LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO"

Transcrição

1 LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO 1

2 (CÂMARA DOS DEPUTADOS - CESPE/Unb - Superior - Analista Legislativo) Um estado membro da Federação editou, em 1994, medida provisória tornando obrigatório o uso de cinto de segurança e proibindo o transporte de menores de dez anos de idade no banco dianteiro de veículos nas vias públicas daquele estado, além de permitir a autorização provisória a menores de dezoito e maiores de dezesseis anos de idade para dirigir veículos automotores. Considerando essa situação hipotética, julgue o item seguinte, à luz da ordem constitucional vigente. A lei padece de vício de inconstitucionalidade por invasão da competência reservada à União pela Constituição da República, que dispõe competir privativamente à União legislar sobre trânsito. (CÂMARA DOS DEPUTADOS - CESPE/Unb - Superior - Analista Legislativo) Um estado membro da Federação editou, em 1994, medida provisória tornando obrigatório o uso de cinto de segurança e proibindo o transporte de menores de dez anos de idade no banco dianteiro de veículos nas vias públicas daquele estado, além de permitir a autorização provisória a menores de dezoito e maiores de dezesseis anos de idade para dirigir veículos automotores. Considerando essa situação hipotética, julgue o item seguinte, à luz da ordem constitucional vigente. A Constituição da República proíbe expressamente os menores de dezoito anos de idade de dirigir veículos automotores. 1. (Agente Municipal de Trânsito UFG Pref. Goiânia) São vias terrestres urbanas e rurais as ruas, as avenidas, os logradouros, os caminhos, as passagens, as estradas e as rodovias, que terão seu uso regulamentado pelo órgão ou pela entidade com circunscrição sobre elas, de acordo com as peculiaridades locais e as circunstâncias especiais. Para efeito do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), são vias terrestres: a) Os rios navegáveis; b) As praias abertas à circulação pública; c) As ferrovias; d) As áreas internas dos lotes residenciais e comerciais. 2

3 2. (Agente de Trânsito CEC Pref. Pato Branco/PR) O Código de Trânsito Brasileiro CTB rege o trânsito de qualquer natureza nas vias terrestres do território nacional. O mesmo CTB considera como vias terrestres: I. Ruas; II. Avenidas; III. Praias abertas à circulação pública; IV. Estradas; V. Rodovias; VI. Vias internas pertencentes aos condomínios constituídos por unidades autônomas. Assinale a alternativa que contém vias terrestres, segundo o CTB: a) Apenas I, II, IV e V; b) Apenas I, IV e V; c) I, II, III, IV, V e VI; d) Apenas IV e V; e) Apenas I, II e IV. 3. (UPE/IAUPE Prefeitura de Recife/PE Guarda Municipal) Assinale a afirmativa correta. A) Os órgãos e as entidades de trânsito, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito, darão prioridade, em suas ações, à defesa da vida, nela incluída a preservação da saúde e do meio ambiente. B) Os órgãos e as entidades de trânsito, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito, darão prioridade, em suas ações, à preservação da saúde. C) Os órgãos e as entidades de trânsito, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito, darão prioridade, em suas ações, à defesa do meio ambiente. D) Os órgãos e as entidades de trânsito, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito, darão prioridade, em suas ações, à defesa do trânsito seguro. E) Os órgãos e as entidades de trânsito, pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito, darão prioridade, em suas ações, à manutenção, apenas, de programas que garantam a segurança do trânsito. 4. (FUNRIO DPRF Policial Rodoviário Federal) O trânsito de qualquer natureza nas vias terrestres do território nacional, abertas à circulação, rege-se pelo Código de Trânsito Brasileiro instituído pela lei nº 9.503, de 23 de setembro de Assim, é correto afirmar que: A) O trânsito, em condições seguras, é um direito de todos e dever dos órgãos e entidades componentes do Sistema Estadual de Trânsito, a estes cabendo, no âmbito das respectivas competências, adotar as medidas destinadas a assegurar esse direito. B) Os órgãos e entidades componentes do Sistema Nacional de Trânsito respondem, no âmbito das respectivas competências, objetivamente, sendo necessária a comprovação de culpa, por danos causados aos cidadãos em virtude de ação, omissão ou erro na execução e manutenção de programas, projetos e serviços que garantam o exercício do direito do trânsito seguro. C) Os órgãos e entidades de trânsito pertencentes ao Sistema Nacional de Trânsito darão prioridade em suas ações à defesa da vida, não incluindo neste caso a preservação da saúde e do meio-ambiente. D) Considera-se trânsito a utilização das vias por pessoas, veículos e animais, isolados ou em grupos, conduzidos ou não, para fins de circulação, parada, estacionamento e operação de carga ou descarga. E) As disposições deste Código são aplicáveis a qualquer veículo, bem como aos proprietários, condutores dos veículos nacionais ressalvados os veículos estrangeiros e as pessoas nele expressamente mencionadas. 5. ( CONSULPAM - Agente de Trânsito - adaptada) Julgue as assertivas abaixo segundo as disposições da Lei n , de 23 de setembro de 1997 (Código de Trânsito Brasileiro). Considera-se trânsito a utilização das vias por pessoas, veículos e animais, isolados ou em grupos, conduzidos ou não, para fins de circulação, parada, estacionamento e operação de carga ou descarga. 6. (CESPE DETRAN/DF Auxiliar de Trânsito 2009/adaptada) O Código de Trânsito Brasileiro aplica-se aos transportes marítimo e aéreo. 7. (CESPE - Motorista CETURB - ES adaptada) Julgue o item a seguir de acordo com os dispositivos do CTB. As praias abertas a circulação pública e as vias internas pertencentes aos condomínios constituídos por unidades autônomas são consideradas vias terrestres. 3

