comunicação e controle de válvulas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "comunicação e controle de válvulas"

Transcrição

1 comunicação e controle de válvulas conectando o processo

2 Conectando o processo. StoneL. Nosso foco é permitir que os usuários do processo reduzam custos e aumentem o desempenho operacional por meio da adoção de tecnologias de comunicação comprovadas e baseadas em campo. Como resultado, a STONEL tornou-se o principal fornecedor de comunicação e controle de válvulas com o ValvePoint, além de soluções de rede de processo com o FieldLink. O programa FieldLink da STONEL permite que você conecte suas válvulas automatizadas e instrumentos industriais na sua arquitetura de controle de processo. O programa ValvePoint oferece uma ampla gama de produtos de comunicação e monitoramento que habilitam as válvulas automatizadas discretas para respostas e comunicação efetivas. Comprometemo-nos a oferecer válvulas excepcionais com produtos de qualidade superior que operem com segurança e consistência em ambientes de processo extremamente perigosos. Para sustentar esse compromisso, a STONEL implementou padrões de qualidade ISO 9001 e recebeu certificações de produtos a fim de cumprir os rigorosos padrões internacionais de proteção contra riscos. A STONEL fornece tecnologia de comunicação baseada em campo com componentes de rede de processo FieldLink e produtos de comunicação e controle de válvulas ValvePoint. $ de instalação por dispositivo $3.000,00 $2.500,00 $2.000,00 $1.500,00 $1.000,00 $500,00 $0 Convencional Adotando os sistemas padronizados de rede de comunicação da STONEL, os usuários geralmente economizam mais de 30% em comparação com os sistemas interligados convencionais.. Rede de comunicação Custo Economia Para completar nossa proposta de valor, a STONEL estabeleceu canais de distribuição competentes em todo o mundo para ajudar você durante o uso e para dar suporte aos nossos produtos. Estejam suas instalações localizadas na França, na Indonésia ou em Indiana, a STONEL tem um representante disponível para dar o suporte necessário para a conexão do seu processo. comunicação e controle de válvulas Entre em contato com o distribuidor mais próximo para obter assistência sobre aplicações, direcionando o seu navegador para a página

3 sumário Axiom Componentes eletrônicos avançados com controle pneumático integral Páginas 4-9 Prism Aplicações de diafragma e válvula angular Páginas Eclipse Compacto e modular com sensores de proximidade integrais Páginas Hawkeye Sensores Lineares Páginas Indicador visual Aberto/fechado, Configurações especiais e tridirecionais Páginas VCT/sensores Ampla gama de chaves e comunicações Páginas Quartz Versátil Resistente a explosões Plataforma de alumínio Páginas Ambiente de processamento Classificações de áreas e gráficos de compatibilidade química Páginas StoneL Corporation Nº da publicação S /09-BPT

4 Guia de Referência das Plataformas comunicação e controle de válvulas PÁGINAS PLATAFORMA CLASSIFICAÇÕES DE RISCO COMPARTIMENTO CLASSIFICAÇÕES Páginas 4-9 Axiom Classes I e II Div 1 e 2 intrinsecamente seguras Classe I Div 2 não inflamável Ex ia IIC T5 intrinsecamente seguro Ex na, nc IIC não inflamável (zona 2) Nema 4, 4X e 6 IP 67 CARACTERÍSTICAS Monitoramento discreto Terminal de comunicação (VCT) Controle pneumático discreto Diagnóstico Usa tecnologia avançada de sensor analógico APLICAÇÕES TÍPICAS Válvulas operadas pneumaticamente de 1/4 de volta Páginas Eclipse Classes I Div 1 e 2 intrinsecamente seguras Classe I Div 2 não inflamável Nema 4, 4X e 6C IP 67 Monitoramento discreto Terminal de comunicação (VCT) Usa sistema de módulo duplo Válvulas operadas pneumaticamente de 1/4 de volta Ex ia IIC T5 intrinsecamente seguro Ex na IIC não inflamável (zona 2) Páginas Quartz Classe I Div 1 e 2 à prova de explosões Classes I Div 1 e 2 intrinsecamente seguras Classe I Div 2 não inflamável Ex d IIC T5-T6 resistente a explosões Ex ia IIC T5 intrinsecamente seguro Ex na IIC não inflamável (zona 2) Nema 4, 4X e 6 IP 67 Monitoramento discreto e analógico Terminal de comunicação (VCT) Usa sistema de módulo duplo Usa chaves/sensores individuais (múltiplos de 2, 4 ou 6) e transmissores de posição Válvulas operadas pneumaticamente de 1/4 de volta Válvulas operadas manualmente de 1/4 de volta Posicionador montado Globo linear, portão (Comprimentos de curso de 1,25 cm a 15 cm) Páginas Prism Classes I Div 1 e 2 intrinsecamente seguras Classe I Div 2 não inflamável Ex ia IIC T5 intrinsecamente seguro Ex na IIC não inflamável (zona 2) Nema 4, 4X e 6 IP 67 Monitoramento discreto Terminal de comunicação (VCT) Controle pneumático discreto Usa sistema de módulo duplo Válvulas diafragma lineares Válvulas angulares lineares (Comprimentos de curso de 0,30 cm até 5 cm) Páginas Hawkeye Classes I Div 1 e 2 intrinsecamente seguras Classe I Div 2 não inflamável Nema 4, 4X e 6 IP 67 Monitoramento discreto Sensores/chaves singelas Globo reta, portinhola (Comprimentos de curso de 1 cm até ilimitado) Ex na IIC não inflamável (zona 2) 2

5 Guia de referência de chave/vct comunicação e controle de válvulas PÁGINA FUNÇÃO CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS APLICAÇÃO Sensores/chaves de estado sólido AXIOM (2) Chaves SST N.A. (SPST) 0,25 A a 125 VCC/125 VCA Entradas para computador CA e CC (2) Saídas Namur (EN ) I<1 ma até I>2,1mA a 5 até 25 VCC Entrada de barreira de repetidor intrinsecamente segura ECLIPSE, PRISM E QUARTZ (2) Chaves SST N.A. 0,30 A a 24 VCC ou 125 VCA Entradas para computador CA e CC (2) Sensores Namur (EN ) I<1 ma até I>3 ma a 5 até 25 VCC Entrada de barreira de repetidor intrinsecamente segura QUARTZ 38 X Chaves SST N.A. (LED) 0,30 A a 24 VCC ou 125 VCA Entradas para computador CA e CC (modelos de 4 e 6 chaves) HAWKEYE (1) Chaves SST N.A. 0,30 A a 24 VCC ou 125 VCA Entradas para computador CA e CC (1) Namur (EN ) I<1 ma até I>3 ma a 5 até 25 VCC Entrada de barreira de repetidor intrinsecamente segura Terminais de comunicação de válvula (VCTs) AXIOM, ECLIPSE, PRISM E QUARTZ *Não se aplica ao ECLIPSE DeviceNet 2 DI e 2 DO, 1 AI auxiliar Rede de 4 fios com 62 dispositivos/segmento Foundation Fieldbus* 2 DI e 2 DO Rede de baixa potência intrinsecamente segura de 2 fios (saídas alimentadas pela rede de comunicação) Foundation Fieldbus* 2 DI e 2 DO (saídas alimentadas externamente) Rede de comunicação de 4 fios para saídas de alta potência ModBus 2 DI e 2 DO, 1 AI auxiliar Rede de comunicação tradicional de 4 fios AS-Interface 2 DI e 2 DO, 2 DI auxiliares (2 DI e 1DO com AXIOM de diagnóstico) AS-Interface 2 DI e 1 DO, 2 DI auxiliares (endereçamento estendido) Maxx-Guard (chaves de proximidade hermeticamente vedadas) QUARTZ Rede de comunicação discreta de 2 fios (31 dispositivos/rede) Mesmo que 96, com 62 dispositivos/rede 38 G SPDT (contatos de ródio) 0,30 A a 24 VCC; 0,20 A a 120 VCA Entrada de computador para circuitos CA e CC 38 H SPDT (contatos de tungstênio) 240 VCA máx.; 3 A máx. Entradas para computador CA e chaves de alta potência 100 Watts máx.; 2,0 Watts mín. 38 J SPST passivo (contatos de rutênio) 0,15 A a 30 VCC Entrada de chaves passivas intrinsecamente segura 38 L SPST (LED); (contatos de rutênio) 0,15 A a 30 VCC/125 VCA Entrada de computador para circuitos CA e CC 38 M SPDT; passivo (contatos de ródio) 0,15 A a 24 VCC Entrada de chaves passivas intrinsecamente segura 38 P SPST (contatos de rutênio) 0,15 A a 30 VCC/125 VCA Entrada de computador para circuitos CA e CC 38 S SPDT (LED); (contatos de tungstênio) 0,30 A a 125 VCA Entradas para computador CA e chaves de alta potência ND Y Somente expedidor SPDT (3 chaves); (contatos de tungstênio) 0,30 A a 125 VCA Circuito de chaves solenóides Mecânica QUARTZ 39 V SPDT 10 A a 125/250 VCA; 0,5 A a 125 VCC 39 W Contato de ouro SPDT 1,0 A a 125 VCA; 0,5 A a 30 VCC Entradas para computador CA e chaves de alta potência Entradas para computador CA e CC; intrinsecamente seguras; vida útil limitada (2) Chaves DPDT 4,5 A a 125/250 VCA Entradas para computador CA e chaves de alta potência Outros sensores QUARTZ ND N Sensores NAMUR P+F (EN ) ND F Sensor de fonte PNP de 3 fios P+F I<1 ma até I>3 ma a 6 até 29 VCC Entrada de barreira de repetidor intrinsecamente segura 0,10 A a 10 até 30 VCC Estado sólido especial com entradas à prova de fuga de corrente Transmissor de posição QUARTZ 39 5 Padrão 4 até 20 ma a 10 até 40 VCC Retroalimentação analógica padrão sem vibração mecânica 39 7 Alto desempenho 4 até 20 ma a 10 até 40 VCC Retroalimentação analógica de longa vida útil à alta vibração 3

