CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA"

Transcrição

1 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA Data: Nome do Paciente: Orientador(es): Nome do Aluno: QUALIFICAÇÃO Nacionalidade: Naturalidade: Etnia: Gênero: Data Nascimento: IDADE: Anos: Meses: Endereço: Bairro: Cidade: Estado: CEP: Telefone Fixo: Celular: Telefone para recado (nome): Pai ou Responsável (nome): Atividade: Telefone Comercial: Ramal: Mãe ou Responsável (nome): Atividade: Telefone Comercial: Ramal: Escola: Escolaridade: Horário Escolar: Queixa Principal: Grau de Motivação: 1

2 Análise Geral Peso: Altura: Tipo Físico: Doenças da Infância: Assimetrias Faciais: Amamentação: Nascimento: Análise Local Respiração: Fala: Deglutição: Musculatura Peri-Bucal: Participa Participa Pressionamento Lingual Atípico: Com Sem Maus Hábitos Bucais: Tonsilas: Tecidos Moles Intrabucais: Higiene Bucal: Forma do Palato: Curva de Spee: Análise Dentária Dentição Decídua Dentição Mista Dentição Permanente Dente/Dente: Com Desvio Sem Desvio Linha Mediana: Dente Superior/Plano Sagital Mediano: Direita Esquerda Dente Inferior/Plano Sagital Mediano: Direita Esquerda Relação entre os Arcos Dentários (Classificação de Angle): Sobressaliência: Sobremordida: Mordida Cruzada: Verdadeira Anterior Posterior Funcional Lado Direito Lado Esquerdo Dentes com Anomalias: Dentes Permanentes Ausentes: Dentes Restaurados: Dentes a serem tratados: 2

3 QUESTIONÁRIO DE SAÚDE (a ser respondido pelo paciente ou pelo responsável, em caso de menor de idade) Este questionário tem a finalidade de informar dados que possam influir no tratamento ou na medicação a ser receitada. É CONFIDENCIAL e deve ser entregue pessoalmente ao Cirurgião-Dentista. Responda cuidadosamente a pergunta apenas com um ou com um. No caso de resposta positiva, forneça detalhes. No item em que tiver dúvida, pergunte ao Cirurgião-Dentista antes de responder. Nome do Paciente: Data de Nascimento: SAÚDE GERAL Está ou esteve recentemente em tratamento médico? Está tomando algum remédio? Está grávida? Se sim, de quantos meses? Está tomando anticoncepcional? Alguma vez teve que suspender o uso de algum remédio? Tem alergia? É sensível a metais ou ao látex? É diabético? Tem anemia? Tem asma? É HIV positivo? É sujeito a infecções? Tem epilepsia ou ataques nervoso? Já teve convulsões alguma vez? Se sim, a que? Costuma desmaiar ou sentir tonturas com frequência? Tem pressão alta ou baixa? Usa marca-passo ou válvula cardíaca artificial? Tem articulações artificiais ou usa prótese? Tem formigamento ou inchaço mas extremidades? Quando se fere sangra muito ou demora para cicatrizar? Fuma ou consome qualquer variedade de tabaco? Já foi operado? Se sim, do que? Tem problema cardíaco, gástricos, renais, hepáticos ou outros que mereçam cuidados? Tem alguma outra informação importante sobre sua saúde que não tenhamos perguntado aqui? Local e data Assinatura do Paciente ou Responsável 3

4 SAÚDE BUCAL Respira bem pelo nariz? Sente alguma dificuldade ou barulho ao abrir a boca? Sente dores na articulação da mandíbula, no ouvido ou na face? Range os dentes? Mastiga dos dois lados da boca? Acha que consegue mastigar bem os alimentos? Tem hábito de mascar chiclete ou bala? Ingere muito doce? Toma café ou outros líquidos escuros com muita frequência? Costuma comer fora de hora? Escova os dentes depois? Sente sua gengiva inchada ou dolorida? Sua gengiva sangra frequentemente ou quando escova os dentes? Já teve instruções de higiene bucal? Quantas vezes ao dia escova os dentes? Uma Duas Três Mais de três Quantas vezes ao dia usa o fio dental? Uma Duas Três uso Faz regulamente bochecho ou gargarejo com algum produto próprio para isso? Com que frequencia vai ao dentista ao ano? Uma Duas Três Mais de três Quando foi seu último tratamento odontológico? Concluiu? Se não, por quê? Já tomou anestesia local para tratar ou extrair dentes? Correu tudo bem? Declaro que as informações aqui prestadas são verdadeiras. Local e data Assinatura do Paciente ou Responsável OBSERVAÇÕES DO CIRURGIÃO-DENTISTA: 4

5 FOTOS INICIAIS - Extra-Bucais DATA: IDADE: Anos: Meses: 5

6 FOTOS INICIAIS - Intra-Bucais DATA: IDADE: Anos: Meses: 6

7 RADIOGRAFIAS - PANORÂMICA / TELERRADIOGRAFIA / PERIAPICAIS 7

8 Análise Radiográfica Anodontias: Dentes Inclusos ou Impactados: Terceiros Molares: Fase Coronária Início de Raiz Meio de Raiz Apical Raiz Completa Tratamentos Endodônticos: Alterações de Imagens Radiográficas: Espaço Nasofaríngeo: Espaço Bucofaríngeo: Exame Radiográfico - PANORÂMICA OBS: Exame Radiográfico - TELERRADIOGRAFIA Adenóides: OBS: Exame Radiográfico - PERIAPICAIS OBS: RAÍZES DENTÁRIAS: CRISTA ÓSSEA ALVEOLAR: 8