4 8. ( UFMT - DETRAN-MT - adaptada) De acordo com a Lei N.º 9.503/1997, Código de Trânsito Brasileiro (CTB), julgue os itens. As praias privadas não são consideradas vias terrestres. GABARITO 1 - B 2 - C 3 - A 4 - D 5 - C 6 - E 7 - C 8 - C Finalidade do SNT Tem por finalidade o exercício das atividades de: 1. (TRE-PI - FCC - Técnico Judiciário - Segurança) Os objetivos básicos do Sistema Nacional de Trânsito são, dentre outros, A) rever periodicamente toda a legislação de trânsito. B) estabelecer as penalidades para condutores infratores. C) promover o intercâmbio com os sistemas de trânsito de outros países. D) fixar os valores das multas e demais penalidades por infração de trânsito. E) estabelecer diretrizes para a segurança, fluidez, conforto, defesa ambiental e educação para o trânsito. 2. ( Prefeitura do Rio de Janeiro RJ - Fiscal de Transportes Urbanos) De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito (DENATRAN, 2008), um dos objetivos básicos do Sistema Nacional de Trânsito consiste em: A) estabelecer diretrizes da Política Nacional de Trânsito, com vistas à segurança, à fluidez, ao conforto, à defesa ambiental e à educação para o trânsito, e fiscalizar seu cumprimento B) zelar pela uniformidade e cumprimento das normas contidas no Código Brasileiro de Trânsito e nas resoluções 4

5 complementares C) dirimir conflitos sobre circunscrição e competência de trânsito no âmbito da União, dos Estados e do Distrito Federal D) estimular e orientar a execução de campanhas educativas de trânsito 3. (2016 IBFC - Técnico em Mobilidade Urbana Jr) Compõem o Sistema Nacional de Trânsito os órgãos ou entidades relacionados abaixo, exceto o que está na alternativa: A) Conselho Nacional de Trânsito. B) Conselhos Estaduais de Trânsito. C) Conselho de Trânsito do Distrito Federal. D) Conselho do Ministério dos Transportes. 4. ( Prefeitura do Rio de Janeiro - Fiscal de Transportes Urbanos) O coordenador máximo do Sistema Nacional de Trânsito é: a) o Conselho Nacional de Trânsito b) a Câmara Interministerial de Trânsito c) o Ministério das Cidades d) a Conferência Nacional das Cidades 5. (Prefeitura Fiscalização de de Salvador/BA Trânsito e - SENASP Transporte) - Agente Faz parte de do CONTRAN A) um representante do Ministério da Educação e do Desporto. B) um representante do Ministério da Economia. C) dois representantes do Ministério da Saúde. D) três representantes do Ministério dos Transportes. 6. (CONSULPLAN) Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, compõem o Sistema Nacional de Trânsito os seguintes órgãos e entidades: I. O Conselho Nacional de Trânsito CONTRAN. II. Os Conselhos Estaduais de Trânsito CETRAN. III. Os Conselhos Municipais de Trânsito COMUTRAN. IV.As Polícias Militares dos estados e do Distrito Federal. Estão corretas as alternativas A) I, II, III e IV. B) I e II, apenas. C) I, II e III, apenas. D) I, II e IV, apenas. 5

