2Prémios. Porto Flamingo Palace com conclusão prevista para o final do ano. Quarta-feira 1 Outubro Barreiro Retail Planet abre em 2010

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2Prémios. Porto Flamingo Palace com conclusão prevista para o final do ano. Quarta-feira 1 Outubro 2008. Barreiro Retail Planet abre em 2010"

Transcrição

1 Quarta-feira 1 Outubro 2008 Mercado imobiliário deve aprender com erros do passado Estudo da Cushman & Wakefield traça retrato negativo do primeiro semestre em Portugal. Eric Van Leuven diz que proprietários e investidores terão de assumir perdas para dar a cvolta à crise pag 20 Porto Flamingo Palace com conclusão prevista para o final do ano O Público Imobiliário já tem o seu espaço televisivo. Na RTPN, todas as quartas às 19h45. 2Prémios para projectos verdes 22 Barreiro Retail Planet abre em 2010 PUBLICIDADE A construção é uma das actividades industriais que envolve maior risco. Se é dono de obra, empreiteiro ou técnico necessita da assessoria de especialistas, assim como de um serviço ágil e coberturas adaptadas a cada caso. Estes requisitos são fundamentais para tratar adequadamente os riscos de qualquer interveniente no processo construtivo. A ASEFA, única companhia seguradora especializada somente no sector da construção e do imobiliário, com mais de 30 anos de experiência, oferece-lhe a resposta integral às suas necessidades. Colocamos ao seu dispor um serviço personalizado prestado pela melhor equipa de profissionais. Praça D. Pedro IV, 74, 2.º D LISBOA escritórios ao seu dispor em Espanha

2 2 Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro 2008 Abertura Prémios pretendem valorizar todos os que passaram das palavras aos actos José Manuel Costa, presidente do Grupo GCI, falou ao PÚBLICO Imobiliário sobre os Green Project Awards, cujos vencedores serão conhecidos a 27 de Novembro Rui Pedro Lopes A iniciativa é inédita na Europa e a primeira edição superou as expectativas dos organizadores. Os Green Project Awards (GPA), instituídos pelo Grupo GCI, em parceria com a Quercus e o Ministério do Ambiente, receberam nesta sua primeira edição cerca de 300 candidaturas, em três categorias diferentes: Projectos, Investigação&Desenvolvimento e Comunicação. José Manuel Costa, presidente do Grupo GCI, já garantiu que os prémios vão voltar para o ano. PÚBLICO Imobiliário Porque é que o Grupo GCI resolveu organizar os Green Project Awards? José Manuel Costa O Grupo GCI relaciona-se há vários anos com inúmeros actores da sociedade portuguesa, o que lhe foi permitindo compreender os seus anseios e necessidades face às questões da sustentabilidade ambiental. Pessoas, instituições, entidades e empresas estão cada vez mais cientes da importância de serem ambientalmente responsáveis em todos os seus actos no quotidiano. Também nós, enquanto empresa, quisemos dar um contributo efectivo que pudesse valorizar o tema junto da opinião pública e, consequentemente, alertar e mobilizar consciências. Porque consideramos que não basta apenas partilhar as preocupações sobre os problemas ambientais, é preciso agir sobre os mesmos. E, por vezes, a diferença está precisamente entre a intenção e o acto. Quais são os principais objectivos desta iniciativa? Os GPA pretendem valorizar todos aqueles que passaram das palavras aos actos, dos projectos à obra, da ideia à realidade. Com esta dinâmica queremos sensibilizar e mobilizar a sociedade em geral com todos os seus actores de que é tempo para se adoptar uma filosofia de acção. Como é que o Ministério do Ambiente e a Quercus surgem como parceiros nestes prémios? Sendo o Ministério do Ambiente e a Quercus actores preponderantes quando se fala de sustentabilidade ambiental no nosso país, a sua associação surgiu de forma natural. E foi com grande regozijo que o Grupo GCI constatou o seu interesse e empenhamento nesta iniciativa inédita em Portugal e na Europa. Quem foram os principais destinatários deste concurso? Não é segredo para ninguém que só conseguiremos alcançar os nossos objectivos, em termos de sustentabilidade ambiental, se todos contribuírem num esforço conjunto. Por isso, os GPA só fariam sentido se estivessem abertos a todos os actores da sociedade portuguesa, ou seja, desde pessoas em nome individual a empresas, passando por todo o tipo de entidades e instituições. As inscrições terminaram no passado dia 15 de Setembro. Que balanço se pode fazer neste momento relativamente às candidaturas apresentadas? O balanço superou as nossas expectativas mais optimistas. Além de terem sido apresentadas quase 300 candidaturas, fiquei sobretudo agradado com a qualidade e a diversidade das mesmas. Não estarei a exagerar se disser que Portugal está representado geográfica e socialmente nestas candidaturas. Entre as três categorias a concurso, qual a que recebeu mais candidaturas? A categoria de projectos foi a que recebeu mais candidaturas. Sobre esta categoria em particular, considera que a construção que existe no nosso país é hoje mais «amiga» do ambiente? Se tiver em conta os projectos apresentados nesta categoria específica, então dir-lhe-ia que o nosso país, em termos de construção de infra-estruturas, está cada vez mais «amigo» do ambiente. Mas, por outro lado, estou ciente de que as candidaturas que recebemos não representam verdadeiramente o que se passa em Portugal. Por isso mesmo, os GPA são também um catalisador de inspiração e de sensibilização ambiental para todos aqueles que trabalham no sector da construção. Os portugueses estão mais sensibilizados para as questões ligadas ao ambiente? É inegável que os portugueses estão cada vez mais sensibilizados para os temas ligados à sustentabilidade, mas isso não significa necessariamente que tenham apreendido por José Manuel Costa anunciou que foram recebidas cerca de 300 candidaturas completo uma cultura de acção ambientalmente responsável. Penso que ainda estamos a dar os primeiros passos, e os GPA pretendem meter mais pessoas, entidades e instituições a percorrer esse caminho. Que elementos compõem o júri e quais são os critérios em avaliação nas diferentes categorias? O júri é composto por representantes de diferentes entidades, mas todas elas de elevado prestígio e com responsabilidades sob diferentes perspectivas na área da sustentabilidade ambiental. Assim, posso citar a Parque Expo, a Quercus, o MIT Portugal, o Instituto Superior Técnico, a Universidade Católica, a ADENE, a RENAE, o BCSD, o IHRU e o INETI. Quanto aos critérios, serão obviamente regidos por factores técnicos. Quando é que serão conhecidos os vencedores dos Green Project Awards? Os vencedores serão conhecidos durante uma cerimónia a realizar no dia 27 de Novembro, no Centro de Congressos do Estoril. Vão repetir esta iniciativa durante o próximo ano? Sim, porque o modelo que estabelecemos para os GPA passa por institucionalizar anualmente estes prémios. PUBLICIDADE

3 Mercado Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro Novos e Usados com ritmos diferentes de valorização A maior descida mensal dos últimos 24 meses, do mercado residencial, foi observada no passado mês de Junho, com uma taxa de -0,4%, em Julho o Índice Confidencial Imobiliário teve um movimento na direcção inversa, com uma variação de igual magnitude. Neste equilíbrio de forças, o Índice Confidencial Imobiliário continua a subir. A taxa de valorização média anual obtida a partir desse índice atingiu 2,5% em Julho. Face ao mês anterior, essa taxa acelerou 0,21 pontos percentuais, sendo o terceiro mês consecutivo em que esse indicador supera os 2%. Os fogos novos já há quatro meses que estão acima dessa fasquia, atingindo mesmo os 3,0%, depois de terem terminado o ano 2007 nos 1,7%. O fosso entre o ritmo de valorização do mercado de novos e de usados tem vindo a acentuar-se, travando a tendência de convergência a que se assistiu até Março passado. Nesse mês o diferencial de valorização quedavase em 0,4 pontos percentuais, subindo para 0,9 em Julho. Apesar disso, os alojamentos usados têm aumentado o grau de valorização, alcançando uma taxa média anual de 2,1%. Algarve mais volátil O hiato na valorização, entre os segmentos de novos e usados, tem maior expressão na Área Metropolitana do Porto. Neste caso, o diferencial entre o ritmo de valorização desses dois mercados atingiu, em Julho, 5,1 pontos percentuais. No caso dos imóveis novos, a taxa média anual de 6,5% é quase cinco vezes superior ao verificado para os alojamentos usados, cuja taxa é de 1,4%. O Algarve atravessa um período de maior volatilidade, com uma evolução marcada pela perspectiva mais especulativa de alguns dos proprietários. No mercado de novos, vive-se uma fase de recuperação, depois de um ano 2007 com taxas de variação negativas, atingindo, em Julho uma taxa de valorização média anual de 3,2%. O segmento de usados, por sua vez, atinge uma valorização de 9,4%, a mais alta de todas as regiões do Continente. Desde 2006 que este mercado valoriza acima o segmento de novos. No total, o Algarve atinge uma valorização de 6,7%. PUBLICIDADE

4

5

6 6 Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro 2008 Opinião O imobiliàrio tem as costas largas José Eduardo Macedo De quando em vez, num dos muitos canais de televisão, abertos ou por cabo, passa o filme Os Intocáveis de Brian de Palma, duas horas a recordar a lei seca, os gangsters, os contrabandistas de bebidas alcoólicas e o terror de uma sociedade tão corrupta que atingia as próprias autoridades. No filme retrata-se Al Capone, o chefe da Mafia que reinou na era da Lei-Seca em Chicago, e Eliot Ness, o polícia que aceitou desafiá-lo e prendê-lo, duas inesquecíveis interpretações de Robert De Niro e Kevin Costner, respectivamente, no eterno diálogo entre o Bem e o Mal. Revi há dias, mais uma vez, este filme (não sei se em Portugal, se no Brasil de onde escrevo esta crónica, em pleno Salão Imobiliário de São Paulo) que é também um olhar sobre a Grande Crise Económica de 1929, a mais grave de todas e a que serve de comparação à que estamos a viver, também centrada na América. Há oitenta anos (li em tempos no Jornal de Notícias), esta grande crise económica mereceu, no próprio JN, uma notícia de meia dúzia de linhas, o que prova, apesar do fosso que separa esse tempo da nossa actual globalização, que os jornais já então se enganavam na apreciação da importância dos acontecimentos. Hoje, despoletada pela crise do subprime, esta nova crise dos mercados que alguns chamam do capitalismo enche páginas e páginas de jornais e horas a fio de telejornais e outros fóruns, chegando a pôr em causa as convicções dos mais conservadores dos norteamericanos. Há quem fale em produtos financeiros envenenados, há quem fale na ganância desmedida de bancos e há até, pelo menos nos Estados Unidos da América, quem se sinta tão perdido que trai as mais enraizadas convicções e reza para que o Governo de Washington intervenha para salvar o liberalismo económico. Mais perto de nós, na França de Sarcozy, pugna-se por uma Europa a uma só voz que seja capaz de impor uma nova ordem financeira, num balanço incomodativo Ainda não há muito tempo entre o pragmatismo de quem não pode arriscar uma crise excessiva, e por isso pede a mão salvadora dos Estados, e a coerência dos liberais. Tiro o chapéu aos senadores norte-americanos, democratas e republicanos, que disseram não aos balões de oxigénio em dólares dos contribuintes que Bush quer e terá de injectar no sistema para salvar bancos e a Economia, já sem o bode expiatório do imobiliário, sector que tem as costas largas. Podem os erros dos privados ser emendados com o dinheiro dos contribuintes? Mesmo tendo em conta que uma tal intervenção pode ser decisiva para evitar que o mal alastre e atinja os contribuintes mais inocentes? E se assim for os culpados podem continuar a cometer erros, impunemente? Tudo pode acontecer, mas é inadmissível deixar que o sector imobiliário seja o mau da fita, apesar dos erros que no sector possam ter cometido, pois o imobiliário ainda é um dos raros motores da economia que gera riqueza e proporciona retorno a quem nele investe com seriedade e transparência. presidente da Direcção nacional da APEMIP Hugo Rosa Ferreira Ainda não há muito tempo, para conseguir concretizar num prazo (relativamente) curto uma operação imobiliária de loteamento, de constituição de propriedade horizontal ou de simples compra e venda de um imóvel, com ou sem hipoteca, era preciso correr os cartórios notariais do país inteiro para marcar uma escritura pública. Com a privatização do notariado, passou a ser mais fácil marcar e realizar essas escrituras públicas, o que não deixa de ser curioso se tivermos em conta que a maioria dos notários privados já o eram anteriormente no sistema público. Todavia, quem está todos os dias no terreno ficou com a sensação de que, para além da referida maior facilidade na marcação e na realização das escrituras públicas, a privatização do notariado não teve, por si, o condão de mudar, para melhor, o estado das coisas. Talvez por não ter ido tão longe quanto poderia, talvez por não ter sido acompanhada por outras medidas de simplificação de processos, o certo é que foram mantidas algumas limitações de natureza prática, as quais, no fim do dia, acabam sempre por resultar em prejuízo dos particulares e das empresas que querem realizar os seus negócios e dos profissionais que os ajudam a alcançar esse resultado, sejam eles advogados, solicitadores ou mediadores imobiliários. E se aquele prejuízo acaba por ser assumido por particulares e empresas portuguesas com algum do proverbial nacional-porreirismo, experimentem explicar aos representantes de uma sociedade inglesa ou holandesa tudo o que é necessário para fechar um negócio imobiliário e, se conseguirem que eles não voltem as costas, não se livrarão de ouvir algumas piadas. É neste contexto que - agora ao contrário do que é comum fazer-se em Portugal - me parece serem de louvar os esforços que têm estado a ser desenvolvidos pelo Ministério da Justiça através da aprovação de algumas medidas tendentes a aumentar a concorrência e a simplificar os actos e procedimentos no âmbito do registo predial. Uma destas medidas é o serviço Casa Pronta que segue uma filosofia de «balcão único». Através deste serviço, que actualmente se encontra disponível em 91 postos de atendimento, abrangendo 86 municípios, 18 distritos e 8 capitais de distrito, é possível tratar de todas as operações relativas à compra e venda de imóveis, incluindo liquidar impostos, celebrar o contrato de compra e venda e realizar de imediato todos os registos num único local - a conservatória - de uma forma mais rápida, mais eficiente e mais barata. Segundo informação do Ministério da Justiça, este serviço continuará a ser alargado progressivamente a todo o território nacional. Por outro lado, com a publicação do Decreto-Lei n.º 116/2008, de 4 de Julho, foram aprovadas medidas significativas de simplificação dos actos e procedimentos no âmbito do registo predial. Entre essas medidas destaca-se a criação de condições para que advogados, câmaras de comércio e indústria, notários, serviços de registo e solicitadores possam prestar serviços relacionados com negócios relativos a bens imóveis em regime de «balcão único». Assim, a partir de 1 de Janeiro de 2009, particulares e empresas passarão a poder obter um serviço completo junto de uma única entidade para praticarem todos os actos necessários à conclusão de uma operação imobiliária, com a evidente poupança de tempo e de dinheiro. Entre outras medidas que são de aplaudir, destacam-se ainda a eliminação da necessidade de apresentação junto dos serviços de registo de certidões e outros documentos que já se encontrem noutras conservatórias ou serviços públicos, a eliminação da competência territorial das conservatórias do registo predial e a instituição de um sistema de registo predial obrigatório, sem dúvida necessário para aumentar a segurança jurídica. Por outro lado, é ainda de reconhecer o esforço desenvolvido pelo Ministério da Justiça no aproveitamento das novas tecnologias para atingir objectivos de simplificação de processos e que, no caso, se traduzirá na possibilidade de, a partir de 1 de Janeiro de 2009, serem promovidos por via electrónica a generalidade dos actos de registo predial. Mais se prevê que, à semelhança do que acontece no registo comercial, passe a ser disponibilizada uma certidão online do registo predial, a qual estará permanentemente actualizada e acessível através de um código que pode ser entregue a qualquer entidade pública ou privada pelo interessado, assim dispensado a entrega de uma certidão em papel. Resta-nos aguardar pelo dia 1 de Janeiro de 2009, data a partir da qual entram em vigor todas as medidas desta reforma, a qual irá, segundo cremos, ajudar a melhorar a actividade do mercado imobiliário e a diminuir os custos de contexto ainda existentes. Advogado O PÚBLICO Imobiliário errou Na notícia da última edição, com o título «Mar Shopping totalmente colocado a poucos dias da abertura», era referido que este projecto tinha assinatura dinamarquesa, quando na realidade o mesmo tem a assinatura do gabinete português CPU Retail Architects. Este gabinete foi responsável pela totalidade do projecto de arquitectura desde o conceito até ao projecto de execução, em articulação com a Inter Ikea. Aos visados, as nossas desculpas.

