Global Crossing Anuncia Resultados do 4º. Trimestre e de Todo o Ano de 2003, Além das Perspectivas para 2004

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Global Crossing Anuncia Resultados do 4º. Trimestre e de Todo o Ano de 2003, Além das Perspectivas para 2004"

Transcrição

1 Global Crossing Anuncia Resultados do 4º. Trimestre e de Todo o Ano de 2003, Além das Perspectivas para 2004 A Global Crossing registrou um faturamento total, em 2003, de US$ bilhões, já incluídos US$ bilhões provenientes de serviços de telecom, com um total de gastos operacionais de US$ bilhões e gastos de capital da ordem de US$ 152 milhões. Entre os marcos de 2003 estão, além da finalização da reorganização e da saída da concordata (com uma dívida a longo prazo de US$ 200 milhões), o novo investimento de US$ 250 milhões. O tráfego IP transportado pela rede da Global Crossing aumentou em 130%, para um total de 68 Gbps, incluindo tráfego de VoIP de 18 bilhões de minutos, o que representou aproximadamente 34% do tráfego total de voz da empresa. PARA DIVULGAÇÃO IMEDIATA: QUARTA-FEIRA, 10 DE MARÇO DE 2004 Florham Park, NJ A Global Crossing (NASDAQ: GLBC) divulgou hoje seus resultados financeiros preliminares, referentes ao 4º. trimestre e a todo o ano de Além disso, a empresa também anunciou vários grandes marcos alcançados no ano passado e suas perspectivas para "Hoje, a Global Crossing é uma empresa com um balanço cristalino, dívidas mínimas, forte liderança corporativa, e uma direção focada para conduzir a empresa a uma posição de liderança dentro da indústria de telecomunicações, disse John Legere, CEO da Global Crossing. "Esperamos que essas conquistas, juntamente com o potencial de crescimento nos mercados que estamos focando, posicionem a empresa para um futuro promissor. Marcos de 2003 A Global Crossing anunciou hoje que alcançou vários marcos significativos em 2003, incluindo a finalização de sua reorganização financeira, em 9 de dezembro de 2003, após 22 meses operando sob concordata. Entre os outros destaques, estão: A conclusão do investimento de US$ 250 milhões, pela Singapore Technologies Telemedia, que passou a ter participação acionária de 61.5% na empresa; O estabelecimento de um novo conselho de diretores, composto por líderes com grande experiência na indústria e no governo. A conclusão, com o governo dos EUA, de um dos mais amplos Acordos de Segurança de Rede jamais realizados, que estabelece um novo padrão de segurança para a indústria; A assinatura de mais de 4 mil contratos novos ou de renovações em 2003, totalizando US$ 1 bilhão em faturamento, de acordo com a duração dos contratos; entre estes contratos, incluem-se clientes como Vonage e o Immigration and Nationality Directorate do Reino Unido; A manutenção, pelo segundo ano consecutivo, da média de disponibilidade de rede de %, o padrão mais alto da indústria; O crescimento do tráfego IP em mais de 130%, de mais de 29 Gbps para 68 Gbps; O transporte do total de 18 bilhões de minutos em sua plataforma de VoIP (Voz sobre IP), uma das maiores do mundo, mais que o dobro dos 8 bilhões transportados em 2002.

2 Resultados Financeiros de 2003 Faturamento Os resultados da Global Crossing em 2003 refletem, principalmente, as operações da empresa antes da finalização de sua reestruturação. Os resultados referentes ao 4º. trimestre incluem os 22 dias de operação depois da saída da concordata. A Global Crossing foi capaz de manter amplamente a base de faturamento ao focar na retenção e não na captação de novos clientes, durante a reestruturação, disse Legere. Agora que saímos da concordata, esperamos aumentar os nossos negócios com novos clientes e aprimorar os serviços para os clientes existentes. Para o ano finalizado em 2003, a Global Crossing registrou um faturamento total de US$ bilhões, uma queda de 6% comparado aos US$ bilhões registrados no ano anterior. O faturamento do ano foi impactado pelo amplo período passado em concordata pela empresa, além da contínua pressão dos preços de mercado. O faturamento total consistiu no faturamento de US$ bilhões com serviços de telecom e no faturamento de US$ 169 milhões obtido pela Global Marine. Do total do faturamento de serviços de telecom registrado em 2003, os serviços comerciais representaram 38%, comparados a 43% em 2002; os serviços para operadoras representaram 61%, comparados a 55% em 2002; e os serviços de consumo foram responsáveis por 1%, comparado a 2% em A mudança em relação aos serviços para operadoras no mix de negócios ano-a-ano foi decorrente, em parte, à maior disposição das operadoras em utilizar serviços de provedores em reestruturação. Do faturamento de serviços comerciais em 2003, 53% foram atribuídos aos serviços de voz, comparados a 54% em 2002; e 47% foram atribuídos a serviços de dados, comparados a 46% em Do faturamento com os serviços para operadoras em 2003, 83% foram atribuídos a serviços de voz, que em 2002 respondiam por 80% desse total, enquanto 17% referem-se a serviços de dados, comparados a 20% em Enquanto o volume de dados aumentou durante os procedimentos do Chapter 11 da Global Crossing, o faturamento foi pressionado pela concorrência por preços. Gerenciamento de Custos Em 2003, continuamos progredindo também no que se refere a controle de custos operacionais, ao mesmo tempo em que mantivemos um alto nível de satisfação dos clientes e de confiabilidade de rede, continuou Legere. Além disso, continuamos com a implementação da nossa rede de VoIP líder de mercado, na qual esperamos transportar mais de 40% do nosso tráfego total de voz até o final de Os custos de acesso diminuíram 6%, para US$ bilhão em 2003 (representando 69% do faturamento com serviços de telecom), comparados a US$ bilhões em 2002 (representando 71% do faturamento com serviços de telecom). Os custos consolidados de manutenção de terceiros foram de US$ 112 milhões em 2003, comparados a US$ 158 milhões em Os custos operacionais consolidados em 2003 foram de US$ 908 milhões, comparados a US$ bilhão em Os custos operacionais dos serviços de telecom foram de US$ 741 milhões em 2003, comparados a US$ 967 milhões em Os custos operacionais da Global Marine foram de US$ 167 milhões em 2003, comparados a US$ 241 milhões em As reduções dos custos operacionais da Global Crossing refletiram uma diminuição substancial dos custos relacionados a funcionários e a instalações. Além das economias de custos, essas medidas melhoraram a produtividade e a eficiência na operação da rede da empresa.

3 Receita Em 2003, a receita consolidada antes dos juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) foi de US$ 12 milhões, comparados a um prejuízo de US$ 297 milhões em O EBITDA da Global Marine foi de US$ 30 milhões, comparados a US$ 29 milhões em O EBITDA de telecom em 2003 foi um prejuízo de US$ 18 milhões, comparado a um prejuízo de US$ 326 milhões em A receita líquida em 2003 foi de US$ bilhões, que incluiu um ganho líquido de US$ bilhões, relacionado à reorganização. Esse ganho líquido de reorganização, na receita, é resultado do impacto da contabilidade da nova dívida e da estrutura de participação acionária da empresa, do registro de passivos e de faturamentos postergados de vendas antes do período IRU, da liquidação com fornecedores, dos custos de reestruturação, dos custos do plano de retenção e dos honorários profissionais relacionados à concordata. De acordo com a Regulamentação G, a reconciliação do EBITDA à receita líquida da empresa para os períodos relevantes está incluída nas planilhas financeiras em anexo. Gastos com Capital Em 2003, os gastos com capital totalizaram US$ 152 milhões, comparados a US$ 281 em Com uma rede central que foi substancialmente concluída em junho de 2001, e como o foco da empresa evoluiu da construção da rede para capacidades de serviços, os gastos com capital, em 2003, compuseram-se, em sua maior parte, por gastos com capital bem sucedidos, ou seja, relacionados diretamente ao faturamento. Isso inclui gastos com capital referentes a equipamentos de ponta e de equipamentos instalados nos clientes. Resultados Financeiros do 4o. Trimestre de 2003 Faturamento No 4o. trimestre de 2003, o faturamento total foi de US$ 719, comparado a US$ 765 no mesmo período em A redução no total do faturamento foi atribuída principalmente à lenta saída da empresa do Chapter 11, e a contínua pressão de preços do mercado competitivo, parcialmente compensado pelo crescimento do segmento de negócios de operadoras da empresa. O faturamento total consistiu no faturamento com serviços de telecom de US$ 679 milhões e no faturamento da Global Marine, de US$ 40 milhões. Do total do faturamento com serviços de telecom registrado no 4o. trimestre de 2003, 36% foram atribuídos a serviços comerciais, 63% a serviços para operadoras, e 1% para serviços de consumo. O mix de voz e dados foi comparável ao ano todo de Gerenciamento de Custos No 4o. trimestre de 2003, os custos de acesso declinaram 12%, para US$ 471 milhões (representando 69% do faturamento dos serviços de telecom), comparado a US$ 534 milhões (representando 75% do faturamento de serviços de telecom) no mesmo período em 2002, como resultado das contínuas iniciativas da empresa na redução de custos de acesso. Os custos consolidados de manutenção de terceiros no 4o. trimestre foram de US$ 27 milhões, comparados a US$ 28 milhões no mesmo período do ano anterior. Os custos operacionais consolidados no 4º. trimestre de 2003 foram US$ 208 milhões, comparado a US$ 265 milhões no mesmo período, em Os custos operacionais dos serviços de telecom diminuiram em 12%, para US$ 178 milhões, comparados a US$ 203 milhões no mesmo período de 2002, como resultado do esforço da empresa na otimização das operações globais e um benefício de um desconto de imposto de propriedade do Reino Unido de US$ 13 milhões, parcialmente compensado pela contratação

