Válvulas Inovadoras de Controle Automático. Válvulas Hidráulicas de Controle Para Saneamento e Irrigação

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Válvulas Inovadoras de Controle Automático. Válvulas Hidráulicas de Controle Para Saneamento e Irrigação"

Transcrição

1 Válvulas Inovadoras de Controle Automático Válvulas Hidráulicas de Controle Para Saneamento e Irrigação 1

2 As válvulas Ooval são auto-operadas, controladas por piloto que atuam em um diafragma, que geram notáveis benefícios e ganhos sem paralelo em ambas funções básicas e sofisticadas controlando pressões, níveis e vazões.! " # $ % $ & ' ( # ' ) ( *! +, -. ( #! " ' ( " #! ( ( ( 2 As válvulas da Ooval são usadas em saneamento, agricultura, paisagismo, indústria, mineração e esgoto.

3 Desempenho consistente Ação da válvula confiável e sem problemas; controlada, abertura e fechamento preciso e suave mesmo sob baixas vazões e com selamento perfeito. Extremamente estável e de controle preciso durante a partida e regulagem; fornece versátil auto adequação e controle a baixa vazão. Capacidade para grandes fluxos e baixíssima perda de carga, resultado de um inovador corpo e passagem da água. Selamento ativo estanque é garantido pela forma oval do diafragma e de sua superfície resiliente de selamento. Fácil manutenção da válvula instalada devido ao seu projeto abertura por cima. Confiável, produção de alta qualidade com altos padrões de criação do projeto. Pilotos comprovados para controle de pressão, vazão e de nível, solenóides e acessórios de controle.. 3

4 Controle seguro Projeto baseado na simplicidade. Criada para trabalhar em situações de grandes demandas. Cada válvula assegura um fechamento lento, o que minimiza golpes de aríete e absorve sobre pressões causadas pelo desligamento do sistema. Modo aberto Alta Eficiência- Baixa Perda de Carga A passagem da água é ampla e livre de obstruções para desempenho hidráulico superior e menor perda de carga. Redução de Pressão numa Ampla Faixa de Vazão As válvulas da Ooval são capazes de reduzir a pressão em vazões extremamente baixas, tanto quanto para altas vazões, devido ao diafragma oval multi funcional. O mesmo diafragma pode abrir, fechar e reduzir pressões até 4 mca. Modo fechado Cobertura Protetora O interior e exterior das válvulas são tratadas por uma pulverização de cobertura eletrostática de poliéster que não irá lascar, é resistente a ferrugem, suporta o sol, sal e outros elementos corrosivos. O processo de cobertura inclui pré tratamento por jateamento, pulverização eletrostática de poliéster e cura em forno aquecido para fixar a pintura. Manutenção Fácil As válvulas da Ooval requerem manutenção mínima. A válvula nunca precisa ser retirada da tubulação. A tampa é facilmente removida, mostrando o diafragma e a mola que pode requerer manutenção. Diafragma Acessórios Hidráulicos Ooval oferece uma completa linha de pilotos multi propósito e acessórios. Pela combinação de válvulas da Ooval com acessórios hidráulicos precisos, rapidamente atinge-se soluções para situações comuns e complexas. O piloto plástico em particular, tem inovadoras capacidades não disponíveis em produtos similares, tal como grandes passagens para rápida reação e possibilidade de instalação para passagem bidirecional. Todas as válvulas da Ooval podem ser controlados por pilotos 3 vias e 2 vias. Válvulas padrão podem ser controladas manualmente ou por sistemas Elétricos, Redutor de Pressão, Sustentador de Pressão/Alívio, Relé Hidráulico e Alívio de Pressão de Ação Rápida. Aspectos adicionais de controle pelas válvulas incluem Antecipadora de Onda Válvula de Alívio, Controle de Bombeamento, Controle de Vazão, Abertura em Dois Estágios, Controle por Boia Pendular ou Mecânica e opções como retenção. 4

5 Especificações Técnicas Gráfico 1"+1½" 3R"+2" Especificações da Válvula Tampa Mesmo de cima Diafragma Borracha Natural Mola Aço inox Estimado Acento Acetato 1½S" 2A" 4A" 6" 8" 10" 12" Parafusos Aço recoberto por cobalto Corpo F. fundido/astm A45CI S25A Bronze/BS 1400 LG F. nodular /ASTM A-536 3N" 3S" Medidas das Válvulas Tamanho Comprimento (L) Altura (H) Largura (W) Peso Inch mm Material Conexão Polegada mm Polegada mm Polegada mm Lbs Kg. Reta 1" 25 f. fundido rosca "N 40 f. fundido rosca "S 40 f. fundido rosca " 50 Bronze rosca " 50 f. fundido rosca " f. fundido rosca " 80 f. fundido rosca " 80 f. fundido Flangeado " 80 f. fundido Victaulic "S 80 f. fundido rosca "S 80 f. fundido Flangeado " 100 f. fundido Victaulic " 100 f. fundido flangeado " 150 F. nodular Victaulic " 150 F. nodular Flangeado " 200 F. nodular Flangeado " 250 F. nodular Flangeado " 300 F. nodular Flangeado Angular 2" 50 f. fundido rosca " F. fundido rosca " 80 f. fundido rosca " 80 f. fundido Flangeado " 80 f. fundido Victaulic S" 80 f. fundido rosca S" 80 f. fundido Flangeado " 100 f. fundido Victaulic " 100 f. fundido Flangeado Condições Recomendadas de Trabalho Diâmetro Nominal Pressão entrada, PSI & Bar Vazão, GPM & (m 3/h) Válvula totalmente aberta Mínima Máxima Mínima Máxima Inch mm PSI Bar PSI Bar GPM (m 3/h) GPM (m 3/h) *Cv Fator *Kv Fator 2" , " , " , S" , " , " , " , Cv=Q/ P Onde Q=Vazão (GPM), P=Perda de carga da válvula (PSI) Kv=Q/ P Onde Q=Vazão (M3/h), P=Perda de carga da válvula(bar) 5

6 Especificações de Pilotos P-24 P-21 P-22 P-23 P-24 P-31 P-32 P-22 P-33 P-36 2 vias piloto metálico Redutor de Pressão PSI ( bar) 2 vias piloto metálico Sustentador de Pressão PSI ( bar) 2 vias piloto metálico Alívio Rápido PSI ( bar) Piloto metálico de controle de Altitude PSI ( bar) 3 vias piloto plástico Redutor/Sustentador de Pressão PSI ( bar) 3 vias piloto plástico diferencial de pressão PSI ( bar) 3 vias piloto plástico Redutor/Sustentador de Pressão PSI ( bar) 3 vias piloto metálico diferencial de pressão PSI ( bar) P-21 P-31 Operação Principal 3 vias Redutor de Pressão Porta Redutor de Pressão Sensor / Jusante Dreno Câmara da válvula Pressão / Montante Sustentador de Pressão Sensor / Montante Pressão / Montante Câmara da válvula Dreno Operação Principal 2 vias Redutor de Pressão Porta Redutor de Pressão 1 ou 2 Sensor / Jusante 3 Pressão / Montante 4 Câmara da Válvula 6