6 7 - (CONSULPLAN) Segundo o Código de Trânsito Brasileiro, o Conselho Nacional de Trânsito CONTRAN, com sede no Distrito Federal, tem, em sua composição, os seguintes representantes: I. Um representante da Casa Civil. II. Um representante do Ministério dos Transportes. III. Um representante do Ministério da Justiça. IV. Um representante do Ministério do Meio Ambiente. V. Um representante da Controladoria Geral da União. Estão corretas apenas as alternativas A) I, III e IV. B) II, III e IV. C) I, II, IV, e V. D) II, III, IV e V. 8. (CESPE CBM/DF 2011) - Acerca do que dispõe a Lei n.º 9.503/1997, Código de Trânsito Brasileiro (CTB), julgue os itens a seguir: Conforme o CTB, a Polícia Militar do Distrito Federal e o Corpo de Bombeiros Militares do Distrito Federal integram o SNT. COMPETÊNCIAS DOS ÓRGÃOS DO SNT 6

7 1. (FUNRIO - PRF Adaptada) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão os respectivos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários, estabelecendo os limites circunscricionais de suas atuações. Sobre as competências atribuídas aos respectivos órgãos e entidades que compõem o Sistema Nacional de Trânsito julgue os itens. Compete ao Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) estabelecer as normas regulamentares referidas neste Código e as diretrizes da Política Nacional de Trânsito e coordenar os órgãos do Sistema Nacional de Trânsito, objetivando a integração de suas atividades. 2. (CESPE MPU Técnico Segurança 2010) Julgue os seguintes itens, no que se refere às competências do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), de acordo com o CTB. Incluem-se, entre as competências desse órgão, o acompanhamento e a coordenação das atividades de administração, educação, engenharia, fiscalização e policiamento ostensivo de trânsito. 3. (CESPE MPU Técnico Segurança 2010) Julgue os seguintes itens, no que se refere às competências do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), de acordo com o CTB. Ao CONTRAN compete coordenar os órgãos do Sistema Nacional de Trânsito. 4. (CESPE MPU Técnico Segurança 2010) Julgue os seguintes itens, no que se refere às competências do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), de acordo com o CTB. Compete a esse conselho normatizar os procedimentos sobre a aprendizagem, a habilitação e a expedição de documentos de condutores de veículos. 5. (ESAF - MPU - Técnico em Segurança/adaptada) Julgue as afirmações a seguir. Compete ao Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) julgar os recursos interpostos contra a decisão da Junta de Recurso de Infração (JARI) e dos órgãos e entidades executivos estaduais nos casos de inaptidão permanente, constatados nos exames de aptidão física, mental e psicológica. 6. (CESPE - PRF ) Julgue os itens subsequentes com respeito ao SNT. As Câmaras Temáticas, órgãos técnicos vinculados ao CONTRAN, são integradas por especialistas e têm como objetivo estudar e oferecer sugestões e embasamento técnico sobre assuntos específicos para decisões daquele colegiado. 7

8 7. (CESPE - DETRAN/DF Analista de Trânsito ) Compete ao Conselho de Trânsito do DF (CONTRANDIFE) responder a consultas relativas à aplicação da legislação e dos procedimentos normativos de trânsito. 8. (FUNRIO - PRF Adaptada) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão os respectivos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários, estabelecendo os limites circunscricionais de suas atuações. Sobre as competências atribuídas aos respectivos órgãos e entidades que compõem o Sistema Nacional de Trânsito julgue os itens. Compete aos Conselhos Estaduais de Trânsito (CETRAN) e ao Conselho de Trânsito do Distrito Federal (CONTRAN- DIFE) avocar, para análise e soluções, processos sobre conflitos de competência ou circunscrição, ou, quando necessário, unificar as decisões administrativas e dirimir conflitos sobre circunscrição e competência de Distrito Federal. trânsito no âmbito da União, dos Estados e do Distrito Federal 8