6 Axiom O AXIOM é um dispositivo discreto de comunicação e controle de válvulas para válvulas automatizadas de um quarto de volta (patente pendente). Seu sensor de posição avançado oferece um desempenho com durabilidade e confiabilidade, com configurações que podem ser feitas com rapidez e conveniência através de botões de membrana. A válvula piloto pneumática integral oferece recursos modernos que aumentam o desempenho operacional do sistema de válvulas automatizadas. Além disso, a construção sólida do AXIOM é resistente aos ambientes industriais mais exigentes O AXIOM é inoxidável, temporariamente submersível e adequado para o uso em áreas de risco. Projetado para NEMA 4, 4X e 6; (IP67) Div 2 Classe I e II não inflamável (Ex na, Zona 2) e Div 1 e 2 Classe I e II (Ex ia, Zonas 0, 1 e 2) intrinsecamente seguro. 2. O compartimento durável de alta resistência e o tubo de distribuição pneumático são construídos em alumínio anodizado e revestidos com epóxi. A tampa resistente a impacto é feita de policarbonato Lexan de alta resistência. Todos os prendedores são de aço inoxidável Indicação mecânica e eletrônica de alta visibilidade - confirma a posição ABERTO/FECHADO e o status do solenóide para maior segurança e conveniência. 4. Solenóide universal à prova de combustão funciona com menos de 0,6 watt de energia e a versão padrão aceita 24 VCC ou 120 VCA, reduzindo as necessidades de estoque. 5. Os componentes eletrônicos de leitura, comutação e comunicação são vedados e conservados dentro do módulo de função para serem protegidos contra umidade, vibração e oxidação residuais. 6. Sistema de sensor de posição de alta precisão é de estado sólido sem pontos de desgaste móveis para um retorno de posição de grande confiabilidade e precisão. 7. Ajustes através de botões de membrana para configurações precisas de posição de trava Aberto e Fechado. As configurações ficam travadas quando a energia é desligada e reaplicada. 8. Válvula pneumática integral funciona com ar comprimido industrial padrão e percorre a maior parte dos atuadores em menos de 2 segundos. 9. A fiação e o acesso para manutenção são feitos de maneira rápida e conveniente facilitando a instalação e a configuração. 10. O posicionamento interno da válvula pneumática manual é padrão, possibilitando o funcionamento local da válvula automatizada. 11. A válvula padrão pentadirecional de duas posições funciona com atuadores duplos e individuais e tem um circulador para fornecer ar comprimido para a mola do atuador a fim de evitar os corrosivos. 12. O AXIOM se encaixa perfeitamente aos acessórios de atuadores VDI/VDE 3845 (Namur) tamanhos 1 e 2 e podem ser facilmente adaptados a outras aplicações de atuador. 4

7 Controle pneumático O sistema de válvula pneumática do AXIOM consiste em um piloto de baixa potência que controla a válvula de carretel principal de alta vazão. Os pilotos podem ser selecionados para aplicações convencionais, intrinsecamente seguras ou de rede de comunicação. Os dois estágios do sistema de válvula pneumática foram projetados para oferecer vida útil prolongada, alta tolerância a contaminantes do ar e facilidade de manutenção caso os componentes fiquem sujos. Características especiais O desenho do cabeçote piloto e da bobina principal oferece vida útil prolongada, tolerância excepcional à sujeira do ar e excelente isolamento. A válvula de carretel e a válvula piloto podem ser removidas e limpas caso contaminantes muito grandes se alojem nelas. O solenóide universal pode ser usado para aplicações CA ou CC padrão. A configuração pentadirecional com duas posições de retorno à mola pode ser usada para atuadores de efeito simples ou duplo. As versões de pistão horizontal de bobina dupla também estão disponíveis para falhas na última posição. O consumo de baixa potência de solenóide reduz o fluxo da corrente em redes de comunicação, possibilitando mais unidades e maiores distâncias em um único segmento. Canais de circulação renovam o ar do lado pressurizado do atuador para o lado da mola, impedindo a ingestão de ar contaminado do ambiente que pode corroer as molas ou o interior dos atuadores. O posicionamento manual interno padrão permite fácil instalação. Atuador de retorno à mola comunicação e controle de válvulas Especificações da válvula pneumática Tipo de válvula Válvula de carretel operada por piloto Opções de operador piloto Bobina solenóide ou tipo piezo 1 Piloto individual Retorno a mola pentadirecional com duas posições Piloto duplo Pistão horizontal pentadrecional, com duas posições Classificação do fluxo 0,70 Cv (Kv=0,60 baseado na unidade de fluxo m3/h) Conexão NPT de (1/4") Pressão de operação 40 a 120 psi (2,7 a 7,5 bar) Requisitos de filtragem 40 mícrons (tipo piezo, 30 mícrons) Temperatura de operação 2 Consulte as especificações do piloto abaixo Vida operacional 1 milhão de ciclos Posicionamento manual Interno momentâneo Material de construção Bobina Alumínio revestido de níquel Corpo Alumínio anodizado revestido com epóxi Espaçador em O Polissulfona Tampas e prendedores Aço inoxidável Anéis em O Composto de nitrilo Piloto tipo piezo 1 Requisitos de filtragem Seco/30 mícrons Temperatura de operação -10 a 60 C (14 a 140 F) Energia CC 2 ma a 6,5 VCC Piloto solenóide 2 Classificações elétricas Opção H 0,6 watt a 22 VCC mín., até 130 VCA máx. 0,5 watt VCC Opção E (I.S.) Amplitude de tensão operacional Opção D 0,5 watt a 24 VCC Consumo de corrente CA 18 ma (1H ou 2H) Temperatura de operação -18 a 50 C (0 a 122 F) 2 Parâmetros da entidade para IS Ui =28 VCC Ii =120 ma Ci =0 Li =0 Pi =1,0 watt Axiom Atuador 1 Piezo usado somente para aplicações de Foundation Fieldbus alimentadas pela rede de comunicação. 2 Temperatura aumentada quando o sufixo "-T" for especificado com o número do modelo: NEC (compartimento A) = -40 a 80 C (-40 a 176 F) IEC (Compartimento V) = -40 a 70 C (-40 a 158 F) Atuador de efeito duplo 3 2 DA Atuador As opções de piloto duplo podem ser selecionadas para aplicações especiais como pistão horizontal para posição final em falha. As opções de posicionamento manual externo também estão prontamente disponíveis. Para configurações de válvulas especiais com recursos de posicionamento manual não padrão, consulte a StoneL. 5

8 Axiom Módulo de sensor e comunicação Configurações aberto e fechado As chaves correspondem a uma posição específica da válvula e são ajustadas por meio do painel de botões na caixa de membrana vedada do módulo. Basta colocar o atuador na posição aberta (usando o posicionamento manual interno padrão) e pressionar o botão Abrir. Coloque o atuador na posição fechado e pressione o botão Fechar. As configurações de posição ficam travadas quando a energia é desligada e reaplicada. (Consulte as páginas 28 a 37 para obter mais informações.) Sensores de ligação SST (33) (2) Saídas de comutação de estado sólido de dois fios (1) ou (2) Entrada(s) de energia solenóide 1 Saída Normalmente aberta (SPST) Corrente máxima de partida 2,0 A de operação 0,25 A Corrente mín. ligada 2,5 ma Corrente de fuga máx. 0,5 ma Amplitude de tensão 20 a 125 VCC/125 VCA Queda de tensão máx. 7,0 Volts a 100 ma Curto-circuito Protegido contra aplicação direta de até 125 VCC/VCA Sensores Namur (44) (2) Saídas Namur (1) ou (2) Saída(s) de energia solenóide 2 Saída Atende a EN Classificações de corrente Alvo ligado I <1,0 ma Alvo desligado I >2,1 ma Amplitude de tensão 5 até 25 VCC VCT AS-Interface (96) (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Entradas auxiliares discretas (2) Saídas discretas (solenóides de transmissão) 4 Versão AS-I 2.1 Tensão de entrada 26,5 a 31 VCC Dispositivos por rede 31 VCT AS-Interface (97) com endereçamento estendido (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Entradas auxiliares discretas (1) Saída discreta (solenóide de transmissão) 4 Versão AS-I 2.1 Tensão de entrada 26,5 a 31 VCC Dispositivos por rede 62 VCT DeviceNet (92) (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (1) Entrada auxiliar 4 a 20 ma (2) Saídas discretas (solenóides de transmissão) 4 Outros recursos Armazena o número de atuações Armazena a data do último serviço Estado de falha em saída pré-determinada VCT Foundation Fieldbus, alimentado pela rede de comunicação (93) (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Saídas discretas (Transmissor tipo piezo ) 3 Entrada da corrente 16 ma inativa Amplitude de tensão Outros recursos 9 a 32 VCC Armazena o número de atuações Armazena a data do último serviço Estado de falha em saída pré-determinada VCT Foundation Fieldbus, alimentado externamente (94) (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Saídas discretas alimentadas externamente (solenóides de transmissão) 4 Entrada da corrente 16 ma inativa do sinal Amplitude de tensão 9 a 32 VCC do sinal Entrada de tensão externa 24 VCC Entrada da corrente externa Dependente de solenóide Outros recursos Armazena o número de atuações Armazena a data do último serviço Estado de falha em saída pré-determinada VCT Modbus (95) (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (1) Entrada auxiliar 4 a 20 ma (2) Saídas discretas (solenóides de transmissão) 4 Tensão externa 24 VCC Dispositivos por rede 32 Outros recursos Estado de falha em saída pré-determinada 1. Especificar opção solenóide _ H 3. Especificar opção piezo _ A 2. Especificar opção solenóide IS _ E 4. Especificar opção solenóide _ D Sistema de sensor de posição O AXIOM usa um sistema de sensor magneto resistivo que monitora a posição exata da válvula. O sistema de sensor magneto resistivo também é resistente ao movimento de eixo lateral e vertical que pode ocorrer em atuadores de alto ciclo, sem afetar a medição rotacional. Não são necessários discos, eixos ou qualquer outro dispositivo mecânico com tendência a desgaste e aderência. 6

9 Sistemas de diagnóstico Reduza o tempo de inatividade dos instrumento, assim como os custos de manutenção com o diagnóstico da AS-Interface. O modelo AMI96 apresenta sistemas de diagnóstico integrado que podem prever possiveis defeitos da válvula automatizada. Por isso, o tempo de inatividade do equipamento pode ser reduzido com o reparo de válvulas automatizadas discretas que não funcionariam quando necessário. E, em caso de problema durante o funcionamento normal, a equipe responsável pela manutenção será auxiliada no sentido de localizar rapidamente as causas da falha, reduzindo assim o tempo de manutenção e acelerando o reparo da válvula e o reinício da operação. comunicação e controle de válvulas Instrumentação de processo Axiom Alarme T416: Baixa pressão de alimentação de ar Alertas e características de diagnóstico Baixa pressão de alimentação pneumática Se a pressão de alimentação ficar abaixo do limite operacional, um alerta local e remoto será ativado. Solenóide defeituoso Um circuito de solenóide em curto ou aberto será identificado durante a operação com um alerta local e remoto. Carretel pneumático ou válvula piloto emperrada Se o cabeçote piloto ou a bobina principal emperrar por qualquer motivo (contaminação do ar, congelamento etc.), um alerta local e remoto será energizado. Válvula/atuador de processo emperrado Se o AXIOM enguiçar na metade do curso e as fontes do problema integradas forem identificadas, um alerta será energizado local e remotamente informando que a fonte do problema está localizada na montagem da válvula/atuador. da chave remota As configurações das chaves Aberto e Fechado podem ser feitas com botões integrados ou remotamente, por meio do sistema de controle. Identificação pisca-pisca Para confirmar a identidade do dispositivo de campo, a sala de controle poderá iniciar a função pisca-pisca, que acende e apaga os LEDs fechado e aberto sem afetar o status operacional da válvula. Os alertas são eliminados automaticamente quando as condições operacionais normais são restauradas. Interface do sistema de controle É possível usar o AS-Interface 2.1 ou um protocolo posterior para conectar até 31 unidades do AXIOM ao sistema de controle. Os bits de comunicação podem ser mapeados pelo DCS ou PLC padrão, conforme desejado. Não é necessário um software específico. Consulte o programa StoneL FieldLink para obter informações sobre os benefícios em termos de redução de custos e sobre a fácil instalação do protocolo AS-Interface. Sala de controle Especificações de diagnóstico Protocolo AS-Interface (AMI96) Versão 2.1 ou posterior Tensão de entrada 26,5 a 31,6 VCC (fonte de alimentação AS-i) Dispositivos por rede 31 de entrada (1) Aberto e (1) Fechado (1) Baixa pressão de alimentação (1) Bobina solenóide defeituosa ou Válvula de carretel/piloto* emperrada (1) Válvula/atuador de processoemperrado de saída (1) Energia solenóide 0,5 W a 24 VCC (1) Operação de aviso (1) Abertura remota (1) Fechamento remoto Precisão da pressão ± 2 psi (0,13 bar) Pressão padrão 40 psi (2,7 bar) mínimo Interface do sistema Requer AS-i 2.1 master ou posterior * O monitor local identifica o problema específico. T414 T415 T413 T416 T417 7