7 Válvula Redutora de Pressão Aplicações Configurações de redução da Ooval para sistemas diversos de suprimento de água com valores médios de pressão. O modelo de piloto plástico é o melhor para aplicações em irrigação de baixa pressão. Os materiais plásticos e seu simples design proporciona alta resistência a corrosão e preços com alta relação custo-benefício. A configuração do piloto de 2-vias, junto ao seu ímpar diafragma, permite suave e preciso controle de pressão. Use válvulas Ooval para redes residenciais, de saneamento e filtragem. Descrição Válvulas Ooval são válvulas hidráulicas pilotadas e ativadas pela pressão da tubulação. O piloto tem uma mola sobre um diafragma que é sensível a pressão a montante. A mola do piloto é pré-regulada para reduzir à pressão adequada. O piloto mantém uma pressão constante a montante pela abertura e fechamento gradual da válvula Ooval sob qualquer vazão. Modelos Disponíveis Válvula Redutora de Pressão 3-vias para tamanhos 2"- 8" com pressão até 145 PSI (10 bar). Válvula Redutora de Pressão 2 e 3-vias com pressão até 232 PSI (16 bar). Regulagem Ajuste o ponto de pressão desejado com uma chave fixa no parafuso sobre o piloto. Função A Válvula Redutora de Pressão Ooval é ativada pela pressão na tubulação e controlada pelo piloto. O piloto inclui uma mola sobre um diafragma, que é exposta a pressão a montante. O deslocamento do diafragma devido à flutuação da pressão a montante define a direção do fluxo dentro do piloto. Quando a pressão a montante é menor do que desejada, a válvula é automaticamente direcionada para abrir. No caso reverso, ela é automaticamente direcionada para fechar. Quando a pressão da tubulação chegar até o interior da câmara da válvula (sobre seu diafragma) a válvula fechará. Quando a câmara drena, a válvula abre como resultado da pressão na tubulação abaixo do seu diafragma. Em configurações 2 vias, a câmara drena a montante, permitindo reação mais rápida e abertura gradual. Modo de controle - Piloto 3-vias Plástico/Metal Manual: Use o seletor 3-vias para fechar ou abrir a válvula girando a manopla para as posições C (fechado) ou O (aberto). Automático: Coloque a manopla do seletor 3- vias para A (automático). Quando a pressão a montante for menor do que a mola do piloto, a câmara da válvula drena via portas 3 e 2 do piloto para abrir a válvula. Quando a pressão a montante for muito alta, o diafragma do piloto move-se para cima permitindo que as portas 3 e 4 se conectem, permitindo assim que a pressão da tubulação feche a válvula. Em configurações 3-vias, a câmara drena para atmosfera, permitindo que a válvula abra totalmente. Modo de controle - Piloto 2-vias Manual: para abrir a válvula da Ooval, abrir registros 1 e 2, para fechar a válvula da Ooval, fechar o registro a montante do piloto. Automático: Quando a pressão a montante for menor do que a da mola do piloto, a câmara drena a montante e a válvula abre. Nesse caso, há uma conexão entre porta 3 (entrada jusante), porta 1 ou 2 (saída montante) e a câmara. Quando a pressão a montante se elevar sobre a pressão pré regulada da mola, o diafragma do piloto é forçado para cima, fechando as porta 1 ou 2. A válvula, então começa o fechamento e a pressão a montante reduz. 7

8 Válvula Sustentadora de Pressão / Alívio Aplicações Use a Válvula Sustentadora de Pressão/Alívio para manter constante a pressão à jusante e para evitar indesejáveis situações de alta-pressão. Esta proteção é requerida pela maioria dos sistemas de irrigação, redes residenciais, instalações industriais, e para demais sistemas de suprimento de água. O modelo de piloto plástico 3-vias provê alta resistência à corrosão numa ótima relação custo benefício. É o melhor para irrigações, sistemas de filtragem, tratamento de água e aplicações residenciais de baixa-pressão. O comando do piloto de 2-vias provê suave e preciso controle de pressão. Descrição O piloto tem uma mola sobre um diafragma que é exposto à pressão a montante. A válvula é normalmente fechada. Como Válvulas de Alívio Pressão, quando a pressão na tubulação se elevar além do ponto pré-regulado, fará a válvula abrir para reduzir a pressão excessiva a jusante. A pressão excessiva é liberada para fora da tubulação. Válvulas Sustentadoras de Pressão elevam a pressão a jusante, por falta de pressão a montante, sem causar riscos de golpe. Quando a pressão na tubulação cair abaixo do ponto desejado, a válvula fechará. Modelos Disponíveis Válvula Sustentadora de Pressão/alívio pilotadas por piloto plástico 3-vias em tamanhos 2"- 8" com pressão até 145 PSI (10 bar). Válvula Sustentadora de Pressão/alívio de 2 e 3-vias para pressão até 232 PSI (16 bar). Regulagem Ajuste a pressão a sustentar pela regulagem com chave fixa no parafuso sobre o piloto. Função A Válvula Sustentadora de Pressão/ Alívio é ativada pela pressão da tubulação e controlada pelo piloto. A pressão sustentada é pré-regulada pelo ajuste da mola contida no piloto. O piloto é conectado à pressão da tubulação (jusante). O deslocamento da mola do piloto sobre um diafragma devido à pressão a jusante define a direção do fluxo dentro do piloto. Quando a pressão a jusante for maior do que o ponto calibrado, a válvula é direcionada para abrir. Senão a válvula permanece fechada, mantendo a pressão a jusante. A pressão excessiva da tubulação é aliviada a montante. Em configurações com piloto 3- vias, a câmara da válvula drena, permitindo que a válvula abra totalmente. Em configurações com pilotos 2-vias, a câmara drena a montante, permitindo um tempo de reação mais rápido e fechamento gradual. Modo de controle - Piloto Plástico/Metal 3-vias Manual: Use o seletor 3-vias para fechar ou abrir a válvula girando a manopla para as posições C (fechada) ou O (abrir). Automático: Coloque a manopla do seletor 3- vias para A (automático). Quando a pressão a jusante estiver baixa, o diafragma do piloto estará na sua posição mais baixa. A câmara da válvula fica exposta à pressão da tubulação através das portas 2-3 do piloto. A válvula fecha para sustentar a pressão a jusante. Quando a pressão a jusante for maior do que a pré-regulada, a pressão vence a mola do piloto e força o diafragma do piloto a se mover para cima. A conexão entre portas 3-4 abre e a porta 2 fecha-se. A câmara drena e a válvula abre para aliviar a pressão excessiva a montante. Em configurações 3-vias, a câmara é drenada para atmosfera, permitindo a válvula abrir totalmente. Modo de controle - 2-vias Piloto Manual: para abrir a válvula da Ooval, abrir registros 1 e 2, para fechar a válvula da Ooval, fechar o registro a montante do piloto. O registro a jusante deve permanecer aberto. Automático: Quando a pressão a jusante estiver menor do que a pressão a ser sustentada, a câmara da válvula é conectada a tubulação. Esta conexão ocorre através das portas 1 ou 2 (entrada jusante) e porta 3. A válvula fecha quando a pressão desejada a jusante for alcançada. Quando a pressão a jusante se elevar acima do ponto calibrado, o diafragma do piloto é forçado a subir. Porta 5 (saída montante) abre e a câmara da Ooval válvula é drenada a montante, aliviando a pressão excessiva. 8