7

8 West Life - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6463 CENTURY 21 AlisMédia PARA VENDA CENTURY 21 Vantagem Dupla PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 Focusmed PARA VENDA LISBOA LUMIAR T1 c/ terraço de 26m2.Boas áreas.sala de 26m2 e quarto 12m2.Inserido num empreendimento residencial tranquilo, próximo do metro, comércio, escolas e do Parque das Conchas.Parqueamento.Arrec Euros. LISBOA AREEIRO Apt. 3 assoalhadas. c/ excelentes acabamentos. Cozinha semiequipada. Parqueamento e arrecadação Euros. CHARNECA CAPARICA HERDADE DA AROEIRA Moradia Isolada 7 ass. Lote 1.500m2. C/ 3 andares. Salas 25 e 31m2. Suites 39 e 44m2. Mezzanine 25m2. Cave 58m2. Piscina aquec. Furo Euros. CHARNECA CAPARICA HERDADE DA AROEIRA Moradia Isolada 7 ass.sala 120m2.Cozinha 15m2.Quarto 13m2 e Suites 13, 14, 16 e 18m2. Wc s 3 e 6m2. Arrecadação. Piscina. Jardim Euros. TELHEIRAS T2, remodelado, cozinha total/ equip. e garagem individual. Situado numa envolvência de jardins, a 50m do Metro de Telheira.Próx.outros transportes, hipermerc. e escolas Euros.www.century21.pt/ Alismédia - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 5538 Vantagem Dupla - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6684 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 Focusmed - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 3113 CENTURY 21 AlisMédia PARA VENDA CENTURY 21 Quatrima PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 Focusmed PARA VENDA LISBOA LUMIAR OPORTUNIDADE T2 Parque S. João de Brito. Boa localização. Parqueamento e arrecadação Euros. SOBREDA Moradia Isolada 5 ass.lote 350m2.Sala 40m2.Cozinha 17m2 equipada. Suite 16m2. Quartos 17 e 12m2. Escrit. 10m2. Sótão 22m2.2 Varandas. Garagem 33m Euros. CHARNECA CAPARICA HERDADE DA AROEIRA Moradia luxo Isolada 4+2 ass.lote 2.741m2.Sala 64m2.Cozinha 15m2. Quarto 14 e suites 17 e 40m2. Garagem. Furo. Jardim. Piscina c/ cobertura Euros. ALMADA Apt. 4 ass. Sala 22.3m2, varanda 3m2 c/ magnifica vista rio. Cozinha 12.5m2. Quartos 10.5, 12.5 e 12.5m2. 2Wc s. Arrecadação 8m2. Remodelada Euros. BENFICA T2, muito bem remodelado. Boa orientação solar (nascente/poente). Andar alto, com 1 lugar de parqueamento Euros. Alismédia - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 5538 Quatrima - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 1630 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 Focusmed - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 3113 CENTURY 21 West Life PARA VENDA PAUL TORRES VEDRAS Moradia T3.Acab.modernos c/ Deck privativo em madeira.aquec.central p/ piso radiante, lareira c/ recup.calor.asp.central.garagem 2 carros.exc. exp.solar.a 1min.T.Vedras Euros.www.century21.pt/ CENTURY 21 West Life PARA VENDA MAFRA EXCELENTE PREÇO.Moradia T3+1.Nobre cond.fechado.ás portas da A21. Bons acab. e áreas. Soalho flut. carvalho, sanit. Roca, aq. central, gar. 56m 2. Logr.priv.Espaço piscina e churr Euros.www.century21.pt/ West Life - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6463 CENTURY 21 Gikasa PARA VENDA GALAMARES SINTRA Moradia de arquitectura moderna, c/ 7 ass. e 500m2 área útil. Divisões amplas c/ muita luz natural.lote 3.000m2, c/ piscina.zona privileg.c/ vista panorâmica de serra Euros. Gikasa - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7578 CENTURY 21 Gikasa PARA VENDA ESTORIL CASCAIS Apartamento T2 em cond.privado c/ parque infantil, court ténis, circuito de jogging e piscina. Sala 40m2, uma suite e lugar de garagem p/ 2 carros Euros. Gikasa - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7578 CENTURY 21 Gikasa PARA VENDA CENTURY 21 Search & Reach PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 P. M. Paiva (gratuito) PARA VENDA CENTURY 21 Postura Certa VENDA MANIQUE CASCAIS Moradia recente, 7 assoalhadas, c/ 300m2 de área, dividida em 3 pisos, mais jardim e logradouro.sala de estar c/ lareira, salão de jogos, escritório, 3 quartos e uma suite Euros. AMADORA (CENTRO) Apartamento de 3 assoalhadas.cozinha e WC remodelados, sala com 44,76m2. Excelente orientação solar (nascente/poente) Euros. CHARNECA CAPARICA HERDADE DA AROEIRA Moradia Isolada 6 ass.nova.lote 1.039m2.Sala 32.5m2.Sala refeições 19m2. Suites 22 e 27m2. Piscina 21m Euros. CHARNECA DA CAPARICA QUINTA DO TEXUGO Apt. 4 ass. Hall 18m2 c/ roupeiro. Sala 28m2 c/ lar. e varanda 12m2. Cozinha 12m2, equipada. Quartos 10, 11 e 14m2. Vista desafogada Euros. LISBOA TELHEIRAS Apart. 4 Ass. Sala 37m2 c/ lareira e varanda. 2 quartos, 1 c/ varanda e uma suite, roupeiros embutidos. 2 lugares de estacionamento. Arrec. Excelente Oportunidade! Euros.www.century21.pt/1183-PC192 Gikasa - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7578 Search & Reach - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6637 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 P. M. Paiva - Sociedade Mediação Imobiliária Unip., Lda. - AMI 6451 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000

9 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 High Life ARRENDAMENTO CENTURY 21 Pirâmide das Kasas PARA VENDA LISBOA ARCO DO CEGO Loja c/ 416m2, muito bem localizada no centro da cidade. Com Cave, R/C e 1.º Piso em mezanine. Com 2 lugares de estacionamento Euros. LISBOA ALTO DE SÃO JOÃO Renda-se ao charme deste Apart.T1+1 c/ 65m2 de área útil.totalmente remodelado c/ gosto e requinte e desfrute do privilégio de um Pátio c/ Barbecue!!! Euros. BIRRE CASCAIS Localização privilegiada numa zona de campo e praia. Moradia de 12 assoalhadas inserida em lote de 2.094m2, c/ magnifico jardim rrelvado, piscina e garagem Euros. BAIRRO ALTO T2 para arrendar em duplex num prédio total/ recup., junto ao miradouro de S. Pedro de Alcântra, cozinha equip., 2 wc s e sala comum ampla. Exc. estado conservação. Muita luz. 800 Euros.www.century21.pt/ QUINTA DO CONDE Isolada 7 ass.nova lote 2.157m2, azulejos fábrica Viúva Lamego, bengaleiro, garraf., ginásio c/sauna. Rega e portão auto.belíssimo jardim. Investimento de qualidade Euros. Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 High Life - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7150 Pirâmide das Kasas - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6977 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 High Life PARA VENDA CENTURY 21 Pirâmide das Kasas PARA VENDA LISBOA CAMPOLIDE Excelente Apartamento T2 c/ garagem e arrecadação.terraço c/ 25m 2. Exposição solar Nasc./Sul/Poente. Zona calma Euros. LISBOA CAMPOLIDE A Estrear! Apart. 2 assoalhadas no centro da Cidade. Acabamentos modernos. Área útil 76.6m2. Sala c/ varanda. Marque já a sua Visita! Euros. ALTO DA CASTELHANA CASCAIS Fantástico T2+1 Duplex c/ 132,5m2 de área útil, com bons acabamentos, e box para dois Carros. Em prédio de Prestigio localizado a 5 min. do Centro de Cascais Euros.www.century21.pt/1730-PR0002 PRAZERES Apartamento em muito bom estado, com 3 assoalhadas, cozinha equipada. Zona muito tranquila e com facilidade de estacionamento Euros. CABANAS ISOLADA 4+2 ass lote de 1.300m2.Salas 47+67m2 c/lareira.a/c.sotão, 2 Garagens, Parqueamento, portão auto. Churrasqueira. Piscina. Quintal e jardim Euros.www.century21.pt/1072-PKA2577 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 High Life - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7150 Pirâmide das Kasas - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6977 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 H2Ouse PARA VENDA CENTURY 21 Galeria das Kazas PARA VENDA LISBOA CENTRO DE LISBOA Apartamentos e Loja na R.Passos Manuel em prédio totalmente novo.loja, T1,T2,T3.Viver no centro é um privilégio que não devemos deixar escapar. Desde Euros.www.century21.pt/1183-PC224 a 1183-PC231 ÁGUEDA Moradia isolada com piscina, churrasqueira, jardins e terreno com árvores de fruto. Excelentes áreas. Acabamentos de qualidade. Zona calma com bons acessos. LEIRIA BARREIRA Moradias T4 Cozinha totalmente equipada.tectos falsos com luz directa e indirecta em todas as divisões.porta de alta segurança.aquecimento e aspiração central. Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 H2Ouse - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7399 Galeria das Kazas - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 4195 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 H2Ouse PARA VENDA CENTURY 21 Crismonte PARA VENDA LISBOA ARROIOS Excelente Apart.T1 c/ 50.2m2 de área útil. 1 lugar de garagem. Não perca a oportunidade. Marque já a sua visita!!! Euros. Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 CASCAIS (CENTRO) Moradia T3 + Anexo T2.Totalmente remodelada, com muito gosto, mantendo o traçado original. Moradia inserida em lote de 500m 2, com agradável jardim, localizada a 5 min. do centro da vila de Cascais e das principais praias da linha Euros.www.century21.pt/1730-PR0007 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 VISEU CORAÇÃO DE JESUS Loja na zona nobre da cidade de Viseu com cerca de 170m2 com 2 WC's e garagem. Licença para comércio e serviços. Vários bancos nas próximidades. Perto do Hotel Montebelo. H2Ouse - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7399 FALÉSIA ALBUFEIRA Exc. Apt.T2+1 c/ área 147,97m2, mobilado, 1 quarto é suite, 2 WC s, sala c/ varanda, cozinha equip. Lugar garagem e desp. na C/V. Nova Urb. junto à Praia da Falésia. Optimo investimento! Crismonte - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 4263 CENTURY 21 Postura Certa VENDA LISBOA CAMPOLIDE Novo - Apart.2 Assoalhadas em Campolide.Excelentes acabamentos. Sala c/ 18.5m2 c/ varanda. Excelente oportunidade Euros. Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 Helderlar PARA VENDA CENTURY 21 Crismonte PARA VENDA LISBOA CAMPOLIDE T1+1 remodelado, c/ opção de conservar a mobília, a 5 minutos a pé das Amoreiras, c/ agradável logradouro. Ideal para começo de vida Euros. CASCAIS BAIRRO DO ROSÁRIO Apartamento T0 + 1 em Duplex.Sala c/ varanda fechada,wc e Cozinha equip., Mezannine c/ Quarto, Closet, Sala de Pintura.Muita arrumação. Vista sobre Cascais Euros.www.century 21.pt/1730-PR0006 GANDARINHA CASCAIS (CENTRO) Apartamento T2 no Cond.Vila Gandarinha, c/ Jardim e Piscina.A 5 min. do Centro da Villa. Último andar com 110m2 de área, virada a poente e com muita luz natural Euros.www.century21.pt/1730-PR0003 SANTA MARTA DO PINHAL Apart. 4 ass. Sala 22m2. Quartos 20, 11 e 10m2. 2 Wc s (compl. e suite). Cozinha 11m2equip.TV Cabo.Gás canal. Próx.comboio, escolas, bancos, hiperm., farmácia, PSP Euros.www.century21.pt/1683-HL0110ST OLHOS DE ÁGUA ALBUFEIRA Apart.T2, mobilado e equip., num condomínio fechado. Sala comum c/ lareira e terraço c/ vista mar. Lugar estacion. na garagem comum. Zona calma, próximo das facilidades e praias.www.century21.pt/0650-a-138 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 Helderlar - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 2424 Crismonte - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 4263 CENTURY 21 Postura Certa VENDA CENTURY 21 Prime PARA VENDA CENTURY 21 Ocatarineta PARA VENDA CENTURY 21 Helderlar PARA VENDA CENTURY 21 Crismonte PARA VENDA LISBOA SÃO JORGE DE ARROIOS Magnifico apartamento T1 na Av. Almirante Reis. Extremo bom gosto Euros. CASCAIS CENTRO Apartamento T2, totalmente remodelado, em prédio de prestigio, a 5 min.do centro.sala com lareira, 2 quartos com rouperio, casa de banho e cozinha equipada Euros.www.century21.pt/1730-PR0005 FERRAGUDO (CENTRO) Casa térrea T3 com 102,37m2, 2 WC s, 2 cozinhas e quintal no centro de Ferragudo. A 5 minutos da praia. Excelente investimento. QUINTA DE VALADARES Moradia 4 ass.nova excelentes acabamentos boas áreas.aquecimento painel solar. Jardins c/ rega autom. Garagem 85m2. Na zona de Qt.ª de Valadares Marisol Euros. QUARTEIRA Vende-se lotes c/ projecto aprov., licença a pagamento. A localização e qualidade do empreendimento (Quarteira / Vilamoura) garantem investimento seguro.www.century21.pt/0650-l-063;0650-l-086;0650-l-087;0650-l-088 Postura Certa - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 7000 Medida Sólida - Med. Imobiliária, Lda. - AMI 8237 Ocatarineta & Associates - Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 6730 Helderlar - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI 2424 Crismonte - Sociedade Mediação Imobiliária, Lda. - AMI Cada Agência é Jurídica e Financeiramente independente