10 Axiom Sistema de distribuição de ar e montagem O sistema de distribuição de ar AXIOM encaixa diretamente o módulo de comunicação e controle no atuador e transporta o ar da válvula pneumática até o atuador. O sistema de distribuição de ar inclui: 1. Adaptador ao eixo do atuador e prendedor de aço inoxidável. 2. Adaptador ao atuador e distribuidor de ar em alumínio anodizado revestido em epóxi, com prendedores de aço inoxidável e anéis de vedação. O sistema de distribuição de ar se adapta rapidamente a Namur VDI/VDE 3845, tamanhos 1 e 2. Podem ser feitas variações especiais para os tamanhos 3, 4 e para os modelos não padronizados de montagem de atuadores de um quarto de volta. Os sistemas de distribuição de ar e montagem são especificados e vendidos separadamente do módulo de comunicação e controle AXIOM. Os kits do sistema de montagem são específicos do fabricante do atuador. Para saber os números dos kits, visite: Outras especificações e classificações Materiais de construção Alojamento Alumínio anodizado revestido com epóxi Tubo de distribuição Tampa e indicador visual Policarbonato Lexan Adaptadores de montagem Aço inoxidável e prendedores Válvula pneumática Consulte as especificações da válvula pneumática na página 5 Classificações de temperatura (dependentes da válvula pneumática) Pilotos tipo piezo (_A) -10 a 60 C (14 a 140 F) Pilotos solenóides -18 a 50 C (0 a 122 F) (_D, _E, _H) Temperatura aumentada quando o sufixo "-T" for especificado com o número do modelo: NEC -40 a 80 C (-40 a 176 F) IEC -40 a 70 C ( F) Sistema de sensor de posição Precisão Dentro de 1 Repetição Dentro de 1 Registro do posicionamento 4 do setpoint Distância rotacional do setpoint original em que a chave será ativada no curso de retorno Faixa morta 6 do setpoint Distância rotacional do setpoint original em que a chave será desativada. Faixa 120 rotacional máxima Vida operacional Válvula pneumática 1 milhão de ciclos Garantia Componentes mecânicos 2 anos Componentes eletrônicos 5 anos Classificações não inflamáveis NEC/CEC Classe I, grupos A, B, C e D, Div. 2 Classe II, grupos F e G, Div. 2 IEC Ex na, IIC nc T5, IIC Zona T5, Zona 2 2 Classificações intrinsecamente seguras Somente modelos AMI44 e AMI93 NEC/CEC Classe I, grupos A, B, C e D, Div. 1 e 2 Classe II, grupos E, F e G, Div. 1 e 2 IEC Ex ia IIC T5, Zonas 0, 1 e 2 Proteção do compartimento NEC/CEC 4, 4X e 6 IEC IP67 Opção de compartimento "A" para América do Norte (NEC/CEC) Opção de compartimento "V" para internacional (IEC) Para obter informações sobre aprovação, visite o site 8

11 comunicação e controle de válvulas Seletor de modelo AMI Função Módulos sensores 33 (2) Sensores SST 44 (2) Sensores Namur Intrinsecamente seguros (I.S.; EN ) Terminais de comunicação de válvula (VCT) 92 DeviceNet 93 Fo u n d at i o n Fieldbus (alimentado pela rede;i.s.) 94 Fo u n d at i o n Fieldbus (alimentado externamente) 95 Modbus 96 AS-Interface 97 AS-Interface (com endereçamento estendido) Solenóide individual Retorno a mola 24 VCC ou 120VAC universal (Use com a função 33) 24 VCC (0,5 watt) (Use com as funções 92, 94, 95, 96 e 97) 12 VCC Intrinsecamente seguros (Use com a função 44) Solenóide duplo Pistão horizontal (não está disponível com a função 97) 24 VCC ou 120VAC universal (Use com a função 33) Válvula pneumática 24 VCC (0,5 watt) (Use com as funções 92, 94, 95 e 96) 12 VCC Intrinsecamente seguros (Use com a função 44) Piezo individual Retorno a mola Intrinsecamente seguro ou padrão (Use com a função 93) Piezo duplo Pistão horizontal Intrinsecamente seguro ou padrão (Use com a função 93) sem posicionamento externo com posicionamento externo com posicionamento externo e trava 1H 3H 5H 1D 3D 5D 1E 3E 5E 2H 2D 2E 4H 4D 4E 1A 3A 5A Sistema de distribuição de ar e montagem necessário para todos e vendido separadamente. 2A 4A Características Compartimento A Norte- Americano (NEC/CEC) V Internacional* (IEC) L para o Brasil Conduíte/ conectores 02 (2) NPT de 125 mm 05 (2) M20 10 (1) Miniconector de 4 pinos 11 (1) Miniconector de 5 pinos 13 (1) Micro conector de 4 pinos 15 (1) Micro conector de 5 pinos 17 (1) Micro conector de 6 pinos 18 (1) Micro conector de 8 pinos 19 (1) Miniconector de 6 pinos 20 (1) Miniconector de 7 pinos 21 (1) Miniconector de 8 pinos Exemplos de modelo: S Padrão D Diagnóstico (Use com a função 96 e a válvula pneumática de 0,5 watt 1D, 3D ou 5D) AMI961DA02DRA AMI331HV05SRA Indicador visual RA Vermelho fechado/ Verde aberto Axiom Dimensões Polegadas [milímetros] AMI971DA02SRA-T (Observação: especifique o sufixo -T para temperatura aumentada.) 2 3 E3 S1 E2 9

12 Eclipse O ECLIPSE da StoneL tem sensores duplos de estado sólido com comunicações opcionais integradas a um módulo vedado. O módulo de função e disparador/ indicador se encaixam de forma rápida e conveniente a suportes de montagem para atuadores padrão VDI/VDE 3845 (Namur) padrão. A série ECLIPSE está disponível em versões não inflamáveis e intrinsecamente seguras (EN) para áreas de risco com um módulo removível e em uma versão de micro conector para finalidades gerais completamente vedada (EG). Design elaborado e cheio de recursos oferece um valor incrível Sensores de posição, componentes eletrônicos de comunicação e saídas de energia para solenóides são integrados em um compartimento extremamente sólido e compacto. O indicador visual vermelho/verde exibe o status da válvula com intensidade e coordena-se com LEDs vermelhos/verdes. Completamente submergível e com capacidade para lavagem de alta pressão. Os sensores e partes eletrônicas do ECLIPSE são completamente vedados para eliminar ameaças de riscos e problemas de corrosão. Encaixe direto em apoios de montagem ISO/Namur. LEDs vermelhos e verdes de alta intensidade indicam o status da chave eletrônica para confirmar a operação elétrica. Os disparadores de sensor são ajustáveis em incrementos de 3,5 graus até 360 graus, para obter precisão e flexibilidade. Todas as partes mecânicas são feitas de Lexan ou de aço inoxidável, para resistência a corrosão e durabilidade. A inexistência de peças encaixáveis móveis garante a vida útil prolongada e a operação livre de problemas. EN: O mais avançado em termos de conveniência, confiabilidade e economia nas áreas Classe I, Div. 2 Adequado para todas as áreas de risco. Classificado para NEMA 4, 4X, 6 (aprovado como intrinsecamente seguro e não inflamável: IP67). Os pontos de terminação adicionais e as entradas de conduíte duplas eliminam as caixas de derivação para a terminação da válvula solenóide. Um compartimento de fiação conveniente e uma tira de terminais pré-etiquetada permitem a rápida instalação. Disparo e indicador visual Opção vermelho/verde Opção de linha de vazão A indicação visual vermelha e verde é visível a 360 graus em torno da válvula automatizada e de cima a até 21 metros. O indicador de linha de vazão amarelo também está disponível e pode ser visto de todos os ângulos a uma distância de até 9 metros. Os sensores indutivos de estado sólido do ECLIPSE são ativados por alvos de aço inoxidável embutidos no tambor do indicador visual. Os alvos Aberto e Fechado podem ser ajustados independentemente em incrementos de 3,5 graus. EG: Fiação de micro conectores conveniente Disponível com conector embutido adicional para terminais de solenóide. Micro conectores com compartimento conservado e vedado eliminam qualquer ameaça de contaminação por umidade na fiação. Módulo eletrônico integrado permanentemente no compartimento. 10

13 Eclipse O ECLIPSE oferece valor e eficiência de espaço incríveis. Comunicações, sensor de posição, saídas de energia e entradas auxiliares são vedadas no módulo de função ECLIPSE. Selecione entre sensores Namur, sensores de ligação SST ou terminais de comunicação AS-Interface, DeviceNet ou Modbus. Todos estão completamente selados e são de estado sólido (Para obter informações mais detalhadas, consulte as páginas 28 a 34.) comunicação e controle de válvulas Leitura, comunicação e indicação visual Sensores de ligação SST (33) (2) Sensores de chaveamento SST (2) Terminais de fios para um solenóide Saída Selecione o modelo NA (33) ou NF (34) Corrente máxima de partida de operação Corrente mín. ligada Corrente de fuga máx. Amplitude de tensão Queda de tensão máx. 2,0 A 0,3 A 2,0 ma 0,5 ma 8 a 125 VCC / 24 a 125 VCA 7,0 Volts a 100 ma Sensores Namur (44) (2) Sensores NAMUR (2) Terminais de fios para um solenóide Saída Atende a EN Classificações de corrente Alvo ligado <1,0 ma Alvo desligado >3,0 ma Amplitude de tensão 5 a 25 VCC VCT AS-Interface (96) (2) Entrada do sensor (2) Entradas auxiliares (2) Saídas de energia (solenóides) Corrente máx. 160 ma, ambas as saídas combinadas (Corrente limitada a 200 ma) Saídas, potência máx. 4 watts, ambas as saídas combinadas Saídas, tensão 25 a 30 VCC VCT AS-Interface (97) com endereçamento estendido (2) Entrada do sensor (2) Entradas auxiliares discretas (1) Saída de energia (solenóide) Corrente máx. 100 ma Saídas, potência máx. 2,4 watts Saídas, tensão 25 a 30 VCC VCT DeviceNet (92) Saídas, potência máx. Saídas, tensão VCT Modbus (95) Saídas Dispositivos por rede 32 Outros recursos (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Saídas de energia (solenóides) (1) Entrada auxiliar de 4 a 20 ma 4 watts, ambas as saídas combinadas 24 VCC (2) Entradas discretas (Aberto e fechado) (2) Saídas de energia (solenóides) (1) Entrada auxiliar de 4 a 20 ma 4 watts a 24 VCC ambas Saídas combinadas (corrente limitada a 200 ma) Estado de falha em saída pré-determinada O EN tem um módulo duplo removível, completamente selado para facilitar a fiação e agilizar a manutenção. 11