4 adicional de pessoal de vendas. Os custos operacionais da Global Marine foram de US$ 30 milhões,uma queda de 52% se comparados aos US$ 62 milhões em 2002, como resultado dos esforços de reestruturação que reduziram significativamente os custos com navios, funcionários e contratados entre os dois períodos, bem como redução de custos com projetos. Receita No 4o. trimestre de 2003, o EBITDA melhorou para US$ 13 milhões, comparados a um prejuízo de US$ 62 milhões no mesmo período em O EBITDA da Global Marine foi de US$ 13 milhões no 4o. trimestre de 2003, comparados a um prejuízo de US$ 5 milhões no mesmo período em O EBITDA de telecom ficou empatado no 4o. trimestre de 2003, comparado a um prejuízo de US$ 57 milhões no mesmo período em A receita líquida no 4o. trimestre de 2003 foi de US$ bilhões, que incluiu US$ bilhões nos ganhos relacionados a reorganização, acima mencionados. Gastos com Capital No 4o. trimestre de 2003, os gastos com capitais de caixa totalizaram US$ 33 milhões, comparado a US$ 91 milhões no 4o. trimestre de 2002, devido à necessidade de implementação de capital baseado em sucessos, para atender às demandas dos clientes. Importantes Considerações para Avaliar o Futuro Desempenho Financeiro Como resultado da saída da Global Crossing da concordata, certos fatores impactaram a possibilidade de comparação de resultados para os períodos anteriores a 9 de dezembro de 2003, com resultados para os períodos posteriores a essa data. Durante a concordata, a empresa reportou certos custos, incluindo liquidações com fornecedores, bônus e outros planos de retenção, reestruturação de despesas, e ajustes como itens de reorganização, abaixo da receita operacional, de acordo com os padrões de contabilidade de concordata do GAAP dos EUA. Alguns desses custos não existirão no futuro, enquanto outros sim, impactando diretamente a receita operacional. Além disso, desde a saída da concordata, a Global Crossing adotou provisões de contabilidade totalmente novas, que exigiram da empresa o ajuste do valor da transposição de seus ativos e passivos para valores justos estimados. A reorganização também resultou em uma nova dívida e uma nova estrutura de participação acionária, bem como uma significativa redução nos compromissos contratuais em andamento. Os principais fatores que impactaram a possibilidade de comparação dos resultados anteriores à saída da concordata, com os resultados de depois da saída do Chapter 11, são os seguintes: Eliminação de US$ 8 bilhões em passivos como resultado da reorganização; Re-capitalização dos negócios, que incluem a eliminação de US$ 16 bilhões em participação ordinária e preferencial, e US$ 25 bilhões em prejuízos acumulados após a data de saída da concordata; Eliminação da maior parte dos US$ 1, 4 bilhão de passivos, representando o faturamento postergado, anterior ao período de vendas de IRU (Indefeasible Rights of Use). Por tratarse de evento não-capitalizado, tal fato irá reduzir o faturamento e o EBITDA em aproximadamente US$ 20 milhões por trimestre, a partir do primeiro trimestre de 2004; A finalização substancial da reorganização da empresa resultou na eliminação da maior parte das despesas associadas. Antes da saída da concordata, os custos significativos de reestruturação foram registrados como despesas de reorganização, não impactando o EBITDA; Um desconto de US$ 13 milhões no imposto de propriedade do Reino Unido, registrado no quarto trimestre de 2003;

5 Acúmulo de gastos operacionais regulares, tais como compensação de caixa de incentivo, registrada como despesa de reorganização anterior à saída da concordata, e que deve ficar entre US$ 8 e US$ 12 milhões, por trimestre, em Em 9 de dezembro de 2003, a empresa emitiu ações opcionais para seus funcionários, em um total de aproximadamente 2,2 milhões. Em 8 de março de 2004, a empresa emitiu prêmios adicionais de aproximadamente 1,2 milhão, em ações unitárias restritas. Desde a saída da concordata, a empresa decidiu adotar bases de valores justas de contabilidade para ações ou ações opcionais, sob o SFAS No. 123, ao contrário da política anterior da entidade, que se baseava no método intrínseco sob a APB No. 25. Isso irá resultar em despesas de compensação de ações em 2004, e períodos futuros que não estão presentes nos históricos. A despesa de compensação de ações é estimada entre US$ 7 e US$ 8 milhões por trimestre em A tabela a seguir demonstra o impacto que os itens descritos acima teriam tido no EBITDA de serviços de telecom no 4o. trimestre de 2003, para que se tenha uma visão mais clara sobre a taxa de saída do EBITDA depois da concordata, e em consideração à performance de (em milhões de US$) EBITDA do quarto trimestre de 2003, conforme reportado $ 0 Ajustado para refletir o impacto de: Faturamento postergado de IRU (15) Desconto no imposto de propriedade do Reino Unido (13) Compensação de incentivo (10) Total anterior à compensação de ações (38) Compensação de ações (non-cash) (7-8) Total $(45-46) Perspectivas para 2004 A Global Crossing divulgou as seguintes perspectivas para 2004: A empresa está trazendo ao mercado um portfólio avançado de produtos de dados e IP. Estas ofertas de serviço preenchem as necessidades por alta performance em redes de dados IP, VoIP, Vídeo IP e outras aplicações cruciais para clientes corporativos e operadoras. A Global Crossing está reformulando sua estratégia de marketing para promover agressivamente a captação de clientes. Os mercados alvo específicos incluem empresas regionais e multinacionais, agências do Governo, operadoras nacionais e internacionais, ISPs e provedores de serviços wireless. O sistema de distribuição da empresa foi realinhado para focar estes clientes utilizando tanto canais diretos como indiretos, incluindo

