Link para acesso à Revista Digital:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Link para acesso à Revista Digital: http://douglasdim.blogspot.com.br/2012/08/fotografia.html"

Transcrição

1 SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 2º SÉRIE TURMA (S): A / B / C / D DISCIPLINA: ARTE PROFESSOR (A): LORENA NUNES DE SOUZA ALUNO (A): Nº A T I V I D A D E S DATA: / / FOTOGRAFIA Link para acesso à Revista Digital:

2 ESTUDO DIRIGIDO TEMA: A Introdução da Fotografia no Brasil no século XIX Atividade: 01- Em 2010 a cidade de Goiânia recebeu, no Museu Zoroastro Artiaga uma coleção de 40 gravuras do célebre artista da Missão Francesa no Brasil, Jean Baptiste Debret. No texto de publicidade, que argumentos são utilizados para atrair o apreciador ao Museu goiano para esta ocasião? Por que a fotografia poder ser considerada uma grande paixão? 03- Segundo o texto, qual a polêmica que envolve a origem da fotografia? 04- Qual o princípio que gera a fotografia no Daguerreótipo? De onde vem o nome do aparelho? 05- Qual o objetivo da viagem ao redor do mundo carregando o Daguerreótipo? 06- A viagem de circunavegação a bordo do oriental fazia parte de um projeto científico. Que inovações eram carregadas a bordo do navio? 07- Em 17 de novembro de 1840 o jornal brasileiro jornal do Commercio anunciava a fascinante novidade de Daguèrre. Como o jornal descreveu em sua manchete a experiência? 08- Apresente um trecho do relato de Machado de Assis, de agosto de 1864, sobre a introdução da daguerreotipia no Brasil. 09- A memorável viagem de circunavegação do Oriental foi sepultada com um naufrágio em 23 de junho de Qual a polêmica que envolve este episódio? 10- A expedição do Oriental por muitos anos ficou entregue ao esquecimento, assim como as primeiras experiências do daguerreótipo. Como esta história foi recuperada nos anais da História? QUESTÕES DE VESTIBULAR 01- A palavra Fotografia vem do grego [fós] ("luz"), e [grafis] ("estilo", "pincel") ou grafê, e significa "desenhar com luz e contraste". Sobre a fotografia NÃO podemos afirmar que: (A) Corresponde a técnica de criação de imagens por meio de exposição luminosa, fixando esta em uma superfície sensível. (B) A primeira fotografia reconhecida remonta ao ano de 1826 e é atribuída ao francês Joseph Nicéphore Niépce. Contudo, a invenção da fotografia não é obra de um só autor, mas um processo de acúmulo de avanços por parte de muitas pessoas, trabalhando juntas ou em paralelo ao longo de muitos anos. (C) Se por um lado os princípios fundamentais da fotografia se estabeleceram há décadas e, desde a introdução do filme fotográfico colorido, quase não sofreram mudanças, por outro, os avanços tecnológicos têm sistematicamente possibilitado

3 melhorias na qualidade das imagens produzidas, agilização das etapas do processo de produção e a redução de custos, 3 popularizando o uso da fotografia. (D) A introdução da tecnologia digital pouco tem modificado os paradigmas que norteiam o mundo da fotografia. (E) A incorporação da câmera fotográfica aos aparelhos de telefonia móvel têm definitivamente levado a fotografia ao cotidiano particular do indivíduo. 02- Leia atentamente o trecho abaixo: A fotografia não é a obra final de um único criador. Ao longo da história, diversas pessoas foram agregando conceitos e processos que deram origem à fotografia como a conhecemos. (...) A primeira fotografia reconhecida é uma imagem produzida em 1826 pelo francês, numa placa de estanho coberta com um derivado de petróleo fotossensível chamado Betume da Judéia. A imagem foi produzida com uma câmera, sendo exigidas cerca de oito horas de exposição à luz solar, ele chamou o processo de "heliografia", gravura com a luz do Sol. Paralelamente, outro francês,, produzia com uma câmera escura efeitos visuais em um espetáculo denominado "Diorama". Ambos, trocaram correspondência durante alguns anos, vindo finalmente a firmarem sociedade. O trecho refere-se, respectivamente, aos cientistas: (A) Os irmãos franceses Auguste e Louis Lumière e James Clerk Maxwell. (B) William Fox Talbot e Hippolyte Bayard. (C) Hércules Florence e Boris Kossoy. (D) Joseph Nicéphore Niépce e Louis Jacques Mandé Daguerre. (E) George Eastman Kodak e Louis Jacques Mandé Daguerre. 03- A fotografia popularizou-se como produto de consumo a partir de A empresa Kodak abriu as portas com um discurso de marketing onde todos podiam tirar suas fotos, sem necessitar de fotografos profissionais com a introdução da câmera tipo "caixão" e pelo filme em rolos substituíveis criados por George Eastman. Desde então, o mercado fotográfico teve experimentado uma crescente evolução tecnológica, como o estabelecimento do filme colorido como padrão e o foco automático, ou exposição automática. Essas inovações indubitavelmente facilitaram muitos processos relacionados a fotografia. Marque a alternativa que não tem relação com essas inovações: (A) A captação da imagem. (B) Melhoraram a qualidade de reprodução. (C) Permitiram maior rapidez do processamento. (D) Passou a requerer a presença de profissionais da área. (E) Popularizou, como produto, o consumo da fotografia. 04- Sobre a produção da fotografia a grande mudança recente, produzida a partir do final do século XX, foi a digitalização dos sistemas fotográficos. Isso foi possível graças à (ao): (A) Daguerreótipo. (B) Câmara escura. (C) Fotografia digital. (D) Fotografia analógica. (E) Fotografia amadora. 05- O fotojornalismo preenche uma função bem determinada e tem características próprias. O impacto é elemento fundamental. A informação é imprescindível. É na fotografia de imprensa, um braço da fotografia documental, que se dá um grande papel da fotografia de informação, o fotojornalismo. É no fotojornalismo que a fotografia pode exibir toda a sua capacidade de transmitir informações. E essas informações podem ser passadas, com beleza, pelo simples enquadramento que o fotógrafo tem a possibilidade de fazer. Nada acontece hoje nas comunicações impressas sem o endosso da fotografia.