14 Eclipse Seletor de modelos não inflamável e intrinsecamente seguro Exemplo de modelo: EN92C02RA EN Função Módulos sensor/chave 33 (2) Sensores SST N.A. 34 (2) Sensores SST N.F. Modelos intrinsecamente seguros 44 (2) Sensores Namur (EN ) (disponíveis com opções de conduíte/conector 02, 05 ou 11) Terminais de comunicação de válvula (VCT) 92 DeviceNet 95 Modbus 96 AS-Interface 97 AS-Interface com endereçamento estendido Compartimento C Norte- Americano (NEC/CEC) D H Internacional (IEC) para o Brasil Conduíte/conectores 02 (2) Entrada de conduíte NPT 125 mm 05 (2) Entrada de conduíte M20 11 (1) Mini-conector de 5 pinos 12 (1) Mini-conector de 5 pinos e (1) Mini-conector de 3 pinos * Consulte a fábrica para obter opções adicionais de outros tipos de conectores. Indicador visual RA FA 1A 2A XA Vermelho fechado Linha de vazão T-1 tridirecional (rotação de 90 ) T-2 tridirecional (rotação de 90 ) Especial Consulte o gráfico de designações de indicações visuais na página 15 Seletor de modelos para uso geral Exemplo do modelo: EG96C23FA EG Função Módulos sensor/chave 33 (2) Sensores SST N.A. (disponíveis com opções de conector 23 ou 26) 34 (2) Sensores SST N.F. (disponíveis com opções de conector 23 ou 26) Módulos intrinsecamente seguros 44 Sensores Namur (EN ) (disponíveis somente com a opção de conector 23) Terminais de comunicação de válvula (VCT) 92 DeviceNet (disponíveis com opções de conector 25 ou 26) 95 Modbus (disponíveis com opções de conector 25 ou 26) 96 AS-Interface (disponível com opções de conector 23 ou 24) 97 AS-Interface com endereçamento estendido (disponível com opções de conector 23 ou 24) Compartimento C Uso geral, universal Conectores 23 (1) Micro conector de 4 pinos, metálico 24 (2) Micro conectores de 4 pinos, metálicos 25 (1) Micro conector de 5 pinos, metálico 26 Micro conector de (1) 5 pinos e (1) 4 pinos, metálico Indicador visual RA FA 1A 2A XA Vermelho fechado Linha de vazão T-1 tridirecional (rotação de 90 ) T-2 tridirecional (rotação de 90 ) Especial Consulte o gráfico de designações de indicações visuais na página 15 Montagem do ECLIPSE (necessária para todos os ECLIPSE e vendida separadamente) Namur tamanhos 1 e Namur tamanho Namur tamanho Jamesbury VPVL 051, Jamesbury VPVL 200, 300 (inclui suporte) Jamesbury VPVL 350 a Jamesbury VPVL 550 a 800 Consulte a fábrica para saber sobre outras aplicações não Namur. Os kits correspondem aos padrões de atuador padrão ISO/NAMUR. Todos os kits são de aço inoxidável. Namur tamanho 3 serve em todos os tamanhos de eixo. 12

15 comunicação e controle de válvulas Outras especificações e classificações Materiais de construção Alojamento Policarbonato Lexan Componentes do tambor Policarbonato Lexan Prendedores Aço inoxidável Disparadores e acoplamento Aço inoxidável Classificações não inflamáveis Modelos EN NEC/CEC Classe I Divisão 2 Grupos A, B, C, D Classe II Divisão 2 Grupos F, G IEC Ex na IIC T5, Zona 2 Amplitude de temperatura Vida operacional Garantia Módulo duplo Componentes mecânicos -40 C a 80 C (-40 F a 176 F) ilimitada Cinco anos Dois anos Lexan é uma marca registrada da General Electric Corporation. Classificações intrinsecamente seguras Somente modelos EN 44 NEC/CEC Classe I, Divisões 1 e 2, Grupos A, B, C, D Classe II, Divisões 1 e 2, Grupos E, F, G IEC Ex ia IIC T5, Zonas 0, 1 e 2 Classificações de compartimento ModelosENe EG NEC/CEC IEC 4, 4X e 6C IP67 Eclipse Para obter informações sobre aprovação, visite o site Dimensões Polegadas [milímetros] ECLIPSE EN ECLIPSE EG 13

16 Indicador visual (IV) Exibe com clareza o status de posição da válvula de até 22 metros com o indicador visual independente da StoneL. A estrutura sólida em Lexan do indicador é resistente a danos físicos e tolerante à maioria dos corrosivos. Você pode encaixar o indicador visual diretamente nos atuadores com o padrão de montagem VDI/VDE 3845 (Namur) apresentado na maioria dos atuadores modernos. Outras configurações de montagem também estão disponíveis para atuadores não Namur e operadores de válvula. Seletor de modelo VI Indicador e disparador* R Vermelho fechado 1 Tridirecional 2 Tridirecional X Especial (deve usar número especial) * Consulte o gráfico de designações de indicadores visuais na página 15 Indicador visual independente (VI) O indicador visual independente tem os mesmos materiais e visibilidade que o disparador e indicador visual ECLIPSE. As características incluem: Encaixe direto em apoios de montagem de atuador VDI/VDE 3845 (ISO/Namur). Construção em Lexan de alto impacto oferecendo durabilidade superior e resistência à corrosão. Facilmente adaptável à maioria dos atuadores de um quarto de volta. Oferece alta visibilidade, confirmação positiva para todos os sistemas de válvulas automatizadas. Montagem do indicador visual (necessária para todos os indic. visuais) Namur tamanhos 1 e Namur tamanho Namur tamanho 4 Consulte a fábrica para saber sobre outras aplicações não Namur. Os kits correspondem aos padrões de atuador ISO/NAMUR. Todos os kits são de aço inoxidável. O kit Namur com tamanho 3 serve para todos os tamanhos de eixo. Especificações e classificações Materiais de construção Alojamento Lexan Policarbonato Componentes do tambor Lexan Policarbonato Prendedores Aço inoxidável Acoplamento Aço inoxidável Vida operacional ilimitada Amplitude de temperatura -40 C a 80 C (-40 F a 176 F) Garantia Dois anos Lexan é uma marca registrada da General Electric Corporation. 14

17 comunicação e controle de válvulas Dimensões Polegadas [milímetros] Designações de indicação visual O gráfico de indicações visuais se aplica a todas as plataformas VALVEPOINT. Consulte os números de modelo nas páginas a seguir para determinar a opção disponível para cada plataforma: AXIOM página 9 ECLIPSE página 12 QUARTZ página 20 Indicador visual DESIGNAÇÃO R G F (Somente ECLIPSE) CLOSED CLOSED OPEN OPEN A A A C C C B B B A B C A B C FECHADO A C B 4 A C B A C B A C B 5 A C B A C B A C B C X 0% 50% 100% especial - consulte a fábrica 15

18 Quartz O QUARTZ está disponível nas versões resistente a explosões (QX), não inflamável e intrinsecamente segura (QN) e uso geral (QG). A construção robusta em alumínio anodizado revestido com epóxi torna esta plataforma extremamente durável e adequada para o uso em ambientes corrosivos e de lavagem pesada. Uma ampla gama de opções de chaves, transmissores de posição e comunicação pode ser selecionada para acomodar a maioria dos aplicativos. Esta plataforma versátil se adapta a uma grande variedade de sistemas de válvulas. Encaixe o QUARTZ em atuadores de um quarto de volta, operadores manuais, operadores lineares e posicionadores usando sistemas de montagem de aço inoxidável prontamente disponíveis. A série QUARTZ da StoneL é durável, resistente a corrosão e versátil, o que a torna ideal para a maioria dos requisitos de monitoramento de válvula de processo. Economize espaço com o design discreto Ampla variedade de funções de chave/sensor O espaço livre acima do atuador é crucial em sistemas de tubulação complexos. O QUARTZ exibe claramente a posição da válvula e protege todos os componentes elétricos em um compartimento resistente a explosões com uma necessidade de espaço livre inferior a 12 centímetros. Chaves de proximidade Chaves mecânicas Uma grande variedade de comunicadores e transmissores de posição chave/sensor pode ser selecionada na série QUARTZ. As opções incluem 2, 4 ou 6 chaves mecânicas ou de proximidade, transmissores de posição com ou sem chaves, e o módulo duplo da StoneL com dois SST ou dois sensores Namur, ou os recursos de comunicação AS-Interface, DeviceNet ou Fou n d at i o n Fieldbus. Acelere a instalação com a indicação por LED O indicador visual coordenado e os LEDs da StoneL oferecem uma dose extra de segurança e maior conveniência durante a instalação e a operação em fábrica. A indicação visual verde e o LED verde significam que a válvula está aberta e que o circuito de computador está funcionando adequadamente. A indicação visual vermelha e o LED vermelho significam que a válvula está fechada e que o computador está emparelhado adequadamente. Todos os sistemas estão funcionando adequadamente. 16

19 Comunicação e controle de válvulas Características 1. Compartimentos otimizados para o ambiente QX: o compartimento resistente a explosões, impermeável e inoxidável é aprovado para uso em áreas de risco div.1/zona 1. QN: não inflamável é aprovado para todos os ambientes de risco div. 2/zona 2 com sensores de proximidade usando uma tampa transparente. Os sensores ou chaves passivas Namur intrinsecamente seguras estão disponíveis para as aplicações na div.1/zona 0. QG: para finalidade geral, apresenta uma tampa transparente de Lexan com chaves mecânicas. Todos os compartimentos possuem classificação NEMA 4, 4x e Acesso rápido ao compartimento A tampa de aparafusar permite um acesso rápido ao compartimento, economizando um tempo precioso de manutenção e instalação. A tampa fornece uma vedação contra vapor e permite o acesso aos componentes internos em menos de cinco segundos. 3. Fiação mais rápida A tira de terminais pré-fiada e etiquetada permite um encaixe rápido e conveniente de fios de campo. 4. Ampla variedade de chaves e comunicação As opções de chave incluem um módulo duplo de sensores e comunicação, chaves de proximidade e chaves mecânicas Maxx-Guard. Uma saída contínua do sinal está disponível em um transmissor de posição de 4 a 20 ma. 5. Os discos de posição são fáceis de ajustar As configurações de chave de toque e sintonização permitem que você faça ajustes em segundos sem usar ferramentas. Elimine pontos de vedação obrigatória em áreas de Divisão 1 e 2 FM us certificam a série QUARTZ QX com chaves de proximidade para o uso sem vedações em todas as áreas de risco. Ao passar em ensaios especiais de pressão do estaqueamento, o compartimento todo de alumínio foi certificado para essa distinção de elite. Agora, um processo demorado pode ser eliminado com segurança nas áreas divisão 1 e divisão 2. Consolide os seus componentes e reduza os custos O design do QUARTZ oferece até três entradas de conduíte com terminais de fios extras. A terminação das válvulas solenóides no compartimento da chave proporciona uma economia significativa, eliminando uma caixa de derivação, a fiação, os materiais de conduíte e a mão-de-obra. Quartz 6. As vedações do anel de eixo duplo em O elimina a corrosão Os anéis em O dos eixos superior interno e inferior externo vedam a bucha da transmissão contra a entrada de corrosivos externos e contaminantes internos que penetram no compartimento. 7. A bucha especial da transmissão garante a vida longa do ciclo A bucha de bronze impregnada de óleo mantém a operação suave e elimina a possibilidade de corrosão do eixo devido à excentricidade do eixo do atuador. 8. Indicação visual que economiza espaço O indicador visual oferece excelente visibilidade, sem sacrificar o acesso ou ultrapassar o espaço permitido. Os indicadores também estão disponíveis com uma porcentagem contínua ou uma indicação tridirecional. 17