6 parcerias com integradores de sistemas para alcançar os segmentos de grandes empresas e Governo. A empresa espera que sua estratégia de segmentação de clientes e habilidade para fazer a migração de clientes para serviços avançados de IP, darão apoio a uma mudança no mix de faturamento em direção a maiores margens de serviços e clientes. O setor de operadoras da Global Crossing é uma parte importante de sua herança e é esperado que continue sendo um setor chave para seu negócio daqui para a frente. Além disso, a empresa espera que o mercado de operadoras irá fortalecer o faturamento e as margens, como resultado de maior utilização da rede, o que leva a maiores economias de escala. A habilidade da Global Crossing em fornecer serviços de voz sobre uma rede IP otimizada fornece eficiências de custos que resultam em maior penetração comercial. A empresa continua a buscar uma série de iniciativas de custos chave com acesso, incluindo acordos de compra estratégicos, mudança de fornecedores e otimização de rede. Espera-se que estas iniciativas promovam melhora de margem. Além disso, a Global Crossing continua a rever sua linha de negócios e a analisar os serviços voláteis e de baixa margem, particularmente no mercado internacional de revendedores de longa distância, através do fortalecimento dos termos para preço e pagamento. A direção da empresa antecipa que essas iniciativas irão melhorar o fluxo de caixa, mas reduzirão o faturamento para esses serviços entre US$ 75 e US$ 125 milhões, anualmente. Para 2004, a empresa espera: Diretrizes para os Serviços de Telecomunicações (em milhões) Faturamento $ $2.700 EBITDA, excluindo as despesas com compensação de ações ( ) EBITDA, incluindo as despesas com compensação de ações ( ) Caixa CAPEX Finalmente, em um esforço para fortalecer o seu foco estratégico, a Global Crossing manteve o Citigroup Global Markets Inc. como seu consultor financeiro, para ajudá-la a explorar suas alternativas estratégicas relativas à instalação e à manutenção dos serviços de negócios da Global Marine, incluindo a potencial venda daquele negócio. Qualquer transação estratégica envolvendo a Global Marine irá exigir aprovação do Conselho de Diretores da Global Crossing. A Global Marine espera manter ou diminuir o faturamento no início de 2004 devido, em grande parte, ao término de um longo contrato de manutenção. A Global Marine espera ver alguma recuperação no faturamento de instalação na segunda metade de 2004, através da aplicação de sua reconhecida liderança de mercado em novas áreas de atividade marinha, além das telecomunicações e engenharia de cabos. Financiamento e Liquidez: Até 31 de dezembro de 2003, o caixa e seus equivalentes registraram o montante de aproximadamente US$ 311 milhões. Como resultado da reestruturação, o total das dívidas até o dia 31 de dezembro de 2003 era de US$ 200 milhões. Conforme divulgado nos documentos encaminhados à Securities and Exchange Commission, em dezembro, a Global Crossing irá requerer até US$ 100 milhões em financiamento adicional para executar seu plano de negócios até o final de A empresa está ativamente engajada em conversações com instituições financeiras e está confiante de que será capaz de levantar US$ 100 milhões ou mais em novos financiamentos no decorrer de 2004.

7 Tele-conferência A empresa agendou uma tele-conferência para esta quarta-feira, 10 de março de 2004, às 9:15 a.m. EST, com o intuito de comentar seus resultados. A tele-conferência pode ser acessada através do número , 15 minutos antes de seu horário de início. Uma gravação desta tele-conferência estará disponível na própria quarta-feira, 10 de março, a partir de 11:30 am EST, e estará acessível até as 11:30 am EST da próxima quarta-feira, dia 17 de março, através do número O código de acesso é SOBRE A GLOBAL CROSSING A Global Crossing (NASDAQ: GLBC) fornece soluções de telecomunicações através da primeira rede global integrada baseada em IP do mundo. Sua rede principal alcança mais de 200 cidades e 27 países no mundo todo, e fornece serviços para mais de 500 cidades principais, 50 países e 5 continentes. As vendas globais e o modelo de negócios da empresa combinam com a arquitetura de sua rede, proporcionando consistência a seus clientes em qualquer lugar do mundo. Os serviços IP da Global Crossing são globais em escala, conectando empresas, governos e operadoras com seus clientes, funcionários e parceiros em todo o mundo, em um ambiente seguro e ideal para aplicações de negócios baseadas em IP, permitindo o crescimento do e-commerce. A empresa oferece uma ampla gama de produtos gerenciados de voz e dados, includindo o serviço IP VPN, Managed Services e serviços de VoIP, para mais de 40% das empresas listadas no ranking da Fortune 500, bem como para 700 operadoras, operadoras móveis e ISPs. Para mais informações sobre a Global Crossing, acesse # # # As declarações feitas neste press release que falam sobre as intenções, crenças, expectativas ou previsões da empresa ou da sua gerência para o futuro são meramente estimativas. Estas declarações contém palavras como esperam, estima, prevê, projeta, intenciona, planeja, acredita, vai, ou expressões similares. Essas declarações estão sujeitas a riscos, suposições e incertezas que podem causar aos resultados reais da empresa diferença material dos projetados, incluindo o histórico da empresa de perdas operacionais substanciais e o fato de que,a curto prazo, fundos de operações não irão satisfazer requerimentos de caixa; a probabilidade de que os preços que a empresa cobra por seus serviços continuará a diminuir; a habilidade da empresa em continuar a conectar sua rede à rede de outras operadoras incumbent ou manter acordos de Internet peering em termos favoráveis; as conseqüências de qualquer violação inadvertida do Network Security Agreement da empresa com o Governo dos Estados Unidos; o impacto de potenciais falências de clientes nas perspectivas de vendas da empresa e resultado de operações; aumento de competição e pressões referentes a preços resultantes de avanços tecnológicos e mudanças regulatórias; desvantagens competitivas relativas a concorrentes com mais recursos; o impacto na competitividade da empresa devido a suas escolhas tecnológicas ; a dependência da empresa de terceiros para diversas funções; riscos políticos, jurídicos e outros devidos às substanciais operações internacionais da empresa; e outros riscos relatados de tempos em tempos nos arquivos da empresa com a Securities and Exchange Commission. CONTATOS GLOBAL CROSSING: Contatos para a Imprensa Fernanda Marques Brasil Kendra Langlie

8 Latin America Becky Yeamans Mish Desmidt Europe + 44 (0) Contatos para Investidores/Analistas Mitch Burd PÁGINAS DE INFORMAÇÕES FINANCEIRAS ADICIONAIS

9 Global Crossing Limited e Subsidiárias Resumo de Faturamentos Consolidados (US$ em milhões) Trimestre Concluído 31 de dezembro, 31 de dezembro 2003* 2002 F / (U) (não auditado) (não auditado) Variação Voz $ 127 $ 154 $ (27) Dados (17) Comercial (44) Consumidor 6 9 (3) Operadora - Faturamento com Serviços: - Voz Dados Faturamento de IRU Operadoras - Total Faturamento total do segmento de serviços de telecomunicações (37) Fatur.total de instalação & manutenção, líquido de eliminações (9) Faturamento total $ 719 $ 765 $ (46) Ano concluído 31 de dezembro 31 de dezembro 2003* 2002 F / (U) (não auditado) Variação Voz $ 551 $ 676 $ (125) Dados (79) Comercial (204) Consumidor (16) Operadora - Faturamento com serviços: - Voz Dados (30) Faturamento de IRU Operadoras - total Faturamento total do segmento de serviços de telecomunicações (140) Fatur.total de instalação & manutenção, líquido de eliminações (44) Faturamento total $ $ $ (184)

10 Global Crossing Limited e Subsidiárias Declarações Condensadas Consolidadas de Operações (US$ em milhões) Trimestre Concluído 31 de dezembro, 31 de dezembro, 2003* 2002 F / (U) (não auditado) (não auditado) Variação FATURAMENTO $ 719 $ 765 $ (46) CUSTOS OPERACIONAIS: Custo de acesso e manutenção Outros custos operacionais Depreciação e amortização (9) PREJUÍZOS OPERACIONAIS (34) (100) 66 OUTRAS RECEITAS (GASTOS) Gastos com juros, líquido (4) (9) 5 Outras receitas, líquido (101) PREJUÍZO DE OPERAÇÕES CONTINUADAS ANTES DOS (1) 29 (30) ITENS DE REORGANIZAÇÃO Itens da reorganização, líquido (87) 22 (109) Ganho na liquidação de passivos, sujeito ao comprometimento e à reestruturação da participação Ganhos com ajustes RECEITA DE OPERAÇÕES CONTINUADAS ANTES DO BENEFÍCIO (PROVISIONAMENTO) PARA IMPOSTO DE RENDA Benefício (provisionamento) para imposto de renda (2) 103 (105) RECEITA DE OPERAÇÕES CONTINUADAS Receita de operações descontinuadas, líquido (614) RECEITA LÍQUIDA Dividendos de ações preferenciais RECEITA APLICÁVEL A ACIONISTAS COMUNS $ $ 768 $ * Global Crossing Limited saiu do Chapter 11 em 9 de dezembro de Resultados de operações do trimestre terminado em 31 de dezembro de 2003 incluem certos itens pertencentes à saída do Chapter 11.