4 Existem basicamente quatro gêneros de fotografia jornalística. Observe as imagens fotográficas e faça a correspondência 4 com os gêneros. (A) Fotografia Social. (B) Fotografia de Esporte. (C) Fotografia Cultural. (D) Fotografia Policial Agora marque a alternativa correta: 4- (A) 2B, 3D, 4A, 1C. (B) 2D, 3B, 1C, 4A. (C) 1B, 2A, 3D, 4C. (D) 4A, 3B, 2D, 1C. (E) 1A, 2B, 3C, 4D. 06- Filha de muitos pais, a fotografia acabaria conquistando rapidamente seu espaço no imaginário mundial. Hoje, reina absoluta, empurrada pela revolução digital, com aparelhos e celulares que clicam até pensamentos. Desse modo, a fotografia, sem dúvida, é uma grande paixao. Sobre a fotografia é INCORRETA afirmar que: (A) Permite retratar com fidelidade e minúcia, lugares e momentos significativos. (B) Possibilita a produção de memória. (C) É sinômino de coisa transitória e passageira. (D) Na atualidade podem ser compartilhadas em virtude da inclusão digital (E) Conquistou espaço e despertou a curiosidade desde o início de sua criação. 07- É preciso ter visto a coisa com os próprios olhos para se poder fazer ideia da rapidez e do resultado da operação. Em menos de nove minutos, o chafariz do largo do Paço, a praça do Peixe, o mosteiro de São Bento e todos os outros objetos circunstantes se acharam reproduzidos com (...) fidelidade, precisão e minuciosidade anotava, entusiasmado, o cronista do Jornal do Commercio no dia seguinte à exibição do aparelho de Daguerre e de suas virtudes em solo carioca. O trecho acima se refere: (A) À invenção do daguerreótipo. (B) À repercussão da chegada do daguerreótipo ao Brasil.

5 5 (C) As disputas ao longo do século XIX pela paternidade da fotografia. (D) Ao fato de a fotografia ser uma grande paixão. (E) À viagem do navio Oriental para formação de jovens marinheiros. 08- Leia atentamente o trecho abaixo: Na fotografia encontra-se a ausência, a lembrança, a separação dos que se amam, as pessoas que já faleceram, as que desapareceram. Para algumas pessoas, fotografar é um ato prazeroso, de estar figurando ou imitando algo que existe. Já para outras, é a necessidade de prolongar o contato, a proximidade, o desejo de que o vínculo persista. A foto faz que as pessoas lembrem do seu passado e que fiquem conscientes de quem são. O conhecimento do real e a essência de identidade individual dependem da memória. (...) A fotografia captura um instante, põe em evidência um momento, ou seja, o tempo que não pára de correr e de ter transformações. Ao olhar uma fotografia é importante valorizar o salto entre o momento em que o objeto foi clicado e o presente em que se contempla a imagem, porém a ocasião fotografada é capaz de conter o antes e depois. Fotografa-se para recordar, porque os acontecimentos terminam e as fotografias permanecem, porém não sabemos se esses momentos foram significativos em si mesmos ou se tornaram. O trecho refere-se diretamente: (A) A relação entre fotografia e consumo. (B) A relação entre fotografia e memória. (C) À produção da fotografia. (D) À história da fotografia. (E) Ao trabalho dos fotógrafos profissionais. 09- Joseph Nicéphore Niépce utilizou uma substância que era um verniz que secava rapidamente e endurecia mais rápido nas áreas atingidas pela luz, tornando-se estável, ou seja, a imagem formada ali não se alterava e nem desaparecia. Essa substância era: (A) Amoníaco. (B) Betume de Judéia. (C) Sais de prata. (D) Nitrato de prata. (E) Prata metálica. 10- Técnica de gravação por meios mecânicos e químicos ou digitais, de uma imagem numa camada de material sensível à exposição luminosa, designada como o seu suporte. (A) Fotomontagem. (B) Caricatura. (C) Charge. (D) Fotografia. (E) Pintura.

Eclipse solar observado em Lovania através de uma câmara escura, 1544

Eclipse solar observado em Lovania através de uma câmara escura, 1544 Eclipse solar observado em Lovania através de uma câmara escura, 1544 2 A luz entrava na câmara através de uma pequena abertura (pinhole ou buraco de agulha) projectando a imagem na parede oposta. 3 No

Leia mais

Com a Fotografia foi assim também. Ela nasce movida pela curiosidade, em um processo que envolveu estudo, observação e muita experimentação.

Com a Fotografia foi assim também. Ela nasce movida pela curiosidade, em um processo que envolveu estudo, observação e muita experimentação. Capítulo I. História da Fotografia As leis da Física Ao longo de sua evolução o Homem foi descobrindo e inventando coisas, desenvolvendo conhecimento, tecnologia e instrumentos para suprir suas necessidades.

Leia mais

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA A luz é o princípio da fotografia Tentativa do homem de tornar perene a realidade Luz refletida nos objetos permite que os vejamos Quando a luz refletida atravessa um pequeno orifício

Leia mais

O Olhar por Trás da Câmera 1

O Olhar por Trás da Câmera 1 O Olhar por Trás da Câmera 1 Letícia Mainardi Tamiozzo 2 RadharaniTarumim Souza Kuhn 3 Orientador: Muryllo Lorensoni 4 Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá, MT. RESUMO O trabalho de Produção Transdisciplinar

Leia mais

Título: GENEALOGIA PARA OS JOVENS. Sub-título: DETECTIVES DO PASSADO

Título: GENEALOGIA PARA OS JOVENS. Sub-título: DETECTIVES DO PASSADO Título: GENEALOGIA PARA OS JOVENS Sub-título: DETECTIVES DO PASSADO Dirigida a: crianças do 1º ciclo, 2º ciclo e 3º ciclo. Duração: 50 minutos. Relevância /interesse do estudo: Quase todas as crianças

Leia mais

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA NO BRASIL. Profª Ms. Déborah Rodrigues Borges

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA NO BRASIL. Profª Ms. Déborah Rodrigues Borges HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA NO BRASIL Profª Ms. Déborah Rodrigues Borges HERCULE FLORENCE: A DESCOBERTA ISOLADA DA FOTOGRAFIA NO BRASIL o Antoine Hercule Romuald Florence nasceu em Nice, na França, no dia 29

Leia mais

Endereço: Rua 1. Mércia ARAÚJO 2 Nelson SOARES 3 Faculdade Social da Bahia, Salvador, BA

Endereço: Rua 1. Mércia ARAÚJO 2 Nelson SOARES 3 Faculdade Social da Bahia, Salvador, BA Endereço: Rua 1 Mércia ARAÚJO 2 Nelson SOARES 3 Faculdade Social da Bahia, Salvador, BA RESUMO: O presente trabalho foi apresentado à disciplina Fotojornalismo II e consistiu na produção de um ensaio fotodocumental.