20 Quartz Aplicações e adaptação Sistemas de montagem QUARTZ Os sistemas de montagem convenientes e discretos já estão disponíveis em aço inoxidável para a maioria dos atuadores não Namur e Namur (VDI/VDE 3845). Você tem saída direta em atuadores rotatórios e acesso fácil a ajustes internos de posicionador. Válvulas manuais O ajuste e o funcionamento adequados são garantidos com os designs personalizados da StoneL para cada válvula manual. Centenas de sistemas de montagem exclusivos foram projetados e fabricados para válvulas operadas manualmente. Operadores lineares As conexões de juntas esféricas de precisão encaixam o QUARTZ às hastes de curso da válvula. Comprimentos de curso variando entre 20 mm e 150 mm podem ser acomodados com facilidade. Posicionadores Os transmissores de posição e as chaves QUARTZ podem ser reajustados à maioria dos posicionadores. Você tem saída direta em atuadores rotatórios e acesso fácil a ajustes internos de posicionador. QUARTZ Expeditor Aplicações de controle de enchimento Enche tanques e alimentadores com rapidez e precisão. A posição intermediária ajustável do campo do QUARTZ Expeditor reduz o fluxo quando o nível máximo se aproxima. Você obtém um enchimento rápido e econômico de todos os lotes. Aplicações de amortecimento do fluxo O QUARTZ Expeditor permite um fechamento rápido, mas um desligamento suave e gradual de uma posição intermediária pré-definida. Obtém-se também uma vida mais longa da tubulação, um melhor desempenho da vazão do processo e uma probabilidade menor de falhas catastróficas. Aplicações de desligamento de emergência (ESD) Teste as válvulas ESD colocando-as em uma posição intermediária pré-definida que não interrompa o processo. Reduza os custos e aumente a segurança, eliminando várias operações manuais complicadas. Expeditor habilitado por comunicação (82, 86) Agora você poderá aperfeiçoar o desempenho do processo e aproveitar uma economia incrível, utilizando uma tecnologia de rede de comunicação comprovada com o Expeditor habilitado por comunicação. As funções do Expeditor estão disponíveis no QUARTZ com os protocolos AS-Interface ou DeviceNet. Uma chave e um disco adicionais são integrados ao VCT e podem estar em uma posição intermediária predefinida, possibilitando o controle do enchimento, o amortecimento da vazão ou as características ESD. Especifique 82 ou 86 para o Expeditor DeviceNet ou AS-Interface, respectivamente. Encher Completar Cheio Transmissor de posição O transmissor de posição de dois fios 4 a 20 ma QUARTZ oferece precisão, confiabilidade e desempenho excepcionais. Ele pode ser encaixado diretamente a posicionadores ou atuadores, tanto em aplicações lineares como de um quarto de volta. Faixa de alcance 35 a 270 (ajustável) Erro de linearidade, padrão ± 0,85 máximo Alto desempenho ± 0,35 Vida do ciclo, padrão No mínimo 2 milhões de rotações Alto desempenho No mínimo 50 milhões de rotações Amplitude de temperatura -40 a 80 C (-40º a 176º F) O Expeditor permite a combinação de três válvulas de controle de posição de ligado/desligado com duas válvulas solenóides padrão. 18

21 Comunicação e controle de válvulas Sensores e comunicações Sistema de módulo duplo A série QUARTZ está disponível com o módulo duplo nas suas diversas configurações. Dois sensores de estado sólido e/ou comunicações e outros eletrônicos são vedados para o que há de mais avançado em termos de confiabilidade e conveniência. Todas as versões de módulo duplo têm garantia de 5 anos. (Para obter mais informações detalhadas, consulte as páginas 28 a 39). Sensores de ligação SST (33) (2) Sensores de ligação SST Terminais para solenóide Classificações elétricas 0,3 A a 125 VCA/CC Sensores Namur (44) (2) Sensores Namur Terminais para solenóide Intrinsecamente seguros (EN ) Amplitude de tensão 5 a 25 VCC Classificações de corrente Alvo ligado I<1 ma Alvo desligado I>3 ma VCT AS-Interface (96) (2) Entrada do sensor (2) Entradas auxiliares (2) Saídas de energia (solenóides) Corrente máx. 160 ma, ambas as saídas combinadas (Corrente limitada a 200 ma) Saídas, potência máx. 4 Watts, ambas as saídas combinadas Saídas, tensão 25 a 30 VCC VCT AS-Interface (97) com endereçamento estendido (2) Entrada do sensor (2) Entradas auxiliares discretas (1) Saída de energia (solenóide) Corrente máx. 100 ma Saídas, potência máx. 2,4 Watts Saídas, tensão 25 a 30 VCC VCT DeviceNet (92) Saídas, potência máx. Saídas, tensão (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Saídas de energia (solenóides) (1) Entrada auxiliar de 4 a 20 ma 4 Watts, ambas as saídas combinadas 24 VCC VCT Foundation Fieldbus, alimentado pela rede de comunicação (93) (2) Entradas discretas, DI (aberta e fechada) (2) Saídas discretas, DO (Válvulas tipo piezo ) Saídas 2 ma a 6,5 VCC cada; corrente limitada a 2 ma (alimentada pela rede) VCT Foundation Fieldbus, alimentado externamente (94) (2) Entradas discretas, DI (aberta e fechada) (2) Saídas de energia, DO (Solenóides) Saídas 4 watts a 24 VCC ambas as saídas combinadas; corrente limitada a 200 ma (alimentada externamente) VCT Modbus (95) Saídas Opções de chave/sensor (2) Entradas discretas (aberta e fechada) (2) Saídas de energia (solenóides) (1) Entrada auxiliar de 4 a 20 ma 4 Watts a 24 VCC ambas as saídas combinadas (corrente limitada a 200 ma) Sensores SST de estado sólido Os sensores SST têm uma vida de aplicação ilimitada e são ideais para circuitos de entrada de computador CA e CC. (Consulte a página 38 para obter mais detalhes.) Operação disco selecionável NA ou NF Classificações elétricas 0,3 A a 125 VCA/CC Corrente de fuga máx. 0,5 ma Queda de tensão máxima 6,5 Volts a 10 ma Vida operacional ilimitada Chaves Maxx-Guard As chaves tipo reed Maxx-Guard com contatos de tungstênio SPDT são adequadas para as entradas de computador de 125 VCA aplicações de energia moderada 240 VCA. Os contatos de ródio SPDT foram projetados para entradas de computador de baixa energia 24 VCC ou 125 VCA. Os contatos de rutênio SPST são ideais para entradas de computador de baixa energia 24 VCC ou 125 VCA. (Consulte a página 38 para obter mais detalhes.) Classificações elétricas SPST (Consulte a página 38) Classificações elétricas SPDT (Consulte a página 38) Vedação Vedado hermeticamente Vida operacional 5 milhões de ciclos Chaves mecânicas (DPDT) As chaves DPDT estão disponíveis para isolamento de dois circuitos em funcionamento ao mesmo tempo. Um DPDT funciona de forma idêntica a dois SPDTs operados ao mesmo tempo. (Consulte a página 39 para obter mais detalhes.) Classificações elétricas 4,5 A a 125/250 VCA Vida operacional ciclos Chaves mecânicas (SPDT) As chaves mecânicas de contatos de prata são ideais para aplicações de alta potência. Os contatos de ouro SPDT podem ser usados para aplicações de baixa potência. (Consulte a página 39 para obter mais detalhes). Classificações elétricas (prata) 10 A a 125/250 VCA 0,5 A a 125 VCC Vida operacional (prata) ciclos Classificações elétricas (ouro) 1,0 A a 125 VCA 0,5 A a 30 VCC Vida operacional (ouro) ciclos Quartz 19

22 Quartz Seletor de modelos resistente a explosões (tampa de alumínio) Exemplo do modelo: QX33E02SRA Função Compartimento Entradas de conduíte Indicação visual QX Módulos sensor/chave (do tipo proximidade) 33 Módulo duplo de sensor de ligação SST N.F. Terminais de comunicação de válvula (VCTs) 92 DeviceNet 93 Foundation Fieldbus (alimentado pela rede) 94 Foundation Fieldbus (alimentado externamente) 95 Modbus 96 AS-Interface 97 AS-Interface (com endereçamento estendido) Chaves mecânicas 2V (2) chaves SPDT 2W (2) Chaves SPDT, contato de ouro 4V (4) chaves SPDT 4W (4) Chaves SPDT, contato de ouro 14 (2) Chaves DPDT Expeditor (do tipo proximidade) 82 DeviceNet 86 AS-Interface E R F Norte- Americano (NEC/CEC) Internacional (IEC) para o Brasil Todos os modelos QX têm caixa e tampa de alumínio anodizado revestido com epóxi. 02 (1) NPT de 190 mm e (1) NPT de 125 mm 03 (1) NPT de 190 mm e (2) NPT de 125 mm 05 (2) M20 06 (3) M20 SRA SGA S1A S2A S3A S4A S5A S0A SXA SCA Vermelho-fechado Verde-aberto Verde-fechado Vermelho-aberto T1 tridirecional T2 tridirecional T3 tridirecional T4 tridirecional T5 tridirecional Sem indicação Especial Contínua Consulte o gráfico de designações de indicações visuais na página 15 Chaves/sensores 2 (2) Chaves 4 (4) Chaves 5 Transmissor de posição com (2) ou sem chaves 7 Alto desempenho Transmissor de posição com (2) ou sem chaves 8 Expeditor (disponível somente com as chaves H ou Y) Proximidade P SPST Maxx-Guard L SPST Maxx-Guard (LED) G SPDT Maxx-Guard (corrente de baixa tensão) H SPDT Maxx-Guard (3 A) S SPDT Maxx-Guard (LED) Y Somente Expeditor (3 chaves) F PNP de estado sólido de 3 fios P+F O Sem chaves X Sensor SST (LED) Sistema de montagem necessário para todos e vendido separadamente. Seletor de modelo não inflamável e intrinsecamente seguro Exemplo do modelo: QN33C02SRA (tampa transparente) Função Compartimento Entradas de conduíte Indicação visual QN Módulos sensor/chave (do tipo proximidade) 33 Módulo duplo de sensor de ligação SST N.F. 44 Módulo duplo Namur (EN ; IS) Terminais de comunicação de válvula (VCTs) 92 DeviceNet 93 Foundation Fieldbus (alimentado pela rede) 94 Foundation Fieldbus (alimentado externamente) 95 Modbus 96 AS-Interface 97 AS-Interface (com endereçamento estendido) Expeditores (do tipo proximidade) 82 DeviceNet 86 AS-Interface Chaves/sensores 2 (2) Chaves 4 (4) Chaves 5 Transmissor de posição com (2) ou sem chaves 7 Alto desempenho Transmissor de posição com (2) ou sem chaves 8 Expeditor (disponível somente com as chaves H ou Y) Proximidade P SPST Maxx-Guard L SPST Maxx-Guard (LED) G SPDT Maxx-Guard (corrente de baixa tensão) H SPDT Maxx-Guard (3 A) S SPDT Maxx-Guard (LED) Y Somente Expeditor (3 chaves) F PNP de estado sólido de 3 fios P+F O Sem chaves X Sensor SST (LED) Intrinsecamente seguros J SPST Maxx-Guard; passivo M SPDT Maxx-Guard; passivo N Sensores NAMUR P+F C D Norteamericano (NEC/CEC) Internacional (IEC) Todos os modelos QN têm tampa transparente de Lexan e alojamento de alumínio anodizado. 02 (1) NPT de 190 mm e (1) NPT de 125 mm 03 (1) NPT de 190 mm e (2) NPT de 125 mm 05 (2) M20 06 (3) M20 SRA SGA S1A S2A S3A S4A S5A S0A SXA SCA Vermelho-fechado Verde-aberto Verde-fechado Vermelho-aberto T1 tridirecional T2 tridirecional T3 tridirecional T4 tridirecional T5 tridirecional Sem indicação Especial Contínua Consulte o gráfico de designações de indicações visuais na página 15 Sistema de montagem necessário para todos e vendido separadamente. 20