11 Global Crossing Limited e Subsidiárias Declarações Condensadas Consolidadas de Operações (em milhões de US$) Ano Concluído 31 de dezembro, 31 de dezembro, 2003* 2002 F / (U) (não auditado) Variação FATURAMENTO $ $ $ (184) CUSTOS OPERACIONAIS: Custo de acesso e manutenção Outros custos operacionais Término da locação de navios (15) - 15 Depreciação e amortização (16) PREJUÍZOS OPERACIONAIS (141) (434) 293 OUTRAS RECEITAS (GASTOS) Gastos com juros, líquido (26) (73) 47 Outras receitas, líquido (143) PREJUÍZOS COM OPERAÇÕES CONTINUADAS (106) (303) 197 ANTES DE ITENS DE REORGANIZAÇÃO Itens da reorganização, líquido (127) (95) (32) Ganho na liquidação de passivos, sujeito ao comprometimento e à reestruturação do patrimônio líquido Ganho com ajustes RECEITA (PREJUÍZO) DE OPERAÇÕES CONTINUADAS (398) BENEFÍCIO (PROVISIONAMENTO) ANTERIOR PARA IMPOSTO DE RENDA Benefício (provisionamento) para imposto de renda (6) 102 (108) RECEITA (PREJUÍZO) DE OPERAÇÕES CONTINUADAS (296) Receita de operações descontinuadas, líquido (950) RECEITA LÍQUIDA Dividendos de ações preferenciais - (19) 19 RECEITA APLICÁVEL A ACIONISTAS COMUNS $ $ 635 $ * Global Crossing Limited saiu Chapter 11 em 9 de dezembro de Resultados de operações do ano terminado em 31 de dezembro de 2003 incluem certos itens pertencentes à saida da empresa do Chapter 11.

12 Global Crossing Limited e Subsidiárias Balanço Patrimonial Condensado Consolidado (US$ em milhões) 31 de dezembro, 31 de dezembro, (não auditado) ATIVOS: Ativos atuais: Caixa e equivalentes $ 290 $ 423 Caixa e equivalentes restritos Duplicatas a receber, líquido Outros ativos atuais e custos pré-pagos Total de ativos atuais Propriedade e equipamentos, líquido Ativos intangíveis, líquido Outros ativos** Total de ativos $ $ PASSIVOS: Total de passivos atuais Dívida a longo prazo Obrigações sob leases de capital Faturamento postergado Custos de regornização adiados 32 - Outros passivos adiados Passivos sujeitos a comprometimento Total de passivos Ações preferenciais conversíveis cumulativas PARTICIPAÇÃO ACIONÁRIA (DÉFICIT) 395 (10.935) Total de passivos e déficit dos acionistas $ $ * Balanços até 31 de dezembro de 2003 refletem certas reestruturações de dívidas e patrimônio líquido, reorganização e ajustes de contabilidade associados à saída da Global Crossing Limited da concordata em 9 de dezembro de 2003.

13 Reconciliação do EBITDA à Receita Líquida Pertencente à Regulação G, a tabela a seguir fornece a reconciliação do EBITDA, que é considerada uma métrica financeira não-gaap (Generally Accepted Accounting Principles) para receita líquida, que é o mais comparável diretamente à medida do GAAP. O cálculo da Global Crossing do EBITDA pode não ser consistente com as medidas de EBITDA de outras empresas. A direção acredita que o EBITDA é um relevante indicador de performance operacional, especialmente em uma indústria de capital intensivo como a de telecomunicações. O EBITDA é um aspecto importante do relatório interno da empresa e é também utilizado pela comunidade de investimentos para avaliar a performance financeira. Essa medida não-gaap deve ser utilizada além, mas não em substituição, para uma análise fornecida na declaração das operações. Global Crossing Limited e Subsidiárias Reconciliação do EBITDA à Receita Líquida Ano Inteiro (em milhões de US$) 2003 (não auditado) Serviços de Telecom Global Marine Consolidado (não auditado) Serviços de Telecom Global Marine Consolidado EBITDA ($18) $30 $12 ($326) $29 ($297) Depreciação e Amortização ($146) ($7) ($153) ($132) ($5) ($137) Outros Receitas (perdas), líquidas $44 ($9) $35 $128 $3 $131 Ítens de Reorganização, líquidos $25,599 ($757) $24,842 ($92) ($3) ($95) Provisionamento de Imposto de Renda ($6) $0 ($6) $103 ($1) $102 Receita de Operações Descontinuadas, líquido $0 $0 $0 $950 $) $950 Dividendos de Ações Preferenciais $0 $0 $0 ($19) $0 ($19) Receida Líquida (Perda) $25,473 ($743) $24,730 $612 $23 $ o. Trimestre (em milhões de US$) 4Q03 (não auditado) Serviços de Telecom Global Marine Consolidado (não auditado) Serviços de Telecom Global Marine Consolidado EBITDA $0 $13 $13 ($57) ($5) ($62) Depreciação e Amortização ($46) ($1) ($47) ($36) ($2) ($38) Outros Receitas (perdas), líquidas $35 ($2) $33 $128 $1 $129 Ítens de Reorganização, líquidos $25,635 ($753) $24,882 $26 ($4) $22 Provisionamento de Imposto de Renda ($2) $0 ($2) $103 $0 $103 Receita de Operações Descontinuadas, líquido $0 $0 $0 $614 $0 $614 Receida Líquida (Perda) $25,622 ($743) $24,879 $778 ($10) $768 4Q02

14

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005

LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 316% NO TERCEIRO TRIMESTRE 2005 São Paulo, 07 de Novembro de 2005 - O Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam exclusivamente no varejo eletrônico

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T05

Apresentação de Resultados 3T05 Apresentação de Resultados 3T05 Destaques Crescimento do Lucro Líquido foi de 316% no Terceiro Trimestre Crescimento da Receita no 3T05 A receita bruta foi maior em 71% (3T05x3T04) e 63% (9M05x9M04) Base

Leia mais

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas)

TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. Resultado Consolidado para o Terceiro Trimestre de 2005 Publicação, 08 de novembro de 2005 (07 páginas) Para maiores informações, contatar: Daniel de Andrade Gomes TELEFÔNICA

Leia mais

Resultados 1T07 10 de maio de 2007

Resultados 1T07 10 de maio de 2007 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 102% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 32% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 1T07. As demonstrações financeiras da Companhia são elaboradas

Leia mais

EARNINGS RELEASE 2T12 e 1S12

EARNINGS RELEASE 2T12 e 1S12 São Paulo, 15 de agosto de 2012 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa de consolidação e gestão de marcas de lifestyle e moda premium do Brasil, anuncia hoje os resultados do segundo

Leia mais

TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 1T15

TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 1T15 TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 1T15 RESULTADOS FINANCEIROS CONSOLIDADOS RECEITA LÍQUIDA 300,1 361,1 20,3% EBITDA AJUSTADO 56,5 68,7 21,6% MARGEM EBITDA AJUSTADO 1 17,9% 18,4% 0,5 p.p. LUCRO LÍQUIDO AJUSTADO

Leia mais

Apresentação dos Resultados 2T06

Apresentação dos Resultados 2T06 Apresentação dos Resultados 2T06 Aviso Legal Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas

Leia mais

Apresentação Investidores

Apresentação Investidores Apresentação Investidores Abril de 2011 Aviso Importante Esse material pode conter previsões de eventos futuros.tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia, e envolve riscos

Leia mais

Earnings Release 1T15

Earnings Release 1T15 Santo André, 05 de maio de 2015: A CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A. (BM&FBOVESPA: CVCB3), maior operadora de turismo das Américas, informa aos seus acionistas e demais participantes do mercado

Leia mais

Le Lis Blanc inicia o ano com crescimento de 32% nas receitas brutas, 18,5% nas vendas de lojas comparáveis e 26% em EBITDA ajustado 1

Le Lis Blanc inicia o ano com crescimento de 32% nas receitas brutas, 18,5% nas vendas de lojas comparáveis e 26% em EBITDA ajustado 1 Le Lis Blanc inicia o ano com crescimento de 32% nas receitas brutas, 18,5% nas vendas de lojas comparáveis e 26% em EBITDA ajustado 1 São Paulo, Brasil, 15 de maio de 2008 - A Le Lis Blanc Deux Comércio

Leia mais

2002 - Serviços para empresas

2002 - Serviços para empresas 2002 - Serviços para empresas Grupo Telefónica Data. Resultados Consolidados 1 (dados em milhões de euros) Janeiro - Dezembro 2002 2001 % Var. Receita por operações 1.731,4 1.849,7 (6,4) Trabalho para

Leia mais

Reestruturação operacional reduz os custos e as despesas operacionais, proporcionando Ebitda de R$ 2,4 milhões.