Leia mais

Os diferentes modos de registro imagético expressam. o espírito de seu tempo utilizando materiais. e meios que são produtos próprios da época.

Os diferentes modos de registro imagético expressam. o espírito de seu tempo utilizando materiais. e meios que são produtos próprios da época. IMAGEM E HISTÓRIA Os diferentes modos de registro imagético expressam o espírito de seu tempo utilizando materiais e meios que são produtos próprios da época. Pintura Rupestre mãos pincéis de penas e pêlos

Leia mais

Fotografia(Photographia)

Fotografia(Photographia) FOTOGRAFIA Fotografia(Photographia) Photon significa luz, Graphos pincel, em outras palavras fotografia significa desenhar com a luz. É uma técnica de gravação,por meios mecânicos e químicos ou digitais,de

Leia mais

Projeto Pintando um Sonho. www.fcci.art.br

Projeto Pintando um Sonho. www.fcci.art.br Projeto Pintando um Sonho www.fcci.art.br Foz do Iguaçu, Junho de 2012 Histórico φωτός + γράφειν Fotografia: arte ou processo de reproduzir imagens sobre uma superfície fotossensível, pela ação de energia

Leia mais

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA A CÂMERA ESCURA SÉCULO XVI U"lizada para auxiliar desenhos. 1! PERFIS DE SOMBRA SÉCULO XVIII NIÉPCE 1826 2! NIÉPCE 1826 Primeira fotografia de Niépce em 1826, "rada da janela do

Leia mais

FOTOGRAFIA ESPELHO, MOLDURA; FRAGMENTOS E TÉCNICA. Introdução à história da fotografia.

FOTOGRAFIA ESPELHO, MOLDURA; FRAGMENTOS E TÉCNICA. Introdução à história da fotografia. FOTOGRAFIA ESPELHO, MOLDURA; FRAGMENTOS E TÉCNICA Introdução à história da fotografia. FOTOGRAFIA A história da fotografia tem diversas datas, vários inventores e muitas observações e pesquisas que propiciaram

Leia mais

ALUNO: Nº SÉRIE/ANO: TURMA: TURNO: 8º D V. DISCIPLINA: TIPO DE ATIVIDADE: PROFESSOR (A): HISTÓRIA DA ARTE TEXTO COMPLEMENTAR - 1 2º trimestre TATIANE

ALUNO: Nº SÉRIE/ANO: TURMA: TURNO: 8º D V. DISCIPLINA: TIPO DE ATIVIDADE: PROFESSOR (A): HISTÓRIA DA ARTE TEXTO COMPLEMENTAR - 1 2º trimestre TATIANE Fonte: http://www.musee-orsay.fr/fr/collections/catalogue-des-oeuvres/resultatcollection.html?no_cache=1&zoom=1&tx_damzoom_pi1%5bzoom%5d=0&tx_da mzoom_pi1%5bxmlid%5d=001089&tx_damzoom_pi1%5bback%5d=fr%2fcollec

Leia mais

POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO

POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO 1 POR TRÁS DA LENTE E DIANTE DA CÂMERA A EVOLUÇÃO DO RETRATO RESUMO Colégio Londrinense Alunos (as): Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto; Lucas Assis; Rafael Noriaki Yamamoto Orientadora: Wiviane

Leia mais

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA Aspectos sociais, culturais e tecnológicos

HISTÓRIA DA FOTOGRAFIA Aspectos sociais, culturais e tecnológicos Aspectos sociais, culturais e tecnológicos A luz é o princípio da fotografia Tentativa do homem de tornar perene a realidade Luz refletida nos objetos permite que os vejamos Quando a luz refletida atravessa

Leia mais

19/11/2015. Um pouco de história antes... A FOTOGRAFIA. James Clerk Maxwell (1831 1879) Escócia (Reino Unido) físico, filósofo e matemático.

19/11/2015. Um pouco de história antes... A FOTOGRAFIA. James Clerk Maxwell (1831 1879) Escócia (Reino Unido) físico, filósofo e matemático. Prof. Reginaldo Brito Um pouco de história antes... A FOTOGRAFIA Joseph-Nicéphore Niepce * França, (1765-1833) James Clerk Maxwell (1831 1879) Escócia (Reino Unido) físico, filósofo e matemático. 1826,

Leia mais

Colégio Módulo. Projeto Pedagógico do 9º Ano. Equipe do 9º Ano

Colégio Módulo. Projeto Pedagógico do 9º Ano. Equipe do 9º Ano Colégio Módulo Projeto Pedagógico do 9º Ano Equipe do 9º Ano TRABALHO FOTOGRÁFICO 9 ANO FOTOGRAFIA A palavra fotografia se origina do grego e significa:fós: luz + grafis: pincel, ou seja, desenhar com

Leia mais

O trabalho escravo no Brasil Algumas imagens

O trabalho escravo no Brasil Algumas imagens O trabalho escravo no Brasil Algumas imagens Jean Baptiste Debret nasceu em Paris, na França, em 18 de abril de 1768. Formado pela Academia de Belas Artes de Paris, Debret foi um dos membros da Missão

Leia mais

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS

http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS http://crayonstock.com/19707 Zoonar 12 SEGREDOS PARA CONQUISTAR CLIENTES COM IMAGENS Constantemente, somos bombardeados por incontáveis conteúdos visuais. Imagens ilustram websites, redes sociais, folders,

Leia mais

A Evolução do Processamento Fotográfico na ESTEIO

A Evolução do Processamento Fotográfico na ESTEIO A Evolução do Processamento Fotográfico na ESTEIO Descrever o processo fotográfico é remeter-se a temas como: câmera, filme, papel fotográfico e processamento de imagens, assuntos tratados e estudados

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADORA DA 1ª SEMANA INTERMUNICIPAL DA FRONTEIRA.

CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADORA DA 1ª SEMANA INTERMUNICIPAL DA FRONTEIRA. CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADORA DA 1ª SEMANA INTERMUNICIPAL DA FRONTEIRA. 1 O Concurso Consórcio Intermunicipal da Fronteira CIF, juntamente com as Secretárias de Educação dos municípios de Bom Jesus do

Leia mais

Câmera de vídeo PROF.: PAULO GOMES MATÉRIA: STRS 1 MOURA LACERDA

Câmera de vídeo PROF.: PAULO GOMES MATÉRIA: STRS 1 MOURA LACERDA MATÉRIA: STRS 1 MOURA LACERDA Câmera de vídeo Filmadora, câmera de vídeo ou câmara de filmar, também conhecida simplesmente por câmara ou câmera, é um dispositivo dotado de mecanismos que capturam imagens

Leia mais

As origens do processo fotográfico

As origens do processo fotográfico Capítulo 1 As origens do processo fotográfico "De hoje em diante, a pintura está morta". Paul Delaroche. A fotografia é uma atividade com pouco mais de 150 anos, embora ela seja uma síntese de várias observações

Leia mais

UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1

UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1 UM REGISTRO FOTOGRÁFICO DAS ETAPAS DO PROCESSO CRIATIVO: A ARTE FINAL 1 Luiz Henrique Oliveira Silva Carlos de PAIVA 2 Lamounier Lucas PEREIRA JÚNIOR 3 Centro Universitário Newton Paiva, Belo Horizonte,

Leia mais

UNIDADE I. Processo evolutivo da fotografia. Múltiplas descobertas

UNIDADE I. Processo evolutivo da fotografia. Múltiplas descobertas UNIDADE I Processo evolutivo da fotografia Múltiplas descobertas Fev/2012 Busca da Imagem IMAGEM do latim imagine,aquilo que possui semelhança com alguma coisa conhecida ou idealizada. Sendo a imagem uma

Leia mais

TUTORIAL FOTOGRAFIA BÁSICA

TUTORIAL FOTOGRAFIA BÁSICA TUTORIAL FOTOGRAFIA BÁSICA História da Fotografia 1727 - Na Alemanha - John Heinrich. Inventou a fotossensibilidade em sais de prata. 1826 Na França Joseph Nicéphore Nièpce. Inventa a Héliohraphia. Morreu

Leia mais

dicas para usar o celular nas aulas

dicas para usar o celular nas aulas E-book 11 dicas para usar o celular nas aulas Sugestões de atividades com os aplicativos mais básicos e simples de um aparelho Por Talita Moretto É permitido compartilhar e adaptar este material, desde

Leia mais

São 30 as categorias do Prêmio Abril de Jornalismo 2015

São 30 as categorias do Prêmio Abril de Jornalismo 2015 REGULAMENTO I - AS CATEGORIAS São 30 as categorias do Prêmio Abril de Jornalismo 11 de Matéria Completa 3 de Texto 4 de Arte 4 de Fotografia 5 Digitais 2 Especiais Prêmio Roberto Civita Prêmio Matéria

Leia mais

CÂMERAS. fotográficas

CÂMERAS. fotográficas CÂMERAS fotográficas Quanto ao suporte: Digital Analógico Como classificar e diferenciar os tipos de Câmeras? Quanto a automação: Automáticas Semi-automáticas Auto e manual Quanto ao visor: Visor direto

Leia mais

Curso de guitarra começa dia 2 no Sesc Balneário

Curso de guitarra começa dia 2 no Sesc Balneário Meio: Portal do Holanda Editoria: Amazonas Hora: 13:37h Data: 20/08/15 Curso de guitarra começa dia 2 no Sesc Balneário Portal do Holanda Postado em 20/08/2015 às 13h37 Estão abertas as inscrições para

Leia mais

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 2 Produzindo uma foto

Produzindo e divulgando fotos e vídeos. Aula 2 Produzindo uma foto Produzindo e divulgando fotos e vídeos Aula 2 Produzindo uma foto Objetivos 1 Entender um pouco da história da fotografia. 2 Identificar o que observar na escolha do equipamento fotográfico. 3 Compreender

Leia mais

Alexander Parkes. Camila Welikson. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons.

Alexander Parkes. Camila Welikson. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. Camila Welikson Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. http://creativecommons.org.br http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/br/legalcode O

Leia mais

160 anos de fotografia Artigo de Paulo Pereira da Costa

160 anos de fotografia Artigo de Paulo Pereira da Costa 160 anos de fotografia Artigo de Paulo Pereira da Costa Há 160 anos, a Academia de Artes e Ciências da França anunciava oficialmente o nascimento da fotografia. Entretanto o desejo de retratar a natureza

Leia mais

Fotografia Digital. Aula 1

Fotografia Digital. Aula 1 Fotografia Digital Aula 1 FOTOGRAFIA DIGITAL Tema da aula: A Fotografia 2 A FOTOGRAFIA A palavra Fotografia vem do grego φως [fós] ("luz"), e γραφις [grafis] ("estilo", "pincel") ou γραφη grafê, e significa

Leia mais

Imagem digital - 1. A natureza da imagem fotográfica. A natureza da imagem fotográfica

Imagem digital - 1. A natureza da imagem fotográfica. A natureza da imagem fotográfica A natureza da imagem fotográfica PRODUÇÃO GRÁFICA 2 Imagem digital - 1 Antes do desenvolvimento das câmeras digitais, tínhamos a fotografia convencional, registrada em papel ou filme, através de um processo

Leia mais

energia que vai longe

energia que vai longe Como melhorar seus Clicks energia que vai longe CLICK 2014 Introdução A fotografia é uma das principais ferramentas de comunicação da atualidade. Com o avanço tecnológico das câmeras fotográficas e celulares,