Instruções de instalação e ajuste

Instruções de instalação e ajuste Módulo de leitura e comunicação Namur (AMI ) Instruções de instalação e ajuste mm, mm 00, mm Orifícios de admissão de ar / NPT Alojamentos M0 marcados com M E E M S Orifícios de admissão de ar / NPT Entradas

Leia mais

Monitor de Posição Axiom - AX

Monitor de Posição Axiom - AX Monitor de Posição Axiom - AX com sensores de chaveamento FOUNDATION Fieldbus (Com Rede Energizada Saídas) Instruções de instalação, manutenção e operação (AX93 ) 2 Sumário Sumário...Página 2 Guia de modelos

Leia mais

Monitor de Posição Axiom - AX

Monitor de Posição Axiom - AX Monitor de Posição Axiom - AX com sensores de chaveamento AS-Interface (endereçamento estendido) Instruções de instalação, manutenção e operação (AX9 ) Número da publicação 105revA Sumário Número da publicação

Leia mais

Série EN Manual de instalação

Série EN Manual de instalação Série EN Manual de instalação Documento controlado por órgão regulador. Nenhuma alteração está autorizada sem a prévia aprovação do órgão StoneL Corporation One StoneL Drive 67 US Highway 9 Fergus Falls,

Leia mais

Sensores de condição. Projetado para produzir resultados de alta qualidade em uma variedade de ambientes robustos

Sensores de condição. Projetado para produzir resultados de alta qualidade em uma variedade de ambientes robustos Sensores de condição Projetado para produzir resultados de alta qualidade em uma variedade de ambientes robustos DETECÇÃO DE CONDIÇÃO A Rockwell Automation oferece uma linha impressionante de produtos

Leia mais

Válvulas pneumáticas série 8000

Válvulas pneumáticas série 8000 Válvulas pneumáticas série 8000 10-30.3-1 Válvulas acionadas pneumaticamente com molas de fechamento potentes para operação confiável Projeto compacto com solenóide integrado, exaustor rápido e chaves

Leia mais

Aplicações de uso geral / zonas perigosas

Aplicações de uso geral / zonas perigosas AVID Série Z Monitorizador de Válvulas Rotativas Proporcionando uma monitorização integrada e um controlo das válvulas de processo automatizadas, a série Z foi projetada tanto para aplicações de uso geral

Leia mais

Série 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial

Série 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial 83400 Regulador eletrônico de pressão diferencial Identifica a pressão diferencial requerida para atuar em filtros com pó Boa interferência de imunidade tal como na Diretiva EMC Usando operação dot matrix

Leia mais

POSICIONADOR INTELIGENTE PARA VÁLVULAS 4 a 20 ma + Comunicação Digital HART. smar

POSICIONADOR INTELIGENTE PARA VÁLVULAS 4 a 20 ma + Comunicação Digital HART. smar POSICIONADOR INTELIGENTE PARA VÁLVULAS a ma + Comunicação Digital HART DESCRIÇÃO O posicionador microprocessado FY proporciona o posicionamento rápido e seguro dos atuadores tipo diafragma ou cilindro.

Leia mais

www.microkits.com.br

www.microkits.com.br Rua Conceição de Monte Alegre, 33 Brooklin - São Paulo - SP - CEP 053-00 FONE/FAX: (55 11) 5.90 / 57.29 E-mail: microkits@microkits.com.br MICROKITS IND. E COM. LTDA. www.microkits.com.br LA MA AZ BC VM

Leia mais

Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia

Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia Watchdog TM Elite Monitor de Risco para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia APLICAÇÃO Monitor combinado para alinhamento de correia, velocidade da correia, temperatura de rolamento contínua,

Leia mais

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples e Conteúdo. 00 conf. DIN 43697.4 6.6 6.8 7.0 46. 40 eletromecânicas.4 F 60 conf. DIN 43693.6 99 00 s s múltiplas 00 6 6 7 46 40 s s F 60 99 00 Acessórios Peças de reposição. múltiplas conf. DIN 43697 para

Leia mais

Ilhas de distribuição. Tamanho 26 mm - Série 503

Ilhas de distribuição. Tamanho 26 mm - Série 503 Ilhas de distribuição Tamanho 26 mm - Série 503 Um caudal máximo para um tamanho mínimo Dimensões reduzidas (26 mm) para instalações menos pesadas Um caudal de 1400 l/min para tamanho de 26 mm Uma conceção

Leia mais

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição

Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição Manual de Instruções de Operação e Manutenção Monitor de Posição 1. INFORMAÇÕES GERAIS... 3 2. ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 3 3. DESENHO DIMENSIONAL... 4 4. INSTALAÇÃO... 5 4.1 MONTAGEM EM ATUADOR ROTATIVO...

Leia mais

BAIXA MANUTENÇÃO, EXCEPCIONAL RENDIMENTO

BAIXA MANUTENÇÃO, EXCEPCIONAL RENDIMENTO BAIXA MANUTENÇÃO, EXCEPCIONAL RENDIMENTO O projeto fundamental das bombas Iwaki Air manteve-se constante através dos anos. Este legado de qualidade significa que as bombas tem uma longa vida útil e não

Leia mais

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação ST 160 ST 160 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # Manual de Referência e Instalação Descrições 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # 3 2 Número Descrição 1 Indicador de modo 2 Antena 3 Matriz do Teclado 4 Parafuso Especificações

Leia mais

A mais completa linha de Terminais de Válvulas

A mais completa linha de Terminais de Válvulas A mais completa linha de Terminais de Válvulas Inovações para perfomance otimizada e economia A linha de terminais de válvulas Ampla e variada linha de terminais de válvulas para todas as aplicações Instalação

Leia mais

kymanual ou automática a escolha é sua

kymanual ou automática a escolha é sua . kymanual ou automática a escolha é sua Válvula borboleta LKB automática ou manual Aplicação ALKBéumaválvulaborboletasanitáriaacionadamanualou automaticamente para uso em sistemas com tubulações em aço

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS Índice 1.0 Conexões Pneumática Instantâneas...... 4 1.1 - Redutores... 7 1.2 Válvulas Manuais... 8 2.0 Acessórios Pneumáticos... 8 3.0 Válvulas Mecânicas... 10 3.1 Piloto... 10 3.2

Leia mais

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso

Sistemas de válvula Sistemas de válvulas conforme norma ISO 5599-1, tamanho 3, série 581. Catálogo impresso ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Catálogo impresso 2 ISO 5599-1, tamanho 3, série 581 Acionamento elétrico Sistema de válvulas, Série 581, tamanho 3 Qn = 4100 l/min Largura da válvula piloto: 22 mm conexão

Leia mais

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1 Série Modelo PH VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóidear ISO 99/0 Tamanho /2/ vias / posições VANTAGENS: A série no novo modelo PH oferece além das vantagens da linha : Excepcional

Leia mais

INFORMAÇÕES TÉCNICAS - - Fig. 3. Fig. 2

INFORMAÇÕES TÉCNICAS - - Fig. 3. Fig. 2 Fig. 1 02 Fig. 3 Fig. 2 03 INFORMAÇÃO TÉCNICA SOBRE VÁLVULAS DE PULSO 1 8 9 10 A ASCO possui uma ampla linha de válvulas de pulso para o mercado de filtros de manga com acessórios que permitem monitorar

Leia mais

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C

Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Válvulas de Segurança 3/2 vias DM² C Isolamento da Energia Pneumática Categoria 4 Líder na Tecnologia de Válvulas de Segurança Desde 1950 2005 Tecnologia e experiência 1995 2000 1980 1976 1967 1962 1954

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

Sensores de proximidade e chaves fim de curso. Controle confiável, robusto e testado pelo tempo

Sensores de proximidade e chaves fim de curso. Controle confiável, robusto e testado pelo tempo Sensores de proximidade e chaves fim de curso Controle confiável, robusto e testado pelo tempo SENSOR INDUTIVO DESTAQUES DO PRODUTO Os sensores de proximidade Allen-Bradley definem o padrão para robustez,

Leia mais

Sensores de temperatura e acessórios (português) Volume 1

Sensores de temperatura e acessórios (português) Volume 1 RTDs e termopares em modelos de sensores de elementos simples e duplos Poços termométricos em uma ampla gama de materiais e conexões de processo Recursos de calibração para aumentar a precisão de medições

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 Catálogo técnico Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 EV220B 15 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da válvula em

Leia mais

Sistema de ligação para electroválvulas e distribuidores, compatíveis com bus de terreno PROFIBUS-DP, INTERBUS-S, DEVICE-NET

Sistema de ligação para electroválvulas e distribuidores, compatíveis com bus de terreno PROFIBUS-DP, INTERBUS-S, DEVICE-NET ValveConnectionSystem Sistema de ligação para electroválvulas e distribuidores, compatíveis com bus de terreno PROFIBUS-DP, INTERBUS-S, DEVICE-NET P20.PT.R0a O SISTEMA V.C.S. O sistema VCS é um conjunto

Leia mais

Automação Hidráulica

Automação Hidráulica Automação Hidráulica Definição de Sistema hidráulico Conjunto de elementos físicos associados que, utilizando um fluido como meio de transferência de energia, permite a transmissão e o controle de força

Leia mais

Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier

Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier Opere sua válvula diafragma da forma que mais lhe convier Válvula diafragma asséptica - Todos os nossos atuadores padrão possuem uma peça de ligação/distanciamento em aço inoxidável, que permite a operação

Leia mais

LINHA COMPACTA. KOBO-pH transmissor de ph APM-Z

LINHA COMPACTA. KOBO-pH transmissor de ph APM-Z KOBO-pH transmissor de ph APM-Z LINHA COMPACTA Range de medição ph da -1 a 14 Comutável de ph a ORP Display p/ valor de ph, mv/orp (Potencial de redução e oxidação) e temperatura Simples programação e

Leia mais

Manual de instruções. Botões de comando Série 44

Manual de instruções. Botões de comando Série 44 Manual de instruções Botões de comando Série 44 1- Introdução A série 44 caracteriza-se pelo seu sistema modular de pelo seu sistema modular de elementos de contatos e, pela numerosa possibilidade de configuração