9 DISCREPÂNCIA DE MODELOS NANCE - Dentição Permanente Análise de Nance - Data: / / ARCO SUPERIOR 5 / 4 3 / 2 / 1 1/ 2 / 3 4 / 5 Total EP ER DM Análise de Nance - Data: / / ARCO INFERIOR 5 / 4 3 / 2 / 1 1/ 2 / 3 4 / 5 Total EP ER DM Resultado: OBS: DISCREPÂNCIA DE MODELOS MOYERS - Dentição Mista Soma de probabilidade para predizer a soma da largura dos 3, 4 e 5 a partir dos / % % ARCO INFERIOR - Data: / / ARCO SUPERIOR - Data: / / Espaço Presente Espaço Presente Espaço Presente Espaço Presente EPi ant.= 21 12= EPi ant.= 21 12= EPi D= 543= EPi D= 543= EPi E= 345= EPi E= 345= mm para os incisivos= mm para os incisivos= mm para os 543= mm para os 543= mm para os 345= mm para os 345= DMi= DMi= Resultado: OBS: 9

10 DISCREPÂNCIA DE BOLTON Resultado: OBS: EXAME RADIOGRÁFICO - RX DE MÃO E PUNHO Índice Carpal / Fase: Pré-Puberal Puberal Pós-Puberal 10

11 DESENHO ANATÔMICO / TRAÇADO - Padrão USP 11

12 ANÁLISE CEFALOMÉTRICA - Padrão USP NC VO Data: / / FNP 88 NAP 0 SNA 82 SNB 80 ANB 2 SND 76 NS.Gn 67 NS.Plo 14 NS.GoMe 32 GoMe.Plo NS NA 22 1-NA 4mm 1.NB 25 1-NB 1-NP 4mm 0mm H.NB 9-11 H-Nariz 9-11mm P-NB mm Eminência Mentoniana mm FMA 25 FMIA 68 IMPA 87 12

13 1. Padrão do esqueleto cefálico: ANÁLISE CEFALOMÉTRICA - Padrão USP - SUMÁRIO 2. Relação das bases apicais: 3. Relação entre os arcos dentais e as bases apicais: 4. Relação entre o perfil ósseo e o perfil mole: 5. Relação entre os arcos dentais: 13

14 DESENHO ANATÔMICO / TRAÇADO - Padrão MacNamara 14

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA Nome do Paciente: Orientador(es): Nome do Aluno: QUALIFICAÇÃO Nome: Data: Nacionalidade: Naturalidade: Etnia: Gênero: Data Nascimento: IDADE: Anos: Meses: Endereço:

Leia mais

PUCPR - O.R.T.O.D.O.N.T.I.A - GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO F I C H A C L Í N I C A Nome do/a Paciente: Número: 1.0 IDENTIFICAÇÃO DO PACIENTE 1.1 Nome: 1.2 Data de Nascimento: Sexo: F M Idade: 1.3 Peso: Kg

Leia mais

Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2

Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2 Documentação Ortodôntica Turma de Aperfeiçoamento Clínico A2 Documentação Ortodôntica É a organização sistemática de elementos que conduzem a um diagnóstico e planejamento, associado à informações de extrema

Leia mais

Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso

Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso Caso Clínico Tratamento da má oclusão de Classe II divisão 1 a, através de recursos ortodônticos e ortopédicos faciais (funcionais e mecânicos): relato de caso José Euclides Nascimento* Luciano da Silva

Leia mais

TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE PRÉ-MOLAR

TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE PRÉ-MOLAR Miguel da Nóbrega Médico Especialista em Estomatologia DUO Faculdade de Cirurgia Dentária Universidade Toulouse miguel.nobrega@ortofunchal.com TRATAMENTO DE UMA CLASSE II COM IMPACTAÇÃO DE CANINO E DE

Leia mais

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE

FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA CETASE CENTRO DE ESTUDOS E TRATAMENTO DAS ALTERAÇÕES FUNCIONAIS DO SISTEMA ESTOMATOGNÁTICO Área de Prótese Fixa e Escultura Dental FICHA CLÍNICA 1 - Dados Pessoais

Leia mais

2. Quando o implante dental é indicado?

2. Quando o implante dental é indicado? Dúvidas sobre implantodontia: 1. O que são implantes? São cilindros metálicos (titânio) com rosca semelhante a um parafuso que são introduzidos no osso da mandíbula (arco inferior) ou da maxila (arco superior),

Leia mais

RADIOLOGIA EM ORTODONTIA

RADIOLOGIA EM ORTODONTIA RADIOLOGIA EM ORTODONTIA Sem dúvida alguma, o descobrimento do RX em 1.895, veio revolucionar o diagnóstico de diversas anomalias no campo da Medicina. A Odontologia, sendo área da saúde, como não poderia

Leia mais

Importância do exame radiográfico

Importância do exame radiográfico Exames e Indicações Importância do exame radiográfico O exame radiográfico de rotina associado ao exame clínico é a maneira mais efetiva de se obter o índice diagnóstico de 100% de cárie (segundo Estevam

Leia mais

QUESTIONÁRIO MÉDICO. Telefone (casa): Telefone (emprego): Telefone (outro):