Leia mais

Uma cobertura fotojornalística do futebol americano em Nebraska 1

Uma cobertura fotojornalística do futebol americano em Nebraska 1 Uma cobertura fotojornalística do futebol americano em Nebraska 1 Tiago Zenero de SOUZA 2 Bruce THORSON 3 Francisco Rolfsen BELDA 4 Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp), Bauru,

Leia mais

OFICINA DE FOTOGRAFIA - PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO Colégio Estadual Waldemar de Paula Cavalcante

OFICINA DE FOTOGRAFIA - PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO Colégio Estadual Waldemar de Paula Cavalcante OFICINA DE FOTOGRAFIA - PROGRAMA MAIS EDUCAÇÃO Colégio Estadual Waldemar de Paula Cavalcante A Oficina de Fotografia é fruto do Programa Mais Educaçãodesenvolvido no Colégio Estadual Waldemar de Paula

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes Aluno (a): 5º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Este trabalho deverá ser entregue IMPRETERIVELMENTE no dia da prova. Prezado(a)

Leia mais

Viajar é bom! Melhor ainda trazendo boas fotos.

Viajar é bom! Melhor ainda trazendo boas fotos. Viajar é bom! Melhor ainda trazendo boas fotos. Iniciamos mais um curso de dez módulos grátis. Nele apresentaremos as possibilidades de captura fotográfica diferenciada e que marcará para sempre sua viagem.

Leia mais

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1

Esse texto é parte integrante da dissertação de mestrado defendida em dezembro de 2001 na UFBA. 1 1 REPRESENTAÇÕES DA SOCIEDADE ESCRAVISTA BRASILEIRA NA VIAGEM PITORESCA E HISTORICA AO BRASIL, DE JEAN BAPTISTE DEBRET: UMA POSSIBILIDADE DE LEITURA NO LIVRO DIDÁTICO Emilia Maria F. da Silva emiliamfs@terra.com.br

Leia mais

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil

Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil lacerda e franze Escritório de Advocacia Lacerda e Franze obtém economia significativa em custos de impressão com ECM/GED da SML Brasil CLIENTE Lacerda e Franze Advogados Associados V I S Ã O G E R A L

Leia mais

ANIMAÇÃO DE IMAGENS. Como dar vida às ideias.

ANIMAÇÃO DE IMAGENS. Como dar vida às ideias. ANIMAÇÃO DE IMAGENS Como dar vida às ideias. O que se entende por Cinema Cinema, abreviação de cinematógrafo, é a técnica de projetar fotogramas de forma rápida e sucessiva (24 fotogramas por segundo)

Leia mais

Reflexão acerca da Fotografia Digital

Reflexão acerca da Fotografia Digital Universidade Estadual de Campinas UNICAMP Instituto de Artes IA Departamento de Multimeios, Mídia e Comunicação DMM Reflexão acerca da Fotografia Digital Lucas Corazzini RA: 103130 Profº Drº Muricius Farina

Leia mais

MisturaBOA. Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor. Revista SAÚDE BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR

MisturaBOA. Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor. Revista SAÚDE BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR Revista MisturaBOA BOAS NOTICIAS E BOAS IDEIAS BOAS NOTICIAS PARA SE VIVER MELHOR E BOAS IDEIAS PARA SE VIVER MELHOR Uma seleção de boas notícias e boas ideias para se viver melhor Projeto 2015 conceito

Leia mais

Histórias, Redes Sociais e Memória

Histórias, Redes Sociais e Memória Histórias, Redes Sociais e Memória h.d.mabuse "A capacidade de lembrar o que já se viveu ou aprendeu e relacionar isso com a situação presente é o mais importante mecanismo de constituição e preservação

Leia mais

REGULAMENTO 22ª Maratona Fotográfica de Florianópolis

REGULAMENTO 22ª Maratona Fotográfica de Florianópolis REGULAMENTO 22ª Maratona Fotográfica de Florianópolis A Secretaria Municipal de Cultura (SECULT) e Fundação Cultural de Florianópolis Franklin Cascaes (FCFFC), no uso de suas atribuições, torna público

Leia mais

Cheia do Amazonas: o cotidiano do ribeirinho 1. Sandro Aurélio Gomes PEREIRA 2 Carlos Fábio Morais GUIMARÃES 3

Cheia do Amazonas: o cotidiano do ribeirinho 1. Sandro Aurélio Gomes PEREIRA 2 Carlos Fábio Morais GUIMARÃES 3 Cheia do Amazonas: o cotidiano do ribeirinho 1 Sandro Aurélio Gomes PEREIRA 2 Carlos Fábio Morais GUIMARÃES 3 Faculdade Martha Falcão DeVry, Manaus, AM RESUMO As populações ribeirinhas do Amazonas convivem

Leia mais

Impressionismo. a) Apenas o item IV está correto. b) Apenas os itens II, III e V são corretos. c) Apenas os itens II, III e V estão incorretos.

Impressionismo. a) Apenas o item IV está correto. b) Apenas os itens II, III e V são corretos. c) Apenas os itens II, III e V estão incorretos. Impressionismo Questão 01 - Como os artistas realistas, que com a ciência haviam aprendido a utilizar determinados conhecimentos, os impressionistas se viram na necessidade de interpretar com maior vivacidade

Leia mais

Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda

Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda Atlas Observe o mundo a sua volta. Como você classificaria os objetos que vê? Por seu uso, cor, forma, tamanho, natureza? A intenção aqui é que toda a turma crie categorias de classificação. Grupos então

Leia mais

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956).