10 10 Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro 2008 Empreendimento Cabopol desenvolve projecto imobiliário em Leiria Pedro Farinha Habitação, escritórios e comércio integram oferta deste projecto A Cabopol, empresa do Grupo Meneses, está a desenvolver, em Pousos, junto à cidade de Leiria, um projecto imobiliário, que integra um edifício de habitação, outro de escritórios e uma área comercial. O projecto, que conta com a assinatura do arquitecto José Marini Bragança, está inserido num terreno que outrora albergou uma fábrica de plásticos e que se estende até à margem da ribeira dos Pousos, segundo revelou a Cabopol. A área comercial é uma das valências que integra o programa de desenvolvimento. Está repartida por dois pisos com duas lojas em cada um, sendo que o nível superior está localizado ao nível da rua e o inferior sobre a cobertura do parque de estacionamento. A existência de um declive acentuado levou o arquitecto a traçar os pisos comerciais de forma a adaptarem-se ao terreno vencendo os desníveis existentes. Cada piso comercial estende-se por um enorme terraço ajardinado, do tamanho do piso inferior, que se funde com o verde envolvente. O tecto de um José Marini Bragança concebeu Edifício Misto é o chão do outro, pode ler-se num comunicado da empresa promotora. Já os escritórios, também eles ao nível da rua, estão implementados num edifício de três pisos, de carácter funcional e em espaço aberto, onde cada andar é uma fracção, com um espaço que alberga áreas comuns, casas de banho ou bar de apoio. A estrutura é em vidro e alumínio, o que permite usufruir da paisagem natural em redor. Quanto ao edifício de habitação, a sua cota mais baixa esconde-o da estrada e permitiu orientá-lo com os quartos a nascente e as salas e cozinha a poente - o lado com a vista mais bonita, para todo o vale da ribeira e para a cidade de Leiria, acrescenta o mesmo comunicado. Os apartamentos, com tipologia entre o T3 e o T4, possuem dois acessos independentes a entrada principal e a de serviço, sendo que entre a suite e a sala existe um pátio interior. Esta solução proposta por José Marini Bragança pretende contrariar a ideia de viver em apartamentos muito fechados e estabelecer uma relação com a natureza em redor. A sala torna-se mais confortável e acolhedora com a luz natural do pátio e da varanda, que é muito grande e larga, e une a cozinha à sala, revela o comunicado da Cabopol. Refira-se que na cobertura existe uma piscina com uma zona comum e terraços individuais, pertencentes aos três apartamentos do último andar, com acesso directo pelo pátio interior. A estrutura dos vários edifícios assenta numa plataforma de estaciona- B.I. Edifício Misto Promotor Cabopol empresa do Grupo Meneses Localização Pousos, em Leiria Oferta imobiliária Habitação, escritórios e comércio Tipologia dos apartamentos T3 e T4 Projecto de arquitectura José Marini Bragança Arquitectura paisagista Sitio e lugar (Paula Simões e Catarina Patrão) Estabilidade CSA (Carlos Serrano) mento, onde desembocam as escadas de cada edifício. O parque de estacionamento é aberto dos lados permitindo um contacto com os jardins exteriores e a ventilação natural do espaço. Uma grande abertura no tecto permite o crescimento de árvores no centro do estacionamento. PUBLICIDADE

11 Quarta-feira 1 Outubro 2008 Especial Segurança

12 2 Público Imobiliário Especial Quarta-feira 1 Outubro 2008 Alarmes e segurança Portugueses mais exigentes quanto à segurança da sua família e casa Carlos Vaqueirinho, director-geral da Prosegur Activa, diz que cada vez mais a procura é por serviços de segurança e não por equipamentos Rui Pedro Lopes PÚBLICO Imobiliário Pode dizerse que há actualmente uma maior procura dos portugueses por serviços de segurança? A que é que isso se deve? Carlos Vaqueirinho Sim, sem dúvida. Em primeiro lugar, o grau de exigência dos portugueses quanto à segurança particular da sua família, da sua casa e dos seus bens, tem vindo a aumentar, uma vez que cada vez mais a procura é por serviços de segurança e não por equipamentos, os quais só por si, ou seja, sem a componente humana associada, de pouco ou nada servem. Por outro lado, nota-se também uma maior exigência pela qualidade, uma vez que são cada vez mais aqueles que procuram serviços profissionais, recusando amadorismos, ou até ofertas enganosas baseadas num forte marketing e em baixo preço. Finalmente, o crescimento do sentimento de insegurança também tem feito crescer uma procura que busca o conforto, tranquilidade e paz de espírito para as suas vidas, recorrendo a empresas profissionais, devidamente credenciadas e com serviços bastantes para os satisfazer. O que é o Activa System? O sistema de segurança Activa System é um sistema especialmente desenhado e desenvolvido para, associado à ampla gama de serviços de segurança que dispomos, satisfazer as necessidades de segurança em ambiente doméstico (vivenda ou apartamento) ou em pequenos espaços empresariais (lojas ou escritórios). De uma forma simples, o equipamento consiste num kit composto por detectores anti-intrusão, em número variável consoante o número de divisões existentes ou espaço a proteger, um painel central de controlo e programação, para onde os detectores comunicam e onde se activam e desactivam as zonas/divisões a proteger. O sistema, por sua vez, está em permanente comunicação com a nossa central receptora de alarmes, que opera 24h, regista todos os eventos e reage imediatamente em caso de alarme real. Que tipo de produtos estão incluídos neste sistema? Este sistema tem uma ampla gama de acessórios opcionais sem fios, incluindo mais de 30 tipos de detectores, sirenes, comandos, transmissores de emergência ou redes móveis GSM. A selecção do equipamento é feita de acordo com as necessidades de segurança do cliente, bem como das próprias características do espaço a proteger. Que tipo de vantagens oferece o Activa System? É um sistema muito simples de pôr a funcionar e operar, por adultos, crianças e idosos. Tem a possibilidade de duplicar a segurança, uma vez que além das comunicações através de uma linha fixa tem ainda a possibilidade opcional a qual recomendamos vivamente a todos os utilizadores de incorporar um módulo de comunicações GSM (idêntico a um cartão de telemóveis); isto reforça em elevada escala o grau de protecção. É um sistema totalmente sem fios, e portanto sem necessidade de obras, altamente fiável, com a nossa supervisão de qualidade em laboratórios próprios. Qual tem sido a recepção no mercado nacional? Temos tido um grande êxito com a introdução do Activa System, o qual pela sua simplicidade e fiabilidade, representa já hoje mais de 50 por cento das nossas vendas, e continua a crescer, sendo responsável por uma mudança no padrão de utilizadores de equipamentos com fios para sem fios. As necessidades alteram-se em função do tipo de cliente. Por exemplo, no caso dos construtores e promotores, quais são as maiores necessidades e que tipo de produtos são procurados com maior frequência? De forma crescente os construtores e promotores imobiliários procuramnos para, em conjunto, estudarmos soluções de segurança para os seus projectos e empreendimentos. No fundo, estas soluções de segurança, que são vistas e analisadas por um gabinete próprio que criámos de forma a dar uma resposta especializada, destinam-se ao utilizador final e surgem, de forma crescente, numa procura de diferenciação e de introdução de um conceito, o da segurança e conforto, cada vez mais procurado, a exemplo do que ocorre também noutros países. Os produtos são diversos e diferenciam-se sobretudo porque as soluções são sempre adequadas à medida do espaço ou empreendimento, havendo nestes casos, porque se tratam de projectos ou obras não terminadas, o recurso a pré-instalação de equipamentos, muitas das vezes com fios. Quais são as novidades da Prosegur Activa ao nível da videovigilância? A videovigilância é de facto um recente desenvolvimento da Prosegur Activa, surgindo a uma resposta da procura crescente por soluções de segurança com imagem. As soluções desenvolvidas pela Prosegur Activa permitem conjugar os equipamentos mais fiáveis com os serviços mais adequados. Um dos exemplos é o da gravação remota de imagens, extremamente útil em caso de assaltos em que existem câmaras e um gravador de imagens local mas as imagens são também gravadas e guardadas remotamente por nós. Outro serviço, do maior interesse, não só de segurança mas como meio de redução de custos, consiste na possibilidade de efectuarmos rondas remotas (ou seja, à distância) e vigiarmos periodicamente e aleatoriamente um local protegido. A Prosegur Activa tinha recentemente no país 40 mil alarmes instalados. Quais são os números actuais e o que antecipam para o futuro? A nossa expectativa de crescimento aponta para que terminemos este ano com cerca de instalações ligadas à nossa central 24h. Que tipo de novos serviços poderá a Prosegur Activa desenvolver futuramente. Quais são as últimas novidades? Temos hoje em dia já disponíveis, 18 serviços de segurança e conforto, para oferecer aos nossos clientes, o que constituí a maior oferta disponível no mercado. Estamos prestes a anunciar o reforço de uma parceria para a protecção e localização de veículos automóveis e temos em preparação final um projecto no âmbito da protecção de idosos. Qual é a facturação prevista para este ano e que objectivos pretendem alcançar no curto/médioprazo? Previmos para o ano de 2008 um aumento na facturação média na ordem de 1 milhão de euros, considerando os resultados obtidos no ano transacto. Além de aumentar a nossa carteira actual de clientes, pretendemos um acréscimo em particular dos clientes residenciais, que neste momento constituem cerca de 40 por cento da nossa carteira. Que tipo de dificuldades são mais frequentes para as empresas que actuam neste mercado? Actualmente estamos a viver um período muito particular, em que a situação económica de muitos portugueses é de facto preocupante. Esta situação pode levar a que, perante o facto da necessidade de fazer face às inúmeras despesas do dia-a-dia, as pessoas desvalorizem a importância de manter os seus espaços seguros, quando na verdade a segurança das nossas famílias e dos nossos bens é umas das principais questões com que temos que nos preocupar. Há também a questão da actuação de algumas empresas da área da segurança electrónica que recorrem a todos os meios possíveis para concretizar uma venda, muitas vezes descurando mesmo a própria segurança dos clientes, uma vez que as soluções que lhes proporcionam não são as mais adequadas para as suas necessidades. Quais são os planos futuros para a vossa empresa? Além do aumento da nossa carteira de clientes, ponderamos a nossa expansão para localizações geográficas onde não estamos presentes, seja através da aquisição ou de compra de carteiras de clientes. Outra solução pode passar por acordos de parceria comercial através de agentes em localizações estratégicas. Objectivo Queremos proporcionar aos clientes espaços onde se sintam em segurança O número de pessoas que recorre aos serviços de empresas de segurança privada tem aumentado depois dos recentes casos de insegurança que se verificaram um pouco por todo o país? Perante o número crescente de relatos de furtos e criminalidade violenta no nosso país, a que somos expostos diariamente, é impossível ficar indiferente. Denota-se efectivamente um acréscimo na procura de soluções para aumentar a segurança de pessoas e bens, tanto ao nível do comércio e pequenos negócios como ao nível residencial. Que tipo de serviços é que a Prosegur Activa fornece nesta área? A Prosegur Activa disponibiliza um vasto leque de soluções ao nível de segurança, que se adaptam às necessidades específicas de cada espaço. Procuramos inovar constantemente e oferecer as soluções tecnológicas mais avançadas. Fornecemos soluções de sistemas de detecção de intrusão, bem como alarmes técnicos de inundação, incêndio, gás e monóxido de carbono, com a mais-valia de uma ligação permanente à Central Receptora de Alarmes que monitoriza e acompanha todos os eventos 24 horas por dia, 365 dias por ano. Ao nível de videovigilância, disponibilizamos serviços como a Videogravação de imagens com funções de detecção de movimento e visualização remota e a Videovigilância IP, em que acedendo através da Internet, o cliente pode visualizar imagens em tempo real do espaço que está a ser vigiado. Temos soluções de domótica que permitem uma interacção com todos os elementos da casa que estejam ligados à rede eléctrica, como luzes, electrodomésticos, entre outros. Prestamos ainda serviços complementares, como por exemplo, o serviço de piquete que, em caso de alarme, se desloca ao espaço actuando de acordo com o procedimento definido ou o serviço de inspecções em ausência em que regularmente há uma verificação do espaço segurado. A nossa missão é proporcionar aos nossos clientes espaços onde se sintam em segurança.