Leia mais

Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678

Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678 Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678 Descrição Ideal para utilização em áreas com atmosfera agressiva, o Canhão Monitor de Controle Remoto modelo Conquest 3678 é construído em latão fundido,

Leia mais

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo As válvulas automáticas são utilizadas em processos de automação ou acionamento remoto para controle de fluxo de líquidos e gases, e também nos processos de dosagem

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03 1 Introdução: Os indicadores possuem uma entrada analógica configurável por software, que permite a conexão de diverstos tipos de sensores de temperatura e outras grandezas elétricas sem a necessidade

Leia mais

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS TA G:Manuais/Manuais atualizados/ta Rev.01 ESQUEMA HIDRÁULICO 1 - INTRODUÇÃO 1.1. - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de

Leia mais

Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma

Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma Linha de Produtos * Monitores de Válvulas Monitor Inteligente Para Válvula Diafragma Calibração automática Sensoriamento totalmente eletrônico do posicionamento da válvula LEDs Extra Brilho para indicação

Leia mais

Válvulas - Série PVL. Válvulas pneumáticas Série PVL. Características técnicas. Materiais. Descrição. Catálogo 1001-8 BR Informações técnicas

Válvulas - Série PVL. Válvulas pneumáticas Série PVL. Características técnicas. Materiais. Descrição. Catálogo 1001-8 BR Informações técnicas Informações técnicas Válvulas - Características técnicas Vias/posições 5/2 Conexão G1/8 e G1/4 Tipo construtivo Acionamentos Vazão a 7 bar Faixa de temperatura Faixa de pressão Cv Fluido Spool Elétrico

Leia mais

Controller. D e s c r i ç ã o G e r a l. C a r a c t e r í s t i c a s e B e n e f í c i o s

Controller. D e s c r i ç ã o G e r a l. C a r a c t e r í s t i c a s e B e n e f í c i o s Controller Vibraswitch Monitor Eletrônico VIBRASWITCH 563A D e s c r i ç ã o G e r a l O modelo Robertshaw 563A Vibraswitch Monitor Eletrônico é um microprocessador de sistema de controle baseado em supervisão

Leia mais

Série de Válvulas Compact Performance

Série de Válvulas Compact Performance Série de Válvulas Compact Performance Largura mínima, consumo de energia muito baixo e vazão extremamente alta. Densidade máxima de potência: _ pequena massa _ dimensões mínimas Montagem da válvula diretamente

Leia mais

Manômetros de Pressão Diferencial

Manômetros de Pressão Diferencial GUIA DO USUÁRIO Manômetros de Pressão Diferencial Modelo PS101, PS106 e PS115 Introdução Parabéns pela compra do Manômetro de Pressão Diferencial Extech SO Série 100. Estes manômetros medem a pressão aferida

Leia mais

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Nível de Óleo para Transformadores e reatores MNO, é um equipamento microprocessado de alta precisão que indica o nível de óleo em escala

Leia mais

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide Explicação dos Tipos Válvula Solenói Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma signação que talha sua estrutura e operação.vários números e letras finem se a válvula é operada diretamente ou servocontrolada,

Leia mais

Características Técnicas Série Quasar

Características Técnicas Série Quasar Descrição do Produto A Série Quasar é uma linha de painéis tipo CCMi (centro de controle de motores inteligente) para baixa tensão e correntes até 3150 A, ensaiados conforme a norma NBR/IEC 60439-1 - TTA

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada!

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada! Electron do Brasil Tecnologia Digital Qualidade Comprovada! Ensaios de Tipo Realizados Tecnologia ao seu alcance Catálogo Monitemp - rev3 Produtos Certificados! www.electrondobrasil.com O Monitor de Temperatura

Leia mais

Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014

Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014 Instrução MI 020-531 Janeiro de 2014 Modelo RTT30 Transmissor de temperatura I/A Series com protocolo Fieldbus HART ou FOUNDATION Informações sobre segurança Índice 1. RTT30, HART, ATEX/INMETRO II 1 G...

Leia mais

Os termômetros de resistência podem ser isolados de altas tensões. Todavia, na prática, o espaço de instalação disponível é frequentemente pequeno

Os termômetros de resistência podem ser isolados de altas tensões. Todavia, na prática, o espaço de instalação disponível é frequentemente pequeno ProLine P 44000 Medições Precisas de Temperatura em Altas Tensões, até 6,6 kv Quando as temperaturas precisam ser medidas com termômetros de resistência Pt100 em ambientes sob altas tensões, os transmissores

Leia mais

COMPONENTES. Contatores de potência Tipo BMS09.08 / 18.08

COMPONENTES. Contatores de potência Tipo BMS09.08 / 18.08 COMPONENTES Contatores de potência Tipo 09.08 / 18.08 Informações gerais O contator, com mais de cem mil unidades em operação em todo o mundo, é um contator valorizado pelos construtores de vagões e operadores

Leia mais

VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA

VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA VÁLVULAS BORBOLETA COM SEDE RESILIENTE MANUAL DE SEGURANÇA The High Performance Company ÍNDICE 1.0 Introdução...1 1.1 Termos e abreviações... 1 1.2 Acrônimos... 1 1.3 Suporte ao produto... 2 1.4 Literatura

Leia mais

Controlador de Garra Pneumática MTS Fundamental

Controlador de Garra Pneumática MTS Fundamental Controlador de Garra Pneumática MTS Fundamental Manual Title Manual Additional do Information Produto be certain. 100-238-337 A Informações sobre Direitos Autorais Informações sobre Marca Registrada 2011

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

Anemômetro SEY A20. Anemômetro Digital Multitensão IP67. Manual De Instrução

Anemômetro SEY A20. Anemômetro Digital Multitensão IP67. Manual De Instrução Anemômetro SEY A20 Anemômetro Digital Multitensão IP67 Manual De Instrução 1. DESCRIÇÃO Anemômetro Digital Seyconel com dois níveis de alarme e sinalizador visual foi projetado para cumprir a norma brasileira

Leia mais

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva

TRANSFORMADOR A SECO Geafol de 75 a 25.000 kva Com a linha Geafol, obteve-se um transformador com excelentes características elétricas, mecânicas e térmicas que, adicionalmente, ainda é ecológico. São produzidos sob certificação DQS, ISO 9001 e ISO

Leia mais

Quem somos nós. Uma Empresa, Assistência total, Soluções completas

Quem somos nós. Uma Empresa, Assistência total, Soluções completas Produtos e Serviços Quem somos nós Uma Empresa, Assistência total, Soluções completas Durante muitos anos, a Hydratight tem fornecido soluções na forma de juntas aparafusadas de categoria internacional

Leia mais

monitor de Válvula M31 linha de produtos - monitor duplo IP67 M31 Monitor para Sinalização de Válvula Sense

monitor de Válvula M31 linha de produtos - monitor duplo IP67 M31 Monitor para Sinalização de Válvula Sense monitor de Válvula M31 linha de produtos monitor duplo IP67 M31 Monitor para Sinalização de Válvula 1 monitor de Válvula M31 Monitores Convencionais O monitor para sinalização de válvulas M31 foi idealizado

Leia mais

Série Quasar. Quadro Geral de Baixa Tensão Quadro de Distribuição Centro de Controle de Motores Inteligente. www.altus.com.br

Série Quasar. Quadro Geral de Baixa Tensão Quadro de Distribuição Centro de Controle de Motores Inteligente. www.altus.com.br Série Quasar Quadro Geral de Baixa Tensão Quadro de Distribuição Centro de Controle de Motores Inteligente www.altus.com.br Na medida exata para seu negócio Modular: ampla variedade de configurações para

Leia mais

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Limitador de temperatura Ampla faixa de alimentação Aquecimento dinâmico Economia de energia elétrica Compacto Aquecedor para aplicação em invólucros de pequeno

Leia mais

CHANDER FIRE DO BRASIL. equipamentos de segurança

CHANDER FIRE DO BRASIL. equipamentos de segurança CHANDER FIRE DO BRASIL equipamentos de segurança www.chanderfiredobrasil.com.br SISTEMA ENDEREÇÁVEL CENTRAL ENDEREÇÁVEL DE 250 ENDEREÇOS Especificações Técnicas: - Alimentação primária: 110V ou 220V AC

Leia mais

ANALISADORES DE GASES

ANALISADORES DE GASES BGM BOMBA DE SUCÇÃO SÉRIE COMPACTA ANALISADORES DE GASES Descrição: Gera uma depressão no processo, succionando a amostra e criando a vazão exata para atender o tempo necessário de condicionamento do gás

Leia mais

Soluções de detecção de gases tóxicos e combustíveis. Desempenho e segurança que vão além da conformidade com padrões

Soluções de detecção de gases tóxicos e combustíveis. Desempenho e segurança que vão além da conformidade com padrões Soluções de detecção de gases tóxicos e combustíveis Desempenho e segurança que vão além da conformidade com padrões Soluções confiáveis Det-Tronics, sua parceira em segurança Nosso sistema de detecção

Leia mais

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8

Apresentação...3. Vantagens...3. Instalação...4. Informações Técnicas...5. Especificações Técnicas...8 1 ÍNDICE Apresentação...3 Vantagens...3 Instalação...4 Informações Técnicas...5 Especificações Técnicas......8 2 APRESENTAÇÃO: O SS100 é um rastreador desenvolvido com os mais rígidos padrões de qualidade

Leia mais

Conceito de automação pneumática - uma comparação entre um terminal de válvulas e válvulas avulsas

Conceito de automação pneumática - uma comparação entre um terminal de válvulas e válvulas avulsas White Paper Conceito de automação pneumática - uma comparação entre um terminal de válvulas e válvulas avulsas Válvulas avulsas ou terminal de válvulas para controle de equipamentos automatizados pneumáticos?

Leia mais

Manual do Usuário - NKPROX

Manual do Usuário - NKPROX Manual do Usuário NKPROX Manual do Usuário - NKPROX Neokoros TI - Biometric Technology Índice 1 - Apresentação e Características Gerais...3 2 - Placa BMC - Especificações...4 2.1 - Conectores (pinagem

Leia mais

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID

CCL. Manual de Instruções. CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva TECNOFLUID Português CCL CHAVE DE NÍVEL Tipo Condutiva Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas. Anote o modelo e número de série

Leia mais

Analisador com interface FOUNDATION Fieldbus, medição de condutividade em áreas seguras e classificadas

Analisador com interface FOUNDATION Fieldbus, medição de condutividade em áreas seguras e classificadas Sistemas para Análise de Processo Quím. Energia Farm. Alim. Água Stratos FF 2231 X Cond Analisador com interface FOUNDATION Fieldbus, medição de condutividade em áreas seguras e classificadas Características

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Central de Iluminação de Emergência 12 V(cc), 20 A, com Capacidade de 240 W. Código AFB240 A central de iluminação de emergência é alimentada pela rede elétrica predial (110 ou 220 volts) e também possui

Leia mais

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola)

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola) Supervisão de parada de emergência e monitoramento de portas Supervisão de sensores de segurança magnéticos codificados Entrada para 1 ou 2 canais Categoria de Segurança até 4 conforme EN 954-1 Para aplicações

Leia mais

PNEUMÁTICA. Enroladores de mangueiras e de cabos. Desempenho superior, design durável e facilidade de uso

PNEUMÁTICA. Enroladores de mangueiras e de cabos. Desempenho superior, design durável e facilidade de uso PNEUMÁTICA Enroladores de mangueiras e de cabos Desempenho superior, design durável e facilidade de uso 2 Para uso profissional em ambientes industriais. Satisfação das necessidades dos ambientes de trabalho

Leia mais

Manual de Instalação, Operação e Manutenção. Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92

Manual de Instalação, Operação e Manutenção. Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92 Chave Eletrônica de Nível LIDEC 91-92 Manual de Instalação, Operação e Manutenção INFORMAÇÕES DE DIREITOS AUTORAIS Este documento não pode ser reproduzido, no todo ou em parte e por quaisquer meios, sem

Leia mais

Dreno Eletrônico 1321823

Dreno Eletrônico 1321823 1321823 Dreno Eletrônico Sua empresa utiliza ar comprimido? Ar comprimido Um produto importante em todas as indústrias. Seja qual for a finalidade com que utiliza o ar comprimido, a qualidade tem de ser

Leia mais

Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F*****

Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F***** Instruções de segurança VEGADIF DF65.D******- Z/H/P/F***** NCC 13.02323 X Ex d ia IIC T6...T1 Ga/Gb 0044 Document ID: 47487 Índice 1 Validade... 3 2 Geral... 3 3 Dados técnicos... 3 4 Condições de utilização...