Benedicto Silva. Foto 1. Minha mãe e eu, fotografados pelo meu pai (setembro de 1956). 1. INTRODUÇÃO 1.1. MINHA RELAÇÃO COM A FOTOGRAFIA Meu pai tinha uma câmara fotográfica. Ele não era fotógrafo profissional, apenas gostava de fotografar a família e os amigos (vide Foto 1). Nunca estudou

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE FÍSICA / PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO DE FÍSICA A OPTICA E A FOTOGRAFIA DIGITAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE FÍSICA / PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO DE FÍSICA A OPTICA E A FOTOGRAFIA DIGITAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE FÍSICA / PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO DE FÍSICA A OPTICA E A FOTOGRAFIA DIGITAL MESTRANDO PATRESE VIEIRA PORTO ALEGRE / JULHO DE 2013 FISICA

Leia mais

Figura Nº 70. Figura Nº 71

Figura Nº 70. Figura Nº 71 Figura Nº 70 Figura Nº 71 Figura Nº 69 Outra constatação é que o processo de solarização decorre de uma iluminação adicional feita no decorrer da revelação da imagem ou filme, assim sendo poderíamos com

Leia mais

ENSAIO FOTOGRÁFICO URBANO. Arthur Felipe Pereira Souza UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS

ENSAIO FOTOGRÁFICO URBANO. Arthur Felipe Pereira Souza UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS ENSAIO FOTOGRÁFICO URBANO Arthur Felipe Pereira Souza UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS INTRODUÇÃO Apesar de muitos considerarem Joseph Nicéphore Niépce como sendo o inventor da fotografia, ela não é uma

Leia mais

MundoGeoConnect 2013

MundoGeoConnect 2013 MundoGeoConnect 2013 Encontro de integração Governo, Universidades e Empresas PESQUISA e INOVAÇÃO COMO ESTRATÉGIA DE DESENVOLVIMENTO NA SOCIEDADE DO CONHECIMENTO Oportunidades de financiamento em pesquisas

Leia mais

Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel

Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel Objetivo: O concurso de fotografia Criatividade do call center'' tem como principal objetivo a valorização da realidade no setor de teleatendimento,

Leia mais

Apresentação da Disciplina

Apresentação da Disciplina Mídia - 2015.1 Nilmar Figueiredo 1 2 3 4 Calendário Acadêmico Comentários Apresentação da Disciplina Sistema de Avaliação 1 - Apresentação da Disciplina O que é Mídia? Departamento de Mídia - Organização

Leia mais

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON

UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON UNIVERSIDADE ANHEMBI MORUMBI BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON São Paulo 2009 BRESSON PROJECT DESIGN E MOBILIDADE: HENRI CARTIER-BRESSON Trabalho apresentado como exigência parcial

Leia mais

O Desenho: desenhando com Kari Galvão 1

O Desenho: desenhando com Kari Galvão 1 O Desenho: desenhando com Kari Galvão 1 Paulo Souza dos SANTOS JUNIOR 2 Maria Carolina Maia MONTEIRO 3 Universidade Católica de Pernambuco, Recife, PE RESUMO Este trabalho apresenta uma produção multimídia

Leia mais

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0

Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Manual Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle-ESPMG 2.0 Adriano Lima Belo Horizonte 2011 SUMÁRIO Apresentação... 3 Acesso ao Ambiente Virtual de Aprendizagem AVA ESP-MG... 3 Programação do curso no AVA-ESPMG

Leia mais

Historia da Arte e da Técnica

Historia da Arte e da Técnica IADE Instituto de Artes Visuais, Design e Marketing Licenciatura em : Design Historia da Arte e da Técnica Fotografia Analógica Autores: Nome: Marta Bessa Leite Turma: 1ºB1 Nº: 2011-0400 Nome: Mafalda

Leia mais

O OBTURADOR 1. FUNCIONAMENTO:

O OBTURADOR 1. FUNCIONAMENTO: Esse anexo é um complemento do material didático exclusivo do Curso de Fotografia Digital - A fotografia sob uma nova óptica e função, com Célio Ricardo, constituindo uma parte que completa o total de

Leia mais

MODA. www.lojistas.net acessado em 07/12/2005

MODA. www.lojistas.net acessado em 07/12/2005 Moda 03 Diferentes épocas 04 Velazquez 07 Auto-retrato 08 Fotografia 10 Câmera escura 12 Cinema 15 Taumatrópio e fenacistoscópio 19 Desenho animado 27 Andy Warhol 33 MODA www.lojistas.net acessado em 07/12/2005

Leia mais

Peripécias Analógicas: Descoberta, experimentação e vivência do ato de queimar o filme 1

Peripécias Analógicas: Descoberta, experimentação e vivência do ato de queimar o filme 1 Peripécias Analógicas: Descoberta, experimentação e vivência do ato de queimar o filme 1 Sarah Emanuelle Marques PEREIRA 2 Marina Muniz MENDES 3 Universidade Federal de Goiás, Goiânia, GO RESUMO No mundo

Leia mais

Joseph Priestley. Camila Welikson. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons.

Joseph Priestley. Camila Welikson. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. Camila Welikson Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. http://creativecommons.org.br http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/br/legalcode Mudança

Leia mais

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino.

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Professor: Wiviane Knott Sá Oliveira Silva Forma de Apresentação: Painel Instituição: Colégio Londrinense A poética no olhar

Leia mais

O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas

O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas O surgimento da escrita, a invenção e a evolução das artes gráficas A humanidade sempre dependeu de se comunicar para poder sobreviver melhor, transmitir os conhecimentos acumulados sempre foi algo muito

Leia mais

CLIQUES PARA UM MUNDO SUSTENTÁVEL REGULAMENTO 1. OBJETIVO DO CONCURSO

CLIQUES PARA UM MUNDO SUSTENTÁVEL REGULAMENTO 1. OBJETIVO DO CONCURSO REGULAMENTO 1. OBJETIVO DO CONCURSO A intenção é despertar nos alunos o interesse para as questões ambientais por meio de tecnologias como: câmeras fotográficas digitais, telefones celulares, tablets entre

Leia mais

Proteção de direitos e divulgação de arquivos

Proteção de direitos e divulgação de arquivos Electrónica ISCTE 31 janeiro 2012 Proteção de direitos e divulgação de arquivos Helena Simões Patrício Sumário 1. Introdução: a proteção de direitos em ambiente digital 3. Proteção de documentos de arquivo

Leia mais

Departamento de Ciência da Informação e Documentação Disciplina: Conservação e Restauração de Documentos Profs.: Lillian Alvares

Departamento de Ciência da Informação e Documentação Disciplina: Conservação e Restauração de Documentos Profs.: Lillian Alvares Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade, e Ciência da Informação e Documentação Departamento de Ciência da Informação e Documentação Disciplina: Conservação e Restauração