13

14 4 Público Imobiliário Especial Quarta-feira 1 Outubro 2008 Alarmes e segurança Sistema Easy Series teve aumento de 140 por cento nas vendas no último ano Rui Pedro Lopes Eduardo Ferrão, gestor de produto Incêndio & Intrusão da Bosch Security Systems, falou ao PÚBLICO Imobiliário das soluções da empresa. Aumento da criminalidade fomentou procura de sistemas de intrusão O sistema de intrusão Easy Series tem por base um compromisso entre uma informação visual e uma informação auditiva com o utilizador. É desta forma que Eduardo Ferrão descreve este produto da Bosch lançado em 2005 e com o qual a empresa alargou o seu leque de oferta na área da segurança doméstica. Este responsável apresentou ainda os detectores automáticos de incêndio da Bosch e disse que a empresa guarda novidades para o próximo ano. PÚBLICO Imobiliário A Bosch lançou recentemente o painel Easy Series. O que é este sistema e quais são as suas principais funcionalidades? Eduardo Ferrão O sistema de intrusão Easy Series tem por base um compromisso entre uma informação visual e uma informação auditiva com o utilizador. A Bosch desenvolveu para o efeito um teclado, denominado por unidade de controlo, com a possibilidade de comunicar por meio de voz. Efectivamente o utilizador recebe instruções de comando e informações sobre o estado do sistema. Entre várias fases, podem destacar-se os modos disponíveis para ligação do sistema, hora e data da ocorrência de uma eventual anomalia ou alarme e também se a empresa receptora de alarme e/ou um familiar recebeu determinada informação com sucesso ou não. A unidade de controlo possui um visor policromático de alto contraste onde são exibidas animações fáceis de compreender e interpretar. É importante salientar que a acção de comando no teclado também pode ser feita por meio de uma chave de proximidade (cartão codificado) dispensando assim a introdução do código de acesso. O sistema Easy Series permite ser operado por qualquer pessoa. Uma das principais vantagens deste produto, segundo a Bosch, é a diminuição do número de falsos alarmes. Como é que isso é possível e que outras vantagens identifica neste painel? O sistema Easy Series destina-se ao mercado doméstico e pequenas lojas. Tornou-se assim imprescindível a filtragem de problemas habituais decorrentes do uso do sistema. Na verdade, o sistema Easy Series faz uma avaliação inteligente de ame- Sistema Easy Series destina-se ao mercado doméstico e pequenas lojas aças, analisando os dispositivos defeituosos e o nível de protecção actual. Por exemplo, o sistema permite que, no decorrer do tempo de saída, se o utilizador se esquecer do guarda-chuva, ao regressar à habitação, o tempo de saída seja reiniciado, dando assim oportunidade para a recolha do objecto em falta, sem necessidade de desligar e voltar a ligar o sistema. Da mesma forma, é possível informar a central de recepção de alarmes da necessidade de uma intervenção com um nível mais elevado ou se se tratou de uma anomalia pontual e prontamente resolvida pelo utilizador. Esta forma de informar entidades ou pessoas no exterior deve-se ao comunicador telefónico integrado. Qual é o balanço que fazem, neste momento, relativamente à comercialização deste produto? Desde o lançamento do sistema Easy Series, em 2005, as vendas tem evoluído de forma sustentada e em relação ao ano de 2007 tivemos um aumento de 140 por cento à data de hoje. Sente que as pessoas estão hoje a recorrer mais a produtos deste género para aumentar a sua sensação de segurança quando estão em casa? Sim. Com o aumento da criminalidade é compreensível que o sentimento de insegurança prevaleça e leve à procura de sistemas de intrusão. No entanto, é importante saber escolher um sistema que seja adequado ao espaço a proteger. Solicitar uma demonstração, comparar características e preços é fundamental. O excesso na procura e a falta de conhecimento do funcionamento do um sistema de detecção fomenta a especulação de mercado e os oportunistas. É também importante saber escolher a empresa instaladora. A recente onda de criminalidade no país motivou um aumento da procura por este tipo de sistemas de protecção? Sim, é verdade. Mas é notória a falta de poder de compra para aquisição de um sistema capaz de responder ao nível de segurança pretendido. Quase sempre se faz a opção por preço em detrimento da qualidade. A Bosch adquiriu recentemente a empresa canadiana Extreme CCTV Inc. Quais foram os motivos desta aquisição e que mais-valias poderá ela trazer para a vossa empresa? A empresa Extreme CCTV é um dos líderes de mercado na tecnologia projectores infravermelhos, câmaras Day&Night integradas com projectores de infra vermelhos (IR), e câmaras para as condições ambientais mais adversas. Os seus produtos podem ser aplicados em diversas áreas, nomeadamente prisões, aeroportos, tráfego, vigilância das cidades, áreas com ambiente explosivo, centrais nucleares, entre outras. Estão também incluídos sistemas para captura e reconhecimento de matrículas. Vem assim preencher um vazio no já vasto portfólio de produtos e soluções CCTV que a Bosch disponibiliza ao mercado. O que é que se pretende com a cooperação estabelecida recentemente entre a Axis Communications, a Bosch Security Systems e a Sony Corporation? A cooperação entre as empresas referenciadas dá ao mercado a garantia da compatibilidade entre os diversos sistemas de CCTV. A abertura do protocolo garante assim uma qualidade na comunicação de sinais de vídeo e comandos de operação entre os equipamentos ligados, independentemente da marca. O que são os detectores automáticos de incêndio da Bosch das séries 420/320? Como é que funcionam e quais as suas principais funcionalidades? Os detectores automáticos de incêndio, tal como é indicado, permitem identificar de forma automática a presença de fumo e/ou calor provenientes de um foco de incêndio. A Bosch tem detectores automáticos de incêndio micro processados com a capacidade de identificar e reagir em alarme para todos os tipos de fogos. Alem dos habituais detectores ópticos de fumo, de temperatura ou combinados, existem também detectores com a capacidade de análise dos gases provenientes da combustão, designadamente monóxido e dióxido de carbono (e outros), que por acção da temperatura têm tendência a subir. Em conjunto com o fumo libertado consegue-se assim uma identificação real de um incêndio eliminando a possibilidade dos sempre indesejados falsos alarmes. As séries 420 e 320 revelam o tipo de tecnologia dos detectores, analógica/endereçável (A&E) ou tecnologia convencional, respectivamente. Os detectores da série 420 requerem ligação a um painel específico com protocolo de comunicação LSNi (improved version) enquanto os detectores convencionais podem ser ligados a qualquer painel de detecção convencional, uma vez que a tensão de funcionamento se encontra entre 8,5V e 28V. Independentemente da tecnologia de trabalho o aspecto final é idêntico. Podemos destacar o indicador de alarme (led) visível a 360 o. Que outro tipo de produtos é que a Bosch pretende desenvolver nesta área? A área de detecção de incêndio encontra-se permanentemente em desenvolvimento. Não seria correcto revelar mais informação agora, no entanto, o mercado deve esperar novidades da Bosch durante o ano de 2009 Qual é a facturação prevista para este ano e que objectivos pretendem alcançar futuramente? A facturação prevista para 2008, incluindo a fábrica, é de 80 milhões de euros.

15 SOLUÇÕES PARA CONDOMÍNIOS SEGUROS SEGURANÇA À SUA MEDIDA PUBLICIDADE Com o aumento da criminalidade, envolvendo condomínios desprotegidos contra entrada de pessoas não autorizadas, fomos ver quais as soluções tecnológicas disponíveis hoje em dia no mercado para combater os problemas comuns às zonas mais permissíveis à maioria dos condomínios. Analisámos os novos sistemas de vídeo vigilância digital, com sistema de ronda automático ou com visão nocturna, que continuam a apresentar uma evolução notável nos últimos anos. Sistemas profissionais digitais dedicados, com sistema operativo embebido, de grande fiabilidade e estabilidade e com transmissão de imagem por IP. Sistemas que descentralizam as unidades de gravação e incrementam a segurança. Sistemas que centralizam câmaras profissionais tradicionais em simultâneo com câmaras de tecnologia IP. Testámos sistemas para acesso às áreas comuns dos condomínios, com antecâmaras, e que usam o controlo de acessos por cartão de proximidade em vez do tradicional teclado muito pouco seguro. Sistemas correctos para restringirem a passagem de pessoas do hall de entrada dos edifícios para as restantes áreas comuns. Ficámos a conhecer as novas fechaduras de segurança, certificadas para portas corta-fogo, que estão sempre fechadas à chave, ou seja na máxima segurança trinco e língua de bloqueio. Estas fechaduras permitem saídas de emergência com passagens através da barra antipânico, mas onde a entrada só poderá ser efectuada através de uma chave autorizada. E quando a porta se fechar, automaticamente ficará de novo fechada à chave. Já não é necessário preocuparmo-nos com os condóminos distraídos. Uma fechadura que o mercado procurava e pensava não ser possível e que dará outra segurança a todo o condomínio. Descobrimos um sistema de detecção de entrada de pessoas não autorizadas pela garagem, que distingue um veículo de um acesso pedonal não autorizado, gerando um alarme ou um aviso sonoro ou visual para alguém ou para o carro que acabou de entrar. Mas a nossa grande surpresa, continua a ser o inovador sistema que dá pelo nome de Cyberlock: um inovador sistema que transforma uma simples fechadura mecânica num polícia!! Como??... Muito simples: O sistema consiste em chaves e canhões totalmente electrónicos e programáveis. Através da simples substituição do velho canhão mecânico pelo novo canhão electrónico, é possível programar todos os acessos, anular chaves perdidas ou indesejáveis, criar restrições horárias ou criar a mestragem adequada a cada momento. Todos os canhões e chaves têm capacidade para registar mais de 1100 eventos com nome da pessoa, local, data, hora e o evento, permitindo gerar relatórios detalhados de todos os acessos efectuados no sistema responsabilizando os utilizadores ou as empresas prestadoras de serviços. Sendo as chaves à prova de cópia e o canhão de alta segurança, este sistema revoluciona totalmente a gestão de acessos, eliminando por completo a gestão de chaveiros ou a cópia descontrolada de chaves. Incrivelmente versátil, este sistema pode ainda ser utilizado nos mais variados fins graças a uma gama completa e diversificada de formato de canhões e cadeados disponíveis: qualquer local em que exista uma fechadura mecânica pode agora ser protegido por este polícia electrónico. Este sistema utiliza ainda a tecnologia do telemóvel para dar acessos remotamente a chaves em situações de emergência. De custo reduzido face aos tradicionais controlos de acesso, este sistema consegue mesmo ter custos inferiores a muitos dos velhos canhões de alta segurança mecânicos disponíveis no mercado. Resta dizer que estas incríveis inovações tecnológicas já se encontram disponíveis no mercado português através da empresa Feerica, Lda, que está no mercado da alta segurança desde 1982 e que recentemente voltou a surpreender ao introduzir o inovador sistema de protecção de ATM s por tintagem em Portugal. Caso tenha interesse utilize um dos contactos: telef , site com ou pelo FÁBRICA DE EQUIPAMENTO PARA SEGURANÇA E INOVAÇÃO INDUSTRIAL, LDA Sede / Fábrica: Av. Dr. Francisco Sá Carneiro Núcleo Empresarial Mafra - PAVILHÃO MAFRA Telefone (351) Fax (351) Rua Armindo Rodrigues, 24-A LISBOA Praça Dr. Pedro Teotónio Pereira, sala PORTO Telefone (351) Fax (351)

16 6 Público Imobiliário Especial Quarta-feira 1 Outubro 2008 Segurança Domótica Zipy com câmaras de vigilância Sistema Sintony 60 é aposta da Siemens Chama-se Sintony 60 e é um sistema de segurança especialmente concebido para apartamentos e casas unifamiliares. Desenvolvido pela Siemens, esta é uma das grandes apostas da marca alemã. De fácil instalação e simples funcionamento, este novo sistema destaca-se pelo design sofisticado e pelo facto de permitir a combinação de diferentes funções de monitorização, revela um comunicado desta empresa. Segundo o mesmo documento, o Sintony 60 apresenta uma estrutura modular e pode ser usado para um sem número de funções de segurança - intrusão, risco de incêndio, infiltrações de água, controlo de acessos, chamadas de emergência, módulos de voz para verificação de alarme, serviços de suporte - ou também para funções de conforto. O sistema tem ainda a capacidade de informar automaticamente, por telefone ou mensagem escrita, quando as crianças chegam a casa. Este produto está disponível em várias versões e cores, oferecendo opções para todos os gostos e estilos de decoração, acrescenta o mesmo documento. Alerta 2045 tem novo serviço O «2045 Alerta» é o novo serviço disponibilizado pela empresa de segurança 2045, na área da electrónica. De acordo com a empresa, este serviço surge na sequência da crescente necessidade dos nossos clientes por respostas rápidas e de qualidade. O serviço «2045 Alerta» é composto por uma equipa dinâmica, mesclada com a técnica da mais recente engenharia electrónica e a experiência de vários anos na instalação de alarmes. Este novo serviço passou a ser responsável pelo estudo, projecto, comercialização, instalação e manutenção de todos os meios electrónicos disponibilizados pela Novidade Securitas estreia website na Internet A Securitas acaba de lançar um novo website focalizado em dois públicos-alvo: actuais e potenciais clientes e colaboradores. As alterações estão a ser realizadas a nível mundial, em termos de estrutura, informação e layout. O objectivo é uniformizar a informação on-line em todos os websites do grupo e subsidiárias, pode ler-se num comunicado da empresa. Na secção «clientes», a informação incide no conjunto de segmentos de negócio onde a Securitas actua, dando voz a testemunhos. Foi também mantida a área de vagas de emprego disponíveis, onde os candidatos podem registarse on-line, através do preenchimento de um formulário, acrescenta o mesmo documento. Controlo de acessos Feérica distribui CyberLock A Zipy apresentou recentemente um conjunto de novas soluções nas áreas da domótica e segurança doméstica, nomeadamente as câmaras de vigilância Wi-Fi e Ethernet, que se destinam a várias aplicações. Desde logo, o conjunto 207 AE encerra uma proposta de sistema de videovigilância de média gama, oferecendo já algumas características exclusivas, sendo constituído por uma câmara de 0,3 Megapixéis a cores, que fornece uma imagem de 380 linhas num ecrã de televisão, resistente à chuva e preparada para uso exterior, com microfone e visão nocturna até sete metros, indica um comunicado enviado à imprensa. A reprodução das imagens captadas, numa televisão ou monitor dedicado, é feita através de uma estação receptora sem fios 2,4GHz, menos susceptível de causar ou sofrer interferências de telemóveis e outros equipamentos sem fios e com uma distância máxima de operação de até 100 metros. É um sistema inovador que transforma as suas fechaduras mecânicas num poderoso sistema de controlo de acessos. É desta forma que os responsáveis da Videx caracterizam o CyberLock, um produto que a Feérica está a comercializar em Portugal. Com os canhões electrónicos CyberLock, as chaves programáveis CyberKey s e o software de gestão CyberAudit pode criar um poderoso sistema de auditoria e de controlo de acessos nas suas instalações, pode ler-se num comunicado da Feérica. Refira-se que estes canhões não possuem entrada de chave e não podem ser arrombados, ao contrário dos canhões tradicionais, revela o mesmo comunicado. O canhão CyberLock resiste a torção forçada e está desenhado para se manter na posição fechado em caso de tentativa de arrombamento. Por seu lado, cada CyberKey é programada com os direitos de acesso do respectivo utilizador. Neste momento, a Feérica representa também outras marcas internacionais e comercializa os mais modernos equipamentos de segurança. Entre o seu leque de produtos em comercialização, contam-se sistemas de detecção de intrusão e de detecção e combate a incêndio, sistemas de videovigilância (CFTV), sistemas de controlo de acessos, portas de segurança e cachadas, além de cofres fortes e portas blindadas.