9 Válvula Redutora / Sustentadora de Pressão Aplicações Use a válvula redutora / sustentadora de pressão para definir dois pontos de pressão ao longo da tubulação. Tipicamente, esta ocorre numa tubulação morro abaixo. Descrição Válvulas redutoras / sustentadoras de pressão são válvulas hidráulicas pilotadas ativadas pela pressão na tubulação e controlada pelo piloto. Ambos os pilotos têm mola sobre um diafragma. Um piloto é sensível a pressão a jusante e o outro a pressão a montante. A operação combinada dos dois pilotos sustenta a pressão mínima préregulada a jusante da válvula, e ao mesmo tempo, reduz a pressão a montante para a pressão pré-regulada máxima. A válvula abre ou fecha gradualmente para manter ambas as pressões requeridas simultaneamente. Modelos Disponíveis válvula Redutora / Sustentadora de Pressão de 3-vias com piloto plástico. Piloto plástico é usado para tamanhos de 2" - 8" com pressão até 145 PSI (10 bar). válvula redutora/sustentadora de pressão de 2 e 3-vias com pressão até 232 PSI (16 bar). Regulagem Ajuste a pressão a sustentar pela regulagem com chave fixa no parafuso sobre os pilotos. Função A válvula redutora / sustentadora de pressão é ativada pela pressão na tubulação e controlada por dois pilotos. Ambos os pilotos têm mola sobre um diafragma. O piloto sustentador é pré-regulado para sustentar a pressão a jusante no ponto pré regulado. O piloto redutor reduz a pressão a montante e a mantém no ponto pré-regulado. Sob condições de fluxo normal, a válvula fica parcialmente aberta para sustentar a pressão a jusante e reduzir a pressão a montante. Ela fecha parcialmente quando a pressão a montante se eleva sobre o ponto de calibração superior ou quando a pressão na tubulação cai abaixo do ponto de calibração inferior. Ela abre novamente quando a pressão a montante se elevar sobre o mínimo. Em configurações com piloto de 3-vias, a câmara da válvula drena para atmosfera, permitindo que a válvula abra totalmente Em configurações com piloto de 2-vias a câmara drena a montante, permitindo menor tempo de reação e gerando uma abertura gradual. Modo de controle - Piloto 3-vias Plástico/Metálico Manual: Use o seletor 3-vias para fechar ou abrir a válvula girando a manopla para as posições C (fechada) ou O (abrir) ou Automático: Coloque a manopla do seletor 3- vias para A (automático). Quando a pressão a jusante estiver baixa, a água da tubulação fluirá através da portas 2-3 do piloto sustentador e entrará na câmara da válvula. A válvula assim fecha para sustentar pressão a jusante. Quando a pressão a jusante alcançar o ponto regulado, o diafragma do piloto redutor se moverá para cima e conectará as portas 2-3. A câmara será drenada através do piloto sustentador e saíra pela porta 2 do piloto redutor. A válvula então abrirá para atingir a pressão pré-regulada a montante. Quando a pressão a montante for maior do que o ponto pré-regulado o diafragma do piloto redutor se moverá para cima, permitindo que a água entre na câmara através das portas 4-3 do piloto sustentador. Modo de controle - Piloto 2-vias Manual: para abrir a válvula da Ooval, abrir registros 1 e 2, para fechar a válvula da Ooval, fechar o registro a montante do piloto. O registro a jusante deve permanecer aberto. Automático: Quando a pressão a jusante estiver baixa, a câmara é conectada através do piloto sustentador 2-vias a tubulação pressurizada e a válvula se fecha. Quando a pressão da tubulação se eleva e vence a mola do piloto sustentador, o diafragma do piloto se move para cima para abrir porta 5 (saída a montante). A câmara então é drenada a montante através do piloto redutor 2-vias. A válvula então abre e reduz a pressão a jusante. Como a pressão na tubulação foi reduzida, o piloto sustentador fecha, assim como a válvula. Se a pressão a montante for maior do que o valor regulado no piloto redutor, o diafragma do piloto diafragma move para cima e fecha porta 1 ou 2 (saída montante). A câmara é conectada a pressão a jusante e a válvula fecha. 9

10 Válvula de Alívio Rápido de Pressão Aplicações A Válvula de Alívio Rápido de Pressão (QPR) protege sistemas da rápida elevação de pressão excessiva. Sua instalação é recomendada na estação de bombeamento, próxima a tubulação principal ou junto a uma motobomba aceleradora. Descrição A válvula de alívio de pressão é uma válvula hidráulica pilotada ativada pela pressão da tubulação. O piloto de 2-vias tem uma mola sobre um diafragma que é sensível a pressão a jusante. A válvula é normalmente fechada. Assim que a pressão na tubulação se elevar acima do valor pré-regulado, a válvula abre rapidamente para aliviar a pressão excessiva. Modelos Disponíveis A válvula é uma típica aplicação com piloto 2-vias, com a pressão até 232 PSI (16 bar). Função A válvula de alívio de pressão é ativada pela pressão da tubulação. O deslocamento do diafragma do piloto é devido a um aumento da pressão na tubulação que vence a força da mola. Assim que a pressão passar acima do ponto calibrado, o fluxo da água dentro do piloto é dirigido para que a válvula abra rapidamente. Modo de controle Automático: Quando a pressão na tubulação estiver baixa, o piloto de alívio rápido e a válvula são fechadas pela pressão da tubulação. A válvula permanece fechada até que a pressão na tubulação seja maior que o ponto calibrado do piloto. Com o aumento da pressão sobre o ponto calibrado, o diafragma movese para cima e a porta 5 (saída montante) do piloto abre, permitindo o esvaziamento da câmara pelo dreno. A válvula da Ooval abre em poucos segundos, aliviando a pressão excessiva. 10

11 Válvula Hidráulica de Controle Elétrico Aplicações Válvulas elétricas On/Off são usadas para controle a distância. Há configurações normalmente aberta ou normalmente fechada. Descrição A válvula abre ou fecha pelo comando elétrico usando tanto solenóide 2-vias ou 3-vias. O solenóide abre ou fecha a válvula quando energizado por um sinal elétrico. O sinal elétrico é originado de um controlador, temporizador, sensor ou dispositivo de controle a distância. Modelos Disponíveis Válvula de controle elétrico 3-vias normalmente fechada e 3-vias normalmente aberta. Válvula de controle elétrico 2-vias normalmente fechada e 2-vias normalmente aberta. Função Configuração 2-vias: A câmara de controle da válvula é drenada a montante, permitindo abertura rápida, porém gradual com descarga de água dentro da própria tubulação. Configuração 3-vias: A câmara de controle da válvula é drenada a atmosfera, permitindo que a válvula se abra totalmente. Modo de controle Modo Normalmente Fechado: A água pressurizada da tubulação chega à câmara da válvula da Ooval sobre seu diafragma via porta P (pressão) e porta C (comum). O diafragma é forçado a abaixar contra a superfície de selamento da válvula. Assim que o sinal elétrico energiza o solenóide normalmente aberto (NO), seu êmbolo se desloca e a câmara é drenada através da porta V (dreno). O diafragma é forçado para cima pela pressão na tubulação e a válvula abre totalmente. Modo normalmente aberto: A câmara de controle da válvula é conectada à porta C (comum) do solenóide. O diafragma da válvula é pressionado para cima pela pressão da tubulação mantendo a válvula posição aberta. Assim que o solenóide normalmente fechado (NC) é energizado pelo sinal elétrico, seu êmbolo muda de posição e o dreno se fecha. A câmara da válvula fica conectada à água pressurizada via porta P (pressão) e porta C e a válvula se fecha. C = Comum P = Pressão V = Dreno Solenóide N.O. Solenóide N.C. 11

12 VálvulaHidráulica de Controle a Distância Aplicações Use esta válvula hidráulica com controle a distância naquelas situações onde a pressão de comando for menor ou maior do que a pressão de trabalho, ou em situações onde há diferença topográfica entre a fonte de pressão do comando e a pressão na tubulação no ponto da válvula. O controle hidráulico a distância é também usado onde o uso de cabos não for possível. Descrição Válvulas hidráulica On/Off são as normalmente usadas para controle a distância. Em configuração normalmente fechada (NC), a válvula permanece fechada até o relé hidráulico receber o comando hidráulico. Em modo normalmente aberto (NO), a válvula fica aberta até o relé hidráulico receber o comando hidráulico para fechar. Modelos Disponíveis Tanto configurações NO quanto NC estão disponíveis. Pressão de operação é até 145 PSI (10 bar). Um piloto regulador de pressão ou sustentador de pressão pode ser usado juntamente ao relé hidráulico. 12 Função A válvula é ativada pela pressão da tubulação e controlada pelo relé hidráulico. O relé possui uma mola sobre um diafragma que determina a pressão requerida para ativar o comando. Em operação normalmente fechada (NC), a pressão na tubulação é conectada à câmara da válvula, mantendo a válvula fechada. No caso reverso (NO), a válvula permanece em posição aberta. Modo de controle Modo normalmente fechado: Em aplicação normalmente fechada, quando o comando é recebido pela porta 1, a pressão na tubulação porta 2 é impedida de entrar na câmara através da conexão entre porta 2-4 e a água da câmara drena através porta 3, provocando a abertura da válvula. Modo normalmente aberto: Em aplicação normalmente aberta, porta 3 conecta-se a pressão a jusante na tubulação e a água é impedida de entrar na câmara. Quando o comando é recebido pela porta 1, a porta 3 conecta-se à porta 4 e a válvula se fecha. Válvula Básica A válvula básica pode ser operada manualmente através do uso de um seletor 3- vias. As opções do seletor são: Fechada: Pressão a jusante ou pressão de uma fonte externa direcionada à câmara. O diafragma é pressionado para baixo para fechar a válvula com estanqueidade. Aberta: Liberando a pressão da água ou ar da câmara à atmosfera causando sua abertura. Automático: A porta automático do seletor 3-vias é conectada ao solenóide, relé hidráulico ou piloto, o qual controla a válvula. A porta comum do seletor 3-vias conecta a câmara para A (automático), O (aberta) ou C (fechada), dependendo para onde o seletor esteja apontado. Relé Plástico 3 Vias