Reestruturação operacional reduz os custos e as despesas operacionais, proporcionando Ebitda de R$ 2,4 milhões. Última Cotação em 30/09/2013 FBMC4 - R$ 43,90 por ação Total de Ações: 726.514 FBMC3: 265.160 FBMC4: 461.354 Valor de Mercado (30/09/2013): R$ 31.893,9 milhões US$ 14.431,7 milhões São Bernardo do Campo,

Leia mais

Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011

Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011 Abril Educação S.A. Informações Proforma em 30 de junho de 2011 RESULTADOS PRO FORMA NÃO AUDITADOS CONSOLIDADOS DA ABRIL EDUCAÇÃO As informações financeiras consolidadas pro forma não auditadas para 30

Leia mais

Divulgação de resultados 3T13

Divulgação de resultados 3T13 Brasil Brokers divulga seus resultados do 3º Trimestre do ano de 2013 Rio de Janeiro, 13 de novembro de 2013. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no

Leia mais

1T10 RESULTADOS. Fitch ratings eleva de A para A+(bra) o Rating Nacional de Longo Prazo da Algar Telecom

1T10 RESULTADOS. Fitch ratings eleva de A para A+(bra) o Rating Nacional de Longo Prazo da Algar Telecom RESULTADOS 1T10 Uberlândia MG, Maio de 2010 A Algar Telecom, Empresa integrada de telecomunicações com um portfólio completo de serviços, divulga seus resultados do 1º Trimestre de 2010 (1T10). As Informações

Leia mais

EMBRATEL PARTICIPAÇÕES TEM RECEITA LÍQUIDA DE R$ 1,5 BILHÕES NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2000, 26 PORCENTO ACIMA DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999

EMBRATEL PARTICIPAÇÕES TEM RECEITA LÍQUIDA DE R$ 1,5 BILHÕES NO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2000, 26 PORCENTO ACIMA DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 1999 INFORMATIVO Silvia M.R. Pereira Relações com Investidores tel: BR 55 21 519-9662 fax: 55 21 519-6388 Wallace Borges Grecco Relações com a Imprensa tel: BR 21 519-7282 fax: 021-519-8010 EMBRATEL PARTICIPAÇÕES

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015

Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014. São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Teleconferência de Resultados 4T14 e 2014 São Paulo, 12 de fevereiro de 2015 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos

Leia mais

TIM Participações S.A. Resultados do 1T06. 5 de Maio de 2006

TIM Participações S.A. Resultados do 1T06. 5 de Maio de 2006 TIM Participações S.A. Resultados do 5 de Maio de 2006 1 Principais realizações Desempenho do Mercado Desempenho Financeiro 2 Status da Reestruturação Corporativa Principais realizações Melhorando a Estrutura

Leia mais

Resultados do 2T09. Teleconferência de Resultados

Resultados do 2T09. Teleconferência de Resultados Resultados do 2T09 Teleconferência de Resultados Destaques do 2T09 2 Destaques do 2T09 em linha com a estratégia geral da Companhia Nossas conquistas do 2T09 são refletidas nos resultados da Companhia

Leia mais

TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE

TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE TELEFÔNICA BRASIL S.A. Companhia Aberta CNPJ MF 02.558.157/0001-62 - NIRE 35.3.001.5881-4 FATO RELEVANTE A ("Companhia") vem a público, na forma e para os fins da Instrução CVM nº 358/02, em complemento

Leia mais

Earnings Release 4T14

Earnings Release 4T14 Santo André, 05 de fevereiro de 2015: A CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A. (BM&FBOVESPA: CVCB3), maior operadora de turismo da América Latina, informa aos seus acionistas e demais participantes

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 4 o Trimestre de 2011 São Paulo, 22 de março de 2012 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis

Leia mais

Destaques do Período. Crescimento de dois dígitos em Reservas Confirmadas e Embarcadas, EBITDA e Lucro Líquido Ajustado no 2T15

Destaques do Período. Crescimento de dois dígitos em Reservas Confirmadas e Embarcadas, EBITDA e Lucro Líquido Ajustado no 2T15 Santo André, 05 de Agosto de 2015: CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens S.A. (BM&FBOVESPA: CVCB3), maior operadora de turismo das Américas, informa aos seus acionistas e demais participantes do mercado

Leia mais

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ).

Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 25 de Outubro de 2005. Embratel Participações S.A. (Embratel Participações ou Embrapar ) detém 99,0 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ). (Os

Leia mais

Apresentação de Resultados

Apresentação de Resultados Apresentação 3T08 Apresentação de Resultados José Carlos Aguilera (Diretor Presidente e de RI) Eduardo de Come (Diretor Financeiro) Marcos Leite (Gerente de RI) Destaques do Período Contexto de crise no

Leia mais

Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de 2014

Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de 2014 Divulgação de Resultados Quarto Trimestre de 2014 Barueri, 04 de março de 2014. Apresentação de Resultados 4T14 A Tempo Participações S.A. (BM&FBovespa: TEMP3; Reuters: TEMP3.SA; Bloomberg: TEMP3 BZ),

Leia mais

Resultados do 1T09. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008

Resultados do 1T09. Teleconferência de Resultados. Lançamentos de 2008 Resultados do 1T09 Teleconferência de Resultados Lançamentos de 2008 Felice (Nova Lima-MG) Beach Park Wellness Resort (Aquiraz-CE) ViVer Zona Sul (Porto Alegre-RS) Viver São J. Pinhais (São J. Pinhais-PR)

Leia mais

SUBMARINO ANUNCIA RESULTADOS DO 1T2006, CRIAÇÃO DO SUBMARINO FINANCE E CONCLUSÃO DA OFERTA DE AÇÕES

SUBMARINO ANUNCIA RESULTADOS DO 1T2006, CRIAÇÃO DO SUBMARINO FINANCE E CONCLUSÃO DA OFERTA DE AÇÕES SUBMARINO ANUNCIA RESULTADOS DO 1T2006, CRIAÇÃO DO SUBMARINO FINANCE E CONCLUSÃO DA OFERTA DE AÇÕES São Paulo, 03 maio de 2006 - Submarino S.A. (Bovespa: SUBA3), empresa líder dentre aquelas que operam

Leia mais

A visão e estratégia certas

A visão e estratégia certas "Não há dúvidas de que nosso setor está se transformando rapidamente e que a Cisco e a rede estão no centro das principais transições de mercado que estão a caminho. Acreditamos que nossa estratégia de

Leia mais

Apresentação de Resultados da Lopes 2008. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI

Apresentação de Resultados da Lopes 2008. Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Apresentação de Resultados da Lopes 2008 Apresentação Marcos Lopes CEO Francisco Lopes COO Marcello Leone CFO e DRI Aviso importante Esta apresentação não constitui uma oferta, convite ou pedido de qualquer

Leia mais

Banco Santander (Brasil) S.A.