17 Alarme e segurança Público Imobiliário Especial Quarta-feira 1 Outubro Preocupações com segurança aumentam Portugueses são adeptos das urbanizações com segurança privada Pedro Farinha Estudo revela que 46,9 por cento dos inquiridos prefere este tipo de habitações Os portugueses preferem, na hora de escolher a casa, urbanizações que disponham de empresa de segurança privada. Esta foi uma das conclusões de um estudo recente, da Escola Superior de Actividades Imobiliárias (ESAI) e da Eurosondagem, sobre as questões ligadas à segurança interna e externa das habitações. O estudo, a que o PÚBLICO Imobiliário teve acesso, insere-se num conjunto de análises, destas duas entidades, que pretendem definir a casa ideal dos portugueses. Desta vez, a segurança esteve em destaque. Questionados sobre o tipo de segurança interna que uma habitação deve possuir, os inquiridos dividiram-se pelas várias hipóteses apresentadas pelo estudo: 31,4 por cento optou pelos detectores de fugas de gás; 26,7 por cento escolheu os detectores de incêndio e 21,4 por cento mostrou-se mais adepto das portas corta-fogo. O consenso entre homens e mulheres mantém-se neste ponto, apesar das respostas dividirem-se pelas várias opções, o mesmo sucedendo entre os portugueses de todas as idades ouvidos neste trabalho. Já na segurança externa, a preferência na hora de escolher a casa vai para as urbanizações que disponham de empresa de segurança privada (46,9 por cento) e para os condomínios fechados (23,1 por cento). Os aldeamentos com portaria (15 por cento) e as moradias com gradeamento (10,9 por cento) ficam-se pelos lugares seguintes na lista de preferências. Os dois sexos mantêm-se de acordo em matéria de segurança externa, uma vez que ambos optam pelas urbanizações com segurança privada, secundadas pelos condomínios fechados. Idêntico cenário sucede entre os inquiridos das várias faixas etárias, que optaram pela mesma ordem de respostas. Neste estudo foram também abordadas outras questões, nomeadamente o tipo de equipamento/decoração que os portugueses preferem numa casa de habitação. Neste particular, 43,8 por cento dos inquiridos são adeptos das casas totalmente equipadas/mobiladas e decoradas, sendo que 35,7 por cento elegem, em grau de importância, as cozinhas totalmente equipadas. A casa decorada com todos os móveis (13,5 por cento), os equipamentos básicos de cozinha (4,8 por cento) e o ar condicionado (2,2 por cento) quedam-se pelos lugares seguintes. Homens (44,7 por cento) e mulheres (43 por cento) concordam que as casas totalmente equipadas/mobiladas e decoradas ganham vantagem na altura da decisão. Os dois sexos estão igualmente de acordo quanto ao facto das cozinhas totalmente equipadas surgirem logo de seguida, sendo precedidas da casa decorada com todos os móveis. Microsegur disponibiliza sistemas de detecção de incêndio A Microsegur está a disponibilizar os sistemas automáticos de detecção de incêndio da marca Ziton. Os sistemas de detecção são do tipo convencional ou analógico. Os sistemas do tipo convencional (para as pequenas e médias aplicações) incluem centrais com capacidades desde duas até 24 zonas. As centrais de incêndio da Ziton são fáceis de instalar e de operar, tendo capacidade para alimentar os meios de alarme sonoro e de fornecer informações de alarme e avaria por zona, para repetição local ou para transmissão à distância, assinala um comunicado da Microsegur. A gestão e operação da central é efectuada através de botões de comando com indicadores LED. Em caso de detecção de alarme, a central apresenta uma saída de alarme para ligação a um transmissor para central de bombeiros ou a um comunicador digital para chamada telefónica até seis números de telefone, acrescenta o mesmo documento. Já os sistemas do tipo analógico (grandes edifícios - hotéis, escritórios, hospitais) disponibilizam centrais com capacidades desde um até quatro loops, permitindo a interligação entre centrais, em filosofias ponto a ponto, master/slave ou ligação via rede TCP/IP, oferecendo desta forma soluções para sistemas de média e grande dimensão. Refira-se que a central de incêndio Ziton é um sistema analógico endereçável de alarme e detecção de incêndio, baseado em tecnologia avançada e desenvolvido para providenciar o máximo de flexibilidade através de uma gama de hardware modular, suportada por software altamente configurável, nota aquele documento. O funcionamento e modo de actuação podem ser configurados na central ZP3, de acordo com o horário (modo dia/noite), onde a diferenciação destes dois períodos pode ser realizada ao nível da sensibilidade do sensor, selecção do alarme, temporização e alerta aos bombeiros. A gestão e operação da central serão efectuadas através de teclado incorporado com visor LCD e indicadores LED. Novo modelo da MasterGuardian apresentado na Suécia O novo modelo MGC TCP/IP, da MasterGuardian, está a ser apresentado, até à próxima sexta-feira, na SKYDD 08 - Stockholm Exhibition, que decorre na capital sueca. Este novo sistema de segurança é a mais recente aposta desta empresa nacional e é divulgado em Estocolmo pela Microsec o distribuidor sueco da MasterGuardian. Segundo a empresa, a Microsec está a desenvolver uma boa rede para a venda dos sistemas MasterGuardian no mercado escandinavo, divulgando nesta importante exposição o novo modelo MGC TCP/IP, com que a marca portuguesa disputará o mercado dos apartamentos de qualidade. O sistema, com comando por impressões digitais, apresenta um preço muito competitivo, apesar de ter sido desenvolvido de acordo com os critérios de qualidade que caracterizam a MasterGuardian, revela a empresa em comunicado. CONSTRUÍMOS RELAÇÕES DE SEGURANÇA Telf.: /68 Fax:

18

19 Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro Actualidade Comercialização arrancou em Agosto Flamingo Palace concluído até ao final do ano Pedro Farinha Empreendimento está localizado na cidade do Porto. 15 apartamentos compreendem oferta imobiliária O Flamingo Palace deverá estar concluído até ao final deste ano. O anúncio foi feito, ao PÚBLICO Imobiliário, por Vieira Lobo, da promotora Euro Empreendimentos, que dá conta de que a comercialização deste projecto iniciou-se no passado mês de Agosto. Localizado no gaveto da Rua Marechal Saldanha com a Rua do Funchal, na cidade do Porto, o empreendimento integra 15 apartamentos T4 e T5 duplex e dirige-se a clientes da classe Alta. O investimento total ascende a dez milhões de euros. Para Vieira Lobo, este é um empreendimento que se baseia muito nos aspectos ligados aos acabamentos. Apostámos em várias soluções que são únicas no mercado e que não existem em mais nenhum empreendimento. Os acabamentos são uma das imagens de marca do Flamingo Palace, com destaque para os lavatórios nas casas de banho, escavados em mármore Estremoz Extra, e para as cozinhas equipadas com electrodomésticos Gaggenau. A lista de acabamentos inclui também paredes forradas a madeira de sucupira nos halls e circulações, porta de entrada de alta segurança a toda a altura do pé direito, portas interiores com 4,5cm de espessura em Sucupira, soalho em madeira maciça de Sucupira envernizada e tectos falsos em placas de gesso cartonado Knauf. Nas salas e nos quartos, as paredes são em estuque projectado pintado a tinta Cin, os rodapés em madeira maciça de Sucupira envernizada e os estores interiores têm telas screen (salas) e black out (quartos), ambos com accionamento eléctrico. Nas casas de banho, as paredes são em pedra inteira, ou seja, toda a parede é uma peça de continuidade, fugindo às tradicionais descontinuidades comuns noutros empreendimentos, explica Vieira Lobo, que destaca ainda as bases de chuveiro escavadas em blocos únicos, as torneiras de parede Fantini Plano, as banheiras de hidromassagem Jacuzzi Modelo Opalia e as sanitas e bidés suspensos Duravit. A iluminação foi uma das principais preocupações dos responsáveis da Euro Empreendimentos, sendo que todo o sistema implementado foi pensado como um cenário, ou seja, a iluminação permite criar diferentes ambientes dentro da casa, conforme a divisão em que nos encontramos, sublinha Vieira Lobo. Os cuidados com os acabamentos estenderam-se às zonas exteriores. As janelas são a toda a altura do pé direito em perfis Arkial, da série Slimslide (desenhada pelo arquitecto Souto Moura), que permite vãos de grande amplitude e luminosidade com vista reduzida de alumínio, ao passo que as fachadas ventiladas apresentam-se revestidas com mármore branco Sivec bujardado.

20 20 Público Imobiliário Quarta-feira 1 Outubro 2008 Actualidade Mercado imobiliário deve voltar aos seus valores fundamentais Cushman & Wakefield apresentou «Marketbeat Outono de 2008». Crise financeira condicionou investimento no imobiliário. Escritórios e hotelaria foram excepção Rui Pedro Lopes A actual crise vai permitir que o mercado imobiliário volte aos seus valores fundamentais. Esta é a principal lição que, segundo Eric van Leuven, Managing Partner da Cushman & Wakefield, deverá retirar-se da actual crise financeira. Sem esconder a preocupação pelo momento presente, este responsável, que falava durante a apresentação do relatório «Marketbeat Outono de 2008», elaborado pela consultora que dirige, mostrou-se esperançado no futuro. Ponderação parece ser a palavrachave, nos dias de hoje, para a maioria dos profissionais do mercado imobiliário. Após o fulgor dos últimos anos, consubstanciado nos recordes atingidos nos diferentes índices, é tempo de «Back to Basics» ( voltar ao essencial ), como concordou Eric van Leuven, quando questionado pelo PÚBLICO Imobiliário. Mas para voltar ao essencial é preciso perceber a dimensão da crise que se abateu sobre o mercado imobiliário. O capítulo do investimento dá-nos algumas pistas: A crise financeira internacional, espoletada no passado Verão de 2007 pela crise hipotecária nos Estados Unidos, tem tido fortes efeitos no mercado de investimento imobiliário, pode ler-se no relatório «Marketbeat Outono 2008». Apesar de as economias mais fortes terem sido as principais prejudicadas por este tsunami financeiro, Portugal não escapou e o imobiliário é bem prova disso. Em Portugal, a situação é muito equivalente à vivida no resto da Europa: à excepção do sector dos escritórios, todos os yields verificaram subidas na ordem dos 25 pontos base, e a tendência esperada é de agravamento até ao final do ano, nota o mesmo documento, que acrescenta: Os efeitos desta crise são sentidos também no volume de negócios. Até ao final de Junho deste ano, estima-se que tenham sido transaccionados activos no valor de pouco mais de 300 milhões de euros, representando uma quebra de 25 por cento face ao volume registado no primeiro semestre de A carência de liquidez, decorrente da cada vez maior dificuldade de acesso ao crédito e do custo crescente do financiamento, é um dos motivos apontados para esta baixa do investimento, mas a Cushman & Wakefield adiciona também a enorme desconfiança por parte dos investidores que ainda assim têm capacidade para investir com capitais próprios, mas que aguardam o desenrolar da actual crise. Quanto aos segmentos destinatários deste investimento, verificou-se, pela primeira vez, uma inversão de papéis. Futuro Proprietários e investidores terão de assumir perdas O futuro próximo não parece muito animador e Eric Van Leuven, apesar de optimista, considera que a solução para a crise que atravessamos não é de todo evidente, sendo inevitável concluir que, antes da recuperação, perdas terão que ser assumidas por muitos proprietários e investidores. Este responsável acredita, todavia, que a correcção já está a acontecer, mas chama a atenção para o facto de não existir espaço para os erros do passado. Para o segundo semestre é esperado um maior volume de transacções. Há muitos investidores que aguardam a clarificação da política monetária na zona Euro e a correcção de expectativas de preço por parte dos potenciais vendedores para proceder a aquisições, indica o relatório «Marketbeat Outono de 2008». Um fenómeno identificado pela C&W prende-se com o aparecimento dos chamados fundos oportunistas no mercado imobiliário que, neste momento, aguardam ainda a melhor oportunidade de entrada. Quem também continua a adiar a sua reentrada no mercado são os fundos alemães que, apesar dos bons níveis de liquidez, aguardam a evolução do mercado. Depois de anos de liderança sucessiva neste ranking, o retalho foi preterido em relação aos escritórios nas opções dos investidores. Assim, temos que 36 por cento do total investido no imobiliário português se destinou aos escritórios, ao passo que somente 20 por cento foi canalizado para o segmento de retalho (em 2007, o mesmo estudo colocava esta fasquia de investimento nos 40,8 por cento). No que diz respeito à origem do investimento, o peso do investimento estrangeiro mantém-se na ordem dos 50 por cento, que tem sido, em média, o valor para este indicador nos últimos oito anos. Semestre em baixa Perante estes níveis de investimento, não é difícil concluir que o primeiro semestre deste ano não correu de feição aos profissionais do mercado imobiliário. Isso mesmo está reflectido no «Marketbeat Outono 2008». O sector de retalho foi um dos mais prejudicados pela crise. Mas, neste caso, as razões para o arrefecimento da actividade são muito mais profundas e estendem-se a outros factores. O sector de retalho acusou desde o início do ano não só os efeitos da crise económica, mas também de uma oferta que ameaça atingir valores pouco sustentáveis em algumas zonas do país. As estratégias de expansão dos Segmento de escritórios terá um ano atípico retalhistas são hoje claramente menos agressivas e os processos de tomada de decisão muito mais demorados, descreve aquele relatório. Perante este cenário, seria de prever uma retracção da oferta. No entanto, e contra todas as expectativas, o que está previsto para este ano é exactamente o contrário: Apesar de ser um dos países mais maduros neste sector, Portugal acompanha esta evolução (forte desenvolvimento do retalho europeu), prometendo estabelecer em 2008 um máximo histórico, em termos de novas aberturas. Para Marta Leote, do Departamento de Research e Consultoria da Cushman & Wakefield, este crescimento mantém-se em contraciclo com a situação que se vive no mercado, não só no que diz respeito ao consumo nacional, como também no que se refere à evidente retracção nos planos de expansão dos retalhistas. Ou seja, se, por um lado, esta evolução beneficia o mercado através de uma maior concorrência entre operadores, por outro, são já alguns os exemplos de dissabores ao nível do desempenho de alguns projectos, muitas vezes fruto da falta de experiência dos promotores, revela aquele documento. Em termos de números, o volume de Área Bruta Locável (ABL) proposta para os próximos três anos continua impressionante, somando cerca de dois milhões de metros quadrados, o que representa 67 por cento da oferta existente. Só até ao final deste ano, está prevista a entrada no mercado de 300 mil metros quadrados de nova ABL de centros comerciais. No segmento de escritórios, a surpresa foi geral e a Cushman & Wakefield já diz que este será um ano atípico. Se, por um lado, os efeitos da crise financeira internacional são já sentidos, por outro, os níveis de procura bruta no primeiro semestre mantiveram-se estáveis face ao ano recorde de 2007 e os negócios esperados para o segundo semestre deverão conduzir a mais um máximo em termos de área transaccionada. A explicação para este cenário no volume total da procura reside em dois factores: o atraso em negócios que deveriam ter sido concluídos no ano passado e o número anormal de transacções de grande dimensão, essencialmente por parte de entidades públicas ou semi-públicas. Todavia, uma leitura atenta dos números apresentados por esta consultora permite concluir que, se do lado da procura a crise financeira não deu sinal de vida, do lado da oferta e da taxa de desocupação, o mesmo já não sucedeu. A taxa de crescimento da oferta foi praticamente nula no primeiro semestre e a taxa de desocupação registou um aumento em zonas relevantes do mercado, as zonas 1 (Primal Central Business District) e 2 (Central Business District). Além disso, e em relação a projectos futuros, o volume de oferta esperada para os próximos três anos situa-se nos valores mais baixos desta década, qualquer coisa como 350 mil metros quadrados. À semelhança dos escritórios, o segmento hoteleiro também tem motivos para sorrir, designadamente o de Lisboa. No primeiro semestre de 2008, o RevPAR (rácio entre a receita dos quartos ocupados e os quartos disponíveis) apresentou um crescimento de 7,3 por cento, o sétimo melhor da região EMEA (Europa, Médio Oriente e Ásia), ao passo que a taxa de ocupação da cidade de Lisboa verificou também uma evolução muito positiva (3,9 por cento face a 2007), apenas superada pelas cidades de Milão, Paris e Bruxelas. As boas notícias ficam-se por aqui. Isto porque no segmento residencial o semestre foi negro, conforme revela a Cushman & Wakefield. Desde logo, no residencial urbano, o arrefecimento do mercado é hoje uma certeza, com um claro decréscimo das transacções. As condições actuais de acesso e custo do crédito hipotecário deverão contribuir para uma deterioração desta situação no curto e médio prazo. Por seu lado, o simples aumento das taxas de juro tem um impacto directo na capacidade de endividamento das famílias, resultando num efeito perverso de aumento relativo do custo das casas. Perante este cenário, a consultora defende uma maior aposta no mercado de arrendamento, que funcionaria como uma alternativa à aquisição com base no financiamento bancário, pois é aqui que residem as principais dificuldades. No segmento residencial turístico, o estado de coisas não é melhor. Desde o início do ano, e na maioria dos empreendimentos, têm-se vindo a registar reduções no número de visitas e nas taxas de conversão (visita-venda), deixando o volume de colocação de produto muito aquém das expectativas dos promotores. Ainda assim, acreditamos que o apetite por Portugal como destino de segunda residência não desaparecerá, mas é notória uma postura de retracção temporária provocada pela instabilidade da economia britânica. Este panorama não deverá alterar-se até ao final do ano ou mesmo durante 2009.