Leia mais

AULA 2: BrOffice Writer Trabalhando com imagem, bordas e cores. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de:

AULA 2: BrOffice Writer Trabalhando com imagem, bordas e cores. Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: AULA 2: BrOffice Writer Trabalhando com imagem, bordas e cores Objetivo Ao final dessa aula, você deverá ser capaz de: Aprender a inserir e formatar figura no texto; Aprender a trabalhar com cor ou marca

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB

ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB III Concurso Nacional de Fotografia para Magistrados R E G U L A M E N T O Fica instituído pela ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS BRASILEIROS - AMB - com sede em Brasília,

Leia mais

PALEOGRAFIA E FOTOGRAFIA: UMA RELAÇÃO DE MÉTODOS NO TRABALHO COM CORPUS DIGITAL

PALEOGRAFIA E FOTOGRAFIA: UMA RELAÇÃO DE MÉTODOS NO TRABALHO COM CORPUS DIGITAL 1 PALEOGRAFIA E FOTOGRAFIA: UMA RELAÇÃO DE MÉTODOS NO TRABALHO COM CORPUS DIGITAL Cecília Ribeiro de SOUZA 1 Jorge Viana SANTOS 2 Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia UESB souzaceciribeiro@gmail.com

Leia mais

Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu. Regulamento

Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu. Regulamento Concurso Fotográfico: VER A CIDADE, Edição Rio Manhuaçu Regulamento A Faculdade de Ciências Gerenciais de Manhuaçu (FACIG), através do curso de Arquitetura e Urbanismo, institui o CONCURSO DE FOTOGRAFIA

Leia mais

Habilidades Específicas em Artes Visuais. Prova de História da Arte

Habilidades Específicas em Artes Visuais. Prova de História da Arte Habilidades Específicas em Artes Visuais Prova de História da Arte I. Analise as duas obras cujas reproduções foram fornecidas, comentando suas similaridades e diferenças no que se refere aos aspectos

Leia mais

O retrato através da História da Arte

O retrato através da História da Arte ós na ala de Aula - Arte 6º ao 9º ano - unidade 5 Inicie sua aula observando retratos conhecidos da História da Arte e, em seguida, converse com os alunos sobre os retratos na História. Pergunte a eles

Leia mais

Publisher. Publisher. versão 2012.2

Publisher. Publisher. versão 2012.2 versão 2012.2 Publisher Publisher Para diagramar, vamos utilizar o Publisher, do pacote de programas Microsoft Office. As instruções valem para as versões 2003, 2007 e 2010 do pacote. Vamos aprender através

Leia mais

Curso Básico de Fotografia Digital. Por Daniel Barboza

Curso Básico de Fotografia Digital. Por Daniel Barboza Curso Básico de Fotografia Digital Por Daniel Barboza Curso Básico de Fotografia Digital 57ª Turma Ementa Objetivos: Aprimorar conhecimentos gerais; Aprender a fazer fotos em viagens; Ter noção de como

Leia mais

8 c o i s a s FOTOGRAFAR. Ana Flor www.anaflor.fot.br

8 c o i s a s FOTOGRAFAR. Ana Flor www.anaflor.fot.br 8 c o i s a s que vocêê precisa saber para FOTOGRAFAR Ana Flor www.anaflor.fot.br Introdução Esta apostila não pretende ser um manual de como ser um ótimo fotógrafo ou como usar sua câmera. Aqui você encontrará

Leia mais

Publisher. Publisher. versão 2012.2

Publisher. Publisher. versão 2012.2 versão 2012.2 Publisher Publisher Para diagramar, vamos utilizar o Publisher, do pacote de programas Microsoft Office. As instruções valem para as versões 2003, 2007 e 2010 do pacote. Vamos aprender através

Leia mais

Arte da Pré-História

Arte da Pré-História ALUNO(A) Nº SÉRIE: 6º. Ano TURMA: DATA: / /2013 Profª Ana Lúcia Leal - DISCIPLINA: ARTE Ficha de Aula - III Trimestre Arte da Pré-História As primeiras expressões artísticas As mais antigas figuras feitas

Leia mais

Concurso de Fotografia Revela o teu.pt

Concurso de Fotografia Revela o teu.pt Concurso de Fotografia Revela o teu.pt Desafio O DNS.pt, entidade responsável pelo domínio de topo de Portugal, o.pt, realiza um concurso de fotografia subordinado ao tema Revela o teu.pt. O objetivo é

Leia mais

Regulamento do Concurso de Desenho de Natureza e Desenho Científico alusivo à Biodiversidade de Vila Real

Regulamento do Concurso de Desenho de Natureza e Desenho Científico alusivo à Biodiversidade de Vila Real Regulamento do Concurso de Desenho de Natureza e Desenho Científico alusivo à Biodiversidade de Vila Real 1.ª edição 2014 Página 1 5 Regulamento do Concurso de Desenho de Natureza e Desenho Científico

Leia mais

Fotografia: conceitos e técnicas

Fotografia: conceitos e técnicas ca leo Carlos Leonardo S Mendes wwwcaleocombr caleo Carlos Leonardo dos S Mendes Fotografia: conceitos e técnicas Exposição Setembro de 2008 Versão 10 Nota: os textos ou fotos contidos neste material não

Leia mais

Cotas Pra Quê? 1. PALAVRAS-CHAVE: Documentário; Educação; Sistema de Cotas; Ensino Superior.

Cotas Pra Quê? 1. PALAVRAS-CHAVE: Documentário; Educação; Sistema de Cotas; Ensino Superior. Cotas Pra Quê? 1 Sarah Rocha MARTINS 2 Luan Barbosa OLIVEIRA 3 Camilla Alves Ribeiro PAES LEME 4 Instituto de Ensino Superior de Rio Verde, Rio Verde, Goiás RESUMO Este documentário foi planejado e desenvolvido

Leia mais

Jornal Mural do Turista: estruturando alternativas para a informação 1

Jornal Mural do Turista: estruturando alternativas para a informação 1 Jornal Mural do Turista: estruturando alternativas para a informação 1 Thaís Holanda PRACIANO 2 Alejandro Vivanco SEPÚLVEDA 3 Universidade de Fortaleza, Fortaleza, CE RESUMO Produzido por alunos estagiários

Leia mais

COLEÇÃO IMAGÉTICA: FOTOGRAFIA, EXTENSÃO, ENSINO E PESQUISA NO PROJETO FOCA FOTO. PALAVRAS-CHAVE Fotografia. Coleção fotográfica. Lapa. Extensão.

