: relato de caso clínico Caso Clínico Tratamento da mordida aberta anterior: relato de caso clínico Márcio José Reis*, Carla Nogueira Pinheiro**, Mirelle Malafaia*** Resumo Fazendo parte das más oclusões verticais, a mordida aberta

Leia mais

Araki AT. Tratamento da má oclusão de Classe II, subdivisão direita, segundo a terapia bioprogressiva.

Araki AT. Tratamento da má oclusão de Classe II, subdivisão direita, segundo a terapia bioprogressiva. caso clínico 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 Tratamento da má oclusão de Classe II, subdivisão direita, segundo

Leia mais

Má oclusão Classe III de Angle com discrepância anteroposterior acentuada

Má oclusão Classe III de Angle com discrepância anteroposterior acentuada C ASO CLÍNIC O BBO Má oclusão Classe III de Angle com discrepância anteroposterior acentuada Carlos Alexandre Câmara* Resumo O caso clínico apresentado refere-se ao tratamento de uma paciente com 36 anos,

Leia mais

MARCOS PRADEBON TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II: REVISÃO DE LITERATURA

MARCOS PRADEBON TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II: REVISÃO DE LITERATURA FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS- FUNORTE INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MARCOS PRADEBON TRATAMENTO DA MÁ OCLUSÃO CLASSE II: REVISÃO DE LITERATURA Santa Cruz do Sul 2013 MARCOS PRADEBON TRATAMENTO DA

Leia mais

Tratamento ortodontico em paciente adulto: relato de caso clínico

Tratamento ortodontico em paciente adulto: relato de caso clínico Caso Clínico Tratamento ortodontico em paciente adulto: relato de caso clínico Matheus Melo Pithon*, Luiz Antônio Alves Bernardes** Resumo Com o maior acesso da população aos serviços de saúde bucal houve

Leia mais

EXTRAÇÕES DE DOIS PRÉ-MOLARES SUPERIORES NA MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II: PARÂMETROS DE DIAGNÓSTICO E NOVOS RECURSOS NA MECÂNICA.

EXTRAÇÕES DE DOIS PRÉ-MOLARES SUPERIORES NA MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II: PARÂMETROS DE DIAGNÓSTICO E NOVOS RECURSOS NA MECÂNICA. 1 EXTRAÇÕES DE DOIS PRÉ-MOLARES SUPERIORES NA MÁ OCLUSÃO DE CLASSE II: PARÂMETROS DE DIAGNÓSTICO E NOVOS RECURSOS NA MECÂNICA. EWALDO LUIZ DE ANDRADE Especialista em Ortodontia Mestre em Diagnóstico Bucal

Leia mais

Barra palatina assimétrica em L : ancoragem em casos de Classe II subdivisão tipo 2 tratados com extração de um pré-molar superior

Barra palatina assimétrica em L : ancoragem em casos de Classe II subdivisão tipo 2 tratados com extração de um pré-molar superior caso clínico Barra palatina assimétrica em L : ancoragem em casos de Classe II subdivisão tipo 2 tratados com extração de um pré-molar superior L-shaped asymmetrical palatal bar: anchorage in Class II

Leia mais

Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1)

Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1) Artigo de Divulgação Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1) Treatment of a Class III, Subdivision Malocclusion: A Case Report (Part 1) Guilherme R.

Leia mais

ELEMENTOS ESSENCIAIS DIAGNÓSTICO. Prof. Hélio Almeida de Moraes.