QUESTIONÁRIO MÉDICO. Telefone (casa): Telefone (emprego): Telefone (outro): QUESTIONÁRIO MÉDICO Nome (completo): Morada: Telefone (casa): Telefone (emprego): Telefone (outro): Estado civil: Profissão: Centro de Saúde a que pertence e respectivo n.º do processo: Qual é o seu estado

Leia mais

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL Montagem das Pastas As pastas devem estar organizadas na seguinte ordem: I- Externo Página Título: colocar na capa frontal da pasta (a capa tem um envelope plástico para esta finalidade). BOARD BRASILEIRO

Leia mais

Saúde do Paciente. Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis

Saúde do Paciente. Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis Exame Clínico Em Ortodontia Dados Referentes à Identificação Pessoal do Paciente e Responsáveis Nome Gênero Dt Data de Nascimento; Pêso Altura; Endereço Telefone (recados); Pai Mãe Profissões Telefones;

Leia mais

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS

INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS [Digite texto] INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE FUNORTE / SOEBRÁS LEVANTAMENTO DOS VALORES CEFALOMÉTRICOS CONSULTADOS POR PROFESSORES DE ORTODONTIA PARA ESCLARECER O DIAGNÓSTICO E O PLANEJAMENTO DO TRATAMENTO

Leia mais

ELEMENTOS ESSENCIAIS DIAGNÓSTICO. Prof. Hélio Almeida de Moraes.

ELEMENTOS ESSENCIAIS DIAGNÓSTICO. Prof. Hélio Almeida de Moraes. ELEMENTOS ESSENCIAIS DE DIAGNÓSTICO Prof. Hélio Almeida de Moraes. ÍNDICE INTRODUÇÃO 1 Documentação do Paciente: 2 1- Ficha Clínica:- 2 A- Identificação: 2 B- Anamnese: 3 História da Família 3 História

Leia mais

Solicitação de Exames

Solicitação de Exames Solicitação de Exames Dr. Fábio Eduardo Maiello Monteiro Alves CROSP: 85.833 Paciente: Data: / / Solicito os exames assinalados com a finalidade de: Entregar no consultório Enviar por E-mail Atualizar

Leia mais

SUGESTÃO DE MODELO DE PRONTUÁRIO ODONTOLÓGICO CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DE SÃO PAULO

SUGESTÃO DE MODELO DE PRONTUÁRIO ODONTOLÓGICO CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DE SÃO PAULO FICHA CLÍNICA (Identificação do Profissional) NOME DO PROFISSIONAL CIRURGIÃO-DENTISTA - CLÍNICO GERAL CROSP N Endereço completo INFORMAÇÕES DO PACIENTE Prontuário n. Nome: RG. n. Órgão Expedidor CPF n.

Leia mais

Diretrizes Assistenciais

Diretrizes Assistenciais Diretrizes Assistenciais Protocolo de Tratamento Odontológico Versão eletrônica atualizada em Janeiro 2009 A EQUIPE DE SAÚDE BUCAL NA UTMO Fernanda de Paula Eduardo Letícia Mello Bezinelli Pacientes que

Leia mais

ANEXO 1 FICHA CLÍNICA. (Identificação do Profissional) NOME DO PROFISSIONAL CIRURGIÃO-DENTISTA - CLÍNICO GERAL CRO-(UF) N Endereço completo

ANEXO 1 FICHA CLÍNICA. (Identificação do Profissional) NOME DO PROFISSIONAL CIRURGIÃO-DENTISTA - CLÍNICO GERAL CRO-(UF) N Endereço completo ANEXO 1 FICHA CLÍNICA (Identificação do Profissional) NOME DO PROFISSIONAL CIRURGIÃO-DENTISTA - CLÍNICO GERAL CRO-(UF) N Endereço completo (Identificação do Paciente e do Responsável pelo Tratamento) Prontuário

Leia mais

IGC - Índice do Grau de Complexidade

IGC - Índice do Grau de Complexidade IGC - Índice do Grau de Complexidade Uma medida da complexidade do caso DI -American Board of Orthodontics Autorização American Board of Orthodon1cs- ABO Atualização: 13.05.2013 12. Outros Itens pontuados

Leia mais

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários Nosso consultório odontológico está equipado para oferecer ao produtor rural todos os tratamentos odontológicos disponíveis na atualidade. Segue abaixo uma discriminação detalhada de cada tratamento oferecido

Leia mais

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Doenças Periodontais Tratamento e Prevenção 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Gengivite e Periodontite Guia para o paciente Aprenda mais sobre as Doenças Periodontais (de gengiva) As doenças

Leia mais

É a etapa inicial do tratamento do canal, consiste em o dentista atingir a polpa dentária (nervinho do dente).

É a etapa inicial do tratamento do canal, consiste em o dentista atingir a polpa dentária (nervinho do dente). É a etapa inicial do tratamento do canal, consiste em o dentista atingir a polpa dentária (nervinho do dente). Consiste na regularização do alvéolo (local onde está inserido o dente), geralmente após a

Leia mais

INFORMAÇÕES SOBRE O DOENTE (Preencher em maiúsculas)

INFORMAÇÕES SOBRE O DOENTE (Preencher em maiúsculas) INFORMAÇÕES SOBRE O DOENTE (Preencher em maiúsculas) Nome do doente de nascimento Idade Sexo M F NISS_ Morada Cidade Estado Código postal Tel. Tlm. E-mail Quem nos recomendou ou como nos descobriu? CONTACTO