13 VálvulasPadrão Redutora de Pressão Mantém a pressão constante a montante independentemente da pressão a jusante ou de flutuações da vazão. O ponto calibrado para reduzir a pressão é ajustável por pilotos 2-vias ou 3-vias. Uma mola sobre um diafragma dentro do piloto move-se de acordo com mudanças da pressão a montante. As variações de pressão são compensadas pela abertura e fechamento gradual da válvula. Sustentadora de Pressão/Alívio Mantém a pressão pré-regulada mínima a jusante independentemente de mudanças da pressão ou vazão. Válvula de Alívio de Pressão é a válvula sustentadora que libera fluxo excessivo do sistema. Válvula de Alívio de Reação Rápida Uma válvula de segurança que se abre instantaneamente, mas fecha lentamente. Protege o sistema contra pressão excessiva. Manual Abre e fecha manualmente pelo seletor de 3-vias. Elétrica Válvula abre ou fecha em resposta a um comando elétrico usando um solenóide de 3-vias. Relé hidráulico com Shastomit ou Galit Um relé instalado numa válvula no campo é ativado pelo solenóide de uma estação de controle. Redutora/Sustentadora de Pressão A operação combinada de dois pilotos sustenta a pressão a jusante da válvula, e ao mesmo tempo, reduz a pressão a montante para o ponto pré-regulado. Ambos os pilotos têm uma mola sobre um diafragma. Um piloto é sensível a pressão a jusante e o outro a pressão a montante. A válvula abre ou fecha gradualmente para manter as pressões requeridas simultaneamente. 13

14 VálvulasEspeciais Válvula de Controle de Altitude Usada para manter o nível da água em um ponto pré-regulado, em um tanque elevado. A válvula é ativada pela pressão da tubulação de acordo com a pressão hidrostática. A válvula permanece aberta enquanto o nível estive abaixo do valor préregulado. Assim que o nível da água se eleva, a válvula fechará gradualmente. Válvula de Controle Elétrico por Boia Pendular A válvula de controle elétrico por boia pendular é normalmente fechada. Uma boia fica flutuando sobre a superfície da água numa altura instalada tal que acione o circuito de um relé elétrico. Quando o nível da água fica abaixo da boia, o circuito elétrico se liga e abre a válvula através de um solenóide. Assim que a elevação do nível da água alcançar o nível da boia, o circuito é aberto e a válvula fecha. Válvula de Controle de Vazão A vazão através da válvula é determinada indiretamente usando uma placa de orifício. Normalmente a válvula é parcialmente aberta para permitir uma vazão constante pré-regulada. A perda de carga através do orifício é proporcional a vazão corrente. Sob o aumento da perda de carga, a válvula é automaticamente impelida a fechar. Quando a pressão cai, a válvula abre e a vazão é mantida apesar das flutuações da pressão ou da demanda a montante. Válvula de Controle por Boia Mecânica Usada para manter o nível da água pré-regulado em um reservatório ou tanque. A pressão da tubulação ativa a válvula. A válvula permanece aberta durante o período em que o nível da água do reservatório estiver abaixo do nível pré-regulado. Assim que o nível da água se elevar e empurrar o braço da bóia, a válvula fechará gradualmente. 14

15 Soluçõespara sistemas de irrigação e distribuição de água. 15

16 16 P.O. Box 880 Kiriat Malachi Israel Tel: Fa x : E - m a i l i n f o o va l. c o m

Série Plástica PAZ. A nova Série Plástica PAZ distingue-se em:

Série Plástica PAZ. A nova Série Plástica PAZ distingue-se em: Série Plástica PAZ De acordo com a filosofia de desenvolvimento dos produtos da Ooval, a série PAZ é produzida com materiais de alta qualidade adequados A nova Série Plástica PAZ distingue-se em: Capacidade

Leia mais

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799

Válvula Plástica de Diafragma RAF - P. Irrigação. Válvula Plástica. www.idealtrading.com.br / Tel: 71-35032799 Válvula Plástica de Diafragma RAF - P Irrigação Válvula Plástica www.idealtrading.com.br / Tel: 71-502799 Ideal Trading - Válvula Hidráulica de Controle RAF - P Válvula de Controle de Diafragma - Alta

Leia mais

Válvulas: Podem ser: -CONTROLADORAS DE DIREÇÃO. -CONTROLADORAS DE FLUXO. -CONTROLADORAS DE PRESSÃO. - DE BLOQUEIO.

Válvulas: Podem ser: -CONTROLADORAS DE DIREÇÃO. -CONTROLADORAS DE FLUXO. -CONTROLADORAS DE PRESSÃO. - DE BLOQUEIO. Válvulas: São os elementos utilizados para comando dos atuadores, exercendo função preponderante dentro dos circuitos fluídicos e são classificadas conforme suas funções. Podem ser: -CONTROLADORAS DE DIREÇÃO.

Leia mais

Automação Hidráulica

Automação Hidráulica Automação Hidráulica Definição de Sistema hidráulico Conjunto de elementos físicos associados que, utilizando um fluido como meio de transferência de energia, permite a transmissão e o controle de força

Leia mais

NOVA. BERMAD Irrigação Série 100 - Válvulas de Alto Desempenho. Soluções para controle de água

NOVA. BERMAD Irrigação Série 100 - Válvulas de Alto Desempenho. Soluções para controle de água NOVA BERMAD Irrigação Válvulas de Alto Desempeno Soluções para controle de água Série 100 Yflow Válvulas Plásticas de Controle idráulico de Alto Desempeno Características e Benefícios O projeto e a fabricação

Leia mais

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS

DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS DOSADORES HIDRÁULICOS MULTI-PROPÓSITOS Os dosadores de produtos químicos MixRite são acionados unicamente por meio da água, sem outro requerimento adicional de energia. Dosadores Um passo adiante tubos

Leia mais

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões

420 - Série 400. Flangeadas: ISO 7005-2 (PN10 &16) Ranhuradas: ANSI C606 Rosqueadas: NPT Rosqueadas: Rp ISO 7/1 (BSP.P) Padrão das Conexões Bermad Brasil Válvulas e Soluções Hidráulicas Matriz: Rua Jesuíno Arruda, n 797 - Conj. 22 Itaim Bibi - São Paulo - SP - Brasil CEP: 04532-082 Fone: +55 11 3074.1199 Fax: +55 11 3074.1190 Website: www.bermad.com.br

Leia mais

BERMAD Saneamento. Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa. Série 700. Modelo 740

BERMAD Saneamento. Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa. Série 700. Modelo 740 Válvula Controladora de Bomba Válvula de Retenção Ativa Isolamento dos efeitos de partida e parada da bomba do sistema, para: Bombas de velocidade única isoladas Bateria para bombas de velocidade única

Leia mais

VÁLVULAS VÁLVULAS DE BLOQUEIO

VÁLVULAS VÁLVULAS DE BLOQUEIO VÁLVULAS VÁLVULAS DE BLOQUEIO Gaveta Esfera VÁLVULAS DE REGULAGEM Globo Agulha Borboleta Diafragma VÁLVULAS QUE PERMITEM O FLUXO EM UM SÓ SENTIDO Retenção VÁLVULAS CONTROLE PRESSÃO DE MONTANTE Segurança

Leia mais

Shurflo série 8000. * Para recalque acima de 20 metros deverá ser usado 02 módulos de 85Wp.