ELEMENTOS ESSENCIAIS DIAGNÓSTICO. Prof. Hélio Almeida de Moraes. ELEMENTOS ESSENCIAIS DE DIAGNÓSTICO Prof. Hélio Almeida de Moraes. ÍNDICE INTRODUÇÃO 1 Documentação do Paciente: 2 1- Ficha Clínica:- 2 A- Identificação: 2 B- Anamnese: 3 História da Família 3 História

Leia mais

(VTO dentário) Resumo Este presente artigo teve por finalidade demonstrar, simplificadamente, o manejo

(VTO dentário) Resumo Este presente artigo teve por finalidade demonstrar, simplificadamente, o manejo iagnóstico Análise da Movimentação entária (VTO dentário) Adriano César Trevisi Zanelato*, Hugo José Trevisi**, Reginaldo César Trevisi Zanelato***, André César Trevisi Zanelato*, Renata Chicarelli Trevisi****

Leia mais

Tratamento da classe II, com aparelho de herbst modificado relato de caso clínico

Tratamento da classe II, com aparelho de herbst modificado relato de caso clínico 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 Class II malocclusion treatment with modified Herbst appliance A Case Report Resumo

Leia mais

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada?

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? A avaliação da estética facial, bem como sua relação com a comunicação e expressão da emoção, é parte importante no

Leia mais

Programa Laboratorial (hands on em Manequim)

Programa Laboratorial (hands on em Manequim) PROGRAMA DE CURSO DE EXCELÊNCIA EM ORTODONTIA COM 8 MÓDULOS DE 2 DIAS MENSAIS Prof. ROQUE JOSÉ MUELLER - Tratamento Ortodôntico de alta complexidade em adultos : diagnóstico, planejamento e plano de tratamento.

Leia mais

A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II

A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II Caso Clínico A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II Luiz Felipe Viegas Josgrilbert*, Marcelo Kayatt Lacoski**, Fernando Esgaib Kayatt***, Priscila

Leia mais

IGC - Índice do Grau de Complexidade

IGC - Índice do Grau de Complexidade IGC - Índice do Grau de Complexidade Uma medida da complexidade do caso DI -American Board of Orthodontics Autorização American Board of Orthodon1cs- ABO Atualização: 13.05.2013 12. Outros Itens pontuados

Leia mais

A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II

A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II Caso Clínico A influência do padrão de crescimento facial no tratamento ortopédico da má oclusão de Classe II Luiz Felipe Viegas Josgrilbert*, Marcelo Kayatt Lacoski**, Fernando Esgaib Kayatt***, Priscila

Leia mais

Importância do exame radiográfico

Importância do exame radiográfico Exames e Indicações Importância do exame radiográfico O exame radiográfico de rotina associado ao exame clínico é a maneira mais efetiva de se obter o índice diagnóstico de 100% de cárie (segundo Estevam

Leia mais

OCLUSÃO! ! Posições mandibulares. ! Movimentos mandibulares. ! Equilíbrio de forças atuantes - vestibulolingual

OCLUSÃO! ! Posições mandibulares. ! Movimentos mandibulares. ! Equilíbrio de forças atuantes - vestibulolingual Universidade de Brasília Departamento de Odontologia OCLUSÃO! NOÇÕES DE OCLUSÃO! Estudo das relações estáticas e dinâmicas entre as estruturas do sistema mastigatório!! Movimentos mandibulares Disciplina

Leia mais

FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS - FUNORTE INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FERNANDO BAIER APARELHOS ORTOPÉDICOS DE AVANÇO MANDIBULAR

FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS - FUNORTE INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FERNANDO BAIER APARELHOS ORTOPÉDICOS DE AVANÇO MANDIBULAR FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS - FUNORTE INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FERNANDO BAIER APARELHOS ORTOPÉDICOS DE AVANÇO MANDIBULAR SANTA CRUZ DO SUL-RS 2012 FERNANDO BAIER APARELHOS ORTOPÉDICOS DE

Leia mais

Solicitação de Exames

Solicitação de Exames Solicitação de Exames Dr. Fábio Eduardo Maiello Monteiro Alves CROSP: 85.833 Paciente: Data: / / Solicito os exames assinalados com a finalidade de: Entregar no consultório Enviar por E-mail Atualizar

Leia mais

Utilização do APM no tratamento da má oclusão de Classe II, 2ª divisão, em paciente adulto