Banco Santander (Brasil) S.A. Banco Santander (Brasil) S.A. Resultados em BR GAAP 4T14 3 de Fevereiro de 2015 INFORMAÇÃO 2 Esta apresentação pode conter certas declarações prospectivas e informações relativas ao Banco Santander (Brasil)

Leia mais

Resultados 2005 Resultados 2005

Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 2005 Resultados 1T06 Bovespa: RSID3 NYSE (ADR): RSR2Y Receita Líquida alcança R$ 85,2 milhões VGV totaliza R$ 94,3 milhões Vendas contratadas crescem 63% São Paulo, 11 de maio

Leia mais

Relatório de Resultados 2T 2015

Relatório de Resultados 2T 2015 MMX - Resultados Referentes ao 2º trimestre de 2015 Rio de Janeiro, 14 de agosto de 2015 A MMX Mineração e Metálicos S.A. ( Companhia ou MMX ) (Bovespa: MMXM3) anuncia seus resultados referentes ao 2º

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 2º Trimestre de 2013

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 2º Trimestre de 2013 . São Paulo, 06 de agosto de 2013 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis e com grande presença nas classes populares do Brasil, divulga seus

Leia mais

APIMEC 1T10. 27 de maio 2010

APIMEC 1T10. 27 de maio 2010 APIMEC 1T10 27 de maio 2010 Aviso Importante O material que segue é uma apresentação de informações gerais de Multiplus S.A. ( Multiplus" ou "Companhia") na data desta apresentação. Este material foi preparado

Leia mais

Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA 1T13. Abril 2013

Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA 1T13. Abril 2013 Relações com Investidores ÁUDIO CONFERÊNCIA Abril 2013 1T13 Estratégia RESIDENCIAL Convergência de serviços com crescimento de Banda Larga e TV Paga MOBILIDADE PESSOAL Crescimento do pós e rentabilização

Leia mais

EARNINGS RELEASE 2T14

EARNINGS RELEASE 2T14 Receita Bruta de R$ 241,8 milhões no e R$ 533,9 milhões no 1S14 Ebitda de R$ 21,2 milhões no e R$ 51,4 milhões no 1S14 São Paulo, 13 de agosto de 2014 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa

Leia mais

Comunicado de imprensa

Comunicado de imprensa Comunicado de imprensa 6 de maio de 2015 Resultados Alstom 2014/15 Nível recorde de pedidos ( 10 bilhões) e carteira de pedidos ( 28 bilhões) Resultado operacional em alta de 20% Forte geração de fluxo

Leia mais

Earnings Release. Relação com Investidores. Destaques do 2T11. Brasil Insurance Anuncia Resultados do 2T11

Earnings Release. Relação com Investidores. Destaques do 2T11. Brasil Insurance Anuncia Resultados do 2T11 Relação com Investidores Luis Eduardo Fischman Diretor de Relações com Investidores (55 21) 3433-5060 ri@brinsurance.com.br Teleconferência de Resultados 2T11 Terça-Feira, 16 de agosto de 2011 Português

Leia mais

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000)

DESTAQUES NO PERÍODO. Dados Financeiros (R$ x 1.000) Blumenau SC, 27 de julho de 2007 A Cremer S.A. (Bovespa: CREM3), distribuidora de produtos para a saúde e também líder na fabricação de produtos têxteis e adesivos cirúrgicos, anuncia hoje seus resultados

Leia mais

Resultados 4T05 e 2005

Resultados 4T05 e 2005 Resultados 4T05 e 2005 LUCRO DO SUBMARINO SOBE 192% EM 2005, A COMPANHIA APRESENTOU FLUXO DE CAIXA POSITIVO NO 4T05 E REVISOU O GUIDANCE PARA 2006 São Paulo, 13 de Fevereiro de 2006 - O Submarino S.A.

Leia mais

DESTAQUES DO PERÍODO (2T11)

DESTAQUES DO PERÍODO (2T11) QUALICORP REGISTRA CRESCIMENTO DO TRIMESTRE NO NÚMERO DE BENEFICIÁRIOS DE 18,5%, RECEITA LÍQUIDA DE 43,9%, EBITDA AJUSTADO DE 36,6% EM RELAÇÃO AO 2T10 1 São Paulo, 12 de agosto de 2011. A QUALICORP S.A.

Leia mais

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005

DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 4T05 e 2005 Americana SP, 23 de março de 2005 A VIVAX S.A. (Bovespa: VVAX11), ou Companhia, segunda maior operadora de TV a Cabo do Brasil, em número de assinantes, e uma das principais

Leia mais

ROMI FAZ OFERTA DE AQUISIÇÃO DA HARDINGE POR US$8 POR AÇÃO EM DINHEIRO. Representa um prêmio de 46% sobre o Preço das Ações da Hardinge

ROMI FAZ OFERTA DE AQUISIÇÃO DA HARDINGE POR US$8 POR AÇÃO EM DINHEIRO. Representa um prêmio de 46% sobre o Preço das Ações da Hardinge ROMI FAZ OFERTA DE AQUISIÇÃO DA HARDINGE POR US$8 POR AÇÃO EM DINHEIRO Representa um prêmio de 46% sobre o Preço das Ações da Hardinge A Transação Criará uma Forte e Diversificada Plataforma Global para

Leia mais

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 3º Trimestre de 2013

Magazine Luiza S.A. Divulgação de Resultados do 3º Trimestre de 2013 . São Paulo, 31 de outubro de 2013 - Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3), uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis e com grande presença nas classes populares do Brasil, divulga

Leia mais

Medial Saúde 12 th Annual Latin American Conference Acapulco Mexico 15 a 18 de janeiro de 2008

Medial Saúde 12 th Annual Latin American Conference Acapulco Mexico 15 a 18 de janeiro de 2008 Medial Saúde 12 th Annual Latin American Conference Acapulco Mexico 15 a 18 de janeiro de 2008 Disclaimer Este comunicado contém considerações referentes às perspectivas do negócio e estimativas de resultados

Leia mais

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p.

Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. Lucro Líquido de R$ 239 milhões no 1T15, crescimento de 34%; Margem EBITDA de 9,6%, com aumento de 0,7 p.p. No 1T15, a receita líquida totalizou R$ 5,388 bilhões, estável em relação ao 1T14 excluindo-se

Leia mais

Anhanguera reporta crescimento de 139,1% na Receita Líquida e de 103,0% no EBITDA Ajustado no ano de 2008. 03 de abril de 2009 03 de abril de 2009

Anhanguera reporta crescimento de 139,1% na Receita Líquida e de 103,0% no EBITDA Ajustado no ano de 2008. 03 de abril de 2009 03 de abril de 2009 Anhanguera reporta crescimento de 139,1% na Receita Líquida e de 103,0% no EBITDA Ajustado no ano de 2008 www.unianhanguera.edu.br 4T08 Ricardo Scavazza Vice Presidente Operacional e Relações com Investidores

Leia mais

Lojas Americanas e Submarino propõem a criação da B2W Companhia Global de Varejo fusão da Americanas.com e Submarino

Lojas Americanas e Submarino propõem a criação da B2W Companhia Global de Varejo fusão da Americanas.com e Submarino Lojas Americanas e Submarino propõem a criação da B2W Companhia Global de Varejo fusão da Americanas.com e Submarino Transação dá origem a uma companhia de varejo com diversos canais de distribuição: Internet,

Leia mais

REDE DE ENSINO LFG AGENTE E ESCRIVÃO PF Disciplina: Noções de Contabilidade Prof. Adelino Correia Aula nº09. Demonstração de Fluxo de Caixa

REDE DE ENSINO LFG AGENTE E ESCRIVÃO PF Disciplina: Noções de Contabilidade Prof. Adelino Correia Aula nº09. Demonstração de Fluxo de Caixa REDE DE ENSINO LFG AGENTE E ESCRIVÃO PF Disciplina: Noções de Contabilidade Prof. Adelino Correia Aula nº09 Demonstração de Fluxo de Caixa Demonstração de Fluxo de Caixa A partir de 28.12.2007 com a publicação

Leia mais

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010.

1. Destaques. Índice: Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 11 de fevereiro de 2010. Embratel Participações S.A. ( Embrapar ) (BOVESPA: EBTP4, EBTP3) detém 99,2 porcento da Empresa Brasileira de Telecomunicações S.A. ( Embratel ), 100,0

Leia mais

CAPÍTULO 2. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS, IMPOSTOS, e FLUXO DE CAIXA. CONCEITOS PARA REVISÃO

CAPÍTULO 2. DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS, IMPOSTOS, e FLUXO DE CAIXA. CONCEITOS PARA REVISÃO Bertolo Administração Financeira & Análise de Investimentos 6 CAPÍTULO 2 DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS, IMPOSTOS, e FLUXO DE CAIXA. CONCEITOS PARA REVISÃO No capítulo anterior determinamos que a meta mais

Leia mais

(c) promover, realizar ou orientar a captação, em fontes internas e externas, de recursos a serem aplicados pela Companhia ou pela sua controlada;

(c) promover, realizar ou orientar a captação, em fontes internas e externas, de recursos a serem aplicados pela Companhia ou pela sua controlada; RELATORIO DA ADMINISTRAÇÃO SENHORES ACIONISTAS, Atendendo às disposições legais e estatutárias, a Administração da TELEFÔNICA DATA BRASIL HOLDING S.A. sociedade anônima de capital aberto, submete à apreciação

Leia mais

EARNINGS RELEASE 1T12

EARNINGS RELEASE 1T12 São Paulo, 16 de maio de 2012 - A Inbrands S.A. ( Inbrands ou Companhia ), uma empresa de consolidação e gestão de marcas de lifestyle e moda premium do Brasil, anuncia hoje os resultados do 1º trimestre

Leia mais

Raízen Combustíveis S.A.