Leia mais

SECRETARIA DA COMISSÃO INTERMINISTERIAL PARA OS RECURSOS DO MAR. Atestado de Aptidão de Saúde para realizar Viagens à Ilha Trindade

SECRETARIA DA COMISSÃO INTERMINISTERIAL PARA OS RECURSOS DO MAR. Atestado de Aptidão de Saúde para realizar Viagens à Ilha Trindade SECRETARIA DA COMISSÃO INTERMINISTERIAL PARA OS RECURSOS DO MAR Atestado de Aptidão de Saúde para realizar Viagens à Ilha Trindade Certifico que o(a) Sr.(a) foi examinado (a) de acordo com as instruções

Leia mais

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44 Mitos e Verdades da Odontologia Mitos: Quanto maior e colorida for nossa escova dental, melhor! Mentira. A escova dental deve ser pequena ou média para permitir alcançar qualquer região da nossa boca.

Leia mais

Exame do Sistema Estomatognático usando Análise Oclusal e Índice Epidemiológico para DCMs. Ana Carla Rios

Exame do Sistema Estomatognático usando Análise Oclusal e Índice Epidemiológico para DCMs. Ana Carla Rios Exame do Sistema Estomatognático usando Análise Oclusal e Índice Epidemiológico para DCMs Ana Carla Rios O Exame do Sistema Estomatognático utilizando a análise oclusal é parte importante do processo diagnóstico

Leia mais

LINK CATÁLOGO DE EXAMES

LINK CATÁLOGO DE EXAMES Porque pedir um exame radiográfico? LINK CATÁLOGO DE EXAMES O exame radiográfico é solicitado para a visualização clinica das estruturas ósseas da cavidade bucal. Para isso, existem as mais diversas técnicas

Leia mais

o que é boca seca? Por que precisamos da saliva?

o que é boca seca? Por que precisamos da saliva? Você sente a boca seca quando não há saliva suficiente para manter sua boca molhada. boca seca o que é boca seca? Por que você fica com a boca seca? Alguns remédios podem fazer com que sua boca fique seca,

Leia mais

MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE

MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE SAÚDE BUCAL Para ter um sorriso bonito, saudável e com hálito bom, é preciso: Escovar os dentes, utilizando uma escova de dente de tamanho adequado

Leia mais

Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS. Informação ao paciente. Degussa Dental

Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS. Informação ao paciente. Degussa Dental Para todos os casos! Implantes-ANKYLOS Informação ao paciente Degussa Dental Fornecido pelo seu cirurgião-dentista: Prezado(a) paciente, Mais cedo ou mais tarde acontece com cada um de nós: os primeiros

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO Faculdade de Odontologia Departamento de Odontopediatria e Ortodontia DISCIPLINAS DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ODONTOPEDIATRIA 1. ODONTOPEDIATRIA PROFESSOR RESPONSÁVEL:

Leia mais

Dicas para a Saúde Bucal do seu Bebê

Dicas para a Saúde Bucal do seu Bebê Dicas para a Saúde Bucal do seu Bebê Cirurgiã-Dentista CROSP 52214 Mamãe Você pode muito para influenciar positivamente a saúde e o bem-estar do seu filho! A gestação é um período muito importante para

Leia mais

SAÚDE BUCAL DO ADOLESCENTE

SAÚDE BUCAL DO ADOLESCENTE SAÚDE BUCAL DO ADOLESCENTE Texto montado a partir dos manuais: MINAS GERAIS. Secretaria de Estado de Saúde. Atenção à saúde do adolescente: Belo Horizonte: SAS/MG, 2006. p. 75-79. BARROS, Claudia Márcia

Leia mais

Neste módulo, vamos fazer perguntas sobre a saúde bucal (dentes e gengivas) e assistência odontológica.

Neste módulo, vamos fazer perguntas sobre a saúde bucal (dentes e gengivas) e assistência odontológica. Módulo U. Saúde Bucal Neste módulo, vamos fazer perguntas sobre a saúde bucal (dentes e gengivas) e assistência odontológica. U1. Com que frequência o(a) sr(a) escova os dentes? 1. Nunca escovei os dentes

Leia mais

Cuidados profissionais para a higiene bucal HIGIENE BUCAL

Cuidados profissionais para a higiene bucal HIGIENE BUCAL HIGIENE BUCAL A Higiene bucal é considerada a melhor forma de prevenção de cáries, gengivite, periodontite e outros problemas na boca, além de ajudar a prevenir o mau-hálito (halitose). Higiene bucal é

Leia mais

Doença Periodontal Orientações para manter uma boca saudável Anatomia Estrutura saudável Gengivas A A figura mostra as gengivas de uma pessoa que tenha a constituição clara. As pessoas de pele escura têm

Leia mais

Orientação para interessados em tratamento ortodôntico

Orientação para interessados em tratamento ortodôntico 1 Orientação para interessados em tratamento ortodôntico Dras. Rosana Gerab Tramontina e Ana Carolina Muzete de Paula Ortodontia é a ciência que estuda o crescimento e o desenvolvimento da face e das dentições

Leia mais

Extração Seriada, uma Alternativa

Extração Seriada, uma Alternativa Artigo de Divulgação Extração Seriada, uma Alternativa Serial Extraction, an Alternative Procedure Evandro Bronzi Resumo A extração seriada é um procedimento ortodôntico que visa harmonizar

Leia mais

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior

Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior A RTIGO DE D IVULGA ÇÃO Tratamento de Classe II, Divisão 1, com ausência congênita de incisivo lateral superior Roberto M. A. LIMA FILHO*, Anna Carolina LIMA**, José H. G. de OLIVEIRA***, Antonio C. de

Leia mais

A Importância da Saúde Bucal. na Saúde Geral

A Importância da Saúde Bucal. na Saúde Geral PALESTRA A Importância da Saúde Bucal na Saúde Geral A saúde começa pela boca Os dentes são importantes na mastigação dos alimentos, fala, e estética, influenciando diretamente na auto-estima do indivíduo

Leia mais

Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe III esquelética e Classe III dentária.

Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe III esquelética e Classe III dentária. Miguel da Nóbrega Médico Especialista em Estomatologia DUO Faculdade de Cirurgia Dentária Universidade Toulouse miguel.nobrega@ortofunchal.com Tratamento ortodôntico - cirúrgico de um caso clínico de Classe

Leia mais

Diagnóstico e Planejamento. Caracteríticas dos modelos: Anamnese Exame Clínico Exame Radiográfico Cefalometria Análise Facial. Análise de Modelos

Diagnóstico e Planejamento. Caracteríticas dos modelos: Anamnese Exame Clínico Exame Radiográfico Cefalometria Análise Facial. Análise de Modelos Análise de Mdl Modelos Anamnese Exame Clínico Exame Radiográfico Cefalometria Análise Facial Análise dos Modelos Diagnóstico e Planejamento Daniel G. Teixeira Diagnósticog e Planejamento; Avaliação do

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR Atuação e conceitos da Odontologia Hospitalar e Medicina Oral A Odontologia exercida pela grande maioria dos dentistas brasileiros enfoca

Leia mais

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS INSTITUCIONAL 31 anos no mercado odontológico; Presença com sedes em 10 cidades brasileiras, dentre elas 9 capitais; Solidez e tradição na atenção à Saúde Bucal; Mais de 2 milhões de beneficiários; Mais

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde www.saude.gov.br/bvs

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde www.saude.gov.br/bvs MINISTÉRIO DA SAÚDE Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde www.saude.gov.br/bvs Brasília DF 2012 O Sistema Único de Saúde (SUS) possui o Programa Brasil Sorridente, criado para cuidar da saúde

Leia mais

Placa bacteriana espessa

Placa bacteriana espessa A IMPORTÂNCIA DA SAÚDE BUCAL A saúde bucal é importante porque a maioria das doenças e a própria saúde começam pela boca. Por exemplo, se você não se alimenta bem, não conseguirá ter uma boa saúde bucal,

Leia mais

Cobertura dos Planos Odontológicos OdontoPrev

Cobertura dos Planos Odontológicos OdontoPrev Cobertura dos Planos Odontológicos OdontoPrev Plano Integral... TRATAMENTO AMBULATORIAL/DIAGNÓSTICO Consulta EMERGÊNCIA Colagem de fragmentos (consiste na recolocação de partes de dente que sofreu fratura,

Leia mais

QUEIXA PRINCIPAL: EXAME ESTÉTICO

QUEIXA PRINCIPAL: EXAME ESTÉTICO O texto abaixo é um parte do capítulo I do livro manual simplificado de diagnóstico e planejamento em ortodontia e ortopedia que pode ser adquirido em nosso site. Os colegas que não frequentaram cursos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CAMPUS DE SOBRAL CURSO DE ODONTOLOGIA PATOLOGIA GERAL E ORAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ CAMPUS DE SOBRAL CURSO DE ODONTOLOGIA PATOLOGIA GERAL E ORAL SUB- PATOLOGIA GERAL E ORAL Estomatologia Métodos de Diagnóstico I e II Processos Patológicos PROGRAMA SUGERIDO (PROVA ESCRITA / DIDÁTICA / PRÁTICA) - TEMAS 1. Cistos dos maxilares. 2. Neoplasias benignas

Leia mais

Como a palavra mesmo sugere, osteointegração é fazer parte de, ou harmônico com os tecidos biológicos.

Como a palavra mesmo sugere, osteointegração é fazer parte de, ou harmônico com os tecidos biológicos. PRINCIPAIS PERGUNTAS SOBRE IMPLANTES DENTÁRIOS. O que são implantes osseointegrados? É uma nova geração de implantes, introduzidos a partir da década de 60, mas que só agora atingem um grau de aceitabilidade

Leia mais

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada?

Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? Cirurgia Ortognática e Estética Facial: Qual sua importância na Odontologia Integrada? A avaliação da estética facial, bem como sua relação com a comunicação e expressão da emoção, é parte importante no

Leia mais

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais.

METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO. A margem de erro máxima para o total da amostra é 2,0 pontos percentuais. METODOLOGIA METODOLOGIA AMOSTRA ABRANGÊNCIA PERÍODO MARGEM DE ERRO 2.085 pessoas foram entrevistadas, a partir de 16 anos, de todos os níveis econômicos em todas as regiões do país. As entrevistas foram

Leia mais

FECHAMENTO DE ESPAÇOS

FECHAMENTO DE ESPAÇOS FECHAMENTO DE ESPAÇOS Rua 144, n 77 - Setor Marista - Goiânia (GO) - CEP 74170-030 - PABX: (62) 278-4123 - 1 - Introdução Podemos definir essa etapa do tratamento ortodôntico como aquela onde o principal

Leia mais

Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética

Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética Caso Clínico BBO Tratamento cirúrgico da má oclusão de Classe III dentária e esquelética Ione Helena Vieira Portella Brunharo 1 O preparo ortodôntico para tratamento cirúrgico do padrão esquelético de

Leia mais

Mordida Profunda Definição. Trespasse vertical

Mordida Profunda Definição. Trespasse vertical Mordida Profunda Definição Trespasse vertical Mordida Profunda Diagnóstico Os fatores que contribuem variam de acordo com a oclusão: u Em boas oclusões é determinda por fatores dentários: t Comprimento

Leia mais

Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1)

Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1) Artigo de Divulgação Tratamento Ortodôntico da Classe III, Subdivisão: Apresentação de um Caso Clínico (Parte 1) Treatment of a Class III, Subdivision Malocclusion: A Case Report (Part 1) Guilherme R.