Utilização do APM no tratamento da má oclusão de Classe II, 2ª divisão, em paciente adulto Caso Clínico Utilização do APM no tratamento da má oclusão de Classe II, 2ª divisão, em paciente adulto Jaime Sampaio Bicalho*, Rafael de Faria Bicalho** Resumo Relato de caso clínico de paciente com 51

Leia mais

Breve Panorama Histórico

Breve Panorama Histórico Análise Facial Breve Panorama Histórico Norman Kingsley Kingsley (final do séc.xix): s a articulação dos dentes secundária à aparência facial. Breve Panorama Histórico Edward Angle (in (início séc. s XX)

Leia mais

A UTILIZAÇÃO CLÍNICA DO APARELHO PROPULSOR MANDIBULAR FORSUS NA

A UTILIZAÇÃO CLÍNICA DO APARELHO PROPULSOR MANDIBULAR FORSUS NA A UTILIZAÇÃO CLÍNICA DO APARELHO PROPULSOR MANDIBULAR FORSUS NA CLÍNICA ORTODÔNTICA Mario Cappellette Jr, Paulo Sergio Kozara, Carolina M F Costa RESUMO Palavras-chave: Forsus. Crescimento mandibular.

Leia mais

Sliding Jig: confecção e mecanismo de ação

Sliding Jig: confecção e mecanismo de ação Dica Clínica Sliding Jig: confecção e mecanismo de ação Adriana Simoni Lucato* Eloísa Marcantônio Boeck* Silvia Amelia Scudeler Vedovello* João Sarmento Pereira Neto** Maria Beatriz Borges de Araújo Mangnani***

Leia mais

EPIDEMIOLOGIA DAS MÁS OCLUSÕES NA DENTADURA MISTA EM ESCOLARES DE TERESINA PI

EPIDEMIOLOGIA DAS MÁS OCLUSÕES NA DENTADURA MISTA EM ESCOLARES DE TERESINA PI EPIDEMIOLOGIA DAS MÁS OCLUSÕES NA DENTADURA MISTA EM ESCOLARES DE TERESINA PI Marcus Vinicius Neiva Nunes do Rego - NOVAFAPI Olívia de Freitas Mendes - NOVAFAPI Thaís Lima Rocha NOVAFAPI Núbia Queiroz

Leia mais

CORREÇÃO PRECOCE DA PSEUDO CLASSE III COM APARELHO ORTODÔNTICO REMOVÍVEL E ALÇA VESTIBULAR DO BIONATOR REVERSO DE BALTERS

CORREÇÃO PRECOCE DA PSEUDO CLASSE III COM APARELHO ORTODÔNTICO REMOVÍVEL E ALÇA VESTIBULAR DO BIONATOR REVERSO DE BALTERS CORREÇÃO PRECOCE DA PSEUDO CLASSE III COM APARELHO ORTODÔNTICO REMOVÍVEL E ALÇA VESTIBULAR DO BIONATOR REVERSO DE BALTERS Cristiane Celli Matheus dos Santos Pinto Paulo Roberto dos Santos Pinto Enzo Pugliesi

Leia mais

Grade Palatina como Auxiliar no Fechamento da Mordida Aberta Anterior

Grade Palatina como Auxiliar no Fechamento da Mordida Aberta Anterior TRABALHO DE PESQUISA Grade Palatina como Auxiliar no Fechamento da Mordida Aberta Anterior Palatine Bar as an Auxiliary Measure to Close Anterior Open Bite Sérgio Rúbio Pinto Bastos* Bastos SRP. Grade

Leia mais

APARELHOS ORTODÔNTICOS. e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES. Ortodontia & Ortopedia Facial. Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117

APARELHOS ORTODÔNTICOS. e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES. Ortodontia & Ortopedia Facial. Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117 APARELHOS ORTODÔNTICOS e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117 Ortodontia & Ortopedia Facial ORTODONTIA E Ortopedia Facial CUI CURI DADOS & OSIDADES Dr. Guilherme Thiesen

Leia mais

Alterações Verticais em Paciente com Mordida Aberta e Altura Excessiva da Face Inferior após Expansão Rápida da Maxila