Raízen Combustíveis S.A. Balanço patrimonial consolidado e condensado (Em milhares de reais, exceto quando indicado de outra forma) Ativo 30.06.2014 31.03.2014 Passivo 30.06.2014 31.03.2014 Circulante Circulante Caixa e equivalentes

Leia mais

Relatório Analítico 27 de março de 2012

Relatório Analítico 27 de março de 2012 VENDA Código de Negociação Bovespa TGM A3 Segmento de Atuação Principal Logística Categoria segundo a Liquidez 2 Linha Valor de M ercado por Ação (R$) 29,51 Valor Econômico por Ação (R$) 32,85 Potencial

Leia mais

RESULTADO DO 1º TRIMESTRE DE 2013

RESULTADO DO 1º TRIMESTRE DE 2013 RESULTADO DO 1º TRIMESTRE DE 2013 DASA divulga receita bruta de R$ 640,4 milhões e geração de caixa operacional de R$ 43,3 milhões no 1T13 Romeu Cortes Domingues Presidente do Conselho de Administração

Leia mais

Resultados 1T15. 08 de maio de 2015

Resultados 1T15. 08 de maio de 2015 Resultados 1T15 08 de maio de 2015 2 Principais destaques do 1T15 Crescimento da receita líquida de 23%, sendo de 2 dígitos em todas unidades de negócio no comparativo ano vs. ano, favorecidas por 83%

Leia mais

Relações com Investidores

Relações com Investidores Relações com Investidores Miguel Longo Junior Diretor de Relações com Investidores (55 11) 3175-2900 Bernardo Ferraz Relações com Investidores (55 11) 3175-2900 ri@brasilinsurance.com.br Teleconferência

Leia mais

Release de Resultados 4T06

Release de Resultados 4T06 Release de Resultados 4T06 Em 2006, Lançamentos aumentaram 118% e Vendas Contratadas subiram 69% O EBITDA Ajustado subiu 66% e o Lucro Líquido Ajustado aumentou 35% em 2006 Rio de Janeiro, 14 de Março

Leia mais

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015

RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 RESULTADOS 2T15 Teleconferência 10 de agosto de 2015 AVISO Nesta apresentação nós fazemos declarações prospectivas que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições

Leia mais

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo

Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 Sumário Executivo Economia Móvel América Latina 2013 A GSMA representa os interesses da indústria mundial de comunicações móveis. Presente em mais de 220 países, a GSMA

Leia mais

Resultado da Oferta Pública Voluntária de Permuta. Novembro de 2014

Resultado da Oferta Pública Voluntária de Permuta. Novembro de 2014 Resultado da Oferta Pública Voluntária de Permuta Novembro de 2014 OFERTA VOLUNTÁRIA DE PERMUTA DE AÇÕES No dia 30 de outubro realizamos o leilão da oferta voluntária. A adesão dos minoritários do Santander

Leia mais

Desempenho Econômico- Financeiro 1T15

Desempenho Econômico- Financeiro 1T15 Desempenho Econômico- Financeiro 1T15 Mensagem da Administração Senhores (as) Acionistas: Conforme mencionado no final do exercício de 2014, concluímos com pleno sucesso o processo que converteu em capital

Leia mais

Receita líquida consolidada cresce 20,9% no 3T15 contra o 2T15, atingindo R$ 212,2 milhões, com destaque para o crescimento no mercado interno;

Receita líquida consolidada cresce 20,9% no 3T15 contra o 2T15, atingindo R$ 212,2 milhões, com destaque para o crescimento no mercado interno; PRESS RELEASE 3T15 Porto Alegre, 13 de novembro de 2015 - A Forjas Taurus S.A. (BM&FBOVESPA: FJTA3, FJTA4), empresa dos segmentos de (i) Defesa e Segurança - sendo a maior produtora de armas da América

Leia mais

Riscos relacionados ao Santander Brasil e ao setor de Serviços Financeiros Brasileiro

Riscos relacionados ao Santander Brasil e ao setor de Serviços Financeiros Brasileiro Riscos relacionados ao Santander Brasil e ao setor de Serviços Financeiros Brasileiro Estamos expostos aos efeitos das perturbações e volatilidade nos mercados financeiros globais e nas economias nos países

Leia mais

LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08

LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08 LOJAS RENNER DIVULGA R$ 511,4 MILHÕES DE RECEITA LÍQUIDA TOTAL NO 3T08 Porto Alegre, 30 de outubro de 2008 LOJAS RENNER S.A. (Bovespa: LREN3), segunda maior rede de lojas de departamentos de vestuário

Leia mais

Expomoney São Paulo. Setembro de 2012

Expomoney São Paulo. Setembro de 2012 Expomoney São Paulo Setembro de 2012 Contax Visão Geral Contact Center Brasil Resultados Financeiros Contax Visão Geral GRUPO CONTAX Principais serviços: Atendimento, Cobrança, Televendas, Retenção, Trade

Leia mais

APRESENTAÇÃO APIMEC. Março de 2015. Copyright Cielo Todos os direitos reservados

APRESENTAÇÃO APIMEC. Março de 2015. Copyright Cielo Todos os direitos reservados APRESENTAÇÃO APIMEC Março de 2015 Copyright Cielo Todos os direitos reservados A COMPANHIA FAZ DECLARAÇÕES SOBRE EVENTOS FUTUROS QUE ESTÃO SUJEITAS A RISCOS E INCERTEZAS Tais declarações têm como base

Leia mais

Contabilidade Societária 3

Contabilidade Societária 3 Contabilidade Societária 3 Prof. Dr. Fernando Caio Galdi fernando.galdi@fucape.br Redução ao Valor Recuperável de Ativos CPC 01 Impairment of Assets IAS 36 2 1 Conceito de ATIVO Prováveis benefícios econômicos

Leia mais

Resultados 3T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro de 2014.

Resultados 3T14_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Novembro de 2014. Resultados 3T14_ Novembro de 2014. Disclaimer Esta apresentação pode conter declarações baseadas em estimativas a respeito dos prospectos e objetivos futuros de crescimento da base de assinantes, um detalhamento

Leia mais

Resultados 4T13_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2014.

Resultados 4T13_. Relações com Investidores Telefônica Brasil S.A. Fevereiro, 2014. Resultados 4T13_ Fevereiro, 2014. Destaques do 4T13 e ano de 2013 DESTAQUES Móvel Fixo Operacional Sustentando o crescimento superior em adições de pós-pago resultando em uma maior adoção de dados e crescimento

Leia mais

Apresentação dos Resultados 3T06

Apresentação dos Resultados 3T06 Apresentação dos Resultados 3T06 Aviso Legal Esta apresentação contém considerações futuras referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas

Leia mais

Divulgação de Resultados do 4T10

Divulgação de Resultados do 4T10 Divulgação de Resultados do 4T10 23 de fevereiro de 2011 Aviso Importante Esse material pode conter previsões de eventos futuros.tais previsões refletem apenas expectativas dos administradores da Companhia,

Leia mais

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 EBITDA atingiu a soma de R$ 391 milhões no ano passado São Paulo, 24 de março de 2010 A Algar Telecom, empresa de telecomunicações do Grupo Algar,

Leia mais

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2012 - COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS-AMBEV Versão : 1. Composição do Capital 1

DFP - Demonstrações Financeiras Padronizadas - 31/12/2012 - COMPANHIA DE BEBIDAS DAS AMÉRICAS-AMBEV Versão : 1. Composição do Capital 1 Índice Dados da Empresa Composição do Capital 1 Proventos em Dinheiro 2 DFs Individuais Balanço Patrimonial Ativo 4 Balanço Patrimonial Passivo 6 Demonstração do Resultado 9 Demonstração do Resultado Abrangente

Leia mais

COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS PRONUNCIAMENTO TÉCNICO CPC 03 DEMONSTRAÇÃO DE FLUXOS DE CAIXA

COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS PRONUNCIAMENTO TÉCNICO CPC 03 DEMONSTRAÇÃO DE FLUXOS DE CAIXA COMITÊ DE PRONUNCIAMENTOS CONTÁBEIS PRONUNCIAMENTO TÉCNICO CPC 03 DEMONSTRAÇÃO DE FLUXOS DE CAIXA Correlação às Normas Internacionais de Contabilidade IAS 7 (IASB) PRONUNCIAMENTO Conteúdo Item OBJETIVO

Leia mais

*Os pontos de vista expressados aqui são meus e não necessariamente representam aqueles do FDIC.