Leia mais

Tomografia Computorizada Dental

Tomografia Computorizada Dental + Universidade do Minho M. I. Engenharia Biomédica Beatriz Gonçalves Sob orientação de: J. Higino Correia Tomografia Computorizada Dental 2011/2012 + Casos Clínicos n Dentes privados do processo de erupção

Leia mais

Cronologia dental. Professor: Bruno Aleixo Venturi. Hermann Blumenau Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal

Cronologia dental. Professor: Bruno Aleixo Venturi. Hermann Blumenau Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal Cronologia dental Professor: Bruno Aleixo Venturi Hermann Blumenau Complexo Educacional Curso Técnico em Saúde Bucal Anatomia dental A Anatomia dental é um segmento dedicado ao estudo da estrutura dental

Leia mais

MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE

MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE MANTENHA SEU SORRISO FAZENDO A HIGIENE BUCAL CORRETAMENTE Brasília - DF 2013 ministério da Saúde SAÚDE BUCAL Para ter um sorriso bonito e saudável, é preciso: Escovar os dentes todos os dias, após cada

Leia mais

Informativo para pacientes com boca seca (xerostomia)

Informativo para pacientes com boca seca (xerostomia) Informativo para pacientes com boca seca (xerostomia) O nosso objetivo com este ebook é prover o leitor que padece de boca seca com informações úteis a fim de contribuir para a melhoria de sua qualidade

Leia mais

Guia para um. Sorriso Saudável

Guia para um. Sorriso Saudável Guia para um Sorriso Saudável Fotos meramente ilustrativas. Seja bem-vindo ao serviço odontológico do Sesc Rio! 3 Serviços Nosso serviço está disponível em diversas Unidades Operacionais, exclusivamente

Leia mais

ODONTOLOGIA CANINA. Introdução

ODONTOLOGIA CANINA. Introdução ODONTOLOGIA CANINA Juliana Kowalesky Médica Veterinária Mestre pela FMVZ -USP Pós graduada em Odontologia Veterinária - ANCLIVEPA SP Sócia Fundadora da Associação Brasileira de Odontologia Veterinária

Leia mais

Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik

Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik Schulzahnklinik Arbon Telefone: 071 446 65 61 Stacherholzstrasse 32 Fax: 071 446 65 67 9320 Arbon E-Mail: szk.arbon@psgarbon.ch

Leia mais

APARELHOS ORTODÔNTICOS. e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES. Ortodontia & Ortopedia Facial. Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117

APARELHOS ORTODÔNTICOS. e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES. Ortodontia & Ortopedia Facial. Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117 APARELHOS ORTODÔNTICOS e ORTOPÉDICOS CUIDADOS & CURIOSIDADES Dr. Guilherme Thiesen CRO-SC 6117 Ortodontia & Ortopedia Facial ORTODONTIA E Ortopedia Facial CUI CURI DADOS & OSIDADES Dr. Guilherme Thiesen

Leia mais

TABELA PARA O AGREGADO FAMILIAR. Tabela 2011

TABELA PARA O AGREGADO FAMILIAR. Tabela 2011 Dental Clinic New Generaction www.newgeneraction.com.pt Os sócios, colaboradores e familiares do SIT, poderão usufruir do Plano de Medicina Oral - DentalClinic New Generaction, mediante o pagamento de

Leia mais

CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA. APROVADO: MEC e CFO

CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA. APROVADO: MEC e CFO CRONOGRAMA CURSO ESPECIALIZAÇÃO EM ORTODONTIA APROVADO: MEC e CFO 1º. MÓDULO: 1º. DIA: Apresentação da Especialização / Aula teórica de Classificação das Más-oclusões 2º. DIA: Aula teórica de Etiologia

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON PROCEDIMENTOS ODONTOLÓGICOS

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A CERON PROCEDIMENTOS ODONTOLÓGICOS PROCEDIMENTOS ODONTOLÓGICOS PORTO VELHO 2003 1 PROCEDIMENTOS ODONTOLÓGICOS COLABORADOR/PROFISSIONAL 1. O Tratamento Odontológico somente poderá ser iniciado após retirada da guia de consulta no Setor Médico

Leia mais

CONHECIMENTOS GERAIS 05 QUESTÕES

CONHECIMENTOS GERAIS 05 QUESTÕES CONHECIMENTOS GERAIS 05 QUESTÕES 1. Na perspectiva de superar as dificuldades apontadas, os gestores do SUS assumem o compromisso público da construção do PACTO PELA SAÚDE 2006, que será anualmente revisado,

Leia mais

TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS

TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS TRATAMENTO ORTODÔNTICO DA MORDIDA ABERTA ANTERIOR EM PACIENTES ADULTOS Jorge Ferreira Rodrigues 1 Marcella Maria Ribeiro do Amaral Andrade 2 Ernesto Dutra Rodrigues 3 Resumo O tratamento ortodôntico da