Alterações Verticais em Paciente com Mordida Aberta e Altura Excessiva da Face Inferior após Expansão Rápida da Maxila rtigo de Divulgação lterações Verticais em Paciente com Mordida berta e ltura Excessiva da Face Inferior após Expansão Rápida da Maxila Vertical Changes in a Patient with Open ite and Excessive Lower nterior

Leia mais

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE CENTRO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DAS ALTERAÇÕES FUNCIONAIS DO SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO Área de Prótese Fixa e Escultura Dental FICHA CLÍNICA 1 - Dados Pessoais

Leia mais

Descrição, passo a passo, do aparelho de Herbst com coroas de açoa. o superiores e splint removível vel inferior

Descrição, passo a passo, do aparelho de Herbst com coroas de açoa. o superiores e splint removível vel inferior Descrição, passo a passo, do aparelho de Herbst com coroas de açoa o superiores e splint removível vel inferior MORO, A.; et al. Descrição, passo a passo, do aparelho de Herbst com coroas de aço superiores

Leia mais

Limitações no Tratamento Ortodôntico de Pacientes com Padrão de Crescimento Vertical

Limitações no Tratamento Ortodôntico de Pacientes com Padrão de Crescimento Vertical CASO CLÍNICO Limitações no Tratamento Ortodôntico de Pacientes com Padrão de Crescimento Vertical Orthodontic Treatment Limitations in Pacients with Vertical Growth Pattern Eustáquio Afonso ARAÚJO* Vania

Leia mais

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS Efeitos dentoalveolares e esqueléticos do tratamento da má oclusão Classe II com os aparelhos Herbst, Jasper Jumper e o Aparelho de Protração Mandibular

Leia mais

CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA. APROVADO: MEC e CFO

CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA. APROVADO: MEC e CFO CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA APROVADO: MEC e CFO 1º. MÓDULO: 1º. DIA: Apresentação da Especialização / Aula teórica de Classificação das Más-oclusões 2º. DIA: Aula teórica de Etiologia

Leia mais

MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO

MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO UNIMEP Universidade Metodista de Piracicaba OPEN BITE IN YOUNG PATIENT. CLINICAL REPORT EVANDRO DA SILVA BRONZI Mestrando em Ortodontia na Faculdade de

Leia mais

Áurea Cristina de Oliveira Corrêa

Áurea Cristina de Oliveira Corrêa FUNORTE-FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS NÚCLEO NITERÓI-SMILE ODONTOLOGIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA TRATAMENTO MINIMALISTA DAS MÁS OCLUSÕES DO PADRÃO FACE LONGA: RELATO DE CASO Áurea Cristina

Leia mais

Eficiência dos protocolos de tratamento em uma e duas fases da má oclusão de Classe II, divisão 1*

Eficiência dos protocolos de tratamento em uma e duas fases da má oclusão de Classe II, divisão 1* A r t i g o In é d i t o Eficiência dos protocolos de tratamento em uma e duas fases da má oclusão de Classe II, divisão 1* Rodrigo Hermont Cançado**, Arnaldo Pinzan***, Guilherme Janson****, José Fernando

Leia mais

REVISTA GESTÃO & SAÚDE (ISSN 1984-8153) EXTRAÇÃO DE INCISIVO INFERIOR EM ORTODONTIA LOWER INCISOR EXTRACTION IN ORTHODONTICS

REVISTA GESTÃO & SAÚDE (ISSN 1984-8153) EXTRAÇÃO DE INCISIVO INFERIOR EM ORTODONTIA LOWER INCISOR EXTRACTION IN ORTHODONTICS 1 EXTRAÇÃO DE INCISIVO INFERIOR EM ORTODONTIA LOWER INCISOR EXTRACTION IN ORTHODONTICS Tatiana Leite Moroz LESSA 1 Elcy ARRUDA 2 Roberley Araújo ASSAD 3 Fabiano Sfier de MELLO 4 Andrea Malluf Dabul de