Leia mais

T500 Elite - Hotbus TM Sistema de Amplo Monitoramento de Planta para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia

T500 Elite - Hotbus TM Sistema de Amplo Monitoramento de Planta para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia TM Sistema de Amplo Monitoramento de Planta para Elevadores de Caçamba e Transportadores de Correia APLICAÇÃO Monitor para alinhamento de correia, velocidade da correia, temperatura de rolamento contínua,

Leia mais

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho).

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho). As Válvulas de segurança da GPA são a forma mais efetiva de proteger sua prensa freio embreagem contra mau funcionamento ou operação acidental derivada por falha da válvula. MEP-A é uma série de válvulas

Leia mais

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos

Série P3000. Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000. Dados técnicos. Recursos Série P3000 Testadores pneumáticos de peso morto - modelo P3000 Dados técnicos Recursos A pressão varia de Vácuo até 2.000 psi (140 bar) Precisão superior a 0,015 % de leitura. (Opção de precisão aumentada

Leia mais

Chaves de Transferência

Chaves de Transferência Chaves de Transferência GTEC 63-1250 Amps 2 Pólos, 3 Pólos e 4 Pólos Descrição As chaves de transferência da serie GTEC proporcionam a monitoração da fonte normal e do grupo gerador, as funções de partida

Leia mais

Torres Luminosas Compactas e Modulares

Torres Luminosas Compactas e Modulares Torres Luminosas Compactas e Modulares Safe solutions for your industry Índice TLC-60 Torre Luminosa Compacta Página 4 TLM-70 Torre Luminosa Modular Página 10 3 TLC-60 Torre Luminosa Compacta Desenvolvida

Leia mais

Dados técnicos. necessário. Consumo de corrente Placa de medição não abrangida 3 ma Placa de medição abrangida

Dados técnicos. necessário. Consumo de corrente Placa de medição não abrangida 3 ma Placa de medição abrangida 0102 Designação para encomenda Características Para montagem na caixa Montagem directa em accionamentos normais Directivas europeias para máquinas cumpridas Certificado de verificação de modelos TÜV99

Leia mais

Partidas para motores ultra-compactas SIRIUS 3RM1

Partidas para motores ultra-compactas SIRIUS 3RM1 Partidas para motores ultra-compactas SIRIUS 3RM1 Partidas para motores SIRIUS 3RM1 Multifuncionais e com apenas 22,5 mm de largura siemens.com/motorstarter/3rm1 Answers for industry. Acionamento de motores

Leia mais

COMPONENTES. Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW

COMPONENTES. Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW COMPONENTES Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW Informações gerais A chave SW sem carga é uma gama completa projetada para cobrir todas as aplicações a serem cumpridas em subestações

Leia mais

WattStation Carregador de Veículos Elétricos

WattStation Carregador de Veículos Elétricos GE Industrial Solutions WattStation Carregador de Veículos Elétricos GE imagination at work Design WattStation A segunda coisa mais interessante na sua garagem Por que não escolher um carregador com uma

Leia mais

Sistema de válvulas, Série HF04 Qn Máx. = 400 l/min Conexão fieldbus com AS I Design B Protocolos de bus de campo suportados:as-i

Sistema de válvulas, Série HF04 Qn Máx. = 400 l/min Conexão fieldbus com AS I Design B Protocolos de bus de campo suportados:as-i Sistema de válvulas, Série HF Qn Máx. = l/min Conexão fieldbus com S I Design Protocolos de bus de campo suportados:s-i 8 Modelo bus de campo DC Princípio Princípio de placas básicas x de bloqueio Pressão

Leia mais

SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES

SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES AUMENTE O DESEMPENHO DE SEU SISTEMA FIREDETEC COM UM SISTEMA DE MEDIÇÃO DIGITAL DIMES Confirma que seu sistema estará pronto e carregado adequadamente Monitora continuamente

Leia mais

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características

dmtech Booster Amplificador de Volume Descrição Características Booster Amplificador de Volume Descrição O Booster - Amplificador de volume - tem como função reproduzir sinais pneumáticos com aumento da capacidade de vazão. É utilizado quando a tubulação entre o instrumento

Leia mais

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE Catálogo Técnico INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE CATÁLOGO TÉCNICO ÍNDICE CATÁLOGO TÉCNICO... 1 INTRODUÇÃO... 2 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 2 DADOS TÉCNICOS... 3 ENSAIOS DE TIPO REALIZADOS...

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES EN81.20 e EN81.50. www.giovenzana.com

ESPECIFICAÇÕES EN81.20 e EN81.50. www.giovenzana.com ESPECIFICAÇÕES EN81.20 e EN81.50 www.giovenzana.com A nova EN 81-20 substitui o EN 81-2 & EN 81-1. EN 81-20: Passageiros e Mercadorias / Elevadores de Passageiros Contém requisitos para a instalação completa

Leia mais

Atuadores Pneumáticos

Atuadores Pneumáticos / / D Atuadores Pneumáticos Os atuadores pneumáticos HiTork são dispositivos utilizados para o acionamento de válvulas de controle e outros elementos semelhantes. Possuem construção robusta, grandes torques

Leia mais

INTERRUPTOR DE FIM DE CURSO. Neles SolaR. Instruções de Instalação, Manutenção e Funcionamento 7 SOL 70 pt Edição 9/04

INTERRUPTOR DE FIM DE CURSO. Neles SolaR. Instruções de Instalação, Manutenção e Funcionamento 7 SOL 70 pt Edição 9/04 INTERRUPTOR DE FIM DE CURSO Neles SolaR Instruções de Instalação, Manutenção e Funcionamento 7 SOL 70 pt Edição 9/04 2 Índice 1 GERAL... 3 1.1 Introdução... 3 1.2 Marcações... 3 1.3 Especificações... 3

Leia mais

GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante com dois sensores Instruções de instalação e funcionamento

GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante com dois sensores Instruções de instalação e funcionamento Labkotec Oy Myllyhaantie 6 FI-33960 PIRKKALA FINLAND Tel: + 358 29 006 260 Fax: + 358 29 006 1260 19.1.2015 Internet: www.labkotec.fi 1/12 GA-2 Dispositivo de Alarme de Separador de Massa Lubrificante

Leia mais

IW10. Rev.: 02. Especificações Técnicas

IW10. Rev.: 02. Especificações Técnicas IW10 Rev.: 02 Especificações Técnicas Sumário 1. INTRODUÇÃO... 1 2. COMPOSIÇÃO DO IW10... 2 2.1 Placa Principal... 2 2.2 Módulos de Sensores... 5 3. APLICAÇÕES... 6 3.1 Monitoramento Local... 7 3.2 Monitoramento

Leia mais

Fundamentos de manuseio de fibra nas redes da próxima geração

Fundamentos de manuseio de fibra nas redes da próxima geração Documento técnico Fundamentos de manuseio de fibra nas redes da próxima geração Por: Matt Brown Introdução À medida que a demanda por dados continua a aumentar, cresce também a penetração da fibra óptica

Leia mais

Monitor de Temperatura MONITEMP

Monitor de Temperatura MONITEMP ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp foi desenvolvido para supervisionar até 3 (três) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C Válvula Globo de Assento Inclinado /-vias para produtos até +1 C O Tipo pode ser combinado com... Altos níveis de vazão Amplo ciclo de vida útil Programa de opção modular universal até os cabeçotes de

Leia mais

CONTROLADOR DE TEMPERATURA TRES-S TS MANUAL DE INSTRUÇÕES TS01-TS03-TS05-TS08-TS12

CONTROLADOR DE TEMPERATURA TRES-S TS MANUAL DE INSTRUÇÕES TS01-TS03-TS05-TS08-TS12 CONTROLADOR DE TEMPERATURA TRES-S TS MANUAL DE INSTRUÇÕES TS01-TS03-TS05-TS08-TS12 INSTALAÇÃO DO CONTROLADOR DE TEMPERATURA Atenção: A Montagem e manutenção devem ser realizadas apenas por profissionais

Leia mais

Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310

Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310 Medidores de nível de combustível LLS 20160 е LLS-AF 20310 Conteúdo 1 INTRODUÇÃO... 3 2 DESCRIÇÃO E OPERAÇÃO... 4 2.1 USO DO PRODUTO... 4 2.2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS... 4 2.2.1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

Leia mais

SENTRONIC 608/609 Versão para sub-bases Conector DN 4 Peso: 560 g Orifício para parafusos M4 Interface de programação Parafuso M4 para ligação à terra Orifício para parafusos M4 DN 8 Peso: 1.130 g Orifícios

Leia mais

Jato de tinta contínuo Impressoras Série 1000

Jato de tinta contínuo Impressoras Série 1000 arcação e codificação inteligente produtividade simplificada Jato de tinta contínuo Impressoras Série 1000 Série Videojet 1000 elhorando a produtividade com tecnologia de última geração. As impressoras

Leia mais

DOC# IMBU-PB-REMOTE-MONITORING-01-PT IMBU. Monitoramento remoto de equipamentos industriais

DOC# IMBU-PB-REMOTE-MONITORING-01-PT IMBU. Monitoramento remoto de equipamentos industriais IMBU Monitoramento remoto de equipamentos industriais IMBU A solução de monitoramento remoto da IMBU é tanto um painel de desempenho operacional para a alta diretoria de uma empresa quanto uma ferramenta

Leia mais

Megabloc Manual Técnico

Megabloc Manual Técnico Bomba Padronizada Monobloco Manual Técnico Ficha técnica Manual Técnico Todos os direitos reservados. Os conteúdos não podem ser divulgados, reproduzidos, editados nem transmitidos a terceiros sem autorização

Leia mais

Pasve Válvula Retrátil Rotativa

Pasve Válvula Retrátil Rotativa Folha de Dados Pasve Ph Pasve Válvula Retrátil Rotativa PATENTEADA, única válvula desenhada para limpeza e calibração de sensores de PH sem removê-los do processo ou desligamento de bombas. Para uso de

Leia mais