*Os pontos de vista expressados aqui são meus e não necessariamente representam aqueles do FDIC. Orientação Geral para Mandatos de Seguro de Depósito Eficazes Considerações importantes no Projeto de um Mandato Eficaz Disponibilidade de Recursos para um Sistema Eficaz de Seguro de Depósitos: Financiamentos,

Leia mais

www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008

www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008 www.estacioparticipacoes.com/ri Global Services Conference Phoenix-AZ, 27 de fevereiro de 2008 0 1. Visão Geral Setor de Ensino Superior no Brasil Visão Geral Estratégia Empresarial Destaques Financeiros

Leia mais

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil

Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Nota de Imprensa Emilio Botín: O objetivo é nos tornarmos o banco privado número um do Brasil Presidente mundial do Banco Santander apresenta em São Paulo o Plano Estratégico 2008-2010 para o A integração

Leia mais

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002

COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 COMENTÁRIOS DO DESEMPENHO NO 3º TRIMESTRE E 9 MESES DE 2002 Desempenho Em ambiente de queda da atividade na indústria automobilística, a Iochpe-Maxion apresentou um crescimento de 8,4% nas vendas no terceiro

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T10

Apresentação de Resultados 3T10 Apresentação de Resultados 3T10 09 de Novembro de 2010 Agenda 1. Desempenho do Período 2. Evolução das Receitas e Custos Hardware Software Serviços 3. Despesas e Margens 4. Investimentos e Caixa 5. Estratégia

Leia mais

Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015

Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015 Divulgação de Resultados Segundo Trimestre de 2015 Apresentação da Teleconferência 06 de agosto de 2015 Para informações adicionais, favor ler cuidadosamente o aviso ao final desta apresentação. Divulgação

Leia mais

CRITÉRIOS / Indicadores

CRITÉRIOS / Indicadores CRITÉRIOS / Indicadores A lista de conceitos desta MELHORES E MAIORES Os valores usados nesta edição são expressos em reais de dezembro de 2014. A conversão para dólares foi feita, excepcionalmente, com

Leia mais

Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009

Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009 Brasil Brokers divulga seus resultados do 4º Trimestre de 2009 Rio de Janeiro, 10 de março de 2010. A Brasil Brokers Participações S.A. (Bovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado de intermediação

Leia mais

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014

Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Resultado Líquido da Reditus aumenta 57,7% no 1º semestre de 2014 Proveitos Operacionais de 60,8 milhões de euros (+ 8,1%) EBITDA de 5,6 milhões de euros (+ 11,1%) Margem EBITDA 9,2% (vs. 8,9%) Resultado

Leia mais

Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006.

Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006. Lucro Líquido de R$179,4 milhões ou R$2,33 por ação no 4T06 e R$460,2 milhões ou R$5,99 por ação em 2006. São Paulo, 28 de fevereiro de 2007 - A Porto Seguro S.A. (Bovespa: PSSA3) anuncia seu resultado

Leia mais

AVISO LEGAL. A VALID isenta-se expressamente do dever de atualizar qualquer uma das declarações e informações prospectivas.

AVISO LEGAL. A VALID isenta-se expressamente do dever de atualizar qualquer uma das declarações e informações prospectivas. APIMEC VALID 2013 AVISO LEGAL Esta apresentação pode conter declarações e informações que constituem previsões para o futuro. Tais declarações e informações prospectivas são unicamente previsões e não

Leia mais

Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3) Divulgação de Resultados do 3º Trimestre de 2014 (em IFRS)

Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3) Divulgação de Resultados do 3º Trimestre de 2014 (em IFRS) São Paulo, 30 de outubro de 2014 Magazine Luiza S.A. (BM&FBOVESPA: MGLU3) (em IFRS) Lucro líquido cresce 66% no 3T14 e totaliza R$42 milhões Vendas líquidas crescem 18% no trimestre EBITDA cresce 44%,

Leia mais

Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010

Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010 Brasil Brokers divulga seus resultados do 2º Trimestre de 2010 Rio de Janeiro, 16 de agosto de 2010. A Brasil Brokers Participações S.A. (BM&FBovespa: BBRK3) uma empresa com foco e atuação no mercado de

Leia mais

Balanço e demonstração de resultados Plus

Balanço e demonstração de resultados Plus Balanço e demonstração de resultados Plus Data 2-3-215 Utilizador Utilizador exemplo N.º 51871 Referência Relatório de exemplo SOCIEDADE EXEMPLO, LDA NIF 123456789 DUNS 45339494 RUA BARATA SALGUEIRO, 28

Leia mais

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006

Resultados 3T06 8 de novembro de 2006 PUBLICIDADE CAIXA CRESCEU 49% BASE DE ASSINANTES BANDA LARGA CRESCEU 35% MARGEM DE EBITDA ATINGIU 29% São Paulo, O UOL (BOVESPA: UOLL4) anuncia hoje os resultados do 3T06. As demonstrações financeiras

Leia mais

B2W DIGITAL ANUNCIA CRESCIMENTO DE 26% E R$ 2,7 BILHÕES EM GMV NO 3T15

B2W DIGITAL ANUNCIA CRESCIMENTO DE 26% E R$ 2,7 BILHÕES EM GMV NO 3T15 B2W DIGITAL ANUNCIA CRESCIMENTO DE 26% E R$ 2,7 BILHÕES EM GMV NO 3T15 Marketplace continua em rápido desenvolvimento, crescendo 750% e atingindo participação de 10,1% do GMV total Rio de Janeiro, 12 de

Leia mais

da Alstom, Etapas vendas ou estão Entre 1o de abril pedidos e vendas e à plataformas. do capital de giro. 19 de ALSTOM Communicação

da Alstom, Etapas vendas ou estão Entre 1o de abril pedidos e vendas e à plataformas. do capital de giro. 19 de ALSTOM Communicação Comunicado de imprensa 5 de novembro de 2014 Nível recorde de pedidos e melhoria da rentabilidade no primeiro semestre 2014/15 da Alstom, Etapas chave cumpridas no projeto com a General Electric No contexto

Leia mais

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014

DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014 DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS 2014 LUPATECH S.A. CNPJ/MF nº 89.463.822/0001-12 NIRE 43300028534 Companhia Aberta de Capital Autorizado Novo Mercado Relatório da Administração Mensagem da Administração Senhores

Leia mais

O Lucro Líquido do 1T12 foi de R$2,5 MM, superior em R$10,7 MM ao prejuízo do 1T11, de R$8,2 MM negativos.

O Lucro Líquido do 1T12 foi de R$2,5 MM, superior em R$10,7 MM ao prejuízo do 1T11, de R$8,2 MM negativos. São Paulo, 14 de maio de 2012 - A Unidas S.A. anuncia os seus resultados do primeiro trimestre de 2012 (). As informações financeiras são apresentadas em milhões de Reais, exceto quando indicado o contrário.

Leia mais

Teleconferência de Resultados. Desempenho do 4T 2013 e de 2013. MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE

Teleconferência de Resultados. Desempenho do 4T 2013 e de 2013. MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE Teleconferência de Resultados Desempenho do 4T 2013 e de 2013 MAHLE Metal Leve S.A. 20 de março de 2014 12h00 (horário de Brasília) 1 Destaques 2013 Receita Líquida de Vendas de R$ 2.393,8 milhões em 2013,

Leia mais

Resultados 3T10. Novembro, 2010 FLRY3

Resultados 3T10. Novembro, 2010 FLRY3 Resultados 3T10 FLRY3 A marca mais valiosa no setor de saúde Brasileiro A 6ª marca mais valiosa entre as empresas de serviços A 25ª marca mais valiosa no Brasil Millward Brand / BrandAnalytics A Empresa

Leia mais