Leia mais

MANTENEDORES DE ESPAÇO

MANTENEDORES DE ESPAÇO MANTENEDORES DE ESPAÇO Conceito São aparelhos ortodônticos usados para manter o espaço nas arcadas dentárias, por perda precoce de dentes decíduos. Classificação Quanto ao uso: fixos semifixos removíveis

Leia mais

Hugo Trevisi Reginaldo Trevisi Zanelato. O Estado da arte na. Ortodontia APARELHO AUTOLIGADO, MINI-IMPLANTE E EXTRAÇÕES DE SEGUNDOS MOLARES

Hugo Trevisi Reginaldo Trevisi Zanelato. O Estado da arte na. Ortodontia APARELHO AUTOLIGADO, MINI-IMPLANTE E EXTRAÇÕES DE SEGUNDOS MOLARES Hugo Trevisi Reginaldo Trevisi Zanelato O Estado da arte na Ortodontia APARELHO AUTOLIGADO, MINI-IMPLANTE E EXTRAÇÕES DE SEGUNDOS MOLARES O estado da arte na Ortodontia o estado da arte na Ortodontia

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO TST-SAÚDE ATO DELIBERATIVO Nº 23, DE 29 DE SETEMBRO DE 2009

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO TST-SAÚDE ATO DELIBERATIVO Nº 23, DE 29 DE SETEMBRO DE 2009 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSELHO DELIBERATIVO DO TST-SAÚDE ATO DELIBERATIVO 23, DE 29 DE SETEMBRO DE 2009 Dispõe sobre a assistência odontológica na especialidade de Ortodontia. O PRESIDENTE DO CONSELHO

Leia mais

Rev Inst Ciênc Saúde 2006 abr-jun; 24(2):115-23

Rev Inst Ciênc Saúde 2006 abr-jun; 24(2):115-23 Rev Inst Ciênc Saúde 2006 abr-jun; 24(2):115-23 Avaliação das alterações dentoalveolares verticais em pacientes retrovertidos, neutrovertidos e provertidos portadores de má oclusão de Classe II, divisão

Leia mais

Tratamento da Classe II com Distalização do Arco Superior Utilizando Microparafusos Ortodônticos de Titânio

Tratamento da Classe II com Distalização do Arco Superior Utilizando Microparafusos Ortodônticos de Titânio Capítulo Tratamento da Classe II com Distalização do Arco Superior Utilizando Microparafusos Ortodônticos de Titânio 1 Henrique Mascarenhas Villela Andréa Lacerda Santos Sampaio Évelin Rocha Limoeiro Introdução

Leia mais

Utilização do Aparelho Progênico para Correção das Mordidas Cruzadas Anteriores

Utilização do Aparelho Progênico para Correção das Mordidas Cruzadas Anteriores Tópico Especial Tema desenvolvido pelo conselho editorial abordando assuntos de interesse da classe ortodôntica Utilização do Aparelho Progênico para Correção das Mordidas Cruzadas Anteriores O direcionamento

Leia mais

Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe III esquelética e Classe III dentária.

Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe III esquelética e Classe III dentária. Miguel da Nóbrega Médico Especialista em Estomatologia DUO Faculdade de Cirurgia Dentária Universidade Toulouse miguel.nobrega@ortofunchal.com Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe

Leia mais

Orientação para interessados em tratamento ortodôntico

Orientação para interessados em tratamento ortodôntico 1 Orientação para interessados em tratamento ortodôntico Dras. Rosana Gerab Tramontina e Ana Carolina Muzete de Paula Ortodontia é a ciência que estuda o crescimento e o desenvolvimento da face e das dentições

Leia mais

Tratamento de Diastema entre Incisivos Centrais Superiores com Aparelho Fixo Combinado a Aparelho Removível: Casos Clínicos

Tratamento de Diastema entre Incisivos Centrais Superiores com Aparelho Fixo Combinado a Aparelho Removível: Casos Clínicos CSO CLÍNICO Tratamento de Diastema entre Incisivos Centrais Superiores com parelho Fixo Combinado a parelho Removível: Casos Clínicos Interincisal Diastema Treatment with Fixed and Removable Combined ppliances:

Leia mais

Tratamento da Má Oclusão de Classe II com Extração de Pré -Molares Superiores

Tratamento da Má Oclusão de Classe II com Extração de Pré -Molares Superiores Tratamento da Má Oclusão de Classe II com Extração de Pré -Molares Superiores Adriano César Trevisi Zanelato Coordenador do curso de especialização em Ortodontia pela Escola de Odontologia Cuiabá (MT).

Leia mais

O ingresso no Programa de Mestrado é feito por meio do exame de seleção, que consta de:

O ingresso no Programa de Mestrado é feito por meio do exame de seleção, que consta de: EDITAL DE SELEÇÃO 002/2016 Estarão abertas, a partir do dia 04 de março de 2016, as inscrições para a seleção de candidatos ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Odontológicas nas Áreas de Concentração

Leia mais

T4B TRAINER PARA BRAQUETES CORRIGE HÁBITOS MIOFUNCIONAIS DELETÉRIOS REDUZ O TRAUMA SOBRE OS TECIDOS MOLES CAUSADOS PELOS BRAQUETES

T4B TRAINER PARA BRAQUETES CORRIGE HÁBITOS MIOFUNCIONAIS DELETÉRIOS REDUZ O TRAUMA SOBRE OS TECIDOS MOLES CAUSADOS PELOS BRAQUETES T4B TRAINER PARA BRAQUETES CORRIGE HÁBITOS MIOFUNCIONAIS DELETÉRIOS REDUZ O TRAUMA SOBRE OS TECIDOS MOLES CAUSADOS PELOS BRAQUETES AUMENTA A EFICIÊNCIA DOS APARELHOS FIXOS TRATA OS SINTOMAS DE ATM EM TEMPO

Leia mais

APM: APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR.

APM: APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR. INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS APM: APARELHO DE PROTRAÇÃO MANDIBULAR. RODRIGO LOPES ROCHA Monografia apresentada ao Programa de Especialização em Ortodontia do ICS FUNORTE/SOEBRÁS NÚCLEO

Leia mais

CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES DENTISTAS

CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES DENTISTAS CURSO INTENSIVO CLINICO E LABORATORIAL PARA CIRURGÕES Dr. Dario Adolfi Dr. Gustavo Javier Vernazza Dr. Oswaldo Scopin de Andrade Data: 20 a 24 de setembro de 2010 PROGRAMA DO CURSO PRIMERO DIA Dr. Gustavo

Leia mais

ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA

ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA 1 ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA INTRODUÇÃO O período da dentição mista inicia-se por volta dos 6 anos de idade com a erupção dos primeiros molares permanentes, e termina ao redor dos 12 anos de idade, com

Leia mais

Aparelho Herbst: Protocolos de tratamento precoce e tardio

Aparelho Herbst: Protocolos de tratamento precoce e tardio A RTIGO I NÉDITO Aparelho Herbst: Protocolos de tratamento precoce e tardio Omar Gabriel da Silva Filho*, Carlos Alberto Aiello*, Marcelo Veloso Fontes** Resumo Até que ponto o crescimento mandibular pode

Leia mais

2. Quando o implante dental é indicado?

2. Quando o implante dental é indicado? Dúvidas sobre implantodontia: 1. O que são implantes? São cilindros metálicos (titânio) com rosca semelhante a um parafuso que são introduzidos no osso da mandíbula (arco inferior) ou da maxila (arco superior),

Leia mais

Tratamento da má oclusão de Classe II, divisão 1 de Angle, com protrusão maxilar utilizando-se recursos ortopédicos

Tratamento da má oclusão de Classe II, divisão 1 de Angle, com protrusão maxilar utilizando-se recursos ortopédicos Tratamento da má oclusão de Classe II, divisão 1 de Angle, com protrusão maxilar utilizando-se recursos ortopédicos o substituiu pelos elásticos intermaxilares para a correção de Classe II 44. Mas, em

Leia mais

Matheus Melo Pithon**, Luiz Antônio Alves Bernardes*** Palavras-chave: Classe III esquelética. Expansão rápida da maxila. Aparelho ortodôntico fixo.