Fazemos do seu mundo um abrigo seguro. Fique em segurança

Fazemos do seu mundo um abrigo seguro. Fique em segurança Fazemos do seu mundo um abrigo seguro. A Segurança Prosegur no mundo. México Brasil Peru Paraguai Chile Uruguai Argentina Portugal Espanha França Itália Roménia A Segurança Prosegur no mundo. Líder de

Leia mais

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens;

Destaques. Um único sistema de controlo para segurança e conforto; Desempenho elevado e tecnologia de futuro da Siemens; 1 Não há nada melhor do que saber que a sua família está em casa e em segurança. Agora imagine se pudesse melhorar a segurança e conforto do seu lar apenas com a instalação de um sistema Impossível? Então

Leia mais

Gimob.Net. Exportação para portais imobiliários. Documento de suporte. Versão: 2.0. Actualizado em: 18.01.20133

Gimob.Net. Exportação para portais imobiliários. Documento de suporte. Versão: 2.0. Actualizado em: 18.01.20133 Gimob.Net Exportação para portais imobiliários Versão: 2.0 Actualizado em: 18.01.20133 Copyright by Improxy 2013 Geral Telefone: 223 749 100 Fax: 223 749 109 Email: geral@improxy.pt Departamento Comercial

Leia mais

Soluções para protecção da comunidade Easy Series para moradias e apartamentos

Soluções para protecção da comunidade Easy Series para moradias e apartamentos Soluções para protecção da comunidade Easy Series para moradias e apartamentos 2 Painel de controlo Easy Series Tornar a segurança fácil e fiável Adicionar valor a projectos imobiliários inovadores Blocos

Leia mais

Dossier Promocional. Moradia em Abrantes Santarém

Dossier Promocional. Moradia em Abrantes Santarém Dossier Promocional Moradia em Abrantes Santarém 1 1. Contexto e a Oportunidade 2. Localização do Imóvel 3. Características Gerais do Imóvel 4. Descrição Detalhada 5. Condições de Comercialização 6. Contactos

Leia mais

ERA VILA DO CONDE. t. 252 640 000. GLOBALCASA - Mediação Imobiliária Unipessoal, Lda Licença AMI: 7482 - Validade: 24\01\2013

ERA VILA DO CONDE. t. 252 640 000. GLOBALCASA - Mediação Imobiliária Unipessoal, Lda Licença AMI: 7482 - Validade: 24\01\2013 ERA GLOBALCASA - Mediação Imobiliária Unipessoal, Lda Licença AMI: 7482 - Validade: 24\01\2013 Alameda dos Descobrimentos, nº 21 4480-872 Vila do Conde www.era.pt/viladoconde email: viladoconde@era.pt

Leia mais

Dossier Promocional. Moradia em Caminha Viana do Castelo

Dossier Promocional. Moradia em Caminha Viana do Castelo Dossier Promocional Moradia em Caminha Viana do Castelo 1 1. Contexto e Oportunidade 2. Localização do Imóvel 3. Características Gerais do Imóvel 4. Descrição Detalhada 5. Condições de Comercialização

Leia mais

CASAS DO CASTELO. LEÇA DA PALMEIRA 18 Dezembro 2012

CASAS DO CASTELO. LEÇA DA PALMEIRA 18 Dezembro 2012 CASAS DO CASTELO LEÇA DA PALMEIRA 18 Dezembro 2012 Índice 1 Localização 3 2 Descrição 5 3 Fotografias 7 4 Acabamentos e Equipamentos 10 5 Áreas e Preços 13 6 Plantas 15 Fracção C 16 Fracção D 17 Fracção

Leia mais

www.remax.pt/barcovez - Mediação Imobiliária, Lda. AMI 7189 ARCOS DE VALDEVEZ Rua Dr. Joaquim Carlos da Cunha Cerqueira, 29 4970-457 - Vila Fonche / Arcos de Valdevez Tel. 258 523 101 - Fax. 258 518 390

Leia mais

ComprarCasa Braga inaugura; Massamá e Pontinha rotulam lojas

ComprarCasa Braga inaugura; Massamá e Pontinha rotulam lojas Quinta com 6700 m 2, com 300 m 2 de construção para recuperar. Faceis Acessos a Auto-Estrada e Transportes Publicos. 157.000 - Refª 160/Q/01172 Apartamento T2 - Remodelado - Arrecadação no sotão - Vista

Leia mais

Dossier Promocional. Moradia em Tarouca Viseu

Dossier Promocional. Moradia em Tarouca Viseu Dossier Promocional Moradia em Tarouca Viseu 1 1. Contexto e a Oportunidade 2. Localização do Imóvel 3. Características Gerais do Imóvel 4. Descrição Detalhada 5. Condições de Comercialização 6. Contactos

Leia mais

Medidas intersectoriais 2010/11

Medidas intersectoriais 2010/11 Medidas intersectoriais 2010/11 IS01 BALCÃO DO EMPREENDEDOR DISPONIBILIZAÇÃO DE SERVIÇOS Objectivos: Inventariar, introduzir e manter permanentemente actualizados no Balcão do Empreendedor vários serviços,

Leia mais

Sistemas de alarme de intrusão AMAX Simples e de confiança

Sistemas de alarme de intrusão AMAX Simples e de confiança Sistemas de alarme de intrusão AMAX Simples e de confiança 2 Sistemas de Alarme de Intrusão AMAX Com a Bosch, está em boas mãos: os sistemas de alarme de intrusão AMAX garantem a satisfação do cliente

Leia mais

Central de Intrusão - Easy Series Tornando a Segurança Fácil agora com wlsn*

Central de Intrusão - Easy Series Tornando a Segurança Fácil agora com wlsn* Sistema desactivado Central de Intrusão - Easy Series Tornando a Segurança Fácil agora com wlsn* * wireless Local SecurityNetwork (rede de segurança local via rádio) 2 A segurança em primeiro lugar Como

Leia mais

T4 Duplex Jardins do Palacete

T4 Duplex Jardins do Palacete T4 Duplex Jardins do Palacete Boavista/ Porto Nª/Refª 3818 Índice 1 Localização 3 2 Informação Geral 5 3 Disponibilidades 8 4 Acabamentos 10 5 Plantas 13 Implantação 14 T4 Duplex 15 6 Contactos 17 T4 Duplex

Leia mais

Moradia semi-nova T3 grande em zona calma - 962

Moradia semi-nova T3 grande em zona calma - 962 Moradia semi-nova T3 grande em zona calma - 962 Preço 500,00 Tipologia T3 Área útil 200 m² 1 Tipo de anúncio: Arrendamento Condição: Usado Características: Acessibilidade a pessoas com mobilidade condicionada.

Leia mais

Easy Series. Guia do utilizador. Painel de Controlo de Intrusão

Easy Series. Guia do utilizador. Painel de Controlo de Intrusão Easy Series PT Guia do utilizador Painel de Controlo de Intrusão Easy Series Guia do utilizador Utilizar o teclado de comando Utilizar o teclado de comando Estados do Dispositivo de Visualização Dispositivo

Leia mais

Se procura casa, esta é a porta certa.

Se procura casa, esta é a porta certa. N 02 OUTONO / INVERNO 2015 Popular Imóveis Se procura casa, esta é a porta certa. N 02 OUTONO / INVERNO 2015 Viana do Castelo Braga Bragança Vila Real Imóveis do Norte Pág 3 Porto Aveiro Viseu Guarda Coimbra

Leia mais

Bem-vindo ao Praças 47. Ana Caldas Rita Cláudio acaldas@remax.pt riclaudio@remax.pt 925 957 986 927 990 496 RE/MAX Telheiras

Bem-vindo ao Praças 47. Ana Caldas Rita Cláudio acaldas@remax.pt riclaudio@remax.pt 925 957 986 927 990 496 RE/MAX Telheiras Bem-vindo ao Praças 47 Ana Caldas Rita Cláudio acaldas@remax.pt riclaudio@remax.pt 925 957 986 927 990 496 RE/MAX Telheiras Localização Lapa, cruzamento da Rua das Praças e a Rua dos Remédios à Lapa Conceito

Leia mais

PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT

PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT PIXELFORCE Representações, Lda Telf: 252 428 094 fax: 252 428 094 WWW.PIXELFORCE.PT O próximo alvo pode ser a sua casa, durma tranquilo. A paz da mente é o conforto da segurança A Série Conforto da PIXELFORCE

Leia mais

Dossier Promocional. Empreendimento Vila Sol Quarteira Loulé Algarve

Dossier Promocional. Empreendimento Vila Sol Quarteira Loulé Algarve Dossier Promocional Empreendimento Vila Sol Quarteira Loulé Algarve 1 1. Contexto e a Oportunidade 2. Localização do Imóvel 3. Características Gerais do Imóvel 4. Descrição Detalhada 5. Condições de Comercialização

Leia mais

PREÇOS MAIS BARATOS E TRANSPARENTES NA COMPRA DE CASA

PREÇOS MAIS BARATOS E TRANSPARENTES NA COMPRA DE CASA PREÇOS MAIS BARATOS E TRANSPARENTES NA COMPRA DE CASA 31 de Julho de 2008 O Ministério da Justiça esclarece o seguinte: 1. Na generalidade das situações, os preços do registo predial diminuíram em comparação

Leia mais

ANEXO. Casa Pronta. 13 de Maio de 2008

ANEXO. Casa Pronta. 13 de Maio de 2008 GABINETE DO SECRETÁRIO DE ESTADO DA JUSTIÇA ANEXO Casa Pronta 13 de Maio de 2008 1. O que é o balcão Casa Pronta? O Casa Pronta é um balcão único onde é possível realizar todas as operações relativas à

Leia mais

FICHA TÉCNICA DA HABITAÇÃO

FICHA TÉCNICA DA HABITAÇÃO FICHA TÉCNICA DA HABITAÇÃO provisória definitiva 1. Prédio urbano / fracção autónoma Morada Código Postal - Inscrito na matriz predial da freguesia de art.º n.º Registado na Conservatória do Registo Predial

Leia mais

A excelência ao serviço do cliente

A excelência ao serviço do cliente A ENGIMAGNE A excelência ao serviço do cliente A ENGIMAGNE é uma resposta de excelência para as necessidades de empresas, instituições e particulares em tecnologias e soluções de engenharia, energia e

Leia mais

QUAL O NOSSO OBJECTIVO ESSENCIAL? O

QUAL O NOSSO OBJECTIVO ESSENCIAL? O QUEM SOMOS NÓS?! Somos Portugueses que, no passado, viveram no estrangeiro, como Emigrantes. Hoje, alguns de nós, ainda possuem familiares nessas condições... Ao longo dos anos sentimos grandes dificuldades,

Leia mais

Sistemas automáticos de detecção de intrusão

Sistemas automáticos de detecção de intrusão EB 2,3 Ciclos de Gondomar AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE GONDOMAR Sistemas automáticos de detecção de intrusão A instalação de sistemas automáticos de detecção de intrusão é, hoje em dia, um facto generalizado

Leia mais

QUEM FAZ A AVALIAÇÃO ENERGÉTICA E EMITE O CERTIFICADO?