Shurflo série 8000. * Para recalque acima de 20 metros deverá ser usado 02 módulos de 85Wp. Shurflo série 8000 A shurflo série 8000 é ideal para aplicações residenciais e rurais que necessitem de alta pressão com fluxo superior a 4,6 l/min com baixa amperagem, podendo recalcar até 42,0 metros.

Leia mais

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo

Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo Válvulas Automáticas de Controle e Fluxo As válvulas automáticas são utilizadas em processos de automação ou acionamento remoto para controle de fluxo de líquidos e gases, e também nos processos de dosagem

Leia mais

das válvulas de vazão de líquidos e gases

das válvulas de vazão de líquidos e gases Válvulas de Vazão de Líquidos e Gases Wagner Britto Vaz de Oliveira 00/16144 Pedro Kouri Paim 00/16063 9 de Junho de 2005 1 Introdução No contexto de automação industrial, válvulas de comando são elementos

Leia mais

Fundamentos de Automação. Pneumática 01/06/2015. Pneumática. Pneumática. Pneumática. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

Fundamentos de Automação. Pneumática 01/06/2015. Pneumática. Pneumática. Pneumática. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Ministério da educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Técnica SETEC Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Rio Grande Considerações Iniciais "PNEUMÁTICA

Leia mais

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS TA G:Manuais/Manuais atualizados/ta Rev.01 ESQUEMA HIDRÁULICO 1 - INTRODUÇÃO 1.1. - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de

Leia mais

VÁLVULAS. Válvulas de Regulagem São destinadas especificamente para controlar o fluxo, podendo por isso trabalhar em qualquer posição de fechamento.

VÁLVULAS. Válvulas de Regulagem São destinadas especificamente para controlar o fluxo, podendo por isso trabalhar em qualquer posição de fechamento. VÁLVULAS São dispositivos destinados a estabelecer, controlar e interromper o fluxo em uma tubulação. São acessórios muito importantes nos sistemas de condução, e por isso devem merecer o maior cuidado

Leia mais

CONHEÇA O SISTEMA HIDRÁULICO DE UMA PISCINA

CONHEÇA O SISTEMA HIDRÁULICO DE UMA PISCINA TRATAMENTO FÍSICO Consiste na remoção de todas impurezas físicas visíveis na água ou depositadas nas superfícies internas das piscinas, como por exemplo, as folhas, os insetos, poeiras, argila, minerais

Leia mais

VÁLVULAS E ACESSÓRIOS

VÁLVULAS E ACESSÓRIOS VÁLVULAS E ACESSÓRIOS RAF INFORMAÇÕES GERAIS As válvulas RAF são usadas para aplicações água em geral e irrigação. As válvulas são feitas de 3 partes somente, sendo que cada uma delas é feita de materiais

Leia mais

DESOBSTRUIDOR MIDES MODELO 4TES

DESOBSTRUIDOR MIDES MODELO 4TES DESOBSTRUIDOR MIDES MODELO 4TES MANUAL DE INSTALAÇÃO OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO 1 INDICE 01- INTRODUÇÃO 02- DADOS TÉCNICOS 03- INSTALAÇÃO 04- COMANDOS ELETRICOS E PNEUMÁTICOS 05- OPERAÇÃO 06- MANUTENÇÃO NOTA:

Leia mais

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3

Válvula de Governo e Alarme 2.1/2 e 3 DESCRIÇÃO: A Válvula de Alarme Modelo E atua como um dispositivo de alarme de fluxo de água em sistemas espargidores de tubo úmido. O projeto permite instalação sob condições de fornecimento de pressão

Leia mais

Válvulas de controle para a proteção contra incêndio

Válvulas de controle para a proteção contra incêndio Válvulas de controle para a proteção contra incêndio Produtos para a extinção de incêndio Conteúdo Descrição das Válvulas Básicas da Série 300 Descrição das Válvulas Básicas da Série 100 Válvulas automáticas

Leia mais

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind.

CONTEÚDO: Capítulo 4. Válvulas Industriais. Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: www.jefferson.ind. CONTEÚDO: Capítulo 4 Válvulas Industriais Email: vendas@jefferson.ind.br Fone: 016 3622-5744/3622-9851 Site: 1 VÁLVULAS DEFINIÇÃO: DISPOSITIVOS DESTINADOS A ESTABELECER, CONTROLAR E INTERROMPER O FLUXO

Leia mais

Gas-Lift - Vantagens

Gas-Lift - Vantagens Gas-Lift - Vantagens Método relativamente simples para operar O equipamento necessário é relativamente barato e é flexível Podem ser produzidos baixos ou altos volumes É efetivo sob condições adversas

Leia mais

Acumuladores hidráulicos

Acumuladores hidráulicos Tipos de acumuladores Compressão isotérmica e adiabática Aplicações de acumuladores no circuito Volume útil Pré-carga em acumuladores Instalação Segurança Manutenção Acumuladores Hidráulicos de sistemas

Leia mais

Filtros T e ROTOFILTERS

Filtros T e ROTOFILTERS Introdução O entupimento de emissores (gotejadores, microaspersores e tubo gotejadores) é a mais importante limitação dos sistemas de irrigação localizada. A dimensão da passagem de água destes componentes

Leia mais

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com. PRESSURIZADOR ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.br Lorenzetti S.A. Indústrias Brasileiras Eletrometalúrgicas Av. Presidente Wilson, 1230 - CEP 03107-901 Mooca - São Paulo - SP

Leia mais

bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico

bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico Dosadoras a Motor bombas dosadoras a motor Por acionamento hidráulico Serie 600 Serie 500 Há opção de duplo diafragma cabeçotes duplex e válvulas EZE- Serie 700 CLEAN TM consulte-nos! Detalhamento de sistema

Leia mais

Sistema de Proporcionamento Bomba dosadora de LGE Fire Dos

Sistema de Proporcionamento Bomba dosadora de LGE Fire Dos Sistema de Proporcionamento Bomba dosadora de LGE Fire Dos Descrição A bomba dosadora de LGE FIRE DOS é o mais versátil sistema de proporcionamento existente no mercado. Este revolucionário sistema de

Leia mais

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas

CATÁLOGO 800035-A Observações sobre as fichas técnicas CATÁLOGO 800035-A sobre as fichas técnicas Os dados constantes nas fichas técnicas a seguir podem sofrer alterações sem prévio aviso. Alguns modelos possuem pequenas alterações em seus projetos construtivos,

Leia mais

Informação do Produto Filtros da Linha RCS

Informação do Produto Filtros da Linha RCS Rev-00 Plug: ½ NPT Os filtros da Linha RCS são projetados para separação de água e sólidos de hidrocarbonetos em aplicação no abastecimento industrial, aeronaves e postos de gasolina. Objetivamente, os

Leia mais

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50

Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 Catálogo técnico Válvulas solenoides de 2/2 vias servo operadas tipo EV220B 15 50 EV220B 15 50 é um programa universal de válvula solenoide de 2/2 vias indiretamente servo-operada. O corpo da válvula em

Leia mais

Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo EV220A 6-50

Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo EV220A 6-50 MAKING MODERN LIVING POSSIBLE Ficha técnica Válvulas solenoides servo-operadas de 2/2-vias Tipo 6-50 é uma linha de válvulas solenoides servo-operadas de 2/2 vias, projetadas especialmente para uso em

Leia mais

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros

Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS. ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros Anexo III - ESPECIFICAÇÕES DOS OBJETOS ITEM ESPECIFICAÇÃO UNIDADE VALOR 01 Tanque c/ equipamento combinado c/capacidade para 6m³ litros 01 (Instalado sobre reboque agrícola). 1 1 TANQUE RESERVATÓRIO: Tanque

Leia mais

SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE

SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE SENSOR INFRAVERMELHO ATIVO DUPLO FEIXE duoiva-3010 MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO LEIA TODO O CONTEÚDO DESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO Esta página foi intencionalmente deixada em branco. INTRODUÇÃO

Leia mais

Apostila de Treinamento: Geradores de Espuma

Apostila de Treinamento: Geradores de Espuma Apostila de Treinamento: Geradores de Espuma Nacional Tecnologia Instrumentos Equipamentos de Dosagem Ltda. EPP Rua José Carlos Geiss, 261 Rec. Camp. Jóia CEP13347-020 Indaiatuba SP Fone: (19) 3935-6107