Matheus Melo Pithon**, Luiz Antônio Alves Bernardes*** Palavras-chave: Classe III esquelética. Expansão rápida da maxila. Aparelho ortodôntico fixo. Artigo de Divulgação 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 Tratamento da má oclusão Classe iii esquelética através

Leia mais

A utilização da Ortodontia Miofuncional no tratamento de crianças e adolescentes

A utilização da Ortodontia Miofuncional no tratamento de crianças e adolescentes Orthod. Sci. Pract. 2014; 7(27):401-406. utilização da Ortodontia Miofuncional no tratamento de crianças e adolescentes The use of Myofunctional Orthodontics in the treatment of children and teenagers

Leia mais

Tratamento ortodôntico compensatório da má oclusão de Classe III esquelética

Tratamento ortodôntico compensatório da má oclusão de Classe III esquelética 80 Tratamento ortodôntico compensatório da má oclusão de Classe III esquelética Compensatory orthodontic treatment of skeletal Class III malocclusion Renata Oliveira De Labio Moura 1 Karina Santana Cruz

Leia mais

Saúde do Paciente. Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis

Saúde do Paciente. Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis Exame Clínico Em Ortodontia Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis Nome Gênero Dt Data de Nascimento; Pêso Altura; Endereço Telefone (recados); Pai Mãe Profissões Telefones;

Leia mais

Tratamento ortodôntico cirúrgico da assimetria facial causada por hiperplasia condilar

Tratamento ortodôntico cirúrgico da assimetria facial causada por hiperplasia condilar Recebido em 31 out. 2007 / aprovado em 13 dez. 2007 Tratamento ortodôntico cirúrgico da assimetria facial causada por hiperplasia condilar Orthodontic surgical treatment of facial asymmetry caused by condylar

Leia mais

Tratamento Precoce da Mordida Cruzada Posterior com o Quadrihélice de Encaixe

Tratamento Precoce da Mordida Cruzada Posterior com o Quadrihélice de Encaixe Materiais Ortodônticos Tratamento Precoce da Mordida Cruzada Posterior com o Quadrihélice de Encaixe Márcio Antonio de Figueiredo*, Danilo Furquim Siqueira**, Silvana Bommarito***, Marco Antonio Scanavini****

Leia mais

TRATAMENTO DA CLASSE III COMPENSATÓRIA EM ADULTOS

TRATAMENTO DA CLASSE III COMPENSATÓRIA EM ADULTOS INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE/SOEBRAS TRATAMENTO DA CLASSE III COMPENSATÓRIA EM ADULTOS CARLOS ROBERTO FUCUTA JÚNIOR Monografia apresentada ao Programa de Especialização em Ortodontia da ICS Funorte/SOEBRAS

Leia mais

Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2

Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2 Documentação Ortodôntica Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2 Documentação Ortodôntica É a organização sistemática de elementos que conduzem a um diagnóstico e planejamento, associado à informações de extrema

Leia mais

ATIVADOR FIXO BIOPEDIC: INDICAÇÕES E INSTALAÇÃO

ATIVADOR FIXO BIOPEDIC: INDICAÇÕES E INSTALAÇÃO ATIVADOR FIXO BIOPEDIC: INDICAÇÕES E INSTALAÇÃO Luiz Fernando Eto*; Eneida Guimarães de Menezes Venuto**; Paula Moura Nagem** Luiz Fernando Eto - Especialista e Mestre em Ortodontia pelo COP-PUCMG; Professor

Leia mais

FECHAMENTO DE ESPAÇOS

FECHAMENTO DE ESPAÇOS FECHAMENTO DE ESPAÇOS Rua 144, n 77 - Setor Marista - Goiânia (GO) - CEP 74170-030 - PABX: (62) 278-4123 - 1 - Introdução Podemos definir essa etapa do tratamento ortodôntico como aquela onde o principal