COLEÇÃO IMAGÉTICA: FOTOGRAFIA, EXTENSÃO, ENSINO E PESQUISA NO PROJETO FOCA FOTO. PALAVRAS-CHAVE Fotografia. Coleção fotográfica. Lapa. Extensão. 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( X ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

A fotografia como representação do real e as imagens manipuladas na publicidade

A fotografia como representação do real e as imagens manipuladas na publicidade A fotografia como representação do real e as imagens manipuladas na publicidade Edson Roberto Bogas GARCIA 1 Glauco Fernando Custódio BRIGHENTI 2 Rafael Soares FACETO 3 Resumo O presente artigo tem como

Leia mais

Guia de Início Rápido

Guia de Início Rápido Guia de Início Rápido O Microsoft OneNote 2013 parece diferente das versões anteriores, por isso criamos este guia para ajudar você a minimizar a curva de aprendizado. Alterne entre a entrada por toque

Leia mais

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo)

OURO MODERNO www.ouromoderno.com.br. Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO. (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) Designer Gráfico APOSTILA DE EXEMPLO (Esta é só uma reprodução parcial do conteúdo) 1 Índice AULA 1... 3 Apresentação... 3 Iniciando o CorelDRAW X3... 4 Componentes... 5 Barra de Menus... 6 Barra Padrão...

Leia mais

Fotografia - Instrumento de registro e alguns efeitos de inovações tecnológicas 1. Mariana Capeletti CALAÇA 2 Erick Rôso HUBER 3

Fotografia - Instrumento de registro e alguns efeitos de inovações tecnológicas 1. Mariana Capeletti CALAÇA 2 Erick Rôso HUBER 3 Fotografia - Instrumento de registro e alguns efeitos de inovações tecnológicas 1 Mariana Capeletti CALAÇA 2 Erick Rôso HUBER 3 Resumo Nós conseguimos nos definir enquanto indivíduo e enquanto grupo, baseado

Leia mais

Projeto de Digitalização de Jornais do Acervo da Fundação Cásper Líbero PRONAC: 102700

Projeto de Digitalização de Jornais do Acervo da Fundação Cásper Líbero PRONAC: 102700 Projeto de Digitalização de Jornais do Acervo da Fundação Cásper Líbero PRONAC: 102700 Valor total do Projeto: R$ 2.283.138,52 Apresentação: O jornal A Gazeta foi comprado por Cásper Líbero em 1918. Produziu

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES CURSO PROFISSIONAL DE NÍVEL SECUNDÁRIO Técnico de Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade DISCIPLINA: COMUNICAÇÃO GRÁFICA E AUDIOVISUAL ANO:

Leia mais

#25. CRIDI / UFBa - Fotográfico Institucional - 2005-2007 COMPLETA 1 / 9 PÁGINA 2

#25. CRIDI / UFBa - Fotográfico Institucional - 2005-2007 COMPLETA 1 / 9 PÁGINA 2 #25 COMPLETA Coletor: Web Link (Link da Web) Iniciado: sexta-feira 10 de outubro de 2014 14:59:20 Última modificação: segunda-feira 27 de outubro de 2014 08:50:20 Tempo gasto: Mais de uma semana Endereço

Leia mais

E no futuro, existirão primaveras? Talvez, se com Arte ampliarmos o olhar sobre a natureza

E no futuro, existirão primaveras? Talvez, se com Arte ampliarmos o olhar sobre a natureza E no futuro, existirão primaveras? Talvez, se com Arte ampliarmos o olhar sobre a natureza Márcia Maria de Sousa A solução dos problemas ambientais tem sido considerada cada vez mais urgente para garantir

Leia mais

LOUSA INTERATIVA. ActivPen

LOUSA INTERATIVA. ActivPen LOUSA INTERATIVA Desenvolvidos por e para professores, a Lousa Interativa é composta por um quadro eletrônico branco, conectado a um computador por meio de um cabo USB. Manuseada por meio de uma caneta

Leia mais

ACERVOS FOTOGRÁFICOS HISTÓRICOS. Organização, Pesquisa e Usos de Documentos Visuais. Aline Lopes de Lacerda alopeslacerda@gmail.

ACERVOS FOTOGRÁFICOS HISTÓRICOS. Organização, Pesquisa e Usos de Documentos Visuais. Aline Lopes de Lacerda alopeslacerda@gmail. ACERVOS FOTOGRÁFICOS HISTÓRICOS Organização, Pesquisa e Usos de Documentos Visuais Aline Lopes de Lacerda alopeslacerda@gmail.com Parte I - Fotografia e valor documentário Parte II - A fotografia nos arquivos:

Leia mais

Xilogravura. Gravura em Metal

Xilogravura. Gravura em Metal As Artes Gráficas http://commons.wikimedia.org/wiki/file:formschneider.jpg Xilogravura de Jost Amman mostrando um gravador do século 16 em sua mesa de trabalho, 1568. Arte Gráfica é o processo de reprodução

Leia mais

Fotografia publicitária regional: um estudo de trabalhos realizados por estúdios fotográficos na cidade de Blumenau SC 1

Fotografia publicitária regional: um estudo de trabalhos realizados por estúdios fotográficos na cidade de Blumenau SC 1 Fotografia publicitária regional: um estudo de trabalhos realizados por estúdios fotográficos na cidade de Blumenau SC 1 Patrick Luiz Salva da Silva 2 Rafael José Bona 3 UNIASSELVI Centro Universitário

Leia mais

Como obter Ajuda e Suporte

Como obter Ajuda e Suporte Como obter Ajuda e Suporte Durante a utilização dos Sistemas comercializados pela Domínio Sistemas, você e sua equipe poderão ter dúvidas sobre algum processo ou alguma tela em específico. Estas dúvidas

Leia mais