Leia mais

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido

Power Pipe Line. Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line Redes de Ar Comprimido Power Pipe Line - PPL - é um novo sistema de tubulação de encaixe rápido projetado para todo tipo de planta de ar comprimido, bem como para outros fluidos, gases

Leia mais

BERMAD BRASIL SANEAMENTO. Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas

BERMAD BRASIL SANEAMENTO. Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas BERMAD BRASIL SANEAMENTO Válvulas redutoras de pressão e suas aplicações no controle de perdas Fábrica em Israel Fábrica em Israel 35.000 m2 de área livre 15.000 m2 de área construída 450 Funcionários

Leia mais

TBV-C. Válvulas de balanceamento & controle combinadas para pequenas unidades terminais Para controle on/off

TBV-C. Válvulas de balanceamento & controle combinadas para pequenas unidades terminais Para controle on/off TBV-C Válvulas de balanceamento & controle combinadas para pequenas unidades terminais Para controle on/off IMI TA / Válvulas de controle / TBV-C TBV-C esenvolvida para utilização em unidades terminais

Leia mais

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004

VÁLVULAS SISTEMAS DA QUALIDADE E AMBIENTAL CERTIFICADOS CONFORME ISO 9001:2000, ISO/TS 16949:2002 E ISO 14001:2004 VÁLVULAS ÍNDICE Válvulas de agulha Série 2700... 02 Válvulas Manifold Série 2700... 08 Manifold 2 Vias... 10 Manifold 3 Vias... 13 Suporte para Manifold de 3 Vias... 16 Válvulas miniatura Série 1800...

Leia mais

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS

VÁLVULAS MANIFOLD MANIFOLD 3 VIAS MANIFOLD 5 VIAS MANIFOLD As válvulas Manifold, produzidas pela Detroit, foram desenvolvidas e dimensionadas para tornar uma tubulação de instrumentos de diferencial de pressão mais simples, mais segura e mais confiável.

Leia mais

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS Características técnicas: Temperatura trabalho: - C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado sem costura, passagem

Leia mais

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE MANUAL DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE 1 - INTRODUÇÃO 1.1 - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de instalação, operação e manutenção dos filtros

Leia mais

WRM Sistemas Hidráulicos

WRM Sistemas Hidráulicos WRM Sistemas Hidráulicos Bombas de engrenagens C A T Á L O G O Válvulas de pressão Válvulas de vazão Válvulas Direcionais Válvulas de retenção Válvula de assento Válvulas proporcionais Sistemas lógicos

Leia mais

Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar

Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar Sistemas de Bombeamento Através de Energia Solar Introdução Uma das vantajosas aplicações para energia solar é o bombeamento d água. Em sistemas que requerem bombeamento constante ou durante o período

Leia mais

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563.

FIPAI Fundação para o Incremento da Pesquisa e do Aperfeiçoamento Industrial Tomada de Preço nº. 003/2013 Processo Finep nº 01.09.0563. ESPECIFICAÇÕES DOS EQUIPAMENTOS LOTE 01 Especificar Sistema de Geração de Ar Comprimido, incluindo compressor, secador por adsorção e filtros coalescentes Diagrama Pneumático. Confirmar detalhes com equipe

Leia mais

ZJ20U93 Montagem e Operacional

ZJ20U93 Montagem e Operacional www.zoje.com.br ZJ20U93 Montagem e Operacional ÍNDICE 1. Aplicação...2 2. Operação segura...2 3. Cuidados antes da operação...2 4. Lubrificação...2 5. Seleção da agulha e do fio...3 6. A Inserção da agulha...3

Leia mais

Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.

Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com. UNICOMP COM. DE EQUIPAMENTOS PNEUMÁTICOS LTDA. Rua Leopoldo de Passos Lima, 238 Jardim Santa Fé. CEP.: 05271-000 São Paulo SP. Telefones: (11) 3911-4665 / 4682 E-mail: vendas@unicompbrasil.com.br Site:

Leia mais

Novo Aquecedor de Água a Gás de Passagem. Aquecedor de Água para Banho. O novo grau de conforto.

Novo Aquecedor de Água a Gás de Passagem. Aquecedor de Água para Banho. O novo grau de conforto. Novo Aquecedor de Água a Gás de Passagem Aquecedor de Água para Banho O novo grau de conforto. SOFISTICAÇÃO Aparelhos na cor branca e novo acabamento em toda a chapa do gabinete, fi caram mais elegantes

Leia mais

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1

VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóide-ar ISO 5599/01 - Tamanho 1 Série Modelo PH VÁLVULAS MULTIFUNÇÃO TIPO SPOOL Operadas por ar ou solenóidear ISO 99/0 Tamanho /2/ vias / posições VANTAGENS: A série no novo modelo PH oferece além das vantagens da linha : Excepcional

Leia mais

AUC1. Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos. Parte III 14/02/2015 1

AUC1. Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos. Parte III 14/02/2015 1 AUC1 Circuitos Eletrohidráulicos e Eletropneumáticos Parte III 14/02/2015 1 Atuadores 14/02/2015 2 Atuador Pneumático Os atuadores pneumáticos, assim como os atuadores hidráulicos, são componentes que

Leia mais

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide

Explicação dos Tipos de Válvula Solenóide Explicação dos Tipos Válvula Solenói Todas as válvulas da Danfoss possuem agora uma signação que talha sua estrutura e operação.vários números e letras finem se a válvula é operada diretamente ou servocontrolada,

Leia mais

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET

CONJUNTOS DE FACAS DE AR WINDJET CONJUNTOS DE FACAS WINDJET CONJUNTO DE FACAS WINDJET SOPRADORES CONJUNTOS DE FACAS WINDJET SUMÁRIO Página Visão geral dos pacotes de facas de ar Windjet 4 Soprador Regenerativo 4 Facas de ar Windjet 4

Leia mais

MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO

MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO MANUAL DA ESTAÇÃO DE TESTE DE VAZÃO São Carlos Novembro de 2008 1 ÍNDICE 1) Introdução... 3 2) Inspeção... 3 3) Aplicação... 3 4) Dados técnicos... 3 5) Componentes principais e funções... 4 6) Advertências...

Leia mais

CATÁLOGO DE PRODUTOS

CATÁLOGO DE PRODUTOS CATÁLOGO DE PRODUTOS Índice 1.0 Conexões Pneumática Instantâneas...... 4 1.1 - Redutores... 7 1.2 Válvulas Manuais... 8 2.0 Acessórios Pneumáticos... 8 3.0 Válvulas Mecânicas... 10 3.1 Piloto... 10 3.2

Leia mais

VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE

VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE VÁLVULA ANTI GOLPE DE ARIETE RETENÇÃO DE ALTO DESEMPENHO MULTIPLE MAIS DE MAIS DE 50anos 50anos DE USO NA EUROPA DE USO NA EUROPA Dissipadora de energia Retenção de alto desempenho Baixa perda de carga

Leia mais

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão

Pulverizadores costais manuais. Prof.: Brandão Pulverizadores costais manuais Prof.: Brandão PULVERIZADORES COSTAIS Operação Manutenção Regulagem da pulverização PJH O QUE É UM PULVERIZADOR COSTAL MANUAL? - Os pulverizadores Costais Manuais são equipamentos

Leia mais

Cepex Sales Folder 04/2005. 10 Válvulas Hidráulicas

Cepex Sales Folder 04/2005. 10 Válvulas Hidráulicas Cepex Sales Folder 04/2005 10 1 Introdução Válvulas hidráulicas de fecho mediante membrana de borracha. Utilizadas em todo tipo de sistemas de distribuição de água. Válvulas de construção simples e com

Leia mais

NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS

NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS ANEXO XVIII AO DECRETO N o 3.950, de 25 de janeiro de 2010. NORMA TÉCNICA N o 18 SISTEMAS DE CHUVEIROS AUTOMÁTICOS 1. OBJETIVO Esta Norma Técnica visa a adequar o texto da norma NBR 10897, que dispõe sobre

Leia mais

INFORMAÇÕES TÉCNICAS - - Fig. 3. Fig. 2

INFORMAÇÕES TÉCNICAS - - Fig. 3. Fig. 2 Fig. 1 02 Fig. 3 Fig. 2 03 INFORMAÇÃO TÉCNICA SOBRE VÁLVULAS DE PULSO 1 8 9 10 A ASCO possui uma ampla linha de válvulas de pulso para o mercado de filtros de manga com acessórios que permitem monitorar

Leia mais

Aquecimento de Água. Linha a Gás de Passagem para Banho. Linha Completa para o Conforto Térmico

Aquecimento de Água. Linha a Gás de Passagem para Banho. Linha Completa para o Conforto Térmico Aquecimento de Água Linha a Gás de Passagem para Banho Linha Completa para o Conforto Térmico Aquecedor de Água Apresentação Aquecedor de água para banho a gás de passagem para uso residencial ou comercial.