Leia mais

Como Se Recuperar Após uma Cirurgia de Extração de Siso

Como Se Recuperar Após uma Cirurgia de Extração de Siso Como Se Recuperar Após uma Cirurgia de Extração de Siso O dente do siso começa a surgir na maioria das pessoas entre os 17 e 24 anos. Porém, em alguns, o siso não nasce completamente e causa dor, inchaços

Leia mais

MANUAL DE TRATAMENTO ORTODÔNTICO

MANUAL DE TRATAMENTO ORTODÔNTICO MANUAL DE TRATAMENTO ORTODÔNTICO ORIENTAÇÕES SOBRE TRATAMENTO ORTODÔNTICO Nunca é tão cedo ou tão tarde para pensar em aparelhos ortodônticos. Se o seu filho está em idade escolar, ou se está pensando

Leia mais

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo!

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! É uma honra para a OdontoGroup tê-lo como cliente. Afinal, são mais de 18 anos trabalhando para levar a você e à sua família uma das melhores e mais seguras coberturas

Leia mais

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 2 Manual de Orientação Julho/2013 (2 a edição) Indice Orientação ao Paciente Introdução 04 Implantes dentais 04 Titânio - a matéria-prima dos implantes 05 Osseointegração

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DAS AÇÕES DE SAÚDE BUCAL NA REDE DE SERVIÇOS DA SMSA DOCUMENTO AUXILIAR

DESENVOLVIMENTO DAS AÇÕES DE SAÚDE BUCAL NA REDE DE SERVIÇOS DA SMSA DOCUMENTO AUXILIAR PREFEITURA DE BELO HORIZONTE SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA DESENVOLVIMENTO DAS AÇÕES DE SAÚDE BUCAL NA REDE DE SERVIÇOS DA SMSA DOCUMENTO AUXILIAR COORDENAÇÃO TÉCNICA DE SAÚDE BUCAL

Leia mais

Cirurgiã Dentista, Especialista em Radiologia, Especializanda em Ortodontia PLANO DE CURSO

Cirurgiã Dentista, Especialista em Radiologia, Especializanda em Ortodontia PLANO DE CURSO C U R S O O D O N T O L O G I A Autorizado pela Portaria no 131, de 13/01/11, publicada no DOU no 11, de17/01/11, seção 1, pág.14 Componente Curricular: RADIOLOGIA Código: ODO-14 Pré-requisito: ANATOMIA

Leia mais

Palavras chaves: Traumatismos dentários ; Dentes decíduos ; Dentes permanentes

Palavras chaves: Traumatismos dentários ; Dentes decíduos ; Dentes permanentes TRAUMATISMO EM DENTES DECÍDUOS E SUA REPERCUSSÃO EM DENTES PERMANENTES JOVENS: RELATO DE CASO Márcia Cançado FIGUEIREDO 1 ;Sérgio Estelita Cavalcante BARROS 1 ;Deise PONZONI 1 Raissa Nsensele NYARWAYA

Leia mais

ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA

ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA 1 ANÁLISE DA DENTIÇÃO MISTA INTRODUÇÃO O período da dentição mista inicia-se por volta dos 6 anos de idade com a erupção dos primeiros molares permanentes, e termina ao redor dos 12 anos de idade, com

Leia mais

SAÚDE BUCAL EM. Edição Especial das Mães Odontologia IFG/ Câmpus Itumbiara

SAÚDE BUCAL EM. Edição Especial das Mães Odontologia IFG/ Câmpus Itumbiara SAÚDE BUCAL EM OCO Edição Especial das Mães Odontologia IFG/ Câmpus Itumbiara No mês de maio comemoramos o Dia das Mães, por isso elaboramos essa edição especial do informativo em homenagem às mães de

Leia mais

Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO

Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO SAÚDE BUCAL Dra. Rosângela Ap. de Freitas Albieri TSB: Andre Santos e Clarice R.Silva Secretaria Municipal de Saúde Centro de Especialidades Odontologicas- CEO ANATOMIA BUCAL ANATOMIA DENTAL TIPOS DE DENTES

Leia mais

MANTENEDORES DE ESPAÇO

MANTENEDORES DE ESPAÇO MANTENEDORES DE ESPAÇO Conceito São aparelhos ortodônticos usados para manter o espaço nas arcadas dentárias, por perda precoce de dentes decíduos. Classificação Quanto ao uso: fixos semifixos removíveis

Leia mais

manter um dente recém- período suficientemente prolongado correção ortodôntica que se conceito polêmico.

manter um dente recém- período suficientemente prolongado correção ortodôntica que se conceito polêmico. Introdução CONTENÇÕES EM ORTODONTIA em ortodontia é o procedimento para manter um dente recém- movimentado em posição por um período suficientemente prolongado para assegurar a manutenção da correção ortodôntica

Leia mais

INSTRUÇÕES CIRURGICAS

INSTRUÇÕES CIRURGICAS INSTRUÇÕES CIRURGICAS Estas orientações são feitas para que você entenda melhor o que irá ocorrer antes e depois de sua cirurgia. Leia com atenção, e siga corretamente as instruções que se aplicam ao seu

Leia mais

IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO

IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS MANUAL DE ORIENTAÇÃO DO PACIENTE DR. MARCOLINO ANTONIO PELLICANO DR. BENEDITO UMBERTO BUENO 1 IMPLANTES OSSEOINTEGRADOS PORQUE PODEM SER COLOCADOS QUANDO PODEM SER COLOCADOS COMO

Leia mais

2- Por que os dentes decíduos (de leite ou temporário) são importantes?