Leia mais

FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS FUNORTE Instituto de Ciências da Saúde ROBERTA MÜLLER

FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS FUNORTE Instituto de Ciências da Saúde ROBERTA MÜLLER 1 FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS FUNORTE Instituto de Ciências da Saúde ROBERTA MÜLLER TRATAMENTO DA MORDIDA ABERTA SANTA CRUZ DO SUL 2014 2 ROBERTA MÜLLER TRATAMENTO DA MORDIDA ABERTA Trabalho de

Leia mais

Aula 4: TÉCNICA RADIOGRÁFICA INTRA-ORAL

Aula 4: TÉCNICA RADIOGRÁFICA INTRA-ORAL Aula 4: TÉCNICA RADIOGRÁFICA INTRA-ORAL Técnicas Radiográficas Periapical Exame do dente e osso alveolar que o rodeia; Interproximal Diagnóstico de cáries proximais, excessos marginais de restaurações;

Leia mais

Dolphin Imaging lança no Brasil versão 10.5 de seus softwares para imagem, cefalometria, previsão facial e 3D

Dolphin Imaging lança no Brasil versão 10.5 de seus softwares para imagem, cefalometria, previsão facial e 3D N o v o s Pr o d u t o s Dolphin Imaging lança no Brasil versão 10.5 de seus softwares para imagem, cefalometria, previsão facial e 3D Os produtos e serviços da Dolphin Imaging estão

Leia mais

A Inter-relação Ortodontia e Prótese: apresentação de um. Caso Clínico. Caso Clínico

A Inter-relação Ortodontia e Prótese: apresentação de um. Caso Clínico. Caso Clínico Caso Clínico Apresentação ilustrada de casos tratados em Ortopedia, Ortodontia e/ou Cirurgia Ortognática A Inter-relação Ortodontia e Prótese: apresentação de um Caso Clínico Os autores apresentam o relato

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS

CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS CONHECIMENTOS ESPECIALIZADOS 31) Sobre a reabsorção localizada severa, é correto afirmar que a) os dentes com dilaceração são fatores de risco. b) o tratamento ortodôntico não é o principal fator etiológico.

Leia mais

Ciência e prática. Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral

Ciência e prática. Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral Importância do tratamento ortodôntico como auxílio da reabilitação oral 36 MAXILLARIS OUTUBRO 2015 Ciência e prática : Margarida Malta Médica dentista. Licenciada no Instituto Superior de Ciencias da Saúde

Leia mais

manter um dente recém- período suficientemente prolongado correção ortodôntica que se conceito polêmico.

manter um dente recém- período suficientemente prolongado correção ortodôntica que se conceito polêmico. Introdução CONTENÇÕES EM ORTODONTIA em ortodontia é o procedimento para manter um dente recém- movimentado em posição por um período suficientemente prolongado para assegurar a manutenção da correção ortodôntica

Leia mais

Resumo. Abstract. Orthodontic Science and Practice. 2012; 5(19):416-423. Relato de caso (Case Report) Guilherme Marigo 1 Marcelo Marigo 2

Resumo. Abstract. Orthodontic Science and Practice. 2012; 5(19):416-423. Relato de caso (Case Report) Guilherme Marigo 1 Marcelo Marigo 2 416 Orthodontic Science and Practice. 2012; 5(19):416-423. Tratamento da Classe II, divisão 1 com auxílio de ancoragem esquelética - relato de caso. Treatment of Class II, division 1 with the aid of skeletal

Leia mais

RECUPERADORES DE ESPAÇO

RECUPERADORES DE ESPAÇO RECUPERADORES DE ESPAÇO Conceito Recuperadores de espaço são usados para recuperar o espaço perdido nas arcadas dentárias. Eles verticalizam os dentes que inclinaram, depois que outros foram perdidos.

Leia mais