Leia mais

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO

V Á L V U L A S. MANIFOLD Série 2700 LAMINADO V Á L V U L A S MANIFOLD Série 2700 LAMINADO Índice Informações gerais... 02 Manifold de 2 vias... 04 Manifold de 3 vias... 09 Manifold de 5 vias... 12 Suporte... 15 1 As modernas válvulas Manifold Série

Leia mais

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO

MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO MÓDULO 4 4.8.2 - PROCEDIMENTOS DE TESTES DE ESTANQUEIDADE PARA LINHAS DE POLIETILENO PARAGASES E AR COMPRIMIDO Normas Aplicáveis - NBR 14.462 Sistemas para Distribuição de Gás Combustível para Redes Enterradas

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA CORPO DE BOMBEIROS MILITAR COMANDO GERAL 1 OBJETIVO: Padronizar os diversos tipos de sistemas de bomba de incêndio das edificações, seus requisitos técnicos, componentes, esquemas elétricos-hidráulicos e memória de cálculo, de acordo com os parâmetros

Leia mais

BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS. VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES

BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS. VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES BOMBA DE VÁCUO MANUAL DE OPERAÇÃO MODELOS VP-50D (1,8cfm) VP-140D ( 5cfm) VP-200D (7cfm) VP-340D (12cfm) I COMPONENTES II -MANUAL DE OPERAÇÃO 1 Leia atentamente antes de utilizar a bomba de Vácuo Todos

Leia mais

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES

LATERAIS E ADUTORAS MATERIAIS EMPREGADOS EM TUBULAÇÕES LATERAIS E ADUTORAS Uma tubulação em irrigação pode, conforme a finalidade, ser designada como adutora, ramal ou lateral. A adutora é aquela tubulação que vai da bomba até a área a ser irrigada. Normalmente

Leia mais

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE

BOMBA DE ENGRENAGENS EXTERNAS FBE MANUAL TÉCNICO Série: FBE Aplicação Desenvolvida para trabalhar com fluidos viscosos, em inúmeras aplicações, tais como indústrias químicas, petroquímicas, papel, polpa, siderúrgica, mineração, alimentícia,

Leia mais

HÉRCULES 7000, 10000, 15000 e 24000. Precisão e alto rendimento na distribuição de corretivos e fertilizantes

HÉRCULES 7000, 10000, 15000 e 24000. Precisão e alto rendimento na distribuição de corretivos e fertilizantes HÉRCULES 7000, 10000, 15000 e 24000 Precisão e alto rendimento na distribuição de corretivos e fertilizantes Catálogo virtual Português Nov / 2014 HÉRCULES DE ARRASTO Os Hércules de arrasto são ideais

Leia mais

Sprinklers, Válvulas e Acessórios

Sprinklers, Válvulas e Acessórios A Argus é uma empresa brasileira, especializada em segurança e proteção contra incêndio, com sede em Vinhedo/SP. Embora nova, a Argus é uma empresa com muita experiência. Seus sócios em conjunto somam

Leia mais

MODELO RD UL/FM. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação

MODELO RD UL/FM. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação Válvula de Governo e Alarme MODELO RD UL/FM Descrição do Produto A válvula de alarme modelo RD possui design simples e funcional com alto padrão de qualidade atestado pelas aprovações UL e FM. Utilizada

Leia mais

MODELO P UL. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação. Especificações

MODELO P UL. Válvula de Governo e Alarme. Descrição do Produto. Operação. Especificações Válvula de Governo e Alarme MODELO P UL Descrição do Produto As válvulas de governo e alarme são dispositivos de retenção instalados entre o sistema de abastecimento e a linha de combate à incêndio. Em

Leia mais

Processos em Engenharia: Modelagem Matemática de Sistemas Fluídicos

Processos em Engenharia: Modelagem Matemática de Sistemas Fluídicos Processos em Engenharia: Modelagem Matemática de Sistemas Fluídicos Prof. Daniel Coutinho coutinho@das.ufsc.br Departamento de Automação e Sistemas DAS Universidade Federal de Santa Catarina UFSC DAS 5101

Leia mais

Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678

Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678 Canhão Monitor Controle Remoto Modelo Conquest 3678 Descrição Ideal para utilização em áreas com atmosfera agressiva, o Canhão Monitor de Controle Remoto modelo Conquest 3678 é construído em latão fundido,

Leia mais

Máquinas de Gelo em Escama QF800-QC700. Instalação. Sistema Elétrico. Localização da Máquina de Gelo

Máquinas de Gelo em Escama QF800-QC700. Instalação. Sistema Elétrico. Localização da Máquina de Gelo Máquinas de Gelo em Escama QF800-QC700 Instalação Localização da Máquina de Gelo Sistema Elétrico O local selecionado para a máquina de gelo deve atender os critérios seguintes. Se algum desses critérios

Leia mais

Introdução Índice Aspersores e. Sprays. Rotores Válvulas Controladores Controladores. Válvulas

Introdução Índice Aspersores e. Sprays. Rotores Válvulas Controladores Controladores. Válvulas Trabalhos sujos e pesados. Construídas para durar. As válvulas Rain Bird podem lidar com os trabalhos mais exigentes, nas piores condições de trabalho. Em plástico pesado ou latão resistente, para vazões

Leia mais

Comunicado Técnico 08

Comunicado Técnico 08 Comunicado Técnico 08 ISSN 2177-854X Setembro. 2010 Uberaba - MG Automação em Sistemas de Irrigação Responsáveis: Ana Paula P.M.Guirra E-mail: anappmg_irrig@yahoo.com.br Tecnóloga em Irrigação e Drenagem;

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO Revisão 03 INSTALAÇÃO DO DISCO SOLAR Parabéns por adquirir um dos mais tecnológicos meios de aquecimento de água existentes no mercado. O Disco Solar é por sua natureza uma tecnologia

Leia mais

1.1 SISTEMA DE PORTAS 1.1.1 INTRODUÇÃO - SISTEMA DE PORTAS IRIZAR I6

1.1 SISTEMA DE PORTAS 1.1.1 INTRODUÇÃO - SISTEMA DE PORTAS IRIZAR I6 Regulagem de portas 1.1 SISTEMA DE PORTAS 1.1.1 INTRODUÇÃO - SISTEMA DE PORTAS IRIZAR I6 O sistema de portas dos veículos Irizar é projetado para realizar as operações de abertura e fechamento de porta

Leia mais

Cilindros de parada seguros - silenciosos - confiáveis

Cilindros de parada seguros - silenciosos - confiáveis Cilindros de parada seguros - silenciosos - confiáveis 13017381 Info 166 Cilindros de parada o equipamento compacto e simples para automatizar linhas de transporte Utilização Equipamento rápido e simples

Leia mais

LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL

LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL LAVADORAS CATÁLOGO DIGITAL Lavadora de Bebedouro Imagem Ilustrativa - mesas opcionais Lavadora desenvolvida especificamente para higienização de gaiolas e bebedouros em biotérios, já acondicionados em