2- Por que os dentes decíduos (de leite ou temporário) são importantes? a) Tópicos Gerais 1- O que é Odontopediatria? É a especialidade da Odontologia que se preocupa com os cuidados bucodentários dos bebês, crianças e adolescentes. Esses cuidados não se restringem ao campo

Leia mais

Você sabe o que é cárie?

Você sabe o que é cárie? Clínica Geral Você sabe o que é cárie? Todo mundo acredita que a cárie é uma espécie de bichinho que vai comendo o dente! Mas na verdade, chamamos de cárie a deterioração do dente que é causada pelas bactérias

Leia mais

"UMA BOCA SAUDÁVEL NA IDADE ADULTA DEPENDE DOS CUIDADOS QUE FOREM MANTIDOS DESDE O BERÇO".O que é a Odontopediatria?

UMA BOCA SAUDÁVEL NA IDADE ADULTA DEPENDE DOS CUIDADOS QUE FOREM MANTIDOS DESDE O BERÇO.O que é a Odontopediatria? "UMA BOCA SAUDÁVEL NA IDADE ADULTA DEPENDE DOS CUIDADOS QUE FOREM MANTIDOS DESDE O BERÇO".O que é a Odontopediatria? A Odontopediatria é uma especialidade dentro da Medicina Dentária que oferece aos bebés,

Leia mais

Atendimento Emergencial... Consulta Clinica Geral... Prescrições de Medicamentos... Exames Clínicos Periódicos... RADIOGRAFIAS E EXAMES RADIOLÓGICOS

Atendimento Emergencial... Consulta Clinica Geral... Prescrições de Medicamentos... Exames Clínicos Periódicos... RADIOGRAFIAS E EXAMES RADIOLÓGICOS DESBAN Procedimentos YES EMPRESARIAL SPLIT Cobertura somente na rede credenciada YES EMPRESARIAL SPLIT PLUS Cobertura rede aberta (Reembolso) Atendimento Emergencial...... Consulta Clinica Geral......

Leia mais

CUIDE DOS SEUS DENTES

CUIDE DOS SEUS DENTES SENADO FEDERAL CUIDE DOS SEUS DENTES SENADOR CLÉSIO ANDRADE 2 Cuide dos seus dentes apresentação Pesquisas científicas comprovam que dentes estragados provocam outras doenças que aparentemente não têm

Leia mais

História Clínica da Criança

História Clínica da Criança História Clínica da Criança Nome do Pediatra Telefone Sim Não Seu filho está sob cuidados medicos agora?... Desde quando e porque? Seu filho toma alguma medicamento, vitaminas ou comprimidos de flúor?...

Leia mais

MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO

MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO MORDIDA ABERTA EM PACIENTES JOVENS. RELATO CLÍNICO UNIMEP Universidade Metodista de Piracicaba OPEN BITE IN YOUNG PATIENT. CLINICAL REPORT EVANDRO DA SILVA BRONZI Mestrando em Ortodontia na Faculdade de

Leia mais

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL. http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias

BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL. http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias BOARD BRASILEIRO DE ORTODONTIA E ORTOPEDIA FACIAL http://www.bbo.org.br [acesso em 15/02/2009, 07h30] Especificação dos Casos quanto às Categorias A escolha dos casos a serem apresentados deverá seguir

Leia mais

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações

Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa. subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações 1 INTRODUÇÃO Uma vez estando estabelecidos os conceitos de oclusão normal, a etapa subseqüente do processo de aprendizado passa a ser o estudo das variações desse padrão. Vale a pena relembrarmos a definição

Leia mais

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) AUTORES Ingryd Coutinho de Oliveira Priscila Cunha Nascimento Discentes da Graduação em Odontologia e Bolsistas de Ensino

Leia mais

INFORMÁTICA ANS GUIA TISS CERTIFICADO DIGITAL TABELA TUSS TABELA DE ATOS ESPECIALIDADES

INFORMÁTICA ANS GUIA TISS CERTIFICADO DIGITAL TABELA TUSS TABELA DE ATOS ESPECIALIDADES INFORMÁTICA ANS GUIA TISS CERTIFICADO DIGITAL TABELA TUSS TABELA DE ATOS ESPECIALIDADES 21/06/2014 A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) é a agência reguladora vinculada ao Ministério da Saúde

Leia mais

CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS

CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS CIRURGIAS ORTOGNÁTICAS Informações ao paciente Contém: 1. Explicação geral sobre cirurgias ortognáticas, 2. Perguntas e respostas, A cirurgia ortognática, também chamada de ortodontia cirúrgica, é um tipo

Leia mais

PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO

PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO PROGRAMA DE GERENCIAMENTO DAS GUIAS DE ENCAMINHAMENTO ODONTOLÓGICO PROGEO 1 1. PROPÓSITO Efetuar controle da Guias de Encaminhamentos Odontológicos em conformidade com a Circular 006/2007 da DSM e DGPM-401

Leia mais

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes?

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes? Implantes Dentários O que são implantes ósseos integrados? São uma nova geração de implantes, introduzidos a partir da década de 6O, mas que só agora atingem um grau de aceitabilidade pela comunidade científica

Leia mais