9 9. ( CRQ - 1ª Região (PE) IDHTEC) Da lei Nº 9.503/97; Art. 17. Compete às JARI: I. Proceder à supervisão, à coordenação, à correição dos órgãos delegados, ao controle e à fiscalização da execução da Política Nacional de Trânsito e do Programa Nacional de Trânsito. II. Apurar, prevenir e reprimir a prática de atos de improbidade contra a fé pública, o patrimônio, ou a administração pública ou privada, referentes à segurança do trânsito. III. Julgar os recursos interpostos pelos infratores. IV. Solicitar aos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários informações complementares relativas aos recursos, objetivando uma melhor análise da situação recorrida. V. Encaminhar aos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários informações sobre problemas observados nas autuações e apontados em recursos, e que se repitam sistematicamente. Estão CORRETAS: a) I e II b) I, II e III c) III, IV e V d) II, IV e V e) II, III, IV e V 10. (FUNRIO - PRF Adaptada) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão os respectivos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários, estabelecendo os limites circunscricionais de suas atuações. Sobre as competências atribuídas aos respectivos órgãos e entidades que compõem o Sistema Nacional de Trânsito julgue os itens. Compete às Juntas Administrativas de Recursos de Infrações (JARI) cumprir e fazer cumprir a legislação e as normas de trânsito, no âmbito das respectivas atribuições; elaborar normas no âmbito das respectivas competências; responder a consultas relativas à aplicação da legislação e dos procedimentos normativos de trânsito. 11. (ESAF - MPU - Técnico em Segurança/adaptada) Julgue as afirmações a seguir. Compete à Junta de Recurso de Infração (JARI) julgar os recursos interpostos pelos infratores e solicitar, aos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários, informações complementares relativas ao recurso, objetivando uma melhor análise da situação recorrida. 9

10 LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO 10

11 LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO 12. (FUNRIO - PRF Adaptada) Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios organizarão os respectivos órgãos e entidades executivos de trânsito e executivos rodoviários, estabelecendo os limites circunscricionais de suas atuações. Sobre as competências atribuídas aos respectivos órgãos e entidades que compõem o Sistema Nacional de Trânsito julgue os itens. Compete à Polícia Rodoviária Federal, no âmbito das rodovias e estradas federais, cumprir e fazer cumprir a legislação de trânsito e a execução das normas e diretrizes estabelecidas pelo CONTRAN, no âmbito de suas atribuições; proceder à supervisão, à coordenação, à correição dos órgãos delegados, ao controle e à fiscalização da execução da Política Nacional de Trânsito e do Programa Nacional de Trânsito. 13. (CESPE - DETRAN/DF Auxiliar de Trânsito ) O patrulhamento ostensivo das rodovias federais é de competência exclusiva dos DETRAN s. 11

12 LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO 14. (CESPE CBM/DF 2011) - Acerca do que dispõe a Lei n.º 9.503/1997, Código de Trânsito Brasileiro (CTB), julgue os itens a seguir: O órgão executivo com circunscrição sobre as vias urbanas do DF é o CONTRANDIFE. 15. (CESPE - CETURB/ES Agente de Trânsito) Entre as atribuições dos órgãos executivos de trânsito dos estados, inclui-se a de organizar e manter o registro nacional de veículos automotores. 16. (CESPE - CETURB/ES Motorista) O sistema de estacionamento rotativo pago nas vias deve ser mantido e operado por entidade de trânsito dos estados. 12

13 17. (2016 IBFC Controlador de Trânsito e Transporte) Leia as afirmativas a seguir tendo como base a lei que instituiu o código de trânsito brasileiro. Compete aos órgãos e entidades executivos de trânsito dos Municípios, no âmbito de sua circunscrição: I. Cumprir e fazer cumprir a legislação e as normas de trânsito, no âmbito de suas atribuições. II. Implantar, manter e operar o sistema de sinalização, os dispositivos e os equipamentos de controle viário. III. Coletar dados estatísticos e elaborar estudos sobre os acidentes de trânsito e suas causas. IV. Implantar, manter e operar sistema de estacionamento rotativo pago nas vias. V. licenciar, na forma da legislação, veículos de tração e propulsão humana e de tração animal, fiscalizando, autuando, aplicando penalidades e arrecadando multas decorrentes de infrações. Das afirmações apresentadas estão corretas: a) Apenas I e IV. b) Apenas II e III. c) Apenas I, III e V d) I, II, III, IV e V. GABARITO E 3 - C 4 - C 5 - E C 8 - E 9 - C 10 - E 11 - C 12 - E 13 - E 14 - E 15 - C 16 - E 17 - D 13

14 LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO 14