Leia mais

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C

Válvula Globo de Assento Inclinado 2/2-vias para produtos até +180 C Válvula Globo de Assento Inclinado /-vias para produtos até +1 C O Tipo pode ser combinado com... Altos níveis de vazão Amplo ciclo de vida útil Programa de opção modular universal até os cabeçotes de

Leia mais

2. CARACTERÍSTICAS 1. INTRODUÇÃO

2. CARACTERÍSTICAS 1. INTRODUÇÃO 1. INTRODUÇÃO O estabilizador portátil de câmera Tedi Cam é um equipamento de avançada tecnologia utilizado para filmagens de cenas onde há a necessidade de se obter imagens perfeitas em situações de movimento

Leia mais

Fábrica de Nordborg - Dinamarca

Fábrica de Nordborg - Dinamarca Fábrica de Nordborg - Dinamarca Válvula termostática Válvula externamente operada Visão Geral Nome do produto Conexões (BSP) Função Valor do Kv m3/h Faixa de pressão - bar Faixa de temperatura C Material

Leia mais

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer MANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA Finalidade deste Manual Este manual proporciona as informações necessárias para uma correta manutenção dos filtros Metalsinter, contendo também importantes informações

Leia mais

CM 60. Manual de Instruções. CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 TECNOFLUID

CM 60. Manual de Instruções. CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 TECNOFLUID Português CM 60 CHAVE DE FLUXO Conexões de Rosca DN 1/2, 3/4, 1, 1.1/4, 1.1/2 e 2 Manual de Instruções Leia este manual atentamente antes de iniciar a operação do seu aparelho. Guarde-o para futuras consultas.

Leia mais

Fundamentos de Automação. Hidráulica 01/06/2015. Hidráulica. Hidráulica. Hidráulica. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

Fundamentos de Automação. Hidráulica 01/06/2015. Hidráulica. Hidráulica. Hidráulica. Considerações Iniciais CURSO DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL Ministério da educação - MEC Secretaria de Educação Profissional e Técnica SETEC Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus Rio Grande Fundamentos de Automação CURSO

Leia mais

www.cubos.com.br 2 1) INTRODUÇÃO 3 2) PEÇAS 3 3) INSTRUÇÕES DE USO 3 4) MANUTENÇÃO 5 5) ESPECIFICAÇÕES 6 6) GARANTIA 6 7) CONTATO 6

www.cubos.com.br 2 1) INTRODUÇÃO 3 2) PEÇAS 3 3) INSTRUÇÕES DE USO 3 4) MANUTENÇÃO 5 5) ESPECIFICAÇÕES 6 6) GARANTIA 6 7) CONTATO 6 MANUAL DO USUÁRIO CUBOS UV LIGHT 8W PRO 15W 30W 15W CRISTAL DE QUARTZO 30W CRISTAL DE QUARTZO 55W HO CRISTAL DE QUARTZO 75W HO CRISTAL DE QUARTZO 36W COMPACTO CRISTAL DE QUARTZO 60W COMPACTO CRISTAL DE

Leia mais

3 - Quadro de Comando - Sistema de Irrigação

3 - Quadro de Comando - Sistema de Irrigação 3 - Quadro de Comando - Sistema de Irrigação PAINEL E SEUS COMPONENTES O sistema de irrigação necessita de alguns dispositivos que servem para filtrar a água, controlar a frequência das irrigações, controlar

Leia mais

GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300. Capacidade de Elevação 130t

GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300. Capacidade de Elevação 130t GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300 Capacidade de Elevação 130t PÁGINA 01 GUINDASTE SOBRE CAMINHÃO STC1300 Comprimento da extensão total da lança principal de 60m, perfil U, placa de aço WELDOX de alta resistência.

Leia mais

Sumário Serra Fita FAM

Sumário Serra Fita FAM Sumário Serra Fita FAM 1 Componentes... 1 Painel de controle... 1 Sensores de segurança... 2 Especificações... 2 Instalação... 3 Condições Gerais do Local... 3 Rede Elétrica... 3 Instalação da Tomada...

Leia mais

Filtros Industriais. Para utilização em vapor, líquidos e gases

Filtros Industriais. Para utilização em vapor, líquidos e gases Filtros Industriais Para utilização em vapor, líquidos e gases Filtros Y Spirax Sarco Há mais de 60 anos, a Spirax Sarco vem fornecendo tecnologia em filtragem para qualificação de fluidos e proteção de

Leia mais

Manual de Instruções e Lista de Peças. Máquina de Costura Industrial Galoneira BC 500-01 CB

Manual de Instruções e Lista de Peças. Máquina de Costura Industrial Galoneira BC 500-01 CB Manual de Instruções e Lista de Peças Máquina de Costura Industrial Galoneira BC 500-01 CB ÍNDICE DETALHES TÉCNICOS, INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA... 01 MONTAGEM MOTOR E ROTAÇÃO DA MÁQUINA... 02 LUBRIFICAÇÃO...

Leia mais

Manual PORTA PLACAS. Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21

Manual PORTA PLACAS. Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21 Rev 00-12/07/2012 pág - 1 de 21 Manual PORTA PLACAS Rev 00-12/07/2012 pág - 2 de 21 Índice CERTIFICADO ISO 9001:2008 DESENHO DE OPERAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÃO DESENHO DE CONJUNTO TABELAS DIMENSIONAIS Histórico

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DUCHA KIBANHO

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DUCHA KIBANHO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DUCHA KIBANHO Tensão (Volts): 127V~ Resistência Código: 0430 Potência Nominal Watts: 3.000W Potência Econômica Watts: 2.000W Seção Mínima do condutor (mm²): 4,0 Disjuntor ou Fusível

Leia mais

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho).

O produto esta disponível em 4 modelos com tamanho nominal de 10 à 40, todos com aprovação do BG (Associação Alemã de segurança no Trabalho). As Válvulas de segurança da GPA são a forma mais efetiva de proteger sua prensa freio embreagem contra mau funcionamento ou operação acidental derivada por falha da válvula. MEP-A é uma série de válvulas

Leia mais

Pontes Rolantes - Aplicações

Pontes Rolantes - Aplicações Pontes Rolantes Pontes rolantes são máquinas transportadoras utilizadas, em meio industrial, no içamento e locomoção de cargas de um local para o outro. Conta com três movimentos independentes ou simultâneos

Leia mais

ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO

ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO ACESSÓRIOS AR COMPRIMIDO 4 200.290.00480 PC Válvula POP 6 200.290.01333 PC 4 200.160.00503 PC Anel de Vedação para Válvula POP 6 200.160.01326 PC É utilizada para fazer a vedação da máquina de jato no

Leia mais

BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC

BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC www.bomax.com.br ISO BOMBAS PNEUMÁTICAS DE DUPLO DIAFRAGMA MAXPNEUMATIC Reservamo-nos o direito de alterar as informações deste folheto sem prévio aviso. Fotos meramente ilustrativas (Agosto/2015) 1 Características

Leia mais

DE FERTILIZANTES E Outras características específicas da bomba:

DE FERTILIZANTES E Outras características específicas da bomba: BOMBAS INJECTORAS DE FERTILIZANTES E SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS As bombas injectoras de fertilizantes da Amiad não precisam de fonte externa de alimentação, dado que nelas está incorporado um motor hidráulico

Leia mais

FLEXSUL REPRESENTAÇÕES Fone: 41 3287 6778 / Fax: 41 3287 1910

FLEXSUL REPRESENTAÇÕES Fone: 41 3287 6778 / Fax: 41 3287 1910 PD 60 SISTEMA DE TROCA UNITÁRIO Prensadora de terminais com sistema de Troca Unitário Prensa todos os tipos de mangueiras, de 3/16'' ate 2'' de diâmetro interno para 1, 2 e 4 espirais Concluída a operação

Leia mais

Ferramentas Industriais Bosch www.boschproductiontools.com

Ferramentas Industriais Bosch www.boschproductiontools.com Ferramentas Industriais Bosch www.boschproductiontools.com Tecnologia para a vida EXACT Parafusadeiras a Bateria / Elétricas Nossa embreagem de desligamento foi desenvolvida para minimizar a influência

Leia mais