QUEM FAZ A AVALIAÇÃO ENERGÉTICA E EMITE O CERTIFICADO? O QUE É UM CERTIFICADO ENERGÉTICO? Um Certificado Energético (CE) de um edifício ou fracção autónoma é o documento emitido no âmbito do Sistema Nacional de Certificação Energética e Qualidade do Ar Interior

Leia mais

Tudo testado. Central de Intrusão Easy Series Tornando a Segurança Fácil

Tudo testado. Central de Intrusão Easy Series Tornando a Segurança Fácil Tudo testado Central de Intrusão Easy Series Tornando a Segurança Fácil Painel de controlo de intrusão eficaz e, ao mesmo tempo, simples Um painel de controlo de intrusão ultra-eficaz não tem de ser complicado.

Leia mais

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal

SAÚDEGLOBAL. AON Portugal SAÚDEGLOBAL AON Portugal Breve Apresentação do Negócio DADOS DE CARACTERIZAÇÃO Designação Comercial Saúdeglobal N.º Colaboradores N.º de Estabelecimentos Dispersão Geográfica Nacional Facturação em 2010

Leia mais

TURIM S.A. Telefone: 2415 018 Fax: 2415 017 Móvel: 9843 432 E-mail: jasmine-villas@turim.cv Site: www.turim.cv

TURIM S.A. Telefone: 2415 018 Fax: 2415 017 Móvel: 9843 432 E-mail: jasmine-villas@turim.cv Site: www.turim.cv TURIM S.A. Telefone: 2415 018 Fax: 2415 017 Móvel: 9843 432 E-mail: jasmine-villas@turim.cv Site: www.turim.cv Index 1. Murdeira 2. Jasmine Villas O Conceito Localização Arquitectura As Vivendas Tipologias

Leia mais

sistema Com esta pode-se criar um sistema ajustado às necessidades dos clientes bem como aos seus estilos de vida.

sistema Com esta pode-se criar um sistema ajustado às necessidades dos clientes bem como aos seus estilos de vida. sistema O nosso inovador sistema utiliza a mais avançada tecnologia de inteligência distribuída, utilizando para o efeito, comunicações baseadas em CAN desenhadas para sistemas críticos. É um sistema revolucionário

Leia mais

Apresentação Requisitos O Processo Localização Recursos Humanos Legislação Investimento Inicial Prestações mensais

Apresentação Requisitos O Processo Localização Recursos Humanos Legislação Investimento Inicial Prestações mensais Apresentação Requisitos O Processo Localização Recursos Humanos Legislação Investimento Inicial Prestações mensais Para criar este negócio vai precisar de em primeiro lugar criar a sua própria empresa

Leia mais

CASA PRONTA. Perguntas & Respostas

CASA PRONTA. Perguntas & Respostas CASA PRONTA Perguntas & Respostas 1. O que é o balcão Casa Pronta? O Casa Pronta é um balcão único onde é possível realizar todas as operações relativas à compra e venda de casa (prédios urbanos). Neste

Leia mais

Amplie o seu espaço e faça um grande negócio.

Amplie o seu espaço e faça um grande negócio. N 02 OUTONO / INVERNO 2015 Popular Imóveis Amplie o seu espaço e faça um grande negócio. N 02 OUTONO/INVERNO 2015 Viana do Castelo Braga Bragança Vila Real Imóveis do Norte Pág 3 Porto Aveiro Viseu Guarda

Leia mais

O artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 78/2006, de 4 de Abril, estabelece como estando abrangidos pelo SCE os seguintes edifícios:

O artigo 3.º do Decreto-Lei n.º 78/2006, de 4 de Abril, estabelece como estando abrangidos pelo SCE os seguintes edifícios: Regime Jurídico da Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios (SCE) Departamento de Imobiliário 12 de Janeiro de 2009 O Decreto-Lei n.º 78/2006 de 4 de Abril aprovou o Sistema

Leia mais

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR

DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR DOSSIER FRANCHISING 3iNFOR Rua Henrique Bravo, 6929 e 6967 4465-167 S. Mamede de Infesta Portugal 1 Filosofia/Historial A 3infor é uma empresa especializada em software profissional, com um produto inovador

Leia mais

segurança electrónica

segurança electrónica 32 Alexandre Chamusca Eng. Electrotécnico, Ramo Telecomunicações e Electrónica, IST segurança electrónica {enquadramento tecnológico do sector} Com a evolução da electrónica e a gradual sofisticação dos

Leia mais

Deixe-se envolver por um ambiente. saudável. Premium

Deixe-se envolver por um ambiente. saudável. Premium Deixe-se envolver por um ambiente saudável. O LOCAL Deslumbre-se com a soberba vista para a Serra de Sintra, um excepcional local de contemplação do qual poderá desfrutar todos os dias. Uma vista única

Leia mais

Sintony 60: A segurança aliada ao design

Sintony 60: A segurança aliada ao design Sintony 60: A segurança aliada ao design Qualidade de vida Ein Maximum "Gostaria an Sicherheit. de obter uma solução segura de simples utilização e que com um design atractivo." O que é preciso Segurança,

Leia mais

Guia de introdução NOKIA OBSERVATION CAMERA

Guia de introdução NOKIA OBSERVATION CAMERA Guia de introdução NOKIA OBSERVATION CAMERA UTILIZAR A CÂMARA CAPTURAR UMA IMAGEM UTILIZAR A DETECÇÃO DE MOVIMENTO UTILIZAR A CAPTAÇÃO DE IMAGENS TEMPORIZADA VERIFICAR A TEMPERATURA Edição 1 PT 9311301

Leia mais

O RELACIONAMENTO COM O CIDADÃO A importância do Território

O RELACIONAMENTO COM O CIDADÃO A importância do Território Conferência Ibero-Americana WWW/Internet 2004 7/8 Outubro, Madrid, Espanha O RELACIONAMENTO COM O CIDADÃO A importância do Território Jorge Xavier Aluno de Mestrado DEGEI UA Campus Universitário de Santiago.

Leia mais

Se procura casa, esta é a porta certa.

Se procura casa, esta é a porta certa. N 01 PRIMAVERA / VERÃO 2015 Popular Imóveis Se procura casa, esta é a porta certa. N 01 PRIMAVERA / VERÃO 2015 Viana do Castelo Braga Bragança Vila Real Imóveis do Norte Pág 3 Porto Aveiro Viseu Guarda

Leia mais

A. ENQUADRAMENTO B. CANDIDATURA. Portal Mercado Social de Arrendamento http://www.mercadosocialarrendamento.msss.pt

A. ENQUADRAMENTO B. CANDIDATURA. Portal Mercado Social de Arrendamento http://www.mercadosocialarrendamento.msss.pt A. ENQUADRAMENTO 1. O que é o Mercado Social de Arrendamento? 2. A iniciativa Mercado Social de Arrendamento enquadra-se no chamado Arrendamento Social? 3. Qual o objectivo do Mercado Social de Arrendamento?

Leia mais

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto

Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos. Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa. Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhor Presidente do Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres Senhor Vereador da Câmara Municipal de Lisboa Senhor Vereador da Câmara Municipal do Porto Senhores representantes das associações

Leia mais

Gravadores digitais versáteis Divar Gravação digital redefinida

Gravadores digitais versáteis Divar Gravação digital redefinida Gravadores digitais versáteis Divar Gravação digital redefinida Nova geração de gravadores digitais versáteis Divar para um mundo em formato analógico e IP Nova geração de DVRs Divar A exceder expectativas

Leia mais

Visita a Portugal do Importador C & C Casa & Construção

Visita a Portugal do Importador C & C Casa & Construção Visita a Portugal do Importador C & C Casa & Construção Sector da Construção Brasil 21 a 25 de Outubro de 2013 Enquadramento Com uma extensão territorial de aproximadamente 8,5 milhões km 2, vastos recursos

Leia mais

Perguntas & Respostas

Perguntas & Respostas Perguntas & Respostas 1. O que é a Casa Simples - Casa Segura? A Casa Segura consiste num atendimento personalizado e altamente qualificado, sem balcões, com boas instalações e adequada tecnologia de ponta,

Leia mais

Desempenho energético dos edifícios o impacto dos regulamentos na construção e as oportunidades de melhoria do parque habitacional

Desempenho energético dos edifícios o impacto dos regulamentos na construção e as oportunidades de melhoria do parque habitacional Desempenho energético dos edifícios o impacto dos regulamentos na construção e as oportunidades de melhoria do parque habitacional Paulo Santos ADENE Agência para a Energia Nuno Baptista ADENE Agência

Leia mais

Localizado junto à estrada de Eiras, na zona natural de expansão da cidade, o Coimbra Retail Park começou a

Localizado junto à estrada de Eiras, na zona natural de expansão da cidade, o Coimbra Retail Park começou a Informação à Imprensa - 10 de Novembro de 2003 Parceria entre a Sonae Imobiliária e a Miller Developments Coimbra Retail Park abre ao público com oferta de 15 novas lojas - Investimento de 13 milhões -

Leia mais

Pretendemos por este meio dar a conhecer as áreas de intervenção da nossa empresa, na expectativa do vosso interesse.

Pretendemos por este meio dar a conhecer as áreas de intervenção da nossa empresa, na expectativa do vosso interesse. Energia sem limites Lic. n.º 38549 Amorlux Projectos e Instalações Eléctricas, Lda. Amorlux, Projectos e Instalações Eléctricas, Lda, fundada em 1994, é uma empresa Portuguesa com ampla e reconhecida experiência

Leia mais

7º CONGRESSO NACIONAL DOS CORRETORES E AGENTES DE SEGUROS. Feira Internacional de Lisboa Parque das Nações. 15 de Outubro de 2010

7º CONGRESSO NACIONAL DOS CORRETORES E AGENTES DE SEGUROS. Feira Internacional de Lisboa Parque das Nações. 15 de Outubro de 2010 7º CONGRESSO NACIONAL DOS CORRETORES E AGENTES DE SEGUROS Feira Internacional de Lisboa Parque das Nações 15 de Outubro de 2010 Sessão Solene de Abertura Gostaria de começar por felicitar a APROSE pela

Leia mais

Novo portal quer assumir-se como referência da mediação imobiliária portuguesa

Novo portal quer assumir-se como referência da mediação imobiliária portuguesa Quarta-feira 23 Julho 2008 Novo portal quer assumir-se como referência da mediação imobiliária portuguesa APEMIP Serviços lança Casayes.pt. O responsável Luís Lima diz que o novo portal já integra mais

Leia mais

Amplie o seu espaço e faça um grande negócio.

Amplie o seu espaço e faça um grande negócio. N 01 PRIMAVERA / VERÃO 2015 Popular Imóveis Amplie o seu espaço e faça um grande negócio. N 01 PRIMAVERA / VERÃO 2015 Viana do Castelo Braga Bragança Vila Real Imóveis do Norte Pág 3 Porto Aveiro Viseu

Leia mais

CityOffice O Conceito

CityOffice O Conceito Espaços de qualidade à medida do seu negócio CityOffice O Conceito O CityOffice aposta na qualidade e diversidade dos espaços e serviços que oferece e na rapidez de instalação que proporciona aos seus

Leia mais

Central de Intrusão -Easy Series Guia de referência

Central de Intrusão -Easy Series Guia de referência Central de Intrusão -Easy Series Guia de referência AS-OT-pt-55_4998145973_02.indd 1 15.07.2005 11:34:18 Uhr Conteúdo 1. Características 3 2. Teclado de comando 6 3. Guia do utilizador em formato de bolso

Leia mais

JARDIM DAS JAPONEIRAS. RUA CIDADE DA BEIRA Aldoar Porto N/Refª 2786-H

JARDIM DAS JAPONEIRAS. RUA CIDADE DA BEIRA Aldoar Porto N/Refª 2786-H JARDIM DAS JAPONEIRAS RUA CIDADE DA BEIRA Aldoar Porto N/Refª 2786-H Índice 1 Apresentação 3 2 Localização 5 3 Imagens 7 4 Plantas 12 Implantação 13 Alçados 14 Casa H2 16 5 Acabamentos 18 6 Quadro de Áreas

Leia mais

INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»?

INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»? INTRODUÇÃO O QUE É O PLANO «SALATIA»? No actual cenário económico-financeiro do Mundo e do País, é obrigação de todas as entidades públicas, à sua escala, promoverem medidas de apoio às empresas e às famílias

Leia mais

Questionário Preliminar de Risco

Questionário Preliminar de Risco Questionário Preliminar de Risco MULTIRISCOS PME Identificação interna Sucursal Comercial Técnico Agente / Corretor Data da visita Referência Proponente Nome Morada Ocupação do risco Código Postal DESCRIÇÃO

Leia mais

Desformalização, eliminação e simplificação de actos

Desformalização, eliminação e simplificação de actos Desformalização, eliminação e simplificação de actos Em 5 de Julho de 2005, o Senhor Primeiro-Ministro apresentou o Programa de Investimentos em Infraestruturas Prioritárias. O projecto de Desmaterialização,

Leia mais

Aviso de confidencialidade

Aviso de confidencialidade Aviso de confidencialidade A informação que consta desta apresentação é confidencial. Qualquer forma de divulgação, reprodução, cópia ou distribuição total ou parcial da mesma é proibida, não podendo ser

Leia mais

Hotel 4 estrelas + Moradias em Malanje -Estudo Prévio

Hotel 4 estrelas + Moradias em Malanje -Estudo Prévio Tendo como base o programa fornecido, o presente estudo tem como objectivo dar a conhecer as intenções da nossa proposta para a elaboração do projecto para um Hotel 4 estrelas, mais moradias em Malanje

Leia mais

Destaque ARQUITECTURA

Destaque ARQUITECTURA ARQUITECTURA ARQUITECTURA Edificio Bloom Space for Business Localização Este edifício situa-se na Rua de Campolide em Lisboa. Com sua localização privilegiada sobre o Parque do Monsanto, coração verde

Leia mais

DOMÓTICA CONTROLO INTEGRADO Segurança Iluminação Som e Imagem Eficiência Energética

DOMÓTICA CONTROLO INTEGRADO Segurança Iluminação Som e Imagem Eficiência Energética DOMÓTICA CONTROLO INTEGRADO Segurança Iluminação Som e Imagem Eficiência Energética A DECORDIGITAL - 1 A DECORDIGITAL é uma empresa portuguesa dedicada à consultoria, desenvolvimento de projetos, fornecimento

Leia mais

Índice. Pág *09 Como participar. Pág *10 Calendário. Pág *11 Os resultados. Pág *12 Júri. Pág *13 Regulamento

Índice. Pág *09 Como participar. Pág *10 Calendário. Pág *11 Os resultados. Pág *12 Júri. Pág *13 Regulamento Índice Pág *09 Como participar Pág *10 Calendário Pág *11 Os resultados Pág *12 Júri Pág *13 Regulamento Pág *01 Introdução Pág *02 Um programa alargado de intervenção Pág *05 Viver de Consciência Leve

Leia mais

GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA. comunicações, segurança e conforto. PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus

GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA. comunicações, segurança e conforto. PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus GUIA PARA A REABILITAÇÃO DOMÓTICA comunicações, segurança e conforto PROJETO Cooperar para Reabilitar da InovaDomus Autoria do Relatório Consultoria RedeRia - Innovation, S.A. Índice 0. Preâmbulo 5 1.

Leia mais

Sistema de Alarme De Intrusão

Sistema de Alarme De Intrusão Sistema de Alarme De Intrusão Linha Fixa Sem fio Modelo Key 2013-01 V1.0 Declaração Este equipamento deve ser instalado e utilizado em estrita conformidade com as instruções dadas neste documento. A Virtualtrónica

Leia mais

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar?

Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? QUESTÕES COLOCADAS PELO JORNALISTA MARC BARROS SOBRE O PROTOCOLO ENTRE A FNABA E O TURISMO DE PORTUGAL Qual o âmbito deste protocolo e que tipo de projectos pretende apoiar? Com propostas para fazer e

Leia mais

BUSINESS BRIEFING MAIO 2012 INTRODUÇÃO

BUSINESS BRIEFING MAIO 2012 INTRODUÇÃO BUSINESS BRIEFING Análise IPD 2011 MAIO 2012 INTRODUÇÃO O Investment Property Databank (IPD) é um índice que analisa o retorno do investimento institucional direto em ativos imobiliários, assumindo-se

Leia mais

Apartamentos Disponíveis em Salvador

Apartamentos Disponíveis em Salvador Apartamentos Disponíveis em Salvador Não é surpresa que um apartamento em Salvador seja a escolha de muitos compradores que querem viver ou investir nessa linda cidade litorânea. Tem tudo o que um investidor

Leia mais

SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS

SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS SISTEMAS DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS Sistema de Incentivos às Empresas O que é? é um dos instrumentos fundamentais das políticas públicas de dinamização económica, designadamente em matéria da promoção da

Leia mais

GRUPO ROLEAR. Porque há coisas que não podem parar!

GRUPO ROLEAR. Porque há coisas que não podem parar! GRUPO ROLEAR Porque há coisas que não podem parar! INOVAÇÃO COMO CHAVE DO SUCESSO Desde 1979, com sede no Algarve, a Rolear resulta da oportunidade identificada pelo espírito empreendedor do nosso fundador

Leia mais

SIMPLIFICAÇÃO DO REGISTO PREDIAL e ACTOS CONEXOS para o MERCADO IMOBILIÁRIO. Perguntas & Respostas

SIMPLIFICAÇÃO DO REGISTO PREDIAL e ACTOS CONEXOS para o MERCADO IMOBILIÁRIO. Perguntas & Respostas SIMPLIFICAÇÃO DO REGISTO PREDIAL e ACTOS CONEXOS para o MERCADO IMOBILIÁRIO Perguntas & Respostas 31 de Julho de 2008 1. Quais os objectivos das medidas de simplificação do registo predial e actos conexos

Leia mais

PROPOSTA DE SEGURO AÇOREANA CONFORTO TOTAL PROTECÇÃO LAR

PROPOSTA DE SEGURO AÇOREANA CONFORTO TOTAL PROTECÇÃO LAR PROPOSTA DE SEGURO AÇOREANA CONFORTO TOTAL LAR Proposta N.º Apólice N.º Seguro Novo Alteração à Apólice N.º de Titular É OU FOI CLIENTE DA COMPANHIA DE SEGUROS AÇOREANA? (A preencher pela Companhia) Os

Leia mais

ISEP INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA

ISEP INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA ISEP INSTITUTO SUPERIOR DE ENGENHARIA CLOSED CIRCUIT TELEVISION CCTV António Gomes aag@isep.ipp.pt 1 Enquadramento Cada vez é maior o recurso à vigilância através dos sistemas de CCTV, quer como elementos

Leia mais

NA ZONA NOBRE DE TALATONA

NA ZONA NOBRE DE TALATONA NA ZONA NOBRE DE TALATONA surge UM NOVO marco DE ANGOLA. O Valor Metropolis FOI concebido para dar resposta `As expectativas mais exigentes. Tudo NO PROJECTO foi pensado e desenhado para proporcionar

Leia mais

Comprar: Deixe-se guiar!

Comprar: Deixe-se guiar! Está prestes a comprar um imóvel e tem numerosas perguntas bem legítimas. Quais as diferentes etapas e as formalidades a efetuar, antes, durante e após a compra? Siga o guia! Antes da compra Se está a

Leia mais

A Exchange é uma marca da empresa Changebiz Rede de Consultores Financeiros, SA.

A Exchange é uma marca da empresa Changebiz Rede de Consultores Financeiros, SA. Exchange A EXCHANGE Quem somos A Exchange é uma marca da empresa Changebiz Rede de Consultores Financeiros, SA. Resulta de uma Parceria de Sucesso entre o Grupo Onebiz, referência no desenvolvimento de

Leia mais

Gestão Integral de Recuperação de Créditos Imobiliários - GIRCI

Gestão Integral de Recuperação de Créditos Imobiliários - GIRCI Gestão Integral de Recuperação de Créditos Imobiliários - GIRCI A atual conjuntura do mercado imobiliário é uma janela de oportunidade para criar novas soluções. Soluções que tragam eficiência e optimização.

Leia mais

A implementação do balcão único electrónico

A implementação do balcão único electrónico A implementação do balcão único electrónico Departamento de Portais, Serviços Integrados e Multicanal Ponte de Lima, 6 de Dezembro de 2011 A nossa agenda 1. A Directiva de Serviços 2. A iniciativa legislativa

Leia mais

Opinião do Autor. A Segurança nos Condomínios I

Opinião do Autor. A Segurança nos Condomínios I A Segurança nos Condomínios I Interrompemos nos próximos dois artigos a temática da Gestão da Segurança em Organizações para nos debruçarmos sobre a Segurança em Condomínios. Uma recente questão colocada

Leia mais

uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor

uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor uma vasta protecção para quem encontra a melhor solução para as avarias motor motor segurtrade motor Segurtrade - Motor é uma solução de protecção para a sua empresa, direccionada para pequenas e médias

Leia mais

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo

CUSTO TOTAL DE PROPRIEDADE DO PANDA MANAGED OFFICE PROTECTION. 1. Resumo Executivo 1. Resumo Executivo As empresas de todas as dimensões estão cada vez mais dependentes dos seus sistemas de TI para fazerem o seu trabalho. Consequentemente, são também mais sensíveis às vulnerabilidades

Leia mais

Sofisticação UM PROJETO TÃO SOFISTICADO COMO ESTE NÃO PODERIA TER OUTRA LOCALIZAÇÃO.

Sofisticação UM PROJETO TÃO SOFISTICADO COMO ESTE NÃO PODERIA TER OUTRA LOCALIZAÇÃO. Sofisticação UM PROJETO TÃO SOFISTICADO COMO ESTE NÃO PODERIA TER OUTRA LOCALIZAÇÃO. Horto Florestal. Nobre, único, desejado. Um dos bairros mais valorizados de Salvador reserva para a sua família o conforto,

Leia mais

Mercado Imobiliário 2

Mercado Imobiliário 2 2 Mercado Imobiliário Lecran Lagoa é um projeto inovador da Brookfield Construtoras oferecem empreendimentos versáteis, sem esquecer do charme e da sofisticação Por Rebecca Ramos Luxo entre e 4 paredes

Leia mais

Vantagem Garantida PHC

Vantagem Garantida PHC Vantagem Garantida PHC O Vantagem Garantida PHC é um aliado para tirar maior partido das aplicações PHC A solução que permite à empresa rentabilizar o seu investimento, obtendo software actualizado, formação

Leia mais

Securitas Portugal - Qual a importância da segurança no funcionamento diário do Forum Castelo Branco?

Securitas Portugal - Qual a importância da segurança no funcionamento diário do Forum Castelo Branco? Forum Castelo Branco Cushman & Wakefield Os serviços da Securitas são excelentes A Securitas tem a seu cargo a segurança do Forum Castelo Branco antes mesmo da sua inauguração, que ocorreu a 30 de Outubro

Leia mais

Guarulhos. www.skylagodospatos.com.br

Guarulhos. www.skylagodospatos.com.br www.skylagodospatos.com.br vendas realização www.habitcasa.com.br Habitcasa Consul. de Imóveis Ltda.: R. Estados Unidos, 2000, Jd. Paulista, 01427-002, São Paulo-SP, CRECI J-20004. O empreendimento só

Leia mais

Reúna os seus seguros num plano único em vantagens.

Reúna os seus seguros num plano único em vantagens. Reúna os seus seguros num plano único em vantagens. GENERALI PME COMÉRCIO E SERVIÇOS A protecção do seu negócio. GENERALI PME COMÉRCIO E SERVIÇOS Junte num único plano, toda a protecção. E beneficie de

Leia mais

ARTIGO 1º Âmbito O presente Regulamento define as condições de candidatura, avaliação e distinção dos

ARTIGO 1º Âmbito O presente Regulamento define as condições de candidatura, avaliação e distinção dos REGULAMENTO ENQUADRAMENTO O mais recente diploma legal que estabelece o regime jurídico da instalação, exploração e funcionamento dos empreendimentos turísticos - Decreto-Lei n.º 39/2008, de 7 de Março,

Leia mais

» apresentação. WORKFLOW que significa?

» apresentação. WORKFLOW que significa? » apresentação WORKFLOW que significa? WORKFLOW não é mais que uma solução que permite sistematizar de forma consistente os processos ou fluxos de trabalho e informação de uma empresa, de forma a torná-los

Leia mais

envolvente Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa

envolvente Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa santa catarina, 3 Excepcional localização, a 500 mt do Largo do Chiado Dentro do Bairro Histórico de Santa Catarina, o mais emblemático de Lisboa Integrado no conjunto edificado do Pátio do Lencastre,

Leia mais

O nosso foco é alertar se necessário e ajudar a recuperar rapidamente os dados correctos. Intelligent Video Analysis

O nosso foco é alertar se necessário e ajudar a recuperar rapidamente os dados correctos. Intelligent Video Analysis O nosso foco é alertar se necessário e ajudar a recuperar rapidamente os dados correctos Intelligent Video Analysis 2 Intelligent Video Analysis Conferir sentido e estrutura Quando se trata de videovigilância,

Leia mais

REGULAMENTO PASSATEMPO. Habilite-se a ganhar 500 em cartão presente

REGULAMENTO PASSATEMPO. Habilite-se a ganhar 500 em cartão presente REGULAMENTO PASSATEMPO Habilite-se a ganhar 500 em cartão presente Lisboa, 03 de Setembro de 2014 A Diageo Portugal Distribuidora de Bebidas, Sociedade Unipessoal, Lda. (de agora em diante designada Diageo

Leia mais

ANTES DE PREENCHER LEIA ATENTAMENTE TODO O IMPRESSO E CONSULTE AS INSTRUÇÕES

ANTES DE PREENCHER LEIA ATENTAMENTE TODO O IMPRESSO E CONSULTE AS INSTRUÇÕES ANTES DE PREENCHER LEIA ATENTAMENTE TODO O IMPRESSO E CONSULTE AS INSTRUÇÕES MINISTÉRIO DAS FINANÇAS DIRECÇÃO GERAL DOS IMPOSTOS IMPOSTO MUNICIPAL SOBRE IMÓVEIS (IMI) DECLARAÇÃO PARA INSCRIÇÃO OU ACTUALIZAÇÃO

Leia mais

Estudo de Mercado Fiabilidade de Leitura em Loja

Estudo de Mercado Fiabilidade de Leitura em Loja Estudo de Mercado Fiabilidade de Leitura em Loja Decorreu no primeiro trimestre 2009, um estudo de avaliação de implementação e desempenho dos códigos de barras comerciais, no âmbito do espaço nacional.

Leia mais

A atratividade dos territórios e a dinâmica imobiliária: Evolução e perspetivas para o Alto Minho Ricardo Guimarães

A atratividade dos territórios e a dinâmica imobiliária: Evolução e perspetivas para o Alto Minho Ricardo Guimarães A atratividade dos territórios e a dinâmica imobiliária: Evolução e perspetivas para o Alto Minho Ricardo Guimarães Ricardo Guimarães, rguimaraes@confidencialimobiliario.com www.confidencialimobiliario.com

Leia mais

Bosch adquire Extreme Os produtos do grupo Extreme CCTV estão agora disponíveis na Bosch

Bosch adquire Extreme Os produtos do grupo Extreme CCTV estão agora disponíveis na Bosch Bosch adquire Extreme Os produtos do grupo Extreme CCTV estão agora disponíveis na Bosch 2 I Bosch obtém Extreme Integridade, Inovação e Desempenho A recente aquisição do grupo Extreme CCTV, que incorpora

Leia mais